Você está na página 1de 105

CURSO DE

PÓS-GRADUAÇÃO EM
HIPNOSE CLÍNICA

Disciplina: Hipnose Cognitiva


Bacharel e Licenciatura em Psicologia - 1993 – Centro Universitário Celso Lisboa
Formação em Regressão de Memória – IBH – 2016
Pós graduada em Teoria Cognitivo-Comportamental - 2017 - IBH
Pós graduada em Hipnose Clínica – 2018 – IBH
Mestranda em Psicologia Social pela UERJ – 2018
Psicóloga Clínica
Coautora dos Livros: “O Desafio de Educar – Educar Hoje!” - 2017 & “Manual de
Terapia Cognitivo- Comportamental” - Conquista Ed. – 2019
Palestrante
Participação do “I Simpósio de Teoria Cognitivo-Comportamental” - tema “Disforia
de Gênero” - Nova Iguaçu, realizado IBH.
• Hipnose – Curso Wolpe – Niterói - 1994
• Participação no evento: “Práticas Cognitivo-Comportamental” – UERJ - 2015
• Simpósio Sobre Terapia Focada em Esquemas – IBH - 2016
• 1º Simpósio de Terapia Cognitivo Comportamental e Hipnose Cognitiva na
Claudia C. G. Menezes Crise - Hospital Philippe Pinel – 2016
• Palestrante no Congresso Internacional de Hipnose – Hipnosur – 2018
CRP 05/20989 • Especialização em Terapia Yageriana – Rio de Janeiro – 2018
• Participação do IV Encontro de Psicologia do Esporte (ASSOPERJ) – Pôster
“Hipnose Aplicada ao Esporte: Uma Opção de Ferramenta?” – 2019
• Participação do VII Congresso ABRAPESP - 2019
FOBIA ESPECÍFICA
 Definição Básica de Hipnose
 Hipnose Clássica, Ericksoniana e
Cognitiva - Definição
 Definição de Fobias – DSM-5
 Fobias mais Comuns
 Esclarecimentos
➢Sugestões de Técnicas Hipnóticas
Boa aula!

Bom Dia!
Segundo a American Psychological Association – APA, a
hipnose é "Um estado de consciência que envolve atenção
focalizada e consciência periférica reduzida, caracterizado
por uma maior capacidade de resposta à sugestão.”

“Suscetibilidade ampliada para a região das


capacidades sensoriais e motoras para iniciar um
comportamento apropriado. ”
Milton Erickson
As técnicas de hipnose mais
conhecidas:

✓Hipnose Clássica
✓Hipnose Ericksoniana
✓Hipnose Cognitiva
Hipnose Clássica
Nesta abordagem, aplica-se a
técnica de relaxamento muscular e
mental no paciente para induzi-lo a
um estado de transe visualmente
parecido com o do sono.
Esse processo é feito em um grupo
muscular de cada vez, pode
começar pela cabeça ou pelos pés e,
aos poucos aprofundando o transe
relaxando todos os músculos.
Aspecto negativo da Hipnose Clássica:

Pessoas determinadas podem comprometer o processo


porque costumam resistir as imposições.
Isso não significa que elas sejam mais fortes.
O que realmente pode ocorrer na hipnose clássica é a
sensação de descontrole nos clientes mais resistentes e
controladores.
Agora...

Vamos vivenciar Dave Elman


Técnica I
Roteiro da indução de Dave Elman
Apenas feche seus olhos. Agora, focalize sua atenção nos
músculos ao redor dos seus olhos e relaxe-os de tal maneira que
seus olhos continuarão fechados.
Imagine que suas pálpebras estão tão relaxadas e pesadas que
elas permanecerão fechadas. Realmente, faça um teste para
certificar-se, tentando, em vão, abrir os olhos. Muito bem, Agora,
deixe que a sensação de relaxamento dirija-se totalmente para
baixo, para os seus calcanhares…
Isso... Excelente!
Daqui a pouco eu irei levantar sua mão esquerda pelo punho. E você está tão
relaxado que esta mão e este braço estão soltos e pesados como uma toalha
molhada. Vou levantar o braço e quando eu o soltar ele cairá pesadamente no seu
colo. Vou levantar seu braço, agora... Perfeito.
Já que você está, fisicamente, totalmente relaxado, poderá relaxar ainda mais
mentalmente. Em alguns instantes vou pedir para que você conte de 100 a 1, em voz
alta, duplicando seu relaxamento mental a cada número…
E no momento em que você atingir o 96, todos os números desaparecerão, você fará
com que os números desapareçam. Assim, ao chegar no número 96, todos os outros
números desaparecerão.
Comece a contagem regressiva, em voz alta. Isso…
Faça-os desaparecer… Desaparecer completamente… Agora…
E quando eles desaparecerem, você duplicará mais uma vez o seu relaxamento
mental, aprofundando… Isso! Certo!
Eles desapareceram? Excelente.
Neste momento, imagine-se em um lugar com escadas rolantes, seguras e
confortáveis. Por enquanto, você vai somente ouvir minhas explicações,
só ouça e imagine.
A primeira escada rolante leva para baixo, para o nível A. O nível A é dez
vezes mais profundo do que o nível que você está agora, tanto física
quanto mentalmente… Sim, 10 vezes mais profundo do que você está
agora.
Dez vezes mais profundo mentalmente e fisicamente.
E você continua descendo…
Depois, quando você atingir o nível B, vai dizer para si mesmo: B, dez
vezes mais profundo que A. Então, você descerá para o nível C. O nível C é
o mais profundo de todos os níveis.
Quando você atingir o nível C, darei sugestões em relação ao seu
objetivo…
Agora, neste local, veja os degraus movendo-se para baixo. Tome a
escada rolante e comece a descer e, à medida que vai descendo,
você vai mais e mais profundo, aprofundando, fisicamente e
mentalmente, este estado…
E quando atingir o nível A, diga para si mesmo: A… Isso…
Descendo mais e mais para o nível B… Profundo…
Preparando-se para o nível C… Isso…
Por uma boa razão, você firmemente decidiu (objetivo aqui…)
porque está aprendendo agora em novos níveis de compreensão…
Isso é algo totalmente novo para você.
E você está fazendo tudo de maneira prazerosa e correta para servir tanto a
você como aos outros, do jeito mais apropriado… E será muito fácil (objetivo
aqui…) porque você, realmente, deseja e quer (objetivo aqui…) e atingirá e
desfrutará destes profundos níveis de compreensão e entendimento que lhe
ocorrerão como resultado deste processo… (Leve pausa/repetição).
Cada vez que trabalharmos com estados alterados de consciência, você será
capaz de ir mais fundo, mais rápido… (Pausa/repetição).
De-Hipnotização

Agora, da sua própria maneira, do seu jeito, deixando no nível C o que você
necessita deixar lá… Volte ao nível B…
Da sua maneira…
Volte agora ao nível A, trazendo todos os recursos ao seu estado habitual
de consciência…
Sentindo-se muito melhor do que antes…
E em poucos instantes você estará completamente alerta novamente…
Assim termina nossa indução.
Hipnose Ericksoniana
Para Milton Erickson, em nossa
mente inconsciente encontram-se
todas nossas experiências de vida, “A mudança levará
são recursos, aprendizagens. a insights com
muito mais
Essas experiências são utilizadas frequência do que o
para resolver as dificuldades que a insight levará a
vida nos apresenta. mudanças.”

Por isso, para ele, o inconsciente é


como uma Parte Sábia.
Erickson introduziu métodos
naturalistas aplicando técnicas
da hipnose sem a necessidade
de um ritual formal de indução.
A hipnose é metaforizada e
silabada.

A hipnose acontece num campo


de interação e confiança, o
Rapport.
Aaron Temkin Beck
Hipnose Cognitiva

A Hipnose Cognitiva é uma técnica psicoterápica para


tratar psicopatologias por meio de técnicas específicas e
uso de imagens mentais.
Desta forma, o paciente é conduzido a confrontar suas
crenças e comportamentos disfuncionais, desenvolvendo
estratégias de enfrentamento que sejam mais eficazes.
Rapport

É necessário estabelecer Rapport é “relação de


uma relação de confiança, confiança mútua”, ligação
harmonia e cooperação. de sintonia e empatia com
Assim, a tensão diminui outra pessoa.
fazendo com que o cliente
sinta-se mais à vontade e
seguro para que possamos
realizar um bom trabalho.
Lembre-se, nem todos são
suscetíveis.

95 % das pessoas são suscetíveis a


hipnose, 5% ou não desejam ser
hipnotizadas ou são pacientes
psiquiátricos.
Diferença entre FOBIA E MEDO

Medo Fobia

As fobias são
mecanismos de fuga
dos conflitos
internos.
O Que é Fobia?
O medo ou ansiedade é desproporcional em relação ao perigo real
apresentado pelo objeto ou situação ou mais intenso do que é
considerado necessário. Embora os indivíduos com fobia específica com
frequência reconheçam que suas reações são desproporcionais, tendem a
superestimar o perigo nas situações temidas, e assim o julgamento do
caráter desproporcional é feito pelo clínico.
O contexto sociocultural do indivíduo também deve ser levado em conta.
Por exemplo, o medo do escuro pode ser razoável em um contexto de
violência constante, e o medo de insetos pode ser mais desproporcional
em contextos onde insetos são consumidos na dieta.
O medo, a ansiedade ou a esquiva é persistente, geralmente
durando mais de seis meses, o que ajuda a distinguir o
transtorno de medos transitórios que são comuns na
população, em particular entre crianças.
A fobia específica deve causar sofrimento clinicamente
significativo ou prejuízo no funcionamento social, profissional
ou em outras áreas importantes da vida do indivíduo para que
o transtorno seja diagnosticado.
Fobia Específica
Critérios Diagnósticos

A. Medo ou ansiedade acentuados acerca de um objeto ou situação (p. ex., voar,


alturas, animais, tomar uma injeção, ver sangue). Nota: Em crianças, o medo ou
ansiedade pode ser expresso por choro, ataques de raiva, imobilidade ou
comportamento de agarrar-se.
B. O objeto ou situação fóbica quase invariavelmente provoca uma resposta
imediata de medo ou ansiedade.
C. O objeto ou situação fóbica é ativamente evitado ou suportado com intensa
ansiedade ou sofrimento.
D. O medo ou ansiedade é desproporcional em relação ao perigo real imposto pelo
objeto ou situação específica e ao contexto sociocultural.
E. O medo, ansiedade ou esquiva é persistente, geralmente com
duração mínima de seis meses.
F. O medo, ansiedade ou esquiva causa sofrimento clinicamente
significativo ou prejuízo no funcionamento social, profissional ou em
outras áreas importantes da vida do indivíduo.
G. A perturbação não é mais bem explicada pelos sintomas de outro
transtorno mental, incluindo medo, ansiedade e esquiva de situações
associadas a sintomas do tipo pânico ou outros sintomas incapacitantes
(como na agorafobia); objetos ou situações relacionados a obsessões
(como no transtorno obsessivo-compulsivo); evocação de eventos
traumáticos (como no transtorno de estresse pós-traumático); separação
de casa ou de figuras de apego (como no transtorno de ansiedade de
separação); ou situações sociais (como no transtorno de ansiedade social).
ASPECTOS GERAIS DAS FOBIAS
O papel da fobia é disfarçar ou deslocar algum conflito
psíquico que é muito doloroso, para uma reação fóbica
totalmente diferente.

O paciente pode achar boba e tola a sua fobia, mas


voluntariamente não consegue vencê-la.
Quase todas as pessoas em diferentes épocas da vida sofrem
de um ou mais dos temores seguintes, que podem ser
deslocados ou disfarçados para fobias:
Temor de Fracasso Temor de Doença
Cacorrafiofobia Hipocondria

Temor de Crítica Temor de Perder a Liberdade (casamento)


Fobia Social Gamofobia

Temor da Morte Temor de tomar uma decisão


Tanatofobia / Necrofobia Decidofobia

Temor de Velhice Temor de não ser importante


Gerontofobia Atelobofia

Temor de Pobreza Temor de Solidão


Aporofobia Monofobia
A maioria das fobias é gerada por um dos seguintes
mecanismos:

I. estresse severo;
II. resultado de experiências repetidas num período de anos,
que determinam excessiva ansiedade;
III. resultado de um medo;
IV. transmitida a você por uma outra pessoa;
V. resultado de um trauma passado severo
Fobias Mais Comuns
Acrofobia - Altura Aerofobia - Voar
Fobias Mais Comuns
Ailurofobia - Gatos Cinofobia - Cães
Fobias Mais Comuns
Brontofobia – Raios,
Antofobia - Flores trovões e tempestades
Fobias Mais Comuns
Claustrofobia – Climacofobia – Subir e
Permanecer em locais descer escadas
fechados

Também associada a acrofobia


Fobias Mais Comuns
Hematofobia – Sangue Aicmofobia – Agulhas
Fobias Mais Comuns
Nictofobia – Noite Herpetofobia – Répteis
(Ofidiofobia – serpentes)
Fobias Mais Comuns
Necrofobia – Morte ou Tripofobia – Buracos
mortos
Fobias Mais Comuns
Agorafobia – Situações em Fobia Social / Sociofobia –
locais sem maneira de Exposição à avaliação social
escapar
Fobias Mais Comuns
Aracnofobia – Aracnídeos Coulrofobia – Palhaços
Fobias Mais Comuns
Ornitofobia – Aves Misofobia – Sujeira,
contaminação
Fobias Mais Comuns
Entomofobia – Insetos Filofobia – Medo de Amar
(Insectofobia ou insetofobia)
IMPORTANTE:
FAÇA ANAMNESE
Anamnese:
1. Você tem medo especificamente do quê?
2. Você sente ansiedade ao encontrar pessoas, ao falar em público ou ao
ser entrevistado?
3. Você sente ansiedade falando com pessoas superiores ou com pessoas
do sexo oposto?
4. Você fica com rubor no rosto ao saber que participará de uma
atividade social?
5. Como é essa sua reação de medo?
6. Desde quando você apresenta essa reação?
7. Em que lugar você apresenta essa reação?
8. Em que situação você apresenta essa reação?
9. Quais fatores aumentam essa reação?
10. Quais fatores reduzem essa reação?
11. Quando você pensa sobre isso, como se sente?
12. Quanto de ansiedade você sente?
13. Como se sente observando uma situação semelhante na
televisão?
14. Como esse medo atrapalha a sua vida?
15. Como esse medo atrapalha os seus relacionamentos afetivos?
16. Como está o seu relacionamento dentro do seu casamento?
17. Como esse medo atrapalha o seu trabalho?
18. Como está a sua produtividade no seu trabalho?
19. Como está a sua produtividade nos seus estudos?
20. Você pensa constantemente sobre esse medo?
21. Houve algum acontecimento marcante na sua infância?
22. Houve algum acontecimento marcante durante o ensino
fundamental?
23. Houve algum acontecimento marcante durante o ensino
médio?
24. Você apresentou alguma vez pensamentos obsessivos?
25. Teve alguma vez crise de pânico?
DICAS
Antes de iniciar especificamente o tratamento pela hipnose, pode-se fazer uma
lista de estímulos que hierarquicamente despertem ansiedade, desde os mais
intensos até os menos intensos.
Na construção da hierarquia a pergunta colocada ao paciente seria: Se você
fosse hoje confrontado por tal e tal situação, você teria a expectativa de ficar
ansioso? Procure imaginar essa situação.
Segundo Wolf, a dessensibilização não é relevante para os seguintes medos:
de acidente, de morte, de fogo, do desconhecido, de ficar louco e de gravidez.
As técnicas que podem ser aplicadas aos pacientes com fobias
incluem:
a) dessensibilização com hipnose;
b) imaginação e visualização da situação que vai vencer;
c) expansão do tempo;
d) dissociação;
e) técnicas de programação neolinguística aplicadas.

No manejo específico de cada fobia criaremos fraseologias


adequadas para cada condição.
Importante:
As sugestões diretas durante a hipnose podem auxiliar a
superação da ansiedade frente aos estímulos, e as
sugestões pós-hipnóticas auxiliam o paciente
a permanecer confortável na vida diária diante dos
estímulos produtores de ansiedade.
Lembrando que...
TÉCNICA
PRATICANDO: DESSENSIBILIZAÇÃO
Fobia de Dirigir
Serve para pessoas que tem fobia em dirigir carro, ou dirigir em
elevado, viadutos, estradas ou pontes sobre água.
Utilizaremos visualização a fraseologia.
I. Fobia

Técnica passo-a-passo

2- Dirigir Carros –
Marlus Ferreira
Respire confortavelmente, coloque-se em uma posição confortável, que
favoreça a você meditar em nas minhas palavras, no que direi agora... Fique
confortável, respirando tranquilamente... Sentindo o ar saindo e entrando por
suas narinas... Respire... Solte o ar confortavelmente, serenamente. Perceba a
sua respiração... Perceba a importância de renovar o ar... Renovar os
pensamentos... As ideias. Modificar tudo que possa ser disfuncional e que não
serve para acrescentar nada em sua vida...Perceba que o ar entra
naturalmente e que sua respiração chega em todas as partes do seu corpo...
Limpando o que precisa limpar... Acomodando o que precisa ser acomodado...
Digerindo as emoções bloqueadas... Curando o que precisa ser curado...
Confortavelmente... Seguramente...
Perceba que sua respiração chega no mais profundo de você e que nesse
momento você percebe que faz parte do Universo, que você é capaz de
modificar tudo que não é saudável...Agora, que você está tranquilo, em
harmonia com você mesmo... Visualize um carro de sua preferência... Você
está ao lado do carro de sua preferência, ou do seu próprio carro (incentivar
para que diga a marca do carro)... Veja bem o carro... Você acha esse carro
muito bonito... Visualize-se abrindo a porta do carro... Agora, imagine-se
entrando e sentando no banco do motorista do carro... Você se senta e acha
muito confortável... Está tudo tão agradável e você está sentindo uma
sensação maravilhosa de calma, tranquilidade e de bem-estar...
Neste momento, você fecha a porta do carro... Você está se sentindo
maravilhosamente bem dentro do carro... Visualize o painel com os
controles... Muito bem! Agora, olhe pelo espelho lateral... olhe pelo espelho
retrovisor... Agora, você com a chave liga o motor... Você sabe que sabe guiar...
Você está calmo, alerta e tranquilo... Você percebe o ruído dos carros
passando... Você dá a partida no motor e começa guiar, você permanece
alerta, prestando atenção ao trânsito e continua sentindo-se
maravilhosamente bem... Seu corpo trabalha adequadamente, e como você já
tem experiência em dirigir, você dirige tranquilamente, obedecendo às leis de
trânsito... (Essas sentenças podem ser repetidas nas consultas seguintes e ir
avaliando as respostas do paciente).
Visualize vivamente essa situação.. Perceba como é prazeroso dirigir... É muito
gostosa essa situação... Cada vez mais entusiasmado com toda essa
conquista... Você sabe que tem o controle da situação... Segurança... Muito
bem! Excelente!
Agora permaneça com essa sensação maravilhosa, de controle... Conquista...
Você é vencedor... Você é capaz... Você se sente seguro... Muito bem... Agora
todas as vezes que você quiser, você já tem essa lembrança da sua conquista e
se sente realizado e maravilhosamente bem...
Mantendo-se bem... Aos poucos, cada vez mais seguro... Mais capaz... No
momento em que você se sentir confortável poderá abrir os olhos e assim
usufruir desta alegria de estar vivendo em total segurança com você mesmo.
O MODELO A SEGUIR PODE SER
APLICADO PARA QUALQUER TIPO
DE FOBIA
Agorafobia
II. Fobia

Técnica passo-a-passo

3- Agorafobia –
Marlus Ferreira
Respire confortavelmente, coloque-se em uma posição confortável, que
favoreça a você meditar em nas minhas palavras, no que direi agora... Fique
confortável, respirando tranquilamente... Sentindo o ar saindo e entrando por
suas narinas... Respire... Solte o ar confortavelmente, serenamente. Perceba a
sua respiração... Perceba a importância de renovar o ar... Renovar os
pensamentos... As ideias. Modificar tudo que possa ser disfuncional... Perceba
que o ar entra naturalmente e que sua respiração chega em todas as partes do
seu corpo... Limpando o que precisa limpar... Acomodando o que precisa ser
acomodado... Digerindo as emoções bloqueadas... Curando o que precisa ser
curado... Confortavelmente... Seguramente...
Visualize uma cena onde você está seguro, confiante, alegre, feliz e satisfeito...
Visualize vivamente essa cena... Reveja a cena experienciando-a em todos os
sentidos, vivamente... Veja nitidamente a cena com cores vivas, ouça
adequadamente os sons e sinta as sensações... Revivencie a sensação de
segurança... Quando estiver revivenciando a cena, levante o seu dedo
indicador da mão esquerda (quando o paciente levantar o dedo, criar um sinal
condicionado cinestésico para desencadear a revivenciação desse cenário
agradável e seguro).
Agora, toque a ponta dos dedos indicador e polegar da sua mão
direita. Toda vez que você tocar as pontas dos dedos indicador e polegar
da sua mão direita você sentirá essa sensação de segurança, autoconfiança e
satisfação. Toda vez que você tocar a ponta dos dedos indicador e polegar da
sua mão direita você sentirá essa sensação de segurança, autoconfiança e
satisfação. Toda vez que você tocar a ponta dos dedos indicador e polegar da
sua mão direita você sentirá essa sensação de segurança, autoconfiança e
satisfação.
Agora, você vai se imaginar aparecendo num monitor de televisão... ...Veja-se
na tela do monitor de televisão... Visualize-se como uma imagem parada na
tela da televisão... (Quando puder se visualizar na tela da televisão, levante o
seu dedo indicador de sua mão esquerda.) Muito bem! Agora imagine-se
saindo do monitor da televisão... Imagine que saiu do monitor da televisão
para ver a você mesmo olhando para a tela da televisão.
Agora, você pode usar de toda a sua capacidade de imaginação... de toda a
sua capacidade de visualização... Imagine-se, visualize-se viajando para o
passado até encontrar o primeiro incidente que iniciou a sua fobia... Imagine-
se, visualize-se viajando para o passado até encontrar o primeiro incidente que
iniciou a sua fobia... Imagine-se, visualize-se viajando para o passado até
encontrar o primeiro incidente que iniciou a sua fobia... Retroceda um pouco
mais... Imagine-se imediatamente antes desse incidente... Visualize-se um
pouco antes desse acidente... Retroceda um pouco mais... imagine-se
imediatamente antes desse incidente... Visualize-se um pouco antes desse
acidente.
Neste momento, reveja na tela da televisão como se fosse um filme,
desde esse momento que você está completamente seguro, imediatamente
antes do incidente que gerou sua fobia, reveja o incidente e reveja até depois
do incidente, quando você estiver completamente seguro... Neste momento,
reveja na tela da televisão como se fosse um filme, desde esse momento que
você está completamente seguro, imediatamente antes do incidente que
gerou sua fobia, reveja o incidente e reveja até depois do incidente, até depois
que o perigo passou e você já estiver completamente seguro... (Permita tempo
para o paciente ver esse filme no monitor da televisão). Caso o paciente sinta
pequena apreensão e insegurança diga: Agora, você começa a perceber
nitidamente as cenas... você vê as cores vivamente... você ouve os sons
perfeitamente... você percebe os movimentos... você sente as sensações...
Caso o paciente apresente manifestações verbais e/ou extra verbais da
fobia, dizer: Muito bem! Agora, eu desligo a televisão, o filme para de rodar e
você sente-se no momento presente... Agora, toque as pontas dos dedos
indicador e polegar da mão direita para o aparecimento das sensações de
segurança, autoconfiança e satisfação. Ótimo sinta-se seguro, autoconfiante e
satisfeito. Agora, pedimos para o paciente ligar novamente a televisão e
recomeçar a ver o seu filme desde o começo, como se o aparelho de televisão
estivesse a dez metros de distância, e a imagem estivesse um pouco fora de
foco de modo que as imagens apareçam um pouco nubladas. Agora, você se
imagina colocando o aparelho de televisão a uma distância de dez metros de
você...
Você liga o aparelho e pode ver as cenas, um pouco fora de foco,
um pouco nubladas... Você vai começar a rever o filme... Agora reveja na tela
da televisão como se fosse um filme, desde esse momento que você está
completamente seguro, imediatamente antes do incidente que gerou sua
fobia... reveja o incidente e reveja até depois do incidente, quando você
estiver completamente seguro... Reveja na tela da televisão como se fosse um
filme, desde esse momento que você está completamente seguro,
imediatamente antes do incidente que gerou sua fobia... reveja o incidente e
reveja até depois do incidente, até depois que o perigo passou e você já
estiver completamente seguro... Você vê o filme e está seguro, autoconfiante e
satisfeito... Você vê o filme, ouve os sons e sente as sensações e permanece
calmo, seguro, autoconfiante e satisfeito.
Neste momento, você vai se imaginando entrando na tela da televisão... Você
entra na tela da televisão e diz para a parte de você mais jovem que estava na
tela da televisão participando do filme... Você se sente bem, você não precisa
passar por isso nunca mais... A sensação de medo desapareceu... O medo
sumiu... Você está seguro, autoconfiante e satisfeito... Quando a parte mais
jovem de você tiver compreendido que o perigo passou... levante o seu dedo
indicador da mão esquerda... (Permita tempo para o paciente reagir).
Quando ele levantar o dedo indicador da mão esquerda, dizer: Agora você
pode trazer de volta para dentro do seu corpo a parte mais jovem de você que
estava no filme... Neste instante, você vai trazer de volta para dentro do seu
corpo a parte mais jovem de você que estava no filme... (Permanecer em
silêncio por vários minutos para a mente do paciente metabolizar tudo o que
foi sugerido).

De-Hipnotização
SUPERANDO
BARREIRAS
Técnica

Super-Herói
III. Fobia

Técnica passo-a-passo

4- Super-Herói
Claudia Menezes
A indução inicial pode ser feita com hipnose clássica ou ericksoniana, observe
seu paciente, qual técnica se adequa mais.
Imagine agora você caminhando por um grande galpão... Neste galpão ficam
guardadas as roupas dos super-heróis... Observe todas... Sem pressa... Uma a
uma... Porém, agora você encontra uma muito especial... Essa é a sua... É a
roupagem do super-herói Que você mais admira... Vista ela (pergunte qual o
personagem)... Muito bem!!! ... Continue observando a força e segurança que
sente ao vestir essa roupa... Perceba que você ao usar essa roupa, você se
sente mais forte, mais capaz, com mais controle sobre a sua vida... Ações...
Emoções... Sentimentos... Essa roupa te fortalece mais e mais... E você sabe
que possui todas estas qualidades deste super- herói (dizer o nome do super-
herói)... Você sabe porque você se identifica com ele... Vocês se parecem
muito...
Você se identifica porque conseguiu chegar até aqui... Com suas
vivências... Suas experiências de vida... Tudo te trouxe até aqui... Você soube
conduzir sua vida com suas histórias... Você é um grande herói da sua vida...
Perceba... Tome posse deste sentimento bom em relação a você... Suas
conquistas... Suas realizações... Seus grandes feitos (importante saber algumas
conquistas do paciente)... Você se sente forte e muito capaz... Você percebe
que é determinado e vitorioso... Aproveite esse momento... (dar uma pausa)...
Agora que você percebeu o quanto você é grandioso... Veja o quanto você é
capaz de superar obstáculos... Você consegue superar qualquer obstáculo que
apareça na sua vida... Você a partir de agora sabe controlar o medo (pode
dizer a queixa principal)... Muito bem... Seguramente, você consegue perceber
que não há perigo...
Você consegue se controlar e vencer obstáculos... Porque você é adulto,
conhece muitas coisas... Sabe que alguns pensamentos não úteis... Portanto
você consegue domá-los... Você consegue perceber a sua determinação... Você
é cada vez mais vitorioso... Mais forte... Mais eficaz para identificar
sentimentos e afastar o que não te faz bem... Sinta... Permaneça neste
equilíbrio... Tranquilamente... Seguramente...
Mantenha-se assim... Acredite no seu potencial de auto amor... Você possui
muita alegria em viver a vida... Você é uma pessoa forte... Próspera... Feliz...
No seu momento, quando se sentir confortável... Poderá abrir os olhos
usufruindo deste bem estar e equilíbrio com você mesmo... Seguindo em
frente com sua vida... Com confiança... Despertando... (Permanecer em
silêncio por vários minutos para a mente do paciente metabolizar tudo o que
foi sugerido).
ATRAVESSANDO
OBSTÁCULOS
Atravessando a Ponte
IV. Fobia

Técnica passo-a-passo

5- Atravessando a Ponte
Claudia Menezes
Respire confortavelmente, coloque-se em uma posição confortável, que o
favoreça... Ouça apenas o que direi agora... Se houver outro ruído, permita
que ele faça parte do seu relaxamento... Fique confortável, respirando
tranquilamente... Sentindo o ar saindo e entrando por suas narinas... Respire...
Solte o ar confortavelmente, serenamente... Perceba a sua respiração... A
importância de renovar o ar... Renovar os pensamentos... As ideias. Modificar
tudo que possa ser disfuncional... Perceba que o ar entra naturalmente e que
sua respiração chega em todas as partes do seu corpo... Limpando o que
precisa limpar... Acomodando o que precisa ser acomodado... Digerindo as
emoções bloqueadas... Curando o que precisa ser curado...
Confortavelmente... Seguramente...
Imagine agora você caminhando ou mesmo dirigindo seu carro, sobre uma
ponte... Observe que do outro lado da ponte está seu futuro... Observe os
detalhes... Todos os detalhes... Observe como você passa pela ponte olhando
as luzes... O rio que passa em baixo da ponte... É uma linda ponte, que só você
pode passar por ela... Essa ponte liga você ao seu futuro... Veja-se chegando
ao final da ponte... Somente atravessando a ponte você consegue alcançar o
seu futuro... Veja-se agora do outro lado... Exatamente onde está tudo que
você deseja para sua vida... Seus sonhos... Suas conquistas... Você se dá conta
da sua capacidade em conquistar coisas boas para você... (sua família)... É o
momento de alegrar-se... Seus esforços sempre o fizeram vencedor... Foi seu
empenho que permitiu atravessar a ponte para alcançar seus objetivos...
Permaneça neste equilíbrio... Com essa certeza das suas vitórias...
Tranquilamente... Seguramente...
Mantenha-se assim... Acredite no seu potencial de auto amor...
De cuidar bem de si mesmo... Você possui muita alegria em viver a vida...
Você é uma pessoa forte... Próspera... Feliz... No seu momento, quando
se sentir confortável... Poderá abrir os olhos usufruindo deste bem estar e
equilíbrio com você mesmo... Seguindo em frente com sua vida... Com
confiança... Despertando... (Permanecer em silêncio por vários minutos
para a mente do paciente metabolizar tudo o que foi sugerido).
UM PRESENTE
PARA VOCÊ
V. Fobia

Técnica passo-a-passo

6- Auto Hipnose
Marlus Ferreira
NOTA IMPORTANTE
Esta técnica pode ser gravada pelo paciente para ele ouvir em momentos de
ansiedade.

Pode orientar o paciente a gravar com a própria voz e reproduzir.

As sugestões podem ser ampliadas conforme o momento do paciente.

Orientar o paciente para sempre fazer essa técnica quando sentir necessidade,
pode ser feita várias vezes por dia.
Tome uma respiração profunda pelo nariz enchendo de ar os pulmões e
abaixando o diafragma... Agora solte lentamente o ar dos pulmões pela boca,
prestando atenção ao som da sua expiração e na sensação de relaxamento que o
seu corpo começa sentir... Tome outra respiração profunda pelo nariz enchendo
de ar os pulmões e abaixando o diafragma... Perceba os pulmões cheios de ar...
Agora, solte lentamente o ar dos pulmões pela boca, prestando atenção ao som
da sua expiração e na sensação de relaxamento dos músculos do seu corpo...
Novamente, tome uma respiração profunda pelo nariz enchendo de ar os
pulmões e abaixando o diafragma... Agora solte lentamente o ar dos pulmões
pela boca, prestando atenção ao som da sua expiração e na sensação de
relaxamento que o seu corpo sente.
Uma vez mais, tome uma respiração profunda pelo nariz enchendo os
pulmões de ar e abaixando o diafragma... Agora, solte lentamente o ar dos
pulmões pela boca ouvindo o som da sua expiração e sentindo a sensação de
relaxamento no seu corpo... Muito bem! Agora deixe a tensão sumir. A tensão
desaparece automaticamente do seu corpo. Imagine o seu corpo como uma
espuma, totalmente solto, macio e relaxado... Uma sensação aquecida e
pacífica envolve o seu corpo, relaxando profundamente... Imagine uma onda
aquecida e pacífica envolvendo e relaxando todo o seu corpo... Visualize essa
onda aquecida e pacífica envolvendo e relaxando completamente os seus
músculos, os seus nervos, os seus órgãos internos...
O relaxamento espalha-se por todo o seu corpo... Todo o seu corpo está
completamente e profundamente relaxado. A sua mente está funcionado
harmoniosamente e em equilíbrio com o seu corpo. Você sente paz. Se
eventualmente ocorrer alguma emergência no transcorrer deste programa de
reprogramação mental, você imediatamente e naturalmente ficará
totalmente alerta, raciocinando adequadamente em função das
circunstâncias, tomando as decisões que devem ser tomadas, e sentindo uma
sensação maravilhosa de calma e tranquilidade. A próxima vez que
experienciar este programa, escutando-o, você mais facilmente e mais
rapidamente estará profundamente relaxado, pronto para a reprogramação
mental.
Vamos continuar trabalhando juntos, eu e você, para criarmos a realidade que
você deseja viver. Eu vou transmitir várias sugestões afirmativas e positivas
que são comunicadas para sua mente consciente e para sua mente
subconsciente. Você está receptivo às sugestões, você as aceita e elas agirão
de maneira crescente sobre você para o seu benefício e proveito. A sua mente
e o seu corpo estão sintonizados num nível harmônico de funcionamento.
Sinta os nervos do seu corpo funcionando em equilíbrio e harmonia... De hoje
em diante, você controla e domina os seus pensamentos e os seus
sentimentos... O dia de ontem terminou na noite passada...
Você não pode modificar o passado, portanto o passado é imutável. Mas você
tem o poder e o domínio de reprogramar os seus pensamentos e os seus
sentimentos. Você toma o controle e o domínio da sua vida e cria a sua
realidade... Você remove do seu consciente e do seu subconsciente os
pensamentos e sentimentos negativos. Você remove do seu consciente, do
seu subconsciente e do inconsciente os pensamentos e sentimentos de raiva,
ódio, ressentimento, amargura, preocupação e inveja... Você remove do seu
consciente e do seu subconsciente os pensamentos e sentimentos de
negatividade. Você remove do seu consciente, do seu subconsciente e do
inconsciente os pensamentos e sentimentos de raiva, ódio, ressentimento,
amargura, preocupação e inveja.
A sua mente elimina do seu consciente, do seu subconsciente e do
inconsciente todas as formas de julgamento. A sua mente elimina do seu
consciente, do seu subconsciente e do inconsciente todas as formas de
julgamento... Neste momento, eu vou transmitir para você um sinal e
algumas palavras desencadeadoras de respostas condicionadas pós-
hipnóticas. Em qualquer circunstância na sua vida diária, em qualquer
situação, em qualquer momento que você se encontre precisando
permanecer calmo, tranquilo e sentindo-se maravilhosamente bem e precisar
relembrar que você e a sua mente têm o domínio e o poder de controlar a sua
vida, os seus pensamentos e os seus sentimentos, basta você pronunciar
mentalmente a palavra tranquilidade e levantar para cima o dedo polegar da
sua mão direita, indicando positivo.
Pronunciar mentalmente a palavra tranquilidade e levantar para cima o dedo
polegar da sua mão direita, indicando positivo... é o sinal para obter respostas
condicionadas pós-hipnóticas. E quando você fizer isso a sua mente
subconsciente experienciará determinação, e você fará o que precisa fazer
para permanecer calmo, tranquilo, com uma sensação maravilhosa de bem-
estar. Agora, pela técnica da repetição, você e eu vamos impregnar seu
subconsciente com mensagens positivas e poderosamente eficientes. Vamos
transmitir as mensagens para a sua mente consciente e para a sua mente
subconsciente.
Diga as frases junto comigo em voz alta, ou se você preferir, diga as frases
mentalmente. Se você escolher dizer as frases mentalmente, fale vibrando
mentalmente penetrando o sentido das palavras no seu íntimo. Diga comigo:
Eu cancelo e removo os pensamentos e sentimentos de
negatividade da minha mente. Eu cancelo e anulo as
informações negativas vindas de outras pessoas, ou
pela televisão, Internet, jornais, revistas, livros, cinema
e outros meios de comunicação.
(Repetir 10 vezes)
Muito bem! Você cancela e remove os pensamentos de negatividade da sua
mente e você cancela e anula as informações negativas vindas de outras
pessoas, ou pela TV, Internet, jornais, revistas, livros, cinema e outros meios
de comunicação. A cada dia estas sugestões vão fazendo mais e mais parte de
você e tornando-se cada vez mais poderosamente eficientes. A cada dia estas
sugestões crescem progressivamente em sua mente.
A sua mente e o seu corpo estão sintonizados num nível harmônico de
funcionamento. Sinta os nervos do seu corpo funcionado em equilíbrio e
harmonia... De hoje em diante você controla e domina os seus pensamentos e
os seus sentimentos.
De hoje em diante você controla e domina os seus pensamentos e os seus
sentimentos. O dia de ontem terminou na noite passada. Você não pode
modificar o passado, portanto o passado é imutável. Mas você tem o poder e
o domínio de reprogramar os seus pensamentos e os seus sentimentos. Você
toma o controle e o domínio da sua vida e cria a sua realidade.
Agora, novamente, pela técnica da repetição, você e eu vamos impregnar seu
subconsciente com mensagens positivas e poderosamente eficientes. Vamos
transmitir as mensagens para a sua mente consciente e para a sua mente
subconsciente.
Diga a frase junto comigo em voz alta, ou, se você preferir, diga a frase
mentalmente. Se você escolher dizer a frase mentalmente, fale vibrando
mentalmente penetrando o sentido das palavras no seu íntimo. Diga comigo:
Eu focalizo a minha atenção e concentro a minha
mente nos pensamentos e sentimentos positivos de
amor, felicidade, vitória, sucesso, tranquilidade e bem-
estar.
(Repetir 10 vezes a frase)
Ótimo! Você focaliza a sua atenção e concentra a sua mente nos pensamentos
e sentimentos positivos de amor, felicidade, vitória, sucesso, tranquilidade e
bem-estar. A cada dia estas sugestões vão fazendo mais e mais parte de você e
tornando-se cada vez mais poderosamente eficientes e fazendo parte
permanente e definitiva de você e de sua mente.

Agora, fortalecido, cheio de vigor, força e coragem, faz-se necessário despertar


para continuar a caminhada...
... Caminhante se faz caminho ao andar... Despertando... Com paz... Muita
paz... (abrir os olhos).
Referências Bibliográficas:
GRATIDÃO! Claudia Cristina Gomes Menezes
CRP 05/20989

WhatsApp: (21) 99854-4322


E-mail:
claudyapsi@gmail.com
“Traga no coração e nas palavras a
Gratidão, ela abre portas e te faz
lembrar que sozinho não se caminha e Até breve...
sem humildade não se chega a lugar
algum.”
Claudia Menezes