Você está na página 1de 6

A INFLUÊNCIA DA POSTURA PROFISSIONAL NA REPUTAÇÃO DAS

ORGANIZAÇÕES: “UMA EMERGÊNCIA PARA O COMBATE DE PRECONCEITOS


NA FUNÇÃO PÚBLICA EM MOÇAMBIQUE”

Burailo António Diogo* Pedro José Zualo

Instituto Superior Politécnico de Gaza-Moçambique

*Autor Correspondente: bantoniodiogo@gmail.com

RESUMO

A postura profissional constitui uma ferramenta muito importante no ambiente de trabalho, isto é
a opinião pública dos cidadãos sobre o funcionamento de uma instituição pública é consequente
da qualidade de atendimento, da postura do servidor publico que toma durante a sua jornada
laboral, assim como o saber Ser e Estar na sociedade, essa observação não é totalmente
valorizada pelos servidores públicos. Um servidor público possui um grande valor para a
sociedade, pois é concedido responsabilidades que trazem benefícios através de seus trabalhos,
gerando satisfação os cidadãos.Contudo, poucas Organizações Públicas em Moçambique que
levam em consideração a postura profissional como elemento chave para opinião pública sobre a
imagem da organização. Desta forma, objectivou-se analisar a influência da postura profissional
na reputação das organizações públicas em Moçambique, como forma dar conhecer e de
combater os vários preconceitos sobre a fragilidade de qualidade de serviços na função pública.
O estudo tem por base uma revisão teóricasobre a postura profissional e reputação das
organizaçoes. a pesquisa tomou em consideração três momentos, isto é, com base na observação
directa durante o Estagio geral I, Integrado, e II e também da forma de Ser e Estar de alguns
servidores públicos na sociedade, quanto ao lado profissional notou-se que alguns servidores
públicos não dão maior ênfase com a sua postura profissional no ambito da execução das suas
actividades laborais, oque nos leva a concluir que ainda há maior dificuldade de intrepretar o
papel da postura profissional.
Palavras-chave: O profissionalismo do servidor público; Qualidade de Serviços; Ética no
trabalho
THE INFLUENCE OF PROFESSIONAL POSITION ON THE REPUTATION OF
ORGANIZATIONS: “AN EMERGENCY FOR THE PREVENTION COMBAT IN
MOZAMBIQUE PUBLIC FUNCTION”

Burailo António Diogo * Pedro José Zualo


Polytechnic Higher Institute of Gaza-Mozambique
* Corresponding Author: bantoniodiogo@gmail.com

ABSTRACT
Professional posture is a very important tool in the workplace, that is, the public opinion of
citizens about the functioning of a public institution is a consequence of the quality of care, the
posture of the public servant who takes during his workday, as well as the knowing Being and
Being in society, this observation is not fully valued by public servants. A public servant has a
great value to society because it is granted responsibilities that bring benefits through their work,
generating satisfaction for citizens. However, few Public Organizations in Mozambique take into
account professional posture as a key element for public opinion about the organization's image.
Thus, the objective was to analyze the influence of professional stance on the reputation of
public organizations in Mozambique, as a way to make known and combat the various prejudices
about the fragility of service quality in the civil service. The study is based on a theoretical
review of the professional attitude and reputation of organizations. The research took into
consideration three moments, that is, based on direct observation during General Stage I,
Integrated, and II and also on the form of Being and Being of some public servants in society, as
regards the professional side it was noted that some Public servants do not put more emphasis on
their professional posture in the scope of their work activities, which leads us to conclude that it
is still more difficult to interpret the role of professional posture.

Keywords: Professionalism of public servants; Quality of Services; Work Ethics


Introdução

A postura profissional constitui uma ferramenta muito importante no ambiente de trabalho, isto é
a opinião pública dos cidadãos sobre o funcionamento de uma instituição pública é consequente
da qualidade de atendimento, da postura do servidor publico que toma durante a sua jornada
laboral, assim como o saber Ser e Estar na sociedade, essa observação não é totalmente
valorizada pelos servidores públicos. De acordo com Banks, S. (2008), um servidor público
possui um grande valor para a sociedade, pois é concedido responsabilidades que trazem
benefícios através de seus trabalhos, gerando satisfação os cidadãos.

Métodos e Materiais

Para a realização desta pesquisa, teve-se que como método de investigação para o alcance do
objetivo proposto, o método qualitativo através de pesquisas bibliográficas, ainda, foram feitas
consulta de livros, capítulo de livros, artigos de revista científica como forma de sustentar a
realidade da temática em estudo, a ideia da compilação da pesquisa baseou se numa observaça0
directa em três instituições públicas no âmbito de estagio em 2017, 2018 e 2019.

RESULTADOS E DISCUSSÃO

A razão da emergência na compreensão sobre a postura profissional

De acordo com Banks, S. (2008), a postura profissional é o conjunto das suas características
pessoais e as atitudes tomadas no ambiente de trabalho. Sua postura no trabalho é formada por
sua conduta ética, hábitos, habilidades, conhecimentos, comportamentos e atitudes.  

Para Rego, A. (2002), a postura profissional é o modo como nos comportamentos e nos
relacionamentos em nosso ambiente de trabalho.

Está relacionada com dois conceitos básicos: a) a dualidade, e b) a credibilidade

A importância da postura profissional

De acordo com Marco, ter uma postura profissional é muito importante para construirmos uma
imagem positiva frente aos nossos colegas, líderes e clientes (cidadãos que usam os nossos
serviços). Pessoas assim constroem uma reputação duradoura, o que faz com que sejam sempre
lembradas com carinho, admiração e respeito.

Aquele que trata a todos com deferência,equidade, que se comunica com clareza; é focado,
comprometido;tem conduta ética e que sempre age com muita compostura.

Não é porque alguém é mais sério e reservado que sua postura profissional não seja positiva,
entretanto, muitas vezes encontramos colegas e chefes com uma postura realmente arrogante,
agressiva e centralizadora.
ELEMENTOS BÁSICOS PARACOMPREENDER A POSTURA PROFISSIONAL
 Comportamentos Profissionais
Para isso, esteja sempre atento às suas atitudes dentro e fora da empresa; aos seus
comportamentos com seus colegas, gestores, fornecedores, parceiros, sócios e também clientes
( Rego, A. 2002).

 O comportamento na imagem pessoal e profissional

De acordo com Rego, A. (2002), não há dúvidas de que os primeiros segundos da impressão que
você causa em uma pessoa são extremamente importantes. Sua imagem pessoal no trabalho, ou
mesmo na vida particular, é o seu cartão de visitas.

Nesse sentido, a boa imagem pessoal e a profissional andam de mãos dadas. São o caminho pelo
qual você transmitirá a sua credibilidade por meio da sua aparência e de atitudes
comportamentais, como ética, postura, conhecimento e competência.

 Cuide da sua aparência

Para Rego, A. (2002), a sensação causada pela aparência pode nos trazer, ou não, bons
relacionamentos, por isso, o bom senso tem que imperar dentro de cada um de nós. Em outras
palavras, cuidar da sua aparência não é uma atitude fútil.

Pontos a levar em consideração na postura profissional

 Preste atenção no seu comportamento (mesmo nas atitudes que parecem pequenas);
 O tom de fala;
 A comunicação verbal;
 O comportamento corporal;
 Além da postura corporal, a forma de andar, de se colocar no ambiente de trabalho;
 As redes sociais;
 Demonstre confiança no que está fazendo;
 Seja sempre ética;
 Cumpra horários e mantenha o foco;

Problemas de servidor público Moçambicano na manutenção da sua postura profissional

 Hábitos
 Ética
 Conhecimentos
 Habilidades
 Competências

Construção e manutenção da imagem

De acordo Cripe, as indicações e referências relativas à organização são influenciadas


principalmente pela sua imagem. A imagem do profissional se alcança com:

Clareza de objetivos, integridade, posicionamento, comprometimento, competência relacional,


imagem, auto-estima, motivação.

Para Costa, a melhoria da imagem pessoal e profissional deve ser contínua, e vai sendo
construída com progressivas e pequenas conquistas.

As grandes falhas no exercio das profissões

 Problemas no incumprimento de étiquetas profissionais;


 Problemas na gentileza virtual;
 Mudar de cargo, sector ou função sem virar inimigo do chefe;
 Fofoca Vs trabalho;

 Honestidade.
Conclusão

Conforme os pontos mencionados, leva-nos a concluir que há necessidade que as organizações


tomem alerta quanto ao seu pessoal de trabalho, visto que alguns servidores públicos não dão
maior ênfase com a sua postura profissional no ambito da execução das suas actividades laborais,
oque nos leva a concluir que ainda há maior dificuldade de intrepretar o papel da postura
profissional, assim sendo para combater os preconceitos da função publica, pela qualidade de
serviços e pessoal de trabalho, é nécessario que seja bem compreendida o aspecto sobre a postura
profissional.

Referências bibliograficas

Banks, S. and Nohr, K. (2008). Ética prática para as profissões do trabalho social, Porto Editora
Lda.

Chiavenato, I. (2006). Administração Geral e Publica, 3ª ed. Rio de Janeiro.

CRIPE, E. Profissionais Disputados: as 31 Competências de quem Agrega Valor nas Empresas,


disponível em: www.carreiras.com.br

Costa, N. Marketing Pessoal, AB Editora.

Rego, A. (2002). Comportamentos de cidadania nas organizações – um passo na senda da


excelência? Lisboa: McGraw-Hill.

Marco, L. Marketing pessoal e novo comportamento profissional, Editora: Altana.