Você está na página 1de 158

2017 – 2021

A GRANDE CONVULSÃO SOCIAL DO MUNDO, O GRANDE MONARCA, A


TERCEIRA GUERRA MUNDIAL E OS 3 DIAS DE TREVAS

"2014 VAI ABALAR O MUNDO!"

Entrevista de Nicholas Boyle para a Revista Galileu

*Nicholas Boyle FBA (nascido em 18 de junho de 1946), é um Professor


alemão da Universidade de Cambridge e membro do Magdalene College,
Cambridge. Ele tem escrito extensamente sobre a literatura alemã, história
intelectual e religiosa e é conhecido principalmente por sua premiada e extensa
biografia de Goethe (dos quais, dois de uma projeção de três volumes foram
publicados). Boyle é membro da Academia Britânica desde 2000.

* Vide: Nicholas Boyle, 2014 - Como sobreviver a próxima Crise


(Continuum Books, 2010). Esqueça, portanto, 2012! É o que diz o professor de
Cambridge, Nicholas Boyle, ao defender que esse ano (2014) definirá nosso
futuro.
Boyle: Ainda não dá pra prever qual vai ser a cara do século 21 daqui
em diante, com todas essas crises e profecias que se multiplicam mundo afora.
Mas o intelectual inglês Nicholas Boyle diz para ficarmos de olho no ano de
2014. A partir de projeções e de análises históricas, esse professor de história,
filosofia e literatura alemã na Universidade de Cambridge, na Inglaterra, diz que
a última crise econômica, em 2008, foi só o começo do que virá. Ele prevê uma
grande crise política para daqui a quatro anos. Em entrevista à Galileu, o autor
do livro recém-lançado 2014 — How to Survive the Next World Crisis (2014 —
Como Sobreviver à Próxima Crise Mundial, sem edição em português) alerta
que decisões governamentais poderão definir o caráter do nosso século:
entraremos numa nova era de paz ou mergulharemos em mais guerras?, Ele
aponta alguns caminhos.

* Galileu: Por que você prevê uma grande crise para o ano de 2014?

Boyle: Desde 1500 podemos ver um grande evento acontecendo na


segunda década de cada século que define o caráter dos próximos cem anos.
Meus grandes exemplos são os anos de 1815 e 1914. Em 1815 as grandes
potências mundiais chegaram a um acordo no Congresso de Viena, iniciando
uma grande era de paz. Já em 1914 começou a Primeira Guerra Mundial, que
definiu todo o século 20. A outra razão é a última crise econômica mundial.

* Galileu: Então você acha que 2007 foi só um começo?

Boyle: A crise econômica está se tornando uma crise política. Veja a


zona do Euro, por exemplo. A crise financeira levou a profundos
desentendimentos entre Estados e partidos europeus e sobre como esse
mercado deve ser governado.

* Galileu: E por que você aponta precisamente o ano de 2014?


Boyle: Nosso mundo está mudando e ainda não está claro que tipo de
século 21 vai emergir. A última crise pode significar o fim de um período de
globalização sustentada. Não acho necessariamente que vamos cair numa
terceira guerra mundial, mas há um paralelo entre 2014 e 1914. Em 1914, as
organizações internacionais não conseguiram manter a paz entre os impérios
que se desenvolviam no globo. Algo parecido pode estar acontecendo agora,
com novos impérios que surgem.

* Galileu: Você acha que devemos temer o crescimento da China?

Boyle: O crescimento da China e da Índia só restaura a importância


econômica que elas tinham 200 ou 300 anos atrás. Esse desenvolvimento
reduz o número de pessoas vivendo em pobreza no mundo. Mas ele também
cria um grande problema para o sistema político. Ao mesmo tempo em que os
Estados Unidos se tornam um poder econômico cada vez menos significante
no globo, eles se mantêm como o poder militar supremo.

* Galileu: O destino ainda estará nas mãos dos americanos?

Boyle: Podemos ver um novo acordo de regulação global ou o aumento


da agressividade entre as potências. São dois cenários possíveis e caberá aos
americanos decidir qual deles vai acontecer.

* Galileu: Podemos desembocar numa guerra entre Ocidente e Oriente?

Boyle: Existem vozes nos Estados Unidos que pedem o confronto. Em


relação à China, alguns falam em desestabilizar seu governo. Um substituto
provavelmente seria mais nacionalista. Com China e Estados Unidos mais
nacionalistas, o mundo vai se tornar um lugar, no mínimo, mais desconfortável.
No entanto, um mundo mais instável pode levar os países a procurarem
trabalhar juntos. Não estou falando de estabelecer novas organizações, mas
fazer as que já existem funcionarem melhor.

* Galileu: E qual o papel do Brasil nessas mudanças globais?

Boyle: O Brasil tem tudo para estar entre os mais influentes. E, no que
diz respeito ao aquecimento global, não haverá mudanças sem uma efetiva
participação do País.

"O ano de 2017 vai trazer o grande aviso, o grande milagre de Deus ao
mundo e o reino de o anticristo" "em 2017, uma guerra vai inflamar o oriente
médio e uma grande convulsão social (revolução e guerra civil), vai abater a
Europa (Itália, França) e vai durar três meses". Atenção para os meses de
"maio", "junho" e "julho" (2017), os trágicos três meses que vão mudar o
mundo para sempre!:

Profecia do ano de 1622, publicada por Beykirck no ano 1849, no livro


'Prophetenstimmen' (Vozes de profecia);
“O mês de maio será o começo para a guerra, mas não chegou o tempo
ainda. O mês de junho trará o começo dos atritos, mas não será ainda a
verdadeira guerra. No mês de julho começará a mobilização geral."

A REVOLUÇÃO CIVIL NA ITÁLIA:

O Padre Pio de Pietrelcina - (1887-1968) – em Mensagens do Além,


recebidas pela médium Marta Micol, em 1977, na Itália, disse sobre a próxima
Revolução na Itália: (2014 – 1977 = 37)

"Pobre Itália, está caminhando para uma violência feia... O mundo está
caminhando para a ruína...Cuidado com o mês de maio; vejo terremotos,
aluviões, vejo sangue...Ocorrerão fatos tremendos...Um meteoro cairá sobre a
Terra e tudo estremecerá. Será um desastre muito pior que uma guerra. Muitas
coisas desaparecerão. Esse será um dos sinais... a terra tremerá e o pânico
será grande... o terremoto será como uma serpente deslizando por todos os
lados. E muitas pedras cairão e muitos homens morrerão... Os homens viverão
uma experiência trágica. Muitos serão arrastados pelas águas, muitos serão
transformados em cinza pelo fogo...Preparai-vos para viver três dias na
escuridão total. Esses três dias estão muito próximos... E nesses três dias
ficareis como mortos, sem comer e sem beber. Depois voltará a luz, mas
muitos serão os homens que não a verão mais... Virão a faltar as coisas mais
essenciais... A volta de Cristo não está próxima... mas falta pouco... O silêncio
e o sossego voltarão um dia a reinar sobre a Terra, somente então o homem
redescobrirá o homem".

A GUERRA CIVIL NA FRANÇA:

A Religiosa Trapista de Argers, na França, em 1816, disse sobre a


próxima revolução na França: *Extraído das profecias publicadas em 1829 no
livro "Tableaux des trois époques":

"Ouvi vozes que se cruzavam dizendo Viva a República!, Viva a religião


e o grande Monarca que Deus nos reserva!, Que Deus o conserve!, Ao mesmo
tempo houve uma batalha, mas tão violenta, que jamais ninguém imaginará.
O sangue corria, especialmente do lado oriental (Oriente Médio), porque
o Ocidente (A Europa) parecia mais tranquilo. Ouvi pronunciar os meses de
‘maio, junho e julho’. Os ímpios queriam exterminar todos os ministros de Deus
e todos os legitimistas. Já soltavam o grande grito de vitória quando, de
repente, foram reanimados por auxílio do Céu e os ímpios foram derrotados.
Vi a Capital (Paris) queimada, pilhada e saqueada. Vendo isto,
aterrorizei-me, pensando que haveríamos de perecer todos. Mas a voz disse-
me: ‘não temas. Tenho intenções misericordiosas sobre a França e lhe darei
um rei segundo meu coração. Possuirá doçura, sabedoria e energia. Tornar-
lhe-ei tudo fácil e tudo se inclinará diante de sua vontade. Ele fará entrar tudo
na ordem e no dever (...)
Não poderão negar o dedo de Deus nestes acontecimentos e não
deixarão de admirar seu poder infinito. Muitos se converterão. O tempo desta
catástrofe não passará de três meses e o triunfo dos bons será instantâneo...
Quando os ímpios tiverem enchido o mundo de maus livros, estes
acontecimentos amadurecerão. “Em seguida, tudo voltará rapidamente para a
ordem.”

ATENÇÃO!
Um príncipe herdeiro dos Reis da França, se tornará Rei de um vasto
império à partir de três reinos da Europa (Itália, França e Alemanha). Esse
Império será o Império Romano restaurado na Europa.
Quando isso acontecer, o mundo o chamará de "O Salvador do Mundo",
porque será ele quem debelará as graves e sangrentas revoluções civis que
atingirão a Europa Central (Itália e França) e trará a paz ao mundo (uma falsa
paz que vai durar apenas 3 anos e meio), depois da Grande Guerra entre
Judeus e Muçulmanos que inflamará o Oriente Médio entre o fim de 2017 e o
início de 2018, guerra da qual, Israel sairá vencedor, juntamente com os
exércitos ocidentais aliados, que derrotarão a Rússia, seus aliados e os
muçulmanos.
Nos 3 anos e meio do Império do Grande Rei da Europa, o Templo de
Jerusalém poderá ser reconstruído no Monte Moriá, no mesmo lugar onde hoje
está erigida atualmente a Mesquita muçulmana de Al-Aqza, que poderá ser
destruída na quinta e próxima guerra árabe-israelense (a guerra que trará a
invasão de Gogue (a Rússia) que vira da terra de Magogue (da Turquia
préviamente ocupada pelas tropas russas).
A Mesquita muçulmana de Al Aqza, sobre o Monte Moriá ou Monte da
Rocha, poderá dar lugar ao fim da guerra de Gogue da terra de Magogue, à um
Terceiro Templo judeu em Jerusalém, onde possivelmente, O Anticristo (O Rei
Romano da Europa), entrará e se auto-declarar-se-á ser Deus, revelando ser
quem é, ou seja, o Anticristo em pessoa. Se isso ocorrer realmente, então, ele
entrará no Templo reconstruído, se assentará no Templo de Deus e se auto-
declarar-se-á ser Deus.
Então, começarão os 3 últimos anos e meio do mundo e o Reino do
terror de O Anticristo, o Reino das trevas, do homem que; nos 3 anos últimos
anos e meio do mundo; será aceito como o Messias tão esperado pelos judeus,
que será confundido com o próprio Cristo, e que será aclamado como o
Salvador do mundo por muitos, quando na verdade ele será o Anticristo em
pessoa.
Ele governará o mundo por 3 anos e meio, em meio à muitas
perseguições aos Judeus Convertidos e aos Cristãos do mundo todo,
exatamente assim como foi previsto por Jesus em Mateus cap. 24, Marcos cap.
13, Lucas cap. 21, Daniel caps. 2, 3, 7 e 12 e Apocalipse caps. 11, 12, 13 e 17.

PROFECIAS SOBRE O GRANDE CASTIGO DE DEUS, SOBRE A


GRANDE CONVULSÃO SOCIAL DO MUNDO, SOBRE A REVOLUÇÃO NA
FRANÇA E NA ITÁLIA, SOBRE O GRANDE FUTURO MONARCA DA
FRANÇA E SOBRE OS TRÊS DIAS DE TREVAS TOTAIS NA TERRA

O aspecto mais espetacular da ação de Deus, durante o Grande


Castigo, será os Três Dias de Trevas sobre a Terra inteira.
Os Três Dias de Trevas totais sobre a Terra inteira foram anunciados por
muitos místicos, em épocas diferentes, tais como: Anna-Maria Taigi, Padre Pio
de Pietrelcina, Elizabeth Canori Mora, Rosa Colomba Asdente e D'oria de
Palma (na Itália); Padre Gere Nectou, (na Bélgica); Santa Hildegarda de Bingen
(na Alemanha); Padre Lamy, Marie Baourdi, Marie Martel e Marie-Julie-
Jahenny (na França).E a lista não se esgota. Muitos outros místicos
anunciaram os mesmos Três Dias de Trevas sobre toda a Terra em épocas
diferentes.
Vejamos abaixo, alguns dos muitos místicos, videntes e santos que
profetizaram acerca do Grande Castigo de Deus nos Três Dias de Trevas totais
sobre toda a Terra. Porém, antes do envio do Grande Castigo, Deus enviará
um Grande Monarca francês, igualmente previsto por muitas profecias.
Uma Grande Guerra (A Terceira Guerra Mundial), também foi prevista
por muitas profecias. Mas, antes dessa Grande Guerra, haverá no mundo uma
Grande Convulsão Social que começará de-repente, sem que ninguém esteja
esperando, bem no coração da Europa, uma grave crise social e política, que
atingirá principalmente a Europa Central (França, Itália e Alemanha), com
guerras civis e revoluções sangrentas, das quais, surgirá o Grande Rei ou
Grande Monarca profetizado.

Palma Maria D'Oria Matarelli (+1863), disse:


"Prodígios sobrenaturais aparecerão nos céus. Haverá três dias de
trevas. Nenhum demônio ficará no inferno. Eles sairão para excitar os ímpios e
assassinos ou para desanimar os justos e causarão a morte de grandes
multidões de incrédulos e homens ímpios. Para essa ocasião espantosa, só o
uso de velas bentas, já que só elas poderão iluminar e preservar os católicos
fiéis desse apavorante e ameaçador castigo"..

Irmã Marie Baourdi - Maria de Jesus Crucificado no mundo, Baourdi-Marie,


palestina, freira carmelita, disse:
"Todos os países serão afetados pela guerra e pela guerra civil, e na
escuridão de três dias, todos aqueles que receberam o pecado morrerão,
portanto, apenas um quarto da humanidade sobreviverá.”

Irmão Antoine - O Irmão Anthony ou Antoine, foi um eremita que viveu perto de
Aix-la-Chapelle, na França, em 1858, e fez essa profecia:
"Haverá alguns homens e a paz de Deus será proclamada na Terra. Vi
pela segunda vez em toda a Alemanha e França, um arrepio que percorreu-me
com a visão do vazio sem precedentes que havia se instalado nas populações
destes dois países ...
A partir daí, a união e a paz se encontravam profundamente cimentada
entre as duas nações. Negócios retomados em todos os lugares. Conventos de
todos os tipos foram baseados em grandes números".

Profecia de um desconhecido italiano - Um desconhecido italiano místico, cujos


segredos foram publicados por Jean Bonifetti, disse em outubro de 1933:
"Atrás de Jesus havia um exército de anjos, eu digo um exército, porque
todos eles tinham uma espada com um gesto de ferir o inimigo. Então Jesus
disse: "Eu esperei e ainda vou esperar que o Ano Santo passe para dar aos
homens a oportunidade de se converter. Mas, a punição está pronta, e Eu não
gostaria de enviá-la, só agirei com justiça, porque o mundo está muito atolado
no pecado, especialmente o pecado da impureza, o uso imoderado de
prazeres ilícitos ...Então eu mandarei meus anjos fazerem perseguidores, ou
seja, vou enviar uma praga que em poucos dias a cidade será quase deserta,
que quem sobreviver nesses dias, deve passar por cima dos cadáveres".

A Irmã Domicana Rosa Colomba Asdente, entre 1781 e 1841,em Taggia,


convento de Piemonte, Itália, previu um eclipse total de três dias". (Quais as
possibilidades?)
Profecias sobre o "Grande Monarca":
Nesta passagem descrita no livro do Padre Curicque, ela anunciou a
vinda do Grande Monarca, previsto por muitas profecias:
- Mensagem de 10 de Setembro
"Que grandes mudanças ocorrerão, para que possamos ver as pessoas
contra as pessoas que andam a exterminar o outro, sob a bateria sinistra dos
trovões e armas mortais. A revolução deve estender-se por toda a Europa,
onde não haverá paz até que a flor branca (O Lírio símbolo da monarquia
francesa) novamente suba ao trono da França".

O Padre Aboot Mattay previu em 1815:


"Depois de um príncipe legítimo de grande piedade e sabedoria que terá
de governar a França. Ele viverá muito velho e a França encontrar-se-á feliz
sob seu domínio. Ele virá quando menos esperamos. Ele vai levar o título de
seu domínio. Ele virá quando menos esperamos. Ele vai levar o título de
Imperador, porque a partir daí não precisamos ter um rei".
"Alguns dos nossos médicos assegurou o bispo de Hipona, digamos,
que um rei franco um dia possuirá o Império Romano em toda sua extensão. O
rei virá nos últimos dias do mundo, será o maior e último de todos os reis. Isso
fará com que a alma, em Jerusalém, nas montanhas das Oliveiras e
imediações, após o Anticristo virá.”

Visões de Maria de Solos


Marie de Solos ou Brotteaux, uma humilde serva de Lyon, teve visões
entre 1811-1832. Aqui está como ela evoca a Grande Depressão e o Big Bang:
Como vimos começar a Revolução, como se vê o fim. Vamos ver a
mesma coisa no final e os mesmos problemas do começo. Mas tudo será mais
rápido e vai acabar com um prodígio brilhante, que surpreenderá o mundo
inteiro, e um grande evento onde os ímpios serão punidos com uma forma
terrível ...
No ano que anteceder o grande evento que vai ser muito ruim. O ano
de, outra forma, ele estará oferecendo uma grande colheita, mas, não haverá
pessoas suficientes para consumir em abundância. Com a abordagem deste
grande evento, os fenômenos extraordinários aparecerão no céu. O grande
personagem será convertido em Paris.
Haverá um tempo de terrível anarquia, durante a qual vai se renovar
todos os transtornos dos piores momentos. O crime sem castigo estará em seu
pico. Mas, este momento de dor será curto. A Santa Igreja será atacada pela
terceira vez com uma fúria e raiva incrível, mas, vai sofrer muito pouco,
enquanto seus inimigos estão todos destruídos.
(A primeira vez que a Igreja sofreu um ataque foi no Papado de Pio VI, e
pela segunda vez, foi sob o Papado de Pio IX. Pela terceira vez será no
Papado do último Papa - o atual Papa Francisco).
Paris será reduzida como Sodoma e Gomorra, e o que restar de seus
habitantes, refugiarão-se grande parte em Lyon. Quando seu vôo for visto, o
grande evento estará próximo. Lyon de Gerland, casa de abominações e
revoluções, será tragada pelas águas ...Os estrangeiros na França penetrarão
e avançarão para a área de Lyon.
A grande batalha terá lugar perto de Lyon, na planície de Saint-Fons, ao
longo dos subúrbios, da ponte Guillotière e na rua do bar. Esta luta, da qual vai
participar um número considerável da Guarda Nacional, será terrível, o sangue
estará fluindo na Terra, e haverá derramamento de sangue e massacre terrível.
De ambos os lados, vamos lutar em desespero. Mas, os estrangeiros serão
substituídos e não entrarão em Lyon ...
Quando Deus começar a exercer a justiça, se ouvirá um trovão tão
terrível que a Terra tremerá. Isso vai sinalizar porque o direito vai reconhecer
que chegou o momento para o Big Bang. Ouvi uma voz terrível gritando: "Tudo
está perdido."
Neste momento, a bela criança que me levou, disse-me na altura das
casas e, sobretudo, houve uma batalha entre demônios. Eles estavam batendo
nas janelas daqueles que não acreditavam em nenhuma profecia e que
desprezavam os avisos. Ao mesmo tempo, estava-se oferecendo uma grande
luta e a matança foi terrível, sangue escorrendo na planície, Guillotière na
ponte do outro lado da rua do bar, a luta foi terrível e saiu como se a entrada
do Bellecourt outra vez. Quase todos os ímpios pereceram. Pouco depois, ouvi
uma voz suave e agradável, dizendo: "Tudo está salvo" ...
Quando a França for punida de uma forma terrível, todo o universo será.
Foi-me relatado que haveria um evento assustador, aqueles que não foram
avisados acreditariam e tocariam por sua última vez e acho que será o fim do
mundo. Mas, de repente, a revolução vai acabar num grande milagre que vai
surpreender o mundo.
Os poucos ímpios que permanecerem, serão convertidos. As coisas que
devem ser como uma foto deles no fim do mundo, elas vão ser tão terríveis
que haverá bastante sêca e mêdo. Foi dito: "Todos aqueles que por mim não
vão perecer, não perecerão, não perecerão.” Mas eu respondi, que é
impossível que não haja uma boa razão para perecerem. Foi-lhe dito: "Sim,
pode haver algumas baixas, mas, eles não serão perdidos por mim".
Após a grande batalha, a legitimidade é reconhecida e todos vão
abraçar-se sem rancor. A religião vai florescer e as pessoas vão voltar para a
felicidade dos primeiros séculos; os cristãos viverão como irmãos.

As de Visões de Terreaux - As profecias dos religiosos Trapistas N. D, guardas


A religiosa trapista de Notre Dame des Gardes, em Anjou, que passou a se
esconder em 1793 com os amigos, fez em 1815, a seguinte profecia:
Eu ouvi vozes gritando um tom horrível. Ouvi distintamente três vezes a
mesma voz que disse: "Somos vencedores, temos a vitória!" Quando a voz
pronunciou estas palavras, de repente eu vi que o céu ficou uma noite
profunda. Esta escuridão foi acompanhada de trovoadas, ou melhor, pareceu-
me que o trovão tinha sido tanto em quatro partes da Terra.
O céu tornou-se em chamas. Foi, então, um barulho terrível que parecia
anunciar a ruína completa do mundo, então eu vi uma grande nuvem vermelha,
cor de sangue de boi, a nuvem rolou por todos os lados. No entanto, vi uma
multidão de homens e mulheres como figuras para assustar, e eles caíram em
todos os tipos de crimes, vomitavam blasfêmias horríveis contra o que é mais
sagrado para o Céu e a Terra. O que me surpreendeu foi ver a cabeça dos
infelizes e poucos daqueles que, por sua condição, devem vestir-se bem, e
empurrou-os para o mal. O trovão ressoou ainda no ar de uma maneira
assustadora, quando ouvi uma voz que me dizia: "Não temas, minha ira cairá
sobre aqueles que se viraram contra mim, a minha raiva vai desaparecer em
um instante".

Profecia Palma Maria Matarelli:


Palma Maria Matarelli, era uma camponesa analfabeta de Oria, uma
estigmatizada, que em 1854, deixou previsões feitas numa turnê pela Europa,
dizendo:
"Eu estava falando, e foi quando ela gritou: Sim, eles estão lá, pragas,
nós somos, nós tocamos. Haverá alguma coisa, e em todos os lugares haverá
problemas. Estamos no escuro, eles estão na Terra!, - Sim, eu disse, mas, na
outra noite eles vêm também?, - Eles sempre vêm mais escuros, ela disse. -
Então, eu disse: "Mas, eu quero dizer o que ví nas trevas exteriores." - Ah!,
você quer dizer quando os demônios saem do inferno e o ar vai ser
corrompido?, Mas, ainda não é. - Eu sei, "eu respondi, ainda não é, e é só
depois dos massacres e massacres em larga escala”. Esta é a última ferida e,
em seguida, Deus fará o maior milagre, o triunfo da Igreja."

Previsões do Padre Nectoux


O Padre Nectoux da Companhia de Jesus, fez a seguinte previsão sobre no
ano de 1760
"Vai haver na França dois partidos que fazem uma guerra de morte. Um
vai ser muito mais numeroso do que os outros, mas isso vai ser o mais baixo
que o triunfo. Haverá um tempo terrível, se vamos acreditar no fim do mundo.
Sangue vai escorrer em várias cidades importantes, os ítens serão
ressuscitados, será como um pequeno juízo. Perecerá no desastre uma grande
multidão, mas, os ímpios não prevalecerão. Eles têm toda a intenção de
destruir inteiramente a igreja, mas, não será dado o tempo, porque esse
período horrível será curto. Quando acreditarmos que tudo está perdido, tudo
será salvo."
Durante esta terrível reviravolta, que parece, vai ser geral e não apenas
na França, Paris será completamente destruída. Destruição completa será,
porque vinte anos depois, os pais ainda vão caminhar com seus filhos sobre
suas ruínas, e para atender suas perguntas, eles vão dizer: "Meu filho, não era
uma cidade grande aqui, Deus a destruiu por causa de seus crimes." Ela vai
estar perto o desastre, quando a Inglaterra começar a tremer.
Saberemos assinalar, como sabemos a aproximação do verão, quando
a figueira começa a brotar. A Inglaterra voltar-se-á para uma experiência mais
terrível do que a Revolução Francesa, e vai durar tempo suficiente para que a
França tenha tempo para sentar. Esta é a França, que vai ajudar a Inglaterra a
ter paz. Quando vão se fechar esses eventos para trazer o triunfo da Igreja, o
distúrbio será tão completo que não se sabe de nada. Quando do tempo da
última crise, não haverá mais nada a fazer, mas, permaneceremos onde Deus
nos colocou, mantenha-se em seu interior e ore, até a passagem da ira e da
justiça divina. Como resultado destes terríveis acontecimentos, tudo estará em
ordem, a justiça será feita a todos, a contra-revolução será consumida. Assim,
o triunfo da Igreja você vai ver e nunca foi assim. Cristãos felizes que
sobreviveram graças a Deus por terem sidos preservados para comtemplar o
triunfo completo da Igreja.
O infortúnio deve acontecer. O sangue correrá em torrentes no norte e
no sul. O Ocidente será poupado por causa de sua fé. Mas, o fluxo de sangue
para o norte e o sul, eu vejo fluir como chuva em um dia de grande
tempestade, e vejo cavalos com sangue as fitas. É principalmente nas cidades
que o fluxo de sangue corre.
A Religião será perseguida, os ministros serão forçados a se
esconderem, pelo menos momentaneamente. As igrejas serão fechadas
novamente por algum tempo ...
Paris será destruída no meio de todas essas calamidades, por isso
destruiu o se charme e vai passar. Nestes eventos o bem não tem nada para
fazer, porque são os republicanos que irão devorá-los. Chegará um momento
em que você acreditará que estará tudo perdido. É quando tudo será salvo,
porque entre o grito de "Tudo está perdido" e de "Tudo é salvo", não haverá
praticamente nenhum intervalo - o tempo de transferência de um bolo.
Potências estrangeiras irão armar-se em marcha contra a França. A
Rússia vai molhar seus cavalos no Reno, mas, eles não vão além... Mas, a
Rússia se converterá e a França ajudará a restaurar a paz e a tranquilidade no
mundo...
Depois da crise, haverá um concílio geral, apesar de algumas objeções
feitas pelo próprio clero. Então, só haverá um só rebanho e um só pastor,
porque todos os infiéis e hereges (mas, não os judeus cuja massa será
convertida após a morte da Besta) irão retornar à Igreja latina, cujo contínuo
triunfo irá até a destruição do Anticristo.

Profecia de Santo Ângelo - Mártir da Ordem dos Carmelitas (1125).


1. Um rei, eventualmente, subirá da antiga raça dos reis da França, um
distintivo de piedade para com Deus.
2. Ele será homenageado pelos cristãos e dedicado aos príncipes da fé
ortodoxa e será amado por eles e seu poder vai se estender muito por terra e
mar
3. Assim, a Igreja deve ser retirada da destruição certa, o rei irá juntar-se
ao Pontífice Romano e lhe dar seu apoio.
4. O erro será destruído entre os cristãos.
5. A Igreja será restaurada à condição de que o direito escolheu para
ela.
6. Ele vai enviar um exército para que espontaneamente una muitos
guerreiros, apressando-se para a batalha por causa de seu nome, o amor da
cruz que vai subir para o céu.
7. O monarca, em breve equipando a frota, será que os mares e visitará
a igreja que perdeu terras. Ele vai entregar Jerusalém ...

A profecia de Santo Isidoro de Sevilha (560-636)


"... Nos últimos dias do grande reinado da Espanha (o atual filho do rei
Juan Carlos, o Príncipe Felipe de Bourbon), duas vezes um rei será dotado de
piedade. Ele reinará por uma mulher, cujo nome começa com Y e,
eventualmente, L (sua esposa Letízia). E disse o rei à vir de regiões orientais e
reinar em sua juventude, ele próprio combaterá as impurezas da Espanha, e
que o fogo não consumiu a espada à devastar. Ele reinará sobre a Hagar e
terá Jerusalém. Irão perguntar-lhe do sinal da cruz sobre o Santo Sepulcro e
ele será um grande monarca.

Profecia de Bernard Bustis - Monge franciscano do século XV.


A Igreja Romana também será entregue das mãos do rei pelos braços
de outro rei muito cristão que vem em auxílio da mesma Igreja... O Papa
angelical depois sentará na terra sobre a cabeça da coroa imperial do rei. E
unidos, vão reformar a Igreja de Cristo, reduzindo-a ao status da antiga
pobreza evangélica. Junto com doze cardeais que serão as colunas, que serão
chamados para pregar este estado, dando a si mesmos e aos outros homens,
todo perfeito exemplo de vida evangélica.

A visão de Theresa Higginson, uma estigmatizada - Theresa Helena Higginson


era uma professora de Inglês estigmatizada, que morreu em 1905. Foi apóstola
da devoção à Sagrada Face de Jesus, como a sede da Sabedoria Divina. Veja
como ela vê o próximo Big Bang:
Vi pela primeira vez uma nuvem escura que envolvia a Terra. Então eu
ouvi o rugido de um trovão terrível, eu vi um raio e explosão, parecia-me que
bolas de fogo caíram sobre a Terra e entraram em seu útero, reduzindo as
rochas em pedaços. E ouvi a violência da água, e um lamento horrível subiu da
Terra.
Humildemente eu caí de joelhos e chorei por causa do sangue e da
amarga Paixão de Jesus Cristo, por meio da escuridão, eu peguei estrelas
distintamente brilhantes na superfície da Terra, e eu implorei a Deus para não
prestar atenção em nós, mas para o rosto do seu Cristo. E ouvi uma voz
terrível, que disse:
"Eu não quero salvar essas pessoas, porque eles são carne!, Não me
chame em seu sangue, porque seu sangue é sobre eles (eu entendo, para
condenar). Mas eu perseverei e me juntei a minha oração para que o nosso
querido Jesus crucificado repetisse incessantemente: Pai, perdoa-lhes, porque
não sabem o que fazem!, Jesus, misericórdia!, Maria, me ajude!, "Eu não sei
quanto tempo durou, porque eu estava muito ansiosa e me senti muito
pequena. Então ouvi uma voz que eu reconheci bem, e que era de nosso
Senhor e Salvador Jesus Cristo, e ela disse: "Não digas que uma das pessoas
que me foram dadas perecerá". Com este terremoto cessado; a fulguração
terminou e eu vi surgir formas mais enxutas, olhando estupidamente ao redor
delas, elas estavam tremendo e eu vi o sinal em suas testas!

A profecia de João de Vatiguerro


Há ainda um outro vaticínio de que a tradição atribui, também, à São
Cesário de Arles, e Jean de Vatiguerro. No entanto, o estilo é muito diferente, e
as datas são muito errada. Em particular, em cerca de 1503-1504, é sobre um
evento que ocorreu em 1789. Ela apareceu pela primeira vez no Liber Mirabilis,
uma coleção de profecias da Idade Média, editado em 1524. Foi traduzido do
latim por Bricon, em 1831:
Eu sempre me mantive quieto e eu era idiota, mas agora eu quero falar,
por causa dos eventos extraordinários que eu aprendi que eu,
cuidadosamente, coletei na navegação, para ser capaz de falar com mais
certeza, várias partes do mundo, como a seguir que, além do mar, vinham
lançando muitos volumes, como os livros sagrados dos filósofos, poetas,
médicos e mais famosos intérpretes das Escrituras. Nestes vários estudos,
saciou-me a sede de conhecimento que me consumia e eu coletei material
suficiente sobre os acontecimentos incríveis que vão acontecer em todo o
mundo até o seu fim, especialmente em partes da Gália...
...Em seguida, a pena divina geralmente e, especialmente, a todos os
homens appesantira, que devem ser evidentes e óbvias...
A Igreja Universal e o mundo vai chorar em tomar, roubo e devastação
dos mais famosos e mais famosos da cidade, a capital e amante do reino dos
franceses...
...O chefe supremo da Igreja cha, gera residência, e será um prazer para
ele, e seus irmãos que estão com ele, se pode encontrar um lugar de refúgio
onde todos só pode comer com o pão dor neste vale de lágrimas.
Para todos os homens mal se voltará contra a Igreja universal, e o fato
de que será sem defensor por 25 meses ou mais, pois para 25 meses não
haverá nem papa nem o imperador em Roma ou regente da França.
Todos os artigos serão alterados, pois é necessário que o estado inteiro
é alterado do século, de fato, a terra, cheios de temor, éprouvevera em vários
lugares shakes assustador e engolir toda a vida, o número de cidades,
fortalezas e castelos vai desmoronar e será revertida por causa do terremoto.
As produções da terra vai diminuir, algumas vezes as plantas não
conseguem umidade e, por vezes, as sementes vão apodrecer nos campos e
germes que aumento não dará frutos. O rugido do mar e levantar-se contra o
mundo e engolir vários navios e as suas tripulações. O ar está infectado e
corrompido devido a malícia e maldade dos homens.
Vamos ver no céu de muitos sinais muito surpreendente, o sol vai
aparecer obscursi e cor de sangue nos olhos de muitas pessoas. Vamos ver
uma vez, por cerca de quatro horas, duas luas, ao mesmo tempo, eles
aparecerão com várias coisas incríveis e admirável. A estrela vai chocar, que
vai sinalizar a destruição e o massacre de quase todos os homens.
O curso natural do ar é quase totalmente mudado e pervertido por causa
da peste. Tanto homens como animais são atingidas com várias deficiências e
mortes súbitas, haverá uma praga hilariante, haverá uma fome incrível e cruel
será tão grande e tal por todo o universo e, especialmente, nas regiões de a
oeste, desde que o mundo começou, ninguém nunca ouviu falar de um similar.
Mas depois que o universo inteiro tem sido assolado por dificuldades e
são tão grandes e tantas misérias, de modo que as criaturas de Deus não
estão totalmente sem experiência, ele foi eleito pela vontade de Deus, a partir
de um papa que ter escapado da perseguição da Igreja, e ele vai ser um
homem muito santo e dotado de toda a perfeição e será coroada por anjos e
santos colocados à Santa Sé por seus irmãos com ele ter sobrevivido à
perseguição da Igreja e no exílio.
Este papa vai reformar todo o universo pela sua santidade e trazer de
volta para o velho modo de vida, de acordo com diciples de Cristo, todo o clero.
E todo o respeito devido a suas virtudes eminentes, ele vai pregar descalço e
não temem o poder dos príncipes. Como ele vai se transformar muitos para a
Santa Sé, puxando com seus erros e sua vida criminal. Ele converte quase
todos os infiéis, mas, principalmente judeus.
O Papa terá com ele um imperador, homem muito virtuoso, que serão os
restos mortais do santo sangue dos reis da França. Este príncipe irá ajudá-lo e
obedecê-lo em tudo para reformar o mundo. E sob este papa e o imperador, o
mundo vai ser reformada, pois a ira de Deus irá diminuir.
54. Assim, não haverá mais do que uma lei, uma só fé, um só batismo,
um modo de vida. Todos os homens têm os mesmos sentimentos e amar o
outro, ea paz vai durar por muitos anos.
55. Mas a partir do século foi reformado, ele aparecerá vários novos
sinais no céu, e a malícia dos homens acorda. Eles vão voltar para seus
antigos pecados e sua impiedade detestável, e seus crimes são piores do que
o primeiro. É por isso que Deus vai trazer e promover o fim do mundo. Eu disse
que acabou.
"O Papa terá com ele um imperador, homem muito virtuoso, que
continua a ser os reis de sangue mais sagrados da França. Este príncipe irá
ajudá-lo e obedecê-lo em tudo para reformar o mundo. E sob este papa e o
imperador, o universo vai reformar; colérede porque Deus vai diminuir".

Profecia de Abbot Souffrand - Padre Abbot Souffrand previu em 1817:


Os generais franceses deporão as armas, assim como o Grande
Monarca, e serão mostradas. O Grande Monarca (Le Grand Monarque) é o
ramo mais antigo dos Bourbons, e vem do ramo de um corte de ramo. Só vai
levar a coroa para colocá-la na cabeça de seu herdeiro direto. Le Grand
Monarque vai tornar as coisas tão extraordinárias que os mais incrédulos serão
forçados a reconhecer a mão de Deus.

A profecia de um monge Rusticien, publicada em 1620:


O Papa vai morrer no meio desta aflição e a Santa Sé por causa de
seus infortúnios, será desocupada por um ano. Em seguida, subirá ao trono o
Pastor angelical. Pouco antes de sua eleição, este santo Pontífice irá coroar
um rei da França, através da concessão, lhe dará o título de Imperador.
Cingiu sua cabeça uma coroa de espinhos, em memória da paixão e
respeito pela majestade de nosso Senhor Jesus Cristo.
O Papa Angélico, com o rei da França, vai reformar a igreja, e muitos
cristãos desistirão de sua propriedade, e todas as ordens religiosas foram
excluídas, como a de Saint Vincent, ele fundou uma ordem religiosa que
prevalecerá em santidade em todos aqueles que o precederam. Nesta ordem,
todos os pontífices virão, e vamos escolher doze em memória dos doze
apóstolos que vão no brilho de sua santidade, para pregar o evangelho em
todo o mundo, e eles vão converter todos à religião de Cristo e também os
judeus.
Mas o Pastor angelical, depois de ver um sinal no ar e ter se juntado ao
rei da França, o novo imperador coroado por ele, como já foi dito, vai armar da
cruz sobre ele, o altar de São Pedro, e deixá-lo ir para Jerusalém, que é a
sétima e última cruzada, e que vamos ter feito antes, pois, ele será executado
sem a necessidade de voltar, porque depois, Jerusalém sempre pertencerá ao
Anticristo cristão.
Graças ao Pai de misericórdia, Sião Santo recanta nos templos de um
grande Deus. Muda a ovelha perdida que virá para beber no animado córrego:
três príncipes irão revestir a parte inferior do erro e ver claramente na fé de
Deus. O Senhor, então, dará a graça para os infiéis que irá converter à fé
católica. O rei da França, o novo imperador, para seu retorno triunfal a
Jerusalém, proibirá a utilização de armas, e haverá o reino de paz e
tranquilidade no mundo, que andam no caminho da justiça ... É este imperador
de duas cabeças, chamado Merlin, porque ele vai reinar sobre o Oriente e o
Ocidente.

Profecia do Mirabilis liber - O livro apareceu em 1524.


Em seguida, surgem na Gália um Rei dos gregos, francos e romanos, de
estatura alta, rosto bonito, seus membros tem as mais belas proporções. Ele
vai escrito na testa: Este homem irá realmente vingar o reino dos cristãos e
arrebatar o jugo de Ismael, a vitória sobre os sarracenos. Nenhum dos
sarracenos pode, portanto, reinar!, Sete vezes, ele irá torná-los os maiores
males, arruinar seu império, os acertar, após o que, haverá paz entre os
cristãos até que o tempo do Anticristo.
Nesse tempo, a riqueza será abundante, a frutificar a Terra, em
quantidade, de modo que três alqueires serão vendidos a um centavo. O rei
dos francos, gregos e romanos, reivindicando para si o império dos cristãos,
devastará as ilhas e cidades pagãs, derrubará os templos de idolatria, e
chamará todos os gentios ao batismo. A cruz será erguida em todos os
templos e a adoração de alguém não será punida pela espada.

Previsões de Marie-Josephe Levadoue - Marie-Josephe Levadoue diz:


Em todos os lugares que eu vi, foram surpreendidos pela vingança
divina. Eu vi pilhas de cadáveres que jazerão. Eu não sei se era a peste. Eu vi
que a França seria parecida com um deserto: muitas casas e poucos
habitantes, dez mulheres para um homem. Este é o caminho que Deus quer
usar para acabar com a prostituição que permeia este século, como Nosso
Senhor disse: "Este século é o século do bezerro de ouro e da prostituição. "

Profecia de um monge desconhecido - Um monge desconhecido do século


XVII, que lindamente evoca o aparecimento da primeira metade do século XX,
e que apareceu no livro de Louis Emrich "Die Zukunft der Welt" (O Futuro),
disse:
"Estranho pode ter sido um ou outro século, o século XX será o mais
estranho ainda. Virá um tempo cheio de terror e miséria por todos os homens
nesta Terra. Tudo que pode imaginar de ruim e desagradável acontecerá neste
século. Na sua criação, em muitos países, os governantes insurgirse-ão contra
seu pai, os cidadãos contra as autoridades, filhos contra os pais, pagãos contra
Deus e todos os povos, tudo contra a ordem estabelecida. Nele estourou uma
guerra onde as bolas caem do céu e explodem, e depois uma segunda guerra
em que quase toda a criação vai ficar chateada. Desastres maiores que a
riqueza e a propriedade ocorrerão e muitas lágrimas serão pagas. O Homem
será sem alma e sem piedade. Nuvens envenenando e queimando, queimando
mais do que o mais brilhante sol do Equador, rolando fortalezas de ferro e
cheio de balas terríveis e flechas voando em raios de navios, estrelas cadentes
fatais e enxofre de fogo à destruir grandes cidades deste século, que será o
mais estranho de todos os séculos, porque os homens são tolos de si e do
mundo e irão destruirem-se um ao outro.” (já ocorrida)
Padre Claudi, que morreu em 1849, em odor de santidade, em Paolo, na
Itália, disse:
As coisas vêm para o seu clímax, mas quando a mão do homem pode
ser qualquer coisa e tudo parece perdido, é quando o próprio Deus estará fora
e todas as coisas favoráveis num olhar como de manhã à noite. E os próprios
iníquos vão confessar que tudo isso foi feito pela mão de Deus.
Haverá um grande mal, será terrível e dirigida apenas contra os ímpios,
será um novo flagelo que nunca ocorreu. Este flagelo será sentido em todo o
mundo e será tão terrível que os que sobreviverem vão imaginar que ele seja o
único poupado, e todos ficará bem arrependidos. Este flagelo será instantâneo,
de curta duração, mas terrível.
Mantenha-se bem para acreditar o que alguém aconselha a dizer-lhe
que tipo de males que ameaçam o mundo, porque é uma coisa nova que Deus
nunca revelou a ninguém e só ele é que dá o segredo aos reservados.

Profecia do Rei do Lys


Surge um rei do famoso lírio, que tem a testa alta, sobrancelhas
arqueadas, olhos longos e nariz aquilino. Vai reunir um grande exército e
destruir todos os déspotas de seu reino e bater até a morte fugir através das
montanhas que procuram evitar a sua face. Será cristã a guerra mais
constante e subjugará e transformará o Inglês, o Espanhol, o aragonês, os
lombardos, os italianos.
Os Reis cristãos farão a sua apresentação. No mesmo ano, ele vai
ganhar a coroa dupla. Então, cruzando os mares à frente de um grande
exército, ele estará na Grécia e será nomeado rei dos gregos. Ele vai cativar os
turcos e os bárbaros e publicar um qualquer decreto de quem não adorar a
Cruz será condenado à morte.
Ninguém pode resistir a ele, porque sempre vai estar com ele o braço
forte do Senhor que lhe dará o império de todo o universo, e por esse fato, ele
será chamado a paz dos cristãos. Até Jerusalém, no Monte das Oliveiras, ele
reza ao Senhor e, descobrindo sua cabeça coroada e dando graças ao Pai, ao
Filho e ao Espírito Santo, que fará a alma neste lugar, com a coroa. E a terra
vai tremer e maravilhas serão vistas.

Profecia de Santa Hildegarda de Bingen - Santa Hildegarda de Bingen,


abadessa do Rupertsberg beneditino no Reno, Alemanha, foi apelidada de "o
Profeta do Novo Testamento".
...Meu filho veio ao mundo após os primeiros cinco séculos, e quando o
mundo era quase ao seu declínio. O filho da perdição, que reinará pouco
tempo, vem nos últimos dias. Depois de uma juventude licenciosa entre os
homens muito perversos e num deserto para onde ele tem sido conduzido
disfarçado como um anjo de luz, à um demônio a mãe do filho da perdição vai
conceber e dar à luz.
O filho da perdição é essa besta muito má que vai fazer morrer quem se
recuse a acreditar nele, que vai juntar-se aos reis, príncipes, grandes e ricos,
que desprezam a humanidade e consideram que o orgulho, que, finalmente,
subjugará todo o universo por meio do mal.
Ele aparecerá no ar agitado, e fará descer fogo do céu, produzirá
relâmpagos, trovões e granizo, inverterá as montanhas, os rios secos, tirará o
verde das árvores da floresta e, em seguida, os fazerá de novo.
Fará parecer aos homens doentes, que curará os enfermos, expulsará
demônios e ressuscitará os mortos, por vezes, fazendo um cadáver despertar
como se ele estivesse vivo. Mas este tipo de ressurreição nunca vai durar mais
de uma hora e para a glória de Deus não sofrem.
Ele vai ganhar um monte de pessoas, dizendo-lhes: "Você pode fazer o
que quiser, dar-se os jejuns, que assim como você me amou, eu sou teu
Deus."
Ele irá montar os seus tesouros e riquezas, e permitir-lhes participar em todos
os tipos de festas como eles querem. Ele vai forçá-los a praticar a circuncisão
e várias observâncias judaicas, e dizer-lhes. "Aquele que crê em mim, vai
receber o perdão dos pecados e viverá comigo para sempre."
Ele irá rejeitar o batismo e o evangelho e transformará em zombaria
todos os preceitos que a Igreja tem dado aos homens de minha parte. Então
dirá também aos seus seguidores: "toca-me com uma espada e coloque meu
corpo em uma mortalha sem mácula até o dia de minha ressurreição". Nós
realmente acreditaremos que dando-lhe, a morte ao seu lado estará olhando
para ressuscitar. Depois disso, ele vai comandar os seus servos para o culto.
Mas aqueles que, por amor ao meu nome, irão se recusar a prestar essa
adoração sacrílega para o filho da perdição, ele vai morrer no meio dos
maiores tormentos.
Mas eu enviarei minhas duas testemunhas, Enoque e Elias, que eu
tenho reservado para este tempo. Sua missão será a de combater o homem do
mal e trazer o caminho da verdade para aqueles que foram enganados. Ele
terá que operar sob os milagres mais marcantes em todos os lugares onde o
filho da perdição espalhou suas doutrinas do mal. Mas vou deixá-lo fazer o
dado perverso, mas vou dar-lhes no céu a recompensa de seus trabalhos.
Quando o filho da perdição realizar todos os seus projetos, ele vai reunir
seus crentes e dizer-lhes que ele quer ir para o Céu. Ao mesmo tempo, desta
ascensão, um raio o derrubará e o matará.
Por outro lado, a montanha onde ele está determinado a fazer sua
ascensão, agora coberta com uma corrupção e a propagação da nuvem e o
inferno realmente insuportável. Isso, na visão de seu corpo coberto com mofo,
abrirá os olhos para um monte de pessoas e os fará confessar seu erro
miserável.
Após a triste perda do filho da perdição, a esposa do meu filho, que é a
Igreja, vai brilhar com a glória sem igual, e as vítimas do erro estarão ansiosas
para voltar ao redil. Quanto ao que após a queda do Anticristo o mundo vai
acabar, o homem não deve procurar conhecê-lo, ele não poderia fazê-lo. O Pai
é o segredo dos reservados. Ó homens, prontos para o julgamento!

Previsões de Elizabeth Canori-Mora - Elisabeth Canori-Mora, da mesma ordem


que a sua contemporânea Anna Maria Taigi, por sua vez, escreve:
Todos estes homens estão em insurreição. Eles vão matar sem piedade.
Durante este açougueiro horrível e sangrento, a mão vingadora de Deus
habitará nesses infelizes e sua onipotência quebrará seu orgulho e temeridade.
Ele usará trevas para exterminar esses homens sectários e ímpios que
queriam derrubar a Santa Igreja e destruí-la em seus próprios fundamentos.
Inúmeras legiões de demônios, em seguida, viajarão pelo mundo e as grandes
ruínas que empilhando eles executam as ordens da justiça divina.
Esses espíritos malignos vão atacar todo o mal para as pessoas,
famílias, edifícios, mobiliário, vilas, aldeias, casas. Qualquer coisa que
encontrar na Terra não será poupada por Deus por estes bajuladores e
sectários que são obrigados a suportar a crueldade de demônios e serão
punidos com uma morte trágica e cruel.

Profecia do Venerável Bartolomeu Holzhauser - Bispo alemão do século XVII


Mas a paz ainda não está totalmente restaurada, porque por todos os
lados as pessoas conspiram para a república e calamidades tão terríveis serão
vistas em toda parte. A Igreja e seus ministros serão feitos dependentes. Os
príncipes serão revertidos, monarcas mortos e entregues aos sujeitos da
anarquia.
Em seguida, o Todo-Poderoso vai intervir com um tiro maravilhoso que
ninguém poderia imaginar. E esse poderoso monarca que vem de Deus, a
vontade de repúblicas de nada, subjugará seus inimigos, na derrubada do
império francês. Ele governará a partir do Oriente para o Ocidente.
Zeloso da verdadeira Igreja de Cristo, ele (O Grande Monarca) irá unir
forças com o Pontífice futuro para a conversão dos infiéis e hereges. Sob tal
pontífice que Deus predestinou ao mundo, será necessário que o reino de
França e de outras monarquias finalmente concordem, após as guerras
sangrentas, que desoladas e, sob a liderança deste grande Papa, que se
prestam a conversão dos infiéis, e todas as nações virão e adorarão o Senhor
seu Deus.
Ele vai quebrar o império turco e não deixará que permaneçam num
estado muito pequeno, sem poder e sem força até o reinado do Anticristo. Por
um justo juízo de Deus, na Palestina e na Terra Santa esta forma de império
turco. E nunca o país vai voltar ao rebanho de Cristo, porque está para nascer
e reinar o filho da perdição, o qual será reconhecido por todos os judeus ao
seu verdadeiro Messias.
Foi deste momento que o Salvador faz alusão quando diz, em São João,
capítulo V: "Eu vim em nome de meu Pai, e vós não me recebestes, mas se
outro vier em seu próprio nome, o recebereis".

A profecia de Jeanne Royer - Jeanne Royer, irmã da Natividade, a profetisa da


Revolução Francesa de 1789, disse:
Eu vejo Deus muito antes de o Anticristo chegar ao mundo e serão
atingidos com guerras sangrentas.
Poucos anos antes da chegada do meu maior inimigo, disse Nosso
Senhor à Irmã, Satanás levantará falsos profetas que proclamam o Anticristo
como o verdadeiro Messias prometido e vai tentar destruir todos os dogmas do
cristianismo.
E eu, disse sobre ele, que eu vou profetizar para as crianças e velhos.
Quanto mais nos aproximamos do reinado do Anticristo, mais a escuridão de
Satanás vai se espalhar sobre a Terra, e seus satélites farão todos os esforços
para derrubar os fiéis em suas redes. Para copiar de alguma forma as
instituições sagradas da Igreja, os inimigos da religião irão introduzir nas
chamadas organizações religiosas o voto de castidade ...
Estes fazem um grande serviço ao diabo em sua obra. Por sua parte,
ele vai te dar a essas mulheres uma notável beleza das coisas maravilhosas
que ele vai através deles, para que todos os olhos estão fixos sobre eles, por
causa disso, as "virgens vestais" serão consideradas como uma espécie de
divindade.
Revelações de coisas ocultas, previsões do futuro, visões, estados de
êxtase no corpo e na mente serão em casa, na frente de todos. Nós ouvimos
sobre as coisas que estes prodigiosos e aqueles desses falsos mestres, que
por sua vez é para "buscar nada menos do que as pessoas que trabalham com
fatos sensacionais em que o diabo irá desempenhar um grande papel.”
Esses chamados santos, estes honrados como benfeitores, têm
reuniões noturnas com as pseudo-religiosas mencionadas acima, que fizeram
um voto de castidade. Uma dessas "virgens vestais" dará vida ao próprio
Anticristo, que é provável que seja o pai de um líder na principal dessas
reuniões noturnas.
Um dia eu estava em espírito em uma campanha, sozinho, e o único
Deus, Jesus Cristo apareceu para mim em uma eminência de um sol lindo que
fixado em um ponto do horizonte se mostrou. Ele disse-me com uma
expressão triste: A figura do mundo passará no tempo da minha última
abordagem e advento. Quando o sol está se pondo, se diz que o dia passa e a
noite vem. Todas as idades são um dia antes de mim. Considera, portanto, que
a um termo deve chegar o mundo, ainda há espaço no sol para ir. Eu olhei com
cuidado e julgo que não havia mais do que cerca de duas horas no sol.
A uma pergunta da irmã, Jesus disse: Não se esqueça de que não
devemos falar de mil anos para o mundo, ele tem apenas alguns séculos e
pouco tempo. Mas eu vivo, diz a irmã, ele reservou para si o conhecimento
preciso deles, e eu não estava tentado a pedir-lhe mais informações sobre este
item, estava feliz em saber que a paz da Igreja e a restauração da disciplina
devem durar um tempo considerável.
Deus quis fazer-me para a luz. Eu comecei a assistir o século que deve
começar em 1800 e moro com a luz que o julgamento não estava lá e que não
seria o último século. Eu olhei para a luz do século, de 1900 até o final, para
ver se, positivamente, ele seria o último. Nosso Senhor me fez conhecer e ao
mesmo tempo me colocar em dúvida se isso seria o fim do século, em 1900 ou
em 2000. Mas o que eu vi é que se o julgamento vem do século, em 1900, ele
só vai chegar ao fim e se passa no século de 2000, e não acontecerá sem
que isso aconteça. Vi-o na luz de Deus.

Profecia do Padre Abbot Voclin - Padre Voclin previu em 1827:


Um rei segundo o coração de Deus, então, subirá ao trono. Seu reinado
será longo. A França será bem sucedida, em honra da religião. Depois, talvez
um século de felicidade, os homens ainda serão pervertidos: será o fim do
tempo.

Kirby Cemitery - A inscrição em uma lápide no cemitério de Kirby, na Inglaterra,


datada do século XV:
"Quando as imagens olharem vivas com movimentos livres. Quando os
navios, como os peixes nadarem sob o mar. Quando os homens, superando
pássaros, mais rápidos do que as aves, vão rachar o céu, então metade do
mundo irá deitar profundamente mergulhado em sangue".

Profecia de Jasper - O mais famoso desses profetas foi o agricultor Jasper, a


partir do final do século XVIII. Aqui está o que ele diz:
Eu tenho medo em direção ao leste. A guerra eclode deste lado tão
rapidamente que à noite eles vão dizer: "Paz, paz, e não haverá paz, porque os
inimigos já estão à porta e todo o som do ruído de guerra.” Ela não vai, no
entanto, ser uma guerra religiosa, mas todos aqueles que acreditam em Jesus
Cristo serão causa comum.
Um grande sinal dos tempos em que esta guerra vai sair é o calor geral,
na religião e na corrupção moral em vários lugares.

Profecia de Marie-Julie Jahenny - Marie-Julie, que tinha os êxtases mais


extraordinários da Igreja contemporânea, e cuja vida foi um milagre
permanente, previu em 1896:
Haverá três dias de escuridão física. Por três noites e dois dias, haverá
uma noite contínua. Só as Velas de cera Abençoadas podem dar luz durante
esta horrível escuridão. Uma vela será suficiente para três dias. Mas nas casas
dos ímpios e blasfemos não haverá clareza.
Durante estes três dias de escuridão, os demônios aparecem nas
formas mais hediondas e mais terríveis. Você vai ouvir no ar as blasfêmias
mais horríveis. O raio vai entrar em vossas casas, mas não extingue a luz das
velas bentas. Nem vento nem tempestade, nem terremoto, não pode desligá-
las.
Nuvens vermelhas como sangue vão vagar no céu. O estrondo do
trovão sacudirá a Terra afirmando o relâmpago pelas ruas, em uma época
onde nunca ocorreu. A Terra será agitada desde as suas fundações. O mar
elevará ondas rugindo que vão espalhar-se por todos os continentes. O fluxo
de sangue será tão abundantemente que os homens o terão até a cintura.
A Terra se tornará como um vasto cemitério. Os corpos dos ímpios dos
justos jazerão no chão. A fome será grande. Finalmente, tudo vai ficar confuso
e três quartos dos homens perecerão. A crise explodirá quase de repente, a
punição será comum a todo o mundo e terá sucesso sem interrupção.

Profecia do monge Woerl - O monge Woerl previu:


Haverá uma guerra terrível, de um lado vão ser todos os povos do
Oriente, do outro, os do Ocidente. A Rússia derramará sobre nós as enormes
massas de soldados e cavalaria dos cossacos. Lutaremos muito tempo sem
resultado decisivo, até que finalmente chegaremos à Renânia. Então, três dias
lutamos, de modo que a água do Reno ficará toda vermelha.
Virá o tempo em que haverá descontentamento geral e desprezo da
religião. Quando ninguém vai obedecer, quando não podemos mais distinguir
entre ricos e pobres, quando as pessoas abandonam inteiramente aos
prazeres sensuais e o prazer, quando a iniquidade atingir o seu clímax, e
acreditarem que o tempo está próximo.
O monge promete para depois desta batalha, que: A Paz será feita, óh!,
A Alemanha e a França recuperarão o seu rei, o pastor vai trazer as ovelhas
para o rebanho.

A profecia de Orval – (Séc XIII)


Deus ama a paz. Vem jovem príncipe, deixa a ilha do teu cativeiro,
junte-se a flor branca do leão. O que está previsto, se Deus quiser, o sangue
dos velhos séculos ainda acabará em longas divisões. Quando um pastor vai
ser visto no Gaulle Celtic. O poderoso homem de Deus se sente bem,
regulamentos mudam e os sábios pedirão paz. Deus é acreditado com ele,
como é prudente e sábio a descendência do Cabo.
Graças ao Pai de misericórdia, Sion santo rechante nos templos um
grande Deus. Muda, ovelha perdida virá para beber no animado stream: três
príncipes irão revestir a parte inferior do erro e ver claramente na fé de Deus.
Nesse tempo, um grande povo retomar a verdadeira crença em duas
terceiras partes. Deus ainda abençoado por quatorze vezes seis luas e seis
vezes treze luas. Deus é bebido ter bocejou das misericórdias e ainda quer
estender sua boa paz, mesmo para dez vezes doze luas.
Só Deus é grande. Bens estão fazendo; santos vão sofrer. O homem
mal vem e leva os dois sangues crescimento. Branco escurece flor para dizer
seis vezes seis vezes vinte luas e luas, e depois desaparecem, para nunca
mais reaparecer.
Só Deus é grande. bens são feitas, e os santos hão de sofrer. O homem
mal vem e leva dois crescimento sangue. Flor branca escurece pendand dez
vezes seis luas e seis vezes vinte luas, em seguida, desaparece para nunca
mais aparecer.
Muito difícil, muito pouco nesse tempo. Muitas cidades perecer pelo
fogo. Portanto Sus Israel se aproxima de Deus a sério. Seitas e cultos malditos
fiéis são duas partes muito distintas. Mas é: quando só Deus é para ser
acreditado e a terceira parte da Gália e até mesmo a terceira parte vai ter
nenhuma crença, bem como de quaisquer outras pessoas.
E agora, três luas e seis vezes quatro vezes cinco luas de que tudo está
fora e no final do século começou. Após uma série de luas não-full Deus luta
por ambos justos e o homem mau tem a mão superior. Mas isso é feito, Deus
coloca-se uma parede de fogo que escurece minha mente e eu não vejo mais.
Seja louvado para sempre!

Profecia do Padre Jérome Bottin - Mosteiro de Saint Germain des Pres (1420):
"... E haverá um filho de sangue do rei, que dá às pessoas de Artois, ele
vai governar com prudência e honra da França, e que o Espírito do Senhor
estará com ele, diz-se que está com o Espírito ..."

A visão do Papa Pio X - 1909


"O que eu vi foi horrível!, Será que será eu, ou vai ser o meu sucessor,
eu não sei. Mas o que é certo é que eu vi o papa a fugir a pé do Vaticano sobre
os cadáveres de seus sacerdotes: Não diga a ninguém, enquanto eu viver!"
"Eu vejo os russos em Gênova."

Santo Agostinho (391-396):


"Alguns de nossos médicos asseguraram que o bispo Hippone disse que
um rei franco um dia possuirá o Império Romano em toda a sua extensão. Este
rei virá nos últimos dias do mundo. Será o maior e último de todos os reis. Isso
fará com que a alma vá para Jerusalém, no Monte das Oliveiras, e
imediatamente após, o Anticristo virá."

Profecia de São Francisco de Paula - São Francisco de Paula (1416 - 1508),


fundador da Ordem dos Mínimos, que era o edredom de Louis XI, que morreu
em Plessis-les-Tours. Em 13 de agosto de 1469, ele disse:
"Em todo o mundo, haverá apenas um sumo sacerdote e o rei que serão
recursos de grande porte. O império do Rei durará até o fim dos tempos. Não
haverá mais, em seguida, doze reis, um imperador e um papa, e alguns
príncipes, e todos os santos
O rei é o grande fundador de uma nova ordem religiosa diferente de
todos os outros e que se subdivide em três (cavalheirismo militar, os
sacerdotes religiosos e hospitalares), e fará com que sejam um serviço à
Igreja, o mesmo que será a última vez de todos
Com sua ajuda, o rei destruirá completamente a seita de Maomé,
extirpará todos os hereges, cessarão todas as tiranias e tomará pela força das
armas um grande reino, então, haverá um só rebanho e um pastor e todo o
mundo será reduzido aos santos costumes".

Saint Rémi - São Rémi; que um dia antes batizou Hlodwig (Clovis), que foi o
primeiro rei franco que se converteu ao catolicismo em 496; disse:
No final do tempo, um descendente do reino dos reis franceses reinará
sobre todo o antigo Império Romano. Vai ser o maior dos reis da França e da
última dinastia de sua raça. Ele virá como um milagre. Usará a velha capa. O
trono será colocado para o sul. Depois de um reinado mais glorioso, ele irá
para Jerusalém, e no Monte das Oliveiras, colocará a sua coroa e cetro, e,
portanto, em última análise, será o Sacro Império Romano e Cristão.

A profecia da Sibila Tiburtina


Um príncipe da iniquidade, em seguida, sairá da tribo de Dã (uma das
tribos de Israel), e será chamado o Anticristo Filho da perdição, cheio de
orgulho e sem sentido e malícia, ele vai pousar em uma série de maravilhas,
para apoiar o erro que ele ensinou, por seus sacrifícios mágicos, ele
surpreendeu a boa-fé de muitos que verão na sua voz, o fogo do céu.
Assim, o Anticristo se revelará publicamente e ele vai sentar-se na casa
de Deus em Jerusalém. Então, vamos ver uma grande perseguição, de tal
forma que jamais houve, e nunca haverá.
Os anos serão diminuídos como os meses, e os meses como semanas,
e as semanas como dias, e os dias como horas. Deus não vai encurtar a
medida, mas o número daqueles dias terríveis, o Deus do que está escrito: o
dia é realizado ao seu pedido.
Durante o seu reinado, aparecem dois homens famosos, Elias e Enoch,
para anunciar a vinda do Senhor. O Anticristo irá colocá-los à morte, e dois
dias depois o Senhor os levantará. Porque os funcionários eleitos, em virtude
do Senhor, o Anticristo será morto no Monte das Oliveiras por Miguel (O
Arcanjo) e de repente o renascer dos mortos (Ressurreição).
E quando os 120 anos forem cumpridos, os judeus se converterão a
Deus, e sua sepultura será glorificada por todos. Naqueles dias, Judá será
salvo e Israel vai retomar a confiança. Então, o Senhor Jesus Cristo virá para
julgar o mundo e o Império Romano deixará de existir.

Previsões da Beata Anna Maria-Taigi - A venerável Anna Maria Taigi, da


terceira Ordem Romana da Santíssima Trindade, que previu com precisão
absoluta os eventos do Primeiro Império, a morte de Napoleão, primeiro em
Santa Helena, a guerra na Grécia contra os turcos, a revolução de 1830, na
França, a guerra na Polônia, a eleição dos papas desde Pio VII e os destaques
do seu pontificado, e o próximo vôo (fuga) do Papa durante a revolução
italiana, anunciando tanto a grande epidemia, quanto os três dias de escuridão
físicas. Este flagelo tinha sido repetidamente expressado no dom misterioso,
onde ela viu o futuro:
Deus enviará dois castigos no mundo, o primeiro vêm do homem, ou
seja, guerras, revoluções e outros males, o outro virá do céu. Escuridão
excessivamente espessa virá sobre o mundo, e envolverá a Terra por três dias
e três noites.
Na escuridão, será impossível distinguir qualquer coisa. O ar estará
fedendo por demônios que aparecerão sob todos os tipos de formas horríveis,
mas esta peste não prevalecerá exclusivamente, mas, principalmente os
inimigos da religião, ocultos ou aparentes, com exceção de uns poucos que
Deus converterá em breve depois.
O flagelo da terra (terremotos medindo) será mitigado através de
orações, mas não do céu, a ser horrível, horrível e universal na última,
enquanto na segunda escuridão será impossível ver a luz. Apenas velas
abençoadas serão acesas e eles também se acenderão.
Quem por curiosidade abrir as janelas ou olhar para fora ou sair pela
porta, cairá morto na mesma hora. Durante estes dias devemos ficar em casa,
rezando o rosário e invocando a misericórdia de Deus. Velas bentas
preservarão da morte, e invocações a Maria e aos anjos. Finalmente São
Pedro e São Paulo vão aparecer nas nuvens e a fé voltará para os corações.

Catherine Emmerich - Catherine Emmerich, em 1800 deu a seguinte precisão


cronológica:
"Eu aprendi que Lúcifer deve ser desencadeado por um tempo,
cinquenta ou sessenta anos antes do ano 2000 da era de cristã, se não me
engano."
"Eu vi o Santo Padre, na grande tribulação e grande ansiedade sobre a
Igreja. Vi-o rodeado por traição. Vi que, em alguns casos na extrema aflição,
ele tem visões e aparições. Eu sou muito bom e dei bispos piedosos, mas
eram moles e fracos, e muitas vezes assumiram o partido errado..."

Profecia de São Tomás de Aquino (1227-1274) - Bispo de Lausanne século XII.


"... Deus escolheu um homem segundo o seu coração e cuidará do
rebanho do seu povo. E este homem ensinará à todos a vontade divina de seu
Senhor à amá-los com todas as suas nações e corações.
Todos os homens não formam um só rebanho sob um só pastor. Com
este grande pastor surgirá o grande Rei que irá receber o reino da nova
cidade, e logo apascentará a mão sobre os infiéis da África e na Europa. Ele
irá florescer a fé e será amado por todos, porque a sua ação excitará
admiração.
Os séculos, finalmente, e a unidade primitiva serão restaurados, os
membros dependerão da mesma cabeça e uma ovelha especial será parte de
um rebanho de Cristo ..."
"... Quando nasce, entre os lírios, os mais belos príncipes, cuja fama é
grande entre o rei, tanto por causa de uma rara beleza de seu corpo e por
causa da perfeição de sua mente. O universo inteiro obedece quando o
carvalho elevado cairá e esmagará sua queda o javali eriçado ..."
A profecia de Merlin - O Mago inglês, Marette vila ergue-se um menir vermelho
xisto é dito ser o túmulo de Merlin.
É fortemente realizada perto da Terra, onde ele deve parar nos
solstícios, se você quiser sentir o poder. Antes de vinte séculos passados
depois do nascimento de Cristo (antes de se completarem 2000 anos do
nascimento de Cristo), toda a Itália tremerá de alegria e medo. O soberano e a
gente da Gália vão tropeçar e os injustos tremem de medo, e aqueles que
estão diante deles tremerão de alegria, porque ele vai engolir seus inimigos.
Não perderá as unhas do leão.

Profecias sobre a Rússia


A Rússia parece ser hoje uma incógnita: seus líderes declaram que os
bancos russos não têm como honrar suas dívidas, os salários de funcionários
do governo estão atrasados há meses, os estudantes russos em protesto, as
bolsas despencaram em todo o mundo, com a expectativa de consequências
inesperadas para outros países como China, Japão e quem sabe, o Brasil.
A situação na Rússia é desanimadora. A queda das bolsas na Rússia e
no Japão gerou um efeito-dominó e fez muitas bolsas caírem em todo o
mundo. Parece que o mundo está em crise. Os jornais começam a comparar a
situação atual com a situação do planeta pouco antes da Segunda Guerra
mundial.
A Rússia, em uma situação difícil, como mostram os jornais, sofre
pressões de todo lado para não imprimir dinheiro para quitar suas dívidas. O
que será que dizem as profecias sobre o futuro da Rússia?
Há profecias que falam claramente da participação da Rússia em uma
guerra mundial, sua destruição durante a guerra e de sua conversão ao
catolicismo, durante e/ou após a guerra.
Segundo as profecias, a Rússia invadirá a Europa, atacará os Estados
Unidos e invadirá a China. Há algumas profecias que citam a Rússia
nominalmente, enquanto outras que mencionam algo como um dragão
vermelho ou uma invasão europeia que vem do leste. Estas são as principais
profecias que conheço no momento que falam claramente sobre a Rússia:
(Não condiz com a realidade contemporânea)
Em uma aparição em 1917 no vilarejo de Fátima, em Portugal, Nossa
Senhora transmitiu a três crianças, Lúcia, Jacinta e Francisco:
“Quando virdes uma noite iluminada por uma luz desconhecida, sabei
que é o sinal que Deus vos dá de que está próxima a punição do mundo por
seus pecados pela guerra, pela fome e pelas perseguições contra a Igreja e
contra o Santo Padre. Para impedir, virei pedir a consagração da Rússia ao
meu Imaculado Coração e a comunhão reparadora nos primeiros sábados. Se
atenderem a meus pedidos, a Rússia se converterá e terão paz; se não, seus
erros serão espalhados pelo mundo, promovendo guerras e perseguições à
Igreja; os bons serão martirizados, o Santo Padre terá muito que sofrer, várias
nações serão aniquiladas; por fim, o meu Imaculado Coração triunfará. O
Santo Padre consagrar-me-á à Rússia, que se converterá e será concedido ao
mundo algum tempo de paz”.
Jasper, Alemanha (séc. XIX)
"Haverá uma guerra terrível. De um lado, todos os povos do Oriente, no
outro, todos do Ocidente. A Rússia lançará sobre nós suas massas enormes
de soldados e de cavalaria cossaca. Se combaterá por longo tempo sem
resultado decisivo até que chegarão ao país do Reno. Lá, se combaterá por
três dias, de tal forma que as águas do Reno ficarão todas vermelhas.”
Irmã Elena Leonardi Aiello, italiana (séc. XX, nascida em 1919) - Em
suas revelações, a Irmã predisse alguns fatos já confirmados, como a derrota
da Itália na segunda guerra mundial. Disse em 1960 que a
“Rússia, com armas secretas, lutará contra os Estados Unidos,
conquistará a Europa e o rio Reno na Alemanha estará cheio de cadáveres”.
Disse também que a “Rússia invadirá a Europa e especialmente na Itália,
causará muita ruína e destruição”.
Sobre a próxima guerra mundial, ela disse:
“Quando no céu aparecer um sinal extraordinário, os homens deverão
saber que está próxima a punição do mundo. Muitos sinais jamais vistos virão
sobre o mundo para advertir os homens que já se passou dos limites. O terrível
cataclisma, jamais visto na história da humanidade, durará 70 horas. A Rússia
marchará sobre todas as nações da Europa e colocará sua bandeira sobre a
cúpula de São Pedro. Que dor!,Os governos não compreendem, porque não
possuem o verdadeiro espírito cristão, eles abrem as portas ao materialismo.”
(abril de 1976).*Notem a semelhança da profecia acima com a mensagem de
Fátima e com o combate de três dias da profecia de Jasper.
Em uma aparição de Nossa Senhora de Todos os Povos, em
Amsterdan, na Holanda, foi dito a Ida Peelerman que uma grande calamidade
virá antes de se completarem 2000 anos da morte de Jesus. Especificamente
sobre a Rússia, foi dito:
“Vejo nuvens pesadas e espessas aparecendo sobre a Europa e sob
elas ondas imensas que se espalham sobre a Europa. A Senhora estende
seus braços e suas mãos e sai luz... O rosto da Senhora está comovido e
triste. Ela assinala as nuvens espessas que baixam e as ondas imensas. ‘Eles
devem primeiro perecer pelo dilúvio e somente então...’ Catástrofes virão do
norte ao sul, do sul ao oeste, do ocidente ao oriente. (...) Então vejo caras
grandes desfiguradas, com úlceras repulsivas. Sinto enfermidades terríveis,
como lepra, etc. ‘É isto o que inventam. A Rússia, mas, outros também.
Nações, estais avisadas.’ Disse a Senhora”. *A vidente vê as palavras "Guerra
Econômica", "Boicote" e "Desastres".
Ela vê a foice e o martelo (símbolo do comunismo, antigamente na
bandeira da ex-URSS e atualmente na bandeira da China e em muitas
bandeiras das ex-repúblicas soviéticas). O martelo se separa da foice e os dois
entram em um turbilhão (alusão ao fim da URSS e a crise na Rússia e nas ex-
repúblicas comunistas na transição entre Mikhail Gorabachev e Boris Yeltsin).
E eis que entram no turbilhão um sol (O Oriente) e uma meia-lua (Os
muçulmanos)". (dezembro de 1947).
“Rússia o fará em segredo. Haverá uma grande mudança. A natureza
também mudará.” (maio de 1948).
“Vem comigo à Rússia. Então vejo todo tipo de gente em edifícios de
cristal sob a terra. Alguns estão trabalhando sob a terra. Creio que são
alemães, franceses, polacos, etc. Fabricam pós químicos. "América, está
advertida, intervém, tem que intervir". Disse a Senhora.” (outubro de 1949).
“Um grande conflito ocorrerá - Estados Unidos, Rússia... o tempo não
está longe. O Japão será convertido.” (fevereiro de 1950).
“Manchúria (China), ali haverá uma rebelião terrível. As nações do
oriente foram despertadas por uma humanidade que não crê no Filho. Vejo a
Ásia. A Senhora estende sua mão sobre uma parte dela - me parece a Ucrânia
- como se a protegesse... A Senhora assinala até América e diz: ‘não leve sua
política muito longe.’ Vejo bastante destruição na Rússia. Agora vejo um
deserto. (...) A Europa está dividida em dois grupos (União Européia e os
outros países que não pertencem à União Européia).” (dezembro de 1950).
Nas aparições em Kérizinen, França (1938-1965), à Jeanne-Louise,
Maria fez várias profecias confirmadas sobre a Segunda Guerra mundial, como
a de uma guerra que iria começar em 1938, sobre a invasão da França poucos
meses antes, sobre a proximidade do fim da guerra em 1944, sobre o perigo do
comunismo. Em 1949, por várias vezes falou sobre uma espécie de castigo,
uma guerra, que começaria e que seria "a mais desastrosa das guerras". Ela
disse ainda, em 1948, que "a França será invadida pelos russos". Ela
profetizou ainda sobre a conversão de todos os países inimigos da Igreja
Católica, causadores da guerra.
Berta Petit, Bélgica (1943): A Santíssima Virgem se dirigiu a ela e
mostrou que ocorrerá no mundo algo bastante grave, do que não era possível
se ter uma idéia aproximada. A vidente perguntou:
– É o fim do mundo? - E Maria respondeu:
– Não é o fim do mundo, é o advento do Reinado do Coração Divino e
meu Coração Imaculado.
Depois, em uma visão de Jesus, após ter visto que a Rússia seria
destruída pelo fogo, ela pergunta a Jesus:
– A Mãe de Deus prometeu converter a Rússia. Mas como poderá
converter a Rússia se ela será toda invadida pelo fogo?
– As plantas que meu Pai não plantou têm que ser arrancadas pela raiz.
Irmã Rosa Colomba Asdente (1781-1847): Esta irmã profetizou dizendo
que a Inglaterra, a Rússia e a Turquia voltariam à Igreja Católica e o
catolicismo refloresceria após a guerra (após a próxima guerra na Europa).
Anna-Maria Taigi (1769-1837):
“Então, a Cristandade se espalhará por todo o mundo. Nações inteiras
se unirão à Igreja pouco antes do reino do AntiCristo. Estas conversões serão
incríveis. Aqueles que sobreviverem se conduzirão bem. Haverá inúmeras
conversões de hereges, que voltarão para a Igreja; todos notarão a conduta
edificante de suas vidas, assim como todos os outros Católicos. A Rússia, a
Inglaterra e a China irão para a Igreja e o povo estará em júbilo contemplando
o triunfo espetacular da Igreja. Então aparecerá o Sedutor.”
Abade Souffrant (1821):
"A Rússia se converterá e ajudará a França a levar a paz e a
tranquilidade ao mundo inteiro.” (Após a próxima guerra na Europa).
Benjamín Solari Parravicini, Argentina (séc. XX): Sobre as conversões
dos países ao catolicismo:
“Rússia verá a Rússia e a descobrirá!”
“Japão descobriu o Japão!, Gritará o que encontrou!”
“China descobriu a China e ensinou o que encontrou.”
Alois Irlmaier, Alemanha (1894-1959):
"Na Rússia, começam uma revolução e uma guerra civil. Os corpos são
tantos que não é possível removê-los mais das estradas. A cruz vem para
honrar novamente. Os russos acreditam em Deus novamente. Os maiores,
dentre os líderes do partido, se suicidam e no sangue, os grandes culpados
são lavados. Vejo uma massa vermelha (Comunistas), misturada com rostos
amarelos (Chineses), é um conflito geral e uma horrível mortandade. Então,
eles cantam o canto da Páscoa e queimam velas em frente a imagens sacras.
Pela oração da Cristandade, a besta do inferno morre; além disso, os jovens
acreditam novamente na intercessão da mãe de Deus.”
O Liber Mirabilis - O Liber Mirabilis foi um célebre livro de profecias
publicado pela primeira vez em 1522 ou 1524 na França. Escrito em latim a
maior parte e com as páginas finais em francês. Diversos livros de profecias
mencionam este livro ou seu autor. Tão famoso ficou o nome do livro, que é
utilizado hoje por uma publicação na França, uma revista do Centro de
mitologia nórdica e francesa. Esta antiga coletânea de profecias, possui na
parte final do livro, em francês arcaico, a profecia seguinte, que fala de uma
guerra entre a Rússia e os países cristãos:
"Haverá uma grande fome na Rússia e por esta fome toda a Rússia será
destruída: (...) Aos cristãos de outros países começará uma batalha contra os
pagãos deste país pela qual eles estarão em problemas e todos os cristãos
que estiverem nesta batalha."
Profecia russa da capela de São Nicolas (século XV) - Na capela de São
Nicolas, na cidade de Popovka, perto de Taganrog e do mar de Azov, na
Rússia, existia uma profecia de um monge chamado Pouskof, datando do
século XV. Esta profecia é citada no livro de profecias Les Prophéties des
Derniers Temps, apresentadas em 1958 por Suzanne Jacquemin. Diz essa
profecia:
"No final do século XX (creio que, o que se quis dizer aqui com final do
século XX, diz respeito não ao fim do século XX, mas, sim ao fim de vinte
séculos, à contar do nascimento de Jesus Cristo), a Rússia verá grandes
desordens. As casas, os povos, as terras serão transformados por muito
sangue. Nós assistiremos a coisas terríveis através de quadros (através da
TV). O que está no alto descerá. Aquilo que está embaixo voltará ao alto."
Madeleine Porsat (1843):
Apesar de não estar mencionando a Rússia, fala que uma crise
econômica mundial deve preceder a maior guerra de todos os tempos.
"Eis a sexta praga: a crise econômica mundial. O comércio caminha
para o seu fim. Entre a sexta crise e a sétima, não haverá repouso. O ano de
1789 trouxe problemas para a França, mas a sétima crise vai afetar o mundo.
O mundo acreditará que tudo está perdido, destruído!"

Profecias Católicas sobre o Fim dos Tempos


Um Grande Castigo Universal - Desde os tempos antigos, quase desde
o início da Idade Média, o Senhor, por meio de almas de sua predileção, alerta,
ameaça, impede, anunciando na decadência da fé, a transgressão de seus
ministros e a entrada da abominação no Santuário.
Estas são profecias de santos e pessoas que morreram em odor de
santidade em relação ao fim dos tempos.
As profecias sobre o grande castigo que precedem um triunfo
extraordinário da Igreja são inumeráveis. Todos convergem para a Mensagem
de Fátima, que é a confirmação feita pela Virgem Mãe de Deus em si. É
possível observar algumas características delas:
1) Elas não se contradizem, mas complementam-se e expandem-se
2) O castigo virá de uma forma inesperada, quando tudo parecer perdido
3) Será terrivelmente exterminador
4) Além de guerras, epidemias, convulsões naturais, etc., haverá uma
intervenção direta e visível de demônios e legiões angélicas.
5) A causa do triunfo Católico ocorrerá com um golpe da Providência
Divina e a Revolução "desabará" instantaneamente.
Santa Hildegarda de Bingen, Alemanha (1098-1180):
Nas mãos de nossos inimigos, as barras de ferro são destinadas à
vingança do Senhor. O Senhor vai colocar nas mãos de nossos inimigos barras
de ferro destinadas a vingar:
"Quando você perder o temor de Deus por completo, guerras atrozes e
cruéis acontecerão com contenção, uma multidão de pessoas serão
sacrificadas para eles e muitas cidades se tornarão em montões de ruínas.
Assim como o homem ganha sua força sobre a fraqueza da mulher e o
leão bate em todos os animais, assim como alguns homens, de ferocidade sem
precedentes, levantados pela justiça divina, tirarão sarro do resto de seus
colegas.
Isso tem acontecido desde o início do mundo, e o Senhor vai colocar
nas mãos de nossos inimigos barras de ferro cruelmente destinadas para
vingar as nossas iniqüidades". (SM Mirakles, p. 39-40).
Santa Brígida da Suécia (1303-1373):
Eu vou com meu arado para o mundo, e não perdoarei cristãos ou
gentios. Ameaças do Senhor contra o mal:
"Minha esposa, como acabar com o mal sobre o mundo?, Parece-me
Senhor, disse o Santo, que despejou um saco que atrai a todos e não se
importando com o que pode vir, como ir de carreira. É justo, disse o Senhor, ir
com o meu arado para o mundo, e não perdoar os cristãos ou gentios, rapazes
ou velhos, pobres ou ricos, mas, cada um será julgado segundo as suas obras
e morrerá no seu pecado, mas deixarei algumas casas, porque ainda não é o
fim". (revelações celestes, p. 220).
O homem está prestes a pecar, e o diabo para seduzir. Deus "se
arrepende" de ter criado o homem:
"Se a vergonha e o remorso que me encaixa, Jesus disse, poderia até
dizer agora: Eu me arrependo de ter feito o homem. Porque este tornou-se um
animal que recebe o seu gosto na rede, e mais vozes a serem dadas, é o
desejo de sua vontade e não é necessário que o diabo tente por violência, mas
o próprio homem se encaminhará à malícia do diabo. São homens e cães, que
é a primeira ligação do raspador, e que é usado mais tarde para pegar e rasgar
animais antecipar caçadores de ir para a represa. Então, o homem cujo prazer
em ser pecado, está prestes a pecar e o diabo à tentá-lo.
"E não há muito que os homens deveriam fazer com isso, porque as
mesmas pessoas que, por sua primazia e dignidade foram aquelas que usaram
e devem aplacar Deus, caíram longe de sua santidade e bom exemplo ...
"(revelações celestes, p. 210-211).
Nosso Senhor ameaça os pecadores de todo o mundo:
Queixo-me que você se afastou de mim e acreditou que o diabo é o
inimigo:
"Nosso Senhor Jesus Cristo, um homem de beleza insondável e Senhor
de poder imenso, sentado em seu trono, tendo ao seu lado Nossa Senhora de
glória radiante, ameaça os pecadores do mundo, com estas palavras: "Ouvi
todos os inimigos meus, você vive no mundo, porque eu não falo com meus
amigos meus que vão ouvir, todo o clero, bispos e arcebispos e menos sobre
quantos na Igreja. Ouça religioso de qualquer ordem que você pode ser. Ouça
reis e príncipes e todos os juízes da Terra e todos os assuntos.
Ouvi, rainhas e princesas, senhoras e escravos, e toda a categoria de
qualquer condição e você, grandes e de pequeno porte que habitam a Terra,
ouçam as palavras que eu te digo agora que eu cresci.
"'Queixo-me que você se afastou de mim e acreditava que o diabo, é o
inimigo, que você quebrou os meus mandamentos e seguiu a vontade do
diabo, e obediente às suas inspirações, independentemente de que eu,
imutável e eterno Deus e seu Criador, porque eu desci do Céu para o ventre da
Virgem, que se fez carne e habitou com você. Para mim, eu abri o caminho e
eu expresso a doutrina pela qual você iria para o Céu.
Eu despido e açoitado, coroado de espinhos, e eu cruelmente estendido
quase desvendando os tendões e as articulações do meu corpo, eu ouvi todo
tipo de insultos e sua salvação sofreu uma morte ignominiosa e sofrimento
amargo.
"'Nada disto vocês consideram, meus inimigos, porque vocês estão
enganados, e assim vos dou com suavidade enganosa o jugo e o fardo do
diabo, e viverão na ignorância, e nem sentirão o jugo, até que a dor seja um
fardo infinito, nem nada disso será o suficiente, mas seu orgulho é para que se
pudesse ir até a mim, eu o faria de bom grado, e tal é a sensualidade da sua
carne, você queria me faltar melhor do que deixar o seu deleite confuso.Sua
ganância insaciável é também como um saco furado, porque nada pode
satisfazê-lo. Produzi o que você gosta e frutificai agora:
"Por isso, eu juro pela minha Divindade, que se você morrer no estado
em que está agora, você não vai ver o meu rosto, mas no seu orgulho, tão
profundamente, você vai mergulhar no inferno, para que todos os demônios
estejam em cima de você, incansavelmente afligindo-os: por sua luxúria ser
preenchida com o terrível veneno do diabo, e todos vós serão suas dores e
tristezas de ganância, e vocês vão ser participantes de todos os males no
inferno. Oh, meus inimigos, abomináveis, degenerados e infelizes, vocês estão
em meus olhos como a minhoca morta no inverno, portanto, façam o que
vocês gostas e frutificai agora. Mas eu vou subir no verão, e, em seguida,
calareis e vocês vão se livrar da minha mão!". (Revelações celestiais, p. 458-
459).
São Vicente Ferrer (1350-1419)
A profecia seguinte foi dita em um sermão em Barcelona, em 13 de
setembro de 1403, sobre o tema: "Timete Deum".
Vocês vão ver um sinal, e não perceberão: os homens se vestem como
mulheres e mulheres se vestem como homens. "Virá um tempo que ninguém
terá visto: chorará a Igreja, subirão viúvas batendo no peito e encontrarão
conforto, agora tão longe, mas ele virá sem falta e muito próximo, o tempo em
que ambos vão começar a se tornar reis, os seus dias não serão muito
prolongados.
Chorarão de idade e idosos: Implorarão, chorarão, sem qualquer
testemunha, grande estrondo, de modo que nem foi, nem será, ou esperava
ver um maior, mas que será testado no julgamento. "Mas a tristeza se
transformará em alegria, o Rei dos reis, Senhor dos senhores, à todos
purificará e renovará, a França, com o seu orgulho, será totalmente abatida,
seu príncipe, ai ai, que se vissem as bandas ficariam estarrecidos.
Oh Migueletes. Oh Catalães. A Casa Santa, sua e de toda a Espanha e
dispondereis e evitareis a justiça: eles serão não dias, estão agora na porta:
você vai ver um sinal e não sabem disso, mas naquele tempo alertar-se-á que
as mulheres se vestem como homens e irão se comportarem de acordo com o
seu gosto e capricho, homens e mulheres vestidos mesquinhamente ... " (J.
Lascoé, p 76-77;.. B. Sanchez, p 45-46).
Frei Jerônimo Bottin (1420):
Previu com muitos detalhes a Revolução Francesa, o assassinato de
reis, etc. E Disse:
Aquele que não dobraram os joelhos diante de Baal, para fugir do meio
da Babilônia. "... Mas antes que ele estabeleceu seu império, que não
dobraram os joelhos diante de Baal, para fugir do meio de Babilônia, diz o
espírito.
"Cada um pensa em salvar a sua vida, pois eis que o tempo que o
Senhor, pela grandeza de sua vingança, para mostrar a grandeza dos crimes
dos quais ela está manchado. Deus vai trazer sobre ela os males com que tem
oprimido a outra. The Lord apresentou pela mão deste perverso desolação da
cidade das pessoas, assassinatos de seus sacerdotes, os seus reis e seus
filhos, no cálice da sua vingança a todos os povos da Terra.
Todas as nações beberam do vinho da sua ira e sofreu tudo agitações
de seu cativeiro e sua barbárie. Mas em um momento caiu Babilônia, e se
tornou peças em sua queda, disse o Espírito. “Tudo isso é para correr para o
bem, e os maus perdem, fazer honra para a Igreja de Deus, temer e servir ao
Senhor”.
Essas são as palavras que o Espírito disse a seu servo Jerome, e que
ele tenha escrito suas ordens, e cuja verdade no tempo será reconhecida.
Assim Seja "(J. Lascoé, p 66, 71-72;. P. Julio María, p 226;.. M. Servant, p
542).
Irmã Marie des Vallées (1590-1656) - O julgamento do mundo será pelo
fogo. Sobre a punição: Marie des Vallées, no século XVII, diz-nos, também,
sobre o julgamento do mundo pelo fogo, será um dilúvio de fogo, precursora
inundação através do Reino do Espírito Santo que Nosso Senhor anunciou
com estas palavras:
'Spiritus Domini orbem replevit terrarum'.
O tempo significa que o Espírito Santo vai apagar o fogo do Amor Divino
sobre toda a Terra, fazendo a sua inundação. Porque há três inundações, os
três estão tristes, e são enviados para destruir o pecado.
A primeira inundação é do Pai Eterno e tem sido um dilúvio de água (O
Dilúvio de Noé), a segunda é a inundação do Filho (A Crucifixão de Jesus
Cristo), que tem sido um dilúvio de sangue, e o terceiro é o Espírito Santo (A
Grande Punição), que vai ser um dilúvio de fogo.
Mas vai ser triste como os outros, porque você vai encontrar um monte
de resistência e quantidade de madeira verde, difícil de queimar. “Dois já se
passaram, mas, o terceiro permanece, e como as duas primeiras (inundações:
de água e de sangue) foram previstas muito antes de sua chegada, a última,
(no entanto), só Deus sabe a hora”. (M. Servant, p. 353. Extraído de Emile
Dermenghen, The admiráveis Vie et les. (revelações de Marie des Vallées,
Paris, 1926, p. 212).
Venerável Bartolomeu Holzhauzer (1613-1658):
O Venerável Bartolomeu Holzhauser, depois de prever a Revolução
Francesa, Napoleão e sua queda, diz:
De todos os lados as pessoas conspiram a favor da república: "No meio
disto tudo, a paz não é restaurada ainda definitivamente, porque as pessoas
em todos os lugares conspirarão em favor da república. E assim terríveis
calamidades continuarão por toda parte: a Igreja e seus ministros serão feitos
afluentes e príncipes serão derrubados; monarcas mortos e seus vassalos
entregues à anarquia. O Todo-Poderoso, em seguida, intervirá com um
sucesso admirável qualquer que o mundo não pode imaginar. E aquele
poderoso monarca que deve vir da parte de Deus reduzindo a nada a
república, subjugará todos os inimigos, destruirá o domínio do francês, e o
reinado de leste a oeste. Cheio de zelo para com a verdadeira Igreja de Cristo,
vão unir forças com o Papa futuro para a conversão dos infiéis e hereges. Sob
tal Pontífice deve ser o reino da França e as outras monarquias acordarão
depois das guerras sangrentas, que desoladas, e, sob a direção do grande
Papa, realizarão a conversão dos infiéis. E assim, todas as nações virão para
adorar o Senhor, teu Deus". (SM Mirakles, p. 45-46).
Na interpretação do Apocalipse, cap. II, versículos 7-13, diz:
"(...) Os monarcas mortos e todos os homens conspiram para erigir
repúblicas. Porque enquanto na quinta idade vemos em todos os lugares, as
calamidades mais deploráveis e todos devastados pela guerra; católicos
oprimidos pelos hereges e maus cristãos, a Igreja e seus ministros fizeram
tributários reinos de virada, monarcas mortos, vassalos e conspirando e
atormentado, todos os homens das repúblicas erguerão uma mudança
admirável, pela mão de Deus Todo-Poderoso, que ninguém pode
humanamente imaginar.
Bem, isso virá como um poderoso monarca enviado de Deus, que
destruirá as repúblicas para o chão, e colocará tudo em seu poder e usará o
seu zelo pela verdadeira Igreja de Cristo. Todas as heresias serão relegadas
para o inferno. A regra dos turcos será destruída e o reinado do monarca será
de leste a oeste ..." (SM Mirakles, p. 48, M. Servant, p. 277).
Ainda sobre a punição:
"Durante três dias, a Terra será submersa na escuridão mais completa,
como antigamente no Egito, e o Anjo Exterminador derrubará todos aqueles
que subiram com ódio satânico contra a Igreja e os padres". (M. Servant, pg.
376). [*] Os três dias de trevas são anunciados em várias profecias, com muita
semelhança, praticamente repetindo-se com as mesmas narrações e várias
épocas diferentes.
Padre Nectou SJ (1777):
Sobre o grande castigo diz:
Eles têm a intenção de destruir a Igreja por completo, mas, não deve ser
dado tempo:
"A França será formada em dois jogos e vai ser uma guerra até a morte.
Um deles será muito maior do que o outro, mas será o mais fraco que
triunfará. Em seguida, haverá um momento tão chocante que se acreditará que
é o fim do mundo. O sangue correrá em muitas grandes cidades: os elementos
serão levantados, será como um mini-julgamento.
"Perecerá no desastre de uma grande multidão, mas o mal não vai
prevalecer. Eles têm a intenção de destruir a Igreja por completo, mas, não
deve ser dado tempo. Esta catástrofe vai estar perto quando a Inglaterra
começar a tremer. Eles saberão este sinal, assim como é conhecida a
aproximação do verão, quando a figueira começa a brotar.
A Inglaterra, por sua vez, submeter-se-á a uma revolução mais terrível
do que a Revolução Francesa, e vai durar o tempo suficiente para a França ter
o tempo para se acalmar. A França ajudará a Inglaterra a restaurar a paz.
Durante esta terrível convulsão que parece ser geral e não apenas na
França, Paris será inteiramente destruída, não sem antes serem mostrados os
sinais do momento para os bons fugirem, e a sua destruição será tão
completamente, que 20 anos mais tarde, os pais que andam com seus filhos
sobre as ruínas, respondendo a eles, dirão que ali havia uma grande cidade
que Deus destruiu por causa de seus crimes". (M. Servant, p. 309, 341 e 389).
[*] Muitas outras profecias mencionam a destruição de Paris.
Rembort Bernardo (1689-1783):
Eles vão zombar de Deus, porque eles não acreditam no onipotente.
Sobre a punição:
"Você pode escapar de muitos testes orando ao Pai de Misericórdia e à
Jesus Cristo, que é a honra e toda a glória. As pessoas riem de mim dizendo
que eu sou um pobre Jogral ('Spielmann' - homem de lenga-lenga). Mas virá o
tempo em que as minhas palavras serão cumpridas. Os homens vão ser
criativos para fazer coisas maravilhosas e eles vão se esquecer de Deus, eles
vão zombar dele porque não acreditam no todo-poderoso por causa de suas
carruagens que visitam o mundo sem serem arrastadas por cavalos (Os
Automóveis), de modo que as distâncias são calculadas em linha reta
(Estradas).
O seu orgulho vai rir com os sinais do céu, que não serão levados em
consideração. Um homem vai surgir e despertar o mundo adormecido, baterá
bem forte e destruirá os estudiosos orgulhosos. E porque o orgulho e o prazer
e modas de luxo são tão grandes, Deus vai castigar o mundo. Vai chover
veneno sobre as colheitas, o que trará grande fome aos países, a tal ponto que
milhares e milhares de pessoas atravessarão o oceano em busca de terras
mais doces.
Os homens imitarão as aves; querem voar como elas, mas, Deus os
confundirá como em Babilônia. Vejo também a morte do sacrilégio profano que
arruinará reis. Será uma punição tão severa por ter ousado em sua insolência
em atacar a Deus e crer que sua pobre inteligência poderia quebrar a vontade
de Deus Todo-Poderoso. Porque tomarão o nome de Deus nos lábios,
escondendo o diabo no seu coração." (SM Mirakles, p. 87-89).
Venerável Elizabeth Canori-Mora (1774-1825):
Os sete pecados mortais são levados em triunfo.
A 15 de outubro de 1818, ela teve uma visão:
"De repente eu vi a revolução mundial completa, a ordem e a justiça não
reinavam mais. Os sete pecados mortais foram levados em triunfo. Em toda
parte se estendia a injustiça, a mentira, a devassidão e toda sorte de
iniquidades". (B. Sanchez, p. 51).
No dia da festa de São Pedro do ano 1820, teve outra visão:
"... Todos os fiéis que tinham mantido em seu coração a fé de Jesus
Cristo, e os religiosos que conservarem fielmente o espírito de seu instituto,
vão ser cobertos por essas árvores e entregues a partir do terrível castigo.
Mas, infelizmente dá aos religiosos que não seguem suas regras!, Ai, ai, de
todos os sacerdotes indignos do Todo-Poderoso!, Ai dos sacerdotes que são
dados a licenciosidade. Ai dos que são deixados para maximizar pela filosofia
moderna, condenada pela Igreja!, Estes miseráveis, por seu comportamento
detestável, negaram a fé em Jesus Cristo e perecerão sob o braço
exterminador da justiça de Deus, da qual ninguém vai escapar ...
De repente, levantou-se um vento violento e impetuoso, que lembrava o
barulho do assobio de um leão. O terror e o medo se propagarão entre os
homens e até mesmo entre os animais. Todos os homens se levantarão, eles
vão matar e despedaçarão sem piedade.
Durante esta batalha sangrenta, a mão vingadora de Deus cairá sobre
aqueles infelizes, e sua onipotência punirá o orgulho e a imprudência deles.
Deus vai usar o poder das trevas para exterminar esses homens sectários
maus que queriam demolir e destruir a Igreja até suas fundações.
Eles querem derrubar Deus de Seu Trono Supremo. Mas Ele vai rir
deles. Esses próprios homens, em negrito, que na sua maldade, pretendiam
derrubar Deus de seu Trono Supremo. Mas Ele vai rir deles como um sinal de
Sua mão poderosa, estes pérfidos, e punirão esses blásfemos, permitindo que
os poderes das trevas saiam fora do inferno. Legiões de demônios em ataque
e dano para as famílias, e as propriedades ...
Vastas legiões de demônios sairão em turnê pelo mundo. E as grandes
ruínas que causarão, executarão as ordens da Justiça Divina. Todos em
ataque e dano para as famílias, propriedades, cidades, vilas, casas e tudo será
perdoado para o que está na Terra, Deus permite que esses bajuladores [*]
sejam punidos por acreditarem que estes dois demônios, dando-lhes uma
morte rápida e bárbara, porque sofreram voluntariamente o poder do inferno
com ele tornando-se aliado contra a Justiça Divina.
Assim que meu pobre espírito penetrou bem esse sentimento de Justiça
Divina, foi-me mostrado a prisão. Então eu vi uma caverna sombria e medonha
de fogo aberto a partir da qual veio uma multidão de demônios, tendo tomado a
forma de homens-feras, que chegaram para infestar o mundo, deixando
apenas carnificina em todos os lugares e ruína". [*] A partir das sykophántes
gregas: mentirosos, caluniadores.
"Bem-aventurados os bons e verdadeiros católicos. Eles terão a seu
favor a poderosa proteção dos Apóstolos Pedro e Paulo, que se garantem
sobre si mesmos de modo que eles não causarão nenhum dano, ou a sua
propriedade, ou a si mesmos. Os espíritos malignos devastarão os lugares
onde Deus tem sido insultado, blasfemado e tratado de forma sacrílega. Estes
lugares serão arruinados, aniquilados, eles não vão estragá-los, os deixarão
em ruínas " (SM Mirakles, p.72-75, M. Servant, p. 375).
Religiosa trapista de Notre Dame des Gardes (1828):
Ninguém pode segurar meu braço vingador.
Em 1 de novembro de 1816, a freira tem a seguinte visão:
"... Ele me disse: 'Você vê os crimes cometidos?, Ninguém pode segurar
meu braço vingador. Eu vou punir a França para os bons e para a desgraça
dos outros". Naquele momento eu vi uma nuvem tão negra que me deixou
espantada, e se espalhou por toda a França e na nuvem vozes confusas foram
ouvidas gritando:. 'Viva a República' e 'Viva Napoleão "e" Viva o Grande
Monarca que Deus nos mantém", ao mesmo tempo, houve uma grande luta,
mas tão violenta como nunca vi tal, o sangue corria como quando a chuva cai
muito forte, especialmente do Sul para o Norte, porque parecia mais calmo o
Ocidente ...
Os ímpios queriam exterminar todos os ministros da religião de Jesus
Cristo e todos os amigos de legitimidade. Eles já tinham destruído um grande
número e anunciaram a vitória, quando de repente os bons foram reanimados
por um resgate de cima e os maus foram derrotados e confundidos. Essas
condições não devem exceder três meses e a grande crise na boa vontade
triunfo, não ser apenas um momento ...
Quando foram abordados uma enorme quantidade de livros maus, os
eventos serão provenientes. Quando o mau tiver recebido um grande número
de livros perversos, esses eventos estarão chegando ... , no momento em que
ocorrem, tudo entra em ordem e todas as injustiças, de qualquer espécie,
serão reparadas, será muito fácil, porque a maioria dos ímpios perecerão na
grande batalha, e os sobreviventes terão tanto medo da punição de seus pares
e de que nada pode impedi-los de reconhecer o dedo de Deus e admirar sua
onipotência.
Muitos vão se se converter. A religião em seguida florescerá no mais
admirável. Tenho visto coisas tão bonitas aqui que eu não encontrei
expressões para descrevê-las."
Céu escuro acompanhado de trovoadas - Visão de 06 de janeiro de
1820:
"... Eram quatro horas quando eu perdi todas as minhas faculdades e eu
sei que eu terminei a minha oração. Encontrei-me transportado para um lugar
tão grande que parecia cobrir todo o Universo. Em seguida, a segunda vez que
eu vi aquelas árvores que falei de novo, mas parecia maior do que a primeira.
Tinha ramificações de uma imensa extensão, mas estes ramos foram dobrados
no chão e pareciam quase mortos. No entanto, apesar de sua pouca força,
aquelas árvores acenaram tão rápida e regularmente, que parecia tremerem e
queriam invadir tudo.
Depois de ter ouvido, então, muitas vozes gritando com um passo de
cada vez, horrível, e achei- me meio-morta. Mas o meu medo foi ainda maior,
quando eu ouvi as mesmas vozes dizendo: "Somos vencedores, nós
ganhamos."
Naquele momento, as vozes podiam ser ouvidas nessas palavras, eu vi
o céu que de repente se tornou noite profunda sempre foi visto, mas, nada tão
escuro. Essa escuridão foi acompanhada de trovoadas que parecia vir dos
quatro cantos da Terra. É impossível e me pintou o que era o meu espanto: O
céu ficou completamente em chamas e inchado por todos os lados deixando
flechas. Parecia um barulho horrível, que parecia anunciar a ruína completa do
mundo.
Então vi uma nuvem cor de sangue de boi vermelha, que rolou em todas
as direções, produzindo-me muita preocupação por não saber o que
significava. Então eu podia ver uma multidão de homens e mulheres com
rostos assustantes e desejos, em todos os tipos de crimes, vomitando
blasfêmias horríveis contra o que há de mais sagrado no Céu e na Terra.
Eu senti uma dor tão grande que jamais se experimentou e novamente
pus-me a escrever isto. Fiquei surpreso ao ver o que estava na cabeça das
pessoas infelizes. O que me surpreendeu foi ver na cabeça das pessoas
infelizes, induzindo-se aqueles males, precisamente por causa de seu status,
que deveria tê-los levado para o bem.
Entre elas estava uma que eu não vou citar, que sofrerá a mesma
punição que os outros, porque sua filosofia repreensível, o tempo vai dizer,
quando esses crimes serão conhecidos e punidos.
O trovão retumbou no ar em um mesmo doloroso, quando ouvi uma voz
que me dizia: "minha ira cairá sobre aqueles que têm soprado, eles
desaparecerão num instante." O universo inteiro será admirado por saber da
destruição da cidade mais magnífica. Eu digo que foi por orgulho de seus
crimes. O abominam. Eu vou beber o vinho da minha ira.
As duas árvores que você vê, ela gerou seus ramos que representam as
nações que envenenaram sua filosofia com o mal que se espalha na
impiedade no mundo. Esta maldita Babilônia está embriagada com o sangue
dos meus santos, quer derramar e também seguir um príncipe ... Ela vai
preencher esses acontecimentos terríveis e eu vou beber o vinho da minha ira,
e todo o mal vai cair imediatamente sobre ela e em um instante.
Eu não ouvi mais a voz, mas, um barulho horrível, a espessa nuvem foi
dividida em quatro partes que caíram de uma só vez na cidade grande e num
instante estava queimando em chamas devoradoras que se erguiam no ar e,
em seguida, não vi nada, mas um vasto solo negro como carvão. " (Temporum,
p. 91-97).
São Gaspar del Bufalo (1786-1836)
Roma: massacres de sacerdotes, quatro dias de carnificina.
Ele previu "todos os tipos de desgraças para a cidade de Roma,
especialmente os massacres de sacerdotes, que não deve terminar até depois
de um massacre de quatro dias, principalmente no lado da porta de São João".
(M. Servant, p 280. - 281).
O processo de beatificação permite-nos saber a previsão do extermínio
dos perseguidores impenitentes da Igreja depois de três dias:
"Aquele que sobreviver aos três dias de escuridão e medo, acreditarão
terem sido deixados sozinhos na Terra, porque ela vai ser coberto de
cadáveres". (B. Sanchez, p. 60-61).
Bendita Anna Maria-Taigi (1769-1837)
A Punição da Terra será mitigada, mas, o céu será universal e
assustador.
Sobre a punição:
"Cinco anos antes da morte de Pio VII - o Bispo Natali - descreveu o
grande teste na preparação:
As rotações vão cair em Roma, desastre e queda para a satisfação dos
santos. As ervas daninhas serão puxadas e, em seguida, a mão de Deus irá
impor a ordem em que o esforço humano será impotente. A punição da Terra
será mitigada, mas, o céu será universal e assustador.
Milhões de homens morrerão pela espada, seja na guerra, seja nas
guerras civis, outros milhões perecerão de morte súbita. Então, as nações
novamente verão toda a unidade da Igreja, muitos turcos, pagãos, e judeus
serão convertidos e seu fervor será cheio de confusão para os primeiros
cristãos.
Em uma palavra, disse-me que o Senhor iria limpar o mundo e a Igreja,
que estava preparando um renascimento milagroso, um triunfo da sua
misericórdia.
Terra cercada pelas chamas, o manto da escuridão...
Vá para a Terra cercada por chamas, a cobertura da escuridão, muitos
prédios estão afundando, a Terra e o céu parecem agonizar. O teste é seguido
por um renascimento universal. “E tudo isso vai acontecer quando parecer que
a Igreja perdeu todos os meios humanos para enfrentar as perseguições ”.
(Bispo C. Sallotti, p. 159).
No entanto, vê-se um dia, quando o sol quebra e abre caminho para
torrentes de sangue, enquanto a Virgem intercede para parar as punições
preparadas. Símbolo da grande crise pela qual Deus iria purificar a igreja.
Parece que se desencadeou uma terrível tempestade, o céu está
queimando, os terremotos, pragas iminentes, revoluções, motins, massacres,
batalhas, dirigíveis negros vagam pelo céu, cobrindo a Terra de fogo, e as
trevas ..." (Bishop C. Sallotti, p. 172).
Roma: os corpos dos mortos serão muitos ...
Os corpos dos mortos em torno de Roma serão tão numerosos como os
peixes que ficaram na cidade por um estouro recente do Tibre. Escuridão
fétida, habitada por visões terríveis, que envolverão a Terra por três dias. O
flagelo da Terra será mitigado através de orações, mas não é o Céu que vai
ser terrível e universal.
Demônios aparecem em todos os tipos de formas horrendas. Todos os
inimigos da Igreja, ocultos ou aparentes, perecem nas trevas, com exceção de
alguns que Deus vai transformar mais tarde. O ar será banido por demônios
que aparecerão sob todos os tipos de formas horríveis. As velas bentas serão
preservadas da morte e as orações à Virgem Santíssima e dos anjos.
Depois da escuridão São Pedro e São Paulo descerão do Céu para
pregar em todo o universo e designarão o Papa. “Uma grande luz vai deixá-los
e irá para resolver sobre o futuro Papa, o cardeal “. [*] De acordo com este
ponto de vista - confirmada por outros videntes – A Sé Apostólica será vaga
(ficará sem Papa) durante a Grande Punição, ou pelo menos em parte dela.
"São Miguel Arcanjo aparece, então, na Terra em forma humana, será o
demônio acorrentado ao tempo da pregação do Anticristo. Naquela época, a
religião se espalhará por seu império, o 'Pastor Unus".
“Os russos serão convertidos, bem como os britânicos e os chineses, e
as pessoas devem estar em alegria ao ver o brilhante triunfo da Igreja”. (M.
Servant, p 234;.. B.Sanchez, p 49).
"Haverá uma terrível perseguição e um tempo infeliz, onde eles vão
descobrir uma infinidade de pessoas que acreditavam serem estimáveis. A
Itália vai passar por muitas provações dolorosas". (M. Servant, p. 253).
Um duplo castigo: um da Terra, e o outro do Céu.
"Deus enviará uma dupla penalização: uma parte, da Terra, ou seja:
guerra, revoluções e outros males, o outro do céu: escuridão, ou seja, tão
espessa que se impedirá de se ver quem quer que seja. Esta escuridão será
acompanhada por uma infecção do ar, ela vai matar, mas apenas, ou pelo
menos, principalmente os inimigos da religião. Para a duração do eclipse será
impossível dar-se a luz. Velas somente abençoada poderão ser acesas. Quem
quer que abra a janela e olhe para fora por curiosidade ou saia pra fora de
casa, cairá morto no local. Estes dias todos devem ficar em casa, recitando o
Rosário e implorando a Misericórdia de Deus ... " (M. Servant, p.
374).
Ludovico Fray Rocco (1748-1840)
Sobre a punição:
"Toda a Europa será presa a uma guerra terrível onde se matarão uns
aos outros, o sangue fluirá em torrentes... O Senhor exterminará homens e
meio (ambiente). Os pobres se tornarão ricos e os ricos pobres". (M. Servant,
p.300).

Petite Marie de Dieu (1773-1843)


Na sua Profecia da Punição, lê-se:
"À medida que a Revolução for iniciada, este será o fim. Você vai ver as
mesmas coisas e os mesmos males como no início: a República, mentiras,
licenças, etc, etc.. Mas tudo será mais rápido e vai acabar com um prodígio
brilhante. Surpreenderá o Universo o Grande Evento em que o mal será punido
de uma forma terrível. Nos anos que antecederem o Grande Evento, haverá
uma grande perda e sofrimento. Os ímpios estarão confusos e muitas vezes
verão os seus projetos descarrilhando por causa das boas almas em oração.
Por que não desistem de sua determinação de matar, todo o bem, que, com
antecedência, farão listas e apontarão as casas e portas para que ninguém
sobreviva. Mas quando eles estiverem prestes a executar essa nova justiça,
Deus vai começar a sua corrida, e ficarão cegos e feridos e seu reinado em
divisão, e haverá vertigem entre eles e serão abatidos uns aos outros".
Quando se aproximar o Grande Evento, aparecerão no céu fenômenos
extraordinários.
"O ano que precede o Grande Evento vai ser muito ruim, e ao contrário,
no ano em que ocorrer, vai oferecer uma colheita abundante, mas não o
suficiente para ser consumido em abundância. Quando se aproximar o Grande
Evento, aparecerão no céu fenômenos extraordinários: um grande personagem
voltará à Paris e falará de formar um campo na planície de Saint Fond, perto
de Lyon, cujas fortificações não serão concluídas. Ele será rodeado por
grandes máquinas de guerra. Sobre este tempo levará o mal, para ser
reconhecido, um boné e um fundo vermelho que vai cair de um lado. Haverá
um tempo de anarquia terrível durante a qual vão se renovar todos os
transtornos dos piores momentos. O crime, sem repressão, atingirá o seu
clímax. Mas, desta vez a desolação será de curta duração, a Santa Igreja será
atacada com uma fúria inédita, mas vai sofrer muito pouco, enquanto seus
inimigos serão quase que completamente aniquilados".
Paris será reduzida como Sodoma e Gomorra
"Paris será reduzida como Sodoma e Gomorra, e os que
permanecerem, em grande parte de seus habitantes, se refugiarão em Lyon.
Ao efetuar-se a sua fuga, o Grande Evento estará chegando. No 'Brotteaux'
(um bairro) de Lyon, os focos de abominação e revolução vão ser submersos
na água, mas, Lyon será salva pela intercessão da Santíssima Virgem. A
França será um tempo ameaçada de todos os lados por potências
estrangeiras,(2ª GM?) sem conhecer por dentro, o choque e o horror que fará
com que esta notícia, incuta terror nas pessoas e cause anarquia e guerra civil.
Penetrarão Estrangeiros na França e avançarão para a periferia de Lyon. Eles
pareciam muito maiores do que o exército para [os olhos] de nossos soldados,
do que estava em vigor ".
Nosso Senhor como Homem foi quem desferiu o primeiro golpe terrível
do trovão.
"A única coisa que fixa a atenção foi a primeira linha, pois parece tão
brilhante, ela poderia ser tomada por um exército celestial. Nosso Senhor como
Homem foi quem desferiu o primeiro golpe, porque ele sabe quem é o bom e o
ruim. Vi lançar o golpe fatal e foi terrível. No tempo em que Deus começou a
exercer a justiça, ouvi um trovão terrível que abalou a Terra. Este será o sinal
pelo qual o bem vai reconhecer que é hora da grande luta ... Eu ouvi uma voz
terrível gritando: "Tudo está perdido".
Naquele momento, em que o menino brilhante me levou, eu notei que na
altura das casas e acima deles houve uma batalha. Na verdade, eles eram
como uma espécie de pássaros horríveis e totalmente pretos deram gritos
lúgubres e terríveis, asas batendo duro e indo bater nas casas.
Simultaneamente travaram uma grande batalha no meio de um
massacre horrível que formava fluxos de sangue, especialmente Guillotiera
Street, Bar Street, onde a luta foi terrível e só veio para dar entrada na Place
Bellecour. Quase todos os ruíns pereceram.
Então ouvi uma voz doce e agradável, dizendo:.
"Tudo é salvo". "Homens foram vistos retornando da batalha e dizendo:
"Como eu poderia escapar a esta carnificina? Alguns tocavam o peito, do outro
lado, no encontro e com admiração, em cruzes, medalhas, relíquias, e
exclamavam "Oh, minha esposa tem sido!, Minha filha foi, foi minha irmã que
me colocou em minhas roupas, e é isso que nos manteve. E eles voltaram".
'No momento em que a França é punida de forma horrível, todo o
universo será. Não, é como eu disse. Foi anunciado que será um Evento
assustador, que eles não estavam preparados para desempenhar no seu
último minuto e acreditarão e pensarão estarem no fim do mundo.
Mas, de repente acabarão com a Revolução por um milagre que fará a
maravilha do universo: os poucos restantes ficarão doentes. As coisas que
devem ser uma imagem do fim do mundo serão tão terríveis e horrorosas o
suficiente para secar.
Foi-me dito: "Todos os que são para mim não vão perecer, não
perecerão". Mas eu respondi: "É impossível perecer algum bom". Ele
respondeu: "Sim, pode haver entre eles, algumas vítimas, mas não vão ser
perdidas para mim". Após a grande batalha será reconhecida a legitimidade".
"No curso da Revolução haverá dois milagres, a primeira é a virada dos
Bourbons, o segundo é o de sua vinda depois dos Cem Dias. Haverá ainda um
terceiro milagre que surpreenderá todo o universo e vai terminar com o braço
de ferro da Revolução milagrosamente e surgirá comandando um grande
poder para vingar as ofensas feitas a Deus e seus direitos autorais, cujos
membros sobreviventes devem aparecer após o Grande Evento. Em seguida,
não haverá lá, nem ódio ou rancor". (SM Mirakles, p 154-158;.. Temporum, p
159-161).
Irmã Rose Colomba Asdente (1781-1847)
Sobre a punição:
“A revolução deve se espalhar para a Europa, onde haverá mais calma
até que o descendente de Saint Louis reascenda ao trono da França”. "A
Rússia e os exércitos prussianos (Alemanha) invadirão o solo da Itália e
levarão o sacrilégio para hospedar seus Cavalos na nova igreja do nosso
convento de Taggia, mas, a Prússia (Alemanha) é finalmente derrotada e
humilhada". (1ª e 2ª GM)
Ela também previu um eclipse total de três dias - (cf. M. Servant, p 300,
327 e377;. Temporum, p 101. e 104).
Irmã Mary Lataste (1822-1847)
Sobre a punição:
"Nosso Senhor diz: Minha filha, cuide seriamente sobre a salvação de
sua alma, porque o Dia do Senhor está se aproximando. Ele agora está pronto
para o grande dia do Senhor. Ele está determinado a se levantar contra seus
inimigos. Ele baterá com a sua mão forte, Ele dispersará e os seus juízos e
vontade são irrevogáveis. Mesmo agora, eu ouvi esta oração:
"O Senhor me punirá em sua raiva e nos tratarás segundo as nossas
iniquidades. Mas quando o meu dia chegar, Eu me erguerei contra todos
aqueles que não são meu povo ... Eu não sou do povo do orgulho, da
vingança, da ganância, da preguiça, do ambicioso, dos hipócritas, eu não
conheço os seus deuses e os seus reis. Vou levantar-me contra o seu povo,
contra os seus deuses e os seus reis, e eu vou cortá-los pela minha maldição
eterna. Porque as pessoas não ouvem a minha voz, e não me conhecem. Eu
não vou atendê-las e eu serei para sempre surdo aos seus apelos.Se você me
perguntar: ¨Quem é, então, o seu povo?, Eu respondo: O meu povo inclui
aqueles que me reconhecem por seu Rei e Deus, que se submetem aos meus
mandamentos e meus preceitos, que eu dar-lhei a mente e o coração. Eis, meu
povo, o povo que reconhece publicamente que pus neste dia que ninguém
sabe, porque ele é meu, que virá em breve. Mas em um momento em que
ninguém pensa, apesar dos sinais de alerta no céu e na Terra". (M. Servant, p.
271).
"Hoje eu falo de seu país. Já falei várias vezes na França, mas nada do
que eu disse é sobre o que é ou como funciona. Ouça: O primeiro rei da
França, eu sou, eu sou o Senhor de todos os povos, de todas as nações, de
todos os reinos de todos os impérios, de todas as dominações: Sou
particularmente o proprietário da França. Eu dou a prosperidade, grandeza e
poder sobre todas as outras nações, quando é fiel ouvir a minha voz. Eu
levantei os seus príncipes acima dos outros príncipes do mundo quando eles
foram fiéis a ouviram a minha voz. Eu abençoei o seu povo acima de todos os
outros povos da Terra, quando elas são verdadeiras para ouvir minha voz. Eu
escolhi a França para dar a minha igreja como sua filha predileta". (M. Servant,
p. 760-761).
Irmã Maria Lataste dirige à um de seus diretores estes avisos dados por
Nosso Senhor.
"Minha filha, ora para a França, eu já disse, eu vou colocá-lo novamente,
se os golpes da justiça de meu Pai não caírem sobre ela, é por Maria, Rainha
do Céu, que foi interrompido. Satanás ruge de raiva nas profundezas do
inferno contra um reino que realmente tem dado duros golpes, ele treme de
raiva vendo o bem que se faz neste lugar, ele faz todos os esforços para
aumentar o mal e irritar mais a ira divina. Mas a corda não pode quebrar o
cativeiro, porque Minha Mãe tem uma reivindicação especial na França, que é
consagrada, e por essa lei, ela mantém o braço de Deus irritado, e dispensa
sobre este país que se dedica, as bênçãos do Céu para fazê-lo crescer em
bondade. É porque eu não deixei de alertar para prevenir imensas
calamidades".
Em uma visão de 20 de novembro de 1843, ela ouviu estas palavras do
Senhor:
"A França, é inteligente para irritar e acalmar a Justiça de Deus. Se os
seus crimes caírem sobre vós no castigo do Céu, sua caridade exclamará
debaixo do Céu para que tenha misericórdia e piedade, o Senhor. Você vai ter
a possibilidade de ver o julgamento da Minha Justiça irritada, uma vez que será
revelada e você sabe, sem medo de errar. Mas você também sabe os juízos de
Minha compaixão e Minha misericórdia, e você vai dizer: louvor e gratidão,
amor e gratidão a Deus, pelos séculos dos séculos e para a eternidade ". (M.
Servant, p 775-776.).
"Eu encontrei um ótimo lugar para me encontrar em Paris. Em meio a
essa cidade vi um jovem em uma pequena coluna, que estava vestida com um
manto vermelho e usando uma coroa na cabeça e trazia a sua espada na
bainha e um arco na mão. Seus olhares estavam murchando e a boca pronta
para lançar ameaças. Vi na sobrecarga inscrito em letras de fogo: O Anjo
Exterminador. Neste ponto de vista eu sei que não encolheu nenhum
sentimento de medo, tristeza e compaixão e muitas vezes exclamou: "Senhor,
segure Paris. Salve o rei... Oh, Paris, cidade execrável!, Há muito tempo que
você merece minha raiva e se você foi cair na onda da minha raiva, é porque,
por um efeito de misericórdia, eu parei o meu braço vingador logo a pesar
sobre você. Ele desocupou a inumerável multidão de pecadores por não punir
o justo. Seu povo vai te amaldiçoar um dia, porque você terá envenenado o ar
saturado. Aqueles a quem tu tens dado maldição no santuário, porque você vai
ter encontrado a sua morte, em teu seio". (SM Mirakles, p. 129-130, M.
Servant, p. 338).
"O que um espírito louco de liberdade foi substituído em seu coração, o
espírito de verdadeira liberdade que desceu do céu, que é a submissão à
vontade de Deus?, O espírito de egoísmo seco e cheio de frieza em seu
coração substituiu o espírito de fogo que desceu do céu, caridade é o amor de
Deus e do próximo". (SM Mirakles, p. 113).
Irmã carmelita Maria de São Pedro (1816-1848)
Sobre a punição:
A carmelita disse que, no futuro, o maior perigo para o cristianismo e a
Igreja seriam os comunistas, o que em 1848 eram muito pouco conhecidos.
"Nosso Senhor disse-me que estes sectários tiveram apenas um ataque,
mas, trabalhando secretamente em seus projetos. Ah, se você soubesse as
maquinações diabólicas, seus princípios anti-cristãos!, Eles esperam um dia
favorável para invadir a França."
Ele também anunciou a vitória: "Este será um dia glorioso para o rosto
em ultrajar e aniquilar para sempre os inimigos. Os demônios lançados nas
trevas e o reino da Sagrada Face sobre a Terra". (M. Servant, p. 256 e 576-
577).
Frei Bernardo Maria Clausi (1849)
As coisas chegarão ao topo, que é quando Deus colocará a mão lá.
Sobre a punição:
"As coisas vêm para cima, e quando tudo parecer perdido e a mão do
homem não puder nada, não vai ser quando Deus vai resolver, tudo em num
piscar de olhos, como na parte da manhã até a tarde... Haverá um terrível
flagelo e dirigido apenas contra os ímpios. Vai ser um flagelo completamente
novo e diferente de tudo que já vimos num outro mundo. Céu e a Terra se
unem e se tornam grandes pecadores, porque, em seguida, conhecerá a Deus.
Este flagelo será sentido em todo o mundo e será tão terrível que os
sobreviventes podem imaginar ser os únicos que foram poupados. Este flagelo
será imediato, mas terrível."
"Eu não vou ver essas punições, que será seguida por uma
reorganização geral de um grande triunfo para a Igreja. Felizes são aqueles
que vivem nos dias de sorte que será o reinado de caridade verdadeira e
fraterna. Mas antes que estas coisas aconteçam, o mal terá feito progressos no
mundo que parece ter demônios do inferno, tão grande é a perseguição dos
justos que eles vão sofrer um verdadeiro martírio." (Temporum, p 144-145, M.
Servant, p 372;... Mirakles SM, p 153-154).

Josefina Lamarine (1787-1850)


Sobre a punição:
"Terror é o réprobo porque o portão para o inferno está aberto e o
demônio é esperado. Não faça mais a República, o desastre faz o suficiente.
Não é preciso fazer mais. A república foi morta. Os carro em que eu vi umas
grande pranchas tiveram de ser descarregados. A voz disse: 'isto é para formar
andaimes'. Sangue. Sangue. A república está vermelha. Veja, agora chegou a
terrível revolução de sangue. A eternidade está chegando. Com a bandeira
vermelha, são os lobos no jardim. Proprietários não existem mais. Pobre Paris.
Olha, você está destruída."
A Santíssima Virgem enviou o Anjo da Morte
"A guerra é terrível. Eles caem em todos os lugares. Eis o homem. E
sacerdotes. Olhando para todos os lados, a vidente viu um soldado que foi
levado por alguns. Ah, exclamou: é um padre!, E a voz que diz que foi rejeitada
duas vezes, por duas vezes Eu os reinseri. Cidade pobre. Você não existe
mais. Todo mundo estava chorando. A Santíssima Virgem enviou o anjo da
morte. Todo mundo chora em Paris. Agora é a hora das trevas. A escuridão
chegou. A Religião nascerá das cinzas e é exibida em toda a sua sublimidade
por algum tempo". (SM Mirakles, p. 136-137, M. Servant, p. 235).
Irmã Maria Rafols (1781-1853)
Quando testados, elevarão seu espírito e colocarão sobre Mim e Minha
Mãe Santíssima, toda a sua confiança. Nosso Senhor diz:
"Escreva, minha filha, eu vou vir em auxílio de todos aqueles que me
adoram e em suas necessidades, venha a mim com confiança."
19 de abril de 1815:
"Eu vou salvar a Espanha usando milagres prodigiosos que muitas
pessoas vão ver claramente com os seus próprios olhos. E a minha Mãe vai
informar-lhes o que fazer para acalmar-lhes e ao meu Pai Eterno pedir perdão"
(M. Servant, p. 721-722).
A 01 de julho de 1838:
"Olha, minha filha, você não consegue entender o que eu tenho a dizer,
mas não é necessário que você saiba, então não diga a si mesmo, mas para
outras crianças, que são muito perseguidas e será muito duvidoso e correrá
para as lutas que eles armarão, ao inimigo que quer destruir a religião e até
mesmo o meu nome doce de todas as áreas da Terra. Quando você chegar a
este tempo, eles começam abertamente em 1931 [*], eu quero que todos os
meus filhos, homens, quando testados, elevem seu espírito e coloquem sobre
Mim e Minha Mãe Santíssima, toda a sua confiança". (SM Mirakles, p 84-85;.
M. Servant, p 722). [*] No ano de 1931 na Espanha, caiu a monarquia e foi
proclamada a República.
São João Batista Maria Vianney (1786-1859)
Depois de prever as guerras de 1870 e 1914 é a seguinte:
"Antes do grande sucesso, haverá um pequeno negócio... Grandes
negócios ainda não serão. Paris será destruída e queimada definitivamente,
entretanto, não vai ser totalmente. Mais serão as coisas mais terríveis do que
aquelas que já vimos. Haverá um limite em que a destruição não vai acontecer,
mas não sei onde estaremos, se mais além. Deixarão queimar Paris e vão ficar
felizes (os alemães). Mais serão combatidos e derrotados para sempre. Seu
país (A Alemanha) será removido, no entanto, o exército francês vai persegui-
los e poucos entrarão nele. Em seguida (Os franceses), tomarão o que eles
haviam tomado, e muito mais."
Os comunistas:
"Os comunistas de Paris, depois de derrotados vão se espalhar por toda
a França e se multiplicarem muito, pois, tem que fortalecer as armas, e oprimir
as pessoas boas, na curta guerra civil que vai sair em todos os lugares. Os
ímpios vão aproveitar o norte, o oeste e o leste, e cometerem muitos
assassinatos, pois, pretendem remover todos os sacerdotes e todos os
religiosos. Muitas pessoas morrerão, mais do que da primeira vez, porque
vocês voltaram. Muitas casas serão destruídas, destruir ... destruir ... Muitas
pessoas boas perecerão. Essas pessoas, no entanto, como vão ser felizes ...
Não demorará isso por um longo tempo. Eles vão pensar que tudo está
perdido, mas o bom Deus salvará a todos ... Vai ser um sinal de julgamento.
Paris será derramada, e mais duas ou três cidades. A Punição não será como
da primeira vez, tão clara como agora, como devem reconhecer e as pessoas
se converterão". (P. Julio María, p. 22-24).
Irmã Maria Dores Matarelli Palma D'Oria (1825-1872)
Sobre a punição:
“Roma será particularmente testada e alguns dignitários da Igreja serão
mortos pelos ímpios. Sectários, após a queda do rei-ladrão, virão a aproveitar a
cidade santa, mas serão interrompidos às portas e fugirão assustados. Em sua
fuga eles serão esmagados sob os golpes do anjo exterminador, como no
tempo em que os judeus destruíram os 185 mil homens do exército de
Senaqueribe. A verdadeira paz virá mais tarde. Os distúrbios da revolução vão
se juntar outros castigos, como a peste e a fome. Sinais extraordinários
aparecerão no céu. Haverá três dias de escuridão e nem um único demônio no
inferno, todos vão sair e o ar será corrompido, será a última praga. Em
seguida, será apresentada uma cruz no céu, e o triunfo da Igreja será tal, que
muito rapidamente fará você esquecer todos os problemas. A França será
punida primeiro e a primeira a ser reerguida". (M. Servant, p.309-358).
Santa Catarina Labouré (1806-1876)
Em sua primeira aparição, em 18 de Julho de 1830, Nossa Senhora
anunciou grandes desgraças que deveriam cair sobre a sociedade em todo o
mundo. Após a queda do comunicado trono (de Carlos X), diz:
"O mundo inteiro vai ser 'derrubado' pelos infortúnios de toda espécie".
(A. Marty, p. 49).
O Papa Pio IX (1846-1878)
"Não devemos ter a ilusão: a revolução virá aqui ... você quer ver voar a
bandeira revolucionária no Capitólio. Você sabe como eu, que a rocha
Tarpeian(*) está muito longe". (M. Servant, p 306;. Citado Curicque, Voix
Prophetiques, Volume II, p 418-419.).
(*)A Rocha Tarpeian (do Latin: Rupes Tarpeia ou Saxum Tarpeium) foi
um penhasco íngreme da cúpula sul do Capitólio, com vista para o Fórum
Romano, na Roma Antiga. Foi usada durante a República Romana como um
local de execução de assassinos, traidores, mentirosos, ladrões e escravos,
que se condenados, eram arremessados do penhasco para a morte.
Irmã Maria de Jesus Crucificado (1846-1878)
Sobre a punição:
Ela tinha um amor ardente para a França e falou sobre ela em seu
êxtase em termos inflamados. Em suas visões a França era "a Rosa" e a Igreja
Santo o "Olivo".
Em todas as suas profecias o tema geral foi: “teste, especialmente para
uma guerra sangrenta, vitória e triunfo, com consequências.”
Muitas vezes, desde 1873, ela anunciou uma guerra que iria espalhar
"rios de sangue".
Ela perguntou em um êxtase: "Quando essa guerra terminará?, Após um
período de silêncio, ela transmitiu a terrível resposta: "Oh, ela vai ser longa
porque você precisa de todos que passam, pequenos e grandes: somos
corruptos. E esse êxtase particularmente doloroso sob os olhos, parecia
colocar os esforços de dois imensos exércitos amargos um contra o outro.
Viu às vezes dois tanques, um cheio de sangue e o outro que ainda está
vazio, mas tão grande, que o sangue de três quartos dos os homens não
conseguia preenchê-lo, e a voz dizia: 'Eis aqui, é necessário que este poço
esteja cheio para acalmar a justiça de Deus ..."
13 de maio de 1874, uma voz diz:
"Eu adverti-lo, como Eu avisei dois meses antes das guerras que
chegariam em França (a guerra de 1870). Mas isso eu anuncio que vai ser dez
vezes mais terrível do que aquela que veio em seguida, para a França" (A
Primeira Guerra Mundial).
Em 14 de agosto de 1874, [a voz diz]: “Vai ser um massacre terrível, vão
sair com sangue até os joelhos. Acho que nesta guerra que está por vir, ele
terá todos os sacerdotes para lutar... Eu não sei se é desta forma que os
sacerdotes perecerão, porque eles devem ser muito poucos após o teste, eu
acho que vão ser colocados em maior perigo". (A. Marty, p. 64-65).
São João Bosco (1815-1888)
A grande prostituta da Babilônia
Sonhar com a punição:
"Na Vigília da Epifania do ano de 1870, todos os objetos materiais
desapareceram do meu quarto e me encontrei na contemplação das coisas
sobrenaturais. Era uma questão de poucos segundos, mas eu vi um monte.
Embora a aparência formal e sensível, no entanto pode-se apenas com grande
dificuldade, se comunicar com os outros com sinais exteriores sensíveis. Aqui
está uma idéia do que eu vi. Essa é a palavra de Deus acomodado com a
palavra do homem. Vem do sul a guerra. A paz vem do norte".
Em França:
"As leis da França já não reconhecem o Criador, e o Criador será
lançado e a visitará três vezes com o flagelo da sua ira. Durante a primeira vez
(primeiro flagelo, de 1870) será humilhado o orgulho junto com as derrotas,
com saques, e destruição de suas colheitas, seus animais e seus homens.
Durante a segunda vez (segundo flagelo, de 1914), a grande prostituta da
Babilônia, que, suspirando, boa, e chamada "o bordel da Europa", pode ser
privada de seu chefe (de estado) e se fará presa da desordem".
Em Paris:
"Paris ... Paris ..., Em vez de abraça-la com o nome do Senhor, você se
cerca de casas de prostituição. Estas irão ser quebradas para si mesmo, o seu
ídolo será reduzido a cinzas a serem cumpridas: 'Mentita Iniquitas est Sibi' (a
iniquidade foi enganada em si). Seus inimigos irão colocá-lo em apuros, trará
fome, terror e coisas abomináveis das nações. Mas ai de você, se você não
reconhecer acessos!, Eu quero punir a imoralidade, o abandono, o desprezo
da minha lei, diz o Senhor. Na terceira vez (terceiro flagelo, Terceira Guerra
Mundial), quedará em mãos estrangeiras: os seus inimigos vão ver de longe
teus palácios em chamas, seu quarto se transformou em um montão de ruínas
banhada pelo sangue de seus corajosos que não existem mais. Eis um grande
guerreiro do norte, levando a bandeira e na mão direita que exerce, está
escrito: "Irresistível a mão do Senhor."
“Só depois o conheci o venerável ancião do Lazio a acenar uma
lâmpada ardente. Em seguida, a bandeira foi ampliada e tornou-se negra e era
branco como o campo de neve. Em meio à bandeira, em letras de ouro, foi
escrito o nome da pessoa que pode fazer qualquer coisa. O guerreiro com sua
curvada antiga e apertaram as mãos." O inimigo vai semear a discórdia entre
os seus conselheiros, os inimigos irão aumentar entre meus filhos.
O Papa:
"A voz do Céu, agora vai para o pastor de pastores. Você está na
grande conferência com seus assessores, mas ao inimigo do bem não é dado
descanso, estudo de um momento e colocam em prática todas as artes contra
ti. Semearão a discórdia entre os seus conselheiros; despertarão inimigos
entre os meus filhos. As potências do século vão querer vomitar fogo e as
palavras serão sufocados na garganta dos defensores da minha Lei. Isso não
vai, vai se tornar o mal a si mesmos. Você se apressa, se as dificuldades não
são resolvidas, trunque-as. Se você encontrar-se em apuros, não pare,
continuando até que você tenha a cabeça da hidra do erro. Esse golpe vai
abalar a Terra e o inferno, mas o mundo estará seguro e todos os bons vão se
alegrar. Reúna, portanto, você, não mais do que dois conselheiros, mas onde
quer que vá, o trabalho continua e termina confiado. Os dias correm rápido;
seus anos chegarão perto do número dado, mas a Grande Rainha sempre
ajudará e como em tempos passados, e no futuro, será "magnum et singulare
em Ecclesia praesidium ..." Seus filhos lhe pedirão o pão da fé e não
encontrarão ninguém que os dê a eles.
Sobre a Itália:
"Mas tu Itália, terra de bênçãos, que fez você desolada..., Não diga
inimigos, mas amigos?", Não ouve os seus filhos que pedem o pão da fé e não
encontram ninguém que os dá a eles?, "O que vou fazer?, Chutar à dispersão
os pastores do rebanho, para aqueles que se sentam na cadeira de Moisés á
olhar as boas pastagens e do rebanho que ouve humildemente e pasta.
"Mas sobre o rebanho e sobre os pastores, Minha mão vai pesar, a
fome, a peste, guerra, e as mães vão chorar o sangue de seus filhos e maridos
mortos em território inimigo".
Sobre Roma:
"E tu, ó Roma, quem o fará?, Roma ingrata, Roma efeminada, Roma
orgulhosa. Você chegou a tal ponto que você não olhou ou olha para o seu
soberano em vez do luxo, esquecendo que sua glória e o seu Senhor está no
Gólgota. Agora, ela está velha, fraca, impotente, despojada de tudo, mas com
a sua palavra escrava, ainda abala o mundo. Roma, quatro vezes ... Eu virei
sobre ti. Durante a primeira punirei a terra e seu povo (A queda de Roma, em
476 d.C.). Durante a segunda será a ruína e a destruição de suas paredes (A
Revolução na Itália, em 1848). Abre os olhos ainda? Uma terceira vez virei e
destruirei as defesas e os defensores e à dominação do reino do Pai do Terror
acontecerá, o horror e a desolação. (A Segunda Guerra Mundial, 1939-1945).
Fugi, mas, meu sábio, a minha lei é ainda pisada, então, você será visitada
uma quarta vez (Na próxima Revolução em Roma). Ai de vós, se a minha lei
ainda é para você um nome em vão!, Haverá prevaricações entre o erudito e o
ignorante. O seu sangue e o sangue de seus filhos vão lavar as manchas que
você deduz na lei de teu Deus. A guerra, a peste, a fome será o flagelo com
que será punido o orgulho e a maldade dos homens. Onde está você, você
ficou rica, a sua magnificência, suas casas, seus palácios?, Desenvolvidas no
lixo eram as praças e ruas. Mas vocês, sacerdotes, ¨não choram vocês que
correm entre o alpendre e o altar, pedindo para parar a punição?, Por que
vocês não tomam o escudo da fé, e não vão aos telhados, as casas, as ruas, e
em todos os lugares, até mesmo ao inacessível, para trazer a semente da
minha palavra?. Não sabe que é a espada de dois gumes terrível que queima
os meus inimigos e quebrará a ira de Deus e do homem? Estas coisas devem
inevitavelmente vir uma após a outra. Mas a Augusta Rainha do Céu está
presente. O poder de Deus está em suas mãos; o nevoeiro se dissipou, como
seus inimigos. O venerável ancião é revestido em todas as suas roupas velhas.
"Ainda é um furacão violento a acontecer". (biografia e escritos de São João
Bosco, p. 393-395). O sonho do cavalo vermelho: [...] iniciado por autoridades
devastando o trabalho mais ou menos conscientemente dos cúmplices.
No comunismo:
O sonho do cavalo vermelho, o santo teve a 06 de julho de 1862. Ele viu
um cavalo vermelho aparecer, enorme, do tamanho de uma montanha. Ele
inspirou terror, esta besta tem ouvidos espetados, e rosto horrível, tinha um
monte de pessoas com mais, deixando-lhe asas... que invadiram a Terra ... e
eu disse: Mas esse é um diabo".
Don Bosco após este sonho tinha pensado muito sobre o significado do
mesmo e mandou estudar se o equus rufus do Apocalipse foi listado. O santo
chegou à conclusão de que o cavalo vermelho significava "democracia sectária
e fúria contra a Igreja e contra a ordem, e avançava conjurando contra a ordem
social e subvertendo tudo, sem parar em seu caminho, o que requer que os
governos, escolas, tribunais, os municípios, em tudo, e corre desolado a
alcançar suas consequências extremas, mas, infelizmente, a lógica, e o
trabalho devastador iniciado por autoridades sobre seus cúmplices
conscientemente, em detrimento da sociedade religiosa, cada boa instituição,
de direito comum, a propriedade..." (biografia e escritos de São João Bosco, p.
600-601).
Sor Maria de los Dolores e Patrocínio (1811-1891)
Visão de uma grande batalha:
"No dia de Santo Agostinho, em 1835, à noite, o tempo que a
comunidade iria pegar deixando Minha Mãe reverenciada em sua cama no
chão, teve um êxtase admirável, muito misterioso, em Reverendíssimo
conceito. Pilar Mãe que testemunhou por algumas palavras soltas que ouviram
e assim a mesma mãe, forçando-a a falar, ele poderia obter. Parecia que eu vi
uma grande batalha para a Rainha dos Anjos, sentado com seu Divino Filho na
figura da criança dormir, para os quatro doutores da Igreja e muitos outros
personagens, por trás da qual apareceu um leão sentado e segurando uma
cruz na frente. A luta estava com outro leão que depois se tornou uma
serpente. O Leão assinou com a cruz, eu era como que não pode se mover, e
inicialmente apenas abanou o rabo e uma perna, mas sempre permaneceu
imóvel, apesar dos esforços em contrário. Quando incentivou o leão da cruz ao
Menino Deus, a Virgem Maria em seus braços, despertá-lo, e cobrado a nova
força do leão e lutou mais. Finalmente tomou a Senhora a sua Sweet Child
dormindo e colocar o leão da cruz, e, em seguida, foi feita a vitória, e os dois
homens que estavam por trás do leão, também com uma cruz, vieram juntos, e
tudo era alegria e louvor a Deus. Esse êxtase ou visão durou das dez da noite
até uma horas o tempo todo... Foi lindo e como tendo testemunhado uma
batalha. Às vezes, ele iluminou seu rosto e muito se alegrou, outros que
escutam com cuidado, muito grande, e, em seguida, dizer uma palavra.
Quando incentivou o leão e a criança acordava dizendo: 'Oh! significa que as
orações dos fiéis para incentivar leão "(Irmã Mary Elizabeth de Jesus, p. 86-
87).
Irmão Antonio (1820 -?)
Sobre a punição:
"Jogamos agora ao tempo dos grandes eventos na Europa. Grandes
guerras terão lugar e a Santa Igreja será submersa na tristeza..., É necessário
que todos esses testes venham, de modo que a Prússia (Alemanha) é tão
pequena que ela não poderia ficar para sempre lamentando a Santa Igreja".
(M. Servant, página 327;. P. Julio María, p 26-31).
Irmã De Bourg (Século XIX)
"Os anjos exterminadores com Gladio na mão estão esperando o sinal
para atacar a Terra."
Mensagem de Nosso Senhor ao Rei Louis Philippe:
1. "Você me despreza, você fez abandonar meu povo fazendo o trabalho
no domingo..."
2. "Para os anos de 1848, 1849 e 1850: A intercessão da Santíssima
Virgem para parar o braço de seu Filho. Nosso Senhor aceita com prazer as
orações, mas aumenta os crimes dos homens estavam tão longe que, se Ele
não é punido, flagelos mais tarde seria o mais terrível... Os anjos
exterminadores com Gladio na mão, mas o sinal não esperava fira a Terra ".
Frenesi em busca do prazer
3. "O Senhor se queixou de uma forma terrível, o frenesi reclama que na
busca do prazer; reclama As danças escandalosas da indecência e do luxo de
ornamentos femininos, e se a proibição do Santo Evangelho mesmo um único
desejo o mal, não é de admirar que terrivelmente punir a corrupção dos
costumes, que é a consequência necessária de todos esses abusos, a causa
de todos esses crimes e que se arrastam, com a ruína da moralidade, salvação
e resultando na perda das almas. O povo, como sempre, ter imitado os maus
exemplos do grande: não mais barragem a inundação de paixões irritadas;
autoridade divina é totalmente desconhecido, os homens desprezam as leis de
Deus e as crianças das famílias, de modo a ordem é fictício, é mantido apenas
pela força e pela violência, parece só vale a pena para obter o conforto e
prazer sensual. E uma vez que o dinheiro é a única coisa que dá o dinheiro
não só procurou, mas venerado. Para muitas mentes, hoje, a vida não tem
nenhum significado além de acumular o máximo possível, a fim de aproveitar o
máximo que um homem pode fazer "(M. Servant, p 91-92.).
escreveu em 1857:
"Este é o lugar onde estamos: o castigo do Senhor cairá sobre nós de
várias maneiras. Flagelos, Gore. França será em nossa desordem terrível "(M.
Servant, p. 268).
“os dias serão abreviados em favor dos justos "(M. Servant, p. 362).
Haverá uma terrível crise, como já foi dito que após testar desta vez o
Senhor vai trazer de volta o príncipe Dieudonne '[dado por Deus] "(M. Servant,
p. 541).
Mariana Galtier (Século XIX)
Esta profecia, como dito pelo P. CHARBONNEL em 1869, ele obteve
testemunho pessoal, foi pronunciada em 1880, quando o Te Deum foi
comemorado, tendo Argélia:
A grande prostituta será destruída pelo fogo "Quando você ver a guerra
entre a França e a Alemanha, você pode dizer que é o início da terceira e
última praga. Ai (três vezes). Ai da França!, (Três vezes). Lá na Alemanha!,
(Três vezes). Ai a Itália!, (Três vezes).]
A França será desunida entre si, e não terá qualquer alívio. O anjo não
deve guardar sua espada antes de terem punido todas as nações.
Durante a colheita das uvas, haverá uma grande luta entre Paris e Lyon.
A grande prostituta será destruída pelo fogo. O anjo do Senhor avisou os justos
de Paris. Ninguém vai saber de onde veio o fogo. “Todos os maus perecerão.
"As desgraças da França vão ser tão grandes que muitos irão morrer de susto.”
Nessa guerra, que virá, o vencedor será derrotado.
A França será em uma corrida de homens e dinheiro, onde você vai
perder as coisas mais necessárias. Mas não vai demorar muito. Um príncipe
que só Deus conhece e que faz penitência no deserto, como por um milagre
virá. O seu sangue será da raça... "(SM Mirakles, p 135-136;.. M. Servant, p
322, 341, 389 e 541).
Venerável Frei Jacinto Coma (Século XIX)
Sobre a punição:
"A Providência tem na loja meio imprevisto, em um curso que teria
levado um longo tempo no curso normal das coisas". (M. Servant, p 377.). Juan
Stehlmayer (Século XIX)
Nossa Senhora disse à ele:
“Vinde a Mim, não temais... Ouça bem, escute bem o que eu vou
mostrar a você, a fim de anunciar para o outro. Aqui está o que eles vão dizer:
Eu não posso mais alguma coisa com minhas orações diante de Deus, porque
os homens têm levado à maldade extrema e eles não têm mais amor uns aos
outros, Deus vai atacar com um terrível castigo. Escolha a não ser pedir o
arrependimento para escapar de sua ira. Se não haverá greve e morte com
golpes redobrados, por epidemias e guerras de extermínio de cidade em
cidade: estes flagelos precipitarão os ímpios no inferno, como punição por seus
crimes, enquanto a céu aberto apenas sucumbirão. Eu entendi bem, meu
querido filho? Sou a Mãe de Deus. Não deixe de dar a conhecer aos outros o
que acabo de dizer”. (M. Servant, p 250-251 -... Citado pelo Padre Curicque,
Voix Prophetiques, Volume II, p 524).
Maria Martel (XIX e XX)
O cisma está acontecendo
Sobre a punição:
Em janeiro de 1897, Nossa Senhora disse:
"Meus filhos, rezem, porque grandes males estão indo para se abater
sobre vós. A guerra contra a Igreja em breve irá declarar-se em todos os
lugares. O cisma está acontecendo."
Levanta a Santíssima Virgem:
Ah, Paris, Paris, não respeitou as leis do meu Divino Filho ... serão
punidos e destruídos pelo fogo ... Poucas pessoas vão subtrair ... aqueles que
não são reconhecidos ... Paris!, Será destruída pelo fogo, se ela se recusar a
se arrepender ... para que não haja o castigo que está reservado. A Inglaterra
vai ser punida, eu vi afundar navios em que foram escritos 'England'.
O primeiro golpe será em Paris. Em setembro de 1907, disse:
"O primeiro golpe será em Paris: teatros vão saltar, as vítimas vão
queimar, o sangue será executado."
Em 7 de julho de 1901, falou:
Após a visão de bolas multicoloridas em gotas, o Sagrado Coração de
Jesus diz que foi fogo do Céu para Paris e outros lugares diferentes. (M.
Servant, p 342).
Em 06 de junho de 1902,:
"Eu ouvi a voz de nossa Boa Mãe que me disse: Precisamos orar
também por causa das desgraças e as punições que estão por vir. Na França,
dois vulcões vão entrar em erupção, duas montanhas entrarão em colapso. As
desgraças na Martinica, são nada, se comparadas ao que está por vir ... O
Bom Jesus me disse: "Na França, dois vulcões entrarão em erupção e as
montanhas vão desmoronar ..., fora da França, muitos terremotos, e vulcões
também vão explodir, e montanhas vão desmoronar". (M. Servant, p 404).
Em primeiro de maio de 1903:
A Virgem Santa anuncia: "Virá o tempo, meus filhos, rezem, rezem muito
... Precisamos orar para o futuro Rei ... e pelo Sumo Pontífice ... A República
vai cair, é o reino de Satanás ... um outro mundo e um outro reino virá ..."
Em 2 de maio de 1903:
"Hoje em dia, meus filhos, vivemos sob o O reino de Satanás, e que o
reino é um reino de crimes e desgraças. A França renascerá pelo Sagrado
Coração de Meu Divino Filho". (M. Servant, p. 822-823).
Teresa Higginson (1844-1905)
Sobre a punição:
"Se não fosse por obediência, eu nunca tentaria descrever as coisas
terríveis que têm me mostrado. Eu não sei como ou onde foram transportados,
mas parecia um lugar alto, onde olhando para baixo percebia a Terra. Em
primeiro lugar, eu vi uma nuvem de envelope na escuridão: era real e escura,
grossa, e material, entendi ser um sinal de inteligência na escuridão em que o
homem caiu. Depois do ruído violento, ouvi um trovão, vi o relâmpago e eu
acho que bolas de fogo caindo ao chão e afundando-se ao seu centro,
soprando as rochas em fichas. Então eu ouvi a onda de água correndo, e um
terrível gemido de dor sobe da Terra. Então postrei-me em misericórdia
humildemente implorando pelo Sangue da amarga Paixão de Cristo ... Eu não
posso dizer quanto tempo durou, porque eu estava tão horrorizada, como
humilhada, logo ouvi uma voz que eu reconheci muito bem ser a de nosso
querido Senhor e Salvador Jesus Cristo, dizendo: "Diga que um daqueles que
me foi dado não será perdido." Então, na escuridão a Terra parou, o raio parou
e percebi sombras, figuras humanas, morrendo de fome, perdendo o ar.
Levantaram-se tremendo, vi o sinal de suas testas e me juntei a eles e toda a
corte celestial. Louvei e abençoei este Deus de infinita sabedoria, em Sua
misericórdia, Ele redimiu com o seu sangue". (M. Servant, p. 258-259).

Josefina Reverdy (1854-1908)


Alguns morrerão no meio do flagelo, outros sob os escombros das casas
ou nas chamas ou trincheiras sangrentas.
Sobre a punição:
"O castigo já começou e vai continuar a chover em toda a natureza. Oh,
que desolação. Desgraça, desgraça para aqueles que vão estar na desgraça
de Deus. Haverá esses imbecis da Terra de que os homens morrem de medo.
No meio da tempestade, horríveis homens olhando vão ouvir gritos terríveis
parecendo aqueles do inferno, seus corações estarão inflamados com as
paixões mais ferozes. Uma multidão de sangue alterado de almas mais fortes
imerso em terror mortal. Casas vão afundar. Alguns morrem no meio do
flagelo, outros sob os escombros das casas ou nas chamas ou trincheiras
sangrentas.
As vítimas do sangue estendem-se ao mar. Uma parte do terreno é tudo
deserto, ninguém, sem o poder de Deus pode se sustentar. As almas mais
fervorosas cairão na angústia mortal. Haverá tempestades tão terríveis que as
montanhas serão abaladas, que casas e prédios entrarão em colapso. A terça
parte dos homens perecerão. Naquela época, o sol se obscurecerá. Cheias de
escuridão cobrem os satânicos espíritos da Terra. A lua ficará vermelha como
sangue. Velas abençoadas serão fornecidas. Precisam a todo custo da
regeneração da humanidade. Você vai ser abalado além de sua força. Rezem,
rezem. Depois da perseguição, a Igreja triunfará e reflorecerá". (M. Servant, p.
236).
Irmã Catherine Filljung (1848-1915)
Paris: balançando para fora, vítima da fúria da revolução, e de uma fome
terrível que as mães comerão seus filhos.
Sobre a punição: Seu biógrafo diz:
"Catherine de Paris temia pelo destino de Jerusalém. Muito comum no
passado, ele ouviu gritos em êxtase: 'oh Paris, segundo Jerusalém para os
seus crimes, segundo Jerusalém para a punição! ' "Depois disso, ela parecia"
como o fogo a cair do céu". Era a vingança divina. A grande cidade sob cerco,
enquanto o inimigo está balançando para fora, foi uma vítima da fúria da
revolução, e de uma fome terrível que as mães comeram seus filhos. Os
manifestantes saquearam, queimaram Paris, principalmente o mais bonito. "Os
alemães ficarão felizes em vê-la destruída, mas isso não vai destruí-los, eles
não podem entrar." Após a guerra, Paris perdeu sua primazia em outra cidade,
uma cidade no centro estava se tornando patrimônio ...". (M. Servant, p. 348-
349).
Irmã Catherine anunciou que haverá uma "sangrenta perseguição,
muitas igrejas, especialmente o "Sacre Coeur", serão profanados e
destruídos." Ela também viu: "Em um palácio ao longo do Sena, uma sala
subterrânea onde os homens tiveram uma reunião sobre uma longa mesa
coberta de papéis, esses papéis foram as leis feitas contra a Igreja. "Leis anti-
religiosos foram presenteadas como o trabalho de Franco-Maçonaria, ela viu
arrastada para a câmara por homens que trabalhavam no subsolo, levando
pequenos aventais". (M. Servant, p. 761).
Madame Royer (1841-1924)
O movimento francês à beira do desespero. Eles não vão ter coragem,
mas contra si mesmos.
Sobre a punição:
"Eu vi, na minha oração, o céu do nosso país cheio de luta, o solo do
norte da França esculpido por sulcos profundos. Eles estavam cheios de
sangue. Nossos campos foram me mostrados devastados, destruíram nossas
igrejas, até mesmo nossas catedrais não serão respeitadas. Paz que seguirá a
esta guerra, [*] será uma falsa paz, cheia de dificuldades diplomáticas,
econômicas, sociais e financeiras." [*] Esta visão foi a 24 de maio de 1914.
"O mundo vai afundar em impiedade, impureza e completo
esquecimento de Deus e assim será o seu castigo. O movimento francês à
beira do desespero. Eles não vão ter coragem, mas contra si mesmos. Uma
por uma, todas as soluções para acabar com os seus problemas
desaparecerão. Todo recurso humano se foi, e tudo parece perdido, o Sagrado
Coração intervirá. Em seguida, surgem os escolhidos de Deus, e a França não
se pode negar que ela deve a sua salvação apenas ao Sagrado Coração".
O Sumo Pontífice vai ser infeliz
Em outra visão:
"O Sumo Pontífice será miserável. Toda a Igreja será entregue à
desolação por causa disso. Para ele, para a sua libertação, será necessário ao
Sagrado Coração."
Em outra revelação, Madame Royer viu o Papa desaparecer em meio à
desolação da Igreja.
Ela também viu o Senhor chorar sobre Paris como uma vez em
Jerusalém, e as mesmas queixas.
"Um príncipe vem do exterior para libertar a França". (A. Marty, p. 82-
91).
Maria Julia-Jahenny (1850-1941)
Haverá prodígios diabólicos no ar.
Sobre a punição:
"Não haverá mal aos prodígios do ar, os amigos do Senhor devem ir ver
essas maravilhas de Satanás, que são o anúncio da ira e do castigo de Deus".
(M. Servant, p 83).
São Miguel diz ao profeta:
"O inferno vai ter sucesso e os justos serão vítimas de pessoas injustas;
rugidos do inferno, de medo e de terror, e Satanás, em sua conquista, afirma:"
Para mim, a vitória. Eu venci a França quase que inteiramente. A desolação
será tão grande, e terrível o castigo, que muitos vão ser consumidos com medo
e acreditarão no fim do mundo. A escuridão física, e durante três dias haverá
uma noite contínua. Só as velas bentas darão luz durante esta horrível
escuridão. Uma única vela será suficiente para os três dias, mas nas casas dos
ímpios, eles não emitem qualquer luz. Durante estes três dias de escuridão os
demônios aparecem sob a mais terrível e a mais assustadora. Você vai ouvir
no ar as blasfêmias mais horríveis. Os raios penetram em suas casas, mas não
apagarão a luz das velas bentas. Nem vento nem tempestade, nem terremoto
podem apagá-las. “Nuvens cruzarão o céu vermelho-sangue, o som do trovão
vai abalar a Terra, raios e nuvens cruzarão em reivindicações, em uma época
onde eles nunca ocorreram."
"A Terra será abalada em seus alicerces. As ondas do mar subirão
barulhentas, e vão invadir todos os continentes. O sangue correrá em tal
abundância que os homens o terão pela cintura. A Terra ficará como um vasto
cemitério. Os corpos dos ímpios e dos justos irão cobrir o chão. A fome será
grande, em resumo, tudo vai ficar destruído e três quartos dos homens
perecerão. A crise explodirá quase que de-repente. As punições serão comuns
a todo o mundo e vão vir sem interrupção. Alguns podem rir de nossa
ingenuidade. É que eles nunca viram, nem guerra, nem a Comuna em 1870-
1871, com seus horrores, e eles acreditam que a atual guerra (de 1914), foi a
partir de tanto tempo planejada e anunciada, mas é uma conflagração
resultante de conflitos entre nações e não é um Aviso do Céu. Orem e orem
por eles. Os homens queriam resolver as questões entre si, mas, o Céu estará
fechado hoje. O reabriremos pela oração e pela penitência e estará pronto". (M.
Servant, p. 238-239, B. Sánchez, pp . 57-58).
"Eles virão para lançar fogo sobre a França e castigos... O Céu vai abrir
em três aberturas terríveis... será um colapso de fogo e de cores diferentes. E
estes três deslizamentos de Terra serão sentidos horrivelmente por todas as
pessoas... Haverá gritos horríveis, gritos, gemidos, tortura... O olho vai
perceber corpos e figuras deformadas, características, mais de recursos que
não se parecem com as crianças do Céu... Nos três naufrágios de fogo haverá
um som triste... e é neste ponto onde o ar se tornará insuportável para cheirar,
como uma praga dos eleitos... vai ser neste momento o grande dilúvio e o
julgamento de Sodoma culpada, o julgamento dos crimes cometidos... Não
haverá mais o chão, mas, haverá poucos túmulos afundados e deitados sobre
seus corpos inanimados de fogo... Não haverá nada nesta casa onde as leis
ruins são forjadas, onde vai terminar na morte da fé nas almas, das quais a
lançar a mais recente sujeira nas almas das crianças, que em sua maior parte
estão condenadas a nunca mais me ver e me amar."
Em uma revelação de 1903 diz:
"O fogo do céu cairá sobre Sodoma e, principalmente, sobre o quarto do
inferno, onde eles fazem as leis ruins. Ela vai ser engolida e seu lugar será
como uma enorme pedreira que até o fim do mundo, não será possível sem um
estremecimento de abordagem e horror". (M. Servant, p. 347-348).
Em 17 de janeiro de 1922, Maria Julie vê uma cruz mais bela e brilhante
do que tudo o que há de mais belo na Terra. Esta linda cruz veio de uma
nuvem que se estende a uma distância imensa.
Deus diz:
"Eu vou surgir em breve em todo o esplendor da minha justiça... eu vou
derrubar a Terra, eu fulminarei a alma culpada... Vai ser um grande dilúvio de
susto". Pouco depois de 200 anos o triunfo do meu Coração Sagrado terá
lugar. "Bem, quando vocês lançarem, a si mesmos, em todas as cruzes de
cabeça para baixo, ao impor das leis satânicas, o mais infame, o clero e os
fiéis, não me levantarei. A Terra será destruída, tudo está em flores e os grãos
serão destruídos e queimados, tudo o que é preto e fumaça e fuligem vai
esfriar a minha ira". (M. Servant, p. 574).
Em 17 de Outubro de 1877, dia da festa de Santa Margarida Maria, O
Divino Mestre, mostrando a ferida em seu coração diz:
"Meus filhos, meu Sagrado Coração de Jesus que é de graças
privilegiado, Nele é a vitória. Mas antes que você dê a vitória, eu vou querer
experimentar. Vou mandar muitos males, Minha Justiça vereis cair no chão.
Você também vai ver sinais de aviso aparecem no céu. Eu tinha prometido as
vítimas dos benditos de meu Sagrado Coração (Santa Margarida Maria), dar a
vitória para a França e a minha Igreja do Sagrado Coração, com a condição de
que todas as crianças da França sejam submissas, se eles forem ingratos, as
punições devem ser mais terríveis, eu tinha prometido a vítima de meu
Sagrado Coração de Jesus, que talvez eu teria o cuidado de 200 anos [antes],
ou mais, se o meu povo tiver sido dócil. Anteriormente eu teria dado a vitória.
Ele não tem sido dócil. Mas, logo após o triunfo dos 200 anos, ocorrerá.
Minhas vítimas, tenham isso em memória. Falei com muitas almas que antes
do triunfo da França haveria uma grande luta entre todos os meus filhos, bons
e maus."
Que os meus filhos fiéis não se cortem pelos braços dos ímpios, eu desejo que
eles resistam. "Que os meus filhos fiéis não se cortem pelos braços dos
ímpios, gostaria que resistissem a eles, por sua fé e coragem que vão realizar.
Será o último esforço dos malfeitores, e é então que eu vou impedi-los. Eles,
então, tentarão lançar a perturbação pelos inimigos da minha Igreja,
profanando tudo o que é respeitável na Terra, mas, será em vão. Lembre-se da
minha promessa: vou salvar a França por Meu Sagrado Coração, e a
levantarei amor de meu Sagrado Coração. Meus filhos, mais uma vez, eu
avisei. Satanás irá satisfazer a sua raiva que é muito maior (ele sabe) como o
seu será derrotado. Eu quero humilhar o meu povo, porque ele não ouviu as
minhas palavras. Mas logo vou dar uma vitória completa, ou seja, a
ressurreição da filha mais velha da Igreja. Agora é a hora, meus filhos, onde o
lírio branco e a bandeira branca serão passos, mas será apenas por um tempo,
o triunfo será certo". (M. Servant, p. 766-768).
Berta Petit (1870-1943)
Será reconhecido logo a baixa estabilidade da paz estabelecida fora de
mim e sem a intervenção de alguém que fala em meu nome.
Sobre a punição:
Em 12 de dezembro de 1912, Nosso Senhor diz:
"Um duplo assassinato derrubará o sucessor do antigo governante da
Áustria (O assassinato do duque Ferdinando, que precedeu à Primeira Guerra
Mundial) fiel à sua fé. Este será o primeiro dos eventos dolorosos, mas útil para
meus projetos, que precedem a punição."
A 29 de junho, 1914:.
"A partir deste momento começa a marcha ascendente de eventos que
levarão os precursores para a grande manifestação da minha justiça."
A 17 de outubro, 1918:
"A evidência renascerá, até o dia em que, depois de ter humildemente
reconhecido seus erros, esta nação (a França) me retornou meus direitos e
darei plena liberdade à minha Igreja".
28 de outubro de 1918 e em julho de 1919:
"Será reconhecido logo a baixa estabilidade da paz estabelecida fora de
mim e sem a intervenção de alguém que fala em meu nome. A nação à qual
ele diz "expirado", mas cujas forças não são apenas diminuídas
temporariamente, permanece como uma ameaça à Bélgica e à França.
Distúrbios e ameaças vão se espalhar em todos os países. Porque essa voz
não é minha, é que as guerras recomeçarão em todos os lugares, guerras e
guerras de raças. Qual teria sido tão grande, tão real, tão bonito, tão durável
para a sua realização, mas, é retardado. A humanidade vai para uma
tempestade terrível, que os povos cada vez mais divididos, ela reduziu a nada
as combinações humanas, ela vai quebrar o orgulho dos governantes da
época, ele irá mostrar que nada existe sem mim e que eu continuo a ser o
Senhor do destino das nações."

Em 1928:
"Se os homens quiserem ver a destruição em massa mais horrível e
pensarem mais, em tudo o que está se preparando para uma futura guerra de
vingança, onde ninguém quer morrer". O último alívio que eu dou antes do fim
do tempo: a devoção do Meu Sagrado Coração e do Coração Imaculado de
Maria.
10 de maio de 1940:
"Eles são os corações que deveriam ser alterados. Isso vai ser
conhecido pela devoção, desenvolvido e recomendado e pregado por toda
parte (Sagrado Coração de Jesus e Coração Imaculado de Maria). É o último
alívio que dou antes do fim dos tempos". (R. Christoflour, p. 209-216, A. Marty,
p. 113-118).
Nossa Senhora anuncia:
"Os eventos estão chegando como uma nuvem que cresce e se espalha
pelas nações alargadas que perecem no fogo e no sangue, como se eles
tivessem sido atingidos por um raio vindo do Céu. Perspectiva terrível. O
Coração da Minha Mãe deve ser imposto para a salvação das almas e a
purificação das nações... " (B. Sanchez, p. 62)..., Sem perceber.
Heede - Mensagens de Nosso Senhor e de Nossa Senhora na
Alemanha (1937-1946):
Os homens não acreditaram nas palavras de Minha Mãe, quando ela
apareceu em Fátima. Heede é uma vila situada no norte da Alemanha, perto da
fronteira com a Holanda. Nossa Senhora apareceu entre 1937 e 1940, mais de
cem vezes a quatro meninas com idade de 12 à 14 anos: Anni Schulte, Grete e
Mary Gasebforth e Suli Bruns. A Gestapo interveio, chegando a prender as
meninas, as quais proibiu perto do lugar das aparições. A Virgem falou com
frequência às meninas e pediu orações e deu várias mensagens secretas, uma
delas só para ser contada para o Papa. Nosso Senhor Jesus Cristo também
apareceu várias vezes a partir de Outubro de 1943.
Em 21 de outubro de 1945, Nosso Senhor apareceu a Grete, quando na
aldeia estava a ser realizado um baile de gala. O pedido não foi atendido, de
que os pais enviassem suas filhas para dar contas severas a Deus e terminou
com estas palavras: "Os homens não acreditaram nas palavras da Minha Mãe,
quando ela apareceu em Fátima. Ai daqueles que, agora, não vão acreditar em
Minhas palavras!, Estes são tempos sérios e graves. Façam penitência.
Rezem, rezem ..."
Em 7 de fevereiro de 1946 Grete ouviu estas palavras de Jesus:
"A minha namorada, nesses tempos tornou-se cada vez mais grave. Se
os homens não se arrependerem e continuarem a ofender-me e o Coração
Imaculado de Minha Mãe, sobre eles cairá uma punição ainda mais terrível.”
"Meu querido Salvador, como não ofendê-lo mais?"
"Minha querida noiva, eu me ressinto diariamente através de pecados de
impureza, do orgulho e da ganância. Os homens devem fazer penitência e se
arrependerem para que eu possa retirar a Minha mão de punir. Mas, a menos
que eles façam isso e não se reconciliem a mim, a punição virá". (R. Ernst, p.
87-94).
Irmã Helena Aiello (1961 ):
Os governos e os povos têm subido como demônios em carne humana.
Em 16 abril de 1954 recebeu a seguinte revelação:
"Minha filha, veja o estado em que deixaram os pecados do mundo. O
mundo está cheio de sujeira para uma obra de corrupção. Os governos e os
povos têm subido como demônios em carne humana, enquanto eles falam de
paz, preparam-se para a guerra com a construção de armas devastadoras,
concebidas para destruir os povos e nações. Tornaram-se ingratos ao meu
Sagrado Coração abusando da minha graça, e tem transformou o mundo em
um teatro de crimes; inúmeros escândalos que conduzem as almas a sua
perda ... especialmente a juventude. O mundo se voltou para desenfreados
prazeres e foi conduzido para perversões horríveis. O mau exemplo dos pais
de famílias que os levam a crimes e infidelidades, em vez de incentivá-los à
virtude e oração, ... a família, fonte de fé e santidade, está contaminada e
destruída. Abusando de seu critério, os homens não mudam e são definidos
obstinadamente em seus pecados. São punições severas e flagelos que Deus
envia para fazê-los ver a razão, mas os homens ficam furiosos como animais
selvagens que estavam apenas feridos e endurecem seus corações contra a
graça de Deus.
"O mundo não merece perdão, mas, mais fogo, destruição e morte. Os
fiéis devem fazer penitência e rezar muito para acabar com este castigo que
eles mereciam, mas, foi adiado por intervenção de minha querida Mãe, Mãe
também de todos os homens... O flagelo está pronto para livrar a Terra do
mal”.
"A Justiça da satisfação Divina, afirma muitas ofensas e males
universalmente difundidos e tornaram-se intoleráveis. Os homens obstinados
em seus pecados se afastam de Deus, não se submetem mais à Igreja, os
sacerdotes à desprezam, muitos dos quais, são ruins e causarão um
escândalo ..." (B. Sanchez, p. 43-44).
Montreal - Mensagem de Nossa Senhora (Século XX):
A Mensagem transmitida por Nossa Senhora à Irmã Grise de la Charité,
Montreal, que ela comunicou a seu pai espiritual, o bispo Breynat, que, por sua
vez, entregou os documentos ao Papa Pio XII - (cf. M. Servant, .. página 46).
Nossa Senhora, diz o religioso, falou que:
"A imoralidade em que o mundo tem pressa deve ser punida por
doenças repugnantes, como a lepra, onde muitos pacientes tornam-se animais
de pasto". (M. Servant, p 359).
Em 26 de novembro de 1949:
"Desta vez é mais do que uma guerra que vai acontecer no mundo. Eles
são os flagelos, da fome, terremotos, onde um bom número será enterrado.
Haverá crueldades inimagináveis sobre toda a Terra, muitos irão morrer de
terror..." Apóstatas, almas perversas, que zombam de Deus, tomem cuidado!
Eu lhe dou agora alguns sinais que precederão os grandes males que fiz
conhecidos: Em uma noite muito fria de inverno, você vai ouvir um terrível
rugido de trovão, violentos tremores sacudirão toda a Terra, uma massa de
estrelas, no fogo, reduzirão a cinzas tudo o que foi corrompido pelo pecado,
sim, tudo, tudo o que é pecado. Haverá ventos quentes e o ar será preenchido
com emanações de gás envenenado com enxofre e sufocante.
Depois de todos os edifícios construídos com o espírito perverso e
provocante da glória pessoal, forem destruídos, e os homens e as casas, será,
então, que o homem irá entender que não está no topo, nem por cima. Tomem
cuidado, apóstatas, almas perversas, que zombam de Deus, a ira de Deus vai
destruir todas as mentiras de trabalho marcadas, com blasfêmia, sofisma
pérfido e hipócrisia ... " (M. Servant, p. 391).
"Eu venho para as almas fiéis, as almas sacrificadas não recusarão
nada para o meu Filho amado. Eu serei o seu alívio, elas permanecem sempre
unidas ao meu Imaculado Coração. Quando o anjo da morte executar a sua
missão com a espada da justiça, o diabo vai fazer um barulho de raiva contra
vós, almas santas e fiéis, para fazer vocês perderem a coragem, com terror
assustador, não ouçam suas mentiras, e coloquem a sua fé e a sua confiança
no Coração de Jesus. A ira de Deus é santa e justa. Quando o trovão ressoar
com tanta força que as montanhas tremerão, deformando o mundo exterior,
não se deixem levar por olhares curiosos assistindo esses acontecimentos
terríveis. Farão Oração e Penitência, então, dando graças a Deus por essa
purificação; os que ainda acreditam em Deus novamente. Confiem em Mim e
no Meu Imaculado Coração e não se assustem. É uma 'visão' do inferno que
não vai fazer nenhum mal para os justos nem sacrificar as almas que têm
abandono experiente e amor. Quanto mais você pode estar contando com o
Coração de Jesus, mais Ele vai defender-te contra o mal. Ore para que as
almas que são tão queridas ao Seu Divino Coração e ofereçam as suas
preocupações, as suas ansiedades, suas mortificações, seus medos ... para os
pobres pecadores, que os padres perderam, por todas as almas que são
deixadas ir ao desespero com a visão desses terríveis acontecimentos, em
seguida, vendo o grande mal dos seus pecados eu não posso deixar de repetir,
apenas as almas que amam somente Deus e que colocaram sua confiança em
Jesus, podem contar com meu Imaculado Coração". (M. Servant, p 724. - 725).
Teresa Musco (1943-1976)
20 de maio de 1951:
"Teresa, filha do meu coração, eu estou aqui para confidenciar algumas
coisas que você deve guardar para si, até que eu queira. Você vai ver muitas
mudanças na igreja. Os cristãos que rezam serão poucos. Muitas almas
caminham no inferno. Mulheres perdem a sua modéstia e vergonha. Satanás
fará a sua maneira de bater muito. No mundo haverá crises comuns. O
governo vai cair. O Papa vai passar horas de agonia e no final eu estarei ali
para levá-los ao paraíso. Haverá uma grande guerra. Mortos e feridos
incalculáveis. Satanás vai cantar sua vitória, mas o tempo todo, Meu Filho vai
aparecer nas nuvens e julgar aqueles que têm desprezado o seu sangue
inocente e divino. Então, meu Imaculado Coração triunfará".
13 de agosto de 1951:
"Minha filha, eu estou aqui para dizer-lhe que o Pai enviará um grande
castigo para a humanidade. Não sabeis vós que a filha tem as regras de
Satanás nos mais altos cargos. Quando Satanás vier para o topo da igreja,
entenda que neste momento será capaz de seduzir os espíritos dos grandes
cientistas e será o momento em que intervirão com armas muito poderosas
com as quais é possível destruir grande parte da humanidade".
07 de outubro de 1951:
“Minha filha, estão preparadas tribulações que o pai levará para a Itália e
somente aquelas almas que se oferecem como vítimas poderão tocar o
coração cheio do Meu Filho e do Pai”. 1972, Satanás, até a hora do início, os
cardeais se oporão a cardeais e bispos contra bispos. Você está no meio de
uma época muito difícil, que se destina a explicar tudo cientificamente e
ninguém pensa em dar um pouco de calor, um pouco de amor, mesmo para os
mais pobres.
03 de janeiro de 1952:
"Eu quero te dizer que o mundo é pervertido. Eu tenho aparecido em
Portugal, mas ninguém deu ouvidos as minhas mensagens" "Eu tenho falado
em Lourdes, em La Salette, mas, poucos corações duros se suavizaram. Eu
também quero dizer-lhe muitas coisas que afligem o meu coração. Eu quero
falar mesmo é do terceiro segredo que ela deu em Fátima, olhem, eu devo
dizer que tem sido muito lido (por autoridades da igreja), mas, nenhum o
entregará ao público, se não for eleito Paulo VI (aqui profeticamente se prevê o
Papa João XXIII). Com o tempo, o Papa se reunirá com Lúcia (quando eleito, o
Papa Paulo VI foi em viagem à Fátima e Lúcia conheceu-o no ano de 1967),
mas, mesmo com esta oração do Papa e a penitência solicitada em todo o
mundo, não se atreveram a falar sobre o segredo, porque é horrível." "Fogo e
fumaça decomporão o mundo. As águas dos oceanos se tornarão fogo e
vapor. A espuma vai subir inundando a Europa e tudo vai afundar sob a lava
do fogo. Os poucos vivos escolhidos, invejarão os mortos. . ."
São Pio de Pietrelcina (1887-1968)
"Precedido por tempestades de ventos desencadeados e terremotos
terríveis, que irá abrir a Terra e a rocha, virei uma noite, durante os meses frios
do inverno, neste mundo cheio de pecados, trovões e relâmpagos, saindo de
nuvens incandescentes, num flash, e reduzirei a cinzas tudo o que está
contaminado pelo pecado. A destruição será total. O gás de ar envenenado
azedo, e sufocante fumaça levantando, será levado a longas distâncias por
rajadas de vento. As obras erguidas pelo homem e por seu espírito louco e
ousado de adoração para si mesmo, tentando provar o seu poder ilimitado,
serão aniquiladas. Em seguida, a raça humana vai entender que há algo muito
maior que ele, que irá destruir o seu de orgulho vazio. Rapidamente, feche as
portas e janelas, cubra toda a visão do mundo exterior para não ver o mais
terrível dos acontecimentos, não profane a sua visão com olhares curiosos,
porque santa, santa é a ira de Deus. A Terra será purificada para você, restos
mortais do rebanho fiel".
"Confie sua proteção à Minha Santa Mãe, não desanimemos, apesar do
que você ver, e seja obediente, é uma invenção do inferno que não vai te fazer
mal nenhum. Cubra-se em constante oração sob a proteção de Minha cruz e
invoque os anjos das vossas almas. Lute com confiança no Meu amor eterno e
não deixe que em você se levantem dúvidas sobre a sua salvação. Quanto
mais firme e perseverante ainda permanecer no Meu amor, mais certamente
irá se defender contra qualquer ameaça. Esforce-se para as almas queridas do
meu coração."
"Persevere por uma noite e um dia e mais uma noite e outro dia, e os
próximos terrores noturnos irão diminuir. . . Na madrugada do dia seguinte, o
sol vai brilhar novamente e o calor e a luz dissiparão os horrores da escuridão.
Aceite a nova vida com humilde gratidão. Vivam-na com simplicidade e
gratidão, em paz e amor, como minha intenção. Ore e sacrifique-se, que o
sacrifício pode produzir abundantes frutos de bênção e florescerá uma nova
raça em vossos corações felizes. . ."
"O mundo vai chamá-los de fanáticos, criaturas malucas e miseráveis
ameaçam fazer você vacilar em sua constância com sua eloquência
enganadora. E o inferno trapaceará com intrigas e tentará conquistá-lo com os
seus enganos e astúcia. Lute com humildade e silêncio, lute com as almas das
boas obras, através da oração, do sacrifício e da convicção interior do dever.
Busque refúgio na Mãe da Graça, a fim de que a vitória no flagelo inevitável
resulte sobre o inferno, e que os meus anjos possam receber nas eternas
venturas do Pai, as penitentes ovelhas. . ."
Uma mensagem levada por sua vontade e feita pelos padres
franciscanos para distribuir a todos os grupos de oração católicos do mundo,
no Natal de 1990:
"O tempo da punição está próximo, mas, eu vou manifestar minha
misericórdia. Nosso tempo vai testemunhar um terrível castigo. Meus anjos vão
cuidar de exterminar todos os que estão rindo de mim e não acreditam nos
meus profetas. Furacões de fogo serão lançados pelas nuvens e se espalharão
por toda a Terra. Temporariamente, tempestades, trovões, chuvas
ininterruptas, e terremotos cobrirão a Terra. Durante três dias e três noites
haverá uma chuva ininterrupta de fogo, para mostrar, em seguida, que Deus é
o Senhor da criação. Aqueles que acreditam e esperam na Minha palavra, não
tem nada a temer, pois, eu não vou abandoná-los, como você que ouve
minhas mensagens. Nenhum mal atingirá aqueles que estão em um estado de
graça e buscam a proteção da Minha Mãe. Para você que preparou-se para
este teste, eu darei esses sinais e avisos: A noite será muito fria, o vento irá
soprar, e vem ..., E um trovão. Feche todas as portas e janelas. Não fale com
ninguém de fora da casa. Ajoelhem-se perante o seu crucifixo. Arrependa-se
dos seus pecados. Ore para Minha Mãe, para sua proteção. Não olhe para
fora, enquanto o chão treme, porque a ira do meu Pai é santa. Você tem que
ficar sem a visão de sua ira. Quem não respeitar esta advertência, serão
abandonados e mortos instantaneamente pela fúria da ira divina. O vento
transportará os gases envenenados, disseminando-os por toda a Terra.
Aqueles que sofrerem inocentemente serão mártires e entrarão no meu reino.
Após a Punição, os anjos descerão do céu e vão espalhar o espírito de paz na
Terra. Um sentimento de gratidão incomensurável tomará posse daqueles que
sobreviverem a esta terrível provação. Rezem o Rosário com devoção, em
esforço comum ou sózinhos. Durante estes três dias e três noites de trevas,
apenas as velas bentas no dia de Candelária (em 2 de fevereiro) poderão
iluminar e dar à luz sem serem consumidas".
"Um dia virá quando os inimigos de Cristo vão se orgulhar de ter
conquistado o mundo inteiro" (São Metódio, século 4).
"A raça humana terá que passar por uma grande tempestade que vai
aguçar as divisões entre os homens e os seus planos de reduzi-la a cinzas."
(Berthe Petit, 1943).
"Haverá um grande prodígio que encherá o mundo de temor." (Papa Pio
IX, século 19).
"Eu vi um dos meus sucessores fugindo por cima dos corpos de seus
irmãos, Ele vai se refugiar disfarçado em algum lugar; e depois de uma breve
aposentadoria vai morrer uma morte cruel na presente maldade do mundo, e
esse será apenas o começo das dores que devem ocorrer antes do fim do
mundo", (São Pio X, século 20).
"Deus enviará dois castigos: um será na forma de guerras, revoluções e
outros males, que podem ter origem na Terra; o outro será enviado do céu. Virá
sobre toda a Terra uma escuridão intensa com duração de três dias e três
noites." (Anna Maria Taigi, século 19).
"O poder de Maria sobre todos os demônios será particularmente
notável no último período de tempo. Ela vai estender o Reino de Cristo... " (St.
Louis-Marie de Montfort, século 18).
"Eu posso lhe dar apenas um conselho para hoje: rezar e fazer rezar,
pois o mundo está no limiar da sua perdição. "(Padre Pio, século 20)
"Antes da guerra irromper novamente, a comida será escassa e cara.
Haverá pouco de trabalho para os trabalhadores, e os pais vão ouvir os seus
filhos chorando por comida. Haverá terremotos e sinais no sol. No final, a
escuridão cobrirá a Terra."
O texto acima é de uma freira da França, a chamada "Eufórica de
Tours", cujas revelações foram publicadas por seu diretor espiritual. A profecia
foi datada em cerca de 1872/73.
Ouvimos da Beata Anna Maria-Taigi de Roma, que profetizou um castigo
em duas etapas, que a primeira fase seria originária da Terra e a segunda do
Céu, a qual termina em três dias de escuridão.
É importante lembrar que a Beata Anna, teve visões mais incomuns,
incluindo a do milagroso "sol", em que ela via numa série de visões, quase
como uma apresentação de TV, de todos os tipos de eventos que teriam lugar
nas próximas décadas. Ela aconselhou os Papas e personalidades. Diante de
sua santidade e do fato de que muitas de suas profecias já foram cumpridas, é
mais provável que sua profecia dos três dias não seja apenas possível, mas,
provável.
Marianne das Ursulinas de Blois (1804), que previu a queda de
Napoleão e seu breve retorno da ilha de Elba, conta a história de uma
intervenção repentina de Deus, a qual está associada com os três dias de
escuridão:
"Os bons católicos devem estar no ponto de serem aniquilados, mas, o
Poder de Deus, num acidente vascular cerebral do Céu, irá salvá-los. Todos os
ímpios perecerão, mas também muitos bons católicos".
Rosa Colomba Asdenti de Taggia, que viveu no século 19, também
profetizou um período de três dias de escuridão e associou-os com a
conversão da Inglaterra.
Palma Maria d 'Oria (1863), assim como os outros videntes, fala das
atividades dos demônios:
"Haverá três dias de trevas, durante as quais, o ambiente será infectado
por inúmeros demônios, que vão causar a morte de grandes multidões de
crentes e dos homens maus. Somente as velas abençoadas devem ser
capazes de dar a luz e preservar os fiéis católicos a partir deste terrível flagelo
iminente. Prodígios sobrenaturais aparecerão nos céus..."
Irmã Maria de Jesus Crucificado de Pau, a "Pequena árabe" (1878),
beatificada em 1983 pelo Papa João Paulo II, e fundadora de uma ordem de
um convento das carmelitas em Belém, profetizou:
"Durante uma escuridão com duração de três dias, as pessoas que
receberam o mal vão perecer de modo que apenas um quarto da humanidade
vai sobreviver."
Jeanne le Royer, da Natividade das Clarissas de Fougeres, Bretanha,
França (1798), fala da escuridão espiritual que eventualmente nos levará aos
três dias de escuridão:
"O reinado do Anticristo está se aproximando. Os vapores espessos que
vi saindo da Terra e obscurecendo a luz do sol, são as falsas máximas de
irreligiosidade e licença que estão confundindo todos os bons princípios e as
espalhando por toda parte, tais como a escuridão que obstrui tanto a alma
como a razão."
Irmã Jeanne previu como a própria razão seria atacada com todos os
transtornos morais e intelectuais posteriores que se esforçam para destruir a
própria natureza do homem como homem.
Marta Robin de France (1981) falou sobre os grandes problemas que
virão, mas, terminou com uma alegre mensagem de Nosso Senhor, dizendo:
"Seja corajoso!, O Reino de Deus está próximo. Ele vai começar com algo que
virá tão de repente e será inesperado."
Pe. Nectoux S. J. - O sacerdote jesuíta Charles-Auguste-Lazare Nectoux
S.J. (1698-1773), nasceu em nobre berço, e ingressou na Companhia de
Jesus, da qual foi o último provincial na Aquitânia, França, antes da ordem ser
fechada em 1762. Ele previu a dissolução da Companhia de Jesus e o que
adviria depois. Ele também previu um castigo universal sobre a humanidade
que Michel Servant em seu livro, retransmite nestes termos:
“Haverá então um momento tão espantoso que acreditar-se-á ser o fim
do mundo. O sangue correrá em muitas grandes cidades: os elementos
entrarão em convulsão como num pequeno juízo. “Perecerá nessa catástrofe
uma grande multidão de homens, mas os maus não prevalecerão. Eles terão a
intenção de destruir inteiramente a Igreja; mas não lhes será dado tempo.
“Avizinhar-se-á essa catástrofe quando a Inglaterra começar a se abalar.
Saber-se-á por este sinal, como se conhece a proximidade do verão quando a
figueira começa a brotar. “A Inglaterra, por sua vez, sofrerá uma revolução
mais terrível do que a Revolução Francesa, e durará bastante tempo para que
a França tenha tempo para se tranqüilizar”. Será a França a ajudar a
restabelecer a paz na Inglaterra”.
“Durante esse transtorno espantoso que, ao que parece será geral, e
não só na França, Paris será inteiramente destruída, não sem que antes
apareçam sinais que darão tempo aos bons para fugir. Sua destruição será tão
completa, que vinte anos depois, os país passeando com os filhos sobre as
ruínas responderão: ali houve uma grande cidade, porém por causa de seus
crimes Deus a destruiu”. (M. Servant, p. 309, 341 y 389).
Profecias Antigas sobre o AntiCristo
Há profecias que dizem que ele será filho de um ladrão com uma
prostituta, etc. A primeira opção me parece provável porque ela é antiga e a
aparição de Maria a Melanie Calvat em La Salette, na França, no século
passado disse que ele seria filho de um bispo com uma religiosa. E como a
aparição foi para uma criança que morava numa zona rural, me parece pouco
provável que a Melanie tivesse tido acesso a profecias antigas que dizem que
ele será filho de bispo com uma religiosa para inventar tal coisa.
O livro de Daniel foi uma das referências básicas da literatura do
Anticristo na Idade Média, como em Daniel, 7: 7-8. No Novo Testamento, ele é
citado, por exemplo, na epístola de João cap. 1:2-22, e na segunda epístola de
Paulo aos Tesalonicenses cap. 2:3-4, onde São Paulo diz que o Anticristo se
sentará no templo de Deus.
No Evangelho de Mateus cap. 24: 15-16, Cristo disse: "quando virdes a
abominação da desolação, que foi predita pelo profeta Daniel, posta no lugar
santo - o que lê entenda - então os que se acham na Judéia, fujam para os
montes...". Esta passagem, que é traduzida de várias formas por diferentes
bíblias, como "quando virdes o ídolo do invasor instalado no templo" ou ainda
"quando virdes o abominável devastador (ou a abominação da desolação)
instalado no lugar santo", ou mesmo, em Lucas cap. 21 que diz: "quando virdes
Jerusalém cercada de exércitos, sabereis que está próxima a sua desolação".
As profecias sobre o Anticristo aparecem também em outros livros
antigos apócrifos como no Livro de Enoch, no Apocalipse de Baruch, no livro
da Assunção de Moisés, nos Apocalipses de Pedro, de Moisés, de Paulo, de
Tomás, de Bartolomeu e outros. O Apocalipse apócrifo de São Tomé diz:
"Haverá grandes sinais e maravilhas naqueles dias, quando o Anticristo estiver
próximo".
No Apocalipse apócrifo de Pedro:
“(...) Nos últimos dias virão Cristos (falsos Cristos, como apóstolos do
AntiCristo) e aumentarão as expectativas dizendo: "Eu sou o Cristo, e agora
estou no mundo". E quando eles perceberem a maldade de seus atos, eles se
afastarão dele e o negarão e mesmo o Cristo a quem eles crucificaram, e
portanto, cometerão um grande pecado. Mas este enganador não é o Cristo.
E quando eles o rejeitarem, ele os matará com a espada e haverá muitos
mártires. “Muitos se tornarão mártires.”
No apócrifo conhecido como Palavra e Revelação de Esdras, o Santo
Profeta Amado de Deus, Esdras, é conduzido por Deus pelos Céus:
"E eles me levaram para o norte e eu vi lá um homem atado com
correntes de ferro. E perguntei. Quem é este?, E ele me disse: Este é aquele
que disse (ou dirá) ‘Eu sou o Filho de Deus, que fez das pedras pão, e das
águas vinho’. E o profeta disse: "Meu senhor, deixe-me saber sua forma e direi
aos homens, para que não acreditem nele".
Existem, talvez, centenas de profecias sobre o AntiCristo. Um dos
estudos antigos mais interessantes sobre o AntiCristo trata-se de uma carta ou
um tratado escrito entre 949 e 954 na França pelo monge Adso, a pedido da
rainha Gerberga. Este documento é um conjunto de idéias sobre o que os
principais estudiosos da época pensavam a respeito e citá-lo aqui tem o
mesmo valor que citar dezenas de outras profecias, devido a grandiosidade de
informações contida no documento, chamado de Epistola Adsonis ad
Gergergam Reginam de Ortu et Tempore Antichristi. Vale lembrar que algumas
as afirmações contidas no tratado do monge Adso podem ser incorretas,
entretanto a maioria delas parece-me correta, já que muitos outros profetas
falam de coisas semelhantes.
No Tratado sobre o AntiCristo, o Monge Adso diz:
“Grande Rainha, que sempre vos aplicais com pio zelo ao estudo das
Santas Escrituras e amais dialogar sobre vosso Redentor. Vós desejais
também ser instruída a respeito do Anticristo e saber até onde chega sua
iniquidade e como será cruel a perseguição que este suscitará contra a Igreja.
Desejais, estar informada também, sobre seu nascimento e seu poder.
Transcreverei aqui as coisas que, desde agora, parecem certas a respeito do
Anticristo. Em primeiro lugar, devo explicar porque ele será chamado de
AntiCristo: acontece que em todas as coisas será o oposto do Cristo, e em
todas as ocasiões fará exatamente o contrário do que Cristo fez. O Cristo era
humilde, ele será orgulhoso; o Cristo ergueu os humildes e chamou os
pecadores ao arrependimento; ele desprezará os humildes e enaltecerá os
pecadores, exaltará os ímpios e não deixará de propagar o vício. Abolirá a lei
evangélica; restaurará no mundo o culto aos demônios; buscará sua própria
glória e exigirá ser chamado de deus Todo-Poderoso.
O que eu digo não invento nem tiro de mim mesmo. Estas são coisas
escritas que encontrei em livros lidos e relidos com atenção. Como dizem
nossos autores, o AntiCristo sairá do povo judeu da tribo de Dan, seguindo a
antiga profecia: “Eis que Dan se tornou cobra no caminho e serpente na trilha:
mordeu o pé do cavalo na esperança de fazer o cavaleiro perder os estribos’
(Gen. XLIX-17). Será, portanto, parecido com a serpente na tocaia no caminho
e oculta na margem da trilha, para golpear os que tomam o caminho da justiça
(Salmo XXII.3) e para envenená-los com sua malícia. Nascerá como os outros
de um pai e uma mãe, mas não de uma virgem, como falsamente dito por
alguns supostos iluminados. E também não de um bispo e de uma religiosa,
como outros dizem, mas de uma mulher perdida e impura e de um bandido
abominável. Será completamente concebido no pecado, engendrado no
pecado e parido no pecado.
–(...) Nosso Senhor e redentor escolheu Belém como a cidade eleita
onde lhe convinha vir ao mundo assumindo sua natureza humana. Da mesma
forma, o diabo escolheu de antemão o lugar onde viria o homem da perdição
nascer, o AntiCristo, e escolheu a cidade que foi a origem de todos os vícios e
a instigadora de todos os crimes: estou falando da Babilônia.
O AntiCristo estará sempre cercado de magos, feiticeiros, bruxos e
adivinhos. Estes serão seus mentores e mestres e todos estarão guiados pelo
demônio. Eles o iniciarão nas ciências nefastas e na prática de todas as
impiedades. Os espíritos maléficos serão seus chefes, seus associados, seus
companheiros de armas e prazeres e nunca se afastarão dele.
Ao atingir a idade varonil, irá a Jerusalém, onde deixará perecer, nos
mais atrozes suplícios, aqueles cristãos que não conseguir converter à sua
doutrina e levantará seu trono no tempo santo. De fato, reedificará o templo
sagrado que Salomão erigiu, outrora, dedicando-o ao Senhor; restaurará o seu
antigo esplendor e nele residirá depois de se declarar falsamente o filho búnico
de Deus Altíssimo.
Primeiro atrairá os reis e os príncipes da Terra e através destes, os
outros homens. Ele gostará de visitar os lugares já visitados por Nosso Senhor
Jesus Cristo e destruirá completamente todos aqueles que ainda contam a
glória do Salvador. Em seguida, enviará a todo o mundo mensagens e
missionários. Através de seus representantes ou através de sua própria
pessoa, seu poderio se estenderá de um mar a outro, do Oriente ao Ocidente,
do Setentrião ao Meio-dia.
Ele fará muitos prodígios e milagres nunca vistos até então. A seu
mando, o fogo descerá do céu; as árvores crescerão de repente e de repente
se encherão de flores e frutos; o mar se tornará furioso e será logo acalmado;
os objetos serão aparentemente transformados; as águas subirão em direção
às nascentes, contrariando as leis da natureza; o ar será violentamente agitado
pelos ventos e pelas tempestades.
Ele efetuará outras maravilhas que deixarão os homens estupefatos.
Assim, ressuscitará publicamente os mortos e será tamanho seu prestígio que
‘até os próprios escolhidos, se possível, seriam desencaminhados’. (Mat. XXIV-
24).
Mas tudo isso será mentira e uma afronta à verdade. Será através das
artes mágicas e de fantasmagorias que ele se imporá à credulidade dos
homens, como Simão o Mago, que substituiu a sua própria pessoa por um
cordeiro e assim enganou o homem que pretendia golpeá-lo até a morte.
Entretanto, as testemunhas destes estranhos prodígios, até os perfeitos
e predestinados, se interrogarão inquietos, querendo saber se ele não é, por
acaso, o Cristo triunfante, cuja vinda foi anunciada pelas profecias, para o fim
dos tempos. Mas, se sua fé vacilar, eles serão preservados da queda final, pois
estes prodígios serão apenas artifícios diabólicos e apenas os pecadores
calejados e os malvados os aceitarão como autênticos.
O AntiCristo provocará no mundo inteiro uma terrível perseguição contra
os cristãos e contra os justos. Utilizará três tipos de armas contra os fiéis: o
terror, os presentes e os milagres. Acumulará de ouro e de prata os que
acreditarão nele – porque em seu tempo, todos os tesouros ocultos nas
profundezas da terra e nos abismos dos mares serão descobertos. Os homens
que não puder corromper com os presentes, ele tentará domar pelo terror, os
que resistirem ao terror, ele tentará seduzir com o espetáculo de seus
prodígios; e os que saírem vitoriosos dessa prova suprema, ele matará, na
presença do povo, em meio a terríveis suplícios.
Depois de falar do AntiCristo, só resta falar de seu fim. Quando este filho
do demônio tiver atormentado o mundo durante três anos e meio, submetendo
o povo de Deus aos mais refinados suplícios e outorgando, assim, a coroa do
martírio aos fiéis que se mantiveram perseverantes na fé, chegará finalmente,
para ele o dia do juízo de Deus, como escreveu o santo apóstolo Paulo.
“‘O Senhor destruirá com um sopro de Sua boca e o aniquilará com o
esplendor de sua aparição’ (2ª Carta aos Tessalonicenses, II-8). O esplendor
desta aparição de Cristo será de tal forma fulgurante que se parecerá com um
raio de luz ainda não criada. A Besta será tomada por um terror incoercível, as
vísceras sairão de seu corpo, como as de Judas, ficará assim, todo sujo e
perecerá, sem que qualquer pessoa lhe preste auxílio”.

Profecias sobre a Terceira Guerra Mundial


As profecias de Fátima, Nostradamus e Benjamín Solari Parravicini,
todas mencionaram a terceira guerra mundial. As profecias do pastor
Stormberger, de Maria Laach, de um monge beneditino, todas mencionam três
guerras mundiais.
No livro "Le message des prophètes" escrito por Jean-Paul Bourre,
publicado na França em 1998, na página 86, diz que em janeiro de 1997 o
porta-voz do Vaticano declarou ser oficial a terceira parte do segredo de Fátima
(supostamente publicada inicialmente em 1963).
Algumas outras aparições de Maria, além de Fátima, falam claramente
sobre um "Grande Castigo", que seria uma grande guerra, como nas
mensagens da aparição de Nossa Senhora de Todos os Povos, na Holanda,
entre março de 1945 a 1957, quando uma jovem holandesa presenciou cerca
de cinquenta aparições de Maria. Ela disse que uma guerra deve surgir depois
da que envolverá Jerusalém (a próxima guerra entre Judeus e os
Muçulmanos). Nossa Senhora de Todos os Povos na Holanda, disse também
que a Igreja de Roma entrará em luta e que muitas coisas se modificarão na
Igreja e na comunidade. Outras mensagens de aparições mais recentes falam
quase sempre de um castigo próximo.
A Sibila de Praga (falecida em 1658)
"Do leste virá um (China?) terrível de se olhar, porque de seus
novecentos, e noventa e nove olhos, raios mortais serão emitidos, e ar
venenoso sai de sua boca."
O suposto mago Merlin, personagem que teria vivido na época do
lendário Rei Arthur, entre o século V e VII, deixou uma profecia que diz, dentre
outras coisas:
"Antes que a era cristã atinja 20 séculos (ou antes do cristianismo tenha
2000 anos, contando-se desde a morte de Jesus Cristo), o oriente se inflamará
entre o Eufrates e o Nilo e muita gente morrerá. Haverá um Papa (o atual Papa
Francisco) que não ousará ficar em Roma. Uma coisa que os romanos devem
saber é que antes deste Papa morrer, Nosso Senhor o fará sofrer a vergonha
de não poder se estabelecer em nenhuma parte. É necessário que os romanos
saibam que este será o sinal de sua destruição, considerada como um castigo
por seus pecados."
No Liber Vaticinationem Quodam, escrito perto do ano 350, se lê sobre a
guerra que começará no fim deste milênio e atravessará o início do próximo
que:
"O terceiro milênio (à partir do ano 2001, século 21) é o momento da
terceira grande guerra. A França é destruída; a Terra treme...".
Irmã Nativitas (falecida em 1798) Nosso Senhor teria aparecido a ela e
dito:
“A figura do mundo passa, e o tempo de minha última vinda se aproxima.
Quando o sol está se pondo, se diz que o dia se vai e que a noite vem. (...)
Minha filha, o trabalhador só trabalha após o sol nascer e antes do sol se pôr e
mede a duração do dia. Não esqueça, não há mil anos para o mundo; não há
mais do que alguns séculos, em pequeno número, de duração.”
*Um pequeno número de séculos: 2 ou 3 séculos, no máximo. Isso nos
remeteria ao nosso século atual, o século 21, visto que, desde fins do ano de
1700 (quando essa profecia foi escrita), já se passaram pouco mais de 200
anos ou mais de dois séculos, sendo que já estamos à 13 anos (em 2013) do
terceiro século, já no terceiro milênio.

Profecias de Aparições Recentes


As aparições em Beyrouth, no Líbano, ocorridas na década de 80 à uma
jovem libanesa, foram publicadas em 1988 no Líbano por iniciativa do bispo de
Baalbek. Para esta jovem, Maria, Cristo, São Miguel e os santos libaneses,
Maron e Charbel, teriam aparecido e dito o seguinte:
"Esperem por numerosas surpresas, que acontecerão em toda a Terra.
Muitas coisas graves os surpreenderão". (julho de 1985).
"A guerra começará em breve no mundo. Ela será cruel para toda a
humanidade. Durante esta guerra, muitos morrerão, as pessoas terão fome...
Graves guerras civis começarão em todos os lugares". (fevereiro de 1986).
"O mar transbordará, as montanhas cairão sobre suas cabeças. Haverá
terremotos, doenças. Os vulcões ficarão expostos, a carestia de vida se
generalizará no mundo. Haverá na Terra uma fome muito grande. Tudo isto os
ameaça e vocês continuam inconscientes!, Como eu sofro por vocês e
intercedo diante do Pai!, Uma grande guerra começará em breve, as
carnificinas, os assassinatos, a dispersão e a emigração de um lugar a outro se
multiplicarão. Esta guerra os ensinará... a necessidade de retornar à Deus e da
verdadeira penitência. As catástrofes deverão chegar em breve. Elas virão
devido aos pecados dos homens, dos políticos e de muitos padres, que
seguem a suas paixões". (março de 1987).
"Ô meu povo, você vai sofrer por um fogo ardente, porque você pecou
contra mim e meu Pai celeste". (abril 1984).
"Escreve, minha filha: Por que o mundo perdeu sua clemência e sua
piedade?, É porque seus corações estão sob o poder de Satã. O mundo será,
dentro de pouco tempo, punido severamente, por uma punição sem precedente
e mais grave que aquela de Nínive e Babel (Babilônia). Quando a hora tiver
chegado, eu não poderei fazer nada. A hora está próxima..." (março de 1987).
Maria disse a Bernardo Martinez em 1980 em Cuapa, na Nicarágua:
"Não recorram à violência. Se vocês não mudarem, a vinda da terceira
guerra mundial será precipitada. Rezem pelo mundo inteiro, meus filhos. O
mundo está ameaçado por graves perigos."
Aparições de Jesus e Maria ocorreram entre 1987 e 1992 à noroeste de
Madrid, em San Lorenzo del Escorial, à Luz Amparo Cuevas, uma humilde
mulher estigmatizada, onde, dentre outras coisas, foi revelado:
"Os sinais estão ao redor de vocês, mas poucos os vêem ou os
observam". (janeiro de 1992).
"Deus está prestes a enviar grandes calamidades à Terra: o Fim dos
Tempos está próximo. Grandes terremotos ocorrerão na Terra, fortes furacões
virão, a água transbordará dos mares e destruirá grandes cidades. Quando
tudo isto acontecer, um pequeno número de almas restará sobre a Terra em
desolação porque ela será como um deserto; O homem não encontrará nem
alimentos nem bebida..., mas, nesta situação, o homem gritará contra Deus...;
Até onde vai a perversidade dos homens? (julho de 1990).
"Beije o chão, minha filha, em reparação aos tantos pecados que
existem no mundo". (outubro 1991).
Jesus Cristo apareceu em Dozulé, na França, entre 1972 e 1982, à
Madeleine Aumont. A maioria das aparições ocorreram na capela da escola
São José e três vezes na igreja paroquial. Muitas das palavras foram ditas em
latim e Madeleine não compreendia uma só palavra, mas, anotou tudo:
“Desejo salvar o mundo através de minha mensagem”. (setembro de
1975).
“Eu lhe digo, em verdade, este é o tempo do mundo de se arrepender,
porque uma mudança universal está próxima, que nunca houve desde o
começo do mundo até este dia e não haverá nunca mais.” (novembro de 1974).
"(...) Haverá sobre esta Terra perturbações de todos os tipos: a
iniquidade que é causa da miséria e da fome, as nações estarão em angústia,
haverá fenômenos e sinais no céu e na Terra. Assim, estejam prontos, porque
a Grande Tribulação está próxima, tal que não houve parecida depois do
começo do mundo até este dia e que não haverá jamais. Eu vos digo. Esta
jovem geração não passará antes que isso chegue. Mas, não tenham medo,
porque eis que se eleva no céu o Sinal do Filho do Homem que Madeleine viu
brilhar do oriente ao ocidente." (julho de 1975).
Profecia de São Francisco Xavier
São Francisco Xavier nasceu na Espanha, na província chamada País
Basco em 1506 e faleceu em 1552. Ele era um cristão sem fervor até que
encontrou Ignácio de Loyola, fundador da ordem dos Jesuítas, em Paris.
Influenciado por ele, ele decide se dedicar a Deus.
Posteriormente, ele recebe sua ordenação na Itália. Como missionário,
ele é enviado às Índias portuguesas a pedido do rei de Portugal e, mais tarde,
ao Ceilão e ao Japão. Foi canonizado setenta anos após sua morte.
Segundo o manuscrito onde aparece, esta profecia chegou da Índia em
1580. Ela segue abaixo, parcialmente traduzida:
“O reino florescente dado por Deus (a Europa) floresce até seu fim. De
repente, ele será destruído por muçulmanos. Aparecerá um leão destruidor (o
Grande Monarca francês) e cravará suas garras nos inimigos (...). De uma
forma fácil e horrível, a Terra será ocupada e destruída.(...) O império
(europeu) tremerá e sofrerá a catástrofe vinda do Oriente que irá até a
América, e alcançará seu objetivo (...) Aparecerão grandes sinais no céu. Em
dois anos de miséria, o império dos iníquos estará infestado em todos os
lados.”
Há muitas profecias escritas há séculos mencionar textos como "não
muito longe de 2000" ou "perto do fim do século 20". Estes são os eventos que
podem ser observadas nas profecias:
1) - A Terceira Guerra Mundial, que começará em torno do ano 2000 (no
começo do terceiro milênio, nas primeiras décadas do século 21).
2) - A invasão das terras pelas águas do oceano e ondas enormes,
causada provavelmente por uma das seguintes razões:
(1) alta quantidade repentina de gelo derretido a partir dos pólos
(2) vulcões em erupção
(3) bomba atômica no mar
(4) inversão dos pólos
(5) colisão com um cometa, ou asteroide, etc...
A profecia abaixo é dita ser antiga, mas parece que não há uma
referência a ela antes de 1915:
"(...) Toda a Terra está cheia de turbulência e descontentamento. Os
governantes usam seus vastos poderes de maior dominação e os desenrolam
na multidão lutando como uma serpente procurando sua presa. Eles
aproveitarão as nações contra os seus vizinhos e os resíduos, à sua força, para
quebrar um do outro. Os vencedores estão muito longe passando a gritar (...),
para a última metade da hora que é do ventre, com o período mais terrível da
história da Terra (...), e quando o último trimestre da última hora chegar (...) as
amarelas hordas no lugar do Sol Nascente (Oriente - China) e os anfitriões
brancos do reino médio (Oriente Médio e Rússia) deram as mãos (...) E eis que
derramarão sua ira terrível sobre os habitantes do reino insular (Pais composto
por uma Ilha: Inglaterra), que se inchava com a vitória e a gordura crescida
sobre o comércio de mar e terra. (...)
A seguinte profecia foi encontrada no final do século 19 na biblioteca do
Mosteiro Neamt, na Romênia. Supõe-se que a profecia foi escrita no século 14:
"Doenças desconhecidas e pragas vão acompanhar o final do (segundo)
Milênio (em torno do ano 2000), porque a última besta liberará ouro e veneno.
e o ouro vai produzir desespero, enquanto o veneno produzirá morte.No tempo
do sétimo selo, a Terra será uma fábrica abandonada de venenos. E os poucos
homens sábios que permanecerão, não serão capazes de fazer outra coisa,
senão invocar a ira de Deus, de modo que a besta ímpia que terá destruído a
vida, será destruída".
Maria Laach, uma mulher religiosa alemã, fez várias profecias no século
16, entre elas:
"O século 20 vai trazer morte e a destruição (no século 21), apostasia da
Igreja, discórdia em famílias, cidades e governos;.. Será o século das três
grandes guerras com intervalos de algumas décadas. Elas vão se tornar mais
devastadoras e sangrentas e deixarão em ruínas não apenas a Alemanha,
mas, todos os países do Oriente e do Ocidente (...) Depois de uma grande
derrota da Alemanha (na segunda guerra mundial), uma grande guerra virá.
Não haverá pão para as pessoas e alimentos para animais. Nuvens
venenosas, criadas por mãos humanas, vão diminuir e vão exterminar tudo. A
mente humana será tomada pela loucura".
O Alemão Stormberger era bem conhecido por suas profecias. Vários
especialistas austríacos de profecias da região da Bavária documentaram
suas profecias, mas, os livros que contêm seus escritos foram condenados
pelos Nazistas e foram queimados, porque previram a derrota de Hitler, que
estava interessado em profecias. Mas, fragmentos dizendo que ele previu a
invenção de carros, trens e aviões, sobreviveram. Ele disse com precisão o dia
em que a Primeira Guerra Mundial iria começar, sua duração, e as armas que
seriam usadas. Ele previu a Grande Depressão em 1929, o Terceiro Reich
alemão, a Segunda Guerra Mundial, a cruz suástica, a derrota e a divisão da
Alemanha, etc. Ele também disse que haveria três guerras mundiais no século
20 (quer dizer, no século 20, em torno dele ou em 100 anos, desde 1914-1918
até 2014- 2018):
"Duas ou três décadas depois da primeira guerra virá uma Segunda
Guerra ainda maior (o que realmente aconteceu: a primeira guerra estourou
entre 1914 e 1918 e a segunda guerra mundial veio exatamente duas décadas
depois entre 1938/39 e 1944/45). Quase todas as nações do mundo estarão
envolvidos (nas duas guerra mundiais anteriores). Milhões de homens
morrerão, sem ser soldados (populações civis). O fogo cairá do céu
(bombardeios) e muitas grandes cidades (da Europa: Londres, Roma, Paris,
Berlim, etc...) serão destruídas (como realmente foram). E após o fim da
Segunda Grande Guerra, uma terceira conflagração universal (Uma Terceira
Guerra Mundial) virá, de modo que ela vai determinar tudo (isto é, a Terceira
Guerra Mundial vai determinar o destino da humanidade). Haverá armas
totalmente novas (armas eletrônicas e inteligentes). Em um dia, mais homens
morrerão do que em todas as guerras anteriores (da história da humanidade).
As batalhas serão realizadas com armas artificiais (bombas químicas,
bacteriológicas, nucleares, eletrônicas, robóticas, computadorizadas, etc...).
catástrofes gigantescas vão acontecer. Com os olhos abertos, as nações do
planeta passarão por estas catástrofes. Eles não saberão o que está
acontecendo, e aqueles que souberem e dizerem, serão silenciados. Tudo será
diferente de antes, e em muitos lugares a Terra será um grande cemitério. A
Terceira Guerra (Mundial) será o fim de muitas nações."
O monge alemão Ludwig Heinrich, que viveu no século 17, disse:
"Nos últimos anos do século 20, vai se ver o desaparecimento de
inúmeras espécies de animais, mortos pelo homem. Mas, no final, será o
homem que condenará o homem à morte, porque tudo o que cresce sobre a
terra conterá a essência da morte. O ar será o sopro da morte, e assim quando
o homem respirar, ele vai respirar a morte".
" Logo que o (segundo) milênio toca o seu fim (pois, muito embora, já
tenha se passado 13 anos do ano 2000, a contagem do segundo milênio na
realidade ainda não se concretizou, pois, o nosso atual calendário gregoriano
está errado e atrasado), choverá do céu uma pestilência nunca vista antes na
Terra e esta peste irá remover toda a força do homem; E o homem não
conseguirá mais lutar, mesmo contra o verme que se arrasta sobre a Terra".
A profecia à seguir, foi encontrada no Mosteiro de Sainte Claire, em
Perpignan, na França, à partir do século 14 e foi atribuída por alguns ao abade
Reymond. O texto está dividido em cinco partes, cada parte profetizando cerca
de um século dos últimos cinco do milênio. Aqui está um texto a partir da última
parte, relativa ao século 21:
"Por mais estranho do que das últimas vezes possa parecer, o último
século do milênio vai superar todos os outros. Será semelhante a um carro que
se move com dificuldade, guiado por incapazes e servos de Satanás. Nesse
período de terror, haverá uma grande pobreza espiritual. (...) Muitos reis
perderão o trono e alguns reis irão recuperar o trono. Uma guerra começará (a
primeira guerra mundial). Depois, uma outra guerra vem (a segunda guerra
mundial), e assim por outra guerra (a terceira guerra), do Céu ao Inferno, tudo
vai cair. Na angústia de uma vida ruim, o homem vai terminar envenenando
tudo. Nuvens venenosas cobrirão a Terra. Máquinas monstruosas dominarão
os céus. (aviões-fortalezas voadoras com bombas nucleares). O fogo vai
destruir muitas cidades. Os homens vão acabar destruindo uns aos outros"
Profecia de Marienthal (1749)
A seguinte profecia é proveniente de Claustro de Mariental, em
Magonza, Alemanha, e foi encontrada no início do século 19:
Claustro de Mariental fala sobre a Primeira e a Segunda Guerra
Mundial, sobre a vinda do nazismo e da divisão e da reunificação da Alemanha.
Sobre o futuro, ele revela:
"Serão apenas 18 dias. Mas serão dezoito espinhos para todo o mundo.
Eles vão entrar na carne dos homens, em um momento.. não muito longe de
2000 (ou seja, no começo do século 21).
“E para os próximos eventos (depois) do século vinte… uma guerra virá,
e fará com que todas as guerras anteriores desapareçam. Rios de fogo virão
das nuvens, onde não há nuvens (…) Todas as capitais nos dois lados do
oceano serão enterradas entre destroços e cinzas, e esta será causa para
grande lamento. Os horrores da guerra também ocorrerão na água, e o inimigo
terá perdas em várias batalhas, e lágrimas cairão e muito sangue, e então tudo
estará terminado…”
Profecia de Staretz, de origem russa, que apareceu perto de 1850:
"O último século do milênio é uma montanha, em que três bestas
(guerras) dormem. A primeira vai acordar no início da estrada (no início do
século 20: 1914-1918, a primeira guerra mundial), e da sua garganta sairá
sangue (pois, foi a guerra dos combates corpo à corpo, a guerra de trincheiras,
onde armas químicas foram usadas pela primeira vez).
A segunda vai acordar no meio da estrada (no meio do século 20: 1939-
1945, a segunda guerra mundial) e da sua garganta virá fogo (pois, foi a guerra
dos bombardeios aéreos, das bombas voadoras e das bombas atômicas).
A terceira (guerra mundial) vai acordar no final da estrada (em torno do
final do século 20 ou em torno do ano 2000, e se não foi no fim do século 20,
será então, no início do século 21 (próximo do fim do século 20, em torno do
ano 2000) e da sua garganta virá a heresia horrível - (falsa doutrina ou falsa
religião - a religião ou doutrina de O Anticristo)".
A profecia de São Anastacio, foi encontrada no final do século 16, em
um mosteiro, em Moscou, onde é dito:
“As pequenas nações formarão uma grande nação. E grandes serão as
guerras, antes que as nações voltem a se despedaçar. Na parte final do
milênio, uma serpente invisível agitará os povos, que se deslocarão pela terra,
como lobos famintos, espalhando fome e pestes. Roma e Moscou cairão na
mais profunda desordem. O fim do milênio verá muita violência e muito sangue.
(…) Os muros das igrejas estarão manchados de sangue”.
"O monge russo Rasputin (Grigoriy Yefimovich Rasputin), 1869-1916,
que fez muitas profecias já cumpridas, sobre a Revolução Russa e inclusive
sobre sua morte, disse sobre o fim dos tempos:
"A humanidade está indo na direção da catástrofe. Os menos capazes
estarão guiando o carro. Isso vai acontecer na Rússia, na França, na Itália e
em outros lugares. A humanidade será esmagada pelo rugido dos lunáticos. A
sabedoria vai ser acorrentada. Os ignorantes e os prepotentes ditarão as leis
para o sábio e para o humilde. Assim, a maioria da Humanidade vai acreditar
nos poderosos e não mais em Deus. A punição de Deus chegará tarde, mas
será tremenda, e chegará antes do fim do século - (ou seja, antes do fim de um
século, antes do fim de 100 anos. Considerando-se que essa profecia de
Rasputin foi feita em 1916; antes de sua morte no mesmo ano; 100 anos
devem se completar em torno do ano de 2016). Então, finalmente a sabedoria
estará livre das correntes e o homem voltará inteiramente a Deus, como o bebê
que vai para a sua mãe. Desta forma, a humanidade vai chegar ao paraíso
terrestre".
Profecia de um Monge Olivetano, encontrada no fim do século XVIII, na
França:
“Quando iniciar o último século do milênio (século 21, ainda no século
20), a fornalha do tempo começará a produzir os tijolos que servirão para
construir a torre de Babel. A nova torre será o palácio real da presunção
humana”.
Profecia de um manuscrito do século XVI:
“Quando a história do homem entrar no ano dois mil, se quebrará o ovo
e se secará a figueira que o antigo Pai tinha plantado. A foice da lua queimará
as folhas. (…) Porque nesse tempo a foice da lua (Comunismo Islâmico) será a
lei que escravizará o mundo.” A foice da lua é um símbolo se referindo à união
dos russos com os muçulmanos. A figueira plantada pelo antigo Pai é o
judaísmo, que será perseguido pelos inimigos muçulmanos e o antigo Pai é o
Deus do Antigo Testamento.
Na terceira guerra, a primeira besta do Apocalipse, a Igreja Católica,
será atacada, e o Papa e os religiosos assassinados. Essa é a grande heresia.
Essa é “a cabeça da besta que foi será ferida e será curada” do cap. 13 do livro
do Apocalipse.
A Profecia do Mago Ladino, um vidente italiano do século XVIII, do qual
pouco se sabe, e que é citado no livro "Mille non più Mille", onde se lê:
“Atentos a 1999!, O mar está louco. Muitas terras tremerão. Um arado
profundo passará nas terras do mundo. A Grande Serpente nascerá no
Oriente. Quando o milênio estiver no fim, os cristãos serão igualmente pagãos.
A única fé estará no dinheiro e no poder; Triunfarão o engano, a corrupção e a
violência”.
A Sibila do Último Céu; sobre a qual, pouco se sabe; mencionada no
livro de Franco Cuomo "Le Grandi Profezie", a não ser a data em que foi
divulgada, em torno de 1730. A sua profecia fala da degradação da Igreja no
enfraquecimento geral do mundo. Segundo ela, os dias “do último céu”
chegariam – de repente – pouco antes que o (segundo) milênio se junte ao
(terceiro) milênio (ou seja, pouco antes de se completarem 2000 anos do
cristianismo, o qual, foi fundado e passou a ser difundido à partir da morte de
Jesus Cristo). A profecia fala também de uma miraculosa conversão geral ao
cristianismo.
Anne Catherine Emmerich disse que “50 a 60 anos antes do 2000 o
demônio seria solto do inferno”. Curiosamente, 61 anos antes do ano 2000,
Hitler começava a Segunda Guerra Mundial.
Bartolomeu Holzhauser, nascido na Baviera em 1631 e falecido em
1658, profetizou com exatidão a Primeira Guerra Mundial, o nascimento do
Czar da Rússia e a Segunda Guerra Mundial. Ele afirmou que no fim do século
XX haveria um castigo terrível.
Ludwig Heinrich é outro que citou o século XX como época de terror e
miséria. Ele falou que uma guerra civil iniciará e, durante esta, as bombas
cairão do céu.
Dom Bosco:
“E tu Itália, terra de bendições, quem te afundou na desolação?, Não
diga os inimigos, mas os teus amigos”.
A religiosa francesa Jeanne de la Royer, que viveu no século XVIII, disse
que o “fim dos tempos” chegará antes do ano 2000. Suas palavras foram: “o
ano 2000 não chegará sem que chegue o fim dos tempos, como vi na luz
divina.”
*Essa antológica frase de Jeanne de la Royer; que foi muito mal
interpretada ao longo dos últimos 300 anos; na verdade não quis dizer que o
mundo não passaria do ano 2000, como na verdade ocorreu, pois, o ano 2000
chegou, passou e o mundo continuou. O que Jeanne de la Royer quis dizer
com a frase profética acima, na interpretação correta, foi que: "à 2000 (anos, e
não ano 2000) não chegará sem que chegue o fim dos tempos...", pois, esses
2000 mil anos devem ser contados à partir da morte de Jesus Cristo, que
ocorreu em torno do ano 30/33 d.C., quando o cristianismo passou a ser
difundido pelo mundo. Deve-se considerar também uma diferença calculada a
menos, em alguns anos (até no máximo 10 ou 13 anos), que foi computada
entre a mudança de um calendário para outro (do juliano para o gregoriano por
exemplo), o que acarretou um erro na nossa contagem de anos atuais, quando
na verdade, ao chegar o ano 2000, o terceiro milênio e o século 21, ainda não
teriam chegado, e por isso, tantas profecias e mensagens antigas, falam que o
ápice dos acontecimentos viriam no fim do século 20, no fim do segundo
milênio e no início do terceiro milênio, em torno de 2000.
Bug de Milhas (faleceu em 1848)
O profeta, que viveu sozinho no alto dos Pirineus, anunciou à revolução
francesa, a vinda de Napoleão, a invasão de Espanha pelos franceses e outras
profecias diversas. Sobre o futuro, falou:
“Uma guerra européia (a próxima guerra) está anunciada por muitos
profetas e suas predições se cumprirão: o que pode o homem contra a força do
destino”?!… Esta guerra levará seus estragos a todas as partes; a peste e
outras muitas pragas a acompanharão, espalhando o terror; o fanatismo das
falsas crenças e os partidos intolerantes farão muitas vítimas em muitos
países.
Um formidável gigante sairá das regiões do céu (O Astro X ou Planeta X
que sairá dos confins do Sistema Solar no Fim dos Tempos), e seguido de um
exército inumerável (Asteroides), marchará à conquista do universal; este
exército, semelhante a uma nuvem de gafanhotos (Conforme Apocalipse cap.
9), anulará a luz do sol (causando escuridão sobre a Terra) e se estendendo
por todas as partes trará ruína e desolação: as fortalezas serão derrubadas e
as cidades invadidas e saqueadas, os habitantes mortos ou escravizados: nada
será livre do furor dos bárbaros; a maior parte dos reis perderão o trono e a
vida”.
Religiosa Trapista de Argers, França (1816):
Esta freira fez muitas profecias que foram realizadas. Suas profecias
foram publicadas em 1829 no livro "Tableaux des trois époques" :“Ouvi vozes
que se cruzavam dizendo Viva a República!, Viva a religião e o Grande
Monarca que Deus nos reserva!, Que Deus o conserve!, Ao mesmo tempo
houve uma batalha, mas tão violenta, que jamais ninguém imaginará.
O sangue corria especialmente do lado oriental, porque o Ocidente
parecia mais tranquilo. Ouvi pronunciar os meses de "maio, junho e julho" (os
três meses que vão sacudir o mundo em seus alicerces). Os ímpios queriam
exterminar todos os ministros de Deus e todos os legitimistas. Já soltavam o
grande grito de vitória quando, de repente, foram reanimados por auxílio do
Céu e os ímpios foram derrotados. Vi a Capital (Paris) queimada, pilhada e
saqueada. Vendo isto, aterrorizei-me, pensando que haveríamos de perecer
todos. Mas a voz disse-me: "não temas. Tenho intenções misericordiosas sobre
a França e lhe darei um rei segundo meu coração. Possuirá doçura, sabedoria
e energia. Tornar-lhe-ei tudo fácil e tudo se inclinará diante de sua vontade. Ele
fará entrar tudo na ordem e no dever (…) Não poderão negar o dedo de Deus
nestes acontecimentos e não admirar seu poder infinito. Muitos se converterão.
O tempo desta catástrofe não passará de três meses e o triunfo dos bons será
instantâneo… Quando os ímpios tiverem enchido o mundo de maus livros,
estes acontecimentos amaducerão. Em seguida, tudo voltará rapidamente para
a ordem". O mês em que estas calamidades se iniciarão, será o mês de Maio.
Há profecias que indicam que haverá sinais no céu, antes, que servirão como
um aviso.
Vejamos abaixo os sinais que serão dados antes desta grande
catástrofe.
O Monge Caesarius of Heisterbach (1180-1240), cuja profecia foi
publicada, também, no livro Liber Mirabilis (em 1522) atribuído a Jean
Vatiguerro:
“Se verá no céu sinais numerosos e muito surpreendentes, o sol será
obscurecido e ele parecerá de cor de sangue aos olhos de muitas pessoas.
Serão vistas, uma vez, durante cerca de quatro horas, duas luas ao mesmo
tempo, depois delas aparecerão várias coisas espantosas e dignas de
admiração. As estrelas (os astros no céu) se chocarão, que será o sinal da
destruição e massacre de quase todos os homens. O curso natural do ar estará
totalmente mudado e pervertido por causa de doenças pestilentas (provocadas
por gases tóxicos vindos do espaço). Os homens, assim como os animais,
serão atingidos por diversas enfermidades e por morte súbita; haverá uma
peste inenarrável, haverá uma fome cruel espantosa que será bem grande em
todo o mundo e sobretudo na região do Ocidente, que desde o começo do
mundo, nunca ouviu falar de algo parecido”.
Profecia medieval alemã:
“Na verdade vocês se alegrarão, e após as trevas verão a luz, porque
antes do ano 2000 (quer dizer: antes de se completarem 2000 anos da morte
de Jesus Cristo), a Besta (Roma) e a Prostituta (A Falsa Igreja, a Anti-Igreja de
Roma) serão lançadas no abismo. Nunca mais sairão de lá e o Sinal da Cruz
brilhará na glória da luz, com uma fé e um pastor. Ai!, Ai!, Onde os rios Reno e
Mosela se encontram, uma batalha muito sangrenta será travada contra os
turcos (Muçulmanos) e russos (Comunistas), de forma que o Reno ficará
vermelho por 25 léguas.” (Cada légua tem em media 5 mil metros. 25 léguas é
equivalente à uma extensão de 125 mil metros).

AS APARIÇÕES DE JACAREÍ - SP – BRASIL


Pelo Vidente Marcos Tadeu Teixeira
«Quando os homens disserem: “Paz e segurança!”, então,
repentinamente lhes sobrevirá repentina destruição, como as dores da mulher
grávida (as dores de parto)”. “E não escaparão» (Paulo em I Tessalonicenses
5:3).
“É necessário que vocês apressem a conversão de seus corações; caso
contrário, a justiça de Deus cairá sobre o mundo. Aqueles que ainda não se
converteram, apressem à sua conversão, e os que já se converteram
aprofundem cada vez mais a sua fé”. (Nossa Senhora em Porto Alegre
-RSBrasil, 16/10/1998).
“Até agora, Eu pude atrasar o início da grande prova, pela respostas
que, em toda a parte do mundo, Eu tive das minhas mais pequenas crianças.
Mas, agora, deveis começar a viver o tempo conclusivo da grande tribulação”.
(Padre Stefano Gobbi, no dia 31/12/1994).
NOTAS IMPORTANTES
NOTA I: “Sou a Mãe de Deus, sou a tua Mãe, sou a Mãe dos Sacerdotes
e, também sou a Mãe da humanidade. Não tenham receio de Me amarem.
Jesus não será menos amado, porque dedicam seu amor a Mim também”.
(Nossa Senhora, nas suas Aparições em Porto Alegre -RS- no dia 05/11/98, às
08h25. Liv. Milagre Eucarístico Vol. I, pág. 72)
NOTA II: “Eu Sou o Primogênito, Primeiro e único filho da Minha Santa
Mãe, a Virgem Santíssima. Os outros Seus filhos são toda a humanidade que
entreguei a Ela quando subi aos Céus. Estejam felizes por Ela ter adotado a
todos. Ela também é a Mãe e Soberana da Igreja; e não levará muito tempo
esses Meus filhos separados dobrarão Seus joelhos diante Dela também. Quer
queiram, quer não, Ela é a Mãe do gênero humano”. (Nosso Senhor, nas suas
Aparições em Porto Alegre -RS- no dia 25/03/90, às 14h22. Liv. Milagre
Eucarístico Vol. I, pág. 141)
NOTA III: “Filhinho, tu também sabes que a Minha Santa Mãe é Real;
portanto, é necessário que leves ao coração de todos aqueles sedentos de
Amor de uma Mãe. Eu coloco-a diante de ti tantas vezes, para confortar-te,
oferecendo tudo o seu amor e carinho”. (Nosso Senhor, nas suas Aparições em
Porto Alegre -RS- no dia 25/03/90, às 14h22, Liv. Milagre Eucarístico Vol. I, pág
142)
NOTA IV: “Filhinho, Eu também permito que a Minha Mãe A divulgue em
todos os lugares da terra. Eu quero que Ela seja conhecida no Mundo inteiro”.
(Nosso Senhor, nas suas Aparições em Porto Alegre -RS- no dia 25/03/90, às
14h22. Liv. Milagre Eucarístico. Vol. I, pág. 141)
NOTA V: “Meus doces filhos, naquele momento, dei-vos Minha MÃE,
para que Ela fosse vossa, mas... quantos pisam na Minha MÃE!... Quantos
odeiam Minha MÃE!... desprezam Minha Santa MÃE, pensando com isso fazer
algo agradável a MIM!... Para os que desprezam Minha MÃE, digo o mesmo
que EU disse a Cafarnaum: Acaso achas que serás exaltado até o mais alto
dos Céus? Pelo contrário, serás abismado até o mais fundo do lago de fogo!”.
(Nosso Senhor, nas suas Aparições em Jacareí -SP- no dia 07/08/95, pág. 380)
NOTA VI: “Sou Bondoso com todos aqueles que A respeitam e A amam.
Saibam todos que Eu Sou o Senhor, e como Deus Filho A honro também. Digo:
Se a humanidade não respeitar a Minha Mãe, a Virgem Maria, é a Mim que
está desrespeitando. Como alguém pode dizer que ama o Filho se despreza
Sua Mãe?” (Nosso Senhor, nas suas Aparições em Porto Alegre -RS- no dia
25/03/90, às 14h22. Liv. Milagre Eucarístico. Vol. I pág. 140).
NOTA VII: “O que é este rio de águas (veja no Apocalipse 12,16) senão
o conjunto das novas teorias teológicas, com as quais se procura fazer descer
a vossa Mãe Celeste do lugar onde a colocou a Trindade Santíssima? Chegou-
se assim a obscurecer-Me na alma, na vida e na piedade de tantos filhos meus;
até se chegou a negar parte dos privilégios com os quais fui adornada pelo
meu Senhor”. (Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (14/06/1980)
NOTA VIII: “Dizem que – Eu a Mãe – deprimo a glória e a honra devida
exclusivamente ao Filho! Que cegos e insensatos estes meus pobres filhos!
Deixaram-se iludir pelo demônio! Chegaram a tais extremos por não quererem
escutar a voz de Jesus, nem a minha... e assim prestaram-se ao jogo de
satanás que era conseguir, finalmente, obscurecer-Me na Igreja e afastar-Me
das almas!”. (Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (01/08/1973)
NOTA IX: “Por ser Mãe da Igreja, fui por Jesus intimamente associada
também à realização de sua Redenção... Minha missão materna é auxiliar, por
todos os modos, a todos os meus filhos, a conseguirem a salvação; ainda hoje,
continuo a cooperar de modo particularíssimo na Redenção efetuada pelo meu
Filho Jesus. A todos se tornará manifesta a minha função de Mãe e
Corredentora”. (Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (13/07/1980)
NOTA X: “Filhinho amado, tenho muita pena de todos que duvidam do
Poder de Deus Pai; pois pagarão muito caro por Ofendê-la”. (Nosso Senhor,
nas suas Aparições em Porto Alegre -RS- no dia 25/03/90, às 14h22. Liv.
Milagre Eucarístico. Vol. I, pág. 141)
NOTA XI: “Filhinhos, não cometam esse erro. Satanás explode de
alegria quando vê a Rainha do Céu e da Terra desprezada”. (Nosso Senhor,
nas suas Aparições em Porto Alegre -RS- no dia 25/03/90, às 14h22. Liv.
Milagre Eucarístico. Vol. I, pág. 141)
NOTA XII: “O nome da Minha Mãe é Santo e Imaculado, e não permitirei
que seja calcada por pés imundos, por homens indignos de mesmo ter
nascido... Ai daqueles que se tornarem inimigos da Minha Mãe... Seus gritos se
levantarão do fogo do inferno, sem haver jamais quem os console, pelos
séculos dos séculos...”. (Nosso Senhor, nas suas Aparições em Jacareí –Spno
ano 2000, pág. 805)
“É preciso que as pessoas não fiquem esperando por uma convocação à
oração e à penitência, nem da parte do Papa, nem dos Bispos, nem do Pároco,
nem dos Superiores Gerais. Chegou à hora de cada um, por sua própria
iniciativa, realizar estas práticas e reformar sua vida, segundo a convocação de
Nossa Mãe Santíssima”. (Beata Irmã Lúcia, a vidente de Fátima)
“Nos Lugares do mundo em que me faz presente, minhas aparições
foram e continuam sendo uma preparação para a Vinda de Jesus”. Ainda hoje,
quantos se perdem, a cada dia, porque estão muito além da desobediência,
inclusive tem desprezado e tem rejeitado, com total recusa quanto seus
ensinamentos, quanto aos mandamentos da Lei do Sumo Deus, que mais do
que nunca devem ser avisados, especialmente, os mais afastados, dos que
ainda caminham nas trevas para terem um verdadeiro encontro de conversão,
de reconciliação e de perdão com o Senhor, antes que o inimigo leve com o
seu domínio universal a todos para o abismo. Disse Maria: “... Filhinhos,
tenham fé!
Acreditem em tudo o que Meu Filho Jesus lhes falou ... Acreditem, meus
filhos, que agora é a ‘HORA’ do ‘CUMPRIMENTO PERFEITO’, de todas as
Profecias e Mensagens Celestes que o Pai enviou ao mundo ...”
Assim é preciso precaver-se aqui contra certos exageros que envolvem
não somente os profetas do Deus Altíssimo e os videntes servos de Maria
Santíssima, mas também a cada um dos que de certa forma fostes escolhidos
pelo o Senhor, o quanto antes é necessário que fujam dos lugares onde é
profanada a dignidade dos filhos de Deus só assim poderão ver e acreditar nas
grandes maravilhas e nos extraordinários prodígios que a graça divina e a
glória de Maria tem realizado sempre e cada vez mais forte neste vosso mundo
chamado a receber na sua completa salvação, restauração e paz o Reino
glorioso de Jesus por meio do Triunfo que a Santíssima Trindade confiou ao
seu Coração Imaculado.
Mas agora para que as falsas vozes não vos enganem, “... doces filhos,
assim como antes da minha VINDA, o Pai enviava Profetas para anunciar que
já era chegado o Tempo da salvação e da Misericórdia, hoje EU e Minha MÃE,
descemos novamente para dizer-vos: - Aproxima-se o DIA da Misericórdia e da
Conciliação!... Vós julgais os gritos de Minha MÃE, os videntes de Minha MÃE
e os Meus Mensageiros, como impostores, mentirosos e falsos... Ó filhos,
porque tanta dureza?... Sinais não vos faltam para que reconheçais, que a
‘HORA DA MINHA JUSTIÇA ESTÁ CHEGANDO! ...”
Agora fiquem eles sabendo que estão todos enganados, ao contrário do
que muitos pensam, quem realmente são os verdadeiros mentirosos, senão
aqueles que não querem ouvir até mesmo também, infelizmente, entre os não
poucos ministros consagrados do Senhor, o que claramente estão sendo como
nunca divulgadas agora em cada mensagem pela Rainha e Mensageira da Paz
que quer com maior urgência iluminar com a Luz de Cristo toda a escuridão da
dúvida, da incerteza e da falta de fé que já tem ameaçado tanto este mundo
pecaminoso e entregue ao poder das trevas com todo o tipo de males e de
sedução diabólicas. Porque dúvidas então diante do poder de Deus que não
tolera a mentira nem a falsidade? “Porque te preocupas tanto em saber quem é
verdadeiro ou falso? Aquele que escolhi permanecem; caso contrário, o mundo
esquecerá”.
Queira o Senhor que para os dias de hoje o mundo esteja ora depois de
tanta prova de amor atento aos últimos avisos que a Santa Mãe de Deus têm
tornado público aos seus eleitos e amados filhos, em todos os lugares e
montes das suas santas e numerosas aparições aqui na terra. Ela ainda nos
disse: “Meus filhos, creiam na minha vinda aqui!... Sou EU mesma, Sou EU
verdadeiramente... Acham que se as minhas Aparições aqui fossem uma farsa,
EU, a Verdadeira Virgem Maria, não teria castigado o mentiroso e derrubado
toda a mentira no chão?...”
Estejam todos certos da verdade, assim como os videntes que foram
escolhidos pelos céus, nestes dias todos de trevas reinado com forças infernais
por satanás, o espírito da mentira que vos seduz e vos leva à perdição, assim
também muitos de vós que se fazem obedientes ao verdadeiro amor de Jesus
Cristo têm sido escolhidos para o seu serviço profético neste mundo que hoje
está um tanto afastado de Deus. Eis porque agora só há tempo para dizer-lhes:
“Acreditem nos nossos mensageiros e nas nossas mensagens. Acreditem nas
visões e também nas aparições; elas são verdadeiras. Elas são os nossos
gritos para advertir-lo da grande apostasia que tomou conta do mundo. Elas
são uma advertência à humanidade pecadora”.
“As almas que não quiserem aproximar-se de Mim por meio da minha
Esposa Santíssima nas suas aparições, estas almas ainda que digam que são
Minhas, que são Minhas amigas, que são Meus servos, que por Mim lutam, são
Meus inimigos, são Minhas inimigas estas almas, porque não estavam com a
Minha Esposa Imaculada nestes tempos, nas suas aparições”. (O Espírito
Santo em Jacareí -SP- no dia 08/01/2012)
“Haverá muitos sinais no céu, e muitos videntes e profetas tentarão
avisar aos homens, que não os ouvirão; outros irão dizer que são fenômenos
naturais”. (Jacob Lorber, vidente judeu).
"O cometa, quando vier, todo o mundo será preso de terror e criatura
alguma saberá do que se trata. Será algo jamais visto em nosso planeta, de
que somente a mão de Deus poderá afastá-lo; caso contrário, os sofrimentos
dos povos todos não poderão ser diminuídos sobre a terra que mais duramente
será castigada e que sofrerá mais depressa do que esperais com as
inundações que devem sobrevir a todas as cidades e costas litorâneas que
hoje estão no pecado e afastadas de Deus.
Contra a Rússia milhares cairão mortos, e entre as vítimas, também
estarão os reis da terra, os governantes dos povos e os poderosos do mundo,
quantos bispos e sacerdotes piedosos, que com o seu testemunho heroico e
corajoso de fé, deverão naqueles dias sacrificar sem medo do sofrimento e da
própria morte suas vidas.
Assim quando a Igreja de Cristo for perseguida, totalmente tomadas e
inteiramente dominadas, seus santuários profanados e saqueados
completamente. Não levará muito tempo para que os astros que habitam acima
do céu escureçam a tal ponto, não serão vistos mais a luz do sol nem o brilho
da lua, só as imagens das trevas espalhadas pelo mundo que também deve
sofrer, com um terrível abalo de grande poder devastador e as violentas
inundações, vão apanhar de uma só vez os habitantes da Terra e com o fogo
descido do céu todos os maus morrerão, mas somente os restantes que
deverão ser salvos destes tormentos sairão vitoriosos.
Destinado a uma glória eterna nos altos céus, de junto de Deus, de onde
descerá o Arcanjo São Miguel, que sob sua ordem divina será enviado aos
eleitos que serão chamados a fazer parte da mais nova civilização de amor e
que estão por vir dias de novos tempos, para que possais gozar de um novo
espírito de paz e que só depois da vitória temporária do Anjo do Senhor sobre
o diabólico poder de satanás, virá a libertação e a tribulação terá passado de
forma gloriosa e universal.
Mas estarão preparados os dois santos apóstolos que ocuparão na
santa sé de Roma, o mesmo trono de São Pedro. Os dois novos mártires que
até o fim de seus dias serão fiéis a Cristo, ao evangelho e a toda verdade. Os
dois grandes profetas que com a força de suas pregações, os povos todos se
converterão ao Senhor e as nações de todos os idiomas se unirão a Igreja de
Cristo, a fim de que estejam aqui na terra libertos da confusão reinante suas
vidas sejam mais santas que humana.
Tudo acontecerá com incrível rapidez que todos sairão para percorrer a
terra, aparecendo ora num lugar ora no outro, uma vez a qualquer cidade, em
particular, outra vez a esta ou aquela nação do mundo, e até mesmo nos
lugares que jamais pensou alcançar, como novos apóstolos, terão sidos
enviados pela força de Deus, para que, antes de tudo, sintam sempre o
renovado dever de congregar a todos em uma única civilização, que será de
paz, de grande santidade e de novos tempos.
E de fato como será a causa da maior consolação, que alegria quando
todas as moléstias dos povos todos estiverem sido curadas na terra, e,
sobretudo, de forma especial, quando a Igreja triunfante totalmente renovada
voltar à fé de Cristo, a partir de então, as famílias das nações estarão muito
unidas e animadas, todas de um só e do mesmo verdadeiro espírito cristão e
se amarão de uma vez por todas com um grande jubileu universal, não só da
Igreja, mas do mundo inteiro.
“... A Igreja espera sempre o regresso de Cristo, que prometeu revelar a
Sua glória em toda a plenitude...”.Apocalipse 8, 7-12. 9, 1-2: «O primeiro anjo
tocou. Saraiva e fogo, misturados com sangue, foram lançados à terra; e
queimou-se uma terça parte da terra, uma terça parte das árvores e toda erva
verde. O segundo anjo tocou. Caiu então no mar como que grande montanha,
ardendo em fogo, e transformou-se em sangue uma terça parte do mar, morreu
uma terça parte das criaturas que estavam no mar e pereceu uma terça parte
dos navios. E o terceiro anjo tocou a trombeta, e caiu do céu uma grande
estrela, ardendo como uma tocha; caiu sobre a terça parte dos rios e sobre as
fontes das águas. O nome da estrela é “Amargura”.
A terça parte das águas tornou-se amargura e muitos pessoas morreram
devido às águas, porque se tinham tornado amargas. E o quarto anjo tocou a
trombeta, e foi atingida a terça parte do sol e a terça parte da lua, e a terça
parte das estrelas, e o dia perdeu um terço de sua claridade, e a noite
igualmente. O quinto anjo tocou a Trombeta. Vi então uma estrela cair do céu
na terra, e foi-lhe dada a chave do poço do abismo; ela o abriu e saiu do poço
uma fumaça como a de uma grande fornalha. O sol e o ar obscureceram-se
com a fumaça do poço».
“Filhinho, está se aproximando a hora que todos temem chegar: o
sofrimento. Um forte calor virá sobre o mundo, sem que ninguém o perceba.
Ele já circunda a Terra, mas Eu, com o Meu Poder levá-lo-ei para longe desse
planeta; caso contrário, mataria a todos. Filhinhos, embora Eu proteja a
humanidade inteira desse acontecimento, sérias consequências ele trará para
a vida humana e a vida vegetal. Provocará grandes incêndios em todos os
continentes. Muitos morrerão sufocados com o calor, a falta de ar e de água
também. Filhinho, será um desastre tão grande que a Terra não suportará.
Partir-se-á devido ao peso de tantos gases que cairão do firmamento. Fiquem
atentos, em Oração, porque ninguém saberá o momento em que tudo virá a
acontecer, somente o Pai que está no Céu”. (Nosso Senhor em Porto Alegre -
RS- 26 de novembro de 1998)
O cometa, quando vier, todo o mundo será preso de terror e criatura
alguma saberá do que se trata. Será algo jamais visto em nosso planeta, de
que somente a mão de Deus poderá afastá-lo; caso contrário, os sofrimentos
dos povos todos não poderão ser diminuídos sobre a terra que mais duramente
será castigada e que sofrerá mais depressa do que esperais com as
inundações que devem sobrevir a todas as cidades e costas litorâneas que
hoje estão no pecado e afastadas de Deus.
Livro Nossa Senhora Estrela da Manhã, pág. 52:
“Este grande sinal vai acontecer. Um grande astro que se aproxima da
Terra, o grande astro Eros, cuja luz e calor serão tão grandes como a luz e o
calor do sol. Depois deste grande sinal o céu vai rasgar-se de norte e sul, de
leste a oeste. Meu Filho vem buscar a Igreja para o grande triunfo, para a
grande vitória que vai ser dada no dia da vossa Redenção”. Revelação de
Jesus a JNRS de dia 23/02/98:
“... Quando tudo parecer desagregar-se para sempre: A família, a
religião; quando a caridade parecer morta e a fé deserta dos corações, ouvireis
uma explosão e vereis os destroços dispersarem-se em todos os sentidos,
devido a esta grande deflagração. Será um corpo estranho ao vosso planeta
que virá embater-se contra ele, num estrondo espantoso. E todos se verão
forçados a interrogar-se por causa deste choque; a luz faiscará e as bocas
medirão as suas palavras. De fato, falarão com medo de Deus. Trata-se de
uma desordem astral ... um planeta em efusão que acabou de perder o
equilíbrio, que se abaterá sobre vós. Minha mão vai afasta-lo para não suprimir
todas as populações”.
Revelação profética de Sta. Hildegarda (Séc. XI-XII):
"Antes que o cometa venha, muitas nações, excluídas as boas, serão
flageladas com penúria e fome. A grande nação no oceano habitada por povos
de diferentes tribos e descendência será devastada por um terremoto,
tempestades e ondas sísmicas. Será dividida e em grande parte submersa. O
cometa por sua tremenda pressão forçará muita água do oceano para fora e
inundará muitos países... Todas as cidades costeiras serão vulneráveis e
muitas delas serão destruídas pelos tsunamis e a maioria dos entes vivos
serão mortos... Pois em nenhuma dessas cidades alguma pessoa vivia de
acordo com as leis de Deus".
A visão de Sta. Hildegarda nos recorda das mesmas palavras da Irmã
Lúcia: “Várias nações serão aniquiladas. Esse tal cometa poderia efetivamente
causar tal efeito; uma guerra mundial não”.
Aparição de Bayside a Veronica Lueken, Nova Iorque, EUA (em 1973):
"Oh, oh! Vejo uma coisa enorme, parece uma bola. É toda vermelha e lança
fogo em várias direções. Já sinto seu calor. Agora se aproxima, chocou-se!
Chocou-se! Posso ver como tudo desaba. Os edifícios desabam. Ouço
pessoas gritando. E tudo se torna muito escuro. As pessoas correm. Na
escuridão. Não sabem que direção tomar. Vejo grandes pedaços de rochas
caindo sobre os que passam na rua. Por todo lado há sangue e pessoas
implorando misericórdia. Vejo um homem segurando uma cruz. E uma forte voz
gritando: 'Três dias... três dias'" (1972) "Havia cidades em chamas, gente
correndo e caindo. A esfera girava rapidamente, desprendendo uma nuvem de
faíscas. As ondas do mar subiam, subiam, recaindo sobre a terra firme., sobre
Nova Iorque. (...) A bola aproxima-se (...) À medida que se aproxima, produz
muito calor. (...) As águas sobem muito alto, 14 a 15 vezes mais que as ondas
normais, provocando inundações nas terras baixas da costa (...) os edifícios
caem (...) Vejo três quartas partes do mundo ficarem escuras (...) A esfera não
foi retirada de seu curso. Um imenso holocausto atmosférico se realizará no
mundo. Os mares entrarão em grande agitação”.
Ruth Montgomery obra editada em 1966 nos EUA:
"Praticamente nenhuma área próxima à costa será segura durante o
deslocamento do eixo terrestre por causa das ondas gigantescas”.
Profecias de Ramatís nos anos 1948/1949:
“O planeta vai sofrer uma poderosa ação de outro planeta cuja aura
radiativa devido à sua poderosa estrutura mineral ultrapassa 3.200 vezes o
potencial da aura da Terra, em consequência verticalizará o eixo da Terra,
modificando-lhe toda a estrutura. As estações climáticas sofrerão, em
consequência radical... As noites terão se transformado em verdadeiros dias
com o crescimento da Lua, que então será 11 vezes maior. A fase mais
cruciante da ação verticalizadora do Eixo da Terra está sendo prevista entre os
anos de 1982 e 1992 e seus efeitos catastróficos se farão se sentir até o fim do
século. (...),pois o advento do terceiro milênio será sob os escombros que, em
todas as latitudes geográficas, revelarão o maior ou menor efeito dos eventos
dos 'fim dos tempos”.
Monge Caesarius of Heisterbach (1180-1240):
"Se verá no céu sinais numerosos e muito surpreendentes, o sol será
obscurecido e ele parecerá de cor de sangue aos olhos de muitas pessoas.
Serão vistas, uma vez, durante cerca de quatro horas, duas luas ao mesmo
tempo, depois delas aparecerão várias coisas espantosas e dignas de
admiração. As estrelas se chocarão, que será o sinal da destruição e massacre
de quase todos os homens. O curso natural do ar estará totalmente mudado e
pervertido por causa de doenças pestilentas. Os homens, assim como os
animais, serão atingidos por diversas enfermidades e por morte súbita; haverá
uma peste inenarrável, haverá uma fome cruel espantosa que será bem grande
em todo o mundo e sobretudo na região do Ocidente, que desde o começo do
mundo, nunca ouviu falar de algo parecido"
Carta de Nostradamus a Henrique II, Rei da França:
"E a um eclipse do sol sucederá o mais escuro e o mais tenebroso verão
que jamais existiu desde a criação até a paixão e morte de Jesus Cristo, e de lá
até esse dia, e isto será no mês de outubro, quando uma grande translação se
produzirá, de tal modo que julgarão a Terra fora da órbita e abismada em
trevas eternas”.
A Centúria de Nostradamus III, Quadra 17: "Quando o sol ficar
completamente eclipsado, passará em nosso céu um novo corpo celeste, "o
monstro", que será visto em pleno dia; os astrônomos interpretarão os efeitos
deste corpo de outro modo; por isso ninguém terá provisões, em face da
penúria”.
A Centúria de Nostradamus II, Quadra 15: "Um pouco antes de o Papa
ser morto, a Igreja terá tido dois irmãos, aparecerá então o cometa; o dinheiro
público será pilhado em terra e no mar; Pisa, Asti, Ferrara e Turim serão
regiões interditas”.
Presságio de Nostradamus, 52: "Quando aparecer o grande cometa, o
chefe do governo será atingido pela guerra; a fome, a doença, a fumaça do
fogo da guerra e o sangue serão vistos em todos os países do Ocidente com
todos os seus ornamentos externos, quando uma sublevação for chefiada
pelos tonsurados”.
A Centúria de Nostradamus II, Quadra 43: "Durante a passagem do
cometa, os três grandes chefes de Estado serão inimigos; serão atacados do
céu e a terra tremerá. Os Basses-Pyrénées e o Tibre ficarão agitados. Satã se
instalará nas suas margens”.
A Centúria de Nostradamus II, Quadra 41: "O cometa brilhará durante
sete dias. O céu mostrará dois sóis; o chefe inglês berrará toda a noite quando
o papa mudar de país”.
A Centúria de Nostradamus VI, Quadra 6: "O cometa aparecerá perto da
Ursa Menor, próximo ao dia 21 de junho. Susa, Toscana, a Grécia e o mar
Vermelho tremerão. O Papa de Roma morrerá na noite em que o cometa
desaparecer”.
A Centúria de Nostradamus II, Quadra 47: "Quando o grande velho
inimigo que traz a infelicidade for envenenado, os soberanos serão submetidos
por tropas incontáveis. Os aerólitos escondidos na cauda do cometa choverão
sobre a Terra quando forem invocados em vão os artigos sobre os direitos da
guerra”.
A Centúria de Nostradamus II, Quadra 18: "Uma nova revolução, súbita
e violenta, perturbará bruscamente os dois exércitos. Aerólitos em profusão
cairão do céu, petrificarão o mar e provocarão a queda súbita dos sete países
na terra e no mar”.
Daniel 11, 21-45; Isaías 13, 15-18:
«Elevar-se-á um homem vil, sem nenhuma dignidade real, que surgirá
repentinamente e apossar-se-á da realeza pelas suas intrigas. As tropas de
invasão serão postas em fuga diante dele e aniquiladas, bem como o chefe da
aliança. A despeito do pacto firmado com ele, agirá com perfídia: dará novo
impulso a suas forças e a seu valor, atacando o rei do sul com um exército
considerável. Por seu lado, o rei do sul entrará na luta com um exército
importante e valoroso, mas não poderá resistir devido às intrigas urdidas contra
ele. Seus comensais o aniquilarão; seu exército se dispersará e muitos homens
cairão feridos mortalmente. Dirigirá novamente sua fúria contra a santa aliança,
tomará medidas contra ela, fazendo um pacto com aqueles que a
abandonarem. Tropas sob sua ordem virão profanar o santuário, a fortaleza;
farão cessar o holocausto perpétuo e instalarão a abominação do devastador.
Submeterá, com suas lisonjeias, os violadores da aliança, mas a multidão
daqueles que conhecem seu Deus manter-se-á firme e resistirá. Os homens
doutos desse povo instruirão um grande número; mas, durante algum tempo,
perecerão pela a espada, fogo, cativeiro e pilhagem. Enquanto forem caindo
dessa maneira, serão um tanto amparados; e um bom número unir-se-á
hipocritamente a eles. Muitos desses sábios sucumbirão, a fim de que sejam
provados, purificados e branqueados até o termo final; o rei fará então tudo o
que desejar. Ensoberbecer-se-á, elevar-se-á no seu orgulho acima de qualquer
divindade; proferirá até coisas inauditas contra Deus dos deuses; prosperará
até que a cólera divina tenha chegado ao seu termo, No final, o rei do sul e ele
entrarão em luta. O rei do norte cairá sobre ele, como um furacão, com carros,
cavaleiros e uma frota considerável. Apoderar-se-á de diferentes países; todos
aqueles que forem encontrados serão mortos; os que forem apanhados serão
passados à espada. Seus filhinhos serão massacrados diante de seus olhos,
suas casas serão saqueadas, e suas mulheres, violadas. Suscitarei contra eles
os medos, que não se interessam pela prata, nem apreciam o ouro. Seus arcos
abaterão os jovens; não terão compaixão pelos frutos das entranhas, nem
piedade das crianças». (Veja também Apocalipse 9:3-21; 12:3-4; e Isaías 27:1).
A MENSAGEM – “Filhinho, sinto muito ter que dizer: o mundo caminha
para uma grande e sangrenta guerra mundial. O dragão vermelho, insensível
como é não tolera desculpas. A minha filha, a Rússia, não aceita provocações.
O mundo viverá tormentos jamais sentidos desde a sua criação. Filhinhos, sinto
muito avisar-te: estejas preparados para os dias de desolações pelas quais à
partir de agora o mundo vai passar. Um véu de terror aproxima-se da Igreja”.
(Nossa Senhora em Porto Alegre -RS- 9 de maio de 1999)

A INVASÃO DAS TROPAS RUSSAS


Alois Irlmaier Freilassing, Alemanha (1894-1959):
“Uma nova guerra no Oriente Médio começa de repente, grandes forças
navais são posicionadas de uma forma hostil no Mediterrâneo - a situação é
tensa. (...) O terceiro assassinato acontece. Então, a guerra começa. (...)
Imediatamente, a vingança chega ao longo das grandes águas. O dragão
amarelo invade o Alaska e o Canadá ao mesmo tempo. Na Rússia, começam
uma revolução e uma guerra civil. Os corpos são tantos que não é possível
removê-los mais das estradas”.
Conde Hamon, nascido em Dublin, na Irlanda em 1866:
”Haverá três guerras mundiais, a primeira durará quatro anos, a segunda
cinco anos e a terceira cinco meses. A primeira trará a fome, a segunda o ódio
e a terceira os venenos”.
Benjamín Solari Parravicini, Argentina (em 1937):
"A era atômica se aproxima. Rússia já está jogando com ela sem saber.
Chegará à guerra das guerras. Será fogo de fogos."
Stormberger, Baviera, Alemanha (séc. XVIII):
“Para os tempos atuais haveria a eclosão de uma nova conflagração
mundial, na qual armas inconcebíveis seriam utilizadas, armas que ele
descreveu que funcionam sozinhas. Como consequência desta conflagração,
varias nações poderiam ser destruídas completamente”.
Aparição de Nossa Senhora de Todos os Povos, em Amsterdan
Holanda:
“Então vejo caras grandes desfiguradas, com úlceras repulsivas. Sinto
enfermidades terríveis, como lepra etc. É isto o que inventam. Rússia, mas
outros também. Nações estais avisadas, disse a Senhora: Um grande conflito
ocorrerá - Estados Unidos, Rússia... o tempo não está longe. O Japão será
convertido. A Rússia o fará em segredo” (maio de 1948).
Ana Catarina Emmerich (1774-1824) - O mistério da iniquidade:
"Vi então diferentes partes da Terra: meu guia me disse que se tratava
da Europa e, disse-me estas importantes palavras: - ‘Tenho aqui a Rússia
inimiga’. E me orientou, a seguir, para um ponto mais ao norte dizendo: -
‘Tenho aqui Moscou e, com ela, muitos males’. (AA.III.133) Os habitantes eram
de um orgulho inusitado. Vi que se armavam e que se guerreava por todos os
lados. Tudo era sombrio e ameaçador [...]”.
Bug de Milhas (faleceu em 1848):
"Uma guerra europeia está anunciada por muitos profetas e suas
predições se cumprirão: o que pode o homem contra a força do destino?! Esta
guerra levará seus estragos a todas as partes; a peste e outras muitas pragas
a acompanharão, espalhando o terror; o fanatismo das falsas crenças
(muçulmanas) e os partidos intolerantes (russos) farão muitas vítimas em
muitos países”.
São Francisco Xavier, Espanha, (1506+1552):
“De uma forma fácil e horrível, a terra será ocupada e destruída. (...) O
império (europeu) tremerá e sofrerá a catástrofe vinda do Oriente que irá até a
América, e alcançará seu objetivo (...) Aparecerão grandes sinais no céu”.
Monge Basilio de Kronstadt, russo, no ano 1700:
“Tudo estará agitado e tudo será precário. Nesse tempo, a meia lua
(mulçumanos) crescerá alta no céu e se unirá ao monstro da cor de sangue
(russos). Guerras, dor e sangue nascerão dessa união que levará Maomé à
Moscou e à toda Europa. As leis, a história e a justiça serão destruídas e
terminarão em um pântano, mas quando a lua (maometanos) explodir,
encontrará a Ursa Maior (russos) e o monstro morderá a cauda e a lua
explodirá no céu. Os vencedores serão então vencidos e no céu se escutará o
som das cigarras".
Irmã Elena Leonardi Aiello, Italiana (séc. XX em 1960):
“Se não se converterem a Deus, o mundo ver-se-á envolvido numa nova
e mais terrível guerra. Armas excepcionalmente mortais destruirão povos e
nações. A Rússia invadirá a Europa e especialmente na Itália, causará muita
ruína e destruição. A Rússia com armas secretas, lutará contra os Estados
Unidos, conquistará a Europa e o rio Reno na Alemanha estará cheio de
cadáveres”.
Profecia de Marienthal (1749):
"E para os próximos eventos finais do século vinte... uma guerra virá, e
fará com que todas as guerras anteriores desapareçam. Rios de fogo virão das
nuvens, onde não há nuvens (...) Todas as capitais nos dois lados do oceano
serão enterradas entre destroços e cinzas, e esta será causa para grande
lamento. Os horrores da guerra também ocorrerão na água, e o inimigo terá
perdas em várias batalhas, e lágrimas cairão e muito sangue, e então tudo
estará terminado...".
Condessa Francesca de Billiante (1935):
“Quando a terra com a grande armada entrar no Mediterrâneo (Rússia
e/ou muçulmanos), a Europa tremerá. Deus salvará Roma do pior (...) A França
e a Espanha afundarão profundamente (...). Eu vejo guerreiros amarelos
(mulçumanos) e vermelhos (russos) marchando contra a Europa e a Europa
estará coberta de uma fumaça amarela (bomba química). O gado nos campos
morrerá com esta fumaça amarela. As cidades, que se levantaram contra
Cristo, serão destruídas em chamas. A fome aniquilará os que continuarem e
poucos restarão na Europa".
Irmão "X", ditado em 1956:
"No fim do século a Terra será um caos. Qual um fantasma de dor, a sua
superfície se verá crestada pelo fogo das bombas atômicas. Muitas de suas
cidades estarão arrasadas e suas populações dizimadas. Sente-se em toda a
parte a fúria dos elementos destruidores atestarem a intensidade da luta
travada à superfície do solo. A fome irá coroar o terrível flagelo. A nudez vestirá
os corpos e as criaturas assemelham-se a animais bravios dispersos em
campos arrasados, fustigados pelo látego da dor. A Europa será um vasto
cemitério. A Ásia e a África serão verdadeiros desertos. Parte das Américas
será horrivelmente mutilada. Só o Brasil e as repúblicas sul-americanas, suas
irmãs, ficarão incólumes. As ruínas serão extensas. Nações inteiras
desaparecerão na voragem dos tétricos acontecimentos. A França, a Itália, a
Alemanha e Inglaterra serão espectros fumegantes que desaparecerão sob a
avalanche das águas. Nenhum estado europeu escapará à hecatombe. Na
Ásia, as ilhas que constituem o Império Nipônico, a Austrália e muitas outras
ficam submersas. O continente africano terá um outro aspecto. As Américas
por sua vez sofrerão profundas transformações. As ilhas Atlânticas da América
Central também se vão ocultar sob as águas. O Brasil pouco sofrerá. Por um
destino supremo o seu território foi preservado. A China será um montão de
ruínas. América, os teus estadistas lutaram por um Mundo melhor. Nas duas
Grandes Guerras que precederam à hecatombe, foste o baluarte do Mundo
livre. Sonhaste construir um Mundo melhor, dentro dos princípios de liberdade
humana. Por tua inspiração nasceu uma grande organização cujo objetivo era
defender o direito das gentes. Contudo o teu sonho se transformará num
fracasso e atestará a brutalidade da tragédia que te envolveu”.
Mirabilis Liber profecia do século XVI:
"Esta nova invasão dos Ismaelitas (árabes-muçulmanos) será um
castigo sem tamanho e sem piedade. O Senhor entregará todas as nações
(européias) nas mãos destes, por causa das transgressões cometidas contra
suas leis. (...) Espanha morrerá pela espada. A França e a Alemanha
devorados por mil flagelos, verão sair muitos de seus habitantes. Os romanos
(italianos) serão mortos ou fugirão; e perseguirão seus inimigos até as ilhas do
mar, os filhos de Ismael invadirão, ao mesmo tempo, o norte e o oriente, o sul e
o ocidente. (...) Assim, toda a terra será entregue aos filhos de Ismael, que a
levarão, por sua vez, à dissolução. É porque o Senhor chamou Ismael, seu pai,
Instrumento de guerra; e muitas cidades serão destruídas, pois os filhos do
deserto virão, e estes não são homens, mas seres odiosos aos homens”.
A Centúria de Nostradamus II, quadra 32:
"Depois do leite do bem-estar, o sangue do povo correrá na Iugoslávia,
quando o conflito for deflagrado, bem como uma calamidade perto de
Ballenstedt. O brado será grande por toda a Rússia. Então, nascerá um flagelo
perto de e em Ravena."
A Centúria de Nostradamus (?), quadra (?):
“Marcado pelas mortes e pelos crimes abomináveis, o grande inimigo do
gênero humano será pior do que todos os seus precedentes. Com o ferro e o
fogo da guerra e da revolução, ele fará correr o sangue de modo desumano”.
A Centúria de Nostradamus X, quadra 33:
"A facção cruel dos muçulmanos virá, escondendo as armas sob os
mantos longos. Seu chefe tomará Florença e fará queimar esse lugar duas
vezes, depois de ter enviado na frente homens enganadores e sem lei."
A Centúria de Nostradamus II, quadra 4:
“De Mônaco até a Sicília, o litoral será destruído. Nem uma cidade ou
vila escapará à pilhagem das tropas muçulmanas”.
A Centúria de Nostradamus I, quadra 3:
"Quando o leito da revolução for virado e quando se resignarem à
infelicidade, a República será lesada no momento em que os brancos (os
muçulmanos) e os vermelhos (os russos) entrarem em desacordo."
A Centúria de Nostradamus II, quadra 40:
"Depois de um intervalo pouco importante, uma grande guerra será
deflagrada em terra e no mar. Os combates navais serão os mais importantes.
A ferocidade será pior do que a própria guerra."
A Centúria de Nostradamus VIII quadra 15:
"Na Rússia serão feitos grandes esforços por uma massa de homens
que virão abalar a Europa e quase todo o universo. Entre dois eclipses, essa
massa de homens porá em fuga, e os húngaros receberão reforços de vida e
de morte."
A Centúria de Nostradamus II quadra 95:
“Grandes massas de tropas se aproximarão, vindas da Rússia. O
destruidor arruinará a velha cidade (Paris). A Itália ficará desolada, e ele não
saberá apagar o grande fogo que ele acenderá”.
A Centúria de Nostradamus II quadra 68:
"Os esforços da Rússia serão grandes; ela terá acesso ao oceano
Atlântico. O governo será restabelecido na Inglaterra, e Londres, coberta de
barcos, tremerá."
A Centúria de Nostradamus X, quadra 66:
"O chefe do governo inglês será apoiado pelo poder dos Estados
Unidos, quando o frio tornar o solo da Escócia duro como pedra; os chefes
vermelhos (russos) terão à sua frente um anticristo tão pervertido que levará
todos à guerra."
A Centúria de Nostradamus VI, quadra 57:
“O que estava à frente do reino, com um chefe vermelho (russo) perto da
hierarquia, áspero e cruel se fará temer tanto, virá suceder à sagrada
monarquia”.
Presságio de Nostradamus 40, junho:
“Por haverem semeado a morte, os sete países da Europa conhecerão a
consequência fatal. Serão dizimados pelos bombardeiros, pela tempestade, a
epidemia e a fúria do inimigo. O chefe da Ásia porá em fuga todos os
ocidentais e subjugará seus antigos conquistadores”.
Sextilha de Nostradamus 50:
"Mais cedo ou mais tarde, a Inglaterra será arruinada por causa da
queda da Alemanha, e verá a guerra pôr termo à revolução; a guerra
recomeçará com tanta intensidade, que o sangue humano correrá sobre a
terra, faltarão mantimentos e haverá armas em abundância."
Sextilha de Nostradamus 27:
“O fogo vindo do Ocidente atingirá o Ocidente e, desde o sul, chegará
até o Japão. Os vermes morrerão de fome, sem nem mesmo uma raiz para se
alimentar. Essa será a Terceira Guerra Mundial, que fará luzir os fogos de
guerra dos vermelhos (russos) que reinarão, e no fim conhecerão a fome”

A PERSEGUIÇÃO DA IGREJA
Lucas 21, 12-15. 13; Mateus 24, 9-10; 13. 10, 33:
«Mas, antes de tudo isso, vos lançarão as mãos e vos
perseguirão,entregando-vos às sinagogas e aos cárceres, levando-vos à
presença dos reis e dos governantes, por causa de mim. Isto vos acontecerá
para que vos sirva de testemunho. Gravai bem no vosso espírito de não
preparar vossa defesa, porque eu vos darei uma palavra cheia de sabedoria, à
qual não poderão resistir nem contradizer os vossos adversários. Então sereis
entregues aos tormentos, matar-vos-ão e sereis por minha causa objeto de
ódio para todas as nações. Muitos sucumbirão, trair-se-ão mutuamente e
mutuamente se odiarão. ENTRETANTO, AQUELE QUE PERSEVERAR ATÉ O
FIM SERÁ SALVO. AQUELE, PORÉM, QUE ME NEGAR DIANTE DOS
HOMENS, TAMBÉM EU O NEGAREI DIANTE DE MEU PAI QUE ESTÁ NOS
CÉUS».
Catecismo da Igreja Católica n° 675:
"Antes do advento de Cristo, a Igreja deve passar, por uma provação
final que abalará a fé de muitos crentes. A perseguição que acompanha a
peregrinação dela na terra desvendará o 'mistério da iniqüidade' sob a forma de
uma impostura religiosa que há de trazer aos homens”.
A Santíssima Virgem Maria ao Pe. Gobbi, (31/12/1993):
“Agora, a Igreja será ainda traída pelos seus, cruelmente perseguida e
conduzida ao patíbulo. Eu vejo a perseguição sangrenta que já está às portas –
e quantos de vós serão dispersos pelo vento impetuoso deste impetuoso
furacão”.
O russo Rasputin (Grigori Iefimovitch):
"Passarão ao longo da estrada da Europa três serpentes vorazes. E pela
estrada onde passarão só restará cinzas e fumaça. (...) Quando a espada tiver
sido guardada, virão novas leis e novas bandeiras. Mas as leis ainda terão o
germe da violência. E quando os tempos longos tiverem chegado ao fim, três
novas serpentes voltarão a passar pela estrada da Europa, mas desta vez
sobre a terra atingida não crescerá mais erva. Eles serão martirizados da
mesma maneira que há dois mil anos... E sobre a Terra o sangue os mártires
parecerá como uma semente, dando bons frutos que serão recolhidos logo que
toda a esperança for extinta. Um sinal aparecerá no céu!... Chegarão os
tempos de falar a nova”.
Aparição de Nossa Senhora no vilarejo de Fátima, em Portugal (em
1917):
“Quando virdes uma noite iluminada por uma luz desconhecida, saiba
que é o sinal que Deus vos dá de que está próxima a punição do mundo por
seus pecados pela guerra, pela fome e pelas perseguições contra a Igreja e
contra o Santo Padre. Para impedir, virei pedir a consagração da Rússia ao
meu Imaculado Coração e a comunhão reparadora nos primeiros sábados. Se
atenderem a meus pedidos, a Rússia se converterá e terão paz; se não, seus
erros serão espalhados pelo mundo, promovendo guerras e perseguições à
Igreja; os bons serão martirizados, o Santo Padre terá muito que sofrer, várias
nações serão aniquiladas; por fim, o meu Imaculado Coração triunfará”.
Irmã Rose Asdente de Taggia (†1847):
"Haverá uma grande confusão de povos contra povos, e nações contra
nações. Os russos virão fazer guerra à Itália [...] Padres e religiosos serão
chacinados, e a terra, especialmente na Itália, será regada com o seu sangue”.
Madre Maria Ana de Jesus Torres, Equador (2.02.1634):
"Haverá uma guerra terrível, em que correrá o sangue de sacerdotes e
de religiosos [...] o mal parecerá ter triunfado”.
Monge Caesarius de Heisterbach (1180-1240):
"Toda a Igreja, em todo o mundo, será perseguida de um modo
lamentável e doloroso, será despojada e privada de todos os seus bens
temporais e não haverá na Igreja uma só pessoa que não fique contente só
com poder conservar a vida. As virgens santas, abandonando seus mosteiros,
fugirão para uma e outra parte, para se preservarem dos ultrajes e das
violências. Os pastores da igreja e os grandes expulsos e despojados de suas
dignidades e seus bens, serão cruelmente maltratados. As ovelhas e os
vassalos ficarão sem pastor e sem líder, fugirão e serão dispersos”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (10/02/1978), pág. 178-179:
“Serão feridos os Pastores e o rebanho a eles confiado (Mt. 26,31);
durante algum tempo o Senhor permitirá que a Igreja seja como que por Ele
abandonada... Por si mesmo atrairá tudo quanto a divina Justiça decretou para
a sua total purificação através das trevas, do fogo e do sangue. Será o
momento dos mártires que, em grande número, derramarão o seu sangue e
também o momento em que aqueles que permanecerem sentirão inveja
daqueles que foram perseguidos e mortos. Só então se compreenderá tudo o
que fiz por vós...”.
Revelação da Virgem Maria a Pedro Régis Alves em Angüera, Bahia
(27/07/2007):
“Uma grande revolta se dará na Itália. Os homens marcharão em direção
ao Vaticano, causando dor e destruição”.
Revelação da Virgem Maria em la Salette, França:
“A Itália será castigada pela sua ambição, por querer sacudir o jugo do
Senhor dos senhores; também ela será entregue à guerra. O sangue correrá
por todo o lado, as Igrejas serão fechadas ou profanadas; os sacerdotes e
religiosos serão perseguidos; fá-los-ão morrer, e morrer de morte cruel.
Muitos abandonarão a fé, e o numero dos sacerdotes e religiosos que
apostarão da religião verdadeira será grande; entre estes encontrar-se-ão até
mesmo Bispos”.
Abadessa Marie Steiner (séc. XIX):
“Eu vejo o Senhor açoitando e castigando o mundo e de tal forma tão
terrível que poucos homens e mulheres permanecerão. Os monges terão que
deixar seus monastérios e as freiras serão conduzidas para fora de seus
conventos, especialmente na Itália... A Santa Igreja será perseguida... virá o
tempo que eles verão a espada e a morte, e Roma ficará sem um pastor
(Papa). O Senhor me mostrou o quão belo o mundo será depois deste castigo
terrível. As pessoas serão como os cristãos da Igreja Primitiva.”
Revelação de uma visionária citada pelo Abade Curicque (1860):
“Das ruas de Paris e de outros lugares sairão exércitos enlouquecidos e
os caminhos de ferro serão interrompidos pelos bandidos... uma multidão de
padres encadeados uns aos outros, os conventos queimados, as religiosas
ultrajadas... O mundo inteiro me parecia estar uma ruína e uma desordem”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (9/10/1993), pág. 825:
“Também vos series perseguidos e golpeados, rejeitados e condenados,
presos e mortos. Mas não vos deixeis tomar pelo temor ou pelo medo. Eu
estou junto de vós como estive aos pés da cruz. Estou junto de vós na hora da
dolorosa paixão que se renova para vós, meus prediletos, porque também hoje
é aos pés da vossa cruz que Eu cumpro a minha função de Mãe dos tempos
novos que nascem do vosso doloroso padecer”.
Nostradamus, Centúria VI, quadra 80:
“O poder Marrocos chegará até a Europa, incendiará as cidades e
massacrará seus habitantes. O grande chefe asiático lançará novos exércitos
por terra e por mar, os amarelos, de pele pálida, perseguirão os cristãos para
destruí-los”.
Nostradamus, Centúria VIII, quadra 98:
“Dos homens da Igreja o sangue será espalhado, em tanta abundância,
como se fosse água: por longo tempo não diminuirá para o clero, ruína e dor”.

Nostradamus, Centúria X, quadra 65:


"Ó vasta Roma, tua ruína se aproxima, não a dos teus muros, mas a do
teu sangue e de tua substância. A maldade fará um atentado tão terrível por
meio da literatura que todos serão perseguidos."
Obra de Nostradamus, V-73 mencionada por Serge Autin:
“A igreja de Deus será perseguida, e os templos sagrados pilhados; mãe
colocará o filho desnudado na camisa, os árabes se aliarão aos poloneses”.
Carta de Nostradamus a Henrique II, Rei da França:
“A perseguição dos homens da Igreja terá origem no poderio dos Reis
Aquilionários unidos aos orientais. [...] E esse Rei cometerá crueldades
incríveis contra a Igreja, ao ponto de que o sangue humano correrá nas ruas e
nas igrejas, como a água de forte chuva; e os rios próximos ficarão rubros de
sangue e, por outro lado, o mar se tingirá de vermelho com uma grande guerra
naval [...]”.

A FUGA DO PAPA

S. Mateus 24, 15; Dn 9, 25-27:


«Quando virdes estabelecida no lugar santo à abominação da desolação
que foi predita pelo profeta Daniel [...]. Nos tempos de aflição, depois dessas
sessenta semanas e duas semanas, um ungido será suprimido, e ninguém
será a favor dele. A cidade e o santuário serão destruídos pelo povo de um
chefe que virá. Seu fim com uma invasão, e até o fim haverá guerra e
devastação decretada. Concluirá com muitos uma sólida aliança por uma
semana e no meio da semana fará cessar o sacrifício e a oblação; sobre a asa
das abominações virá o devastador, até que a ruína decretada caia sobre o
devastado».
Aparição de Nossa Senhora, em la Salette, França (19/09/1846):
“O Santo Padre sofrerá muito. Estarei com ele, até o fim, para receber o
seu sacrifício. Os malvados atentarão muitas vezes contra a sua vida, sem
poder por fim aos seus dias; mas nem ele, nem o seu sucessor – (que não
reinará muito tempo) – verão o triunfo da Igreja de Deus”.
Vassula Rayden:
"A minha Igreja - adverte Jesus - irá sofrer e será submetida à
perseguição, sob a lei do ímpio, traída em seu interior (31/05/1994). Para os
condutores da destruição concluírem sua obra falta lhes apenas suprimirem a
Cadeira de Pedro e aquele que nela se assenta (28/04/1995). Eu, Jesus Cristo,
quero pôr de sobreaviso os meus padres, bispos e cardeais. Desejo advertir a
minha Casa que uma grande tribulação se aproxima [...]”.
Marie-Julie Jahenny, estigmatizada de la Fraudais (†1941):
“A Igreja será um sepulcro, um túmulo de silêncio e abandono ...
Preparai-vos a assistir aos funerais da Igreja, aos funerais do Calvário...
Preparai-vos a assistir aos funerais da Sé do Centro, que treme sobre o
abismo. Preparai-vos a assistir aos funerais daquele que é o sustentáculo da
Igreja, daquele que tem em seu poder todas as luzes pela sua autoridade de
Santo Padre”.
Mensagem de Jesus a J.N.S.R. no dia (03/08/2007):
“Escuta-Me, toma imediatamente nota: Primeiro, isso mesmo acontecerá
no Vaticano. Formar-se-á uma luta ardilosa. Como o vento que entra por toda a
parte, o Vaticano será invadido de todos os lados e o Papa não resistirá por
causa dos destroços que isso poderá causar na sua própria cidade. Ele não
dirá palavra e consentirá em tudo quanto se lhe possa fazer. Tratar-se-á de
uma obra do Mal, que está já preparada no Vaticano: eles dirão que “é para o
Bem do Mundo” que o iremos retirar de lá. Só que aquele que tomar o seu
lugar será responsável, porque ele mesmo tudo preparou com todo cuidado”.
São Pio X (1903 – 1914):
“Subitamente entrei em êxtase e me senti muito mal. Vi um papa sair de
Roma e deixar o Vaticano, obrigado a caminhar sobre cadáveres de
sacerdotes. Acaso serei eu, ou será um dos meus sucessores?”.
Mago e profeta Merlim, Inglaterra:
"Antes que o nascido em Jerusalém tenha 20 séculos, o Oriente se
inflamará entre o Eufrates e o Nilo e muita gente morrerá. Haverá um papa que
não ousará ficar em Roma. Antes que o Papa morra, nosso Senhor fará com
que ele sofra a vergonha de não poder se estabelecer em parte alguma. É
necessário que os romanos saibam que este será o sinal de sua destruição. E
também disse que: “a Basílica de São Pedro será transformada numa grande
mesquita”.
Monge Caesarius de Heisterbach (1180-1240):
“O chefe supremo da Igreja mudará de residência e será uma felicidade
para ele e para seus irmãos que estarão com ele, poder encontrar um lugar de
refúgio, onde cada um possa comer com os seus o pão de dor neste vale de
lágrimas. Porque toda a malícia dos homens se voltará contra a Igreja
universal; e em efeito ela não terá defensor durante seis meses e mais, porque
durante todo este tempo não haverá nem papa, nem imperador em Roma...”.
Irmão John of Cleft Rock (1340):
“Perto do fim do mundo, o Papa e os Cardeais terão que fugir de Roma
para um local onde passarão desapercebidos, sob circunstâncias difíceis. Ele
morrerá de forma cruel em seu exílio. Os sofrimentos da Igreja serão maiores
do que em qualquer tempo passado de sua história".
Visão do Papa Pio X:
“Eu vi um dos meus sucessores, que tinha um nome igual ao meu. Ele
fugia por entre os corpos de seus irmãos, procurando, incógnito, esconder-se
em um lugar, no qual veio a ser morto cruelmente”.
Alois Irlmaier de Freilassing, Alemanha (1894-1959):
“E na Itália, a situação está agitada também. Eles matam muitas
pessoas e o Papa foge e muitos religiosos serão mortos, muitas igrejas são
destruídas. Depois da vitória, um imperador é coroado pelo Papa que fugiu. (...)
As leis que trazem morte às crianças são inválidas após a limpeza. Haverá paz.
Um bom tempo. O Papa, que teve que fugir pelas águas por um longo período
volta (já para o próximo pontificado da glória das oliveiras). Quando as flores
florescerem nas campinas, ele voltará (como o mais novo Papa Gregório XVII)
e lamentará seus irmãos assassinados”.
Nostradamus, Centúria VII, quadra 37:
"Dez homens serão enviados para assassinar o papa; mas um deles se
oporá; a guerra será iniciada pelo exército. Na confusão, o chefe se suicidará,
os barcos desembarcarão nas costas do Var e o Capeto será, então, posto em
terra."

Nostradamus, Centúria II, quadra 93:


"Bem perto do Tibre, a morte ameaça. Um pouco antes, haverá uma
grande revolução. O chefe da Igreja será feito prisioneiro e expulso. O Castelo
e o palácio serão queimados."
Nostradamus, Centúria IX, quadra 99:
"O movimento das forças russas fará o Papa partir de Roma. Lançará
por terra, reduzindo-os a cinzas, os muros de gesso, de cal e de poeira; mas a
revolução que virá em seguida será para eles uma armadilha; um último
socorro irá ao seu encontro em suas fronteiras."
Sonho Profético de Dom Bosco (1815†1888):
“Previa do afastamento de um Papa, por 200 dias. Ele se vê forçado a
deixar o Vaticano e dali sai com muito poucas pessoas”.
Nostradamus, Centúria VII, quadra 22:
"Os iraquianos marcharão contra os aliados da Espanha, enquanto os
homens se divertem, riem, fazem banquetes, todo o povo dorme; o papa foge
para as margens do Ródano, a cidade do Vaticano é ocupada, bem como a
Itália."
Nostradamus, Centúria V, quadra 57:
"Ele sairá de Roma e passará pelas montanhas da Itália do Norte por
causa daquele que dirigirá seu exército para um túnel. Entre dois rochedos
serão apreendidos os bens. A partir de Aix-en-Provence fracassará o renome
do "trabalho do sol".
Nostradamus, Centúria II, quadra 35:
"O fogo se alastrará de noite por dois imóveis, onde muitos serão
queimados e sufocados. O Papa chegará sozinho perto de dois rios (Lyon);
depois de sua passagem por Capri e Mônaco, todos serão mortos”.
Nostradamus, Centúria II, quadra 97:
"Papa romano, não te aproximes da cidade que é banhada por dois rios
(Lyon). Teu sangue e dos teus correrá perto desse lugar, quando a esquerda
subir ao poder."
Nostradamus, Centúria VIII, quadra 2:
"Vejo as cidades de Condom, Auch e Mirande e suas vizinhanças
cercadas pelo fogo que vem do céu; o Papa, em Lyon, levado pela guerra,
depois os bombardeios em Marmande e os imóveis desabando sobre o
Garona."
Nostradamus, Centúria VIII, quadra 34:
"Depois da vitória do chefe violento em Lyon, haverá uma hecatombe
nos montes Jura, um sétimo milhão de soldados será aniquilado nos Alpes. O
trabalho do sol (Papa) encontrará sua morte e sua sepultura em Lyon.”
Nostradamus, Centúria II, quadra 28:
"O penúltimo papa se estabelecerá no monte Aventino, e aí morrerá; o
trono de São Pedro ficará vago por causa de um chefe louco vindo de longe,
que libertará um grande povo dos impostos."
Nostradamus, Centúria X, quadra 12:
"Aquele que for eleito papa será ridicularizado por seus eleitores. Esse
personagem empreendedor e prudente será subitamente reduzido ao silêncio.
Provocarão a sua morte por causa de sua grande bondade e de sua doçura.
Oprimidos pelo medo, conduzi-lo-ão à morte durante a noite."

O CISMA FINAL DA IGREJA

‘2 Tessalonicense 2, 3-4; 6-8; Zc 13, 7-8:


«Ninguém de modo algum vos engane. Porque primeiro deve vir a
apostasia, e deve manifestar-se o homem da iniquidade, o filho da perdição, o
adversário, aquele que se levanta contra tudo o que é divino e sagrado, a ponto
de tomar lugar no templo de Deus, e apresentar-se como se fosse Deus.
Agora, sabeis perfeitamente que algo o detém, de modo que ele só se
manifestará a seu tempo. Porque o mistério da iniquidade já está em ação,
apenas esperando o desaparecimento daquele que o detém. Então o tal ímpio
se manifestará. Espada, Levanta-te contra o meu pastor, contra o meu
companheiro – oráculo do Senhor dos exércitos. Fere o pastor, que as ovelhas
sejam dispersas».
Profecia do cartuxo do convento de Prémol (496):
“Cidades são destruídas. Os elementos são perdidos. (...) E então o Rei
de Sion com sua cruz, com seu cetro e sua coroa tripla, balançando, sobre as
ruínas, a poeira de seus sapatos, se aproxima para fugir para outro local. (...)
Os filhos de Sion estão divididos em dois grupos – um que apoiará o Papa
fugitivo e outro inclinado ou disposto a governar Sion”.
Nostradamus, Centúria VIII, quadra 93:
"Só obterá a prelatura (o trono de São Pedro) durante sete meses, e fará
nascer um grande cisma ao morrer. Outro que não o papa ocupará o trono de
São Pedro durante sete meses, e depois a paz será assinada perto de Veneza
e a unidade da Igreja será recuperada."
Revelação de Nosso Senhor ao Pe. Clemente (2 de abril de 1973):
“Estai alerta ao próximo Pontificado, pois se sentará na Cátedra de
Pedro um falso Papa, que tentará destruir a Igreja. Também nesse momento
haverá um autêntico Papa. Por isso rogai muito, para que quando chegue esse
dia tenhais luz e saibais a quem seguir.”
São Francisco de Assis - Profecia 1225:
"Haverá um Papa eleito não canonicamente que causará grande cisma,
haverá pensamentos diversificados sendo pregados que causará muitos, até
mesmo os de diferentes ordens, a duvidar, até mesmo, concordar com aqueles
heréticos que vão causar divisão na minha Ordem, então haverá lá uma tal
dissensão e perseguição universal que se aqueles dias não fossem abreviados
até mesmo os eleitos seriam perdidos".
Revelação da Virgem Maria ao Pe. Clemente (9 de maio de 1972):
“Filhinhos Meus: que tempos se aproximam! Logo virá o grande cisma.
Virá o reinado do Antipapa. E aí se verá a questão da obediência. Imaginai um
senhor que se intitula Papa, que todos o tenham por Papa, por Chefe da Igreja,
e que comece a dar ordens estranhas. E claro dirão: ‘É o Papa, tenho que
escutá-lo e obedecê-lo’. E então virão os desvios, as ovelhas descarrilhadas no
meio de lobos.”
Revelação da Virgem Maria ao Pe. Clemente (27 de setembro de 1971):
“Proximamente reinará um Antipapa, a confusão será terrível. Não
faltará um verdadeiro Papa; mas fará falta muita oração para ver a luz”.
Revelação da Virgem Maria ao Pe. Clemente (8 de fevereiro de 1971):
“Preparai-vos, Meus filhos! Estejais unidos sob o manto da Santíssima
Virgem Maria; pois o Antipapa confundirá a Igreja terrivelmente. Só com a
oração e a constante invocação à que é Medianeira Universal de todas as
graças, podereis seguir o verdadeiro Papa.”
Revelação da Virgem Maria ao Pe. Clemente (24 de setembro de 1974):
“A Ordem que um dia será fundada neste Sagrado Lugar iluminará todas
as nações. Daqui partirá o apoio para o verdadeiro Papa, quando venha o
cisma. O filhinhos queridíssimos! Já os estou preparando para a futura Ordem,
na que tampouco faltarão os seculares, que são aqueles casados que formarão
a Ordem Terceira.”
Bem-aventurado Bernardino de Bustis (1498):
"Um certo rei poderosíssimo virá próximo da época do Anticristo e se
colocará em luta com a Igreja Romana, o que ocasionará muitas tribulações e
em seu tempo haverá um cisma na Igreja de Deus na criação do papa, porque
surgirão outros, entre os quais haverá um que será eleito (...) Mas, no fim, o
falso papa terminará de maneira má e o verdadeiro será pontífice sem disputa".
Revelação da Virgem Maria ao Pe. Clemente (29 de Janeiro de 1974):
“Proximamente chegará o cisma à Igreja e um falso Papa se sentará na
Cátedra de Pedro… Mas, para esse momento já estarão preparados os
Apóstolos Marianos em todas as nações que, em união com o verdadeiro
Papa, restabelecerão a ordem, cuja ordem não será visível, pois será em
catacumbas”.
Nosso Senhor, nas suas Aparições em Jacareí -SP- no dia 18/01/1994,
pág. 1049)
“Mas, em breve, Eu porei um fim à sua ousadia e o expulsarei do templo
santo do Senhor, e o acorrentarei no inferno. Nossa vitória é certa... No lugar
destes tronos ímpios, aparecerão dois tronos gloriosíssimos; o do Sagrado
Coração Eucarístico de Jesus, e o do Meu Imaculado Coração!... Toda heresia
será vencida! Toda apostasia será derrubada! E virá a Paz... Em todos os
lugares, o Meu Filho, no Santíssimo Sacramento, será adorado e
testemunhado...”.

A PERSEGUIÇÃO AOS JUDEUS

Lucas 21, 20-24:


«Quando virdes que Jerusalém foi sitiada por exércitos, então sabereis
que está próximo a sua ruína. Os que então se acharem na Judéia fujam para
os montes; os que estiverem dentro da cidade retirem-se; os que estiverem nos
campos não entrem na cidade. Porque estes serão dias de castigo, para que
se cumpra tudo o que está escrito. Ai das mulheres que, naqueles dias,
estiverem grávidas ou amamentando, pois haverá grande angustia na terra e
grande ira contra o povo. Cairão ao fio da espada e serão levados cativos para
todas as nações, e Jerusalém será pisada pelos pagãos, até se completarem
os tempos das nações pagãs».
A Centúria de Nostradamus II, Quadra 60:
"A má fé muçulmana provocará uma ruptura no Oriente Médio. Devido a
um grande personagem da Judéia, o Ródano, o Loire e o Tejo verão mudanças
quando a febre do ouro for derrubada; a frota será destruída, o sangue e os
corpos dos marinheiros nadarão."

A Sextilha de Nostradamus, 56:


"A África do Sul verá de todas as partes, quando o provedor se juntar ao
Pacto de Varsóvia. Sua ruína se aproxima e a guerra causará grandes
acontecimentos perto da Terra Santa. Haverá em Israel, na terra e no mar,
grandes forças militares, quando a Igreja adotar dois irmãos (o futuro pontífice
santo e o grande monarca francês)."
Josyp Terelya, Ucrânia:
“O mundo está próximo de sofrer grandes calamidades. Ele afirma que
iria surgir na Rússia um homem; que ele chamou de homem sangrento, o qual
iria ameaçar a destruição de Israel e poderia provocar a guerra, com seus
métodos brutais”.
A Centúria de Nostradamus VIII, Quadra 70:
“Ele entrará, cruel, desagradável, infame tiranizando a Mesopotâmia
todos os amigos feitos pela dama adúltera a terra horrível e de aspecto negro”.
Píer Carpi, escritor e jornalista (ano de 1977):
“(...) a guerra desejada; a guerra de todos, sem fronteiras o filho da
Besta atiça as feras. (...) E aonde chegam botas ferradas, os filhos de Israel
conhecem o sofrimento (...)”.
1933-1940 Saturno/negativo:
“Este é um tempo, que dá origem a medos públicos em geral, depressão
e incertezas. Os judeus sentem de novo o terror de perseguição, e grande
inquietação cai sobre o continente europeu”.
Carta de Nostradamus a Henrique, Rei da França II:
“E o Santo Sepulcro ficará durante um longo espaço de tempo
abandonado, contemplado apenas pelos céus, sol e a lua. E na Cidade Santa
não habitará mais que um pequeno povo, pelo número, mas grande pela sua
cultura profana. [...] Depois, nesse mesmo ano, e durante os anos seguintes,
ocorrerá a mais horrível pestilência, que se ajuntará à fome precedente e serão
conhecidas grandes tribulações jamais vistas desde a fundação da Igreja de
Cristo, e isso em todas as regiões Latinas [...]”.
Centúria Nostradamus II, Quadra 96:
"Um foguete será visto à noite no céu perto da emboscadura e da
nascente do Ródano. A fome, a guerra reinarão, e o socorro virá muito tarde,
quando o Irã se puser a caminho para invadir a Macedônia."

A RUÍNA DA GRANDE PROSTITUTA - BABILÔNIA, A GRANDE


Apocalipse 18, 1-3. 7-10; 17, 15-16:
«Caiu, caiu Babilônia, a grande. Tornou-se morada dos demônios, prisão
dos espíritos imundos e das aves impuros e abomináveis, porque todas as
nações beberam do vinho da via de sua luxúria, pecaram com ela os reis da
terra e os mercadores da terra se enriqueceram com excesso do seu luxo! Na
mesma proporção em que fez ostentação de luxo, dá-lhe em tormentos e
prantos. [...] As águas que viste, à beira das quais a prostituta se assenta, são
povos e multidões, nações e línguas. Os dez chifres que viste, assim como a
fera, odiarão a prostituta. Hão de despojá-la e desnudá-la. Hão de comer-lhe as
carnes e a queimarão ao fogo. Por isso, num só dia virão sobre ela as pragas:
morte, pranto, fome. Ela será consumida pelo fogo, porque forte é o Senhor
Deus que a condenou. Quando avistaram a fumaça do seu incêndio. Parados
ao longe, de medo de seus tormentos, eles dirão: ‘ai, ainda grande cidade,
Babilônia, cidade poderosa! Bastou um momento para ser arrasada!».
Ana catalina emmerich (1774-1824) – As duas cidades:
“Vi em duas esferas opostas o império de Satã e o império do Salvador.
Vi a cidade de Satã e uma mulher (Paris), a prostituta da Babilônia, com seus
profetas e suas profetisas, seus taumaturgos e seus apóstolos. Aí, tudo era
rico, brilhante, magnífico, comparado com o império do Salvador. Vi ali reis,
imperadores, sacerdotes magnificamente vestidos, e em suas carruagens; Satã
tinha um trono magnífico. Ao mesmo tempo vi o império do Salvador, pobre
visível apenas sobre a Terra, afundado no luto e na desolação. A Igreja me foi
apresentada ao mesmo tempo sob os feitos heróicos da Virgem e do Salvador
na cruz, cujo lado entreaberto parecia indicar ao pecador o asilo da graça”
(BB.IV.168).
Marie de Terreaux (1816-1893):
“Quando este grande acontecimento se aproximar, fenômenos
extraordinários aparecerão no céu. (...) Paris será arrasada como Sodoma e
Gomorra (fogo) e o que restar de seus habitantes se refugiará em Lion. (...) A
França, por um momento, será ameaçada por todas as partes por potências
estrangeiras. A surpresa e o pavor que a notícia causará colocará o povo em
furor e ocasionará a anarquia e a guerra civil. Os estrangeiros penetrarão na
França até as proximidades de Lion. A hora do grande castigo será anunciada
pelos estardalhaços de um trovão apavorante. (...) A França, Itália, Espanha e
Inglaterra estarão em guerra civil. O sangue correrá nas ruas. Porque os
pecados e crimes dos homens chegam até os céus. Paris será queimada e
Marselha será submersa".
Alois Irlmaier Freilassing, Alemanha (1894-1959):
“A cidade com a torre de ferro se torna a vítima do próprio povo. Eles
colocam fogo em tudo. A revolução é violenta (...) A cidade grande com a alta
torre de ferro é colocada em fogo. Mas são os próprios habitantes da cidade
que fizeram isso, não aqueles que vieram do oriente. E a cidade é arrasada,
isto eu estou vendo bem claramente”.
Marianne Gaultier, faleceu em 1846:
“A grande prostituta será destruída pelo fogo e cairá em ruínas. Os
transeuntes dirão ao ver suas ruínas: Tu, grande cidade, coberta de seda e
pedras preciosas, estás aí coberta de lodo, destruída, em ruínas. Ninguém
saberá de onde virá o fogo que consumirá Paris. Todos os maus morrerão ali,
as desgraças que cairão sobre a França serão tão grandes que muitas pessoas
morrerão de espanto, mas isso durará pouco tempo. Nesta grande guerra, o
que se julgar vencedor será vencido”.
São Cesário, Arcebispo de Arles (469-71/542-3):
“O ferro e o fogo envolvem a Babilônia da Gália (Paris), que cai em um
grande incêndio, afogada em sangue. Depois, a segunda cidade do reino e
ainda uma outra são destruídas. Então, brilha a luz da misericórdia divina, pois
a justiça suprema surpreendeu todos os malvados”.
Profecia Medieval alemã:
“Na verdade vocês se alegrarão, e após as trevas verão a Luz, por que a
Besta (Roma) e a Prostituta (Paris) serão lançadas no abismo. Nunca mais
sairão de lá e o sinal da Cruz brilhará na glória da luz, com uma fé e um
pastor”.

Bispo Christianos Ageda (séc. XII):


“No século XX, a união da França com a Inglaterra provará ser a sua
destruição: pois haverá grande derramamento de sangue nas pessoas do
Reino. Haverá guerras e fúria que durarão muito: províncias sem seu povo e
reinos em confusão; muitos fortes e casas nobres serão destruídos e suas
cidades e bairros serão abandonados por seus habitantes; em vários locais o
solo não estará cultivado e haverá grande mortandade dos ricos; seu sol será
escurecido e nunca mais brilhará novamente, pois a França estará desolada e
sua líder (Paris) destruída.”
Watrin (1885), camponês:
“Vi Paris, com seus monumentos e igrejas, iluminada por um sol
esplendoroso. Depois, de repente, com um ruído terrível, uma torrente de fogo
se precipitou no centro da cidade. Pelos Santos Evangelhos, digo que uma
monstruosa tempestade de fogo se precipitará, como um raio, e aniquilará
todos os quarteirões do centro.”
Profecia de “L’Oracle” (março de 1840):
“A cegueira será extrema. Paris será destruída, mas eles dirão: ‘havia os
subterrâneos sob Paris e o fogo não os destruiu’ e se endurecerão. A segunda
cidade do reino será destruída e ainda não acreditarão. Uma terceira será
destruída e começarão a pedir penitência. E quando o sangue tiver corrido, o
filho do Lírio (Grande Monarca francês) reentrará na França. Ele não habitará
em Paris. Ele escolherá sua capital no sul.”
Padre Nectoux, jesuíta (falecido em 1777):
“Paris certamente será destruída, mas antes que isto ocorra, os sinais
devem ser observados, para que todas as pessoas ‘boas’ sejam estimuladas a
fugir dali. Depois deste terrível acontecimento, tudo voltará à ordem; a justiça e
uma época sem rebeliões reinarão no mundo.”
Vidente de Vorarlberg (1922):
“Paris será queimada e destruída. Marselha afundará em um abismo,
formado ao redor da cidade, e será coberta por uma grande onda.”
Nas aparições em Kérizinen, Bretanha, recebidas por Jeanne-Louise
Ramonet, entre 1938 e 1965, Maria disse em 1938 que:
“Uma nova guerra ameaça a Europa. Eu a afastarei alguns meses...”
Sobre nosso futuro, foi dito:
“A França será invadida e ocupada por um exército russo. Será então
que os bons sofrerão perseguição da parte dos sem Deus.” (1948)
A irmã Marianne Gaultier, faleceu em 1846:
“Desgraça!, Três vezes desgraça à França!, Três vezes desgraça à
Alemanha!, Três vezes desgraça à Itália!, A França estará em dificuldades e
lhe faltará todo o socorro. (...) A grande prostituta (Paris) será destruída pelo
fogo e cairá em ruínas. (...) Os transeuntes dirão, ao ver suas ruínas: ‘Tu,
grande cidade, coberta de seda e pedras preciosas, estás aí coberta de lodo,
destruída, em ruínas. Ninguém saberá de onde virá o fogo que consumirá
Paris. Todos os maus morrerão ali, as desgraças que cairão sobre França
serão tão grandes que muitas pessoas morrerão de espanto, mas isso durará
pouco tempo. Nesta grande guerra, o que se julgar vencedor será vencido. (...)
Todos os justos serão advertidos antes: o anjo do Senhor lhes dirá: ‘Sai, sai
povo meu. Babilônia será destruída’ (...) Esta calamidade consistirá de: 1. Uma
grande fuga; 2. Grande tribulações em muitas grandes cidades da França; 3.
Um horrível massacre na capital, Paris”.
Padre Jérome Botin (1358-1420):
“(...) que aqueles que não se curvaram diante de falsos deuses que
fujam de Babilônia (Paris). Que todos saibam como salvar sua vida; pois virá o
tempo durante o qual o Senhor demonstrará, com punições severas, a
grandeza de crimes com que ela (Paris) se profana.”
Adame Marianne Lenormand (1772-1843):
“Particularmente Paris encontrará seu destino fatal. Porque está escrito:
‘O fogo dos céus suportará o ódio dos inimigos.’ O parisiense, cheio de ódio e
desespero em seu coração e acreditando na teoria que os russos lhe deram,
dará suporte aos esforços de ferocidade com que os bárbaros desejam destruir
a rainha de todas as cidades. Tochas ardentes são lançadas nos telhados das
casas. Paris estará totalmente sob um tremendo incêndio. Em minha predição
profética, estou dizendo de Paris: ‘Tenha cuidado! Cidade dos filósofos, oh!
Cidade infeliz! Porque um dia os arados cobrirão suas ruínas e o pai dirá para
seu filho: Aqui um dia foi Paris.’ Esta triste predição não será realizada na
segunda entrada de estrangeiros, apesar de poder estar parecendo. - Deus nos
proteja da terceira entrada (guerra)”.
Profecia conhecida depois de 1730, provavelmente irlandesa:
“Há uma cidade fabulosa, ao longe, que se chama Paris. Seus
habitantes são as pessoas mais corrompidas da face da terra. (...) Mas um
certo dia do ano das justas apreciações, feito de um e de nove, tempestades
de fogo destruirão a imensa capital. A mais ambiciosa de todas as torres
curvará como feita de palha antes de se incendiar em uma chama
incandescente. O sopro terrível do vento misturará todos os incêndios em um
só braseiro de onde as chamas e fumaça ligarão a terra ao céu... Se ouvirá
gritos e algazarra... Palácios desmoronando, agonizantes devorados pela força
das chamas, crepitação do imenso incêndio... Durante oito dias, a força dos
braseiros e o bafo ardente da fumaça testemunhará ainda o lugar que tinha
sido uma grande cidade...”.
Paco Rabanne, Estilista e Escritor francês :
Foi a partir de um sonho que teve quando era ainda estudante, durante o
qual, Paco Rabanne viu Paris inteiramente tomada pelas chamas:
"Foi uma imagem muito violenta, da qual nunca me esqueci".
Nascido na Espanha, mas consagrado no mundo da alta costura em
Paris, Paco Rabanne tem fascínio pelo ocultismo e pelas disciplinas esotéricas
desde a idade dos sete anos, quando numa noite - afirma - seu espírito saiu
por alguns momentos de seu corpo, "para voar entre as estrelas". Pelo sonho
que teve mais tarde, com Paris sendo destruída pelo fogo, só umas se
salvaram, as poucas pessoas que conseguiram se atirar às águas do Sena.
Em uma entrevista, ele explicou:
"Todas as profecias dizem que a cidade será consumada pelas chamas
e, a dois anos, ao ler Nostradamus, eu concluí que esse fim estava próximo,
causado pelo choque de uma bola de fogo, possivelmente um asteroide. Lendo
Nostradamus, percebi que no trecho em que ele citava 'o fim do tempo das
flores, a chegada da paz e a morte dos habitantes de uma cidade', tive certeza
de que essa era uma referência a Paris. O fim do tempo das flores (o fim da
primavera) é marcado pelo início do verão, em junho, e a cidade só pode ser
aquela que me foi mostrada em sonho (Paris). Segundo o estilista, nos escritos
de Nostradamus existe também uma passagem sobre o Rio Tâmisa, de
Londres, e sobre combatentes que falam inglês. A interpretação atual, é de que
são os Norte-Americanos, que tentarão destruir o Asteroide antes que ele caia.
Mas, não terão sucesso.
Nostradamus:
“Na cidade de Deus haverá um grande trovão. Dois irmãos separados
pelo caos, enquanto a fortaleza persiste o grande líder irá sucumbir. A Terceira
Grande Guerra ira começar quando a cidade grande (Paris) estiver
queimando”.
Nostradamus, Centúria XII, quadra 56:
"Um chefe de Estado vai agredir outro. Haverá conflito e ódio entre eles.
A raiva e a violência se estenderão a todas as províncias, depois uma grande
guerra trará à França terríveis transformações”.
Nostradamus, Centúria I, quadra 51:
“Que mudanças serão provocadas pelos chefes de guerra, antes da
volta da luz e da Idade de Ouro; depois passado um longo século, o tempo
maligno voltará. Que perturbações, na França e na Itália”.
Nostradamus, Centúria IV, quadra 82:
"Grandes massas de tropas se aproximarão, vindas da Rússia. O
destruidor arruinará a velha cidade (Paris). A Itália ficará desolada, e ele não
saberá apagar o grande fogo que ele acenderá”.
Nostradamus, Centúria III, quadra 23:
“Se, França, cruzares o mar da Ligúria, te encontrarás sitiada entre ilhas
e mares. Maomé contra ti, mas ainda no mar Adriático de cavalos e asnos
roerá os ossos”.
Nostradamus, Centúria VI, quadra 42:
"O poder será abandonado pela República Francesa por causa das
forças muçulmanas, que farão muitos ataques e estenderão seu poder até a
Itália, que será governada por um personagem que se fará de inteligente”.
Nostradamus, Centúria I, quadra 73:
"A França será atacada por cinco lados por causa de sua negligência. A
Tunísia e a Argélia serão sublevadas contra ela pelo Irã. León, Sevilha e
Barcelona sucumbirão e não poderão ser socorridas pelo exército italiano”.
Nostradamus, Centúria II, quadra 6:
"Perto das vilas e nas duas cidades (Paris e Roma), haverá dois flagelos
como jamais foram vistos. A fome e a doença reinarão nessas cidades, os
homens serão expulsos e implorarão ao grande Deus imortal”.
Nostradamus, Centúria IX, quadra 52:
"De um lado preparam-se para assinar a paz, do outro, para fazer a
guerra. Jamais as duas serão tão procuradas. Depois serão lamentados os
homens, as mulheres; o sangue inocente correrá sobre a terra, e,
especialmente, em todas as partes da França”.
Nostradamus, Centúria III, quadra 84:
"Paris será devastada. Nenhum dos seus habitantes permanecerá. Os
edifícios, as igrejas serão destruídos, as mulheres e as moças serão violadas.
Pelo ferro da guerra, pelo fogo, pela doença e pela artilharia, o povo de Paris
morrerá”.
Nostradamus, Centúria V, quadra 30:
"Ao redor de toda a cidade de Paris os soldados se alojarão nos campos
e na cidade; quando Paris for atacada e Roma for invadida, será então feita
grande pilhagem no mar”.

Nostradamus, Centúria VI, quadra 4:


"As margens do rio francês mudarão de aspecto. Paris não se manterá
mais. Tudo será transformado, exceto a língua francesa, pois a época será de
totalitarismo, de guerra e de miséria e pilhagem”.
Nostradamus, Centúria I, quadra 92:
"Sob um, a paz será proclamada, mas pouco tempo depois haverá
pilhagem e revolução. Por causa da resistência de Paris, a terra e o mar serão
invadidos e trezentos mil prisioneiros serão mortos”.
Jeremias 25, 32-33; Ap 19, 17-21:
«Eis o que diz o Senhor dos exércitos: eis que o flagelo vai estender-se
de nação em nação. E dos confins da terra vai desencadear-se violenta
tempestade. Aqueles que o Senhor nesse dia tiver atingido, de uma a outra
extremidade da terra, não serão chorados, nem recolhidos e sepultados,
jazendo no solo qual esterco. Vi, então, um anjo de pé sobre o sol, a chamar
em alta voz a todas as aves que voam pelo meio dos céus: ‘Vinde, reunir-vos
para o grande dia de Deus, para comerdes carnes de reis, carnes de generais
e carnes de poderosos; carnes de cavalos e cavaleiros; carnes de homens,
livres e escravos, pequenos e grandes’. Eu vi a fera e os reis da terra com os
seus exércitos reunidos para fazer guerra ao Cavaleiro e ao seu exército. Mas
a fera foi presa, e com ela o falso profeta (...). Ambos foram lançados vivos no
lago de fogo sulfurosos. Os demais foram mortos pelo Cavaleiro, com a espada
que lhe saía da boca. E todas as aves fartaram-se da suas carnes».
Centúria Nostradamus, III quadra 1:
"Em seguida a um combate naval, a Inglaterra conhecerá o maior
alarme. Depois, o adversário empalidecerá de pavor, após haver semeado o
terror no Atlântico”.
São Francisco Xavier (1506†1552):
“O reino florescente dado por Deus (Europa) floresce até seu fim. De
repente, ele será destruído por muçulmanos. Aparecerá um leão destruidor (o
Grande Monarca francês) e cravará suas garras nos inimigos (...)
A Centúria Nostradamus, VIII. 60:
"(O grande monarca francês) será o primeiro personagem na França e
na Itália. Na terra e no mar, para os ingleses e os parisienses, atos
excepcionais serão realizados por essa grande, e a Lorena causará o fim do
monstro (exército russo), atacando-o."
A Centúria Nostradamus, VIII. 59:
"Duas vezes elevado à potência, duas vezes abatido, o Ocidente, assim
como o Oriente, se enfraquecerá. Seu adversário, depois de vários combates,
será perseguido por mar e vencido pela penúria."
Foi o mesmo que também revelou o Liber Mirabilis Livro publicado na
França (1522-1524):
“Haverá uma grande fome na Rússia e por esta fome toda a Rússia será
destruída”.
A Centúria Nostradamus, I. 35:
“O jovem Leão (o grande monarca francês) o mais velho vencerá (o
imperador da Rússia); no campo de batalha em luta singular; na caixa de ouro
seus olhos ferirá; duas feridas em uma, e uma morte cruel”.
O Mirabilis Liber sobre profecia do século XVI:
“Então o Senhor Deus, se lembrará, em sua misericórdia, de sua
promessa àqueles que o adoram, àqueles que crêem em Cristo e os libertará
do jugo dos Sarracenos. Surgirá na França, um povo de cristãos que os
combaterá, os atravessará a espada, libertará suas mulheres presas e
massacrará seus filhos. Ao mesmo tempo, os filhos de Ismael conhecerão a
espada e a tribulação. E o Senhor os devolverá o mal que eles terão feito, em
uma proporção sete vezes maior. O Senhor os entregará aos poderes dos
cristãos, cujo império será elevado sobre todos os impérios. O jugo que os
cristãos os imporá será duro e os que restarão serão escravos”.
Abade Souffrant (1821):
"(...) Depois, a chegada do grande Monarca, para lutar contra o
Imperador da Rússia, esse será fechado nas margens do Reno por um evento
de tal forma miraculoso que causará a conversão da Rússia. A Rússia se
converterá e ajudará a França a levar a paz e a tranquilidade ao mundo inteiro.
A passagem do mal ao bem será em um momento”.
A Sibila Líbia:
“A era dourada que se inicia após as guerras horríveis será anunciada
por Deus visivelmente através de um grande sinal no céu. E Deus mostrará um
grande símbolo. Uma estrela brilhante, como uma grande cruz brilhante. Como
um símbolo reluzente, brilhará nos céus, deslumbrante, durante muitos dias.
Ele mostrará a coroa da vitória aos homens que por ela lutaram”.
Alois Irlmaier (1894-1959):
"Na Rússia, começam uma revolução e uma guerra civil. Os corpos são
tantos que não é possível removê-los mais das estradas. A cruz vem para
honrar novamente. Os russos acreditam em Deus novamente. Os maiores,
dentre os líderes do partido, se suicidam e no sangue, os grandes culpados
são lavados. Vejo uma massa vermelha, misturada com rostos amarelos, é um
conflito geral e uma horrível mortandade. Então, eles cantam o canto da
Páscoa e queimam velas em frente a imagens sacras. Pela oração da
Cristandade, a besta do inferno morre; além disso, os jovens acreditam
novamente na intercessão da mãe de Deus”.
O mesmo profetizou São Massimiliano Kolbe (1931):
"Vejo a estátua da Imaculada no centro de Moscou e sobre o obelisco
mais alto do Kremlin”.
Pressagio de Nostradamus 8, Julho:
“Quando estiver próxima a Era da Luz, o Diabo voltará para trás e o fogo
da grande guerra será impedido. Da Rússia aos países mulçumanos, ao
grande orgulhoso, o Ocidente conservará a liberdade de pensamento”.
Ruth Montgomery obra editada em 1966 nos EUA:
"A paz pela qual o homem anseia lhe escapará até pouco depois do fim
do século, quando ela de repente silenciará as armas de guerra. Essa paz não
será devida a um único homem, mas a uma raça de pacifistas que está
nascendo em números cada vez maiores e que conseguirá um controle
suficiente dos governos do mundo para exigir um fim para a matança...”.
Irmão "X" ditado em (1956):
“Nos mares desérticos dos continentes africano, europeu e asiático,
divisam-se as silhuetas de embarcações americanas. São navios carregados
de víveres que vão a essas plagas levar suprimentos às populações famintas,
num gesto comovedor de solidariedade humana... Capitaneadas pelo Brasil,
essas embarcações despejam nas costas desses continentes devastados,
mantimentos, roupas e agasalhos. E, assim, aos poucos, vão sendo minorados
os sofrimentos daqueles que, por milagre providencial, escaparam à
hecatombe... Procura-se, febrilmente, uma solução para os problemas do
mundo. O Brasil lidera nessa oportunidade, um agigantado movimento em
favor das vítimas da guerra. Socorros são enviados a todos os pontos do
globo... E, aos poucos, o potencial da imensa Pátria Brasileira vai suprindo as
necessidades dos povos famintos. Vemos, assim, o papel predominante do
continente sul-americano nos acontecimentos vindouros. Por destino
providencial, ficará imune aos efeitos do terrível flagelo e liderará – por gloriosa
destinação - o maior movimento pacifista da história... O Brasil, aliado à
Argentina, secundado pelo Chile e as outras nações sul-americanas, terá sobre
si a responsabilidade de solucionar os problemas aflitivos do mundo”.

OS TRÊS DIAS DE TREVAS UNIVERSAL


Apocalipse 6:12-17; Amós 5:20:
«Depois vi o Cordeiro abrir o sexto selo; e sobreveio então um grande
terremoto. O sol se escureceu como um tecido de crina, a lua tornou-se toda
vermelha como sangue e as estrelas do céu caíram na terra, como frutos
verdes que caem da figueira agitada por fortes ventanias. O céu desapareceu
como um pedaço de papiro que se enrola e todos os montes e ilhas foram
tirados dos seus lugares. Então os reis da terra, os grandes, os chefes, os
ricos, os poderosos, todos, tanto escravos como livres, esconderam-se nas
cavernas e grutas das montanhas. E diziam às montanhas e aos rochedos: ‘Cai
sobre nós e escondei-nos da face daquele que está sentado no trono e da ira
do Cordeiro, porque chegou o Grande dia da sua ira, e quem poderá
subsistir?’, Que será pois, o dia do Senhor senão um dia de trevas, e não de
claridade, e que haverá nele senão escuridão, e não luz?». (Veja também
Apocalipse 9:13-2)
“Dias de muitos sofrimentos aproximam-se de cada um em particular.
Estejam atentos ao Céu. As estrelas já começaram a cair do firmamento. Sinais
aparecem diariamente no sol. A lua está perdendo a luminosidade. Nos Céus
surgirá uma grande Cruz de fogo. Ela será vista por todos, pelos bons, como
também pelos pecadores, mas não brilhará para os ímpios. Àqueles que Me
seguem, não deixarei faltar à luz. Peço a vocês que tenham muitas velas
bentas pelos Sacerdotes em suas casas. Muitas dores e desesperos virão
sobre a terra para o arrependimento dos pecadores. [...] O mar levantar-se á
com suas ondas estarrecedoras. [...] Filhinhos, procurem nesses dias não sair
de suas casas. Fiquem em profunda oração. Rezem muito, façam penitencia,
jejuem a pão e água. Acostumem o corpo com o mínimo possível. Tão logo
tudo isso aconteça, Eu estarei com vocês nos Novos Céus e na Nova Terra.
Todos então serão transformados pelo Meu Espírito Santo. Filhinhos, o Meu
Regresso é eminente. Quando aqui Voltar haverá um derramamento do Divino
Espírito Santo como jamais se viu”. (Nosso Senhor em Porto Alegre - RS- 18
de fevereiro de 1999)
Não levará muito tempo para que os astros que habitam acima do céu
escureçam a tal ponto, não serão vistos mais a luz do sol nem o brilho da lua,
só as imagens das trevas espalhadas pelo mundo que também deve sofrer,
com um terrível abalo de grande poder devastador e as violentas inundações,
vão apanhar de uma só vez os habitantes da terra e com o fogo descido do céu
todos os maus morrerão, mas somente os restantes que deverão ser salvos
destes tormentos sairão vitoriosos.

Na aparição de San Damiano, Itália, a Rosa Quattrini:


"O sol desaparecerá, dando lugar às trevas, que durarão três dias e três
noites. Então, o fogo da purificação realizará a sua obra devastadora".
Irmão "X" ditado em 1956:
“Uma avalanche de cataclismos desabará sobre o orbe, numa torrente
assustadora de malefícios. Os gelos polares, por efeito da verticalização do
Eixo da Terra, se deslocarão abruptamente, inundando várias regiões. As
águas cobrirão extensão imensa da terra e a parte habitável dos continentes
será reduzida a um terço, os mares estenderão os seus domínios e terras
recuarão nas suas proporções. Será um verdadeiro dilúvio universal...
Profundas transformações se deram à face do planeta. A par da destruição
provocada pela cegueira do homem, convulsões físicas mudaram o aspecto do
orbe. Os polos puseram a nu a fertilidade de um solo inexplorado, as águas se
deslocaram para dentro de alguns continentes, a configuração do globo é
diferente... Continentes são submergidos e outros aparecem para proporcionar
condições de habitabilidade mais perfeita.(...)”.
A Irmã Helena Aiello (2 de janeiro de 1954) (†1961):
“Quando no céu aparecer um sinal extraordinário, quero que saiba que
está próxima a punição do mundo, e o açoite será o mais terrível que conheceu
a história humana. Durarão 70 horas. Nuvens com raios e uma tempestade de
fogo nunca visto descerá sobre toda a terra, as pessoas sem Deus serão
esmagadas e varridas e grande parte de humanidade será destruída. Àquelas
horas, para os maus, serão de desesperação; com gritos e blasfêmias
satânicas eles suplicarão para serem encobertos pelas montanhas e
procurarão refugiar-se nas cavernas, porém, será em vão. Aqueles que
restarão, acharão na Minha proteção a Misericórdia de Deus, enquanto que
todos aqueles que não quererão arrepender-se de seus pecados perecerão
num mar de fogo! A Rússia será quase inteiramente queimada. Também outras
nações desaparecerão. A Itália será salva em parte devido ao Papa. Então se
fará sentir o poder da luz sobre as trevas”.
Aparição de Nossa Senhora a uma das videntes, em Garabandal, na
Espanha:
"Vimos uma multidão que sofria e gritava com a maior angústia [...]
Depois a Virgem nos fez ver como chegará para toda a humanidade o grande
castigo [...] Num determinado momento, nenhum motor ou máquina funcionará.
Uma terrível onda de calor se abaterá sobre a terra, e os homens começarão a
sentir uma grandíssima sede; buscarão desesperadamente água, mas essa,
devido ao grande calor, se evaporará. Então quase todos cairão no desespero
e tentarão matar-se um ao outro; mas a força lhes faltará e cairão por terra [...]
Por fim, vimos uma multidão de pessoas envoltas em chamas. Corriam a jogar-
se nos mares e lagos; porém, ao entrarem na água, essa parecia ferver, e em
vez de apagar as chamas, era como se as atiçasse ainda mais. Era tão terrível
que pedia à Virgem para levar consigo as nossas crianças antes de isto
acontecer".
Aparição e revelações da Virgem Maria em La Salette, França:
“Virão guerras sangrentas e fome, pestes e enfermidades contagiosas;
chuvas de um terrível granizo para os animais; tempestades que arruinarão
cidades; terremotos que engolirão países; vozes serão ouvidas no ar; os
homens baterão com a cabeça nos muros, pedirão a morte e, por outro lado, a
morte será o seu suplício. O sangue correrá por toda parte. Os astros perderão
os seus movimentos regulares. A Lua só refletirá uma débil luz avermelhada. A
água e o fogo imprimirão ao globo terrestre movimentos convulsivos e horríveis
terremotos que tragarão montanhas e cidades. Fogo e fumaça cairão do céu, e
as águas dos oceanos se transformarão em vapor, lançando sua espuma para
o alto, e tudo o que estiver de pé será derrubado. Milhões de homens
encontrarão a morte de uma hora para outra, e os sobreviventes invejarão a
sorte dos mortos. Até onde a vista alcançar se verá tribulação, miséria e ruínas
em todos os países. Eis que o tempo se aproxima e o abismo se torna cada
vez maior. Não haverá mais salvação. Os bons perecerão com os maus, os
grandes com os pequenos, os príncipes da Igreja com seus fiéis, os poderosos
do mundo com seus povos. Em toda parte reinará a morte. Satanás será
levado ao triunfo por homens insanos, seus escravos; será então o único
senhor da terra. Chegará o tempo que nenhum rei, imperador, cardeal ou bispo
espera. Mas chegará pela vontade do Pai, para que sejam castigados os que
merecem. Quem poderá vencer se Deus não diminuir o tempo da prova? Pelo
sangue, as lágrimas e as orações dos justos, Deus se deixará aplacar. (...)
Então, a água e o fogo purificarão a terra e a consumirão todas as obras do
orgulho dos homens e tudo será renovado; Deus será servido e glorificado”.
Julka (Zagreb, Croácia):
"Um vento forte e ardente virá do sul, provocando tormentas em todo o
globo terrestre. Logo, um ruído como de dez trovões ao mesmo tempo
retumbará sobre a terra, fazendo-a estremecer. Este será o sinal que a grande
tribulação e os três dias e três noites de total escuridão estão começando. As
pessoas devem permanecer em suas casas, fechar as janelas, benzer-se,
aspergir a casa com água benta e acender as velas bentas. Lá fora
acontecerão coisas tão horríveis, que morrerão os que se atreverem a olhá-las.
Todos os demônios estarão soltos no mundo, uivando e chamando suas
presas para as destruírem, e até imitarão as vozes de parentes e conhecidos
que não chegaram a lugares seguros. Mas não abram a porta a absolutamente
Ninguém!... As velas bentas só iluminarão aos que se esforçarem por viver de
acordo com os Meus Mandamentos. Embora seja apenas um coto, durará três
dias e três noites, sem apagar-se”.
Santa Ana Maria Taigi (1830):
"Trevas extremamente espessas se espalharão pelo mundo inteiro e
envolverão a terra por três dias e três noites. Durante essas trevas, será
absolutamente impossível distinguir qualquer coisa. O ar ficará empestado de
demônios, que aparecerão de todas as formas; essa pestilência atingirá não
exclusivamente, mas principalmente os inimigos da religião, ocultos ou
desconhecidos, com exceção de alguns poucos que Deus converterá pouco
depois. Aquele que, por curiosidade, olhar para fora ou sair pela porta, cairá
morto."
Canção da velha limeira (1850):
"O inverno vem, três dias de trevas. Raio e trovão e o quebrar da terra,
reze em casa, não saia de casa! E também não olhe pela janela! Uma só vela
brilha por todo o tempo, se ela quiser queimar, você brilha. O ar venenoso
penetra pela noite empoeirada, epidemia negra, a pior batalha humana. As
mesmas ameaças para todos os humanos, mas os bons têm uma morte
abençoada. Muitos justos permanecem maravilhados livres do perigo da praga
e da paralisia da respiração."

Ruth Montgomery obra editada em 1966 nos EUA:


"Aqueles que puderem alcançar segurança verão a superfície da Terra
tremer e em alguns locais se tornar um mar de água fervente, conforme os
oceanos invadem a terra. Explosões simultâneas sob a crosta terrestre terão
novas terras sobre a superfície das águas, enquanto que outras áreas serão
engolidas pelas águas"
A Sibila de Praga foi uma vidente que por volta de 1650:
"Nuvens imensas escurecem a Terra, envolvendo-a em gelo e
escuridão. No dia de Santa Verônica, a humanidade lança um grito de espanto
e terror".
São Gaspar de Búfalo (1786-1836) predisse:
"A morte dos impenitentes da Igreja ocorrerá durante os três dias de
trevas. Quem sobreviver acreditará encontrar-se sozinho na terra, pois o
mundo estará coberto de cadáveres".
Aparição de Maria a vidente Patrícia Talbot do Equador em 1988:
"A terra sairá de sua órbita durante três dias. (...) Nesses dias, as
famílias deverão se manter em oração contínua. (...) Durante esses três dias de
trevas, não devemos abrir a porta da casa a ninguém, mas simplesmente
seguir rezando. A Virgem disse também que será melhor não olharmos pelas
janelas, para não vermos a justiça de Deus caindo sobre o povo".
Bem-aventurada Elizabeth Canori-Mora (†1825):
"... Quando o céu foi coberto por nuvens tão densas que era impossível
olhá-las sem desolação. De repente estourou uma tal terrível e violenta
ventania que seu ruído parecia o rugido de furiosos leões. O barulho do
apavorante furacão foi ouvido sobre a Terra toda. Medo e terror golpeou não só
homens mas os próprios animais... Deus empregará os poderes do inferno
para a exterminação desses ímpios e pessoas heréticas que desejam derrubar
a Igreja e destruí-la até seus fundamentos... Ele punirá esses ímpios
blasfemadores, dando permissão aos espíritos infernais saírem do inferno,
inumeráveis legiões de demônios sob toda a sorte de formas hediondas
percorrerão a Terra e executarão as ordens da divina justiça, causando
terríveis calamidades e desastres; eles atacarão tudo; ferirão pessoas
individuais e famílias inteiras; devastarão propriedades, produções alimentares,
cidades e vilas. Nada na Terra será poupado. Deus permitirá que esses
demônios golpeiem com a morte esses homens ímpios, porque eles se
entregaram aos poderes infernais e formaram com eles um pacto contra a
Igreja Católica..."
O camponês alemão Franz Kuzelberg em 1922:
"Trevas por três dias e três noites. Começa com um terrível estrondo de
trovão e um terremoto. Não se pode comer nem dormir, somente rezar. Ardem
somente velas bentas. Relâmpagos penetram nas casas; ouvem-se terríveis
imprecações do demônio. Terremotos, trovões, som do mar. Quem olhar, por
curiosidade, pela janela, não escapará da morte. Adora-se o Preciosíssimo
Sangue de Jesus e invoca-se a Virgem Maria. Os demônios agarram os ímpios
ainda vivos no corpo e estes inutilmente suplicam para serem deixados ainda
em vida. Reina a peste: notam-se manchas pretas sobre os braços. Vapores
sulfúreos em toda parte, como se o Inferno todo se tivesse desencadeado. (...)
Uma cruz aparece no céu, sinal do fim das trevas. A terra é como um imenso
cemitério, como um deserto. Os homens estão apavorados ao saírem de casa.
Os cadáveres são recolhidos sobre carros e sepultados em valas comuns. Não
viajam nem trens, nem navios, nem automóveis num primeiro tempo. As
fábricas silenciam, porque não há ninguém para colocar as máquinas em
funcionamento."
Revelações de Jesus Cristo ao estigmatizado Frei Pio de Peitralcina
(Foggia - Itália) 1949-1950:
"Das nuvens, espalhar-se-ão sobre toda a Terra, furacões e fogo em
movimento, ventanias e tempestades, trovões e terremotos irão se suceder
ininterruptamente. Continuamente uma chuva de fogo descerá sobre a terra,
cobrindo-a durante dois dias. Isto vai provar que Deus está acima de tudo.
Reze e faça penitência. Avise aos outros para fazer o mesmo porque o tempo
está próximo. Persevere na oração, para que seu adversário não tenha
domínio sobre ti. Diga ao meu povo para que esteja preparado, porque Meu
julgamento deve vir repentinamente e ninguém escapará das Minhas mãos.
Protegerei os justos. Observe o sol, a lua e as estrelas do céu e quando elas
parecerem estar desordenadas sem razão, saiba que o dia não está longe.
Fique unido em oração e espere até que o anjo da destruição tenha passado
por sua porta. Ore que estes dias sejam curtos. Aqueles que confiam em Mim e
Creem em Minha Palavra nada têm que temer, porque Eu não os abandonarei.
Também não se perderão os que espalharem a Minha Revelação. Nada pode
acontecer a quem estiver em estado de Graça e procurar a Proteção de Minha
Mãe. Mantenha as suas janelas bem cobertas. Não olhe para fora. Acenda
uma vela abençoada, que será suficiente por muitos dias. Reze o rosário. Leia
livros espirituais. Faça atos de Comunhão Espiritual, também atos de amor,
que Nos agradam tanto. Reze com os braços esticados, e prostrado no chão, a
fim de que muitas almas sejam salvas. Não saia de casa. Proporcione-se
alimentos suficientes. Tenha coragem e estarei no meio entre você. A hora está
perto!, Mas não terei piedade. Será uma punição aterrorizante. Meus anjos,
que são os executores deste trabalho, estão prontos com suas espadas
afiadas! Eles terão um cuidado especial em aniquilar todos aqueles que
zombaram de Mim e que não acreditaram em Minhas revelações. Para que
possais vos preparar para estes acontecimentos Eu vos dou esses sinais:
Furacões de fogo se formarão nas nuvens estendendo-se tempestades sobre a
terra; virá uma chuva de fogo sem interrupção, começando numa noite muito
fria. Entretanto dará Deus a conhecer à humanidade que é ELE o Rei da
Criação. Aqueles que estiverem em estado de graças e buscarem a proteção
de minha Mãe não sofrerão prejuízo algum. A noite será muito fria; o vento
bramirá. Depois de algum tempo o trovão reboará. Então fechem bem todas as
janelas e as portas; não falem a ninguém de fora da casa. Ajoelhem-se diante
do Crucifixo, arrependam-se dos seus pecados e peçam a proteção de Minha
Mãe. Enquanto a terra tremer não olhem para fora, pois a ira de Deus é santa.
Eu não quero que olhem a ira de Deus, pois ela deve ser considerada com
temor e tremor. Quem não seguir este conselho instantaneamente se perderá.
O vento levará consigo veneno e o espalhará por toda a terra. Aquele que
sofrer e morrer de forma inocente será considerado mártir e estará Comigo no
Meu Reino. O demônio triunfará (nestes dias). Mas na terceira noite cessarão
os terremotos e o fogo, e no dia seguinte o Sol aparecerá. Anjos descerão do
Céu e derramarão sobre a terra o espírito da paz. Dos que se salvarem subirá
ao um profundíssimo sentimento de gratidão. O tribunal criminal que será
erigido não pode ser comparado a nenhum outro, desde a criação do mundo.
Uma terça parte da humanidade perecerá".
Na visão do profeta alemão Alois Irlmaier (1894-1959):
"Haverá escuridão um dia, durante a guerra. Então, cairá granizo com
raios e trovões e um terremoto sacudirá a terra. Então, não saiam de casa! Não
haverá mais luz, a não ser de vela, a energia elétrica será interrompida. Quem
respirar com força a poeira ficará com câimbras e morrerá. Não abram a janela,
pendurem nela papel preto. Toda água exposta ficará envenenada e todo
alimento exposto que não for enlatado. Também todo o alimento em vidros ou
em copos serão afetados porque o vidro não os protegerá. Lá fora haverá a
morte pelo pó, muitas pessoas morrerão. Após 72 horas tudo passará, mas
digo mais uma vez: não saiam e nem olhem pela janela. Deixem acesas as
velas consagradas ou as de cera. E rezem. Pois nessa noite, morrerão mais
pessoas do que nas duas guerras mundiais."
À Luz Amparo Cuevas, em Escorial, Espanha, (ano de 1983):
"Deus Pai mandará dois castigos. Um na forma de guerras, revoluções e
outros males, terá a sua origem na terra; o outro virá diretamente do céu. A
terra se cobrirá de uma densa escuridão, durante três dias e três noites.
Absolutamente nada se poderá ver. O ar será pestilento e venenoso.
Iluminação, só por velas bentas, que arderão três dias. Os fiéis, por motivo
nenhum, devem sair de casa, mas ficarão rezando o terço e suplicando
misericórdia. Os inimigos da Igreja morrerão em toda a face da terra, com
exceção de uns poucos, que se converterão em tempo. Cairá uma chuva de
fogo, e a terra toda tremerá. Roma será destruída, o Vaticano desaparecerá...
Por fim reinará a paz na terra. Todos se reconciliarão com Deus e o verdadeiro
amor florescerá".
Maria Júlia Jahenny (1850-1941):
"Virão três dias de completa escuridão – explicou-lhe Jesus. Virei sobre
o mundo pecador num terrível estouro do trovão durante uma noite fria de
inverno. Um vento do Sul muito quente precederá aquela tempestade e
pesados granizos escavarão a terra. De uma massa de nuvens vermelho fogo
e relâmpagos devastadores zig-zagueando inflamarão e reduzirão tudo a
cinzas. O ar se impregnará de gases tóxicos e vapores mortais, que, em
ciclones arrancarão as obras da audácia, da loucura e da vontade de poder da
Cidade de Trevas. Quando numa noite fria de inverno o trovão ribombar e fizer
tremer as montanhas, a terra será revolvida até seus fundamentos. O mar
levantará vagas rugidoras que se espalharão sobre o Continente. O sangue
verterá com tal abundância que a terra se transformará em vasto cemitério. Os
cadáveres dos ímpios e dos justos jazerão sobre o solo. A fome será grande.
Tudo será convulsionado e três quartas partes da humanidade morrerá. O
castigo será mundial. Então fechai rápido portas e janelas, vossos olhos não
devem profanar o terrível acontecimento com olhares curiosos (...) Queimai
velas bentas, recitai o rosário. Só as velas bentas darão um pouco de luz nessa
treva horrorosa. Mas não arderão na casa dos ímpios. Uma só vela será
suficiente para os três dias. Os relâmpagos penetrarão nas casas dos servos
de Deus, e não apagarão as velas. Nem vento, nem tempestades, nem
terremotos o conseguirão. Perseverai durante três dias e duas noites. Na noite
seguinte o terror se calmará. Após o horror dessa longa obscuridade, o Sol
aparecerá em todo seu esplendor e calor. Será uma grande devastação...
Magnífico será Meu reino de paz e Meu nome será invocado e louvado do
nascer ao descer do Sol".

Apocalipse 20, 1-3. 10:


«Vi, então, descer do céu um anjo que tinha na mão a chave do abismo
e uma grande algema. Ele apanhou, o dragão, a primitiva serpente, que é o
demônio e satanás, e o acorrentou [...]. Atirou-o no abismo, que fechou e selou
por cima, para que não seduzisse as nações [...]. O demônio, sedutor delas, foi
lançado num lago de fogo e de enxofre, onde já estavam a fera e o falso
profeta, e onde serão atormentados, dia e noite, [...]. Depois disso, ele deve ser
solto por um pouco de tempo». “A Minha vitória se cumprirá quando satanás,
com seu poderoso exército de todos os espíritos infernais, for preso dentro do
seu reino de trevas e de morte, de onde não poderá mais sair para causar dano
ao mundo. Para isso deve descer do céu um Anjo, a quem é dada a chave do
abismo e uma corrente com o qual amarrará o grande dragão, a antiga
serpente, satanás, com todos os seus seguidores... Jesus entrega esta chave,
que representa o seu divino poder, nas Minhas mãos, porque a Mim, como sua
Mãe, Medianeira entre vos e Meu Filho, foi confiada a tarefa de vencer satanás
e todo o seu poderoso exército do mal”. (Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição,
pág. 792-793)
Pe. Pio de Pietralcina (Itália):
“Imaginar-se-á o triunfo de Satanás, mas ao cabo de três noites,
terminarão os terremotos e no dia seguinte brilhará o sol. Os anjos do céu virão
trazer consigo para a terra o espírito de paz e um sentimento imenso de
gratidão transbordará daqueles que sobreviverem a esse terrível juízo de Deus.
Este é o castigo que desde o princípio da criação Deus tem preparado para
provar a terra”.
“O Retorno Glorioso de Jesus”, autor - Edmundo Noro, pág. 120:
“Aproxima-se o dia em que os olhos me verão. Primeiro, verão
realmente o esplendor dos céus e o Refúgio dos pecadores vir num grande
clarão que iluminará a terra de Oriente ao Ocidente... E, vindo dos céus, vereis
entreabrir-se e dar o que todo homem de boa vontade espera desde há
séculos: a Luz do mundo. Os céus abrir-se-ão, o canto dos anjos encherá o
Céu e a terra; ...”.
Nosso Senhor, nas suas Aparições em Jacareí -SP- no dia (07/09/1997),
pág. 526:
“Eu dei na mão de minha Mãe á chave do abismo! Na mão da minha
Mãe está o cetro do meu Poder! O meu inimigo, furioso, revolta-se contra Ela,
mas, com o sopro de minha Boca, Eu derrubei o dragão... As garras dele são
afiadas, sua boca derrama uma saliva venenosa, suas ventas expelem um
vapor mortífero sobre a terra, sua cauda está se debatendo contra muitas
almas... As almas que conseguem escapar de suas garras caem na cauda do
dragão, por falta de oração... Mas Eu vos digo: - com o hálito do meu Sopro do
meu Espírito Santo, que Comigo criou, unido ao Pai, o mundo todo, este
mesmo Espírito soprará como segundo Pentecostes, e varrerá o dragão seus
anjos, seus adoradores, seus seguidores, para dentro do abismo, onde só há
enxofre e cinzas... Eu Triunfarei!!! Os meus anjos no Céu não fazem outra
coisa, senão orar para que chegue o Bendito Dia de Nosso Triunfo! Desde
Fátima, Eu e a Minha Mãe, temos vindo com a mão estendida, para segurar-
vos, a fim de que não caiam nas garras do dragão, e nem na cauda do
dragão... coloquei o Coração de minha Mãe e seu Manto como escudo para
vocês contra a saliva mortífera do dragão! Coloquei meus anjos a mando do
meu General São Miguel, para impedir que o vapor mortífero do meu inimigo
penetre em vossas narinas e vos afastem da Verdadeira Fé, da Verdadeira
Igreja que é a Católica, do Verdadeiro Caminho, que é o da minha Palavra, por
meio de minha Mãe...”.
Nossa Senhora, nas suas Aparições em Jacareí -SP- no dia
(15/05/1997) pág. 501:
“Eu chamo os jovens para que o Terço em suas mãos, e para que
assim, aniquilem Comigo a satanás e todas as obras do seu ódio. O dragão
agora encontra-se mais furioso. De suas presas, ele solta um veneno mortal.
Suas garras agora estão mais afiadas, desejoso de destruir os meus filhos...
Não deixem que a tristeza e o medo, ou qualquer preocupação, entre em seus
corações! Eu Sou a Virgem Vitoriosa sobre o dragão!!! Meu Pé Imaculado vai
esmagar-lhe em breve a cabeça, e então, o mundo conhecerá o Meu tempo de
paz.... A Santíssima Trindade disse-se: - ‘Minha Filha, Mãe, e Esposa Divinal,
faze no mundo o que bem quiseres. Ainda que fosse o Universo, tudo Te seria
dado! Vai, e derrota o Nosso eterno inimigo! Realiza no mundo todo a Nossa
infinita Misericórdia... O meu Senhor Me deu esta Ordem, e Eu tenho lutado por
todos vocês. Está para se travar uma grande batalha entre o Meu Filho Jesus e
satanás”.
Nossa Senhora, nas suas Aparições em Jacareí -SP- no dia
(07/10/1994) pág. 279:
“O dragão será acorrentado não por corrente grossa e de ferro, mas...
com o cordel do meu Rosário. Mandarei os três Arcanjos amarrarem o demônio
no inferno, e no Triunfo do meu Coração, ele ficará impotente... Jamais sairá do
abismo para tentar a terra de novo! Este será meus filhos, o Triunfo do meu
Imaculado Coração... Tenham confiança, porque por fim Triunfará o meu
Coração!...”
Nosso Senhor, nas suas Aparições em Jacareí -SP- no dia (11/01/1994)
pág.1043:
“É o Espírito Santo, junto a Mim, que precipitará no inferno a satanás e
os anjos maus e selará para sempre a entrada do inferno, para que nunca
saiam...”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (29/09/1994), pág. 900-901:
“A eles cabe salvar o povo de Deus, recolher de toda a parte da terra
quem é chamado a fazer parte do pequeno resto, que permanecerá fiel, no
refugio seguro do meu Coração Imaculado. São Miguel intervirá sobretudo para
combater o antigo inimigo Lúcifer, que na última hora, aparecerá com toda a
tenebrosa potencia do anticristo. Sua é a tarefa de combate-lo e de vencê-lo,
de expulsa-lo para o seu reino de trevas e de fogo, oferecendo à vossa Mãe
Celeste a corrente com a qual o amarrará e a chave para fechar a porta do
abismo, do qual não poderá mais sair para fazer mal no mundo... Ao Arcanjo
que é chamado ‘Força de Deus’ foi dada a tarefa de anunciar a todos o retorno
próximo de Cristo com a força da sua divina potência”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (01/01/1994), pág 862-863:
“Assim como fui Mãe humilde e pobre da sua primeira vinda, também
sou a Mãe gloriosa e poderosa da sua segunda vinda, entre vós. É minha a
tarefa de vos conduzir para os novos céus e a nova terra. E, sobretudo tarefa
confiada à Mãe de Deus a de vencer satanás e a todas as forças do mal, para
que Deus possa obter no mundo o seu maior triunfo... então toda a
humanidade voltará a um novo casamento de amor com o seu Senhor, que a
tomará nos seus braços e a conduzirá ao paraíso terrestre de uma plena e
perfeita comunhão de vida com Ele”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (08/12/1993), pág 856:
“E assim, no jardim do meu Coração Imaculado, todos os dias formo
para mim a nova Igreja, santa, unida, fiel anunciadora do Evangelho, que dá o
seu perfeito testemunho a Jesus... A minha luz tornar-se-á sempre mais forte,
quando mais entrardes nos momentos decisivos da batalha. No final a vitória
será da vossa Mãe Imaculada, que, com o seu pé virginal, esmagará a cabeça
da serpente e com as suas mãos amarrará o grande dragão, para que assim
fique impotente e não possa mais fazer mal no mundo. E a humanidade e a
Igreja conhecerão aquela nova era que agora aguardais na confiança e na
esperança. Por isso, como aurora que surge, vereis a partir de hoje a minha luz
tornar-se sempre mais forte, até envolver toda a terra, pronta enfim para abrir-
se ao seu novo dia, que iniciará com o triunfo do meu Coração Imaculado no
mundo”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 14º Edição (21/11/1993), pág. 851-852:
“O Reino Glorioso de Cristo corresponderá a um geral florescer de
santidade e de pureza, de amor e de justiça, de alegria e de paz. Porque os
corações dos homens serão transformados pela força poderosa do Espírito
santo, que se derramará sobre eles com o prodígio do seu segundo
Pentecostes. E as almas serão iluminadas pela presença da Santíssima
Trindade que produzirá nelas um extraordinário desenvolvimento de todas as
virtudes. O Reino Glorioso de Cristo se refletirá também em uma nova forma de
vida para todos. Porque sereis levados a viver somente para a glória do
Senhor. E o Senhor será glorificado quando for cumprida perfeitamente a sua
Vontade divina por cada um de vós. O Reino de Cristo coincidirá portanto com
o perfeito cumprimento da Vontade de Deus por parte de toda sua criação, de
modo que, assim como no céu, aconteça também sobre a terra. Mas isto não é
possível se antes não for derrotado satanás, o sedutor, o espírito da mentira
que sempre interferiu na historia dos homens para conduzi-los à rebelião contra
o Senhor e à desobediência a sua Lei. O Reino Glorioso de Cristo se
estabelecerá depois da derrota completa de satanás e de todos os espíritos do
mal e com a destruição do seu poder diabólico. Assim será amarrado e
precipitado no inferno e será fechado a porta do abismo, para que não possa
mais sair e fazer mal no mundo”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 14º Edição (08/12/1992), pág. 805:
“Nestes últimos tempos, a luta contra satanás e o seu poderoso exercito
de todos os espíritos do mal tornar-se-á mais áspero e sanguinolenta, porque
viveis sob o pesado jugo do seu domínio universal. Compreendei então como
faz parte da minha missão de Mulher vestida de sol, de Vencedora de satanás,
amarrar o grande dragão, precipita-lo no seu lago de fogo, de onde não mais
poderá sair para causar dano ao mundo. nele reinará a Cristo. Jesus retornará
na glória, para conduzir toda a criação ao pleno esplendor do seu novo Paraíso
terrestre”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (07/ 10/1992), pág. 792-794:
“A minha vitória se cumprirá quando satanás, com o seu poderoso
exército de todos os espíritos infernais, for preso dentro do seu reino de trevas
e de morte, de onde não poderá mais sair para causar dano ao mundo. Para
isso deve descer do céu um anjo, a quem é dada a chave do abismo e uma
corrente com o qual amarrará o grande dragão, a antiga serpente, satanás,
com todos os seus seguidores... Jesus entrega esta chave, que representa o
seu divino poder nas Minhas mãos, porque a Mim, como sua Mãe, medianeira
entre vós e Meu Filho, foi confiada a tarefa de vencer satanás e todo o seu
poderoso exercito do mal... Uma corrente, de fato, tem a função de primeiro
limitar a ação, em seguida de aprisionar e, por fim, de tornar vã toda a ação
daquele que é amarrado por Ela... Todos os espíritos malignos são
precipitados no lago de fogo e enxofre, a porta é fechada por mim com a chave
do Poder de Cristo, e assim não mais poderão sair pelo mundo para causar
dano às almas”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (02/10/1992), pág 791-792:
“Ao primeiro anjo cabe a tarefa de proclamar a todos este anúncio: ‘Daí
a Deus glória e obediência, louvai-o porque chegou o momento em que Ele
julgará o mundo. Ajoelhai-vos diante d’Aquele que fez o céu, a terra, as fontes
e o mar’. – A vossa libertação coincidirá com a derrota de satanás e de todos
espírito diabólico. Todos os demônios e espíritos dos condenados que nestes
anos se espalharam em toda parte do mundo, para a ruína e condenação das
almas, serão precipitados no inferno, de onde saíram, e não mais poderão
causar dano ao mundo... Neste tempo final da grande tribulação, anunciado
como o tempo do fim da iniqüidade, da derrota de satanás e do castigo dos
ímpios, é posta a dura prova a constância daqueles que pertencem ao Senhor,
que põem em pratica os mandamentos de Deus e permanecem fiéis a Jesus...
Nestes tempos tempestuoso,... é a tarefa dos anjos de Luz do Meu Coração
Imaculado conduzir-vos no caminho da constância e da fidelidade a Jesus, na
observância dos mandamentos de Deus e no exercício de todas as virtudes”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (01/01/1992), pág 764:
“Erguei os olhos deste tenebroso tempo que estais vivendo e não temais
se agora satanás é o dominador incontestável do mundo e o dono de toda a
humanidade. Logo o seu reino será reduzido a um monte de ruínas e o seu
poder será destruído, porque Eu mesma o amarrarei com uma corrente e o
fecharei dentro do seu pântano de fogo eterno e de morte, do qual não poderá
mais sair. E será Jesus Cristo, Rei da eterna glória, que reinará sobre todo o
mundo renovado, dando assim início aos tempos novos, que estão para
chegar”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (13/10/1991), pág 750:
“Sou um grande sinal de vitória. Sou a Mulher vitoriosa. No fim, o poder
de satanás será destruído e Eu mesma o amarrei com a minha corrente e o
fecharei dentro do seu reino de morte e de eterno tormento, de onde não
poderá sair. No mundo reinará o único Vencedor do pecado e da morte, o Rei
de todo o universo criado, Jesus Cristo. Nestes tempos os anjos de luz
percorrem o mundo a assinalar com o sinal da cruz todos aqueles que fazem
parte do meu exército vitorioso”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (15/08/1991), pág 742-743:
“A nova era, que Eu vos preparo, coincide com a derrota de satanás e
de seu domínio universal. Será destruído todo o seu poder; será amarrado,
com todos os espíritos maus, e encerrado o inferno, do que não poderá sair
para prejudicar o mundo. Neste reina Cristo, no esplendor do seu Corpo
glorioso, e triunfa o Coração Imaculado de vossa Mãe Celeste, na luz do seu
Corpo elevado à glória do Paraíso”.

Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (08/12/1989), pág 666:


“Por isto o meu desígnio se insere no próprio mistério da vossa
salvação. No principio Sou anunciada como a inimiga de satanás, Aquela que
obterá sobre ele a completa vitória () Porei inimizade... No fim, Sou vista como
a Mulher revestida de sol, que tem a missão de combater contra o dragão
vermelho e o seu poderoso exército, para vencê-lo, para amarrá-lo e precipita-
lo no seu reino de morte, para que no mundo possa reinar somente Cristo”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (09/10/1987), pág 557-558:
“O tempo da vossa escravidão está para terminar. Nações todas da
terra, sai da escravidão e das trevas e ide ao encontro de Cristo, que vem para
instaurar, entre vós, o seu glorioso Reino de Amor. Já está próximo o momento
em que Eu, Mulher vestida de sol, vencerei o dragão vermelho, atálo-ei com
uma corrente e precipitá-lo-ei no inferno, para que não possa mais fazer mal à
terra. Esta, de fato, será toda transformada em um Novo Paraíso Terrestre para
a perfeita glorificação da Santíssima Trindade”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (27/09/1987), pág 554:
“Eu sou a aurora que surge de maneira cada vez mais forte e luminosa.
Eu sou a Virgem Mãe que leva a ajuda e a salvação a todos os povos do
mundo. eu sou o caminho aberto para o Triunfo glorioso de Cristo. Eu sou a
Mulher vestida de sol, que esta para intervir de maneira extraordinária para
amarrar o dragão vermelho, para precipita-lo no seu reino de fogo e de morte.
Por tudo o que aconteça aqui, toda a Igreja deve agora compreender que a
presença da mãe é indispensável para a sua universal renovação”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (07/ 10/ 1983), pág. 369:
“A soberba de satanás será vencida mais uma vez pela humildade dos
pequenos. Desde modo, o dragão vermelho será definitivamente humilhado e
derrotado, quando Eu lhe acorrentar, servindo-Me, não de uma grossa
corrente, mas de um frágil cordel: O Santo Rosário... Então, o poderoso dragão
vermelho será completamente acorrentado por está corrente, ficando sempre
mais reduzida a sua possibilidade de ação, até que, por fim, se torne impotente
e inofensivo. E a todos será manifestado o Triunfo milagroso do Meu Coração
Imaculado”.

AS DUAS TESTEMUNHAS DO APOCALIPSE.

Apocalipse 11, 3-12:


«Mas incumbirei ás minhas duas testemunhas, vestidas de saco, de
profetizarem por mil duzentos e sessenta dias. São eles as duas oliveiras e os
dois candelabros que se mantêm diante do Senhor da terra. Esses homens têm
o poder de fechar o céu para que não caia chuva durante os dias de sua
profecia [...]; Mas, depois de terem terminado integralmente seu testemunho, a
fera que sobe do abismo lhes fará guerra, os vencerá e os matará. Mas, depois
de três dias e meio, um sopro de vida, vindo de Deus, os penetrou. Puseram-se
de pé e grande terror caiu sobre aqueles que os viam. Ouviram uma forte voz
do céu que dizia: “Subi aqui!” Subiram então para o céu numa nuvem,
enquanto os seus inimigos os olhavam».
“Filhinhos, Meus profetas Enoque e Elias ainda vivem, eles não
morreram. Eles retornarão à Terra para converter o povo judeu, enganado por
satanás. Eles farão que esse povo Me aceite como seu Rei, mas os seguidores
do Anti-Cristo os assassinarão. Com o Poder de Deus Pai ficarão três dias
insepultos, para que todos vejam que de fato trata-se da morte real; depois
ressuscitarão. Filhinho, a humanidade está perdendo a fé. Muitos não confiam
mais no Poder dos Céus. Colocam sua confiança naquele que luta para roubar
tudo que lhes dei. Deixa estar, que quando menos ele esperar, o seu reinado
acabará numa grande batalha em que ele será vencido. O encontro dar-se-á na
Palestina ou na Síria. Será o Armagedon. Veja Apocalipse 13,18. Filhinho,
estejas atento para os acontecimentos: depois da morte do Anti-Cristo, trinta
dias da morte dos profetas Enoque e Elias, o mundo viverá 45 dias. Depois,
Eu, Jesus Cristo, julgarei a humanidade. Leia Mateus 24, 36”. (Nosso Senhor
em Porto Alegre -RS- 5 de janeiro de 1999)

O GRANDE MONARCA FRANCÊS

Religiosa Trapista de Argers (1816):


“Os ímpios queriam exterminar todos os ministros de Deus e todos os
legitimistas. Já soltavam o grande grito de vitória quando, de repente, foram
reanimados por auxílio do céu e os ímpios foram derrotados. Vi a Capital
queimada, pilhada e saqueada. Vendo isto, aterrorizei-me, pensando que
haveríamos de perecer todos. Mas a voz disse-me: não temas. Tenho
intenções misericordiosas sobre a França e lhe darei um rei segundo meu
coração. Possuirá doçura, sabedoria e energia. Tornar-lhe-ei tudo fácil e tudo
se inclinará diante de sua vontade. Ele fará entrar tudo na ordem e no dever
(...)”.
Abade Souffrant (1821):
"(...) Depois, a chegada do grande monarca, para lutar contra o
Imperador da Rússia, esse será fechado nas margens do Reno por um evento
de tal forma miraculoso que causará a conversão da Rússia. A passagem do
mal ao bem será em um momento...”.
Antiga profecia italiana:
“(...) Todos os tiranos serão colocados para fora da Igreja de Deus e
haverá uma grande conversão para fé cristã sob o reinado do Grande Leão”.
Profecia de um abade do vale de ouro, Orval, Luxemburgo:
“Deus ama a paz! Venha, jovem príncipe, saia da ilha do cativeiro. Uma
o leão (o grande monarca francês) à flor branca (o futuro pontífice santo),
venha! O velho sangue dos séculos terminará ainda com longas discórdias.
Então será visto na França um só pastor. O homem poderoso, auxiliado por
Deus, se estabelecerá bem. Muitas leis sabias restaurarão a paz. Se pensará
que Deus está com ele, de tanto prudente e sábio que o descendente dos
Capetos será. Graças ao Pai da misericórdia, a Santa Igreja canta novamente
nos seus templos, um só Deus grande. Um monte de ovelhas perdidas irão
beber no rio vivo. Três príncipes eliminarão o manto do erro e estenderão a fé
de Deus. Nesta época, um grande povo do mar retornará a verdadeira crença
em dois terços. Então, finalmente Israel irá ao Cristo Deus”.
Madre de Bourg (1857):
“Deus colocará sobre o trono um rei exemplar, um rei cristão. O filho de
São Louis amará a religião, a bondade, a justiça. O Senhor lhe dará a luz, a
sabedoria e o poder. Ele próprio o preparou por muito tempo e o fez passar
pelas provações de dificuldades e de sofrimento, mas ele o convocará do
exílio. Ele, o Senhor, o tomará pela mão, e no dia fixado, ele subirá ao trono.
Seu destino é reparar e reconstituir, então a religião consolada reflorescerá e
todos os povos abençoarão o reino do Príncipe determinado por Deus, mas,
em seguida, o mal retornará e durará até o fim dos tempos. A luz do Alto não
me revelou os últimos acontecimentos do mundo."
O Arcebispo de Reins São Reni (ano 496):
“No fim dos tempos um descendente dos reis francos irá reinar sobre
todo o antigo império romano. Ele será o maior dos reis francos, e também da
linhagem, com seu trono no sul. Depois de um reinado glorioso irá a Jerusalém,
onde depositará no Monte das Oliveiras a sua coroa e o seu cetro. Assim irá
terminar o santo império, romano e cristão”.
Carta de Nostradamus a Henrique, Rei da França II:
“[...] Depois, o grande império do Anticristo começará nos montes Atila e
em Zerfes de onde descerá com tropas incalculáveis, como a vinda do Espírito
Santo procedente de 48 graus; mudará de lugar, perseguido pela abominação
do Anticristo, que fará guerra contra o grande rei que desempenhará o papel de
grande Vigário de Cristo e sua Igreja, em tempo útil e no momento favorável”.
A Centúria de Nostradamus VI, Quadra 28:
“O grande francês entrará em Roma levando um grande número de
exilados e banidos. O grande Papa abrigará todos os homens que apoiaram o
Rei da França nos Alpes”.
A Centúria de Nostradamus V, Quadra 6:
"O papa colocará a mão sobre a cabeça do rei (para sagrá-lo) e pedirá
pela paz na Itália. Ele mudará o poder das forças da esquerda e esse rei terá
governo pacífico."
A Centúria de Nostradamus X, Quadra 27:
"O quinto, que será também um personagem grande e poderoso,
reabrirá o Vaticano com uma força militar. Um papa chamado Clemente será
eleito, quando a Alemanha tiver recuado. Jamais a Espanha e o papado terão
sofrido um ataque tão grande de uma força militar."
A Centúria de Nostradamus IV, Quadra 10:
"O jovem príncipe será acusado injustamente e provocará distúrbios e
perturbações em todo o território. Matará o chefe (inimigo) por sua coragem;
restaurará a paz por seu poder, e depois curará as escrófulas."
Presságio de Nostradamus 38, abril:
"O rei será reconhecido como vencedor e como líder: depois de uma
traição, sua origem real será conhecida. Será vencedor pelo sangue de um
líder alemão (Papa de renome Trabalho do Sol). Os muçulmanos se tornarão
humildes devido à sua desgraça."
A Centúria de Nostradamus II, Quadra 89:
“Um dia serão amigos os dois grandes mestres (o futuro pontífice santo
e o grande monarca francês). O seu grande poder se verá aumentado: A nova
terra estará no seu maior apogeu, ao sanguinário o número recontado”.
A Centúria de Nostradamus I, Quadra 4:
“Para o mundo será feito um monarca, que paz e vida não terá
longamente, então se perderá a barca do papado, governada para seu grande
prejuízo”.
Profecia dada talvez por São Gregório:
“Deus aparece, abre a boca do profeta que fala com mais força do que
nunca; é o que acontecerá na vinda de Elias que, com suas pregações
inflamadas e irresistíveis, converterá os restos de sua nação” (In Ezeq. lib I,
hom XIII).
O autor e editor francês Michel Servant:
“O futuro Grande Papa será revelado diante do mundo somente depois
dos grandes castigos. Em todo caso, ninguém o conhece atualmente senão só
aquelas pessoas a quem Deus quis revelá-lo.”
A Centúria de Nostradamus I, Quadra 95:
"Um gêmeo (do grande monarca francês) será encontrado num
monastério, originário do sangue nobre de um monge muito velho. Seu ruído
será grande por seu partido, sua língua e o poder de sua voz; por isso, pedirão
que seja levado ao poder o gêmeo (o futuro Pontífice Santo) sobrevivente."
(Ib, 47): "Quem pode se gloriar como tu, ó Elias?, Tu foste arrebatado ao
céu num redemoinho de fogo, numa carroça tirada por cavalos ardentes; tu, de
quem está escrito que no tempo dos julgamentos virás para abrandar a ira do
Senhor, para reconciliar o coração dos pais com os filhos e para restabelecer
as tribos de Jacó”.
Pág. 57 do Livro de Mateus Capítulo 24 - A Segunda Vinda de Jesus:
“Os que o seguirem farão esta Nova Igreja florecer, crescer e
sobrepujar-se e todas as nações se ajoelharão em torno de Pedro, finalmente
vencedor e pastor único!”
A Sextilha de Nostradamus, 15:
"Quando um novo chefe do grande barco da Igreja for eleito, brilhará por
muito tempo essa chama luminosa que é o símbolo da vida no mundo. Nessa
época, os exércitos se reunirão sob seu nome e serão aliados aos do rei da
França, cuja memória permanecerá nos países do leste, nos países árabes e
africanos e na América”.
Bem-aventurada Elizabeth Canori Mora (†1825):
“Depois dessa espantosa punição vi os céus se abrirem e S. Pedro
descendo de novo até à terra... Então vi uma grande luz sobre a Terra que era
o sinal de reconciliação de Deus com o homem. S. Pedro escolheu o novo
Papa. Todos os homens se tornarão católicos e reconhecerão o Papa como
vigário de Jesus Cristo”.
Revelação em Sevilha por Nosso Senhor ao Pe. Clemente (4 de agosto
de 1976):
“... Já é hora que se saiba a verdade: Estou preparando o futuro Papa,
passo a passo. Agora, sofres esta cruz. Depois, vira outra maior… Verás, filho
queridíssimo, se tu segues sendo firme à Minha vontade, como farei de ti um
grande Papa… Tu serás o futuro Pedro, o Papa que consolidará a Fé e a
integridade da Igreja, lutando contra as heresias com grande força, porque te
assistirão legiões de Anjos. Chegam os futuros Cardeais da grande Igreja que
apascentará o Grande Papa, cujo Papa reinará com o nome de Gregório… a
Glória das Oliveiras… O Papa que ocultará o nome de Clemente, para tomar o
nome novo de Gregório.”
Revelação de Nosso Senhor ao Pe. Clemente (4 de abril de 1976):
“Chegará um momento, muito próximo, em que não podereis usar o
título ‘Romano. Daqui sairá o homem forte que governará a Igreja e condenará
os erros e heresias. O esplendor das Oliveiras aproxima-se... Essa vara de
Oliveira, da mesma forma poderá governar desde aqui como desde outra
nação. O importante será vossa união onde quer que estejais.”
Revelação ao Pe. Clemente (15 de julho de 1978):
“Dia grande o de hoje, no qual és investido da dignidade papal,... Só os
simples e humildes de coração reconhecerão ao que é verdadeiro Papa: o
Papa Gregório XVII… Começa o grande Pontificado da Glória das Oliveiras. O
Papa anunciado por muitos místicos, por muitas profecias. O Papa que une em
si sangue espanhol, o nobre sangue da Espanha, com o autêntico sangue da
França e com o sangue do povo escolhido. Eis aí o grande resplendor. Não
demorará muito tempo em empunhar a espada e cumprir a missão de
Imperador, de grande Monarca. Tudo a seu tempo chegará, se fores fiel e
corresponderes à Graça. Também estava anunciado, em profecias passadas,
como seria a eleição deste Papa: Seria com a intervenção direta dos Apóstolos
São Pedro e São Paulo. Não há outra forma para fazer oposição à eleição
oficial em conclave, em Roma, da qual sairá o Antipapa”.
Revelação da Santíssima Virgem ao Pe. Clemente (31 de maio de
1977):
“Meus queridos filhos: O mundo não se da conta da importância deste
Sagrado Lugar, onde se consolidará o Grande Papado e o Grande Império, o
Império de Cristo. Este futuro Papa da Glória das Oliveiras, que levará junto à
cruz a espada, restabelecerá a ordem em toda a face da terra. Por isso, é
necessário que, todavia um tempo mais sofra a cruz da cegueira para
fortalecer-se e para aperfeiçoar-se, para a grande empresa imperial e papal
que recairá sobre ele em seu dia.”
Ana catalina emmerich (1774-1824) - O Papa Futuro:
“Vi-lhe ao mesmo tempo, suave e severo. Sabia atrair os bons
sacerdotes e rejeitar pra longe os maus. Vi tudo renovar-se, e uma Igreja que
se elevava até o céu. (AA.III.103) “Vi um novo Papa muito firme.” (AA.III.161)
Houve, na Igreja espiritual, uma festa de ação de graças; havia ali uma glória
maravilhosa, um trono magnificamente enfeitado. São Paulo, Santo Agostinho
e outros santos convertidos figuravam de uma maneira muito especial. Era uma
festa onde a Igreja triunfante agradecia a Deus de uma grande graça que
deveria se consumar no futuro. Era algo como uma consagração futura. Isto
tinha relação com a mudança moral operada num homem esbelto e muito
jovem, que deve, um dia, chegar a ser Papa. Também nesta visão vi muitos
cristãos entrarem na Igreja. Entravam através dos muros desta. (AA.III.177) Vi
que este Papa deverá ser bem severo, e que afastará a todos os bispos
mornos e frios. Mas muito tempo deve ainda se passar até que isto ocorra.
(AA.III.177) Vi este futuro Papa na Igreja ser rodeado de outros homens
piedosos [...] O jovem já estava em seus paramentos, e parecia que receberia
hoje (27 de janeiro de 1822) uma insígnia. Eu vi um novo papa austero e muito
enérgico. Vi, antes do início da festa, muitos bispos e pastores expulsos por
causa de sua maldade. Eu vi os santos apóstolos desempenham um papel
muito especial na celebração desta festa na Igreja. Então eu vi seu
desempenho muito próximo da oração: "o vosso reino" (AA.II.361).
São Amadeu de la Tour Bispo de Sion (1163-1168):
“Um Pastor amado de Deus e eleito por Deus entrará a seu tempo no
Templo, expulsará os vendedores e compradores; ele purificará e reformará a
Igreja. Ele será abençoado com a bênção de Jacó, pois ele será
verdadeiramente o Vigário da Igreja de Jesus Cristo. Ele limpará o mundo de
uma multidão de erros. Ele ensinará todos os segredos que ainda estão
escondidos: sobre Deus, os Anjos e sobre o Universo… Este Pastor será
semelhante ao Rei Davi; pois como este transformou a antiga Jerusalém, assim
este transformará a Igreja. O Senhor lhe dará Sua graça e Sua prudência. Este
Pastor contará abertamente as magnificências de Deus manifestando a todos
os mistérios até então escondidos. E todos os homens escutarão sua voz… Ele
enviará seus apóstolos a todas as partes para cuidar das ovelhas do rebanho.
Depois de ter pacificado o mundo, promulgará a todos a vontade de Deus; e os
homens viverão na verdade, na pureza da Fé e no temor de Deus. A Fé do
Senhor reinará em todo mundo.”
A Irmã Lúcia fala do futuro Papa (terceiro segredo de Fátima):
“Depois das duas partes que já expus, vimos ao lado esquerdo de Nossa
Senhora um pouco mais alto um Anjo com uma espada de fogo em a mão
esquerda; ao cintilar, despedia chamas que parecia iam incendiar o mundo;
mas apagavam-se com o contato do brilho que da mão direita expedia Nossa
Senhora ao seu encontro: O Anjo apontando com a mão direita para a terra,
com voz forte disse: Penitência, Penitência, Penitência! E vimos numa luz
imensa que é Deus: “algo semelhante a como se vêem as pessoas num
espelho quando lhe passam por diante” um Bispo vestido de Branco “tivemos o
pressentimento de que era o Santo Padre”. Vários outros Bispos, Sacerdotes,
religiosos e religiosas subir uma escabrosa montanha, no cimo da qual estava
uma grande Cruz de troncos toscos como se fora de sobreiro com a casca; o
Santo Padre, antes de chegar aí, atravessou uma grande cidade meia em
ruínas, e meio tremulo com andar vacilante, acabrunhado de dor e pena, ia
orando pelas almas dos cadáveres que encontrava pelo caminho; chegado ao
cimo do monte, prostrado de joelhos aos pés da grande Cruz foi morto por um
grupo de soldados que lhe dispararam vários tiros e setas, e assim mesmo
foram morrendo uns trás outros os Bispos Sacerdotes, religiosos e religiosas e
varias pessoas seculares, cavalheiros e senhoras de varias classes e posições.
Sob os dois braços da Cruz estavam dois Anjos cada um com um regador de
cristal em a mão, neles recolhiam o sangue dos Mártires e com ele regavam as
almas que se aproximavam de Deus”.
Livro “Tempos Finais - A Voz do Pastor” Padre Léo Persch:
“Ele, Jesus, entregou as chaves do reino dos céus ao primeiro Pedro, e
recebe-as de volta do último Pedro. Desta forma não poderão ser usadas pelo
ímpio usurpador do trono de São Pedro, o anticristo, que tomará assento no
templo de Deus, proclamando-se ele mesmo como Deus”. (2 Tess. 2,4)
Joel 3, 1-3; 5:
«Depois disso acontecerá que derramarei o meu Espírito sobre todo o
ser vivo; vossos folhos e vossas filhas profetizarão; vossos anciões terão
sonhos e vossos jovens terão visões. Naqueles dias, derramarei também o
meu Espírito sobre os escravos e as escravas. Farei aparecer prodígios no céu
e na terra [...]. Mas todo o que invocar o nome do Senhor será poupado,
porque, haverá um resto, como o Senhor disse, e entre os sobreviventes
estarão os que o Senhor tiver chamado».
“Filhinho, quando então o Céu voltar a brilhar, vou derramar o Meu
Espírito Santo, como nunca aconteceu na história da humanidade. Libertarei
todos do pecado pelo Meu Espírito Santo de Amor. Estejam todos preparados
com as vestes nupcial para o Meu Regresso. O Meu plano será mudar este
atoleiro em que vocês vivem, num Jardim de Amor, de Luz e de Esperança” .
(Nosso Senhor em Porto Alegre -RS- 16 de dezembro de 1998)
Revelação da Santíssima Virgem ao Pe. Clemente (3 de Fevereiro de
1977):
“O novo Pentecostes dos tempos apocalípticos aproxima-se. Esse dia
está muito próximo. Quando chegar esse nosso Pentecostes assombrareis o
mundo. Quantos planos tem Deus para vós! Sois Meus Apóstolos, os famosos
Apóstolos Marianos dos Últimos Tempos dos quais falava São Luis Maria
Grignion de Montfort”.
Revelação da Divina Pastora ao Pe. Clemente (7 de setembro de 1976):
“Começa uma nova era na História da Igreja… Quando o Espírito Santo
os encha de ciência e de graças e virtudes, então sereis enviados a pregar por
todas as hostes”.
Testemunhas da Cruz, Vol. 1, autor - “J.N.S.R.”, pág.99:
“O Meu Nome Ressoará em todas as Nações; Eu quero que os Meus
Filhos preparem este Tempo de Amor, na Divina Esperança [...] Ninguém
poderá ignorar a minha santíssima Lei, que é amor”.
O Espírito Santo, nas suas Aparições em Jacareí -SP- no dia
(08/01/2012):
“Sim! O SEGUNDO PENTECOSTES MUNDIAL já está às portas!
Aquela hora de graça exatamente quando desci sobre a minha Esposa
Imaculada e sobre os meus Apóstolos amados no primeiro Pentecostes e com
o meu fogo vos queimarei a todos, produzirei em vós queimaduras tão fortes
que vós renascereis como Fênix das cinzas. Vós renascereis santos, vós
renascereis mais puros, vós renascereis corajosos, ardentes de amos por mim
vosso Deus. Colocarei na vossa boca uma palavra tão poderosa que os maus
não poderão resistir. E é por isso que multidões e multidões de povos se
converterão, baterão no peito com tanta força proclamando-se o único Deus, o
verdadeiro Senhor e glorificarão a nós a Trindade Santa dando-nos cada vez
mais os seus corações e adorando-nos em espírito, verdade e vida. Colocarei
nos vossos corações um fogo de amor tão grande que esta chama ateará o
fogo do meu Divino Amor no mundo inteiro e não haverá povo, raça, nem
nação que não me conhecerá, que não me bendirá, que não me louvará e que
não me prestará completamente adoração e louvor. Neste segundo
Pentecostes Eu farei com que vós minhas crianças abrais os vossos lábios e
proclameis o meu louvor tão alto e de forma tão retumbante e eloqüente que
até a alma mais desconhecida e mais escondida ouvirá o testemunho que vós
dareis de Mim e então, nas vossas ardentes, nas vossas ferventes orações Eu
realizarei milagres tão extraordinários e estupendos como aqueles que os
meus primeiros Apóstolos realizavam. Converterei inumeráveis pecadores,
realizarei prodígios no céu e na terra que os meus filhos verão e então todos
terão conhecimento da verdade, que a fé Católica é a única e verdadeira, o
único caminho da salvação. E então, terei o meu povo santo, que me servirá na
Minha Presença, diante da Minha Face todos os dias, eles serão o Meu povo e
Eu serei Seu Senhor e Deus. Será por um milagre do Coração Imaculado Dela
que o mundo será renovado, é pela súplica ardentíssima Dela que Eu
apressarei a hora e que Eu virei em breve para consumir este mundo
pecaminoso em que viveis para verdadeiramente transformá-lo em jardim de
graça e santidade. Por isso, Minhas almas, por isso Minhas cidades santas,
crescei, crescei na Escola de Amor da Minha Esposa para que Eu possa vos
encontrar puros e santos, imaculados e belos, fortes e grandes na santidade e
no amor quando Eu descer sobre o mundo, como um vendaval de caridade,
como um vendaval de amor trazendo o fogo, luz e chama ardente que sairão
dos Meus Olhos para purificar este mundo contaminado pelo pecado. E para
conduzir-vos para um novo tempo de amor e de paz que a Minha Esposa
Santíssima Comigo prepara todos os dias para vós, para vos dar em breve”.
Nossa Senhora, nas suas Aparições em Jacareí -SP- no dia 08/01/2012:
“Eu a Esposa Imaculada do Espírito Santo estou aqui há tantos anos
para preparar-vos para esta grande graça, o aviso precederá o Segundo
Pentecostes, nele cada um de vós se verá com o olhar do Espírito Santo, com
o fulgor da Sua Luz Poderosíssima sobre vossas almas, vós conseguireis
enxergar até os mais escondidos recôndidos da vossa alma, vereis mesmo a
mais pequenina imperfeição, a mais pequenina mancha. E isto vos causará dor
e sofrimento porque vereis quão ingratos fostes ao Senhor, quão indignos
fostes do Senhor, mesmo depois de tantas graças. E esse sofrimento vos
purificará, esse sofrimento purgará em vós o amor do mundo, o amor de vós
mesmos, o amor desordenado das criaturas. E então, vós saireis disso muito
mais purificados, muito mais voltados e inclinados para o alto, para as coisas
Celestiais, para Deus. E Eu estarei ao vosso lado para também vos ajudar
sempre mais a crescerdes no amor a Deus e para extinguir em vós o amor do
mundo”.
São José, nas suas Aparições em Jacareí -SP- no dia (01/01/ 2011):
“A minha Chama de amor deve descer sobre os vossos corações e
triunfar em vós e por isso Eu quero que intensifiqueis as vossas orações
pedindo sempre mais a efusão da Minha CHAMA DE AMOR que preparará o
Segundo Pentecostes que está cada dia mais perto de vós. Quando a chama
de amor do meu Amantíssimo Coração conhecida e propagada então o
Segundo Pentecostes, a segundo descida do Espírito Santo ocorrerá
poderosamente no mundo inteiro fazendo com que todas as almas ressuscitem
para a graça de Deus, que os desertos se transformem em jardins floridos e
belos e assim o mundo todo possa conhecer uma era nova, um tempo novo de
paz, de santidade e de amor!”.
Nosso Senhor, nas suas Aparições em Jacareí -SP- no dia (07/04/1997)
pág.497:
“Deixo-vos este pedido: - abri os vossos olhos e os vossos corações!...
O fogo do meu Espírito Santo está para se derramar, e quando Ele for
derramado, se alastrará, e o mundo inteiro então conhecerá o que desde o
meu Evangelho Eu vos prometi: - Todos hão de ser um só povo para um só
Deus, um só Pastor!”.
Ana catalina Emmerich (1774-1824) - A Igreja Espiritual:
“Tive uma visão do Espírito Santo e um novo esplendor na Igreja depois
de passado a tempestade (AA.II.244). Eu vi sobre toda a terra uma grande
quantidade de efusões do Espírito, algumas vezes era como um relâmpago
que descia sobre aqueles que haviam recebido as graças espirituais em suas
moradas ou nas Igrejas onde sempre chegava a luz e a força. Isto me causou
uma grande alegria e me deu confiança, por que em meio as grandes
tribulações a Igreja não sucumbirá, pois tenho visto em todos os países do
mundo a luz e a força do Espírito Santo despertar novos apóstolos como seus
instrumentos. Vi na Igreja de São Pedro, em Roma, uma grande festa com
muitas luzes e vir que o Santo Padre, assim como muitos outros, foi fortificado
no Espírito Santo (AA.II.429). Tenho visto também, em diversos lugares do
mundo, a luz que desce sobre os doze homens que vejo como os dozes novos
apóstolos ou profetas da Igreja” (AA.II.429).
Pe. Stefano Gobbi, MSM 16º Edição (26/05/96):
“O Segundo Pentecostes virá para levar novamente esta humanidade ...
à sua plena comunhão de vida com o seu Senhor que a criou, redimiu e salvou.
Línguas de fogo miraculosas e espirituais purificarão os corações e as almas
de todos, que ver-se-ão a si mesmos na luz de Deus, e serão transpassados
pela espada cortante de sua Divina Verdade ... O Segundo Pentecostes
queimará com o fogo de seu divino amor os pecados que obscurecem a beleza
de vossas almas”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (22/05/1994), pág. 884-885:
“Vinde Espírito Santo. é necessária uma nova e universal efusão do
Espírito Santo, para se chegar aos tão esperados tempos novos. É preciso que
venha logo o segundo Pentecostes... O Espírito Santo então vos levará à
compreensão de toda verdade. O Espírito Santo vos fará compreender os
tempos que estais vivendo. O Espírito Santo será luz sobre vosso caminho, e
vos tornará testemunhas corajosas do Evangelho na hora tremenda da grande
apostasia... o triunfo do meu Coração Imaculado coincidirá com o grande
prodígio do segundo Pentecostes. Descerá novo fogo do céu e purificará toda a
humanidade que voltou a ser pagã. Será como um pequeno juízo e cada um
verá a si mesmo na luz da própria verdade de Deus. Assim os pecadores
voltarão à graça e à santidade; os perdidos à estrada do bem; os afastados à
cada do Pai; os doentes à cura completa; os soberbos, os impuros, os
malvados colaboradores de satanás serão para sempre derrotados e
condenados. Então o meu Coração de Mãe terá o seu triunfo sobre toda a
humanidade, que voltará a novas núpcias de amor e de vida com o seu Pai
Celeste”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (30/05/1993), pág 833-835:
“Este é um sinal que te dou, para fazer-te compreender que, no jardim
do Coração Imaculado, já está pronta para o seu nascimento a nova Igreja e a
nova humanidade, purificada, santificada e completamente renovada pelo
Espírito Santo... Então o Espírito Santo descerá como conforto no pranto dos
vossos dias, nos quais a grande prova já chegou. No pranto de uma
humanidade sem Deus, descerá o conforto do Espírito Santo, que conduzirá
todo o mundo à perfeita glorificação do Pai Celeste, operando um novo
matrimonio de amor entre a humanidade renovada e o seu Senhor que a criou,
remiu e salvou. No pranto de uma Igreja dividida, obscurecida e ferida se
sentirá o conforto do Espírito Santo, que a recobrirá de fortaleza e de
sabedoria, de graça e de santidade, de amor e de luz, para que Ela possa dar o
seu pleno testemunho a Jesus, vivo nela até o fim do mundo. Nos prantos das
almas, tornadas escravas de satanás, imersas na sombra do pecado e da
morte, pousará o conforto do Espírito Santo que dará a luz da presença de
Deus, a vida da graça divina, o fogo do amor, para que nela a Santíssima e
divina Trindade possa estabelecer a sua habitual morada. No pranto da grande
prova descerá o conforto da presença divina do Espírito do Senhor, que vos
conduzirá a viver os acontecimentos que vos esperam com confiança, com
coragem, com esperança, com serenidade e com amor. Então no fogo sentireis
o seu refrigério; no frio o seu calor; nas trevas a sua luz; no pranto o seu
conforto; no medo a sua coragem; na fraqueza a sua força; no grande
sofrimento o seu divino alivio. Por isso hoje vos convido a unir a vossa oração à
minha, para que possa descer sobre vós o Espírito do Senhor com todo os
seus dons... Vinde e trazei-nos o vosso segundo Pentecostes, a fim que os
nossos olhos possam contemplar o vosso maior prodígio dos novos céus e da
nova terra”.

Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (15/08/1990), pág 695:


“Neste caminho de luz sois intimamente transformados pelo fortíssimo
fogo do Espírito Santo que, qual chama ardente, vos consome e vos purifica de
tudo aquilo que em vós há de impuro e de imperfeito. Assim vos torna aptos a
penetrar no intimo relacionamento de amor que há entre o Pai e o Filho, de
modo que vós o Pai seja perfeitamente glorificado e o Filho seja por vós
sempre mais amado e imitado. Assim, vós próprios vos tornais o reflexo do
amor do Espírito Santo”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (28/06/1990), pág 693:
“O segundo Pentecostes virá como um raio de graça e de misericórdia
que purifica a Igreja, torná-la-á pobre e casta, humilde e forte, sem mancha e
sem ruga, toda bela, à imitação de vossa Mãe Celeste. Estais aqui para serdes
formados por Mim, para que vos torneis o coração novo desta Igreja toda
renovada pelo Espírito... O segundo Pentecostes virá como orvalho sobre o
mundo e transformará o deserto um jardim, no qual toda a humanidade correrá,
como esposa ao encontro do seu Senhor, num renovado pacto de amor com
Ele. Assim a Santíssima Trindade receberá a sua maior glória e Jesus
instaurará o seu glorioso Reino de Amor entre vós”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (23/06/1990), pág 692:
“Assim preparais o tempo do segundo Pentecostes para a Igreja e para
todo o mundo. Com o segundo Pentecostes o Espírito Santo dará o seu
perfeito testemunho ao Filho e trará sobre a terra o seu glorioso Reino de
Amor, para que Jesus Cristo seja amado, adorado e glorificado por uma
humanidade completamente renovada. Somente então o meu Coração
Imaculado terá o seu Triunfo”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (03/06/1990), pág 689-690:
“Vós vos aproximais do grande momento no qual se cumprirá o grande
prodígio do segundo Pentecostes. Somente o Espírito de Amor pode renovar o
mundo todo. Somente o Espírito de Amor pode formar os novos céus e a nova
terra. Somente o Espírito de Amor pode preparar os corações, as almas, a
Igreja e toda a humanidade para receber Jesus, que retornará a vós na
glória...Nestes tempos, o Espírito Santo tem a tarefa de levar-vos à realização
do desígnio do Pai Celeste, na perfeita e universal glorificação de seu Filho
Jesus Cristo. Assim, o Espírito Santo cumpre a sua divina missão de dar pleno
testemunho do Filho e conduzir-vos-á à compreensão de toda a Verdade. O
Espírito Santo tem a tarefa de tornar-vos hoje corajosas testemunhas da
verdade e de levar-vos a um testemunho heróico de fé em Jesus. O Espírito
Santo tem a tarefa de iluminar as vossas almas com a luz da graça divina e de
conduzir-vos pelo caminho da santidade. Por isso derrama sobre vós os seus
setes Santos Dons, dando assim vigor e crescimento às virtudes teologias e
morais, que transformam a vossa vida num jardim florido, no qual a Santíssima
Trindade estabelece a sua morada. O Espírito Santo tem a tarefa de formar os
vossos corações na perfeição do amor, e assim queima em vós toda forma de
egoísmo e vos purifica no caminho de inumeráveis sofrimentos. O Espírito
Santo tem a tarefa de levar a Igreja ao seu maior esplendor, para que assim se
torne a toda bela, sem mancha e sem ruga, à imitação de vossa Mãe Celeste,
e possa difundir a luz de Cristo para todas as nações da terra. O Espírito Santo
tem a tarefa de transformar a humanidade e de renovar a face da terra para
que ela se torne um novo Paraíso Terrestre, no qual Deus seja por todos
desfrutado, amado e glorificado. O Espírito Santo abre e fecha as portas do
segundo advento. Por isso, todo período do segundo advento, que estais
vivendo, é o tempo do Espírito Santo... Por que o meu Coração Imaculado é a
porta de ouro pela qual passa o Espírito Santo para chega até vós e levar-vos
ao segundo Pentecostes”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (22/05/1988), pág 592-593:
“O tempo do segundo Pentecostes chegou. O Espírito Santo virá como
orvalho celeste de graça e de fogo, que renovará o mundo inteiro. Sob a sua
irresistível ação de amor, a Igreja abrir-se-á a viver a era nova da sua maior
santidade e resplandecerá de uma luz tão forte que atrairá para si todas as
nações da terra. O Espírito Santo virá, para que a vontade do Pai Celeste seja
cumprida e o universo criado volte a refletir a sua grande glória. O Espírito
Santo virá, para instaurar o Reino glorioso de Cristo que será um Reino de
graça, de santidade, de amor, de justiça e de paz. Com o seu divino amor
abrirá as portas dos corações e iluminará todas as consciências. Cada homens
verá a si próprio no fogo abrasador da divina Verdade. Será como um pequeno
juízo. Depois, Jesus Cristo trará a seu Reino glorioso ao mundo. o Espírito
Santo virá, por meio do Triunfo do meu Coração Imaculado... Estareis, assim,
preparados para receber o Dom do Espírito Santo, que vos transformará e
tornar-vos-á instrumentos, com os quais Jesus instaurará o seu Reino”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (03/07/1987), pág. 537:
“A grande misericórdia virá a vós como fogo de amor que queima e será
trazida pelo Espírito Santo, que vos é dado pelo Pai e pelo Filho, para que o
Pai possa ver- Se glorificado e o Senhor Jesus sentir-Se amado por todos os
seus irmãos. O Espírito Santo descerá como fogo, mas de maneira diversa de
sua primeira vinda: será um fogo que tudo queimará e transformará que
santificará e renovará a terra até os fundamentos. Ele abrirá os corações para
uma nova realidade de vida e conduzirá todas as almas (dos eleitos) à
plenitude de santidade e de graça. Conhecereis um amor tão grande, uma
santidade tão perfeita como jamais haveis conhecido até agora. O Espírito será
glorificado nisto: conduzindo todas as pessoas ao maior amor pelo Pai e pelo
Filho. Estes são os tempos da grande misericórdia: portanto, são os tempos do
triunfo do meu Coração Imaculado”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (07/06/1987), pág 530-531:
“Assim, somente quando toda a Igreja tiver entrado no Cenáculo do meu
Coração Imaculado, acontecerá o grande prodígio do segundo Pentecostes.
Será um fogo divino de purificação e de santificação que renovará toda a face
da terra... Abri as portas dos vossos corações para receber o grande Dom que
o Pai e o Filho farão descer sobre vós. O Espírito do Senhor encherá a terra e
inundará o mundo. o Espírito do Senhor renovará, com seu fogo divino, toda a
Igreja e a conduzirá à perfeição da santidade e do seu esplendor. O Espírito do
Senhor transformará os corações e as almas dos homens e os tornará
testemunhas corajosas do seu divino Amor. O espírito do Senhor preparará a
humanidade para acolher o Reino glorioso de Cristo, a fim de que o Pai possa
ser glorificado por todos... Reúno-vos de todas as partes do mundo, porque a
hora do meu Triunfo chegou. Chegou a hora que, há anos, Eu vos predisse”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (26/05/1985), pág 440-441:
“Vinde ó Espírito de Amor, e renovai a face da terra; fazei que toda ela
volte a ser um novo jardim de graça e de santidade, de justiça e de amor, de
comunhão e de paz, de modo que a Santíssima Trindade complacente e
glorificada possa ainda ser refletida na terra como num espelho. Abri as portas
dos corações à compreensão da verdade inteira e total. Com a força
abrasadora do fogo divino arrancai pela raiz todo erro; varrei da face da terra
toda heresia, para que em todos resplandeça, na sua integridade, a luz da
Verdade revelada por Jesus. Vinde, ò Espírito... que todos estes saibam
corresponder ao desígnio que estais realizando em nossos tempos, a saber, o
segundo Pentecostes há tanto tempo esperado e invocado. Só então se
cumprirá a missão que Eu própria confiei... Então há de se realizar o Triunfo do
meu Coração Imaculado, no inicio de um tempo em que todos poderão
finalmente contemplar os novos céus e a nova terra”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (28/01/1984), pág 387:
“Será o Espírito de Amor, com a sua poderosa ação de fogo e de graça
que vai renovar todo o mundo desde os fundamentos: será o Espírito de Amor,
por meio do fogo de inúmeros sofrimentos que renovará toda a criação,
tornando-a qual jardim de Deus, em novo Paraíso Terrestre, em que Jesus
estará sempre conosco, qual sol luminoso espalhando seus raios por toda a
parte”.
Apocalipse 14, 6-7; Mt 24,14; 2 Ts 2, 14:
«Vi, então, outro anjo que voava pelo meio do céu, tendo um evangelho
eterno para anunciar aos habitantes da terra e a toda nação, tribo, língua e
povo. Clamava em alta voz: ‘Temei a Deus, e daí-lhe glória, porque é chegada
a hora do seu julgamento. Adorai aquele que fez o céu e a terra, o mar e as
feras. E este evangelho do reino será pregado no mundo inteiro, em
testemunho a todas as nações, e então virá o fim. E pelo anúncio do nosso
Evangelho vos chamou para tomardes parte na glória de nosso Senhor Jesus
Cristo».
Revelação da Santíssima Virgem ao Pe. Clemente (6 de março de
1973):
“O Pai Celestial quis que fosse este lugar a luz e a tocha que preparará
os filhos da nova Igreja… Deste bendito lugar quer o Eterno Pai que saiam os
Apóstolos que prepararão a humanidade para o retorno de Jesus.”
Do Livro Nossa Senhora Estrela da Manhã, pág. 78:
“O Meu Coração triunfará neste final de século, e me proclamarão a
Bem Aventurada de todos os homens na face da Terra. Estou preparando o
meu exercito que suscitará a guerra contra o demônio. Os meus filhos serão os
meu calcanhar que pisará a cabeça da serpente que varre as estrelas do céu
com sua calda. Nunca esqueçam que vos fiz soldados ungidos e valentes
guerreiros. Sereis os verdadeiros cavaleiros do exercito em ordem de batalha.
Os meus filhos soldados têm várias características que embelezam as vossas
armaduras. Eles são simples e desprezados do mundo, mas fortes e vitoriosos
no campo espiritual. A palavra de Deus é a espada de dois gumes que sai de
vossas bocas para destruir a besta negra. Tem nos ombros o meu emblema e
a vitória do meu Filho embelezando o seu tórax, a Cruz e o Rosário na mão
esquerda que é a força do meu grande exercito”.
Melanie Calvat em La Salette, França, (em 1846):
“Chamo os que viveram do Meu espírito; chamo, enfim, os apóstolos dos
últimos tempos, os fiéis discípulos de Jesus Cristo, que viveram no
menosprezo do mundo e de si mesmos, na pobreza e na humildade, no
desprezo e no silêncio, na oração e na mortificação, na castidade e na união
com Deus, no sofrimento, e desconhecidos do mundo. Já é hora de saírem e
virem iluminar a terra. Ide e mostrai-vos como Meus filhos queridos. Estou
convosco e em vós, desde que a vossa fé seja a luz que vos ilumine nesses
dias de infortúnio. Que o zelo vos torne como que famintos da glória e da honra
de Jesus Cristo. Combatei, filhos da luz, vós, pequeno número que ainda
tendes vista; porque chegou o tempo dos tempos, o fim dos fins. (...) “O
Evangelho será pregado em todos os lugares e a humanidade fará grande
progresso na sua fé, pois haverá unidade entre os trabalhadores de Jesus
Cristo e o homem viverá temente a Deus”.
São Luís Maria Grignion de Montfort (†1716):
“Mas quem serão esses servidores, esses escravos e filhos de Maria?
Serão ministros do Senhor ardendo em chamas abrasadoras, que lançarão por
toda parte o fogo do divino amor. Serão ‘sicut sagittae in manu potentis’ (Sl
126,4), flechas agudas nas mãos de Maria toda poderosa, pronta a traspassar
seus inimigos. Serão filhos de Levi, bem purificados no fogo das grandes
tribulações e bem colados a Deus, que levarão o ouro do amor no coração, o
incenso da oração no espírito e a mirra da mortificação no corpo, e que serão
em toda parte, para os pobres e os pequenos, o bom odor de Jesus Cristo. E
para os grandes, os ricos e os orgulhosos do mundo, um odor repugnante da
morte. Serão nuvens trovejantes esvoaçando pelo ar ao menor sopro do
Espírito Santo; que, sem apegar-se a coisa alguma, nem admirar-se de nada,
nem preocupar-se, derramarão a chuva da palavra de Deus e da vida eterna.
Trovejarão contra o pecado, lançarão brados contra o mundo, fustigarão o
demônio e seus asseclas. E para a vida ou para a morte, traspassarão lado a
lado, com a espada de dois gumes da palavra de Deus (cfr. Ef 6,17), todos
aqueles a quem forem enviados da parte do Altíssimo.
Serão verdadeiros apóstolos dos últimos tempos. E o Senhor das
virtudes lhes dará a palavra e a força para fazer maravilhas e alcançar vitórias
gloriosas sobre seus inimigos. Dormirão sem ouro nem prata. E, o que é
melhor, sem preocupações, no meio de outros padres, eclesiásticos e clérigos,
‘inter medios cleros’ (Sl 67,14) e, no entanto, possuirão as asas prateadas da
pomba para voar, com a pura intenção da glória de Deus e da salvação das
almas, onde os chamar o Espírito Santo, deixando nos lugares em que
pregarem o ouro da caridade, que é o cumprimento da lei (Rom 13,10).
Sabemos que serão verdadeiros discípulos de Jesus Cristo, andando
nas pegadas de sua pobreza e humildade, do desprezo do mundo e caridade,
ensinando o caminho estreito de Deus na pura verdade, conforme o Santo
Evangelho. E não pelas máximas do mundo, sem se preocupar nem fazer
acepção de pessoa alguma, sem poupar, escutar ou temer nenhum mortal, por
poderoso que seja. Terão na boca a espada de dois gumes da palavra de
Deus. E em seus ombros ostentarão o estandarte ensangüentado da cruz. Na
mão direita o crucifixo, na esquerda o rosário, no coração os nomes sagrados
de Jesus e Maria. E em toda a sua conduta a modéstia e a mortificação de
Jesus Cristo. Eis os grandes homens que hão de vir, suscitados por Maria, em
obediência às ordens do Altíssimo, para que seu império se estenda sobre o
império dos ímpios, dos idólatras e dos maometanos. Quando e como
acontecerá? Só Deus o sabe!... Quanto a nós, cumpre calar, orar, suspirar e
esperar: ‘Expectans exspectavi’ (Sl 39,2)”.
Ana Catalina Emmerich (1774†1824):
“Então eu vi um grupo de homens caminhando de uma distância que
parecia por um campo. Um deles levantou-se acima de todos. Eles eram de
pelo menos uma centena. Eu me perguntava se era o lugar onde o Senhor
alimentou a sete mil homens. O Senhor veio a mim com todos os seus
discípulos e escolheu doze deles. Olhando-os, vi um e outro, reconheci todos
eles os velhos cheios de simplicidades e jovens robustos com pele bronzeada.
Eu vi como o Senhor mandou longe em todas as direções, e seguiu-os
com o olhar em suas distantes caminhadas por entre as nações. E como eu
disse, 'oh! O que pode um número tão pequeno de homens entre as
incontáveis multidões?’ O Senhor me falou: ‘Sua voz é ouvida à distância em
todos os lados. Até agora, no entanto, várias são enviados, quaisquer que
sejam, homens e mulheres, pode fazer o mesmo’. Ver a salvação que estes
doze homens que olham sempre como novos apóstolos fizeram, eu entrego-lhe
o tempo para contribuir também, mas permanecem obscuros e desprezado”
(AA.II.128).
Ana Catalina Emmerich (1774†1824) - A Guerra Espiritual:
“Vi que os apóstolos foram enviados à maior parte da Terra para abater,
por todas as partes, o poder de Satã, e que as regiões onde operaram com
bênçãos eram as que tinham sido mais fortemente envenenadas pelo inimigo.
Estes deviam ser somente abençoados para o porvir, e permanecem baldios
com o fim de que, semeados de novo, levem frutos em abundância quando os
demais se tenham ficado sem bases” (AA.II.340). Durante esse tempo vi,
todavia, em meio a desastres, os doze homens (os apóstolos dos últimos
tempos) que já narrei, dispersos em diversos lugares sem saber nada uns dos
outros, receberem raios de água viva (que abundam da Montanha dos
Profetas). Vi que todos tinham o mesmo trabalho em diversos cantos; que não
sabiam de onde se havia pedido que o executassem, e quando algo se
concluía, lhes eram mostradas outras para que se fizesse. Eram sempre em
doze, onde ninguém tinha mais de quarenta anos. Não havia nada de notável
na sua roupa, mas todos estavam vestidos à maneira de seu país: Eu vi que
todos recebiam de Deus o que se tinha perdido, e que operavam o bem por
todos os lados; eram todos católicos. Vi também, nos tenebrosos destruidores,
falsos profetas e gente que trabalhava contra os escritos dos doze novos
apóstolos. Como as forças dos que combatiam ao redor do tenebroso abismo
se iam debilitando cada vez mais, e como durante o combate toda uma cidade
se tinha desaparecido, os doze homens apostólicos ganhavam, sem cessar,
um grande número de aderentes, e da outra cidade partiam como um cone
luminoso que entrava no círculo sombrio” (AA.III.159).
Ana Catharina Emmerich (Páscoa de 1820):
“Enquanto as fileiras dos que combatiam cada vez mais se iluminavam
ao redor daquele abismo escuro, no meio do combate desapareceu toda uma
cidade, aqueles doze homens apóstolos aumentaram muito o número dos que
brigavam a seu lado e desde a outra cidade (a verdadeira cidade de Deus,
Roma) saiu um raio de luz que penetrou no escuro circulo. Vi por acima da
igreja, humilhada e menosprezada, uma formosíssima Senhora com um manto
azul celeste totalmente estendido e com uma coroa de estrelas na cabeça.
Dela procedia a luz que penetrava cada vez mais na escuridão, e até aonde
chegava essa luz, tudo era renovado e tudo voltava a prosperar. Os novos
apóstolos entraram todos naquela luz. Eu acredito ter visto a mim mesma com
outros a quem conhecia, que estávamos diante no alto. Numa grande cidade vi
uma igreja, a menor entre todas, que chegava a ser a primeira. Os novos
apóstolos foram alumiados pela luz. Creio ter visto com eles à cabeça, a outros
que não conheço. Tudo voltou a florescer de novo. Vi um novo Papa muito
severo. O abismo se fazia cada vez mais estreito: fez-se tão pequeno que
podia ser coberto com um balde de água. Finalmente vi três exércitos ou
comunidades que se uniam à luz. Tinha entre eles pessoas boas e ilustradas,
as quais entraram na igreja. Tudo se tinha renovado e estava florescente. Vi
que se edificaram igrejas e mosteiros” (AA.III.161).
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (08/12/1994), pág. 911-912:
“Eu sou a Mãe da segunda evangelização. A minha tarefa é a de formar
os apóstolos da segunda evangelização. Nestes anos, Eu vos formei com
particular solicitude, e através do dom da minha palavra, para ser os apóstolos
destes últimos tempos. Apóstolos dos últimos tempos, porque deveis anunciar
a todos, até os extremos confins da terra, o Evangelho de Jesus nestes dias de
grande apostasia. Difundi na grande treva, que desceu sobre o mundo, a Luz
de Cristo e da sua divina Verdade. Apóstolos dos últimos tempos, porque
deveis dar a todos a própria vida de Deus, por meio da graça, que vos foi
comunicada com os Sacramentos, dos quais sois os ministros. E assim difundis
o perfume da pureza e da santidade, nestes tempos de grande perversão.
Apóstolos dos últimos tempos, porque sois chamados a levar o orvalho
do amor misericordioso de Jesus, num mundo que se tornou árido pela
incapacidade de amar e ameaçado sempre mais pelo ódio, pela violência e
pela guerra. Apóstolos dos últimos tempos, porque deveis anunciar o retorno
próximo de Jesus na glória, que introduzirá a humanidade nos tempos novos,
em que finalmente, serão vistos novos céus e nova terra. Proclamai a todos o
seu retorno próximo: Maranathá: Vem Senhor Jesus”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (28/08/1994), pág. 894-896:
“Oh, nos vossos dias, como são belos os pés daqueles que anunciam a
paz, daqueles que difundem a boa noticia da salvação e do triunfo da divina
misericórdia! Sede vós estes anunciadores da paz. Sede vós hoje sentinelas
vigilantes sobre os montes da confiança e da esperança. Sede sentinelas
vigilantes no tempo obscuro da infidelidade e da apostasia. Assim difundireis,
em torno de vós, a luz vivíssima do Evangelho, dareis a todos a força da
Palavra de Deus e indicareis o caminho a percorrer para permanecer sempre
na Verdade. O mundo todo espera, com ardente esperança, o vosso anúncio.
Vós sois os apóstolos desta segunda evangelização. Pregai a todas as gentes
que Jesus Cristo é o Único Senhor, o vosso Salvador e Redentor e que já está
por retornar a vós no esplendor da sua glória. Sede sentinelas vigilantes que
traçam o caminho do retorno ao Deus da paz e da vida, do amor e da alegria...
Por meio de vós poderá voltar ao mundo a luz da bondade e do amor, da
fraternidade e da paz, da confiança e da alegria. Sede sentinelas vigilantes que
anunciam já iminente o grande dia do Senhor. Daí a todos esse anúncio para
abrir os corações à esperança, para que no vosso tempo se cumpra o segundo
advento e todos se preparem para receber o orvalho celeste da divina
misericórdia, que já está para derramar-se sobre o mundo inteiro...”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (30/06/1994), pág. 890-891:
“Sede vós os apóstolos desta segunda evangelização, tão pedido pelo
meu Papa; assim, por meio de vós, o meu Coração Imaculado Triunfará... Sede
vós os instrumentos da renovação interior de toda a Igreja, vós que sois
chamados a ser o coração novo da nova Igreja purificada, iluminada e
santificada e de amor... Ide procurar as ovelhas perdidas por todas as estradas
do mundo. convertei os pecadores, sustentai os indecisos, conduz os perdidos,
curai os doentes, confortai os moribundos: a todos daí graça e o amor, a
salvação e a vida que meu Filho Jesus vós doou com a sua Paixão e Morte
sobre a Cruz. Então vos tornais instrumentos de salvação para todos, nestes
últimos tempos, em que tudo se deve cumprir daquilo que Eu vos predisse.
Assim, por meio de vós, no final o meu Coração Imaculado Triunfará”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (11/06/1994), pág. 887-888:
“No meu Coração Imaculado sereis formados para a perfeita glória do
Senhor, através do vosso empenho de vida oferecida à Ele, no cumprimento do
Divino Querer e na observância da Sua Lei. É o vosso refúgio, no qual sois
defendido do mau influxo que tem sobre vós este mundo materialista e todo
inclinado à exasperada busca do prazer. No meu Coração Imaculado sereis
formados na renuncia e na mortificação, na oração e na penitência, na pobreza
e na perfeita do amor. Assim provais a alegria de caminhar pela estrada que
Jesus vos traçou, em espírito de liberdade, de corresponder ao grande dom
que Ele vos fez... O meu Coração Imaculado é o vosso refúgio, no qual Eu vos
recolho, como em um novo Cenáculo espiritual, para vos obter o dom do
Espírito Santo, que vos transforme em apóstolos da segunda evangelização.
Sede apóstolos desta minha Obra em toda a Sardenha. Sai deste
Cenáculo e ide a toda a parte procurar os meus filhos, que se perderam pela
estrada do pecado e do mal, da incredulidade e do prazer, da impureza e da
droga. Levai-os todos para dentro do próprio refúgio que Eu preparei para vós.
Eu estou convosco e vos ilumino o caminho que deveis percorrer”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (22/02/1994), pág. 870-871:
Obtenho-vos o dom do Espírito Santo, que desce sobre vós para
confirmar-vos no vosso ministério sacerdotal e vos tornar apóstolos da segunda
evangelização. Sobre a rocha da fé apostólica seja fundada a vossa pregação,
para tornar-vos corajosas testemunhas de fé, nestes tempos da grande
apostasia... Sede ministros fiéis do Evangelho de Cristo, com o proclamar
todas as verdades da fé católica e assim sereis luz acesa sobre o candelabro,
tochas ardentes colocadas sobre os montes para iluminar estes tempos de
grande escuridão. Sobre a rocha da fé apostólica seja baseado o vosso
testemunho de unidade e de comunhão eclesial... Sede hoje testemunhas de
amor e de unidade ao Papa. Levai o rebanho que vos foi confiado a esta
unidade, a fim de que, se torne logo um só ovil sob um só Pastor”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (02/02/1994), pág. 864-865:
“Em vós, o Pai deve ser glorificado no perfeito cumprimento do seu
divino Querer; em vós, o Filho quer ser revivido, de modo que vos torneis os
instrumentos da sua divina misericórdia em vós, o Espírito Santo opera, com a
força do seu Amor, para tornar-vos capazes de transformar os corações e as
almas. Assim, nestes últimos tempos, tornai-vos luz, para quem caminha nas
trevas; vida, para quem jaz sob o jugo do pecado e da morte, amor, para quem
está consumado pela violência e pelo ódio; conforto, para quem está
esmagado pelo padecer; bálsamo, para as feridas dos pobres e dos doentes;
forças, para a fraqueza dos pequenos e dos oprimidos. Deste modo podeis
comunicar a todos o dom da minha confiança... Sede vós a mão delicada e
misericordiosa da vossa Mãe Celeste que se inclina para derramar bálsamo
nas feridas dos pecadores, dos afastados, dos pobres, dos marginalizados, dos
oprimidos e dos abandonados. Então vós mesmos vos tornais o dom da minha
confiança, para a Igreja destes vossos tempos”.

Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (01/07/1993), pág. 837-839:


“A missão que vos confio é a de ir a toda parte a levar a luz da Verdade,
nestes tempos em que a treva do erro, se difundiu por toda a parte... Sede vós
a luz acesa na noite, sede os apóstolos fiéis do Evangelho, que deve ser por
vós vivido e anunciado à letra... Então, nestes dias a vossa luz resplandecerá
diante dos homens, que glorificarão o vosso Pai Celeste; indicareis o caminho
a percorrer nesta nova evangelização, e vos tornareis os apóstolos destes
últimos tempos. A missão que vos confio é a de ir a toda parte para levar a
salvação de Cristo, para uma humanidade que voltou a ser pagã, depois de
quase 2.000 mil anos do primeiro anuncio do Evangelho. Daí ai mundo de hoje
Jesus, o único Redentor, o único Salvador... A missão que vos confio é a de ir
a toda parte levando o fogo do amor, em uma humanidade tornava árida pelo
egoísmo, obscurecida pelo ódio, ferida pela violência, ameaçada pela guerra...
Sustentai os fracos; reforçai os tímidos; convertei os pecadores; levai para a
casa do Pai os afastados, curai os doentes; confortai os moribundos; a todos
daí o orvalho celeste do meu amor materno e misericordioso... Por isso a
missão que vos confio é a de ir em toda parte a levar a luz da Verdade, a
salvação de Jesus, a ternura do meu amor materno Assim vós vos tornais os
instrumentos do triunfo do meu Coração Imaculado do mundo”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (02/02/1993), pág 818:
“No templo do meu Coração Imaculado, vos formo para o maior
esplendor da Igreja, novo Israel de Deus... Assim, vos conduzo ao heróico
testemunho a Cristo e ao seu Evangelho, fazendo-vos anunciadores corajosos
de todas as verdades da fé Católica, de modo a iluminar com a vossa luz a
treva profunda destes tempos de grande apostasia. Por meio de vós a Igreja
será sempre mais iluminada e reencontrará confiança e força, para que possa
cumprir a missão da segunda evangelização à qual é fortemente chamada pelo
Espírito”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (15/08/1992), pág. 784-785:
“Levai por toda parte o bálsamo do meu materno conforto. Difundi a
minha luz na profunda treva que vos envolve. Vos sois os raios do meu
esplendor. Por meio de vós quero que esses raios se difundam por toda a parte
e desçam, como orvalho celeste, sobre a minha Igreja, que vive a hora de sua
paixão dolorosa... Fazei descer em toda parte os raios da minha glória, vós que
sois as estrelas brilhantes do meu manto luminoso e materno. Assim formais a
nova Igreja; recolheis de toda parte os meus filhos chamados a fazer parte do
pequeno resto fiel; abreviais o tempo da vossa duríssima escravidão; preparais
os corações e as almas para receber o Senhor que vem. Neste dia , em que o
Paraíso se une à Terra, Eu vos confirmo no meu desígnio; acolho-vos no íntimo
do meu Coração Imaculado; conduzo-vos com firmeza pela estrada da vossa
libertação para chegar finalmente aos novos céus e à nova terra”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (01/07/1992), pág. 782-784:
“E ide a toda parte do mundo procurar os meus pobres filhos que se
perderam e trazei-os todos ao aprisco seguro do meu Coração Imaculado.
Tomai pela mão as criancinhas, expostas a tantos perigos e vitimas das ciladas
traiçoeiras do meu adversário; daí força e coragem aos jovens; para subtraí-los
as fáceis seduções dos prazer e da impureza; sede sustentáculo às famílias,
para que vivam na santidade e no amor, sempre abertas ao dom da vida e
assim preservadas dos grandes males do divorcio e do aborto; trazei de volta à
casa do Pai Celeste tantos do filhos meus pecadores; daí ajuda aos fracos,
conforto aos doentes, esperança aos desesperados... Não julgueis ninguém.
Amai a todos com a ternura do meu Coração de Mãe. Assim vos tornais os
instrumentos preciosos do triunfo do meu Coração Imaculado no mundo. assim
formais o coração novo da Igreja, que Eu estou preparando no jardim celeste
do meu Coração Imaculado... assim cooperais cada dia para a realização do
meu grande desígnio de salvação e de misericórdia. Renovados pelo Espírito
Santo, como os apóstolos corajosos da segunda evangelização à qual vos
chamo”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (27/03/1992), pág 770-772:
Chegou o momento do vosso testemunho público. Mostrai-vos a todos
como os meus pequenos filhos, como os apóstolos, formados por Mim para a
grande tarefa da nova evangelização que vos espera... Eu confio a cada um de
vós o meu materno mandato: Ide e evangelizai. Ide a toda parte desta tão
grande nação. Ide a todo lugar, mesmo os mais longínquos e perdidos. Ide a
todos os meus filhos, especialmente os mais afastados, os pecadores, os
pobres, aqueles que são vitimas do mal, do vicio, do egoísmo, do ódio, da
impureza. Ide a toda criatura, com a força que vos é dada por essa minha
materna missão. Ide como apóstolos da segunda evangelização, à qual
fortemente vos chama...evangelizai-a (humanidade), pregando a urgente
necessidade da conversão e do seu retorno ao Senhor. Sejam destruídos os
ídolos que ela construiu com as suas próprias mãos: o prazer, o dinheiro, o
orgulho, a impureza, o ateísmo, o egoísmo desenfreado, o ódio e a violência. E
retorne ao seu Deus pela estrada da penitencia, da renuncia a satanás e as
suas seduções, ao pecado e a toda forma de mal. Então florescerão no seu
caminho a graça e a santidade, a pureza e o amor, a conversão e a paz. A
Igreja volte a crer no Evangelho de Jesus. O Evangelho de Jesus, pregado e
vivido à letra, torne-se a única luz que a guie no seu caminho terreno. Então a
Igreja voltará a ser humilde, santa, bela, pobre, evangélica, sem mancha e sem
ruga à Imitação de sua Mãe Celeste, que a conduz cada dia para a sua maior4
renovação. Evangelizai todos os homens, pregando o Reino de Deus está
próximo. Aproxima-se o momento da segunda vinda de Jesus, do retorno de
Cristo na glória, para instaurar entre vós o seu Reino de graça, de santidade,
de justiça, de amor e de paz. Anunciai a todos este seu glorioso retorno, para
que floresça sobre o mundo a esperança, e os corações dos homens se abram
para recebê-lo. Escancarai as portas a Jesus Cristo que vem. Sai... como os
apóstolos desta segunda evangelização. Não temais. Eu estou sempre
convosco e vos conduzo por este caminho luminoso”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (01/01/1992), pág 763:
“Hoje vos anuncio que a vossa libertação está próxima. Sai do vosso
escondimento, meus filhos prediletos e ide a toda parte a iluminar a terra só
com a luz de Cristo. Os vossos tempos chegaram. Não temais se sois
desconhecidos para o mundo, se sois desprezados, marginalizados e
perseguidos. Eu estou sempre convosco. Mostrai-vos a todos como os meus
filhos prediletos, os meus consagrados, os apóstolos destes últimos tempos
que Eu, já há vinte anos, estou formando..., caminhai pela estrada do desprezo
do mundo e de vós mesmos, da humildade e da pequenez, do amor e da
pureza. Assim vos torneis os bons Samaritanos para a Igreja de hoje, tão
sofredora. Amai sempre, não julgueis ninguém. Ajudai a todos com a ternura do
vosso amor sacerdotal. Sede unidos ao Papa para sustentá-lo em levar sua
grande cruz para o calvário. Caminhai para todas as estradas do mundo, à
procura dos meus pobres filhos extraviados”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (27/02/1992), pág 769:
“Eu sou Mãe de à evangelização. Eu vos guio como estrela pelo
caminho luminoso da fidelidade a Cristo e ao seu Evangelho. É preciso que
volteis a crer no Evangelho de Jesus. Deveis anuncia-lo a todos na força de
sua integridade. Pregai-o com a mesma clareza com que meu Filho Jesus vo-lo
anunciou. Meu dever materno é o de formar em vós os apóstolos da segunda
evangelização. Convido-vos, filhos prediletos, a consagrar-vos todos ao meu
Coração Imaculado, para serdes formados e guiados por Mim nesta vossa
importante missão. Movidos pela força do Espírito Santo, que a vossa Mãe
Celeste vos obtém, ide e pregai a toda criatura: convertei-vos; crede no
Evangelho; o Reino de Deus está próximo”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (16/10/1991), pág 752-753:
“Quero fazer de vós os instrumentos da minha ternura materna; os
apóstolos do meu triunfo; o dom que Eu faço a Igreja nestes tempos da sua
purificação e da sua grande tribulação. E antes de tudo, um dom de amor e de
misericórdia...E também um dom de consolação e de esperança. Através de
vós, a Igreja sentirá de uma maneira sempre mais forte, a presença da Mãe
Celeste. E a presença da Mãe trará à Igreja a graça de sua total renovação,
fazendo-a finalmente sair da longa noite em que se encontra, em direção ao
dias luminosos dos tempos novos que estão para chegar. Assim a Igreja será
consolada ao ver em toda parte reflorescer a fé, renovar-se a esperança,
dilatar-se a caridade e difundir-se uma grande santidade... Através de vós,
meus filhos prediletos, deve chegar a todos eles a minha ajuda de Mãe
carinhosa e preocupada, para levá-lo à salvação. Recolhei com as vossas
mãos sacerdotais estes meus filhos caídos, perdidos e dispersos e levai-os
todos para dentro do maternal aprisco do meu Coração Imaculado. Sede luz e
segurança para todos aqueles que fazem parte de outras confissões cristã e
indicai a porta em que devem entrar, para realizarem a vontade de meu Filho
Jesus. A Igreja santa e católica, que tem o Papa como fundamento e guia
seguro. Confirmo-vos que, depois do Triunfo do meu Coração Imaculado
nestes vossos Países só restará esta verdadeira e única Igreja”.
Pe. Stefano Gobbi, M.S.M (8 Junho 1991- Dongo, pág 737-739):
“Agora ele deve aparecer à Igreja e à humanidade em todo o seu
esplendor, porque estes são os tempos da vossa maturidade e do vosso
testemunho público. Mostrai-vos a todos como os meus consagrados, como
Apóstolos dos Últimos Tempos, deveis anunciar com coragem todas as
verdades da fé Católica, proclamar com força o Evangelho, desmascarar com
decisão as perigosas heresias, que se travestem de verdade para melhor
enganar as mentes e assim afastar um grande numero de meus filhos da
verdadeira fé. Como Apóstolos dos últimos tempos, deveis opor-vos com o
poder dos pequenos à soberba força dos grandes e dos doutos que, seduzidos
por uma falsa ciência e pela vaidade, despedaçaram o Evangelho de Jesus,
propondo para ele uma interpretação racional, humana e totalmente errada...
Como Apóstolos dos últimos tempos, deveis seguir Jesus pela estrada do
desprezo do mundo e de vós mesmos, da humildade, da oração, da pobreza,
do silêncio, da mortificação, da caridade, de uma união mais profunda com
Deus. Sois desconhecidos e desprezados pelo mundo e pelos que vos
circundam, frequentemente sois obstaculizados, marginalizados e perseguidos.
Porque este sofrimento é necessário à fecundidade da vossa própria missão.
Como Apóstolos dos Últimos Tempos, deveis agora iluminar a terra com a luz
de Cristo... A fé seja a luz que vos ilumine, nestes dias de apostasia e de
grande escuridão, e somente vos consuma o zelo pela Glória de meu Filho
Jesus, nestes tempos de uma tão vasta infidelidade. Como Apóstolos dos
Últimos Tempos, cabe a vós a tarefa de realizar a segunda evangelização, tão
pedida pelo meu Papa João Paulo II. Evangelizai a Igreja, quase afastou do
Espírito Santo e se deixou seduzir pelo espírito do mundo, que nela penetrou
profundamente, que retornou ao paganismo depois de quase dois mil anos do
primeiro anúncio do Evangelho. Evangelizai os homens que se tornaram
vitimas dos erros, do mal, do pecado e se deixam arrastar pelo vento
impetuoso de todas as falsas ideologias. Evangelizai os povos e as nações da
terra, emersas na treva da negação prática de Deus, enquanto se prostram ao
culto do prazer, do dinheiro, da força, do orgulho, da impureza. Chegaram os
vossos tempos e Eu vos formei nestes anos para que possais dar agora o
vosso forte testemunho de discípulos, fieis a Jesus, ate o derramamento do
vosso próprio sangue. Quando, de toda parte da terra, todos vós minhas
pequenas crianças, dareis estes testemunho de Apóstolos dos últimos tempos
então o meu Coração Imaculado terá o seu maior triunfo”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (15/11/1990), pág. 708: “Deveis ser
os apóstolos destes últimos tempos. Ide a toda parte e proclamai, com força e
coragem, o Evangelho de Jesus. Caminhai sobre a estrada do desprezo do
mundo e de vós mesmos. Iluminai a terra, nestes tempos de grande escuridão.
Fazei descer sobre o mundo os raios de luz da vossa fé, do vossa santidade e
do vosso amor. Fostes escolhidos para combater com coragem contra a força
daquele que se opõe a Cristo, para obter, por fim, a minha maior vitória... Eu
operarei prodígios em vós, para que todos possam ver a minha luz e sentir a
minha presença Materna”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (28/06/1990), pág. 694: “Parti agora
como os corajosos apóstolos destes últimos tempos e ide a toda parte da terra
para levar a luz de Cristo, nestes tempos de escuridão, e o orvalho de seu
divino amor, nestes dias de grande aridez. Assim preparais os corações e as
almas para receber com alegria o Cristo que vem”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (08/12/1989), pág. 667: “Então as
estrelas em torno da minha cabeça indicam aqueles que se consagram ao meu
Coração Imaculado, fazem parte do meu exercito vitorioso, deixam-se guiar por
mim para combater esta batalha e para no final obter a nossa maior vitória.
Desta forma todos os meus prediletos e filhos consagrados ao meu Coração
Imaculado, chamados a serem hoje os apóstolos dos últimos tempos são as
estrelas mais luminosas da minha coroa real. As doze estrelas que formam a
coroa luminosa da minha materna realeza, são constituídas pelas doze tribos
de Israel, pelos apóstolos e pelos apóstolos dos últimos tempos..., que
difundem, em toda a parte do mundo, a luz, a graça, a santidade, a beleza, e a
glória da vossa Mãe Celeste”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (14/11/1980), pág 277-278: “A
Igreja assim retoma vigor, confiança e novo empenho para a evangelização e a
salvação de todos os povos. Vê esta imensa nação e o numero interminável de
filhos meus, que ainda não conhecem Jesus e andam nas trevas, na
expectativa de que também para eles brilhe a luz da verdade e da graça. Este
é o tempo em que o Evangelho da Salvação deve ser pregado a toda criatura,
como Jesus vô-lo ensinou, como o Espírito Santo o doou à Igreja. O Evangelho
deve ser hoje conservado ao pé da letra. O Evangelho deve ser vivido hoje
literalmente. O Evangelho deve ser pregado hoje sem restrições... Vivei no meu
Coração Imaculado e doai Jesus a todos os povos da terra. Em breve se
realizará o desejo mais intimo de meu Filho, e de toda a parte, dos cincos
continentes, sob a Minha guia, todos acorrerão para começar a fazer parte de
um só rebanho sob um só Pastor”.
II São Pedro 3, 10-13:
«Naquele dia os céus passarão com ruído, os elementos abrasados se
dissolverão, e será consumida a terra com todas as obras que ela contém.
Uma vez que todas estas coisas se hão de desagregar, considerai qual deve
ser a santidade de vossa vida e de vossa piedade, enquanto esperais e
apressais o dia de Deus, esse dia em que se hão de dissolver os céus
inflamados e se hão de fundir os elementos abrasados! Nós, porém, segundo
sua promessa, esperamos novos céus e uma nova terra, nos quais habitará a
justiça».
“O segundo Pentecostes virá como um rio de graça e de misericórdia
que purificará a Igreja, torná-la-á pobre e casta, humilde e forte, sem mancha e
sem ruga, toda bela, à imitação de vossa Mãe Celeste. Estais aqui para serdes
formados por Mim, para que vos torneis o coração novo desta Igreja toda
renovada pelo Espírito... O segundo Pentecostes virá como orvalho sobre o
mundo e transformará o deserto num jardim; no qual a humanidade correrá,
como esposa, ao encontro do seu Senhor, num renovado pacto de amor com
Ele. Assim a SSma. Trindade receberá a sua grande glória e Jesus instaurará o
seu glorioso reino de amor entre vós”.
(Pe. Stefano Gobbi, MSM 15 Edição, pág. 693)
E de fato como será a causa da maior consolação, que alegria quando
todas as moléstias dos povos todos estiverem sido curadas na terra, e,
sobretudo, de forma especial, quando a Igreja triunfante totalmente renovada
voltar à fé de Cristo, a partir de então, as famílias das nações estarão muito
unidas e animadas, todas de um só e do mesmo verdadeiro espírito cristão e
se amarão de uma vez por todas com um grande jubileu universal, não só da
Igreja, mas do mundo inteiro.
Vassula Ryden,Vol. III, pág. 90:
“Hoje, a Minha Igreja jaz em ruínas e numa terrível desordem; mas bem
depressa virão dias em que todo o homem cumprirá a Minha Lei, para que
desabrochem as Sementes do Amor que agora estou a semear no seu
coração. Acolherão a Minha Lei no mais íntimo do seu coração [...] Sim, os
muros do Meu Santuário serão reconstruídos, pedaço a pedaço, pedra a pedra:
tudo será reconstruído pelas Minhas próprias Mãos [...] O Amor viverá no meio
de vós e eu estarei rodeado pelos Meus, que Me louvam, Me glorificam, todos
unidos sob o Meu Santo Nome; e a rebelião cessará e chegará ao seu fim.
Desejo libertar-vos das mãos do Maligno, fortificando-vos na Minha Luz”.
Bem-aventurado Amadio (século XII):
"Então, Deus abaixará suas cabeças e os abaterá, a fim de que o
Oriente e o Ocidente compreendam que a mão deste mesmo Deus realizou
esta obra. Todas as nações infiéis se converterão à verdadeira fé e obedecerão
a este pastor como a seu pai (...) e haverá um rebanho e um só pastor”.
Benjamin Solari Parravicini (1898-1972):
“Novo coração. A Igreja será renovada totalmente da discórdia.
Terminado o ruído do acusador, a redenção condenará a besta, que cairá [...]
Chega o terceiro milênio. Com ele, o renascer da verdade. Irmão, o terceiro
milênio chegará com o renascer do bem. Será em Cristo”.
A Vinda Intermédia de Jesus, autor - Monsenhor Aldo Gregori:
“Durante o milênio deverão desaparecer todos os males que afligiram a
Igreja e a humanidade pela ação instigadora de Satanás, como cismas e
heresias [...] o milênio deverá ser caracterizado por uma humanidade que
reconheça e ame o seu Criador [...] sobretudo por uma Igreja universalmente
unida, reconhecida como mestra de verdade [...]”.
Novas Revelações - Os Segredos de Dozulé, autor - Jean Stiegler, pág
208:
“Atrairei para a unidade da igreja a alma dos hereges e dos apóstatas.
São eles essencialmente os protestantes e numerosos ex-católicos me
rasgavam o corpo e o coração, ou seja, a minha Igreja. Quando voltarem à
unidade da Igreja, então cicatrizar-se-ão as minhas feridas. [...] A impiedade
revolucionária será aniquilada, e seu castigo será terrível! Mas que consolação,
que alegria para os verdadeiros fiéis da Igreja, um Concílio Geral o notificará. A
graça divina descerá sobre a humanidade e enfim um único rebanho com um
único pastor se reunirá sob o cajado do Papa em Roma”.
Quanto Falta Para o Fim - Edmundo Noro:
“A Unidade (da Igreja de Cristo) virá do Alto, porque como agora
acontece, todos vós estais divididos e não vivei minha imagem divina; não
obedeceis minha Lei; a vossa divisão contamina e propaga-se; a vossa divisão
permaneceria para sempre, se eu não lhe pusesse fim”.
Santa Catherine de Sienne (em 1380):
"(...) Deus purificará a Santa Igreja por um meio que foge à toda
previsão humana, e haverá uma reforma perfeita na Santa Igreja de Deus e
uma renovação muito feliz dos santos pastores que, quando penso, meu
coração estremece no Senhor. As nações estranhas à Igreja se converterão ao
verdadeiro Pastor”.
Irmã Rosa Colomba Asdente (1781-1847):
“Esta irmã profetizou dizendo que a Inglaterra, a Rússia e a Turquia
voltariam à Igreja Católica e o catolicismo refloresceria após a guerra”. O
mesmo foi predito por Benjamín Solari Parravicini (séc. XX): “Rússia verá a
Rússia e a descobrirá! Japão descobriu o Japão! Gritará o que encontrou!
China descobriu a China e ensinou o que encontrou”.
Ana Catalina Emmerich (1774†1824) – Retorno à unidade cristã:
“Aprecia-me ver descer do alto, luminosos jardins celestiais e unir-se
com lugares inflamados da terra e tudo ali submergir-se na luz primitiva. Os
inimigos, que tinham fugido do combate, não foram perseguidos, mas se
dispersaram. Mas vi que todos os assistentes, sacerdotes e laicos deviam pôr a
mão sobre uma passagem do livro dos evangelhos, e que sobre muitos deles
descia, como um sinal particular, uma luz que era transmitida pelos santos
apóstolos e santos bispos. Vi também que vários deles o faziam apenas de
maneira formal. Fora, ao redor da Igreja, vi chegarem muitos judeus que
queriam entrar, mas que não o podiam fazer ainda. Ao final, aqueles que não
tinham entrado no início, chegaram, formando uma multidão inumerável.
(AA.II.493) Muitos antigos dignitários eclesiásticos, tendo-se postos a serviço
dos maus bispos, haviam deixado no esquecimento os interesses da Igreja, e
passaram a se arrastar em muletas, como coxos e paralíticos; e foram levados
por dois guias, e receberam seu perdão. (AA.II.492) Neste dia Ana Catalina
teve uma longa conversa com dois de seus visitantes celestiais: São Francisco
de Salgues e São Francisco de Chantal. Eles diziam que a época atual era
muito triste, mas que após tantas tribulações, viria um tempo de paz no que a
religião retomaria seu império, e no que haveria entre os homens muita
cordialidade e caridade, e que, então, muitos conventos refloresceriam no real
sentido da palavra. Tive também uma visão deste tempo longínquo que não
posso descrever, mas vi sobre toda a Terra retirar-se a noite, e o amor
estender uma nova vida. Tive nesta ocasião visões de toda espécie sobre o
renascimento das ordens religiosas. (AA.II.440) O tempo do Anticristo não está
tão próximo como alguns pensam. Terá ainda precursores. Vi em duas cidades
a doutores da escola das quais sairiam tais precursores” (AA.II.441).
Vassula,Vol. VI, pág. 161-163:
“Depois de falar da apostasia e da grande tribulação, Jesus fala da sua
volta: ”Esse dia virá, e mais depressa do que pensais. Eu Mesmo realizarei
estas profecias, ainda na vossa vida .... Quando todas estas coisas tiverem
passado, Eu reerguerei o Meu Sacrifício Perpétuo, no Lugar Santo, tal como Eu
era, nos dias de outrora. Imediatamente depois, todas as nações e todos os
habitantes da terra Me adorarão e Me reconhecerão como Cordeiro Sacrifical,
no Sacrifício Perpétuo. O anátema será levantado e o Meu Sacrifício Perpétuo
estará de novo no Seu Lugar Santo. A partir de então não mais haverá noite,
porque a Minha presença brilhará em todos vós. Então, de novo, cada um virá
a beber o Meu Sangue e comer o Meu Corpo, reconhecendo o Meu Sacrifício.
Cada um, a uma só voz e num só coração, Me servirá dia e noite, no Meu
Santuário, e Eu derramarei a Minha Palavra em cada coração ... Eu prometo-
vos que nunca mais a terra cairá numa tal angústia. De novo, Eu Mesmo
derramarei sobre todos vós a Paz e a Segurança. E os olhos dos que vêem
jamais serão fechados e os ouvidos dos que ouvem estarão sempre atentos.
Escuta-Me, Minha filha; diz ao Meu povo que o vosso Salvador regressa e traz
Consigo o troféu da vitória; o Seu Nome: Fiel e Verídico, Senhor dos Senhores
e Rei dos Reis”.
Carta de Nostradamus a Henrique, Rei da França II (1º de março 1555):
“Em seguida sairá da haste há tanto estéril, e procederá do grau cinco,
para renovar toda a Igreja Cristã. E uma grande paz, a união e a concórdia
serão estabelecidas entre os povos dispersos e separados por poderes
diferentes. E será conhecida uma tal paz que aquele que erguer e colocar em
movimento a facção guerreira contra as diversas religiões será lançado nas
profundezas de uma prisão, e o país enraivecido será unificado, depois de se
juntar aos bons. [...] Depois desse tempo, que parecerá longo aos homens, a
face da Terra será renovada com a chegada do Reino de Saturno e do século
de Ouro. Deus Criador ordenará, ouvindo a aflição de seu povo, que Satanás
seja agrilhoado e atirado no abismo do Inferno, na fossa profunda: começará
então entre Deus e os homens uma paz universal e a Igreja de Jesus Cristo
será Libertado [...]”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (08/12/1993), pág. 855-856:
“Estes são anos nos quais estou formando para mim a nova Igreja e a
nova humanidade do jardim celeste do meu Coração Imaculado... E assim, no
jardim do meu Coração Imaculado, todos os dias formo para mim a nova Igreja,
santa, unida, fiel anunciadora do Evangelho, que dá o seu perfeito testemunho
a Jesus... No final a vitória será da vossa Ma~e Imaculada, que, com o seu pé
virginal, esmagará a cabeça da serpente e com as suas mãos amarrará o
grande dragão, para que assim fique impotente e não possa mais fazer mal no
mundo. E a humanidade e a Igreja conhecerão aquela nova era, que agora
aguardais na confiança e na oração, no sofrimento e na esperança. Por isso,
como aurora que surge, vereis a partir de hoje a minha luz tornar-se sempre
mais forte, até envolver toda a terra, pronta enfim para abrir-se ao seu novo
dia, que iniciará com o triunfo do meu Coração Imaculado no mundo”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 14º Edição (23/11/1993), pág. 853:
“Então sereis ministros fiéis do Evangelho e por meio de vós, a Igreja,
depois da dolorosa prova que agora esta vivendo, voltará a difundir em todo o
seu esplendor a Luz de Cristo e da sua Verdade”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 14º Edição (21/11/1993), pág. 852:
“O Reino Glorioso de Cristo coincidirá com o Triunfo de Reino
Eucarístico de Jesus. Por que, num mundo purificado e santificado,
completamente, renovado pelo amor, Jesus se manifestará sobre tudo no
mistério da sua presença eucarística. A Eucaristia desprenderá todo o seu
divino poder e se tornará o novo sol, que refletirá os seus raios luminosos nos
corações e nas almas e depois na vida de cada um, das famílias e dos povos,
com todos formando um único rebanho dócil e manso de quem Jesus será o
único Pastor”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (08/12/1992), pág. 804:
“A cidade santa deve também resplandecer na Igreja, purificada de toda
a sua humana fraqueza, libertada das manchas da infidelidade e da apostasia,
santificada pela sua paixão dolorosa e pela sua cruenta imolação. Então a
Igreja voltará a ser toda bela, sem mancha e sem ruga à imitação de vossa
Mãe Imaculada. Na Igreja purificada e completamente renovada,
resplandecerá, no seu grande poder, somente a luz de Cristo, que será por ela
difundida em toda parte da terra e, assim, todas as nações lhe acorrerão, para
a perfeita glorificação da Santíssima Trindade”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (18/04/1992), pág 778:
“Seja o sepulcro da vossa escravidão, onde morre a Igreja enferma e
dividida, invadida pelo espírito do mundo, obscurecida na sua fidelidade e na
sua santidade, agredida pela perda da fé e pela apostasia, e onde nasce a
Igreja nova, santa, fiel, iluminada, evangélica, pobre e casta, que reflete sobre
o mundo somente a luz do seu Cristo”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (16/10/1991), pág 751-753:
“Quero fazer de vis os instrumentos da minha ternura materna; os
apóstolos do meu triunfo; o dom que Eu faço à Igreja nestes tempos da sua
purificação e da sua grande tribulação... E também um dom de consolação e
de esperança. Através de vós, a Igreja sentirá de uma maneira sempre mais
forte, a presença da Mãe Celeste. E a presença da Mãe trará à Igreja a graça
de sua total renovação, fazendo-a finalmente sair da longa noite em que se
encontra, em direção ao dia luminoso dos tempos novos que estão para
chegar. Assim, a Igreja será consolada ao ver em toda parte reflorescer a fé,
renovar-se a esperança, dilatar-se a caridade e difundir-se uma grande
santidade... Sede luz e segurança para todos aqueles que fazem parte de
outras confissões cristã e indicai o porto em que devem entrar, para realizarem
a vontade de meu Filho Jesus: A Igreja santa e católica, que tem o Papa como
fundamento e guia seguro. Confirmo-vos que, depois do triunfo do meu
Coração Imaculado, nestes vossos Países, só restará esta verdadeira e única
Igreja”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (15/08/1990), pág. 694-695:
“Jesus está formando agora esta sua Igreja, por meio da poderosa ação
do Espírito Santo e no jardim do Coração Imaculado de vossa Mãe Celeste. E
a nova Igreja de luz, que tem um esplendor maior que mil sóis colocados
juntos. Ela é formada no coração dos simples, dos pequenos, dos puros, dos
pobres, daqueles que sabem acolher e seguir a Jesus com perfeita docilidade,
sem nenhum compromisso com o espírito do mundo”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (22/05/1983), pág. 352:
“Dai-nos, ó Espírito de Amor, uma Igreja fiel ao Evangelho, anunciadora
da verdade e resplandecente de grande santidade. Dai-nos, ó Espírito de
Amor, uma Igreja humilde, evangélica, pobre, casta e misericordiosa. Com o
vosso fogo divino, queimai o que nela há de imperfeito; tornai-a despojada de
tantos meios humanos de poder; libertai-a dos compromissos com o mundo em
que vive e que ela deve salvar; fazei com que saia completamente renovada de
sua purificação, sempre mais bela, sem mancha e sem ruga, à imitação de
Maria, sua Mãe Imaculada e vossa Amadíssima Esposa”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (30/05/1982), pág. 319-320:
“Desponde-vos a receber o fogo de Amor do Espírito Santo, que levará à
minha Igreja a viver o fausto momento do seu Pentecostes e renovará toda a
face da terra. Esta é a sua hora. É a hora do Espírito Santo, que do Pai, por
meio de Jesus, sempre mais vos é dado como dádiva, como sinal do amor
misericordioso de Deus que quer salvar esta humanidade. A obra da grande
purificação será completada dentro de pouco tempo pelo fogo do Espírito de
Amor. A Igreja espera, gemendo a sua misericordiosa obra de purificação. Por
meio de sofrimentos interiores, por meio de provações que hão de renovar para
ela as horas sangrentas da paixão, vividas por meu Filho Jesus, a Igreja será
conduzida ao seu divino esplendor. Será curada da chaga do erro, que se
difunde como um câncer tenebroso, ameaçando o deposito da Verdade. Será
curada da lepra do pecado, que lhe obscura a santidade. Será purificada de
todos aqueles elementos humanos, que a afastam do espírito do Evangelho.
Será despojada de seus bens terrenos e purificada de tantos meios de poder, a
fim de que volte a ser pobre, humilde, simples e casta. Será ainda crucificada
na pessoa dos seus pastores e do seu rebanho para que possa dar perfeito
testemunho do Evangelho de Jesus”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (07/06/1981), pág. 293:
“A Igreja deve ser renovada e transformada por este fogo divino...
Atualmente o mundo todo deve ser levado à plenitude da Verdade do
Evangelho de Jesus, à única Igreja desejada e fundada por Cristo, e isto se
realizará por obra do Espírito Santo. A Igreja deve abrir-se a essa divina Flama,
de modo que purificada esteja pronta para abraçar o esplendor do seu novo
Pentecostes, em preparação à segunda vinda gloriosa de Meu Filho Jesus”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (27/10/1980), pág. 275:
“Sou para vós a era da unidade. Quando Eu for acolhida em toda Igreja,
então, como Mãe, poderei reunir todos os meus filhinhos no calor de uma só
família. Por isso, a reunião de todos os cristãos na Igreja Católica coincidirá o
Triunfo do Meu Coração Imaculado no mundo. esta Igreja unificada, no
esplendor de todos os povos da terra. O mundo acreditará Naquele que o Pai
enviou, e será inteiramente renovado pelo Espírito de Amor (...)”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (13/05/1980), pág. 258:
“Na Igreja resplandecerá de novo plenamente a luz da verdade, da
fidelidade, da unidade. Meu Filho Jesus manisfestar-se-á plenamente, de sorte
que a Igreja se tornará luz para todas as nações da terra. Farei brilhar nas
almas a luz da graça. O Espírito Santo comunicar-se-lhes-á super
abundantemente para conduzi-las à perfeição do amor”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (13/10/1978), pág. 196-197:
“E assim, enquanto meu inimigo entenebrecia a Igreja, fazendo vítimas
mesmo entre seus muitos Pastores, Eu, no segredo do meu Coração,
preparava uma Igreja de luz. É a mesma Igreja, mas renovada, resplandecendo
nela a glória da SSma. Trindade; Igreja em que Jesus será por todos adorado e
honrado, ouvido e seguido. Ela resplandecerá com tal fulgor como jamais viu
desde o tempo do Cenáculo até está hora... Em breve nada restará da espessa
treva que escureceu a Igreja. Após o seu grande sofrimento estará finalmente
pronta para o seu renascimento; será de luz a nova Igreja (...)”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (05/08/1978), pág. 194:
“Já falta pouco tempo para a minha vitória completa, porque quando do
coração esta vida se espalhar por todas as partes do seu organismo, então a
Igreja inteira reflorescera. Sob a ação poderosa do Espírito de Deus, o seu
terreno abrirse-á à maior germinação e na Igreja dar-se-á tal esplendor como
jamais aconteceu. Tornar-se-á ela mesma luz para todas as nações da terra
que para ela se hão-de orientar para a glória de Deus”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (13/10/1977), pág. 167:
“Quis-vos assim indicar que a minha vitória consistirá, sobretudo, em
fazer resplandecer no mundo e na Igreja a luz. O mundo será de novo
iluminado porque se entregará toda à adoração e à glorificação de Deus. Na
igreja, dissipadas todas as trevas do erro, da infidelidade e do pecado que
agora a escurecem voltará a brilhar a luz da Verdade, da graça e da santidade.
Jesus resplandecerá tanto na vida da Igreja que ela mesma será a grande luz
para todas as nações da terra. Mas a maior vitória do Meu Coração Imaculado
de Mãe consistirá em fazer resplandecer Jesus em todas as almas dos meus
filhos”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (06/08/1977), pág. 163:
“Quando vos tornardes assim, toda a Igreja se transformará em meu
jardim, no qual a Santíssima trindade se refletira com complacência. O Pai
regozijar-se-á ao ver nela o fim da criação perfeitamente atingido. O Filho
permanecerá conosco, pois que o Reino do Pai já chegou ao meio de vós. O
Espírito Santo será a sua própria vida, no mundo reconsagrado à glória de
Deus. Será este o Triunfo do Meu Imaculado coração”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (28/12/1973), pág. 31:
“Então compreende, meu filho, quando Eu mesma farei para as almas
fiéis dos meus sacerdotes. Chamá-lo-ei, e eles responder-Me-ão. Cobri-Los-ei
com o meu manto Imaculado, e tornar-se-ão invencíveis. Jesus derramará
sobre eles o Espírito que encheu a Minha Alma, e serão transformados. Dar-
lhes-ei, como sabe fazer a Mãe, o meu Filho Jesus e a Ele só ouvirão, só a Ele
amarão, só a Ele anunciarão fielmente segundo o Evangelho. E por eles será
inteiramente renovada a minha Igreja”.

Isaías 65, 16-19:


«Aquele que desejar ser abençoado na terra, desejará sê-lo pelo Deus
fiel, e aquele que jurar na terra, jurará pelo Deus fiel, porque as desgraças de
outrora serão esquecidas, já não lhes volverão ao espírito. Pois eu vou criar
novos céus, e uma nova terra; o passado já não será lembrado, já não volverá
ao espírito, mas será experimentada a alegria e a felicidade eterna daquilo que
vou criar».
Santa Brígida, da Suécia, da Idade Média:
“40 anos antes do ano 2000, o demônio será deixado solto. Quando tudo
parecer perdido, Deus, mesmo de improviso, porá fim à maldade”.
Apocalipse Aramaico (4Q246):
"Um esmagará o outro e uma província esmagará a outra província até
que o povo de Deus se levante e todos descansem a espada. Seu reino será
eterno e todos os seus caminhos estarão na verdade. Eles julgarão a terra na
verdade e todos farão a paz. A espada será retirada da terra”.
Livro dos Mortos do Antigo Egito, capítulo LXIV:
"Quando cessarem os massacres, o sangue dos impuros esfriará e a
terra, novamente composta em sua plenitude, se cobrirá mais uma vez de
flores e de novos frutos. (...) Haverá uma maravilhosa harmonia nessa época
de renascer”.
O Livro do Mar Morto ou Triunfo da Retidão (1Q27):
"E eles (os ímpios) não conheceram o Mistério por vir e não
compreenderam as coisas passadas e não salvaram sua alma do Mistério por
vir. Mas isto é para vós o sinal que (estas coisas) se produzirão: quando serão
envolvidas as crianças na Perversidade, então a Impiedade se retirará diante
da Justiça, do mesmo modo que as trevas se retiram diante da luz; e assim
como a fumaça se desvanece e não existe mais, da mesma forma a Impiedade
se desvanecerá do mundo. E todos os que detêm os Mistérios de maravilhas
não existirão mais e o Conhecimento encherá o mundo e então a Loucura não
existirá nunca mais. Esta palavra é certa de se realizar e este oráculo
verdadeiro...". Esta é outra tradução para o mesmo texto: "(...) Eles não
conheceram o mistério futuro, nem entenderam as coisas do passado. Eles não
sabem o que lhes acontecerá, nem salvam sua alma do mistério do futuro. E
este será o sinal para vós de que estas coisas acontecerão: quando a raça da
iniqüidade se calar, a maldade então será banida pela retidão como a
escuridão é banida pela luz. (...) Todos os que aderem aos mistérios do pecado
não mais existirão e o conhecimento preencherá o mundo. Estas palavras com
certeza se tornarão realidade; esta profecia é verdadeira. (...) Não é verdadeiro
que todos os povos detestam a iniqüidade? Mesmo assim, todos a espalham."
Mirabilis Liber principais obras de Jean de Vatiguerro (século XVI):
“A terra, antes destruída por eles, será então pacificada. Os prisioneiros
que eles tinham feito reencontrarão sua pátria, e a população crescerá e se
multiplicará... A paz e a tranqüilidade renascerão sobre a terra, paz como
nunca houve, como nunca haverá: a felicidade e a alegria estarão em todos os
lugares. O mundo descansará de suas tribulações”.
Jacob Lorber:
“Ele diz que as catástrofes que se aproximam não destruirão a
civilização e a humanidade. Afirma que o mundo irá sobreviver e mesmo com a
morte de muitos os que restarem serão capazes de construir um mundo mais
equilibrado, mais fraterno, mais voltado aos eternos valores espirituais”.
Bejamin Solari Parravicini (1898-1972):
“Terminado o ruído do acusador, a redenção condenará a besta, que
cairá [...]. Chega o terceiro milênio. Com ele, o renascer da verdade. Irmãos, o
terceiro milênio chegará com o renascer do bem. Será em Cristo!”.
A Segunda Vinda de Jesus – Parusia, autor padre Léo Persch:
“E assim como outrora purificastes o templo de Jerusalém - uma casa de
oração para todos os povos - assim também agora purificai o templo da vossa
purificação: a terra inteira. Expulsai dela toda a malignidade, toda a impiedade
e profanação, e estabelecei nela o vosso Reino eterno de santidade e graça,
de verdade e vida, de justiça, de amor e de paz”.
“Tudo Vos Foi Revelado”, Romero Gomes (24/12/78):
“Assim como nasceu nesta noite, voltará Jesus na glória, antes de sua
vinda para o Juízo Final [...] Evidencia-se, então, que o fim dos tempos não
constitui o fim do mundo, mas a Segunda Vinda de Jesus é para fazer novas
todas às coisas (Apoc. 21,5)... Nesta Segunda Vinda, em contraponto à
condição de humildade, pobreza e obscuridade do seu nascimento, Jesus se
manifestará com todo o poder no Céu e na terra” (Dn7, 13-14).
Testemunhas da Cruz, Vol. 1, autor - “J.N.S.R.”, pág. 228:
“Eu elevarei a Minha descendência da Casa do Leste, para fazer
avançar a união e, por fim, todas as nações se reunirão sob um só Nome [...] a
minha verdade resplandecerá em pleno dia [...] Eu mesmo varrerei as rejeições
de toda a espécie que tem corrompido a Humanidade inteira”.
Beato João Paulo II - Roma, Itália - 28.02.97:
“Deve ser a celebração viva e um convite a olhar para o Segundo
Advento do nosso Salvador, momento em que se instaurará, de uma vez para
sempre, o seu Reino de justiça, de amor e de paz”.
Aparições em Porto Alegre -RS- no dia (05/04/1999) – Verônica Giuliani
RCCC, pág. 150:
“Quando Jesus retornar à terra, o mundo perverso deixará de existir. Ele
julgará a todos, para depois então governar com o seu Cetro divino. Uma
grande Luz iluminará o universo inteiro; a maldade secará em todos os
corações, para então brotar uma nova vida de harmonia e esplendor com o
Senhor Jesus Cristo”.
Nossa Senhora, nas suas Aparições em Jacareí -SP- no dia
(07/09/1997),pág. 525-526:
“Eu fui mandada aqui pelo meu Senhor, para dizer, queridos filhos, que
‘novos céus e nova terra’ estão perto de vocês! Não significa ‘fim do mundo’, o
meu Triunfo não é isto: - será um céu renovado, será uma terra renovada, terra
de paz, terra de amor e de esperança, onde eu trarei o Reino do meu filho
Jesus, e neste mundo não haverá mais pecado, não haverá mais violência, não
haverá mais ódio, nem sangue derramado... Nenhuma lágrima mais cairá dos
seus olhos, filhinhos, porque o meu coração terá Triunfado, e o meu coração
estará ‘Vivo’ nos seus corações... Quero queridos filhos, dizer, que aqui nesta
cidade, neste local de Aparição, ficará um ‘grande e poderoso sinal’ para
sempre!!! Mesmo depois do meu Triunfo, ele ficará aqui, diante de todos os
olhos dos que não quiseram atender a Mim; e também ficará como ‘prova’ da
Minha fidelidade a vocês, que se sacrificam e que gastam as suas forças por
Mim... O premio para aqueles que atenderem as minhas Mensagens é tão
grande, que vocês nem podem imaginar... Depois que o Filho de Deus foi dado
pelo céu à terra, não há outra graça maior que a humanidade receberá, e Eu
lhe digo: - no ano 2.000, quando todos os sinos tocarem anunciando o novo
milênio o meu Reino de Amor estará por todo o planeta, e meu inimigo não
mais haverá...”.
Nossa Senhora, nas suas Aparições em Jacareí -SP- no dia
(07/09/1997),
pág. 527: “Muitos dos que estão aqui, chegarão ao Dia de minhas Promessas
naquele Dia, lágrimas não mais haverão, lamentos não mais existirão...
Haverá sorrisos, haverá cantos, louvores e hosanas por toda a parte, e Eu
vos digo: - o Novo milênio que vem para vocês é o milênio da Santíssima
Trindade, porque Nós refletimos o nosso próprio Esplendor e glória nesta
humanidade... E então cada um de vós vereis o meu Espírito Santo Vivo e
Total em todos os corações, e vós vereis que nunca mais o meu inimigo virá
para molestar e para Mim ele tremerá, e todos os que ele roubou do meu
rebanho, ele Me devolverá, e mesmo aqueles que ele tirou a vida porque Me
serviram, ele se surpreenderá ao vê-los Comigo, brilhando como o sol! Os
meus Santos, os meus Mártires, todos vencedores ao meu lado... Se quereis
ser vencedores, meus filhos, ficai debaixo dos braços da Minha Mãe, porque
Ela já venceu...”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (07/06/1997): "Esta terra espera a
beleza, como vós também a desejais. É como a mãe ansiosa por dar à luz o
filho que nela palpita, porque a minha terra quer dar-vos o melhor de si, e vós
não a ouvis: ela grita o meu amor. Os vossos corações também vão gritar o
meu amor. Todos os seres passarão a ser belos... Ireis finalmente viver a
vida para a qual fostes criados”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (06/05/1997): "Deveis preparar-vos
para viver a transformação da vossa terra, que irá renascer. Ela vai tomar a
forma definitiva nas mãos do divino oleiro, para passar a ser a jóia de pureza
que abrigará os filhos santos de santidade de Deus... A vossa terra será
transformada, ela terá um novo nascimento divino. Hoje toda a criação chora
por não viver como Deus lhe ordenara. É necessário que este mundo seja
dado à luz uma vez mais por aquele que foi dado à luz neste mundo”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (11/03/1997): "Em breve estareis todos
reunidos. Em breve, os rios cantarão minha alegria. Aguardai o meu regresso,
muito próximo, porque, como vós, o Senhor anda impaciente para vos
estreitar ao seu coração. Sim, o tumor está em vias de rebentar e dói ainda,
mas não poderá resistir muito tempo... Toda a terra será curada para
sempre”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (01/04/1994), pág. 876-877: “A cruz
luminosa que se estenderá do Oriente ao Ocidente, e aparecerá no céu, será
o sinal do retorno de Jesus na glória. A cruz luminosa do patíbulo
transformar-se-á em trono do seu triunfo, porque Jesus virá sobre ela para
instaurar o seu Reino glorioso no mundo. A cruz luminosa, que aparecerá no
céu no fim da purificação e da grande tribulação, será a porta que abre o
longo e tenebroso sepulcro no qual jaz a humanidade, para conduzi-la ao
novo reino de vida, que Jesus trará com o seu glorioso retorno”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (01/01/1994), pág. 862-864: “Abri os
corações à esperança, porque estes são os anos em que se prepara o maior
triunfo de Deus com o retorno de Jesus Cristo na glória. A minha divina
maternidade se exercita hoje em preparar o caminho para o seu glorioso
retorno. Assim como fui a mãe humilde e pobre da sua primeira vinda,
também sou a mãe gloriosa e poderosa da sua segunda vinda entre vós. É
minha a tarefa de abrir a porta da nova era que vos espera. É minha a tarefa
de vos conduzir para os novos céus e a nova terra. É sobretudo tarefa
confiada à Mãe de Deus a de vencer satanás e todas as forças do mal, para
que Deus possa obter no mundo o seu maior triunfo... Então toda a
humanidade voltará a um novo casamento de amor com o seu Senhor, que a
tomará nos seus braços e a conduzirá ao paraíso terrestre de uma plena e
perfeita comunhão de vida com Ele... Eu sou aurora que precede o grande dia
do Senhor. Sou a voz que nestes tempos se torna forte, para difundir em
toda parte da terra o meu anúncio profético: - preparai-vos todos para
receber o meu filho Jesus, que está enfim retornando no meio de vós sobre
as nuvens do céu, no esplendor de sua glória divina”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (10/04/1993), pág 827-828: “Na luz do
seu Corpo Ressuscitado, Jesus Cristo difunde sobre o mundo e sobre todo o
universo o Esplendor do Pai, o reflexo da sua glória, a imagem da sua divina
substância. E a paz desce nas vossas almas, libertadas da escravidão de
satanás e do pecado; nos vossos corações, purificados pela força do seu
amor; nas vossas mentes, abertas ao dom da sua Palavra de vida; nos vossos
espíritos, sobre os quais pousa suavemente o seu próprio Espírito; sobre os
vossos olhos, chamados a refletir a sua vivíssima luz; sobre os vossos corpos,
chamados a conhecer a nova experiência da imortalidade divina... Em breve
também ela sairá deste seu imenso sepulcro, para viver a Páscoa dos tempos
novos, quando Jesus retornará na glória para instaurar o seu reino de amor e
de vida”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (02/02/1993), pág 817: “No templo do
meu Coração Imaculado, vos ofereço à glória perfeita da Santíssima e Divina
Trindade. Ofereço-vos à glória do Pai, que põem em vós a sua complacência,
e vos conduzo, em cada momento da vossa existência, a fazer com amor,
com docilidade, com filial abandono a sua Vontade divina. Assim, como no céu,
também sobre esta terra o Pai Celeste é glorificado e o Seu Nome é adorado
e santificado. Ofereço-vos à glória do Filho, que derrama sobre vos o rio da
sua divina misericórdia, para cancelar das vossas almas toda sombra de mal e
de pecado, imprime em vós a sua imagem de Filho Unigênito do Pai e vos
associa ao seu divino Esplendor, para assim tornar-vos mesmos luz para
revelação de todas as gentes. Por isso vos conduzo, com doce firmeza, pela
estrada da fé e da pureza, da esperança e da mortificação, do amor e de
uma sempre maior santidade. Ofereço-vos à glória do Espírito Santo, que se
doa à vós com inexaurível abundância, para conduzir-vos para dentro do
coração do seu próprio desígnio de amor ao Pai e ao Filho, para assim
tornarvos
testemunhas ardentes da caridade divina. Por isso vos obtenho os seus
sete santos dons que vos dão vigor e Constância, coragem e força, zelo e
perseverança em cumprir a missão que vos foi confiada”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (08/12/1992), pág. 803-805: “Sou,
portanto Mãe da humanidade. Faz parte do meu desígnio de nova Eva e da
minha missão de Mãe reconduzir toda a humanidade à plena comunhão de
vida com Deus, ajudando-a a nascer e a crescer na graça e na santidade. Por
isso, é, sobretudo meu o dever de afastar de vós, da Igreja e da humanidade
a sombra tenebrosa do pecado e do mal, para conduzir-vos todos À Cidade
Santa da pureza e do amor. A luz dessa Cidade Santa é o próprio esplendor
do Pai; o sol que a aquece é o Cordeiro Imolado, de cujo Coração saem raios
ardentes de fogo e de amor; a respiração é o sopro do Espírito Santo, que dá
a vida e move todas as criaturas para o seu canto de glória e de celestial
harmonias... Sois assim libertados da escravidão do pecado e reconduzidos
àquela experiência de graça, de pureza e de alegria que era a condição
habitual de vida de Adão, antes que sucumbisse à insídia da serpente e à sua
primeira queda. Então bebereis da fonte que brota do Paraíso; sereis
vencedores do mal e do maligno; entrareis na posse dos bens que o Senhor
vos preparou; tornar-vos-eis, vós mesmos, filhos do Altíssimo. ‘Deus, do seu
trono, disse: - Eis que faço novas todas as coisas. O que digo é verdadeiro e
digno de ser acreditado. Eu sou o Principio e o Fim, o Primeiro e o Último. A
quem tem sede eu darei gratuitamente da água da vida. Ao vencedor caberá
esta parte dos bens. Eu serei o seu Deus e eles serão os meus filhos... As
nações caminharão à suas luz e os reis da terra trar-lhe-ão a sua riqueza... A
Cidade Santa deve enfim recolher a humanidade redimida e salva, depois
que, por meio da purificação, da grande tribulação e do terrível castigo, tiver
sido completamente libertada da escravidão da satanás, do pecado e do
mal... Jesus retornará na glória, para reconduzir toda a criação ao pleno
esplendor do seu novo Paraíso terrestre. A cidade pecadora terá então
desaparecido e assim toda a criação abrir-se-á com alegria para acolher a
Cidade Santa, a nova Jerusalém, descida do céu, a morada habitual de Deus
entre os homens. Vi então um novo céu e uma nova terra, porque o céu e a
terra de antes desapareceram e o mar não mais existia”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (22/11/1992), pág. 801: “Jesus Cristo é
Rei, porque faz parte da sua divina missão reconduzir o universo criado à
perfeita glorificação do Pai. Purificando-o com o fogo abrasador do Espírito
Santo, de modo que seja completamente libertado de todo espírito do mal, de
toda sombra de pecado, e assim possa abrir-se ao encontro de um novo
Paraíso terrestre. Então o Pai será glorificado e o seu nome será santificado
em toda a criação. Nessa criação, renovada por uma perfeita comunhão de
vida com o Pai, Jesus Cristo instaurará o seu Reino de glória, para que a obra
da sua divina Redenção possa ter o seu perfeito cumprimento. O Espírito
Santo abrirá os corações e as mentes, a fim de que todos possam cumprir o
querer do Pai e do Filho e assim, como no céu, também seja perfeitamente
realizada a Divina Vontade. Para chegar a estes novos céus e nova terra”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (02/10/1992), pág. 790-791: “O anuncio
dos três anjos seja por vós esperado com confiança, acolhido com alegria e
seguido com amor. A vossa libertação coincidirá com o fim da iniqüidade, com
a completa libertação de toda a criação da escravidão do pecado e do mal. O
que acontecerá será uma coisa tão grande, que jamais houve desde o
principio do mundo. Será como um pequeno juízo e cada um verá a própria
vida e todas as suas obras na própria luz de Deus”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (18/04/1992), pág. 777-778: “E nasce o
homem novo da graça e da santidade da fé e da esperança, da pureza e do
amor. Nasce a Igreja; nasce a nova humanidade, modelada na gloriosa
humanidade de Jesus ressuscitado e elevado à direita do Pai. Hoje vos
convido a descer, também vós, ao sepulcro com Cristo, para morrer ao
mundo e a vós mesmos e para viver somente para o Senhor e para a sua
glória. Seja o sepulcro da vossa escravidão, onde são destruídas todas as
correntes, que vos mantém sob o domínio de satanás, e onde nasce o homem
novo, chamado a ser livre filho de Deus. Seja o sepulcro de vossa escravidão
onde morre para sempre esta humanidade afastada de Deus, rebelde á sua
Lei, corrompida, escrava do espírito do mal, que jaz sob o poder das trevas, e
onde nasce a humanidade nova, iluminada e santificada pela gloriosa
humanidade de Jesus... No sepulcro novo deste dia, seja para sempre
depositada toda forma de escravidão deste vosso tempo, que vos mantém
sob o poder de satanás e da sua universal sedução, e nasçam os tempos
novos da vossa libertação que vos é dada por Jesus Cristo ressuscitado e vivo
entre vós”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (17/04/1992), pág. 776-777: “Ele é a
vossa Páscoa: a ponte que vos permite passar do pecado à liberdade. É o
vosso irmão, que vos toma pela mão e vos conduz para serdes verdadeiros
filhos de Deus. Jesus retornará sobre o trono real da sua glória, para dar
cumprimento aquela sua Palavra, que foi a causa de sua condenação: as
nuvens do céu prostrar-se-ão como escabelo de seus pés; virá para instaurar
o seu Reino de graça, de santidade, de amor, de justiça e de paz, levando
assim a perfeito cumprimento o desígnio da sua Redenção. Vivei na espera do
seu glorioso retorno e da vossa já próxima libertação”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (02/02/1992), pág. 795-766: “Assim a
minha missão materna é a abrir os corações de todos os meus filhos, para
receber o Senhor que vem. Porque somente então poderá chegar ao mundo
a paz, tão invocada e esperada... Jesus é Amor. Jesus que vem levará todos
à perfeição do amor. Então o mundo tornar-se-á um novo jardim de vida e
beleza e formará uma só família, unida pelos laços suaves da divina caridade.
Vinde comigo ao encontro do Senhor que vem na alegria. Só Jesus entre vós
pode abrir, os vossos corações à doce experiência de beatitude e da alegria.
Esquecei o sangrento passado... deixar-vos levar nos meus braços ao templo
espiritual do Meu Coração Imaculado, a oferecer-vos à glória da Santíssima
Trindade e assim vos conduzir para os tempos novos que vos esperam”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (15/08/1991), pág. 742: “É a Jerusalém
Celeste, que desce do céu sobre a terra, para transformá-la completamente
e assim formar os novos céus e a nova terra. A nova era, para que qual sois
conduzidos, leva toda a criação à perfeita glorificação da Santíssima
Trindade. O Pai recebe a sua maior glória de cada criatura, que reflete a sua
luz, o seu amor, o seu divino esplendor. O Filho instaura o seu Reino de graça
e de santidade, libertando toda a criação da escravidão do mal e do pecado.
O Espírito Santo se derrama em plenitude com os seus Santos Dons, leva à
compreensão de toda a Verdade e renova a face da terra... Pelo prefeito
cumprimento da vontade Divina é renovado todo o mundo , porque Deus vos
encontra como o seu novo jardim do Éden, no qual pode habitar em amorosa
companhia com as suas criaturas”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (08/09/1990), pág. 699: “De fato, a
mesma dor destes últimos tempos prepara o nascimento de uma nova era,
dos novos tempos, em que Jesus virá no esplendor de sua glória e instaurará
o seu Reino no mundo. Então toda a criação, libertada da escravidão do
pecado e da morte, conhecerá o esplendor de um segundo Paraíso Terrestre,
no qual Deus habitará conosco, enxugará toda lagrima, não haverá mais dia
nem noite, porque as coisas de antes terão passado e vossa luz será a do
Cordeiro e da Nova Jerusalém, descida do céu sobre a terra, pronta como
uma Esposa para o seu Esposo”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (15/08/1990), pág. 695: “Neste caminho
de luz sois envoltos pelo poderoso esplendor do vosso Pai Celeste, que reflete
em vós o seu amor, vos acolhe em seus braços e vos conduz sempre mais a
compreender o mistério de sua divina Paternidade. Assim, vós próprios vos
torneis o reflexo da glória do Pai. Neste caminho de luz sois intimamente
penetrados pela própria luz de Cristo, que vos conduz a opor-vos fortemente
à treva do pecado, do erro e do mal. Assim caminhais no esplendor de sua
divina Palavra, que faz descer sobre vossa vida os raios luminosos da alegria,
da pureza, do amor, da beleza e da santidade. Assim, vós próprios vos
torneis o reflexo do esplendor do Filho”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (15/04/1990), pág. 687: “Está próximo a
segunda Páscoa na glória. Dentro em pouco abrir-se-á a porta deste imenso
sepulcro no qual jaz toda a humanidade. Jesus Cristo, circundado pelo coro
dos anjos, sobre as nuvens do céus, prostrados a seus pés a formar um trono
real, retornará no esplendor de sua divindade, para levar a humanidade a
uma nova vida, as almas à graça e ao amor, a Igreja ao seu mais alto vértice
de santidade, e instaurará assim no mundo o seu Reino de glória”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (01/11/1989), pág. 706: “Na hora da
grande prova o Paraíso se únirá a terra. Até o momento em que se abrirá a
porta luminosa, para fazer descer sobre o mundo a gloriosa presença de
Cristo, que instaurará o seu Reino, no qual a divina vontade será cumprida de
maneira perfeita, assim na terra como no céu”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (27/10/1988), pág. 609: “O milagre de
amor misericordioso de Jesus esta para completar-se no vosso tempo. Nisto
consiste o Triunfo do meu Coração Imaculado: no maior Triunfo do amor
misericordioso de Jesus, que mudará todo o mundo e vos levará a uma nova
era de amor, de santidade e de paz”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (31/12/1986), pág. 508: “A paz virá
depois do terrível castigo, que Eu já vos preanunciei no alvorecer deste vosso
século. A paz virá, como dom do amor misericordioso da Jesus, que esta para
derramar sobre o mundo torrentes de fogo e de graça, que farão novas
todas as coisas. A paz virá, como fruto de uma particular efusão do Espírito
Santo, que será dado pelo Pai e pelo Filho, para transformar o mundo na
Jerusalém Celeste... E a paz virá a vós através do Triunfo do meu Coração
Imaculado”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (29/06/1983), pág. 357: “Logo mais a
vitória brilhará em toda a parte. Pelo Triunfo do meu Coração Imaculado virá
a vós o Reino glorioso de Jesus que, no seu Espírito de Amor, conduzirá toda
a criação á glorificação do Pai; finalmente será renovada a face da terra”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (11/06/1983), pág. 354: “No meu
Coração Imaculado o Espírito Santo se comunica a vós de maneira sempre
mais abundante para efetuar com vossas almas aquela união de vida e de
amor que realizou em vossa Mãe Celeste... comunica-se com os seus setes
Dons santos, tornando-vos instrumentos idôneos para fazer o mundo voltar a
Deus de misericórdia e de salvação, e preparando o Reino em que Jesus
dominará com seu divino poder e o Pai será perenemente glorificado por toda
a criação. Entrai, pois, pela porta Celeste do meu Coração Imaculado, se
quereis tomar parte do divino prodígio do novo Pentecostes para a Igreja e
da completa renovação do mundo”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (22/05/1983), pág. 351-352: “Sob o
influxo de sua poderosa obra de amor,o deserto deste mundo poderá ser
inteiramente renovado por uma copiosa chuva de graças e assim
transformar-se num jardim de vida e beleza, em que Deus possa ainda
refletir-se com prazer. Daí-nos, ó Espírito de Amor novos céus e nova terra,
onde a Santíssima Trindade seja Amada e Glorificada; onde os homens
possam viver juntos como numa só grande família; onde sejam
completamente curadas as chagas do egoísmo e do ódio, da impureza e da
injustiça”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (08/12/1982), pág. 332: “É um desígnio
de vitória. Depois do atual triunfo do mal, que conseguiu dominar o mundo, a
vitória pertencerá unicamente a Meu Filho Jesus. O único vencedor é Ele. A
conclusão da grande batalha que estamos vivendo será o seu glorioso Reino
de Paz e de bondade, de justiça e de santidade, que se instaurará no mundo
e fulgirá em todos os corações. Completar-se-á assim o desígnio de inimizade,
de luta e de vitória, mediante o Triunfo do meu Coração Imaculado”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (30/05/1982), pág. 320: “O mundo
inteiro será também renovado com a força do fogo e do sangue. A
humanidade voltará a glorificar o Pai; por meio de Jesus, que terá finalmente
instaurado entre vós o seu Reino. Este é, pois, a hora do Espírito Santo. Ele
virá a vós na sua plenitude, por meio do Triunfo do Coração Imaculado de
Maria, sua Esposa muito amada”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (22/10/1981), pág. 303: “Do meu
Coração Imaculado virá a paz para vós! No momento em que tudo parecerá
perdido, ai vereis o prodígio extraordinário da Mulher vestida de sol, que se
manifestará em todo seu poder. As trevas serão dissipadas por uma luz que
cobrirá o mundo inteiro; o gelo do ódio cederá lugar ao fogo do amor; a
grande rebelião contra Deus, será substituída por um retorno universal ao
seu amor misericordioso de Pai... Mais depressa do que podeis pensar, virá a
vós o Reino de amor e de paz do meu Filho Jesus; a Ele somente é devida a
honra, o poder e a glória nos séculos dos séculos”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (08/09/1980), pág. 269-270: “É esta a
sua hora, pois que, pela sua poderosa atuação de amor, será purificada e
renovada o mundo inteiro. Ele virá a vós como fogo ardente e abrasador; virá
como testemunha de meu Filho, que jamais foi tão vilipendiado e traído na sua
Pessoa e na sua Palavra. Virá para reconduzir o mundo á perfeita glorificação
do Pai. Preparai, receber este grande dom, que o Meu Coração Imaculado
obteve para vós... a fim de que, em breve, se realize o que estabeleceu para
a salvação do mundo”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (28/12/1979), pág. 238: “Por isso vos
digo: em breve o deserto florescera e a criação inteira voltará a ser aquele
jardim maravilhoso, que fora criada para p homem para refletir de maneira
perfeita a maior glória de Deus”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (25/11/1978), pág. 200: “Chegou a hora
em que o mundo deserto será renovado pelo amor misericordioso do Pai que,
pelo Espírito Santo quer atrair todos ao coração de seu divino Filho, fazendo
brilhar no mundo o seu Reino de virtude e graça, de amor, de justiça e paz. A
Igreja e o mundo poderão destarte revestir-se de meu esplendor até agora
desconhecido. E para que mais resplandeça a sua misericórdia, Deus confiou
ao meu desvelo Materno a tarefa de preparar essa renovação”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (10/04/1978), pág. 187:
“Quando vir em vos reproduzida a Minha imagem, poderei dar a cada
um o Meu espírito, e encher-vos da Minha plenitude de amor. Revestir-vos-ei
com a Minha veste Imaculada e embelezar-vos-ei com todas as minhas
virtudes. Então tudo o que é Meu será também vosso e Eu, finalmente, poderei
reviver em vós. Eu mesma, vivendo nos meus filhos mais pequenos, levarei a
bom termo a Obra que a Santíssima Trindade Me confiou, para que rebrilhe no
mundo a sua maior glória. Sereis as testemunhas do que o Coração Imaculado
de uma Mãe, que é só misericórdia, saberá fazer nestes anos para conduzir á
salvação todos os seus pobres filhos desgarrados”.
Pe. Stefano Gobbi, MSM 15º Edição (19/12/1973), pág. 28:
“Escolhi-te e preparei-te para o Triunfo do meu Coração Imaculado no
mundo. são estes os anos em que Eu cumprirei o meu designo. Será de
admiração para os próprios anjo de Deus; alegria para os santos do céu;
consolação e conforto grande para todos os justos da terra; misericórdia e
salvação para grande numero dos meus filhos perdidos; condenação severa e
definitiva pata satanás e para os seus numerosos sequazes”.

CONCLUSÃO

“Convertam-se! Se isso não acontecer, nunca poderão vir a conhecer o


Amor desse Pai que é tão Bondoso. Filhinhos, Eu estou guiando vocês para o
Amor, em direção a Jesus. Aceitem-No e vocês terão a Vida Eterna”. (Nossa
Senhora em Porto Alegra -RS- 16/10/1998)

“A cruz ensanguentada, que hoje contemplais no pranto, será a causa


da vossa maior alegria, porque se transformará em uma grande cruz luminosa.
A cruz luminosa que se estenderá do Oriente ao Ocidente, e aparecerá no céu,
será o sinal do retorno de Jesus na glória. A cruz luminosa do patíbulo
transformar-se-á em trono do seu Triunfo, porque Jesus virá sobre ela para
instaurar o seu Reino glorioso no mundo. A cruz luminosa, que aparecerá no
céu no fim da purificação e da grande tribulação, será a porta que abre o longo
e tenebroso sepulcro no qual jaz a humanidade, para conduzi-la ao novo Reino
de vida, que Jesus trará como o seu glorioso retorno!”. (Pe. Stefano Gobbi,
MSM 15º Edição no dia 08/12/1994, pág. 911-912)

“Meus Filhos, hoje Eu venho lhes falar sobre a obediência a Mim...


Viram, queridos filhos, nas Mensagens que lhes dei este mês, o quanto os
AMO e o quanto quero ajudá-los no caminho da Santidade... Eu os convido a
uma obediência ilimitada a Mim, pois, obedecendo a Deus, a Quem sou
obediente, estarão Me obedecendo... Meus filhos, a obediência leva à
Santidade!... A obediência de vocês a Mim, levará ao TRIUNFO do Meu
Imaculado Coração, que está prestes a vir sobre o mundo... O TRIUNFO do
Meu Imaculado Coração, será a ‘Grande Maravilha’ que o Meu Senhor
concederá à Terra!...
O Triunfo do meu Imaculado coração será a cura de muitas doenças que
agora são incuráveis, mortíferas e flagelantes para os homens... No Meu
TRIUNFO, elas não existirão mais, pois só haverá filhos fiéis ao Senhor... não
existirão mais as ‘provas’ DIVINAS para os homens... todos serão Cheios de
Graça!...
No TRIUNFO do Meu Imaculado Coração, os pecados serão
extinguidos, junto com o seu autor, e chegará, finalmente, a Era da Graça,
esmagando a ‘nova era’ de Lúcifer, que agora quer destruir a Nossa Santa
Igreja!...
O TRIUNFO do Meu Imaculado Coração, será o revestimento de uma
Santidade Extrema da Igreja!... Santos e mais Santos!... Mártires e mais
Mártires! Erguer-se-ão sob o influxo poderosíssimo do Espírito Santo, ‘que Eu
lhes soprarei’, e darão a própria vida pela Igreja, sob o Meu Doce e Materno
Olhar...
O TRIUNFO do Meu Imaculado Coração será o Pentecostes Mundial,
com a humanidade preparada por Mim para a ‘chegada de Jesus’... Este tempo
será entre o Meu TRIUNFO e a SUA VINDA DEFINITIVA... Não conheço a
data... mas sei que está próximo!... Será a recompensa de todos aqueles que
agora Comigo rezam, Comigo sofrem, Comigo reparam, e Comigo se
oferecem!...
Convido-os a ajoelharem-se Comigo, ‘nestes Tempos’, a fim de que
consigamos a VITÓRIA de Jesus e a Minha... Rezem muito o Rosário nesta
intenção!... Eu os abençoo em Nome do Pai... do Filho... e do Espírito Santo...”.
(Nossa Senhora em Jacareí -SP- Décima Nona Mensagem 27/01/1994)

“Não joguem fora esses momentos de graças que o Senhor está


proporcionando a todos vocês. Procurem à oração, entreguem-se a Deus.
Vocês verão fluir o Espírito Santo em seus corações. Deus Nosso Senhor tem
um plano para cada um em particular: torná-los santos”. (Nossa Senhora em
Porto Alegre -RS- 02/11/1998)

ALGUNS LIVROS CONSULTADOS:

1. LIVRO A VERDADEIRA VIDA EM DEUS: Obra de Vassula Ryden –


10º vol.
2. LIVRO DO MOVIMENTO SACERDOTAL MARIANO: Obra do Pe.
Stefano Gobbi – 15º vol.
3. LIVRO MILAGRE EUCARISTICO EM PORTO ALEGRE: Obra do
Paulo Roberto – 1º vol.19/2/2014
4. LIVRO NOSSA SENHORA ESTRELA DA MANHÃ: Obra de
Eurípedes Antônio Batista.
5. LIVRO JESUS, MARIA E JOSÉ NAS APARIÇÕES DE JACAREÍ:
Obra de Marcos Tadeu.

SITES VISITADOS:
www.avisosdoceu.com.br
www.mensageiradapaz.org
www.asaparicoesdejacarei.com
www.tlig.org
www.comunidademaerainha.com.br
www.fimdostempos.net
www.sinaisdostempos.org
www.asaparicoesdejacarei.com.br (SITE OFICIAL)
www.mensageiradapaz.org
www.avisosdoceu.tv
www.chamadaesperanca.com
www.jesusmariaejose.org
www.rainhadoceu.org
www.ancoradesalvacao.com.br
www.asalvacaodomundo.com
www.gloriasdejose.org
www.mensagenscelestes.com

CANAIS:
http://apparitionstv.com
http://pt.gloria.tv/?user=28228
http://www.youtube.com/user/aparicoesdejacarei#p/u

"A VERDADE NÃO ESTÁ LÁ FORA, A VERDADE ESTÁ DENTRO DE


VOCÊ" (Sidarta Gautama - O Buda).

“O REINO DE DEUS ESTÁ DENTRO DE VÓS" (Jesus - O Cristo).

“Trazei o povo cego, que tem olhos, e os surdos, que tem ouvidos.
Todas as nações, congreguem-se; e, povos, reúnam-se; quem dentre eles
pode anunciar isto e fazer-nos ouvir as predições antigas?, Apresentem as
suas testemunhas e por elas se justifiquem, para que se ouça e se diga:
VERDADE É". (Isaías cap 43, vs 8; 9).

São João Maria Batista Vianney:


O padre e santo católico Jean Marie Baptiste Vianney, conhecido como
o "Cura D'ars", foi um homem simples, sobre quem ficaram registradas
profecias e predições confirmadas pelas pessoas que o visitavam. O Cura
D'ars nasceu na França, próximo da época da Revolução francesa. Em certa
ocasião, o Cura D'ars disse que a guerra (a próxima guerra na Europa, a
guerra do fim dos tempos) aconteceria nos anos "1, 2, 3, 4", o que pode ter
diversas interpretações. Agora que estamos já em 2014, a única interpretação
possível, para os anos "1, 2, 3, 4, é se somarmos 1+2+3+4=10, que se traduz
por um ano que somado nos dá soma "10". O único dos próximos anos, que se
somados os seus algarismos, nos dá soma "10", é o ano de 2017!Assim sendo,
a guerra do fim dos tempos, deve começar no ano de 2017!

O antigo livro "Liber Vaticinationem Quodam", escrito por volta do ano


350, anuncia uma guerra dizendo:
"O terceiro milênio (à partir do ano 2001) é o momento da terceira
grande guerra. A França é destruída, a Terra treme..."

Trechos da profecia seguinte, proveniente de Claustro de Mariental, em


Magonza, Alemanha, encontrada no início do século XIX, parecem ter ocorrido
com precisão. Parte da mensagem fala da primeira e segunda guerras
mundiais, do advento do nazismo e da divisão e reunificação da Alemanha.
Sobre o futuro, a profecia fala de uma guerra relâmpago: "Serão somente
dezoito dias. Mas serão dezoito espinhosos para todo o mundo. Que entrarão
na carne dos homens, em um tempo que não será muito longe do Dois mil"
(em torno do ano 2000 ou não muito longe de dois mil anos da morte de
Cristo).

Profecia de uma Irmã da Ordem da Rainha Brigitte, Roma (publicada na


década de 70):
"A terceira guerra mundial começará dias depois de um assassinato de
um líder no setor da Ioguslávia-Hungria".

Um certo Merlin, o lendário, que teria vivido na época do Rei Arthur,


próximo aos séculos V e VII, ou outro Merlin, disse:
"Antes que o cristianismo tenha 2000 anos, o oriente se inflamará e
muitas pessoas morrerão. Haverá um Papa que não ousará continuar em
Roma." (o atual Papa Francisco). *O cristianismo pode ser considerado como
tendo surgido após a morte de Cristo (que ocorreu por volta do ano 32/33 d.C.).
Alois Irlmaier (1894-1959) foi um cristão simples que viveu em
Freilassing, Alemanha.
Durante a vida, ajudou a polícia a descobrir criminosos, ajudava no
diagnóstico de doentes e falava da terceira guerra, que segundo ele, se
iniciaria logo depois do assassinato de um grande "em qualquer lugar perto dos
árabes", e de um assassinato nos Balcãs. Ele fez uma profecia com números,
que apareceu em alguns textos: "Vejo três noves, mas não sei o que
significam".
*NOTA DE O PROFETA MUNDIAL:
*Acho que Alois Irlmaier, teve uma visão das três guerras mundiais, que,
de uma forma profética, através da numerologia, lhe mostrou de maneira
intrínsica, os anos em que as três guerras mundiais terminariam. Então, 3
noves ou 999, seriam: em 18 (1918 - fim da primeira guerra mundial) ou
18=8+1=9 (o primeiro 9). Em 45 (1945 - fim da segunda guerra mundial) ou
4+5=9 (o segundo 9). E por fim, em 18 novamente (2018 - fim da guerra que
mais tarde nos levará à uma terceira guerra mundial) ou 1+8=9 (o terceiro 9).
Portanto, aí estão os três noves que Alois Irlmaier viu e não soube dizer o que
significam.
*Uma outra interpretação, seria: 9+9+9=27. Partindo do princípio de que
esses três noves estão relacionados à uma Grande Guerra, que não será ainda
a Terceira Guerra Mundial, mas, que devido a sua dimensão, poderá ser
confundida com a Terceira Guerra. Invertendo o resultado da soma dos três
noves, que é 27, teremos o número 72, que corresponderia ao um número em
anos, no caso 72 (anos) ou 27 ao contrário. Considerando-se que Alois Irlmaier
escreveu essa profecia em 1945 (ano em que terminou a segunda guerra
mundial), e seguindo o raciocínio de que 72 é 27 ao contrário, temos:
1945+72(anos)=2017 (ano das guerras que nos levarão, 3 anos e meio depois,
à uma Terceira Guerra Mundia). Lembrando que, de qualquer maneira, 72
também nos dá a soma 9.
*Entretanto, por sua vez, esta profecia aparece em um outro livro alemão
escrito por um pesquisador mais sério, aparentemente o estudioso mais sério
na Alemanha, acerca das profecias de Irlmaier, e ele afirma que a profecia
original dizia "um oito e dois noves" e não três noves.
*Se assim for, considerado, 899 e não 999, então, é só precisamos
inverter os dois primeiros cálculos sobre 1918 e 1945, e acrescentarmos no
lugar de 2018, o ano de 2017. Dessa forma, temos: Em 17 (2017 - para o fim
da grande guerra que conduzirá o mundo, três anos e meio mais tarde, á uma
terceira guerra mundial) ou 1+7=8, sendo que, já vimos que 18 (1918) e 45
(1945), ambos dão a soma 9, o que nos dá então, 899.
*Então, o que a visão de Alois Irlmaier queis lhe mostrar foram os anos
finais da primeira, da segunda e da terceira guerra mundial, sendo que a
terceira guerra mundial aparece na primeira soma do 8 (de 899), porque em
1945, quando a profecia foi feita, a primeira guerra mundial já havia terminado
a muito tempo e a segunda guerra mundial, havia acabado de terminar naquele
mesmo ano. A terceira guerra mundial, por sua vez, ainda viria a acontecer
(iniciar e terminar) no futuro, 72 anos depois do fim da segunda guerra e 99
anos depois da primeira guerra e por isso a terceira aparece no início da soma
do número 889 mostrado à Alois Irlmaier.
*De qualquer maneira, o resultado das somas, tanto de 999, quanto de
889, nos levam, em ambos os casos, para os anos de 2017/2018, anos em que
existe 100% de possibilidade de ocorrer a guerra que poderá ser considerada o
início da terceira guerra mundial, tanto de seu início como seu de fim, que
somente aconteceria verdadeiramente, 3 anos e meio mais tarde, em 2021.

As profecias de Jesus Cristo sobre o deslocamento dos pólos podem ser


encontradas no capítulo 21 do Evangelho de Lucas, versículos 25 e 26. Esse
texto foi publicado na Vulgata, traduzida por volta do ano 400.A Bíblia de
Jerusalém, cuja versão francesa foi traduzida dos originais gregos e hebraicos,
tem a seguinte tradução em português para este trecho:
"21:20 Quando virdes Jerusalém cercada de exércitos, sabei que está
próxima a sua devastação. (...)
21:24 E cairão ao fio da espada e serão levados cativos para todas as
nações (e haverá mortes e prisões em todas as nações) e Jerusalém será
pisada por nações até que se cumpram (ou terminem - impleare em latim
significa também terminar, completar) o tempo das nações. (até o fim das
nações, até que sejam destruídas).
21:25 Haverá sinais no sol, na lua e nas estrelas; e na terra, as nações
(gentium: ou povos; pessoas) estarão em angústia, inquietas pelo bramido do
mar e das ondas (ou inundação; fluctuum, em latim, significa também
inundação).
21:26 os homens desfalecerão de medo e pela expectativa do que
ameaçará o mundo habitado, pois os poderes dos céus serão abalados (ou
movidos; movere significa também mover, o que teria clara relação com o
deslocamento dos pólos, ou a expressão pode ter relação com os três dias de
trevas caso signifique abalados realmente).
21:27 e então verão o Filho do homem vindo numa nuvem com poder e
grande glória (...)
21:33 o céu e a terra passarão (mudarão), minhas palavras, porém, não
passarão".

A profecia abaixo é dita ser antiga, mas não parece haver referência a
ela anterior a 1915.
"(...) Veja, toda a terra está cheia de turbulência e descontentamento. Os
líderes usam seus vastos poderes para dominar mais e a multidão em luta se
desdobra como uma serpente a procura de sua presa. Eles capturam as
nações vizinhas e desperdiçam suas forças para destruir uns aos outros. Os
vitoriosos estão sem energia para comemorar (...) pois a última metade de hora
é constituída pelo período mais terrível da história da terra (...) E quando
chegarem os últimos quinze minutos da última hora (...) as multidões amarelas
no lugar do Sol Nascente (China) e as multidões brancas do reino do meio
(Rússia) deram as mãos (...) E veja, eles despejam sua ira terrível sobre os
habitantes do reino da ilha (Inglaterra) que está inchada com vitória e o
excesso produzido com comércio pelo mar e pela terra (...)"

A seguinte profecia foi encontrada no final do século XIX na biblioteca do


Mosteiro Neamt, na Romênia. Supõe-se que a profecia tenha sido escrita por
volta do século XIV.
"Doenças desconhecidas e pestes acompanharão o fim do Milênio,
porque a última besta liberará ouro e veneno... E o ouro terminará por produzir
desespero, enquanto que o veneno produzirá a morte. No tempo do sétimo
selo, a terra será uma fábrica abandonada de venenos. E os poucos homens
sábios que permanecerão não poderão fazer outra coisa que invocar a ira de
Deus, para que a besta ímpia que terá destruído a vida seja destruída".

Maria Laach, uma religiosa alemã, fez várias profecias no século XVI:
"O século vinte trará morte e destruição, apostasia da Igreja, discórdia
em famílias, cidades e governos; será o século de três grandes guerras com
intervalos de algumas décadas. Elas se tornarão ainda mais devastadoras e
sangrentas e deixarão em ruínas não apenas a Alemanha, mas todos os
países do oriente e ocidente. (...) Após uma grande derrota da Alemanha, se
seguirá a próxima grande guerra. Não haverá mais pão para as pessoas e
alimento para animais. Nuvens venenosas, fabricadas por mãos humanas,
abaixarão e exterminarão tudo. A mente humana estará tomada por
insanidade."
Em sua época, Stormberger era bem conhecido por suas profecias.
Vários especialistas austríacos de profecias da região da Bavária
documentaram suas profecias, mas os livros contendo seus escritos foram
condenados pelos Nazistas e foram queimados, porque previam a derrota de
Hitler, que se interessava por profecias. Mas fragmentos dizendo que ele previu
a invenção de carros, trens e aviões foram preservados. Ele disse com
precisão o dia em que a Primeira Guerra Mundial começaria, sua duração, as
armas usadas. Ele predisse a Grande Depressão de 1929, o Terceiro Reich, a
Segunda Guerra Mundial, a Suástica, a derrota e a divisão da Alemanha etc.
Ele também disse que haveria três guerras mundiais no século vinte:
"Duas ou três décadas após a primeira guerra, virá uma segunda guerra
ainda maior. Quase todas as nações do mundo estarão envolvidas. Milhões de
homens morrerão, sem ser soldados. O fogo cairá do céu e muitas grandes
cidades serão destruídas. E depois da segunda grande guerra entre as nações
virá uma terceira conflagração universal, que determinará todas as coisas.
Haverá armas totalmente novas. Em um dia, mais homens morrerão do que em
todas as guerras anteriores juntas. As batalhas serão realizadas com armas
artificiais (químicas). Catástrofes gigantescas ocorrerão. Com os olhos abertos,
as nações do planeta passarão por estas catástrofes. (...) Tudo ficará diferente
de antes, e em muitos lugares a Terra será um grande cemitério. A terceira
guerra será o fim de muitas nações."

Monge alemão, Ludwig Heinrich, que viveu no século XVII:


"Nos últimos anos do século XX, se verá o desaparecimento de
inúmeras espécies animais, mortas pelo homem. Mas no final, será o homem
que condenará o homem à morte, porque tudo que cresce na terra conterá a
essência da morte. O ar será o sopro da morte e, assim que o homem respirá-
lo, respirará a morte". (armas químicas)

Acredita-se que a profecia seguinte, encontrada no Mosteiro de Sainte


Claire, Perpignan, na França, seja do século XIV, e foi atribuída por alguns ao
abade Reymond. O texto está dividido em cinco partes, cada parte profetizando
sobre um século dos últimos cinco do milênio. Eis alguns trechos da última
parte:
"Por mais estranhos que possam parecer os tempos passados, o último
século do milênio superará a todos. Será semelhante a um carro que se move
com dificuldade, guiado por incapazes e servos de Satanás. Nesse período de
terror, haverá grande pobreza espiritual. (...) Muitos reis perderão o trono e
alguns reis recuperarão o trono. Começará uma guerra. E depois uma outra
guerra. E uma outra guerra. Do céu cairá o inferno. Na ânsia de uma vida
errada, o homem terminará envenenando todo o mundo. Nuvens envenenadas
cobrirão a terra. E máquinas monstruosas dominarão os céus. O fogo destruirá
muitas cidades. E os homens terminarão destruindo uns aos outros".

Profecia de Staretz, de origem russa, aparecida em próximo ao 1850:


"O último século do milênio é uma montanha, sobre a qual dormem três
bestas (guerras). A primeira acordará no início do caminho (século). E de sua
garganta sairá sangue. A segunda acordará na metade do caminho. E da sua
garganta sairá fogo. A terceira acordará no final do caminho. E de sua garganta
sairá a horrível heresia."
Profecia de Santa Anastácia, encontrada no final do século XVI em um
Mosteiro em Moscou.
""As pequenas nações formarão uma grande nação. E grandes serão as
guerras, antes que as nações voltem a se despedaçar. Na parte final do
milênio, uma serpente invisível agitará os povos, que se deslocarão pela terra,
como lobos famintos, espalhando fome e pestes. Roma e Moscou cairão na
mais profunda desordem. O fim do milênio verá muita violência e muito sangue.
(...) Os muros das igrejas estarão manchados de sangue".

A Profecia de Ladino, Mago Ladino, um vidente italiano do século XVIII:


"O mar está louco. Muitas terras tremerão. Um arado profundo passará
nas terras do mundo. A Grande Serpente nascerá no Oriente. Quando o
milênio estiver no fim, os cristãos serão igualmente pagãos. A única fé estará
no dinheiro e no poder; trunfarão o engano, a corrupção e a violência."

O monge russo Rasputin, que fez profecias realizadas - sobre seu


assassinato, sobre a revolução russa, etc. disse:
"A humanidade está andando na direção da catástrofe. Os menos
capazes estarão guiando o carro. Isto acontecerá na Rússia, na França, na
Itália e em outros países. A humanidade será destruída pelos barulhos dos
lunáticos. A sabedoria será acorrentada. O ignorante e o prepotente ditarão as
leis para o sábio e para o humilde. Assim, a maior parte da humanidade
acreditará nos poderosos e não mais em Deus. A punição de Deus chegará
tarde, mas será tremenda. E chegará antes que nosso século termine. Então,
finalmente a sabedoria será liberada das correntes e o homem voltará
totalmente a Deus, como o bebê que vai para a sua mãe. Desta forma, a
humanidade chegará ao paraíso terrestre".

Na capela de São Nicolas, na cidade de Popovka, perto de Taganrog e


do mar de Azov, existia uma profecia de um monge chamado Pouskof, datando
do século XV :
"No final do século XX, a Rússia verá grandes desordens. As casas, os
povos, as terras serão transformados por muito sangue. Nós assistiremos a
coisas terríveis através de quadros (TV). O que está no alto descerá. (possível
conversão). Aquilo que está embaixo voltará ao alto."

A revista alemã Neues Europa publicou em 1963 o que é dito ser a


terceira parte do segredo da aparição em Fátima, Portugal em 1917. A
mensagem explica que "a grande guerra virá na segunda parte do século XX.
O fogo e a fumaça cairão do céu e as águas dos oceanos se tornarão vapor,
projetando sua espuma até o céu e destruindo tudo abaixo. E milhões e
milhões de pessoas morrerão de uma hora para outra...". Em 1981, em Fulda,
na Alemanha, quando perguntado sobre o que era esta mensagem secreta, o
Papa João Paulo II respondeu: "Devido à seriedade do conteúdo do segredo
de Fátima, meus predecessores no Trono de Pedro preferiram
diplomaticamente adiar a publicação. Além disso, pode ser suficiente aos
cristãos saber que, se há uma mensagem que diz que os oceanos inundarão
partes inteiras do mundo, e milhões de pessoas morrerão, de um minuto para o
outro, não é realmente o caso mais de desejar a publicação desta mensagem
secreta."

Profecia de um manuscrito do século XVI:


"Quando a história do homem entrar no ano 2000, (...) a foice da lua
queimará as folhas. (...) Porque nesse tempo a foice da lua será a lei que
escravizará o mundo." A foice era o símbolo do comunismo, que seria a Rússia
hoje e a lua é o símbolo dos muçulmanos.

O Irmão "X", de origem espírita, publicado nos anos 50, no Brasil:


"No fim do século a Terra será um caos. A sua superfície se verá
crestada pelo fogo das bombas atômicas. A Europa será um vasto cemitério. A
Ásia e a África serão verdadeiros desertos. Parte das Américas será
horrivelmente mutilada. Os gelos polares, por efeito da verticalização do Eixo
da Terra, se deslocarão abruptamente, inundando várias regiões. As águas
cobrirão extensão imensa da terra e a parte habitável dos continentes será
reduzida a um terço, os mares estenderão os seus domínios e terras recuarão
nas suas proporções. "

A vidente italiana Gina Bonet declarou à imprensa há décadas, no início


do século XX, que:
"O Coliseu (em Roma) e a Torre Eiffel (em Paris) serão destruídos e um
terço da humanidade perecerá em uma guerra atômica, antes do fim do século"
(quer dizer, antes do fim de 100 anos à contar da data desta profecia).

A religiosa francesa Jeanne de la Royer, que viveu no século XVIII,


famosa por suas profecias, disse que "o ano 2000 não chegará sem que
chegue o fim dos tempos, como vi na luz divina."

Bartolomeu Holzhauser, nascido na Baviera em 1631 e falecido em


1658, profetizou a Primeira Guerra Mundial, o nascimento do Czar da Rússia e
a Segunda Guerra Mundial. Ele afirmou que no fim do século XX (ao final de 20
séculos da morte de Jesus) haverá um castigo terrível.

Profecia do Templário de Saint-Almis


"Próximo do meio do último ano (próximo da metade de um determinado
ano, ou seja, entre abril ou maio), os sinais e o número aparecerão no céu. Os
pássaros de ferro obscurecerão o sol. As bestas do Apocalypse sairão do mar.
As chamas do inferno rodearão a Terra. Ao mesmo tempo, o céu queimará e o
mar crescerá e as terras serão engolidas. E o homem conhecerá a verdade".

Filippo di Lione (28 de março de 1897):


"Em cem anos(cerca de 100 anos), haverá um cataclisma tal que a Terra
será girada e nós estaremos no Polo Sul (...) porque este século não terminará
sem o acontecimento de todas estas coisas."
A propósito, todas as profecias sobre o deslocamento dos pólos que
tinham ano associado que encontrei, prediziam que este acontecimento
ocorreria no século XX ou no final deste.
Esta profecia de Santa Bernadette, recebida em Lourdes, em 1846, no
século XIX, foi descoberta em dezembro de 1998 por um Padre francês que
pesquisava na Biblioteca do Vaticano. Ela estava em uma carta encontrada no
Vaticano. Foi publicada na Internet e traduzida de um jornal escrito por
Vincenzo Sardi, o Weekly World News, em 1999. A carta continha cinco
profecias, quatro delas já realizadas, restando a quinta profecia, que diz
respeito aos nossos dias. A tradução completa onde foi publicada a profecia
em inglês pode ser vista no site Almanaque de Profecias. A quinta profecia de
Lourdes dizia, em parte, o seguinte: "Na véspera do ano 2000 (ou seja,
próximo à dois mil anos da morte de Cristo), um combate final entre os
seguidores de Mohammed (os muçulmanos) e os cristãos, no mundo ocorrerá.
(...) Mas, ao completar o tempo, o sinal da cruz (o sinal dos cristãos)
prevalecerá e todos do Islã (os muçulmanos) serão forçados a se converter ao
Cristianismo. Seguirá um século de paz e alegria, pois, todas as nações da
Terra abaixarão suas espadas e escudos."

Teresa Musco (1943-1976), foi uma italiana que, com 8 anos, recebeu
mensagens de Maria. Em uma delas, registradas em seu diário de 1951,
escreveu que:
"O Pai enviará um grande castigo para a humanidade na segunda
metade deste século (o século 21)".

Em Dozulé (um pequeno vilarejo à 250 km de Paris), na França,


Madalena Aumont começou a receber mensagens de Cristo, depois de quatro
anos sem ir à Igreja. Em 1974, ela recebeu uma mensagem dizendo que:
"Se a humanidade não se opor a Satã, Eu o deixarei agir, e haverá a
catástrofe, uma calamidade como nunca vista desde o dilúvio, e isto ocorrerá
antes do fim do século (21)."

O Castigo iminente por não cumprir os pedidos de Nossa Senhora Pelo


Padre Paul Kramer *TRADUZIDO DO ESPANHOL POR O PROFETA
MUNDIAL. A seguinte é uma transcrição de uma conferência dada no
Seminário "Embaixadores de Jesus e Maria, em Glendale, Califórnia, nos EUA,
em 24 de setembro de 2004.
No contexto de toda a confusão na igreja, dos problemas no mundo,
quando frequentemente escutamos as perguntas "Ao que está levando isto?,
Onde Terminará?, Nós sabemos exatamente onde vai terminar, porque Nossa
Senhora de Fátima disse:
"No fim, Meu Coração Imaculado triunfará..."
O que vai provocar esse triunfo segundo as palavras que se seguiram à:
"Ao fim, Meu Coração Imaculado triunfará". "O Santo Padre (o Papa) me
consagrará à Rússia, que se converterá, e será dado ao mundo um período de
paz". Unanimemente, aqueles que tem falado profeticamente, e as aparições
da Santíssima Virgem Maria, nos dizem que haverá um grande castigo para o
mundo. A maioria das mais certas profecias e aparições nos dizem que será no
tempo em que a perversidade, em que o mal, pareçam estar triunfantes,
quando tudo aparentemente estar perdido; como disse Nossa Senhora em
Quito, no Equador, em 1634:
"Meu tempo chegará"
Ela disse: "Então Meu tempo chegará". O Milagre da graça irromperá
sobre o mundo. O mal será destruído, a iniquidade será conquistada. E tudo
isso está referido na Mensagem de Fátima, e mais notadamente na terceira
parte do Segredo que é chamado comumente o Terceiro Segredo de Fátima.
Nossa Senhora disse que se as pessoas continuam pecando contra
Deus, então o mundo vai ser castigado. O mesmíssimo pedido que fez Nossa
Senhora, foi que as pessoas deixem de ofender a Deus, porque Deus está
demasiado ofendido.
"Nosso Senhor está demasiado ofendido"
As pessoas devem deixar de ofender a Deus. Se deixarem de ofender a
Deus, Ele terá misericórdia, e Ele concederá a paz; Porém se não deixarem de
ofender a Deus, se a humanidade persistir em seus crimes, então Deus vai
castigar o mundo: com a guerra, a fome e a perseguição contra a Igreja. Por
isso, a graça que trará a Consagração da Rússia, será dada se suficiente
pessoas fizerem penitência, e alcançarem a conversão dos pecadores.
E se as pessoas deixarem de pecar contra Deus, só então, será dada
essa graça. Porém como a humanidade se afunda mais e mais no pecado, e a
rebelião contra Deus torna-se geral, então Deus vai negar essa graça eficaz da
Consagração da Rússia para obter sua conversão, e o mundo vai ser
castigado. a própria essência desse castigo está exposta no Terceiro Segredo
de Fátima.
O Que é o Terceiro Segredo de Fátima?, Bem, nós sabemos pelo texto
das primeiras partes, que Nossa Senhora disse aos pequeninos:
"Haveis visto o inferno, onde vão as almas dos pobres pecadores". E Ela
continuou explicando qual era o plano de Deus - para salvar os pecadores de ir
ao inferno. A forma de alcançar isso é por intermédio do estabelecimento da
devoção ao Imaculado Coração de Maria.
Para salvar os pecadores
Para que se alcance isso, Nossa Senhora quer a devoção dos Cinco
Primeiros Sábados e a Consagração da Rússia. Que o Papa, junto com todos
os bispos do mundo, cada um em sua própria catedral, consagrem a Rússia ao
Imaculado Coração de Maria. Ela disse que por esse meio a Rússia será salva,
e a paz será dada ao mundo. Essa é a unanimidade de todos os profetas e de
todas as profecias dos santos através das épocas.
A maldade será esmagada, Deus triunfará na glória de Sua Santa Mãe e
na glória das tradições da Igreja, que será totalmente restaurada em um
esplendor nunca visto em sua história. Esse será o tempo do triunfo do
Imaculado Coração de Maria. Como disse Nossa Senhora, quando as coisas
pareçam estar totalmente perdidas, quando pareça que a maldade está
triunfante, "será quando Meu tempo haja chegado, então Meu tempo chegará".
O Grande Castigo, está perto!
No Terceiro Segredo nós temos profetizado no mais mínimo detalhe,
exatamente qual será a natureza do Grande Castigo. Como o furacão antes
que golpeie com toda a sua força, primeiro o céu azul começa a cobrir-se de
nuvens, e o vento torna-se mais forte e o tempo torna-se inclemente. Nós não
devemos confundir aqueles muito cedos começos do castigo com o que será a
substância desse grande desastre, dessa grande tempestade na história,
precedida pelo Papa Pio XII no ano de 1945.
O Papa Pio XII disse, e foi apenas depois que o mundo experimentara
os horrores da Segunda Guerra Mundial, que as pessoas tiveram saudade da
paz: O mundo logo vai experimentar sofrimentos tais como nunca existiram em
sua história. Logo a raça humana vai padecer os piores sofrimentos como
nunca os tem tido". Essa é a substância do Terceiro Segredo de Fátima.
O Papa João Paulo II, no Congresso Eucarístico de Filadelfia em 1976,
quando ainda não era Papa - ele era todavia o Cardeal Wojtyla - disse sobre
esse castigo, que tal é a substância do Terceiro Segredo de Fátima. E ele disse
que a Igreja teria que suportar uma grande prova, que será a luta entre a Igreja
e a anti-igreja; entre o Evangelho e o anti-Evangelho.
Pouco depois de eleito Papa, em 1981, ele retornou a esse mesmo
tema, e dessa vez falou explicitamente que essa era a substância da
Mensagem de Fátima, do Terceiro Segredo de Fátima. E reiterou que a Igreja
logo teria que suportar grandes provas.
Estão mentindo pra nós?
Assim, o que há no Terceiro Segredo de Fátima?, Em 26 de junho de
2000, o Vaticano publicou uma visão que se pretendia ser a íntegra do Segredo
de Fátima. Eu estava falando com um bispo brasileiro, e ele me perguntou:
"Bem, se há mais do Terceiro Segredo, além da visão, estão mentindo
pra nós?, Porque eles dizem que isso foi todo o Terceiro Segredo. O contestei,
dizendo que o Cardeal Ratzinger estava usando uma reserva mental. Todo o
Segredo está implicitamente contido nessa visão. Nesse sentido, nesse preciso
sentido restrito, esse é todo o Segredo".
Porém o Terceiro Segredo propriamente dito, supostamente não é essa
visão - que pertence ao Segredo - que é parte do Segredo, porém o Segredo
consiste nas palavras de Nossa Senhora. Como assinalou o Padre Valinho,
sobrinho da irmã Lúcia, é à partir essa frase: "en Portugal o dogma da fé será
sempre preservado, etc...", que começa o Terceiro Segredo.
O Vaticano publicou um comunicado de imprensa anônimo em 1960
referido ao Terceiro Segredo, depois que o Papa João XXIII abriu ele, contendo
o Segredo e leu sua única página, a qual continha as palavras de Nossa
Senhora. O comunicado de imprensa afirmou que o Segredo não podia ser
revelado nunca, e se referiu especificamente como "as palavras que Nossa
Senhora confiou como um segredo aos três pequenos pastores". Essa é a
expressão chave. "As palavras que confiou Nossa Senhora". Essa é uma carta
de uma só página, que contém as palavras de Nossa Senhora.
Provado: "Verdadeiramente isso não é tudo"
O que se revelou em 26 de junho de 2000 foram quatro páginas da Irmã
Lúcia descrevendo uma visão. Essas não foram as palavras de Nossa
Senhora. É bem conhecido o feito de que o Segredo está dividido em três
partes, e nós temos o texto das duas primeiras. E portanto, sabemos onde
termina esse texto, com o "etc". em uma frase incompleta, isto é, onde começa
o Terceiro Segredo. É uma questão de sentido comum, não necessitando ser
um filósofo, e entrar em uma grande análise de crítica literária, para se chegar
a conclusão de que é ali onde termina a Segunda parte do Segredo, e onde
começa a Terceira.
Porém verdadeiramente não há nenhuma dúvida sobre ele. O 2 de
setembro de 1952, quando o o Padre Schweigl foi enviado pessoalmente pelo
Papa Pio XII à Coimbra para entrevistar a Irmã Lúcia sobre o Terceiro Segredo
com sua autorização, falou pessoalmente com ela. Ele voltou à Roma e em
Russicum, onde vivia, disse à seus irmãos, quando lhe perguntaram sobre o
Terceiro Segredo de Fátima:
"Não posso revelar nada do que soube em Fátima sobre o terceiro
segredo, porém posso dizer que tem duas partes: uma se refere ao Papa. A
outra, logicamente - ainda que não posso dizer nada - deveria ser a
continuação das palavras: "Em Portugal o dogma da fé será sempre
preservado".
Assim, está mui certamente estabelecido o feito de que as palavras de
Nossa Senhora de Fátima continuam depois desse "etc". E na memória da
Irmã Lúcia, depois desse "etc". ela põe entre parêntesis as palavras, "Aqui
começa a terceira parte do Segredo".
Aqueles que tem estudado Fátima, sabem que o que foi publicado em 26
de junho de 2000, não é todo o Segredo; simplesmente, não o é. A noite
anterior, diria na madrugada de 26 de junho, fui dormir; deixei a instrução: não
importa quão cedo seja, tão logo como se publique o Segredo, tragam-me -ou
despertem-me se precisarem.
Me levaram o texto, olhei-o, e a primeira coisa que disse foi: "Este não é
o Segredo!", Não fui p único à fazer esse juízo. Um professor de seminário, que
é um amigo próximo do Papa João Paulo II, e que também conhece
pessoalmente o Cardeal Joseph Ratzinger, teve a mesma impressão – esse
não é o Terceiro Segredo.
Não pode sê-lo
E assim, quando foi ao Vaticano, visitou ao Cardeal Ratzinger, e o
confrontou com ele. Ele não veio com rodeios. Ele disse, "Isso é impossível!",
"Isso é impossível que seja todo o Terceiro Segredo!", E insistiu que Ratzinger
lhe contestara pelo sim ou não. "Isso é tudo?, Isso é tudo, sim ou não?, Não
pode ser; agora diga-me!", Ratzinger admitiu: "Verdadeiramente, isso não é
tudo".
O Terceiro Segredo se refere ao Vaticano II
Esse professor é um sacerdote que conheço pessoalmente, e um
número de pessoas que conheço, também conhece pessoalmente esse
sacerdote. Ele seguiu adiante buscando uma resposta, ele não voltou atrás. E
perguntou: "O que tem no Terceiro Segredo?, Se isso não é tudo, bem, o que
tem ali?", A resposta de Ratzinger foi muito clara. Já não há nenhum mistério
para que o tenham oculto por tantos anos. E porque os dignitários vaticanos,
durante o pontificado do Papa João XXIII, disseram no comunicado de
imprensa que "isso poderia não publicar-se nunca", poderia não revelar-se
nunca.
Ratzinger disse que no Terceiro Segredo Nossa Senhora adverte que
haverá um mal concílio. E ela advertiu contra as mudanças: Ela advertiu contra
fazer mudanças na liturgia; mudanças na Missa. Isso está explicitamente
exposto no Terceiro Segredo.
Sem embargo, homens como o Cardeal Ratzinger creem que a palavra
do Concílio Vaticano Segundo é equivalente a palavra de Deus. Eles não
podem crer que houvera algum mal no Concílio. E assim, eles elegeram não
crer na Mensagem de Fátima. E é por isso que o Cardeal Ratzinger fez a
sugestão que a aparição da Senhora de Fátima é algo equivocado na
imaginação da Irmã Lúcia.
O livro "A Mensagem de Fátima", publicado em 26 de junho de 2000,
contém essa explicação do Cardeal Ratzinger, citando o modernista anti-
Fátima Padre Edouard Dhanis; o homem que teve tal parcialidade contra
Fátima, que rechaçou ir a Portugal e examinar os feitos, porque sua mente já
estava preparada para o contra das aparições. Ratzinger é dessa opinião, al
ponto que disse que essas aparições foram algo equivocado na imaginação da
Irmã Lúcia, baseado em que ela, em sua vida tenra, as havia encontrado lendo
leituras piedosas.
Minha pergunta ao Cardeal Ratzinger é, como pode a imaginação do
que ela houvera lido em livros piedosos conjurar o grande Milagre do Sol?,
Como pode essa liberação de energia tão grande, como a energia equivalente
a um artefato nuclear, converter barro profundo até os tornozelos na terra seca
em doze minutos?, Como pode a imaginação infantil da Irmã Lúcia conjurar
esse milagre?

O Vaticano II: Um concílio não infalível


Há demasiada confusão sobre o Concílio Vaticano Segundo. Recordo
lendo "The Vanderer", um artigo absolutamente incrível que dava uma
explicação doutrinal absolutamente ridícula de que todo o relativo a Doutrina da
fé no Concílio Vaticano Segundo está definido infalivelmente. E a autoridade
que citam é a Catholic Encyclopedia", Por suposto, a citação da Catholic
Encyclopedia está integralmente fora de contexto.
A Catholic Encyclopedia, sem dúvida, afirmou devidamente que quando
os concílios ensinam sobre dogma, ensinam infalivelmente. Por isso é porque o
verdadeiro propósito de um concílio é definir doutrina. Todos os concílios
anteriores definiram doutrina. Isso faz infalível um concílio: quando define
doutrina. Se o Papa está presente, ele proclama infalível e solenemente a
definição para que não haja dúvida. Se ele não está presente, se a ratifica mais
tarde, com solene declaração, isso faz o concílio infalível.
Inclusive o Concílio Vaticano Segundo mesmo, faz uma clara distinção
entre ensinamento infalível e ensinamento não infalível. E assim, quando se
convoca um concílio ecumênico e os bispos do mundo se reúnem e fazem
pronunciamentos sobre doutrina, se eles não definem, logo esse ato não é
infalível. O ensinamento definido pode ser infalível. Por exemplo, se o
ensinamento já é definitivo por parte do Magistério Universal e Ordinário da
Igreja, então a mesma substância do que se está ensinando já é infalível.
Porém não é um ato infalível, em e por si mesmo. O mero feito de que
em um concílio haja um pronunciamento sobre doutrina, não faz infalível essa
afirmação. O concílio deve proclamar infalivelmente o dogma com uma
definição solene. Se não está definido, não é um ato infalível.
É uma questão muito simples, e esse é o ensinamento da Igreja. Há
graves erros no Concílio Vaticano Segundo. O ensinamento do ecumenismo(*),
falando estritamente, é herético. (Ver The Fatima Crusader, edição 79: "Os
erros do Ecumenismo").
(*)Ecumenismo é o processo de busca da unidade. O termo ecumênico
provém da palavra grega (oikouméne), designando "toda a terra habitada".
Num sentido mais restrito, emprega-se o termo para os esforços em favor da
unidade entre igrejas cristãs; num sentido lato, pode designar a busca da
unidade entre as religiões. O Dicionário Aurélio define ecumenismo como
movimento que visa à unificação das igrejas cristãs (católica, ortodoxa e
protestante). A definição eclesiástica, mais abrangente, diz que é a
aproximação, a cooperação, a busca fraterna da superação das divisões entre
as diferentes igrejas cristãs. Do ponto de vista do Cristianismo, pode-se dizer
que o ecumenismo é um movimento entre diversas denominações cristãs na
busca do diálogo e cooperação comum, buscando superar as divergências
históricas e culturais, a partir de uma reconciliação cristã que aceite a
diversidade entre as igrejas.

A heresia do Ecumenismo
O Papa Pio V disse em seu Catecismo, o Catecismo Romano – também
conhecido como Catecismo do Concílio de Trento - que todas as religiões
protestantes são religiões falsas, que elas são inspiradas pelo Diabo; e
portanto, que seus frutos são maus. O decreto sobre Ecumenismo, no Concílio
Vaticano Segundo, disse que que Deus usa aquelas igrejas e comunidades
eclesiais; que, como tais, Ele as usa como meios de salvação.
Agora, o ensinamento da Igreja, a Fé Católica, é muito clara em que os
meios de salvação são os sacramentos da Santa Igreja. Junto com isso está o
ensinamento, o Depósito da Fé, que está definido pela Igreja, e o Magistério da
Igreja, a revelação divina. É a Fé Católica, é a prática da Fé Católica, são os
sete sacramentos católicos os meios de salvação. Somente esses.
As religiões protestantes, como tais, estão inspiradas pelo diabo, como
ensina o Papa São Pio V em seu catecismo. A nova religião do Vaticano disse
que estas seitas inspiradas diabolicamente são usadas por Deus como meio de
salvação. E inclusive, The Vanderer lhe faria crer que todo pronunciamento
doutrinal do Concílio Vaticano segundo é infalível. O Concílio de Trento e o
Vaticano II não podem estar no certo!, Você tem ensinamentos diametralmente
opostos. Só uma pode ser certa, a outra é falsa.
No Concílio Vaticano Segundo nós vemos que todas as religiões não-
católicas e não cristãs estão descritas como boas. Na Igreja Conciliar (quer
dizer, não na Igreja Católica de todos os tempos) todas as religiões são
consideradas boas, e verdadeiras. De acordo com a Igreja Conciliar, elas
sofrem a desdita de ter alguns erros, e há alguns males mesclados com o bem,
porém elas são boas, e elas são verdadeiras.
Essa é a falsa doutrina da nova igreja ecumênica - a igreja ecumênica
conciliar romana protestante. A Igreja Católica Romana sempre tem tido um
ensinamento diferente: há só uma Verdadeira Religião. Há só uma Verdadeira
Igreja. Há só uma Verdadeira Fé, e é a Igreja Católica. Todas as outras
religiões são falsas religiões. Todas as outras igrejas são falsas igrejas. Esse
tem sido sempre o ensinamento e a Fé da Igreja Católica.
Portanto, aqui vemos nós os princípios do que vai converter-se na maior
heresia na história da Igreja - a que produzirá os mais grandes sofrimentos que
o mundo haja visto, como disse o Papa Pio XII.

Um Papa sob o controle de Satã?


O Padre Malachi Martin, em sua última entrevista no Art Bell Show, falou
de um anti-Papa. Houve um televidente que ligou da Austrália e disse que um
Jesuíta lhe havia revelado que no Terceiro Segredo está profetizado que
haverá um Papa que estará totalmente sob o controle do diabo. Padre Malachi
contestou, dizendo: "Isso soa como o texto literal do Segredo".
O Papa São Pio X disse que teve uma visão em que viu um de seus
sucessores fugindo sobre os cadáveres de seus irmãos, e que esse Papa
deveria partir para o exílio. Ele deveria ocultar-se, ele deveria usar um disfarce
para ocultar sua identidade. Ele viveria em retiro, porém logo seria descoberto
e sofreria uma morte cruel.
(Nota de O Profeta Mundial):
("Pio X disse também em 1909, que esse futuro sucessor dele (um Papa
futuro) teria o mesmo nome que ele. Mas, não o nome Papal, e sim o nome de
batismo. O Papa Pio X chamava-se Giuseppe, ou seja, José. O nome de
batismo do Papa atual, Francisco, não é José, mas, sim Jorge. Mas, o nome de
batismo do Papa anterior, o agora Papa Emérito Bento XVI, que está ainda vivo
e mora no Vaticano, é Joseph, isto é, José. À partir disso, podemos facilmente
deduzir que o Papa Emérito Bento XVI é o Papa da visão do Papa Pio X.
Diante disso também, podemos chegar a conclusão de que esta profecia está
para se cumprir em breve, dada a idade já avançada de Bento XVI, 86 anos em
2013").
Penso que nós poderíamos concluir com segurança que estas profecias
poderiam ser cumpridas no Pontificado de Bento XVI. Uma razão pela qual
creio isto, é porque conheci pessoalmente o estigmatizado romano Antônio
Ruffini. O conheci por quase 20 anos. Ele recebeu estigmas visíveis em 1955,
e foi tão altamente estimado pelo Papa Pio Pio XII, que ele autorizou a
construção de uma capela no lugar onde Ruffini havia recebido os estigmas.
Nota de O Profeta Mundial:
Porém, o Papa Bento XVI; mesmo tendo já renunciado ao Papado em
28 de fevereiro de 2013, dando lugar a um novo conclave, que em 13 de março
de 2013 elegeu o atual Papa Francisco; sendo que ainda assim, Bento XVI é
considerado Papa, ainda que Emérito, vestindo-se de branco e ostentando o
título de Bispo Emérito de Roma
(Na época do Papa João Paulo II), Perguntei a Ruffini a queima-roupa:
"Quem falará sobre a Consagração da Rússia?", "Será o Papa João
Paulo II quem consagrará a Rússia?", E Ruffini contestou; "Não, não será João
Paulo II" (como realmente não foi). Continuou Ruffini: "Não será o Papa
imediatamente posterior a ele" (o Papa Bento XVI. Como realmente não foi).
"Senão o que lhe segue (o sucessor de Bento XVI e atual Papa
Francisco);
Esse será quem consagrará a Rússia".
Isso cai entre João Paulo II e seu segundo sucessor (o atual Papa
Francisco), só um pontificado entremeio. Ele (o Papa Francisco) será o Papa
do Castigo, o que viu o Papa São Pio X em sua visão (de 1909). Como disse
Nossa Senhora em uma de suas aparições, "Roma sofrerá uma grande
revolução".
Isso será quando ocorrerá a matança, o massacre no Vaticano. E o
Papa (Francisco) fugirá de Roma disfarçado.

"A falsa igreja das trevas"


Isso é o que Nossa Senhora quis dizer quando falou que o Santo Padre
seria perseguido; que a Igreja seria perseguida. Ana Catarina Emmerich, a
monja agostina estigmatizada, descreveu a igreja falsificada, a que ela chamou
"A falsa igreja das trevas". Os erros da ortodoxia e do protestantismo serão
adotados por essa falsa igreja; essa será uma igreja ecumênica porque o anti-
Papa será reconhecido pelo mundo - não pelos fiéis, senão pelo mundo - pelo
mundo secular e os governos seculares.
O anti-Papa será reconhecido como o Papa legítimo da "igreja", e
cabeça legítima do Estado do Vaticano. Essa "igreja" estará unida com todas
as falsas religiões. Estas se unirão sob a universalidade do guarda-chuvas
maçônico. Dessa heterogênia união ecumênica se estabelecerá a religião do
suposto mundo civilizado. Assim será como entraremos no tempo da grande
perseguição tal como o mundo nunca viu.

Perseguição como nunca antes


Em nome da "civilização do amor", "em nome da "unidade", em nome do
Vaticano II, a Fé verdadeira será declarada fora da lei; só a religião legalmente
estabelecida será tolerada. Não é preciso muita imaginação para compreender
o que vai ocorrer como resultado disso. Só o repasse da história da reforma na
Inglaterra e Irlanda. As horripilantes e brutais torturas e execuções foram
levadas a cabo contra os católicos, e especialmente contra o clero.
Os protestantes usarão os fiéis católicos como objeto de diversão. Lhes
atavam um pedaço de tela na cabeça e botavam fogo. E quando os católicos
tratavam de removerem o pedaço de tela acesa, rasgavam e arrancavam seu
próprio couro cabeludo. Essa foi uma forma não muito amável de estimular os
católicos a deixar de ser-los e converterem-se em protestantes.
A terminologia, o vocabulário, já estão ali. É como eu digo, nada do que
vai ocorrer pode caber em nossa imaginação até que essa perseguição ocorra.
Os "dissidentes", os que não aceitem a religião estabelecida; que classe
de tratamento terão?, Apenas releia as leis penais que foram aplicadas contra
os católicos na Inglaterra e Irlanda.
Os católicos irlandeses foram excluídos de qualquer tipo de educação;
quiseram conservá-los em total analfabetismo e ignorância. Dessa forma
resultaram mais fáceis seus intentos de lavar o cérebro dos católicos com o
protestantismo. Os protestantes possuíam todas as terras, e tinham os
diferentes cultivos e os animais de granja e os rebanhos de fazendas.
Porém os católicos não tinham senão batatas, e quando se desatava
uma praga, não se fazia nenhum esforço para salvá-los da fome.
O Império Britânico buscou uma solução legal para os cidadãos do
Império, para que todos pudessem ter sua própria cidadania nas várias
colônias e terras que se converteram em parte da Commownealth(*).
(*)Commownealth. A Commonwealth of Nations (em português:
Comunidade de Nações), normalmente referida como Commonwealth e
anteriormente conhecida como a Commonwealth britânica, é uma organização
intergovernamental composta por 54 países membros independentes. Todos
as nações membros da organização, com exceção de Moçambique (antiga
colônia do Império Português) e Ruanda, faziam parte do Império Britânico, do
qual se desenvolveram).
Com uma manifesta exceção: Os irlandeses ficaram como apátridas(*).
Eles perderam a condição de britânicos, o que fez para eles mais difícil de
emigrar.
(*)Um apátrida é o indivíduo que não é titular de qualquer nacionalidade,
ou seja, é uma pessoa que não é considerado nacional por qualquer Estado).
Espere até que a lei marcial seja declarada nesse país. E espere até que
uma religião não-católica se converta em religião estabelecida, quando nossa
liberdade constitucional religiosa esteja a ponto de ser abolida. Quando haja
uma igreja estabelecida, então vai haver leis penais. E assim descobriremos
que a perseguição da Igreja está às portas. Então haverá que sofrer como
nunca haja sofrido na história do mundo.
A Rússia atacará
Se crê comumente que houve um colapso na União Soviética em 1989,
e que desde então terminou a Guerra Fria. Porém recentemente, inclusive o
Wall Street Journal sinalizou que agora há uma nova Guerra Fria. A Rússia
está se preparando para a guerra contra o Ocidente.
A alguns anos, quando visitei a Rússia, estive lendo as publicações, e os
mesmos analistas políticos russos admitiam que se estava planejando fazer
uma guerra contra o Ocidente. Qual é a razão para isso?, Eles explicam que os
Estados Unidos estão se movendo agressivamente na Ásia Central e no
Oriente Médio. Os líderes russos estão muito preocupados porque vão ser
rodeados. Eles dizem que os americanos afirmam que vão estar ali
temporariamente, porém logo vão ficar, e nós (os russos) somos os que vamos
ser obrigados a sair.

Os planos militares americanos


Se afirma comumente que os ataques para a conquista do Afeganistão e
do Iraque foram uma resposta aos atos de terroristas estrangeiros; inclusive
que a conquista do Afeganistão, Iraque e Irã haviam sido planejadas com
grande antecipação, muito antes de 11 de setembro de 2001.
Como disse o velho ditado, Veribus Scriptum manent - a palavra escrita
é permanente. Há documentos que resumem a política exterior do futuro
imediato e próximo, escritos lá pelos anos 90. E esses documentos chamam à
conquista desses países porque o governo Maçônico (que é o governo secreto
dentro do governo) quer estabelecer no mundo (como disse Bush pai em 11 de
setembro de 1991, "nós queremos estabelecer no mundo a Nova Ordem
Mundial").

A Nova Ordem Mundial


A Nova Ordem Mundial é inteiramente maçônica, e sua religião é
maçônica. Olhe a nota de um dólar, e você verá a expressão, "Em Deus
confiamos". Olhe à esquerda dessa expressão, e você verá de que deus eles
estão falando. Você verá a pirâmide, a pirâmide do Egito, o triângulo e o olho.
E você verá, como se fossem raios de sol emanando desse triângulo.
George Bush pai se referiu a mil pontos luminosos. Mil pontos luminosos
são a luz maçônica, a luz da Deidade Solar da Maçonaria, a deidade solar
pagã egípcia. Como disse Albert Pike em sua "Morals and Dogma of
Freemasonry" (Moral e Dogma da Maçonaria), "Lúcifer é o portador da luz. Não
duvide disso". Isso é o que eles querem dizer quando dizem, "In God we trust"
(Nós confiamos em Deus).
Em nome do combate ao terrorismo, eles implementaram plenamente a
lei marcial, a qual está ocorrendo por etapas. Na Constituição dos Estados
Unidos, as liberdades da Constituição já tem sido grandemente anuladas.
Então, aqueles que sejam definidos como "fanáticos religiosos" serão
tirados de seus lugares e enviados a acampamentos. Já falei sobre isso em
1989 – as "Ordens Executivas", promulgadas por Gerorge Bush pai,
autorizando o governo, em estado de emergência, a confiscar toda
propriedade, todo veículo, e a concentrar os civis e enviá-los a acampamentos.
Ás "Ordens Executivas" foi lhes dada força de lei. Essa será a perseguição da
Igreja na América do norte. E será a guerra.
A III Guerra Mundial
Unanimemente, em todas as profecias dos santos ao longo dos séculos,
e nas mais seguras e certas aparições de Nossa Senhora, se revelou que vai
haver uma tremenda Grande Guerra Mundial.
Estourará repentinamente, do Oriente ao Ocidente. Nossa Senhora
disse à irmã Elena Aiello, "A Rússia atacará os Estados Unidos com exércitos
secretos". Os russos já tem um exército de forças especiais e terroristas árabes
que eles tem treinado junto com a China Vermelha Comunista. Eles tem um
vasto exército, exércitos secretos, que estão esperando o dia em que se dê o
sinal, então eles irromperão juntos e levarão o caos ao Ocidente, e aos
Estados Unidos, e a toda a América do Norte.
E eles atacarão a Europa. Pela manhã parecerá que o mundo está em
paz. A tarde todo o mundo estará submergido na guerra. Nossa Senhora disse,
"Se as pessoas não se converterem (se eles não se afastarem de seus
pecados), o mundo vai ser castigado com a guerra, a fome, a perseguição da
Igreja e a perseguição do Santo Padre" (O Papa). Penso que nós já temos
alguma ideia do âmbito em que vai ter lugar esse tempo de guerra, fome, e
perseguição contra a Igreja e contra o Papa.
Nossa Senhora disse, junto com as profecias de muitos dos santos e
outros santos e indivíduos que morreram com reputação de grande santidade,
que "Parecerá que o mal estará triunfando". E será então que começará o
triunfo do Imaculado Coração de Maria.

A Rússia convertida, vencerá aos inimigos de Deus


Toda desculpa foi exercida para não consagrar a Rússia. Eles estão
dizendo que não podem consagrar a Rússia porque isso provocará a
perseguição da Igreja. A Igreja já é perseguida na Rússia. Porém Nossa
Senhora não disse que a Consagração vai provocar a perseguição da Igreja,
Ela disse que vai provocar a conversão da Rússia. Quando a Rússia for
convertida, deixará de perseguir a Igreja.
No só isso, quando a Rússia esteja convertida (e a Rússia é todavia até
este mesmo dia a maior super-potência militar sobre a Terra), a Tradição
Católica terá a força do super-poder militar mais poderoso que o mundo nunca
viu. O povo ortodoxo russo é muito firmemente tradicionalista. Eles hoje temem
a Igreja Romana porque tem visto a revolução protestante do Vaticano II na
Igreja. Eles tem visto como a Igreja tem sido consideravelmente destruída,
subvertida e corrompida. Que eles possam permitir que isso venha a acontecer
com as suas tradições ..., tal pensamento é intolerável.
Quando estive na Rússia, um moscovita extremamente educado me
explicou: na Rússia, se vocês forem mudar apenas a linguagem de uma oração
na Liturgia, isso seria considerado equivalente a heresia. Os fiéis ortodoxos se
rebelariam contra isso, eles rechaçariam tais mudanças. Porém eles tem visto
que na Igreja Romana houve muito pouca resistência às mudanças, às
mudanças protestantizantes que estão levando a Igreja à grande apostasia
profetizada na Sagrada Escritura e também no Terceiro Segredo de Fátima.
Porém com a conversão da Rússia, a Ortodoxia russa tradicional se
converterá em Católica Russa tradicional. E essa será a força condutora
espiritual que esmagará a Nova Ordem Mundial.

"NÃO TEMAS"
O mundo está por submergir-se em uma tremenda guerra; Pio XII disse,
"O mundo deve suportar em breve um sofrimento tal como nunca houve na
história do mundo". O diabo é o autor de todo o mal; a guerra, o sofrimento, a
fome, a inanição, e a perseguição contra a Igreja, são causados por seus
sequazes (seguidores), os maçons.
Eles (os maçons) são os que estão por trás de todos os ataques, para
poder destruir nossa nação (Os EUA) e convertê-la em uma república fascista,
em uma ditadura fascista, e ser o centro de uma república mundial, ou como
eles pensam, com uma religião maçônica estabelecida, estendida por todo o
mundo, para que Lúcifer seja adorado, e Jesus Cristo blasfemado. Esse é seu
plano.
Porém Nosso Senhor Jesus Cristo disse, "Não temais, Eu tenho
conquistado o mundo!, O príncipe deste mundo tem sido lançado de seu
trono!",
Recordemos que Jesus Cristo é o eterno Rei, o Senhor dos senhores. E
o Pai Todo-Poderoso disse, "Tu és Meu Filho, e desde este dia te tenho
engendrado. Sou Eu quem tem posto o cetro em Tua Mão, e Tu dominarás as
nações". Cristo é o Rei, e assim Nossa Senhora veio para nos recordar.
É através Dela que Ele triunfará. "Ao fim, Meu Coração Imaculado
triunfará.
O Santo Padre me consagrará à Rússia. A Rússia será convertida, e
será ao mundo um período de paz". Nossa Senhora disse, "Quando tudo
pareça estar perdido e o mal pareça estar triunfante, então virá Meu tempo".
Por meio de Seu triunfo, a Igreja Católica, a Fé Católica triunfará por
todo o mundo. E todo o mundo professará, e cantará Chistus Vincit, Christus
Regnat, Christus Imperat. Cristo Venceu, Cristo Governa, Cristo Reina.
Fonte: http://www.fatima.org/span/crusader/