Você está na página 1de 10

1. Como Montar o PPRA?

O PPRA ou Programa de Prevenção de Riscos Ambientes é um programa instituído


pela Norma Regulamentadora NR-9, com o objetivo de assegurar a preservação
da saúde do trabalhador, por meio da prevenção dos riscos ambientais aos quais
os mesmos são expostos.

A estruturação do PPRA será realizada em 3 etapas:

1 - Aplicação de Risco

2 - Caracterização do Risco

3 - Medição do Risco

Etapa 1 - Aplicar Riscos

Menu > Cadastro > Segurança > Grupo de Exposição

1 - Habilite "Consulta e Aplicação de Riscos"

2 - Selecione o Risco

3 - Ícone - "Alterar Aplicação de Risco para o Grupo de Exposição"


4 - Aplique o risco na hierarquia

- Clique no ícone - "Gravar" para finalizar aplicação.

Descrição da Hierarquia

UN (Unidade): Aplica o Risco para toda a hierarquia na Unidade selecionada.

US (Unidade/Setor): Aplica o Risco nesta Unidade e neste determinado Setor.

SE (Setor): Aplica o Risco em todos os Setores com o mesmo nome.

UC (Unidade/Cargo): Aplica o Risco na Unidade para o Cargo.

SC (Setor/Cargo): Aplica o risco para o Setor nesse Cargo.


USC (Unidade/Setor/Cargo): Aplicação o risco na Unidade/ Setor/ Cargo
especifica.

CA (Cargo): Aplica o Risco em todos os Cargos com o mesmo nome.

Existe uma outra forma de Aplicar Risco, veja abaixo:

Na tela "Grupo de Exposição" Clique no ícone - "Aplicação de Risco nos


Grupos de Exposição".

Observação: É necessário que um Risco seja selecionado.

Logo após, clique no comando referente a aplicação do Risco:

Clique em - "Alterar".

Selecione os Riscos e clique em - "Gravar".


Etapa 2 - Caracterizar Riscos

Clique no ícone - "Característica do Risco".

Observação: Para caracterizar o Risco ele precisa estar aplicado e selecionado


no campo "Riscos".

Clique no comando referente ao local onde foi aplicado o Risco.

Observação: Quando o comando referente a hierarquia aplicada estiver na


cor 'preta' indica que não foi feita a caracterização do risco para aquela
hierarquia, a cor 'verde' indica que já foi caracterizado.

Parametrize os dados e clique em - "Gravar".

Observação: É possível configurar uma característica padrão para o Risco,


acessando: Menu > Cadastro > Segurança > Risco. Busque e selecione o risco e
clique no ícone - "Característica Padrão do Risco". Para mais informações,
acesse o manual: Característica Padrão do Risco

Após a caracterização do Risco serão exibidos alguns ícones na tela, onde será
possível realizar a etapa 3.

Etapa 3 - Medição

A medição pode ser realizada através dos ícones:

- "Inclui Medição": Direciona para a tela de cadastro de medição para o


risco selecionado. Ao incluir a medição por essa tela, a hierarquia caracterizada
já virá selecionada.
- "Inclui Medição sem Combo de Exposição": Direciona para a tela de
medição porém não exibe a aba de hierarquia para seleção.

Exemplo: A imagem abaixo, demonstra a tela de inclusão da Medição, após

parametrizar os dados, clique em - "Gravar".


Observação: A parte selecionada em vermelho (A) é a aba de hierarquia que
não será exibida na tela de inclusão da Medição sem Combo de
Exposição, conforme explicação acima.

Os Ícones - "Cadastro de EPI", - "Cadastro de EPC" e - "Cadastro de


Fonte" são apenas atalhos, ou seja, direcionam para suas respectivas telas.

O ícone - "Copiar esta Caracterização Para Outros


Relacionamentos" permite copiar caracterização feita para outras hierarquias
com o mesmo risco aplicado.

Selecione as hierarquias que deseja copiar Característica do Risco:

Selecione os dados que serão copiados e clique em - "Gravar".

Observações:
1. Caso o local onde será copiada a Característica do Risco, possua uma
característica preenchida, será necessário selecionar "Sobrepor estas
características se o local já possuir" para que os dados sejam copiados.
2. As hierarquias com as características do risco inativas, serão visualizadas na
cor vermelha.

O ícone - "Copiar/Atualizar Estas Informações Para Outros Riscos


Relacionados à Fonte Geradora" permite copiar as informações de um risco
para outro diferente, se os mesmos possuírem a mesma Fonte geradora.

Selecione o Risco relacionado.

Selecione os dados que serão copiados e clique em - "Gravar".

Observação: Caso o Risco relacionado possua uma característica preenchida,


será necessário selecionar o parâmetro "Sobrepor estas características se o local
já possuir" para que os dados sejam copiados.

O ícone - "Copiar/Atualizar a medida de proposta e a observação das


Atividades", permite copiar as respostas dos campos "Medidas Propostas"
e "Observações/Metodologia" para o campo "OBS" na tela de inclusão de
Atividades.
O ícone - "Inclui Histórico", permite que seja encerrada a exposição de um
risco para determinada hierarquia.

Após preenchimento dos campos clique em - "Gravar".

Observações:
1. Quando é realizado o Histórico do Risco, a característica e o risco são
inativados para a hierarquia.

2. O Histórico do Risco será exibido no PPP dos funcionários que foram expostos
a esse Risco.

IMPORTANTE:

1. Não é permitido retirar a aplicação de um risco que tenha uma Medição


associada. Ao tentar retirar a aplicação, será visualizada a mensagem "Não foi
possível desaplicar o risco, pois a Origem possui Medição associada".

2. Não é permitido retirar a aplicação de um risco que tenha uma Característica


associada. Ao tentar retirar a aplicação, será visualizada a mensagem "Não foi
possível desaplicar o risco, pois a Origem possui Característica associada".

3. Para mostrar no PPRA a medição atenuada de um risco, é necessário que um


dos CA's vinculados na medição esteja no Cadastro do EPI. É necessário também
que o EPI esteja vinculado na caracterização do risco.

Você também pode gostar