Você está na página 1de 10

Capitúlo I

Introdução

A palavra pessoa refere-se a um ser irracional e consciente de si mesmo, com identidade


própria,como por exemplo o próprio ser humano .

A ética fundamental estuda o comportamento moral de um homem na sociedade e o indús a


uma reflexão sobre as sua acções.

De princípio, será feita uma pesquisa bibliográfica (pesquisa secundária), consistindo assim
no método indutivo. A pesquisa bibliográfica consistiu em buscar conteúdos sobre
necessidades de formação em unidades produtivas em documentos já elaborados, neste
caso, livros e vários outros materiais de natureza científica.

O presente trabalho é fruto de pesquisas feitas na internet e em algumas obras literárias de


escritores e filósofos, que tratam dos temas do trabalho.

O trabalho poderá auxiliar no desenvolvimento futuro de ferramentas e metodologias de


estudo da ética que possam contribuir para o aumento das iniciativas inovadoras de sucesso
no país, com foco de aplicação no meio científico e acadêmico.

Este trabalho quanto a sua estrutura esta dividido em capítulos em que o primeiro consta a
introdução,problematização, hipóteses,objectivos justificativa e metodologia, no segundo
capítulo é onde vem a fundamentação teórica: desenvolvimento dos temas com as
informações ou conteúdos relacionados com os temas em abordagem e extraídas em
algumas obras literárias e no terceiro e ultimo a conclusão e as referências bibliográficas.

1
Problematização

O presente trabalho pretende desenvolver um estudo da ética fundamental em três aspectos


que são a pessoa como o objecto de estudo da ética, o papel da sociedade humana no
progresso social e um episódio que um profissional da saúde se comporta de forma anti-
ética.

Constatou-se que muitas pessoas não conseguem dar o conceito da pessoa no ponto de vista
ético,qual é o principal ou como a sociedade humana contribui para o progresso social e
como um profissional se comporta de forma anti-ética.

Tendo constatado esse défice na resolução desses problemas é do meu interesse entender o
seguinte:

 Até que ponto a ética estuda a pessoa, a sociedade humana, pode contribuir para o
progresso social?

Hipóteses

H1- É provável que os estudantes não tenham prestado atenção quando se abordavam os
temas dentro da sala de aula;

H2- Pode se dar o caso que o docente ao denserrolar o tema não tenha sido explicito, para
ajudar na percepção dos temas;

H3- Pode ser que os estudantes no âmbito da investigação ou leitura,tenham se equivocados


com o temas, ou tenham percebido mal oque os temas falavam.

2
Objectivos

Segundo Libâneo (1990:119), os objectivos antecipam os resultados e processos esperados


do trabalho, expressando conhecimentos, habilidades e hábitos (conteúdo) a serem
assimilados de acordo as exigências metodológicas.

Objectivo Geral

 Estudar a pessoa como objecto de estudo da ética e o seu papel no progresso social.

Objectivos específicos

 Analisar quão o conceito da pessoa se engloba na ética;

 Enumerar aluguns deveres da sociedade no progresso social

 Servir como base para estudos futuros na área da ética c bem como possa ser
utilizado para a melhoria das ferramentas atualmente existentes e empregadas nesse
contexto.

Justificativa
3
O docente deu esses temas para desenvolver porque é um tema que achou ideal por ser de
domínio pessoal, além disso tenho certeza de que possui várias obras que podem me ajudar
a desenvolver esse estudo, não só, por termos estudado a cadeira de ética Fundamental, irei
me guiar pelo conhecimento lá adquirido para aprofundar a pesquisa. E também o que
motivou o docente a dar esses temas é o facto de ser um que podíamos desenvolver dentro
do tempo que ele estabeleceu para a pesquisa.

Metodologia

4
A importância metodológica de um trabalho pode ser justificada pela necessidade de
embasamento científico adequado, pela busca da melhor abordagem para endereçar as
questões da pesquisa (MIGUEL, 2010).

As hipóteses são os fatores produtivos da pesquisa - principalmente as de abordagem


quantitativa - e desencadeiam o processo científico. São como soluções provisórias ao
problema, servem para orientar a investigação e necessitam teste, verificação, focalizando
os segmentos a serem observados, evitando dispersões. Além disso, identificam as
informações necessárias à explicação dos fenômenos ao desencadearem inferências sobre
os dados - seu caráter, quantidade e relações - classificando-os e estabelecendo relações de
importância entre as variáveis envolvidas no processo (BERTO; NAKANO, 2000).

Assim, de acordo com as premissas fundamentais do trabalho optou-se por um estudo de


natureza aplicada que objetiva gerar conhecimentos para aplicação prática dirigidos à
solução de problemas específicos. Esse tipo de pesquisa faz referência ao processo
investigativo e desenvolvimento de novos conhecimentos ou a compreensão dos já
existentes, necessários para determinar os meios pelos quais se pode desenvolver e
aprimorar produtos, processos ou sistemas, com vistas à satisfação de uma necessidade
específica e reconhecida.

Quanto aos objetivos e abordagem, a pesquisa está classificada como quantitativo-


descritiva. Essas são pesquisas empíricas cuja principal finalidade é o delineamento ou
análise das características de fatos ou fenômenos, a avaliação de programas e definição de
variáveis principais.

Capitúlo II

5
II.I-O conceito da pessoa como objecto de estudo da ética

Neste capitúlo irei falar da pessoa como objecto de estuda da ética, já é sabido que a ética
estudao comportamento.

Tendo em conta que em cada acção tem um meio e um fim ùtil de cada agir humano,
presume-se que toda acção seja para atingir a felecidade do homem dentro da sociedade
onde vive.

A ética é um conjunto de valores morais e princípios que norteiam a conduta humana na


sociedade,a ètica serve para que haja um equilibrio e bom funcionamento social,
possibilitando que ninguem saia prejudicado.

A ética é o ponto de partida para obter as respostas para problemas que teremos no percurso
para o alacance dos nossos sonhos.

Uma pessoa é um ser social dotado de sensibilidade com inteligência e vontade


propriamente humana.As pessoas fisicas ou naturais correspondem a um conceito juridíco
que foi eleborado pelos juristas romanos.

Hoje em dia, as pessoas fisicas contam, pelo ùnico facto de existirem, com diversos
atributos atribuidos por direito.

No campo da filosofia, uma pessoa é um ser que possui capacidades de pensar, agir,
racionalizar, é alguém que tem auto-consciência,moralidade entre outros.

Alguns filósofos da antiguidade e da idade mèdia como Cícero, Boécio e São Tomás De
Aquino define a pessoa segundo os seus ponto de vista:

Para CÍCERO, a pessoa é um sujeito de direitos e deveres;

Para BOÉCIO,a pessoa é uma substancia individual da natureza irracional;

Para SÃO TÓMAS DE AQUINO, a pessoa é um ser subsistente da natureza racional.

Para Boécio e São Tómas de Aquino a pessoa é um ser da natureza individual e racional.

6
Em português coloquial, pessoa é sinónimo de ser humana.Uma das caracteristicas que
distingue uma pessoa de outros seres e a sua plena capacidade mental para fazer escolhas,
analisar sitrucaoes, saber como solucionar problemas.

II.II-Papel da sociedade humana para o progresso social

No presente capitúlo falarei do papel da sociedade humana,a sociedade é a interligação


entre os individuos, os quais dependem uns dos outros na execução de suas tarefas.

A sociedade é um conjunto de seres que convivem de forma organizada, dai podemos


definir a sociedade humana como um conjunto de pessoas que vive em determinado espaço
e tempo de acordo com certas regra.s

A sociedade humana contribui para o desenvolvimento sociedade,implementando novas


ideias no campo cultural, àgricola, económico, e em outros campos que podem ajudar no
progresso da sociedade.

Os membros da sociedade humana podem pertencer a diferentes niveis ou classes sociais,


sendo assim os membros da sociedade humana devem comprir com as regras para sanarem
conflitos e ajudarem-se uns dos outros.

Uma sociedade humana é um conjunto de cidadãos de um certo país, que estão sujeitos a
mesma autoridade política, as mesmas leis e normas de conduta, organizados socialmente e
gorvenados por entidades que zelam pelo bem estar desse grupo.

Esse grupo de cidadãos deve incentivar a essas entidades, ajudando nas limpezas do
ambiente ou da natureza, acatando as regras ou ordens e cumprindo os seus deveres.

Para que o individuo que nasce nessa sociedade a compreenda ele deverá aprender os
aspectos culturais vigentes dessa sociedade, a esse tipo de aprendizagem dá-se o n ome de
socialização.

Como o individuo por se só não pode aproximar se da perfeição, torna-se necessária a


presença do estado ou da comunidade política, isto é, o homem é bom enquanto bom
cidadão.

7
II.III-Episódio em que um profissional da saúde não usa nenhuma conduta ética

Neste capitúlo vou descrever um episódio onde um profissional da saúde não usa nenhuma
conduta ética, ou seja, se comporta de forma anti-ética.Portar se de forma ética e importânte
para a vida e saúde de qualquer pessoa.

Um se anti-ético é aquele que não tem princípios, nem valores morais, não se respeita a se
mesmo,age de uma maneira errada com os outros.

Uma jovem dos seus 17 anos de idade,vive longe dos seus pais,esta se encontra numa
cidade longíqua,devido as mudanças climáticas sentiu-se mal,tinha febre,dores na
garganta ,dores de cabeça e gripe, tendo constatado que melhoraria sem ter que se
aproximar a um centro de saúde, decidiu ir ao mais próximo da sua residência,chegado lá
compriu a bicha até chegar a vez dela entrar no gabinete do banco-de-socorro para falar
com o doctor,chegou a vez dela, entrou no gabinete saudou o doctor e ele correspondeu, o
doctor perguntou:

- o que sentes menina?

A menina respondeu:

- Tenho gripe,febre, dores na garganta e de cabeça

Daí o doctor o doctor pôs se a receitar os medicamentos e pediu para que se dirigisse a
farmácia para adquirir os farmácos.

O doctor portou-se de uma maneira muito errada a não encaminhar a paciente ao


laboratório para que sejam feitos exames de sangue para que se saiba oque a paciente
tinha,depois dos resultados ele já podia receitar os farmácos necessários para a cura dessa
enfermidade.

No nosso país, quando os pacientes se deparam com doctores com esse comportamento,
como o mau atendimento, nas vetrines vem um comunicado que diz: ``em caso de mau
atendimento ligue para `` , neste espaço consta o número do director do hospital entre
outros membros da direcção.

8
Capitúlo III

Conclusão

O trabalho permitiu identificar, dentre as práticas da socieade humana qual delas ajuda de
forma honesta a sociedade a progredir, e quais são mais utilizadas pela população e
acadêmicos, bem como suas principais formas de abordagem, vantagens percebidas e
dificuldades. Entretanto, não foi possível concluir o quanto a utilização dessas práticas
contribui para o sucesso do desenvolvimento social, tanto nas empresas quanto nas
universidades e centros de pesquisa.

9
Referências bibliográficas

BARQUETTE, Steal (Org.); CHAOUBAH, Alfredo.Psicológia Geral. São Paulo: Saraiva,


2007.

OSLO MANUAL. Diretrizes para a coleta e interpretação de dados sobre inovação. 3.


ed. OECD: Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico. FINEP, 1997

Referencias Eletrónicas
https://pt.wikipedia.org/wiki/ética Fundamental. 11/03/2020 as 16:38min

10