Você está na página 1de 3

Ficha de leitura do Conto Sempre é uma companhia, de Manuel da Fonseca

Soluções

1) Estabelece a correspondência correta entre cada uma das alíneas e as características do


texto narrativo a que se referem.

Concentração dos acontecimentos sem inserção de


intrigas secundárias a)  1  1) ação
Recurso ao sumário e à elipse b)  3  2) espaço

Apresentação de número reduzido de intervenientes  3) tempo


na ação c)  4
Limitação dos lugares onde a ação se desenrola d)  2  4) personagens

2) Indica em que consiste cada um dos elementos que constituem o género conto,
estabelecendo a correspondência correta entre cada uma das alíneas.

Peripécia inicial a)  1  1) Exposição do conjunto de circunstâncias com base nas quais se vai
desenvolver a intriga.
Complicação b)  2  2) Acontecimento(s) que altera(m) o equilíbrio e a imobilidade próprios
da situação inicial.
Reação c)  3  3) Acontecimento que constitui o nó da ação e que se desenrola até à
fase de resolução.
Resolução d)  4  4) Resposta à questão “qual foi o acontecimento decisivo desta
história?”. Inclui o verdadeiro clímax da intriga.
Peripécia final e)  5  5)Fim da narrativa e enquadramento do(s) protagonista(s) num novo
contexto, revelando de que maneira foi/foram afetado(s).

3) Classifica como verdadeiras ou falsas as seguintes afirmações, de acordo com os


conhecimentos que tens sobre as personagens presentes no conto “Sempre é uma
companhia”, de Manuel da Fonseca.

Verdadeir Falso
o
a)  Batola é apresentado como uma personagem inativa, dominada pela
inércia.
b)  Tal como o seu marido, a mulher de Batola deixa-se dominar pela preguiça,
e não tem nenhuma ocupação diária.
c)  A mulher do Batola é alta e tem um rosto redondo e alegre.
d)  A agressividade e o consumo de álcool revelam que Batola é um homem só
e desalentado, cuja vida vazia já nada tem para lhe oferecer.
e)   O velho Rata contava as viagens que fazia, alegrando as tardes do Batola.
4) Em cada alínea, seleciona a opção de forma a obteres afirmações corretas sobre as
personagens do conto “Sempre é uma companhia”.

1. A mulher do Batola, ao longo da ação, vai-se revelando dominadora/


submissa/ frágil. Tudo acaba por ser feito como ela entende, apesar da relação do
casal se caracterizar pela falta de confiança/ distância física/ falta de
comunicação.
2. Rata figura o mensageiro, aquele que traz notícias do que se passa fora da aldeia,
o que o terá levado a refugiar-se em casa/ desaparecer/ suicidar-se.
3. A vida dos homens de Alcaria é comparada à vida animalesca, pois é marcada
pela falta de amor e harmonia / trabalho e novas oportunidades / esperança e
solidão.

5) Seleciona as frases que nos remetem para a condição de solidão vivida pelas
personagens no conto “Sempre é uma companhia”.
a)  “De quando em quando, Batola matava-lhe a fome.”
b)  “Um silêncio que caiu, estiraçado por vales e cabeços, e que dorme
profundamente.”
c)  “Breve, a aldeia ficará adormecida, afundada nas trevas.”
d)  “Pedia de monte a monte, chegava a ir a Ourique, a Castro, à Messejana.
Até fora a Beja.”

e)  “Carregado de tristeza, o entardecer demora anos.”

6) Através da voz da rádio, os habitantes de Alcaria encontraram uma resposta contra os


sentimentos que os caracterizavam no início do conto. O que mudou na vida destes
homens?
a)  Deixaram de viver numa comunidade isolada geograficamente.
b)  Venceram a solidão, o silêncio e o abandono.
c) Sentiram-se integrados culturalmente.
d) Criaram uma nova dinâmica de relações pessoais.
e)  Alteraram significativamente o seu comportamento, apesar da solidão individual.
7) Estabelece a correspondência correta entre as expressões textuais do conto “Sempre é
uma companhia” e os tipos de espaços descritos.

“Iam todos, de novo, recuar para muito longe, lá para a)  b) 1) Espaço sociopolítico
o fim do mundo, onde sempre tinham vivido.”
“Uma voz forte, rápida, dava notícias da guerra” b)  c) 2) Espaço psicológico

“Acontece que, certa noite, se arma uma festa na c)  a)3) Espaço físico
venda do Batola.”

8) Classifica como verdadeiras ou falsas as seguintes frases de acordo com a linguagem e o


estilo de Manuel da Fonseca no conto “Sempre é uma companhia”.
Verdadeiro Falso
a) O narrador introduz discretamente a sua ótica na descrição de
a)   personagens e paisagens.
b)
b)  

c)   Evita-se a utilização de regionalismo e expressões populares,


distanciando as personagens do espaço e do tempo em que se
d)   integram.
e)  a complexidade
d)Denota-se  dac) linguagem
A descrição e a narração
utilizada, alternam
recorrendo a com o monólogo ou, mais
termos polissémicos. frequentemente, com o diálogo de personagens.

e) Em Manuel da Fonseca o espaço influencia diretamente as


personagens e os sentimentos de angústia, solidão ou tédio que elas
manifestam.