Você está na página 1de 6

PREFEITURA DE SÃO JOSÉ DOS CAMPOS p.

1
SECRETARIA DE EDUCAÇÃO E CIDADANIA
DIVISÃO DE ENSINO FUNDAMENTAL

Atividades de GEOGRAFIA

Orientações

1. Todas as atividades devem ser registradas no caderno com data, de acordo com seu horário de aula.
2. Crie um horário de estudo todos os dias para realizar as atividades.
3. Leia os textos disponíveis no livro, todos eles. Repita cada parágrafo com suas palavras. Escreva sínteses
(pequenos resumos em tópicos) de cada parágrafo.

4. Neste primeiro momento as atividades enviadas são atividades de revisão. Todos conteúdos a seguir já
foram explicados em sala de aula anteriormente.
5. Você pode acessar o aplicativo Google Sala de Aula para assistir vídeos, tirar dúvidas e obter mais
informações (lembre-se de que, como foi dito na sala de aula, este recurso é opcional). Na sala de aula
vocês já foram orientados a acessar o Google Sala de Aula e receberam o código de acesso, porém caso
ainda não tenham realizado o procedimento segue as orientações novamente:
- Acesse o vídeo tutorial para saber como acessar como aluno via computador:
https://www.youtube.com/watch?v=F6ZIYJ59cK0
- Você também pode adicionar o aplicativo no seu celular, basta pesquisar “Google Sala de aula” na loja de
aplicativos do seu smartphone.
- CÓDIGO DE ACESSO DO 9º ANO: hhqmgjy
Registre a data que você teria aula na nesta semana.
Exemplo: A atividade 1 deve ser registrada com a data em que você teria aula,
seguindo seu horário:
9º ano A – Dia 23/03 (aula na segunda-feira)

9º ano B – Dia 25/03 (aula na quarta-feira)

9º ano C – Dia 24/03 (aula na terça-feira)

6º ano C – Dia 23/03

Atividades para a semana do dia 23/03 a 27/03



p. 2
ATIVIDADE 1 (Realizar em uma aula)

Onde começa e onde termina o Ocidente?

Ingleses dividindo o mundo, até quando? Lembro quando eram só tribos de anglos, saxões e jutos

brigando com vikings e celtas. Mas vamos lá. Geograficamente, o Meridiano de Greenwich, a Linha do

Equador de pé, divide o mundo em Oriente (também chamado de Leste) e Ocidente (Oeste).

Mas quando falamos Oriente, assim, com mais pompa, ecos, negritos e itálicos, não estamos nos

referindo apenas à divisão geográfica, mas também a religião, valores e cultura. O Marcos Antonio de

Moraes, professor de Geografia e autor do livro Oriente Médio, dá uma “provocadinha” de quem faz uma

leitura deveras geográfica dessa divisão. Vai vendo: a prova que essa é apenas uma separação

longitudinal é que 90% da Europa está a leste de Greenwich, o que, geograficamente, faz dela parte do

Oriente. Tudo que fica para lá de Greenwich, na região de Londres, seria Oriente. França, Itália, Alemanha

etc. Analisando fatores como a cultura dos países, qualé, Itália é do Oriente? Chega-se à rápida

conclusão de que eles fazem parte do Ocidente.

Deixando a enrolação de lado para quem ainda está lendo e gerando tempo de permanência no site

para os chefes regozijarem-se, bora à resposta.

Para entender onde começa e onde termina o Oriente, Moraes explica que é preciso analisar onde

está o mundo islâmico. De oeste a leste, estende-se desde o Senegal, no oeste da África, até às Filipinas,

nos limites do Oceano Pacífico. De norte a sul, vai desde o Cazaquistão, na Ásia Central, até a área entre a

Tanzânia, na África, e a Indonésia, no Oceano Índico. Não que todos os países dentro dessa enorme área

sejam muçulmanos, mas sim de culturas e religiões diferentes das do Ocidente, que é judaico-cristão. Por

exemplo, Austrália e Nova Zelândia, lá do outro lado, são do Ocidente.

https://super.abril.com.br/blog/oraculo/onde-comeca-e-onde-termina-o-ocidente/

Sobre a divisão do mundo em Ocidente e Oriente, responda seguintes questões:

a) Essa divisão obedece aos limites do Meridiano de Greenwich, que divide o planeta em Leste e Oeste?
b) Você conhece as origens dessa divisão? Registre as ideias principais no seu caderno.

DICA: Acesse o link e leia mais um texto sobre este tema:


https://noticias.uol.com.br/internacional/ultimas-noticias/2018/09/24/brasil-nao-e-pais-ocidental.htm
p. 3
ATIVIDADE 2 (Realizar em uma aula)

Você já ouviu falar do Muro de Berlim? Conhece os motivos que levaram à sua construção e as suas
consequências? Observe e analise a imagem e leia o texto para ampliar o seu repertório sobre o tema.

Imagem 1. Memorial do Muro de Berlim. Fonte: Pixabay.

Um susto de concreto que durou 28 anos


https://jornal.usp.br/cultura/um-susto-de-concreto-que-durou-28-anos/
p. 4
Com base nos seus conhecimentos sobre o tema, informações extraídas da imagem e do texto, responda às
questões propostas no seu caderno.

a) No dia 13 de agosto de 1961, o então presidente do lado oriental da Alemanha, Walter Ulbricht, ordenou às
tropas do exército que fizessem uma barreira que impedisse a passagem de qualquer civil. Quais impactos
essa decisão provocou na vida das pessoas?
b) O que significa a expressão Cortina de Ferro?
c) Explique qual foi o critério estabelecido para dividir a Alemanha em Ocidental e Oriental.
d) Pesquise depoimentos de pessoas que viveram na Alemanha nesse período e vivenciaram no cotidiano
essa separação.

Adeus, Lenin

ATIVIDADE 3 (Realizar em uma aula)

A divisão do mundo entre Ocidente e Oriente remonta ao império Romano. No entanto, desse período até os
dias de hoje, essa forma de regionalização ganhou diferentes dimensões. Após a Segunda Guerra Mundial,
principalmente na Europa, a denominação Ocidente e Oriente recebeu conotação geopolítica, sendo utilizada na
divisão dos países entre dois sistemas sociais, políticos e econômicos: o capitalista (ocidente), com países
alinhados aos Estados Unidos da América, e o socialista (oriente), com países alinhados à União das Repúblicas
Socialistas Soviéticas (URSS). Pesquise as respectivas características de cada sistema e registre no seu
caderno.

Atividades para a semana do dia 30/03 a 03/04


ATIVIDADE 1 (Realizar em uma aula)

Realize uma leitura prévia do texto abaixo, a seguir grife as palavras que você não conhece e pesquise os
significados.
p. 5

“As tensões de uma guerra não declarada”


Para entender o período que ficou conhecido como Guerra Fria, é preciso mergulhar no passado e
compreender dois conceitos fundamentais: a bipolaridade e multipolaridade. Até a Segunda Guerra Mundial
(1939-1945), havia uma ordem mundial multipolar, ou seja, a forma pela qual as nações estruturavam as
relações de poder mundial era equilibrada entre as grandes potências da época: Alemanha, Estados Unidos da
América, Rússia, Reino Unido e Japão. Nenhuma dessas nações exercia poder para se impor perante as outras.
Contudo, ao final da Segunda Guerra Mundial, alguns países tiveram muitas perdas econômicas e sociais,
inclusive de sua população. Esse cenário que enfraqueceu algumas nações trouxe aos Estados Unidos da
América e à União das Repúblicas Socialistas Soviéticas a possibilidade de se manter financeiramente, muito
embora tivessem prejuízos pela participação na guerra. Ao fim da Segunda Guerra Mundial, dois países
despontaram como os grandes vencedores – os Estados Unidos da América e a União Soviética. Assim, a
estrutura geopolítica multipolar desmoronou, dando origem à nova ordem mundial bipolar. Com essa nova
configuração, o poder mundial passou a ser disputado por essas duas grandes potências. Essa disputa de
poder resultou das profundas divergências ideológicas: de um lado, o denominado bloco comunista ou socialista
liderado pela União da Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS) defendia um estado forte, a socialização dos
meios de produção, o bem comum a todos e a extinção da sociedade dividida em classes; do outro lado, o
bloco ocidental ou capitalista, sob a liderança dos Estados Unidos da América, que defendia o lucro, a liberdade
econômica, a propriedade privada e a lei da oferta e da procura.
Esse período que se estendeu entre o fim da Segunda Guerra Mundial (1945) e a queda do Muro de
Berlim (1989) foi marcado pela disputa ideológica, armamentista e espacial entre EUA e URSS. Não houve
conflito armado declarado entre as duas potências, mas essa disputa influenciou diversos conflitos e guerras
em vários países, como Vietnã, Coreia do Norte, Coreia do Sul, além de grupos separatistas na África, entre
outros conflitos.

Com base nas informações extraídas do texto e em pesquisas adicionais, responda às questões no seu
caderno.

a) Anote os significados das palavras pesquisadas.

b) Com base na leitura do texto, explique a diferença entre bipolaridade e multipolaridade.

c) O capitalismo é o sistema dominante no mundo atual, que influencia diretamente diferentes culturas. Cite
exemplos que demonstram relações típicas do sistema capitalista no nosso dia a dia.

d) A Guerra Fria foi marcada por um período de espionagem e propaganda política inspirando a criação de
filmes e super-heróis. Converse com os(as) colegas e, se possível, pesquise na internet o nome de alguns
filmes ou super-heróis que retratam esse período. Elabore uma breve explicação de como a Guerra Fria é
retratada nesses filmes ou histórias em quadrinhos.
p. 6

ATIVIDADE 2 (Realizar em uma aula)

Assista aos vídeos indicados:


• Acesse https://www.youtube.com/watch?v=AGQw01AL0Bo
Por que o muro de Berlim foi construído e por que caiu? A análise 30 anos depois – Apresenta relatos sobre as
origens da construção e a queda do Muro de Berlim. O vídeo foi publicado no canal BBC News Brasil.

• Acesse https://www.youtube.com/watch?time_continue=244&v=ZzVzcpwc3rg&feature=emb_logo Histórias do


Outro Lado – 30 anos da Queda do Muro de Berlim – Apresenta uma síntese do trabalho acadêmico da
historiadora Raquel Mundim Tôrres, da Universidade de São Paulo (USP), no qual ela investiga relatos de
viagem escritos por brasileiros que foram à URSS durante o período da Guerra Fria. O vídeo foi publicado no
Canal USP.

De acordo com os relatos mencionados nos vídeos, comente o que era a vida soviética, o que constituía o dia a
dia dos cidadãos da Alemanha Ocidental e Oriental e a questão da reunificação. Registre as ideias principais no
seu caderno.

ATIVIDADE 3 (Realizar em uma aula)

Em 1996, Samuel P. Huntington, cientista político norte-americano, criou a teoria do Choque de Civilizações,
segundo a qual os principais atores políticos do século XXI seriam civilizações e não os estados nacionais, e as
principais fontes de conflitos após a Guerra Fria não seriam as tensões ideológicas, mas culturais e religiosas.
Pesquise em diferentes sites da internet informações, dados, mapas e imagens sobre essa teoria. Registre as
suas descobertas e percepções no caderno.

DICA: Acesse https://siteantigo.portaleducacao.com.br/conteudo/artigos/direito/geografia-a-teoria-choque-de-


civilizacoes/51293

Elaborado e organizado por professora Vanessa de Geografia

prof.vanessageo@gmail.com