Você está na página 1de 31

Livro Eletrônico

Aula 00

Fisioterapia Respiratória e Cardiovascular p/ Concursos de Fisioterapeuta

Professor: Rodrigo Storck

00000000000 - DEMO
!∀#∀∃%&∋()∀(∗+&#)∀∋(%,∋∀(∗&∗−(∋.∀∃/(#012(∋
3&∃∋∀(∗&∗&4&∋050∀∃#∗0∃6&7%(.∃#∗
8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗>∗?12(∗≅≅∗
!
AULA 00: ANATOMIA E FISIOLOGIA DO SISTEMA
CARDIOVASCULAR

SUMÁRIO PÁGINA

1. Apresentação 01

2. Cronograma do módulo 02

3. Anatomia funcional do sistema cardiovascular 04

3.1 O músculo cardíaco e suas características 04


0
3.2 As câmaras cardíacas 07

3.3 O funcionamento do sistema valvar 09

3.4 O sistema de condução e o eletrocardiograma normal 11

3.5 O ciclo cardíaco 14

4. Hora de Praticar 16

5. Lista das questões apresentadas 23

6. Gabarito 28

7. Referências Bibliográficas 29

Olá pessoal! Como estão?

Meu nome é Rodrigo Storck e estou muitíssimo feliz e animado em


poder contribuir para que esta etapa da sua preparação seja concluída
com muito sucesso. Assim como eu, você sabe que uma boa estratégia de
preparação é fundamental para chegar ao objetivo o mais rápido possível,
e é para isso que estou aqui, para te ajudar em ser fiel à sua estratégia.
Não tenha dúvidas, você só não chegará ao seu objetivo se você desistir
dele. Conte comigo, estarei ao seu lado nessa caminhada!

8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗!!!∀#∃%&∋%#()∋∗+,∗−&∃+∃∀∗+.∀/&0!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!1!∀#!23!

00000000000 - DEMO
!∀#∀∃%&∋()∀(∗+&#)∀∋(%,∋∀(∗&∗−(∋.∀∃/(#012(∋
0 3&∃∋∀(∗&∗&4&∋050∀∃#∗0∃6&7%(.∃#∗
8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗>∗?12(∗≅≅∗
Muito bem, diante desse cenário vamos iniciar nossa parceria
tratando de aspectos importantíssimos relacionados à Fisioterapia
respiratória e cardiovascular.
Vamos lá! Nesse primeiro encontro conversaremos sobre a
anatomia e a fisiologia do sistema cardiovascular. Este conteúdo, além de
ser fundamental para a compreensão da Fisioterapia respiratória e
cardiovascular, continua sendo amplamente explorado nos concursos
públicos espalhados por todo o Brasil, o que me faz dedicar um bom
tempo de conversa sobre esse tema com você.
Com o intuito de organização, nossos encontros seguirão o
cronograma de conteúdos relacionados na tabela abaixo.

AULA SUMÁRIO

00 Anatomia e fisiologia do sistema cardiovascular

01 Anatomia e fisiologia do sistema respiratório

02 Patologia dos sistemas respiratório e cardiovascular

03 Fisioterapia respiratória e cardiovascular

04 Provas de função pulmonar e testes de função cardiovascular

05 Ventilação mecânica

No decorrer dos nossos encontros darei o meu melhor para ajudar


você a compreender todo o conteúdo proposto usando, sempre que
possível, questões de concursos para facilitar o entendimento de como
todo o conteúdo é cobrado nesses concursos. Não tenho dúvidas que você
se sentirá muito à vontade para realizar qualquer concurso pelo Brasil,
esse será o nosso trato! Nós teremos a oportunidade de nos
encontrarmos no Fórum (vocês terão acesso exclusivo) para tirarmos
todas as dúvidas que surgirem.

8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗!!!∀#∃%&∋%#()∋∗+,∗−&∃+∃∀∗+.∀/&0!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!2!∀#!23!

00000000000 - DEMO
!∀#∀∃%&∋()∀(∗+&#)∀∋(%,∋∀(∗&∗−(∋.∀∃/(#012(∋
0 3&∃∋∀(∗&∗&4&∋050∀∃#∗0∃6&7%(.∃#∗
8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗>∗?12(∗≅≅∗
Serão muitos dias estudando esse material, portanto, para você se
sentir mais confiante e com muito ânimo, me permita falar de forma bem
breve sobre mim... tudo bem?
Como já havia falado meu nome é Rodrigo Storck Carvalho, mas
costumam me chamar de Storck ou Rodrigo Storck, nasci no estado do
Rio de Janeiro, morei em várias cidades desse enorme Brasil e hoje vivo
em Brasília, desde o ano de 2000, ano em que iniciei minha formação em
Fisioterapia. No ano de 2005 concluí o curso de Fisioterapia. Neste ano fui
aprovado em dois concursos públicos aqui em Brasília, sendo um deles o
concurso para o Hospital Sarah. No ano de 2006 concluí minha
especialização em Fisioterapia Pneumofuncional pela Universidade de
Brasília, em 2009 concluí meu Mestrado em Ciências Médicas pela
Universidade de Brasília e em 2013 concluí meu Doutorado em Ciências
Médicas também pela Universidade de Brasília.
Nunca me acomodei e continuei buscando novas conquistas, quando
então, ainda durante o Curso do meu Mestrado, passei a ser membro de
algumas sociedades internacionais de imensa importância na área, como
a American Thoracic Society (EUA), a European Respiratory Society
(Suiça) e American physiological Society (EUA).
Como parte de toda a minha dedicação ao estudo dentro da área da
pneumologia e cardiologia criei um canal no YouTube para publicação
semanal de vídeo aulas acerca de fisiologia respiratória e cardiovascular.
Acessem e se inscrevam no canal no link,
https://www.youtube.com/channel/UCuM33RUzYM7g6lF_wt84ssw. Além
do canal no YouTube, também estou inserido nas redes sociais, como
Facebook e Instagram, onde você pode me encontrar como Prof. Rodrigo
Storck.
Pessoal, eu consegui atingir todos os objetivos traçados até o
presente momento, e tenho certeza que os próximos também serão. Eu
consegui, você também conseguirá atingir os seus objetivos, não desista,
invista e se prepare para realizar seus sonhos. Vamos começar!!!

8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗!!!∀#∃%&∋%#()∋∗+,∗−&∃+∃∀∗+.∀/&0!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!4!∀#!23!

00000000000 - DEMO
!∀#∀∃%&∋()∀(∗+&#)∀∋(%,∋∀(∗&∗−(∋.∀∃/(#012(∋
0 3&∃∋∀(∗&∗&4&∋050∀∃#∗0∃6&7%(.∃#∗
8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗>∗?12(∗≅≅∗
ANATOMIA FUNCIONAL DO SISTEMA CARDIOVASCULAR

O músculo cardíaco e suas características

Como falar da anatomia do coração sem antes compreendermos


que se trata de um órgão formado por um tipo de músculo bem
específico? Você se lembra que durante as aulas de anatomia e fisiologia
os professores falavam que nosso organismo tem 3 tipos de músculos?
Pois é isso mesmo, olha a tabela 01 abaixo:

6∋/#7∋0106)8+∃09#0.:∃∗−7+∃∀0

Tipo Localização e Função

Músculo liso Localizado nos órgãos, vasos sanguíneos e


vias aéreas. Tem a função de manutenção
da sustentação dos tecidos onde estão
presentes

Músculo estriado esquelético Localizado no esqueleto humano. Tem a


função de prover o movimento humano em
conjunto com o esqueleto

Músculo estriado cardíaco O coração é formado por músculo estriado


cardíaco. Tem a função de viabilizar a
atividade de bomba cardíaca

Bom, já sabemos que o coração é constituído de um tipo de


músculo chamado músculo estriado cardíaco, agora precisamos saber
como este músculo é distribuído no coração.
Podemos separar o coração em 3 camadas de músculo. São elas: (i)
endocárdio, é a camada muscular mais interna do coração; (ii)
miocárdio, é a camada mais volumosa do coração e a principal
responsável pela motricidade cardíaca, pelo movimento de bomba
cardíaca; e (iii) epicárdio, é a camada mais externa do coração. Confira

8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗!!!∀#∃%&∋%#()∋∗+,∗−&∃+∃∀∗+.∀/&0!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!5!∀#!23!

00000000000 - DEMO
!∀#∀∃%&∋()∀(∗+&#)∀∋(%,∋∀(∗&∗−(∋.∀∃/(#012(∋
0 3&∃∋∀(∗&∗&4&∋050∀∃#∗0∃6&7%(.∃#∗
8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗>∗?12(∗≅≅∗
essas camadas musculares na figura 01. Olhando para a figura 01 você
deve estar se perguntando: e o que é esse saco pericárdico? Bom, o saco
pericárdico é um tecido que envolve o coração, permitindo que seus
movimentos sejam realizados sem muito atrito com os tecidos
adjacentes. O saco pericárdico é formado por duas estruturas, são elas:
(i) o pericárdio visceral, que está junto ao epicárdio; e (ii) o pericárdio
parietal, que está mais próximo as paredes do mediastino.
Mediastino? O coração fica localizado em uma região dentro do
tórax chamada mediastino, em sua porção média, portanto a localização
exata do coração é o mediastino médio, com o ápice cardíaco (a
"ponta" do coração) levemente voltado para o lado esquerdo. Algumas
pessoas tem o ápice cardíaco voltado para o lado direito, sendo esta
condição chamada de dextrocardia.

!
<)(−&∋010=∋.∋9∋∃0.−∃∗−7∋&#∃09+0∗+&∋>?+∀

Antes de evoluirmos para o estudo das câmaras cardíacas, vamos


entender o porquê do coração ter ritmo próprio ("bater" sozinho)? Muito
bem, quando você quer pegar um copo de água numa mesa você pensa
em realizar a ação, o sistema nervoso central processa toda a informação
e envia a informação para os músculos que compõem os membros
superiores, os músculos se contraem da forma adequada para que sua
vontade seja realizada e será realizada. Atenção ao detalhe, a atividade é

8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗!!!∀#∃%&∋%#()∋∗+,∗−&∃+∃∀∗+.∀/&0!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!;!∀#!23!

00000000000 - DEMO
!∀#∀∃%&∋()∀(∗+&#)∀∋(%,∋∀(∗&∗−(∋.∀∃/(#012(∋
0 3&∃∋∀(∗&∗&4&∋050∀∃#∗0∃6&7%(.∃#∗
8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗>∗?12(∗≅≅∗
voluntária. Você já tentou fazer o seu coração parar de contrair? ou fazer
ele contrair da forma que você quiser e na hora que você quiser? Talvez
você até tenha tentado, mas não tenho dúvidas de que você não
conseguiu. Sabe porquê? Por que o músculo estriado cardíaco tem uma
característica muito importante chamada de automatismo cardíaco.
Vamos lá, vamos entender do que se trata esse automatismo
cardíaco. O músculo estriado cardíaco é um tecido, e como todo tecido, é
formado por células. As células que compõem o tecido muscular estriado
cardíaco têm uma quantidade grande de canais de vazamento de Na+.
Estes canais permitem que o íon Na+ "trafeguem" de um lado para o
outro lado da membrana celular sem que seja necessário um estímulo
químico, elétrico ou mecânico para a abertura de canais de Na+. Está
ficando complicado? Vamos relembrar algumas coisas antes de avançar.
O que separa o meio intracelular do meio extracelular é uma
membrana, chamada de membrana celular. Esta membrana permite
manter do lado de dentro da célula, portanto, no meio intracelular uma
quantidade bastante grande de íons K+, enquanto no meio extracelular
uma quantidade grande de Na+ é mantida. Ambos os íons carregam
cargas elétricas positivas. Sabemos que por conta da carga elétrica de
outras estruturas existentes no meio intracelular, temos como resultante
um meio intracelular com carga elétrica predominantemente negativa,
enquanto no meio extracelular temos carga elétrica predominantemente
positiva.
Quando, por alguma razão temos fluxo de Na+ para o meio
intracelular, teremos variação da carga elétrica neste meio, de modo a
ficar menos negativo. Diante desta situação começa a ficar viável a
geração de atividade elétrica no músculo, o que é chamado de
bioeletrogênese. E aonde entram os canais de vazamento de Na+? Eles
funcionam como "goteiras", ou seja, eles permitem que os íons de Na+
fiquem fluindo, passando, naturalmente do meio extracelular para o meio
intracelular, de modo que ao atingir uma quantidade necessária para que

8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗!!!∀#∃%&∋%#()∋∗+,∗−&∃+∃∀∗+.∀/&0!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!≅!∀#!23!

00000000000 - DEMO
!∀#∀∃%&∋()∀(∗+&#)∀∋(%,∋∀(∗&∗−(∋.∀∃/(#012(∋
0 3&∃∋∀(∗&∗&4&∋050∀∃#∗0∃6&7%(.∃#∗
8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗>∗?12(∗≅≅∗
um potencial elétrico seja gerado, este será gerado, independentemente
de haver um estímulo químico, elétrico ou mecânico que o desencadeie.

As câmaras cardíacas

O músculo cardíaco está disposto de forma a compor um órgão oco,


isso mesmo, uma estrutura oca. Portanto, temos compartimentos dentro
deste órgão chamado coração. Esses compartimentos são chamados de
câmaras cardíacas, e são quatro. Quatro câmaras? Sim, quatro câmaras
cardíacas divididas. São elas: (i) átrio direito, (ii) átrio esquerdo, (iii)
ventrículo direito, e (iv) ventrículo esquerdo. Os átrios são as
câmaras cardíacas localizadas na parte superior do coração, já os
ventrículos são as câmaras cardíacas localizadas na parte inferior do
coração. Confira na figura 02.

!
<)(−&∋020=Β.∋&∋∃0∗∋&9Χ∋∗∋∃0#08&),∗)8∋)∃0∆∋∃+∃∀

8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗!!!∀#∃%&∋%#()∋∗+,∗−&∃+∃∀∗+.∀/&0!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!Α!∀#!23!

00000000000 - DEMO
!∀#∀∃%&∋()∀(∗+&#)∀∋(%,∋∀(∗&∗−(∋.∀∃/(#012(∋
0 3&∃∋∀(∗&∗&4&∋050∀∃#∗0∃6&7%(.∃#∗
8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗>∗?12(∗≅≅∗
O ventrículo direito está separado do ventrículo esquerdo por uma
estrutura muscular chamada septo interventricular, e por ele passa
importante sistema de condução elétrica. O átrio direito está separado do
átrio esquerdo também por uma estrutura muscular chamada
septointeratrial. Agora, o que separa os átrios dos ventrículos são
estruturas chamadas de valvas atrioventriculares (muitas vezes
chamadas também de válvulas atrioventriculares), mas dedicarei alguns
parágrafos mais a frente para conversarmos acerca desse sistema valvar.
As câmaras cardíacas recebem e distribuem o sangue. Mas antes de
falar para você qual o caminho percorrido pelo sangue vou te falar um
pouco sobre os vasos sanguíneos, até porque estamos conversando sobre
sistema cardiovascular.
Infelizmente ouvimos muito por aí que as artérias são assim
chamadas pelo fato de transportarem sangue arterial e as veias por
transportarem sangue venoso.
ISSO ESTÁ ERRADO!
Artérias são todos os vasos que saem do coração, portanto
transportam sangue para fora do coração, já as veias são os vasos que
chegam ao coração, portanto transportam sangue para dentro do
coração. Se você voltar na figura 02 verá que existem alguns vasos lá
representados. Nós temos duas veias cava, uma inferior e outra superior,
sendo que ambas chegam ao átrio direito; temos um grande tronco
arterial chamado tronco da artéria pulmonar, que dará origem às artérias
pulmonares direita e esquerda, vasos que saem do ventrículo direito e
partem em direção aos pulmões; temos também quatro veias
pulmonares, duas que vem do pulmão direito e duas que vem do pulmão
esquerdo, que chegam ao átrio esquerdo; e temos uma grande artéria
chamada de artéria aorta, que sai do ventrículo esquerdo em direção a
todo corpo.
Diante dessa explanação podemos dizer que os vasos que saem do
ventrículo direito, passam pelos pulmões e voltam para o átrio esquerdo
compõem o que chamamos de circulação pulmonar, enquanto que os

8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗!!!∀#∃%&∋%#()∋∗+,∗−&∃+∃∀∗+.∀/&0!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!Ε!∀#!23!

00000000000 - DEMO
!∀#∀∃%&∋()∀(∗+&#)∀∋(%,∋∀(∗&∗−(∋.∀∃/(#012(∋
0 3&∃∋∀(∗&∗&4&∋050∀∃#∗0∃6&7%(.∃#∗
8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗>∗?12(∗≅≅∗
vasos que saem do ventrículo esquerdo, passam pelo corpo inteiro e
voltam para o átrio direito compõem o que chamamos de circulação
sistêmica.
Vocês perceberam que eu falei em sangue arterial e sangue
venoso? Qual a diferença entre eles? É simples pessoal. O sangue arterial
é todo o sangue enriquecido com oxigênio e com quantidades baixas de
gás carbônico, já o sangue venoso é todo o sangue pobre em oxigênio e
com quantidades altas de gás carbônico. Muito bem, voltemos agora às
câmaras cardíacas.
O sangue venoso chega ao átrio direito por meio das veias cava,
inferior e superior; do átrio direito o sangue venoso segue seu caminho
em direção ao ventrículo direito; do ventrículo direito o sangue venoso
segue para os pulmões por meio da artéria pulmonar; o sangue venoso
circulará pelos pulmões e será transformado em sangue arterial; uma vez
transformado em sangue arterial esse sangue retornará ao coração por
meio das veias pulmonares até o átrio esquerdo; do átrio esquerdo o
sangue arterial continua seu caminho agora em direção ao ventrículo
esquerdo; do ventrículo esquerdo o sangue arterial parte para a
circulação sistêmica por meio da artéria aorta; depois de circular pelo
corpo o sangue arterial é transformado em sangue venoso e retorna para
o átrio direito por meio das veias cava e tudo se repetirá.
Você percebeu no parágrafo anterior o porquê de estar errada a
afirmação de que artérias transportam sangue arterial e veias
transportam sangue venoso? Se sim, ótimo. Se não, vamos a resposta.
Veja que quando o sangue venoso sai do ventrículo direito em direção aos
pulmões e sai por meio de uma artéria, o tronco da artéria pulmonar; e
quando o sangue arterial regressa dos pulmões para o átrio esquerdo, ele
regressa por meio das veias pulmonares. Logo, podemos afirmar que
artérias podem transportar sangue venoso, assim como veias podem
transportar sangue arterial.

O funcionamento do sistema valvar

8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗!!!∀#∃%&∋%#()∋∗+,∗−&∃+∃∀∗+.∀/&0!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!3!∀#!23!

00000000000 - DEMO
!∀#∀∃%&∋()∀(∗+&#)∀∋(%,∋∀(∗&∗−(∋.∀∃/(#012(∋
0 3&∃∋∀(∗&∗&4&∋050∀∃#∗0∃6&7%(.∃#∗
8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗>∗?12(∗≅≅∗

Como vimos nos parágrafos anteriores, o coração é formado de


quatro câmaras, que recebem e distribuem o sangue. A forma por meio
da qual o coração consegue fazer isso é executando contrações
sequencialmente. Acontece que o sangue quando está presente dentro de
uma câmara cardíaca precisa ser comprimido para ser ejetado para
frente. Quando o sangue é comprimido, pela contração do músculo
cardíaco, pressão é gerada. Lembra que eu falei das valvas
atrioventriculares? Vamos fazer uma pausa para entender as valvas.
Cada câmara cardíaca precisa fazer com que o sangue siga seu
caminho, mas esse sangue precisará passar por uma valva para que
consiga sair de cada câmara. Como temos quatro câmaras, temos
também quatro valvas. São elas: (i) valva atrioventricular direita ou
valva tricúspide, separa o átrio direito do ventrículo direito; (ii) valva
atrioventricular esquerda ou valva mitral, separa o átrio esquerdo do
ventrículo esquerdo; (iii) valva semilunar pulmonar, separa o
ventrículo direito da entrada do tronco da artéria pulmonar; e (iv) valva
semilunar aórtica, separa o ventrículo esquerdo da entrada da artéria
aorta.
As valvas funcionam como portas, que podem permitir ou não a
passagem de sangue para a frente. Defeitos no funcionamento das valvas
implicam em muitos tipos de doenças, conhecidas como valvopatias.
Assim como uma porta precisa de alguém fazendo força para que se
abra, as valvas também precisam. O músculo cardíaco se contrai para
gerar pressão dentro das câmaras cardíacas possibilitando que as valvas
se abram ou se fechem e permitam que o sangue siga seu caminho,
caminho esse unidirecional, ou seja, só deve seguir em um sentido.
Assim sendo, vamos entender que o mecanismo de funcionamento
das valvas cardíacas é dado por geração de pressão dentro das câmaras
cardíacas. Esse mecanismo funciona da seguinte forma: quando os
ventrículos estão relaxando para que sejam enchidos de sangue, as
valvas semilunares permanecem fechadas e as valvas atrioventriculares

8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗!!!∀#∃%&∋%#()∋∗+,∗−&∃+∃∀∗+.∀/&0!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!1Φ!∀#!23!

00000000000 - DEMO
!∀#∀∃%&∋()∀(∗+&#)∀∋(%,∋∀(∗&∗−(∋.∀∃/(#012(∋
0 3&∃∋∀(∗&∗&4&∋050∀∃#∗0∃6&7%(.∃#∗
8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗>∗?12(∗≅≅∗
se abrem permitindo que o sangue dos átrios escoem para dentro dos
ventrículos; quando os ventrículos se contraem para ejetarem o sangue,
as valvas atrioventriculares se fecham (evitando que o sangue volte para
os átrios) e as valvas semilunares se abrem permitindo que o sangue seja
ejetado para os pulmões (ventrículo direito) e para o corpo (ventrículo
esquerdo). Confira na figura 03 uma forma bem didática do fluxo
sanguíneo através do sistema valvar.

!
<)(−&∋040<7−Γ+0∃∋,(−Χ,#+0∋%&∋∆Η∃09+0∃)∃%#.∋0∆∋7∆∋&∀

O sistema de condução e o eletrocardiograma normal

Sim, você deve estar se perguntando como é que cada câmara


cardíaca se contrai de forma independente e consegue manter uma
sincronia e harmonia entre elas. Sabemos que o músculo cardíaco é
dotado de uma propriedade chamada de automatismo. Sabiamente o
coração foi concebido com um perfeito sistema de geração e de condução
elétrica, de modo a permitir que tenhamos uma boa sincronia e harmonia
entre as contrações dos ventrículos e dos átrios.

8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗!!!∀#∃%&∋%#()∋∗+,∗−&∃+∃∀∗+.∀/&0!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!11!∀#!23!

00000000000 - DEMO
!∀#∀∃%&∋()∀(∗+&#)∀∋(%,∋∀(∗&∗−(∋.∀∃/(#012(∋
0 3&∃∋∀(∗&∗&4&∋050∀∃#∗0∃6&7%(.∃#∗
8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗>∗?12(∗≅≅∗
Existem três estruturas que reúnem uma quantidade enorme de
células com canais de vazamento de sódio. Essas estruturas são
chamadas de marca-passos cardíacos. São elas que ditam o ritmo
cardíaco, que dentro da normalidade em repouso, fica entre 60 e 80
batimentos por minuto. Quando esta frequência cardíaca está abaixo de
60 bpm, dizemos haver uma bradicardia, enquanto que a frequência
cardíaca acima de 80 bpm dizemos haver uma taquicardia. Muito bem,
os três marca-passos cardíacos são: (i) nó ou nodo sinoatrial, o
principal marca-passo, fica localizado na região superior do átrio direito;
(ii) nó ou nodo atrioventricular, fica localizado entre o átrio direito e o
ventrículo direito; e (iii) sistema de purkinje, fica localizado por todo
septo interventricular e parede miocárdica dos ventrículos direito e
esquerdo. Confira na figura 04 a localização de cada marca-passo
cardíaco.

!
<)(−&∋050Ι)∃%#.∋09#0∗+,9−>?+0∗∋&9Χ∋∗+∀

8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗!!!∀#∃%&∋%#()∋∗+,∗−&∃+∃∀∗+.∀/&0!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!12!∀#!23!

00000000000 - DEMO
!∀#∀∃%&∋()∀(∗+&#)∀∋(%,∋∀(∗&∗−(∋.∀∃/(#012(∋
0 3&∃∋∀(∗&∗&4&∋050∀∃#∗0∃6&7%(.∃#∗
8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗>∗?12(∗≅≅∗
Essa atividade elétrica gerada, quando registrada, produz um
padrão gráfico, que chamamos de eletrocardiograma. O
eletrocardiograma apresenta informações referentes à atividade elétrica
no músculo cardíaco, como o momento em que há despolarização da
membrana celular de alguma câmara cardíaca, o que terá como
consequência a contração do músculo dessa câmara, assim como o
momento em que há a repolarização da membrana celular de alguma
câmara cardíaca, tendo como consequência o relaxamento do músculo
dessa câmara.
Vejamos na figura 05 um exemplo de registro eletrocardiográfico.

!
<)(−&∋0;0ϑ7#%&+∗∋&9)+(&∋.∋0,+&.∋7∀

8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗!!!∀#∃%&∋%#()∋∗+,∗−&∃+∃∀∗+.∀/&0!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!14!∀#!23!

00000000000 - DEMO
!∀#∀∃%&∋()∀(∗+&#)∀∋(%,∋∀(∗&∗−(∋.∀∃/(#012(∋
0 3&∃∋∀(∗&∗&4&∋050∀∃#∗0∃6&7%(.∃#∗
8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗>∗?12(∗≅≅∗
No eletrocardiograma normal, conforme visto na figura 05,
podemos observar algumas ondas, ou algumas variações no traçado
elétrico. Essas ondas representas momentos de contração ou relaxamento
do músculo cardíaco de cada câmara cardíaca. Vejamos, a onda P é uma
variação elétrica que representa o momento em que os átrios se
contraem e, portanto, possibilitam que o sangue seja escoado para os
ventrículos. O complexo QRS, formado por variações elétricas, representa
o momento em que temos a contração dos ventrículos e, portanto,
possibilitam a ejeção do sangue para os pulmões e para o corpo. Já a
onda T, representa o momento em que temos um relaxamento dos
ventrículos.
Você deve estar se perguntando: e aonde está a onda que
representa o relaxamento dos átrios? Eu vi a contração dos ventrículos e
seu relaxamento, eu vi a contração dos átrios mas não vi seu
relaxamento. Onde está essa onda no eletrocardiograma? Muito bem,
como a atividade elétrica nos ventrículos tem uma magnitude muito maior
que a gerada nos átrios, a onda elétrica que representa o relaxamento
dos átrios está ocultada pelo complexo QRS que, facilmente, é vista como
de grande variação elétrica.

O ciclo cardíaco

Já deve ter percebido que os eventos envolvidos no funcionamento


do coração se repetem. A essa repetição de eventos dá-se o nome de
ciclo cardíaco. O ciclo cardíaco é dividido, inicialmente, em duas grandes
fases: (i) sístole, contração muscular; e (ii) diástole, relaxamento
muscular.
Cada fase do ciclo cardíaco ainda é separada em três momentos.
Esses momentos tomam como referência o comportamento das câmaras
ventriculares.
Na fase da sístole nós temos os seguintes momentos: (i) contração
isovolumétrica, caracterizada pela contração muscular dos ventrículos

8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗!!!∀#∃%&∋%#()∋∗+,∗−&∃+∃∀∗+.∀/&0!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!15!∀#!23!

00000000000 - DEMO
!∀#∀∃%&∋()∀(∗+&#)∀∋(%,∋∀(∗&∗−(∋.∀∃/(#012(∋
0 3&∃∋∀(∗&∗&4&∋050∀∃#∗0∃6&7%(.∃#∗
8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗>∗?12(∗≅≅∗
sem que haja variação de volume de sangue no seu interior, ou seja, uma
contração que faz aumentar bastante a pressão dentro dos ventrículos;
(ii) ejeção ventricular rápida, caracterizada pela rápida ejeção de
grande quantidade de sangue dos ventrículos para seus destinos; e (iii)
ejeção ventricular lenta, caracterizada pela continuação da ejeção do
sangue dos ventrículos, mas agora sem tanta pressão, portanto mais
lentamente.
Na fase da diástole nós temos os seguintes momentos: (i)
relaxamento isovolumétrico, caracterizado pelo momento de
relaxamento da musculatura ventricular sem que haja entrada de sangue
proveniente dos átrios nos ventrículos; (ii) enchimento ventricular
rápido, caracterizado pelo rápido influxo de sangue nos ventrículos,
sangue este proveniente dos átrios; e (iii) diástase ou enchimento
ventricular lento, caracterizado pelo momento final de enchimento
ventricular, onde o sangue continua a entrar nos ventrículos, mas sem
tanta pressão.
Vejamos na tabela 02 informações importantes do ciclo cardíaco.
6∋/#7∋020=)∗7+0∗∋&9Χ∋∗+∀0ΚΛΚΜ0∆∋7∆∋0∋%&)+∆#,%&)∗−7∋&Ν0ΚΙΟΜ0∆∋7∆∋0∃#.)7−,∋&Ν0<Μ0Π#∗Θ∋9∋Ν0ΛΜ0∋/#&%∋∀0

Fase Sístole Diástole

Momento Contração Ejeção Ejeção Lenta Relaxamento Enchimento Diástase


Iso Rápida Iso Rápido

VAV F F F F A A

VSL F A A F F F

A tabela acima mostra o comportamento das valvas durante cada


etapa do ciclo cardíaco, bem como nos momentos dentro de cada fase.
Veja que durante a sístole, se observarmos o momento da contração
isovolumétrica, ambas as valvas se encontram fechadas, no entanto
quando as ejeções rápida e lenta são deflagradas as valvas
atrioventriculares permanecem fechadas e as valvas semilunares são
abertas. Quando observamos a diástole percebemos que durante o
momento de relaxamento isovolumétrico ambas as valvas estão fechadas

8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗!!!∀#∃%&∋%#()∋∗+,∗−&∃+∃∀∗+.∀/&0!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!1;!∀#!23!

00000000000 - DEMO
!∀#∀∃%&∋()∀(∗+&#)∀∋(%,∋∀(∗&∗−(∋.∀∃/(#012(∋
0 3&∃∋∀(∗&∗&4&∋050∀∃#∗0∃6&7%(.∃#∗
8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗>∗?12(∗≅≅∗
também, no entanto quando o enchimento rápido e a diástase são
deflagradas as valvas atrioventriculares são abertas e as valvas
semilunares permanecem fechadas.
Confira na figura 06 a representação visual do ciclo cardíaco.

!
<)(−&∋0≅0=)∗7+0∗∋&9Χ∋∗+∀

Vamos conversar sobre algumas questões abordadas em concursos


públicos?

Questão 01 (MSCONCURSOS, Fisioterapeuta - Pref. Esteio/RS, 2015)

É a camada externa do coração, é uma delgada lâmina de tecido seroso e


contínuo a partir da base do coração. Assinale a alternativa
correspondente à anatomia do coração:
a) Miocárdio
b) Endocárdio

8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗!!!∀#∃%&∋%#()∋∗+,∗−&∃+∃∀∗+.∀/&0!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!1≅!∀#!23!

00000000000 - DEMO
!∀#∀∃%&∋()∀(∗+&#)∀∋(%,∋∀(∗&∗−(∋.∀∃/(#012(∋
0 3&∃∋∀(∗&∗&4&∋050∀∃#∗0∃6&7%(.∃#∗
8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗>∗?12(∗≅≅∗
c) Epicárdio
d) Pericárdio
e) Mediastino

Comentário: vimos que o músculo estriado cardíaco é dividido em três


camadas. Partindo do meio interno para o meio externo teremos a
seguinte sequência: endocárdio, miocárdio e epicárdio. Portanto, a
camada mais externa do músculo cardíaco é o epicárdio. Resposta: C.

Questão 02 (MSCONCURSOS, Fisioterapeuta - Pref. Esteio/RS, 2015)

Sobre a anatomia do coração, podemos afirmar:


a) Possui 2 átrios e dois ventrículos e na face anterior de cada átrio existe
uma estrutura chamada aurícula.
b) Possui 1 átrio e 2 ventrículos, sendo um inferior e um superior.
c) O átrio direito e o esquerdo são separados pelo septo intra-auricular.
d) Os ventrículos (câmaras superiores) recebem sangue da veia pulmonar
e bombeiam o sangue para o átrio esquerdo (câmaras inferiores).
e) Os átrios bombeiam o sangue para fora do coração que é rico em CO2.

Comentário: vimos que o coração é formado por quatro câmaras


cardíacas, são elas: dois átrios e dois ventrículos. Cada átrio tem uma
estrutura de apoio, de reserva de volume, chamada aurícula. Logo, como
temos dois átrios, temos também duas aurículas. Resposta: A.

Questão 03 (MSCONCURSOS, Fisioterapeuta - Pref. Esteio/RS, 2015)

Em relação à anatomia cardíaca, é correto o que se afirma em:


a) As artérias são as vias por onde o sangue oxigenado é enviado. A aorta
é a maior de todas as artérias, e se origina no ventrículo esquerdo.
b) A valva tricúspide permite o sangue fluir do ventrículo esquerdo à
aorta descendente.

8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗!!!∀#∃%&∋%#()∋∗+,∗−&∃+∃∀∗+.∀/&0!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!1Α!∀#!23!

00000000000 - DEMO
!∀#∀∃%&∋()∀(∗+&#)∀∋(%,∋∀(∗&∗−(∋.∀∃/(#012(∋
0 3&∃∋∀(∗&∗&4&∋050∀∃#∗0∃6&7%(.∃#∗
8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗>∗?12(∗≅≅∗
c) A valva mitral regula o fluxo de sangue entre o átrio direito e o
ventrículo direito.
d) A valva pulmonar se fecha para que haja uma contração e o sangue
seja ejetado do ventrículo esquerdo aos pulmões.
e) A valva aórtica regula o fluxo do sangue entre o átrio direito e o
ventrículo direito.

Comentário: vimos que os vasos arteriais são aqueles que saem do


coração e não aqueles vasos que transportam somente sangue arterial,
enquanto que os vasos venosos são aqueles que chegam ao coração e
não aqueles vasos que transportam somente sangue venoso. A artéria
pulmonar transporta sangue venoso, enquanto que as veias pulmonares
transportam sangue arterial. Neste caso, a questão apresentada pela
banca é passível de recurso pois não apresenta alternativa adequada.
Resposta: A.

Questão 04 (AOCP, Analista em Saúde - Fisioterapeuta - Pref. Jaboatão


dos Guararapes/PE, 2015)

Com relação à anatomia e fisiologia do sistema cardiovascular, assinale a


alternativa correta.
(A) O coração tem formato de cone. Sua extremidade inferior é chamada
de base e sua extremidade superior é chamada de ápice.
(B) O coração é revestido por três camadas: epicárdio, miocárdio e
endocárdio, sendo que o miocárdio é caracterizado por ser um músculo
estriado, idêntico aos músculos estriados esqueléticos.
(C) O pericárdio seroso possui duas camadas: parietal e periósteo.
(D) As veias cavas (inferior e superior) chegam ao átrio direito, trazendo
sangue venoso de todo o corpo para o coração.
(E) No átrio e ventrículo direito do coração, circula sangue arterial (rico
em oxigênio), e, no átrio e ventrículo esquerdo do coração, circula sangue
venoso.

8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗!!!∀#∃%&∋%#()∋∗+,∗−&∃+∃∀∗+.∀/&0!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!1Ε!∀#!23!

00000000000 - DEMO
!∀#∀∃%&∋()∀(∗+&#)∀∋(%,∋∀(∗&∗−(∋.∀∃/(#012(∋
0 3&∃∋∀(∗&∗&4&∋050∀∃#∗0∃6&7%(.∃#∗
8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗>∗?12(∗≅≅∗

Comentário: veja que mais uma questão está abordando a composição


muscular do coração, que como já vimos possui três camadas:
endocárdio, miocárdio e epicárdio. São músculos estriados, assim como
os músculos estriados esqueléticos, mas com uma característica
importante, que é a presença de canais de vazamento de sódio.
Resposta: B.

Questão 05 (CESPE, Fisioterapeuta - Polícia Civil/PA, 2007)

0
Acerca da fisiologia cardiovascular, é correto afirmar que:
(A) a propagação do potencial de ação ocorre mais rapidamente por meio
do nodo sinoatrial que pelas fibras de Purkinje.
(B) a regulação da ritmicidade cardíaca é dada pelo nodo atrioventricular,
pois sua freqüência rítmica é maior que a do músculo atrial humano.
(C) o responsável pelo retardo do impulso vindo do nodo sinoatrial para
os ventrículos é o nodo atrioventricular, que permite a passagem do
sangue dos átrios para os ventrículos antes da contração ventricular.
(D) o sistema de Purkinje tem origem no nodo atrioventricular e passa
pelas paredes atriais através de feixes internodais até o nodo sinoatrial

Comentário: como vimos acerca dos marca-passos cardíacos, são três,


os nodos sinoatrial, atrioventricular e o sistema de purkinje. Quando o
nodo sinoatrial dispara um potencial de ação e, consequentemente, a
contração muscular cardíaca, as câmaras cardíacas se contrairiam
simultaneamente na ausência do nodo atrioventricular, onde ocorre um
leve retardo na propagação do estímulo, permitindo que os átrios se
contraiam antes de os ventrículos se contraírem, garantindo sincronia e
harmonia. Resposta: C.

Questão 06 (CONSULPAM, Fisioterapeuta - Pref. Martinópole/CE, 2015)

8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗!!!∀#∃%&∋%#()∋∗+,∗−&∃+∃∀∗+.∀/&0!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!13!∀#!23!

00000000000 - DEMO
!∀#∀∃%&∋()∀(∗+&#)∀∋(%,∋∀(∗&∗−(∋.∀∃/(#012(∋
0 3&∃∋∀(∗&∗&4&∋050∀∃#∗0∃6&7%(.∃#∗
8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗>∗?12(∗≅≅∗
Sabemos que a força exercida sobre a parede de um vaso é conhecida por
pressão arterial. As propriedades elásticas das paredes arteriais permitem
a expansão e a retração em resposta a alteração do volume de sangue
circulante durante o ciclo cardíaco. Analise as afirmativas abaixo, marque
V para as verdadeiras e F para as falsas:
( ) A diferença matemática entre a pressão sistólica e diastólica é
chamada de pressão de pulso;
( ) A força é medida em mm de H2O e a pressão arterial é expressa da
seguinte forma: Pressão arterial = débito cardíaco x frequência
respiratória;
( ) A manobra de Valsalva é uma tentativa de inspiração forçada com a
glote, a boca e o nariz abertos;
( ) Uma vez que as propriedades de flexibilidade e retração perdem
intensidade, a pressão diastólica torna-se mais baixa.
Assinale a alternativa CORRETA correspondente as afirmativas anteriores
respectivamente:
a) V, F, F, V
b) V, F, F, F
c) F, V, V, V
d) F, F, V, V

Comentário: a pressão arterial é a resultante de uma força aplica na


parede dos vasos. Quando a pressão é mensurada durante a fase de
sístole nós temos a pressão sistólica, quando mensuramos a pressão na
fase de diástole temos a pressão diastólica. A diferença entre elas pode
ser chamada de pressão de pulso. A pressão arterial é dada pelo produto
do débito cardíaco pela resistência vascular periférica. Entende-se como
débito cardíaco todo o volume de sangue ejetado pelo coração em um
minuto. O débito cardíaco é o produto da frequência cardíaca e do volume
sistólico. A valsalva é uma manobra de expiração contra a via aérea
fechada. Como a pressão arterial diastólica representa a pressão gerada
na diástole, caso tenhamos perda de propriedade elástica dos vasos,

8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗!!!∀#∃%&∋%#()∋∗+,∗−&∃+∃∀∗+.∀/&0!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!2Φ!∀#!23!

00000000000 - DEMO
!∀#∀∃%&∋()∀(∗+&#)∀∋(%,∋∀(∗&∗−(∋.∀∃/(#012(∋
0 3&∃∋∀(∗&∗&4&∋050∀∃#∗0∃6&7%(.∃#∗
8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗>∗?12(∗≅≅∗
menos pressão será gerada por esses vasos durante a diástole.
Resposta: A.

Questão 07 (MSCONCURSOS, Fisioterapeuta - Pref. Esteio/RS, 2015)

Podemos dizer que o ciclo cardíaco compreende, respectivamente:


a) Diástole atrial, diástole ventricular e sístole auricular.
b) Sístole atrial ventricular, diástole ventricular.
c) Sístole auricular, sístole tricúspide e intraventricular.
d) Sístole atrial direita e esquerda e diástole atrial direita.
e) Diástole atrial, sístole ventricular e diástole atrial esquerda.

Comentário: o ciclo cardíaco compreende duas fases, a sístole e a


diástole. A sequência de eventos que permite o funcionamento adequado
do coração é sístole dos átrios seguida pela sístole dos ventrículos e por
fim o relaxamento (diástole) ventricular. Resposta: B.

Questão 08 (COTEC/UNIMONTES, Fisioterapeuta de UTI - Pref. Brasília


de Minas/MG, 2015)

O eletrocardiograma é um exame muito útil na avaliação do paciente que


está evoluindo com alguma cardiopatia, devendo ser abordado e
analisado de maneira sistemática, a fim de se obter um possível
diagnóstico. Reconhecer o desenho normal das ondas e o que elas
significam já facilita a identificação de uma anormalidade. Sendo assim e
considerando um indivíduo que apresenta um ECG normal, analise as
alternativas abaixo e marque a CORRETA.
A) O complexo “QRS” indica que a condução do impulso no átrio e a sua
despolarização ocorreram no intervalo normal.
B) A onda “T” indica despolarização ventricular.
C) A onda “P” regular significa atividade atrial apropriada.
D) A onda “T” indica repolarização atrioventricular.

8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗!!!∀#∃%&∋%#()∋∗+,∗−&∃+∃∀∗+.∀/&0!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!21!∀#!23!

00000000000 - DEMO
!∀#∀∃%&∋()∀(∗+&#)∀∋(%,∋∀(∗&∗−(∋.∀∃/(#012(∋
0 3&∃∋∀(∗&∗&4&∋050∀∃#∗0∃6&7%(.∃#∗
8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗>∗?12(∗≅≅∗

Comentário: como vimos o eletrocardiograma é o registro gráfico das


variações elétricas que ocorrem no músculo cardíaco. Algumas ondas são
facilmente identificadas no traçado eletrocardiográfico. São elas: a onda P
que representa a despolarização atrial, o complexo QRS que representa a
despolarização ventricular e a onda T que representa a repolarização dos
ventrículos. Resposta: C.

Questão 09 (FAFIPA, Fisioterapeuta - Pref. Maringá/PR, 2015)

O Complexo QRS do eletrocardiograma representa:


(A) despolarização atrial.
(B) despolarização ventricular.
(C) repolarização atrial.
(D) repolarização ventricular

Comentário: como vimos o eletrocardiograma é o registro gráfico das


variações elétricas que ocorrem no músculo cardíaco. Algumas ondas são
facilmente identificadas no traçado eletrocardiográfico. São elas: a onda P
que representa a despolarização atrial, o complexo QRS que representa a
despolarização ventricular e a onda T que representa a repolarização dos
ventrículos. Resposta: B.

Pessoal, foi um prazer imenso estar com vocês até aqui!


Espero que tenham gostado da aula.
Desejo excelentes estudos. Qualquer dúvida pode me procurar no
fórum.

Um abraço e até mais.

8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗!!!∀#∃%&∋%#()∋∗+,∗−&∃+∃∀∗+.∀/&0!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!22!∀#!23!

00000000000 - DEMO
!∀#∀∃%&∋()∀(∗+&#)∀∋(%,∋∀(∗&∗−(∋.∀∃/(#012(∋
0 3&∃∋∀(∗&∗&4&∋050∀∃#∗0∃6&7%(.∃#∗
8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗>∗?12(∗≅≅∗
LISTA DE QUESTÕES APRESENTADAS

Pessoal, é fundamental refazer as questões apresentadas.


Lembrem-se que as questões utilizadas pelas bancas elaboradoras de
concursos muitas vezes se repetem ou tem pequenas modificações.
Portanto, refazer exercícios permite que você assimile bem melhor o
conteúdo, bem como te permite compreender o tipo de questão e a linha
de raciocínio cobrado por determinada banca.

Vamos lá, mãos a obra.

Questão 01 (MSCONCURSOS, Fisioterapeuta - Pref. Esteio/RS, 2015)

É a camada externa do coração, é uma delgada lâmina de tecido seroso e


contínuo a partir da base do coração. Assinale a alternativa
correspondente à anatomia do coração:
a) Miocárdio
b) Endocárdio
c) Epicárdio
d) Pericárdio
e) Mediastino

Questão 02 (MSCONCURSOS, Fisioterapeuta - Pref. Esteio/RS, 2015)

Sobre a anatomia do coração, podemos afirmar:


a) Possui 2 átrios e dois ventrículos e na face anterior de cada átrio existe
uma estrutura chamada aurícula.
b) Possui 1 átrio e 2 ventrículos, sendo um inferior e um superior.
c) O átrio direito e o esquerdo são separados pelo septo intra-auricular.
d) Os ventrículos (câmaras superiores) recebem sangue da veia pulmonar
e bombeiam o sangue para o átrio esquerdo (câmaras inferiores).
e) Os átrios bombeiam o sangue para fora do coração que é rico em CO2.

8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗!!!∀#∃%&∋%#()∋∗+,∗−&∃+∃∀∗+.∀/&0!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!24!∀#!23!

00000000000 - DEMO
!∀#∀∃%&∋()∀(∗+&#)∀∋(%,∋∀(∗&∗−(∋.∀∃/(#012(∋
0 3&∃∋∀(∗&∗&4&∋050∀∃#∗0∃6&7%(.∃#∗
8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗>∗?12(∗≅≅∗

Questão 03 (MSCONCURSOS, Fisioterapeuta - Pref. Esteio/RS, 2015)

Em relação à anatomia cardíaca, é correto o que se afirma em:


a) As artérias são as vias por onde o sangue oxigenado é enviado. A aorta
é a maior de todas as artérias, e se origina no ventrículo esquerdo.
b) A valva tricúspide permite o sangue fluir do ventrículo esquerdo à
aorta descendente.
c) A valva mitral regula o fluxo de sangue entre o átrio direito e o
ventrículo direito.
d) A valva pulmonar se fecha para que haja uma contração e o sangue
seja ejetado do ventrículo esquerdo aos pulmões.
e) A valva aórtica regula o fluxo do sangue entre o átrio direito e o
ventrículo direito.

Questão 04 (AOCP, Analista em Saúde - Fisioterapeuta - Pref. Jaboatão


dos Guararapes/PE, 2015)

Com relação à anatomia e fisiologia do sistema cardiovascular, assinale a


alternativa correta.
(A) O coração tem formato de cone. Sua extremidade inferior é chamada
de base e sua extremidade superior é chamada de ápice.
(B) O coração é revestido por três camadas: epicárdio, miocárdio e
endocárdio, sendo que o miocárdio é caracterizado por ser um músculo
estriado, idêntico aos músculos estriados esqueléticos.
(C) O pericárdio seroso possui duas camadas: parietal e periósteo.
(D) As veias cavas (inferior e superior) chegam ao átrio direito, trazendo
sangue venoso de todo o corpo para o coração.
(E) No átrio e ventrículo direito do coração, circula sangue arterial (rico
em oxigênio), e, no átrio e ventrículo esquerdo do coração, circula sangue
venoso.

8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗!!!∀#∃%&∋%#()∋∗+,∗−&∃+∃∀∗+.∀/&0!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!25!∀#!23!

00000000000 - DEMO
!∀#∀∃%&∋()∀(∗+&#)∀∋(%,∋∀(∗&∗−(∋.∀∃/(#012(∋
0 3&∃∋∀(∗&∗&4&∋050∀∃#∗0∃6&7%(.∃#∗
8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗>∗?12(∗≅≅∗
Questão 05 (CESPE, Fisioterapeuta - Polícia Civil/PA, 2007)

Acerca da fisiologia cardiovascular, é correto afirmar que:


(A) a propagação do potencial de ação ocorre mais rapidamente por meio
do nodo sinoatrial que pelas fibras de Purkinje.
(B) a regulação da ritmicidade cardíaca é dada pelo nodo atrioventricular,
pois sua freqüência rítmica é maior que a do músculo atrial humano.
(C) o responsável pelo retardo do impulso vindo do nodo sinoatrial para
os ventrículos é o nodo atrioventricular, que permite a passagem do
sangue dos átrios para os ventrículos antes da contração ventricular.
(D) o sistema de Purkinje tem origem no nodo atrioventricular e passa
pelas paredes atriais através de feixes internodais até o nodo sinoatrial

Questão 06 (CONSULPAM, Fisioterapeuta - Pref. Martinópole/CE, 2015)

Sabemos que a força exercida sobre a parede de um vaso é conhecida por


pressão arterial. As propriedades elásticas das paredes arteriais permitem
a expansão e a retração em resposta a alteração do volume de sangue
circulante durante o ciclo cardíaco. Analise as afirmativas abaixo, marque
V para as verdadeiras e F para as falsas:
( ) A diferença matemática entre a pressão sistólica e diastólica é
chamada de pressão de pulso;
( ) A força é medida em mm de H2O e a pressão arterial é expressa da
seguinte forma: Pressão arterial = débito cardíaco x frequência
respiratória;
( ) A manobra de Valsalva é uma tentativa de inspiração forçada com a
glote, a boca e o nariz abertos;
( ) Uma vez que as propriedades de flexibilidade e retração perdem
intensidade, a pressão diastólica torna-se mais baixa.
Assinale a alternativa CORRETA correspondente as afirmativas anteriores
respectivamente:
a) V, F, F, V

8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗!!!∀#∃%&∋%#()∋∗+,∗−&∃+∃∀∗+.∀/&0!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!2;!∀#!23!

00000000000 - DEMO
!∀#∀∃%&∋()∀(∗+&#)∀∋(%,∋∀(∗&∗−(∋.∀∃/(#012(∋
0 3&∃∋∀(∗&∗&4&∋050∀∃#∗0∃6&7%(.∃#∗
8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗>∗?12(∗≅≅∗
b) V, F, F, F
c) F, V, V, V
d) F, F, V, V

Questão 07 (MSCONCURSOS, Fisioterapeuta - Pref. Esteio/RS, 2015)

Podemos dizer que o ciclo cardíaco compreende, respectivamente:


a) Diástole atrial, diástole ventricular e sístole auricular.
b) Sístole atrial ventricular, diástole ventricular.
c) Sístole auricular, sístole tricúspide e intraventricular.
d) Sístole atrial direita e esquerda e diástole atrial direita.
e) Diástole atrial, sístole ventricular e diástole atrial esquerda.

Questão 08 (COTEC/UNIMONTES, Fisioterapeuta de UTI - Pref. Brasília


de Minas/MG, 2015)

O eletrocardiograma é um exame muito útil na avaliação do paciente que


está evoluindo com alguma cardiopatia, devendo ser abordado e
analisado de maneira sistemática, a fim de se obter um possível
diagnóstico. Reconhecer o desenho normal das ondas e o que elas
significam já facilita a identificação de uma anormalidade. Sendo assim e
considerando um indivíduo que apresenta um ECG normal, analise as
alternativas abaixo e marque a CORRETA.
A) O complexo “QRS” indica que a condução do impulso no átrio e a sua
despolarização ocorreram no intervalo normal.
B) A onda “T” indica despolarização ventricular.
C) A onda “P” regular significa atividade atrial apropriada.
D) A onda “T” indica repolarização atrioventricular.

Questão 09 (FAFIPA, Fisioterapeuta - Pref. Maringá/PR, 2015)

O Complexo QRS do eletrocardiograma representa:

8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗!!!∀#∃%&∋%#()∋∗+,∗−&∃+∃∀∗+.∀/&0!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!2≅!∀#!23!

00000000000 - DEMO
!∀#∀∃%&∋()∀(∗+&#)∀∋(%,∋∀(∗&∗−(∋.∀∃/(#012(∋
0 3&∃∋∀(∗&∗&4&∋050∀∃#∗0∃6&7%(.∃#∗
8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗>∗?12(∗≅≅∗
(A) despolarização atrial.
(B) despolarização ventricular.
(C) repolarização atrial.
(D) repolarização ventricular

==0==

8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗!!!∀#∃%&∋%#()∋∗+,∗−&∃+∃∀∗+.∀/&0!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!2Α!∀#!23!

00000000000 - DEMO
!∀#∀∃%&∋()∀(∗+&#)∀∋(%,∋∀(∗&∗−(∋.∀∃/(#012(∋
0

3&∃∋∀(∗&∗&4&∋050∀∃#∗0∃6&7%(.∃#∗
8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗>∗?12(∗≅≅∗
GABARITO

6∋/#7∋0 40 Ρ∋/∋&)%+0 9∋∃0 Σ−#∃%Τ#∃0 ∋8&#∃#,%∋9∋∃∀0 Υ−#∃%?+0 Φ4Ν0 (∋/∋&)%+0 +Π)∗)∋70 Η0 Σ−#∃%)+,ς∆#7Ν0 ,?+0 ∋8&#∃#,%∋0
∋7%#&,∋%)∆∋0∗+&&#%∋∀0

Questão Gabarito

01 C

02 A

03 A*

04 B

05 C

06 A

07 B

08 C

09 B

8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗!!!∀#∃%&∋%#()∋∗+,∗−&∃+∃∀∗+.∀/&0!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!2Ε!∀#!23!

00000000000 - DEMO
!∀#∀∃%&∋()∀(∗+&#)∀∋(%,∋∀(∗&∗−(∋.∀∃/(#012(∋
0 3&∃∋∀(∗&∗&4&∋050∀∃#∗0∃6&7%(.∃#∗
8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗>∗?12(∗≅≅∗
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

1.! GUYTON, A.C., HALL, J.E Tratado De Fisiologia Médica 10. Ed. Rj .
Guanabara Koogan, 2002
2.! BERNE, R. B, LEVY, M. N. Tratado De Fisiologia Humana. 4 Ed. Rj.
Guanabara Koogan, 2000.
3.! AIRES, M.M Fisiologia 2. Ed. Rj. Guanabara Koogan, 1999.

8∋∃9:∗+∃.∋∀;∃∗<%∃∋0=∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗∗!!!∀#∃%&∋%#()∋∗+,∗−&∃+∃∀∗+.∀/&0!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!23!∀#!23!

00000000000 - DEMO