Você está na página 1de 22

Conteúdos programáticos

Tema L - A puberdade (páginas 155 a 161)


• Caracteres sexuais
• Corpo em transformação

Tema M - Sistemas reprodutores humanos (páginas 162 a 169)


• Constituição dos sistemas reprodutores
• Funcionamento dos sistemas reprodutores
• Ciclo menstrual e fertilidade

Tema N - Reprodução humana (páginas 170 a 181)


• Da fecundação à nidação
• Desenvolvimento do embrião e anexos embrionários
• Cuidados de saúde na primeira infância
Aprendizagens essenciais
• Distinguir caracteres sexuais primários de caracteres sexuais
secundários e interpretar informação diversificada acerca do
desenvolvimento dos órgãos sexuais durante a puberdade;

• Relacionar os órgãos do sistema reprodutor masculino e


feminino com a função que desempenham;

• Relacionar o ciclo menstrual com a existência de um período


fértil, partindo da análise de documentos diversificados;

• Caracterizar o processo de fecundação e o processo de


nidação;
REPRODUÇÃO HUMANA E CRESCIMENTO

Sugere uma legenda para a imagem!


Sistemas reprodutores humanos
página 162
Constituição dos sistemas reprodutores

A partir da puberdade, o sistema reprodutor entra em funcionamento,


produzindo hormonas e células sexuais ou gâmetas: ovócitos nas
raparigas e espermatozoides nos rapazes.
Sistema reprodutor MASCULINO
O sistema reprodutor masculino é constituído pelos órgãos sexuais masculinos:
1. externos e
2. internos.

A BEXIGA pertence ao sistema urinário, o ÂNUS ao sistema digestivo


e a URETRA é comum ao sistema reprodutor e urinário.

Órgãos sexuais
masculinos externos.
Órgãos sexuais masculinos internos (vista lateral).
A uretra é comum ao sistema urinário e ao sistema reprodutor.
Funções do sistema reprodutor masculino
Os testículos são dois órgãos
onde se produzem os
espermatozoides e as
hormonas.

Os canais deferentes são dois


tubos que armazenam e
conduzem os espermatozoides
desde os epidídimos até à
uretra.

A uretra é o canal comum aos


sistemas urinário e reprodutor,
que transporta a urina ou o
esperma.

O pénis é o órgão por onde é


expelido o esperma ou a urina.

Os epidídimos são dois canais


Vesículas seminais onde os espermatozoides
amadurecem.
Epidídimo
Pénis
As vesículas seminais e a
próstata produzem o líquido do
esperma que facilita a
deslocação dos
espermatozoides.
Sistema reprodutor masculino

?
Próstata

Vesícula
?seminal
Canal
?
deferente

?
Pénis ?
Testículo

É formado pelos testículos, canais deferentes, vesículas seminais,


próstata, uretra, escroto e pénis.
Órgãos do sistema reprodutor masculino

Testículos
Par de glândulas sexuais, com cerca de 5 cm. Localizam-se no interior do
ESCROTO e comunicam com os canais deferentes.

Canais deferentes
Tubos com cerca de 45 cm que ligam os testículos à uretra.

Vesículas seminais
Par de glândulas com cerca de 6 cm que se ligam aos canais deferentes
e à uretra.

Próstata
Glândula com o tamanho e forma de uma castanha. Comunica com a
uretra.

Pénis
Órgão sexual externo atravessado pela URETRA.
Sistema reprodutor FEMININO
O sistema reprodutor feminino é constituído pelos órgãos sexuais femininos
1. internos e
2. externos.

A BEXIGA e a URETRA pertencem ao sistema urinário e o ÂNUS ao


sistema digestivo.

A vulva é o conjunto de
órgãos sexuais femininos
externos.
O sistema reprodutor feminino é constituído pelo conjunto dos órgãos
sexuais femininos internos e externos (situa-se na região inferior da
cavidade pélvica).
Órgãos sexuais femininos internos (vista lateral).
A bexiga e a uretra pertencem ao sistema urinário e o ânus ao sistema
digestivo.
Funções do sistema reprodutor feminino

Os ovários são dois órgãos


onde se produzem os ovócitos
e as hormonas.

As trompas de Falópio são dois


tubos que ligam os ovários ao
útero. Recolhem o ovócito que
sai do ovário.

O útero é o órgão onde tem


origem a menstruação e onde
se desenvolve o novo ser.
Comunica com a vagina
através do colo do útero.

A vagina é o canal que liga o


útero à vulva e por onde sai a
menstruação.
Sistema reprodutor feminino
?
Útero

Trompa?
de Falópio
?
Ovário

?Vagina

É formado pelos ovários, trompas de Falópio, útero, vagina e vulva.


Órgãos do sistema reprodutor feminino

Ovários
Par de glândulas sexuais, com cerca de 5 cm, posicionadas junto às
trompas de Falópio, e ligados ao útero.

Trompas de Falópio
Canais ocos, com cerca de 14 cm, que se estendem dos ovários ao útero.

Útero
Órgão musculoso, com cerca de 6,5 cm, que comunica com as trompas de
Falópio e com a vagina.

Vagina
Canal que se estende do colo do útero à vulva.
Funcionamento dos sistemas reprodutores
Células sexuais

?
Ovário

?
Testículo

?oócito
ou
ovócito

?
espermatozoide

A partir da puberdade, os sistemas reprodutores feminino e


masculino iniciam o amadurecimento ou a produção de
células sexuais ou gâmetas.
Sistema reprodutor feminino – Faz a legenda!

Trompa
?
de Falópio

?
Ovário

?
Útero
Colo
?
do útero
?
Bexiga
?
Vagina
?
Uretra
?
Orifício vaginal

?
Vulva
Órgãos e funções do sistema reprodutor feminino
Produção de gâmetas femininos, os oócitos, e secreção de hormonas sexuais
Ovários ?
femininas responsáveis pelo crescimento dos órgãos sexuais e pelos
caracteres sexuais secundários.
Recolha do oócito libertado, periodicamente, pelo ovário durante a ovulação.
Trompas de Falópio Local onde ocorre a fecundação. ?

Fixação do embrião, em caso de gravidez, nas suas paredes musculosas,


Útero ?
revestidas, interiormente, por uma mucosa periodicamente renovada —
o endométrio.
Ligação do útero à vulva. Receção do esperma depositado pelo pénis
Vagina ? ocorre a saída do bebé, durante o
aquando do ato sexual. Local por onde
parto.
?
Vulva Proteção externa, com pregas musculares, das aberturas da uretra e da vagina.
Sistema reprodutor masculino – Faz a legenda!

Canal
?
deferente

Vesícula
?
seminal

?
Próstata

?
Uretra

?
Pénis

?
Escroto

?
Testículo
Órgãos e funções do sistema reprodutor masculino
Produção de gâmetas masculinos, os espermatozoides, e de hormonas
Testículo sexuais masculinas responsáveis pelo ?desenvolvimento dos órgãos sexuais e
pelos caracteres sexuais secundários.
Canais deferentes Transporte dos espermatozoides desde? os testículos até à uretra.
Condução do esperma, contendo os espermatozoides, para o exterior do
Uretra
corpo.
?
Produção de um líquido, que faz parte do esperma, rico em nutrientes
Vesículas seminais ? espermatozoides.
energéticos necessários à atividade dos
Produção de um líquido, que também faz parte do esperma, que permite a
Próstata ?
sobrevivência e o movimento dos espermatozoides.
Pénis Introdução do esperma no interior da?vagina durante o ato sexual.

Escroto ? abdominal.
Contenção dos testículos fora da cavidade