Você está na página 1de 8

A garota revelou o segredo calmamente.

SF

SN (j) F’

A N’ F(i) SV
REVELOU

N SV Sadv
GAROTA

(j) V’ adv'

V(i) SN adv
CALMAMENTE

O N’

N
SEGREDO

A saudade da infância é constante.

SF

F’

SN (j) F(i) SV
É

A N’ (j) V’

N SP V(i) SA
SAUDADE CONSTANTE

P’

P SN
DE

N’
A

N
INFÂNCIA
A abelha picou o menino de leve.

SF

SN (j) F’

A N’ F(i) SV
PICOU

N SV SP
ABELHA

(j) V’ P'

V(i) SN P SA
DE LEVE

O N’

N
MENINO
Jonas deu um carro à filha mais velha.

SF

SN (j) F’
JONAS

F(i) SV
DEU

(j) V’

V(i) V'

SN SP

UM N’ P’

N P SN
CARRO A

A N’

N
FILHA SA

MAIS A’

A
VELHA
O livro foi lido pelo menino.

SF

SN (j) F’

F(i) SV
FOI LIDO

O N’ (j) V’

N V(i) SP
LIVRO

P’

P SN
POR

N’
O

N
MENINO
A justiça é a esperança dos excluídos.

SF

SN (j) F’

F(i) SV
A N’ É

(j) V’
N
JUSTIÇA
V(i) SN

A N’

N SP
ESPERANÇA

P’

P SN
DE

OS N’

N
EXCLUÍDOS
O seu irmão mais velho considera você uma criança.

SF

F’

SN (j) F(i) SV
CONSIDERA

O SN (j) V’

SEU N’ V(i) V’

N SA SN SN
IRMÃO VOCÊ

MAIS A’
UMA N’

A
VELHO N
CRIANÇA
2 Faça a descrição da valência dos seguintes verbos e junte-os na mesma tabela com os verbos dos exercícios
anteriores que possuem a mesma valência.

FUMAR
João fumou um cigarro
SujV > agente V SN > paciente
João fumava.
SujV > agente V

FURAR
João furou um buraco.
SujV > agente V SN > paciente
Meu guarda chuva furou.
SujV > paciente V
Gabriel furou o dedo.
SujV > maleficiário V SN > paciente

ABRIR
João abriu a janela.
SujV > agente V SN > paciente
A janela abriu.
SujV > paciente V
O vinho abriu meu apetite.
SujV > causa V SN > paciente

FECHAR
João fechou a porta.
SujV > agente V SN > paciente
A porta fechou.
SujV > paciente V
O vento fechou a porta.
SujV > causa V SN > paciente

AMASSAR
João amassou a porta do carro.
SujV > agente V SN > paciente
A porta do carro amassou.
SujV > paciente V
O acidente amassou o carro.
SujV > causa V SN > paciente

LIMPAR
João limpou o chão.
SujV > agente V SN > paciente
Mancha de batom não limpa.
SujV > paciente V
O choro limpa a alma.
SujV > causa V SN > paciente
SUJAR
João sujou minha camisa.
SujV > agente V SN > paciente
Sua camisa sujou.
A barra sujou.
SujV > paciente V
A nódoa sujou a camisa.
SujV > causa V SN > paciente

LAVAR
João lavou a roupa.
SujV > agente V SN > paciente

1 2 3 4 5 6 7 8 9
AMAR DISCUTIR CONCORDAR SONHAR ENTREGAR RIR FUGIR BRIGAR VER
RESPEITAR DOAR
ODIAR ENCAMINHAR
ENVIAR

11 12 13 14 15 16 17 18 19 20
APRENDER ESCREVER LER SUBIR PULAR ENCHER ENGORDAR LAVAR FURAR FURAR
FUMAR ABRIR
FECHAR
AMASSAR
LIMPAR
SUJAR