Você está na página 1de 8

Informática Básica

Prof. Fábio Papini Fornazari e José Augusto Fabri

Ourinhos - 2001
3 - Definições e Conceitos

Ao longo do tempo, o homem tem precisado constantemente


tratar e transmitir informação, por isso, nunca parou de criar
máquinas e métodos para processá-la. Com esta finalidade,
surge a informática como uma ciência encarregada do
estudo dessas máquinas e métodos.

A informática nasceu da idéia de auxiliar o homem nos


trabalhos rotineiros e repetitivos, em geral de cálculo e
gerenciamento.

Informática: Ciência que estuda o tratamento automático e


racional da informação.

Principais funções da informática:


 Desenvolvimento de novas máquinas;
 Desenvolvimento de novos métodos de trabalho;
 Melhoria dos métodos e ampliação existentes.

O termo foi criado na frança em 1962. É a união das


palavras Information automatique (informação automática).

3.1 - Conceitos Fundamentais

COMPUTADOR: é uma máquina composta de elementos


físicos do tipo eletrônicos, capaz de realizar uma grande variedade
de trabalhos com alta velocidade e precisão, desde que receba as
instruções adequadas.

Ex: PCs

PROGRAMA: É um conjunto de instruções dadas a um


computador para a realização de um determinado processo.

APLICAÇÃO INFORMATICA: Conjunto de um ou vários


programas que realizam determinado trabalho completo.
INFORMAÇÃO: É definida como tudo aquilo que permite
adquirir qualquer tipo de conhecimento; portanto, existirá
informação sempre que se der a conhecer algo que até então se
desconhecia.

DADOS: São os elementos a serem tratados. Uma vez


processados (ordenados, somados, filtrados, ....) constituem
informação útil.

3.2 - Transmissão de Informações.

Para que uma informação seja transmitida são necessários


três elementos:

EMISSOR: dá origem à informação;


MEIO: permite a transmissão;
RECEPTOR: recebe a informação;

EMISSOR MEIO RECEPTOR


RECEPTOR
EMISSOR MEIO

3.3 - Tratamento de Informação

O conjunto de operações realizadas sobre uma dada


informação recebe o nome de TRATAMENTO DE INFORMAÇÃO.
Tais operações são:

Coleta de Dados
Entrada Depuração de Dados
Armazenamento de Dados

Tratamento
de Processamento Aritmético
Informação Lógico

Saída Coleta de Resultados


Distribuição de Resultados
3.4 - Elementos Necessários à Informática

A informática sustenta-se sobre três pilares básicos:


INFORMÁTICA
 Elemento Físico (HARDWARE)
INFORMÁTICA

Hardware

Software

Peopleware
 Elemento lógico (SOFTWARE)

e
ardwar
oftware
are
eoplew
 Elemento humano(PEOPLEWARE)

H
S

P
3.4.1- Hardware

O hardware representa a parte física da informática, ou seja,


todos os elementos materiais.

 UNIDADE DE ENTRADA: Ou Periféricos de


Entrada. São unidades encarregadas de introduzir os
dados e programas externos no micro.
Ex: Mouse, Teclado, Scanner, Drive (Floppy-Drive),
Leitora de CD-ROM, etc.

 UNIDADE CENTRAL DE PROCESSAMENTO


(CPU/ UCP): É o elemento principal do computador e,
sua função consiste em coordenar, controlar ou realizar
todas as operações do sistema. É composto de:

 MEMÓRIA RAM (Random Access


Memory- Memória de Acesso Aleatório):
Responsável pela execução de programas e
instruções. Memória “volátil”, isto é, as
informações aqui armazenadas permanecem
enquanto o processador precisar delas, ou o
micro ser desligado. É possível gravar e apagar
informações nessa memória.

 MEMÓRIA AUXILIAR: Ou Memória Secundária.


São os dispositivos de armazenamento de grande
quantidade de informação e, sua característica principal
é reter tal informação durante o tempo que se desejar,
recuperando-a quando lhe for requerido.
Ex: Winchester, Disquete (Floppy-Disk), CD-ROM,
cartões magnéticos, etc.

 UNIDADE DE SAÍDA: Ou Periféricos de Saída.


São unidades encarregadas de enviar para fora do
micro os resultados de um determinado processamento
(informações, dados, programas, etc...)
Ex: Impressora, Monitor, Plotter, Drive(Floppy-Drive), Gravadoras
de CD-ROM, Caixas de Som, etc.

 UNIDADE DE ENTRADA E SAÍDA:- São


unidades que tem as duas funções (entrada e saída) na
mesma unidade.
Ex: Monitor sensível ao toque, Drive(Floppy-Drive), etc.

3.4.2- SOFTWARE

Software é a parte lógica que dota o equipamento físico


(Hardware) de capacidade para realizar todo tipo de trabalho.

O suporte físico do software é:


 A memória principal.
 As memórias auxiliares.

Divisão do software:

Sistemas Operacionais

Software
Programas
Aplicações +
Dados

SISTEMA OPERACIONAL: É um conjunto de programas


que permite obter o máximo rendimento do computador.
Ex: DOS, Windows 95, Windows NT, Unix, Cisne, Virtu-
OS, OS/2, etc.
3.4.3-Peopleware

Peopleware é um conjunto de pessoas que estão


envolvidas com a informática. É o elemento humano.

Divisão do pessoal da informática:

4 – Softwares Aplicativos

São softwares que o usuário utiliza para realizar algo que


ele precisa ou simplesmente deseja fazer. O termo “aplicativo”
surgiu da idéia de que, com esse grupo de softwares, o usuário está
“aplicando” o computador na solução de um problema.

Os Softwares Aplicativos podem ser divididos em:

− Aplicações Comerciais
− Utilitários
− Aplicações Pessoais
− Entretenimento

Aplicações Comerciais

Apesar do uso muito grande de computadores no lar, a


grande maioria dos computadores ainda é usada em ambientes
comerciais. Para as aplicações em ambientes comerciais,
necessitamos de alguns tipos de programas, tais como Editores de
Texto, Planilhas de Cálculo e Gerenciadores de Bancos de Dados.

Editores de Texto

Representam hoje, a aplicação mais popular dos


computadores pessoais. Editores de Texto são softwares que
permitem aos computadores pessoais substituir, com enormes
vantagens, as máquinas de escrever. Eles permitem:
- Introdução de texto no computador;
- Edição do texto (modificação);
- Formatação do texto (dar forma ao texto, trocando
tamanho e forma de letras, cores, etc);
- Inclusão de Tabelas, Gráficos e Desenhos;
- Correção Ortográfica do texto;
- Impressão do Texto

Planilhas de Cálculo

O foco desse software é diferente dos editores de texto, o


foco desses programas são planilhas em que números são o
principal ingrediente. Elas permitem:
- Inserir números, textos como conteúdo de uma
célula;
- Construção de Fórmulas;
- Uso de Funções;
- Recálculo automático das Fórmulas;
- Geração de gráficos
- Impressão de Planilhas e Gráficos

Gerenciadores de Bancos de Dados

São softwares que permitem ao usuário criar e gerenciar


bancos de dados. Permitem que as informações armazenadas nos
Bancos de Dados possam ser ordenadas e recuperadas de acordo
com vários critérios que podem ser estipulados.
São basicamente a base para Aplicações Pessoais, as
quais desenvolvem sistemas para gerenciar suas operações
através de Gerenciadores de Bancos de Dados. Permitem:

- Criação de Bancos de Dados;


- Gerenciamento (manipulação) de Banco de
Dados;
- Recuperação de Informações;

Editores Gráficos

São softwares utilizados para criar ilustrações ou até


mesmo animações. Sua função é capacitar profissionais de artes
gráficas a utilizar o computador para produzir e formatar diversos
tipos de trabalhos, os quais podem ir de um simples folheto,
passando por cartazes de filmes, chegando ao ponto de animações
utilizadas em filmes e/ou comerciais.

Ferramentas de Apresentações

É um software que permite ao usuário tanto preparar slides


para fazer uma apresentação, como fazer a própria apresentação
com os slides que preparou. Algumas dessas ferramentas
possuem: desenhadores gráficos comerciais, organogramas,
fluxogramas, etc., os quais facilitam sensivelmente o trabalho do
usuário.

Utilitários

Programas Utilitários oferecem meios para o usuário


realize tarefas que não são realizadas facilmente pelo sistema
operacional. A utilização desses programas pode ser:

- Compactação de Arquivos;
- Recuperação de Arquivos Deletados;
- Desfragmentação de Unidades de Disco;
- Verificar Danos em Unidades de Disco

Entretenimento

Os programas de entretenimento são aqueles com o


objetivo de divertir e entreter o usuário, principalmente nos
momentos de lazer do mesmo. Resumindo são jogos, vídeos
digitalizados, e até mesmo enciclopédias.