Você está na página 1de 3

GRUPO I

Educação literária
A.

Bucólica
A vida é feita de nadas:
De grandes serras paradas
À espera de movimento;
De searas onduladas
5 Pelo vento;
De casas de moradia
Caiadas e com sinais
De ninhos que outrora havia
Nos beirais;
10
De poeira;
De sombra de uma figueira;
De ver esta maravilha:
Meu Pai a erguer uma videira
Como uma mãe que faz a trança à filha.
Miguel Torga, Antologia Poética, Coimbra, p. 247.

1. Explicita a relação entre o título e o poema.


2. Indica dois sentimentos expressos pelo sujeito poético.
3. Explica a repetição da preposição “De” no início de vários versos do poema.

B.
4. Numa exposição de 130 a 170 palavras, relaciona intertextualmente o espaço retratado na
poesia trovadoresca e na poesia do século XX.

GRUPO II
Leitura | Gramática

Arouca sustentável

No final do mês de maio, com um grupo de amigos da adolescência, fui visitar os


cada vez mais famosos Passadiços do Paiva, situados no concelho de Arouca. É
uma experiência libertadora que recomendo aos leitores. Os Passadiços foram
5
inaugurados no início do verão de 2015, tendo conhecido um imediato sucesso,
apenas interrompido por um grande incêndio florestal, em setembro passado, que
devorou um troço de 600 m, num percurso total de 8,7 km. Já em fevereiro deste
ano, os Passadiços reabriram, com novas medidas de gestão que melhoraram um
projeto já de si notável. Com efeito, enquanto nos primeiros meses era impossível
10
limitar o acesso, o que colocava questões de capacidade de carga e de segurança,
agora os visitantes têm de adquirir previamente, através do sítio
www.passadicodopaiva.pt, uma entrada ao custo simbólico de um euro. Para além
de uma fonte de receita, este bilhete permite controlar o número de visitantes que
não deve ultrapassar os 3500 por dia. (…)
15

O mais relevante, contudo, será exaltar o significado político e ambiental dos


Passadiços do Paiva, trata-se de uma peça visível, integrada numa da mais ampla e
bem estruturada estratégia de desenvolvimento sustentável, liderada pela autarquia,
20
em articulação com a sociedade civil, e em particular com o envolvimento do tecido
empresarial da zona. O nosso grupo ficou alojado numa agradável estrutura de
turismo de habitação, a quinta de Anterronde, mesmo nos arredores de Arouca. O
jovem casal de proprietários, ao pequeno-almoço, explicou-nos como a economia,
incluindo a criação de postos de trabalho, e a defesa do ambiente se articulavam de
modo racional e planeado.
Os Passadiços devem ser integrados, como já referi, numa visão mais ampla,
que envolve o Geoparque, destinado a preservar e a valorizar a riqueza geológica
da região.

Viriato Soromenho-Marques, Jornal de Letras Artes e Ideias, 22 de junho a 5 de julho de


2016, p. 29.

1. O autor do texto
A. relata uma viagem e avalia criticamente uma iniciativa autárquica.
B. descreve uma viagem realizada com a família a Arouca.
C. denuncia a falta de proteção da floresta face aos incêndios.
D. persuade os leitores a serem mais ecológicos.

2. As expressões “Com efeito” (l. 7) e “Para além de” (l. 9) contribuem para a coesão
A. gramatical referencial.
B. gramatical interfrásica.
C. gramatical frásica.
D. lexical.

3. A palavra “contudo” (l. 12) estabelece no texto uma relação de


A. causalidade.
B. finalidade.
C. oposição.
D. consequência.

4. Na opinião do autor, os Passadiços do Paiva


A. são uma das sete maravilhas de Portugal destruída pelos incêndios.
B. são uma forma insustentável de desenvolvimento do país.
C. devem integrar um projeto mais alargado de desenvolvimento sustentável da região.
D. constituem uma forma de turismo de habitação sustentável.

5. A frase “Já em fevereiro deste ano, os Passadiços reabriram, com novas medidas de
gestão que melhoraram um projeto já de si notável” (ll. 5-6) é constituída por
A. duas orações: uma subordinante e uma subordinada substantiva relativa.
B. duas orações coordenadas.
C. duas orações: uma subordinante e uma subordinada substantiva completiva.
D. duas orações: uma subordinante e uma subordinada adjetiva relativa restritiva.

6. Na oração “enquanto nos primeiros meses era impossível limitar o acesso” (l. 7), as
expressões sublinhadas desempenham, respetivamente, funções sintáticas de
A. modificador, predicativo do sujeito e sujeito.
B. complemento oblíquo, sujeito e complemento direto.
C. modificador, predicativo do complemento direto e complemento direto.
D. modificador, sujeito e predicativo do sujeito.

7. A expressão “Os Passadiços devem ser integrados” (l. 19) apresenta um


A. valor temporal.
B. valor aspetual.
C. valor modal.
D. nenhum dos anteriores.

8. Identifica a função sintática desempenhada pela palavra sublinhada “explicou-nos” (l.


17).

9. Indica a função sintática do pronome relativo presente em “que envolve o Geoparque” (ll.
19-20).

10. Classifica a oração “que não deve ultrapassar os 3500 por dia” (ll. 10-11).