Você está na página 1de 16

Banco de questões

Português
9º ano

BQ_Sucesso_Português_9º ano.indd 1 25/01/2017 09:44:34


Português 9º ano
Banco de questões

Direitos reservados à
Distribuidora de Edições Pedagógicas Ltda.
Rua Joana Francisca de Azevedo, 142 – Mustardinha Editor
Recife – Pernambuco – CEP: 50760-310 Lécio Cordeiro
Fone: (81) 3205-3333 – Fax: (81) 3205-3306
CNPJ: 09.960.790/0001-21 – IE: 0016094-67 Assessor pedagógico
Dárfini Vítor Lima

Impresso no Brasil.
Revisão de texto
Departamento Editorial
Reprodução proibida.
Art. 184 do Código Penal e Lei nº 9.610, Projeto gráfico, pesquisa iconográfica e editoração
de 19 de fevereiro de 1998. eletrônica
Allegro Digital

Professor(a), as palavras destacadas de amarelo ao longo do livro sofreram


modificações com o novo Acordo Ortográfico.

BQ_Sucesso_Português_9º ano.indd 2 25/01/2017 09:44:34


Capítulo 1 b. X A população fez várias passeatas, mas não
conseguiu bons resultados.
c. Procure descansar ou não vais se recuperar
Período composto por coordenação; logo.
período composto por subordinação
d. Conseguimos bater a meta, portanto pode-

1. Assinale a opção que não corresponde a um mos comemorar o nosso sucesso.


período composto por subordinação. e. Lembre-se de que precisamos cumprir o
horário.
a. É preciso que o grupo melhore.
b. A equipe precisa se qualificar.
c. X Tomei muita chuva, consequentemente fi-
5. “A preguiça é a mãe de todos os vícios” é
um período:

carei doente.
a. composto por coordenação.
d. É necessário que você compareça à reu-
nião. b. composto por subordinação.

e. A verdade é que você não virá. c. composto por coordenação e subordinação.


d. composto de três orações.

2. Todos os períodos são compostos por subor-


dinação, exceto:
e. X simples.

a. X Não se preocupe que logo a trarei. 6. “Você trouxe o bolo, mas eu não comi” é
um período:
b. Fiz-lhe sinal para que saísse logo.
a. simples.
c. Todos sabem que o homem é um animal
racional. b. X composto por coordenação.
d. Ele afirmou que não viria. c. composto por subordinação.
e. É tão belo que encanta. d. composto por coordenação e subordinação.
e. composto de três orações.

3. Somente uma das alternativas possui um pe-


ríodo composto por subordinação. Assinale-a.

a. Na festa, não só cantei como também Anotações


dancei.
b. Não fomos ao aniversário, porém trouxe-
mos o presente.
c. Comprei o protetor solar e fui à praia.
d. X Comprei um protetor solar igual ao que pa-
pai me deu.

4. Todos os períodos são compostos por coor-


denação, exceto:

a. Olhando as vitrines, não me contive e


comprei-lhe um presente.

BQ_Sucesso_Português_9º ano.indd 3 25/01/2017 09:44:34


Capítulo 2 5. “Os homens sempre se esquecem de que
somos todos mortais.” A oração destacada
Adjunto adverbial; adjunto é subordinada substantiva:
adnominal; palavras homônimas
a. Completiva nominal.

1. Na frase “Maria do Carmo tinha a certeza de


que estava para ser mãe”, a oração em des-
taque é subordinada substantiva:
b. X Objetiva indireta.
c. Predicativa.
d. Objetiva direta.
a. X Completiva nominal. e. Subjetiva.

6.
b. Objetiva indireta. “Estou seguro de que a sabedoria dos le-
c. Predicativa. gisladores saberá encontrar meios para
realizar semelhante medida.” A oração em
d. Objetiva direta.
destaque é uma subordinada substantiva:
e. Apositiva.

2.
a. Objetiva indireta.
Em “O mais certo é não dirigir veículo sem
carta de habilitação”, há uma oração redu- b. X Completiva nominal.
zida de infinitivo com valor de subordinada: c. Objetiva direta.
d. Subjetiva.
a. Adverbial.
e. Apositiva.
b. Coordenada.
c. Adjetiva.
d. X Substantiva.
7. Há oração subordinada substantiva aposi-
tiva em:

e. Reduzida. a. Na rua, perguntou-lhe em tom misterioso:

3. Qual dos períodos abaixo não apresenta “Onde poderemos falar à vontade?”
oração substantiva? b. Ninguém reparou em Olívia: todos anda-
vam como pasmados.
a. Pensei estar bem informado. c. As estrelas que vemos parecem grandes
b. Conclui estarmos enganados. olhos curiosos.
c. X Prepara-te, para não te decepcionares. d. Em verdade, eu tinha fama e era visto como
valsista: não admira que ela me preferisse.
d. Paulo era incapaz de cumprir a promessa.
e. X Sempre desejava a mesma coisa: que a sua
e. É proibido fumar. presença fosse notada.

4. “Lembro-me de que ele só usava camisas


brancas.” A oração subordinada em desta-
que é subordinada substantiva: Anotações
a. Completiva nominal.
b. X Objetiva indireta.
c. Predicativa.
d. Subjetiva.
e. Apositiva.

BQ_Sucesso_Português_9º ano.indd 4 25/01/2017 09:44:35


Capítulo 3 4. Todas as alternativas abaixo representam ora-
ções subordinadas adjetivas restritivas, exceto:
Orações subordinadas adjetivas

1.
a. X Roberto, que nasceu rico, acabou na miséria.
Nos itens abaixo, as orações subordinadas
adjetivas foram corretamente substituídas b. Pedra que rola não cria limo.
por adjetivos equivalentes, exceto em: c. Os pecadores que se arrependem conse-
guem o perdão.
a. O professor que facilita ajuda os alunos nos d. Aquele que idealiza demais nada consegue.
conteúdos. (facilitador)
e. O homem que fuma encurta a vida.
b. Admiro pessoas que se esforçam. (esforçadas)
c. X Mandei um telegrama para meu irmão,
que mora em Roma. (morante) 5. Assinale a alternativa que apresenta um pe-
ríodo composto no qual uma das orações é
subordinada adjetiva:
d. O aluno que pensa é diferente do aluno
reprodutor de ideias. (pensante)
a. “… a nenhuma pedi ainda que me desse fé:
e. Você é um dos poucos que estudam. (estu- pelo contrário, digo a todas como sou”.
diosos)
b. X “Contudo, eu a ninguém escondo os senti-

2. As orações subordinadas adjetivas estão mentos que ainda há pouco mostrei.”


corretamente classificadas, exceto em: c. “… em toda a parte confesso que sou vo-
lúvel, inconstante e incapaz de amar três dias
a. Os bois da minha fazenda, que contraíram um mesmo objeto”.
febre aftosa, serão examinados. (explicativa) d. “Mas entre nós há sempre uma grande di-
b. X Os homens, que são seres racionais, explo- ferença; vós enganais e eu desengano.”
ram os animais. (restritiva) e. “— Está romântico!… está romântico… —
c. A neve, que é fria, provocou a morte da exclamaram os três…”
vegetação. (explicativa)
d. Meus vizinhos cultivam árvores que dão
frutos deliciosos. (restritiva)
6. Assinale o período em que há uma oração
subordinada adjetiva:

e. Os idosos que gostam de dançar se diverti- a. Ele falou que compraria a casa.
ram muito. (restritiva)
b. Não fale alto, que ela pode ouvir.

3. Assinale o item em que há uma oração


adjetiva.
c. Vamos embora, que o dia está amanhecendo.
d. X Em time que ganha não se mexe.

a. Perdão, por Deus, perdão — respondeu o e. Parece que a prova não está difícil.
pombo.
b. X A pombinha, que era branca sem exagero,
arrulhava, humilhada e ofendida com o atraso. Anotações
c. Perdeste a noção do tempo?
d. A tarde era tão bonita que eu tinha de vir
andando.
e. O pombo caminhava pelo beiral mais alto,
do outro lado. Um pouco além, gritavam as
gaivotas.

BQ_Sucesso_Português_9º ano.indd 5 25/01/2017 09:44:35


Capítulo 4 5. Das alternativas abaixo, assinale a única
que contém uma conjunção subordinativa
Orações subordinadas adverbiais proporcional.

1. “Passada a tempestade, recolheu as velas”,


a oração grifada é reduzida do particípio
com valor de:
a.
b.
Implicou comigo assim que me viu.
Caso eu esteja melhor, irei com você no
sábado.
a. X Adverbial temporal. c. Tudo aconteceu conforme planejado.
b. Adverbial condicional. d. Aqui vai o livro para que o leia.
c. Substantiva apositiva. e. X Quanto mais corria, mais cansado ficava.

6.
d. Substantiva predicativa. Todas as alternativas abaixo possuem con-
e. Adverbial causal. junções subordinativas causais, exceto:

2. Em “Pouco demorei, conquanto muitos fos-


sem os agrados da festa”, o termo destacado
refere-se a uma conjunção subordinativa:
a. Como o frio era grande, aproximou-se da
lareira.
b. Dona Luísa fora para lá porque estava só.
a. proporcional. c. Os balões sobem pois são mais leves que
o ar.
b. conformativa.
d. X Ainda não sei como conseguiram voltar
c. causal.
tão cedo.
d. final.
e. Não comprou a casa, visto que não tinha
e. X concessiva. dinheiro suficiente.

3. Em “Embora ela tivesse sido alta e clara”, a


oração exprime: 7. Assinale a alternativa abaixo que não indica
uma oração subordinada comparativa.

a. Causa. a. O menino está tão confuso quanto o irmão.

b. Condição. b. X Este é o modo como tratamos os nossos


amigos.
c. X Concessão.
c. Pedro se levantou como se tivesse levado
d. Finalidade. uma chicotada.
e. Consequência. d. Tudo passou como as nuvens do céu.
e. Existem deveres mais urgentes que outros.

4. “Estudando sem método, seremos

8.
reprovados.”A oração reduzida de gerúndio A oração destacada em “Falou tanto na re-
tem valor de subordinada: união que ficou rouco” é uma subordinada:

a. Final. a. temporal.
b. Concessiva. b. concessiva.
c. Consecutiva. c. X consecutiva.
d. X Condicional. d. integrante.
e. Conformativa. e. conformativa.

BQ_Sucesso_Português_9º ano.indd 6 25/01/2017 09:44:35


9. Numa das frases abaixo, não se encontra
exemplo da conjunção anunciada. Assinale-a: Anotações
a. Subordinativa concessiva – “Conquanto
estivesse cansado, concordou em prosseguir”.
b. Subordinativa condicional – “Digam o que
quiserem, contanto que não me ofendam”.
c. Subordinativa temporal – “Mal anoiteceu,
iniciou-se a festa com grande entusiasmo”.
d. X Subordinativa final – “Saiu sem que nin-
guém percebesse”.
e. Subordinativa causal – “Como estou doen-
te, não comparecerei”.

10. Assinale a alternativa que não exprime


conformidade.

a. X Conforme ia passando o tempo, meu corpo


cansava cada vez mais.
b. Tudo se passou conforme o planejado.
c. Fez tudo conforme o previsto.
d. Os vasos são conforme você falou.

11. Na frase: “Entrando na faculdade, procu-


rarei um emprego”, a oração em destaque
pode indicar ideia de:

a. Concessão.
b. Oposição.
c. X Condição.
d. Proporção.
e. Temporal.

12. Nos exemplos abaixo, a partícula como


tem valor comparativo, exceto em:

a. X Como havia me explicado, estava em uma


situação delicada.
b. Meu irmão é tão bonito como você.
c. Ele estava com a aparência abatida, como
se estivesse doente.
d. O filho possui tanta sensibilidade como o pai.
e. Ela os adula como qualquer um faria.

BQ_Sucesso_Português_9º ano.indd 7 25/01/2017 09:44:35


Capítulo 5 3. “Tercília, você está     , mas como
     apenas dois dias para o encerra-
Orações subordinadas adverbiais mento das aulas, é melhor você fazer um sacrifí-
cio e ir ao colégio.”

1. Analise as frases abaixo quanto à concordân-


cia nominal das palavras em destaque. Em se-
guida, assinale C nas frases em que a concordân-
Para completar corretamente a frase acima, de-
vemos empregar as seguintes expressões, respec-
cia foi feita da maneira correta, e I nas incorretas. tivamente:

a. C As crianças ficaram sós. a. Meio resfriada – falta.


b. I As crianças ficaram só. b. Meia resfriada – falta.
c. C Márcia está meio atrapalhada. c. X Meio resfriada – faltam.
d. C Não há quaisquer respostas. d. Meio resfriado – faltam.
e. I Eles mesmo corrigiram o problema. e. Meia resfriada – faltam.

4.
f. C A desilusão com a mãe o deixou desconfia-
do da irmã ingrata e das primas interesseiras. Leia:
g. C Tornou-se clara para o leitor minha posi-
ção sobre o assunto. “Ainda      furiosa, mas com      vio-
lência, proferia injúrias      para escandali-
h. I Deixei claro para o leitor meus pontos de
zar os mais arrojados”.
vista sobre o assunto.
i. C Ficou clara para o leitor minha posição e A opção que completa corretamente a frase
meus argumentos sobre o assunto. acima é:
j. C Ficaram claras para o leitor minha posição
e argumentação sobre o assunto. a. Meia – menas – bastantes.
k. I Seguem anexo os formulários pedidos. b. Meia – menos – bastante.
l. I Não vou comprar esta camisa. Ela está c. Meio – menas – bastante.
muito caro.
d. X Meio – menos – bastantes.
m. I Estas questões são bastantes difíceis.
e. Meio – menas – bastantes.
n. I Estando pronto os preparativos para o iní-
cio da corrida, foi dada a largada.
o. C Há gritos e vozes trancados dentro do peito.
5. Assinale a opção em que a lacuna pode ser
preenchida por qualquer das duas formas
verbais indicadas entre parênteses.
p. I Conservam-se trancadas dentro do peito
uma voz e um grito.
a. Um dos seus sonhos      morrer na

2.
terra natal; (era / eram).
Assinale a alternativa em que meio funcio-
na como advérbio. b. Não      mais os sítios onde eu brin-
cava; (existe / existem).
a. Fica no meio do quarto. c. X Uma porção de sabiás      na laran-
jeira; (cantava / cantavam).
b. Quero meio quilo.
d. Não      em minha terra belezas na-
c. X Está meio triste.
turais; (falta / faltam).
d. Achei o meio de encontrar-te.
e. Sou eu que      morrer ouvindo o
e. Nenhuma das alternativas acima. canto do sabiá; (quero / quer).

BQ_Sucesso_Português_9º ano.indd 8 25/01/2017 09:44:35


6. Analise o período a seguir:
9. Todas as alternativas abaixo estão corretas
quanto à concordância nominal, exceto:

“Envio-lhe      os planos ainda em estudo a. Foi acusado de crime de lesa-justiça.


e      explicações dadas pelo candidato e
secretária     ”. b. Declarações devem ser anexas ao processo.
c. X Eram rapazes os mais elegantes possível.
A opção que completa corretamente a frase
d. É necessário cautela com os pseudolíderes.
acima é:
e. Seguiram automóveis e geladeiras exportados.

10.
a. Anexo – bastantes – atenciosos.
A opção que completa corretamente a
b. Anexos – bastante – atenciosos. frase abaixo é:
c. Anexos – bastantes – atenciosas.
“Coalhada é      para a saúde, mas esta não
d. X Anexos – bastantes – atenciosos. está     , está     ”.
e. Anexo – bastante – atenciosa.
a. Boa – boa – meio azeda.

7. Tendo em vista as regras de concordância, as- b. Bom – bom – meio azeda.


sinale a opção em que a forma entre parênte- c. Boa – boa – meia azeda.
ses não completa corretamente a lacuna da frase.
d. X Bom – boa – meio azeda.
a. São bastante      tais ideias e opi- e. Bom – bom – meia azeda.
niões sobre o computador. (difundidas).
b. Serão      tanto os técnicos quanto as
pessoas menos qualificadas. (prejudicados).
11. Assinale a opção em que há erro de concor-
dância em relação à norma culta da língua.

c. X Tornam-se muito      a área e os


a. O trabalho do cientista é um dos que mais
meios de atuação dos funcionários (limitadas).
merece o reconhecimento da sociedade.
d. Essas etapas podem, ser neste ponto,
b. Um grande número de cientistas trabalha
     à tarefa dos antigos artesãos e dos
em condições precárias.
modernos operários. (comparadas).
c. X Deve existir condições especiais para o tra-
e. Ficam      nas mãos de poucos todos
balho do cientista.
os conhecimentos e habilidades (concentrados).
d. Valorizem os cientistas, oferecendo-lhes

8. Assinale a alternativa em que a concordân- condições especiais de trabalho.


cia nominal está correta. e. Quer-se criar condições especiais para o
trabalho do cientista.

12.
a. X Nos treinos, os jogadores usam camisetas e
calções coloridos. A concordância verbal está incorreta
na opção:
b. Os juízes estão atento durante toda a parti-
da de futebol.
a. Comeram-se os doces.
c. Os regulamentos da Fifa estão anexo no
contrato dos jogadores. b. Faz meses que ele chegou.

d. A cor do uniforme da seleção brasileira é c. Existem poucas árvores lá.


verde e amarelos. d. Vendem-se casas.
e. As chuteiras e o apito são importadas. e. X Houveram muitos pedidos.

BQ_Sucesso_Português_9º ano.indd 9 25/01/2017 09:44:35


13. Assinale a opção em que a concordân-
cia verbal está inadequada em relação à
norma padrão da língua.
17. As alternativas abaixo apresentam proble-
mas quanto à concordância verbal, exceto:

a. Acho que passavam das sete horas quando


a. Eu e ela visitaremos o museu. Renato chegou.
b. Todos somos responsáveis pela preserva- b. X O relógio do convento de São Francisco
ção das matas. bateu às dez horas.
c. Há várias espécies extintas na Amazônia. c. O meu relógio e o seu está marcando
meio-dia.
d. Ocorre desmatamento nas florestas.
d. Já deviam passar das nove horas quando
e. X Acontecerá muitas festividades na inaugu-
ele chegou.
ração do museu.
e. Ouça: está soando onze horas no relógio

14. Indique a alternativa na qual a concor-


dância verbal foi desprezada.
da escola.

a. X Chegou os filhos e o pai...


b. Fomos nós que tocamos na questão.
18. Assinale a opção em que há erro de concor-
dância em relação à norma culta da língua.

c. Não serei eu quem recolherá o dinheiro. a. X Deve aparecer novas rotinas com a im-
d. Os torcedores agrediram-se estupidamente. plantação do sistema computadorizado.

e. O fazendeiro com os peões levantaram a b. Existem argumentos favoráveis à implanta-


cerca. ção do sistema computadorizado.
c. Fica nas mãos de poucos funcionários todo

15. Assinale abaixo a frase na qual a concor-


dância verbal não está de acordo com a
norma padrão.
o poder de decisão.
d. Forneçam ao analista todas as informações
necessárias para a visão de conjunto do siste-
ma computadorizado.
a. X Bateu oito horas no sino da igreja.
e. Diminuem-se os gastos de uma empresa atra-
b. Eram tudo travessuras de criança. vés da redução do seu número de funcionários.
c. As meninas parecem estar descontentes.

19.
d. Eram oito horas quando ela entrou em Assinale a alternativa correta quanto à
casa. concordância.
e. Oito funcionários é o suficiente para come-
çar a obra. a. Artistas, escritores e desportistas, na Bahia,

16.
promove manifestação em favor do candidato.
Assinale a frase com erro de concordân-
cia do verbo ser. b. Dona flor e seus dois maridos, sucesso
de bilheteria, voltam à tela depois de vinte e
cinco anos.
a. Já são horas de dormir, meu filho.
c. X Companhias de cerveja deverão trocar ami-
b. Neste exato momento, são oito horas.
gos sertanejos e baixinhos por loiras e morenas.
c. X Creio que eram nestas horas que eles de-
d. Com a queda do regime, as mulheres fica-
viam mostrar seu altruísmo.
ram meias perdidas com as novas regras.
d. Daqui a São Paulo são 500 quilômetros.
e. O roqueiro e a artista conseguiu transfor-
e. Eram as ave-marias. mar o evento num grande espetáculo.

10

BQ_Sucesso_Português_9º ano.indd 10 25/01/2017 09:44:36


Capítulo 6 5. Nas alternativas abaixo, o emprego da re-
gência nominal está adequado à norma
Regência nominal e verbal; culta, exceto em:
colocação pronominal; crase
a. Ele está alheio a tudo.

1.
b. Depois de meses estudando, sinto-me apto
Indique onde há erro de regência nominal: para fazer a prova.
c. Mamãe dizia que eu era sensível a qual-
a. X Ele é muito apegado em bens materiais. quer crítica.
b. Estamos fartos de tantas promessas. d. Ele era misericordioso para com todos.
c. Ela era suspeita de ter assaltado a loja. e. X No hospital, soubemos que o sangue doa-
do era incompatível para o sangue dele.
d. Ele era intransigente nesse ponto do regula-

6.
mento. Indique a opção em que há o uso adequado
e. A confiança dos soldados no chefe era da regência nominal.
inabalável.

2. As palavras ansioso, contemporâneo e a. Ele tem muita capacidade em aprender no-


misericordioso regem, respectivamente, vos idiomas.
as preposições: b. Estamos próximos para a realização pro-
fissional.
a. A – em – de. c. A turma deles é incompatível do seu nível.
b. De – a – de. d. X A obra desse pintor é contemporânea do
c. X Por – de – com. Modernismo.
d. De – com – para com. e. As novas condições de trabalho são propí-
cias com a produtividade.
e. Com – a – a.

3. Assinale a opção em que todos os adjetivos


devem ser seguidos pela mesma preposição:
7. Está correta a regência verbal da frase:

a. O filme que assistimos é excelente.


a. Ávido – bom – satisfeito.
b. O emprego que aspirávamos era apenas
b. Indigno – odioso – perito. um sonho.
c. X Leal – fiel – semelhante. c. X O documento que visei era falso.
d. Orgulhoso – rico – sedento. d. Simpatizei-me de ti.
e. Oposto – pálido – sábio. e. Assisti o jogo ontem à noite.

4. Marque o erro de regência verbal.


8. Há erro de regência verbal na opção seguinte:

a. X Prefiro estudar que trabalhar. a. Aspirou profundamente o forte odor do café.


b. À cerveja prefiro o leite. b. Ela não pode visar o passaporte.
c. Prefiro leite a cerveja. c. X Todos visam uma vida de paz.
d. Prefiro este nome àquele que ele propôs. d. Ali as pessoas aspiravam à fama.

11

BQ_Sucesso_Português_9º ano.indd 11 25/01/2017 09:44:36


9. A regência nominal foi empregada correta-
mente em todas as alternativas, exceto em: 13. Assinale o item em que há erro quanto à
regência:

a. Não dormir bem é prejudicial ao organismo. a. São essas as atitudes de que discordo.
b. X O rapaz é hábil para engenharia elétrica. b. Há muito já lhe perdoei.
c. Ele é fiel aos seus ideais. c. X Informo-lhe de que paguei o colégio.
d. Aflito com a doença da filha, não conseguia d. Costumo obedecer a preceitos éticos.
trabalhar.
e. A enfermeira assistiu irrepreensivelmente o
e. Este computador já não é útil para a empresa. doente.

10. Qual a alternativa completa corretamen-


te as lacunas das seguintes frases? 14. O uso do sinal indicador de crase está
correto, exceto em:

I. Ninguém é obrigado      fazer o que a. Saiu às 14 horas.


não quer.
b. Mostrou-se indiferente àquela algazarra.
II. Ele disse      ela que estava feliz.
c. Chegamos à casa de Lúcia por volta de
III. Ele mentiu para não causar sofrimento duas horas da manhã.
     outras pessoas.
d. X Voltaremos à Curitiba no próximo ano.
e. Fique à vontade que já volto.
a. X A, a, a.
b.
c.
À, a, a.
À, à, à.
15. Identifique a alternativa correta quanto
ao uso da crase.

d. A, à, à.
a. Foi à uma loja.
e. A, a, à.
b. Pedro disse à Alberto.
c. Recusou-se à morrer.
11. Em “Nunca aspirei a nenhum cargo político”,
o verbo aspirar nessa acepção é: d. Eu disse à ela para ir embora.
e. X Eu prefiro peixe à portuguesa.
a. transitivo direto.
b. X transitivo indireto.
c. de ligação.
16. Analise os destaques do trecho abaixo
e verifique em qual deles o uso da crase
é necessário.
d. intransitivo.
A cidade de Florianópolis reserva a seus tu-
e. bitransitivo.
ristas belíssimas praias. Conhecida como tradi-

12.
cional ponto de encontro da juventude, a Praia
Aponte a frase que apresenta incorreção Mole, em Florianópolis, tem este nome devido a
de regência verbal. areia solta e macia.

a. Mário pagou o carro. a. A praia.


b. X A moça perdoou a indiscrição do colega. b. X A areia.
c. Antônio deixou de pagar o ajudante ontem. c. A seus turistas.
d. Perdoemos aos que nos ofendem. d. A cidade.

12

BQ_Sucesso_Português_9º ano.indd 12 25/01/2017 09:44:36


17. Assinale o erro de regência verbal no
verbo assistir. 21. Ocorre crase facultativa em:

a. Ele assistia com carinho os enfermos da- a. Temos muitas coisas a fazer.
quele hospital.
b. Eles estavam cara a cara.
b. X Não quero assistir esse espetáculo.
c. Nunca obedeceremos a ela.
c. Carlos sempre assistiu em Belo Horizonte.
d. Ela foi a pé para casa.
d. Não deixe de assistir àquele jogo.
e. X Amanhã iremos a minha cidade.

18. Qual a alternativa completa corretamen-


te as lacunas das seguintes frases? 22. Assinale a frase em que a colocação do
pronome pessoal oblíquo não obedece
às normas do português padrão:
I. Foi graças      esse olhar que você o
conquistou. a. Essas vitórias pouco importam; alcançaram-
-nas os que tinham mais dinheiro.
II. Ele foi o primeiro      chegar.
b. Entregaram-me a encomenda ontem, resta
III. Não compare sua filha      ela.
agora a vocês oferecerem-na ao chefe.
c. Ele me evitava constantemente!... Ter-lhe-iam
a. À, à, a.
falado a meu respeito?
b. À, à, à.
d. Estamos nos sentindo tristes, mas nos pre-
c. À, a, a. paramos para isso.
d. X A, a, a. e. X O presidente não cumprimentou-me.

23.
e. A, a, à.
Assinale a alternativa correta quanto à

19. Imagine o pronome entre parênteses no colocação pronominal:


lugar devido e aponte onde não deve
haver próclise: a. X A solução agradou-lhe.
b. Eles diriam-se injuriados.
a. Não entristeças. (te)
c. Ninguém conhece-me bem.
b. Deus favoreça. (o)
d. Darei-te o que quiseres.
c. Espero que faças justiça. (se)
e. Quem contou-te isso?
d. X Meus amigos, apresentem em posição de

24.
sentido. (se) (Consulplan) Em “Abrir o peito à força numa
e. Ninguém faça de rogado. (se) procura...”, o acento grave foi utilizada cor-
retamente. No entanto, o mesmo não ocorre em:

20. Assinale a alternativa em que a coloca-


ção pronominal está incorreta:
a. Nada se compara à consciência do dever
cumprido.
a. Preciso que venhas ver-me.
b. X Ele escreveu a carta à lápis, porém, nin-
b. Procure não desapontá-lo. guém acreditava em suas palavras.
c. O certo é fazê-los sair. c. Digo adeus à ilusão.
d. X Sempre negaram-me tudo. d. Graças a Deus obedecemos à sinalização.
e. As espécies se atraem. e. Dirigi-me à piscina.

13

BQ_Sucesso_Português_9º ano.indd 13 25/01/2017 09:44:36


Capítulo 7 5. Assinale o par de vocábulos cujos prefixos
guardam entre si oposição semântica.
Estrutura das palavras

1.
a. Inconsciente – anormal.
Assinale a opção em que nem todas as palavras
possuem o mesmo radical. b. Antevisão – predestinação.
c. Contracultura – anticorpo.
a. Noite, anoitecer, noitada. d. Interplanetário – entrelinha.
b. X Luz, luzeiro, alumiar. e. X Importado – exposto.
c. Incrível, crente, crer.
d. Festa, festeiro, festejar. 6. Dentre os vocábulos abaixo, aquele no qual
existe desinência de gênero é:
e. Riqueza, ricaço, enriquecer.

2.
a. Segredo.
Assinale a alternativa sem desinência modo-
-temporal. b. Curiosidade.
c. Força.
a. Aplaudias. d. Verbo.
b. X Acordou. e. X Alheia.
c. Faltarás.
d. Fizesses. 7. Assinale o vocábulo cujo sufixo traduz a
mesma ideia que o sufixo de bebedouro.
e. Cobrasses.

3.
a. Duradouro.
A série na qual todas as palavras possuem o
mesmo radical é: b. Inibitório.
c. Satisfatório.
a. Florescer, flandres, florear. d. Vindouro.
b. Pousada, aposentado, cômodo. e. X Dormitório.

8.
c. X Reger, regulamento, regra.
Um bom exemplo de vogal temática nominal
d. Corte, percurso, correr. pode ser encontrado em:
e. Angústia, ângulo, anjo.
a. Amáramos.

4. Assinale a opção em que o elemento mórfico


está devidamente caracterizado.
b. Viajante.
c. X Cônjuge.
d. Menino.
a. Emprestastes: desinência de segunda pes-
soa do singular. e. Elefanta.
b. X Emprestas: vogal temática.
c. Venderíamos: desinência modo-temporal
Anotações
do pretérito mais-que-perfeito.
d. Explicavas: desinência modo-temporal do
pretérito mais-que-perfeito.
e. Aprendas: vogal temática.

14

BQ_Sucesso_Português_9º ano.indd 14 25/01/2017 09:44:36


Capítulo 8 5. Segundo o dicionário Houaiss, a expressão ar-
ranca-rabo significa discussão ou desavença.
Processos de formação de palavras Sobre sua morfologia, podemos afirmar que:

1. Assinale a opção em que o processo de


formação de palavras está indevidamente
caracterizado.
a.
b.
O termo -rabo é sufixo.
A palavra é formada por aglutinação.
c. É uma gíria, sendo utilizada em situações
a. Vaga-lume: composição. formais.
b. Cruzeiro: sufixação. d. O termo arranca-rab- é o radical dessa
expressão.
c. Palmeira: sufixação.
e. X Utilizamos essa expressão em situações
d. Irritação: sufixação. informais.
e. X Baunilha: sufixação.

2. Assinale a letra em que as palavras são for-


madas, respectivamente, por derivação re-
gressiva, derivação parassintética e composição
6. Numere as palavras da primeira coluna con-
forme os processos de formação numerados
à direita. Em seguida, marque a alternativa que
por aglutinação. corresponde à sequência encontrada.

a. Neurose, infelizmente, pseudônimo. 1. justaposição outrora

b. Ajuste, aguardente, arco-íris. 2. aglutinação a caça

c. Amostra, alinhar, girassol. 3. parassíntese pontapé

d. X Corte, emudecer, outrora. 4. derivação prefixal planalto

e. Pesca, deslealdade, vinagre. 5. derivação regressiva. anoitecer


transcontinental

3. Assinale o par de vocábulos que não guar-


dam entre si a mesma relação semântica
existente entre regular e regularizar. a. 4 – 5 – 2 – 1 – 4 – 3.
b. 2 – 3 – 1 – 2 – 3 – 4.
a. Diverso / diversificar.
c. 1 – 5 – 2 – 1 – 4 – 3.
b. X Caráter / caracterizar.
d. 1 – 5 – 2 – 1 – 3 – 4.
c. Brasileiro / abrasileirar.
e. X 2 – 5 – 1 – 2 – 3 – 4.
d. Geral / generalizar.
e. Forte / fortalecer.

7. Assinale o par de vocábulos que guardam


entre si a mesma relação significativa exis-

4. Grupo de três palavras formadas por derivação:


tente entre considerar / consideração:

a. X Pesaroso, apelo (substantivo), refazer. a. X Desenvolver / desenvolvimento.


b. Pontapé, introduzir, cipoal. b. Realizar / realizável.
c. Decímetro, casamento, namoro (substantivo). c. Opor / oponente.
d. Cine, guarda-roupa, infiel. d. Criar / criativo.
e. Infelizmente, amolecer, varapau. e. Matar / matadouro.

15

BQ_Sucesso_Português_9º ano.indd 15 25/01/2017 09:44:36


8. Assinale a opção em que todos os verbos
formam substantivos por meio de sufixos 12. A opção em que não se verifica variação
de radical é:
distintos entre si.
a. Valho – valeria – valêssemos.
a. Apreender, pressentir, converter. b. Coubeste – cabes – caibas.
b. Descrever, crer, dedicar. c. X Brincam – brinques – brincávamos.
c. Confessar, lembrar, transmitir. d. Sentíeis – sinta – sentiram.
d. X Suprimir, esquecer, tolerar. e. Servistes – sirvo – servira.
e. Iniciar, prever, aceitar.

13. Está incorreta a caracterização do pro-


cesso de formação em:

9. Assinale o par de vocábulos que guardam


entre si a mesma relação significativa exis-
tente entre exportar / exportação:
a. Meio-dia: composição por justaposição.
b. Fortalecer: derivação sufixal.
c. Demora (substantivo): derivação regressiva.
a. Importar – importador.
d. X Antagonista: derivação sufixal.
b. Estudar – estudante.
e. Pneu: abreviação.
c. X Descobrir – descobrimento.
d.
e.
Opor – oponente.
Ouvir – audível.
14. Assinale a opção em que se indica erro-
neamente o processo de formação:

a. Encontrável: derivação sufixal.

10. Assinale a opção em que todas as pala- b. Inesperado: derivação prefixal.


vras obedecem ao mesmo processo de c. X Emudecer: derivação sufixal.
formação:
d. Inaudível: derivação prefixal.
e. Canto: derivação regressiva.
a. Aguardente – girassol – reco-reco.
b. X Boiada – garotada – jardinagem.
c. Sociologia – burocracia – televisão.
15. Assinale a opção em que nem todas as
palavras têm o mesmo radical.

d. Passatempo – fidalgo – manda-chuva.


a. Dizendo, indizível, diríamos.
e. Descobrir – infeliz – planalto.
b. Batida, batedeira, combater.
c. X Legalidade, ilegalizar, inelegibilidade.

11. O processo que gerou o substantivo jogo, d. Caracterização, descaracterizar, caracterizava.


a partir do verbo jogar, é chamado: e. Embrutecer, bruto, brutal.

a. Reduplicação. Anotações
b. X Regressão.
c. Conversão.
d. Parassíntese.
e. Aglutinação.

16

BQ_Sucesso_Português_9º ano.indd 16 25/01/2017 09:44:37