Você está na página 1de 2

UNIVERSIDADE ZAMBEZE

FACULDADE DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA


CURSO ENGENHARIA ELÉCTRICA

DISCIPLINA: TÉCNICA DE ALTA TENSÃO


TEMA: Geração de Tensão de Impulso

Aula prática no 03

Exercício Nº 1
Um gerador de impulso tem doze (12) capacitâncias de 0,12 µF cada e tensão de carregamento
de 200 KV. A frente e a cauda da onda de impulso têm resistência de 1,25 KΩ e 4 KΩ
respectivamente.
Se a capacitância de carga incluindo a capacitância do objecto de teste for de 10 000 pF, calcule:
a) O tempo de frente e de cauda;
b) A tensão de pico de impulso da onda produzida pelo gerador.

Exercício Nº 2
Você trabalha como engenheiro numa fábrica de aparelhagem eléctrica. A sua tarefa vai ser de
desenhar e construir um gerador de Marx (circuito “b”) com quatro (4) estágios para a tensão de
manobra. A capacitância Cd (CS) em paralelo com o gerador deve ser de 8nF e a tensão contínua
de carregamento de 130 KV. Os valores característicos desta tensão de manobra são de 200/2000
µs numa relação T1=35T2.
a) Calcular a capacitância Cb (Cl), as resistências de frente e de cauda por estágio;
b) Determinar o valor máximo da tensão de manobra;
c) Desenhar o circuito eléctrico equivalente do gerador.

Exercício Nº 3
Um gerador de ondas de choque tem 8 estágios com condensadores de 0,16 µF e 125 KV por
estágio. A capacitância de carga é de 1000 pF.
a) Calcular as resistências Rf e Rh por estágio, necessária para gerar um impulso de raio de
1,2/50 µs;
b) Qual será a tensão máxima de saída do gerador se a tensão de carregamento for de 120 KV.

UZ-FCT-TEAT 2020, gimo.joaque@uzambeze.ac.mz 1 de 2


Exercício Nº 4
Um gerador de impulso do tipo Marx (circuito b) consiste de 12 estágios com capacitâncias iguais
a 0,126 µF por estágio. As resistências de frente e de cauda são: 800 Ω e 5000 Ω respectivamente.
Se a capacitância de carga for de 1000 pF, calcule:
a) Os tempos de frente e de cauda;
b) O rendimento do gerador;
c) Se a tensão de alimentação for de 125 KV, calcule o valor máximo da energia do gerador.

Bibliografias:

 E Kuffel, W.S. Zaengl & J. Kuffel “High Voltage Engineering”, 2nd ed. 2000 Butterworth, ISBN
0 7506 3634 3.
 K. Nowacki “ Técnica de Alta”, UEM, Maputo: 1995
 D. Gorgius, “ Técnica de Alta Tensão”, UEM, Maputo: 1984
 Kind, “ An Introduction to High Voltage Experimental Techniques, Vieweg, Braunschweig
 G. Kinderman, “ Descargas atmosféricas”, sagra-DC Luzzatto, Brasil
 D. Moura, “ Técnicas de Alta Tensão”, IST, Lisboa: 1980

FIM

UZ-FCT-TEAT 2020, gimo.joaque@uzambeze.ac.mz 2 de 2

Você também pode gostar