Você está na página 1de 49

LIGAÇÕES QUÍMICAS:

REGRA DO OCTETO

LICENCIATURA EM QUÍMICA - QUÍMICA GERAL I


PROFA. LIDIANE GASPARETO FELIPPE
Por que as moléculas se formam???
O que faz com que os átomos se juntem para formar
moléculas???
Tabela periódica atualizada
Existem 114 átomos na tabela, e quantas moléculas existem????

International Union of Pure and Applied Chemistry


Por que as moléculas se formam???
Estabilidade dos Átomos
Por que os elementos do Gurpo 18 recebem o nome de
gases nobres?
Os gases nobres são gases monoatômicos muito
estáveis, ou seja, pouco reativos. Por não reagirem
entre si ou mesmo com outros elementos, receberam
esse nome.
Gases nobres
Lembrando da distribuição eletrônica
Como um átomo é/ou se torna estável?
O que garante essas propriedades aos gases nobres?

He (Z=2) 1s2

Ne (Z=10) 1s2 2s2 2p6

Ar (Z=18) 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6

Kr (Z=36) 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2 3d10 4p6

Xe (Z=54) 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2 3d10 4p6 5s2 4d10 5p6

Rn (Z=86) 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2 3d10 4p6 5s2 4d10 5p6 6s2 4f14 5d10 6p6
Lembrando da distribuição eletrônica

O que garante essas propriedades aos gases nobres?

He (Z=2) 1s2
A QUÍMICA tenta explicar
a natureza!!!
Ne (Z=10) 1s2 2s2 2p6

Ar (Z=18) 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6

Kr (Z=36) 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2 3d10 4p6

Xe (Z=54) 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2 3d10 4p6 5s2 4d10 5p6

Rn (Z=86) 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2 3d10 4p6 5s2 4d10 5p6 6s2 4f14 5d10 6p6
Regra do octeto

Os gases nobres possuem a camada de valência


completa, com 8 elétrons na última camada (ns2 np6),
exceto o Hélio (1s2 - Primeira camada completa).

Os átomos dos demais elementos tendem a adquirir a


configuração eletrônica de um gás nobre, tornando-se
assim estáveis (estado de menor energia).

Para isso, tendem a ganhar, perder ou compartilhar


elétrons, ou seja, tendem a formar ligações químicas.
Ligações Químicas

Ligação
iônica

Ligação
covalente

Ligação
metálica
Ligações Iônica

O que são íons?


Átomos que cederam ou receberam elétrons e
portanto, possuem carga diferente de zero.

Por que os átomos formam íons?


Para alcançar a estabilidade (adquirir configuração
eletrônica equivalente a um gás nobre).
Ligações Iônica

Distribuição eletrônica de alguns átomos


Átomo Íon
Li (z=3): s2 2s1 Li+ 1s2
Mg (z=12): 1s2 2s2 2p6 3s2 Mg2+ 1s2 2s2 2p6
Al (z=13): 1s2 2s2 2p6 3s2 3p1 Al3+ 1s2 2s2 2p6
N (z=7): 1s2 2s2 2p3 N3- 1s2 2s2 2p6
S (z=16): 1s2 2s2 2p6 3s2 3p4 S2- 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6
Cl (z=17): 1s2 2s2 2p6 3s2 3p5 Cl- 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6
Ligações Iônica

Íon positivo Cátion Metais


Íon negativo Ânion Não-metais
Ligações Iônica

Íon positivo Cátion Metais


Íon negativo Ânion Não-metais

Por que?
Ligações Iônica

Íon positivo Cátion Metais


Íon negativo Ânion Não-metais

Quanto menor o átomo, mais difícil retirar um elétron.

RAIO ATÔMICO ENERGIA DE IONIZAÇÃO


Ligações Iônica

Íons de metais de transição


Fe 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2 3d6 (Regra do octeto não se aplica)

A estabilidade se dá com subníveis totalmente preenchidos


ou semipreenchidos.

Fe2+ 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 3d6 Fe3+ 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 3d5

Adição de elétrons: os elétrons são adicionados seguindo a ordem energética.


Remoção de elétrons: os elétrons são retirados do subnível mais externo.
Ligações Iônica

Íons de metais de transição


Fe 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2 3d6 (Regra do octeto não se aplica)

A estabilidade se dá com subníveis totalmente preenchidos


ou semipreenchidos.

Fe2+ 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 3d6 Fe3+ 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 3d5

Fe3+ além de perder 2é do 3d6     


4s também perdeu 1é do 3d
3d5     

Remoção de elétrons: os elétrons são retirados do subnível mais externo.


Ligações Iônica

Tamanho dos íons

Cátion Perdeu elétrons Aumenta a atração do núcleo


pelos elétrons e diminui a
Cátion < Átomo repulsão entre os elétrons.

Ânion Ganhou elétrons Diminui a atração do núcleo


pelos elétrons e aumenta a
Ânion > Átomo repulsão entre os elétrons.
Ligações Iônica

Tamanho dos íons

Raio (pm)
Ligações Iônica

A ligação iônica se deve à interação eletrostática entre


íons de cargas opostas, ou seja, à interação entre
cátions e ânions.

Na+ Cl-

NaCl
Ligações Iônica

A ligação iônica é não-direcional. Compostos iônicos


são reticulares (formam sólidos tridimensionais). São os
chamados sólidos iônicos = cristais.
Ligações Iônica

Características dos sólidos iônicos

Sólidos quebradiços em temperatura ambiente;


Temperaturas de fusão e ebulição elevadas (ligação forte!!!);
Ligações Iônica

• Não conduzem calor ou eletricidade no estado sólido

• Em solução aquosa, os compostos iônicos são


solubilizados e separam seus íons (dissociam), por isso
podem conduzir corrente elétrica!
Ligações Iônica

Representação usando a estrutura de Lewis.

NaCl
Na + Cl → Na+ [ Cl ]-

Representa-se os elétrons do último nível (camada de valência)


arranjados ao redor do símbolo do elemento. Um único ponto
representa um elétron e um par de pontos representa dois
elétrons emparelhados.
Ligações Iônica

Exercício:

Demonstre a ligação entre os seguintes compostos


usando a estrutura de Lewis:

a) K e Cl

b) Mg e Br

c) H e O
QUAL LIGAÇÃO FAZEMOS NESTE CASO?

Como explicamos a existência de compostos como, por


exemplo, o gás cloro?

Cl Cl Cl2

Ambos os átomos são não-metais e possuem a mesma


tendência.
LIGAÇÃO COVALENTE

A ligação covalente se deve ao compartilhamento de


elétrons entre dois átomos.
FOMA COMPOSTOS MOLECULARES
LIGAÇÃO COVALENTE

A ligação covalente se deve ao compartilhamento de


elétrons entre dois átomos.
FOMA COMPOSTOS MOLECULARES

Representa-se utilizando as estruturas de Lewis.

Cl Cl O O N N

Cl Cl O O N N
Simples Dupla Tripla
LIGAÇÃO COVALENTE
Desenhando a estrutura de Lewis de uma molécula
1. Número de elétrons necessários (en)
H=2 Demais elementos = 8
2. Número de elétrons disponíveis (ed)
número de elétrons de valência … considerar as cargas dos íons
3. Número de elétrons compartilhados (ec)
ec = en - ed Número de pares compartilhados = ec /2
4. Número de elétrons isolados (ei)
ei = ed - ec Número de pares isolados = ei / 2)

CADA CLORO POSSUI


• en = 8
Cl Cl • ed = 7
• ec = 2 (pares de ec = 1)
• ei = 6 (pares de ei = 3)
LIGAÇÃO COVALENTE

FAÇA A LIGAÇÃO ENTRE OS SEGUINTES ÁTOMOS PARA FORMAR


COMPOSTOS MOLECULARES

1. N e H

2. O e H

3. Br e Br

4. F e O

5. C e H
LIGAÇÃO IÔNICA E COVALENTE

QUAL A DIFERENÇA ENTRE LIGAÇÃO

IÔNICA E COVALENTE????
Polaridade das ligações químicas

A ligação covalente dos compostos moleculares podem


ser POLARES ou APOLARES

Depende da diferença de
eletronegatividade!!!
Polaridade das ligações químicas

Eletronegatividade = habilidade de um átomo de atrair


elétrons para si quando ele é parte de um composto

O Fluor é o elemento mais


eletronegativo da tabela

GASES NOBRES NÃO FORMAM


COMPOSTOS COM OUTROS
ELEMENTOS
Polaridade das ligações químicas

Eletronegatividade = habilidade de um átomo de atrair


elétrons para si quando ele é parte de um composto

H-Cl (polar)

H-H (apolar)
Polaridade das ligações químicas

d+ d-

H-F
Polaridade das ligações químicas

• Quanto maior a diferença de eletronegatividade, mais polar a ligação.


Polaridade das ligações químicas

Tipos de ligação e nomenclatura


Iônica Molecular
MgH2 Hidreto de magnésio H2 S Sulfeto de hidrogênio
FeF2 Fluoreto de ferro(II) OF2 Difluoreto de oxigênio
Mn2O3 Óxido de manganês(III) Cl2O3 Trióxido de dicloro

O ÁTOMO MAIS ELETRONEGATIVO FICA POR ÚLTIMO


LIGAÇÃO COVALENTE

Estado físico dos compostos moleculares

Ponto de Fusão e Ebulição: Em geral, os pontos de fusão e ebulição dessas


substâncias são menores que os das substâncias iônicas.

Nas condições ambientes, os compostos moleculares e covalentes


são encontrados nos três estados físicos (sólido, líquido e gasoso).

• Sólido: açúcar (sacarose), sílica (areia), diamante, grafita;


• Líquido: água, acetona, etanol;
• Gasoso: Sulfeto de hidrogênio, gás cloro, gás bromo, gás
hidrogênio.
LIGAÇÃO COVALENTE

Sozinhos não conduzem eletricidade.

A maioria não conduz eletricidade também em solução, apenas


alguns podem sofrer ionização
LIGAÇÃO COVALENTE

Cargas Formais
Qual é a carga de um átomo que compartilha elétrons
em uma ligação?
A carga formal (cf) representa o número de elétrons
que um átomo “ganha” ou “perde” quando participa de
uma ligação covalente.

carga formal (cf) = ev - (ei + ½ ec)


ev é o número de elétrons de valência.
ei é o número de elétrons isolados.
ec é o número de elétrons compartilhados.
LIGAÇÃO COVALENTE

Cargas Formais
A soma das cargas formais dos átomos de uma
molécula é igual à carga da molécula ou íon molecular.
As estruturas mais estáveis são aquelas em que os
átomos apresentam carga formal próxima de zero,
indicando que houve a menor redistribuição de
elétrons.

Como os átomos C S e N podem se combinar para formar uma molécula?

[S C N]- [C S N]- [S N C]-


LIGAÇÃO COVALENTE

Cargas Formais
A soma das cargas formais dos átomos de uma
molécula é igual à carga da molécula ou íon molecular.
As estruturas mais estáveis são aquelas em que os
átomos apresentam carga formal próxima de zero,
indicando que houve a menor redistribuição de
elétrons.
carga formal (cf) = ev - (ei + ½ ec)

[S C N]- [C S N]- [S N C]-


0 0 -1 -2 +2 -1 0 +1 -2
Mais estável
Ligação metálica

Em um sólido metálico, há um arranjo regular de


cátions cercados por elétrons. Nesse arranjo, os
elétrons possuem grande mobilidade.
Ligação metálica

Em um sólido metálico, há um arranjo regular de


cátions cercados por elétrons. Nesse arranjo, os
elétrons possuem grande mobilidade.

A mobilidade eletrônica em um metal é responsável


por suas propriedades.
Ligação metálica

Condutividade elétrica e térmica


Transporte de carga através do movimento eletrônico e
transporte de calor por fônons (vibrações da rede).

Brilho
Oscilação eletrônica é responsável pela reflexão da luz.

Maleabilidade e ductibilidade
A ligação metálica é não-direcional e a mobilidade
eletrônica permite que os metais sejam moldados.
Ligação metálica

Sólido metálico é maleável e dúctil.


Ligação metálica

Reatividade
A água reage com alguns metais originando como produto gás
hidrogênio (H2) e hidróxido do metal.
Estes metais são pertencentes à classe de Metais alcalinos e
Metais alcalino-terrosos, como: Lítio (Li), Bário (Ba), Césio (Cs),
Potássio (K), Rádio (Ra), Cálcio (Ca), Estrôncio (Sr), entre outros.
Equação do processo:
2 Ba (s) + 2 H2O (l) → 2 BaOH (aq) + H2 (g)

Alguns metais como o sódio, reagem liberando muitoaq energa e


podem explodir!
Ligação metálica

Ligas metálicas
Materiais metálicos constituídos por mais de um
elemento. São usadas para diversos fins, tais como
construção, transporte, tecnologias eletrônicas, etc.

Liga metálica Composição


Latão 40% Zinco - 60% Cobre
Bronze Liga de Cobre e Estanho
Aço 98% Ferro - 2% Carbono
Aço inoxidável 88% Ferro - 12% Crômio
Ouro 18 quilates 75% Ouro - 25% Cobre e Prata
Ligação metálica

Liga substitucional
Diferença de tamanho de aproximadamente 15%;
Estrutura eletrônica semelhante (eletronegatividade);
Mesma estrutura cristalina;
Ex: Ferro e Níquel.

Liga intersticial
Diferença de tamanho entre os átomos é muito
grande (superior a 15%);
Estrutura eletrônica diferente;
Diferente estrutura cristalina;
Ex: Ferro e Carbono.
1. Dos compostos abaixo, qual não realiza ligação iônica?
a) NaCl
b) MgCl2
c) CaO
d) HCl
e) Na2O

2. Da combinação química entre os átomos de magnésio (Z=12) e nitrogênio (Z=7) pode


resultar a substância de fórmula:
a) Mg3N2
b) Mg2N3
c) MgN3
d) MgN2
e) MgN

3. O elemento “A” possui número atômico igual a 6, enquanto o elemento “B” possui
número atômico igual a 8. A molécula que representa corretamente o composto formado
por esses dois elementos é:
a) AB
b) BA
c) AB2
d) B2A
e) A2B

Você também pode gostar