Você está na página 1de 3

SISTEMA DA QUALIDADE

PS - Procedimento de Serviço

PROCESSO IDENTIFICAÇÃO REVISÃO FOLHA N°


EXECUÇÃO DE ALVENARIA ESTRUTURAL EM BLOCOS DE PS 035 01 1/3
CONCRETO

I. DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA
Projeto de arquitetura, de alvenaria estrutural, instalações hidráulicas, instalações elétricas,
impermeabilização e de esquadrias.

II. MATERIAIS E EQUIPAMENTOS


• Blocos de concreto;
• Argamassa de assentamento, graute, e água; • Aparelho de nível a laser, ou mangueira;
• Tela galvanizada de malha quadrada (15 x 15) • Serra elétrica manual ou serra de bancada com
mm2 e diâmetro dos fios de1,5 mm (quando disco refratário para corte de blocos;
epecificado em projeto); • Broxa;
• Prumo de face; • Linha de náilon;
• Nível de bolha; • Papel crepom betumado ou feltro (para juntas
• Colher de pedreiro; de dilatação);
• Desempenadeira para aplicação de • Frisadeira para acabamento das juntas
argamassa; (quando necessário) .
• Régua de alumínio;
• Esquadro de alumínio;
III. MÉTODO EXECUTIVO
3.1. Condições para o início da execução do serviço
Limpar o piso, removendo a poeira, materiais soltos, pregos, pontas de aço sobressalentes e
materiais estranhos depositados sobre a laje.

3.2. Execução da marcação da alvenaria


Conferir o nível da laje por meio de um nível a laser ou mangueira de nível, tomando como
referencia o ponto crítico (menos espesso). A marcação da alvenaria do pavimento térreo deve ser
feita em função do gabarito, onde os blocos dos cantos externos devem ser assentados, nivelados e
aprumados.

As primeiras fiadas do pavimento térreo devem ser executadas com argamassa aditivada com
impermeabilizante e se necessário com hidrofugante.
Assentar a fiada de marcação de acordo com as medidas de projeto de alvenaria estrutural,
observando as dimensões dos vãos das portas.

3.3. Execução da elevação da alvenaria

A argamassa deve ser aplicada com uma desempenadeira estreita ou colher de pedreiro, do
seguinte modo: enche-se a desempenadeira de argamassa, raspando-a em seguida,
longitudinalmente, sobre as duas laterais dos blocos.
As juntas verticais devem ser preenchidas conforme definição de projeto.
SISTEMA DA QUALIDADE
PS - Procedimento de Serviço

PROCESSO IDENTIFICAÇÃO REVISÃO FOLHA N°


EXECUÇÃO DE ALVENARIA ESTRUTURAL EM BLOCOS DE PS 035 01 2/3
CONCRETO

Para iniciar a elevação da alvenaria, deve-se executar a alvenaria nos cantos formando “escadas de
canto”, que servirão de referência para o fechamento da alvenaria. Deve-se medir o prumo a cada
fiada assentada, também verificar a planeza e o nível por meio de uma régua ou pontalete graduado.
Assentar os blocos intermediários usando a linha de náilon como referência de alinhamento e
de nível.

Os encontros entre paredes em “T” devem ser feitos por meio de telas ao longo das fiadas
(quando indicado em projeto), uma a cada 3 fiadas, conforme figura 1, enquanto que os encontros dos
cantos devem possuir amarração entre os blocos.

FIGURA 1 - Colocação de tela para travamento


Elevar a alvenaria até a altura do respaldo intermediário (quando previsto em projeto). Os
respaldos intermediário e final, verga e contraverga devem ser executados por meio de blocos tipo
canaleta, conforme ilustra a FIGURA 2. Nesse momento, deve-se limpar as colunas de graute através
das janelas de inspeção. Executar o grauteamento conforme o item 3.4.

Uma vez concluído o grautemento das colunas, deve-se armar as canaletas conforme projeto e
grautear.

R E S P A LD O D O
P A V IM E N T O

RESPALDO
I N T E R M E D IÁ R IO

FIGURA 2 - Respaldo intermediário e respaldo do pavimento

A fiada de respaldo do último pavimento, no caso de edifícios, deve receber um tratamento


especial. Deve-se criar uma junta de dilatação entre a laje da cobertura com a alvenaria, fazendo com
que fiquem desvinculados.
SISTEMA DA QUALIDADE
PS - Procedimento de Serviço

PROCESSO IDENTIFICAÇÃO REVISÃO FOLHA N°


EXECUÇÃO DE ALVENARIA ESTRUTURAL EM BLOCOS DE PS 035 01 3/3
CONCRETO

3.4. Grauteamento

Deve-se retirar cuidadosamente, todo o material estranho presente no fundo dos vazios
verticais. Os excessos de argamassa que ficam salientes no interior dos vazios verticais ou canaletas
devem também ser removidos.

A altura máxima de lançamento do graute em colunas é de 1,6m.

Atenção: não vibrar a armadura para adensar o graute.

Limpar a área de trabalho.

IV. FORMULÁRIO E MODELOS CORRELATOS


Form. 223 – FVM Bloco de Concreto
Form. 310 – FVS Alvenaria de vedação
Form. 343 – FVS Alvenaria Estrutural em bloco de concreto

V. CONTROLE DE DOCUMENTOS

Nome do Código Responsável Indexação Acesso Local do Tempo de Descart


registro pela coleta Arquivo retenção e
Eng.º da Por data Dep.
Obra/Arquiteto Engenharia; Sala de
Bloco de
FVM 223 /Encarregado/ Dep. de Arquivo
concreto 5 anos Lixo
Mestre de Segurança;
Obra Diretoria
Eng.º da Por data Dep.
Obra/Arquiteto Engenharia; Sala de
Alvenaria de
FVS 310 /Encarregado/ Dep. de Arquivo
vedação 5 anos Lixo
Mestre de Segurança;
Obra Diretoria
Eng.º da Por data Dep.
Alvenaria
Obra/Arquiteto Engenharia; Sala de
Estrutural em
FVS 343 /Encarregado/ Dep. de Arquivo
bloco de 5 anos Lixo
Mestre de Segurança;
concreto
Obra Diretoria

VI - Histórico de Alteração
Data Versão Alteração

00 Emissão Inicial

01

VII – Elaboração e Aprovação

Elaborado / revisado por: Aprovado para uso: