Você está na página 1de 32

autorização filomeno vieira lopes O meu negócio

Du Bank Temos poucos Maria Sofia


longe do empresários que sobrevive
licenciamento, pautam pela ética a trançar
segundo BNA [12] nos seus negócios [19] cabelos [20]

Ano 12 N.º 598 Sexta-feira, 21 de Fevereiro de 2020 Kz 100


Director Agostinho Chitata Director-Adjunto Mateus Cavumbo
SITE: www.jornaldeeconomia.sapo.ao E-MAIL: redaccaoeconomia@gmail.com

Processo de privatização em curso

Sonangol entrega
empresas à alienação [6-11]

Há ou não casas...!?
santos pedro | edições novembro

entrevista

Do sorteio do Zango 5 “Compra


de acções
aos condomínios vazios na Unitel foi
uma questão
Realizado o sorteio das candi- e não só, existem aos montes
daturas ao Zango 5, mais de vários projectos habitacionais,

pontual”
155 mil ficaram de fora, muito quer privados, quer estatais,
provavelmente a aguardar por ainda com as portas fechadas.
outras oportunidades para con- Em relação aos privados, a des-
seguirem uma casa numa das peito de muita oferta, há pouca O ministro dos Recursos Miner-
centralidades em Luanda. procura devido aos preços proibi- rais e Petróleos, Diamantino Aze-
O que se colocou à disposição tivos que alegadamente praticam. vedo, esclarece que, apesar de a
foi considerado por muitos como O Jornal de Economia & Sonangol estar concentrada num
tendo sido “meia gota no oceano”. Finanças, além do “Acquavi- sector estratégico da economia,
O sonho da casa própria lle Residencial”, promete mais pode entrar noutro negócio que
para muitas famílias continua reportagens sobre os condomí- a empresa considere estratégico,
adiado. Entretanto, pela capital nios vazios e quejando... [21] como no caso da Unitel. [10-11]

Quem mais Articulista


Relações Angola-EUA [15]
viu Pompeo? [2] Rosania Silva Funcionária Pública
Tomás Faria
Artigos

Por: Agostinho Chitata


Os laços de amizade entre Angola

A marcha até Novembro


nas páginas do JE e EUA serão mais fortes

[27] O presidente do Petro de Luanda Vanda Rodrigues Estudante


aceitou o desafio de regularmente
Por: Paulo Alencar Há uma via aberta para
assinar artigos de opinião para
o Jornal de Economia & Finanças o retorno dos dólares
em 2021 e sobre temáticas ligadas à sua
Dívida pública deve cair para 60% do PIB área de formação: Economia. Assunana Pedro Contabilista
O anúncio foi feito pelo director nacional da Unidade de Discorre sobre as propinas nos Espero que a visita ajude no resgate
Gestão da Dívida Pública, Walter Pacheco. [12] colégios... [2] do sistema financeiro angolano
2
opinião
Economia & Finanças

Editorial
Quem mais viu Pompeo?
Contornos da
P
arquivo

dívida pública elo número de batedores e a


forma como se interrompeu a
circulação, indicava, a priori,
que se estava perante uma ilus-
tre visita. Entre os escoltas, com
as cabeças de fora da janela das viaturas
A Dívida Pública compreende todo o financiamento que blindadas, estavam americanos. Era o
o Governo faz destinado aos gastos públicos que não é Secretário de Estado norte-americana que
possível cobrir com os impostos. Esta dívida pode ser passava pelas artérias de Luanda, a cum-
interna, quando a arrecadação acontece dentro do país, prir uma agenda diplomática por alguns
e externa, quando o empréstimo vem de uma instituição países, incluindo Angola.
estrangeira como o FMI, por exemplo. Num dos semáforos da Baixa luandense,
por onde passou, estavam três senhoras a
A Dívida Pública aumenta conforme as receitas e com os vender saldo de 500 e dois engraxadores.
impostos conseguem cobrir cada vez menos as despesas do Um cliente a limpar o sapato e dois outros
Estado. Em tudo isso, como se forma a dívida pública? zungueiros. Ao passarmos, um deles, dado
Os gastos públicos são financiados, em boa parte, por ao movimento inédito de escoltas brancos,
meio das receitas com impostos que são arrecadados, mas disse para os demais: “É o Mike Pompeo”. Agostinho Chitata
que não cobrem todas as despesas. Para financiar a parte Despertou a curiosidade de uma outra Director
que não consegue ser arrecadada, é preciso tomar capital senhora que vendia banana pão com gin-
emprestado, na qual o Governo emite títulos públicos para guba naqueles fogareiros modernos. “E é
captação de dinheiro, em troca de uma remuneração aos quem”?, questionou. “ É o dono da diploma-
cia dos Estados Unidos. Trabalha directa-
investidores. Como os leitores depreendem, a dívida no mente com o Presidente Trump”.
sector público aumenta diante das receitas do Governo Gerou-se aí uma conversa interminá-
e cobre-se menos os seus gastos, ou que seja, é preciso vel. Ficamos a ouvir também até onde ia
aumentar os gastos, principalmente em épocas de recessões a visão dos nossos, “na rua”, sobre a rela-
na economia. A ngola, no entanto, não foge à regra. ção entre os EUA e Angola, agora reflectida
Em 2021, segundo prognóstico, o país começará a colher as na visita do Secretário de Estado norte-

}
vantagens da política económica que o Governo do Presidente, -americano. Entre eles, alguns faziam
João Lourenço, leva a cabo, altura em que o serviço da dívida um esforço para entender o que tal signi-
pública deve cair para 60% PIB (Produto Interno Bruto), disse
ficava. Outros, participavam por partici- Se tudo isto serve para o
par da conversa. Mas todos despertaram
durante numa palestra, em Luanda, o director Nacional da quando um deles rematou: “Ele veio trazer retorno à normalidade
Unidade de Gestão da Dívida Pública (UGDP), Walter Pacheco. de volta os dólares”.
Desde 2017, o país gasta, em média, 20 mil milhões de As senhoras, com outros negócios da vida nacional, se traz
dólares anuais no pagamento da dívida pública, valor que deve agora, na esquina onde ficavam as kin-
descer para nove mil milhões a partir de 2021, facto que vai, guilas, encostaram mais ao informante e prosperidade, se em muito
necessariamente, abrir “ folga” ao Orçamento Geral do Estado daí deu para perceber que bastou falar de
(OGE) e permitir um maior investimento público. dólares que a conversa já interessou mais. pouco tempo combate
Será que antes da banana pão com ginguba,
Angola reúne hoje uma dívida total de 67 mil milhões de dos saldos de 500, elas também trocavam À fome e à pobreza,
dólares, entre os quais 43 mil milhões correspondem à dívida dólares? Se os fizeram, por que deixaram?
externa e 22 mil milhões à dívida interna. Resumindo, para aquele grupo de pes- então se está no bom
Para garantir a sustentabilidade da dívida pública, soas que viu Mike Pompeo a passar pres-
o país adoptou uma estratégia de contratação de supunha, acima de tudo, o regresso aos caminho. Sendo assim, e
empréstimos com maior prazo de maturidade, ao mesmo dólares com toda a força do mundo. O que
tempo que reduziu o recurso ao endividamento por troca se depreende é que quem está “na rua” a agora sim: o país começa
de petróleo. Em 2016, o país recorreu ao mercado para ganhar a vida também tem preocupação
obter empréstimos de 26 mil milhões de dólares, estando a com a questão da estabilidade e quer ver a ter rumo certo… A
a sua vida a prosperar. Percebe que este
cifra longe, ou seja, superior ao crédito contraído em 2019, estreitar de relações de cooperação faz ganhar consciência de
que não passou de 1,06 mil milhões de dólares. renascer a confiança americana.
O crédito contraído no ano passado vai ser pago nos O Secretário de Estado norte-americano, que refinar não É só o
próximos 15 ou 20 anos, algo que reduz o peso da dívida Mike Pompeo, garantiu que os Estados
para a geração futura. Unidos vão apoiar o Executivo angolano petróleo
A dívida é, na verdade, “um sintoma que estamos a tentar no processo de repatriamento de capitais
corrigir”, conforme comentou o alto funcionário do Ministério desviados para o exterior de forma ilegal, povo angolano alcançar a prosperidade”.
das Finanças. Quando se fala em dívida, há aquela chamada por via de esquemas de corrupção. Entretanto, entende-se que a visita de
Para ele, o seu país quer que “todas Mike Pompeo tem muito mais para além
comercial e outra designada financeira, sendo esta última a as transacções no mundo sejam trans- de uma simples visita do chefe da diplo-
que maior fatia representa no conjunto. De resto, os títulos parentes”. macia dos Estados Unidos da América.
da dívida pública aparecem como uma opção de investimento Justificando, disse que quando verifi- Por ser uma das principais economias do
segura e mais rentável que a poupança, além de diversificar as cam a ausência de transparência, usam os mundo, Angola tem muito a ganhar. Aliás,
carteiras dos investidores. A dívida pública vai consumir mais seus recursos para corrigir essas acções. “E o mesmo sucede com os acordos rubricados
recursos do que nunca este ano, conforme defendeu em tempos a é isso que faremos para auxiliar Angola”. com outras potencias económicas. Caso da
ministra das Finanças, Vera Daves. Entre o pagamento de juros “Vim por um motivo muito espe- Alemanha, cuja Chanceler esteve também
e a amortização de dívidas, o Estado vai despender no OGE 2020 cial: existe uma oportunidade imensa há dias em Angola. Uma cruzada de rela-
e a América quer fazer parte desse pro- ções comerciais interessante.
cerca de 7,25 biliões Kz, ou seja, 56,7% do total da despesa, o que cesso, auxiliando-a na melhoria do nível Como mesmo concluiu o zungueiro
significa dizer que ainda temos muito que aturá-la. de prosperidade. informante: “São os americanos. Eles são
Prometeu, por via de várias empresas os donos do mundo”. Se prometeram aju-
norte-americanas, investir mais de dois dar Angola a reaver o dinheiro saído do
}

mil milhões de dólares em Angola em pro- país ilicitamente. Se assumiram ajudar


jectos de petróleo e gás natural. “EUA que- no combate à corrupção. Se, pela voz de
rem ser “bons parceiros do povo angolano”. Mike Pompeo, consideram positivo o tra-
A dívida pública vai consumir mais Falou da agenda de reformas de trans- balho do Presidente João Lourenço, logo,
parência financeira e combate à cor- está-se na direcção correcta.
recursos do que nunca este ano, rupção, implementada pelo Presidente Se tudo isto serve para o retorno à nor-
angolano, João Lourenço, que, para ele, malidade da vida nacional, se traz prospe-
conforme defendeu em tempos a “precisa continuar e se enraizar”. ridade, se em muito pouco tempo combate
E se for conjuntamente bem feito, mais à fome e à pobreza, então se está no bom
ministra das Finanças, Vera Daves acordos serão alcançados e as instituições caminho. Sendo assim, e agora sim: o país
tudo farão para promover o emprego e a começa a ter rumo certo… A ganhar cons-
riqueza. “Faremos a nossa parte para o ciência de que refinar não é só o petróleo.
Sexta-feira, 21 de fevereiro de 2020
opinião 3

Números
Sobre a subida das propinas...
67
N
josé cola | edições novembro

otícias veiculadas tégia para dar acesso a finan-


pelos órgãos de ciamentos bancários que visam
comunicação social manter a propina mensal. No mil milhões de dólares
angolanos, particu- caso, pode-se estipular um valor Corresponde ao valor global da dívida pública, sendo
larmente, o Jornal máximo por ano, com pagamento 43 mil milhões correspondentes à dívida externa e
“O País” na sua edição do dia directo à Universidade. 22 mil à dívida interna, segundo dados avançados
10 de Fevereiro, dá conta que o No entanto, com a intervenção pelo director Nacional da Unidade de Gestão da
Governo através do Ministério do Governo pela via da estratégia Dívida Pública.
das Finanças, proibiu o aumento de financiamento, para garantir
de propinas nas instituições de a qualidade de ensino, caso não

9,8
ensino privado. existir, será necessário criar um
Deve o Ministério das Finan- Código de Qualidade de Ensino
ças proibir o aumento de propi- Superior, à semelhança do que
nas? É importante referir que existe em alguns países como
a Constituição Económica de por exemplo o Reino Unido (Qua-
Angola consagra a adopção por lityCode for HigherEducation) e por cento
Angola da economia de mercado que possui também uma Agência É quanto prevê a agência de classificação de risco
na base dos princípios e valores de Garantia de Qualidade, sendo de crédito, Fitch Solutions, em relação à redução dos
da sã concorrência, da morali- Tomás Faria que os programas profissionais empréstimos bancários em Angola este ano, contra
dade e da ética, previstos e asse- Economista
são regulamentados pelas Agên- os 28,4 por cento em 2019, devido à depreciação
gurados por lei. cias Regulamentares Profissio- do kwanza.
Entretanto, é preciso ter em nais e Estatutárias. Talvez seja
conta que uma propina é um aqui na garantia da qualidade

100
preço. E um preço é formado sabido que temos uma quali- que o Governo deve intervir.
com base em variáveis e, no caso dade de ensino com alguma Pode, por exemplo, até medir o
particular da propina, deve-se debilidade e isto afecta a eco- nível de satisfação do aluno a
realçar a variável qualidade de nomia do país, na medida em nível nacional.
ensino, a inflação, etc. Ora veja- que os quadros oriundos do Deste modo, evita-se um
mos, para manter a qualidade de nosso sistema de ensino con- ensino privado que seja ape- milhões de dólares
ensino de um ano lectivo para o tribuem pouco com o seu saber nas “fábricas de diplomas” e Montante que o Governo angolano vai investir
outro, mantendo a mesma pro- no desenvolvimento da Nação. cuja qualidade dos quadros na compra de gado bovino para o repovoamento
pina, é necessário que todas as Logo, ao serem tomadas deter- formados não só deixa muito a animal do planalto de Camabatela, região que
outras variáveis se mantenham minadas decisões é necessário desejar, assim como não fazem abrange parte das províncias do Cuanza Norte, Uíge
constantes. que se tenha uma visão abran- o básico que é o de contribuir e Malanje.
No entanto, conforme dados gente sobre o efeito que causará para o desenvolvimento do País.
do Instituto Nacional de Estatís- ao país no geral. Parece-nos O ut ra preoc upação do

170
tica, houve uma subida mensal que, neste caso, o Ministério Governo angolano deveria ser
do índice de preços do consumi- das Finanças não fez uma aná- neste momento procurar adop-
dor ao longo do ano de 2019, com lise abrangente, talvez não terá tar estratégias que visam criar
particular realce para os dois conseguido sobreviver à pres- condições para “nivelar” a qua-
últimos meses. Logo, a variável são vinda das manifestações de lidade de ensino entre os sec-
inflação, ou seja, o nível geral alguns estudantes, por via da tores públicos e privados, no milhões de dólares
dos preços dos bens e serviços imprensa e das redes sociais. sentido de criar uma concor- Valor que o país despendeu, no último ano, em
no mercado aumentou, excluindo A teoria económica é muito rência justa. Uma pequena pes- roupa nova importada e cerca de 65 milhões de
um ou outro bem subvencionado. clara nestes casos. Pode-se bai- quisa sobre como funciona a dólares em roupa usada (fardo), recursos que
Assim, partindo dos pres- xar o valor da propina, aumen- situação das propinas em ins- poderiam ser poupados, se as indústrias têxteis do
supostos anteriormente refe- tando a oferta do bem que está tituições de ensino privado de país estivessem a funcionar em pleno.
ridos, se for mantida a mesma em causa, “o ensino superior”, alguns países, permite-nos ver
propina, estaremos indirecta- se o Governo colocar no mercado que em nenhum caso o Governo

12
mente a passar a mensagem de mais instituições públicas de inter vém. Por exemplo, na
que se deve baixar a qualidade qualidade, altera o cenário, por- África do Sul, Alemanha, Esta-
de ensino, ou seja, por outras que este tipo de medidas como dos Unidos de América, Japão
palavras, quando o Ministé- a que foi tomada agora, além de e Portugal, variáveis como
rio das Finanças diz que não prejudicial o país, no que diz res- a localização da Universi-
subam as propinas, não faz peito à qualidade do homem a dade, a missão, propriedade, milhões de euros
mais do que mandar baixar a ser formado, é uma medida de tamanho,especialidade, perfil de Disponibiliza a União Europeia (UE) para o Programa
qualidade de ensino. Porque curto prazo. Porque ao longo aluno, programas de orientação de Assistência Técnica ao Comércio em Angola
se a propina é a receita opera- prazo, o mercado autorregula- profissional (ex.: negócios, arte (ACOM), segundo a chefe do serviço de Cooperação
cional da instituição e se man- -se. Mas a opção de disponibili- criativa/design, direito, contabi- da Delegação da UE.
tém inalterada, mas os custos zar mais Universidades públicas lidade ou tecnologia da informa-
operacionais cuja variação é algo que se consegue apenas ção), a procura por vagas, áreas
depende do mercado sobem, a longo prazo. de estudo específicas, a média
como irá a instituição cobrir Assim, uma solução de curto salarial após a formação, e os
a diferença? A menos que se vá prazo e que pode estar ao alcance ECTS (EuropeanCreditTrans-
entrar mais para uma “subven- do Governo, para minimizar a ferSystem)créditos que corres-
ção”, um cancro da economia pressão vinda das manifesta- ponde a cada disciplina, são as Frase da semana
que deve ser extirpado. ções dos estudantes do ensino que concorrem para a determi-
Entretanto, é por todos privado, seria criar uma estra- nação da propina.
}

Ficha técnica

EDIÇÕES
NOVEMBRO E.P.
JORNAL DE ANGOLA I JORNAL DOS DESPORTOS
O maior problema está
Director: Agostinho Chitata Departamento de Paginação : Irineu Caldeira Presidente do Conselho
na dívida contratada, que
Director-adjunto: Mateus Cavumbo
(Chefe), Adilson Santos (Chefe-adjunto), Carlos Casimiro
(Chefe de secção), Alcreto Abílio, Bruno Vieira Dias,
Paulo Lopes e Alberto Quiluta
de Administração:
Victor Silva nos trouxe à situação
Secretário de Redacção: Carlos Cardoso
Sede: Rua Rainha Ginga, 12-26 | Caixa Postal 1312 - Luanda
Administradores Executivos:
Caetano Pedro da Conceição Júnior, José Alberto
que vivemos hoje
Telefone 222 020 174 | Telefone geral 222 333 344 Domingos, Rui André Marques Upalavela, Luena
Redacção: Isaque Lourenço (editor), Fax 222 336 073 Kassonde Ross Guinapo
Adérito Veloso, Ismael Botelho, Pedro Peterson e Mail: redaccaoeconomia@gmail.com Walter Pacheco
Armando Estrela (subeditores), António Eugénio, André ednovembro.dg@nexus.ao Administradores não Executivos: Director Nacional da Unidade de Gestão da Dívida
Sibi, Manuel Barros, Regina Handa, Vânia Inácio, Yola do Publicidade: 244-937 550 262/244-949 770 006, Filomeno Jorge Manaças Pública do Ministério das Finanças.
Carmo e Xavier António (repórteres) www.jornaldeeconomia.co.ao Mateus Franscisco João dos Santos Júnior
4
especial
Economia & Finanças

Fábricas têxteis
MOTA AMBRÓDIO | edições novembro

vão a concurso
público em Abril
Processo de privatização das três unidades industriais
em Luanda, Cuanza Norte e Benguela, começa em breve

235
milhões de
420
milhões de
1,2
mil milhões de
dólares dólares dólares
Foi o investimento aplicado na Corresponde ao montante Foi quanto o Governo investiu
Nova Textang II à reabilitação investido na recuperação das nas fábricas no âmbito do
das suas infra-estruturas e África Têxtil (Benguela) e Satec acordo financeiro estabelecido
maquinaria. (Cuanza Norte). com o banco japonês JBIC.

O
}

P residente grama, a Nova Textang II, loca-


da República, lizada no município do Cazenga,
João Lou- beneficiou de um investimento
renço, orien- A NOVA TEXTANG de usd 235 milhões, que ser-
tou na última viram para a reabilitação das
quarta-feira, a II É UMA UNIDADE infra-estruturas, contratação
abertura de um de pessoal e compra de equipa-
concurso público para se encon- ESTRATÉGICA mentos fornecidos pela empresa
trar gestores que possam gerir japonesa Marubeni.
as indústrias têxteis Textang II QUE DEVE SER Depois da sua reabilitação e
(Luanda), Satec (Cuanza Norte) modernização, a Nova Textang
e África Têxtil (Benguela), que COLOCADA II e as outras duas passaram,
continuarão no sector público, em Setembro de 2013, para a
enquanto não se concluir o pro- AO SERVIÇO esfera privada, um processo
cesso de privatização. marcado por irregularidades.
João Lourenço, que falava no DA ECONOMIA Desde a entrega das três
final da visita à Nova Textang II, fábricas às sociedades priva-
NACIONAL
}
fábrica reabilitada entre 2009 das, a África Têxtil produziu
e 2013, sublinhou que, devido menos de 10 por cento da sua
ao interesse público, o processo capacidade, a Nova Textang
de privatização dessas unida- II menos de cinco por cento
des será feito em duas etapas.
Em relação à Nova Textang
em termos de energia, gerado-
res eléctricos, razão pela qual
e a ex-Satec 0,0 por cento, de
acordo com dados avançados
Presidente da república
II, o Presidente afirmou ser orientou também o sector da pelo IGAPE. participa na cimeira do rwanda
uma unidade estratégica que Energia e Águas a ligar essas Em Março de 2017, o Governo,
deve ser colocada ao serviço fábricas à rede pública. após a análise da situação das O Presidente da Republica, também consagrada à análise
da economia. A Nova Textang II tem uma fábricas têxteis, decidiu-se João Lourenço vai participar, de meios para desanuviar o
“Esta visita só peca por capacidade de produção men- retirar a sua posse às empre- hoje, sexta-feira, numa Cimeira clima de tensão existente entre
ser tardia. Penso que deveria sal de 250 mil metros linea- sas privadas que as detinham. com os homólogos do Rwanda, o Rwanda e o Uganda.
ter sido realizada antes. Só res de tecido, resultado de um Posteriormente, optou pela Paul Kagame, Uganda, Yoweri Na quarta-feira (19), as partes
que, como a privatização é um investimento de 235 milhões privatização gradual das uni- M u s e v e n i , e da Re públ i c a trocaram prisioneiros, sendo
pouco mais morosa, considero de dólares, usados na reabili- dades, sujeitando os privados a Democrática do Congo (RDC), 13 rwandeses (incluindo três
um crime deixar essas unida- tação das suas infra-estrutu- requisitos prévios que as cita- Felix Tshisekedi. mulheres) e 17 ugandeses.
des paradas no estado em que ras e maquinaria. das sociedades não cumpriram. João Lourenço chegou ao princípio A pretex to de um incidente
se encontram”, disse. Foi neste contexto que os da tarde de ontem à cidade de fronteiriço que resultou na morte
João Lourenço considerou Reabilitação da Nova Textang II Ministérios das Finanças e Kigali, para uma missão de dois de uma pessoa em cada lado, o
haver a necessidade da criação A reabilitação da Nova Textang da Indústria propuseram ao dias, no âmbito dos esforços de Presidente Paul Kagame ordenou
de emprego para os angolanos, II fez parte do pacote de recupe- Titular do Poder Executivo a paz entre os vizinhos Rwanda e o encerramento da fronteira entre
sobretudo para a juventude, daí ração das três principais unida- revogação dos Despachos Pre- Uganda. os dois países, bloqueando a via
ter orientado os sectores que des têxteis do país, iniciativa sidenciais números 108 a 110, Um dos objectivos da reunião, comercial imprescindível para a
tutelam essas unidades a come- que contou com um financia- de 2018, retirando a posse das a realizar-se na localidade de circulação de pessoas e bens.
çarem, de imediato, por traba- mento japonês na ordem de 1,2 três fábricas têxteis às socie- Gatuna/Katuna, junto à fronteira Na altura, o Chefe de Estado
lhar no processo de contratação mil milhão de dólares. dades privadas. entre o Rwanda e Uganda, é do Rwanda acusou o homólogo
de empresas idóneas nacionais Em 2009, sob proposta do Em Junho, a Procuradoria- debater a reabertura da fronteira do Uganda de colaborar com
ou estrangeiras que coloquem Ministério da Indústria, foi -Geral da República procedeu comum, encerrada desde Março a oposição r wandesa e com
as três unidades a funcionar aprovado um Programa Exe- ao arresto dessas unidades, de 2019, devido a acusações forças hutus, para desestabilizar
o mais rapidamente possível. cutivo do Sector da Indústria face a i r reg ula ridades no recíprocas de espionagem e do seu país.
Em contrapartida, o Pre- para o período 2009-2012, que processo de privatização e a intromissão política. Por seu turno, Museveni acusou
sidente da República consi- inseriu os Projectos de Reabili- incumprimentos pelos novos A cimeira de Gatuna/Katuna, Kagame de assassinato de
derou inadmissível que essas tação da África Têxtil, ex-Satec proprietários das cláusulas que f ic a a 8 0 quilóme t ro s adversários políticos no território
unidades fabris tenham como e Nova Textang II. contratuais, nomeadamente, da capital r wandesa, está ugandês.
fonte primária de alimentação, No âmbito do referido pro- no capítulo financeiro.
Sexta-feira, 21 de fevereiro de 2020
publicidade 5

(700084)
6
Destaque
Economia & Finanças

RECURSOS MINERAIS E PETRÓLEOs

Sonangol afasta pesadelos


e redimensiona a empresa
Com todos os reflexos negativos envolventes, aquela que já foi, para um bom número de pessoas,
a “galinha de ovos de ouro” inicia a alienação de participações em segmentos fora do “core business”
dr

Armando Estrela
empresas de reconhecido valor

D
epois de rece- incluídas no processo de venda
ber orientações

}
específicas do O problema de privatizações,
principal órgão metas e desafios que Angola
de tutela – o levanta são temas que Ainda que 2019
Ministério dos conformam a actualidade da
Recursos Mine- vida económica nacional, a seja o ano
rais e Petróleos (Mirempet), a julgar pelos grandes interesses
Sonangol encontrou, em 2019, envolvidos, muitos deles de início das
um vasto espaço para desfazer- a abarcarem os principais
-se de blocos petrolíferos, lici- segmentos económicos do país. privatizações, o
tando e procurando saídas para No ano de 2019, o Governo
as múltiplas dificuldades que se lançou o Propriv, o Programa de processo apenas
apresentavam. Privatização de 195 empresas
Este ano, a Sonangol lançou públicas, das quais 25 deviam termina em 2022
uma nova campanha, que deve ser alienadas até Dezembro do
permitir à empresa descolar-se ano passado, mas que só cinco
de negócios que mais dinheiro tiveram desfecho. Além dos números de empresas
consome, que benefícios práticos O Propriv tem um calendário ligadas à Sonangol (69
para um real desenvolvimento Activos colocados à venda são de empresas do segmento de viagens e turismo aprovado em 2019, que indica empresas), o universo de activos
da petrolífera angolana. Nessa o momento em que será dado a privatizar é maior e exige uma
aposta, a Sociedade Nacional de o arranque do processo de boa fase de trabalhos por parte
Combustíveis de Angola (Sonan- Express, Inc e ITSS – Interna- nas 2,0 por cento. No ano passado, privatização de determinados das entidades envolvidas, como
gol – Empresa Pública), procu- tional Travel Services and Sis- empresas como ENI, Total, Esso e activos. Ainda que 2019 seja o IGAE (Inspecção-geral da
rará desfazer-se de um total de tems, Inc. a própria Sonangol conseguiram, o ano de início, o processo Administração do Estado) e o
69 subsidiárias. mediante a adjudicação directa, apenas termina em 2022. Ministério dos Recursos Minerais
No geral, o programa de pri- Blocos petrolíferos participações em blocos da Bacia Com as primeiras 5 empresas e Petróleos (Mirempet).
vatização de sectores chave da A solução encontrada pela Sonan- do Namibe, dos 12 que existem. alienadas, fechou-se a primeira O economista José Santos
área dos Recursos Minerais e gol para se desfazer de negócios A “nova fronteira do petróleo”, vaga de unidades que estão na considera necessário destrinçar
Petróleos comporta 195 empre- não corporativos, a exemplo do que inclui a Bacia de Benguela, Zona Económica Especial (ZEE) dois momentos importantes,
sas, a Sonangol fica com pelo que ocorre com outros bens públi- é uma área que nunca teve pro- Luanda-Bengo. sendo um a base que se
menos 35 por cento, nos quais cos à venda, é algo que muitos dução de petróleo. Além desses activos, está pretende para a licitação
56 das subsidiárias a privatizar actores dos sectores público e A actual Lei de Petróleos em fase de encerramento de empresas e a outra os
ficarão sob a alçada da petrolí- privado aplaudem com intensi- angolana permite que os blocos o concurso público para a resultados. Para o economista,
fera angolana, enquanto coor- dade, apesar de receios de mui- sejam negociados por “concurso alienação de fazendas. Em fase há alguma reticência em
denadora, e 13 delas, tidas como tos, quando o contexto é puxar directo”, “concurso aberto”, “con- de encerramento, está a venda relação ao momento
empresas de referência, a cargo os exemplos anteriores de priva- curso limitado” ou por “negocia- de agro-indústrias identificadas destas privatizações. “Estou
da “Comissão de Privatização” tizações ocorridas com o SEF – o ção directa”. Hoje, só restam seis e que tinham como data de completamente de acordo
que envolve técnicos de outros conhecido programa de Sanea- blocos por licitar na Bacia do arranque o ano passado. Na que o Estado deve afastar-se,
segmentos vitais do Estado. mento Económico e Financeiro. Namibe e um outro, encontrado ordem das privatizações, o significativamente, do sector
Das treze empresas de refe- O “saneamento” da petrolífera na bacia de Benguela, espera por Governo fez o lançamento da empresarial, mas, não podemos
rência, nas quais a Sonangol tem angolana passa pela diminuição concorrentes. segunda fase da ZEE Luanda- nos esquecer que estas
participações, podem ser achadas da intervenção do Estado na ins- Porém, é nas bacias em terra, Bengo, prevendo-se a alienação empresas foram feitas com
instituições ligadas à banca, às tituição e abrange a licitação de como do Etocha, do Okavango, de 13 activos. recursos do país”, sublinhou.
telecomunicações, ao turismo, blocos petrolíferos, nos quais a do Cassanje, nas províncias do EDIÇÕES NOVEMBRO
hotelaria e ao sector imobiliá- Sonangol começa a entrar como Cunene, Cuando Cubango, Moxico
rio, entre outros. Os concursos pesquisadora e produtora, visando e Malanje, onde mais se espera
públicos recentes que a Sonan- aumentar a presença da empresa pela participação de empresá-
gol colocou no mercado nacio- no sector petrolífero, que antes rios nacionais, pelas condições
nal e internacional datam de 30 destas reformas esteve em ape- próprias de financiamento que
de Janeiro e neles são ofereci- oferecem, uma vez que os inves-
dos, para alienação, as subsidiá- timentos em águas profundas e
}

rias Sonaid – Serviços de Apoio ultra-profundas requerem não só


à Perfuração, Sonasurf Interna- tecnologia avançada, mas expe-
tional Shipping, Sonasurf Angola Sonangol lança riência e muito dinheiro.
– Companhia de Serviços Maríti- Concorrem para o sucesso da
mos, Founton – Gestão Imobiliá- nova campanha, intervenção privada nas diver-
ria e Suite Hotel Maianga. sas iniciativas do sector cinco
Outros activos colocados à que deve permitir leis fundamentais, tidas como
venda, no quadro das 69 empresas, “necessárias”, para se combater
são de empresas do segmento de à empresa o mal identificado. Tratam-se da
viagens e turismo com sedes em “Lei dos Campos Marginais”, “Lei
Angola, Estados Unidos, França descolar-se de do Gás”, Lei do Abandono”, “Lei
e Portugal. Entre as subsidiá- para Simplificação dos Proces-
rias a alienar estão a Atlântida negócios que sos”, “Lei de Alteração do Regime
Viagens Turismo, SA (Lisboa e Fiscal” e, também, de uma lei que
Luanda), WTA International, SA, mais dinheiro permite que as empresas conti-
WTA Travel Agency, SA (Luanda), nuem a fazer exploração em áreas Executivo vai vender todas as participações que tem nas cervejeiras
WTA, SA (Paris), WTA Houston consome de desenvolvimento.
Sexta-feira, 21 de fevereiro de 2020
destaque 7

Interesses
económicos
de realce
na mira
Executivo está bastante agastado
com o desempenho de empresas a
si ligadas, muitas delas receberam
investimentos robustos e estão
paralisadas por má gestão
em 120 dias devem ser encontrados
“novos donos” para as empresas já
reabilitadas pelo estado angolano

6
de março
120dias
3,00
por cento
16
milhões
75
por cento
2ª fase de privatização Espaço máximo para decorrer Participação máxima que o Valor em dólar encaixado nos É o que representam as
de empresas, com realce as a alienação para as empresas Estado angolano detém em cofres do Estado com a venda grandes empresas cujos activos
cervejeiras e agro-indústrias lidarem com novos gestores grande parte das cervejeiras de 5 participações em 2019 devem ser vendidos até 2022
}

Armando Estrela no sector industrial e o cabal fun-


em 120 dias
cionamento desses monstros ador- Prejuízos tornam plano difícil

C
mecidos. As primeiras apostas
ervejeiras, empresas serão, necessariamente, a reti- A Economist Intelligence Unit As empresas listadas para
seguradoras, indús- devem ser rada do Estado das cervejeiras, (EIU) considera que o plano privatização têm produção nas
trias têxteis e agro- onde as participações estão entre de privatizações de empresas áreas de embalagens metálicas,
-indústrias e fazendas, encontrados 1,0 e 3,0 por cento. públicas, que prevê a venda betão, carpintaria, sacos
são activos de que o Há dias, Aquiles Neto garan- de 195 activos até 2022, será plásticos, tintas e vernizes, torres
Estado angolano vai se despren- “novos donos” tiu à Rádio Nacional de Angola “difícil de alcançar”, devido aos metálicas, tubos em PVC, telhas
der, a partir de 6 de Março, no (RNA) que o processo de privati- prejuízos destas empresas. metálicas, acessórios em PVC,
âmbito do Programa de Privatiza- para empresas já zações está a conhecer uma evo- Num comentário ao lançamento vedações, absorventes e sacos
ções de Empresas Públicas (Pro- lução muito significativa e boa, da segunda fase do programa para cimento.
priv) lançado em meados de 2019.. reabilitadas tendo em atenção que o passado de privatizações, enviado “Angola há muito que fala na
Numa primeira apreciação está a servir de lição e exige des- aos investidores, os analistas privatização de várias empresas
oficial, sabe-se que o Estado está colar-se dele. “A lei não permite a escrevem que “o plano de públicas para limitar a exposição
completamente agastado com o em previsíveis créditos. adjudicação directa e tudo faze- privatizações continua a financeira e tornar os serviços
desempenho de muitas empre- Já na lista de instituições mos, para que a informação seja ter um desempenho lento, públicos mais eficientes”,
sas a si ligadas, muitas delas com cujas unidades apresentam pouca divulgada publicamente, os con- provavelmente devido aos lembram os analistas.
investimentos robustos recentes confiança empresarial, o Estado, cursos sejam públicos, as pro- altos níveis de burocracia, ao Os peritos da EIU vincam que um
e em letargia total ou paralisadas através do IGAE, identificou postas sejam abertas em hasta desafiante ambiente de negócios dos principais aspectos do plano
por incapacidade dos gestores ou perto de duas centenas onde tem pública, para retirarmos todos que dificulta o investimento de privatizações “é a proibição de
por falta de iniciativa. participação, com realce para a os vícios”, sustentou. privado,e aos baixos níveis de indivíduos, cônjuges e parentes
Definitivamente, observadores Sonangol, Endiama, Ensa, Cuca, De realçar que o Propriv prevê liquidez do sistema financeiro directos com ligações directas
da economia angolana garantem Eka, Ngola, TV Cabo, BCI, Net quatro ligas para privatização. angolano”. às entidades e ao processo
ser necessário o Estado desfazer- One, Aldeia Nova, Fibra Angola, A primeira está relacionada com Um total de 13 unidades fabris de venda de participarem na
-se da carga de letargia que afecta Textang, Sécil Cimento, Nova o também designado “Tabuleiro começam a ser alienadas, nas licitação”.
o sector para permitir que o sec- Cimangola, BAI, Mota Engil, nº 1”, que absorve apenas empre- quais o Governo conseguiu Para os analistas, “isto serve para
tor privado possa desempenhar o Enana, Biocom, MSTelecom e sas de referência económica arrecadar 16 milhões de dólares. resolver potenciais conflitos de
seu papel. O que muitos também Multitel, só para referenciar as nacional. O segundo tabuleiro As empresas em causa fazem interesse que poderiam surgir e
não acreditam é a capacidade de mais sonantes. comporta empresas do universo parte de um conjunto de 195 para tranquilizar as preocupações
os empresários angolanos faze- O certo é que dentro de 120 Sonangol, já por si separadas, activos detidos ou participados de que os membros da elite
rem renascer os empreendimentos dias devem ser encontrados ges- porque a maioria se encontra pelo Estado angolano e que política iriam ser favorecidos,
parados sem uma nova interven- tores ou donos de empresas já em países distantes e, maiori- pretende alienar até 2022, no assim aprofundando os
ção do próprio Estado ou de recla- reabilitadas pelo Estado ou con- tariamente, fora de Angola. As quadro do seu Programa de interesses ocultos e prejudicando
mação de bónus em juros que o fiscadas, recentemente, para faci- regras de alienação para esses Privatizações (Propriv). a concorrência”.
sistema financeiro venha a impor litar o renascimento de empregos activos são deveras diferentes.
8 destaque Economia & Finanças

PATRIMÓNIO DA EMPRESA PÚBLICA SONANGOL

Sonasurf Angola e “Shipping”


são outras coqueluches a alienar
A Sonangol EP quer vender 50% da sua participação na Companhia
de Serviços Marítimos e 49 à sociedade Sonasurf Internacional

Armando Estrela pela alienação do presente con-

A
Sonasurf
curso e pelo cumprimento das
Internacional demais obrigações constantes
SonasurfAngola, é uma “shipping” do “Caderno de Encargos” ine-
uma empresa localizada em Portugal, rente, o proponente deve pagar
v i rad a pa ra na Ilha da Madeira (Funchal) à Sonangol Holdings o total cor-
serviços marí- respondente ao valor licitado.
timos, nos Em linhas gerais, o paga-
arredores da mento dos 86 mil dólares de cau-
Petrangol, e a ção provisória deve obedecer a
Sonasurf Internacional, a “shi- uma calendarização que indica
pping” localizada em Portugal, que 2,0 por cento deve ser execu-
na Ilha da Madeira (Funchal), tado na data da licitação, a favor
são duas das doze referências da Sonangol, a partir da carta
que a Sonangol - E.P. (Socie- conforto emitida pelo banco. O
dade Nacional de Combustíveis pagamento de 2,0 por cento do
de Angola) elegeu para obter no valor de licitação é feito num
mercado uma venda que satisfaça espaço de 15 dias após a celebra-
os interesses do próprio Estado ção do contrato de venda.
e do comprador. As partes, no contrato de
Sob tutela da Sonangol Hol- adjudicação, podem prever um
dings, Limitada, a “Sonangol- período de carência de paga-
-mãe” procura vender 50 por mento do valor da licitação,
cento da participação que pos- até um mês, contado na data
sui na Sonasurf Angola – Com- da celebração do mesmo. Os
panhia de Serviços Marítimos, pagamentos remanescentes
Limitada (Sonasurf Angola) da licitação podem ser concre-
e 49 por cento do seu capital tizados até o máximo de três
representativo detido na socie- meses posteriores ao período
dade Sonasurf Internacional – de carência. Cumpridos esses
Shipping Limitada (Sonasurf pressupostos, estes dois acti-
Internacional). vos da Sonangol, que devem ser
No quadro do concurso vendidos em separado, deixam
público lançado a 30 de Janeiro, de ser propriedade da Socie-
a adjudicação dessas participa- dade Nacional de Combustíveis
ções da “Sonangol-mãe” apenas de Angola, Empresa Pública.
será objecto de um contrato indi-
vidualizado. O concurso está Legislação Aplicável
também aberto à participação Para todos os efeitos, o contrato
de entidades estrangeiras e o será regulado pelas demais cláu-
valor estimado obedece apenas sulas constantes do “Caderno
os termos do programa de proce- de Encargos” e pela Lei dos Con-
dimento do concurso nº 2/2020, tratos Públicos (Lei n.º 9/16).
um dos quais o pagamento de O beneficiário deverá observar,
uma caução provisória equiva- em todas as suas disposições
lente a 86 mil dólares. imperativas e nas demais, o dis-
}

A caução pode ser prestada exigidas pelo órgão responsável, de compra e venda do seu inte- posto no contrato, no caderno
por meio de uma garantia bancá- em virtude do incumprimento da resse participativo é “economi- de encargos e na Lei n.º 9/16,
ria, ou seguro-caução, conforme obrigação de manutenção da pro- adjudicação camente mais vantajosa, tendo ficando igualmente obrigado
escolha do comprador, desde que posta a que o seguro respeita”, em conta os factores enunciados ao pontual cumprimento de
aceite pela Sonangol. Caso o pro- lê-se no “Caderno de Encargos”. das participações nas peças do concurso”. O prazo todos os demais itens que se
ponente preste uma garantia A Sonangol dá ainda conta de apresentação de propostas vai encontrem em vigor na Repú-
bancária, deve este apresentar que todas as despesas da presta- da “Sonangol- até 29 de Maio do presente ano. blica de Angola e que se rela-
uma “carta conforto”, pela qual ção da caução devem ser da res- Os candidatos devem, nos ter- cionem com o contrato.
uma entidade bancária ango- ponsabilidade do comprador. No mãe” apenas mos referidos para este concurso O contrato apenas entra em
lana, legalmente autorizada, “Pacto Social”, relativamente ao e publicados a 5 de Fevereiro pela vigor quando for assinado o con-
assegure, até ao limite do valor exercício do direito de preferên- será objecto Sonangol E.P., a celebração das trato entre as partes e quando
da caução, o imediato pagamento cia dos restantes sócios do activo, obrigações definidas nas peças for apresentado pelo comprador
de quaisquer importâncias exi- a adjudicação do contrato pode de um contrato do procedimento e o pagamento o comprovativo de pagamento do
gidas pela Sonangol Holdings, estar condicionada ao exercício de impostos, taxas, direitos de valor licitado, comprovada a sua
em virtude do incumprimento do direito de preferência. individualizado qualquer natureza ou outros recepção pela Sonangol.
de obrigações a que a garantia “Não exercendo os Sócios o encargos exigidos pelas auto- Neste contrato, a Sonan-
respeita, independentemente da Direito de Preferência, o Órgão ridades competentes, no quadro gol EP deve alienar as quotas
decisão judicial. Responsável pela Condução do da execução do contrato. detidas no activo, inerentes
“Quando a caução for pres- Acto Público, determina a homo- A Sonangol Holdings pode ao objecto do contrato e toda a
tada por meio de seguro-cau- logação e adjudicação para pos- considerar-se perdida, a favor documentação relacionada com
ção, tem de ser apresentada uma terior celebração do Contrato”, da “Sonangol-mãe”, a caução a formalização para assump-
apólice, pela qual uma entidade indica o procedimento. prestada, independentemente ção pelo comprador da referida
angolana legalmente autorizada da decisão judicial, em caso de quota. Igualmente, a Sonangol
a realizar este seguro assuma, Propostas são economicamente não cumprimento das obrigações deve apresentar-se disponível
até ao limite do valor da caução, vantajosas legais, pré-contratuais e contra- para prestar esclarecimentos
o encargo de satisfazer de ime- À partida, a Sonangol garante tuais pelo proponente. Em ter- relacionados com a actividade
diato quaisquer importâncias que a proposta para o contrato mos de contrapartida financeira exercida pelo activo.
Sexta-feira, 21 de fevereiro de 2020
destaque 9

dr

Pagamento do
remanescente
é feito em
três meses
No contrato de adjudicação, as par-
tes podem prever um período de
carência de pagamento do valor
de licitação de até um mês, con-
tado da data da celebração do
mesmo. O pagamento do rema-
nescente pode ser feito até um
máximo de três meses posterio-
res ao período de carência.
Com a oferta, os candidatos
devem apresentar Carta Con-
forto Bancária adequada ou
prova de subscrição de seguro
de riscos profissionais, visando
no mínimo a cobertura do valor
da respectiva Proposta Finan-
ceira e autorizando a execução
imediata de 15 por cento do res-
pectivo valor, como forma de
caução, no caso de o candidato
vir a se tornar adjudicatário
Além destas situações, a
garantia da caução pode ser
prestada com a emissão de che-
que visado a favor da entidade
adjudicante, no valor de 2,0 por
Vista do Hotel Suite Maianga, propriedade da Sonangol, no Distrito da Maianga que confronta com a rua José de Oliveira Barbosa cento da oferta.
A proposta financeira e os
documentos que a constituem
ALIENAÇÕES NA SONANGOL devem ser apresentados em
duplicado, encerrados em invó-

Hotel Suite Maianga submetido


lucro opaco, fechado e lacrado,
em cujo rosto se deve escrever a
palavra “Proposta Financeira”
e o nome ou a denominação do

a concurso público de privatização


concorrente, em conformidade
com os modelos apresentados.
A proposta deve ser redigida
em língua portuguesa ou, no caso
contrário, ela deve ser acompa-
nhada de tradução devidamente
legalizada e em relação à qual
Regina Handa
}

As deliberações da Comissão lar (Certidão de não devedor), da o concorrente declara aceitar a


de Negociação serão tomadas em situação relativa às contribuições prevalência sobre os originais.
AS DELIBERAÇÕES

O
acto público, no âmbito da condu- para o fundo de financiamento à O valor de licitação inserido
Hotel Suite Maianga ção do procedimento do concurso, Segurança Social e declarações na proposta financeira deve ser
é uma propriedade DA COMISSÃO sendo comunicadas aos interes- de idoneidade bancária. expresso em kwanza, porém,
da Sona ngol , no sados durante o próprio acto. Os Igualmente, para ser reconhe- no caso de a proposta ser em
Distrito Urbano da DE NEGOCIAÇÃO concorrentes podem reclamar e cido o concorrente deve depositar moeda estrangeira, rege o valor
Maianga, que con- interpor recurso hierárquico por uma caução provisória de dois convertido à taxa de câmbio
fronta com a rua José de Oliveira SERÃO TOMADAS irregularidades nas deliberações milhões 250 mil dólares, requi- do dia da apresentação da pro-
Barbosa, a Norte, com a rua da Comissão de Negociação, nos sitos mínimos de capacidade téc- posta. A proposta será mantida
Dom António Barroso, a Este, EM ACTO PÚBLICO, termos dos artigos 80º e 135º da nica e financeira, requisitos de inviolável, sendo apenas aberta
e com a rua José Maria Antu- Lei dos Contratos Públicos. idoneidade, documentos destina- na sessão do leilão, diante de
nes, a Oeste, colocada à venda NO ÂMBITO Ao concurso público de alie- dos à comprovação da capacidade todos os concorrentes.
no passado dia 30 de Janeiro. nação do activo imobiliário Suite técnica e financeira do candidato. SCOTT HEPPELL / AFP

A Sociedade Nacional de Com- DO CONCURSO Maianga podem candidatar-se ou Pela alienação e pelo cum-
bustíveis de Angola (Sonangol integrar qualquer associação ou primento das demais obriga-
E.P.) anunciou, dessa forma, a agrupamento todas as pessoas ções constantes do “Caderno de
abertura do concurso público singulares ou colectivas que não Encargos”, o adjudicatário paga

2,25
por prévia qualificação, com se encontrem em nenhuma das à Sonangol o correspondente ao
vista à alienação da referida situações de impedimento refe- valor licitado. Para todos os efei-
unidade hoteleira, nos termos ridas nos artigos 53º, 55º e 56º tos, o pagamento dos primeiros 15
do disposto na Lei dos Contra- da Lei dos Contratos Públicos. por cento do valor total deve ser
tos Públicos (Lei nº 9/16). mILHÕES No dia imediato ao termo do executado na data da licitação, a
Os demais detalhes são facil- prazo fixado para a apresentação partir da carta conforto emitida
mente encontrados no “Caderno É o montante em dólares das candidaturas, (30 de Maio de pelo banco e outros 15 devem ser
de Encargos no 3/2020”, porém, o que o correspondente deve 2020) a Comissão de Negociação amortizados 15 dias após celebra-
procedimento para essa proprie- depositar como caução envia, por e-mail, a todos os can- ção do contrato de venda.
dade tem por objecto a selecção provisória didatos, a lista de todos os con- As candidaturas devem ser
de interessados à absorção total correntes. entregues, até às 17h00, do dia
do activo denominado Hotel Suite 30 de Março de 2020, no ende-
Maianga, implantado em Luanda Capacidade financeira reço e horário de funcionamento

15
na Rua Marien Ngouabi. Os candidatos devem apresentar, indicado no programa do Proce-
A autorização para a realiza- sob pena de exclusão, balanços, dimento. Só serão admitidas ao
ção do concurso para esse imó- demonstrações de resultados ou concurso as candidaturas que
vel foi deliberada a 7 de Agosto quaisquer outros documentos de tenham sido assinadas e recebi-
de 2019, em sede de uma reu- por cento natureza contabilística ou finan- das até à data referida no número
nião extraordinária do Conselho ceira que demonstrem a situa- anterior do presente artigo.
de Administração da Sonangol É o valor do pagamento da ção patrimonial, económica ou Não serão consideradas as
E.P. e o órgão responsável para primeira percentagem do valor financeira dos candidatos, refe- candidaturas que cheguem
conduzir o concurso público é a total que deve ser executado rentes aos exercícios de 2016, depois de terminado o prazo,
Comissão de Negociação criada na data da licitação 2017, e 2018, além do comprova- sendo os adjudicatários respon-
pela própria adjudicante. tivo da situação tributária regu- sáveis por todos os atrasos. Angola tem interesses em concurso
10
Entrevista
Economia & Finanças

DIAMANTINO AZEVEDO Ministro dos Recursos Minerais e Petróleos

Sonangol tem
menos de 2%
na produção
petrolífera
“Temos a estratégia para a refinação em Angola e nisso a
Sonangol é uma componente essencial, além da questão que
tem que a ver com o armazenamento de derivados do petróleo”

Armando Estrela (*) Sem dúvida, tudo passa pelo processo

A
de privatização?
A privatização de grande parte das
Sonangol entrou empresas em que a Sonangol está
num processo de presente e que não fazem parte Devemos
reestruturação, do seu negócio essencial, é um
com a finalidade outro aspecto a ter em conta. Por maximizar
de ser recriada outro lado, orientamos a Sonan-
apenas para a gol para elaborar a sua estraté- cada barril de
exploração e pro- gia de exploração e produção,
dução. Porém, o que mais preocupa porque a Sonangol como opera- petróleo que se
o ministro dos Recursos Minerais dora de petróleo tem menos de 2,0 perto de setenta empresas
e Petróleo, Diamantino Azevedo, é por cento na produção petrolífera produz no país
a questão do capital humano. “Isto do país e isso é irrisório. Não faz inseridas no programa
torna o processo difícil” e “isso sentido nenhum.
faz com que o processo não seja zir-se mais e não queremos que a Quantas empresas a privatizar? Fala sobre privatização de empre-
tão rápido como queríamos”, além Que estratégia é necessária? Sonangol fique de fora. É assim Creio que são 69 empresas que sas mas, vemos a mesma Sonangol
de que “o momento económico do É necessário que ela elabore a sua que a Sonangol está também a estão inseridas no programa comprar acções em outras empre-
país faz com que tenhamos que estratégia de exploração e produ- participar em projectos de ener- de privatização, sendo que 56 sas, como por exemplo na Unitel.
ser mais cautelosos na implemen- ção. Já foi apresentada no último gia renovável. Isto tudo faz parte dessas empresas estão sob a Como se explica?
tação do processo”. Conselho Consultivo que reali- deste processo de regeneração alçada da Sonangol e 13 delas, O caso da compra das acções
zamos em Cabinda. Apresentou- da Sonangol, que deve culmi- de grande referência, estão sob na Unitel foi uma questão
O senhor dirige um ministério que -nos e estamos satisfeitos com as nar quando a Sonangol estiver coordenação de uma comissão pontual. Acabei de dizer que
tutela cobiçadas empresas do país, metas que ela apresenta na estra- em condições de também dis- de privatização. esperamos que a Sonangol esteja,
como a Sonangol. Como decorre o tégia de exploração e produção. persar parte do seu capital na essencialmente, no seu “core
processo de regeneração? Bolsa de Valores. Essa é a solução para a Sonangol? business”. Isto não quer dizer
Conforme o planeado. Tivemos Isto inclui a refinação de petróleo? É e faz parte da solução, que ela não possa estar num ou
uma primeira fase, que foi de Queremos ver a Sonangol mais A Sonangol tem estado “debaixo de fazer com que ela esteja noutro negócio que a empresa
preparação, passamos por uma engajada e está. Temos a estraté- fogo”, porque é uma empresa que se essencialmente envolvida no considere estratégico. O accionista
segunda, de organização, e esta- gia para a refinação em Angola envolve em vários negócios que não negócio do petróleo, que é um é único - o Estado angolano,
mos agora na fase de implemen- e nisso a Sonangol é uma com- fazem parte do seu objecto social. negócio enorme. Há áreas do que considera importante para a
tação. Nos próximos tempos, ponente essencial, além da Quando entrou para o sector, o que petróleo que ainda não estamos empresa o reforço da participação.
veremos uma Sonangol com questão do armazenamento de mais lhe preocupou, a dispersão do foco a explorar convenientemente.
uma nova estrutura organiza- derivados do petróleo. Não sei ou dos recursos que a empresa tinha? Devemos maximizar cada barril É sustentável a Sonangol manter-
cional. Visível será, por exem- se está ao corrente, que grande Está a utilizar uma palavra que de petróleo que se produz no -se na Unitel?
plo, verificar que a Sonangol tem parte do armazenamento de uso muito, que os nossos cola- nosso país, transformando-o A Unitel é uma empresa
cerca de dezoito subsidiárias e derivados do petróleo é feita boradores já devem estar cansa- em derivado de petróleo. Temos rentável. Tendo em conta que
ficará reduzida em pelo menos no mar. A Sonangol está orien- dos de ouvir – foco. Temos que a petroquímica, que ainda não a Sonangol tinha 25 por cento,
cinco. Portanto, será algo visí- tada a inverter esta situação, ter foco e o nosso é remodelar utilizamos; temos o gás, que era necessário criar estabilidade
vel. Mas, queremos que o pro- para que maior parte da arma- o sector, reestruturar a Sonan- ainda precisamos de desenvolver na empresa. Até porque a
cesso seja feito sem afectar os zenagem seja em terra. Temos gol, tornar o sector mais compe- mais. Foi por isso que fizemos a Sonangol fez investimentos
quadros da empresa. também questões relativamente titivo, mais transparente. Isto Lei do Gás e criamos o consórcio nessa empresa e esta foi a
aos postos de abastecimento e preocupa, olhar para a Sonan- do gás, que está empenhado na decisão que se achou melhor
O que significa essa redução de 18 a Sonangol está a trabalhar no gol e verificar que ela estava exploração de gás não associado tomar, para que se possa ter
para 5? sentido de aumentar e melho- inserida em quase todos os sec- ao petróleo. No nosso país estabilidade na empresa e,
O processo de requalificação da rar a qualidade dos postos tores da actividade económica existem reservatórios só de gás. depois, quando tudo estiver
Sonangol é mesmo isto: torná- de abastecimento. e, em grande parte, sem renta- Portanto, há um indício grande regularizado, a Sonangol decidir
-la mais pequena, mais eficiente bilidade nenhuma. É por isso de negócios para a Sonangol no momento exacto a sua saída.
e mais competitiva. Isto passa Em que outras áreas pretendem “revo- que um dos momentos por que inserir-se, de maneira que
pela diminuição da quantidade lucionar” a Sonangol? passa a Sonangol é a privatiza- ela deixe os outros negócios Como encarou as revelações do
de subsidiárias, que muitas Sabe que a matriz energética ção de grande parte das empre- para outras empresas que “Luanda Leaks” e o que faz, para
delas são apenas centros de cus- mundial está a mudar. Estamos sas em que está inserida. são especializadas, salvo raras que situações do género não vol-
tos e não contribuem para que a ver que outras fontes renová- (*) Adaptação da entrevista concedida excepções. tem a repetir-se?
a empresa seja eficiente. veis de energia estão a introdu- à TPA a 11 de Fevereiro de 2020
Sexta-feira, 21 de fevereiro de 2020
entrevista 11

Empresários angolanos podem


concorrer a blocos em terra
A estratégia visa estudar o território nacional na parte marítima quanto
na parte terrestre para a possível detecção de novos reservatórios de petróleo
O que se faz, para revitalizar a explo- Como está o processo de qualificação carbonetos de Angola, porque um
ração de petróleo? das propostas das três companhias dos aspecto é a estratégia de licita-
Fizemos um novo modelo para que foram apresentadas para explo- ção de blocos, outro é a estratégia
evitar conflitos de interesse que ração petrolífera nas bacias maríti- de exploração. Essa estratégia de
existiam e fazer com que a Sonan- mas do Namibe e Benguela? exploração tem mesmo em vista o
gol se concentre na sua activi- O processo foi realizado e correu que acaba de dizer, estudar o terri-
dade de exploração, produção e perfeitamente, inclusive há opi- tório nacional todo, tanto na parte
em toda a actividade do sector. niões que disseram “Ah, licitaram marítima quanto na parte terres-
Elaboramos leis, a estratégia de dez blocos e só foram apurados tre, para a possível detecção de
licitação de novos blocos, já sob três!”. Nós consideramos que foi novos reservatórios de petróleo.
o comando da Agência Nacional positivo e eu explico-lhe: a Bacia Isto inclui também as bacias que
de Petróleo e Gás (ANPG). No ano do Namibe tem doze blocos e a Lei se referiu, as bacias em terra do
passado fizemos a primeira licita- de Petróleos permite que os blocos Etocha, do Okavango, do Cassanje,
ção e essa estratégia vai de 2019 sejam negociados por concurso nas províncias do Cunene, Cuando
a 2025. Faremos licitação de blo- directo, por concurso aberto, por Cubango e parte do Moxico e tam-
cos de petróleo todos os anos, com concurso limitado e por negocia- bém Malanje. Portanto, esse traba-
excepção, creio, de 2022. ção directa. A lei prevê isso e nós, lho está em curso tanto no âmbito
tendo em conta do que se tratava da estratégia como nos aspectos
Quantos blocos foram licitados em na Bacia do Namibe, que é uma dos trabalhos gerais da Agência
2019? nova fronteira de petróleo, é uma Nacional de Petróleo e Gás.
Dez blocos, sendo nove na Bacia área em que nunca houve produ-
do Namibe e um na Bacia de Ben- ção de petróleo, atribuímos três Como observa a participação de
guela. Este ano creio que serão concessões através da modalidade empresas angolanas na licitação de
nove e essencialmente blocos em de concessão directa de blocos. novos blocos?
terra. Para o ano voltaremos a Três ficaram com a Sonangol, ENI e As empresas angolanas estão
fazer. Além da estratégia de licita- Total… propensas a participar na lici-
ção, está a elaboração da estraté- Sim. Tínhamos três já concedidos tação de novos blocos desde que
gia de exploração de Angola, que à Esso. Portanto, dos doze blocos tenham capacidade financeira.
também está a ser trabalhado pela da Bacia do Namibe, já temos seis O que estamos a fazer, princi-
ANPG e depois será submetida ao concebidos e só ficaram seis. Eu palmente na licitação que se rea-
Ministério, para podermos con- lhe garanto que, em breve, pelo lizará este ano, tendo em conta
tinuar a trabalhar na investiga- menos mais três serão concebi- que serão licitações em terra e os
ção geológica, para descoberta dos e ficarão apenas três. É um investimentos são menores do
de possíveis novas reservas de sucesso para uma nova fronteira que no mar, é a preparação de um
petróleo no mar e em terra. de petróleo. “pré road-show” específico para
empresas angolanas, para que
Porque 2022 fica de parte? Por ocasião do primeiro aniversário elas tenham uma oportunidade
Foi intencional, até porque é um da ANPG, o PCA anunciou que deverá preliminar de se aperceberem
ano de eleições e nós preferimos ser feita uma avaliação ao potencial como será realizado o “road-show”
não fazer. Como estaremos a meio petrolífero das bacias do Cunene, e tentarem juntar-se ou procurar
O que estamos a fazer, o que se sociedade anónima e ela poder da estratégia, dará para rever o Cuando Cubango, Moxico e Malanje. parceiros para poderem partici-
faz tanto a nível do sector, a nível estar a agir conforme a lei das que foi feito em 2019, 2020 e 2021, Quando começa? par, de acordo com os termos de
da Sonangol e a nível do sector sociedades comerciais, com fazermos uma reavaliação, corri- Uma das outras acções que esta- referência que serão elaborados
mineiro é, efectivamente, evitar uma Assembleia-Geral, com um girmos e depois podermos partir mos a realizar é a elaboração da para as licitações desses blocos
que situações do género surjam. Conselho de Administração e todos para 2023, 2024, 2025. estratégia de exploração de hidro- em desenvolvimento.
Primeiro, quem o fez, terá de ser os órgãos a funcionarem como deve
responsabilizado. Se alguém causou ser numa empresa, será muito fácil
um prejuízo à Sonangol, seja na um outro passo. Se conseguirmos
função de gestão ou em qualquer fazer a dispersão de parte do capital
função em que estiver, terá que da empresa na bolsa, também será
assumir essa responsabilidade. uma outra forma de melhorar o
Quem vai ditar isto são os tribunais. “complance” da empresa. Porque,
Primeiro, uma empresa deve ser quando ela estiver na bolsa, será
uma empresa e uma empresa não mais transparente nas suas contas
deve ter várias funções: função e no seu relatório e aqueles que
de concessionário, função de serão os sócios, que quererão
regulador, função empresarial. comprar acções na empresa, irão
também estar mais atentos e
Houve alguma promiscuidade na actua- controlar melhor a empresa. Como
ção da Sonangol? vê, o que estamos a fazer está no
Claro! Conflito de interesses, caminho certo.
falta de transparência e tudo o
resto. Também, foi um dos focos Temos uma Sonangol menos vulnerável?
principais da corrupção que se Temos uma Sonangol no caminho
verificou no nosso país. Por isso, de se tornar menos vulnerável. Isso
é que tomamos como prioritário é o que estamos a fazer com todo
separar a função, criar um órgão esse processo de reestruturação,
só com a função reguladora e fazer uns chamam de regeneração, mas
com que o Ministério também seja eu prefiro chamar de reestruturação
um órgão de política e estratégia da Sonangol.
na formação do sector. Termos um
órgão regulador, que é a Agência de Quanto tempo levará este processo?
Petróleo e queremos uma Sonangol Estamos a entrar numa fase
empresa, dedicada essencialmente crucial deste processo. Estes dois
no seu “core business”. momentos são importantes: o da
privatização de grande parte do
Em definitivo, teremos uma Sonangol negócio “no core” da Sonangol e o
mais pequena? novo modelo de organização. São
Teremos uma empresa mais duas fases muito importantes e de
pequena, de forma a estar mais inserção da empresa na actividade
organizada. Quando conseguirmos produtiva ao longo de toda a
transformar a Sonangol numa cadeia de valores.
Uma nova fronteira de petróleo está a nascer a Sul do território angolano nas bacias do Namibe e Benguela
12
Finanças
Economia & Finanças

BNA nega atribuição


de licença a Dubank
Banco Central emitiu um comunicado no seu site oficial onde afirma não ter autorizado o DuBank a operar
e, em função disso, o administrador do Banco Digital reagiu aos pronunciamentos da entidade regulador
VIGAS DA PURIFICAÇÃO | EDIÇÕES NOVEMBRO

Ismael Botelho cabe-me na qualidade de entrevis-


BNA reagiu a entrevista recente com

O
tado, dizer o seguinte, sob a forma
Daniel Sapateiro ao JE em que o gestor
de Direito de Resposta:
aborda abertura do Dubank até Março
Jornal de Ecomi- 1- Não foi enunciado antes,
nia & Finanças durante e após da entrevista que
publicou, na sua fora atribuída a devida e necessária
penúltima edição Licença pelo BNA para abertura de
(597), uma entre- um banco/instituição financeira
vista com o título em Angola, como se apresenta na
“Banca digital é entrevista supracitada.
futuro de um sector complexo”, 2- O Dubank está com o pro-
em que foi interlocutor o adminis- cesso no BNA aguardando apro-
trador executivo do futuro banco vação técnica para atribuição da
digital de Angola, Daniel Sapateiro. licença como operador de institui-
Na aludida entrevista, o econo- ção financeira, ao abrigo da Lei
mista avançou que a institui- 12/2015 – Lei de Bases das Insti-
ção que pertence tornaria na tuições Financeiras). Informou
pioneira do mercado financeiro o Ceo do Dubank Sérgio Hirose
angolano, a actuar no segmento nas suas entrevista passada pelo
da banca digital. jornal Angop e o jornal Mercado.
Durante a edição do texto, o 3- O Dubank respeita as Leis
JE teve o cuidado de referir e sal- e os normativos legais da Repú-
vaguardar qualquer equívoco no blica de Angola.
subtítulo da mesma entrevista, Ao BNA, o JE elogia pela pronta que o Banco Nacional de Angola já 12/2015 – Lei de Bases das Insti- 4- O Dubank está comprome-
afirmando, desde logo, que a aber- reacção e a Daniel Sapateiro, lamen- terá atribuído a respectiva licença; tuições Financeiras). tido em cumprir com todos os for-
tura do primeiro banco digital tar pelo sucedido, na medida em Sobre este assunto, cumpre-nos Informamos ainda que as enti- malismos legais para constituição
aguardava apenas um instrutivo que os entrevistados são respon- o dever de informar o público em dades autorizadas a exercerem a de uma instituição financeira
do BNA, questão que podia signi- sáveis pelo que dizem, cabendo geral que não foi atribuída qual- actividade bancária, podem ser legal e subordinada às melho-
ficar tramitação documental para somente ao órgão retratar os fac- quer licença, nem está em apre- consultadas na página institucio- res práticas de gestão empresa-
efeitos de legalização. tos como elas são e devem igual- ciação formal junto do Banco nal do Banco Nacional de Angola: rial, financeira, de governação,
O JE tem apenas a lamentar mente ser. Nacional de Angola qualquer pro- http://www.bna.ao. risco e compliance e ao regula-
esse sucedido, pois foram cumpri- Em consequência desta maté- cesso de constituição da supra- Por sua vez, o JE, a pedido do dor Banco Nacional de Angola.
dos os requisitos noticiosos e edi- ria, o Banco Nacional de Angola mencionada “entidade”. entrevistado, que em função da 5- Um foco baseado tem o
toriais para garantir qualidade, (BNA) emitiu um comunicado no Assim, considerando que a refe- reacção do BNA, solicitou o direito Dubank no desenvolvimento eco-
isenção e impacialidade no tra- seu site, com o seguinte teor: rida entidade não está licenciada de resposta e foi de imediato aten- nómico, financeiro e social de
tamento e publicação da referida Tendo o Banco Nacional de pelo BNA para exercer quaisquer dido, para salvaguadar este direito, o Angola principalmente no mer-
informação via jornal. Angola tomado conhecimento de actividades no âmbito do sistema contraditório e o cruzamento de fon- cado informal.
O conteúdo da entrevista, do uma entrevista concedida pelo Sr. financeiro angolano, apelamos às tes, eis o conteúdo da sua resposta: 6 - Eu, Daniel Sapateiro, apre-
tipo pergunta e resposta, conhe- Daniel Sapateiro ao jornal “Econo- instituições financeiras bancárias Em resposta ao comunicado sento as minhas sinceras descul-
cido por pingue-pongue, é da res- mia & Finanças”, edição n.º 597, de e ao público em geral que se abs- publicado hoje (18.02.20)na página pas por eventuais inconvenientes
ponsabilidade do interlocutor. Do 14 de Fevereiro de 2020, dando nota tenham de estabelecer qualquer da internet do Banco Nacional de causados ao Banco Digital Ango-
lado do jornal, há registos escri- da abertura de um banco digital relação de negócio com a mesma, Angola, adiante designado por lano Dubank e ao Banco Nacional
tos e de áudio, que servem de prova denominado “BANCO DUBANK, bem como aos promotores de se BNA, sobre uma entrevista que de Angola (BNA), pois a razão da
sobre qualquer dado que se ache S.A.”, na qualidade de Adminis- absterem de praticar qualquer tive a oportunidade de me posi- entrevista foi a promoção da iden-
incorrecto para apurar a vera- trador do mesmo, prevista para acto passível de ser qualificado cionar como economista ao Jor- tidade e filosofia do banco digital,
cidade dos factos e a sua conse- finais de Fevereiro ou princípios como prática ilegal de actividade nal Economia & Finanças, edição com todo os benefícios para econo-
quente reposição. de Março deste ano e afirmando bancária (artigo 150.º, da Lei n.º n.º 597, de 14 de Fevereiro de 2020, mia do nosso país.

Dívida de serviço com quebra de 60 por cento em afirmar que “sim”, apesar de
reconhecer que a mesma “está
pagamento, ao passo que a
segunda resulta da contrata-
no limite da sustentabilidade”. ção de financiamentos. Por
Alberto Quiluta facto que vai, necessariamente, ao mesmo tempo que reduziu o Contudo, prosseguiu, “2020 é o isso, sublinhou, “o maior pro-
abrir “folga” ao Orçamento Geral recurso ao endividamento por ano derradeiro, para passarmos blema está na dívida contra-
Em 2021 Angola começa a colher do Estado (OGE) e permitir um troca de petróleo. Em 2016, lem- este ciclo”. tada, que nos trouxe à situação
vantagens da política económica maior investimento público. brou, Angola recorreu ao mer- “A dívida é, na verdade, um que vivemos hoje”.
que o Governo do Presidente João Walter Pacheco, que apresen- cado para obter empréstimos de sintoma que estamos a tentar
Lourenço leva a cabo no país, tou os dados aos jornalistas da 26 mil milhões de dólares. corrigir”, mas, comentou o alto Rácio da dívida
altura em que o serviço da dívida Edições Novembro, numa pales- “A cifra é, de longe, superior funcionário do Ministério das Walter Pacheco minimizou os
pública deve cair para 60% PIB tra sobre a Dívida Pública ango- ao crédito contraído em 2019, que Finanças, “não é a origem do pro- cálculos que algumas institui-
(Produto Interno Bruto), disse lana, notou que Angola reúne não passou de 1,06 mil milhões blema”, se fazer-se jus à base da ções financeiras e agências
quarta-feira, em Luanda, o direc- hoje uma dívida total de 67 mil de dólares”, comparou, ao referir crise financeira que o país atra- de avaliação de risco fazem
tor Nacional da Unidade de Ges- milhões de dólares, entre os quais que, do ponto de vista técnico, o vessa. Quando se fala em dívida, em relação à dívida pública
tão da Dívida Pública (UGDP), 43 mil milhões correspondem à crédito contraído no ano passado elucidou, há aquela chamada angolana. “Quando organis-
Walter Pacheco. dívida externa e 22 mil milhões vai ser pago nos próximos 15 ou comercial e outra designada mos internacionais dizem
O técnico lembrou que, desde à dívida interna. 20 anos, algo que reduz o peso financeira, sendo esta última que a nossa dívida subiu de 70
2017, o país gasta, em média, 20 Para garantir a sustentabi- da dívida para a geração futura. a que maior fatia representa no para mais de 100% do Produto
mil milhões de dólares anuais lidade da dívida pública, disse, Interrogado se a dívida ango- conjunto. Interno Bruto (PIB), não é ver-
no pagamento da dívida pública, o país adoptou uma estratégia lana é sustentável, do ponto de A primeira, referiu, resulta dade. A dívida baixou de 75 mil
valor que deve descer para nove de contratação de empréstimos vista económico ou financeiro, do recebimento de bens ou usu- milhões de dólares para 67 mil
mil milhões a partir de 2021, com maior prazo de maturidade, Walter Pacheco foi categórico fruto de serviços sem pronto milhões de dólares.”
Sexta-feira, 21 de fevereiro de 2020
dr
Finanças 13

AGT faz colecta de 89 mil


milhões de kwanzas em minas
A Administração Geral “Esses esforços devem estar
Tributária (AGT) arrecadou, de perfeitamente alinhados com as
2015 a 2019, receitas fiscais melhores práticas tributárias do
contabilizadas em 89 mil mercado internacional em que
milhões de kwanzas, resultantes se insere o sector diamantífero
da actividade mineira no país. e toda a indústria mineira
Esta tributação é proveniente de extracção, exploração e
das empresas do subsector comercialização”, sublinhou.
diamantífero, no quadro do O seminário sobre tributação
regime geral e especial de no sector mineiro vai permitir
tributação, como resultado aprimorar as valências dos
das medidas delineadas pelo técnicos da direcção tributária
Executivo relativas à política de especial e outros serviços
comercialização de diamantes. da AGT, de modo a melhorar
Segundo o presidente do o serviço prestado aos

Diamante começa a lucrar


conselho de administração da contribuintes do sector mineiro.
AGT, Cláudio Paulino dos Santos, Com uma duração de cinco
actualmente estão registadas na dias, o fórum possibilitou
base de dados 472 empresas o diálogo, a troca de

nos principais kimberlitos


do sector que contribuem para experiências e a transmissão de
o fisco. “Destas empresas, 131 conhecimentos entre os peritos
actuam no sector diamantífero do Fórum intergovernamental
representando quase um terço de Minas, Minerais, Metais e
do universo. É uma mais-valia, Desenvolvimento Sustentável,
Diamantes leiloados foram extraídos de minas da Sociedade uma vez que este se afigura do Fórum Africano das
um potencial enorme de Administrações Fiscais e a AGT.
Mineira de Catoca que representa 90 por cento da produção arrecadação de receitas para o
Estado”, disse. EDIÇÕES NOVEMBRO

O responsável destacou as
Ana Paulo ciais, com peso de 320,87 quila- 89 por cento do comércio, e Lunda acções de fiscalização realizadas
tes, que permitiram gerar uma Norte (11%). pela AGT às empresas do

O
receita de 3,7 milhões de dólares. Em termos de produção de dia- subsector dos diamantes, uma
segundo leilão de O secretário de Estado para a mantes, a mina que mais se des- vez que a actuação destas
diamantes brutos, Geologia e Minas, Jânio Correia taca é Catoca, responsável pelas deve estar em conformidade
ocorrido no quarto Victor, disse que no período em “pedras preciosas” leiloadas e prin- com a lei e normas estritas de
trimestre de 2019, referência a Sociedade de Comer- cipal líder do mercado. Com estes transparência internacional.
permitiu ao Estado cialização de Diamantes de Angola resultados, diz Jânio Correia Vic- Por isso, referiu, a AGT
arrecadar 24,1 milhões dólares (Sodiam) registou no total a tran- tor, a actual produção apresenta- pretende dar continuidade
em apenas dois lotes. sacção de três milhões de quila- -se “estável, por estar a rondar aos esforços já em curso, com
No geral, no último trimes- tes, vendidos ao preço de 123, 40 9,5 milhões de quilates por ano”. vista a alcançar os objectivos
tre do ano passado, os diaman- dólares por quilates. O Ministério dos Recursos estratégicos preconizados, como
tes renderam no total 409,7 Essa produção corresponde Minerais e Petróleos pretende o alargamento da base tributária
milhões de dólares, um cresci- a um aumento de 19,8 por cento, cumprir com a meta estabelecida através da implementação
mento de 7,5 por cento em rela- comparativamente ao ano ante- no Plano de Desenvolvimento das acções de fiscalização às
ção a igual período de 2018. No rior. Os diamantes vendidos foram Nacional (PDN 2018-2022), que empresas e cooperativas que
leilão, foram comercializados extraídos nas províncias da Lunda prevê uma produção de 13,9 actuam em todos os subsectores.
um total de nove pedras espe- Sul, onde a produção representa milhões de quilates.

Banco Económico aposta em agência inovadora na província do Huambo


Regina Handa Segundo o Banco Económico, um acompanhamento perso- Com esta abertura o Banco Sobre o Banco Económico
o balcão foi criado “para estabe- nalizado, caso seja necessário. Económico expande e alarga a O Banco Económico é uma enti-
O Banco Económico abriu um lecer uma nova relação entre o O aconselhamento é uma sua rede para 64 balcões no país dade bancária sólida, competi-
segundo balcão de atendimento cliente e o banco, que seja fácil, parte importante na cur va e aumenta a sua proximidade tiva, inovadora e bem preparada
no Huambo. A agência agora intuitiva, flexível e eficaz, na de aprendizagem, é a con- com os clientes fora da capital. para enfrentar os desafios da eco-
inaugurada no Shopping Xyami qual a tecnologia e a fluidez fiança que o cliente procura Diversificar para fora de Luanda nomia angolana. O banco conta
assenta num conceito inovador, digital e humana preenchem pa ra abraça r estes novos e apostar no interior do país são hoje com uma rede de 64 balcões
no qual a digitalização dos servi- o espaço lado a lado”. Explica canais, nos quais se baseia dois grandes propósitos da ins- e postos e 11 centros de empre-
ços assume um papel fundamen- ainda que “os pontos de contacto esta nova agência e com os tituição, que está sempre atenta sas, numa estratégia de cres-
tal. Esta característica está em são imediatos desde a entrada, quais nós queremos que os às melhores práticas e à melhor cimento focada no cliente e na
linha com as novas tendências um balcão de acolhimento que nossos clientes se sintam cada e mais eficiente forma de inte- satisfação das suas necessida-
mundiais da banca, mas acau- remete para o self-banking ou vez mais à vontade e cada vez grar no sistema bancário a popu- des com uma oferta universal de
tela, em simultâneo, o atendi- que encaminha o cliente para mais familiarizados”. lação angolana. produtos e serviços financeiros
mento personalizado em todas de excelência. Para tal, desenvol-
as situações que seja necessário. EDIÇÕES NOVEMBRO veu áreas de negócio especiali-
Segundo a nota de imprensa zadas, que permitem apresentar
que tivemos acesso, este investi- serviços e produtos totalmente
mento vai ao encontro do objec- adaptados a cada tipologia de
tivo da instituição de colocar cliente, privado ou empresarial.
à disposição dos seus clientes O banco opera também nas áreas
estruturas físicas fora de Luanda de Gestão de Fundos e Banca de
que possam responder com efi- Investimento.
cácia às suas necessidades e às Com a criação das suas dife-
exigências de rapidez e de fun- rentes áreas de negócio, o Banco
cionalidade dos seus clientes em Económico assegura uma total
qualquer ponto do país. proximidade com os seus clien-
Nesta agência, tal como na pri- tes, a oferta de produtos bancá-
meira, estão disponíveis todos os rios diferenciados e inovadores, o
produtos e serviços comerciali- apoio de equipas especializadas,
zados no retalho para uma oferta bem como instrumentos finan-
completa aos clientes naquela que ceiros para estimular e acompa-
é uma das cinco cidades mais inte- nhar a maior diversificação da
ressantes em termos de ambiente economia e promover o desen-
de negócios em Angola. Banco Económico abre segundo balcão de atendimento na província do Huambo no Shopping Xyami volvimento sustentável do país.
14 finanças Economia & Finanças

AAA Activos sobrevive


Mota Ambrósio | EDIÇÕES NOVEMBRO

à queda do império
O
s accionistas vel ao Estado não foi realizada, Regulador da seguradora e autorizada pela
da AAA Activos por não ter havido acordo com o No dia 15 deste mês, a Agência ministra das Finanças.
dão conta, numa Ministério das Finanças, no ati- Angolana de Regulação e Super- No esclarecimento, São
nota de esclare- nente ao modo de pagamento e visão de Seguros (ARSEG), anun- Vicente reconhece que a A A A
cimento tornada ao risco cambial”, indica a nota. ciou a caducidade da autorização Seguros, SA foi dissolvida em
pública a 17 de O documento diz que a proposta que habilitava a AAA Seguros a Maio de 2019, por decisão volun-
Representante do BM em Angola Fevereiro, que “o inicial de pagamento, diferido, não comercialização de produtos de tária dos seus accionistas e con-
facto de diversas sociedades com protegia a AAA e redundaria num seguros. O regulador observou firma que a mesma foi caucionada
distintos negócios e actividades prejuízo superior a 78 por cento, que a caducidade da autorização pela ministra das Finanças, con-
BM defende serem designadas pela mesma daí a AAA Activos ter inviabili- para o exercício da actividade forme plasmado no Decreto n.º
marca AAA tem causado alguma zado a venda do seu imóvel. Diz resultou da dissolução voluntá- 199/20, de 14 de Janeiro, que
relatório confusão e erro”. a nota que “os 22 imóveis eram ria, deliberada pelos accionistas aprovou igualmente a liquida-
financeiro Segundo Carlos Manuel de
São Vicente, da comissão liqui-
propriedade da AAA Activos LDA
e foram construídos com fundos
ção já em curso.
Em 2016, o Decreto Presi-
em tempo
100
datária da AAA Seguros, SA, a próprios”, do mesmo jeito que o dencial nº 39, de 30 de Março,
A A A Activos, Lda, que é uma imóvel à rua Lenine, em Luanda, mudou, definitivamente, a
empresa 100 por cento privada, foi construído com fundos pró- liderança do co-seguro dos
O representante do Banco vendeu ao Estado 22 imóveis, prios da AAA Activos. petróleos, tendo sido atribuída
Mundial em Angola, Olivier que antes tinham sido arrenda- Para a direcção da AAA Actvos, por cento à ENSA . A A A A Activos diz
Lambert, considerou nesta dos para servirem de agências “os referidos imóveis não são, nem que a mudança ocorrida foi
quinta-feira, em Luanda, que a provinciais da seguradora AAA. nunca foram propriedade da AAA Da AAA Activos continua sob justificada com o interesse
melhoria do “Doing Business” A AA Activos diz que por Des- Seguros SA”, pois, justificam “a controlo dos accionistas que nacional e a necessidade de
precisa de um quadro pacho Presidencial, em Março de seguradora nunca teve patrimó- criaram a seguradora “três A”. revisão do actual modelo de
contabilístico e de auditoria 2018 foi autorizada a compra do nio imobiliário, nem nunca ven- co-seguro e de resseguro da
com transparência, devendo referido edifício. “A venda do imó- deu ou comprou imóveis”. actividade petrolífera.
articular os números e o
relatório financeiro em tempo DOMBELE BERNARDO | EDIÇÕES NOVEMBRO

oportuno.
Ao falar à imprensa, à margem
do seminário sobre “Doing
Business 2020 e a Melhoria
de Negócios, em Angola”,
Olivier Lambert, sublinhou que
o objectivo de melhorar 15
lugares é ambicioso, porque
vai permitir elevar Angola
no mapa do mundo e poder
atrair interesses dos melhores
investidores do mundo.
O representante do BM em
Angola disse que melhorar o
ambiente de negócio é uma
coisa realmente difícil, porque
toca em muitas instituições
e processos em todas as
organizações do Estado.
Referiu que são modificações
de macroeconomia que
precisam de uma coordenação
e liderança muito forte para o
processo acontecer.
“Quando a gente quer mudar Agência angolana de Regulação de Seguros anunciou o fim das actividades no mercado nacional do segmento de seguro da AAA
as coisas é difícil, melhorar
o ambiente de negócio é
mexer com muitos hábitos de
instituições e pessoas”, disse. ANPG e parceiros procuram cooperação de custo em nova área
Acrescentou ser essencial
ter uma liderança forte e Regina Handa guela, Belize, Lobito e Tomboco adicional no bloco 14 na ordem investimento estrangeiro no
coordenação ainda mais forte. (BBLT) numa única área de desen- dos 600 milhões de dólares, incre- país em geral.
Questionado sobre a queda de A Agência Nacional de Petró- volvimento a de Tômbwa - Lândana mento da produção na ordem dos Diamantino de Azevedo, minis-
quatro lugares, Olivier Lambert leo, Gás e Biocombustíveis e a sua extensão até 2028. 51 milhões de barris até 2028 com tro dos recursos minerais e petró-
considera que essa “pequena” (ANPG), na qualidade de enti- Acrescentou ainda que pre- impacto positivo para os resulta- leos, a quem coube o encerramento
queda não é importante, dade reguladora, fiscalizadora tende-se aumentar o petróleo bruto dos económicos de Angola. da cerimónia de assinatura deste
porque na realidade o nível de e concessionária no segmento para a cooperação de custos da nova “Em termos de valores, haverá memorando, sublinhou na sua
Angola era estável. “upstream”, a Chevron, a Sonan- área para 65 por cento efectivo a um incremento no valor actual intervenção a importância da
“A pequena queda é uma gol Pesquisa & Produção, a partir de 1 de Abril de 2020, bem líquido para o Estado de cerca de extensão das áreas de produção.
ilusão e tem a ver com A ngola Block 14 B.V, a ENI como ajustar a partilha do petró- 400 milhões de dólares adicio- Por um lado, porque são inves-
mudanças de metodologia. O Angola Production B.V, e a GALP leo e o lucro para 80/20 a favor da nais”, afirmou. timentos seguros e com retorno
mais importante a destacar Exploração e Produção assi- concessionária nacional e perfurar Para o director geral da Che- garantido, por outro porque confi-
é que não havia nenhum naram ontem, em Luanda, um um poço de pesquisa de 6 poços de vron em Angola, Derek Magness, guram o estreitamento das relações
melhoramento”, afirmou. memorando de entendimento desenvolvimento. este memorando representa um dos investidores e dos parceiros que
As autoridades angolanas para redemarcação da área de Aumentar o petróleo bruto para passo significativo para a revi- sempre acreditaram e estiveram
continuam a trabalhar para desenvolvimento do Bloco 14. a cooperação de custos para 72,5 talização da exploração e produ- presentes no sector petrolífero em
melhorar a posição do país no Segundo o presidente da ANPG, por cento após a perfuração dos ção petrolífera no Bloco 14, facto Angola e do seu compromisso com
ranking do “Doing Business”, Paulino Jerónimo, que falava na poços, devendo a partilha do petró- apenas possível com a liderança os objectivos do Governo nesta área
que passou de 175.º (2018) abertura do acto disse que o objec- leo e o lucro passar para 90/10 a determinada que o Governo de de actividade, que continua a ser
para 173º (2019), descendo 4 tivo principal é o da rentabilização favor da concessionária nacional. Angola tem demonstrado nesta de primordial importância para
lugares em 2020. do Bloco através da integração das Paulo Jerónimo afirmou tam- área de actividade, em particu- o desenvolvimento da economia
áreas envolventes do Kuito e Ben- bém que terá como investimento lar, e na melhoria do clima de e do bem-estar social.
Sexta-feira, 21 de fevereiro de 2020
finanças 15

A VoZ DO cidadão - Parceria estratégica entre Angola e Estados Unidos está mais relançada

fotos: alberto pedro


Yola do Carmo Rosania Silva Vanda Rodrigues permanente que visa facilitar

A
Funcionária Pública Estudante de Economia e executar as operações mone-
tárias que foram terminadas
visita do com alguns bancos internacio-
secretário de é uma Há necessidade nais, isto desde 2016, ano em
Estado norte- que se agravou a crise cam-
-americano, oportunidade de reforço do bial que o país vive desde 2014.
M i ke Pom- A ssunana Pedro, conta-
peo, a Angola para Aprofundar “compliance” bilista, disse que a Reserva
reveste-se de Federal dos Estados Unidos
grande importância para o for- e fortalecer (regras de tinha suspendido a venda de
talecimento das relações eco- dólares a bancos sediados em
nómicas entre os dois países. os laços regulação) Angola, em 2015, por sistemá-
O Executivo angolano tem ticas violações das regras de
estado a fazer tudo para que a regulação do sector e suspei-
economia nacional volte a ser tas de que o país estivesse a
robusta. A diplomacia virada financiar redes de terrorismo.
para a captação de investimen- Além de afectar a credibi-
tos e credibilidade junto de Assunana Pedro Patrícia Jasmim lidade do sistema financeiro
parceiros estratégicos, a nível Contabilista Gestora de contas angolano, a decisão agudizou
mundial, têm sido as acções a escassez de dólares no mer-
realizadas. cado nacional, o que de um
A cruzada contra a corrup- Queremos As discusões modo geral afectou as impor-
ção que está a ser levada a cabo a retoma devem ser tações de bens de consumo.
por Angola foi aplaudida pelo “Durante essa instabili-
responsável norte-americano, efectiva permanentes dade que o país atravessa, a
que assegurou o apoio necessá- credibilidade do nosso sis-
rio para o processo de repatria-
mento de capitais desviados.
da venda para facilitar tema financeiro foi afectada,
pois esperamos que com essa
Neste particular, Mike Pom-
peo disse que a América ajuda
de dólares os negócios visita norte-americana abram-
-se outras oportunidades, ou
os países de todo o mundo seja, que nos dêm o benefício
para que as transacções sejam da dúvida”.
“transparentes”. Moisés F rancisco, ana-
Aos jornalistas, o chefe da lista de contas, diz que esta
diplomacia norte-americana Moisés Francisco Gabriela Kiala visita deve ser estendida para
elogiou o trabalho que está a Analista de contas Funcionária Pública a diversificação da economia
ser feito pelo Presidente ango- angolana e que os dois povos
lano, com realce para os esfor- Devemos Angola sai a possam interagir entre si, de
ços da recuperação económica, forma a contribuírem para o
o que vai motivar as empre-
sas nacionais a recuperarem o
intensificar ganhar e ao desenvolvimento multifacetado
do país que durante anos deu
ritmo normal de crescimento.
Este posicionamento foi,
a diplomacia do mesmo tempo passos significativos. Que por
algumas incoerências ou má
também, defendido por Mike petróleo para vai reforçar sorte foram suspensas.
Pompeo, tendo mesmo referido “Há um reconhecimento de
que Angola tem muitas poten- outras áreas a cooperação Angola por parte dos Estados
cialidades que podem ser explo- Unidos da América a vários
radas numa parceria entre as anos e, por muito tempo, regis-
empresas dos dois países. tou-se uma aproximação do
As trocas comerciais entre ponto de vista económico, que
A ngola e os Estados Unidos res, depois de, em 2008, se ter visita de Mike Pompeo serviu cos comerciais (privados), para evolui da diplomacia do petró-
da A mérica ating iram usd verificado um volume de 20,1 mil para aprofundar e fortalecer que os bancos correspondentes leo para outras áreas”.
3,4 biliões no final de 2017, milhões de dólares. os laços com o Banco Nacio- um dia voltem a vender dóla- Outra funcionária pública,
sendo que o país exportou Para avaliar a parceria nal de Angola (BNA). res ao país no seu todo. “É uma Gabriela Kiala, é de opinião
produtos avaliados em usd estratégica entre Angola e a Lembrou que há um plano grande oportunidade para nós, que com a visita do Secretário
2,6 biliões e os Estados Uni- maior economia do mundo, do Executivo para que os ban- poís com a visita do Secretário Norte-Americano, Angola sai
dos da América cerca de 800 o JE foi à rua para ouvir dos cos correspondentes um dia vol- de Estado norte- americano, o a ganhar e ao mesmo tempo
milhões de dólares. cidadãos sobre as vantagens tem a vender dólares a Angola, país poderá ter à sua disposi- vai ter um espaço maior na
das relações comerciais entre isto no sentido de reforçar a ção as divisas e isto vai faci- cooperação bilateral com os
Trocas comerciais Angola e EUA para ajudar a cooperação. litar a vida de muitos”. Estados Unidos da América,
Em 2016, as trocas comerciais alavancar o sector produtivo A estudante Vanda Rodri- Para a gestora de contas, fruto de esforços feitos pelo
atingiram um total de 4,2 mil nacional. gues defendeu a necessidade Patrícia Jasmim, o encontro Governo angolano para ala-
milhões de dólares, um declí- Rosania Silva, funcioná- de se fortalecer o “compliance” entre os dois países deve man- vancar a economia e ainda no
nio de 16 mil milhões de dóla- ria pública, considera que a (regras de regulação) dos ban- ter-se mediante um diálogo combate à corrupção.
}

MOTA AMBRÓSIO | EDIÇÕES NOVEMBRO

Estados Unidos investem mais de usd 2 mil milhões em petróleo e gás


O secretário de Estado norte- ser “bons parceiros do povo de continuar e se enraizar. empresários dos dois países,
americano, Mike Pompeo, angolano”. “E se for conjuntamente bem Mike Pompeo falou de uma
anunciou segunda-feira, em O investimento a ser realizado feito, mais acordos serão iniciativa americana denominada
Luanda, que várias empresas pelas companhias norte- alcançados e as instituições tudo “Nova Cooperação Financeira”,
norte-americanas vão investir americanas, afirmou o chefe farão para promover o emprego avaliada em USD 60 mil milhões.
mais de dois mil milhões de da diplomacia americana, vai e a riqueza. Faremos a nossa Lançada há 45 dias, a iniciativa
dólares em Angola em projectos beneficiar, também, o povo parte para o povo angolano visa a captação de investimento
de petróleo e gás natural. angolano. alcançar a prosperidade”, afirmou privado em vários países, em
Mike Pompeo avançou essa O secretário de Estado norte- o secretário de Estado norte- sectores como agricultura e
informação quando discursava americano disse que a agenda americano. energia. De acordo com o
num encontro promovido pela de reformas de transparência Nova Cooperação Financeira responsável dos EUA, grande
Câmara de Comércio Estados financeira e combate à corrupção, No seu discurso dirigido, parte dos USD 60 mil milhões
Unidos-Angola (Usacc), onde implementada pelo Presidente às autoridades angolanas e dessa iniciativa destina-se ao
anunciou que os EUA querem angolano, João Lourenço, precisa americanas, bem como aos continente africano.
16
Mercados
Economia & Finanças

Conteúdo local encaixa mil


milhões de dólares da Total
Das mais de 600 empresas certificadas pelo Centro Empresarial Nacional, um terço presta serviços a petrolífera
Total, que pagou acima de mil milhões de dólares a todas pelo fornecimento de bens solicitados em 2019

DR

600
André Sibi

M
ais de 600
empresas eMPRESAS NACIONAIS
naciona i s , Estão certificadas para
que prestam prestar serviços ao sector
serviços ao petrolífero nacional.
sector petro-
lífero, perto de um terço, encai-

650
xaram da Total, mil milhões de
dólares, convertidos em kwan-
zas, durante o exercício eco-
nómico 2019. A informação foi
confirmada pelo director-geral mil barris/dia
da Total, Olivier Jouny, à margem Representa a quota de
do fórum de fornecedores locais, mercado da petrolífera
que decorreu na sede da empresa. francesa no país.
Olivier Jouny disse que o mon-
tante representa um quarto do
total dos custos operacionais da
empresa durante o exercício eco- Há 65 anos no mercado nacional a Total tem uma quota de produção que ronda os 650 mil barris de petróleo por dia
nómico 2019, orçados em mais
de três mil milhões de dólares.
}

O ministro dos Recursos Mine- recrutamento de expatriados Por outro, mostrou-se preocu- mão-de-obra, tem vindo a contra-
rais e Petróleos afirmou que, até tem os dias contados. pado com o número de expatriados tar, expatriados sem ter a “carta
à presente data, estão regista- a tOTAL É Domingos Francisco disse que a actuar, no sector, numa altura, de operadora” em outros casos
das, mais de três mil empresas o novo diploma que aguarda pela que o país apostou na angolaniza- sem saber o posto de trabalho
das quais apenas 600 estão cer- RESPONSÁVEL aprovação e aplicação prevê entre ção do sector petrolífero. que vai ocupar, disse.
tificadas para prestar serviços outros, a obrigação de apresentar Com base neste princípio, os Para pôr termo, a esta situação
ao sector petrolífero. POR 40 POR CENTO o contrato programa e planos de angolanos, devem ter vantagens o Ministério dos Recursos Mine-
desenvolvimento de nacionais. acrescidas, na ascensão para qual- rais e Petróleo vai fiscalizar a atri-
Recrutamento Do MERCADO Para garantir o cumprimento quer posto de trabalho no sector do buição dos vistos de fronteira, para
Por sua vez o director nacional de deste pressuposto o Ministério petróleo, sendo substituído pelo que a entrada no sector seja orde-
fomento de quadros e da cadeia de de crude dos Recursos Naturais e Petró- expatriado, quando não oferece nada e disciplinada. “Quem quiser
valores do Ministério dos Recur- leos vai criar um órgão regulador as mesmas competências. vir a Angola, temos de saber, em
sos naturais e Petróleos, Domin- NO PAÍS do conteúdo local e outras exigên- No entanto, as empresas ango- onde vai ficar, onde vai trabalhar
gos Francisco, garantiu que, o cias, não previstas na actual Lei. lanas voltadas ao recrutamento da e quando vai sair do país, concluiu.

Prestadoras de serviço no sector petrolífero falam dos desafios do sector


As empresas nacionais, que comunicação e imagem, há um
prestam serviços no sector ano, considerou 2019 proveitoso.
petrolífero (conteúdo local) Kaima Cardiga, assegurou que, o
explicaram ao JE, que a desafio é enorme, no entanto a
permanencia no sector em equipa está mobilizada.
que operam, passa, pelo Para Paulo Miranda, director
cumprimento rigoroso de prazos, executivo da Prometeus, referiu,
e seriedade nos compromissos que a crise prevalecente no sector
assumidos. Durante a ronda desde 2014, constitui um desafio,
realizada pelo JE, Analisa para os empreendedores, no
Ferreira, directora de qualidade entanto, a equipa, trabalha a cada
na “Integrated Solucion Angola, dia para prosseguir.
que fornece equipamentos Há 28 anos no mercado, prestando
informáticos, assegurou, que serviços de limpeza, a empresa Analise Ferreira Paulo Miranda Kaima Cardiga
este segmento de negócios encontrou no sector petrolífero o Directora da Integrated Director Executivo da Prometeus Especialista em Comunicação
é promissor e oferece boas seu nicho de mercado.
}

oportunidades para o investidor. De recordar, que a Total actua nos


Analisa Ferreira assegurou que sectores de produção de produção
a sua equipa constituída por 30 e exploração de petróleo e gás O maior desafio eNCONTRAMOS NO O ano passado foi
membros, actua no sector há 11 e tenciona entrar para o sector
anos e vai continuar a trabalhar, energético. nesta altura é a SECTOR PETROLÍFERO bastante positivo
para assegurar esta quota de No mercado angolano há 65 anos
mercado. a petrolífera francesa tem uma importação de O NICHO DE para a empresa, que
Entre os desafios, a responsável produção anual, que ronda os 650
apontou a falta de divisas para mil barris de petróleo dia, extraídos equipamentos para MERCADO PARA A encara os desafios
importar equipamentos. nos Blocos 17 e 32 representando
Já Kaima Cardiga, que representa assim, 40 por cento da quota do atender a demanda EMPRESA como oportunidade
a “Back”, volta ao sector de mercado nacional.
Sexta-feira, 21 de fevereiro de 2020
mercados 17

A
edições novembro

550
consultora Fitch Solu-
tions considerou hoje Cotações
que a produção de
petróleo em Angola
deverá cair 41 por mil barris/dia
cento, equivalente a 550 mil bar-
ris até 2028, quando comparada Projecção que a consultora Taxas de câmbio
com os níveis de 2019, para 762 Fitch Solutions faz para a
mil barris por dia..
“A produção desapontante em
Angola, o segundo maior produ-
tor de petróleo na África subsaa-
queda de produção petrolífera
angolana até 2028.
488,010 USD/AKZ
riana, deve explicar o declínio de
550 mil barris por dia em 2028 de petróleo, a um preço médio de
face aos níveis de produção de 65,2 dólares (59,2 euros) por bar- Commodities
2019”, ano em que Angola bom- ril, totalizando receitas de 31,2
beou 1,3 milhões de barris diários,
lê-se no relatório sobre o sector
do Petróleo e Gás nesta região.
No relatório, enviado aos clien-
mil milhões de dólares (28,3 mil
milhões de euros), segundo dados
apresentados no final de Janeiro
pela Direcção Nacional de Merca-
59,51 brent
tes e a que a Lusa teve acesso, os dos e Promoção da Comercializa-
analistas desta consultora detida ção do Ministério dos Recursos
pelo mesmo grupo que é dono da Fitch volta a prever cenário negativo na produção do “crude” em Angola Minerais e Petróleo (MIREM-
agência de notação financeira PET) angolano. Taxas de Juro
Fitch Ratings escrevem que não Divididos por 365 dias, esta
Produção de petróleo
Moeda 20 Fev 2020
é só em Angola que a produção produção anual dá uma média
deverá decrescer ou abrandar de 1,312 milhões de barris diá- Euribor 1 mês EUR -0,467

em Angola desce 41%


face aos níveis actuais. rios em 2019. Usando este valor Euribor 6 meses EUR -0,353
“Novos investimentos subs- para calcular a redução de 550
tanciais são necessários para mil barris diários, chega-se ao Euribor 12 meses EUR -0,288
compensar as taxas de declínio
previstas para a região”, lê-se no
relatório, que prevê uma contrac-
até ao ano de 2028 número de 762 mil barris diá-
rios em 2028, conforme prevê a
Fitch Solutions.
Libor 1 mês

Libor 6 meses
USD 1,63938

USD 0,80325
ção de 0,03 por cento na produção Angola passaria a produzir, Libor 12 meses USD 1,76888
petrolífera deste ano na região. “Globalmente, o sector do petrolíferas internacionais têm no total do ano, 278,1 milhões
“Antevemos que a produção petróleo e gás tem-se debatido se centrado mais na contenção de barris, o que, mantendo
regional atinja um pico de 5,2 com as consequências de uma de custos do que no lançamento o preço, representa ria um
milhões de barris por dia em 2026, redução da procura, um excesso de novos investimentos, apesar encaixe de 18,1 mil milhões
depois de ter registado um confor- de produção e uma perspectiva de ter havido algumas descober- de dólares, algo que, também, Taxas de Câmbio Spot
tável crescimento de 3,0 por cento de evolução de preços baixos, tas recentes na região. representa uma perda de 41 por Cotação 20 Fev 2020
no ano passado e de cair 0,03 este entre outros factores”, afirmam, Angola exportou, em 2019, cento face aos 31,2 mil milhões
ano”, afirmam os analistas. salientando ainda que as grandes cerca de 479 milhões de barris de dólares exportados. USD/AKZ 488,010

EUR/AKZ 535,138
Publicidade
Legislação sobre petróleos nad/AKZ 33,295

permite mais investimento EUR/USD 1,0800

GBP/USD 1,2867
O secretário de Estado dos Petróleos, Alexandre USD/JPY 111,9700
Barroso, defendeu há dias que a nova Lei
sobre os Derivados do Petróleo, aprovada USD/ZAR 15,1017
recentemente, permite a adesão de mais USD/BRL 4,3760
operadores privados no mercado e a construção
de novos postos de abastecimento. USD/CNY 7,0244
Ao dissertar no seminário de apresentação
do Mapeamento Nacional de Postos de
Abastecimento de Combustíveis e Legislação
afim, organizado pelo Instituto Regulador mercados accionistas
dos Derivados do Petróleo (IRDP), sublinhou Índice 20 Fev 2020
que a legislação do subsector dos derivados
do petróleo vai fazer que se ultrapasse a Dow Jones 29,348.03
meta de mil 132 postos de abastecimento de S & P 500 3,386.15
combustíveis até 2022.
Referiu que a lei vai promover a entrada de novos NASDAQ 9,817.18
operadores no sector de derivados de petróleo, FTSE 100 7,452.21
melhorar a rede de distribuição de combustíveis
e lubrificantes em todo o território nacional BOVESPA 115,966.10
e incentivar a construção de novos postos de PSI 20 5,420.16
abastecimento, com investimento privado.
“Com o aparecimento de mais postos de NIKKEI 225 23,479.15
abastecimento de combustíveis está-se a DAX 13,750.04
contribuir para a criação de mais postos de
trabalho e, consequentemente, a melhorar as Hang seng 27,606.16
condições de vida da população”, disse.
Para o secretário de Estado, a legislação
aprovada abre um espaço à iniciativa privada
e constitui um apelo aos investidores a Commodities
aproveitarem a oportunidade de investir em 20 Fev 2020
postos de abastecimento de combustíveis.
O Executivo angolano prevê atingir, até 2022, mil Brent 59,51
132 postos de abastecimento de combustíveis, crude oil 54,04
de acordo com o cronograma estabelecido no
Plano de Desenvolvimento Nacional (PND 2018- gás natural 1,95
2022), disse hoje o director-geral do Instituto ouro spot 1,614.77
Regulador dos Derivados do Petróleo (IRDP),
Albino Ferreira. trigo 560,25
Segundo este, até Junho de 2018, altura açúcar 14,96
que terminou o mapeamento dos postos de
abastecimento de combustíveis, o país contava café 107,40
com mil 107 postos de abastecimento de algodão 69,30
combustíveis.
(700010)
18
Empresas
Economia & Finanças

Câmara defende criação


de fundo de garantia e crédito
A Iniciativa da Câmara de Comércio e Indústria de Angola visa ultrapassar os vários constrangimentos que
os empresários têm enfrentado junto da banca comercial no que diz respeito à concessão de crédito

DR
Xavier António

A
Investidores sugerem prazos
de pagamento mais alargado
Câ ma ra de
Comércio e
Indústria de
Angola (CCIA) Concorrentes à 2ª vaga de privatizações de empresas
tem na forja a na ZEE Luanda-Bengo enriquecem contribuições
criação de dois

Santos Pedro ! edições novembro


fundos, um de Pedro Peterson
garantia e outro de crédito, com
objectivo de apoiar os empre-
sários filiados, segundo deu Os investidores que participaram
a conhecer o seu presidente, no 1º encontro de auscultação à
Vicente Soares. 2ª vaga do processo de privatiza-
O responsável falava em ção das 13 Unidades Industriais
Luanda, durante uma conferên- da Zona Económica Especial,
cia de imprensa, com o propósito Luanda-Bengo, realizado recen-
de apresentar o plano de acti- temente em Luanda, sugeriram
vidades e o balanço desenvol- ao Governo, que o pagamento das
vido nos primeiros dois meses referidas fábricas fosse efectuado
da actual direcção. Avançou que em períodos superiores a 30 dias
a inciativa visa ultrapassar os e em várias tranches.
vários constrangimentos que Vicente Soares (centro) apresentou à imprensa o balanço da actividade Os empresários sugerem ainda
os empresários têm enfrentado que se estudasse a possibilidade
junto da banca comercial no de o pagamento ser feito com títu-
}

que diz respeito à concessão Código de barra los do tesouro e que se tivesse em
de créditos. Na ocasião, esclareceu que a atenção para os prazos dos con- Uma unidade industrial na ZEE
“O fundo de garantia vai ser- Este ano, o OGE empresa encarregue para tra- cursos e das fases de assinatura
vir aqueles que pretendem redu- tar deste processo já está cons- de contratos e adjudicação.
zir o risco ao crédito, enquanto o disponibilizou cerca tituída com a denominação de A sessão, que contou com mais dos em 2020. Todas as sugestões
fundo de crédito é para empres- “Codiango”, acrescentando que de 50 participantes entre inves- serão estudadas pela equipa téc-
tar”, enfatizou. de 92 milhões de a CCIA está a par do projecto e tidores nacionais, representan- nica para averiguar o potencial
Admitiu igualmente que mui- que nos próximos meses estará tes de instituições bancárias, de implementação.
tas vezes o problema reside na kwanzas para a concluído. consultores e quadros seniores Estiveram presentes na 1ª
classe empresarial que não dis- Explicou igualmente que as do IGAPE e da Sonangol Investi- sessão de auscultação do mer-
põe de informações de como ace- execução de várias empresas filiadas na CCIA já mentos Industriais (SIIND), teve cado, dedicada à privatização de
der aos vários pacotes de crédito exportam produtos nacionais como objectivo recolher dúvidas 13 unidades industriais da Zona
disponibilizados. acções da câmara para vários destinos como o café, e sugestões sobre os principais Económica Especial – Luanda-
Vicente Soares precisou que banana, peixe e outros. aspectos do processo de aliena- -Bengo, o presidente do Conse-
estão a ser criadas as condições Sobre o processo de privatiza- ção dos activos. lho de Administração do Igape,
para que a câmara além de depen- zas para execução de várias acções ções em curso, a câmara entende Este é o primeiro de uma série Patrício Vilar, e o seu adminis-
der do Orçamento Geral de Estado da CCIA com foco numa gestão que o programa “está melhor de encontros que promoverão a trador executivo, Akiules Neto,
(OGE), pelo facto de ser uma insti- transparente”, revelou. estruturado e que as organiza- participação dos investidores na e Carlos Wilson da SIIND.
tuição de utilidade pública, possa Esclareceu também que está ções internacionais abraçam e preparação do lançamento dos Segundo o documento que
criar outros serviços ligados à em curso o processo de avaliação aconselham, apesar de alguns concursos, através da apresenta- o JE teve acesso, os candida-
formação e gerar receitas. de acordos que a CCIA tem com receios nos timing e abragência”. ção de sugestões e preocupações tos interessados as 13 unidades
“Este ano, o OGE disponibili- outras congéneres e organiza- Actualmente a câmara con- de modo a potenciar o sucesso dos industriais podem visitar as ins-
zou cerca de 92 milhões de kwan- ções internacionais. tola 912 membros a nível do país. vários concursos a serem lança- talações na ZEE.

Reformas no mercado informal em Angola apresentados no fórum da Nigéria


edições novembro

Angola apresentou no último O responsável falou da com a ATAF, tendo na oca- Receita Federal da Nigéria
fim-de-semana em Abuja, Tabela dos Lucros Míni- sião destacado o nível salu- (FIRS), apoiado pelo Banco
Nigéria, as reformas que mos do código sobre os tar de colaboração entre as Africano de Desenvolvi-
estão a ser desenvolvidas Rendimentos do Trabalho duas instituições mento (BAD). No forúm
no sistema fiscal nacional, e os trabalhos que estão a AGT trabalhou com os foram discutidos ainda, o
com realce para o mercado ser desenvolvidos no dese- especialistas da tributação plano de trabalho da organi-
informal no regime das nho conceptual do futuro do sector informal e com fun- zação para 2020, que inclui
Micro, Pequenas e Médias Imposto único sobre a Micro- cionários das administra- um calendário abrangente
Empresas. -Actividade Económicas. ções tributárias de outros de actividades destinadas
Segundo o documento da Numa outra reunião países africanos, numa con- a fortalecer a capacidade
AGT que o JE teve acesso, no paralela, a técnica do ferência de três dias que e aumentar as habilidades
certame, Angola discorreu o gabinete de Planeamento visou discutir temas de sobre como o fisco deve lidar
tema “Um quadro Africano Estratégico e Cooperação como lidar com os desafios com a informalidade no con-
para a Tributação Eficiente Internacional da AGT e cor- decorrentes do sector infor- tinente. A conferência foi
do Mercado Informal” que respondente das Adminis- mal em África. aberta pelo presidente da
foi disssertado pelo técnico trações Tributárias de África O evento foi uma orga- FIRS (Autoridade Tribu-
do Centro de Estudos da AGT, (ATAF), Kélia Cetil, fez uma nização da ATAF em parce- tária Federal da Nigéria),
Mercado informal do km 30 arredores de Luanda Anísio Samandjata, avaliação do trabalho da AGT ria com o Serviço Federal de Muhammad Nami.
Sexta-feira, 21 de fevereiro de 2020
Empresas 19

edições novembro

Fórum recomenda empresários


a primarem pela ética e legislação
à melhoria do ambiente de negócios

}
Alberto Domingos
O I Fórum Empresarial de São poucos
Estratégias de Negócios, que
decorreu no último fim-de- os empresários
semana em Luanda, recomendou
aos empresários presentes, a que pautam
pautarem pela ética, de forma a
contribuírem para melhoria do pela ética
ambiente de negócios no país.
O evento, que contou com a nos seus
participação de mais de 40
empresários de diversos sectores negócios,
de actividade, exortou igualmente
os presentes a respeitarem a julgando que
Equipamentos agricolas a disposição de uma empresa vocacionada a produção mecanizada na província do Huambo legislação tributária e a criação de
empresas sustentáveis. isso pode baixar

Produtores do Huambo
O economista e docente
universitário, Filomeno Vieira os seus
Lopes, disse que a ética deve
constituir a base de qualquer rendimentos

abraçam projecto
negócio. Só desta forma é que
se pode ter empresas e negócios
sustentáveis. que, uma vez respeitando a
“No país, são poucos os legislação fiscal, os empresários

de apoio ao crédito
empresários que pautam poderão evitar gastos
pela ética nos seus negócios, desnecessários.
pois muitos ainda acham que Apesar de alguns
se actuarem honestamente constrangimentos que se
não terão sucesso no seu tem registado no processo de
empreendimento”, disse o pagamento dos impostos, o
economista. técnico afirmou que hoje já se
Justino Victorino no Huambo
}

grama de Apoio ao Crédito (PAC), Segundo Filomeno Vieira verifica um maior cumprimento
inserido nas acções no Prodesi. Lopes, havia empresários que voluntário das obrigações fiscais
estão disponíveis

O
“Os valores estão disponíveis, se aproveitavam da fragilidade por parte dos empresários,
s empresários e pro- agora, cabe às empresas e coope- do sistema fiscal no país, fruto do trabalhos que tem sido
dutores do ramo agrí- 3o mil milhões rativas organizarem, elaborar e para fugirem ao fisco. “Mais desenvolvidos pela AGT.
cola, da província estruturar, devidamente, os pro- esquecem-se que a fuga ao Sustenta que a AGT tem
do Huambo, rece- de kwanzas cessos, bem como os projectos de fisco pode enfraquecer o Estado, promovido encontros com
beram durante um investimento, de modo a remete- ficando impossibilitado de investir algumas entidades, como
workshop, informações sobre as para rem às instituições intervenientes nos sectores da educação e associações empresariais,
regras de acesso ao Programa para o financiamento”, enfatizou. saúde”. ordem dos contabilistas e outros
de Apoio Ao Crédito (PAC), numa o programa O presidente da Cooperativa Por estas e outras razões, organismos para a realização
iniciativa do Banco Angolano Semente do Planalto, Francisco prossegue o economista, de fóruns e campanhas
de Investimentos (BAI). de incentivo Venda, em declarações ao Jornal é necessário haver a de aproximação com os
O encontro, ser viu para de Economia & Finanças, realçou consciência ética para que contribuintes, de forma a estarem
esclarecer aos empresários, À produção que o projecto “é bem vindo e de os empresários utilizem a par da realidade.
homens de negócio, os requisi- perspectiva de que se os produ- padrões éticos avançados, Já a consultora de negócios
tos e regras para aderir à linha tores e camponeses forem bem quer nos seus negócios, quer na área de Gestão e Finanças,
de crédito de 30 mil milhões de aderir as garantias públicas. incentivados”, disse, acrescen- no tratamento com os seus Isaura Cavalcante, citando um
kwanzas, que estão a ser dis- O técnico disse ainda que o tando de que “esta política de empregados. relatório do MAPTSS de 2016 e
ponibilizados no programa de financiamento é resultado dos acesso ao crédito vai contribuir Por seu turno, o especialista em 2017, explicou que seis em cada
incentivo à produção nacional. memorandos de implementação para que o país reduza as impor- Gestão de Empresas, Bráulio dez empresas criadas em Angola
O administrador executivo do programa, rubricados entre tações dos produtos agro-alimen- Ribeiro, e técnico da AGT, fecharam e em 2017 e 2018, nove
do BAI, Simão Fonseca, expli- o Ministério da Economia e Pla- tares”, sustentou. afirmou que nos últimos tempos, em cada dez novas empresas
cou, a essência e os objectivos neamento, o BDA, o Fundo de “Se fomentarmos a produ- tem se registado um número fecharam.
do programa, bem como esclare- Garantia de Crédito e oito ban- ção interna, poderemos assim crescente de empreendedores “Estes números, são assustadores,
ceu aos empresários, ligados ao cos comerciais de direito ango- reduzir as importações e elevar que procuram organizar a sua e isso, demonstra que temos
ramo agro-pecuário, quais são lano, contando com uma verba os níveis de exportações, uma actividade tributária, realçando muitas empresas voláteis no país”.
as condições, regras, requisitos de 141 mil milhões de kwanzas. vez que a nossa economia tem
e os procedimentos para o pedido O projecto, criado em 2018, uma forte dependência total Alberto domingos

dos processos de financiamento pelo Executivo, surge para mate- do petróleo,” apontou.
do PAC, no sentido destes, não rialização do programa de produ- No Huambo, sublinhou, é
terem situações de insucessos no ção nacional, diversificação das fundamental revitalizar as
reembolso do crédito, como acon- exportações e substituição das indústrias transformadoras
teceu no Angola Investe. importações, em que não estão para se alcançar “suficiente-
No âmbito do aviso BNA, o ges- estabelecidos limites de financia- mente” o propósito traçado no
tor avançou, que a taxa de juro mento para cada proposta apre- programa, pelo que a ser mate-
estabelecida não pode ser supe- sentada, dependendo apenas da rializado alavancará a econo-
rior a 7,5%, e o prazo de reembolso especificidade de cada investi- mia da província e esta volta a
do crédito pode ir até 12 anos. mento, em que o empresário deve ganhar o estatuto de segundo
Segundo disse, o banco cen- suportar 25 por cento do valor a ser maior parque industrial do país.
tral, definiu um formulário de pré- investido, disse Simão Fonseca. O projecto, criado em 2018,
-candidatura para os empresários pelo Executivo surge para mate-
interessados e vários documen- Cooperativas preparadas rialização do programa de produ-
tos que devem acompanhar o for- O chefe de Gabinete Provincial ção nacional, diversificação das
mulário e todas as candidaturas para o Desenvolvimento Eco- exportações e substituição das
deverão respeitar as condições de nómico Integrado no Huambo, importações, em que não estão
acesso definidas nestes avisos. Angelino Elavoco disse que, até ao estabelecidos limites de financia-
Neste processo, assegurou momento, desconhece o número mento para cada proposta apre-
Simão Fonseca, o BAI definiu o de cooperativas e empresas que sentada, dependendo apenas da
período de oito anos, como prazo deram entrada dos processos especificidade de cada investi-
de reembolso, sendo a compar- para a concessão do crédito, mas mento, em que o empresário deve
ticipação do BDA de 75% por avançou que são muitas que estão suportar 25 por cento do valor a Especialistas abordam no I Fórum sobre Estratégias de Negócios
cento, caso o cliente opte por interessadas em aderirem ao Pro- ser investido, disse.
20 O Meu Negócio Economia & Finanças

As “tranças da vida”
para sobreviver em Luanda
O Brasil, Congo, Nigéria e China lideram o mercado onde é adquirido o cabelo postiço muito usado
para realçar a beleza da mulher feminina e também usado por muitos homens do movimento “Rasta”

}
António Eugénio a

N
Clientes
Helena Cândida é cliente assídua
em o sol ardente do salão. Considera que além da
lhe tira o sor- qualidade de trabalho, a casa ofe- A história até servir de meio de
r iso. Ma r ia rece serviços “kilapi”, que vence comunicação na américa do sul
Sof ia está num período de 26 dias. Esta
imparável a medida se aplica apenas a clien- O cabelo postiço é culturas para determinar a classe
trançar mulhe- tes de confiança e que procuram generalmente adquirido social, origem familiar e até
res no pequeno habitualmente pelos serviços. no mercado do Congo estado civil das mulheres do
salão de beleza instalado no pátio “Tem muita vantagem aqui. Democrático, china, Índia, continente. Na América Latina,
do seu quintal no distrito do Ben- Maria Sofia Nós podemos fazer kilapi e pagar Brasil e Nigéria. os desenhos feitos nas raízes dos
Empreendedora
fica em Luanda. dentro do acordado. Eu se tiver Os agentes que importam este cabelos durante o período da
Criou o pequeno negócio há uma festa esta semana e não produto, que canalizam no escravidão serviam como mapas.
}

mais de cinco anos, quando por tiver dinheiro, posso pedir para mercado formal e informal. Diferente das box braids,
causa da crise que se instalou pagar depois”, disse. O mercado do kikolo no a trança nagô - também
perdeu o emprego. O momento A proximidade é outra van- distrito do Cacuaco em conhecida como corn braids - é
facilitou-lhe criar outras solu- tagem que as clientes residentes Luanda, dominam este feita rente ao couro cabeludo e
ções. A necessidade de susten- Depois estar encontram nos serviços pres- negócio. foi muito usada como forma de
tar os três filhos fala mais alto. tados por Maria Sofia. Lembra comunicação entre os negros.
Para o arranque do pequeno desempregada que inúmeras vezes saiu de casa ícones Nos dias actuais, continua a
empreendimento, investiu cerca pela manhã e regressou no final As tranças africanas sempre ser uma das preferidas das
de 100 mil kwanzas que servi- montei da tarde porque encontrava os fizeram sucesso entre cacheadas e crespas, e podem
ram para comprar material de salões cheios. ícones negros americanos, ser feita em cabelos naturais
salão de beleza de ocasião. O o meu salão Maura Costa, outra frequenta- principalmente cantoras e ou sintéticos. Esse modelo
foco da actividade está virada dora do estabelecimento, encoraja actrizes. No mundo, o número de trança também é muito
para as tranças. a força da mulher empreendedora, com gosto ao penteado utilizado por homens com o
Para sustentabilidade do negó- numa altura em que a limitação aumenta todos os dias. Por cabelo crespo, porque, além
cio, contratou duas jovens que de emprego é grande. isso, cada vez mais mulheres de esteticamente bonito, é
prestam dignamente o serviço crespas invistam nesse visual, prático.
a clientes que quiserem realçar Satisfação que traz uma forte carga Em Luanda há muitas lojas que
a beleza. Chega em média a aten- Rita Silva trabalha com esta acti- histórica de resistência e luta comerciam o cabelo, afirma
der mais de três clientes. vidade há dois anos. Enaltece a da população negra. que é um negócio rentável.
Nos dias normais chega a fac- vantagem ao investimento de De origem africana, as “braids”
turar por aí 30 mil kwanzas, com pequenas unidades que condu- eram usadas por algumas AE
um aumento no fim-de- semana, zem a proporcionar emprego para

100 30
altura que a afluência sobe a pro- muitos jovens.
cura do serviço de tranças. O incentivo é sempre opor-
tuno nestas ocasiões. Há sempre
Preço como ganhar a vida com digni-
As tranças denominadas “cor- dade. Para ela, se uns conseguem, mil kwanzas mil kwanzas
dolete” cobra 10 mil kwanzas, muito do tamanho, enquanto o por que razão outros acham que Valor investido para Corresponde
o “quadradinho” 3 mil e 500, a “rasta nigeriano” (gold) 15 mil lá não chegam?, observa. Num a começar o negócio a facturação
“borrada” (dreodlockes) custa 5 kwanzas. São várias as opções período de alguma dificuldade, no quintal. diária no
mil kwanzas. que oferecem para uma cabeça, a crise acaba por ser um lenitivo estabelecimento.
As “rastas com postiço cro- desde o modelo clássico ao popu- para ajudar a lutar e encontrar
chet” custa 5 mil, enquanto que o lar, que no essencial serve para as alternativas e emponderar-
“rasta original” o preço depende manter a vaidade e a beleza. -se. Avançar é sempre a solução.
dr

As mulheres recorrem ao serviço para melhorar o seu look e se apresentarem cada vez mais bonitas e daí evidenciarem o seu charme feminino...
Sexta-feira, 21 de fevereiro de 2020
reportagem 21

oferta suplanta procura NO “Acquaville Residencial”

Condomínios em Luanda:
quem tem “bolso” é dono
cedida
}
António Eugénio

N
De longe
u ma alt u ra
em que cresce se nota
a corrida para
a obtenção da a desocupação
casa própria,
em Luanda há do condomínio.
condomínios
construídos há mais de 10 anos Não passa
mas quase “desabitados”.
É o caso do imponente condo- despercebido,
mínio “Acquaville Residencial”,
localizado na Avenida Pedro de pois por aí
Castro Van-Dúnem “Loy”, em Tala-
tona onde, apesar da sua arquitec- todos circulam
tura despertar a atenção de quem
circula por aquela área, está prati-
camente às “moscas”. Os prédios do condomínio “Acquaville Residencial”, em Talatona, Luanda Sul, estão praticamente desocupados
De pintura acastanhada, o
“Acquaville Residencial” tem oito
torres, com 128 apartamentos. bico d’obra, como alguém desaba- há alguns apartamentos ocupados, em Luanda. Mas os seus preços táxi. Sem dúvida, como assu-
A sua área total oscila entre os fou quando por lá passámos para mas o pouco movimento, o silêncio proibitivos afugentam. Não há mem os seus moradores: é um
212 e os 500 metros quadrados. mais anotações sobre à realidade receoso, leva a pensar o contrário. bolso para uma tabela carregada pesadelo viver no “Kapakapa”.
A desocupação inquieta ainda destes conjunto de casas luxuosas. Quem são e como lá tiveram acesso em termos de preços.
mais quem procura por uma casa “Há casas fechadas, enquanto à “chave da felicidade”? A vontade invade quem por Acquaville Residencial
para morar, como cantou um músico muita gente nem um quarto tem... Para ter acesso ao interior, aí passa. Mas não basta para Não ficámos por aqui. Aliás,
da praça: “já fiz todas as diligências Quem é o dono deste condomínio?, nada pareceu fácil. Há segu- lá chegar e ocupar um aparta- o nosso interesse é trazer his-
para comprar uma casa para morar alguém nos pergunta. rança à entrada, mas pouco ou mento. Enquanto uma solução tórias sobre os condomínios
e compor o nosso lar”. Depois conta a sua história. nada para satisfazer imediata- tarde a chegar, a opção con- (quase) vazios que ornamen-
Disse que se inscreveu para o mente à curiosidade ou mesmo tinua a ser o arrendamento. tam Luanda. Num verdadeiro
Lisura Zango 5 e soube que a estrelinha o interesse. Dos engarrafamen- Por exemplo, no KK-5000, um contraste entre o exitente e a
De longe se nota a desocupação da sorte não cintilou para o seu tos constantes, nas primeiras apartamento pode chegar a 80 incapacidade financeira de
do condomínio. Não passa desper- lado, dado o número elevado de horas da manhã, para quem mil. Como é sabido, esta parte obter uma casa. Num contacto
cebido pois por aí todos circulam, candidatos. Mostra algum cons- quer chegar ao trabalho, no cen- do Kilamba não tem serviços telefónico com a sua direcção
quer no sentido centro da cidade, trangimento e suspeição relativa- tro de Luanda, o pensamento sociais. Não há lojas, não há o JE apurou que a renda de um
quer para o “Patriota” ou mesmo mente à lisura do sorteiro. se remete para uma casa cada espaço de lazer, nem hospital. apartamento T3 pode ficar
Kilamba. Até mesmo para quem A solução dele não passa pelo vez mais próximo do emprego, Disse em tempos alguém de entre 250 e 400 mil kwanzas.
viaja para o Sumbe ou Benguela. “Acquaville”, a julgar pelo valor das quando muitos condomínios que o KK-5000 é um verdadeiro De resto, é arrumar as coi-
Ou seja, um projecto habitacional casas e os critérios de pagamento. exibem o “troféu” do insucesso domitório. Para comprar algo, sas e partir para uma vida de
bem localizado. Num lugar ape- Entretanto, de algumas varan- em termos de ocupação. Grosso como saldo para telefone tem de sonho, não da casa própria.
tecível para viver. Mas a vontade das avistavam-se roupas estendi- modo, estão “às moscas”. Quer se percorrer distância ou ir ao A venda de um apartamento
não se sobrepõe a realidade. Con- das, o que se presume que já tem se queira, quer não, os factos Kilamba, nas loja do “mamadou. custa entre os 60 e 100 milhões
seguir aqui um apartamento é um alguns moradores. Soubemos que falam por si. Há casas a fartura Para tal, tem-se de recorrer a um de kwanzas.

candidatos as casas no zango 8.000


Santos pedro | edições novembro

sorteados começam a receber mensagens amanhã


André Sibi

155.041
dos nesta fase, tendo anunciado
para breve a abertura de novas
A partir de amanhã (sábado), os inscrições para as centralidades,
cidadãos contemplados no sor- tanto em Luanda bem como no
teio para as habitações na cen- candidatos resto do interior do país.
tralidade do Zango 5 vão receber Número de cidadãos que Destacou que o programa
mensagens para o início das tentaram a sua sorte para nacional de habitação tem como
entrevistas e entrega das cha- concorrer numa das 2.390 objectivo primordial garantir o
ves nos próximos 90 dias. habitações no Zango 5 acesso a moradias condignas e,
Segundo a ministra do Orde- economicamente, acessíveis a Ministras Ana Paula do Sacramento Neto (à direita) e Ana Paula de Carvalho
namento do Território e Habita- toda a população.
ção, Ana Paula de Carvalho, que Por sua vez, a ministra da
falava à imprensa, à margem da na eventualidade de existir um Juventude e Desportos, Ana Paula logias de Informação e Comunica- Angola bem como do Ministério
abertura do sorteio para a aqui- maior número de excluídos ao Sacramento Neto, disse que 70 ção do Ministério do Ordenamento das Telecomunicações e Tecno-
sição de residências no Zango 5, longo das entrevistas, a institui- por cento dos concorrentes são do Território e Habitação, Mateus logias de Informação.
acto realizado em Luanda, a pró- ção vai dar lugar para mais um jovens, com menos de 40 anos de Garcia, explicou que o sistema Revelou que o programa foi
xima fase consiste em convocar sorteio, no leque dos 155.041 res- idade, sendo que boa parte deles informático usado para o primeiro concebido para fazer face ao
os candidatos para se averiguar tantes da primeira fase. “terão o seu problema resolvido”. sorteio público foi desenvolvido por défice habitacional nas zonas
a veracidade dos dados/docu- A governante aproveitou, igual- uma equipa multidisciplinar de urbanas e reduzir as intensas
mentos fornecidas à Imogestin. mente, a ocasião para tranquilizar Mais-valia peritos informáticos do seu Gabi- disputas de terrenos em todo
A ministra esclareceu que aqueles que não forem contempla- O director do Gabinete das Tecno- nete, da universidade Católica de o território nacional.
22 infra-estrutura Economia & Finanças

edições novembro

Adérito Veloso * huambo

C estradas
erca de 175 milhões de
dólares norte-america-
nos estão disponíveis degradadas
para a execução do impossibilitam
“Programa de Salva-
ção de Estradas”, que visa recu- escoamento
perar 27 troços, numa extensão
de 370 quilómetros de estradas, Justino Victorino no Huambo
em todo o território nacional.
O plano, apresentado na pas- O estado de degradação em que se
sada segunda-feira, em Luanda, encontram as principais vias de
pelo Ministério da Construção acesso na comuna do Chipeio, no
e Obras Públicas, acto que ser- município da Ecunha, na provín-
viu, também, para a assinatura cia do Huambo, tem constituído
dos acordos de consignação um dos constrangimentos para o
das empreitadas, prevê num escoamento de produtos, por parte
espaço de seis meses, recupe- dos camponeses da região, para
rar e concluir as estradas em Melhorar os projectos de conservação das estradas será fundamental para a protecção dos investimentos já realizados os grandes centros comerciais.
mau estado de degradação, a O soba-geral daquela jurisdi-
nível das 18 províncias. ção, Silvestre Ventura, transmi-
Para o êxito do projecto, sob PROGRAMA DE SALVAÇÃO DE ESTRADAS tiu esta preocupação, durante
responsabilidade do Instituto um encontro que a governa-

370 km da rede viária


Nacional de Estradas de Angola dora da província, Joana Lina
(INEA) concorreram 55 empre- Cândido, manteve, recente-
sas nacionais e estrangeiras, que mente, tendo destacado que
apresentaram 447 propostas para a situação tem provocado a
a execução das empreitadas e 36 perda das colheitas.

podem ser recuperados


firmas para o segmento fiscaliza- Para ele, o Estado tem a
ção, onde concorreram 255. responsabilidade de construir
Deste número, 20 empresas ou reabilitar as estradas, por
ganharam o concurso público forma a que a população possa
para desenvolverem as emprei- tornar exequível a produção
tas e 11 irão fiscalizar o processo agrícola, permitindo o escoa-
que decorrerá em 27 troços rodo- servação da ponte sob o rio Facilitar acessos mento e comercialização dos
}

viários, numa altura em que Dande/Uíge/Negage. Em 2018, o Executivo angolano, produtos, para ajudar no cres-
as empresas já receberam um À imprensa, o ministro da através do Ministério da Cons- cimento da renda das famílias.
adiantamento de 15 por cento do Construção e Obras Públicas, a iniciativa visa trução e Obras Públicas apresen- Silvestre Ventura asse-
valor global de cada empreitada, Manuel Tavares de Almeida, tou o “Plano quinquenal de obras gura ser “impossível apos-
entre nacionais e locais. disse que o “P rog rama de acabar com os públicas 2018/2022”, que entre tar forte na agricultura sem
O objectivo da iniciativa Salvação de Estradas” é uma outras acções, prevê a constru- primeiro desenvolver os pro-
governamental é de assegu- acção que permitirá a recu- constrangimentos ção ou reabilitação de 8.183 km blemas das vias de acesso”,
rar uma circulação de pes- peração dos troços de estra- de estradas (sendo 4 mil de estra- porque, o aumento dos índices
soas e bens em condições das em estado de degradação que os utentes das primárias e 4.183 secundá- de produção depende, de certo
de conforto e segurança. acentuada e que necessitam de rias), a construção e reabilitação modo, das condições de trans-
intervenção imediata. encontram na de infra-estruturas integradas. porte dos produtos do campo
Trabalhos Sublinhou que a inicia- O grande propósito da inicia- para os principais centros
Destaca-se a manutenção e con- tiva visa acabar com os cons- utilização das tiva é restabelecer as ligações entre comerciais de consumo.
servação de 174,3 quilómetros trangimentos que os utentes as capitais provinciais e a do país
de estradas, no troço Cacuaco/ encontram na utilização das diferentes redes (Luanda), e a ligação entre sedes Escassez de fertilizantes
Bengo (Luanda/Bengo), cuja diferentes redes viárias do país. municipais e comunais, promo- No encontro, com a governa-
intervenção vai decorrer nas vias Na ocasião, apelou às empre- viárias do país vendo a construção e reabilitação dora do Huambo, foi abordada
Kifangondo/Caxito/Úcua. O pro- sas empreiteiras maior respon- das infra-estruturas rodoviárias a problemática dos fertilizan-
jecto prevê ainda a reabilitação sabilidade no cumprimento necessárias ao processo de desen- tes, e consideraram-se escassas
da ponte sob o rio Dande. do compromisso assumido volvimento socioeconómico. as quantidades que recebem,
Consta igualmente a rea- e que faça m u m t rabal ho comprometendo, assi m , o
bilitação, manutenção e con- de qualidade. * Com Agência aumento da produtividade e
resposta às necessidades da
segurança alimentar.

175 15 27 55
“A escassez de fertilizan-
tes, com destaque o adubo 12/
24/12, está a provocar a espe-
culação de preços no mercado
milhões de dólares por cento troços empresas informal desta região. O saco
É o investimento que será Valor já disponibilizado Corresponde aos eixos que São as firmas nacionais e de 50 quilogramas custa kz
aplicado pelo Executivo pelo Governo para cada serão intervencionados nos estrangeiras que ganharam 12.000, contra os sete mil, pra-
angolano para o Programa de empreitada, medida que visa o próximos seis meses, numa o concurso público para a ticados anteriormente”, apon-
Salvação das Estradas. cumprimento dos prazos. acção sob tutela do INEA. execução das empreitadas. tou Roberto Catchio, um dos
agricultores da vila da Ecunha.

lunda norte

Ravinas ameaçam circulação na Estrada Nacional 180-A


edições novembro

Armando Sapalo no Dundo sentam para a integ ridade viços Técnicos e Infra-estrutu- hidráulicas e da falta de conser-
física da Estrada Nacional 180- ras, Lino dos Santos, explicou vação e manutenção. Temos vindo
Três ravinas, uma das quais de A, o governador provincial da que além da obstrução das pas- a clamar pela brigada de conser-
proporções alarmantes, provo- Lunda Norte Ernesto Muan- sagens hidráulicas, o surgi- vação e manutenção de estra-
cada pela corrente das fortes gala deslocou-se na terça-feira mento e a progressão das ravinas, das que é da responsabilidade
chuvas que se abatem sobre às localidades do Fucauma tem a ver também com a falta do Fundo Rodoviário e Obras de
a região nos últimos meses e Cassanguidi município do de trabalhos de conservação Emergências”, declarou.
ameaçam destruir uma parte Cambulo onde, estão a surgir e manutenção das principais A empresa Omatapalo, que
considerável da estrutura do as referidas ravinas com o vias de comunicação. entre os anos 2012 e 2017 executou
pavimento da Estrada Nacio- objectivo, de serem encontra- “Essas ravinas, que estão a as obras de reabilitação e asfalta-
nal 180-A , que estabelece a das soluções para uma inter- pôr em causa a integridade física gem dos 90 km, revela que vão ser
ligação entre os municípios venção paliativa. da EN nº 180-A, são todas de ori- estudadas algumas obras para se
do Chitato e Cambulo. Em declarações à imprensa, gem hídrica. Ou seja, são resul- conseguir salvar o pavimento que
Em função do perigo repre- o vice-governador para os Ser- tado da obstrução das passagens corre o risco de “engolir” a estrada. Ravinas podem isolar muitas regiões
Sexta-feira, 21 de fevereiro de 2020
desenvolvimento 23

turismo E agricultura Transportes públicos

Cuando Cubango 21 novos autocarros melhoram


mobilidade na cidade do Lubango

quer explorar ao Estanislau Costa no Lubango

}
A entrega de 21 novos auto- O período
carros aos empresários que

máximo potencial
exploram há décadas a área experimental da
dos transportes públicos, na
última semana, no Lubango implementação
(Huíla), melhorou substan-
cialmente a circulação de do projecto
pessoas e mercadorias em
diversos pontos do casco visou a definição
urbano da urbe.
Lourenço Bule em Menongue Os transportes colecti- e avaliação

}
vos entregues pelo governa-
dos locais

O
dor provincial da Huíla, Luís
plano estratégico É necessário Nunes, possuem também con-
para o desenvolvi- dições favoráveis a mobili- das paragens,
mento da província identificar dade dos deficientes físicos
do Cuando Cubango e respectivos acessórios com mapeamento,
passa, necessaria- a linha realce para a cadeira de rodas.
mente, pela aposta de projec- A directora do gabinete pro- e definição
tos concretos nos sectores do condutora vincial dos Transportes, Tráfego
Turismo e Agricultura, tendo e Mobilidade Urbana, Gracinda dos principais
em vista o grande potencial e estratégica Gonçalves, explicou ao Jornal
que esta região tem e que pre- de Angola que a afectação dos utentes
cisa apenas de investimentos.
Antas Miguel
correcta meios à província se enquadra
Segundo o vice-governa- na materialização do projecto
Vice-governador do Cuando Cubango

52
dor do Cuando Cubango para Transporte Urbano Regular de
o sector Técnico e Infra-estru- Passageiros (TURP) em curso
turas, Antas Miguel, o governo edições novembro já a quatro meses.
local pretende numa primeira “O período experimental
fase, priorizar a potencializa- da implementação do projecto autocarros
ção dos parques nacionais de visou a definição e avalia-
Luengue-Luiana e de Mavinga, ção dos locais das paragens, Número de veículos que são
assim como os Pólos Ag ro- mapeamento, análise e defi- necessários para melhorar a
-pecuários do Vissati (Cuchi), nição dos principais utentes, mobilidade a nível de toda a
Missombo (Menongue) e Licua teste do sistema do controlo província da Huíla.
(Mavinga), para que a curto, da circulação dos autocarros
médio e longo prazo se atinja nos cincos pontos principais
os êxitos preconizados. da cidade”, disse.
“É necessário identificar a autocarros, tendo em conta a
linha condutora e estratégica Défice concentração da maior densi-
correcta para que a província Gracinda Gonçalves que consi- dade populacional da provín-
do Cuando Cubango se desen- dera o actual lote de autocar- cia da Huíla estimada em um
volva, para que todos os proble- ros ser ainda insuficiente para milhão de pessoas.
mas sociais e económicos que corresponder com a demanda, Para melhor gestão dos
afectam as populações possam informou que Lubango foi a meios que deram emprego a
ser minimizados”, disse. eleita para a fase experimen- 84 jovens, três operadoras,
Destacou que a província é tal do projecto, estando agora nomeadamente Paufil, Orcal-
bastante extensa, com cerca de em avaliação os demais muni- ves e Cooperativa dos Empresá-
200 mil quilómetros quadra- cípios para serem selecciona- rios do Sector dos Transportes
dos e tem apenas pouco mais dos mais dois. Rodoviários da Huíla (CES-
de 600 mil habitantes que Fez saber que para cobrir TRH), se encarregam de todos
vivem nos nove municípios. A região tem um vasto território que pode servir para desenvolver a agricultura as necessidades de mobilidade os serviços até amortizarem
“Para outros países 200 dos utentes, são necessários 52 os veículos ao Estado.
mil quilómetros quadrados é Estanislau Costa | Edições Novembro | Huíla
para albergar mais de três pro- Apoio aos empresários locais, para que não haja dispa-
víncias, devido a esta dimen- Por sua vez, o director do Gabi- ridade no ambiente de negócios
são e que tem uma população nete Económico e Desenvolvi- entre os cidadãos nacionais e
bastante reduzida. Razão pela mento Integrado do Cuando estrangeiros”, defendeu, para
qual, o governo local deba- Cubango, Roberto Biwango, acrescentar que é necessá-
tesse com inúmeras dificulda- garantiu que nos próximos rio alavancar o desenvolvi-
des para traçar políticas que dias, o governo local vai poten- mento económico dos nove
visam alavancar o desenvol- ciar os empresários nacio- municípios da província, com
vimento socioeconómico da nais destacados nas diversas realce para os que se encon-
região”, disse. localidades da prov í ncia , tram na orla fronteiriça com
Seg undo o gover nante, para alavancar o crescimento a Namíbia e a Zâmbia.
outra situação preocupante socioeconómico da região. Roberto Biwango disse que
é o facto de o município mais Salientou que é bastante os empresários locais serão
próximo da capital da provín- preocupante o ambiente de agrupados em associações e
cia do Cuando Cubango estar negócios a nível da província cooperativas para que este-
a 93 quilómetros e o mais dis- do Cuando Cubango, tendo jam mais organizados e bene-
tante a 700 quilómetros, onde as em vista que o sector é deno- ficiem dos apoios que serão
vias de acesso estão em estado minado por cidadãos estran- disponibilizados pelo governo
avançado de degradação. geiros. Acrescentou que nos central por via de créditos.
A ntas Miguel disse que mu nicípios do i nterior os Garantiu que para além da
por este facto urge a necessi- pequenos homens de negócios potencialização dos empresá-
dade de se traçar um plano de existentes são todos estrangei- rios locais, outra solução para o
desenvolvimento da provín- ros, situação que dificilmente desenvolvimento do sector pro-
cia do Cuando Cubango que pode estimular o crescimento dutivo dos municípios do Cuando
se ajuste a realidade actual, económico da província. Cubango passa necessariamente
para que a breve trecho os pro- “Chegou o momento do na recuperação das vias de comu-
blemas que afligem as popula- governo do Cuando Cubango nicação, para maior e melhor cir- O Governo tem estado a distribuir autocarros para facilitar a circulação
ções possam ser minimizados. potencia r os empresá rios culação de pessoas e bens.
24 publicidade Economia & Finanças

(5000224)
Sexta-feira, 21 de fevereiro de 2020
publicidade 25

(5000087 B)
26
África
dr Economia & Finanças

Transporte aéreo dá força ao PIB excessivo do combustível de avião.


Estas condições, deplora-se,
têm um impacto negativo sobre
Usd 50 biliões é a contribuição do sector a capacidade das companhias
ao Produto Interno Bruto do continente aéreas africanas a aumentar na
sua marca e oferecer tarifas com-
petitivas aos passageiros para
aumentar o seu tráfico.
Para esse respeito, a integra- Axel Van Trotsenburg, do BM
ção regional é indispensável para
desbloquear a notável oportuni-
dade de crescimento de África.
G5 Sahel E BM
ESTREITAM
Acordo de livre-troca
O Mercado Único do Transporte
PARCERIA
Aéreo em África (SA ATM), o O director-geral das operações
acordo de livre-troca conti- do Banco Mundial (BM), Axel
nental africano (ACFTA) e o Van Trotsengburg, está a efectuar
protocolo relativo à livre circu- de 16 a 25 de Fevereiro de 2020,
lação das pessoas e bens cons- uma visita oficial a alguns países
tituem projectos essenciais que do Sahel, nomeadamente o
deveriam melhorar a conecti- Mali, o Burkina Faso, o Níger e

O
vidade intra-africana e facili- a Mauritânia onde participará
tar as viagens, o comércio, o na cimeira do G5 Sahel

6,2
transporte aéreo uma expansão das linhas aéreas turismo, os negócios e o desen- em Nouakchott, indica um
em África con- africanas, sublinha a Afraa, volvimento socioeconómico comunicado.
tribui com mais revelando que “a associação é sobre o continente, referiu-se. A nota diz que o BM está
de 50 biliões de testemunho do renascimento A Afraa, que compreende todos muito empenhado na região
dólares ameri- do mercado do transporte aéreo milhões de EMPREGOS os grandes operadores intercon- do Sahel com uma abordagem
canos ao Pro- na África Ocidental, ilustrado Corresponde aos postos de tinentais africanos represen- integrada no quadro da Aliança
duto Inter no pelo renascimento de transpor- trabalho criados a nível de todas tando mais de 85 por cento do Sahel cuja ambição é apoiar
Bruto (PIB), indica a Associa- tadoras desaparecidas e pelo as companhias aéreas africanas. tráfico internacional total, conti- financeiramente e coordenar os
ção das Companhias Aéreas desdobramento de planos de nua a lançar iniciativas visando esforços de desenvolvimento e
Africanas (AFRAA). expansão ambiciosa”. Trata-se, entre outras, das enfrentar os níveis de segurança, de estabilização dos países do G5
“O transporte aéreo em África À margem da sua participa- taxas e direitos elevados impostos reforçar a cooperação entre as Sahel. Com um financiamento
apoia actualmente seis milhões e ção na terceira reunião sobre a pelos Governos, a fraca conectivi- companhias aéreas africanas. de 6,7 biliões de dólares de um
200 mil empregos, contribui para operacionalização do Mercado dade intra-africana e restrições Prevê ainda resolver o pro- total de 11 biliões esperados, o
55 biliões e 800 milhões de dóla- Único do Transporte Aéreo de acesso ao mercado, fundos blema dos elementos que afec- Grupo BM é o maior contribuinte
res para o PIB e deverá aumentar em África (SA ATM), organi- bloqueados nalguns Estados tam os custos das companhias à Aliança Sahel. Axel Van
numa taxa anual de 4,6 por cento zada recentemente em Dakar, que são os rendimentos de ven- aéreas, nomeadamente as taxas Trotsenburg manterá igualmente
durante os 20 próximos anos”, o secretário-geral da Afraa, das produzidos por uma compa- e as taxas de utilização, e a velar discussões com o Chefe de
segundo o comunicado, citando Abderahmane Berthé, enume- nhia aérea nas suas operações por que haja suficientemente Estado e os membros do
o relatório 2019 da Afraa. rou os numerosos desafios com no estrangeiro e que não podem infra-estruturas e pessoal quali- Governo, antes de se reunir com
Este crescimento do tráfico os quais estão confrontados as ser transferidos por uma razão ficado para apoiar o crescimento jovens empreendedores.
acompanha-se cada vez mais por companhias aéreas africanas. qualquer, bem como do preço do tráfico no continente.

Publicidade

(700017)
Sexta-feira, 21 de fevereiro de 2020
mundo 27

OCDE alerta pela qualidade Recados


doBrasil

das obrigações em 2019 A marcha até


Novembro

A
dr

Organização de Coo- Paulo Alencar *


peração e Desenvol- Jornalista e consultor na área de Comunicação
vimento Económico
(OCDE) alertou na Livre da guilhotina do impeach- apontará o caminho da desistên-
passada terça-feira, ment, o presidente dos Estados cia. A grande expectativa é a pre-
para a “degradação” da quali- Unidos, Donald Trump, espera, sença de Bloomberg, que possui
dade das obrigações emitidas sem esconder um certo ar de um invejável fôlego financeiro e
em 2019 e chamou a atenção enfado, a definição de quem será um tom de moderação que agrada
para a maior probabilidade o seu oponente nas eleições de 3 os dirigentes do partido.
de um default teria num con- de Novembro deste ano. Não é fácil uma eleição na qual
texto de arrefecimento eco- Até agora, um punhado de se desafia o presidente incum-
nómico, numa altura em que pré-candidatos tenta conquistar bente. Se a economia vai bem,
o valor deste tipo de financia- a indicação do Partido Democrata se não existe um revés no front
mento empresarial aumentou para tentar barrar a reeleição externo, se não há escândalos
no ano passado. de Trump. A lista já teve mais capazes de abalar a confiança no
Segundo o estudo “OECD de vinte nomes e muitos desis- presidente em funções, a reelei-
Corporate Bond Market Trends, tiram, por falta de apoio ou de ção é quase uma garantia.
Emerging Risks and Monetary fundos, antes mesmo de ter sido Há quem imagine que um
Policy”, divulgado esta terça- iniciado o complexo processo de candidato moderado - Biden ou
-feira, a nível mundial, as empre- escolha das primárias. Bloomberg, por exemplo - teria
sas do sector-não financeiro Realizados até ao momento mais oportunidades de enfren-
levantaram dívida, no valor de o caucus (assembleia de eleito- tar Trump na votação popular
2,1 biliões de dólares, através da res) de Iowa e a primária de New e no colégio eleitoral. Isto por-
emissão de obrigações, o valor Hampshire, em Fevereiro, a nomi- que encontraria mais facilidade
mais elevado desde 2016 e o dobro nata dos democratas mostra que para atrair eleitores indecisos
da média anual que se registou Para a OCDE, a emissão de obrigações deve-se às políticas dos bancos centrais a dianteira está sendo dividida ou aqueles que se encontram nos
entre 2000 e 2007. entre o senador por Vermont swing states, onde não há pre-
Em Dezembro de 2019, as Bernie Sanders, de 78 anos, que dominância clara entre demo-

2,1 525
empresas não-financeiras, disputou a indicação presiden- cratas e republicanos.
a nível mundial, tinham por cial contra Hillary Clinton, em Em 22 pleitos presidenciais
pagar 13,5 biliões de dólares, 2016, o até então desconhecido desde 1932, quando o então presi-
o que constitui “um máximo bilhões de dólares milhões obrigações Pete Buttigieg, 38 anos, ex-pre- dente republicano Herbert Hoover
histórico”, disse a organização. feito da cidade de South Bend, perdeu a eleição para o democrata
Para a OCDE, o aumento da Corresponde a dívida São as emissões emitidas em Indiana. Ambos têm em Franklin Delano Roosevelt, em
emissão de obrigações deveu- levantada pelas empresas do pelas empresas a nível comum o facto de estarem longe 15 delas a disputa ocorreu entre
-se à “reintrodução ou ajusta- sector não financeiro registada mundial durante o exercício de ostentar bandeiras modera- um presidente incumbente e um
mento das políticas monetárias em 2019. do ano passado. das e de não contar com a pre- desafiante. Dessas, o incumbente
acomodatícias” dos bancos cen- ferência da cúpula partidária. só perdeu em três oportunidades
trais no início de 2019. Nomes mais conhecidos do elei- nesses 88 anos.
A organização alertou para torado como Joe Biden, 77 anos, A primeira delas foi em 1976,
a degradação da qualidade das mento económico serão mais pro- dívida tinha a notação ‘BBB’. ex-vice-presidente durante os dois quando o presidente Gerald Ford,
obrigações. váveis por comparação com outros Segundo o estudo “OECD mandatos de Barack Obama, e a republicano, foi derrotado pelo
“Desde 2010, cerca de 20% do ciclos económicos”, lê-se. Corporate Bond Market Trends, senadora Elizabeth Warren, 70 governador da Geórgia, Jimmy
valor total de todas as emissões Emerging R isks and Mone- anos, do Massachussets, obtive- Carter. A repercussão do escân-
de obrigações tem tido a notação Proporção de obrigações tar y Policy”, div ulgado na ram um desempenho pífiono teste dalo Watergate havia provocado,
de não-investimento e, em 2019, a A OCDE sinalizou ainda que a passada terça-feira, “este é inicial de Fevereiro. dois anos antes, a renúncia do pre-
proporção alcançou os 25%”, lê-se. proporção de obrigações com o período mais longo desde Completam a lista de postulan- sidente Richard Nixon, de quem
Em 2019, 525 milhões das obriga- rating ‘BBB’ – o último pata- 1980 que a proporção de emis- tes democratas a senadora Amy Ford fora vice-presidente, e tem
ções emitida estavam abaixo do mar do grau de investimento sões de obrigações com a nota- Klobuchar, de 59 anos, do Min- sido apontada como a causa da
nível de investimento. – constituiu “51% de todas as ção de não-investimento se nesota, e, correndo por fora como derrota do candidato incumbente.
“Este é o período mais longo emissões de obrigações” no manteve tão elevada, indi- independente, o ex-prefeito de A segunda vez aconteceu na
desde 1980 que a proporção de ano passado, ou seja, 1.071 mil cando que os ‘defaults’ num Nova Iorque, o bilionário Michael eleição seguinte, em 1980, quando
emissões de obrigações com a nota- milhões de dólares. A proporção futuro de arrefecimento eco- Bloomberg, de 78 anos, que já foi o presidente Carter perdeu a dis-
ção de não-investimento se man- compara com o período decor- nómico serão mais prováveis filiado ao Partido Republicano. puta para o ex-governador da
teve tão elevada, indicando que os rido entre 2000 e 2007 em que por comparação com outros Um outro bilionário, o investi- Califórnia Ronald Reagan, do
defaults num futuro de arrefeci- 39% desde tipo de emissão de ciclos económicos”. dor e filantropo Tom Steyer, de Partido Republicano. A terceira
62 anos, também disputa a indi- ocorreu em 1992: o governador
cação democrata. do Arkansas Bill Clinton, demo-
dr As primárias da Super Terça- crata, venceu a disputa contra o
Turismo em empregadas, o investimento -feira, 3 de Março,em 14 Estados, presidente George Bush, o pai,
privado, a procura interna e a entre eles os populosos Califórnia do Partido Republicano.
portugal com carga fiscal são os indicadores e Texas, será o grande teste. Antes Nesses dois últimos casos, o
que deverão registar melhor disso, haverá o caucus de Nevada fraco desempenho da economia
bom desempenho desempenho. e as primárias na Carolina do Sul, tem sido a justificativa princi-
O turismo em Portugal deverá Já no que se refere ao ainda este mês. Quem não conse- pal para as derrotas dos presi-
crescer ou manter-se, este desempenho do turismo nacional guir um bom resultado, traduzido dentes no exercício do mandato.
ano, nos níveis alcançados em em 2019, face ao investimento em número de delegados à Conven- No fim da década de 1970, a
2019, sendo que, nos próximos realizado na promoção ção Democrata de 13 a16 de Julho, crise do petróleo pôs em risco
seis meses, a carga fiscal, interna, 73% dos inquiridos em Milwaukee (Wisconsin), deverá o abastecimento nos Estados
investimento privado e emprego consideraram que “correspondeu ficar pelo caminho. Ao todo, são Unidos e provocou uma alta na
são os indicadores que devem às expectativas, tendo estas sido necessários 1.991 delegados para taxa de inflação, castigando o
registar melhor desempenho. superadas na opinião de 11%”. obter a indicação presidencial. desempenho eleitoral do presi-
Do total de respostas obtidas, O desempenho face ao A corrida ainda está no iní- dente Carter. Já no início dos
no âmbito deste estudo do investimento em promoção cio e Buttigrieg soma 23 delega- anos 1990, os juros altos e o
Instituto de Planeamento e externa, por seu turno, foi dos, conquistados em Iowa e New desemprego elevado contri-
Desenvolvimento do Turismo considerado por 76% dos Hampshire. Sanders, que se define buíram para a derrota do pre-
(IPDT), 41% dos inquiridos inquiridos como “dentro das como um socialista democrata, sidente Bush sénior.
esperam que o turismo nacional, expectativas” e por 17% como obteve 21 delegados. Warren tota- Agora, a economia ameri-
este ano, tenha resultados globais “acima das expectativas”. liza oito delegados; Klobuchar, cana está bem embalada e a pleno
“idênticos aos obtidos em 2019”. Neste barómetro foi ainda sete; e Biden, apenas seis. emprego, o que aumenta as possi-
Os resultados indicam ainda analisado o estágio de adopção Biden e Warren decepciona- bilidades de reeleição de Trump.
que, nos próximos seis de práticas de sustentabilidade ram no teste inicial. Um fraco
meses, o número de pessoas por parte das empresas do sector. A região da Madeira é muito concorrida desempenho na SuperTerça-feira * Em Tucson, Arizona (EUA)
(400.030e)
28
Gestão
Economia & Finanças

Vantagens na regulação
das propinas escolares
Conjuntura sócio-financeira levou o Estado angolano a não avançar para subidas acima dos 13 por cento
para não levar a que as instituições do ensino privado e os encarregados de educação sentissem os efeitos

E
}
Encarregados O mesmo ponto de vista é defen- dr

de educação e dido pelos encarregados Onésimo


pais manifes- os encarregados Paulo e Caetano Júnior por verem
taram, ontem os valores das propinas ajustados
qu i nta-fei ra , de educação de acordo com as suas pretensões
em Luanda, e abaixo dos 13 por cento.
satisfação pela apontam
regulação dos preços das pro- ANEP concorda com valores
pinas do ensino privado em para O presidente da Associação Nacio-
Angola, tendo em conta a actual nal do Ensino Privado (ANEP),
conjuntura sócio financeira. a necessidade António Pacavira, considerou
Reagindo a subida do preço acertada a medida do Executivo,
das propinas no ensino superior de o executivo por manter o equilíbrio entre as
determinado pelo Governo em 13 instituições e consequentemente
por cento em relação aos valores determinar melhorar a qualidade de ensino.
cobrados no ano lectivo anterior, Para si, trata-se de um ins-
os encarregados de educação avan- o preço trutivo que a partir de agora da
çam que tal medida vai impedir suporte a Lei 206/011, para regu-
com que as instituições do ensino de acordo lar os preços praticados pelos
privado ajam de acordo com os colégios privados.
interesses dos seus proprietários, com “Apenas quatro colégios, dos
como forma de atingir objectivos
económicos sem olhar a meios. a classificação
inscritos, tinham propostas que
ultrapassavam os 13 por cento”, fez Comportamento
ético nas empresas
Apesar desta determinação, saber, daí a concordância.
os encarregados de educação O Executivo decretou, por
apontam para a necessidade de meio de um instrutivo, o aumento
o Executivo determinar a pro- cia pelo lucro fácil. de 13 por cento do valor das pro-
pina de acordo com a classifi- A encarregada, que diz pagar, pinas e dos emolumentos das Agir correctamente hoje não é viver as glórias ou os fracassos
cação da instituição (A, B e C) actualmente, pelos filhos da ini- instituições do ensino privado. só uma questão de consciência. da organização. Quanto mais
atribuída por altura do processo ciação e da 6 ª classe os valores A medida, que passa a vigorar É um dos quesitos fundamen- uma organização se destaca no
de legalização.Avançam que para de 23 e 25 mil kwanzas mês, res- neste ano lectivo, após a publi- tais para quem quer ter uma mercado, mais se deve preocupar
melhor eficácia da medida, os pectivamente, manifesta, mesmo cação em Diário da República, carreira longa e respeitada. com as relações éticas. Errar é
preços globais deviam ser regu- assim, satisfação pelo facto de não abrange as instituições priva- Em escolhas aparentemente humano, mas falhas éticas des-
lados também pelo Ministério ter registado uma subida acen- das de ensino de base, geral, simples, muitas carreiras bri- troem carreiras e organizações.
das Finanças e não apenas a tuada como poderia ocorrer caso médio e superior. lhantes podem ser jogadas fora. Para saber se uma empresa é
percentagem das alterações. não houvesse o controlo. Era tudo uma questão de Actualmente, mais do que ou não ética é preciso verificar
De acordo com o Ministério Já Josina Gomes considerou tempo, quando há semanas, o nunca, a atitude dos profissio- a maneira como ela se planeia
das Finanças, a percentagem defi- a medida de regulação positiva, Executivo tinha decidido que o nais em relação às questões éti- e cria soluções para evitar des-
nida tem como variáveis de base embora reconheça que ser difícil valor das propinas nas institui- cas pode ser a diferença entre o lizes e problemas. A prevenção
a inflação dos anos precedentes se uniformizar os preços. ções de ensino privado devia de seu sucesso e o seu fracasso. Basta é a palavra de ordem em qual-
e actual, bem como o peso dos Para ela, o ideal seria o esta- manter, provisoriamente, inalte- um deslize. A imagem do profis- quer organização que valorize
serviços de educação e ensino no belecimento de um preço único rado, de acordo com uma nota, o sional ganha no mercado a man- a ética nos seus negócios e no
Índice de Preços do Consumidor em todas as instituições, sendo Ministério das Finanças, em que a cha vermelha da desconfiança. ambiente de trabalho.
Nacional, que é de 5,8 por cento. apenas diferenciadas pelo nível medida vigoraria até a aprovação Ser ético é uma característica Ética gera questões extrema-
Edna Diógenes afirma que a de ensino ou pelo escalão que é e promulgação do diploma com o fundamental. Cada vez mais as mente delicadas e, na maioria das
regulação estabelecida é positiva, atribuído na altura da legaliza- regulamento das propinas e emo- organizações estão a adoptar o vezes, de foro íntimo. Não existe
por pôr fim a ganância e a apetên- ção das instituições. lumentos, ainda em discussão. hábito de checar o passado dos uma receita universal, pronta e
candidatos a alguma vaga. Quem completamente eficaz para resol-
dr
tem a ficha limpa sempre terá ver essas questões. A decisão sem-
as portas abertas nas melhores pre varia de pessoa para pessoa,
empresas do mercado. de consciência para consciência.
Ser ético nada mais é do que Cada um tem os seus limites,
agir direito, proceder bem, sem pre- impostos pelas suas crenças e
judicar os outros. É ser altruísta, é pelas leis, e deve seguí-los.
estar tranqüilo com a consciência Eis algumas estratégias pes-
pessoal. É também agir de acordo soais a adoptar: Não faça nada que
com os valores morais de uma não possa assumir em público.
determinada sociedade. Avalie detalhadamente os valo-
Qualquer decisão ética tem por res da sua empresa. Certifique-
trás um conjunto de valores fun- -se de eles combinam com os seus.
damentais. Entre eles: ser honesto Trabalhe sempre com base
em qualquer situação, ter cora- em factos. Não julgue baseando-
gem para assumir decisões, ser -se em suposições. Avalie os ris-
tolerante e flexível, ser íntegro, cos de cada decisão que tomar.
educado, fiel, humilde e prudente. Meça, cuidadosamente, as con-
As empresas não são apenas sequências do seu acto em rela-
entidades jurídicas, elas são for- ção a todos os envolvidos.
madas por pessoas e só existem Uma empresa ética exige não
por causa delas. Por trás de qual- apenas produtos e serviços de qua-
quer decisão, de qualquer erro lidade, mas também de conteúdo
ou imprudência, estão seres de ético: recolher impostos, remune-
carne e osso. E são eles que vão rar dignamente e outros elementos.
Subida desregulada do preço das propinas nas instituições do ensino privado foi considerada ilegal e injusta por alunos
Sexta-feira, 21 de fevereiro de 2020
gestão 29

dr

Principais tendências
para empresas do futuro
A autonomia sobre a jornada de trabalho e a remuneração
são variáveis importantes para manter o ritmo laboral normal

A
dr

s demandas e, prin-
cipalmente, se ade-
quar às tendências
para empresas do
futuro são exigên-
cias fundamentais para organi-
zações que desejam prosperar e
se destacar no mercado. A seguir,
Ministra da Educação, Ana Paula Elias, apontou a estratégia a seguir este ano separamos nove tendências para
o futuro que a sua empresa deve
ficar atenta:
Capacitação ser também necessária a forma-
ção dos gestores escolares.
1. Liberdade e qualidade de
vida.Entre as tendências para
de professores Das inquietações levantadas
no encontro, presenciado pela
empresas do futuro, podemos
destacar a preocupação e um
eleva qualidade vice-governadora do Cuanza
Norte para o sector Político,
olhar mais aprofundado para
melhorar a qualidade de vida
do ensino Social e Económico, Leonor Gari-
baldi de Lima e Cruz, destaca-se
dos colaboradores;
2. Autonomia sobre a jornada
A ministra da Educação, Ana a insuficiência de salas de aula de trabalho. A flexibilização na
Paula Elias, apontou esta e de professores, assim como o jornada de trabalho, antes um Investimento em tecnologia é assertivo para organizações em grande risco
semana, em Ndalatando, Cuanza número excessivo de alunos em raro privilégio, é cada vez mais
Norte, a aposta na formação salas de aula. comum e esperada. A tendência
dos professores como factor A falta de laboratórios, biblio- para o futuro é que grande parte significa que é muito possível que, de trabalho pode causar grande
fundamental para elevar a tecas nas escolas, sobretudo do II das empresas adotem este modelo, no futuro, seja possível trabalhar impacto positivo na rotina e pro-
qualidade do ensino no país. ciclo e de estímulo aos professores permitindo que os colaborado- de qualquer lugar, com profissio- dutividade profissional;
A governante, que falava num que trabalham em zonas isoladas res estabeleçam seus horários nais alocados em diferentes países; 8. Acompanhamento das prin-
encontro de auscultação da classe consta, igualmente, das preocupa- de trabalho, desde que cumpram 5. Investimento em tecnolo- cipais discussões ambientais.
docente da região, além da forma- ções apresentadas pelos docentes, o mínimo exigido pela empresa; gia e armazenamento em nuvem. Com o aumento da discussão
ção técnico-profissional, defen- que defenderam ainda o fim do uso 3. Remuneração variável. O investimento em tecnologia sobre as actividades económi-
deu a contínua capacitação dos do giz como meio de ensino nas Como consequência da tendência ajuda a tornar os processos mais cas das empresas e os impactos
professores. escolas, devido aos problemas de anterior, é possível que a remune- ágeis, escaláveis e eficientes, além ambientais e sociais por elas cau-
Sublinhou que o país precisa saúde que provoca. ração passe a ocorrer de acordo de mais colaborativos, ajudando sadas, as organizações estão a
de ter um sistema de ensino que Já a vice-governadora do com a produção e os resultados de na redução de custos. buscar um equilíbrio entre eco-
aposte progressivamente na qua- Cuanza Norte para o sector polí- cada colaborador. Para ter a esse 6. Maior importância aos nomia e meio ambiente;
lidade dos alunos e dos professo- tico, social e Económico lembrou controlo, essa liberdade deve ser eventos internos - Um dos gran- 9. Expansão e adoção de big
res, o que passa por investimentos que a educação é a chave para o acompanhada de mais monitora- des factores que desencadeiam data.Hoje, com o advento da inter-
nas escolas nacionais. desenvolvimento sustentável de mento e vigilância em tempo real; a baixa produtividade, a falta net, a sociedade é capaz de produ-
Para a governante, a formação uma sociedade, apelando aos pro- 4. Trabalho de qualquer lugar de engajamento e motivação, zir um volume maior de dados por
dos docentes, aliada à melhoria fessores para desempenharem a do mundo. Com maior flexibili- é uma cultura organizacional dia do que em séculos. E, de publi-
das condições de trabalho, afi- sua actividade com zelo, dedica- zação do horário e ambiente de defasada ou inexistente; cações nas redes sociais a movi-
gura-se como indispensavel à ção e abnegação. trabalho, a tendência é que mui- 7. Benefícios focados no bem mentações financeiras, essas
elevação da qualidade de ensino. O sector da Educação no Cuanza tas empresas ofereçam a opção estar financeiro. Assumir as rédeas informações geradas são de grande
Para além dos professores e dos Norte controla quatro mil e 919 pro- de trabalho em home office. Isso de condições alheias ao ambiente importância para as empresas.
alunos, Ana Paula Elias entende fessores de 411 escolas.

Visa autoriza emissão


dr

comprar itens do dia-a-dia, inde-


pendentemente de o próprio
comerciante aceitar criptomoeda.
de cartões em bitcoin Gerido pela subsidiária da Coin-
base no Reino Unido, com sede
em Dublin, o cartão que automa-
}

A gigante dos cartões de crédito tiza a conversão de criptomoeda


Visa ofereceu seu principal member- em qualquer moeda que o comer-
ship a uma empresa de criptomoeda A gestão deste ciante aceite estará disponível em
pela primeira vez. Oficialmente 29 países quando for lançado pela
concedida à Coinbase em troca de processo será primeira vez no final deste ano,
criptomoedas em dezembro, mas incluindo Dinamarca, Estônia,
não revelada ao público até hoje, a todo feito por uma França, Alemanha , Irlanda, Itá-
associação corta um intermediá- lia, Holanda, Noruega, Portugal,
rio crucial e caro do processo de subsidiária baseada Espanha, Suécia e Reino Unido.
emissão de um cartão de débito Simplificando ainda mais o
que permite aos usuários gastar no reino unido, processo de realmente gastar crip-
seu próprio bitcoin, ether e XRP tomoedas, as nove criptomoedas
em qualquer lugar que aceite Visa. autoriza conversão disponíveis no cartão, incluindo
Talvez ainda mais importante, Aos poucos as criptomoedas vão tomando conta de muitas empresas que litecoin, bitcoin cash, BAT do
ser membro principal faz da Coin- das moedas agora preferem o uso de moedas electrónicas do que dinheiro convencional Brave, REP de Augur, ZRX de 0x e
base a primeira empresa de crip- ZRX de 0x e lúmen de Stellar, pro-
tomoedas com o poder de emitir vavelmente não estarão sujeitas a
cartões de débito para outras pes- que a própria empresa não aceitará ciação principal marca um novo processo de gasto em criptomoeda impostos pesados sobre ganhos de
soas, incluindo outras empresas criptomoeda quando o projecto for fluxo de receita potencialmente em qualquer lugar que aceite capital no ponto de venda. Ao con-
de criptomoeda e companhias lançado no final deste ano. importante para a empresa, que, Visa, o acordo também estabe- trário dos EUA, a UE não exige que
mais tradicionais. A Visa confir- Embora a Coinbase diga que não segundo a Forbes, teve um declí- lece as bases para uma potencial os compradores paguem impostos
mou que concedeu à Coinbase a planea emitir cartões para outras nio de 40 por cento nos ganhos explosão de bitcoin, ether, XRP adicionais sobre a diferença de
associação principal, esclarecendo pessoas tão cedo, o status de asso- no ano passado. Ao simplificar o e outros, como uma maneira de preço com base em criptomoeda.
30
lazer
Economia & Finanças

alto luxo

Superiate sustentável movido


a hidrogénio de Bill Gates
O
co-fundadordaMicro- Architects superyacht pode mudar ção quando foi apresentado no truído antes. tecnologia de ponta para combinar
soft, Bill Gates, ofe- os preceitos dos superiates –ainda mais recente Monaco Yacht Show. No entanto, parece que o desig- isso em um superiate de 114 metros
receu mais de 600 que Bill Gates não esteja conectado Mas os requisitos para projectar ner Sander Sinot encontrou uma com um sistema totalmente ope-
milhões de dólares directamente ao projecto, como essa embarcação com conceito luz no fim do túnel. “Em todo pro- racional de hidrogénio líquido e
para construir um representantes da Sinot Yacht de “o céu é o limite” são, na reali- jecto, desafio minha equipa e eu a célula de combustível que apre-
superiate conceito movido a hidro- Architecture & Design disseram. dade, o de menos se comparados à nos superarmos”, explica ele. “Para senta inovações tecnológicas,
génio de cerca de 114 metros de O superiate movido a hidro- importância de encontrar um mega- o desenvolvimento do AQUA, ins- além de design e estética.
comprimento. O projecto, condu- génio líquido com 114 metros bilionário pioneiro que tem visão, piramo-nos no estilo de vida de um De acordo com relatórios, a
zido pela Sinot Yacht Architec- de comprimento, baptizado de paixão, experiência, coragem para proprietário exigente e prospectivo, energia do Aqua é alimentada
ture & Design e pela Lateral Naval Aqua, claro, recebeu muita aten- investir em algo que nunca foi cons- na versatilidade fluída da água e na por hidrogénio liquefeito.

custou 165 milhões de dólares inovação


Jeff Bezos compra Novo iPhone revela
histórica propriedade impressionante
decisão operacional
em Beverly Hills da Apple

Os planos de 2020 da Apple para notícias decepcionantes sobre


o iPhone 12 já estão causando os planos da Apple para a tec-
rebuliço por suas funcionali- nologia 5G do iPhone 12. Uma
O CEO da Amazon, Jeff Bezos, que priedade de Bel-Air usada como a Com 3,6 hectares, a nova pro- dades e design. Entretanto, as reportagem do site “9to5Mac”
acumulou uma extensa colecção casa de Clampett no programa de priedade de Beverly Hills também últimas notícias revelaram uma diz que a companhia descartou
de casas nos Estados Unidos, adi- televisão “The Beverly Hillbillies” é conhecida como a Jack Warner decisão radical, arriscada, mas seus ambiciosos planos para
cionou outra propriedade ao seu (“A Família Buscapé”, no Brasil). Estate, uma vez que foi projectada provavelmente brilhante. incluir até seis amplificado-
portfólio imobiliário. Bezos e a sua namorada, Lau- na década de 1930 para Jack War- Segundo a publicação espe- res de potência para redes 5G.
O homem mais rico do mundo, ren Sanchez, fizeram uma espécie ner, o ex-presidente da gigante do cializada “Fast Company”, a Segundo Kuo, isso foi reduzido
com património de 131 bilhões de tour pelas mansões mais caras entretenimento Warner Bros. Uma gigante decidiu retirar a princi- para apenas um ou dois ampli-
de dólares, pagou 165 milhões de Beverly Hills e Bel Air, que estão reportagem de 1992 da “Archi- pal tecnologia 5G do iPhone 12 e ficadores, o que significa o fim
de dólares, pela residência em nos enclaves mais prestigiados da tectural Digest” sobre a proprie- começar de novo. O site informou do suporte a uplink 2×2 MIMO
Beverly Hills do magnata da mídia região de Los Angeles. dade afirmava: “Poucas casas de que a Apple se recusou a proje- e um desempenho mais lento
David Geffen, estabelecendo um Segundo o “Realtor.com”, o Beverly Hills fazem frente a sua tar o módulo de antena 5G for- da tecnologia 5G.
novo recorde para uma casa na império imobiliário do magnata propriedade da Warner. necido pela Qualcomm por ser A Apple aposta que os compra-
região de Los Angeles, segundo já é bastante extenso, com vários A sua mansão em estilo geor- muito volumoso para o “design dores não notarão a diferença,
o “Wall Street Journal”. condomínios adjacentes que ofere- giano de 1.263 metros quadrados, industrial elegante que ela pla- uma vez que a implementação
O maior valor para uma resi- cem vista para o Central Park, em com amplos terraços e jardins, as neia para o novo aparelho”. E básica do 5G em smartphones
dência na cidade até então tinha Nova Iorque, uma propriedade de duas casas de hóspedes, berçário, disse que a Apple pretendia cons- pode resultar em aumentos expo-
sido pago pelo executivo de mídia quase 12.140 hectares em Medina, três estufas, quadra de ténis, pis- truir uma alternativa do zero. nenciais de velocidade em rela-
Lachlan Murdoch, filho de Rupert Washington, um enorme rancho cina, campo de golfe de nove bura- Alguns dias depois, o acla- ção ao 4G. E, por mais triste que
Murdoch, no final do ano passado: no oeste do Texas e duas proprie- cos e garagem completa com oficina mado especialista da indústria isso pareça na teoria, a Apple
150 milhões de dólares pela pro- dades em Washington, D.C.. mecânica e bombas de gasolina. Ming-Chi Kuo revelou algumas provavelmente está certa.
Sexta-feira, 21 de fevereiro de 2020
lazer 31

Flash

Mais poderosa

Greta Thunberg
Escritor pepetela
Vence Casino da Póvoa 2020
O escritor angolano Pepetela
entra para
a lista Forbes
venceu, esta semana, o
Prémio Literário Casino
da Póvoa 2020, com o livro
“Sua Excelência de Corpo
Presente”, lançado em 2018. Hoje com 16 anos de idade a jovem realiza
mais de dois mil e 500 eventos em mais de 160
países do mundo e não utiliza o transporte
aéreo, apenas o carro, barco e comboios

}
Greta Thunberg não é quem se espe- mou a atenção internacional com passou a usar o comboio e, para
rava na lista Forbes das Mulheres seu discurso numa conferência da atravessar o Oceano Atlântico no
Ciclo de cinema Mais Poderosas do Mundo. Ela não ONU para mudança climática. o poder em outono, o navio. Especialistas em
Acontece em Luanda é uma activista política eleita, como “Você diz que ama os seus filhos aviação começaram a citar “o efeito
Um ciclo de cinema, com a chanceler alemã Angela Merkel. acima de tudo, e ainda assim está particular pertence Greta” quando tentavam explicar
filmes africanos e de outros Ela não é uma CEO ou fundadora a roubar o futuro deles diante dos o ligeiro declínio de passageiros
continentes, realiza-se, de de uma empresa, como Susan e seus próprios olhos”, disse. ” Viemos aos jovens, de das companhias aéreas.
19 do corrente mês a 4 de Anne Wojcicki. E nem é uma inte- aqui para que saiba que a mudança Todos os anos, a lista Forbes
Março deste ano, na capital grante de uma das listas das mais está a chegar, quer goste ou não. O modo que muitos das 100 Mulheres Mais Podero-
em Luanda. ricas, como Oprah Winfrey, na For- poder de verdade pertence ao povo”. sas do Mundo prioriza nomes que
bes 400, ou a estrela Taylor Swift. O poder, em particular, pertence deles se engajam têm bom fluxo de receita, um pro-
O que Greta é: influente de aos jovens, de modo que muitos duto interno bruto ou activos sob
uma forma que pessoas que pos- deles se engajaram com as pala- e se revêm nas a sua administração. A metodolo-
suem três ou quatro vezes a sua vras de Greta. Em 20 de setem- gia considera a população liderada
idade não são. bro de 2019, estudantes no mundo palavras de greta, por uma mulher ou o total de fun-
Hoje com 16 anos, ela come- todo encenaram o maior protesto cionários globais. Greta não tem
çou a ser manchete na Suécia, o de mudança climática na história, neste momento nenhuma dessas coisas, mas pos-
seu país de origem, quando, em com cerca de quatro milhões de sui a sua voz. E essa voz a ajudou a
agosto de 2018, começou a boico- pessoas participando de dois mil é a jovem mais dominar o terceiro e último pedaço
Músico Jorge Neto tar a escola às sextas-feiras para e 500 eventos em mais de 160 paí- da nossa metodologia: menções na
Deixa o mundo dos vivos ir à porta do Parlamento segurar ses em todos os sete continentes. poderosa mídia. Neste ano, Greta foi tema de
O cantor cabo-verdiano uma placa com os dizeres “skols- E depois de evitar viagens aéreas mais reportagens na imprensa do
morreu ontem, no hospital trejk för klimatet”, ou “greve escolar por conta dos seus efeitos sobre o do mundo que todas as outras, com excepção
Egas Moniz, em Lisboa, aos pelo clima”. Tempos depois, ela cha- meio ambiente, na Europa, Greta da chanceler alemã Angela Merkel.
54 anos. Jorge Neto tinha
sofrido um AVC no dia 30 de
Dezembro de 2019.
DR

tecnologia um deve dar o seu contributo para o


engrandecimento do bem comum.
Polestar “A obra é um apelo e também
uma chamada de atenção do actual
lança momento que o país está a atra-
novos
vessar, a maneira que o cidadão
comum deve encarar o actual pro-
carros
cesso de mudança que decorre na
cantor kueno ayonda sociedade angolana”, esclareceu.
Morte do artista
enluta a classe eléctricos Segundo o autor, o livro será
apresentado no âmbito do 21º
O músico Kueno Ayonda
morreu, nesta quarta-feira, com Festival da Corrente Escrita, que
decorre até domingo na cidade de
em Luanda, vítima de doença.
Segundo fonte hospitalar, o Android Póvoa de Varzim, norte de Portugal,
onde participa como convidado em
artista estava internado no Escritor angolano Lopito Feijó companhia de escritores de Cabo
Hospital Américo Boavida onde A Startup de veículos eléctricos, zido em pequena escala, o Polestar Verde, Moçambique e Guiné-Bissau.
recebia assistência médica, mas
não resistiu e acabou por falecer.
a Polestar revelou detalhes da
próxima geração de carros com a
2 é um fastback totalmente eléc-
trico para concorrer directamente
Lopito Feijó Com mais de cinquenta poemas,
uma tiragem de mil exemplares e
Kueno Ayonda nasceu a 29 plataforma automotiva Android com o Tesla Model 3. apresenta nova editada pela Pubricarte, “Doutrina
de Maio de 1986, em Luanda,
tendo iniciado a carreira em
Automotive. Completamente per-
sonalizável para cada motorista,
Uma das características mais
marcantes é o painel com Android obra em Portugal sem a qual nunca” vai ser apresen-
tado pelo escritor moçambicano
2002, no programa “Canta”, da o novo conceito vai muito além do Automotive. Desenhado de acordo Luís Carlos Patraquim.
Rádio Luanda. Em vida ganhou que é esperado no Polestar 2, que com o padrão de design da Poles- O livro “Doutrina sem a qual Nascido em 1963 na província
o Prémio Revelação do Top dos deverá ser o primeiro veículo com tar, a arquitectura por baixo do nunca”, do escritor angolano Lopito de Malanje, João André da Silva
Mais Queridos em 2012. Em 2004 o sistema para veículos da Google. sistema é Android, com Google Feijó, será lançado, hoje, sexta- Feijó é licenciado em Direito pela
participou no “Estrelas ao Palco”, Com apoio da Volvo e da Geely, Maps, Google Assistente para -feira na 21ª edição do Festival Universidade Agostinho Neto,
um programa realizado pela TPA. conglomerado chinês que actual- controle de voz no idioma nativo da Correntes d’Escritas de Póvoa tendo publicado várias obras e
Em 2005 e 2006 participou mente é accionista maioritário da do motorista e Google Play para de Varzim (Portugal), anunciou merecido algumas distinções
no Festival da Canção de Mercedes, proprietário da própria baixar aplicativos de terceiros. terça-feira, em Luanda, o autor. dentro e fora do país.
Luanda, mas só em 2010 foi o Volvo e de outras marcas, como a Agora, a Polestar está abrindo Em declarações à Angop no Em 1985 publicou o seu pri-
grande vencedor do concurso Lotus, a Polestar está focada no um pouco a cortina sobre o que Aeroporto Internacional 4 de Feve- meiro livro de poemas com o
e detentor doe temas como desenvolvimento de veículos eléc- poderá apresentar além disso. Pai- reiro, o escritor afirmou que a obra título “Entre o ecrã e o esperma”,
“Tu Vives em Mim”, o “postal”, tricos da mesma forma que a Tesla. nel com Android personalizado poética reflecte o princípio filosó- que fruto de grande aceitação
venceu do Festival da Canção Enquanto o seu primeiro modelo, “A Polestar continuará a usar o fico da maneira de estar dos ango- dos meios literários recebeu
de Luanda em 2010. o Polestar 1, é um cupê esportivo Android como plataforma para lanos nos dias de hoje, onde cada uma menção honrosa.
híbrido de luxo que será produ- criar experiências personalizadas.
Cartoon por aRMANDO pULULO em agenda

21 de Fevereiro
Presidente participa na cimeira de Kigali
O Chefe de Estado angolano, João Lourenço, vai participar, nesta sexta-
feira, numa Cimeira com os homólogos do Rwanda, Paul Kagame,
Uganda, Yoweri Museveni, e da República Democrática do Congo
(RDC), Felix Tshisekedi.

21 de Fevereiro
Conferência sobre os desafios das TIC em Angola
À margem do evento será lançado um livro sobre “Manual de Direitos da
Informática- Direito das Novas Tecnologias de Informação e Comunicação”
de João Francisco, às 14h00, na União dos Escritores Angolanos (UEA).

21 a 25 de Fevereiro
Festa de Carnaval em Luanda
O município de Luanda, com 28 grupos, é o mais representativo no
Carnaval Luandense, cujos desfiles acontecem a partir de sábado, 22,
na Nova Marginal. Os desfiles estão marcados para os dias 22, 23 e 24
na Nova Marginal de Luanda.

26 de Fevereiro
A Contabilização do IVA vs Apuramento do Imposto Industrial
É um evento a ser realizado pela Ordem dos Contabilistas e dos Peritos
Contabilistas de Angola (OCPCA), às 17h00, cujo orador é o director
dos Serviços do IVA da AGT, Adilson Sequeira.

EDIÇÕES NOVEMBRO

Autarquias Liberalização digital breves

têm regime Yola do Carmo Já o embaixador do Japão


em Angola, Hironori Sawada, CAÁLA
aprovado

A
considerou a migração para o Verbas condicionam o PIIM
ngola vai dar início a digital como sendo importante O administrador do município da
Responsáveis e agentes adminis- um processo de nego- nessa fase crucial, visto que Caála (Huambo), Francisco Jamba
trativos das autarquias serão res- ciação com o Japão causará um grande impacto kata, admitiu ontem que a exe-
ponsabilizados disciplinar, civil e para a disponibiliza- na economia nacional. cução das acções do Programa
criminalmente por actos de vio- ção de uma linha de O diplomata afirmou que, Integrado de Intervenção dos
lação das normas de execução crédito, a fim de se implementar o para a digitalização, é necessá- Municípios (PIIM) regista atra-
orçamental, no âmbito da Lei do projecto de televisão digital terres- rio recursos humanos treinados sos por falta de verbas.
Regime Financeiro das Autar- AN aprova lei do regime financeiro tre em toda a extensão territorial. e que o Japão veio transmitir a O acto de consignação das obras
quias aprovada hoje (quinta-feira), Sem avançar os montantes a envol- sua experiência aos técnicos de reabilitação das infra-estrutu-
em definitivo, pelo Parlamento. Para o efeito, a estampa de ver, o ministro da Comunicação angolanos. ras, inseridas neste programa,
O diploma legal, aprovado por cabimentação deverá ser prece- Social, Nuno Caldas Albino, que Por sua vez, o ministro das decorreu em Novembro de 2019,
unanimidade (148 votos a favor, dida da geração do processo patri- falava à margem de um seminá- Telecomunicações e Tecnologias depois do concurso público, para
nenhum contra e nenhuma abs- monial, para as categorias de rio sobre “Televisão Digital Terres- de Informação, José Carvalho da adjudicação das empreitadas.
tenção), resulta da fusão das pro- bens móveis (veículos), imóveis tre e Tecnologias de Transmissão Rocha, saudou o reinício dos tra-
postas do Executivo e da UNITA, nos domínios público e privado, Digital”, disse que é uma parceria balhos para a instalação da tele- PREÇOS
partido na oposição. bem como activos intangíveis. mutuamente vantajosa. visão digital 8 anos depois com a Grossistas sobem 1,72%
A Lei define, também, que a Na sua declaração de voto, O projecto de integração realização da acção de formação. A inflação, medida pelo Índice de
realização de despesas não escri- o deputado Tomás da Silva, do de analógico para o digital vai O governante disse que Preços Grossista (IPG), registou
tas no orçamento ou que excedam MPLA, felicitou os que contri- revolucionar o sistema de trans- com o retomar do trabalhos no no período de Dezembro 2019 a
as dotações orçamentais e a apli- buíram para o sucesso deste pro- missão e emissão de imagem e domínio técnico, num futuro Janeiro de 2020, um aumento de
cação destas para fim diferente do jecto comum. áudio no país, estando previsto breve, Angola poderá benefi- 1,72 por cento, 0,06 pontos per-
autorizado, será sancionada com Por via desta Lei, disse, Angola que ele aconteça de 5 a 8 anos. ciar dessa tecnologia. centuais superior ao registado
o reembolso ao Estado, mediante reforça a sua integração entre os Primeiramente, em Luanda, O seminário sobre tecno- no período anterior.
descontos nos salários mensais países que aderiram aos princípios e depois estender-se-á para as logias de transmissão digital Segundo uma nota de imprensa
dos responsáveis pela despesa. da autonomia e democracia local. demais províncias, no caso de surge no quadro da cooperação do INE, durante o mês de Janeiro
A execução orçamental da des- O Executivo e os deputados com- Benguela, Cabinda e Malanje, bilateral entre Angola e o Japão de 2020, os preços dos produtos
pesa, segundo o Diploma, deverá preenderam, definitivamente, que por oferecerem as melhores con- em resposta à decisão tomada nacionais aumentaram em 1,98
observar, sucessivamente, as eta- não há autarquias locais verdadei- dições técnicas. pelo Executivo angolano de por cento, comparados com os pre-
pas de cabimentação, de liquida- ras sem uma autonomia finan- O ministro Nuno Caldas adoptar o sistema nipônico ços do mês de Dezembro de 2019,
ção e de pagamento. ceira administrativa. afirmou que o país marca assim ISDBT (serviços integrados sendo a Secção A - Agricultura,
um passo importante com a digitais de transmissão de Produção Animal, Caça e Silvi-
experiência-piloto de televi- rádio e televisão) como padrão
Repovoamento animal
cultura, a que maior aumento de
são terrestre, que coaduna com a ser aplicado para a digitali- preços registou com 2,30%.
o Plano de Desenvolvimento zação da rede de televisão ter-
consome USD 100 milhões Nacional (PDN) 2018-2022. restre em Angola. Transparência
PAULO MULAZA | EDIÇÕES NOVEMBRO Apreendidos diamantes
Cem milhões de dólares ameri- africano a Angola. Seis mil 579 pedras de diaman-
canos é o valor que o Governo Ao abrigo desta dívida, o tes (por avaliar), 19 viaturas e 275
angolano vai investir na com- Tchad fornecerá ao país, por um mil dólares norte-americanos,
pra de gado bovino para o repo- período de 10 anos, 75 mil cabe- foram apreendidos no âmbito
voamento animal do planalto de ças de gado bovino, devendo o da Operação Transparência, na
Camabatela, região que abrange primeiro lote constituído por Lunda Norte. Segundo um rela-
parte das províncias do Cuanza 4,500 animais chegar ao pla- tório apresentado, segunda-feira,
Norte, Uíge e Malanje. nalto de Camabatela até ao final na reunião da Comissão Provin-
A informação foi revelada à deste mês. cial de Protecção Civil, referente
imprensa ontem, em Camabatela, Para avaliar as condições às acções realizadas nos últimos
no município de Ambaca (Cuanza zoo-sanitárias das fazendas 12 meses, no quadro da operação
Norte), pelo director geral-adjunto agro-pecuárias que vão receber que visa o combate ao tráfico de
para Área Técnica do Instituto o gado proveniente do Tchad, o diamantes e a imigração ilegal,
do Serviço de Veterinária (ISV), gestor trabalhou recentemente foram igualmente apreendidos
Henrique Gimi. na região do planalto de Cama- três milhões 32 mil 550 kwanzas.
Adiantou que o valor resulta batela uma equipa técnica do
do pagamento de uma dívida da ISV, tendo feito um levanta- ISSN 2409-6474
República do Tchad contraída ao mento que consistiu na extrac-
país, avaliada em 100 milhões de ção de sangue, fezes, urina e
dólares e convertida em forneci- carraças do gado actualmente
mento de animais daquele país existente na região. 9 772409 647001
Ministro da Comunicação Social, Nuno Caldas, quando intervinha no acto