Você está na página 1de 20

118

set’18

Entrevista I Pedro Albuquerque, Globalpur

A Globalpur passou a oferecer


aos seus clientes, soluções cha-
ve-na-mão: máquina + produtos
+ formação + assistência técnica.

“...sempre ao lado dos seus clientes, tendo cimen-


tado uma posição onde é claramente reconhecida
pelas suas soluções técnicas, elevado conheci-
mento prático e teórico (impermeabilização, isola-
mento térmico e pavimentação interior), e pela sua
disponibilidade de acompanhamento às obras dos
seus clientes.” (pág.4)
> publicidade

2
> editorial / sumário / dados da construção

> Editorial > Sumário


Se, apesar de toda a campanha minimamente rentável para esca- Entrevista - Globalpur 04
mediática tal não aconteceu ain- lões de renda que apenas uma
da, foi porque os diversos opera- minoria da população pode pagar. Materiais/Equipamentos 11
dores neste mercado estão con- Sobra o alojamento local e o “alu-
victos que os preços ainda têm guer” de quartos a estudantes.
margem para subir. Na verdade,
José de Matos, como já afirmámos por diversas As tensões que estão a aumentar
Coordenador vezes, o imobiliário cujos pre- ao nível do mercado da habitação
ços mais têm subido representa são causadas por uma política
Nos últimos meses assistimos a
uma escalada alarmista em torno
apenas uma pequena parcela
do imobiliário português e está
pública errada e cega. Errada,
porque não assume as funções
> Ficha Técnica
da formação de uma alegada “bo- concentrado nas zonas históricas do estado no domínio social (pro-
lha imobiliária” que, mais do que das nossas principais cidades, moção de habitação social e sub- PROPRIEDADE:
a sua própria eventualidade, po- com usos de caracter comercial sídios de renda) e cega, porque Associação Portuguesa dos Comerciantes
derá ter consequências muito ne- e turístico que lhes conferem uma inviabiliza o arrendamento tradi- de Materiais de Construção
gativas para o sector imobiliário e rentabilidade muito superior (e cional através de uma carga fiscal DIRETOR:
para a sustentabilidade futura do um risco muito mais reduzido), do desproporcionada dos respetivos Carlos Filipe Miranda Rosa
conjunto das atividades que inte- que os ativos destinados à habi- rendimentos (IRS de 28%, mais
gram a fileira da construção. tação própria e ao arrendamento IMI, mais AIMI). COORDENAÇÃO:
José Manuel Franco de Matos
habitacional. É verdade que há
Na verdade, os mercados, os alguma contaminação de preços Pode não ficar bem este tipo de EDIÇÃO, REDAÇÃO,
bancos e, em particular, os in- nas áreas circundantes, mas comparações, mas, a título de ADMINISTRAÇÃO E PUBLICIDADE
vestidores são particularmente sobretudo porque a economia e exemplo, os tão debatidos aumen- Associação do Comércio de Produtos
e Equipamentos para a Construção
suscetíveis à ideia de sobreva- o emprego cresceram e a cons- tos de custos do OE 2019 com a
lorização dos ativos, podendo trução esteve parada durante os atualização do tempo de serviço Praça Francisco Sá Carneiro, 219, 3º
desencadear a multiplicação de últimos oito anos! dos professores ou a redução do 4200-313 Porto
posições vendedoras e iniciar um IVA na eletricidade, equivalem, Tel.: 225 074 210; Fax: 225 074 218/9
E-mail: geral.apcomercio@gmail.com
ciclo de rápida descida de preços Por outro lado, assistimos nos cada um deles, a um valor de du- Site: www.apcmc.pt
cujas consequências, para além últimos três anos ao agravamen- zentos euros por mês de subsídio
da geração de elevados prejuí- to do quadro legal e fiscal do ar- de renda para 200 mil famílias. Membro da APImprensa - Associação
zos, seriam a de uma recessão Portuguesa de Imprensa (nº 1006)
rendamento urbano, tornando o
que alastraria muito além do sec- arrendamento tradicional uma É tudo uma questão de priorida- Publicação Bimestral
tor imobiliário e da construção. operação que só consegue ser des! 10.000 Exemplares

> Dados da Construção (Fonte: INE)


Edifícios licenciados aumentaram 19,1% e edifícios Produção na Construção abrandou para 3,8%
concluídos cresceram 17,9% - 2.º Trimestre de 2018 Julho de 2018

No 2º trimestre de 2018 os edifícios licenciados cresceram 19,1% O Índice de Produção na Construção apresentou, em julho, uma taxa
face ao período homólogo (+6,3% no 1º trimestre de 2018), corres- de variação homóloga de 3,8% (variação de 4,0% em junho). Os índi-
pondendo a 5,6 mil edifícios. Nos edifícios licenciados para cons- ces de emprego e de remunerações aumentaram 2,6% e 5,5% (2,4%
truções novas registou-se um acréscimo de 20,0% (+7,8% no 1º e 6,7% em junho) pela mesma ordem.
trimestre de 2018), enquanto no licenciamento para reabilitação se
registou um aumento de 18,4% (-0,1% no 1º trimestre de 2018). Os Índice de Produção na Construção Variação homóloga
edifícios concluídos registaram um acréscimo de 17,9% (+15,7% médias móveis de 3 meses, % ajustada dos efeitos
no 1º trimestre de 2018) perfazendo 3,6 mil edifícios. de calendário

Variações homólogas trimestrais (Obras licenciadas e concluídas)

3
> entrevista
Pedro Albuquerque
Sócio Gerente da Globalpur
de 2013 a uma grande remodela- uma excelente equipa de colabo-
ção da Globalpur. Deixou de ser radores, que muito me orgulha,
uma empresa que apenas vendia muito motivados e com vontade
máquinas, para passar a ser uma de crescer com a empresa. Te-
empresa que vendia soluções mos clientes fidelizados que gos-
técnicas para os sectores da im- tam de trabalhar com os nossos
permeabilização, isolamento tér- produtos e estamos a ganhar no-
mico e pavimentação. A Global- vos clientes todas as semanas.
pur passou a oferecer aos seus Não menos importante, temos
clientes, soluções chave-na-mão: vindo a estabelecer com todos
máquina + produtos + formação os nossos fornecedores uma ex-
+ assistência técnica. celente relação de trabalho e de
parceria, com excelentes perspe-
Na remodelação da Globalpur, tivas de futuro.
houve necessidade de encontrar
novos fornecedores e, com base Quais são atualmente os maio-
nos conhecimentos que tinha do res desafios deste sector?
mercado internacional, consegui
começar a trabalhar com as em- Na minha opinião, é na reabilita-
presas: ção e remodelação de espaços
e de edifícios que se encontram
- Krypton Chemical (produtos
as melhores oportunidades de
RAYSTON)
negócio no sector da construção
- Garraf Maquinaria (GAMA) civil, neste momento. É importan-
te, por isso, que tanto as empre-
- Industrias Gonzalez Rodenas (IGR) sas que comercializam materiais
de construção como as empre-
- Crismalis
sas que os aplicam, apostem na
qualidade do serviço prestado,
Passados dez anos, a Global-
na qualidade dos produtos sele-
pur continua a ser uma empresa
cionados, na escolha de fornece-
apontada para o crescimento,
dores. Temos de ser todos mais
sempre ao lado dos seus clientes,
exigentes.
tendo cimentado uma posição
onde é claramente reconhecida
pelas suas soluções técnicas, Quis são os vossos principais

elevado conhecimento prático e produtos? Existe alguma novi-


teórico (impermeabilização, iso- dade prevista que gostasse de
lamento térmico e pavimentação destacar? Como distribuido-
interior), e pela sua disponibilida- res, quais são as vossas prin-
Como é que nasceu e como des- nas, nem sempre com a melhor de de acompanhamento às obras cipais representações?
creveria a Globalpur? Que assistência técnica e com preços dos seus clientes. A nossa equipa
balanço faz da empresa passa- elevadíssimos, não era fácil con- está a crescer de forma sustenta- A KRYPTON CHEMICAL e a
vencer potenciais clientes a com- da e equilibrada, com o objetivo GAMA são as nossas principais
dos dez anos?
prar uma máquina. de aumentar a presença da Glo- representações e os dois gran-
balpur no mercado nacional, sem des motores da empresa. Para
Em 2003, dei início a um novo de-
Fui ganhando mais experiência perda de qualidade na assistên- impermeabilização, os principais
safio profissional como “Country
com produtos e máquinas e, em cia técnica prestada aos clientes produtos são as poliureias pro-
Manager” para Portugal da Plasfi,
2008, decidi finalmente criar a existentes. jetadas a quente, as poliureias
fabricante de sistemas de Espu-
ma de Poliuretano. O objetivo era Globalpur, com o objetivo de co- e as membranas de poliuretano
mercializar máquinas de injeção Não poderia estar mais contente aplicadas manualmente. Para
vender sistemas de espuma de
de espumas de poliuretano para com os primeiros dez anos de isolamento térmico, são as espu-
poliuretano no sector industrial
a indústria do frio, automóvel e existência da Globalpur. Tenho mas de poliuretano projetadas de
e no sector da construção civil.
Preparado para trabalhar com mobiliário e máquinas para a pro-
espumas de poliuretano, fui sur- jeção de espuma de poliuretano
preendido, aquando da primeira (isolamento térmico) e poliureias
visita à Plasfi, com este produto (impermeabilização), em comple-
fantástico chamado Poliureia. mento à minha atividade comer-
Na altura, a Plasfi não lhe deu a cial enquanto representante da
merecida atenção, concentrando Plasfi em Portugal. Os clientes
o seu foco nas espumas de po- eram os mesmos.
liuretano. No entanto, não desisti,
procurando o máximo de infor- Em Dezembro de 2012, em ple-
mação, angariando os primeiros na crise económica, com o fa-
clientes e, pouco a pouco, for- bricante espanhol (Plasfi) que
çando a Plasfi a melhorar a sua representava em Portugal em
oferta nesta área das impermea- insolvência, tomei a decisão, ar-
bilizações com poliureia projeta- riscada é certo, de me desligar da
da. Em 2003/2004, com apenas empresa e dedicar-me a 100% à
duas empresas a vender máqui- Globalpur. Dei início em Janeiro

4
5
> entrevista
O que diferencia a Globalpur da sua O que é e como funciona a solu-
concorrência, assenta em três pon- ção “chave na mão”?
tos fundamentais:
É uma forma de nos diferenciar-
1. Equipa técnico-comercial muito mos pela positiva da nossa con-
experiente (mais de dez anos), que corrência. Quando vendemos um
consegue identificar e propor, em produto e/ou máquina a um clien-
cada situação real, a solução técni- te, preocupamo-nos sempre em
ca mais adequada. acrescentar valor, na forma de um
serviço. Como? Dando ao clien-
2. Incluímos na venda dos nossos te formação interna e em obra,
produtos um serviço de assistência ensinando-o na preparação do su-
técnica e formação inicial em obra. porte, ajudando-o na escolha dos
Nunca deixamos os nossos clientes produtos, ensinando-lhe as técni-
sozinhos, a aplicar produtos pela cas de aplicação etc. É assim que
primeira vez. fidelizamos os nossos clientes.
Quando vendemos uma máquina,
3. Produtos de elevada qualidade, a Globalpur oferece ao seu clien-
certificados. Especialmente no sec- te a tranquilidade de uma solução
tor das impermeabilizações, temos completa e, a isso, chamamos de
poliureias certificadas para contac- solução “chave na mão”, corres-
to com água potável, certificadas pondendo à oferta de máquina +
(em Itália) para encapsulamento produtos + formação + assistência
de amianto, com certificado ETA técnica.
a 25 anos (W3), com certificação
Broof(t2), uma das mais exigentes Quais as perspetivas para o fu-
ao nível da resistência a incêndios turo da empresa?
circundantes na presença de vento,
certificação para a impermeabiliza- Olhando para o que fizemos no
ção de tabuleiros de pontes, etc. passado e no que estamos a fa-
zer no presente, acredito que a
Os técnicos da Globalpur es- Globalpur vai continuar a crescer
tão equipados para responder de forma sustentada. Iremos con-
às necessidades dos clientes em tinuar a incorporar novos produ-
base aquosa. Na pavimentação, de coberturas em chapa metálica qualquer ponto do país? Qual o tos, principalmente no sector da
destaco as resinas de poliureta- ou painel sandwich. pavimentação e a fazer crescer a
tempo médio de resposta?
no auto-nivelantes, as resinas nossa equipa.
poliaspárticas e as areias de • KRYPTANATE M: é uma resina Os nossos técnico-comerciais efe-
quartzo coloridas, usadas nos poliaspártica, alifática, de cura ultra- Vamos acumular mais experiência
tuam deslocações frequentes no
pavimentos multi-camada. E por -rápida, com um “pot-life” de penas e conhecimento, em parceria com
território nacional e, fazendo tam-
fim, claro, as máquinas da GAMA 15 minutos e secagem em 30-40 os nossos fornecedores e clientes,
bém uso das novas tecnologias,
para projeção de poliureias e es- minutos, com colocação em funcio- para colocar esse conhecimento
conseguem dar apoio aos nossos
pumas de poliuretano. namento após 2 horas. Para pintura à disposição dos atuais e novos
clientes de forma rápida e eficaz.
de pavimentos ou em sistema multi- clientes. Conhecendo a força da
Como principais novidades, gosta- -camada. minha equipa, sabendo a tempera
O tempo médio de resposta varia
ria de destacar: dos clientes que temos, não tenho
entre algumas horas, para apresen-
• EASY SPRAY HIDRÁULICA: má- receio em afirmar que o futuro da
tar uma proposta de fornecimento
• POLYUREA H SL: poliureia pro- quina monofásica, portátil, para pro- Globalpur será muito positivo.
de uma máquina, até alguns dias,
jetada de cura lenta, auto-nive- jeção de espumas de poliuretano e quando é necessário visitar uma
lante, pensada para execução de poliureias. obra ou apresentar uma prescrição
pavimentos, com necessidade de de obra. Damos prioridade no aten-
uma rápida colocação em funcio- • EVOLUTION G-35H: máquina dimento aos clientes existentes,
namento (2 a 4 horas). trifásica, de alto caudal, ideal para aqueles que há muito escolheram
trabalhos de média e grande dimen- trabalhar connosco, que acredi-
• POLYUREA X5: poliureia que são, tanto para projeção de espuma taram em nós, que conhecem e
Globalpur, Lda
expande cinco vezes a sua es- de poliuretano omo de poliureia. gostam dos produtos da Krypton Av. Pedro Álvares Cabral, 230
pessura inicial; projeta-se 1 mm Chemical, estando igualmente de Beloura - Linhó
de espessura (1 kg/m²) e obtém- De que forma é que a empresa se braços abertos para receber novos 2714-544 Sintra
-se uma espessura final de 5 mm. Tel.: 211 379 921
pode diferenciar da concorrência e clientes. E-mail: comercial@globalpur.pt
Ideal para a impermeabilização consegue captar mais valor? Site: www.globalpur.pt

6
> publicidade

7
> concursos públicos / obrigações fiscais
Aveiro Lisboa
Reabilitação de Acessos dentro da Área de Reabilitação Urbana Requalificação do Jardim da Quinta dos Sete Castelos, Oeiras
Publicado em: DR Série II, nº 170 de 04 de Setembro de 2018 Publicado em: DR Série II, nº 170 de 04 de Setembro de 2018
Emissor: Município de Aveiro Emissor: Município de Oeiras
Preço Base do Concurso: 350.078,74 (sem IVA) Preço Base do Concurso: 180.311,32 (sem IVA)
Tipo: Construção Tipo: Construção
Data de Receção de Propostas: 27 de Setembro de 2018 Data de Receção de Propostas: 04 de Outubro de 2018

Aveiro Lisboa
Reabilitação da Rua Direita - Verba Empreitada, em Lotes, para Reabilitação de Edifícios
Publicado em: DR Série II, nº 171 de 05 de Setembro de 2018 Publicado em: DR Série II, nº 170 de 04 de Setembro de 2018
Emissor: Município de Aveiro Emissor: Município de Torres Vedras
Preço Base do Concurso: 375.355,65 (sem IVA) Preço Base do Concurso: 497.808,30 (sem IVA)
Tipo: Construção Tipo: Construção
Data de Receção de Propostas: 28 de Setembro de 2018 Data de Receção de Propostas: 04 de Outubro de 2018

Coimbra Porto
Remodelação da Rede de Abastecimento de Água na Póvoa do Pinheiro Construção do Prolongamento da Rua do Fontão com a Rua de
e na Rua do Chorão Bustes - Canidelo
Publicado em: DR Série II, nº 171 de 05 de Setembro de 2018 Publicado em: DR Série II, nº 171 de 05 de Setembro de 2018
Emissor: AC, Águas de Coimbra, E. M. Emissor: Município de Vila Nova de Gaia
Preço Base do Concurso: 630.000,00 (sem IVA) Preço Base do Concurso: 350.000,00 (sem IVA)
Tipo: Construção Tipo: Construção
Data de Receção de Propostas: 28 de Setembro de 2018 Data de Receção de Propostas: 05 de Outubro de 2018

Lisboa Lisboa
Construção de duas Salas Limpas no Centro de Sangue Construção do Açude da Confluência do Aproveitamento
e da Transplantação de Lisboa - Área da Transplantação Hidroagrícola do Vale do Lis
Publicado em: DR Série II, nº 171 de 05 de Setembro de 2018 Publicado em: DR Série II, nº 171 de 05 de Setembro de 2018
Emissor: Instituto Português do Sangue e da Transplantação, I. P. Emissor: Direção-Geral de Agricultura e Desenvolvimento Rural
Preço Base do Concurso: 150.000,00 (sem IVA) Preço Base do Concurso: 300.000,00 (sem IVA)
Tipo: Construção Tipo: Construção
Data de Receção de Propostas: 29 de Setembro de 2018 Data de Receção de Propostas: 05 de Outubro de 2018

> Obrigações Fiscais


outubro / 2018 novembro / 2018

Até ao dia 10 Até ao dia 12


- IVA - declaração periódica - periodicidade mensal (AGO.18) - IVA - declaração periódica - periodicidade mensal (SET.18)
- SEGURANÇA SOCIAL - regime geral - entrega de declarações (SET.18) - SEGURANÇA SOCIAL - regime geral - entrega de declarações (OUT.18)
- IRS - declaração mensal de remunerações AT (SET.18) - IRS - declaração mensal de remunerações AT (OUT.18)

Até ao dia 22 Até ao dia 15


- SEGURANÇA SOCIAL - regime geral - pagamento (SET.18) - IVA - declaração periódica - periodicidade trimestral (3.º TRIM.2018)
- SEGURANÇA SOCIAL - independentes - pagamento (SET.18)
- FUNDO DE COMPENSAÇÃO - pagamento (SET.18) Até ao dia 20
- IRC/IRS - retenções na fonte (SET.18) - SEGURANÇA SOCIAL - regime geral - pagamento (OUT.18)
- SELO - pagamento do relativo a SET.18 - SEGURANÇA SOCIAL - independentes - pagamento (OUT.18)
- IVA - declaração recapitulativa - regimes mensal e trimestral - FUNDOS DE COMPENSAÇÃO - pagamento (OUT.18)
- IVA - comunicação à AT das faturas emitidas em SET.18 - IRC/IRS - retenções na fonte (OUT.18)
- SELO - pagamento do relativo a OUT.18
Até ao dia 31 - IVA - declaração periódica - pequenos retalhistas (3.º TRIM.2018)
- IUC - pagamento - veículos com aniversário de matrícula em OUT.18 - IVA - declaração recapitulativa - regimes mensal e trimestral
- IRC/2018 - 2.ª prestação do pagamento especial por conta - IVA - comunicação à AT das faturas emitidas em OUT.18
- IVA - opção pelo regime de IVA de caixa
Até ao dia 30
- IUC - pagamento - veículos com aniversário de matrícula em NOV.18
www.portaldasfinancas.gov.pt - IMI - pagamento da última prestação do IMI relativo a 2017

8
> publicidade

9
10
> materiais/equipamentos
> Ferramentas de apoio técnico > Weber.plast decor plus - Revestimento
Gyptec Ibérica orgânico decorativo I Weber

A Gyptec Ibérica dispõe de várias Este manual fornece toda a infor- weber.plast decor plus apresen- timentos coloridos oferece um
ferramentas, fáceis e práticas de mação sobre as técnicas e boas ta-se como o novo acabamento leque de 150 cores e, de forma a
usar, para auxiliar a elaboração práticas na construção a seco. texturado colorido de elevado selecionar e visualizar o efeito da
do projeto e a correta aplicação desempenho, caracterizado pela cor pretendida numa fachada, a
das placas de gesso. Mais do que placas de gesso, a elevada durabilidade, elevada fle- Saint-Gobain Weber Portugal dis-
Gyptec tem a solução. xibilidade e excelente resistência ponibiliza uma ferramenta online
Tendo como principal objetivo ao aparecimento de microorga- seleção e visualização das cores
agregar maior qualidade e mais nismos e sujidades. em edifícios 3D (http://www.we-
eficiência aos projetos, a Gyptec bertherm.pt/simuladorcores/).
lançou recentemente a sua biblio- Desenvolvido com base na tec-
teca BIM. Os modelos podem ser nologia weber.color reflect que
descarregados através do site permite reduzir os níveis de ra-
www.gyptec.eu e estão também Gyptec Ibérica - Gessos Técnicos, SA diação solar absorvidos por um
Rua das Olaias, 3
integrados na plataforma online Parque Industrial e Empresarial acabamento de cor escura, esta
Gestor de Soluções. da Figueira da Foz solução é adequada para a apli- Saint-Gobain Weber Portugal, SA
3090-380 Figueira da Foz cação de cores intensas em sis- Zona Industrial de Taboeira
Tel.: 233 403 050 3800-055 Aveiro
Além das ferramentas digitais a Fax: 233 430 126
temas weber.therm.
Tel.: 234 101 010; Fax: 234 301 148
Gyptec disponibiliza ainda o seu E-mail: apoiotecnico@gyptec.eu E-mail: info@weber.com.pt
Manual Técnico. Site: www.gyptec.eu A nova carta de cores dos reves- Site: www.weber.com.pt

11
> materiais/equipamentos
> Leca® Uno I Leca > Novo berbequim de percussão
ou das utilizações comuns em
profissional I Bosch
edifícios de habitação ou servi- O novo berbequim GSB 24-2 Pro-
ços (hotéis, hospitais, escritórios, fessional é muito robusto graças
escolas, etc.) dispensando a apli- à carcaça metálica da engrena-
cação da betonilha. gem, conta com bucha de aperto
rápido para uma substituição fá-
O Leca® Uno é um betão leve cil dos acessórios e possui ainda
pré-misturado, comercializado em punho softgrip para um manusea-
sacos de 25 L, adequado a cons- mento confortável da ferramenta.
truções nova e renovação, que A Bosch Ferramentas Elétricas
resulta da mistura de agregado Profissionais lançou recente- Adicionalmente, o profissional
leve Leca® com diferentes gra- mente no mercado o novo ber- consegue obter melhores resul-
nulometrias com ligantes hidráu- bequim de percussão para apli- tados de trabalho, pois pode pré-
licos. cações exigentes, o GSB 24-2 -selecionar a velocidade de rota-
Enchimento e regularização de pi- Professional da Bosch. ção em função dos materiais e
sos, num único passo com apenas Sobretudo em obras de reabilita- das aplicações de trabalho.
um produto ção de edifícios, onde a dosagem Trata-se de uma ferramenta po-
de cimento e de água devem ser tente e ideal para aplicações exi- Relativamente ao alcance de per-
O Leca® Uno é o único produto as menores possíveis para redu- gentes com grandes diâmetros furação, o novo berbequim GSB
no mercado que permite execu- zir o fenómeno da retração e o graças ao motor de alto rendi- 24-2 Professional da Bosch asse-
tar a camada de forma (enchi- tempo de secagem, o Leca® Uno mento Bosch com 1100 W e ao gura em betão um diâmetro má-
mento + betonilha) de uma vez é um grande aliado. seu elevado binário. ximo de 22 mm; em madeira de
só porque: 40 mm; em aço de 16 mm; e em
O novo berbequim profissional alvenaria de 24 mm.
• Faz o enchimento; da Bosch assegura uma elevada
proteção do utilizador graças ao
• A sua superfície, depois de afa- sistema KickBack Control inte-
gada, fica pronta a receber o re- Leca Portugal, SA
ligente: se durante o trabalho o
vestimento final do piso; Estrada Nacional 110 s/n, Tojeira sensor integrado deteta um blo-
3240-356 Avelar queio repentino, desliga o motor Robert Bosch, SA
Tel.: 236 620 600 numa fração de segundo e reduz Av. Infante D. Henrique, Lote 2E-3E
• Tem resistência mecânica su-
Fax: 236 620 620 1800-220 Lisboa
ficiente para suportar as cargas E-mail: info@leca.pt assim o risco de lesões provoca- Tel.: 808 100 202; Fax: 218 513 810
que resultam do trânsito pedonal Site: www.leca.pt/produtos/pre-misturados das por um possível retrocesso. Site: www.bosch-professional.com.pt

> Lasur Super HD I CIN > SmartLine - Design elegante e possibilida-


de de combinação otimizada I Miele
torna as madeiras altamente re-
sistentes, protegendo e prolon- Através da instalação do exaustor
gando o seu aspeto natural. de bancada no armário inferior, as
diferentes alturas do espaço ou
O novo Lasur Super HD da CIN outros obstáculos deixam de ser
origina uma película fina, mas um problema. Este elemento tam-
flexível, que acompanha os mo- bém é livremente combinável com
vimentos naturais da madeira, elementos SmartLine e uma placa
tornando a área aplicada simulta- de indução com largura de 60 cm.
neamente resistente à humidade A nova linha Smartline da Miele
A CIN, marca portuguesa e líder e impermeável à água. Evita ain- fascina pelas características es- Todos os módulos SmartLine têm
ibérica no mercado de tintas e da a formação de fungos e o en- peciais de design e conforto. Os uma profundidade de 52 cm, as
vernizes, lançou a sua mais re- velhecimento precoce da madei- elementos desta gama baseiam- superfícies em cerâmica e sem
cente inovação em lasures acrí- ra, tornando-se na solução ideal -se na vitrocerâmica e têm um armação permitem uma instala-
licos decorativos para madeira para obter a máxima proteção da carácter muito elegante. Com ção nivelada e simples. Os con-
em interior e exterior: o Lasur madeira em interior e exterior. um design de elevada qualidade trolos táteis (SmartSelect) só se
Super HD. e purista, e com linhas abran- tornam visíveis no ecrã de cerâ-
Destinado a clientes finais e pro- gentes em termos de aparelho, mica negro quando a placa está
Este novo produto da CIN é um fissionais, o Lasur Super HD está adapta-se a qualquer cozinha. em funcionamento. Este facto su-
revestimento que protege pro- disponível no acabamento aceti- blinha a aparência estética e cria
fundamente a madeira, confe- nado em 11 cores, em todas as Diversos tipos de aquecimento uma linha homogénea de design,
rindo-lhe uma garantia de alta 76 lojas CIN ou revendedores como elétrico, indução e a gás que torna a SmartLine a opção
proteção até 10 anos, máxima oficiais. em combinação com um exaus- ideal para qualquer cozinha, em
resistência aos agentes atmosfé- tor de bancada, conferem uma especial nas cozinhas de plano
ricos e uma facilidade de manu- grande diversidade de combi- aberto, comunicantes com zonas
tenção das áreas de aplicação. nação. Apesar da funcionalida- de estar ou de convívio.
de autónoma de cada aparelho,
A rapidez de secagem e consi- todos os modelos são criados
derável redução no impacto am- como que a partir de um único
biental são características dife- CIN - Corporação Industrial do Norte, SA molde. Na instalação combinada
renciadoras que complementam Av. de Dom Mendo, 831, Ap. 1008 resulta um conjunto de apare- Miele Portuguesa, Lda
4471-909 Maia Av. do Forte, 5
a tecnologia UVPlus, com que foi lhos homogéneos e elegantes,
Tel.: 229 405 000; Fax: 229 485 661 2790-073 Carnaxide
desenvolvida esta nova referên- E-mail: customerservice@cin.com quer se trate da instalação à face Tel.: 214 248 100; Fax: 214 248 109
cia da marca. Esta tecnologia Site: www.cin.pt ou sobre a bancada. Site: www.miele.pt

12
> materiais/equipamentos
> A importância da escolha do cimento cola I Secil
EN12004, em função do seu de limpeza, os ambientes quimi-
desempenho, dividindo-se em camente agressivos e as ações a
Classe 1 (normal) e 2 (melhora- deformações estruturais.
do). Existem ainda características
opcionais, como o Tempo aberto A escolha do cimento cola não
alongado (E), Presa rápida (F), pode ser acertada se o único cri-
Deslizamento reduzido (T) e De- tério for o preço. Optar por um
formabilidade (S1 ou S2). produto de desempenho inferior
para reduzir custos iniciais pode
A escolha do cimento cola deve conduzir a anomalias, clientes in-
considerar diversos fatores rela- satisfeitos e reparações posterio-
cionados com o local a colar, as res. Este custo ultrapassará certa-
características dos ladrilhos e ou- mente o acréscimo de um produto
tras condicionantes específicas. de desempenho melhorado.

Quanto ao local, devemos ter A Secil Argamassas tem acom-


em consideração o meio (interior panhado a evolução dos reves-
A utilização de revestimentos ce- As dimensões atuais têm vindo ou exterior), a finalidade (parede timentos cerâmicos com a gama
râmicos é uma prática secular e a aumentar para patamares exi- ou pavimento), e o suporte (na- de produtos ADHERE, desen-
continua a ser um material mui- gentes e desafiantes para a apli- tureza, absorção, resistência e volvida para responder às mais
to utilizado atualmente, sendo o cação e para os materiais asso- aderência). As características do variadas exigências do merca-
terceiro revestimento mais utili- ciados, especialmente as colas revestimento (cerâmica/pedra do, assim como apoio técnico
zado em fachadas. para ladrilhos. O descolamento natural), devem ter em conta as especializado.
do ladrilho é uma anomalia que dimensões, o peso, a absorção, a
Com a evolução tecnológica da ocorre com demasiada frequên- cor e a dilatação térmica. Devem
indústria cerâmica e a crescente cia e que pode ser evitada com ser tidas ainda em conta algumas Secil, SA
utilização do azulejo tradicional a escolha do cimento cola ade- condicionantes específicas, tais Avenida Eng.º Duarte Pacheco, 19 - 7º
na reabilitação dos centros ur- quado a cada caso. como a exposição solar, a humi- 1070-100 Lisboa
Tel.: 217 927 100
banos surgem elementos com dade atmosférica e do suporte, a
E-mail: comercial@secilargamassas.pt
características estéticas e mecâ- Os cimentos cola são classifi- rapidez, a amplitude térmica, as Site: www.secilargamassas.pt /
nicas singulares. cados, de acordo com a norma piscinas, o tráfego, os produtos www.secilpro.com

13
> materiais/equipamentos
> Insuatherm Solar Fotovoltaico com kits > ISOARGILA® - Bloco alveolado em betão
híbridos e com baterias I Sanitop Artebel

ção e acumulação), que além da O ISOARGILA® 40x25, com uma


energia elétrica proveniente da espessura reduzida e nova geo-
rede, passam a poder ter outras metria interior, apresenta uma
fontes de energia além da solar. melhoria significativa no desem-
Estes sistemas possibilitam ao penho acústico (RRAE 54dB), o
utilizador total independência/ que, aliado à simplicidade de seg-
autonomia, poupança e zero des- mentação e aplicação, garante
perdícios, numa solução 100% grande rentabilidade em obra.
renovável.
Além das vantagens acústicas do
Insuatherm é uma marca da Sa- ISOARGILA®, este bloco apre-
Sempre numa lógica de inova- senta ainda outras vantagens,
ção, a Insuatherm fez uma revi- nitop que conta já com mais de 15
anos de existência e uma ampla como a elevada resistência me-
são de toda a gama para auto- cânica, a estabilidade dimensio-
consumo fotovoltaico, tendo, por gama de produtos, focada nas
energias renováveis e eficiência nal ou a verticalidade e planime-
isso, alargado a sua gama, não O ISOARGILA® é um bloco alveo- tria das superfícies.
só nos kits de autoconsumo ins- energética, apresentando produ- lado em betão leve de agregados
tantâneo, como também com a tos desde a biomassa, ao solar de argila expandida Leca, desen-
introdução de sistemas híbridos. térmico e fotovoltaico, bombas volvido pela Artebel®, destinado à
de calor AQS, piso radiante entre execução de paredes divisórias
Nos kits de autoconsumo ins- muito outros produtos e acessó- entre fogos, paredes de caixa de
tantâneo, a Insuatherm fez uma rios de climatização. escada ou divisórias entre outros
atualização nos coletores, nos espaços ruidosos. Este bloco
inversores e nos microinverso- é uma alternativa comprovada
res, estando agora preparados para soluções de parede dupla,
para o acoplamento de baterias, Sanitop - Material Sanitário, Lda onde a existência de isolamento
de forma a rentabilizar ainda Zona Industrial 2ª Fase acústico se impõe, assegurando Artebel
mais o investimento nesta solu- Apartado 538 um excelente desempenho acús- Rua das Achadas Largas, 20
4935-232 Neiva - Viana do Castelo 3105-219 Meirinhas - Pombal
ção. Além dos kits instantâneos, tico e cumprindo o Regulamento Tel.: 236 949 180; Fax: 236 949 189
Tel.: 258 105 400; Fax: 258 350 011
a Insuatherm propõe também E-mail: sanitop@sanitop.pt do Ruído, sem recurso a outros E-mail: comercial@artebel.pt
agora os kits híbridos (produ- Site: www.sanitop.pt materiais subsidiários. Site: www.artebel.pt

14
> publicidade

15
> materiais/equipamentos
> Soluções Inovadoras I Geberit
esmalte especial KeraTect®. Este pela parede, devido ao inovador
acabamento atinge uma superfí- sistema de instalação embutido.
cie 100% lisa da louça sanitária, Por outro lado, a calha de duche
que melhora ainda mais a higiene Geberit CleanLine impede a acu-
e a facilidade de limpeza, pois im- mulação de sujidade e não escoa
pede a aderência de sedimentos a água ao longo de toda a calha,
e sujidades. mas sim através do pequeno co-
letor com sifão centralizado. Não
Para higiene íntima, melhor uma há áreas ocultas, portanto a su-
sanita bidé jidade não pode se acumular ou
Um novo conceito de higiene gerar odores desagradáveis.
Elementos suspensos para eliminar terior da sanita. Em vez disso, a pessoal na casa de banho está
os Cantos difíCeis de alCançar superfície de porcelana é perfeita- a tornar-se uma tendência com a Estes dois sistemas permitem um
A casa de banho Geberit propõe mente lisa e acessível. Assim, os gama Geberit AquaClean: as sa- pavimento da casa de banho con-
embutir o autoclismo e optar por cantos, onde a sujidade e germes nitas bidé que limpam sem papel tínuo, sem interrupções, sendo
sanitas, bidés, lavatórios e mó- se acumulam, desaparecem, lim- higiénico, apenas com um fluxo quase invisíveis. Somente o aca-
veis da casa de banho suspensos par a área é mais conveniente e suave de água vaporizada em bamento é visível, disponível em
na parede. Não só para ter mais simples e os odores causados por espiral. Têm também muitos ou- vários acabamentos e materiais,
estética na casa de banho, mas bactérias e germes são evitados. tras funções de conforto, como a com um filtro de cabelo que é fa-
também por uma questão de hi- função de secador de ar quente, cilmente removido para limpeza,
giene e limpeza: ao ocultar o au- Este design patenteado Geberit sistema de eliminação de odores, evitando também o entupimento
toclismo e levantar os outros ele- Rimfree® está presente nas sani- jato de água suave para senhoras do sifão.
mentos do chão, a casa de banho tas das cinco séries da Coleção ou o assento aquecido.
fica livre de obstáculos, desapa- “A casa de banho Geberit.” Assim,
recendo os recantos apertados. existe uma casa de banho melhor Duches de pavimento higiéniCos e
Tem uma casa de banho muito em higiene para todos os gostos e fáceis de limpar
fácil de limpar que ganha higiene orçamentos. Os duches de pavimento são uma
desde o primeiro dia. tendência nas casas de ba- nho
Esmaltes especiais para o máximo de atuais. A Geberit disponibili- za Geberit Tecnologia Sanitária, SA
Sanitas livre de germes higiene duas soluções que garantem uma Rua Cupertino de Miranda, 12 - 2º A
A design da sanita Geberit Ri- Quem optar por equipar a casa drenagem da água rápida e ino- 1600-485 Lisboa
vadora. Por um lado, o sifão de Tel.: 800 252 627
mfree® conseguiu eliminar os de banho com as séries Geberit
E-mail: apoioaocliente.pt@geberit.com
aros e os rebordos anti-higiénicos Citterio e Geberit Xeno2 obte- parede Geberit Wall Drain faz de- Site: www.geberit.pt /
para a descarga de água do in- rá ainda mais higiene, devido ao saparecer a água do duche www.colecaogeberit.pt

> Pecol Powercoat I Pecol > Tendências para as estações frias I Barbot
madeira, vidro, etc., para prevenir O violeta surge como obrigatório
ou resolver problemas de infiltra- na decoração de interiores. No
ções e humidades nos mais varia- catálogo da Barbot poderá encon-
dos tipos de espaços e situações: trar várias opções para satisfazer
todos os gostos, com destaque
• Impermeabilização de terraços, te- para o Malva Chã e o Amora. No
lhados e coberturas metálicas, clara- que toca aos verdes, a marca pro-
boias, saídas de ventilação, paredes
põe o Pinheiro Verde e o Verde
divisórias, canalizações, zonas húmi-
das em casas de banho (por baixo de Azeitona. Também o Rosa Forte
banheiras e bases de chuveiros), etc. é uma boa aposta para ambientes
A Pantone escolheu 15 cores ten- mais femininos.
• Vedação e impermeabilização de fen-
das e fissuras em fundações, caves, dências e no catálogo de inte- rior
paredes, floreiras, etc. da Barbot pode encontrar os tons Os tons clássicos são considera-
A solução ideal para impermea-
certos para renovar a casa. dos a base de qualquer tendên-
bilizar, reparar fissuras e prote- • Reparação de telhados e caleiras
cia e desempenham um papel fun-
ger das humidades, para todo o metálicas/PVC e uniões de juntas em
chaminés. Mais uma vez os azuis estão em damental na decoração, uma vez
tipo de espaços e numa grande
“voga”. Esta cor remete para o que estas cores permitem a com-
variedade de substratos! • Impermeabilização das laterais visí-
crepúsculo e a marca portugue- binação com diferentes tex- turas
veis de espuma de poliestireno extru-
• Resistência às radiações UV e in- dido em painéis sandwich (maior pro- sa de tintas aconselha três tons: e tons arrojados. Assim, os rosas
tempéries teção e durabilidade da mesma) Jubileu, Azul Mineral e Azul Ibiza. mais claros não poderiam deixar
de constar, nesse sentido a Barbot
• Aplicável em ambientes húmidos • Proteção de estacas de jardim e pér-
Com uma aposta nas cores mais destaca o Rosa Pastel. Já para os
• Resistente à água estagnada golas (madeira).
vivas, o amarelo não poderia dei- adeptos dos cremes, do catálogo
• Visitável e pintável (tintas elásticas) Disponível em branco, cinza e ter- xar de ser tendência. Esta cor da marca fazem parte o Mel, Doce
racota. transmite o calor nos dias frios e de Leite e o Lã Pura.
• Fácil de aplicar, pois apresenta uma
viscosidade relativamente reduzida. no catálogo de interiores da Bar-
bot podemos encontrar o tom Chá
Que problemas o Powercoat pode de Hortelã. No que diz respeito Tintas Barbot
Pecol - Sistemas de Fixação, SA
prevenir ou resolver? Apartado 3156; Raso de Paredes aos laranjas, destaca-se o Casca Rua dos Borneiros, 466
3754-901 Águeda de Laranja. Também os verme- 4410-295 Canelas - Vila Nova de Gaia Tel.:
227 169 200
Pecol Powercoat pode ser apli- Tel.: 234 612 900; Fax: 234 612 901 lhos fazem parte das ten- dências
E-mail: Fax: 227 169 212
cado em pedra, betão, cerâmica, investigacao.desenvolvimento@pecol.pt
e a Barbot sugere o Rubi e o Co- E-mail: barbot.sede@barbot.pt
tela asfáltica, metais, PVC, zinco, Site: www.pecol.pt lorado. Site: www.barbot.pt

16
17
> materiais/equipamentos
> Rolo de pintura Antigota verde > Impermeabilização de duches e banhos
Pardal Schlüter®-Systems
juntas perimetrais dos elementos
pré-fabricados com mástiques
elásticos.

Para cumprir estas novas exigên-


cias, a Schlüter®-Systems apresen-
ta o novo set Schlüter®-KERDI-TS.
Esta inovação técnica contém to-
dos os componentes necessários
para a ligação segura da imper-
meabilização Schlüter®-KERDI a
banheiras e bases de duche es-
Desde há mais de 30 anos que
maltados ou acrílicos, assim como
os profissionais confiam no
de resina ou de aço. O set está
sistema KERDI, da Schlüter®-
formado por uma banda de imper-
O rolo Antigota Verde faz parte produzido por termofusão que Systems, para a impermeabili-
meabilização fabricada em polie-
da nova geração de rolos de pin- garante resistência aos solventes zação de zonas húmidas, como
tileno com geotêxtil em ambas as
tura da Pardal. É ideal para apli- e é fácil de limpar. nos duches italianos, casas de
faces e uma zona autoadesiva, que
cação de tintas aquosas em su- banho e piscinas. Além disto,
evita de forma garantida a infiltra-
perfícies lisas, paredes e tetos. Com o rolo Antigota Verde Pardal a nova norma exige também a
ção de água pelas juntas perime-
o aplicador obtém maior rentabili- proteção das zonas húmidas por
trais dos elementos pré-fabricados.
Tem um grande poder de absor- dade, eficiência, produtividade e trás e por baixo das banheiras e
ção, boa cobertura e acabamen- qualidade na aplicação. das bases de duche contra pos-
to uniforme graças ao seu tecido síveis infiltrações de água. Esta
de poliamida superior de 13 mm. proteção apenas se consegue
através da aplicação de bandas
Schlüter®-Systems
O cabo bimatéria é mais ergono- impermeáveis perimetrais, ou Aveiro Business Center
mico para o aplicador, tornando prolongando a impermeabiliza- Rua da Igreja, 79
a sua utilização mais confortável ção por trás e por baixo das ba- N.ª Sr.ª de Fátima
Pincelaria Pardal, SA 3810-744 Aveiro
e otimizada. Estrada da Circunvalação, 2885 - km 13,5 nheiras. Ao mesmo tempo, não Tel.: 234 720 020; Fax: 234 240 937
4300-139 Porto se considera uma impermeabili- E-mail: info@schluter.pt
Tel.: 225 377 041; Fax: 225 180 089 zação suficiente a selagem das Site: www.schluter.pt
Este rolo existe nas medidas de E-mail: pardal@pardal.pt
180 mm, 220 mm e 250 mm, é Site: www.pardal.pt

> NOx-Activ® I BMI Cobert > Biocalce® MuroSeco: Resolve definitivamente


o problema da humidade das paredes I Kerakoll Portugal
estão protegidas na sua face ex-
terior com granulados Noxite®. É um sistema revolucionário e
simples do ponto de vista aplica-
Redução da contaminação at- NOx-Activ® pode aplicar-se em tivo: um desumidificador natural
mosférica a partir do sistema de obra nova ou reabilitação, em co- que extrai e elimina rapidamen-
membrana impermeabilização para berturas não transitáveis. te sob a forma de vapor toda a
coberturas planas humidade contida na parede,
As membranas NOx-Activ® formam garantindo edifícios secos, sãos
NOx-Activ é a resposta da BMI-
®
parte de um sistema monocamada Apesar de os sistemas de de- e com elevado bem-estar habita-
-Icopal para descontaminar o ou bicamada de impermeabiliza- sumidificação existirem há mais cional, em linha com os padrões
meio ambiente a partir da cober- ção betuminosa e aplicam-se sobre de 30 anos no mercado, existem do GreenBuilding Kerakoll®.
tura do edifício. suporte de betão, chapa metálica numerosas limitações, típicas
(deck) ou qualquer outro elemento nestas soluções, para resolver Revoluciona a reabilitação de pa-
A membrana NOx-Activ®, sob o de suporte. Para cada aplicação, o problema da humidade por redes húmidas pela introdução
efeito dos raios UV da luz solar, existe uma solução à medida. absorção capilar das alvenarias. de uma nova matriz, cal natural
provoca uma descontaminação O mau funcionamento dos siste- NHL 3.5 e pozolana natural com
dos óxidos contaminantes (NOx) Principais vantagens: mas velhos de desumidificação elevado teor amorfo, que permite
em subprodutos que se evacuam • Efeito descontaminante: destruição é causado pela fraca transpira- a formulação de um sistema de
através das águas pluviais. dos óxidos de nitrogénio (NOx). bilidade do reboco, pela pouca reboco seca-paredes em profun-
• Aplicação em obra convencional: resistência no tempo à ação de- didade com estrutura alveolar
monocamada ou bicamada, fixada
As membranas NOx-Activ® es- sagregante dos sais e ainda pelo porosa. O sistema atua por de-
mecanicamente ou soldada.
tão protegidas por NOXITE®, um • Sistema certificado: Inovação paten- efeito impermeabilizante dos tra- sidratação contínua da parede e
material à base de TiO2 (dióxido teada pelo CSTB (França). tamentos preventivos de embo- neutralização da cristalização sa-
de titânio), agente descontami- • Valorização do edifício. ço, que muitas vezes provocam lina, insensível aos sais destruti-
nante por fotocatalização. Trata- • Solução perfeita para qualquer sis- a estagnação da água dentro da vos e inatacável no tempo.
-se de um sistema de desconta- tema de cobertura plana tradicional. alvenaria, com os consequentes
minação activado pela radiação destacamentos, condensações,
solar, com um efeito permanente bolores e maus odores.
ao longo da vida útil da imper-
meabilização da cobertura. Cobert Telhas, SA O Biocalce® MuroSeco é o novo Kerakoll Portugal, SA
Estrada Nacional 361-1 sistema de reboco eco-compatí- Núcl. Empr. Venda do Pinheiro
2565-594 Outeiro da Cabeça - Torres Vedras 2665-602 Venda do Pinheiro
Gama de membranas NOx-Activ® vel para secar, de modo natural Tel.: 219 862 491
Tel.: 261 920 000; Fax: 261 920 001
As membranas NOx-Activ® são E-mail: sac@bmigroup.com / e definitivo, qualquer tipo de al- E-mail: info@kerakoll.pt
compostas por betume SBS e apoio.tecnico@bmigroup.com venaria húmida. Site: www.kerakoll.com

18
> publicidade

19