Você está na página 1de 40

PUBLICIDADE

DOM26JAN
Domingo
26 de Janeiro de 2020
Ano 44 • N.º 15881

Kz 45,00
Director: VÍCTOR SILVA
Director-Adjunto: CAETANO JÚNIOR
www.jornaldeangola.co.ao

PROCURADOR-GERAL DA REPÚBLICA, HÉLDER PITTA GRÓS

NESTA EDIÇÃO
VÍCTOR SILVA
Vazamentos tóxicos
PALAVRA DO DIRECTOR • 2
Manuel Vicente só responde
GUINÉ-BISSAU
Supremo ordena repetição
do apuramento
ÁFRICA • 10

AGRICULTURA
à Justiça no fim da imunidade
Em Portugal, onde cumpre uma visita de trabalho,
o Procurador-Geral da República, Hélder Pitta
portuguesa para Luanda, ao abrigo do acordo
de cooperação judiciária entre os dois países.
actos praticados e, portanto, vamos esperar
que os cinco anos decorram para daí podermos
Huíla reforça meios Grós, comentou o processo de corrupção que “Tanto o ex-Vice-Presidente como o ex-Pre- tirar ilações se a Justiça (angolana) está, ou não,
para mecanização agrícola envolve o ex-Vice-Presidente da República, sidente estão protegidos por uma lei que concede a mando do senhor Manuel Vicente e em que
REGIÕES • 15 Manuel Vicente, e que foi enviado pela Justiça cinco anos em que não podem responder pelos termos”, disse Hélder Pitta Grós. POLÍTICA • 4

ARTISTAS CONTORNAM A CRISE E HOMENAGEIAM A KIANDA

Reviver Luanda e os seus 444 anos DOMBELE BERNARDO | EDIÇÕES NOVEMBRO No dia em que a capital
comemorou 444 anos,
Luanda viu artistas, uni-
dos ou individualmente,
darem as mãos e mostrar
o quanto está viva a cultura
nacional, num movi-
mento pouco visto entre
nós, com uma série de
actividades que perpas-
saram por todas as formas
de expressão da arte. A
cidade continua a ser uma
fonte inesgotável de ins-
piração para os fazedores
de arte e cultura e des-
pertou bem cedo, como
to do s o s dia s . S ó q ue
ontem vestiu-se de gala
para lhe prestar a devida
homenagem, indiferente
às adversidades e às (não)
comemorações oficiais.
SOCIEDADE • 17

EM LUANDA ISABEL DOS SANTOS LIGA DOS CAMPEÕES DE ÁFRICA


DIA DOS MÉDICOS
Saúde quer mais
técnicos no interior Medidas reforçadas Banco de Portugal Acabou o sonho para os angolanos
SOCIEDADE • 16
contra o coronavírus admite que falhou
JOSÉ COLA E CONTREIRAS PIPA | EDIÇÕES NOVEMBRO

ÚLTIMA • 24
DIREITOS HUMANOS CONTREIRAS PIPA | EDIÇÕES NOVEMBRO
Lula da Silva é Um relatório do Banco de Portugal,
condecorado citado pelo semanário português
MUNDO • 11 Expresso, sobre uma inspecção
de 2015 ao EuroBic, reconhece
CADERNO falha na avaliação feita a Isabel
dos Santos, que detém 42,5 % do
banco, por não considerá-la “pes-
soa politicamente exposta”, sobre
quem recaía um controlo mais
apertado e deveres especiais de
reporte. O relatórioconclui que o
EuroBic “tinha graves deficiências
na prevenção do branqueamento
de capitais e financiamento do
DESPORTO • 23
terrorismo”. ÚLTIMA • 24

HUAMBO E MOXICO

Cerca de 200 oficiais das FAA passam à reforma POLÍTICA • 5


2 OPINIÃO Domingo
26 de Janeiro de 2020

PALAVRA IMAGEM DO DIA


DO DIRECTOR Rua Rainha Ginga, 12-26
Caixa Postal 1312 - Luanda
Redacção: 222 020 174
Telefone geral (PBX): 222 333 344 Uma imagem ilustrativa do chamado coronavírus, desconhecido pela ciência até
Fax: 222 336 073
Telegramas: Proangola há pouco, hoje responsável por doença pulmonar grave de centenas de pessoas
Víctor Silva E-mail: ednovembro.dg@nexus.ao
na China e detectado em mais oito países, passando a ser preocupação mundial
DIRECTOR: DEFATO
Víctor Silva

Vazamentos tóxicos
DIRECTOR-ADJUNTO:
Caetano Júnior
DIRECTOR EXECUTIVO:
Guilhermino Alberto

EDITOR EXECUTIVO:
Diogo Paixão
É com grande espanto que a sociedade tem acompanhado a SUB-EDITOR EXECUTIVO:
revelação dos chamados “Luanda Leaks”, num folhetim de péssimo Cândido Bessa

final, porque se dá conta da fragilidade das instituições que permi- GRANDE REPÓRTER:
tiram que o erário fosse tão vil e criminosamente desviado para Luísa Rogério

fins pessoais de uma elite predadora, insaciável e anti-patriota. EDITORIAS:


POLÍTICA:
Na verdade os factos revelados até agora já eram, de uma maneira Bernardino Manje (editor-chefe),
Fonseca Bengui (subeditor),
geral, conhecidos ou, no mínimo, com fortes indícios de suspeita Santos Vilola, Adelina Inácio,
João Dias, César André, Edna Dala,
geral, não apenas em relação à principal visada, Isabel dos Santos, Garrido Fragoso
mas extensiva a muitos outros que se aproveitaram, igual e abusiva- OPINIÃO:
mente, das riquezas que era suposto serem de todos e de que se lo- Ambrósio Clemente (editor-chefe),
Faustino Henrique (subeditor)
cupletaram egoisticamente, em prejuízo da maioria dos angolanos.
SOCIEDADE:
O que o “Luanda Leaks” tem trazido à tona são documentos de Nhuca Júnior (editor),
Alberto Pegado (editor),
uma engenharia bem montada que possibilitou a criação de um José Meireles (editor),
Rodrigues Cambala, André da Costa,
mito à volta de uma cidadã nacional sobre quem sempre se levan- Kilssia Ferreira, Manuela Gomes,
Augusto Cuteta, Alexa Sonhi
taram dúvidas quanto à sua meteórica ascensão no mundo em- e Edna Mussalo
presarial, a pontos de, em poucos anos, ser considerada a mulher REGIÕES:
Sérgio Chivaca (editor-chefe),
mais rica de África. Béu Pombal (subeditor),
Filipe Eduardo
Mesmo no seio familiar mais próximo, sempre se desconfiou que ECONOMIA:
Cristóvão Neto (editor-chefe),
essa carreira era apadrinhada pelo facto de Isabel dos Santos ser Ana Paulo, Kátia Ramos, Madalena
José, Natacha Roberto
filha de quem é, levando a aziagos ciúmes e uma concorrência do- e Victorino Joaquim
miciliar que “obrigaram” até a uma nova definição de nepotismo MUNDO:
Bernardino Fançony (editor-chefe),
para justificar tamanha protecção e tão descarado favorecimento. António Canepa (Subeditor)

Isabel dos Santos enquadra-se, na perfeição, naquilo que cha- DESPORTO:

mávamos de dilema que se colocava a muitos dos nossos endi-


Amândio Clemente (editor-chefe),
Anaximandro Magalhães (subeditor),
António Cristóvão, Honorato Silva,
REVISTA DA SEMANA
nheirados, que é o de poderem continuar ricos no seu país, verem Armindo Pereira, Teresa Luís e
António de Brito
os bens e capitais confiscados pelas autoridades e, ou, impossibi- CULTURA:
litados de os utilizar nos países para onde os transferiram. António Bequengue (editor-chefe),
Francisco Pedro (subeditor),
Sábado, 18 de Janeiro Quarta-feira, 22 de Janeiro
A Lei do Repatriamento Voluntário foi ignorada por uma boa Amilda dos Santos, Manuel Albano,
Mário Cohen e Roque Silva
O presidente da CASA-CE, André Mendes de A Procuradoria-Geral da República constitui
parte dessa gente, graúda e miúda, que não acreditava que o GENTE E FIM-DE-SEMANA: Carvalho “Miau”, dirige, em Cabinda, uma pa- arguida Isabel dos Santos, empresária e fi-
António Cruz (editor-chefe),
combate à corrupção e à impunidade era para levar a sério, habituada Isaquiel Cori (editor) lestra sobre o tema “Autarquias em todo o lha do ex-Presidente da República, Isabel
Edna Cauxeiro (subeditora),
que estava a estar acima das leis e da Justiça e que não passava de Ferraz Neto (subeditor) país”, que marca a abertura do ano político dos Santos, pelos crimes económicos co-
e Pereira Diniz
um mero chavão eleitoral, igual a muitos outros já usados no da Coligação. metidos enquanto presidente do Conselho
EDIÇÕES ESPECIAIS:
passado em que a prática era o antónimo da tolerância zero. Adalberto Ceita, André dos Anjos, O secretário provincial de Luanda do MPLA, de Administração da petrolífera Sonangol.
Domingos dos Santos
Muitos pensaram tratar-se de uma armadilha para descobrir os e Leonel Kassana Sérgio Luther Rescova, preside, no Distrito Ur- A defesa do ex-governador do Banco Nacional
desviadores do dinheiro público e os montantes em que o fizeram, FOTOGRAFIA:
bano do Zango, ao acto de massas, que marca de Angola, Valter Filipe, que está a ser julgado
preferindo desfazer-se apressadamente do património e capitais, Kindala Manuel (editor-chefe),
José Cola (editor),
a abertura das jornadas políticas e patrióticas no caso da transferência ilícita de 500 milhões
espalhando-os por familiares, concubinas e amigos como forma Dombele Bernardo, Domingos
Cadência, Eduardo Pedro, João Gomes,
do partido nos distritos urbanos e comunas de dólares do Banco Central, prescinde da au-
de ludibriar a Justiça na hora da recuperação coerciva, que é a fase Maria Augusta, Miqueias Machangongo,
Mota Ambrósio, Paulo Mulaza, Santos
de Luanda. dição de quatro declarantes.
actual e que, como se sabe, não tem um horizonte temporal para Pedro; Contreiras Pipa; Vigas da
Purificação; Agostinho Narciso
A ministra das Finanças, Vera Daves, orienta, OComité de Ética e a Comissão de Governo So-
terminar, ao contrário da fase voluntária que deu aquilo que muitos em Luanda, o acto de encerramento do 11º cietário da operadora de telecomunicações
consideram uma “amnistia” de seis meses para que os bens CORRESPONDENTES PROVINCIAIS: Conselho Consultivo do Ministério realizado NOS decidem chamar os três administradores
Adão Diogo (Lunda-Sul),
voltassem para o verdadeiro dono. Alberto Coelho (Cabinda), sob o lema “Finanças Públicas: consolidar e não executivos da operadora, citados no es-
Vladimir Prata (Namibe),
Recursos que foram desviados em prejuízo de uma infinidade Isidoro Natalício (Cuanza-Norte), Prosperar”. cândalo “Luanda Leaks”, considerados os prin-
Jaime Azulay (Benguela),
de projectos que poderiam ter mudado a condição de vida da Jesus Silva (Lobito), cipais aliados de Isabel dos Santos nos negócios
maioria dos cidadãos que quase viu matar-se-lhe a esperança, tal Estanislau Costa (Huíla),
João Mavinga (Zaire),
Domingo, 19 de Janeiro em Portugal.
Joaquim Aguiar (Lunda-Norte),
a sedimentação de um modelo que privilegiava as desigualdades e Silvino Paulo (Uíge), O corpo do nacionalista Carlos Alberto dos
Lourenço Manuel (Cuando Cubango),
incentivava o desenrascanço, contornando a meritocracia e impondo Luís Pedro (Cuanza-Sul), Santos Pereira “Beto” Van-Dúnem, integrante
como referência a maioria dos conhecidos sete pecados capitais. Noé Jamba (Bengo),
Quinito Kanhamei (Cunene), do histórico “Processo dos 50”, é sepultado no Quinta-feira, 23 de Janeiro
Samuel António (Moxico),
Por isso, não estranha o seu comportamento face às novas au- João Constantino (Bié), Cemitério do Alto das Cruzes, em Luanda, na O Presidente da República, João Lourenço,
José Chaves (Andulo),
toridades e ao funcionamento da Justiça, que agora passou a ser Fernando Cunha (Huambo), presença de titulares de órgãos de soberania, procede, em Luanda, à exoneração e nomeia
Francisco Curinhingana (Malanje)
selectiva por estar a processar e a julgar gente que se considerava políticos, familiares, antigos colegas e amigos. alguns embaixadores.
intocável, quando num passado recente era selectiva apenas para PAGINAÇÃO E ARTE:
Salvador Escórcio (editor), Soares Neto,
A Selecção Nacional sénior masculina de Angola sobe 19 lugares no ranking
condenar pilha-galinhas e ladrões de telemóveis ou alguns não Eugénia Víctor, Adilson Santos, Augusta
Lucéu, Tomás Cruz, Noé Pungue, Bruno
andebol derrota a similar do Gabão, por internacional dos países que combatem a
abençoados por “apelidos divinos”. Bernardo, Luquemba Pedro, Evaristo
Sacupalica, João Augusto, Josefa Abreu,
31-26, em jogo da terceira e última jornada corrupção, a impunidade e promovem o
Perante à torrente de informações destapadas pelo consórcio in- Maria Messele, Alberto Bumba, Inês
Quingando, Margarida Zilungo, Maria da
e confirmou a primeira posição no Grupo respeito pelos Direitos Humanos.
ternacional de jornalistas, não estranha, igualmente, que se encete Silva, Saldanha Pedro, Raúl Geremias,
António Quipuna, Henrique Faztudo
B, da 24ª edição do Campeonato Africano O procurador-geral da República, Hélder Pitta
uma fuga para a frente, colocando motivações políticas no processo CARTOON E ILUSTRAÇÃO:
das Nações. Grós, reúne-se, em Lisboa, com a homóloga
e repassando culpas a outras figuras sobre as quais também existem Armando Pululo e Casemiro Pedro portuguesa, Lucília Gago, no quadro do
suspeitas de se terem refastelado no regabofe do saque do erário. Segunda-feira, 20 de Janeiro estreitamento das relações entre os dois
E, no cúmulo, admitindo uma possibilidade de candidatura a Pre- COPY DESK: O ministro de Estado para a Coordenação órgãos de justiça.
Rui Ramos, Arlindo Soares,
sidente da República para a qual só poderia estar a contar, certamente, Esperança Vieira Dias Económica, Manuel Nunes Júnior, participa, em O presidente do Conselho de Administração
com a “família órfã”, desavinda com a actual liderança, e que já não Londres, na Cimeira Reino Unido /África, em do Banco de Fomento Angola (BFA), Mário
deverá ter mais unhas para roer de tanto desespero pela incerteza O Jornal de Angola
utiliza os serviços da ANGOP, AFP,
representação do Chefe de Estado, João Lourenço. Filipe Moreira Leite da Silva, gestor de Isabel
sobre quem poderá ser a “próxima vítima”. Reuters, EFE e Prensa Latina O ministro da Comunicação Social, Nuno dos Santos, dos facilitadores portugueses
De memória curta, esquecem-se do reconhecimento público PUBLICIDADE: Caldas Albino “Nuno Carnaval”, dos negócios da empresária que envolvem
antigo de que a corrupção é dos principais males da sociedade e (+244) 937 550 262 acompanhado dos presidentes dos esquemas financeiros suspeitos, revelados
(+244) 949 770 006
que o seu combate, mais do que uma onda reformista, é uma ne- e-mail: conselhos de administração dos quatro na investigação jornalística “Luanda Leaks”,
cessidade até, mesmo, para a sobrevivência política do partido no publicidade@jornaldeangola.com órgãos públicos, avalia, na cidade de renuncia ao cargo.
poder. E esse combate inicia com o fim da impunidade que é o prin- Menongue, província do Cuando Cubango,
cípio da moralização da sociedade. o desempenho do sector naquela região.
O facto de, em dois anos, Angola ter subido 19 lugares no ranking Na sequência das informações reveladas pelo Sexta-feira, 24 de Janeiro
internacional dos países que combatem a corrupção, a impunidade caso “Luanda Leaks”, o Banco EuroBic decide O Chefe de Estado recebe, em audiência,
e promovem o respeito dos Direitos Humanos, é sintomático do “encerrar a relação comercial com entidades no Palácio Presidencial, em Luanda, o
PROPRIEDADE
engajamento das novas autoridades nessa luta, com a competente Edições Novembro, E.P. controladas pelo universo da accionista eng.ª enviado especial do homólogo do Tchad,
independência de poderes e não mais, segundo a política do faz Isabel dos Santos e pessoas estreitamente Abdelkerin Idriss Déby, de quem recebe
de conta que acompanhou outras intenções nesse sentido. relacionadas com a mesma.” uma mensagem.
SEDE:
O combate à corrupção e ao branqueamento de capitais trava- Rua Rainha Ginga, 12-26 A Sonangol confirma a compra integral, por
se à escala mundial e, com maiores ou menores reservas, a maioria
Caixa Postal 1312 - Luanda
Redacção: 222 020 174 Terça-feira, 21 de Janeiro 939 milhões de dólares, do capital da PT
Telefone geral (PBX): 222 333 344
dos países tem estado a colaborar por reconhecer os seus efeitos Fax: 222 336 073 A Inspecção-Geral da Administração do Ventures SGPS, empresa detida pela
Telegramas: Proangola
perversos. Por isso, há que buscar a cooperação necessária para e-mail: ednovembro.dg@nexus.ao Estado abre uma linha telefónica grátis brasileira Oi que titulava uma participação
recuperar o que é de todos, sobretudo nos países onde há evidências com o número 119, para denúncias de má de 25 por cento na Unitel, e fica com
e se supõe estarem investidos ou depositados os recursos financeiros CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO
actuação dos agentes públicos conectada metade do capital da companhia angolana
ilicitamente desviados. Víctor Silva (presidente) 24 horas por dia. de telecomunicações.
ADMINISTRADORES EXECUTIVOS
Como escrevemos há duas semanas nesta mesma coluna, será Caetano Pedro da Conceição Júnior A Clínica Sagrada Esperança desmente, A Assembleia Nacional aprova, na
José Alberto Domingos
bom lembrar aos visados que não aderiram ao período voluntário Rui André Marques Upalavela em Luanda, a informação posta a circular, generalidade, a Proposta de Lei da
Luena Kassonde Ross Guinapo
de repatriamento que o melhor caminho será a máxima colaboração segundo a qual, a unidade sanitária estaria a Requisição Civil, instrumento que
ADMINISTRADORES NÃO EXECUTIVOS
com o Estado e com a Justiça, porque ainda podem ter atenuantes. Filomeno Jorge Manaças comercializar medicamentos diversos com a possibilita ao Estado fazer recurso a bens e
Mateus Francisco João dos Santos Júnior
Nunca o confronto, até porque a mentira tem pernas curtas! data de validade vencida. serviços de entes públicos e privados.
OPINIÃO Domingo
26 de Janeiro de 2020 3
MEMÓRIAS DA ILHA

Fragata de Morais

CITAÇÕES

Os riscos do retrocesso “O que eu


gostaria de pedir
ao novo ministro
da Economia e
Espera aí, eu te conheço?
Os recentes acontecimentos no país trouxeram à do conhecimento pela população angolana. Planeamento é Ao relembar-me desta frase de um programa humorístico
tona o escândalo promovido pela investigação Não sou bom gestor de silêncios e por isso, que a televisão brasileira passava aos sábados, veio-me à
“Luanda Leaks”, que uns tantos tristes e bisonhos sou obrigado, em defesa dos meus princípios e que procurasse
mente uma teoria expandida na década de 60, denominada
já ousam contestar. Uma lástima. Tristeza não tem dos valores da cidadania, a vir a terreiro para afir- lidar com maior “O Fenómeno Pequeno Mundo” (Small World Phenomenon),
fim, cantou Vinícius de Moraes! mar que há premente neces- pragmatismo do já falecido psicólogo Stanley Milgram.
Os envolvidos no saque bárbaro sidade de se recrutar gente Esta teoria, ou experiência, confirma, ainda hoje de maneira
melhor preparada para gerir
possível no
e seus defensores oficiosos rea- controversa, que, efectivamente, quase todos nós temos
giram. Sem vergonha, desenvol- e administrar áreas sensíveis sentido de fazer uma possibilidade muito próxima de contactarmos (conhe-
vem teses de perseguição política, A imprudência e catalogadas como sendo da com que as cermos) alguém através
de caça às bruxas e até de práticas maior importância para o de-
de uma nomeação políticas de uma pequena cadeia
de racismo. Tudo farinha do mes-
mo saco, insistem na teimosia, pode conduzir-nos
senvolvimento de Angola. Ora,
dando-se, como se têm dado, definidas O fenómeno de encontros ou conhe-
cimentos sociais.
as claques organizadas. É de bra-
a erro grave
passos tão relevantes no do- venham, de facto, do boato, Esta questão colocou-
dar aos céus! No meio do alarido mínio da Justiça, da economia,
feito por essa esquisita opinião de difícil reparação. dos recursos minerais e das fi-
a surtir os seus por exemplo, se, quando se tentou sa-
ber, a partir de um qua-
efeitos, sobretudo
pública, interessa-me apenas res-
saltar que, apesar do pessimismo Os caminhos que
nanças – para citar apenas es-
ses e não obstante as perma- que contribuam
o tal de mujimbu press, dro N de pessoas desco-
nhecidas, qual seria a
dos espertos de sempre, a Jus-
estamos a percorrer nentes críticas que caem sobre para o aumento tão efectivo probabilidade que cada
tiça angolana, com todos os
seus condicionalismos, esteve hoje, minados e
tais sectores – não se pode la-
borar sistematicamente no erro
efectivo da para erguer elemento de N vir a estar
ligado a outro membro
bem. E tem estado bem, tanto
armadilhados em todos
de se cavarem desequilíbrios produção interna ou arrasar carreiras, de N, através de uma ca-
na actuação cuidadosa, como de resposta tão flagrantes entre de bens
no método de regeneração da os becos e esquinas, os deficientes sectores e o res- e de serviços
para movimentar deia de contactos.
Stanley Milgram, um
sua imagem que vai levando
a cabo. É um processo difícil não nos permitem
tante do Conselho de Ministros.
Os desafios específicos de cada na geração círculos ou cadeias psicólogo social, numa
experiência patrocinada
que tem que seguir caminho.
correr escusadamente ministério ou secretaria têm do emprego” de interesses pessoais pelo prestigiado Conse-
É uma rota na qual se vai en-
contrar um sinal a dizer, “proi- os riscos do
que ser atendidos com capaci-
dades. Começa a tornar-se in-
João Lourenço,
Presidente da República
ou colectivos lho de Relações Sociais
da Universidade de Har-
bido o retrocesso”.
retrocesso
cómoda a evidência das fragi- muito mais danosos vard, conseguiu, em
Quem estiver atento ao pro- lidades e a inexistência de es-
cesso em curso, verá que se torna tratégias nessas estruturas da
“Primeiro, do que os malditos 1967, chegar a uma apa-
rente resposta, ao con-
impossível o recuo neste anda- governação do país. A popula- vamos esgotar caracóis amarelos cluir, através da expe-
mento. Porque só ele poderá con- ção está atenta, cada vez mais a possibilidade de riência que conduziu,
duzir o país ao sucesso e a um porvir de esperança preparada para detectar erros e posturas, e por isso notificá-la: se da Patagónia. que dois cidadãos esco-
para a democracia e para o povo. A hora da verdade,
mais cedo ou mais tarde, surgirá. Queiram ou não
reclama e exige melhorias palpáveis, para que a
nossa rota para a frente seja efectivamente de êxitos. não for em Certamente lhidos ao acaso teriam
possibilidades de se en-
os arautos da desgraça angolana. E se a Justiça, Vem a propósito dizer que li há dias num jornal Portugal será no que me irão dizer contrarem, em média de
contrariando a legião de detractores, segue, sem português, matéria interessante que, sendo es-
vacilar, o seu rumo, capacitando, credibilizando sencialmente do foro do desporto, nomeadamente
Reino Unido, que não tenho cada seis, através dessa
cadeia de amigo a amigo.
onde também
quadros e adoptando as melhores estratégias de
actuação, é natural que, e tendo em vista o novo
do futebol, pode ser perfeitamente aplicada à
questão que abordo. Trata da competência das tem residência.
mais nada Se, por exemplo, eu dis-
ser a um amigo ou pa-
rumo, os demais sectores devam acompanhá-la pessoas, melhor, da sua incompetência. De facto, Vamos que fazer, rente, que gostaria de
nos seus passos. Aliás, já há vestígios, embora té-
nues, de novas formas de caminhar noutras áreas
e analisando o tema do artigo à luz da nossa rea-
lidade, sou obrigado a concordar que se um piloto
esgotar essas o país com conhecer alguém que
me cace caracóis ama-
da Administração Pública. Infelizmente não em é proibido de aterrar em determinado aeroporto possibilidades os problemas sociais relos na Patagónia, as
todas, o que é perfeitamente natural neste com- por não ter o número de horas de voo exigidos para depois
plicado contexto. pela lei devidamente certificadas; se os indivíduos podermos avaliar
que tem probabilidades de isso
acontecer, através dessa
Tenho o hábito de me esforçar para que nas
peças que escrevo, o sentido das minhas palavras
que têm a carta de condução de ligeiros estão
proibidos de conduzir veículos pesados; se usar- a aplicação de e eu preocupado cadeia, são teoricamente
muito reais, chegando
seja sempre de fácil dedução. Por isso, por me ditar mos a lógica dessas questões para as comparar outra medida” com teorias lá ao sexto contacto.
a minha consciência e na defesa do desenvolvimento
real da nossa terra, manifesto preocupações tanto
com actos danosos à governação, é legítimo pon-
derar-se se os titulares de determinados cargos
Hélder Pitta Grós,
Procurador-geral da
e abstracções. Posto isto, se eu tiver
cem amigos e cada um
pela escassez como pela qualidade técnica do pes- estão ou não capacitados para os ocupar. Na pri- República Talvez tenham razão, deles tiver outros cem
soal que é chamado a assumir determinadas áreas, meira linha de aferição estão os que tratam o de-
inclusivamente para tomarem assento na hierarquia senvolvimento humano e social, matéria reco- enquanto fico por aqui amigos, logo ao segundo
contacto, já poderei con-
de topo de alguns ministérios. Do meu ponto de nhecidamente fundamental para a trajectória de “Luanda com estas cogitações... tar com 10.000 pessoas
vista, existem alguns a mostrarem carências enormes. vida das pessoas. A imprudência de uma nomea- é uma cidade mais ou menos próximas,
Da base ao topo. E a questão é tanto ou mais preo- ção pode conduzir-nos a erro grave de difícil re- metropolitana, mas espera aí, na busca do meu caça-
cupante quando essa falha se regista em sectores
onde a importância dos serviços que prestam é
paração. Os caminhos que estamos a percorrer
hoje, minados e armadilhados em todos os becos
onde habitam eu te conheço?!... dor de caracóis da Pata-
gónia. Na terceira ligação,
inegável, justamente porque trabalham na prepa- e esquinas, não nos permitem correr escusada- cerca de dois terei 1.000.000 de pes-
ração e elevação social das pessoas e na aquisição mente os riscos do retrocesso. milhões de soas que poderão, numa
DR
pessoas. Mas, média de seis, interagir comigo. Sendo mais ambicioso, já
durante o dia que a minha mania são os caracóis amarelos da Patagónia,
vou ao quarto contacto e logo as minhas oportunidades au-
chegam a estar mentam para 100 milhões de pessoas. Não me venham dizer
aqui mais que não encontrarei o referido caçador e os ditos bichinhos.
de cinco milhões Se chegar ao sexto contacto, terei a casa infestada deles,
de pessoas de amaldiçoando a minha curiosidade, e sendo eu a caçar o ca-
outros distritos, çador seja onde ele estiver.
Quer dizer que cada um de nós está, a nível mundial, uni-
entre nacionais camente a seis contactos de separação do outro, o que explica
e estrangeiros, muito do que nos acontece, para bem ou para mal, nas inte-
que vêm racções que mantemos.
trabalhar, O fenómeno do boato, por exemplo, o tal de mujimbu
press, tão efectivo para erguer ou arrasar carreiras, para mo-
resolver qualquer vimentar círculos ou cadeias de interesses pessoais ou colectivos
situação ou até muito mais danosos do que os malditos caracóis amarelos
mesmo passear” da Patagónia.
Maria Antónia Certamente que me irão dizer que não tenho mais nada
Nelumba, que fazer, o país com os problemas sociais que tem e eu
Presidente da Comissão preocupado com teorias e abstracções. Talvez tenham razão,
Administrativa de Luanda
enquanto fico por aqui com estas cogitações... mas espera
aí, eu te conheço?!...
4 POLÍTICA Domingo
26 de Janeiro de 2020

MANUEL VICENTE BENGO INDONÉSIA


FRANCISCO BERNARDO | EDIÇÕES NOVEMBRO | ARQUIVO
PAULO MULAZA EDIÇÕES NOVEMBRO

Orientado reforço do
combate à imigração
Alfredo Ferreira | Caxito horas, entraram mais de
3.500 imigrantes ilegais a
O ministro do Interior, Eugé- partir do Bengo”, observou.
nio Laborinho, orientou, na O ministro apontou a pro-
quarta-feira, o reforço do víncia do Bengo como sendo
combate à imigração ilegal estratégica e que tudo deve
na província do Bengo, que ser feito para se combater a Adalberto Costa Júnior
nos últimos tempos tem ser- imigração ilegal. estreia na reunião da IDC
vido de porta de entrada O combate à imigração
ilegal de estrangeiros no país. ilegal, sublinhou, é uma
A província do Bengo, aposta muito importante UNITA participa
disse, tem vários municípios para a província, que tem
que servem de entrada, por vários municípios de entrada, na reunião
via fluvial, marítima e ter- quer por via fluvial, marítima
restre para os imigrantes ile- e terrestre. da IDC
gais, pelo que as autoridades Exortou os efectivos do
locais devem estar atentas Serviço de Migração e Estran- Uma delegação chefiada pelo
a esse fenómeno. geiros a continuarem atentos presidente da UNITA, Adal-
Ao intervir na inauguração para que a província seja berto Costa Júnior, partici-
do novo edifício da direcção sempre segura. pou, de 23 a 25 deste mês,
provincial do Serviço de Eugénio Laborinho infor- na reunião do Comité Exe-
Migração e Estrangeiro (SME), mou que o Executivo está a cutivo da Internacional
Eugénio Laborinho explicou melhorar as condições de D e mo cráti ca d o C ent ro
que após o levantamento dos trabalho da corporação no (IDC), que decorre em Yog-
controlos nas estradas nacio- sentido de prestar serviços yakarta, Indonésia.
nais, no ano passado, entraram de qualidade ao cidadão. De acordo com uma nota
mais de três mil imigrantes Apelou ainda aos efectivos de imprensa, a reunião abor-
Processo contra Manuel Vicente foi entregue à Procuradoria-Geral de Angola em Maio de 2018 ilegais a partir do Bengo. do Comando Provincial da dou assuntos relacionados
“Houve uma orientação Polícia Nacional e da delegação com o aprofundamento da
para se levantar os controlos do Interior a mudarem de democracia, o respeito pelos

Justiça aguarda fim de nas estradas, mas a expe-


riência foi amarga para nós
porque, em menos de 24
postura, no sentido de melho-
rarem o serviço e salvaguardar
os direitos do cidadão.
DOMBELE BERNARDI | EDIÇÕES NOVEMBRO
direitos humanos, a luta con-
tra o terrorismo em África e
o combate à corrupção. A
UNITA ocupa uma das vice-

imunidade do ex-vice-PR
presidências da IDC-África.

Ex-FALA
O Secretariado Executivo da
Comissão Política da UNITA
Procurador-geral da República concedeu uma entrevista à Lusa, saudou, numa declaração,
em Portugal, onde faz contactos com a congénere portuguesa a contribuição das ex-Forças
Armadas de Libertação de
O pro curador - geral da as relações diplomáticas raram consideravelmente, Angola (FALA), antigo braço
República, Hélder Pitta Grós, entre Portugal e Angola em incluindo visitas presiden- armado, na conquista da
admitiu que a investigação 2018, e que só terminou ciais recíprocas. Independência. A declaração
criminal ao ex-vice-Pre- quando o Ministério Público Na entrevista em Portugal, foi divulgada por ocasião
sidente da República, português enviou, em Maio após um encontro com a pro- do dia que era consagrado
Manuel Vicente, não avança do mesmo ano, a investi- curadora-geral da Repú- às ex-FALA, assinalado a
enquanto tiver direito a imu- gação para Luanda, da qual blica portuguesa por causa Ministro do Interior inaugurou instalações do SME no Bengo 24 de Janeiro.
nidade, que termina cinco não se conhecem mais da investigação à empresária
anos após o fim do mandato. avanços, além da conde- Isabel dos Santos, Hélder
Em entrevista à agência nação pela Justiça portu- Pitta Grós também rejeitou MINISTRO VISITA INSTALAÇÕES o funcionamento ininter-
Lusa, Hélder Pitta Grós, que guesa, em Dezembro, do que a Justiça angolana seja rupto da Rádio Waku Kungo
se encontra em Portugal, procurador Orlando Figueira “selectiva” e que só vise a (Cela), província do Cuanza-
comentou o processo de cor-
rupção que envolve Manuel
Vicente e que foi enviado
a seis anos e oito meses de
prisão efectiva.
família do ex-Presidente
da República.
A Justiça em Angola é
Rádio Waku Kungo Sul, reforça o direito à infor-
mação e o estado democrático
consagrado na Constituição
pela Justiça portuguesa para
Angola, ao abrigo do acordo
de cooperação judiciária
“Tanto
o ex-vice-
“selectiva porque só vai agir
contra aqueles que come-
teram actos ilícitos penais”,
arranca em breve da República.
O ministro da Comuni-
cação Social disse que a ope-
entre os dois países. Presidente como mas “actua sobre todos”, A Rádio Waku Kungo, per- dos jornalistas para suportar racionalização do sinal da
“Tanto o ex-vice-Presi- o ex-Presidente disse o procurador-geral, tencente ao grupo Rádio a emissão durante as 24 horas. Rádio Waku Kungo visa
dente como o ex-Presidente estão protegidos dando o exemplo de outros Nacional de Angola, poderá Desde a sua inauguração, atender o território do
estão protegidos por uma lei por uma lei que políticos condenados no pas- iniciar as emissões em breve, em 2017, a Rádio Waku Cuanza-Sul e levar a infor-
que concede cinco anos em concede cinco anos sado recente. depois da assinatura, na sexta- Kungo, localizada na comuna mação sobre a administração
que não poderão responder em que não Um dos parceiros prefe- feira, de uma declaração de da Kissanga Kungo, a nove do Estado aos municípios
pelos actos praticados e, por- poderão responder renciais de negócio de Isabel intenções entre a direcção da quilómetros da sede muni- da Quibala, Cassongue, Ebo
tanto, vamos esperar que os pelos actos dos Santos é o general Leo- emissora estatal e a adminis- cipal, nunca funcionou. Conta e Cela. “Cria-se, assim, um
cinco anos decorram para praticados” poldino do Nascimento tração municipal. com dois estúdios de emissão, espaço de debates, promoção
daí podermos tirar ilações “Dino”, do círculo próximo A declaração, assinada pelo sendo um auto-operado, uma e de elevação da cidadania,
se a Justiça está, ou não, a do ex-Presidente da Repú- administrador municipal da central técnica, uma sala de bem como o aprofunda-
mando do senhor Manuel O processo “Operação blica. Hélder Pitta Grós Cela, António Wenga Franco, redacção e um gabinete. mento da democracia, para
Vicente e em que termos", Fizz” engloba alegados paga- defendeu que os casos e o presidente do Conselho O ministro da Comuni- que se possa assegurar o
disse o magistardo. mentos feitos pelo então foram diferentes. “Não estou de Administração da Rádio cação Social, Nuno Albino Estado de Direito”, ressaltou
O procurador-geral da antigo presidente da Sonan- em defesa do general Dino, Nacional, Marcos Lopes, “Carnaval”, considerou que o ministro.
República reagiu às acusa- gol, Manuel Vicente, a um mas ele nunca ocupou um durante a visita do ministro ANGOP
ções de que o país está a procurador do Ministério cargo de gestão do erário, da Comunicação Social,
actuar apenas contra a filha Público português, no valor daí não ser tão fácil che- Nuno Albino “Carnaval”,
do ex-Presidente da Repú- de 760 mil euros e ainda gar-lhe”, referiu. realça que parte dos custos
blica, Isabel dos Santos. uma oferta de emprego No entanto, o general e operacionais será financiada
Após os cinco anos, acres- como assessor jurídico no empresário na área das tele- através da publicidade.
centou, “tudo é possível”. Banco Privado Atlântico, comunicações (parceiro da O documento prevê a criação
Mas até lá “as investiga- em troca do arquivamento Isabel dos Santos na ope- de um grupo técnico que, no
ções podem decorrer nor- de inquéritos, nomeada- radora móvel Unitel) “fez prazo de 30 dias, deverá elaborar
malmente e serem extraídas mente a compra de um edi- a devolução do valor que um memorando de entendi-
cópias de tudo o que tiver a fício de luxo no Estoril por estava em dívida para com mento que define os termos
ser feito para que não atra- 3,8 milhões de euros. a Sonangol e, chamado, de responsabilidades, visando
palhe ou crie obstáculos ao Depois do envio da parte cumpriu com a obrigação o arranque e funcionamento
funcionamento normal da do processo que envolvia que havia e fez a devolução da Rádio Waku Kungo.
investigação”, esclareceu. M a n u e l Vi c e n t e p a ra do valor correspondente”, Consta que o grupo deve
Manuel Vicente foi a base Angola, as relações políticas revelou o procurador-geral clarificar questões como a
do “irritante” que dificultou entre os dois países melho- da República. contratação e remuneração Nuno Albino “Carnaval” com o governador do Cuanza-Sul
POLÍTICA Domingo
26 Janeiro de 2020 5
MOXICO E HUAMBO SECRETÁRIO NACIONAL VISITA HUÍLA CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CONTABILIDADE PÚBLICA
JOÃO GOMES | EDIÇÕES NOVEMBRO

Forças Armadas JMPLA incentiva aposta


passam à reforma
193 efectivos no empreendedorismo
O comando da Região Militar Arão Martins | Lubango vimento da juventude no
Leste passou à reforma 103 processo de diversificação
efectivos, entre oficiais supe- O secretário nacional da económica”, disse.
riores, capitães, subalternos JMPLA, Crispiniano dos San- Crispiniano dos Santos
e sargentos das distintas uni- to s , ap elou o s j oven s a afirmou que o sucesso do
dades e subunidades que substituir o discurso crítico MPLA no combate à cor-
durante muitos anos cum- com a apre s entação de rupção “está a descomandar
priram o serviço militar. soluções criativas e aposta a oposição”. “A nossa opo-
O comandante da Região no empreendedorismo, sição encontra-se, neste
Militar Leste, general Carlos para contribuir para o cres- momento, atrapalhada por-
Sachimo, destacou a bravura cimento económico. que os resultados do combate
dos recém-formados e disse Ao intervir na abertura do à corrupção são visíveis”,
que o acto é o cumprimento “Programa de encontros de disse o político, num encon-
da ordem d o c h e f e d o reflexão sobre a participação tro com membros da orga-
Estado-Maior General das da juventude no aumento da nização juvenil.
Forças Armadas Angolanas produção interna”, que Acrescentou que o MPLA
(FAA) sobre o licenciamento decorreu na sexta-feira, na aprovou um lema que está
à reforma por limite de idade. cidade do Lubango, disse que a surtir efeitos, já que os
Carlos Sachimo afirmou os jovens são o recurso mais resultados das reformas
que a cerimónia acontece valioso do país. Antes do implementadas pelo Presi-
num período importante da encontro, Crispiniano dos dente da República, João Lou- Exalgina Gamboa, pelo Tribunal de Contas, e Redento Maia, pela UAN, assinaram o acordo
História do país, em que o Santos visitou a feira de pro- renço, são visíveis um pouco
Angola assinala, a 4 de Feve- dução nacional. “Desafia- por todo o país.
reiro, os 59 anos do início mos os jovens a reflectirem Apelou aos jovens a esta-

UAN vai formar técnicos


da Luta Armada de Liber- diariamente sobre a sua rem atentos, porque a opo-
tação Nacional. participação na edificação sição já está com discursos
O general considerou de da sociedade, no resgate de que “o combate à cor-
p o s i t iv o o p ro c e s s o d e dos mais altos ideais da rupção é selectivo ou está

do Tribunal de Contas
modernização e rejuvenes- Nação”, apelou. dirigido a alguns e não a
cimento em curso nas FAA, O político reconheceu todos. Isto constitui uma
apesar de não atingir ainda que o país tem potenciali- mentira, porque, se fizermos
o quadro ideal pretendido dades que permitem desen- uma busca um pouco pelo
pelo comando superior. volver a economia nacional, país, vamos ver que os ges- O memorando assinado visa a implementação do curso de
Para o comandante da tornando-a forte, atractiva tores que, aos vários níveis,
Região Militar Leste, o pro- ao investimento estrangeiro. geriram irresponsavelmente
pós-graduação, na especialidade de Contabilidade Pública
cesso de modernização não “A JMPLA entende que o erário, estão a contas com
é resultado do acaso, mas é urgente e inadiável o envol- a Justiça”, disse. Kátia Ramos Segundo a juíza, o acto nação Científica do curso, na
sim um reflexo de grandes ARÃO MARTINS | EDIÇÕES NOVEMBRO enquadra-se no plano direc- Universidade Agostinho Neto,
mudanças estruturais que Pelo menos 35 funcionários tor dos Recursos Humanos, o melhor em termos de con-
têm vindo a acontecer na do Tribunal de Contas vão com um horizonte de quatro teúdos pedagógico e selecção
s o c i e d ad e e n o c e n á r i o efectuar, a partir deste ano anos, com metas específicas do corpo docente que terá
internacional. lectivo, a iniciar em Feve- de formação para os funcio- aulas práticas de estudos dos
Carlos Sachimo assegurou reiro, um curso de pós-gra- nários do Tribunal de Contas casos da administração
que mais actos do género duação em Contabilidade e capacitá-los para as acti- pública angolana e das maté-
vão acontecer, à medida que Pública, na Universidade vidades sujeitas. rias ligadas à processos autua-
mais militares atingirem o Agostinho Neto, graças a um O órgão, no entender da dos no Tribunal.
tempo previsto no regula- memorando de entendi- juíza Exalgina Gamboa, O decano da Faculdade
mento sobre o licenciamento mento assinado, sexta-feira, espera por parte dos for- de Economia da Universi-
militar. O tenente-coronel em Luanda entre aquele mandos maior empenho, dade Agostinho Neto,
António Gouveia, que falou órgão judicial e a instituição com domínio do plano de Redento Maia, disse que o
em nome dos reformados. de ensino superior. contas das entidades públi- país vive uma das fases mais
manifestou a disponibilidade O m e m o ra n d o v i sa a cas, do cálculo e análise exigentes da sua história,
do grupo em transmitir o implementação do curso financeira, matérias a serem fruto de uma combinação
seu saber aos mais novos. de pós-graduação, na espe- ministradas que irão con- complexa de factores exter-
Crispiniano dos Santos reuniu-se com os jovens da organização cialização em Contabilidade tribuir para a melhoria do nos e internos, de recessão
Huambo Pública, abarcando matérias trabalho técnico de análise económica e de restrições
Acto idêntico teve lugar na sobre ciências económicas, das mais de 2000 mil pres- financeiras severas, que exi-
província do Huambo, onde EM LUSAKA estruturado em conteúdos tações de contas. gem do agente público sen-
90 oficiais superiores das programáticos, concertados tido de responsabilidade e
FAA, afectos à Região Militar
Centro, foram licenciados
à reforma, por limite de
Começou o registo de entre as duas instituições,
apenas para formar fun-
cionários do Tribunal de
A iniciativa
acontece no âmbito
capacidade de descoberta e
soluções para os desafios.
Redento Maia realçou que
idade e tempo de serviço.
No acto de despedida rece-
beram certificados de reco-
angolanos na Zâmbia Contas.
A iniciativa acontece no
âmbito da política de for-
da política de
formação de
quadros, como um
a Faculdade de Economia da
UAN está ciente da crucial
importância do órgão para
nhecimento pela bravura e A Embaixada de Angola na O embaixador de Angola mação de quadros, como um dos principais eixos a transição económica e de
dedicação demonstrada. Zâmbia iniciou ontem, em na Zâmbia, Azevedo Fran- dos principais eixos do plano do plano estratégico mentalidades que o país
O comandante da Região Lusaka, a Campanha de cisco, disse que o registo dos estratégico 2020-23 do Tri- 2020-23 do necessita concluir.
Militar Centro, tenente- Registo Massivo da Comuni- cidadãos na diáspora é uma bunal de Contas, já em fase Tribunal de Contas, O académico referiu, na
g e n e ra l D i n i s S e g u n d a dade Angolana naquele país. prioridade do Governo e de execução. já em fase de s u a i n te r ve n ç ã o , q u e a
Lucama, informou que o Estima-se que perto de constitui um passo funda- A Juíza Conselheira e pre- execução Faculdade de Economia da
processo de reforma é ape- 30 mil angolanos e descen- mental para dar solução aos sidente do Tribunal de Con- Universidade Agostinho
nas uma medida adminis- dentes residam na Zâmbia, inúmeros problemas que os tas, Exalgina Gamboa, disse Neto tem um compromisso
trativa e necessária para o a maior parte dos quais sem compatriotas enfrentam. na ocasião que o acto vem A formação vai ainda per- no desenvolvimento da
enquadramento de novos qualquer documentação José Pinto Fausto, líder dar início à cooperação téc- mitir a condução de proces- sociedade angolana,
quadros nas fileiras das For- que os identifique como da Comunidade Angolana nica e científica com a Uni- sos de auditorias, que se “inquebrantável, perma-
ças Armadas. cidadãos nacionais. na Zâmbia, agradeceu o versidade Agostinho Neto, apresentam cada vez mais nente e com responsabili-
Aconselhou aos militares Segundo uma nota de gesto e disse que, final- com um ciclo de formação complexas, e, por conse- dade”, razão pela qual a
reformados a aproveitar des- imprensa da Embaixada de mente, estão criadas as con- para os técnicos daquela ins- guinte, o rigor técnico e cien- instituição leva a cabo ofer-
frutar da vida, em compa- Angola, a campanha vai se dições para se restituir a tituição judicial, que no futuro tífico, como um dos valores tas formativas de excelência
nhia da família, depois de e stender até ao mê s de cidadania a milhares de serão auditores, certificados do plano estratégico do Tri- reconhecida
vários anos de trabalho em Março deste ano. angolanos. de acordo com as regras bunal de Contas que deve A Universidade Agstinho
prol da Pátria. “A reforma O cronograma prevê que, A Missão Diplomática de internacionais. ser preservado. Neto, a primeira instituição
não pode ser vista como a partir de Abril, equipas do Angola na Zâmbia, através Exalgina Gamboa fez saber “É desta forma que esta- de ensino superior no país,
sinónimo de incapacidade Ministério da Justiça e dos dos seus Serviços Consu- que a iniciativa começa com remos a trabalhar, para a comemora em breve 50 anos
ou afastamento, mas a dinâ- Direitos Humanos e do Ser- lares, criou brigadas móveis um ciclo de pós-graduação melhoria da eficiência e da de existência, tendo a Facul-
mica da passagem de geração viço de Migração e Estran- que vão deslocar-se às em Contabilidade Pública e, eficácia do controlo das dade de Economia formado
para geração, para que os g e i ro s s e d e s l o q u e m à regiões com maior concen- à posterior, vai culminar finanças públicas, bem como mais de quatro mil licencia-
mais novos prossigam com Lusaka, para proceder a tração de angolanos, nomea- com um ciclo de certificação a promoção necessária da dos, 120 mestres e vai, nos
a missão”, destacou. entrega do Bilhete de Iden- damente, as províncias de dos auditores do Tribunal de valorização dos Recursos próximos dias, graduar os
José Rufino | Luena tidade e do Passaporte aos Lusaka, Livingstone, Ndola Contas, com base nos requi- Humanos”, salientou. seus primeiros doutores, em
Justino Victorino | Huambo cidadãos registados. e Copperbelt. sitos internacionais. A juíza espera da Coorde- várias áreas.
6 ECONOMIA Domingo
26 de Janeiro de 2020

SECTOR DA AGRICULTURA OFERTA É IRRISÓRIA


MOTA AMBRÓSIO | EDIÇÕES NOVEMBRO
com base em critérios que
imponham os mais elevados
Bens nacionais em baixa padrões de qualidade à oferta
dos produtores.

no comércio de Malanje Preços baixaram


O secretário de Estado disse
Eduardo Cunha desenvolvimento do país. ainda ter constatado uma
e Venâncio Victor | Malanje “Encontramos poucos ligeira queda dos preços dos
produtos nacionais nas lojas produtos da cesta básica nos
Os produtos da cesta básica de Malanje, para além daque- estabelecimentos comer-
de origem nacional têm uma les que são os mais conhe- ciais, em comparação com
baixa oferta nas grandes cidos e que já são produzidos o mês de Dezembro de 2019,
superfícies comerciais do em grande escala no país, quando se registou uma
município de Malanje, cons- como refrigerantes e água grande procura, referindo
tatou o secretário de Estado mineral”, lamentou. que, nesta altura, até já há
do Comércio , Amadeu O secretário de Estado promoções para incentivar
Nunes, que visitou estabe- realçou que o país tem con- os consumidores locais a
lecimentos do sector naquela dições para prover uma oferta aproveitarem a oportunidade
cidade, de terça a sexta-feira. significativa de produtos do momento.
O governante proferiu nacionais da cesta básica, Em Malanje, Amadeu
esta declaração no termo da defendendo a necessidade Nunes reuniu-se com os inte-
visita à rede comercial do da transformação industrial grantes do Projecto de Comer-
município de Malanje, onde dos bens produzidos no país, cialização Rural do Governo
p e rc o r re u s e te g ra n d e s para evitar as importações. Provincial de Malanje, um
superfícies comerciais, com “Pensamos que temos de encontro em que participou
realce para as lojas da Angoa- trabalhar mais para que o governador Norberto dos
lissar, Angomarte, Shoprite tenhamos mais produção Santos que, na ocasião, des-
e Nosso-Super. nacional industrializada”, tacou os benefícios obtidos
Amadeu Nunes exortou disse o responsável. pelos camponeses ao longo
os agentes económicos, prin- Amadeu Nunes indicou da implementação do Projecto
cipalmente os das grandes que, para vitalizar as tran- de Agricultura Familiar e
superfícies comerciais, a sacções de bens, os grandes Comercialização (MOSAP 2),
apostarem mais na aquisição fornecedores podem fazer na província
Projecto de Desenvolvimento da Agricultura Comercial eleva níveis de colheitas em Angola de produtos nacionais, com acordos e contratos de com- O secretário de Estado
o que contribuem para o pra da produção nacional, d o C o m é rc i o m a n t eve ,
CONTREIRAS PIPA | EDIÇÕES NOVEMBRO igualmente, um encontro
de trabalho com as admi-
n i s t ra ç õ e s m u n i c i p a i s ,

Autoridades prevêem aumento comerciantes, empresários


agrícolas e responsáveis de
associações de camponeses,

da produção durante este ano no qual foi abordado o Pro-


jecto de Comércio Rural e
apresentado o estado de
implementação da Proposta
Expectativas geradas pela implementação de projecto apoiado de Comércio Rural da Pro-
pelo Banco Mundial e a Agência Francesa de Desenvolvimento víncia (PROCUMA).
Na sexta-feira, Amadeu
Nunes visitou fazendas e
Victorino Joaquim O responsável acrescentou Banco Mundial exigiu que associações de camponeses
que o projecto prevê a rea- fosse criada uma unidade ligadas ao MOSAP 2, incluindo
bilitação de 50 quilómetros independente de gestão do infra-estruturas comerciais
O Ministério da Agricultura de vias terciárias e abaste- proj e cto , integrada p or do município de Cacuso, 72
e Florestas prevê, até ao final cimento de energia eléctrica. especialistas internacionais quilómetros a Oeste da sede
deste ano, um aumento da Com a capacitação e assis- da área. Amadeu Nunes incentivou a aquisição de produtos locais capital da província.
produtividade e do escoa- tência técnica, frisou, os pro- Por outro lado, acrescen-
m e n to d o s p ro d u to s d o dutores terão a possibilidade tou, apesar de o projecto per-
campo para os mercados, de colher mais, enquanto tencer ao Ministério da
por acção do Projecto de que a reabilitação das vias Agricultura e Florestas, deve TRANSPORTE MARÍTIMO EM CABINDA GREVE
Desenvolvimento da Agri- terciárias vai facilitar o escoa- ser implementado em cola-
cultura Comercial (PDAC), mento dos produtos. boração com outros depar-
Autoridades
em curso desde 2018, soube
o Jornal de Angola na sexta-
feira, em Luanda. Produtores
tamentos ministeriais, como
o da Construção e o da Ener-
gia e Águas, bem como as
Obras do Porto Caio estão a mediar
O director do Gabinete de
Estudos, Planeamento e Esta-
tísticas (GEPE) do Ministério
vão beneficiar
de apoios para
o crédito, até
administrações municipais.
Por este facto, foram rea-
lizados vários estudos con-
retomam este mês entendimento
da Agricultura e Florestas,
Anderson Jerónimo, declarou
ao valor de 120 mil juntos e levantamentos de
dados, os quais culminaram
As obras de construção do
Porto de Águas Profundas
poderá receber o primeiro
navio de longo curso.
na Halliburton
dólares, com
à nossa reportagem que o reembolso com a assinatura de vários do Caio, em Cabinda, reto- O presidente do Conselho O Ministério dos Recursos
projecto está orçado em 230 subvencionado 65 memorandos de entendi- mam este mês, depois da de Administração do Porto Minerais e Petróleos anun-
milhões de dólares, finan- por cento pelo mento entre as instituições liquidação, quinta-feira, de de Cabinda, Samuel Sambo, ciou sexta-feira estar a
ciados em 130 milhões pelo Fundo de Garantia envolvidas, originando o uma dívida de 124 milhões manifestou-se satisfeito com mediar o conflito laboral que,
Banco Mundial (BM) e em de Crédito atraso na implementação de dólares às empresas Caio a retomada das obras do Porto desde Dezembro, opõe os
100 milhões pela Agência do projecto. Porto e CRBC, envolvidas na de Águas Profundas do Caio, trabalhadores aos gestores
Francesa de Desenvolvi- empreitada paralisada há pelo impacto para a empresa da empresa de perfuração
mento (AFD), tendo uma “A reabilitação de uma Evolução do projecto cerca de dois anos, noticiou e a economia da província. petrolífera Halliburton.
componente de fomento do via terciária ou mesmo o Lançado em 2018, o Projecto a Angop. A opção de manter as Um comunicado daquele
agro-negócio. abastecimento de energia de Desenvolvimento da Agri- O director-geral do Instituto empresas Caio Porto e CRBC departamento ministerial
Anderson Jerónimo disse deverá ocorrer em casos em cultura Comercial tem dura- Marítimo e Portuário de Angola no projecto permite reco- citado ontem pela Angop
à nossa reportagem que, para que, realmente, se venha ção de s ei s ano s . Numa (IMPA), Nazareth Neto, anun- meçar a construção das infra- indica que a greve dos traba-
a implementação efectiva sentir esta necessidade e primeira fase, vai ser imple- ciou a liquidação da dívida estruturas portuárias, para lhadores nacionais da Halli-
do projecto, que começou deverá ser em zonas onde mentado naquelas três pro- numa reunião com as empre- terminar com dependência burton Overseas Limited,
este ano, foram seleccionados existem aglomerações de víncias, mas, na fase se- sas que intervêm na execução de Cabinda do Porto Econó- segue-se a um caderno rei-
mais de 30 produtores nas produtores”, explicou o guinte, estende-se ao Bié, da obra, na qual representou mico de Ponta-Negra, Repú- vindicativo submetido pela
províncias de Cuanza-Norte, director do GEPE. Benguela, Bengo, Luanda, o Ministério dos Transportes. blica do Congo (Brazzaville). comissão sindical, exigindo
Malanje e Cuanza-Sul. Referindo-se aos motivos Huambo, Huíla e Uíge. Nazareth Neto assegurou As obras do Porto de Águas um reajuste salarial com base
Os produtores vão bene- que levaram à implemen- Nas zonas em que é que, ultrapassada a questão Profundas do Caio iniciaram na taxa de câmbio divulgada
ficiar de apoios, principal- tação efectiva do projecto implementado, vão ser cria- financeira que originava a em 2015 e registaram inter- diariamente pelo Banco Nacio-
mente na obtenção de crédito apenas a partir deste ano, das infra-estruturas de pro- paralisação das obras, o passo rupções depois de atingir, em nal de Angola (BNA).
até ao valor de 120 mil dóla- depois de ter sido lançado dução e comercialização para a seguir será a revisão de outras 2017, níveis de execução física É referido um esforço ins-
res, com reembolso subven- em 2018, Anderson Jeró- o fortalecimento e melhoria facturas das operações rea- acima de 45 por cento, com a titucional para dirimir o litígio,
cionado em até 65 por cento nimo afirmou que ficou a do ambiente de negócios, lizadas durante o ano de 2019. construção de mais de 400 dos com os Ministérios da Admi-
pelo Estado, através do Fundo dever-se à necessidade de tendo em conta as vantagens G a ra n t i u q u e , c o m a 775 metros de cais previstos. nistração Pública, Trabalho
de Garantia de Crédito. Os se criarem condições básicas comparativas na cadeia de a m o r t i zação d a d ívi d a , O investimento no Porto e Segurança Social e dos
benefícios incluem o acesso e o cumprimento de algumas valores das culturas de milho, prevê-se a conclusão da pri- do Caio está avaliado em Recursos Minerais e Petróleos
às acções de capacitação e cláu sula s exigida s pelo feijão, soja e de café, bem meira fase em 2022, sendo mais de 800 milhões de dóla- a mediarem o processo de
assistência técnica, bem Banco Mundial. como a produção de frangos que, no terceiro trimestre res, 180 milhões dos quais negociação, levando as partes
como a equipamentos. Segundo o director, o e ovos. do próximo ano, a ponte cais já desembolsados. a apresentarem propostas.
ECONOMIA Domingo
26 de Janeiro de 2020 7
CESTA BÁSICA PLANTAÇÕES TÊM MERCADO

Polícia trava remessa Empresas compram produção


de bens para a RDC
Cem sacos de açúcar e 50
de feijão com destino à
República Democrática do
à Administração Geral Tri-
butária (AGT) para o trata-
mento previsto na lei.
a associações de camponeses
Congo (RDC) foram apre- O consultor do secretário O contrato-promessa tem a vantagem de estipular um valor fixo, minimizando o efeito
-endidos quinta-feira pela de Estado do Comércio, das oscilações dos preços no mercado nacional, com ganhos para os camponeses
Polícia Nacional no muni- Assunção Pereira, afirmou
cípio do Soyo, província recentemente, numa visita Matias da Costa | Chinguar CEDIDA contrato com os produtores
do Zaire, por alegado con- à província do Zaire, que a de milho da província do Bié.
trabando de mercadorias, reexportação de produtos Quatro associações de cam- O representante legal da
noticiou a Angop. da cesta básica para a RDC poneses dos municípios do Avipal, Feliciano Suluvica,
De origem brasileira, a a partir do posto fronteiriço Chinguar e Chitembo, Bié, sublinhou que a companhia
mercadoria foi apreendida d e Q u i m b u m b a ( S oyo ) assinaram, quinta-feira, um consome de dois a três mil
na sequência de uma micro- desobedece às normas contrato-promessa com os quilos de ração por dia, para
operação levada a cabo pelas aduaneiras e de comércio grupos empresariais Orquídea alimentar mais de 10 mil
forças policiais no rio Zaire, transfronteiriço. e Avipal, para a venda de pro- aves. “Precisamos de um
que delimita o município De acordo com o respon- dutos agrícolas num valor de grande volume de produtos
do Soyo com a RDC. sável, as mercadorias devem mais de 69,2 milhões de em tempo real, pois a dis-
A bordo de uma embar- ser reexportadas, obrigando kwanzas, com o apoio do Pro- tância que percorremos para
cação de fabrico artesanal, o exportador a pagar nos ban- jecto de Desenvolvimento da a aquisição cria sérias difi-
a mercadoria, informou o cos comerciais taxas exigidas Agricultura Familiar e Comer- culdades para a actividade
porta-voz do Comando Pro- na Pauta Aduaneira para com- cialização (MOSAP 2). da fazenda”, referiu.
vincial do Zaire da Polícia pensar o Estado angolano em O representante da
Coordenador do Mosap 2 no Bié anuncia novos apoios à produção
Nacional, inspector-chefe termos de divisas gastas na a s s o c i a ç ã o ag r í c o l a d o Novos apoios
Luís Bernardo, será entregue sua importação. Chinguar Cajamba, Antó- O coordenador do MOSAP 2
nio Baptista, destacou a compatível com os custos O representante da asso- no Bié, Romeu Rosa, anun-
MAVITIDE MULAZA | EDIÇÕES NOVEMBRO
aposta das empresas na aqui- de produção, António Bap- ciação de camponeses de ciou, para Fevereiro, a cons-
sição da produção agrícola tista indicou a disponibilidade Cachingui, município do Chi- trução de infra-estruturas
e considerou que as cláusulas de 150 hectares para o cultivo tembo, Januário Jamba, prevê para conservação e comer-
contratuais estão ajustadas de milho, com uma previsão vantagens no contrato com cialização de bens agrícolas
ao esforço dos camponeses. de colheita para o final de grupos empresariais. “É um e o fabrico de sacos para
“O contrato-promessa vai Maio. “O contrato-promessa benefício produzir com garan- embalagem de produtos.
permitir uma produção sem tem a vantagem de estipular tias de que os produtos do Destacou a ausência de
receio da deterioração dos um preço fixo, 120 kwanzas, campo têm um destino para condições para a conserva-
produtos no campo, já que independentemente da osci- comercialização”, disse. ção, escoamento e comer-
estão garantidas as condições lação dos preços no mercado Uma maior disponibili- cialização como os principais
de escoamento e comercia- nacional, o que é favorável, dade de rações no mercado obstáculos que os produtores
lização”, referiu. tendo em conta os custos da é o que espera a empresa enfrentam e garantiu que o
Sublinhando que o preço produção”, acrescentou Avipal, produtora de ovos e MOSAP 2 está a projectar
Reexportação de mercadorias está sujeita a taxas agravadas oferecido pelas empresas é António Baptista. aves, depois de rubricado o apoios nesses domínios.

PUBLICIDADE

(500.0118)
8 Domingo
26 de Janeiro de 2020

PUBLICIDADE

MINISTÉRIO DA DEFESA NACIONAL


Caixa de Segurança Social das FAA
GABINETE DO DIRECTOR GERAL

COMUNICADO DE IMPRENSA

(500.0119)
Domingo
26 de Janeiro de 2020 9
PUBLICIDADE

CONCURSO PÚBLICO
FORNECIMENTO E MONTAGEM DE EQUIPAMENTOS DE COZINHA PARA O REFEITÓRIO DAS ASSOCIAÇÕES
FS e FST

A SOMOIL – Sociedade Petrolífera Angolana, S.A., na qualidade de Operadora das Associações FS e FST, localizada na Zona Terrestre da Bacia do Congo,
Município do Soyo, Província do Zaire vem, por este meio, anunciar a sua intenção de realizar um concurso público para Fornecimento e Montagem de Equipamentos
de Cozinha para o Refeitório das Associações FS e FST.

As empresas interessadas, em participar no concurso acima epigrafado, deverão ter experiência comprovada na área, observando os mais elevados padrões de Hi-
giene, Segurança e Ambiente exigidos pela legislação em vigor e pela Indústria Petrolífera.

Para o efeito, as empresas deverão pronunciar-se dentro de um prazo de 5 dias úteis a contar desde a data de publicação do presente anúncio, enviando um e-mail
para o endereço electrónico citado abaixo, fazendo menção da referência do concurso na qual pretende participar e seguir as instruções posteriormente recebidas.

O endereço electrónico na qual deve enviar a sua candidatura é o seguinte: concursos@somoil.co.ao, indicando a referência SML/FS-FST/CP-02/2020.

O e-mail deverá conter os seguintes requisitos mínimos:


• Nome da Empresa;
• Objecto Social Relacionado com os Serviços Supracitados;
• Endereço postal (incluindo NIF);
• Certidão do Registo Comercial;
• Alvará Comercial;
• Cópia da Política da Empresa sobre Saúde, Higiene, Segurança e meio Ambiente;
• Certificação pelo Ministério dos Petróleos e pela Câmara do Comércio e Indústria de Angola (Artigo 3.º, n.º 2.3, do Despacho n.º 127/03, de 25 de Novembro);
• Carta de apresentação da Empresa com descrição da equipe de trabalho e equipamentos (força de trabalho, software, patentes, etc);
• Evidência dos 2 últimos contratos (relacionados com a prestação de serviço em epígrafe) executados em Angola ao longo dos últimos 5 anos, preferencialmente no
Sector Petrolífero;
• E-mail e contacto telefónico da Empresa e da pessoa a ser contactada.

Sede (Provisória): Rua Eduardo Mondlane n.º 5– Distrito Urbano da Ingombota – Luanda – Angola - Contribuinte n.º 5401080840
Telef: +226 430 772 / 3 / 4 / 5 / 6 e 9 Fax: +226 430 785 C.P.: 1945 E-mail: somoil@somoil.co.aoMod.sml n.º 1 12/06/15
(500.0044)

“RECENSEAMENTO MILITAR”

DE 6 DE JANEIRO
A 29 DE FEVEREIRO 2020

REPÚBLICA DE ANGOLA
MINISTÉRIO DA DEFESA NACIONAL

Recenseamento Militar 2020


Se é Angolano do sexo masculino, nascido no ano de 2002,
faça já o seu Registo Militar na Administração Municipal ou
Comunal da sua área de residência.

Se reside no Estrangeiro, dirija-se ao Posto Consular.

O Recenseamento Militar constitui uma obrigação do cida-


dão para com a Pátria.
(700.126)

MINISTÉRIO DA DEFESA NACIONAL


(900.001)
10 ÁFRICA Domingo
26 de Janeiro de 2020

Breves
PRESIDENCIAIS NA GUINÉ-BISSAU CONTESTAÇÃO PROSSEGUE NA ARGÉLIA

Supremo Tribunal ordena MAGUFULI EXONERA


MINISTRO POR ASSINAR
Manifestantes querem
a repetição do apuramento
UM CONTRATO SUSPEITO
O ministro tanzaniano do
Interior, Kangi Lugola, foi
derrubar o “sistema”
ontem exonerado por ter Milhares de manifestantes desde a independência do
assinado um contrato desfilaram, sexta-feira, nas país, em 1962. No protesto de
Comissão Nacional de Eleições deve proceder à repetição do controverso de 405 milhões ruas de Argel pela 49ª semana sexta-feira, exigiram um
de euros, sem o aval das consecutiva, numa mobili- “Estado de direito e justiça”
apuramento dos votos, uma decisão contestada pela CNE que autoridades competentes, zação que prossegue apesar e recusaram a perspectiva de
remete, para hoje, uma posição oficial sobre o assunto disse à Panapress fonte de algum recuo e que continua exploração do gás de xisto,
DR oficial em Dar es Salaam. a contestar um poder que se num dos países do mundo
Numa ligeira remodelação afirma disposto a dialogar. com as maiores reservas de
ministerial, o Presidente “Não vamos parar, quer petróleo e gás natural.
tanzaniano, John Magufuli, partam, quer continuem no No entanto, permanece
nomeou George poder”, ecoava a multidão, por definir qual a direcção
Simbachawene, então vigiada por um importante que este inédito movimento,
ministro de Estado no dispositivo policial, ao con- plural e pacífico, deve seguir
gabinete do Vice-Presidente fluir para o centro da capital após a eleição em 12 de
encarregue dos Assuntos argelina, referiu a agência Dezembro do novo Presidente
Ambientais e da União, para noticiosa France Press. Abdelmadjid Tebboune, e a
substituir Lugola. Por sua “Estado civil, não mili- tomada de posse do Governo.
vez, Simbachawene foi tar”, a palavra de ordem Em resposta ao “Hirak”,
substituído no seu antigo mais popular do “Hirak”, Tebboune, 74 anos, um ex-
cargo pelo parlamentar, também foi retomada no Primeiro-Ministro e cola-
Mussa Hassan Zungu. desfile de sexta-feira. b o ra d o r d e B o u t e fl i ka ,
Também foi demitido, no Com a aproximação do 1º prometeu uma revisão da
mesmo contexto, o aniversário do “Hirak” - o Constituição e, nessa pers-
comissário-geral da Brigada poderoso movimento de pro- pectiva, anunciou a formação
dos Incêndios e Socorros, testo popular que desafia o de um comité de peritos.
Thobias Andengenye, por poder argelino desde 22 de O Presidente argelino, que
ter assinado um contrato Fevereiro -, a mobilização tem evitado um confronto
com uma empresa romena, mantém-se muito significa- aberto com o movimento
Acórdão responde ao contencioso eleitoral apresentado pela candidatura de Simões Pereira para a aquisição de tiva, mas menos intensa face popular, iniciou nos últimos
equipamentos de aos grandes protestos do dias consultas com persona-
salvamento e de luta contra Inverno e Primavera de 2019, lidades políticas para garantir
O Supremo Tribunal de Jus- encontros estavam relacio- autónoma em matéria de ges- incêndios, sem o acordo do ou aos desfiles no decurso da uma “Constituição consen-
tiça da Guiné-Bissau orde- nados com o contencioso elei- tão eleitoral”, não existindo, Ministério das Finanças nem campanha para as eleições sual”, cujo projecto será sub-
nou, sexta-feira, à Comissão to ra l , m a s ta mb é m n ão por isso, nenhuma outra enti- da Assembleia Nacional presidenciais de 12 de Dezem- metido a referendo nacional.
Nacional de Eleições que adiantou mais pormenores. dade que lhe dê ordens, frisou. tanzaniana. O comissário- bro, massivamente boicotadas DR
repita o apuramento nacio- O Parlamento guineense “Não existe nem a nível nacio- geral ter-se-á deslocado pela oposição.
nal, nos termos da lei elei- disse na terça-feira, através nal, nem a nível internacional pessoalmente à Europa para O ex-Presidente Abdelaziz
toral, dos resultados das do gabinete do presidente, nenhuma outra entidade que concluir este convénio sem Bouteflika foi forçado a demi-
eleições presidenciais, rea- que só decide sobre a mande na CNE em matéria a aprovação nem o acordo tir-se sob pressão popular
lizadas a 29 de Dezembro. tomada de posse do Presi- de gestão do processo elei- do Parlamento tanzaniano. em Abril, após ter anunciado
“O Supremo Tribunal de dente eleito depois de resol- to ra l ” , o b s e r vo u Pa u l o pretender cumprir um novo
Justiça ordena à Comissão vido o contencioso eleitoral Semedo, ao esclarecer o que mandato. “Há um ano, nin-
Nacional de Eleições o cum- que decorre no Supremo disse serem as competências NAVIO HUMANITÁRIO guém pensava que os arge-
primento imediato e escru- Tribunal de Justiça. do Supremo Tribunal de Jus- RESGATA 92 PESSOAS linos podiam manifestar-se
puloso da referida decisão, O Governo da Guiné-Bis- tiça, que na Guiné-Bissau NA COSTA DA LÍBIA na capital, mas devido ao
ou seja, repetir o apura- sau afirmou também que só também exerce os poderes O navio “Ocean Viking”, ‘Hirak’, conquistámos esse
mento nacional nos termos pode considerar a acta de de Tribunal Constitucional. operado pelas organizações direito e vamos prosseguir
do artigo 95º da Lei Eleitoral, apuramento nacional das elei- O advogado da CNE citou não-governamentais (ONG) até ao fim deste regime”,
sob pena de cominação ções presidenciais de 29 de a lei guineense para afirmar Médicos Sem Fronteiras prometeu Hamid.
legal”, refere o despacho Dezembro mediante um vere- que o tribunal tem “apenas (MSF) e SOS Mediterránee, Os opositores continuam
do Supremo Tribunal de dicto do Supremo Tribunal 48 horas” para se pronunciar resgatou, sexta-feira, 92 a exigir o desmantelamento
Justiça, citado pela Lusa. de Justiça. sobre qualquer matéria de pessoas que estavam a do “sistema” e a partida dos Movimento “Hirak” resiste
Ontem, depois de conhecer Antes de conhecida a deci- contencioso eleitoral, o que, bordo de um barco no mar seus representantes do poder em abandonar as ruas
a decisão do Supremo Tribunal são da referida instância judi- disse, já fez ao publicar o Mediterrâneo, a 48
de Justiça, o presidente da cial, o advogado da Comissão acórdão do passado dia 11 quilómetros da costa da
Comissão Nacional de Eleições Nacional de Eleições (CNE), de Janeiro. Líbia, noticiou a Lusa. As BALANÇO DAS CHUVAS
disse que vai reunir-se com Paulo Semedo, defendeu, No entender de Paulo duas organizações não-
os advogados da instituição também, na sexta-feira, e Semedo, o tribunal ordenou governamentais (ONG)
para analisar a ordem para
repetir o apuramento nacio-
nal, remetendo uma posição
ainda antes de saber a decisão
do Supremo Tribunal de Jus-
tiça, que se houvesse uma
à CNE que concluísse o “pro-
cesso de apuramento dos
resultados, com a produção
explicaram nas redes
sociais que a operação de
resgate foi difícil. De acordo
Sobe em Moçambique
para mais tarde.
“Vou concertar com o
colectivo de advogados da
ordenação para a recontagem
de votos seria “uma aberração
jurídica” porque, no seu
da acta da reunião”, diligência
que disse já ter sido feita no
passado dia 14.
com as ONG, várias
mulheres, algumas
grávidas, e crianças também
o número de mortos
CNE”, afirmou à Lusa, con- entender, o processo eleitoral O advogado desafiou qual- estavam no barco. O número de mortos em de Maputo (sul), com qua-
DR
tactado por telefone, José “já terminou”. quer jurista a trazer a público Moçambique subiu de 12 para t ro . Ma n i c a ( c e n t ro ) e
Pedro Sambú, remetendo Em mais uma conferência “através da lei” factos que 29 devido ao mau tempo que Niassa (noroeste) têm dois
uma posição provavelmente de imprensa em defesa do possam colocar em causa a se regista na época chuvosa cada e as cidades de Maputo
para hoje. Ainda na sexta- trabalho da CNE, alvo de crí- credibilidade, a honestidade (desde Outubro) em quase e Beira (centro) registam
feira, o presidente do Parla- ticas por parte da candidatura e a te c n i c i d a d e d a C N E todo o país, anunciou ontem um óbito cada. Ainda na
mento da Guiné-Bissau, de Domingos Simões Pereira, durante o processo das elei- o Instituto Nacional de Gestão época em curso, 66 pessoas
Cipriano Cassamá, teve apoiado pelo Partido Africano ções presidenciais, no qual, de Calamidades (INGC). já ficaram feridas em con-
encontros separados, com a da Independência da Guiné frisou, a instituição “apenas As descargas atmosféricas sequência dos vários even-
Comissão Nacional de Elei- e Cabo Verde (PAIGC), o advo- se limitou a anunciar os resul- são responsáveis pela morte tos climatéricos.
ções (CNE) e com o Supremo gado Paulo Semedo consi- tados saídos das urnas”. de 24 pessoas, e outras quatro O INGC reporta que há
Tribunal de Justiça para ana- derou que o Supremo Tribunal A C N E d iv u lgo u , n a foram vítimas de desaba- cerca de 13 mil famílias afec-
lisar o processo de conten- “teve de vir a terreiro expli- semana passada, os resultados mento de casas, lê-se no tadas de alguma forma com
cioso eleitoral. car-se” para esclarecer que definitivos das eleições pre- comunicado da instituição, as intempéries, ou seja, cerca
“Como sabem a CNE e a “não pediu a recontagem de sidenciais, realizadas em 29 que diz respeito aos casos de 58 mil pessoas, muitas
Assembleia Nacional Popu- votos”. “Pedir a recontagem de Dezembro, indicando que registados até terça-feira. A com habitações inundadas,
lar têm um relacionamento de votos seria a maior aber- Umaro Sissoco Embaló ven- As pessoas na embarcação estes números junta-se a sobretudo no centro do país,
institucional. Trocamos ração jurídica alguma vez ceu o escrutínio com 53,55 estavam muito fracas, em morte de um jovem de 15 num cenário que se repete
alguns aspectos que têm a praticada por um tribunal na por cento dos votos e que estado de hipotermia e a anos, arrastado pelas águas em todas as estações das chu-
ver com o processo de con- Guiné-Bissau”, observou Domingos Simões Pereira sofrer de tonturas, de inundações na cidade da vas, entre Outubro e Abril.
tencioso eleitoral, que não Paulo Semedo, para frisar que obteve 46,45. O candidato acrescentaram as ONG. Beira na segunda-feira e cujo O período chuvoso de
posso aqui revelar”, afirmou o trabalho de apuramento dos Domingos Simões Pereira, O navio “Ocean Viking” corpo foi encontrado no dia 2018/2019 foi dos mais seve-
à imprensa, no final do resultados das eleições pre- apoiado pelo PAIGC, apre- desembarcou a 21 de seguinte, segundo disse fonte ros de que há memória: 714
encontro, o presidente da sidenciais de 29 de Dezembro sentou um recurso de con- Janeiro no porto de do município à Lusa. pessoas morreram, incluindo
CNE, José Pedro Sambú. terminou com a publicação, tencioso eleitoral no Supremo Pozzallo, na ilha italiana da O m a i o r n ú m e ro d e 648 vítimas de dois ciclones
Em declarações aos jor- pela CNE, dos mesmos. Tribunal de Justiça, alegando Sicília, 39 migrantes que mortes (19) ocorreu na pro- de elevada magnitude (Idai
nalistas, o presidente do Par- De acordo com o advo- irregularidades no processo haviam resgatado quatro víncia da Zambézia (centro e Kenneth) que se abateram
lamento disse que os gado, a CNE “é uma instituição de apuramento nacional. dias antes. de Moçambique), seguida sobre o país.
MUNDO Domingo
26 de Janeiro de 2020 11
EMBARGO DIREITOS HUMANOS
DR FRANÇA
Fundação Internacional
condecora Lula da Silva Aprovados projectos-lei
O ex-Presidente do Brasil Luiz
Inácio Lula da Silva recebeu,
sexta-feira, apesar de estar
ausente fisicamente, o Prémio
diárias na mesa de milhões
de famílias e desenvolver a
agricultura extensiva em ter-
ras desaproveitadas, o que
de reforma das pensões
Presidente Miguel Díaz-Canel Nicolás Salmerón na categoria teve como resultado “tirar Governo do Presidente Emmanuel Macron mostra-se
“Liberdade” atribuído pela quase 30 milhões de seres determinado em alinhar a França com a maioria dos
Fundação Internacional dos humanos da pobreza”.
Cuba preparada Direitos Humanos, com sede “A sua prisão arbitrária
países que têm estabelecido o sistema “universal” de
em Madrid. não só prejudicou a reputação pensões, apesar dos protestos de rua
para enfrentar Num vídeo que foi exibido
na sessão de entrega do pré-
e liberdade pessoal, mas
também a ordem constitu-
DR

tempos difíceis mio na capital espanhola,


Lula da Silva agradeceu “do
cional e o progresso social
do Brasil”, considera a Fun-
O Presidente de Cuba, Miguel fundo do coração” a atribui- dação Internacional dos
Díaz-Canel, garantiu, ontem, ção do galardão, que consi- Direitos Humanos.
que o país está preparado para derou não ser apenas dele, O Prémio Nicolás Salmerón
enfrentar mais quatro anos de mas também “de todas as foi atribuído anteriormente a
hostilidade dos Estados Unidos pessoas que lutam” pela personalidades como o ex-
se Donald Trump for reeleito defesa dos Direitos Humanos, Primeiro-Ministro espanhol
este ano, embora continue da liberdade, da democracia José Luis Rodríguez Zapatero
aberto ao diálogo. e do combate às injustiças. (2009) e a ex-Presidente da
“Podemos ter um relacio- “Gostaria imenso de estar Argentina Cristina Fernández
namento civilizado (...), mas aí a receber o prémio” Nicolás de Kirchner (2011).
eles [EUA] precisam de nos Salmerón, confessou o ex- Luiz Inácio Lula da Silva foi
tratar como iguais, devem res- Presidente na curta decla- Presidente do Brasil de Janeiro
peitar a nossa soberania e a ração enviada. de 2003 a Janeiro de 2011, tendo
nossa autodeterminação”, Na cerimónia, recebeu o sido, em Julho de 2017, con-
disse Díaz-Canel a um grupo galardão em nome de Lula da denado pela Justiça a 9 anos
de jornalistas estrangeiros que Silva, Luiz Marinha, ex-ministro e 6 meses de prisão por cor-
o acompanharam numa visita do Trabalho e Emprego e minis- rupção e lavagem de dinheiro.
ao interior do país, incluindo tro da Previdência Social no O antigo Chefe de Estado
a agência espanhola Efe. Governo do ex-Presidente. cumpria pena em regime
Numa paragem na cidade A Fundação Internacional fechado de 8 anos e 10 meses
de Sancti Spíritus, Díaz-Canel dos Direitos Humanos explicou de prisão na cidade de Curitiba
lembrou que, para Cuba, “essas que o prémio foi atribuído como desde 7 de Abril de 2018, por
situações não são novas” e o resultado da “dignidade e do corrupção, quando foi liber-
país “está preparado para carácter respeitoso, pacífico e tado em 8 de Novembro pas- Milhares de trabalhadores e estudantes voltaram a sair às ruas nas cidades de França
enfrentar tempos difíceis, com democrático com que Lula da sado, um dia após o Supremo
ou sem reeleição” do Presidente Silva assume a perseguição Tribunal Federal decidir anu-
norte-americano, porque a política judicial a que foi sujeito, lar prisões em segunda ins-
história do Estado cubano “é o que levou a longos períodos tância, como era o caso do O Governo francês aprovou, na sexta- definida em função de variáveis como
feita de resistência e luta”. de detenção arbitrária”. ex-governante. feira, dois projectos-lei relacionados a expectativa de vida, para incentivar
Cuba e os Estados Unidos A fundação sustenta que a DR com a reforma do sistema de pensões, os franceses a trabalharem durante
enfrentam um dos momentos origem desta “perseguição no mesmo dia em que os sindicatos, mais tempo.
mais tensos das relações desde política responde ao propósito que rejeitam a revisão, conseguiram Inicialmente, o projecto governa-
que a administração Trump de completar o incidente mobilizar, novamente, milhares de pes- mental propunha um aumento da idade
reverteu a política de aproxi- inconstitucional e anti-demo- soas para as ruas francesas. de reforma dos 62 para os 64 anos,
mação do Presidente anterior, crático anteriormente realizado A aprovação dos dois projectos-lei mas já este mês o Primeiro-Ministro
Barack Obama, e endureceu contra a Presidente Dilma Vana em Conselho de Ministros abre assim francês, Edouard Philippe, afirmou
com novas sanções o embargo Rousseff”, onde o objectivo caminho para os textos serem discutidos que o Executivo estava disponível para
que mantém à ilha do Caribe final seria “forçar e alterar ile- em comissão parlamentar a 3 de Fevereiro retirar a medida.
há 60 anos. gitimamente as eleições pre- e em plenário na Assembleia Nacional Também na altura, Edouard Philippe
O Presidente cubano con- sidenciais de Outubro de 2018”. (Parlamento) a 17 do mesmo mês, ressalvou que a retirada da medida
siderou “ridículo” que os EUA A instituição não-gover- segundo indicou a porta-voz do Executivo estaria condicionada ao equilíbrio finan-
anunciem semanalmente uma n a m e nta l su b l i n h a q u e , francês, Sibeth Ndiaye, que acrescentou ceiro do sistema.
nova sanção contra o seu país quando era Presidente do Bra- que o objectivo é aprovar o diploma
e, de seguida, defenda que sil, Luiz Inácio Lula da Silva antes do Verão.
quer ajudar o povo cubano. “conseguiu” pôr três refeições Lula é premiado em Madrid Para quinta-feira estão previstas O Executivo propõe-se
novas conversações com os parceiros uniformizar os 42 sistemas de
sociais, patronato e sindicatos, que pre- pensões diferentes que
ISRAEL E O HOLOCAUSTO tendem alcançar um consenso sobre existem em França e aplicar o
um mecanismo que permita reduzir o sistema de cálculo por pontos
défice do actual sistema, antes da entrada

Historiadora alerta para em vigor da reforma proposta pelo


Governo francês, e garantir um equilíbrio
financeiro em 2027.
Embora a idade mínima para a
reforma (62 anos) não seja alterada, a

aumento do ódio no mundo O eixo central da revisão proposta


pelo Executivo é alinhar a França com
a maioria dos países, estabelecendo um
“idade de equilíbrio” será aplicada para
impor penalizações às pessoas que deci-
dam antecipar a reforma, mas também
A historiadora chefe do Yad nalado com cerimónias em provém da “crise das demo- sistema “universal” de pensões. bónus para aquelas que permaneçam
Vashem, o Memorial do Holo- Jerusalém e na Polónia. cracias” e do fortalecimento Para tal, o Executivo propõe-se uni- mais tempo no mercado laboral.
causto, em Jerusalém, alertou Além disso, esta terceira da direita na Europa que, formizar os 42 sistemas de pensões Pela sétima vez em quase dois meses,
para um crescente anti-semi- geração “evidencia uma notá- diz, “são máscaras do anti- diferentes que existem em França e dezenas de milhares de pessoas voltaram
tismo no mundo, explicando vel ignorância sobre a Segunda semitismo tradicional”. aplicar um sistema de cálculo (por pon- às ruas francesas para contestar o novo
que existe um fenómeno a que Guerra Mundial”, alerta, rela- A historiadora chefe do Yad tos), ou seja, por cada euro quotizado sistema de pensões.
chama “fadiga do Holocausto” cionando a situação com “o Vashem, o Memorial do Holo- são aplicados os mesmos direitos na Segundo a Confederação Geral do
que está a atingir as gerações desvanecimento do senti- causto em Jerusalém que rece- hora da aposentação. Trabalho (CGT), a principal central sin-
mais recentes. mento de obrigação da Europa beu, na quinta-feira, mais de A ministra da Saúde e da Segurança dical francesa, na sexta-feira estiveram,
“Os jovens pertencentes à em relação aos judeus, que 40 líderes mundiais no Fórum Social, Agnès Buzyn, defendeu a reforma nas ruas de Paris, entre 350 mil e 400
terceira geração pós-guerra permite aparecerem senti- Mu n d i a l d o Ho l o cau sto , porque, na sua opinião, o sistema actual mil pessoas.
questionam a história do Holo- mentos anti-semitas”. defende que educar os jovens não está adaptado “ao mundo actual”, A proposta de reforma do sistema de
causto, como parte de um pro- “Há muito mais ódio no e ensinar-lhes a ter a mente nomeadamente porque os percursos pensões tem sido fortemente contestada
cesso de fortalecimento das mundo hoje”, diz a histo- aberta é uma prioridade que profissionais das pessoas estão em através de greves e manifestações, tendo
suas identidades nacionais e riadora, que dá o exemplo não pode ser esquecida. mudança e porque existem incertezas mesmo levado à demissão do ministro
de necessidade de distância dos supremacistas brancos “Acho que o Holocausto sobre a sustentabilidade financeira. Jean-Paul Delevoye, mentor do projecto
em relação a sentimentos de norte-americanos e dos pode ser um ponto de partida Agnès Buzyn assinalou que para aca- e apelidado de “senhor reformas”.
culpa e responsabilidade”, neonazis europeus. para ensinar, com base no que bar com estas incertezas, é necessário As paralisações têm sido particu-
referiu Dina Porat em decla- Porat, que dirige o Centro aconteceu connosco enquanto impor, pela primeira vez, a regra do larmente frequentes e fortes no sector
rações por ocasião da celebração Kantor para o Estudo do minoria, e educar os jovens equilíbrio financeiro. dos transportes.
do 75º aniversário da libertação Judaísmo na Europa, adianta sobre igualdade, sobre aceitar Uma das chaves dessa regra é a cha- Uma nova mobilização está marcada
do campo de concentração nazi ainda que o aumento do o outro e sobre estar abertos a mada “idade de equilíbrio”, que será para quarta-feira, dia 29.
de Auschwitz-Birkenau, assi- anti-semitismo também outras ideias”, disse.
12 Domingo
26 de Janeiro de 2020

CLASSIFICADOS
Atendimento Mais informações
Rua Rainha Ginga, 18/24 — Luanda Telefones: 937 550 262 /949 770 006
de Segunda a Sexta-feira, das 8h às 18h,
aos Sábados e Domingos, das 8h às 14h IMOBILIÁRIO VIATURAS DIVERSOS e-mail: publicidade@jornaldeangola.com

CASAS T3 com Telha Condo- PEÇAS de Geradores Perking: MÁQUINAde gelado, picolé, al- BOMBA de Combustível, C/
mínio fechado, Benfica, Zango Bomba de água e injectora, godão-doce, fritadeira, chapa capacidade de 30.000 litros,
(0) 15.000.000.00kzs a motor de arranque e alter- de hambúrguer, fiambreira e K z : 2 . 7 5 0 . 0 0 0 , 0 0 . Te l f :
934027441. (929) PRECISA-SE
IMOBILIÁRIO 26.000.000,00kzs. 948933887,
993973806. (1019a)
nador. Telefone: 927891188.
(741)
tostadeira. Terminais telefs:
936196882, 917747359. (530c) GERADORES usados, de diver- 1 AUDITOR e peritagem em
sos Kvas, marcas: Perkin, Cat. Contabilidade. Telef: 222 503
CASAS T3 +1, Zango(1) a MÁQUINAS de gelo escama, e Volvo. Telefone: 926815200.
liquidificador, 20/40 L, CX. de 10 030. (927a)
SALÃO de festas, 25 metros 7 . 0 0 0 . 0 0 0 . 0 0 k z s . Te l e f : NISSAN Hardbody, 2007, Die- (933)
mil palitos/picolé, amassadeira
VENDE-SE de largura e 50 metros de
comprimento, Bairro Talatona,
948933887/993973806.
(1019b)
s e l , m oto r i m p e cá ve l , a
5 . 0 0 0 . 0 0 0 k z . Te l e f o n e : 130l, divisória 36 furos, novos. TERRENOS para parcerias
construção de Condomínio,
CHEFE de Cozinha Auto. Telef:
222 503 030. (927)
a o C a m a m a . Te l f s : 921591033 (842) Telefs: 936196882, 917747359.
2 CASAS T3, próximo à estrada (530d) Benfica, Zango, Via Expressa.
924373401, 924672849(735) CASAS T3, Viana entrada da Telefs: 942695999, 99336 3263.
do Camama, a 6.000.000, e 1) ESTAFETA com Carta de
Quinta-Rita , Zango (1),(4) (938) Condução e Licença para
Zango 1 a kz 11.000.000. Telef: VIVENDAS e apartamentos 3.300,000,00kzs. a kzs TERRENOS 15x20m², próximo
994470058. (953) Vila Alice, Maianga, Maculusso, à Centralidade do Kilamba, motorizada. Telef: 991161230
5.500.000,00. Telefones: PADARIA Kit, forno, 3 gavetas, (931)
Alvalade, Kilamba, Talatona pagamento parcelado, até
e Cassenda. Telef: 927041400. 948933887/993973806. (1019) gás, estufa, amassadeira 50L, 30 meses. Telefs: 990439614,
(850) batedeira 20L, carrinho/pão,
balança, tabuleiro. Telefones.
941439614 (771) NEGÓCIOS COSTUREIRO para cortes,
talhador e desenhador com
VIVENDAS T2, T3, T4, no Lar 936196882, 917747359. TERRENO de 1000 hectares ex p e r i ê n c i a . Te l e fo n e s :
DESINFESTAÇÃO s/ cheiro
do Patriota e Projecto Nova
Vida. Telef: 923646572. ARRENDA-SE FORD Ranger, 2014, Diesel,
estado impecável, a
(530) ao longo do Rio Cuvango, no
município do Cuvango-Huíla. eficaz, sem desarrumar nem
sair do local, técnicos bastante
922077531/927818520. (947)
( 670a) 9 . 0 0 0 . 0 0 0 k z . Te l e f o n e : Telf: 939800732. (733)
e x p e r i e n t e s . Te l e f o n e : COZINHEIRA e doméstica
VIVENDAS de luxo na LOJA pequena, na Centrali- 921591033 (843)
APARTAMENTOS T3, T3+1, 3 TERRENOS Agrícola, no 927752169. (806) com experiência, para traba-
Corimba, Nova Vida, Talatona, dade do Kilamba, por Akz. lhar. Telefs: 927818520/
T5, Kilamba e Condomínio HYUNDAI ELANTRA, ano 2016, Cuanza - Norte, com: 9,12 e
Patriota e Benfica. Telf: 360.000,00/mês. Telefone: 16 hectares. Telef. 942746341, CURSOS Práticos: CCTV, Pri- 924671756 (947a)
916641319. (148) Vida Pacífica, no Zango 0. impecável, LD-GC, Akz
914767568. (855) 992746341. (869) mavera (R.H., Contabilidade,
Telefone: 923646572. 4.800.000.00. Telefones:
(670b) 928566865, 934608441. (1053) Logística e Tesouraria). Tele-
APARTAMENTO T5, na Cen- FAZENDAS de 1.000, 7.000 a fones: 924093660, 914922284.
CASA T4, 2 Salas 2 wc, cozinha,
varanda, bairro Bita progresso,
tralidade do Kilamba. Telef:
923456257. (911) MOINHO de fuba de bombó
10.000 hectares no Bengo,
Cuanza-Norte, Cuanza-Sul,
(510)
OFERECE-SE
a 1.900.000kz. Telefone: Benguela. Telef.: 923646572. SERVIÇOS de Contabilidade
e milho, diesel, C/ ignição e (670) a todo nível, elaboração de
924936838. (882) manivela, 25 sacos/hora, novo. projecto de estudo de viabi- TÉCNICO Comercial e Mar-
Telefones: 936196882, TERRENOS de 20x30m a lidade económica e financeira.
CASAS T3, (1) suite, Zango 3, keting, experiência de 10
922799624. (530a) 8.000.000,00Kzs, 40x30, Telefone: 927891188 (741a) anos, procura emprego. Tele-
gradeamento e pintura, Kzs:
DOIS COMPLEXOS turísticos
novos, 36 e 23 quartos, Tala- 4,000.000, 3.500.000 e DIVERSOS 50x50m, localizados no Lar
Patriota, c/ direito a superfície.
fones: 942420244, 993391056
3 . 0 0 0 . 0 0 0 . Te l e f o n e s : (907)
t o n a e M u s s u l o . Te l e f :
941360240. (148a) 924178148/994178148 (901) VIATURAS Telf. 934574308. (1018)
ALUGA-SE PROFISSIONAL experiente
CASAS T3 Projectos Sociais
Zango 1,4,5 a partir de VENDE-SE MÁQUINA de blocos, C/ capa-
cidade de 4.000 blocos/hora, OU VENDE-SE fatos H/M, tama-
p/ área Administrativa, Arma-
zém e Logística formada no
2.500.000.000kzs. Telfs: 942 Kz: 2.350.000,00. Telefone: exterior. Telf. 933286397.
695999, 993363263. (937) VENDE-SE 934027441 (930)
nho XL, XXL, XXXL. Telefs:
933339812, 935671802. (696c) (873)

913998699, 926235643. (649)


PROCURA DE PARADEIRO
SERPENTINA, gelado em bal-
DOIS prédios de luxo, novos de, serra-ossos, churrasqueira Está desaparecida desde quarta-feira, dia 22 de Janeiro
em Luanda, vias principais. CASAS T3, Cond. fechado, VIVEIRO: Venda de Material a gás, banho-maria para buffet,
mesa Inox. Telefs: 922799624,
de 2020, a maior de 83 anos de idade, de nome MARIA
Te l e f o n e s : 9 2 6 6 6 2 2 1 1 , Benfica e Zango (0), a partir de Xadrez. Terminais telefs:
916641319. (674) de 14.000.000,00. Telefones: 948079478, 911841393(227) 917747359. (530b) TAVEIRA DOMINGOS, a mesma reside no Bairro Ben-
942695999/ 993363263. fica, Zona Verde, Rua 1. Pede-se a quem souber do
CASAS no Zango, do tipo T3, (937a) TERRENOS de Lotes e hec- TERRENO de 15x10m, loca-
de obras dirigidas, c/ preços HYUNDAI Accent, 2017, Aut. tares em Talatona, Patriota, lizado próximo ao Kilamba c/ seu paradeiro o favor de ligar para os terminais tele-
aliciantes e também a pres- 2 VIVENDAS no Nova Vida rua M at . L D - H A , 1 8 . 0 0 0 K m , Benfica e Via Expressa. Telfs: a documentação completa fónicos números: 923320084, 926746949, ou ainda
tações. Telefones: 925373362, da Imogestim. Telefone: 6.150.000 negociáveis. Telef: 941360240, 916641319. por Akz. 1.700.000,00. Telf.
934819947. (804) 941460456/915331584. (1021a) 945556943. (614) (103) Telf. 934574308. (1018a) conduzi-la à Esquadra da Polícia mais próxima.
PUBLICIDADE
Domingo, 26 de Janeiro de 2020

EDIÇÕES NOVEMBRO

MIGUEL MANUEL, (JORNALISTA)


Persistir contra
o preconceito
O apresentador fala da enorme
paixão que tem pela rádio, como
ingressou na TPA e de como
venceu a barreira do preconceito
pelo facto de ser portador de
deficiência física

Curiosidades + Comer fora + Comer em casa + Reportagem + Cultura + Roteiro de casa + Roteiro de rua
2 CURIOSIDADES Domingo
26 de Janeiro de 2020

Horóscopo Saiba
País
Carneiro de 21/03 a 20/04
Morro do Moco
DR
É hora de se conectar mais com seus ideias, sonhos e projectos
futuros. E olhar para frente com mais empolgação e com mais
realismo também. Você pode ter notícias que mostram que
nem tudo vai acontecer da forma como você gostaria. Mas
ou Morro da Faca*
sabendo improvisar, com bom humor e criatividade, vai dar
tudo certo.

Touro de 21/04 a 20/05


A semana pode ser um tanto caótica, especialmente porque
você tende a ter compromissos desmarcados e uma série
de coisas a acontecer ao mesmo tempo. Isso vale especial-
mente para os assuntos de trabalho e é bom ter flexibilidade
para não se stressar além da conta. O momento é favorável
às mudanças.

Gémeos de 21/05 a 20/06


Não seja impulsivo. É hora de buscar novas possibilidades e
inovar. Aproveite o embalo do céu e faça alguma coisa diferente.
Um bom céu para começar algo novo, mas não é tão favorável
para mudar radicalmente alguma coisa sem pensar bem nas O Morro do Moco, conserva o
consequências. Cuidado especial com a comunicação. título de ponto mais alto do país,
com 2.620 metros de altitude,
Caranguejo de 21/06 a 21/07 localiza-se na zona limítrofe
Você precisa ser feliz. Tente organizar melhor sua rotina entre as comunas do Londuimbali
antes de se lançar para as novidades. Vale a pena você olhar e Ekunha, a noroeste da cidade
com mais carinho pra suas próprias necessidades e buscar do Huambo. O Moco conserva
acolhimento e aconchego. É hora de desapegar de alguma muitos e valiosos recursos fau-
coisa e não ficar em nenhuma situação só porque aquilo
traz segurança. Pedras do Alemão nísticos e minerais que, aliados
ao seu incomparável relevo, fa-
zem dele um lugar de referência
Leão de 22/07 a 22/08 As Pedras do Alemão são um monumento natural granítico, a cerca de 20 km da cidade na região e no país e a prefe-
Cuidado com as tensões nas relações, porque há risco de do Huambo, a nascente, e têm a particularidade de apresentarem uma fenda no sentido rência de muitos turistas na-
brigas e até mesmo de rupturas. A semana é produtiva, mas longitudinal vertical. Reza a lenda que um dia um cidadão alemão surpreendeu a sua cionais e estrangeiros.
cheia de imprevistos. Por isso deixar a agenda mais ou esposa, uma bonita nativa, com outro homem. Desiludido com a traição, subiu ao
menos aberta será decisivo. Deixe espaço para remarcar cimo das pedras e atirou-se para baixo. Daí o nome: Pedras do Alemão. Acesso difícil
compromissos e encaixar as coisas novas que surgem em Para atingir o cume é necessário
sua agenda. percorrer, desde a vila da comuna
do Ussoque, município do Lon-
Virgem de 23/08 a 22/09 duimbali, 27 quilómetros. A via
Não negligencie com trabalho nem consigo mesmo. A rotina Fazem anos esta semana de acesso ao Morro está total-
pode ficar caótica, especialmente porque os contratempos mente degradada, constituindo
da semana pegam principalmente sua rotina e vida profissional.
É importante cuidar melhor da sua saúde e não passar dos Alegria Bastos mais um desafio a vencer para
se chegar ao pico.
limites para não sofrer na pele as consequências. Jornalista da Televisão Pública de Angola (TPA), Alegria Pacheco O Monte tem 85 hectares de flo-
Bastos nasceu no dia 26 de Janeiro. Na sua caminhada profissional resta de montanha, com abun-
Balança de 23/09 a 22/10 pela TPA Alegria Bastos durante vários anos foi um dos principais dantes e variadas espécies de
É hora de buscar novos prazeres na vida. Não será possível rostos dos serviços noticiosos em língua nacional na TPA. Na era animais, como macacos, ser-
controlar os outros. Por isso, não espere nada de ninguém. da liberação informativa Alegria Bastos teve também as suas im- pentes, coelhos, cabras do mato,
Se é muito importante pra você, faça, sem esperar que pressões digitais na criação de um dos primeiros canais televisivos javalis aquáticas e até de espécies
outra pessoa faça por você. Talvez aconteça algum atrito privados do país, Palanca TV. raras, como Francolim de Swiers-
em sua vida amorosa e isso pode levar a uma discussão ou tra, que fazem das cavernas e
mudança importante. grutas do morro o seu refúgio.

Escorpião de 23/10 a 21/11


Aproveite o clima da semana para arrumar a casa, com desapego
Mário Cohen Origem do nome
A designação Moco deriva da
suficiente para doar coisas, jogar fora e mudar. Alguma tensão Repórter colocado na área de Cultura do Jornal de Angola, Mário expressão “Omoko”, termo em
familiar pode deixar você mais stressado. É bom respirar fundo Cohen é uma personalidade profissional digna e interactiva. Nota língua local umbundu que em
e contar até vinte antes de brigar com alguém que você ama de realce do Marito, como é chamado carinhosamente no círculo português significa faca.
muito. Abra espaço para o novo em sua vida. familiar e amigável: é uma pessoa sempre disponível a assessorar Conta a história que certo dia,
ou a emprestar o seu conhecimento. Natural da província de um caçador perdeu a sua única
Sagitário de 22/11 a 21/12 Luanda, mais concretamente da Samba, é amante ferrenho da faca (omoko), durante a sua ac-
Uma semana de comunicação intensa, com risco de excesso modalidade rainha em Angola, o futebol. tividade no monte, e que de re-
de sinceridade, objetividade dura demais e até mesmo gresso à aldeia convidou alguns
alguma briga por falar a coisa errada na hora errada, ou de homens para o ajudarem a en-
um jeito inapropriado. Por isso, melhor ficar em silencio e contrar o seu artigo, tão valioso
ouvir muito antes de falar. Cuidado com a direção, risco au- Boaventura Chitapa para a caça.
mentado de acidentes. Francisco Boaventura Canjongo Chitapa nasceu no dia 26 de Aconteceu que, todos os homens
Janeiro. Deputado pelo grupo parlamentar do MPLA, foi até que o acompanharam
O Museu do Louvre, em no dia se-
Paris,
Capricórnio de 22/12 a 20/01 muito recentemente o líder da maior organização juvenil partidária guinte
tem uma aodasmorro à procura
colecções da
de arte
É hora de repensar alguns valores e rever a forma como tem do país, a JMPLA. Licenciado em Sociologia pela Universidade faca
maisacabaram desaparecidos
ricas do mundo. Encon-
investido também seu tempo em cada assunto. Não gaste Jean Piaget de Angola (UNIPIAGET), Francisco Boaventura etram-se
nunca nela
maisrepresentados
regressaram à to- al-
dinheiro se não precisa disso. Pense bem antes de investir. Chitapa, enquanto deputado, integra a sétima comissão, que deia,
dos osincluindo
períodos da elearte
próprio.
europeia
Tente não agir por impulso nos assuntos materiais. Isso vale responde pelas áreas de Cultura, Assuntos Religiosos, Comunicação Os
atémoradores da aldeia,
ao Impressionismo. preo-
O museu
também para trabalho. Social, Juventude e Desportos. cupados
é um vasto comcomplexo
a situaçãodedo200
de-
saparecimento
000 quadrados, que doscompreen-
homens e
Aquário de 21/01 a 19/02 do caçador
de sete no morro, pergun-
departamentos, dedi-
O céu pede cautela com atitudes precipitadas. O Sol chega em tavam-se sobre o que teria
cados a antiguidades levado
egípcias,
Aquário e começa seu período de aniversario. Olhe para o futuro
com animação, mas não faça nada por impulso. Cuidado para Tânia de Carvalho oorientais,
caçador egregas
aldeia
algunsehomens
ao monte.
escultura,
romanas,
pintura e desenho.
da

não se stressar também mais do que deve por bobagem. Risco Socióloga e funcionária sénior do Ministério do Interior, Tânia Os que sabiam
Alberga umarespondiam:
magnífica“Fo- co-
altíssimo de brigas e discussões. de Carvalho faz parte do primeiro grupo de estudantes do ram à procura
lecção da facaeuropeus
de pintores (omoko)
curso de pós -graduação ministrado pela Faculdade de na montanha”.
como Leonardo da Vinci, Ra-
Peixes de 20/02 a 20/03 Ciências Sociais, unidade académica pertencente a Universidade Afael,
partir dessa altura
Rubens, o morroVer-
Rembrandt, to-
O céu da semana pede mais paciência e é ótimo para es- Agostinho Neto (UAN), na área da Sociologia. Outra das facetas mou
meero nome
e Goya,de Moko,
entree muitos
em por-
piritualidade, arte, e assuntos que envolvem autoconhe- da socióloga Tânia de Carvalho é a de comentarista da Televisão tuguês
outros.ficou conhecido
Contém por Moco.
obras-primas
cimento. Você pode sentir mais ansiedade esses dias. Tente Pública de Angola (TPA), no programa “Política no Feminino”. Sem avançar um horizonte
da Renascença italiana etem-
do
dar tempo ao tempo naquilo que não pode resolver agora poral,
períodoo soba afirmouEncontram-
barroco. que ocorreu
e não faça ainda o que não tem certeza que quer mesmo este acontecimento,
se expostos objectosmas que
de arte
fazer. Olhe para dentro.
Mukano Charles pela
ostenta
importância
medieval,
derna, bem torna-se
histórica
renascentista
comonecessária
que
e mo-
os tesouros a
Mukano Charles Damião nasceu no município do Negage, sua
dosexaltação por constituir
reis franceses. uma
No depar-
Editor-Chefe: António Cruz
província do Uíge, no dia 28 de Janeiro. É o primeiro filho de mais-valia
tamentopara de oantiguidades
enriquecimento
Editor: Isaquiel Cori seis irmãos. Organizador de eventos, com realce para o Miss da históriaencontra-se
orientais da região eumado país.
im-
Subeditores: Edna Cauxeiro e Ferraz Neto Angola e o Miss CPLP Angola, Mukano foi um dos bailarinos da portante colecção de arte da
Edição de Arte: Salvador Escórcio, Soares
Neto, Raúl Geremias, Henrique Faztudo e banda SOS, de que Eduardo Paim também era integrante. Mesopotâmia.
Fim-de-Semana António Quipuna No século XII foiDumbo
* Marcelino neste (29
local
de
Textos: Analtino Santos, Mário Cohen,
Guimarães Silva | Fotos: JAimagens e Globo
Agosto, 2013)
Domingo
26 de Janeiro de 2020 MÚSICA 3
DIONÍSIO ROCHA E A CANÇÃO “MINHA CIDADE É LINDA”

Pretexto para falar de Luanda


Foi numa conversa no ano passado, precisamente na semana das celebrações do Dia da Cidade de
Luanda, que Dionísio Rocha, um dos benguelenses mais kaluandas, falou, de forma descontraída, da sua
cidade de adopção. Inicialmente era nossa intenção apenas falarmos da motivação da música “Minha
Cidade é Linda”, dos Negoleiros do Ritmo, tema que consta do catálogo, que já vai longo, das canções
dedicadas à cidade da Kianda
EDIÇÕES NOVEMBRO
Analtino Santos Rocha faz uma leitura, no mí- da Barra. “Infelizmente estas
nimo, curiosa, da origem da fortalezas não protegeram da
Dionísio Rocha começou por cidade de Luanda. É uma leitura invasão holandesa. Os holan-
dizer que, felizmente, nasceu de uma mente artística e que deses ocuparam durante sete
acidentalmente em Benguela, diz muito do seu estado de es- anos esta região. Foi preciso a
no Bairro Benfica, porque o pírito jovial. “A Ilha de Luanda intervenção da armada liderada
pai, um homem do Bairro Ope- pertencia ao Reino do Kongo, por Salvador Correia de Sá e
rário(B.O.), tocador de ban- mas a marginal estava sob ju- Benevides fazer uma investida
dolim, frequentador das récitas risdição do Reino do Ndongo. e recuperar a cidade aos 15 de
e acompanhante do grupo car- Daí a diferença entre os ilheús Agosto de 1648, passando a
navalesco Cidrália, como fun- e os outros habitantes do que ser a cidade chamada São Paolo
cionário público lá estava em veio a ser Luanda”. de Assumpção de Loanda, em
comissão de serviço. Depois falou da origem do homenagem à sua padroeira.
Falando do B.O., que per- nome: “na altura não tinha O 15 de Agosto passou a ser
tencia à família Burity, Dionísio esta configuração e era cha- celebrado como o Dia da Cidade
Rocha realçou a forte presença mada Ilha das Cabras, repre- de Luanda até 1975”.
de ambrizetanos. “Antes de sentada por um Mani que Antes de explicar as moti-
ser um bairro frequentado pela protegia a zona das moedas, vações da música “Minha Ci-
elite dos funcionários públicos, o Zimbo. Numa altura em que dade é Linda”, Dionísio Rocha
o B.O. foi o primeiro bairro Ín- um pescador estava a coser falou das maiangas, que eram
digena”, afirmou o veterano a rede, perguntado sobre onde reservas de água. Havia a do
músico, residente algures na estava, ele percebeu que lhe Rei, próximo da Delegacia de
Rua H, nas imediações da Vou- estavam a perguntar o que Saúde, a do Povo nas ime-
zolense e da Missão de São estava a fazer e então respon- diações da Clínica do Prenda,
Paulo, no Bairro Operário. deu 'Kianda, Ngana', ou seja, e mais tarde foi criada a
O facto dos bairros serem 'Estou a coser', e o 'Kianda', maianga dos Padres da Igreja
habitados, maioritariamente, com o tempo, foi transfor- do Carmo, na área do Kina-
de acordo com as zonas de mado em 'Luanda'”. xixe. Esta última, de acordo
proveniência, não é um dado Realçou Dionísio Rocha com a voz popular, transfor-
novo. Dionísio Rocha deu o que é de todo importante que mou-se em Sereia.
exemplo da Ilha e do B.O., onde as pessoas saibam que a cidade, O músico mais velho re-
gente do Ambrizete dominava, em 1665, era muito pequena. ferenciou um lado pouco fa-
e do Sambizanga, com pre- Os portugueses foram criando lado do impacto do 4 de
domínio de oriundos do Bengo. fortalezas para sua protecção, Fevereiro de 1961, que foi a
O músico fez um paralelo com estando na dianteira a Fortaleza construção de estradas, “por-
o seu Benfica natal, em Ben- de São Miguel, que nos dias que facilitava a deslocação
guela, que acolhia muita gente de hoje rivaliza com um centro das tropas e outras forças re-
de Luanda ou que esteve na comercial, depois a Fortaleza pressivas do regime colonial
capital. “Era uma Luanda em do Penedo, a “Casa da Reclu- e a urbanização da cidade e
miniatura”, relembra. Dionísio são” e a Fortaleza de São Pedro dos novos musseques”.

Negoleiros do Ritmo EDIÇÕES NOVEMBRO


Foi naquela fase que os Ne-
goleiros do Ritmo surgiram no
cenário musical. Os miúdos
que no princípio dos anos '60,
com batuques, interpretavam
temas dos Ngola Ritmo, co-
meçaram a despontar. João-
z i n h o Mo rgad o , In fe l i z ,
Almerindo e Geoveth (que
chegou a jogar no Desportivo
da TAAG), foram os fundadores.
Mais tarde Dionísio Rocha, Zé
Fininho, Carlitos Vieira Dias,
Massano Júnior e Mário Fer-
nandes passaram pela for-
mação que homenageou a
cidade que “é de bem querer”.
Dionísio revelou que “de-
pois do Duo Ouro Negro fomos
dos primeiros grupos a sair de
Angola para tocar em Portugal.
E entre 1965 até no limiar da
Independência tocavámos mo referência”.O vocalista dos Mário Fernandes faz o solo e
quer em bailes da elite como Negoleiros recordou os anos aquela repetição brilhante.
nos musseques, por isso con- '80, quando o intro da música A conversa que era inicial-
seguimos descrever o que can- entrava às 12 horas na casa dos mente para uma pequena ex-
tamos. Tudo começou com o kaluandas, na abertura do sau- plicação da música “Minha
sucesso “Rosa Vermelha” nas doso programa radiofónico Cidade é Linda” acabou por ser
rádios brasileiras em 1968 e o “Dia-a-Dia da Cidade”. O intro aproveitada para apreender al-
desafio que nos foi feito pelo da música transporta o am- gumas memórias de Luanda na
Zé Maria, um promotor que biente dos engraxadores e o óptica de um dos benguelenses
trabalhava connosco. Eu adap- pregão das quitandeiras, ca- mais kaluandas. Que acabou
tei para uma letra que reflectisse racterístico das ruas de Luanda. por nos confidenciar que tem
Luanda, e, felizmente, passado Zé Fininho fez o scratch com um livro no prelo. Aguardemos.
este tempo todo, continua co- a dikanza e diz umas palavras, AS
4 ENTREVISTA Domingo
26 de Janeiro de 2020

DR

MIGUEL MANUEL, JORNALISTA


“Enfrentei
muitos
entraves”
Miguel Manuel é professor de
jornalismo no Centro de Formação de
Jornalistas (CEFOJOR), locutor da Rádio
Escola e apresentador do programa
“Nossa Geração”, da TPA2, que o levou
a vencer o prémio de Melhor
Apresentador de Entretenimento na 1ª
Gala Máscara D’Ouro. Nascido na
província do Cuanza Norte em 1978, é o
segundo de três irmãos, filhos de
Miguel Manuel e Ângela António. O
jornalista considera que teve uma
infância de ouro, pelo facto de receber
toda a atenção dos progenitores e outras
pessoas em seu redor, razão que o leva
a ser muito apegado à família. Tem
como característica pautada a timidez.
Miguel Manuel é casado mas não quis
dizer o nome da sua amada. De 40 anos
de idade,é pai da Nuelma, 11, Ângela, 8,
e Wuamy, 4. Na entrevista que
concedeu a este caderno Miguel Manuel
fala da enorme paixão que tem pela
rádio, como ingressou na TPA e de
como venceu a barreira do preconceito
suscitado pelo facto de ser portador de
deficiência física

Depois de 22 anos é de comunicação é precon-


premiado como Melhor ceituosa.Deparei-me com
Apresentador de pessoas que não conseguiam
Entretenimento. O que diz esconder as suas críticas,
dessa premiação? não se importando com os
Este prémio tem uma grande meus sentimentos.Pergun-
importância na minha tra- tavam para mim inúmeras
jectória, pois não fui aceite vezes:“porquê que você, com
com facilidade nesta profis- deficiência tanto física como
são “falada e televisionada”.O na fala, quer aparecer na te-
factor de ter a língua presa levisão?”.Sofri muito mas
fez com que sofresse muitos fui persistente o tempo todo
preconceitos na rádio, não e ainda pretendo ser mais,
por parte dos ouvintes, que pois sei que tenho algo a dar.
até gostavam do meu estilo
de fazer jornalismo, mas tive Como entrou para a
muitos entraves por parte televisão?
de algumas pessoas que não A televisão foi atrás de mim.
Kátia Ramos o mesmo estava sempre li- gavam futebol. “A Rádio Pi- Depois de vários elogios por queriam ver-me a falar na Há coisa de 15 anos fui fazer
gado. A minha grande cu- rata” estava localizada no parte dos vizinhos que eram rádio.Pessoas que, a nível uma entrevista e estava o di-
Porquê esta timidez, sendo riosidade sempre foi saber bairro Mártires do Kifangondo, os meus ouvintes, indica- da comunicação social, co- rector Filipe Ramos, que
um homem de como aquela voz chegava Rua 1, em Luanda. ram-me o centro de formação locaram no meu caminho prestou atenção na forma
comunicação? até nós. Era uma curiosidade Depois de ter feito o meu de jornalismo “General For- muitas dificuldades.Mas eu como eu falava durante ape-
Sempre fui muito tímido. Só própria de um adolescente. ensino médio em Electrónica meshon Center”. Foi lá que fui persistente, até conseguir nas três minutos de entre-
aos 16 anos de idade achei A grande questão é que na passei a transmitir em directo conheci o professor Pascoal ganhar aceitação e cresci- vista.Ele foi das pessoas que
o mundo em que me sentia minha casa as pessoas pres- a rádio e os meus vizinhos Manuel, o meu pai em jor- mento profissional.Não era não olhou para a minha de-
livre para ser eu mesmo. tavam muita atenção àquelas ouviam e gostavam.Isso le- nalismo. Este homem deu- comum uma pessoa com de- ficiência, mas para a minha
Transformei o meu quarto vozes que saíam daquele vou-me a ler cada vez mais, me as bases que hoje tenho ficiência aparecer na TV ao capacidade de comunicar.
em um estúdio de rádio e ali aparelho e via que a minha pois sempre tive o hábito de para o estilo de jornalismo ponto das pessoas notarem Esperou por mim na portaria
eu sentia que sabia nadar mãe e a restante família leitura e partilhava o que lia que faço.Por dominar a lín- a sua deficiência.Não tive da TPA, pediu o meu con-
perfeitamente. acreditavam em tudo que em revistas e livros para os gua inglesa, o dono do centro dificuldades em entrar na tacto, mais tarde ligou e per-
diziam na rádio, comenta- meus ouvintes. contratou-me para ser pro- TPA, graças a Deus fui bem guntou se eu estava disposto
Como surgiu no jornalismo? vam e gostavam das músicas fessor no mesmo centro e, acolhido, mas tive de en- a fazer testes para entrar para
Eu procurei por esta profis- que lá tocavam. Há quanto tempo está na anos depois, também co- frentar dificuldades para de- os quadros da televisão. Após
são. Aos 16 anos de idade eu Foi assim que criei a ideia de classe do jornalismo? mecei a dar aulas de jorna- monstrar o meu talento, a ter passado por vários testes
já sabia o que queria fazer montar a minha própria emis- Estou há 22 anos em jorna- lismo, depois de frequentar minha capacidade de fazer comecei a desenvolver o meu
como profissão. Havia um sora de rádio, no meu quarto, lismo radiofónico e há 15 o curso médio em comuni- as coisas. A televisão, e não saber, mas mesmo assim
rádio em casa do meu pai e enquanto os meus amigos jo- anos no televisivo. cação social. me refiro à TPA, como meio encontrei pessoas que colo-
Domingo
26 de Janeiro de 2020 ENTREVISTA 5
DR
cavam dificuldades para que lho. Éramos quatro na mes- rádio que nasceu a minha
eu não aparecesse no vídeo, ma categoria e fomos à vo- paixão pelo jornalismo.
nem com a hipótese de apa- tação popular. Que projectos tem para o
recer sentado, com medo de ano em curso?
que viesse a me levantar e Teve curiosidade em saber Particularmente gosto de
o telespectador se aperce- com quantos votos ganhou a produzir documentários,
besse do facto de ser defi- premiação? mas não estou a desenvol-
ciente físico. Não sou ligado às redes so- vê-los ainda porque os faço
O engraçado é que os te- ciais, mas senti que o público com meios próprios. O tipo
lespectadores que me co- com quem eu me deparava de documentários que faço,
n h e c e m s e m p re f o ra m queria que eu interagisse. se tivesse apoios, renderia
bastante amáveis comigo e Foi então que entendi o gran- muito para a educação e
sempre deixei as pessoas à de feedback das pessoas. outros estudos, pois falo da
vontade para fazer quais- A estas pessoas que aceitam recolha de dados antropo-
quer críticas que quises- o Miguel Manuel com as lógicos e históricos.
sem.Nunca apontaram a suas qualidades e deficiên- Se houver sensibilidade por
minha deficiência.Então vi cias, quero muito demons- parte das instituições, para
que a sociedade aceita-me.É trar a minha gratidão, pois materializarmos este pro-
um ou outro que se sente in- levo para as telas tudo aquilo jecto, dará para partilhar
comodado com a minha de- que eu, realmente, sou.E é estes conhecimentos para
ficiência.O prémio para mim desta forma que eu vendo um público angolano que
é a prova de que as pessoas o meu trabalho. Tenho re- precisa adquirir maiores co-
de bom carácter da televisão cebido declarações de amor nhecimentos sobre a história
deixaram que o meu talento tão fortesque me ponho a do nosso país. A nível de
falasse mais alto do que a chorar.E isso vem de todas rádio vou continuar a fazer
minha deficiência. as idades. Por estas pessoas o “Show de Domingo”. Tudo
que me dão muito carinho o resto darei continuidade
Este é o seu primeiro prémio tenho o compromisso de com o programa de TV.
ao longo destes 22 anos de continuar a fazer melhor,
jornalismo? pois também desejo que a Sabe cozinhar? Qual é a sua
Já tive prémios de melhor TPA cresça muito. cor de eleição? O que faz no
cobertura, melhor locutor, seu tempo livre?
melhor apresentador de O que mais gosta de fazer, a Tudo que faço é meu lazer,
eventos e outros.A este nível, nível do jornalismo? pois faço tudo com prazer.
para mim considero o pri- Amo fazer rádio, pela possi- Gosto muito de cozinhar e
meiro, com um gostinho bilidade que me dá de pensar faço com mestria as tarefas
diferente pelo facto do pré- e materializar ao mesmo tem- de casa, como os trabalhos
mio vir dos fãs, das pessoas po. A facilidade da materia- domésticos. Leio muito e te-
que gostam do meu traba- lização fascina-me e é na nho como cor preferida o azul.

DR

DR

Viva a “Nossa Geração”


“Nossa Geração” é uma das mais agradáveis é acutilante nas questões que coloca,
surpresas da grelha da programação da vai atrás das respostas que, em televisão,
TPA2. Basicamente é um talk show, apre- muitas vezes se esfumam ou não são ex-
sentado por Miguel Manuel, com convidados pressivas face ao cenário, muitas vezes
criteriosamente escolhidos das novas ge- inibidor, de luzes e câmaras do estúdio.
rações de cidadãos, portadores de opinião Miguel Manuel põe os convidados à von-
lúcida, estruturada e consistente. O programa tade, recebe-os como se estivesse em
é uma janela em que se pode constatar casa e, como resultado, colhe deles toda
que o país conta com um leque de jovens a expressividade comunicativa. “A Nossa
conscientes do que está a sua volta e do Geração” é um dos melhores programas
que lhes vai na alma. da televisão angolana e Miguel Manuel
Mas é em Miguel Manuel que reside mereceu o prémio de Melhor Apresentador
o segredo do sucesso do programa: ele de Entretenimento.
6 POLÉMICA Domingo
26 de Janeiro de 2020

FORA DE JOGO!

Novo Plano Curricular


e as “línguas de Angola”
Não podemos perder de vista que Angola é um lugar propício para a implementação do ensino bilingue, por tratar-se
de um país multilingue e multicultural onde as línguas serviriam para o ensino, tornando as escolas mais inclusivas e
contextualizadas às respectivas realidades locais

Ezequiel Bernardo DR

A língua é a expressão de um
povo, é o elemento que o ca-
racteriza e o faz mover. A
língua é alma, é cultura. A
língua é identidade. Para
Humboldt (2006) a percepção
do mundo está intrinseca-
mente ligada à língua e a
sua compreensão jaz sobre
o mundo que o rodeia, isto
é, os falantes de uma dada
língua encontrarão proble-
mas em perceber o mundo
do falante de uma outra
l í ngu a p o r t rata r - s e d e
mundos díspares.
É nessa perspectiva que
se evidencia que a aceitação
do multilinguismo traz à
tona o entendimento sobre
a relevância das línguas
nacionais no contexto do
ensino-aprendizagem, no
fortalecimento da economia,
nas culturas e até mesmo na
sustentabilidade ambiental.É,
portanto, necessário romper
com a visão da escola tra-
dicional voltada ao ensino
monolingue em defesa de
uma ideologia que impera
em Angola mas não espelha
o contexto de diversidade
linguística e cultural que ca-
racteriza o país. As sociedades
evoluem em função das exi-
gências impostas pelo con-
texto, porém, urge quebrar
paradigmas e investir seria-
mente no ensino bilingue,
contrariamente ao ensino
das “línguas de Angola” co-
mo propõe o novo reajuste DR
do Plano Curricular do En- que acaba por fomentar es- cola não pode ser uma en-
sino Geral (2019). Essa pro- tereótipos entre os falantes tidade dessocializadora, que
p o s ta n ã o c o n t r i b u i n a da língua portuguesa e os rejeita as outras culturas,
resolução dos problemas vi- falantes das línguas nacio- que destrói o sociável, que
venciados por alunos das nais. A referida atitude tem impõe os seus ideais e
áreas “rurais”. consequências nefastas em transforma os sujeitos que
De acordo com Severo, questões sóciolinguísticas, falam as línguas nacionais
Sassuco e Bernardo (2019, sócioculturais e sóciohistó- em anti-éticose remetidos
p. 300) “o professor da escola ricas do povo angolano. à discriminação pela ma-
rural se vê diante de um uni- Não podemos perder de nifestação da cultura a que
verso linguístico no qual os vista que Angola é um lugar pertencem (BOLZAN, 2011).
alunos se tornam estrangeiros propício para a implemen- A adopção do ensino das
em sua própria terra, uma tação do ensino bilingue, por “línguas de Angola”, como
vez que a língua e a cultura tratar-se de um país multi- descreve a proposta do novo
difundidas pela escola não lingue e multicultural onde plano curricular, difere do
os representam. O professor as línguas serviriam para o ensino bilingue que é a via
muitas vezes busca adoptar ensino, tornando as escolas adequada para se colmatar
uma pedagogia baseada na mais inclusivas e contex- as questões acima aludidas,
negociação entre a língua tualizadas às respectivas rea- porque o problema do en-
portuguesa, a língua de en- lidades locais. Essa atitude sino, particularmente em
sino e a língua nacional”. viria promover a qualidade áreas “rurais”, não se cir-
de ensino dos alunos resi- cunscreve em ensinar as lín-
“Preocupação” do Estado dentes em áreas “rurais” que guas nacionais como se tem
É visível a “preocupação” têm as línguas nacionais co- ensinado o inglês ou o fran-
do Estado em investir no dis- mo a de comunicação, re- cês, mas ter o ensino na lín-
curso de unidade nacional, duzir o abandono escolar, gua nacional, isto é, ensinar
que circula na base da língua as inúmeras dificuldades que os conteúdos na língua do
portuguesa, acabando por envolvem a escrita, a leitura aluno reduzindo, deste modo,
colocar à margem os falantes e a compreensão dos con- as assimetrias, a violência
das línguas nacionais. Esse teúdos leccionados. Porém, simbólica que se vai instau-
nacionalismo defendido a escola deve facilitar o en- rando pelo modelo de ensino
agencia um sistema colonial sino e não o contrário. A es- adoptado no país.
Domingo
26 de Janeiro de 2020 POLÉMICA 7

Analogia com o futebol


DR

A questão que se vive quanto a sua aplicação requer co- feitos nas localidades rurais?
a inserção das línguas na- nhecimento das práticas de Será que não estamos diante
cionais no sistema de ensino arbitragem bem como das de um fora-de-jogo, se per-
remonta aos anos de 1997 leis que regem o futebol. cebermos que foram marcados
mas até à presente data a De outra forma, o “fora de passos adiante no meio-campo
concretude desse facto nos jogo” vem a ser uma rea- sem que se olhasse, em por-
escapa. Nessa perspectiva, lidade quando parte do cor- menor, para o que realmente
podemos reflectir e com- po, cabeça ou pés estiver se precisa? Por outra, que es-
parar o cenário que se vive além do meio campo do tatuto terão as línguas nacio-
para a implementação de adversário, podendo ser nais? Como funcionará o
um ensino inclusivo ao “fora nas proximidades da linha ensino dessas línguas ou que
de jogo” em futebol, por ser da baliza do adversário. E modelo será adoptado? Que
causa de inúmeras polémi- é inexistente o “fora-de- metodologias serão adoptadas
cas, por se tratar de regras jogo” quando o jogador (fa- para o ensino das mesmas?
complexas que se devem ter lantes de línguas nacionais) A metodologia a ser adop-
em atenção, por envolver estiver em linha com o pe- tada responderá às neces-
aspectos que dizem respeito núltimo adversário (Estado) sidades dos falantes das
à posição do jogador em ou ainda na mesma linha línguas nacionais?
campo, perante um lance com os dois últimos. Será que a inserção das
que deve merecer um olhar Se nos atermos a questões línguas de Angola no novo
não menos atento por parte relacionadas ao ensino das Plano Curricular do Ensino
da equipa arbitral. Aí a equi- “línguas de Angola” pode- Geral virá resolver os pro-
pa arbitral deve estar atenta se cogitar o seguinte: em que blemas com que se deparam
ao tempo e aos centímetros, posição os defensores das os alunos, a fuga à escola,
o que em certa medida in- políticas educativas veêm as dificuldades no âmbito
fluencia a tornar o assunto os falantes das línguas na- da leitura, da escrita e da
um dos mais polémicos nes- cionais?Que acompanha- compreensão da matéria lec-
se tipo de desporto. Porém, mentos contextuais foram cionada? EB

Benefícios do ensino bilingue


DR

Os questionamentos acima cesso activo e não mera-


aludidos procuram atiçar re- mente receptivo onde ao su-
flexões sobre as melhores jeito é imposta a ideologia
medidas a serem tomadas linguística e cultural que a
em torno da presença das escola adoptou.
línguas nacionais no sistema Dos vários aspectos des-
de ensino. tacados, é necessário que
Adianta realçar que está as definições de planea-
comprovado, cientificamen- mento, de políticas linguís-
te, que o ensino bilingue ofe- ticas e depolíticas educativas
rece uma série de benefícios tenham em atenção ques-
para o desenvolvimento cog- tões pontuais que envolvem,
nitivo, emocional, histórico, além do direito do indivíduo
social, cultural, político e de aprender na sua língua,
poder da criança. consagrado na Declaração
Permite ainda ampliar ha- Universal dos Direitos Lin-
bilidades que envolvam o guísticos, também valorizar
pensamento criativo (BIALYS- e (re)vitalizar as línguas na-
TOK (2001, 2005); BARAC e cionais reduzindo, desse
BIALYSTOK (2001); KROLL, modo, as assimetrias, a mar-
DUSSIAS, BICE E PERROTI ginalização, a segregação
(2015). Nessa perspectiva, o dessas línguas, consideradas
processo de ensino-aprendi- não hegemónicas.
zagem tornar-se-ia um pro- EB

Citando o linguista Nzavoni Ntondo


DR

Sobre o mesmoassunto Nton- encontrar muita gente. No dos, pois essa via ajudará a
do (2017) em entrevista efec- julgamento, por exemplo, há pôr cobro a inúmeras situa-
tuada na pesquisa sobre pessoas que não entendem ções vivenciadas no país.
“Política linguística para o bem o português. Como fazer? Considerando as línguas
Ensino Bilingue em Angola”de Podemos utilizar a língua com nacionais um suporte ideo-
Bernardo (2018) destaca que um tradutor, se necessário, se lógico, cultural, histórico e
“se quisermos resgatar as lín- o juiz não conhece a língua. de identidade nacional, ve-
guas, se quisermos promover O médico também precisa rificam-se incoerências na
as línguas, a única maneira conhecer a língua porque está implementação do ensino
é utilizá-las. Se nos pronti- sempre em contacto com a das “línguas de Angola” uma
ficarmos em utilizar estas população […].” Esse posi- vez que as questões levan-
línguas vamos fazer um gran- cionamento de Ntondo (2017) tadas não tiveram respostas
de trabalho de promoção, mostra claramente a urgência claras.Porém, acreditamos
um grande trabalho de di- que há em o Estado (i) definir que a implementação do en-
fusão dessas línguas porque o Estatuto das línguas na- sino-aprendizagem nas lín-
se nós não utilizarmos essas cionais se é que queremos guas nacionais exige um
línguas vão ficar línguas mor- preservá-las e garantir a sua repensar que envolva espe-
tas. Agora, utilizar como? existência; (ii) ter a univer- cialistas multissectoriais, tais
Utilizar onde? sidade como parceiro, isto como sociólogos, psicólogos,
Utilizar nos sectores mais é, ao pensar num determi- linguistas, historiadores, an-
privilegiados também, por nado projecto a ser imple- tropólogos, entre outros, para
exemplo no ensino, na Justiça, mentado no país deve-se que se possa obter maior con-
no comércio, quer dizer, em ouvir as universidades atra- tribuição e deixarmos de estar
todo o sítio onde podemos vés de estudos desenvolvi- FORA DE JOGO. EB
8 REPORTAGEM Domingo
26 de Janeiro de 2020

BAIRRO POPULAR, ANTIGO MUSSEQUE MARAÚBIA


Uma das zonas mais
emblemáticas de Luanda
O Cine São João, o Cemitério Novo, a Igreja da Sant'Ana, o Mercado Municipal e a Feira Popular eram as referências
incontornáveis do Bairro Popular, que orginariamente se chamava Musseque Maraúbia e depois Cemitério Novo. Os
seus primeiros habitantes, maioritariamente, eram provenientes de Catete e essa matriz demográfica ainda hoje está
bem patente, apesar do bairro ter recebido gente de todas as latitudes, incluindo colonos portugueses

César André EDIÇÕES NOVEMBRO


Pinto e Gabela foram edi-
Musseque Maraúbia foi ficadas pelos seus morado-
a p r i m e i ra d e s i g n a ç ã o res, a maioria autóctones,
atribuída ao antigo Bairro enquanto que as das ruas
Cemitério Novo, hoje vul- de Moura, Ourique, Mavin-
garmente conhecido por ga, Loulé, Ambriz e Am-
Bairro Popular, um aglo- brizete foram construídas
merado populacional que pelos brancos.
nasceu num pantanal entre Os primeiros moradores
os anos 1930 e 1940. do Musseque Maraúbia eram
Numa primeira fase o local provenientes da região de
caracterizava-se por ter inú- Catete. Contam-se dentre
meras lavras, desbravadas esses primeiros habitantes
que foram as matas. Devido a família do falecido Geró-
à sua privilegiada posição nimo João Paulo, pai do José
geográfica a localidade servia Manuel, antigo preso político.
de refúgio habitacional para Depois surgiram famílias co-
as populações autóctones mo a do Bibila, João Caetano,
expulsas das áreas onde vi- tio Elias José dos Santos e
viam, pelo crescimento da Jacinto João. Essa malta de
cidade do asfalto. Catete inclui também as fa-
Nos anos ‘50 o Musseque mílias Pimenta e do João Co-
Maraúbia evoluiu para Bairro meta, José Cuerra e dos mais
Cemitério Novo. Foi nessa fase velhos Paiva e Capindiça.
que começou a ser habitado Nos anos 1969 e 1970, ain-
por populações provenientes da em plena construção, o
da região de Catete. Mais tarde Bairro Popular acomodou
acolheu também populares muita gente proveniente da
de raça branca, provenientes Europa, bem como intelec-
de Portugal. E passa então a tuais e ex-moradores do
designar-se Bairro Popular, Rangel e do Marçal. De uma
números 1, 2, e 3. forma geral, era uma área
Reza a história que o bairro em ascensão.
viu nascer, na década de ’50, “Man Cele” disse ainda
o Cemitério da Sant’Ana, que as primeiras casas da
que então deu nome à cir- Rua das Violetas foram cons-
cunscrição. Porém, dentro truídas pelos mais velhos
do chamado Bairro Cemitério Zé Cambuta, Agostinho, Ma-
Novo foram criadas urbani- nuel da Gama, Paulino Au-
zações estruturadas em ta- gusto de Almeida, Agostinho
lhões e denominadas, Ferreira, Sebastião António
respectivamente, Bairro Po- Lobato, Domingos Filho, An-
pular 1, 2, e 3. Os lotes foram tónio de Carvalho, Baltazar
vendidos de acordo com os Adão Pedro, velho Cambaxi
níveis sociais e o poder de e Loló Agostinho Mateus.
compra dos interessados. Na Artur Gonçalves, também
época o local era um dos antigo morador, diz que, de
poucos musseques que tinha uma forma geral, a partir do
as suas casas construídas mercado municipal até a zo-
dentro de um certo alinha- na do Cine São João “todas
mento, ou seja, tinha as ruas essas casas foram construídas
bem largas, paralelas e quase antigo campo do Kubaza, pas- Para além das áreas men- até à Rua das Violetas. porque era considerado pelos colonos ou gente pro-
sem becos. A maioria das sando pela Escola 225 e ter- cionadas albergarem a Igreja Celestino João Armando, “muito perigoso”. veniente da Europa”.
casas eram de pau-a-pique, mina no entroncamento com Católica, cinema, escolas, também conhecido por “Man “Ele colaborava com os Nas proximidades da zona
rebocadas, pintadas e de ca- a rua da Gabela de Baixo. centros comerciais, mercado Cele”, 78 anos, antigo mo- agentes da PIDE-DGS e as da Madame Berman, de acor-
rácter definitivo. O Bairro Popular número municipal, farmácia, dro- rador, diz que Maraúbia era populações não tinham boas do com Artur Gonçalves, al-
Geograficamente o Bairro 2, segundo reza a história, garia, pastelaria e os bancos um local onde havia muitos referências dele”. guns autóctones como os
Popular número 1 tinha os era a partir de 1954 um pro- comerciais, hoje está lá ins- imbondeiros, cajueiros e O então bairro Cemitério kotas Zé Cambuta, Agosti-
seguintes limites: a Norte a jecto da Câmara Municipal talada a Direcção Nacional mandioqueiras, à semelhan- Novo, além dos acima men- nho, António Paulo, Lobato,
Estrada de Catete, da ponta de Luanda em homenagem do Serviço de Investigação ça do Musseque Baia. “Então, cionados, tinha outros co- Domingos Filho, Carvalho,
do Cemitério da Sant'Ana até ao engenheiro Câncio Mar- Criminal (SIC). Havia tam- o bairro Maraúbia herdou merciantes que se tornariam Baltazar, Cambaxi e Leandro
à Escola Che Guevara. Ao Sul tins. As sua fronteiras en- bém um campo desportivo esse nome pelo facto de haver famosos, tais como os se- de Almeida foram dos fun-
era limitado pela rua da Ga- globavam o seguinte: nas multiuso que servia de re- essas plantações”. nhores Cravo, Neves, Mar- cionários “de um certo nível”
bela de Baixo e a rua do An- traseiras do cemitério as cinto de recreação para a po- Segundo “Man Cele” o tins, António Kajindaka, que conseguiram erguer as
dulo (rua principal do IMEKK casas conhecidas como pulação do Bairro Popular nome Cemitério Novo nas- Dias, Miguel, Zé Bento, Porto, suas casas em decorrência
e da Igreja Sant’Ana). pertencentes às Sete Ruas, nº 2, e não só. ceu depois de se ter cons- João, Ferreira, Santos Kijiba, das poupanças que fizeram.
A Leste da circunscrição ou seja, o bairro do Anan- truído o campo santo da Manuel Cambuta e outros.
existe a estrada que separa o gola urbanizado. Popular nº 2 Sant’Ana. “Só mudaram o “Man Cele” explicou ainda Figuras emblemáticas
cemitério, à esquerda e à di- As fronteiras englobavam No que concerne ao Bairro nome do bairro quando se que algumas das casas do Várias famílias influentes
reita, o bairro do Anangola, ainda as casas das ruas do Popular número 3, os seus construiu o cemitério e co- bairro foram construídas pelos deixaram as suas raízes no
localidade não urbanizada e Andulo, Serpa, Gabela, Mou- limites eram os seguintes: meçou-se a receber habi- respectivos moradores, que Bairro Popular, por prestarem
misturada com o bairro Palanca ra, Porto Alexandre, Ourique, Bairro da Madame Berg- tantes como os comerciantes se socorreram de emprésti- serviços relevantes aos mo-
(sector do Lombondo 1). Mavinga, Loulé e a Rua Nova mann a partir do ex-Talho da fuba, os colonos António mos bancários para tal. Outras radores. Dessas famílias des-
Os limites a Oeste são a (Olímpio Makuéria), que Berlix, incluindo todo o ter- Bruto, Pinho e Só Santos”. foram, paulatinamente, er- tacam-se a do alfaiate Cardoso
Escola Che Guevara, a rua separava o Bairro Popular ritório à direita em direcção Esse último comerciante, guidas pelos brancos. “Certo”, do sapateiro Ti Chico,
Miguel Ângelo Lupi que inicia nº 2 da circunscrição Sar- ao campo do Kubaza (Igreja segundo “Man Cele”, não A título de exemplo, disse do Ponha, da dona Margarida
na Igreja Baptista e vai até ao mento Rodrigues. Metodista de Icolo e Bengo) teve muita aceitação no bairro que as casas das ruas Serpa (quimbanda de fama, mãe
Domingo
26 de Janeiro de 2020 REPORTAGEM 9
do Kituxi), do Armando Salalé Neto, o Carlos João Francisco, radores há que salientar a se- riosos”, como o Armando saiba que todos eles moraram o Figueira, do Supermercado
e do Jacinto João. irmão do David João “Jota Jo- nhora Maria Santo Rosa, mãe Salalé, o Gingato, o António no Bairro Popular. E até o Tuca, o mais velho Guerrita,
Figuras como a tia Rosa ta” e o João Cambuta, cons- do Beto Mangueira, as famílias Marimbondo, o Pedro Afa- próprio Dom Caetano. a dona Fátima, mãe do Ro-
Miguel, que fazia sarrabulho tam dos antigos moradores. do Admir e do mecânico Zé mado, o Maringó, o Júlio Pa- O bairro viu partir em 2018 sário, a tia Bebé Maria, o Chi-
e era gestora dos negócios no Defronte ao salão dos Per- Amaro. Havia ainda a família lha D´Aço e o Zé Patolas. O e 2019 duas das suas grandes co Sapateiro, o Catarino
quintal do salão dos Perdidos didos residia a família Portela, Pio do Amaral Gourgel, a Ma- leitor certamente já ouviu referências: o Zé Cambuta, Rodrigues, a mamã Maria
Futebol Clube, o Ringo, filho o Quim Castelo Branco, bem na Didi, a Bibila, o Caetano falar de Pedro Franco, Jac- do programa “A Voz dos Ko- Alfredo Paulo, mãe da Fe-
do tio Pedro, o Félix do cha- como o kota Chico Ventura, e a Cangana (Amélia). ques Rumba, João Cometa tas”, da Rádio Cinco, e o em- lismina e esposa do fundador
fariz, o João Canjila, o Cata- malogrado treinador do ASA. O bairro contava, igual- e Adão Simão, citados na presário Bibila. do bairro, ou seja, o proprie-
rino, o Águas Rosadas, o Artur Gonçalves informou mente, com personalidades canção “Som Angolano”, de Além destes partiram tário da casa número um da
Braganha, o Armando Carlos ainda que dos antigos mo- portadoras de nomes “cu- Dom Caetano. Pois então também para a eternidade circunscrição.

Jovens apegados ao desporto


A circunscrição contava famosa Janela Aberta, foi o Nelinho, o Neco 102, o feriu-se para a equipa do dos Perdidos, o Jardim Escola, mo na extensão do referido
com vários clubes emble- erguida a Escola 226. Dado e o Ninito. Benfica do Calumbunze, o do Adão Simão e o do Es- rectângulo, onde se vendia
máticos, mas a agremiação O campo d’Os Perdidos “No eclodir da guerra, que participou no famoso trela. Havia ainda o salão de tudo um pouco, desde
oficial era o Clube Atlético situava-se em frente da casa em 1961, estávamos a ser torneio Cuca. do Pereira Vinana e um ou- o peixe fresco, que se ven-
de Luanda. As outras for- da família Gourgel (mãe perseguidos e fomos obri- Havia também o Porto tro no bairro Porto. Em dia por cima dos carros,
mações desportivas eram Fefa) e da Cimex. Do outro gados a mudar o nome do do Kubaza, bem como o matéria de entretenimento até aos produtos hortícolas
os Perdidos Futebol Clube, lado deste campo, para lá Clube de Brazzaville para Atlético do Icolo e Bengo, os populares contavam tam- e industrializados.
Estrela Futebol Clube, Ben- da Estrada de Catete, havia os 11 Perdidos da Bola. A onde jogaram o Zundu e o bém com o Complexo Os carros de peixe per-
fica do Calumbunze, Os a Farmácia Pátria, a Pa- mudança do nome reali- Dionísio de Almeida. Desportivo e Cultural do filavam-se desde ao lado da
Quilengues, o Clube Des- daria Kaxicane e o Jornal zou-se durante um encontro O recinto desportivo ho- São João, que era próximo porta da Igreja do Icolo e
portivo Kubaza, o Ferro- ABC, cujo proprietário, ‘record’ por causa da per- je denominado Catetão da Igreja da Sant´Ana, on- Bengo ao cruzamento actual
viário da Bala e o Varzim. Machado Saldanha, deu seguição da PIDE-DGS”, pertencia ao Atlético do de hoje funciona a Direc- com o hospital, hoje trans-
Os Perdidos Futebol Clube nome à rua mais impor- conta “Man Cele”. Icolo e Bengo e ao Estrela. ção Nacional do Serviço formado numa escola, até
tinham como principais re- tante do Bairro Popular. O nosso interlocutor O fundador desta última de Investigação Criminal. quase próximo à loja do
ferências os jogadores Jacinto O campo do Benfica do lembrou que naquela agre- agremiação desportiva cha- No rectângulo delineado António Kajindaka, onde
João, Dado, Ninito, Pimenta, Calumbunze situava-se no miação desportiva os joga- mava-se Zacarias. Man Za- actualmente pelas ruas que as peixeiras, em substi-
Bastos, Gabi, Queré, Anto- chamado Bairro Sujo. Os d o re s d e p o i s d o s j ogo s cas, Luís Pedro Miguelito e circundam o Hospital dos tuição dos comerciantes
ninho, Juca, Viana, Beto, Al- garotos utilizavam também tinham como lanche gin- João Capindiça eram as Queimados havia dois cha- brancos dos carros, iam
ves, Alberto Maria e Ribas. para jogar a bola os campos guba, kicuerra e gasosa. grandes referências dessa farizes que abasteciam água vendendo o peixe a grosso
Essa agremiação possuía um da Madame Bergmann e do “Eram jovens bastante ta- agremiação. Os grandes à população. Um dos cha- a outras peixeiras.
salão de festas próximo ao bairro da Polícia. lentosos, jogavam muito. trumunos não oficiais eram farizes estava implantado “Man Cele” explicou que
local onde está implantado “Man Cele” explica que Na altura o Brazzaville Fu- organizados na altura por na parte lateral do hospital depois de se construir o mer-
o Supermercado Tuca. o Estrela Futebol Clube tebol Clube tinha como res- Mane Mancha (grande pro- que dá para a Rua Almada cado municipal do bairro,
O Estrela Futebol Clube foi a primeira agremiação ponsáveis os kotas Cele, motor de futebol). Nesses Negreiros e era vigiado pelo na zona onde morava a
contava também com joga- desportiva de elite a surgir Luís Domingos e Eduardo trumunos despontaram cra- homem conhecido por “Nas maioria dos colonos portu-
dores talentosos, nomea- n o b a i r ro . O c l u b e e ra Alves do Nascimento”. ques como Man Gabi, Vieira Quinas” (gostava muito de gueses, o antigo mercado
damente o Zacarias, Maneco constituído por rapaziada “Man Cele” contou ain- Dias, Mané, Júlio Bessa, ficar nas esquinas próximo desapareceu e foi edificado
e o Neco 102. No Benfica de proveniente da Casa Pia da que o recinto despor- Walter Silva, Tozé (antigo ao chafariz). no seu lugar o IASA - Ins-
Calumbunze destacava-se e que morava na zona dos t ivo d o c l u b e p a s s o u a guarda-redes do Petro), O outro chafariz estava tituto de Assistência Social
o Eduardo André. Carneiros. designar-se Campo da Fe- Cafimunas, Augusto Sera- implantado no extremo em Angola, cuja missão era
O futebol era praticado “Man Cele” diz ainda que fa, em homenagem à mãe fim, Manuel, Valentim, Teó- oposto do hospital, isto é, servir as populações mais
nos diferentes campos do na época ele morava numa do Ninito, do João, do Ver- filo, Rosário Vicente, Matos, defronte ao imbondeiro, que carenciadas, ainda sob re-
bairro e das redondezas. O palhota e foi aí que se casou diano e do Yaya. Situava- Castigo, Toni Bertoni, Chi- ainda lá existe, junto da casa gime colonial.
campo do Kubaza era pro- com a sobrinha do Zé Cam- se no local onde hoje estão quito Kibisa, Loló Gaspar do Tio Chico, o sapateiro, e O nosso entrevistado
priedade do próprio Kubaza. buta. “Essa agremiação fute- as bombas de combustível e tantos outros. do velho Ardo, o alfaiate, contou ainda que o bairro
Hoje lá está construída a bolística era muito conhecida da Sonangol. também chamado “Certo”. começou a ser habitado pe-
Igreja Metodista de Icolo e e tinha um salão de festas que Os 11 Perdidos da Bola Entretenimento Esse chafariz era vigiado los brancos portugueses nas
Bengo, ao passo que no an- servia para angariar fundos”. era uma agremiação muito O Bairro Popular no tempo pelo Velho Félix. ruas do Largo do Comércio,
tigo campo do Estrela Fu- Havia também o Futebol forte que tinha um ponta- colonial não possuía muitos No início dos anos ‘60 onde havia várias lojas, far-
tebol Clube, na rua Almada Clube Brazzaville, que tinha de-lança que marcava mui- salões de festas e os que ha- esses dois chafarizes faziam mácias, ourivesarias, casas
Negreiros, próximo ao Hos- como craques o Pimenta, o tos golos: o Eduardo André, via contavam-se pelos dedos parte da estrutura de um de moda e outros estabele-
pital dos Queimados e da Jota Jota, o Alberto Maria, que posteriormente trans- das mãos. Existiam os salões mercado “não oficial”, mes- cimentos comerciais.

Considerada como uma


Madame Berman
vem com o sétimo ano e
EDIÇÕES NOVEMBRO

das zonas de elite do Bairro que se tornariam em gran-


Popular, Madame Berman des referências.
está situada no Norte da Segundo Walter Silva, de
circunscrição. Reza a his- uma forma geral, a juven-
tória que o nome está as- tude daquele tempo estava
sociado a uma s enhora mais ligada aos estudos e
capitalista francesa que ao futebol do que às festas
mandou construir no local propriamente ditas. “A
residências de alto padrão, prática do futebol suplan-
que posteriormente arren- tava as festas, além disso,
dou aos colonos. as casas de festas mais ba-
A anteceder à constru- daladas estavam fora do
ção das casas o local era bairro, como na Vila Alice,
um espaço baldio que os Rangel e outras zonas.
garotos utilizavam para ca- Dos jovens formados na-
çar pássaros e outros pe- quela época e que se tor-
quenos animais. A zona da naram responsáveis no
Madame Berman só acolhia Governo destacam-se o
moradores de raça branca. Júlio Bessa, o Edeltrudes
Walter Silva, 55 anos, C o s ta , o P e d ro Lu í s d a
considera o antigo Cemi- Fonseca e tantos outros”.
tério Novo o bairro dos in- Wa lte r S i lva reve l o u
telectuais. Esse bairro, ainda que a convivência
conta ele, foi muito dispu- entre brancos e negros era
tado, no período após o 25 salutar. Segundo disse,
de Abril de 1974, pelos mo- não havia discriminação,
vimentos de libertação, “inclusive os negros fre-
que aí pretendiam insta- quentavam sem receio as
lar-se. Nos anos '70 já havia residências das populações
no bairro muita malta jo- de raça branca”.
10 CRÓNICA DE DOMINGO Domingo
26 de Janeiro de 2020

“FINO E QUIETO”

Pode passar!
Mas foi no dia seguinte que se fez a prova dos nove. Sembe, que saiu da festa à meia-noite,
dizem que “era para não se estragar”, acordou às quatro e ficou a matutar no que fazer.
Tinha viagem de regresso para aquele mesmo dia
JOÃO GOMES | EDIÇÕES NOVEMBRO
Soberano Kanyanga Em sentido contrário, sem a cadeira.- Respondeu-lhe - É para abrir o apetite,
apelo e nem agravo, Mango- a dona de casa que aparentava manos. Não me olhem só
dinho encharcava-se com cansaço do dia anterior assim. - Argumentou.
Talvez, precavendo-se de tudo que tivesse álcool e que - Hoje é dia. O copo e o Seguiu-se a pratada regada
possíveis deslizes na festa lhe passasse pela frente. prato vão ter de me respeitar. com vinho que degustou até
de casamento, o puto Sembe, Mas foi no dia seguinte - Disse Sembe, recitando um ao fim. Quando os “mwene-
que também fora convidado, que se fez a prova dos nove. aforisma Kimbundu. “Wali a-bata” (dono da casa) che-
preferiu um consumo co- Sembe, que saiu da festa à ibungu ki mutuka” (quem garam e se sentaram à mesa
medido. Aos olhos daqueles meia-noite, dizem que “era comeu até se fartar, não pode da sala interior, o puto Sembe
que o conhecem e já o viram para não se estragar”, acor- escapar de um lobo). foi chamado também.
a assumir atitudes suínas, dou às quatro e ficou a ma- - Come um pouco de funji.
“o puto Sembe não bebeu”. tutar no que fazer. Tinha Ontem estavas muito ausente
Ficou fino e quieto. viagem de regresso para “Hoje é dia. e quase ninguém te viu. –
Sentou-se à mesa dos aquele mesmo dia. O copo Disse o comissário Sabalo,
VIP. Quando, naquelas saí- - Voltar assim, sem des- e o prato pai da noiva e tio de Sembe
das de pouca dura, ocupa- frutar, um gajo que veio vão ter e Mangodinho.
ram a sua cadeira, não se para comer e beber? Esse de me Entre um dedo de con-
rebelou e esperou que o ocu- casamento, tirando o kota respeitar, versa, uma garfada e um
pante se levantasse para ele Mangodinho que já fez pi- disse Sembe, gole, tragou o que lhe fora
voltar a pôr os glúteos no ruetas dele, fica sem estórias recitando presente. Uns copos de vi-
assento e dançou pouco: para contar! - Verbalizou um aforisma nho e outros de aguardente Ao transpor a migração, aeromoças procurar debaixo
duas músicas apenas. em solilóquio. Kimbundu: que não o deixaram ébrio mão no bolso, carteira com do banco.
- Xê, Sembe está já tipo Ajeitou a roupa informal. de momento. bilhete nada. Revista na pasta - O moço tem certeza
Wali ibungu
grande Kilamba. Fato bem Fato e ténis, todos azuis, ma- Já no avião, máquina de de mão, nada. Revista na que veio com os documen-
passado, camisa azul axa- wanas e boné. Caminhou ki mutuka ” ferro no ar, Sembe não se pasta de roupa, nada. tos em mão?
drezada a condizer e bebida quilómetro e meio para suar emporcou, mas no assento - Ai wê, môs doccs! – - Sim, sô polícia. Exibi
só vinho caro e a servir tipo e abater o estômago. se transformou em pedra e Gritou. o bilhete ao entrar no avião.
tem preguiça. Vamos lhe ver Doze e trinta, Sembe fez- Ve rd a d e o u m e n t i ra , roncador. Dormitou até o Um polícia de fronteira se Diligente, o agente, três
amanhã, na continuada, ou se para a casa dos pais da Sembe cumpriu. Recebido pássaro poisar o chão da abeirou e sentiu o alambique. riscos em vê no ombro, su-
mesmo quando regressar à nubente. com sobrados do repasto Ngimbi, não se dando conta - O moço tem o canhoto biu no “pássaro” e deu-lhe
aldeia de Pedra Escrita. - - Com licença! Já está na anterior, fez do estômago que a sua carteira de docu- da passagem? o achado, fazendo, logo de
Disse, meio enciumado, hora da continuada? um saco. Aliás, antes serviu mentos caíra para debaixo - Sim chefe, tenho. Fa- imediato, o sinal do “pode
Mangodinho à sua Isabel. - Sim pode entrar e puxa uma aguardente. do banco. xavor, me ajuda só ir nas passar!”

COMER EM CASA

Carne de porco Bolo coberto de coco Xarope de pitanga


com ameixas Ingredientes Ingredientes
• 120 gr de açúcar; • Pitangas maduras (bem lavadas);
Ingredientes • 4 ovos; • açúcar;
• 500 gr de ameixas; • 1 limão; • água.
• 3 dl de vinho tinto; • 100 gr de farinha de trigo;
• 6 bifes de carne de porco com um dedo de espessura; • 3 colheres de sopa de água;
• sal e pimenta; • 1 colher de chá de fermento; Preparação
• 50 gr de manteiga; • amêndoa (torrada e picada); Coloque as pitangas numa panela e
• 200 gr de natas; • 1 chávena de creme de ovos; acrescente-lhes água até estarem
• 1 colher de geleia de groselha. • coco ralado; tapadas. Leve ao lume e ferva durante
• água qb. uns 5 minutos. Separe o líquido das
frutas e sementes com um pano ou uma
Preparação peneira fina. Deixe escorrer bem, mas
Um dia antes deixam-se as ameixas de molho Preparação não esprema. Por cada litro de sumo,
no vinho. Depois coze-as no vinho durante meia Bata as gemas com o açúcar. Junte a água e a raspa adicione 1 quilo de açúcar. Misture o
hora. Polvilhar a carne com sal e pimenta e de limão. Envolva depois a farinha de trigo com o líquido com o açúcar e leve à fervura.
frite-a na manteiga. Retire a carne e no mesmo fermento em pó. Por último junte as claras, antes Ferva durante 2 minutos e despeje
recipiente coloque o molho de cozer as batidas em castelo. Leve a cozer no forno a 150°C, imediatamente dentro de garrafas de
ameixas. Deixe ferver e junte as natas e a geleia. numa forma redonda e bem untada, mas forrada de vidro bem lavadas e esterilizadas. Feche
Passe a carne neste molho até ferver. Coloque a papel vegetal, que por sua vez deve ser untado e e guarde em lugar escuro até usar. Dilua
carne na travessa com o molho e decore com polvilhado com farinha. Deixe cozer por 18 a 20 o xarope com água a seu gosto.
ameixas e agrião. minutos. Cubra então o doce de ovos, polvilhe o
coco ralado e sirva bem fresco.
Domingo
26 de Janeiro de 2020 TELEVISÃO 11
DR

FICHA TÉCNICA
Título
Vikings

Lançamento: 2013

Género: Drama,
Acção, Aventura

Duração: 45 minutos

Director: Michael Hirst

EM EXIBIÇÃO
TVCine Séries
Zap e DStv
Episódios: 76
Temporadas: 6

ALUSÕES “VIKINGS” ALTOS +


Conduta Uma lição
A atitude é um dos muitos
princípios que pode definir
quem somos. Moldada pela
Aventura épica aos jovens
“Vikings” é uma aula sobre
a história, em que os motivos
família ou a sociedade, o
comportamento é uma das
formas de ver o mundo, que
precisa ser melhor cuidado
e trabalhado. Às vezes, ela
pela era medieval por detrás de alguns povos
terem se tornado conquis-
tadores são explorados. Co-
mo repositório de um
período ainda desconhecido
tende a levar alguns a verem da História da humanidade,
a necessidade como algo Depois do sucesso de séries como “Guerra dos Tronos”, esperava-se que não a série abre portas para no-
capaz de os levar a extremos, fossem aparecer produções à altura. Mas o canal History conseguiu vos debates, porque ao con-
enquanto outros como mo- apresentar um trabalho com o “mesmo peso e medida” trário das demais produções
tivo de superação. É a partir do género, cujas bases as-
desta diferença de procedi- sentam na ficção científica,
mento, que vemos a impor- Adriano de Melo os nórdicos, que resul- esta procurou usar alguns
tância da criação de uma taram na “extinção” dos dos dados históricos sobre
conduta mais altruísta na hábitos deste povo. a “época dourada” dos po-
construção da sociedade do Entre histórico e encan- Com uma narrativa vos nórdicos para educar
futuro, na qual a nova ge- tador, “Vikings” é um da- mais ampla, em relação os jovens.
ração tem um papel decisivo. queles “tiros no escuro” às demais produções do
Os valores nos quais a con-
duta dever ser moldada são
uma tarefa de todos.
que acertam. A série, pro-
duzida por um dos canais
pouco ligados ao ramo
do entretenimento, o His-
género - o que também
era de se esperar de uma
produção de um canal de
História -, “Vikings”, ac-
BAIXOS -
tory conseguiu prender
o público, com uma nar-
tualmente na sexta tem-
porada, conseguiu até Os lapsos
Juramento rativa profunda, as cenas
de acção e o carisma das
mesmo prevalecer, após
retirar o protagonista prin-
na História
personagens. cipal de cena, e seguir Um dos maiores “erros”
A palavra dada é importante. Numa época em que com êxito a história, atra- da produção do argumen-
Ela ajuda na construção da séries medievais têm se vés dos olhos dos novos tista inglês Michael Hirst,
ideia de quem somos, em es- revelado um sucesso na rostos da série, os filhos “Vikings”, é o facto de a
pecial a nível social. Muitas televisão, com “Guerra de Ragnar. produção ter sido criada
das vezes as pessoas tendem dos Tronos” a ser um épi- Embora a série apre- por um canal de História
Histórias das conquistas Vikings ganharam vida na televisão com êxito
a esquecer esta regra funda- co sem igual e um marco sente lapsos na narrativa e como tal a narrativa de-
mental e fazem promessas memorável, “Vikings” histórica, alguns dos quais veria estar mais “apegada”
incapazes de cumprir. Geral- alcançou prestígio por ter quantidade de fãs, em Embora haja alguma capazes de levar os espe- aos dados históricos, sem
mente as consequências ten- um ritmo diferente das quase todo o mundo. coincidência com outras cialistas a criticarem a espaço para acréscimos
dem a ser poucas nos dias de demais adaptações de Com boas doses de li- séries do género, como produção, teve o feito de ficcionais. Para muitos his-
hoje, mas já houve épocas em factos históricos, apesar ções históricas, a odisseia “The Last Kingdom”, ba- trazer um relato, quase toriadores existem falhas
que eram motivos de morte. de não ter tido um grande medieval que começou seadas nas “Crónicas Sa- esquecido, de um povo no desenrolar dos contos
Actualmente apenas corre- orçamento de produção. por focar, inicialmente xônicas”, ou “Norsemen”, que conquistou a Europa, adaptados para a televisão
se o risco de cair no descrédito, O que começou por ser num único personagem, mesmo sendo uma série até à nova geração. sobre as conquistas de
um mal a que muitos, na so- uma ideia em desenvol- Ragnar Lothbrok (vivido de comédia, “Vikings” Agora, com o anúncio Ragnar Lothbrok, um dos
ciedade moderna, aceitam vimento, para mostrar por Travis Fimmel), tem sobrepõem-se às demais do encerramento da pro- mais célebres reis nórdicos,
sem pensar. Porém é preciso um período da História, muitas outras figuras Vi- por explorar detalhes úni- dução, este ano, espera- que deveriam fazer o canal
vermos mais além e come- assente na conquista da kings como protagonistas, cos, alguns dos quais mui- m o s q u e ve n h a u m a “History” reescrever a pró-
çarmos a pensar que socie- Inglaterra e outras terras cujas entradas ajudaram to próximos da História sequência capaz de con- pria série, de forma a res-
dade teríamos, no futuro, caso pelos Vikings, acabou por a dar o toque de renas- real, como a influência quistar, quanto o original, peitar os relatos escritos,
as pessoas não honrassem se tornar um êxito sem cimento da série e deram do cristianismo nas cul- o público apreciador de até ao momento, sobre
com as promessas? precedentes na televisão, à mesma uma maior turas pagãs, ao ponto de boas séries, em especial determinados factos.
hoje com uma grande aproximação da realidade. ter criado rupturas entre as históricas.
12 Domingo
26 de Janeiro de 2020

PUBLICIDADE

▬▬▬■■■■■▬▬▬
REPÚBLICA DE ANGOLA

MINISTÉRIO DA ECONOMIA E PLANEAMENTO


PROJECTO DE CAPACITAÇÃO INSTITUCIONAL PARA O DESENVOLVIMENTO DO SECTOR PRIVADO

RECRUTAMENTO DE UM ESPECIALISTA EM GESTÃO FINANCEIRA


(SERVIÇOS DE CONSULTORIA INDIVIDUAL)

Referência do Acordo de Financiamento: Banco Africano de Desenvolvimento

N.º do Projecto. P-AO-K00-0006

O Governo de Angola (GA) negociou e obteve um empréstimo do Banco Africano de Desenvolvimento (BAD), visando o financiamento do custo da
execução do Projecto de Capacitação Institucional para o Desenvolvimento do Sector Privado (PCIDSP) e pretende recrutar um Especialista em Gestão
Financeira, para apoiar o Director Financeiro a desempenhar as tarefas administrativas, contabilísticas, orçamentais e financeiras a ele cometidas, na
utilização dos recursos do Projecto, de forma económica, eficiente e eficaz, por forma a atingir os objectivos estabelecidos. A duração da consultoria é
de 24 meses, com possibilidade de renovação, dependendo do desempenho satisfatório e da disponibilidade de verbas.

As principais tarefas do Especialista em Gestão Financeira resumem-se no seguinte:

• Manter actualizado o sistema contabilístico e garantir que todas as transacções económicas sejam registadas de acordo com as normas contabilísticas
em vigor e de acordo com os regulamentos do Governo de Angola, regras e procedimentos contabilísticos e financeiros do BAD.
• Produzir relatórios financeiros mensais, trimestrais e anuais, sobre a execução do Projecto e assegurar a sua distribuição atempada a todas as partes
relevantes;
• Elaborar, em concertação com os demais técnicos da UGP e das instituições beneficiárias, os planos anuais de actividades e orçamentos, incluindo
o ponto da situação periódica de execução orçamental;
• Conceber/reforçar os sistemas de controle interno e assegurar o seu estrito cumprimento, em todas as áreas de funcionamento do Projecto;
• Preparar, coordenar e supervisionar, de forma atempada, a realização de todas as auditorias financeiras e administrativas;
• Colaborar com o Ministério da Economia e Planeamento e ministrar acções de capacitação institucional ao seu staff, em matéria de Gestão Financeira
e de desembolsos dos projectos financiados pelo Banco;
• Assegurar uma efectiva coordenação das auditorias internas e externas do Projecto, uma ligação com esses actores e monitorar quaisquer inquéritos
de auditoria e cartas de gestão;

• Grau académico mínimo de Licenciatura em Finanças e/ou Contabilidade;


Qualificações:

• Titular de cartão profissional em Contabilidade e/ ou Auditoria, tais como, ACCA, CIMA, CA ou equivalente será uma vantagem;
• Pelo menos, 3 anos de experiência relevante em projectos financiados por entidades externas, tais como o Banco Africano de Desenvolvimento,
Banco Mundial e outras instituições multilaterais;
• Sólidos conhecimentos de informática, com conhecimento prático do Microsoft Office (sobretudo Word & Excel) e Programas contabilísticos.
O conhecimento do TOMPRO será uma vantagem;
• Fluente em Português e conhecimento razoável do Inglês;

Qualificações Académicas 30 pontos


Critérios de Avaliação

Experiência Geral e Relevante 50 pontos


Experiência com organizações internacionais 10 pontos
Línguas (Inglês/Francês e Português) 10 pontos

O Governo de Angola, através do Ministério da Economia e Planeamento, vem por esta via convidar os consultores individuais elegíveis a manifestar
os seus interesses na prestação desses serviços. Os consultores interessados deverão facultar as informações necessárias que permitam ajuizar-se
das suas qualificações para a prestação dos serviços exigidos, incluindo a versão Inglesa dos seus CVs.

Os critérios de elegibilidade e os procedimentos de selecção serão de acordo com “Regras e Procedimentos para Uso de Consultores” do Banco
Africano de Desenvolvimento, documento datado de Maio de 2008 e revisto em Julho de 2012, o qual está disponível no site http://www.afdb.org.
Os consultores interessados poderão obter informações adicionais, através do endereço indicado em baixo, durante as horas normais de expediente,
das 08.00 às 17.00 horas.

As manifestações de interesse poderão ser dirigidas até 5 de Fevereiro de 2020, mencionado RECRUTAMENTO DO ESPECIALISTA EM GESTÃO
FINANCEIRA DO PROJECTO para o seguinte endereço: Atenção: Dr. Nunes Pires, Coordenador do Projecto, Projecto de Capacitação Institucional

Luanda, 11.º andar, Tel.: + 244/244/940-645-495; Email: projetodecapacitacao@mep.gov.ao


para o Desenvolvimento do Sector Privado (PCIDSP), Unidade de Gestão do Projecto, Avenida 1.º Congresso do MPLA, Edifício CIF ONE

(500.0105)
Domingo
26 de Janeiro de 2020 13
PUBLICIDADE

(700.091)
14 FUTEBOL Domingo
26 de Janeiro de 2020

DR

JOB FRANCISCO SAMISSENDE

Jovem organiza
Gira-Cacuaco
Os jovens são a maioria da população, o que
concorre para a criação de novas ideias,
sobretudo de mudança para melhor. Job
Francisco Samissende está na boca do
mundo. É dos poucos em Cacuaco que não
cruza os braços nem fica em cima do muro,
antes pelo contrário, é criativo e dá nas vistas
como organizador de eventos desportivos

Guimarães Silva pela cultura física e recreação. Contudo, a


“pedra de toque” surgiu quando se deparou
Aos 31 anos de idade, o jovem está à frente com jovens a jogar à bola na rua, no Bairro
do Gira-Cacuaco, um evento que reúne os dos Pescadores, em Cacuaco. “Interroguei-
jovens do município numa prova bastante me sobre os contributos que podia emprestar
concorrida entre equipas locais. O despor- para que os jovens praticassem o futebol de
to-rei é a modalidade escolhida para lançar maneira mais atractiva. Daí, parti para a or-
o projecto, que, a breve trecho, se vai ganização de eventos desportivos, como forma
estender a outras, sobretudo as de salão, de colocar, igualmente, um marco nos alicerces
na senda do aproveitamento dos tempos da nossa sociedade, iniciando com o despor-
livres da juventude. to-rei, o futebol”, disse.
“O desporto que organizo é o futebol sete, do Segundo Job, a iniciativa partiu de um inquérito
qual sou o mentor, coadjuvado pelo amigo aos jovens sobre a modalidade a apostar. E
Cat Loy. Com esta actividade procuramos foi unânime em dizer que o futebol é o desporto
cativar a atenção da juventude, pesquisar ta- da preferência da maioria dos jovens em Ca-
lentos para seu posterior encaminhamento cuaco. “A primeira edição do Gira-Cacuaco ar-
para as equipas de topo, no caso, do Girabola”, rancou a 20 de Fevereiro de 2019, com dez
disse o interlocutor, acrescentando que “outro equipas, e a segunda acontece desde Outubro
dos objectivos é congregar jovens, informar do mesmo ano, com o concurso de dezasseis
sobre os benefícios da cultura física e recreação equipas”, informa, salientando que colheu ex-
e desviá-los dos maus caminhos”. periência sobre organização de eventos nos
Sobre as motivações que o levam a reunir primórdios de 2019, quando, por gosto e cu-
jovens para a prática do desporto, Job Francisco riosidade, tornou-se treinador da equipa do
Samissende elucida que é um apaixonado Instituto Politécnico de Cacuaco.

DR

Entusiasmo
rende apoios
O palco para as actividades do Gira-Cacuaco Pec e da Rádio Cacuaco”, enumerou.
é o espaço da escola 4014, no Bairro 4 de “Organizamos eventos para praticantes
Fevereiro. A segunda edição da competição, dos juvenis aos séniores, mas actualmente
que segue este ano com 16 equipas, deu só estamos com os últimos. Nota de realce
azo à disputa de uma fase de dois grupos é que já tivemos aqui, como apoiantes da
com oito equipas cada, onde passam nossa iniciativa, os jogadores do Girabola
adiante as quatro primeiras, para a disputa Job e Locó, que prestigiaram o evento e
das meias finais e as duas melhores a om- gostaram do nosso empenho; aconselha-
brearem posteriormente pelo título. ram-nos a enviar os talentos que, porventura
O Gira-Cacuaco, que se disputa aos do- aparecerem, para agremiações de topo.
mingos e feriados, prende as atenções de Esse gesto motivou-nos a prosseguir com
muitos jovens aficcionados, e não só, pelo o nosso esforço”, informou o entrevistado,
desporto-rei, que preenchem o quintalão entusiasmado pela iniciativa que colhe
escolar para apreciar o despique renhido simpatias entre os que gostam de futebol.
entre as equipas. A troca de experiência com jovens do
O Gira-Cacuaco, segundo Job Samis- ramo tem sido a tónica. Job Samissende
sende, sobrevive de esforços e patrocínios mantém contactos com jovens do bairro
de amantes do desporto do município. Panguila, na província do Bengo, “que me
Longe de um acto isolado, o entusiasmo têm passado alguma experiência. O mesmo
dos aficcionados deu azo a apoios. acontece com o coach Oseias, que me tem
“Registo o apoio do colectivo de pro- dado muito incentivo.”
fessores do colégio Sacrinor, dos profes- Licenciado em Contabilidade e Auditoria
sores de Educação Física de Cacuaco e com frequência do segundo ano de Edu-
Emerson Costa, Florindo Candimba, Toni cação Física e Desporto, o jovem em-
Candongo, Daniel Viana, da AMACO, da preendedor mantém o sonho de ser
Administração Municipal de Cacuaco, de treinador e a promessa de criar um clube
Niky Love, Tico Paca, Singani Capitão e que “dê nas vistas no panorama futebo-
de toda a massa associativa do bairro Pic lístico angolano”.
domingo
26 de Janeiro de 2020 ROTEIRO DE CASA 15
Estreia (Cinemax) Filmes Mais pequenos FUTEBOL
Glass
Sonic: O Filme West Ham-Liverpool
dr

Actores: Adam Pally, Jim Carrey, James


Marsden
A Patrulha Pata
Direcção: Jeff Fowler A aventura
Roteiro: Van robichaux (story by), e o espírito
Evan Susser de missão
Género: Aventura continuam.
Sinopse: Baseado no videojogo da
Sega, sucesso à escala global, “Sonic
Para estes
– O filme” conta a história do ouriço heróis,
mais rápido do mundo a partir do mo- todos os
mento em que este chega à sua nova M. Night Shyamalan junta as nar- desafios são
casa – o planeta Terra. Nesta comédia rativas de dois dos seus maiores importantes
e aventura live-action, Sonic e o seu sucessos originais – “O Protegido”
novo melhor amigo Tom (James Mars-
e para
(2000) e “Fragmentado” (2016) – O confronto entre a equipe de West Ham United FC e o Liverpool,
den, da série de TV “Westworld”) jun- num novo e explosivo thriller ins- superar. actual líder do campeonato, abre portas para uma nova pos-
tam-se para defender o planeta do pirado na banda-desenhada Glass. A coragem e o sibilidade de alguém parar, ou tentar, a invencibilidade dos
génio do mal, o dr. robotnik (Jim Car- Domingo - 16h30 espírito de “reds”. O jogo acontece no Estádio Olímpico de Londres, casa
rey), e dos seus planos para domínio equipa estão do West Ham, por isso os “Hammer” comandados por david
do mundo. Um filme para toda a família Moyes, têm uma grande tarefa, até porque é uma chance de
que conta ainda com Tika Sumpter e Funny Girl - Uma sempre presentes.
Domingo - 11h00
aproveitar este jogo, de acerto do campeonato, para ultrapassar
Ben Schwartz (voz de Sonic). o Aston Villa e o Brighton na tabela.
Rapariga Endiabrada
Quarta-feira, dia 29
Hora: 20h45
DStv/SuperSport 1

A Irmã do Meio TELENOVELA


No Meio
do Presente “Amor de Mãe”
Perfeito -
O Aidan dá
um presente
especial à
A história de Fanny Brice desde
os seus tempos mais difíceis até
Harley e ela
à sua apoteótica ascensão a es- fica radiante.
trela das grandes produções. Domingo - 13h15
Domingo - 16h05

Um amor entre livros


Nós, os Ursos Capítulo 48
Birds of Prey Para
conseguirem
Penha pede segredo a Leila sobre o envolvimento de Magno na
morte de Genilson. Magno pede Betina em casamento. Lurdes
desconfia ao ver Eunice na casa de Álvaro e alerta Camila. Érica
Actores: Margot robbie, Mary Elizabeth dormir, os incentiva ryan, que faz sucesso na gravação do seu comercial.
Winstead, Ewan McGregor ursos Lurdes consegue uma prova de que a PWA está envolvida com
Direcção: Cathy Yan ajudam um o encerramento da escola. Leila denuncia Magno à Polícia.
Roteiro: Christina Hodson pássaro
Género: Acção, Crime Capítulo 49
irritante a
Sinópse: Já ouviram falar da história Leila fornece informações sobre Magno à Polícia. Lurdes pede
com a detective, o canário, a psicopata encontrar demissão para Verena. Jane insiste para que Thelma revele a
e a princesa da máfia? “Birds of Prey Cassie acaba de publicar o seu uma nova danilo sobre o seu aneurisma. Miriam prende Magno como
(E a Fantabulástica Emancipação de primeiro livro. A sua editora jun- companheira. suspeito pela morte de Genilson e Betina se espanta. Carol e
Uma Harley Quinn)” é uma história ta-a a um escritor estabelecido Domingo - 15h15 Garnizé se beijam. O bar de Nuno reabre, e danilo faz sucesso
distorcida contada pela própria Harley, para uma digressão onde ambos como chefe. Vitória se incomoda com as ações de Álvaro.
como só ela poderia contar. Quando vão promover os seus livros. Será Belizário dispara contra Wesley.
o vilão mais nefasto e narcisista de Go- que a viagem vai fazê-los apro-
tham, roman Sionis, e o seu dedicado ximarem-se um do outro, tal Capítulo 50
braço direito, Zsasz, decidem capturar como num romance? Wesley não resiste aos ferimentos. Belizário e Veiga armam a
uma jovem chamada Cass, a cidade Domingo - 16h30 cena da morte de Wesley. daniel mente e Matias decide terminar
fica virada do avesso à procura dela. o casamento com Miranda. Álvaro descobre que danilo é filho
Os caminhos de Harley, Huntress, Black de Thelma. Acuado, Álvaro desiste de fechar a escola e Miguel,
Canary e renee Montoya cruzam-se e Hangover III Camila e davi comemoram. Miriam deduz que Belizário assassinou
o improvável grupo não tem opção se-
não unir-se para derrotar roman. Bob, o Construtor Wesley. Álvaro exige que Vitória defenda Belizário.

Da construção Capítulo 51
à escavação, Bob, Lurdes implora para que Vitória ajude Magno. Thelma sofre
o construtor com as dificuldades para sustentar o restaurante. Carol decide
e a sua equipa voltar a morar com Natália. ryan é convidado para ir ao
de máquinas programa de Luciano Huck. Leila visita Magno. Álvaro e Lurdes
estão sempre se enfrentam. Natália ajuda Miranda a reatar com Matias.
prontos a Carol flagra durval e Natália juntos.
enfrentar
novos Capítulo 52
projectos. Luciano Huck ajuda Lurdes a despistar Januário. Thelma
À medida fecha o restaurante. Matias e Miranda não conseguem se
Passaram-se dois anos. Phil, que vão entender. Vitória liberta Belizário e Veiga. Januário convida
Stu e doug vivem uma vida tran- Lurdes para sair. Gabo surpreende Thelma e a convida para
trabalhando,
quila. O único descontente é viajar. Miguel assume o caso de Magno.
Alan, que deixou de tomar os
demonstram
medicamentos e voltou aos ins-
o poder do
Capítulo 53
tintos naturais. desta vez, não pensamento
Sandro afirma a Vinícius que Tales está se aproveitando de
há casamento. Não há despe- positivo e do Lídia. Thelma aceita viajar com Gabo para Portugal e danilo
dida de solteiro. Então, o que trabalho em se alarma. Penha revela a Vinícius que viu Tales com outra
pode correr mal? equipa para resolver mulher na casa de Lídia. Magno teme por sua integridade na
Domingo - 16h30 problemas. prisão. Thelma decide vender o restaurante.
Domingo - 17h00
16 ROTEIRO DE RUA Domingo
26 de Janeiro de 2020

Espectáculos Tecnologia

Concerto do pianista Simon Ghraichy Competição entre bancos


DR e empresas de tecnologia
Um concerto de música clássica, do
aclamado pianista Simon Ghraichy,
é realizado na quarta-feira, em
aumenta gradualmente
Luanda, no âmbito das O esforço de instituições financeiras, empresas de comércio
comemorações do Tratado do electrónico e produtoras de tecnologia para oferecer mais
Eliseu. O artista promete interpretar serviços a pequenas e médias empresas pode levá-los invadir,
temas de compositores clássicos e cada vez mais, os segmentos um do outro, disse ontem, à Reuters,
contemporâneos, como Robert o presidente-executivo da Totvs, Dennis Herszkowicz.
Schumann, Philip Glass e Michael Para o executivo, este cenário tem ocorrido no país, à medida
Nyman. Com apenas 34 anos, Simon que braços os grandes bancos, como fornecedores de cartões,
Ghraichy é conhecido pelo estilo têm oferecido uma gama crescente de serviços de gestão para
único, moldado pelas várias lojistas e uma variedade de negócios, áreas do mercado que
influências culturais (francesas, antes atendiam principalmente empresas de tecnologia, como
libanesas e mexicanas), que a Totvs, e a fornecedora de software Linux.
possibilita a abertura da música “Bancos e empresas estão cada vez mais perto de se tornarem
clássica ao público em geral. concorrentes directos de outros serviços”, defendeu, acrescentando
Discípulo de vários mestres, como que os domínios não estão a ser respeitados, devido aos vários
Michel Béroff e Dária Hovorra, no serviços similares oferecidos por um e por outro.
Conservatório Nacional Superior de As declarações de Dennis Herszkowicz, ex-executivo da Linux,
Música de Paris, já conquistou mostram como a Totvs, que se apresenta como líder norte-
diversos prémios e se apresentou americano em software de gestão, com cerca de 50 por cento
em palcos de prestígio, como o do mercado e 40 mil clientes, está a redesenhar a sua estratégia
Carnegie Hall, de Nova Iorque, ou o para seguir expandindo receitas num mercado em que identificar
Teatro Mayor, de Bogotá. A iniciativa rivais tem sido cada mais complexo.
da Alliance Française de Luanda tem Para o executivo, a arena concorrencial ficará ainda mais aberta
o apoio do Goethe Institut Angola. a partir deste ano, com os agentes a começarem a explorar
novas oportunidades, como medição de performance dos
Casa das Artes, Talatona, negócios e sistemas de previsão, que podem ajudar as pequenas
quarta-feira, dia 29, às 20h0 e médias empresas a anteciparem-se situações de maior ne-
cessidade de capital.
Assim, com o uso de tecnologias como inteligência artificial, as
provedoras de soluções poderiam vender a empreendedores,
produtos como seguros ou deixar disponíveis linhas de crédito
pré-aprovadas. “As barreiras sectoriais estão a cair. Os bancos
perceberam isso... nós, também”, disse o presidente da Totvs.
De acordo com o executivo, essa percepção faz parte do plano
Ngoi Salucombo expõe “Boda no Meu Kubiko” de expansão tanto orgânica quanto de eventuais fusões e
aquisições da companhia para os próximos anos. A empresa
DRO considera inclusive a possibilidade de pedir ao Banco Central
O fotógrafo Ngoi Salucombo tem patente, uma licença para realização de pagamentos.
desde sexta-feira última, a exposição “Boda Criada em 1983 como Microsiga, a Totvs rapidamente se expandiu,
no Meu Kubiko”, em alusão aos 444 anos da apoiada numa agressiva campanha de aquisições. Foram mais
cidade de Luanda. A mostra aberta ao de 30 na última década. Uma das últimas, em Outubro, foi a
público até o dia 24 de Fevereiro, tem o apoio compra de 89 por cento da Supplier, empresa administradora
do Goethe Institut Angola, Alliancce de cartões, por 455,2 milhões de reais.
Française Luanda, This is Not a White Cube e Dennis Herszkowicz, que assumiu o comando Totvs há pouco
a produtora Geração 80. O trabalho é uma mais de um ano, substituindo o fundador do grupo, Laércio
“live performance”, criada para dar uma ideia Consentino, diz ver “espaços enormes” para ganhos de
da actual realizada da capital. Ngoi eficiência em serviços financeiros e avaliação da performance
Salucombo é formado em Design de do comércio electrónico.
Interiores. De lá apostou na na fotografia. Ao mesmo tempo em que se tornam concorrentes directos,
Apaixonado pelo movimento das cidades, no empresas de tecnologia, bancos e empresas de serviços, também
qual distingue o triângulo: pessoas, edifícios tendem a desenvolver parcerias, ao perceberem que em caso
e hábitos, nos últimos dez anos trabalhou em específico é melhor juntar forças. A própria Totvs tem feito apro-
diferentes cidades, como Namibe, Luena, ximações nesta direcção.
Huambo, Paris, Cape Town e Luanda, para
captar a metamorfose destas, provocada por
uma riqueza utópica. Membro do colectivo
Pés Descalços, produtor e responsável de
comunicação do TEDxLuanda, vive e trabalha
entre Luanda e Cape Town.
“Guiabolso” cria programa
Casa Rede (Avenida Hoji Ya Henda),
para empresas terem acesso
aberto até o dia 24 Fevereiro,
a partir das 8h00 aos dados dos consumidores
A plataforma de finanças pessoais “Guiabolso” criou um serviço
que permite às empresas terem acesso a dados financeiros
SANTOS PEDRO | EDIÇÕES NOVEMBRO previamente autorizados, mostrando como companhias estão
Welcome 2020 a antecipar-se à implantação do sistema bancário online, o
“open banking”.

no Zango Denominado “Guiabolso Connect”, o serviço permite ter


acesso a informações como renda, gastos em algumas
categorias e saldo da conta corrente, que pode ser usado
Os artistas Jojó Gouveia, Konde e Mago por empresas financeiras para melhorar a avaliação de risco
de Sousa são as atracções para o “Caldo para oferta de produtos, como créditos, seguros, investimentos
do Espaço K”, denominado “Welcome e fiança aos consumidores.
2020”, que marca o arranque das Em vez do acesso directo aos dados que o “Guiabolso” tem dos
actividades neste salão de festas do mais de 6 milhões de clientes, como extractos bancários, as ins-
Zango 3. Jojó Gouveia uma das últimas tituições interessadas recebem informações quantitativas, sem
revelações da música angolana, vai compartilhar os dados brutos do usuário.
cantar os principais sucessos, assim “É uma ferramenta um pouco mais profunda do que a oferta
como Mago de Sousa. Konde é o mais dos serviços de informação de crédito”, disse, ontem, à
experimentado do cartaz, autor de Reuters Fátima Rios, a chefe do “Guiabolso Connect”, acres-
sucessos como “Cantei”. Os músicos são centando que o negócio se encaixa no modelo do “open ban-
acompanhados pela Banda Brilhantes. A king”, sistema criado para dar às pessoas o poder de verem
organização convidou ainda os DJ os dados bancários.
Cláudio Relíquias, Betanay, Garrafa Jr e Para o presidente do “Guiabolso”, Thiago Alvarez, o serviço
Xtrago de Leve Jr. amplia o acesso de pessoas a produtos financeiros antes não
oferecidos, devido às limitações na avaliação de um perfil com
Espaço K, Zango 3, dia 2 de Fevereiro, o uso de um só serviço de crédito tradicional ou documentos
às 12h00 físicos. Para as empresas, a ferramenta mitiga o risco de fraude
de documentos falsos, diminui custos e reduz o risco de aldrabices.
NECROLOGIA Domingo
26 de Janeiro de 2020 13
CONDOLÊNCIAS CONDOLÊNCIAS FALECEU FALECEU

AIDELVIS CAZADILLIO NAVARRO AL LAKKIS

Foi com profunda dor e consternação que, A Sociedade Angolana


de Radiologia e Medicina Nuclear, tomou conhecimento do fale-
cimento da Sra. Dra. AIDELVIS CAZADILLIO NAVARRO AL LAK-
KIS, ocorrido no dia 24 de Janeiro de 2020 em Luanda, por
doença. À família enlutada, endereçamos os profundos sentimen-
tos de pesar e solidariedade, porque partilhamos a mesma dor, e
partilharemos a mesma saudade. Os profissionais e amigos ren- VICENTE LEITÃO RIBEIRO EDUARDO JOSÉ EDUARDO JOSÉ
dem-lhe sentida homenagem e inclinam-se perante a memória PEREIRA AFRICANO PEREIRA AFRICANO
desta Ilustre Médica Imagiologista. Demasiado cedo dizemos até
sempre…AIDELVIS (500.0121) Manuel Paim, Azevedo Paim, Ângelo Albina Assis Africano, Elsa Africano, Kiaviza As famílias Assis e Africano comunicam
Panda, Filomena Borba Gomes, Cata- Africano Pinto de Andrade, Lukenyi Afri- o falecimento do seu ente querido
rina Mamputo, Sousa Paim, Amaro Neto cano, Mukiyuri Africano e Nataniel Africano EDUARDO JOSÉ PEREIRA AFRICANO,
CONDOLÊNCIAS tomaram conhecimento do passamento comunicam o falecimento do seu esposo e ocorrido em Lisboa. O funeral realiza-
físico do Sr. VICENTE LEITÃO RIBEIRO, pai EDUARDO JOSÉ PEREIRA AFRICANO, se hoje, domingo, dia 26/1/2020, ante-
pai do seu Comandante António Simão ocorrido em Lisboa, por doença. O funeral cedido de Missa de corpo presente às
AIDELVIS CAZADILLIO NAVARRO AL LAKKIS
Leitão Ribeiro, ocorrido dia 24/1/2020. realiza-se hoje, domingo, dia 26/1/2020, 9h00 e seguindo-se para o cemitério de
Neste hora de profunda consternação antecedido de Missa de corpo presente às Sant'Ana, às 10h00. (1061a)
Foi com profunda dor e consternação que, O Colégio Angolano de endereçam à família enlutada as suas 9h00 e seguindo-se para o cemitério de
Radiologia e Diagnóstico por Imagem, tomou conhecimento do sentidas condolências. (1069a) Sant'Ana, às 10h00. (1061)
falecimento da Sra. Dra. AIDELVIS CAZADILLIONAVARRO AL
LAKKIS ocorrido no dia 24 de Janeiro de 2020 em Luanda, por
doença. À família enlutada, endereçamos os profundos sentimen- FALECEU FALECEU FALECEU
tos de pesar e solidariedade, porque partilhamos a mesma dor, e
partilharemos a mesma saudade. Os profissionais e amigos ren-
dem-lhe sentida homenagem e inclinam-se perante a memória
desta Ilustre Médica Imagiologista. Demasiado cedo dizemos até
sempre…AIDELVIS. (500.0121a)

RECORDAÇÃO

VICENTE LEITÃO RIBEIRO FÉLIX FERNANDES JOÃO ANTÓNIO DA COSTA MARIA LOPES TEIXEIRA
(Xonona) (Jojó)
Antónia Leitão Ribeiro, Maria Imaculada Leitão Ribeiro, António Leopoldina Fernandes (esposa), Artur, Antonica Eduardo Manuel (esposa), Rosa Amílcar dos Santos de Almeida, Maria
Simão Leitão Ribeiro, João Leitão Ribeiro, Bernardo V. Leitão Félix, Dina, Anita, Nário, Nando (filhos), Pedro, Jairo da Costa, Adalgisa Costa, Mel- da Conceição de Almeida Sango, Feliciano
Ribeiro, Catarina Leitão Ribeiro, Paula R. Leitão Ribeiro, Maria Chico, Santo António, Bita, Jenito, Bijú vem da Costa e Wagner da Costa (filhos) Teixeira Matias de Oliveira (filhos) cum-
Virgínia Leitão Ribeiro (filhos) cumprem o doloroso dever de (irmãos), sobrinhos, netos e demais fa- comunicam o falecimento de JOÃO AN- prem o doloroso dever de comunicar o
participar o passamento físico de seu pai VICENTE LEITÃO miliares cumprem o doloroso dever de TÓNIO DA COSTA (Jojó), ocorrido dia falecimento da sua mãe, MARIA LOPES
RIBEIRO, ocorrido dia 24/1/2020, por doença. O velório será participar o falecimento de seu ente que- 23/1/2020. O funeral realiza-se segunda- TEIXEIRA, ocorrido dia 24 de Janeiro de
segunda-feira, dia 27/1/2020, a partir das 18h00, no Quartel rido FÉLIX FERNANDES (Xonona), ocor- feira, dia 27/1/2020, saindo o préstito fú- 2020. O funeral realizar-se-á em data
General do Exército ex-RI 20. O funeral realiza-se terça-feira, rido dia 23/1/2020, por doença. O funeral nebre de sua residência em Viana, para o a anunciar oportunamente. (1038)
dia 28/1/2020, às 10h00, no cemitério de Sant'Ana, partindo o realiza-se terça-feira, dia 28/1/2020, às cemitério do Camama, às 10h00. (1073)
préstito fúnebre do local do velório. (1069) 10h00, no cemitério de Sant'Ana. (1075)

FALECEU FALECEU CONDOLÊNCIAS RECORDAÇÃO MISSA

ELISA JOSÉ COELHO ELISA JOSÉ COELHO BERNARDO MPALA FÁTIMA JUNQUEIRA HÉLDER ANTÓNIO MIGUEL
DA CRUZ DA CRUZ FERNANDES DE CARVALHO
Jaime Domingues (esposo), Junito, Ce- As famílias Coelho da Cruz, Ramos da Foi com profunda dor e consternação, A morte deixa uma grande dor que nin- Neusa Quissola Miguel (esposa), Ana
lina, Gisela, Cati, Elísio e Paulo Domin- Cruz, Barreto da Cruz, Ramos Baptista e que o Comando da Força Aérea Nacional guém pode curar, mas o amor deixa me- Maria António Miguel (mãe) Anabela
gues (filhos), Paula, genros, noras e Inglês comunicam o falecimento de tomou conhecimento do passamento mórias que ninguém pode apagar, pelo António Miguel (irmã) Edy, Else, Hélia,
netos comunicam o falecimento de ELISA JOSÉ COELHO DA CRUZ, ocor- físico do Sr. Major BERNARDO MPALA carinho que deste a cada um de nós. Edmilson (filhos) Janete, Loana (sobri-
ELISA JOSÉ COELHO DA CRUZ, ocor- rido em Lisboa. O funeral realizar-se-á FERNANDES, afecto à P.C.C, ocorrido Nunca te esqueceremos querida Fátima. nhas), comunicam que as Missas de 30º
rido em Lisboa. O funeral realizar-se-á em data a anunciar oportunamente. no dia 21 de Janeiro de 2020, por doença. Que a tua alma descanse em paz, entre o dia de HÉLDER ANTÓNIO MIGUEL rea-
em data a anunciar oportunamente. (1072) Nesta hora de dor e luto, o Comando da Esplendor da Luz Perpétua. Recordação de liza-se dia 27/01/2020, às 18h30, na
(1072) FAN endereça à família enlutada as mais Pedro de Carvalho (esposo), Suzi, Dadi- Igreja S. Marcos, Morro Bento.
sentidas condolências. (1017R) nho, Zeli, Elsa, Hélio, Pendinho e Cláudia (500.0122)
(filhos), netos e bisnetos. (954)

SERVIÇO NECROLÓGICO: DIAS ÚTEIS DAS 9H ÀS 18H, SÁBADOS, DOMINGOS E FERIADOS DAS 8H ÀS 14H
14 Domingo
26 de Janeiro de 2020

R O T E I R O
HOSPITAIS FORTALEZAS BIBLIOTECAS MUSEUS RÁDIOS TELEVISÕES CINEMAS EVENTOS
Josina Machel Fortaleza de São Miguel Biblioteca Nacional Memorial Dr. António Zap /Cinemas
222 336 346/222 336 349 Avenida Marginal de Luanda de Angola Agostinho Neto 0h/1h • Jornal da meia noite
Rua Comandante Gika Av. Dr. António A. Neto 1h/5h • Dia novo
S.O. Pediatria Fortaleza de 2h • Jornal da hora
222 339 888 222 326 769 Praia do Bispo-lngombota Semana: 24 a 30 de Janeiro
São Pedro da Barra 3h • Jornal da hora
Hospital Pediátrico Bairro Petrangol - Luanda Biblioteca Municipal 222 653 900
4h • Jornal da hora
222 391 442 Governo Provincial de www.maan.co.ao 5h • Jornal da hora Agenda
Penedo ou Casa Reclusão •Título: Que mal fiz eu
Luanda info@maan.co.ao nacional Vanguarda
Américo Boavida Ingombota, Luanda 00h00 • TPA 24 Horas a Deus agora
222 380 118/222 380 119 Biblioteca Camões Museu Nacional policial (20’)
Fortaleza de Massangano 00h30 • Cine à Madrugada (Sala VIP)
Avenida de Portugal n° 50 de História Natural Kamatondo (30’)
Hospital Militar Município de •Género: Comédia/Drama
Rua Nossa Sr.ª Muxima Música angolana 02h30 • Janela Aberta
222 322 315/222 322 316 Cambambe/Cuanza-Norte Ministério das Relações 6h/9h • Manhã informativa •Sessões: 12h45/15h20
222 334 055
Hospital do Prenda Fortaleza da Quibala Exteriores 9h • Agenda nacional 05h30 • Ginástica para 17h50/20h30
Rua Major Kanhangulo Museu das Forças Armadas
222 351 300/222 351 400 Cuanza-Sul 9h/12h • Magazine da manhã
Av. Murtala Mohamed Todos
Maternidade Central Fortaleza da Vila do Seles Óscar Ribas 10h • Jornal da hora
222 371 451 / 222 372 128 10.10h • Rádio-piô Exposição
222 323 052 Província do Cuanza-Sul Bairro do Cruzeiro 06h00 • Angola Hoje
222 372 623 11h • Jornal da hora
Fortaleza da Vila do Ambriz B. da Faculdade de
Museu Nacional 12h • Agenda nacional 09h00 • Missa Diminical Uma abordagem sobre a
Província do Bengo Ciências da Universidade
de Antropologia Jornal das regiões medicina tradicional
Agostinho Neto 09h30 •Malta da Alegria
EMERGÊNCIAS Avenida Marginal
Rua Frederick Engels
Museu Nacional
(15’) Clássicos
angolanos (musical) 11h00 • Ponto Informativo
angolana é o foco da
exposição “Natural Mistic -
MÉDICAS Arquivo Histórico Nacional
R. Pedro Félix Machado, 49
da Escravatura
15 Km a Sul de Luanda,
13h • Jornal da tarde
Desportivo 11h10 • A sua Manhã estudo sobre o misticismo
feminino”, de Irad, que foi
Centro Cultural Dr. para lá do Mercado do 14h • Sons da tarde (30’) 12h00 • Conversas no Quintal inaugurada no espaço
Agostinho Neto 14h • Radio piô (reposição) Sete&Meio, galeria e jazz
Serviço Nacional Artesanato do Benfica 15h • Jornal da hora Agenda 12h30 • Diário Desportivo
Bairro Operário, R. H, 44/46
116
923 604 914 / 924 367 795
FARMÁCIAS B. da Alliance
222 371 743
Museu da
nacional
15.10h • Geração viva 13h00 • Jornal da Tarde
bar, em Luanda.

923 306 999 / 923 463 305 Française de Luanda Força Aérea 17h • Rádio jornal resumo 14h00 • África Hoje
Lg. da Sag. Família, Av. 21 de Janeiro do rádio jornal
Farmácia Alameda R. do Bocage, 12 14h30 • Saúde em Dia
AI. Manuel Van-Dúnem, 254 915925644/916215580 19h • Agenda nacional Patente até
222 430 293 Biblioteca “Zé-Du”z 19h/20h • Constelações 15h00 • Janela Aberta 12 de Março.
R. Francisco Sotto Mayor 20h • Jornal da noite •Título: Tudo pela Justiça
Farmácia Alex 20h30h Desportivo 16h00 • Ponto Informativo (Sala 2)
R. Com. Gika - 222 327 960 222 354 773
21h • Agenda nacional •Género: Drama
Farmácia Maculusso Biblioteca da UEA 16h10 • Janela Aberta
•Sessões:12h40/15h30/
BOMBEIROS Av. Com. Che Guevara, 72/B
222 322 442
Sede da UEA
Biblioteca Kilamba 17h50 • Ministério do 18h20h21h20/00h10b
Farmácia Central I 24/24 Bairro Golfe, Largo 17 de 00h00 • Início do Turno da Comércio
Posto de Comando
Largo Amílcar Cabral, 16
928 186 157
Setembro (Avô Kumbi) TEATROS Madrugada “D”
01h00 • Síntese informativa. 18h00 • Ecos & Factos
115 Biblioteca do
Farmácia Central II 24/24 CENFOR/MAPESS 02h00 • Síntese informativa. •Título: As aventuras do
18h05 • ABC da Educação
Unidade Operativa Central Rotunda do Gamek R. Ferreira do Amaral, 77, Elinga Teatro 02h10 • Teste Desportivo Dr. Dolittle VP
222 323 333 9928186159 R/C Largo Trlstâo da Cunha 03h00 • Síntese Informativa. Financeira (Sala 3)
Unidade Especial do Porto Farmácia Central III 24/24 Centro Cultural e 04h00 • Síntese informativa. •Género: Aventura
Biblioteca e Livraria 04h30 • Aspectos científicos 19h00 • Vencedores
222 310 656 R. Direita da Samba, 586 Multicultura Recreativo Kilamba •Sessões:10h50a/13h10 Show
928 186 162 Rua B3 Nelito Soares do Desporto. 19h15 • Telenovela: 15h50/18h10
Unidade Munic. de Viana R. dos Combustíveis,
Farmácia Girassol 05h00 • Síntese informativa. O projecto Duetos
222 290 540 Cacuaco - Kikoío, 47 Centro Cultural Dr Proibido Amar
R. Rei Katyavala, 165 05h10 • Efemérides do Dia N'Avenida, concebido pela
222 449 895 Agostinho Neto 05h25 • Previsão de Tempo
Farmácia Desta Vez, Lda LIVRARIAS B.º Operário, Rua H, 44/46 05h30 • Ginástica na Rádio.
20h00 • Telejornal
•Título: Cidade sob Ameaça
organização Zona Jovem
Produções, tem o objectivo
R. Oliveira B° Nelito Soares Auditório Horizonte 06h00 • Boletim Informativo 21h00 • Domingo Desporivo de valorizar a arte angolana,
Mestria
(Sala 3)
222 266 388 Nzinga Mbande (Primeira Rdição). levando ao palco, da Casa
Largo do Kinaxixe Escola Nzinga Mbande 21h30 • Documentário: •Género: Acção
Farmácia Egiwal -Início do bloco da 70, cantores e comediantes.
Manhã “A” •Sessões:20h40/23h00b
Av. Comdt Valódia - Viana Chá de Caxinde Salão da LAASP O Mundo Cultural Os cantores Heavy C e Gutto
POLÍCIA 222 291 074
Farmácia Higiene
Cine Nac. Sá da Bandeira
Rua Salvador Allende
Rua da Liga Africana
Cine Teatro Nacional
06h15 • Efemérides do Dia.
06h25 • Previsão do Tempo. Nganguela
serão a primeira dupla a
actuar na quarta temporada
R. Cmdt Kwenha, n.º 206 Mensagem Rua 1.º Congresso do MPLA 06h30 • Manchetes do Dia/ do projecto com o mesmo
222 332 827 Rua 1.º Congresso do MPLA Desenvolvimento nome, marcado para
Posto de Comando •Título: Bad Boys para
113 Farmácia Idasia 222 370 929 dos Assunto. Fevereiro de 2020.
Av. Ho Chi Min - 222 326 762 06h50 • Títulos da Imprensa Sempre
222 332 301 / 222 330 895 Livraria Académica (Sala 4)
Farmácia Ingombotas Nacional e Estrangeira.
Números Alternativos R. Guilherme Inglês, 38 R. Nossa Sr.ª da Muxima, 14 07h00 • Síntese informativa. •Género: Acção/comédia
912 640 753 / 912 640 734 222 333 278 949 438 951 07h30 • Top de Notícias. •Sessões:13h00/15h40/18h30
912 640 778 / 912 640 773 Livraria Cheik Anta Diop 29 de Fevereiro.
Farmácia Janeiro 07h50 • Títulos da Imprensa 21h10/23h50b
912 640 749 / 912 640 738
Unidade Operativa de
Av. 4 Fevereiro, 131
222 332 260
Rua 1. nº 84. Benfica Bairro
Chinguar - 928 065727 DISCOTECAS Nacional e Estrangeira.
08h00 • Síntese informativa.
Luanda - 222 260485 Farmácia Janica 08h30 • Top de Notícias.
Piquete - 222 260 472 R. Guerra Junqueiro, 11 -Terceiro tempo(2ªfeira); •Título: 1917
222 446 567 Povoado Angolanos na Diáspora
1.ª Esquadra - 222 339 601 (IMAX)
Farmácia Kianda Rua do Kero/ Kilamba (3ª feira); Putos do
3.ª Esquadra - 222 442 415 •Género: Acção, drama
Av. Murtala Mohamed, 71 Brasília Girabola(4ª feira);Clube •Sessões: 13h10/16h20/
3.ª Esquadra - 222 441 486 222 309 455 Angola(5ªfeira);
4.ª Esquadra - 222 339 604 Farmácia Kinaxixi IGREJAS Rua da Samba, 156/158,
Luanda Antevisão daJornada(6ªfeira)
18h50/21h30/00h00b

5.ª Esquadra - 222 382 966 Av. Cmdt Valódia, 25 r/c 09h00 • Sínteseinformativa
222 449 443 Kilamba (3ª,4ª, 5ª e 6ª feiras).
6.ª Esquadra - 222 261 806 Farmácia Lanesa Igreja de Jesus Rua de Gaia B3, Luanda 09h15 • 1ª Edição Espaço
7.ª Esquadra - 222 262 372 Av. Ho Chi Min, 343 r/c (Sé Catedral) Bay In Desportivo Internacional, Hoje
222 445 926 Largo do Palácio, 12 com Antena 1 •Título: Armados em
8.ª Esquadra - 222 351 896 Ilha do Cabo, Luanda 05h00• Programa religioso:
Farmácia Luanda Igreja dos Remédios de Portugal Espiões 2d VP
Sub-Unidade da Camuxiba Tamariz “Centro Reoboth” (Sala 6)
222 352 382 R. Aníbal de Melo, 35/37 (Sé Velha) 09h30 • Top de Notícias.
222 445 490 Rua Rainha Ginga Ilha do Cabo, Luanda (3ª, 4ª e 6ª feiras) 05h30 • Videoclips •Género: Animação Concerto
9.ª Esquadra - 222 380 900 Farmácia Luvofer 09h35 • Futebol Africano. •Sessões:11h00a/16h10c
Igreja de Roseira 06h00 • Programa religioso:
10.ª Esquadra - 222 264 859 Av. Hoji Ya Henda Nossa Senhora do Carmo (3ª e 6ª feitas) O fotógrafo Ngoi
222430 087 Vila de Cacuaco
Sub-Unidade Hoji Ya Henda Largo do Carmo 10h00 • Síntese Informativa. “IURD” Salucombo
222 380 806 Farmácia Mediang Barssulo 10h30 • Top de Notícias inaugurou,sexta-feira, às
R. Liga Nac. Africana, 55/A Igreja da Sagrada Família Zona Zagra Nzenza, Mussulo 10h35 • Desporto Internacional 07h00 • Nossa Terra
Município de Viana Largo da Sagrada Família 18h30, na Casa Rede, em
222 440 517 Miami Beach 11h00 • Síntese Informativa. 08h00 • Coração Esmeralda •Título: Dark Waters: Luanda, a exposição de
Comandante da Divisão Igreja de
914 041 071 Farmácia Modelo Ilha do Cabo, Luanda -Futuro(Desporto Verdade Envenenada fotografias “Boda no meu
AI. Manuel Van-Dúnem Nossa Senhora da Nazaré Escolar as 3ª feiras) 09h00 • Sexto Sentido
2.º Comandante (Sala 6) Kubiko”, que pretende
222 449 449 Largo do Ambiente Chill Out 11h30 • Top de Notícias. 12h00• Programa religioso: •Género: Drama festejar os 444 anos da
914 041 127 Farmácia Novassol Igreja Metodista Unida Ilha do Cabo, Luanda 12h30 • Ponto de Vista, Visto
“IURD” •Sessões:13h20/16h00d cidade de Luanda.
Município da Ingombota Av. Portugal, 69A Central de Luanda Jango Veleiro Ponto ponto(crónica 18h40/21h10/00h20b
Comandante da Divisão 222 391 502 Rev. Agostinho Neto, 4 R/C desportiva) 12h30 • Cooltura
914 041 103 Ilha do Cabo, Luanda
Farmácia Pague Menos Igreja Evangélica do - Inicio do Bloco da Fica patente até
Mirantes, Talatona Link Space Tarde, Turno”B”. 13h00 • Jornal da Hora
Município do Rangel Espírito Santo 24 de Fevereiro.
Comandante da Divisão 222 480 502 Rua Ngola Kiluangi (Discoteca de Quintal) 12h15 • Programa Desportivo 14h00 • Fala Angola
914 041 083 Farmácia Provifarma R. Gamek à direita, Luanda em cadeia nacional.
Aviário B.º Cazenga Igreja Kimbanguista 13h00 • Transmissão em 15h00 • A Tarde é Nossa •Título: Cidade sob Ameaça
Largo Albano Machado Luanda Kings Club (Sala 7)
SIC 912 412 959
Farmácia Rainha Ginga Igreja do Nosso Senhor Junto ao Magistério
cadeia com RNA do
jornal da tarde.
17h30 • Giro Desportivo
•Género: Acção
R. Raínha Ginga, 179 Jesus Cristo no Mundo Primário da Vila Alice, Luanda 18h00 • Made in Angola •Sessões:15h30e/15h50e
13h35 • Compacto Desportivo.
Serviços de Investigação 222 337 997 Bairro Golfe 1 Doo.bahr 14h00 • Pausa Musical 19h00 • Dez Mandamentos 18h00
Criminal Farmácia Romed Igreja Adventista do 7.º Dia Edifício ESCOM, Luanda 14h30 • Manchetes da Tarde
222 261 276 R. Rei Katyavala, 27 20h00 • Jornal da Zimbo
Rua Rei Katiavala 14h40 • Temas de formação
Piquete - 222 261 981 222 447 175 Elinga Bar Desportiva: 21h00 • Debate Livre
Igreja Evangélica dos Ao lado do edifício do BPC,
Farmácia Sadia Irmãos em Angola -Segundas feiras: 23h00 • Documentário:
•Título: Bayala
Av. Comdt Valódia, 31 R. Bento Banha Cardoso, 29 Luanda Histórias do futebol. (Sala 7)
INSPECÇÃO 222 430 284
Farmácia Sagrada SOS Igreja Assembleia Lookal Ocean Club
Ilha do Cabo, Luanda
-Terças e quartas-feiras:
Onda Olímpica.
Esposas Selvagens
00h00 • Programa Religioso:
•Género: Animação/aventura
•Sessões:11h10a
Teatro

DAS ACTIVIDADES R. Joaquim Kapango, 61


222 395 468
de Deus Pentecostal
do Maculusso Palos
- Quartas-feiras:
Regras e leis de jogos “IURD”
A família do escritor e
dramaturgo Fragata de
ECONÓMICAS Farmácia Serra
R. Amílcar Cabral, 62/64
Av. Cmdt. Che Guevara, 104
Igreja Metodista
Rua Frederic Engels, Luanda de várias modalidades
desportivas.
01h00 • Programa Religioso: Morais vai homenagear os
grupos de teatro que
Grémio do Chico Coio
Piquete - 222 336 693 222 394 047 Unida da Bethel - Sextas-feiras: “Igreja Pentecostal” melhor adaptarem a obra
Av. Hoji Ya Henda, 98 Zona 5 Rua Senado da Câmara, •Título: 21 Pontes
Farmácia Tropical Treinamento 02h00 • Programa Religioso: “A visita”, durante a 5ª
Pedro Féiix Machado Igreja Baptista de Luanda Luanda (Sala 7) edição do Circuito
Desportivo.
INADEC 222 334 862
Farmácia Universal
Av. Deolinda Rodrigues Oásis Night Club
Cacuaco-Caxito, C51, Panguila
15h00 • Síntese Informativa. “Verbo Vivo” •Género: Acção/ Crime
•Sessões: 20h50/23h10b
Internacional de Teatro
(CIT), que se realiza na Liga
Igreja Teosófica Espirita 14h10 • Desenvolvimento 02h30 • Programa Religioso:
R. Cón. Manuel Neves R. Transp. Miranda Discoteca Múkua da Actualidade Africana, em Luanda.
Instituto Nacional de 222 442 052 “Mandato da Fé”
Defesa do Consumidor Henriques, Lotes dos R. Cmdt Vaiódia, 20, Viana (2ª edição Espaço
Farmácia Vaiódia prédios dos Cubanos Desportivo 04h00 • Programa Religioso: a(Sáb e Dom)
Edifício ex-Palácio de Vidro Av Hoji Ya Henda, 42 Club Tchirinawa Internacional,
Igreja JOSAFAT “Espaço Josafat” b ( Sexta, sáb e vésp de feriado)
912640833 / 946813515 923 324 291 Benguela com Antena 1 3 de Julho
Golfo 2-Luanda c( Só sáb e dom)
Apoio ao Consumidor Farmácia Yohan Switch Super Club De Portugal). 04h30 • Programa Religioso: a 17 de Setembro
21 Janeiro, B. Morro Bento IFEPAA - Bom Deus d( Excepto sáb e dom)
914545752 222 405 655 Palanca, Rua P, 2 Luanda “Mandato da Fé” e( Excepto dom) deste ano.
REGIÕES Domingo
26 de Janeiro de 2020 15
FOMENTO DA AGRICULTURA

Meios mecanizados aumentam


os espaços de lavoura na Huíla
Camponeses e cooperativas agrícolas de vários municípios recebem apoios do Governo e parceiros, visando o aumento
da produção nas comunidades, no âmbito do programa do Executivo de combate à fome e à pobreza, em curso no páis
ESTANISLAU COSTA | EDIÇÕES NOVEMBRO
Estanislau Costa | Lubango explora alguns hectares do
perímetro irrigado da Matala,
A lavoura nas terras aráveis enalteceu a acção do Executivo
dos municípios do Lubango, em reactivar as brigadas de
Caluquembe, Caconda e mecanização agrícola com
Matala, na província da Huíla, tractores modernos e alfaias.
começa a registar um “Lavrar com as char-
aumento considerável, com ruas e enxadas é desvan-
a entrega, há dias, de diversos tajoso, por não permitir
meios de trabalho aos cam- atingir grandes extensões
poneses e brigadas de meca- de terra num curto espaço
nização agrícola. de tempo”, referiu.
Dos meios entregues pelo Segundo António Fran-
governador provincial da cisco, estão agora criadas
Huíla, Luís Nunes, destaque as condições para o desma-
para 15 tractores e respec- tamento de novas áreas agrí-
tivas grades, bem como oito colas, em vários pontos da
charruas, cujo propósito é província da Huíla, e sen-
impulsionar o sector agrí- sibilizar os jovens com ou
cola, já que as chuvas vol- sem formação a apostarem
taram a ser regulares. na agricultura.
A directora do Gabinete
Provincial da Agricultura, Redução da fome
Mariana Soma, garantiu O governador provincial da
q u e o u t ra s b r iga d a s d e Huíla, Luís Nunes, garantiu
mecanização agrícola em Brigadas de mecanização agrícola beneficiam de tractores e alfaias para aumentar as áreas de cultivo q u e e stão d i sp o n íve i s
várias zonas da Huíla tam- sementes e fertilizantes para
bém vão ser contempladas, beneficiar dos serviços das Para o efeito, está a instalar da produção agrícola”, referiu nhou que “o regresso das chuvas potenciar a produção agrí-
para fazer com que o uso brigadas, para que haja cada nacomunadaArimba,arredores o responsável do Jardins da e a regularidade renovaram as cola, facto que necessita
de enxadas, catanas e char- vez mais terras preparadas da cidade do Lubango, uma Yoba, Paulo Amaral. esperanças, por isso a plantação apenas do maior envolvi-
ruas seja paulatinamente para a sementeira e cria- unidade de processamento de de sementes diversas abrange mento das famílias campo-
substituído por tractores. rem-se condições favoráveis sementes de cereais, orçada Contrariar a seca cada vez mais espaços, que já nesas, agro-industriais e
“O uso apenas de enxa- para envolver mais famílias em dois milhões e 500 mil Mais de 314.600 famílias se encontravam preparados”. outros, para elevar as colhei-
das e charruas inviabiliza na produção agrícola. dólares. O empreendimento camponesas, enquadradas Acrescentou que as semen- tas e inverter a ausência de
a preparação de extensões O Jornal de Angola apu- vai armazenar 1.500 toneladas em 835 associações e coo- tes de milho, massango, mas- alimentos, com realce nas
consideráveis de terras agri- rou que a empresa Jardins de milho, massambala e mas- perativas, estão empenhadas sambala, feijão, batata rena, comunidades rurais.
cultáveis, repercutindo-se da Yoba, sedeada na vila da sango. Pretende-se também no cultivo de 604 mil hectares entre outros produtos plantados Segundo o governador
nas reduzidas quantidades Chibia (45 quilómetros a assegurar o desenvolvimento previstos na campanha agrí- em dezenas de hectares de foram entregues nos últimos
nas épocas das safras”, refe- sul da cidade do Lubango), científico, com o estabele- cola 2019/2020, tendo como terra já estão a germinar. “Já tempos às cooperativas de
riu, para destacar a impor- que apostou na produção cimento de um Catálogo principais motivações as há produtos que estão a ser camponeses seis mil char-
tâ n c i a d a reac t ivação e de sementes de “alta selec- Nacional de Variedades. chuvas que retomaram o seu colhidos, com realce para as ruas, enxadas, catanas,
apetrecho das brigadas de ção e adaptáveis aos solos “Pretendemos contribuir curso normal, após um longo hortícolas, onde as quanti- machados, bem como 2.700
mecanização agrícola. de vários pontos do país”, para a incorporação cientí- período de seca. dades consideráveis favore- toneladas de adubos, 90 tone-
Mariana Soma garantiu desenvolve acções com fica, tecnológica e na mul- O agricultor António Kale- ceram a redução dos preços”. ladas de sementes de milho
que todos os produtores com vista a estar mais próxima tiplicação de sementes, bem veko, que coordena um grupo António Francisco, filiado e 1.300 de calcário para a
extensões de terras vão dos produtores. como melhorar a qualidade composto por 32 pessoas, subli- na cooperativa 1º de Maio, que correcção de solos.

SANEAMENTO BÁSICO UNIDADES SANITÁRIAS DO CUANDO CUBANGO

Cabinda reforça a recolha Ordem dos Médicos doa medicamentos


e tratamento de resíduos Carlos Paulino | Menongue

Cerca de uma tonelada de medi-


membro da comunidade Khoi-
san, que tinha sérios problemas
de mobilidade, devido à idade
Caiundo e Jamba Cueio, para rea-
lizarmos esta primeira feira da
saúde na história da Ordem dos
O G ove r n o d a P rov í n c i a d e limpeza geral, denominada “Sábado camentos e material gastável foi avançada, beneficiou de uma Médicos de Angola, porque na
Cabinda recebeu o primeiro lote de Vermelho”, promovida pelo Con- doada quinta-feira ao Hospital cadeira de roda. verdade ajudamos muitas pessoas
meios para a recolha de lixo na cidade selho Provincial da Juventude (CPJ), Geral do Cuando Cubango, Hos- A bastonária da Ordem dos que estavam a precisar de ser
capital e periferia. que resultou na remoção dos prin- pital Municipal e Pediátrico de Médicos de Angola, Luísa Gaspar, assistidas por médicos especia-
Trata-se de 25 barcas e 50 con- cipais focos de lixo na cidade, Eugénio Menongue, Maternidade Pro- disse que os medicamentos e o listas”, disse.
tentores, adquiridos pelo Governo, Laborinho reconheceu que havia vincial e aos centros de saúde material gastável que a instituição Luísa Gaspar disse que a malá-
que serão distribuídos de acordo dificuldades em termos de meios das comunas do Caiundo e Jamba entregou às unidades sanitárias ria, anemia grave, desnutrição,
com o plano elaborado pela Admi- materiais e de equipamentos para Cueio, pela Ordem dos Médicos têm como objectivo fundamental febre tifóide, doenças diarreicas
nistração Municipal de Cabinda. a limpeza e recolha de lixo. de Angola. reforçar a capacidade de assis- e respiratórias agudas e hipertensão
De acordo com o vice-governador Antes disso, tinha sido adoptado Da doação, inserida nas acti- tência médica e medicamentosa. arterial foram as que mais mere-
de Cabinda para a Esfera Técnica, um conjunto de medidas para garantir vidades da feira da saúde, que Explicou que a feira da saúde, ceram a atenção dos médicos.
Joaquim Malichi, que acompanhou o envolvimento de toda a sociedade decorreu na região, constam balões que começou segunda-feira e Informou que foram realizadas
a chegada dos meios, a província na limpeza e embelezamento da de soro, anti-palúdicos, antibió- terminou ontem, decorreu satis- também muitas intervenções
espera receber mais meios ainda cidade capital da província, com a ticos, analgésicos, seringas, luvas fatoriamente e superou todas as cirúrgicas no Hospital Geral do
este ano, que vão contemplar, igual- fixação de dias e horário em que os latex, gases, kits de infusão de expectativas, tendo em vista que Cuando Cubango e Municipal de
mente, outros municípios. órgãos e serviços da administração soro, ligaduras, cadeiras de rodas, foram atendidas muitas pessoas Menongue, com destaque para
O Governo Provincial tem levado local do Estado, institutos e empresas canadianas, bem como bens ali- carentes, sobretudo da comuna quistos, problemas de visão, apen-
a cabo várias iniciativas para fazer públicas deveriam envolver os fun- mentares e atados de roupa usada do Caiundo e Jamba Cueio, que dicites. Luísa Gaspar acrescentou
face ao lixo na cidade de Cabinda. cionários na limpeza das respectivas às populações da comuna do não têm possibilidades de se des- que houve, por exemplo, um
O ex-governador Eugénio Labo- áreas. A determinação abrangia Caiundo e aos membros da comu- locar até à cidade de Menongue, paciente que foi assistido na
rinho já tinha prometido envidar igualmente as instituições privadas, nidade Khoisan, residentes na em busca de assistência médica comuna do Caiundo, com uma
esforços para a mobilização de meios estabelecimento comerciais, insta- localidade da Aldeia Nova (comuna e medicamentosa. ferida crónica de onde saiam mui-
e equipamentos de limpeza e recolha lações industriais, serviços e esta- do Jamba Cueio). “Foi muito bom escolhermos tos vermes, numa das pernas, e
de lixo na cidade de Cabinda. Depois leiros a funcionar na cidade de Na Aldeia Nova, por exemplo, a província do Cuando Cubango que foi de imediato evacuado para
de participar numa campanha de Cabinda e arredores. um ancião de mais de 100 anos, e em particular as comunas do o Hospital Geral.
16 SOCIEDADE Domingo
26 de Janeiro de 2020

Vacina da BCG
AFIRMA O SECRETÁRIO DE ESTADO DA SAÚDE PARA A ÁREA HOSPITALAR
NICOLAU VASCO | EDIÇÕES NOVEMBRO | MENONGUE

MINSA PROÍBE VACINA DO TIPO BCG


O Ministério da Saúde, através da Inspecção Geral da Saúde,
proibiu a importação, distribuição, comercialização e o uso da
vacina do tipo BCG liofilizada, para prevenção da tuberculose,
do fabricante GreenSignal Bio Pharma Pvt Ltd, Índia, produzida
em 2019.De acordo com uma circular do Minsa, de 22 de
Janeiro desse ano, a proibição deve-se à inconformidade com
as directrizes da OMS, que retirou da sua lista de vacinas pré-
qualificadas, sobre boas práticas de fabrico, comprometendo
potencialmente o seu desempenho.
A OMS recomenda a vacinação continuada com outras vacinas
pré-qualificadas do tipo BCG liofilizada contra tuberculose.

RECOLHA DE ANIMAIS VADIOS

Capital tem apenas um


canil-gatil a funcionar
Um canil-gatil dos três exis- ponsável por sessenta óbitos,
t e n t e s n a p rov í n c i a d e registados de Janeiro a Novem-
Luanda, está a funcionar em bro de 2019, mais 25 óbitos
pleno, com capacidade de registados de Janeiro a Setem-
acolher 100 animais que bro de 2018, sendo as principais
vadiam na capital do país. vítimas crianças dos cinco aos
O canil-gatil funcional está 15 anos, com maior incidência
localizado no município de nos municípios de Viana,
Cacuaco, enquanto os outros Cacuaco e Cazenga.
dois estão nos municípios de Com vista a reduzir os
Viana, sob gestão privada, e índices de mortes causadas
do Cazenga que requer obras pela doença, foi realizada
de reabilitação, por sofrer nos municípios de Luanda
actos de vandalismo. uma campanha que decor-
O chefe dos Serviços Pro- reu de 28 de Dezembro de
Ordem dos Médicos de Angola levou para o Cuando Cubango 50 especialistas que atenderam mais de três mil pessoas vinciais de Veterinária, João 2019 a 8 de Janeiro de 2020,
Mendes de Carvalho, disse onde foram vacinados 210
ontem à Angop que o canil mil animais (cães, gatos e
do município de Viana, macacos), dos 300 mil que
apesar de ter passado para estavam previstos.

“Médicos devem deixar zona de gestão privada, continua


sem funcionar, precisando
que se afira a capacidade
Para o efeito foram mobi-
lizados 800 voluntários, com
postos fixos criados nas

conforto e irem à áreas recônditas” do actual gestor, para a


recuperação e se possível
melhorar o destino.
Actualmente, ao contrário
administrações municipais,
distritais, bairros, nas repar-
tições dos serviços de vete-
rinária e clínicas, assim como
do que ocorria no passado, nos postos avançados em
O secretário de Estado da Saúde para a àrea Hospitalar, Leonardo Inocêncio, pediu João de Carvalho disse que quase toda a cidade.
à Ordem dos Médicos de Angola para continuar a levar a cabo iniciativas do género os animais recolhidos para Quanto à recolha de ani-
o canil-gatil são devolvidos mais vadios, após a campa-
ao s s e u s p ro p r i e tá r i o s , nha de vacinação anti-rábica,
Weza Pascoal | Menongue Na sua alocução, Leonardo temas sobre “O banco de com 55, cataratas com 30. mediante o pagamento de o responsável disse que ainda
Inocêncio exortou a Ordem leite humano”, “Pé diabé- De acordo com Elisa Gas- uma multa, sendo excep- não foi agendada, salientado
dos Médicos de Angola, no tico”, “Doenças de refluxo par, 90 por cento das crianças cionalmente sacrificados os que para a realização da
O secretário de Estado para sentido de continuar com gastro esofágico”, “Insufi- dos zero aos cinco anos, das com idade avançada e de mesma é preciso haver con-
área Hospitalar, Leonardo iniciativas do género, com c i ê n c i a re n a l c ró n i ca ” , referidas comunas, foram difícil recuperação. dições técnicas, humanas e
Inocêncio, disse, ontem, em vista a se obter resultados “Tuberculose em Angola”, diagnósticadas com malnu- A raiva em Luanda é res- treino do pessoal.
Menongue, capital do Cuando palpáveis e ajudar as popu- bem como “Estudos com- trição severa, o que consi-
Cubango, que a classe de lações que vivem em zonas parativos entre hepatite B e derou bastante preocupante
médicos só será valorizada de difícil acesso e que não C, VIH/Sida e malária”. e que merece atenção espe- SOLIDARIEDADE
quando gerar profissionais têm condições financeiras cial do Governo Provincial
capazes e que estejam dis- para se deslocar às cidades Feira de Saúde do Cuando Cubango.
postos a saírem da zona de
conforto, para trabalharem
no seio das populações em
em busca de assistência
médica e medicamentosa.
Cerca de três mil pessoas das
localidades de Caiundo,
Jamba Cueio e Menongue,
Disse ainda que foram
realizadas 15 operações de
pacientes que apresentavam
Betel doa toneladas de
áreas recônditas do país.
Leonardo Inocêncio, que
falava na abertura da jornada
A bastonária
da Ordem dos
com diversas patologias rece-
beram assistência médica e
medicamentosa, durante
várias enfermidades, com
realce para os casos de cata-
ratas, pé diabético, quistos,
alimentos para Cunene
científica, por ocasião do Dia Médicos disse que cinco dias, na Feira de Saúde, hérnias, apendicite, abcesso, Isaque Lourenço estas serem marcas da sua
dos Médicos de Angola, que 90 por cento das promovida pela Ordem dos entre outros casos. missão de evangelizar.
hoje se assinala, disse que o crianças do zero Médicos de Angola, na pro- Além da assistência O Ministério Betel, da Igreja Lembrou que sem impor-
concurso público de ingresso aos cinco anos víncia do Cuando Cubango. médica e medicamentosa, Assembleia de Deus Pen- tar com as quantidades reco-
do Ministério da Saúde, rea- de Caiundo, A bastonária da Ordem foram realizadas palestras, tecostal, em Luanda, entre- lhidas, se muita ou pouca, o
lizado em 2018, permitiu Jamba Cueio dos Médicos de Angola, Elisa no sentido de sensibilizar a gou ao meio da semana mais importante para os cris-
aumentar a cobertura de 0,9 e Menongue foram Gaspar, disse que durante comunidade a pautar pela finda mais de cinco tone- tãos é a partilha com os que
porcento para 1,4 médicos diagnosticadas cinco dias foram atendidos prevenção de várias pato- ladas de bens alimentares mais necessitam, porque
para 10 mil habitantes. com malnutrição 719 pacientes na especiali- logias, tendo em conta que e vestuários diversos aos demonstra amor ao próximo,
Anunciou também que os severea dade de Pediatria, 727 em a medicina, além de curativa, representantes do Governo “uma lição de que o Senhor
enfermeiros, admitidos no Medicina Geral, 129 em Oftal- deve ser preventiva, para se da Província do Cunene. Jesus mandou a igreja torná-
mesmo concurso público, mologia, 124 em Ginecologia evitar vários casos de doenças Dos bens recolhidos cons- la real na vida dos seus mem-
passaram de 9,6 para 11, por obstetrícia, 69 em Estoma- e de mortes. tam produtos como arroz, bros e das pessoas à sua volta”.
cada 1 0 mil habitante s , Os valores éticos e morais tologia, 45 em Cirurgia, 19 A Ordem dos Médicos fuba, óleo e massa alimentar, O representante do Governo
enquanto que os técnicos de a nível dos profissionais do em Fisiatria, 12 em Psiquiatria de Angola ofereceu uma açucar, feijão, sal de cozinha, do Cunene, João Camute,
diagnóstico e terapêutica pas- Ministério da Saúde são uma e igual número de casos na tonelada de medicamentos, água de mesa e balões de agradeceu o gesto em nome
saram de 1,8 para dois técnicos, grande preocupação, disse especialidade de Endocri- materiais gastáveis diver- fardo, entregues pelo reve- das populações e do Execu-
para cada 10 mil habitantes. o governante, que instou a nologia e cinco em Ortope- sos, ao Hospital Geral do rendo José Carlos. tivo provincial, tendo reite-
Dos 4.133 médicos exis- O rd e m d o s M é d i c o s d e dia-traumatologia. Cuando Cubango, Hospital De acordo com o reve- rado a abertura para visitas
tentes no país, 3.304 são Angola a continuar a traba- Fez saber que as patologias Municipal e Pediátrico de rendo José Carlos, a igreja futuras de forma a refor-
angolanos, dos quais 1.316 lhar para mudar o quadro. mais registadas foram a malá- Menongue, Maternidade assume-se como um agente çarem-se os laços de ami-
são técnicos de diferentes Sob o lema “Médicos uni- ria com 213 casos, parasitose Provincial e centros de de promoção do bem na zade entre as organizações
especialidades e 1.129 expa- dos por uma classe mais intestinal com 228, febre Saúde das comunas do sociedade e junto dos orga- da sociedade.
triados, enquanto que 1.040 valorizada”, a jornada cien- tifóide com 123, doenças res- Caiundo e Jamba Cueio, bem nismos do Estado angolano Os bens doados foram
pretendem especializar-se tífica, em saudação ao Dia piratórias agudas com 88, como 20 cadeiras de rodas continuará a desenvolver recolhidos entre os meses
no período de 2020 a 2024. Nacional do Médico, abordou diarreicas com 59, pneumonia e uma caixa de canadianas. actividades filantrópicas por de Novembro e Dezembro.
SOCIEDADE Domingo
26 de Janeiro de 2020 17
Luanda, a bela e misteriosa LUANDA 444 ANOS DEPOIS
capital de Angola, come-
morou ontem 444 anos em
meio ao alheamento quase
geral dos seus quase sete
milhões de habitantes, que
poderiam ter na forte chuva
que caiu sobre parte da
cidade uma bênção mas
População e artistas homenageiam
que, infelizmente, apenas
vem destapar os muitos pro-
blemas que enfrenta.
A cidade continua a ser
uma fonte inesgotável de
a fonte de inspiração
inspiração para os faze- programa de comemorações, DR AGOSTINHO NARCISO EDIÇÕES NOVEMBRO

dores de arte e cultura e sob o menu de “Kaluanda


despertou bem cedo, como Food & Taste”, que não se
todos os dias. Só que ontem esgota no calulú ou no caldo
vestiu-se de gala para lhe mas estende-se para a gas-
brindar a devida home- tronomia de outras regiões
n ag e m , i n d i f e re n te à s do país.
adversidades e às (não) Os diversos promotores
comemorações oficiais, aproveitaram o facto da
porque ao contrário do que capital ser agraciada com
acontece no resto do país, três marginais: a renovada
Luanda não goza o seu 4 de Fevereiro, a Nova da
feriado provincial como Praia do Bispo e a esquecida
compete e merece, numa baía da Rotunda e levaram
atitude discriminatória a animação às duas pri-
que passa pela confusão meiras com uma multipli-
em que se tornou a sua cidade de actividades, onde
divisão administrativa. não faltou o kuduru, o pró-
Artistas, unidos ou indi- prio ritmo nacional que
vidualmente, deram as mãos ganhou fronteiras e quase
e mostraram o quanto está perde a titularidade.
viva a cultura nacional, num Quatro gerações de artistas
movimento pouco visto entre plásticos expuseram as suas
nós, com uma série de acti- obras numa finissage num
vidades que perpassaram dos pontos mais altos da Kaluanda Fest realizou ontem passeio O corte de bolo efectuado pelo governador, Sérgio Rescova, e os seus
p o r to d a s a s f o r m a s d e capital, situado nos Edifícios a pé e de bicicleta na Baía de Luanda adjuntos, simbolizou os festejos do 444º aniversário da fundação da cidade
expressão da arte. SKY, ao Kinaxixi., enquanto
MOTA AMBRÓSIO EDIÇÕES NOVEMBRO
De manhã, bem cedo, a o fotógrafo Ngoi Salucombo AGOSTINHO NARCISO | EDIÇÕES NOVEMBRO

fila já ia longa na portaria mostrava as imagens que


da Rádio Luanda para o coleccionou para assinalar
“Sons da Banda” um pro- a “Boda no meu Kubiko”.
grama ao vivo da Rádio No Espaço cultural Elinga
Luanda que esgotou o audi- é possível ver-se, em tela,
tório Rui de Carvalho com parte da história da cidade
a popular banda de música com a exposição de 20 edi-
a ng o l a n a , o s J ove n s d o fícios emblemáticos reunidos
Prenda. Durante mais de qua- nos “Traços de Luanda”, uma
tro horas quem assistiu ao mistura entre técnica repre-
vivo ou quem acompanhou sentativa e arte atrás de grá-
pelas antenas da estação fi c a a rq u i t e c t u ra l , q u e
emissora não deu pelo passar pretende ser uma proposta
do tempo, viajando no ima- de reflexão sobre o patrimó-
ginário ou na recordação de nio histórico da cidade, pro-
épocas em que a música era movendo a sua valorização
também ela um sinal de afir- e protecção.
mação de uma angolanidade A Associação Chá de
que se projectava sob as ves- Caxinde, que vai assinalar
tes coloniais. 31 anos na próxima semana,
E se com música popular não quis deixar em branco
começou, com som terminou a ocasião do aniversário da
com o primeiro concerto de Kianda e está a desenvolver
música instrumental urbana um vasto leque de activi-
angolana na Baía, o principal dades que iniciaram com a
cartão postal de Luanda. exp o s i ção fo tog rá f i ca
Nomes sonantes de bandas “Loanda a Luanda” que 20 obras inéditas expostas no Elinga Teatro Figuras representativas da cultura e sociedade civil foram homenageadas
musicais da capital despiram retrata o processo evolutivo
o mito elitizado do Clube da capital, desde o início da
Naval e levaram os sons e constituição da cidade até
ritmos à entrada da ilha,
apoiados por algumas vozes
ou menos conhecidas do
à actualidade sobre lugares
e as suas gentes.
O grupo carnavalesco
Mais três escolas para a Capital
music hall nacional. Unidos do Caxinde, apenas
A Baía já tinha sido palco, com o núcleo principal da Manuela Gomes cadeados até ao momento ainda carecem festada pelo governador de Luanda.
esta semana, de um espec- corte, reapareceu depois de de mais complementaridade, sublinhando Sérgio Luther Rescova disse que o
táculo musical com a Banda uma ausência forçada pelas O governador provincial de Luanda, Sérgio existirem indicações por parte do Executivo, Governo Provincial de Luanda tem tra-
Movimento da RNA, enqua- incompreensões calcifica- Rescova, garantiu para breve a inauguração para que a preparação do presente ano balhado na prevenção, de modo a evitar
drado no “Kaluanda Fest” das de quem se acha dono de mais três escolas para o ensino geral lectivo seja mais robusta, de modo a per- que as chuvas que se abaterem sobre
desenhado para saudar o da sabedoria da cultura em alguns municípios da capital. mitir a redução do número de crianças Luanda, não se traduzam em prejuízos
aniversário da Cidade da n a c i o n a l , p a ra q u e m o Em declarações à imprensa, por ocasião fora do sistema de ensino. materiais e humanos.
Kianda e quase deixando o tempo parou há muito não ao444.º aniversário da cidade de Luanda, O mais alto mandatário da província Na sua intervenção, o governador
recado que iniciativas seme- admitindo evoluções pró- assinalados, ontem, o governador disse referiu que é preciso que se tenha em provincial sublinhou a implementação
lhantes podem e devem ser prias da civilização. que o Executivo, particularmente o conta o crescimento populacional, apon- de um conjunto de medidas de mitigação
investigadas ao longo do E assim Luanda assinala Governo da Província (GPL), está a trabalhar tando que “as nossas metas e planifica- que têm resultado no desassoreamento,
ano, principalmente na pas- os seus 444 anos ainda sem de forma afincada para a inclusão de ções, do ponto de vista da oferta escolar, reperfilamento e limpeza das principais
sagem de Ano para que os saber se daqui a um ano novos alunos dentro do sistema de ensino. tem contado com este percalço, não só linhas de drenagem da cidade de Luanda
luandenses não se deslo- quem comemora o quê: Sérgio Luther Rescova recordou que dos cidadãos de Luanda, mas também (valas, valetas) e outros canais de águas
quem quilómetros apenas Luanda província, Luanda no ano lectivo passado foram inscritos de pessoas que saem das restantes pro- residuais e pluviais que dificultam a
para ver a queima de fogo distrito ou Luanda cidade? 141 mil novos alunos. víncias e estrangeiros que escolheram passagem das águas.
de artifício e não terem qual- Do outro lado do Atlântico, “Pensamos que com a abertura de esta localidade para viver”. “Temos consciência que ainda não é
quer diversão gratuita pro- a sua “Irmã” S. Paulo, com mais unidades de ensino, vamos obter o que se pretende. As inundações e intran-
porcionada por quem tem os seus quase treze milhões o dobro daquilo que foi a oferta do ano Época chuvosa sitabilidade nas estradas vão deixar de
a responsabilidade de servir de habitantes, segue indi- lectivo transacto, no que toca ao grosso A chegada da época chuvosa e os pre- ser problema, quando concluirmos o
os cidadãos. fe re nte à s m a ka s d e ste de estudantes que frequentaram o ensino parativos para atenuar os eventuais cons- programa de implementação da macro-
Teatro, cinema, venda de nosso kubico comemorando em Luanda”, disse Sérgio Rescova. t ra n g i m e n to s ca u s a d o s p o r p e l o drenagem da província de Luanda”, argu-
livros, oficinas de dança e efusiva e massivamente o Reconheceu que os esforços desen- fenómeno, é outra preocupação mani- mentou o governador.
artes constam num vasto seu aniversário.
18 LAZER Domingo
26 de Janeiro de 2020

HOJE NA HISTÓRIA novo país. Para isso, foi A dos deputados, como
estabelecido um congresso a Câmara Baixa, de Sena- PALAVRAS CRUZADAS por Paulo Freixinho
bicameral, sob a presidência dores, como a Alta, e a
Peru torna-se de Francisco Xavier de Luna
Pizarro. Em 1824, Simón
dos Tribunos, como uma
Câmara superior.
Bolívar (militar e político A Constituição “vitalícia”
República independente venezuelano) chegou ao
Peru e o Congresso da
não vigorou por muito tempo
e o modelo de congresso foi
Após a conquista da inde- e Peru) convocou eleições República entregou-lhe o esquecido. Posteriormente,
pendência do Peru, em para o estabelecimento poder. Bolívar sancionou no dia 26 de Janeiro de
1821, José de San Martín de um Congresso Cons- a Constituição a seu modo 1827, o Peru tornou-se ofi-
(militar argentino, liber- tituinte que sancionaria e estabeleceu um Con- cialmente uma República
tador da Argentina, Chile uma Constituição para o gresso com três câmaras. Independente.

DESCUBRA AS SETE DIFERENÇAS por Casimiro Pedro

HORIZONTAIS VERTICAIS
1 - Município da província do 1 - Ambiciona. 2- Caminhar
Cuanza Norte. 9- A tua para lá. 3- Tomba. 4- Dar
pessoa. 10- Óculos. uivos. 5- Los Angeles
11- A minha pessoa. (abreviatura). 6- Servir-se de.
12- Soberano. 14- O número 7 - Prefixo (Terra). 8- Metal
quatro em numeração precioso de cor amarela.
romana. 15- Forte afeição. 9 - Peixe salmónida. 13- Que
17- Caixa em que se recolhem ou o que invade.
os votos nas eleições. 16 - Preparado. 18- Suspiros.
CURIOSIDADES ANEDOTAS 19- Africano. 21- Coisa
quebradiça. 23- Despido.
20 - Género de mamífero
anfíbio da família dos
25 - Casualidade. 27- Tecido de otarídeos ou pinípedes.
seda ou algodão, macio e 22 - Legar. 24- Interjeição
A dona da casa lustroso. 30- Pessoa notév el designativa de dor.
para a empregada na sua especialidade. 26 - Neste lugar. 28- Elemento
doméstica: 31- Extingue o fogo ou a luz de. de formação de palavras
— Gertrudes, olhe 34 - Trabalho literário, que exprime a ideia de eu.
que eu não gostei científico ou artístico. 29 - Espreitar. 32- Doutor da
nada da cara 36- Cheiro. 38- Terreiro à volta Igreja. 33- Destino.
do sujeito que, da igreja. 40- Redução das 35 - Calçado que cobre o pé e
esta manhã, formas linguísticas “de” e parte da perna. 37- Verbal.
veio visitá-la! “a” numa só. 42- Reza. 39 - Sofrimento. 41- Molécula
A empregada: 43- República Dominicana portadora da informação
— Tem graça! hereditária. 45- Antes do
(domínio de Internet).
Também ele meio-dia.
me disse o mesmo 44- Fora de tempo.
47- Atmosfera. 48- Decorativo. 46 - Extraterrestre.
quando viu a cara
da senhora…

A poluição sonora O menino está a passear


num parque vê um
papagaio e diz:
— Que papagaio bonito SUDOKU
Poluição sonora refere- propaga de forma circun- quado. A sensibilidade a O papagaio diz:
se ao efeito danoso pro- cêntrica em meios que sons intensos pode variar — Papagaio bonito.
vocado por sons em tenham massa e elastici- de pessoa para pessoa. O O menino diz:
determinado volume que dade sejam eles sólidos, ruído sonoro, em geral, é — Heheeh
superem os níveis con- líquidos ou gasosos. Os o som prejudicial à comu- O papagaio responde:
siderados normais para sons de qualquer natureza nicação. Pode ser cons- — Hehehehehe.
os seres humanos. Pode- podem tornar-se preju- tituído por grande número O menino diz:
s e , co ntudo , a ssu mir diciais à saúde ou mesmo de vibrações acústicas — Pára de me imitares
outros parâmetros de aná- insuportáveis quando emi- com relações de amplitude O papagaio diz:
li s e para e ss e tip o de tidos em grande volume e fase muito altas, o que — Pára de me imitares
poluição, tomando como e, nesses casos, diz-se que torna o seu nível de pres- O menino diz:
base o impacto dos ruídos determinado som possui são sonoro bastante ele- — Se tu queres Preencha toda
dos motores de embar- nível elevado de pressão vado prejudicando assim imitar-me… eu sou a grelha com
cações na comunicação sonora, ou elevada inten- os seres vivos em geral. idiota números de 1 a 9.
de cetáceos, o estouro de sidade. O termo ruído, por A perda da audição é O papagaio diz: Cada número
não deverá ser
rojões para animais como sua vez, pode ser utilizado o efeito mais frequente- — Tu és um idiota utilizado mais do
bovinos, cães e gatos ou em vários contextos. É algo mente associado a qual- que uma vez por
mesmo a interferência de inoportuno, indesejável, quer som, seja ele ruidoso linha, por coluna
ruídos urbanos da comu- que pode prejudicar a per- ou não, musical ou não, O actor vai a um ensaio de e por quadrado
de nove casas.
nicação das aves. Dife- cepção de um sinal ou que possua níveis elevados estreia e foi uma
rente de outros tipos de gerar desconforto. Trata- de pressão sonora, ou seja, decepção. O director
poluição, a poluição se de um atributo quali- que ultrapasse os limites chega ao pé dele e diz-lhe,
sonora não deixa resíduo, tativo, não quantitativo. de tolerância cientifica- secamente:
possui um menor raio de Quantitativamente mede- mente já estabelecidos — O senhor foi extra
acção, não é transportada
através de fontes naturais
se, no caso de um deter-
minado som, o seu nível
para o ouvido humano,
para a maioria das pessoas,
ordinário.
— Oh! Isso é gentileza sua!
SOLUÇÕES dos problemas do dia 26 de Janeiro de 2020

e é percebida somente de pressão sonora. de forma gaussiana. Fez-se o que se pôde. PALAVRAS CRUZADAS SUDOKU SETE
por um sentido: a audição. Fala-se de ruído na Esses limites de tole- Mas fico-lhe DIFERENÇAS
HORIZONTAIS
Tudo isso faz com que comunicação quando rância estão explicitados imensamente grato. 1- QUICULUNGO. 9- TU. 10- RAIAS. 11- EU. 12- REI.
14- IV. 15- AMOR. 17- URNA. 19- AFRO. 21- VIDRO.
• O chapéu,
muitos subestimem os existe qualquer factor em diversas tabelas que Se o senhor me acha 23- NU. 25- ACASO. 27- CETIM. 30- ÁS. 31- APAGA.
34- OBRA. 36- ODOR. 38- ADRO. 40- DA. 42- ORA.
• A orelha,
seus efeitos, ainda que externo à fonte emissora relacionam os níveis de extraordinário, enfim… 43- DO. 44- TARDE. 47- AR. 48- ORNAMENTAL. • A boca,
ela possa trazer graves e receptora que prejudique pressão sonora de sons, posso ter esperanças. VERTICAIS
1- QUER. 2- IR. 3- CAI. 4- UIVAR. 5- LA. 6- USAR.
• As botas,
danos à saúde humana e a compreensão de uma ruidoso ou não, e o tempo — Eu não disse 7- GEO. 8- OURO. 9- TRUTA. 13- INVASOR.
16- MONTADO. 18- AIS. 20- FOCA. 22- DOAR.
• A mão,
de outros animais. mensagem. Quando se faz em que, sendo ultrapas- extraordinário. Eu disse 24- UI. 26- CÁ. 28- EGO. 29- MIRAR. 32- PADRE.
33- FADO. 35- BOTA. 37- ORAL. 39- DOR.
• Os calções,
O som é definido como referência a um factor sado por alguém que se extra ordinário! 41- ADN. 45- AM. 46- ET. • O disco.
a compressão mecânica interferente sonoro, o exponha ao mesmo, pode
ou onda mecânica que se termo barulho é mais ade- sofrer lesões auditivas.
Domingo
26 de Janeiro de 2020 19
PUBLICIDADE

(700.123)
20 GENTE Domingo
26 de Janeiro de 2020

ANIVERSÁRIO DA FILHA QUEIXA-CRIME


O gesto pacificador
Bruna Tatiana de Grace Mendes
celebra A notícia ecoou pelos
diferentes espaços noticiosos,
no passado dia 17, na Internet.

nas redes A notícia veiculada, dizia que a


actriz e empresária Grace
Mendes decidiu retirar a queixa-
crime, feita no ano de 2017,

sociais contra a cantora Yola Araújo,


num processo que
decorria na Direcção de
Investigação e Acção
Penal - Procuradoria
de República da
Comarca de Lisboa -
DIAP em Portugal. A
O dia 21 de Janeiro é uma data queixa-crime
especial no calendário da cantora apresentada pela actriz,
Bruna Tatiana. Neste dia assinala- consubstanciava-se em
se o aniversário natalício de sua publicações e comentários de
filha, Adria. Para não passar teor pejorativo ao seu bom
despercebida a data, Bruna Tatiana nome, à sua honra e à sua
publicou uma fotografia que atraiu imagem. Em nota divulgada
a atenção de familiares e de pela assessoria de imprensa da
admiradores, com uma legenda de actriz, que se personificou
realce. “Uma das minhas fotos entre os telespectadores
favoritas. Parabéns meu nacionais, na série cómica
amorzinho. As princesas Makamba Hotel, com o nome
aquarianas são outro nível”, de Marlene, realça que a
assinala a nota. A cantora, que é, retirada da queixa-crime,
actualmente, uma das principais deveu-se à ponderada reflexão
vozes femininas da música sobre as possíveis
angolana, usou a mesma rede para consequências do seguimento
se mostrar grata pelas mensagens da queixa para o tribunal, e por
e declarações de amigos, respeito ao seu companheiro e
familiares e colegas e repostou às aos filhos que o mesmo tem em

ARQUIVO DA APRESENTADORA
publicações de felicitação dirigidas comum com a senhora Yola
PAULO MULAZA | EDIÇÕES NOVEMBRO

a si. A reportagem da Gente, Araújo. Nos instantes seguintes,


aproveita a ocasião para endereçar o actor e companheiro, Fredy
votos de Ano Novo e muitas Costa, publicou a seguinte
felicidades à cantora e à filha mensagem: "Minha Rainha,
Adria. mulher com M maiúsculo. A
maturidade contigo fala sempre
mais alto".

PALESTRA MOTIVACIONAL DIA DOS NAMORADOS


Maria Rokapa Miguel Buila abençoa
dá a cara no quintal de Florinda Miranda
“Café Psicológico” DR
Miguel Buila, a referência da
música gospel em Angola, é o
A professora Maria Rokapa abraçou a iniciativa do convidado de Florinda Miranda.
empresário Hadjalmar El Vaim, detentor da agência de Segundo informação
modelos Hadja Models. Denominado “Persiga os seus disponibilizada pela promotora
sonhos”, a Hadja Models e parceiros juntam pelas 18h00, de eventos, o autor de sucessos
do dia 31 de Janeiro, na esplanada das torres Gika, no como “No Nosso Mundo”,
Garden Café, várias personalidades ligadas à “Minha Vocação”, “Espírito
moda e ao empreendedorismo. Em nota Santo”, “Renovo” e “C’est Toi”, é
endereçada ao Gente, a Hadja Models o músico convidado para
esclarece que o “Café Psicológico”, tem animar a gala dedicada ao Dia
como objectivo juntar vários profissionais dos Namorados ou Festa de
ligados às áreas da Psicologia, São Valentim, comemorado
Sociologia, “coaching”, escritores e anualmente a 14 de Fevereiro.
artistas, onde na última sexta-feira Conhecido pelo seu vasto
de cada mês, vão dissertar sobre os reportório musical, Miguel
nossos diferentes problemas Buila é um dos músicos mais
sociais. A nota refere que, nesta cotados na comunidade juvenil
primeira edição, a palestrante católica. O cantor nasceu em
será, Maria Rokapa, 1984, em Luanda. Nas suas
especialista em “master criações realça a crença
Coach” e palestrante individual, o amor ao próximo,
motivacional formada pela a irmandade e a fé em Deus.
Abracoach, a melhor escola de Gente vai trazer novidades
“Coaching” do Brasil. A sobre o espectáculo de Miguel
apresentação do evento estará Buila, no quintal de Florinda
sob responsabilidade de Ângelo Miranda, localizado na zona
Reis, artista, poeta, declamador, verde, Bairro Benfica,
escritor e modelo da Hadja Models. província de Luanda.
GENTE Domingo
26 de Janeiro de 2020 21
VIATURA

Luís Chetekela partilha desejo com os fãs


“Está determinado que eu vou trabalhar. Os fãs vão me comprar este carro", foi desta forma que Luís Chetekela”, decidiu partilhar
um dos seus principais desejos em 2020. Chetekela, nome artístico do músico Luís Chetekela, oriundo da província da Lunda-Norte,
visitou recentemente a stand de vendas, de uma concessionária de referência em Luanda. Depois de vários minutos e consultas de
preços pelos diferentes automóveis expostos, o autor de sucessos como “Adrenalina do amor”, “Marido de Papel”, “Ego Egoísmo” e
“Kima Kimosi”, decidiu pelo modelo Toyota C-HR, edição 2020. Este modelo de fabrico japonês, o Toyota C-HR, tem um estilo de
realce. Está equipado com algumas das mais sofisticadas tecnologias de segurança disponíveis actualmente. Agora, só nos resta saber
se o desejo partilhado com os fãs, vai ser mesmo materializado.

AMIZADE
A cumplicidade
entre Edmazia
e Puto Português
Edmazia Mayembe e Puto Português têm um
elo que os une: a música. Mas, longe dos palcos,
Edmazia Mayembe e Português, mantém uma
relação amigável de invejar. A provar a boa
relação amigável e profissional, ambos decidiram
partilhar duas mensagens que mexeram com a
sensibilidade de familiares, amigos e fãs. A
primeira mensagem, provocadora, foi publicada
por Edmazia Mayembe, cujo conteúdo realça que
a mesma nutre um sentimento de amor, pelo
AGOSTINHO NARCISO | EDIÇÕES NOVEMBRO

músico Puto Português. Em reposta, Lino


Cerqueira Fialho ou simplesmente Puto
Português, respondeu com a seguinte dica: "Te
amo mais". Facto curioso é que muitos
internautas decidiram questionar que esteve na
DOMBELE BERNARDO | EDIÇÕES NOVEMBRO

origem das mensagens. Que reine o amor e o


profissionalismo entre os nossos artistas! Lino
Cerqueira Fialho, ou simplesmente “Puto
Português”, canta há mais de 11 anos, tendo
começado a fazer o estilo kuduro, ao lado de
Nacobeta, com quem produziu e publicou vários
temas de sucesso, como “Wakimono”, “Chupa Lá”, DR
“Bababa” e "Mata Cobra".

PARCERIA DISCOGRAFICA CIDADE DE LUANDA

Laton aposta no Grupo Chiado Matias Damásio


A produtora portuguesa Grupo Chiado anunciou que estabeleceu uma excelente parceria
com o músico angolano Laton. Em nota endereçada à Gente, a referida produtora refere que
com uma nova sonoridade, novas músicas e duetos improváveis, Laton será um dos artistas
rendido aos
do Grupo Chiado que vai dar muito que falar em 2020. “Para já, arranca o ano com o
lançamento do single de apresentação do projecto BNL, que tem com o músico sul-africano
BO. Escrito por ambos, o tema “My Kinda Crazy”, acompanha a tendência global, mais pop e
seus encantos
R&B, com registos da sonoridade africana”, realça excertos da nota. Músico e compositor, Longe de Luanda, e em véspera de
tem como pseudónimo Laton. Primo do também músico Anselmo Ralph, está registado com assinalar mais um aniversário da
o nome de João Paulo Oliveira Ressurreição Cordeiro e nasceu a 13 de Maio de 1985. A sua sua fundação, no dia 25 de
carreira foi marcada por vários êxitos, enquanto membro do grupo Kalibrados. Janeiro, o músico e compositor
DR
Matias Damásio, decidiu
homenagear a capital de
Angola. Damásio se socorreu da
canção “Luanda terra de braços
abertos”, música e letra de sua
autoria. “Luanda. Alguém se
lembra desta canção. Hoje
acordei fazendo uma
homenagem à cidade que me viu
crescer e realizar todos os meus
sonhos”, escreveu a legenda que
acompanha o vídeo. Matias Damásio nasceu
no bairro da “Lixeira”, comuna da Zona A,
município de Benguela, no dia 09 de Maio de
1982. É filho de Raul Damásio e Florinda
Damásio. Deixou a sua terra natal em
companhia da sua mãe e quatros irmãos,
rumando para Luanda em 1993, devido ao
conflito armado que o País vivia, realojando-
se no município da Samba. O seu pai
juntou-se à família em Luanda anos depois.
DR
22 DESPORTO Domingo
26 de Janeiro de 2020

VISANDO O TERCEIRO LUGAR MUNDIAL’2021 FINAL MAGREBINA


VIGAS DA PURIFICAÇÃO | EDIÇÕES NOVEMBRO | RADÈS

Cabo Verde
Guerreiros ambicionam surpreende
e “carimba”
triunfo diante da Argélia
Selecção Nacional pretende apresentar-se à altura das
passaporte
A selecção de Cabo Verde,
encomendas e fazer esquecer a hecatombe das meias-finais ontem, voltou a surpreender
pela positiva, ao derrotar a
similar de Marrocos, por
Amândio Clemente | Radès vocado. O mesmo trabalho onde a equipa que menos convincentes 37-28, com
foi feito, presume-se, pela erros cometer vai, certa- favoráveis 18-13 ao intervalo,
Defender a terceira posição, equipa técnica, que por sinal mente, sair a sorrir. em partida do Grupo II, do
alcançada na edição passada, é liderada por um psicólogo Para o técnico Nelson Africano sénior masculino
é o que resta à Selecção de profissão, visando manter Catito o encontro com a Tuní- de andebol, que disputou as Águias de Cartago defrontam faraós na decisão do ceptro
Nacional sénior masculina o foco dos atletas, na manu- sia é para esquecer. O grupo três últimas vagas para o
de andebol, quando defrontar tenção do terceiro lugar, deve estar concentrado e Campeonato do Mundo de
hoje, às 16h00, a similar da
Argélia, no Pavilhão do Com-
diante de um adversário que
também almejava a final.
ignorar o encontro passado.
Como referiu, na conferência
2021, no Egipto.
Depois de já ter vencido
Tunísia persegue defesa
plexo Olímpico de Radès, no O histórico dos últimos de imprensa, após a derrota na noite de sexta-feira o
encerramento da 24ª edição
do Campeonato Africano das
confrontos entre as duas for-
mações é favorável aos Guer-
com as Águias de Cartago,
“será uma partida totalmente
Congo Democrático, por 32-
20, após prolongamento,
do título continental
Nações disputado na Tunísia. reiros, e pode no mínimo ser diferente, até porque não há derivado de igualdade a 25, Amândio Clemente | Radès planeados quer nos contra-
Após o humilhante desaire motivador, apesar de terem jogos iguais”, esperando que o "sete" lusófono do arqui- ataques, com um guarda-
de sexta-feira, diante da perdido o amistoso durante os jogadores tenham outra pélago contrariou os prog- Capacidade de sofrimento e redes apelidado de “Muralha”.
selecção anfitriã, os Guer- o estágio de preparação, em atitude e postura na abor- nósticos e derrotou a argumentos tácticos é o que O Egipto, por seu turno,
reiros pretendem limpar a terra argelinas, antes do CAN. dagem inicial do desafio. formação marroquina, que a Selecção do Egipto tem de tem igualmente um espanhol
pálida imagem num jogo de Os Guerreiros devem também já tinha duas vitórias mostrar hoje, às 18h00, no no comando, Roberto Par-
triste memória, com uma para tal defender bem, para no seu pecúlio, nesta fase Pavilhão do Complexo Olím- rondo, e joga da mesma
prestação capaz de fazer Neste âmbito, enervar o combinado da da competição. pico de Radès, para vergar a forma. Rapidez e eficácia nas
esquecer o “apagão” com- Ana Paula da Silva Argélia, muito tempera- VIGAS DA PURIFICAÇÃO | EDIÇÕES NOVEMBRO | RADÈS Tunísia, no desafio da final acções ofensivas planeadas
petitivo, mas permita vencer “Palu”, chefe da mental e indisciplinado, do Campeonato Africano das e a contra-atacar, e tem como
o “duelo” com os argelinos. delegação, manteve explorar no máximo este Nações sénior masculino de referência o meia-distância
Uma tarefa difícil, por aquilo um encontro com os a sp e c to , pa ra p rovo ca r andebol, na presença de perto Amhed Ahmar, muito
que o conjunto magrebino jogadores, na noite exclusões de dois minutos, de 15 mil espectadores, que conhecido e temido nas lides
tem demonstrado. de sexta-feira, muito frequentes nos jogos vão lotar certamente o recinto. africanas, eficaz no ataque
Para preparar este con- com o propósito dos argelinos, e tirar van- A jogar em casa, as Águias e a armar jogadas.
fronto de crucial importância de amenizar tagem no marcador. de Cartago apresentam-se Com estes condimentos,
para o “sete” nacional, a os eventuais Mas, a Argélia tem uma como favoritas, mais por a n tevê - s e u m a p a r t i d a
equipa técnica programou "estragos" claque barulhenta, provo- conta do apoio dos adeptos, renhida entre duas equipas
apenas uma sessão de treino psicológicos cadora, e a equipa técnica que puxam pelos jogadores treinadas por técnicos da
teórico, com a visualização tem de trabalhar com os do princípio ao fim, do que escola espanhola, o que pode
de vídeos dos jogos do adver- atletas para que não sejam pela superioridade em termos proporcionar espectáculo
sário, de modo a aferirem Mas, o “duelo” de hoje é a influenciados pelos asso- técnico-tácticos, quesito onde de encher os olhos, e torna
os seus esquemas tácticos “doer”, ao passo que o anterior bios e os apupos vindos as equipas são equiparadas. imprevisível o desfecho, ape-
e contrariá-los. foi a “feijões”. A Argélia tam- dos adeptos, sistemáticos Vai ser, certamente, um sar do favoritismo caseiro
O trabalho de recupera- bém traz os níveis motiva- quando os oponentes ata- hino ao andebol, pois os con- das Águias.
ção psicológica também cionais em baixo, por conta cam a baliza argelina. Caboverdianos garantem tendores mostraram um alto A Tunísia tem o ataque
mereceu particular atenção, de duas derrotas nos últi- Um factor a ter em conta, presença inédita no Mundial nível competitivo e atletas mais concretizador da com-
pois os efeitos da contun- m o s j o g o s , e mb o ra p o r se lembramos o “apagão” com excelente qualidade petição com 218 golos mar-
dente derrota frente aos tuni- números menos expressi- da primeira parte do desafio Assim sendo, Cabo Verde técnica. As duas equipas vêm cados, nos seis jogos
sinos podem pesar no vos, com os mesmos cul- com a Tunísia, provavel- e Marrocos juntaram-se às de trajectórias imaculadas, disputados, contra os 210 do
desempenho dos atletas. pados, mas vai procurar mente provocado pelo baru- selecções de Angola, Tunísia, vencendo todos os jogos de Egipto na segunda posição,
Neste âmbito, Ana Paula redimir-se neste confronto. lho ensurdecedor vindo das Argélia e Egipto qualificado forma convincente e cate- mas consentiu 135 contra os
da Silva “Palu”, chefe da dele- Com estes condimentos, bancadas. Do lado contrário, na condição de anfitrião, fal- górica, não dando hipótese 130 dos egípcios. As Águias
gação, manteve um encontro a partida de logo será renhida há igualmente a vontade de tando encontrar o último de os oponentes esboçarem de Cartago possuem um saldo
com os jogadores, na noite e com desfecho imprevisível, vencer. Depois de ter falhado representante do continente resistência até ao apito final, positivo de 83 tentos, ao passo
de sexta-feira, com o pro- porque, além da disputa de o objectivo de chegar à final, na cimeira mundial, a ser tal é a superioridade evi- que os Faraós têm menos três.
pósito de amenizar os even- um lugar no pódio, há contas e conquistar o troféu, para encontrado hoje no desafio denciada em campo. Os números ilustram o
tuais “estragos” psicológicos a ajustar, antevendo-se, para a Argélia só o terceiro lugar entre a República Democrá- Hoje será, pois o dia da poderio dos contendores, e
que a “cabazada” tenha pro- já, um bom espectáculo, interessa. tica do Congo e Gabão, às prova dos nove para os dois mostram que os donos da
VIGAS DA PURIFICAÇÃO | EDIÇÕES NOVEMBRO | RADÈS 9h00, no Pavilhão do Com- treinadores. A Tunísia é orien- casa são muito eficazes a ata-
plexo Olímpico de Radès. tada por um técnico de nacio- car, mas os forasteiros são
Ontem, na decisão do nalidade espanhola, António melhores a defender,
nono lugar, o Congo Braz- Gerona, cuja equipa desbo- aumentando a expectativa
zaville derrotou a Guiné bina um andebol rápido e em torno da contenda entre
Conacri, por 25-23, com já eficiente quer nos ataques estes colossos africanos.
desfavoráveis 12-13 ao inter-
valo, em desafio disputado
no Pavilhão Multiusos da EM CACUACO
cidade de Hamamet, pautado
pelo equilíbrio conforme
espelha a diferença de golos.
A formação congolesa
Carnaval incentiva prática
conseguiu a vantagem de
dois golos aos 58 minutos
da contenda, e teve que
dos desportos náuticos
defendê-la com "unhas e Avelino Umba potencialidades para que tal
dentes", pois, os guineenses se efective a exemplo de
tentaram levar o jogo para o O ministro da Comunicação outros países e proporcionar
prolongamento, sem o efeito Social, Albino Nuno Carna- o turismo na localidade, bem
desejado, dada a determi- val, incentivou ontem, os como atrair investidores
nação do adversário. jovens a aderirem à prática nacionais e estrangeiros.
Amândio Clemente | Radès dos desportos náuticos, “Saio daqui com uma
durante a primeira edição impressão positiva na medida
Jogos de Hoje do torneio realizado na Lagoa em que o país dispõe de enor-
Angola -Argélia /16 h 00 da Kilunda, comuna da mes potencialidades turísticas
Funda, em Cacuaco. e a Lagoa da Kilunda é uma
Tunísia - Egipto /18 h00
Participaram na prova as delas. Deve associar-se ao
formações do 1º de Agosto, ambiente do desporto, fun-
Resultados da última Petro de Luanda, Marítimos damental para a criação, gal-
ronda da Ilha e o Clube Náutico, vanização do turi smo e
Cabo Verde - Marrocos (37-28) nas disciplinas de canoagem, entretenimento, para ocu-
Congo - Guiné Conacri (25-23)
vela e remo. Segundo o diri- pação dos tempos livres da
Combinado angolano às ordens de Nelson Catito joga hoje pela medalha de bronze gente, a localidade possui juventude”, disse.
DESPORTO Domingo
26 de Janeiro de 2020 23
GIRABOLA'2019/20 SEM VITÓRIAS
SONHO FICOU PELA INTENÇÃO
Wiliete e Libolo
destaque hoje
WALDEMAR SANTOS

Petro sai da Liga pela


da 17ª jornada
Wiliete de Benguela e Recrea-
“porta pequena”
tivo do Libolo centralizam hoje, António de Brito comandados de António
à s 1 6 h 0 0 , n o E stád i o d e Cosano não conseguiam tirar
Ombaka, as atenções na Apesar de o jogo servir apenas maior proveito dessas facili-
sequência da disputa da17ª para cumprir calendário, o dades. Aos 14 minutos, Jacques
jornada do Campeonato Nacio- Petro de Luanda deixou esca- Tuyiseng , assistido por Picas, à
nal de Futebol da I Divisão, par ontem, a três minutos do entrada da área, chegou atrasado
Girabola’2019/20, numa tarde fim, a oportunidade de vencer para finalizar a jogada. Depois
que reserva ainda os jogos pela primeira vez na presente do primeiro quarto de hora, o
Santa Rita do Uíge-Cuando edição da Liga dos Clubes Petro perdeu o controlo e o domí-
C u b a n g o e Fe r r o v i a d o Campeões de Futebol, ao nio de jogo, após o reajuste feito
Huambo-Interclube. empatar(2-2)diante do Mame- pelo técnico Pitso Mosimane na
Moralizado com o empate lodi Sundowns, no Estádio estrutura táctica da equipa (4-
(0-0), na ronda passada, no Nacional 11 de Novembro, em 5-1 para 4-4-2). Com alterações
reduto do Petro de Luanda, o jogo pontuável para a quinta feitas, o Mamelodi Sundowns
Wiliete espera vencer na recep- jornada do Grupo C. passou a incomodar mais a baliza
ção ao Libolo, visto que o objec- Obrigada a vencer, uma de Gerson Barros, com cruza-
tivo passa por fazer os pontos Rubro e negros falharam objectivos no reduto do Zesco United da Zâmbia vez que jogava na condição mentos perigosos.
necessários nesta fase decisiva, de visitada, a formação petro- Em consequência da pres-
de modo a garantir a manu- lífera entrou determinada e são exercida sobre o adversário,
tenção no campeonato. procurou nos minutos iniciais o conjunto de Pretória abriu
A jogar em casa, a equipa
treinada por Agostinho Tra-
magal é bastante consistente,
Empate afasta 1º de Agosto da partida visar a baliza de
Dennis Onyango.
Com maior posse de bola,
o activo, por intermédio de
Rodriguez Sirino, na conversão
de um penálti, aos 22 minutos.

das contas do apuramento


sendo que, dos sete jogos dis- o vice-campeão angolano não Depois do golo sofrido, a
putados, venceu três e empatou deu sossego ao campeão sul- equipa de António Cosano não
quatro. Nesta deslocação a africano, com o treinador cruzou os braços e repôs a
Benguela, o Libolo de André António Cosano a lançar para igualdade no marcador, por
Makanga não espera por faci- Militares do Rio Seco recebem sábado o Zamalek do Egipto com as quatro linhas uma equipa intermédio de Job, também
lidades, depois de ter ganho voltada para o ataque, com o de penálti a um minuto do fim
no desafio passado ao Sporting o pensamento no abandono da cauda do Grupo A da Liga dos dispositivo táctico 4-3-3. da primeira parte.
de Cabinda (3-1). Clubes Campeões de futebol Fazendo do ataque a mola No segundo tempo, o Petro
PAULO MULAZA | EDIÇÕES NOVEMVRO impulsionadora, o segundo de Luanda apostou em todas
classificado do Girabola'2019/20 as fichas, para desfazer-se da
Honorato Silva | Ndola continental. O TP Mazembe passa como líder desperdiçou uma situação clara igualdade no marcador. A
da série, 11 pontos, e o Zamalek em segundo, para adiantar-se no marcador, equipa angolana contrariava
As hipóteses de disputa dos quartos-de- oito. Zesco e 1º de Agosto, ambos três, por intermédio de Danilson, ao máximo a estratégia montada
final da Liga dos Clubes Campeões Africanos procuram evitar o último lugar. decorridos cinco minutos. por Pitso Mosimane, o que obri-
de futebol, para o 1º de Agosto, ficaram O defesa central surgiu na gou o conjunto forasteiro a
goradas com o empate (1-1), frente ao Zesco Aposta no Girabola área e cabeceou para a defesa defender-se à entrada da área.
United da Zâmbia, ontem no Estádio Levy A conquista do penta no Girabola e a renovação do guarda-redes ugandês. Aos 70 minutos, Jacques Tuyi-
Mwanawasa, em Ndola, na conclusão da do título da Taça de Angola passam a ser as Povoando o meio campo seng com uma cabeçada desfez
quinta jornada do Grupo A. metas da equipa, cujo regresso acontece esta do oponente, o Petro de Luanda o empate, após cruzamento de
O apoio dado na véspera pelo TP Mazembe, manhã. Ivo Traça, adjunto de Dragan Jovic, canalizava as jogadas pelos Job. Com o jogo controlado, o
com a igualdade sem golos no terreno do admitiu no final que o apuramento falhou corredores laterais, onde os Petro deixou fugir no tempo
Agostinho Tramagal almeja Zamalek do Egipto, apurado face ao desperdício com os empates consentidos em casa. sul-africanos denotavam extra os três pontos. Madisa igua-
vitória frente aos libolenses de pontos dos militares, acabou por ser inglório. “Primeiro temos de dizer que fizemos um alguma fragilidade, mas os lou o desafio, aos 90'+3.
O representante angolano revelou-se incapaz bom jogo. Conseguimos suportar a pressão JOSE COLA | EDIÇÕES NOVEMBRO
No jogo de equipas que dis- de materializar o objectivo de regressar a do adversário e reagir ao golo sofrido. Criámos,
putam a permaneça, o Santa Luanda com a discussão do apuramento viva. na parte final, duas situações para voltar a
Rita do Uíge recebe o Cuando Os apagões competitivos, em boa parte do marcar, as mais flagrante por Bobó. Agora é
Cubango, às15h00, no Estádio primeiro tempo e no início do segundo, agu- necessário admitir que complicámos as nossas
4 de Janeiro, com a balança dizaram as dificuldades da equipa de Dragan contas em casa. Isso vai nos servir de lição,
a pender para ambos os lados. Jovic, que pouco fez para evitar que a procura pois nesse tipo de provas não se pode empatar
Os dois conjuntos vêm de da vitória fora de casa ficasse apenas pelas em casa”, argumentou o treinador.
empates e pretendem vencer intenções. Houve uma grande distância entre
nesta. Antevê-se, por isso, o querer e o poder, pecha que justificou a
por um jogo de prognóstico igualdade numa partida conduzida de forma FICHA DO JOGO
reservado. imaculada pelo argelino Mehdi Abid Charef,
No Estádio dos Kuricutelas, no dia do regresso à actividade, depois de uma Estádio: Levy Mwanawasa
o Ferrovia do Huambo defronta suspensão de seis meses. Público: 11 mil espectadores
o Interclube, às15h00, num O início de jogo com certo arreganho chegou Árbitro: Mehdi Charef (Argélia)
jogo em que os “locomotivas” a indiciar uma jornada menos atribulada para 1-Assistente: Mehdi Charef (Argélia)
vão procurar pontuar, depois os rubro e negros, sobretudo pela incursão 2-Assistente: Abbes Akram Zerhouni Petrolíferos incapazes de sorrir na despedida da Champion
do empate frente ao Cuando ofensiva finalizado por Nelson da Luz, numa
Cubango. Apesar da vitória altura em que o ponteiro dos segundos está Zesco United: Banda,
sobre o Sagrada Esperança, o longe de completar a primeira volta. Owino, Kalonda, CAN
Interclube tem seguramente A reposta dos zambiano não tardou a chegar. Mwape, Phiri,Chama,
uma missão espinhosa no Pla-
nalto Central.
O quarteto formado por Chama, Mwelwa
Mwape, Chaila e Were anulou o tridente
Mwelwa Mwape, Chaila,
Were–Ching’andu, Selecção Nacional de Futsal
Ontem, na abertura da jor- lançado por Jovic, que procurou dar músculo 71 min, Kola,Kalengo.
nada, o Sagrada Esperança
perdeu, por 0-1, diante do FC
ao meio campo, com a entrada de Macaia,
Mário e Ibukun.
Treinador: George Lwandamina
Acção disciplinar: Cartolina
desembarca em Casablanca
Bravos do Maquis. Sporting de Sem afirmação de disputa dos lances, amarela a Owino, 85 min Paulo Caculo / Casablanca grupo B, ao lado das selecções
Cabinda e Académica do Lobito pouca intensidade no ataque ao portador da d o E g i p to ( t r i c a m p e ã o ) ,
ficou adiada, visto que os “estu- bola, o 1º de Agosto foi um adversário bem 1º de Agosto : Neblu, A Selecção Nacional sénior Moçambique e Guiné Conacri,
dantes” lobitangas não con- ao jeito dos zambianos, que jogavam pela Isaac, Masunguna (cap), masculina de futebol de salão imbuídos da missão de pro-
seguiram viajar para o reduto honra. O golo de Kalengo, logo a abrir a etapa Bobó,Natael, desembarca hoje à tarde na tagonizar a melhor classifi-
do adversário, por dificuldades complementar, deu justiça ao marcador, Macaia,Mário – Kila, cidade marroquina de Casa- cação de sempre, carimbando
de transportação. porque os tetra-campeões do Girabola eram 45 min, Nelson da Luz – blanca, em trânsito para Laâ- o passe para o Mundial deste
As partidas entre o Des- apenas uma caricatura do grupo combativo Bua, 54 min, Ibukun- youne, palco de disputa da ano, na Lituânia.
portivo da Huíla-1º de Agosto que prometeram ser durante a preparação Lionel Yombi, 78 min, Ary Papel, fase de grupos da 6ª edição Depois de nas edições ante-
e Progresso Sambizanga-Petro do desafio. Mabululu do Campeonato Africano das riores a selecção nacional ter
de Luanda ficam adiadas, por O empate, num momento de assinalável Treinador: Dragan Jovic Nações (CAN), a decorrer ficado na primeira fase da com-
força do envolvimento dos recorte técnico de Ary Papel, ontem o melhor Acção disciplinar: Nada a assinalar de 28 do corrente a 7 de Feve- petição, o seleccionador disse
“militares” e “petrolíferos” da equipa, a par do guarda-redes Neblu, reiro próximo. que a “terceira pode ser de vez”
nas Afrotaças. Na jornada, o evitou embaraço maior, mantendo viva a Marcador 1-0, Kalengo, Naquela que será a terceira e, mais do que isso, o “Cinco”
Caála descansa por imposição possibilidade de se evitar a última posição 50 min, 1-1, Ary Papel, 68 min presença de Angola na maior nacional mostra-se hoje muito
de calendário. O 1º de Agosto no sábado, diante do Zamalek. Em resumo, Ao intervalo 0-0 competição do futsal do con- mais experiente e melhor pre-
é o líder com 37 pontos, seguido ficou mais um aprendizado para o clube que Resultado final: 1-1 tinente, os pupilos de Ben- parado para ombrear mano-
do Petro, com 36. ambiciona brilhar entre os grandes do futebol vindo Inácio partem para o a-mano com as maiores
António de Brito “assalto” a esta prova, no potencias do futsal africano.
PUBLICIDADE

DOM26JAN

“LUANDA LEAKS” CORONAVÍRUS


ALTO

Banco de Portugal “falhou” Nenhum angolano na


China está infectado
IGAE
ao avaliar Isabel dos Santos Manuela Gomes

Nenhum dos cerca de 200


sublinhou a necessidade de
reforçar a prevenção.
“Temos espalhados pelos
Linha de chamada VIGAS DA PURIFICAÇAO | EDIÇÕES NOVEMBRO

Ao abrir uma linha de chama- O EuroBic que, por enquanto, angolanos que vivem na principais pontos de entrada
da grátis para denúncia de ainda é controlado, em 42,5 China está infectado pelo do país, técnicos de Saúde
má actuação dos agentes pú- por cento por Isabel dos Santos, coronavírus, o misterioso Pública multidisciplinar,
blicos, a Inspecção Geral da não a considerou e ao seu surto viral que, desde o dia devidamente preparados
Administração do Estado pre- marido, o congolês Sindika 12 deste mês, assola algumas para fazer o controlo em
tende tornar o serviço mais Dokolo, “pessoas politica- regiões daquele país asiático, todas as áreas”, garantiu.
actuante e dinâmico, no qua- mente expostas”, sobre as garantiu, ontem, em Luanda, No Aeroporto Interna-
dro, do novo paradigma do quais recaía a necessidade de a ministra da Saúde. cional 4 de Fevereiro, em
país. O call center vai permitir um controlo mais apertado O surto, que teve o epi- Luanda, há equipas de téc-
maior interacção com os ci- nicos de Saúde Pública,
e deveres especiais de reporte. centro na cidade de Wuhan,
dadãos e, consequentemen-
Esta é a conclusão de um rela- já afectou 1.300 pessoas e munidos com equipamen-
te, maior número de denún-
cias, facilitando, assim, a ac- tório do Banco de Portugal causou 41 mortos, colocou tos sensorias, detectores
tividade da instituição. Basta relativamente a uma inspec- outros países em estado de e medidores de tempera-
dizer que só no primeiro dia, ção àquela instituição, efec- alerta. O número de infec- tura corporal.
quarta-feira, foram registadas tuada em 2015 e que, ontem, tados com o vírus ultrapassa “As nossas equipas estão
mais de 700 chamadas, uma foi revelada pelo semanário provavelmente o milhar de d e s ta c a d a s p o r t u r n o s ,
demonstração de que as pes- português “Expresso”. casos e é muito superior ao cobrindo a zona 24 horas por
soas começam a ter a cultura “Entre as conclusões de avançado pelas autoridades dia. Estamos atentos a qual-
de denúncia. Mas é preciso uma inspecção feita pelo locais, segundo investiga- quer situação que possa advir
que haja seriedade. Que não Relatório faz revelações sobre as operações da empresária e entrar no nosso território”.
Banco de Portugal ao EuroBic, dores britânicos.
haja falsas denúncias.
há quase cinco anos, entre Ontem de manhã, o Sílvia Lutucuta garantiu
— a efectuarem “diligências imediatamente efectuadas
Abril e Julho de 2015, está a Ministério da Saúde reuniu que as equipas do Ministério
reforçadas para apurar a ori- diversas transferências entre
constatação de que o banco gem dos capitais de finan- duas contas à ordem para c o m o s p a rc e i ro s , n u m da Saúde estão preparadas
de Isabel dos Santos tinha ciamento e garantia”. os beneficiários finais, exe- encontro multissectorial que para, na eventualidade de
graves deficiências na pre- Na altura, os inspectores cutadas manualmente”, envolveu equipas técnicas, se detectar um caso, isolar
venção do branqueamento do Banco de Portugal con- refere o jornal citando o para traçar um plano de rapidamente o passageiro,
BAIXO de capitais e financiamento cluíram que alguns clientes mesmo relatório. acção, que visa a execução que deve receber os primei-
do terrorismo, com apenas politicamente expostos não de medidas assertivas de ros socorros e depois ser eva-
dois funcionários dedicados, foram identificados pela ins- Ministra das Finanças prevenção de uma eventual cuado para uma unidade de
a tempo inteiro, a controlar tituição e dão como exemplo, A ministra das Finanças, circulação do vírus no país. referência para ser submetido
operações suspeitas levadas o da “maior accionista, Isabel Vera Daves, afirmou, em Em declarações à im- ao devido tratamento.
dos Santos”. Outra das con- Davos (Suiça), que é neces-
a cabo pelos clientes”, escreve prensa, no final do encontro,
clusões da inspecção do sário “respeitar o trabalho
Polícia o Expresso. Isabel dos Santos Banco de Portugal foi que dos órgãos judiciais” nos
a ministra da Saúde disse Construção do hospital
Estacionamentos e Sindika Dokolo eram ambos não existia “qualquer super- casos de alegada corrupção que Angola tem já traçado em duas semanas
clientes do EuroBic a título visão sobre as operações rea- em Angola, lamentando que um plano de contingência a Na China, um segundo hos-
Falta de autoridade é a frase
adequada para as razões que individual e através de nume- lizadas no BIC Angola”, “ ap ena s algun s ” s ej am ser executado por vários pital será especialmente
levam garotos a extorquirem, rosas empresas. tornando-se “impossível ter mediáticos.Questionada órgãos ministeriais, para o construído “dentro de duas
diariamente, os automobilistas Na inspecção, denomi- conhecimento no EuroBic sobre se as acusações de cor- controlo e prevenção de uma s e m a n a s ” n a c i d ad e d e
que pretendem estacionar em nada AML (Anti-Money em Portugal de qual era a rupção relacionadas com os eventual epidemia no país. Wuhan, o epicentro do novo
espaços públicos, na Baixa de Laundering ou Anti Lavagem verdadeira origem das trans- “Luanda Leaks”, Vera Daves “O nosso país tem uma vírus que atinge o país, para
Luanda. É certo que o país vive de Dinheiro, em português), ferências realizadas a partir disse, em declarações à Euro- grande circulação de pessoas tratar os doentes, noticiou
um momento difícil, com o ele- de Angola”. news, que as investigações
feita pelo supervisor, foi ava- e bens vindas da China e da ontem o People's Daily.
vado índice de desemprego, No mesmo relatório, ao “estão a acontecer a vários
liado o risco associado às qual o Expresso teve acesso, Ásia, então é preciso que O novo hospital terá capa-
mas não se pode compreender níveis e lamenta que apenas
que para estacionar uma via- ”relações de negócio ou tran- está registado que “a insti- parte sejam mediáticas”. tomemos as medidas que se cidade para 1.300 camas, as
tura num lugar qualquer no sacções ocasionais com pes- tuição procede pontualmente “Acho que temos de res- impõem, recomendadas pela quais se somarão aos mil
centro da cidade, o automobi- soas politicamente expostas à execução de transferências peitar o trabalho dos órgãos Organização Mundial da Saúde leitos previstos para o primeiro
lista tenha de desembolsar al- ou titulares de outros cargos provenientes de Angola, uti- judiciais e ver os resultados (OMS)”, disse Sílvia Lutucuta. hospital para pacientes por-
gum dinheiro para dar ao miú- políticos ou públicos”, refere lizando um método alterna- disso chegar à nossa socie- Trabalham em conjunto tadores do vírus e será cons-
do que “cativa” o espaço, quan- o mesmo semanário. tivo às comuns transferências dade, com uma normalização técnicos dos Ministérios do truído em dez dias, conforme
do num país organizado estes De acordo com o mesmo directas entre ordenante e da forma como os negócios Interior, Transportes, Comér- foi anunciado na sexta-feira,
valores podiam cair nos cofres beneficiário”. são geridos, da forma como
jornal, a legislação anti-bran- cio, Comunicação Social e acrescenta o jornal estatal.
do Estado, através da instalação “A conta do BancoBIC os serviços públicos são
de parquímetros. E isto acon- queamento de capitais, em outros subsistemas de Saúde A China vai avançar com
(Angola) funciona como pri- providenciados, e a forma
tece aos olhos de agentes da vigor na União Europeia, meiro beneficiário de um do sector público. medidas nacionais para ras-
como os bens e serviços são
Polícia. Será que ninguém con- obriga as instituições finan- montante elevado (habi- entregues aos nossos cida- De acordo com a ministra, trear o novo vírus nos trans-
segue acabar com este estado ceiras envolvidas — os bancos tualmente na ordem dos dãos”, afirmou Vera Daves até ao momento a região afri- portes públicos e, a circulação
de coisas? que financiaram a operação milhões de euros), sendo à Euronews. cana não registou nehum de veículos não essenciais já
caso de coronavírus, mas está proibida em Wuhan.
CONTREIRAS PIPA | EDIÇÕES NOVEMBRO
PORTUGAL ção policial” para encontrar o nariz fracturado, hema-
o agressor ou agressores. toma nos olhos e cortes e
O relatório da ocorrência hematomas na testa.
Agredido motorista que refere que o motorista foi
agredido por desconhecidos
Cláudia Simões, de 42
anos, foi agredida pelo
denunciou Cláudia Simões depois de parar junto de um
café, onde tinha ido comprar
agente que a deteve junto à
paragem de autocarros na
O motorista do autocarro tidade da pessoa.O motorista algo para comer, na Avenida Rua Elias Garcia, na Ama-
que, no domingo, denun- tem “ferimentos com gra- 25 de Abril. dora, dentro do carro da
ciou à Polícia a passageira vidade”, resultado de uso O motorista continua Polícia que a transportou
Cláudia Simões, foi agredido, da força física, sem recurso internado no Hospital de para a esquadra da Boba,
na noite de sexta-feira, em a armas. S. Francisco Xavier, em em Casal de S. Brás, depois
Massamá, no concelho de O homem foi encami- Lisboa. O resultado da pri- de um desentendimento
Sintra, confirmou fonte da nhado para uma unidade hos- meira avaliação médica com o motorista, suposta-
PSP ao Expresso, após uma pitalar e, segundo a PSP, está indica que foi diagnosticado mente porque a filha não
hesitação inicial sobre a iden- agora a ser preparada a “reac- o maxilar inferior partido, transportava o passe.
Reforçadas medidas de prevenção no Aeroporto 4 de Fevereiro