Você está na página 1de 7

CARTA AOS DISCÍPULOS DE SRILA BHAKTIVEDANTA PURI GOSWAMI

MAHARAJ

Aqui tem alguns mantras que devemos recitar. São mantras para oferecer reverencias ao
nosso Guru, mantra para passar tilaka e os mantras para oferecer o alimento.

CONTEÚDO

GURU PRANAM 2
AO DESPERTAR 2
CANTO DA JAPA (Maha-mantra Hare Krsna) 3
TILAKA 4
OFERECER O ALIMENTO 7
GURU PRANAM

Srila Bhaktivedanta Puri Goswami Maharaj Pranati


nama om visnu padaya gaura presthaya bhutale
srmate bhaktivedanta puri maharaj iti namine

Ofereço minhas respeitosas reverências a Srila Bhaktivedanta Puri Maharaj, que é muito
querido pelo Senhor Gauranga, pois tem tomado refúgio em Seus divinos pés de lótus.
Deve-se cantar ao acordar e ao dormir, prestando reverências ainda na cama. Deve-se
também cantar ao oferecer o alimento.

AO DESPERTAR

Ao despertar, a pessoa deve oferecer reverências primeiramente ao mestre espiritual (o


mantra acima) e depois à Bhumi-devi com o seguinte mantra:

samudra-vasane devi, parvata-stana-mandite


vishnu-patni namastubhyam, pada-sparsham kshamasva me

"Ó Mãe Terra, eu ofereço minhas humildes reverências a você. Esposa do Senhor
Vishnu e  residência dos oceanos, você esta belamente decorada com montanhas. Por
favor, perdoe-me por pisar em você."
INSTRUÇÕES PARA O CANTO DA JAPA (MAHA-MANTRA HARE KRSNA)

Antes de iniciar o canto do Maha-mantra, recomenda-se lavar as mãos, a boca e os


olhos (se possível).  Então cante os seguintes mantras:

Mantra do Sri Krsna Namastakam:

nikhila-śruti-mauli-ratna-mālā-
dyuti-nīrājita-pāda-paṅkajānta
ayi mukta-kulair upāsyamānaṁ
paritas tvāṁ harināma! saṁśrayāmi

“Ó Harinama, eu me refúgio completamente em você. As unhas de Seus pés de lótus


são adoradas pelo brilho radiante que amana da jóias conhecidas como Upanisads, que
são a coroa de jóias de todos os srutis. Você também é adorado pelos sábios liberados.”

Cantar 12 vezes
śrī-kṛṣṇa-caitanya prabhu-nityānanda śrī-advaita gadādhara śrīvāsādi-gaura-bhakta-
vṛnda

Panca-tattva mantra:
pañca-tattvātmakaṁ kṛṣṇaṁ
bhakta-rūpa-svarūpakam
bhaktāvatāraṁ bhaktākhyaṁ
namāmi bhakta-śaktikam

Ofereço minhas respeitosas reverências ao Senhor Supremo, Krsna, Que não é diferente
de Suas formas, como devoto (Sri Caitanya Mahaprabhu) , encarnação devocional (Sri
Nityananda Prabhu), manifestação devocional (Sri Advaita Acarya), energia devocional
(Sri Gadadhara Pandita) e devoto puro (Srivasa Pandita).

Ao completar o canto do seu número de voltas de japa diário, os seguintes mantras


devem ser cantados:

Mantra do Sri Krsna Namastakam:


sūditāśrita-janārti-rāśaye
ramya-cid-ghana-sukha-svarūpiṇẹ
nāma! gokula-mahotsavāya te
kṛṣṇṇ̣ a! pūrṇạ -vapuṣẹ namo namaḥ̣

Ó perfeito e completo Santo Nome do Senhor Krsna, você é a corporificação do deleite


e da bem aventurança transcendental intensa, Você destrói os muitos sofrimentos
daqueles que tomam refúgio em Você, e você é um festival de felicidade para Gokula.
Eu me prostro diante de Você uma e outra vez.
TILAKA

Acamana
Depois de se banhar, deve-se sentar em uma asana (de lã), virado para o leste enquanto
o sol estiver presente, e para o norte enquanto o sol não estiver presente, com roupa
fresca e purificada. Deve-se ter a sika solta.

Primeiramente encha seu pancapatra com água, então pegue a colher com a mão direita
e despeje água na mão esquerda, pronunciando o mantra: 'om astraya pat', então
descarte, jogando a água para o lado esquerdo . Faça o mesmo processo com a mão
direita, segurando a colher com a mão esquerda. Este procedimento é para purificar as
mãos.

Faça o mesmo processo, despejando água somente na mão direita e depois jogando a
mesma água para a boca recitando os mantras:

om keshavaya namah
faça o procedimento para purificar somente a mão direita

om narayanaya namah
faça o procedimento para purificar somente a mão direita

om madhavaya namah
faça o procedimento para purificar somente a mão direita

Enrole seu cordão brahmínico no dedo médio da mão direita e toque a ponta do dedo na
água (com cuidado para não encostar a unha), e invoque as águas dos Rios Sagrados,
com o mantra:

gange ca yamune caiva godavari sarasvati


narmade sindho kaveri jale' smin sannidhim kuru

"Ó Rios Sagrados, por favor, se manifestem nesta água."

Ainda com o dedo na água, cante o mula mantra sagrado: 'klim krsnaya namah' oito
vezes sobre o pancapatra.

Com a água sagrada invocada, despeje umas gotas em sua mão esquerda, e dissolva
tilaka nela. Agora, se marca membros do corpo com diferentes mantras:

Testa                        lalate kesavam dhyayet


Umbigo                  narayanam athodare
Peito                       vaksah-sthale madhavam tu
Garganta                govindam kantha-kupake
Lado direito           visnum ca daksine kuksau
Braço direito          bahau ca madhusudanam
Ombro direito        trivikramam kandhare tu
Lado esquerdo       vamanam vama-parsvake
Braço esquerdo      sridharam vama-bahau tu
Ombro esquerdo    hrsikesam ca kandhare
Costas superior      pristhe tu padma-nabham ca
Costas inferior       katyam damodaryam nyaset

O restante de tilaka na mão deve ser passado no topo da parte de trás da cabeça, com o
mantra:
tat proksala-toyam tu vasudevaya murdhani

Depois, deve-se prender a sika com um nó ou algum acessório, recitando o seguinte


mantra:

om brahmavani sahashrani shivavani satani ca


vishnur namo sahashrani
sikha bandhanam karamyaham

Com o corpo marcado com tilaka nas doze partes, se devem purificar essas marcas.
Enrole o cordão brahmínico no dedo polegar direito e jogue uma gota de água do
Ganges na mão esquerda. Encoste o dedo anelar direito na água e depois nas respectivas
marca, voltando a tocar na água em cada marca diferente.

Testa                      om kesavaya namah


Umbigo                 om narayanaya namah
Peito                      om madhvaya namah
Garganta                om govindaya namah
Lado direito           om visnave namah
Braço direito          om madhusudanaya namah
Ombro direito        om trivrikramaya namah
Lado esquerdo       om vamanaya namah
Braço esquerdo      om sridharaya namah
Ombro esquerdo    om hrsikesaya namah
Costas superior      om padmanabhaya namah
Costas inferior       om damodaraya namah

Passe o restante da água de sua mão esquerda no topo da parte de trás da cabeça, com o
mantra:
“om vasudevaya namah”

Ainda com o cordão enrolado no dedo polegar, jogue água do Ganges em sua mão
direita, e posicioneem seu peito com a mão esquerda por baixo, cantando o mantra:

om apavrtrah pavitro va sarvavastham gato'pi va


yah smaret pundarikaksam sa bahyabhyantara-sucih
sri visnu, sri visnu, sri visnu
"Em todas as circunstâncias, puras ou impuras, se alguém medita nos olhos de lótus do
Senhor Visnu, ele estará internamente e externamente purificado"

Depois, respingue a água sobre seu corpo cantando:


om sucih, om sucih, om sucih...

Agora, cante os respectivos mantras:

om tad visnoh paramam padam


sada pasyanti surayo diviva caksur-atatam
tad vipraso vipanyavo jagrvamsah
samindhate visnor yad paramam padam

"Assim como uma pessoa com sua visão ordinária pode ver os objetos no céu aberto, da
mesma maneira as pessoas santas são capazes de perceber o planeta mais elevado do
Senhor Visnu, e assim elas são capazes de revelar essa morada espiritual”

Cantar 12 vezes:

śrī-kṛṣṇa-caitanya prabhu-nityānanda śrī-advaita gadādhara śrīvāsādi-gaura-bhakta-


vṛnda

Guru Pranam
Srla Bhaktivedanta Puri Goswami Maharaj Pranati

nama om visnu padaya gaura presthaya bhutale


srmate bhaktivedanta puri maharaj iti namine

Ofereço minhas respeitosas reverências a Srla Bhaktivedanta Puri Maharaj, que é muito
querido pelo Senhor Gauranga, pois tem tomado refúgio em Seus divinos pés de lótus.

Cantar 12 vezes:

Hare Kŗşņa Hare Kŗşņa


Kŗşņa Kŗşņa Hare Hare
Hare Rāma Hare Rāma
Rāma Rāma Hare Hare
OFERECER O ALIMENTO

No altar ou em um espaco apropriado na cozinha, coloque uma foto de Krishna e de


Gurudeva.
Faça o alimento que desejar (não pode conter carne, peixe, ovos, alho e cebola).
Enquanto estiver fazendo a preparação não prove. Pois você vai oferecer a Krishna e ao
Guru e ele tem que ser o 1º a provar de seu alimento. Na duvida não abuse do sal.
Quando estiver pronto o alimento pegue um prato e um copo que só deve ser usado para
Krishna, coloque um pouco de cada preparação e leve-o até o pequeno altar que você
montou com as fotos. Se possível coloque uma folha de Tulasi sobre o alimento e tenha
um pequeno prato/copinho reservado para os alimentos serem oferecidos nele. Recite
os seguintes mantras:

SRI GURU PRANAMA


 
om ajnana-timirandhasya jnananjana-salakaya
caksur unmilitam yena tasmai sri-gurave namah
 
Nasci na mais escura ignorância e meu mestre espiritual abriu meus olhos com a tocha
do conhecimento. A Ele ofereço minhas mais humildes e respeitosas reverências.

GURU PRANAM

nama om visnu padaya gaura presthaya bhutale


srmate bhaktivedanta puri maharaj iti namine

Ofereço minhas respeitosas reverências a Srila Bhaktivedanta Puri Maharaj, que é muito
querido pelo Senhor Gauranga, pois tem tomado refúgio em Seus divinos pés de lótus.

idam asanam (oferece uma asana ou assento para o guru)


etat padyam (lava os pés do guru)
idam arghyam (oferece água)
idam acamaniyam (lava as mãos do guru)
idam naivedyam (oferece alimentos)
idam paniyam (oferece bebidas)

Espera alguns minutos enquanto o guru come.

idam acamaniyam (lava as mãos do guru)


idam tambulam (oferece “tambula” (alimento que refrescar a boca)
idam malyam (oferece guirlanda)

Canta Maha mantra três vezes

Retira o alimento. Você já pode voltar os alimentos oferecidos as respectivas panelas e


depois de lavar o prato e copo de Krishna pode comer e distribuir esse alimento que irá
alimentar seu corpo e satisfazer sua alma.