Você está na página 1de 2

Cena musical em Canoa Quebrada: Análise da "Broadway Nordestina"

Introdução
A pluralidade de sonoridades e multiculturalismo sempre deram significado à construção
histórica e identitária à praia de Canoa Quebrada, localizada no município de Aracati, a
165km de Fortaleza, capital do Estado do Ceará. Hoje, considerada uma cidade turística
pela diversidade de festivais e eventos com datas fixas no calendário cultural, que
mobilizam o município com atraindo visitantes locais, regionais, nacionais e internacionais.
Retornando à praia de Canoa Quebrada, que além das paisagens únicas e exuberantes, ao
anoitecer o entretenimento musical e cultural fica responsável pelo principal ponto de
encontro local, a rua Dragão do Mar, conhecida popularmente como Broadway.
Considerada o principal cenário local de entretenimento noturno, a música que soa nos
bares e restaurantes se estendem aos concertos ao vivo no ar livre, são considerados
investimentos públicos e privados de suma importância para a movimentação econômica
turísticas do comércio local, como também serve de alternativa acessível de entretenimento
para o público local e turistas.
Devido a variedade de manifestações musicais encontradas dentro da Broadway
escolhemos duas diferentes manifestações: Bar Caverna e Festival Canoa Bluss - festival
anual, onde rebusca atores locais e nacionais do gênero bluss e jazz. Relacionando esses
espaços ao conceito de cenas musicais(STRAW, 1991) que diferente dos espaços
pesquisados por Stram, não estão localizados na urbe de uma metrópole e sim no interior
de uma cidade nordestina.
A noção de cenas musicais (STRAW, 1991) foi desenvolvida para o aprofundamento de
inúmeras pesquisas sobre as manifestações da música na urbe, sendo considerado um
conceito bastante flexível, logo propus uma análise individual de cada caso.
Ao estudar sobre cenas musicais, percebe-se uma certa não adequação de cenas musicais
a alguns lugares, ou seja, nem toda pesquisa em torno da música é considerada cena.
Entretanto, como identificar a presença de cenas musicais na Broadway de Canoa
Quebrada? Partindo dessa pergunta, identificamos a hipótese da existência de possíveis
cenas musicais de diferentes gêneros sonoros no território por meio de uma cartografia feita
no ambiente, para confirmar esse questionamento foi preciso levantarmos primeiramente
uma análise teórica das manifestações culturais que acontecem no local. Serão realizados
trabalhos de campo, que se fundamentaram na entrevista a indivíduos que de alguma forma
fazem parte da(s) cena(s) que está/estão localizada(s) em Canoa Quebrada, seja enquanto
espectador, produtor ou músico. Outro pesquisador, Grossberg(1994), debate também
sobre cenas musicais em suas pesquisas, em sua perspectiva a noção de cena musical
almeja justamente proporcionar uma imagem mais nítida desta relação entre o local e a
música que se produz nele. As iniciativas teóricas, nesse sentido, devem ter em mente que
o surgimento de uma cena não é o resultado de interações puramente sociais, mas,
também, a conseqüência da lógica da produção e da comercialização – ou seja, das
tentativas abrangentes das indústrias fonográficas de tornar a música mais lucrativa, ao
segmentá-la (Grossberg 1994: 46). Ao mesmo tempo, partindo da premissa sobre
"territorialidades sônicos-musicais" (HERSCHMANN
e FERNANDES, 2012) é possível destacar através de um resgate histórico da Broadway
que este lugar passou por uma reterritorialização, onde as sonoridades que surgiam nos
anos 80 surgiam em bares espalhados por esse espaço, agregando valor às sociabilidades
ali vividas e trazendo uma série de benefícios em relação ao desenvolvimento do fluxo
econômico. Essas territorialidades – mais ou menos tempo-
rárias –, pela sua regularidade, geram uma série de benefícios locais diretos e indiretos
para o território (permitindo até o incremento das atividades socioeconômicas locais).
(HERSCHMAN E FERNANDES, 2012
Para essa análise dividimos o trabalho nos seguintes capítulos: o primeiro capítulo se trata
de uma explanação das ideias sobre cenas músicas de Will Straw e a visão diferenciada de
Grossberg. Na sequência apresentamos o percurso metodológico que foi usado para
investigar a aplicação do conceito de cenas musicais ao objeto investigado dentre ela, o uso
da pesquisa cartográfica e etnografia, observação participante, pesquisa semi-estruturada e
questionário online.