Você está na página 1de 6

#receitadaMaricota

Bolo de Coura
Chocolaudo
Nesse mesmo tempo, nem todos os bolos
davam certo. Por falta experiência e
conhecimento, alguns caíam durante o
transporte do cliente, já outros não conseguia
fazer a decoração que queria. Mas meu maior
alicerce, que era Felipe, nunca desistia. Ele
sempre dizia que eu era capaz e aquilo me
ajudava a não desistir. Assim começamos a
pesquisar, e entender o porquê das coisas.
Estudamos, testamos e com o tempo as
coisas foram dando certo. Em um quarto de
apartamento, a Maricota, que antes era
“Maricota Chocolateria”, foi crescendo.
Ah! Mas espera um pouco! Acho que você está
se perguntando, de onde vem o nome

Rafaela
“Maricota”? Se meu nome não é Mariana ou
Maria, por exemplo. Maricota era o apelido da
minha sobrinha, Mariana, e quando pensei

Marinho
em colocar esse nome, é porque ela ama
doces, tanto que, muitas vezes pegava ela
comendo os brownies escondido. Era uma
farra!
Olá! Meu nome é Rafaela Marinho, mas pode Assim, comecei a conquistar e fidelizar
me chamar de Maricota tá? Calma que vou clientes, e aquilo que antes era uma aventura,
explicar. Tenho 29 anos, e sou formada em se tornou um negócio. Passamos a entender
direito. E você pode se perguntar, o que tem a que vender era muito diferente de
ver com a confeitaria? Costumo dizer que é empreender. Necessitava muito estudo e
uma pequena-longa história! dedicação. Com o tempo aquele espaço onde
produzíamos os doces e bolos começou a
Minha aventura na confeitaria começou há ficar pequeno. As encomendas foram
pouco mais de 4 anos. Havia me formado em aumentando e conseguimos através de muita
direito e vivia um período de incertezas. determinação e resiliência abrir nosso
Continuei a estudar para concursos, mas não primeiro atelier.
sabia se isso realmente era o que queria e isso
foi me desmotivando aos poucos. Após A partir disso, graças a Deus e com muito
algumas tentativas frustradas e dúvidas de esforço, foram vitórias conquistadas dia a dia.
que carreira queria seguir, em 2016 meu Nesse meio termo, conheci o Chantininho,
esposo, Felipe, chegou pra mim dizendo que que mudou minha vida. Através dele, meu
tinha me inscrito em um curso de Brownies. trabalho ficou conhecido nacionalmente e
Nesse tempo, o Brasil como um todo vivia o comecei a chamar atenção de outras
início e auge dos food trucks, e Felipe confeiteiras. Foi aí que começaram os cursos e
enxergou uma oportunidade de investir no a Maricota alcançou proporções que nunca
ramo da gastronomia. havia imaginado. Em 2018 comecei a dar
aulas e ensinar tudo que aprendi. Ser
A minha primeira impressão foi de muita professora me mostrou que ensinar não é
resistência, pois tinha medo do que as apenas exercer um papel, passar o que sabe
pessoas próximas a mim iriam achar. Pra sobre bolos, ou técnicas, mas sim aprender a
meu pai, metalúrgico, que nasceu e se criou se relacionar com as pessoas. É apontar
no interior, que sempre teve o sonho de caminhos, mas deixar que os alunos
formar as filhas, e de me ver uma “doutora”, caminhem com os próprios pés, estender as
delegada ou juíza, essa decisão era vista mãos, criar vínculos, se aproximar e
como uma decepção. compreender o outro. Aprendi que é acima
de tudo, amar o que faz.
Mesmo assim, em segredo, fui para o curso.
Chegando lá, conhecendo outras pessoas e Em 2019 tive a oportunidade de viajar todo o
outras histórias de vida, aquilo foi me Brasil e alguns países da Europa para ensinar
encantando. Sempre gostei de cozinhar, mas tudo que aprendi nesse pouco e longo tempo
nunca tinha parado pra pensar que isso de confeitaria. Atualmente temos mais de 20
poderia ser minha profissão. E foi aí, no meu cursos on-line com variadas técnicas e mais de
primeiro curso que conheci essa professora 6 mil alunas e “Maricotinhas” (Como
de confeitaria, que fez eu me apaixonar pela chamamos carinhosamente nossos alunos)
área. Comecei a fazer e a vender brownies, espalhadas por todo o mundo. Só gratidão
brigadeiros, cupcakes, até chegar nos bolos, por acompanhar de perto muitos casos de
que hoje é meu maior amor. sucesso, e inspirar pessoas a se tornarem
melhores pessoas e profissionais todos os dias.
Porém, se engana se você pensou que foi fácil
chegar até aqui. No início, eu e Felipe, que Assim, carrego essa bagagem, construída
estava recém desempregado, passamos por através de muitos erros e acertos, mas acima
muitas dificuldades. Morávamos na casa de de tudo enraizada com muita fé. E é com
parentes e sofríamos muitas pressões muito amor pelo que faço que trago um
psicológicas. Diziam que aquilo não iria dar pouco de todo o meu aprendizado para você!
certo ou que não iríamos conseguir nos
sustentar vendendo doces. Isso chegou a me Bem-vinda ao meu mundo e prepare-se para
desmotivar e até cogitar a desistir de tudo. se apaixonar!
Massa

290g de Cenoura
3 Ovos
320g Açúcar refinado
160g de Óleo de soja
200g de Farinha de trigo
8g de Fermento
1 cl. de sopa de Baunilha (opcional)

Rendimento: 1 Bolo com diâmetro


de 16cm.
Validade: 8 dias na geladeira / 20
dias congelado

Modo de Preparo:

Descasque, lave bem e corte as cenouras em pedaços ou rodelas. Coloque as cenouras, o


óleo, os ovos e açúcar no liquidificador e bata por cerca de 5 minutos. Dessa forma sua
massa irá ficar bem fofinha. Após isso, junte a farinha e o fermento a essa mistura e mexa
com o Fouet delicadamente até que a mistura se torne homogênea. Por fim, divida a
massa em duas formas já untadas e leve ao forno pré-aquecido a 180°, por 40 a 45
minutos ou até que o seu palito saia limpo.
BRIGADEIRO TRUFADO (RECHEIO)
395g de Leite condensado
200g de Creme de leite (17% ou 20% de gordura)
100g de Chocolate meio amargo (50% Cacau)

Rendimento: 3 camadas de recheio para 1 bolo de diâmetro de 16cm.

Modo de Preparo:
Adicione todos os ingredientes na panela com o fogo médio pra alto, mexendo bem
no meio e nas laterais até dar o ponto de cair em blocos (demonstrado em vídeo).
Armazene em um recipiente cobrindo com o plástico filme e deixe esfriar na
geladeira ou temperatura ambiente.
Obs.: O ideal para rechear o bolo é que esteja em temperatura ambiente.

FALSA GANACHE (COBERTURA)


395g de Leite condensado
600g de Creme de leite (17% ou 20% de gordura)
140g de Chocolate meio amargo (escutar vídeo)
1 cl. de sopa de Glucose

Rendimento: 1 Bolo com diâmetro de 18 a 20cm.

Modo de Preparo:
Adicione todos os ingredientes na panela com o fogo médio pra alto, mexendo bem
no meio e nas laterais até dar o ponto de cair em blocos (demonstrado em vídeo).
Armazene em um recipiente cobrindo com o plástico filme e deixe esfriar na
temperatura ambiente.
Obs.: O ideal é que a falsa ganache esteja bem cremosa na hora cobrir o bolo.
CALDA BRIGADEIRUDA
200g de Leite condensado
100g de Creme de leite
50g de Chocolate meio amargo (escutar vídeo)

Rendimento: 1 Bolo com diâmetro de 16cm.

Modo de Preparo:
Adicione todos os ingredientes na panela com o fogo médio pra alto, mexendo bem
no meio e nas laterais até dar o ponto demonstrado em aula. Assim que retirar do
fogo já derrame sobre o bolo com o auxílio de uma espátula.

BRIGADEIRO DE ENROLAR (DECORAÇÃO)


395g de leite condensado
1 cl. de sopa de Creme de leite (aprox. 20g)
100g de Chocolate meio amargo
1 cl. de sopa de Glucose

Rendimento: De acordo com a decoração.

Modo de Preparo:
Adicione todos os ingredientes na panela com o fogo médio pra alto, mexendo bem
no meio e nas laterais até começar a desgrudar do fundo da panela (demonstrado
em vídeo). Armazene em um recipiente cobrindo com o plástico filme e deixe esfriar
na geladeira ou temperatura ambiente. Pese os brigadeiros um a um, boleie e passe
no granulado. Decore o bolo de acordo com sua preferência.
Obs: É importante pesar os brigadeiros, para que você garanta uma linda
decoração.
Gostou desta receita? Então, quando fizer nos marque no Instagram
@maricotacakedesigner.
Aproveita e já fica por aqui no Telegram que em breve você aprenderá
muito mais com a gente.

[CLIQUE NOS ICONES PARA ACESSAR AS NOSSAS REDES SOCIAIS]

Youtube | Facebook | Instagram | TikTok:


@maricotacakedesigner

WhatsApp: (83) 9.9802-4462