Você está na página 1de 5

AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO DE FUNCIONÁRIO

NOME: JEAN MARCELO

FUNÇÃO: MOTORISTA

COMPETÊNCIAS
MARQUE UM (X)
1 2 3 4 5
LIDERANÇA:
ASSIDUIDADE:
FLEXIBILIDADE:
DISPONILIDADE:
INTEGRAÇÃO:
COLABORAÇÃO:
ORGANIZAÇÃO
ÉTICA:
PRODUTIVIDADE:
QUALIDADE:
APTIDÃO TÉCNICA:
APRESENTAÇÃO:

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO
5 MARCANTE Acima de qualquer expectativa, um exemplo a ser seguido.
4 EXCELENTE Sabe o que precisa para desempenhar o seu papel na empresa
em equipe.
3 BOM Precisa de motivação por parte da equipe para cumprir seu papel.
2 REGULAR Ainda não consegue motivar-se por conta própria.
1 RUIM Abaixo de qualquer expectativa, precisa de acompanhamento
constante;

SIM (S) NÃO (N)

( ) TEM PRODUÇÃO ELEVADA

( ) TEM BASTANTE INICIATIVA

( ) NÃO TOLERA PRESSÃO


AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO DE FUNCIONÁRIO

NOME: DINÁ FERNANDES

FUNÇÃO: SECRETÁRIA EXECUTIVA

COMPETÊNCIAS

1 2 3 4 5
LIDERANÇA:
ASSIDUIDADE:
FLEXIBILIDADE:
DISPONILIDADE:
INTEGRAÇÃO:
COLABORAÇÃO:
ORGANIZAÇÃO
ÉTICA:
PRODUTIVIDADE:
QUALIDADE:
APTIDÃO TÉCNICA:
APRESENTAÇÃO:

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO
5 MARCANTE Acima de qualquer expectativa, um exemplo a ser seguido.
4 EXCELENTE Sabe o que precisa para desempenhar o seu papel na empresa
em equipe.
3 BOM Precisa de motivação por parte da equipe para cumprir seu papel.
2 REGULAR Ainda não consegue motivar-se por conta própria.
1 RUIM Abaixo de qualquer expectativa, precisa de acompanhamento
constante;

SIM (S) NÃO (N)

( ) TEM PRODUÇÃO ELEVADA

( ) TEM BASTANTE INICIATIVA

( ) NÃO TOLERA PRESSÃO


AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO DE FUNCIONÁRIO

NOME: JUNAIA FREITAS SILVA

FUNÇÃO: GESTORA DO NACC

COMPETÊNCIAS

1 2 3 4 5
LIDERANÇA:
ASSIDUIDADE:
FLEXIBILIDADE:
DISPONILIDADE:
INTEGRAÇÃO:
COLABORAÇÃO:
ORGANIZAÇÃO
ÉTICA:
PRODUTIVIDADE:
QUALIDADE:
APTIDÃO TÉCNICA:
APRESENTAÇÃO:

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO
5 MARCANTE Acima de qualquer expectativa, um exemplo a ser seguido.
4 EXCELENTE Sabe o que precisa para desempenhar o seu papel na empresa
em equipe.
3 BOM Precisa de motivação por parte da equipe para cumprir seu papel.
2 REGULAR Ainda não consegue motivar-se por conta própria.
1 RUIM Abaixo de qualquer expectativa, precisa de acompanhamento
constante;

SIM (S) NÃO (N)

( ) TEM PRODUÇÃO ELEVADA

( ) TEM BASTANTE INICIATIVA

( ) NÃO TOLERA PRESSÃO


AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO DE FUNCIONÁRIO

NOME: SUZI

FUNÇÃO: COORDENADORA DA CASA

COMPETÊNCIAS

1 2 3 4 5
LIDERANÇA:
ASSIDUIDADE:
FLEXIBILIDADE:
DISPONILIDADE:
INTEGRAÇÃO:
COLABORAÇÃO:
ORGANIZAÇÃO
ÉTICA:
PRODUTIVIDADE:
QUALIDADE:
APTIDÃO TÉCNICA:
APRESENTAÇÃO:

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO
5 MARCANTE Acima de qualquer expectativa, um exemplo a ser seguido.
4 EXCELENTE Sabe o que precisa para desempenhar o seu papel na empresa
em equipe.
3 BOM Precisa de motivação por parte da equipe para cumprir seu papel.
2 REGULAR Ainda não consegue motivar-se por conta própria.
1 RUIM Abaixo de qualquer expectativa, precisa de acompanhamento
constante;

SIM (S) NÃO (N)

( ) TEM PRODUÇÃO ELEVADA

( ) TEM BASTANTE INICIATIVA

( ) NÃO TOLERA PRESSÃO


AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO DE FUNCIONÁRIO

NOME: AUXILIADORA

FUNÇÃO: ASSISTENTE SOCIAL

COMPETÊNCIAS
MARQUE UM (X)
1 2 3 4 5
LIDERANÇA:
ASSIDUIDADE:
FLEXIBILIDADE:
DISPONILIDADE:
INTEGRAÇÃO:
COLABORAÇÃO:
ORGANIZAÇÃO
ÉTICA:
PRODUTIVIDADE:
QUALIDADE:
APTIDÃO TÉCNICA:
APRESENTAÇÃO:

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO
5 MARCANTE Acima de qualquer expectativa, um exemplo a ser seguido.
4 EXCELENTE Sabe o que precisa para desempenhar o seu papel na empresa
em equipe.
3 BOM Precisa de motivação por parte da equipe para cumprir seu papel.
2 REGULAR Ainda não consegue motivar-se por conta própria.
1 RUIM Abaixo de qualquer expectativa, precisa de acompanhamento
constante;

SIM (S) NÃO (N)

( ) TEM PRODUÇÃO ELEVADA

( ) TEM BASTANTE INICIATIVA

( ) NÃO TOLERA PRESSÃO