Você está na página 1de 2

PROFICIÊNCIA EM FRANCÊS

PARA O INGRESSO EM UMA INSTITUIÇÃO DE ENSINO SUPERIOR


2009

Embora seja aconselhável não


TCF (Teste de Conhecimento do Francês) e TCF-DAP (TCF para a Demande
desencorajar os bons candidatos aos
d’Admission Préalable)
estudos na França devido à insuficiência • O TCF é o teste de francês do Ministério da Educação. É um teste de nível lingüístico em
de seu nível de francês, e sim avaliar com francês geral, elaborado pelo CIEP (Centro Internacional de Estudos Pedagógicos), órgão
eles os cursos que eles devem prever oficial e membro da ALTE (Associação dos Centros de Avaliação da Europa).
para ter sucesso em seu projeto de O TCF consiste em duas séries de provas:
-Três provas obrigatórias (séries de questões): compreensão oral (30 questões), estruturas
estudos, a verificação do nível lingüístico da língua (gramática e léxico, 20 questões), compreensão escrita (30 questões);
continua sendo muito importante. O pouco -Duas provas facultativas, independentes uma da outra: expressão oral e expressão escrita.
conhecimento ou a ignorância do idioma A correção dos testes é realizada pelo CIEP em Paris. Todo candidato recebe um certificado
são, na verdade, as primeiras causas de com os resultados que o posicionam em um dos seis níveis (de A1 a C2) do Cadre Européen
Commun de Référence pour les langues – CECR (patamar europeu comum de referência
reprovação, principalmente nas áreas para as línguas - veja o anexo 1).
das ciências humanas e do direito.
Para as escolas de engenharia, o nível • O TCF para a DAP (ou « TCF-DAP ») é um teste específico para a solicitação de admissão
inicial dos candidatos, embora seja um prévia (em primeiro ou segundo ano de uma universidade ou em qualquer nível em uma
escola de arquitetura). Ele consiste em duas provas de uma hora e meia: as 3 provas
elemento importante na seleção, não é o obrigatórias do TCF e uma prova específica de expressão escrita (um comentário de dados
único critério, e é até menos importante numéricos em 250 palavras e uma argumentação de 400 palavras).
do que o nível científico.
O TCF pode ser realizado em 626 centros autorizados, em 129 países, inclusive na
França. Ele está disponível em versão eletrônica em alguns países (apenas para as provas
obrigatórias). A validade dos resultados é de dois anos. Não há um número limitado de vezes
para se apresentar ao TCF e ao TCF-DAP, mas é necessário aguardar 60 dia entre uma
sessão e outra.
Atenção:
l o calendário de aplicação do TCF varia conforme o país. Para a DAP, alguns países
GENERALIDADES cGÉNÉRALITÉS organizam apenas uma sessão por ano, enquanto outros organizam mais de uma (Argélia,
Principais testes e diplomasde lingua francesa Líbano, Marrocos, Tunísia, Vietnã…). Por isso é importante que você entre em contato com o
centro autorizado a aplicar o TCF em seu país para conhecer as datas das provas, os preços
Para se inscrever no primeiro ou no segundo ano da universidade (Licence 1 e e as modalidades de inscrição.
Licence 2) ou em uma escola de arquitetura os candidatos estrangeiros (de fora da União
Européia) devem obrigatoriamente realizar o procedimento de solicitação de admissão
O TEF (Teste de Avaliação do Francês)
• O TEF, administrado pela Câmara de Comércio e de Indústria de Paris (CCIP), mede de
prévia (demande d’admission préalable - DAP). A seleção compreende, entre outras maneira precisa as competências e o nível de francês geral dos candidatos, situando-os em
exigências, a comprovação do nível de francês mediante um teste (TCF-DAP ou TEF) ou um uma escala de níveis também indexada pelo patamar europeu comum de referência.
O TEF compreende duas séries de provas:
diploma (DELF/DALF).
As provas ditas « obrigatórias », de múltipla escolha, com 150 questões (50 questões de
compreensão escrita, 60 de compreensão oral, 40 de léxico e estrutura);
As provas ditas « facultativas », em duas partes independentes: expressão escrita (2 temas a
Para se inscrever no terceiro ano (Licence 3), no Master 1 e 2 ou no Doutorado, ou
tratar, valendo 450 pontos) e expressão oral (2 temas a tratar, valendo também 450 pontos).
ainda nas Grandes Écoles, não há uma regra uniforme. Cada instituição de ensino é livre
para fixar seus critérios de admissão no que diz respeito à proficiência em francês. Você Para a DAP (ingresso no primeiro ou segundo ano da universidade ou em uma escola de
arquitetura) o TEF é reconhecido como dispensa do TCF-DAP (por decreto ministerial de
precisa se informar junto à instituição à qual você deseja se candidatar para conhecer 3 de maio de 2007), com a condição do candidato ter realizado as provas obrigatórias e
suas exigências. obtido no mínimo 315 pontos na prova de expressão escrita (que corresponde a uma nota
de 14/20 – nível B2).

O TEF é aplicado em cerca de 100 países, por uma rede de mais de 400 centros autorizados
que organizam as sessões. Desde março de 2005, ele está disponível em versão eletrônica
(« e-tef », apenas para as provas obrigatórias), que permite a obtenção imediata dos
resultados.
O certificado é válido por um ano. Os candidatos podem realizar o TEF quantas vezes
desejarem.
Os diplomas DELF (Diploma de Estudos de Língua Francesa) e DALF Atenção!
(Diploma Aprofundado de Língua Francesa) • Os candidatos provenientes dos países do Espaço Econômico Europeu (os países
• O DELF e o DALF são diplomas oficiais emitidos pelo Ministério francês da Educação da União Européia, a Islândia, a Noruega e Liechtenstein), que são dispensados do
para comprovar a proficiência em francês dos candidatos estrangeiros. Diferentemente procedimento DAP, podem apresentar uma solicitação de inscrição diretamente à
dos testes de língua, os diplomas DELF e DALF são válidos por toda a vida. universidade de sua escolha. É ela que julgará se é necessário ou não realizar uma prova
Eles são compostos por 6 diplomas independentes, que correspondem aos seis níveis de verificação lingüística.
do CECR: DELF A1, A2, B1, B2 e DALF C1 e C2. Cada diploma é constituído por provas • Os candidatos dos países multilíngües onde o francês é língua oficial (Burundi,
que avaliam as 4 competências: compreensão e expressão orais, compreensão e Camarões, Canadá, África, Comores, Djibouti, Haiti, Madagascar, Mauritânia (com exceção
expressão escritas da parte arabofone), Ruanda, Seychelles, Suíça, Tchad, Vanuatu), para serem dispensados
do TCF para a DAP, devem ter efetuado seus estudos secundários, em sua totalidade, em
;

• Para a DAP, o nível mínimo exigido é o DELF B2.


• Os titulares do DELF B2 (decreto ministerial de 18 de janeiro de 2008 publicado no uma instituição de ensino de língua francesa.
Jornal Oficial JORF n° 0030 de 5 de fevereiro de 2008 na página 2206) ou do DALF (C1 • A Argélia, o Marrocos, o Líbano e a Tunísia têm como única língua oficial o árabe. O
ou C2) são dispensados de qualquer outro teste lingüístico para o ingresso em uma francês é apenas uma língua com estatuto particular. Por isso os candidatos desses 4
universidade francesa. países devem realizar o TCF para a DAP.

NB: esses diplomas sofreram mudanças em setembro de 2005. Se você obteve o DALF SITES ÚTEIS
antes de 1º de setembro de 2005, você mantém o benefício do exame. Algumas unidades
ou combinações de unidades dos antigos DELF e DALF dão direito a uma equivalência • CIEP (Centre international d’études pédagogiques): http://www.ciep.fr
no novo sistema (veja na página http://piaf.ciep.fr/_DELF_DALF/Documents/Table%20 http://www.ciep.fr/tcfdap/
de%20correspondances.pdf). • CCIP (Chambre de Commerce et d’Industrie de Paris): http://www.fda.ccip.fr
• Procedimento DAP (dossiês blanc, vert, bleu, jaune…):
http://www.education.gouv.fr/cid2477/commencer-ses-etudes-superieures-en-france.html 
OUTROS TESTES DE PROFICIÊNCIA • Aliança Francesa: http://www.alliancefr.org
Existem outros certificados e diplomas, cuja lista não exaustiva você encontrará a •SELFEE: http://www.paris-sorbonne.fr/fr/spip.php?article1790 
seguir. Alguns são próprios à Aliança Francesa, outros são propostos pela CCIP ou pelas • ALTE (Associação dos centros de avaliação em línguas da Europa):
universidades. Você deve se certificar de que as instituições de ensino às quais http://www.alte.org
você vai se candidatar os reconhecem • Cadre européen commun de référence pour les langues do Conselho da Europa (CECR):
• Os certificados da Aliança Francesa, que está presente na França e em diversos http://www.coe.int/t/dg4/linguistic/CADRE_FR.asp (veja também o anexo 1)
países, se beneficiam da notoriedade mundial da Aliança Francesa e do reconhecimento • Repertório dos centros de francês língua estrangeira na França 2008 (publicado pelo
europeu ALTE, o que os impôs em certos sistemas escolares nacionais e no mercado de Ministério das Relações Exteriores e Européias):
trabalho: o Diplôme de Hautes Études Françaises (Diploma de Altos Estudos Franceses http://www.diplomatie.gouv.fr/repertoireFLE
- DHEF), de nível C2, é o mais conhecido; o teste Bulats se destina a um público de
adultos em situação profissional. Para testar seu nível de francês
• A CCIP (Câmara de Comércio e de Indústria de Paris) propõe exames práticos de • Exemplos de provas: TEF http://www.fda.ccip.fr/tef/epreuves;
francês profissional que avaliam as competências de comunicação escrita e oral em DELF/DALF: http://www.ciep.fr/delfdalf/sujet.php
francês aplicadas às principais áreas: TCF: http://www.ciep.fr/tcf/tcf.php
• Os certificados de francês profissional (níveis A2 e B1), porta de entrada – não • Treino para o TCF no site da Radio France International (RFI):
obrigatória – para o francês dos negócios e o francês profissional; http://www.rfi.fr/fichiers/langue_francaise/CIEP/index.asp
• Os diplomas de francês dos negócios (níveis B2 e C1) e o diploma aprofundado de • Test de Charlotte », proposto pelo CNED:
francês dos negócios (nível C2); http://www.campus-electronique.tm.fr/TestFle
• Os cinco exames de francês das profissões (níveis B1 e B2): diploma de francês • Teste do portal multilíngüe do projeto « Fit for Europe »: www.fit-for-europe.info
médico, certificado de francês jurídico, certificado de francês do turismo e da hotelaria
(opção “guia” possível), certificado de francês do secretariado, certificado de francês
científico e técnico;
• Os diplomas de universidade (DU), em número de 4, sancionando diferentes níveis,
conforme a escala do CECR: o certificado prático de língua francesa - CPLF (B1), o
diploma de estudos franceses - DEF (B2), o diploma avançado de estudos franceses -
DAEF (C1), o diploma superior de estudos franceses (DSEF). Assim, o SELFEE, serviço
dos exames de língua francesa da Universidade Paris IV, propõe esses DU, adaptados ao
ingresso nas formações de literatura e ciências humanas dessa universidade.
Atenção! Os DU são certificados da instituição, e não diplomas nacionais. É importante
verificar se a instituição na qual você deseja se inscrever os aceita.

CASOS DE DISPENSA
• Titulares do baccalauréat francês (outorgado pelo Ministério francês da Educação)
ou de um título que permite dispensa do baccalauréat, do baccalauréat europeu ou
da opção internacional do baccalauréat (OIB, que não deve ser confundido com o
baccalauréat internacional ou o baccalauréat de Genebra);
• Estudantes que cursaram as seções francesas que constam na lista publicada
conjuntamente pelos Ministérios franceses da Educação e das Relações Exteriores (ver
anexo 2);
• Candidatos participantes de um programa de intercâmbio decretado por acordo
entre os governos ou por um contrato interuniversitário, desde que este indique
explicitamente a dispensa;
• Bolsistas do governo francês, de organismos internacionais ou de governos
estrangeiros cujas bolsas sejam administradas por um organismo francês habilitado
(CNOUS ou EGIDE); Você pode encontrar a lista de todos os diplomas,
• Filhos de diplomatas em serviço na França; especialidades e estabelecimentos no site do CampusFrance.
• Estudantes de departamentos franceses das universidades britânicas
O catálogo on line do CampusFrance apresenta todos os cursos, da graduação (licence)
submetidos à obrigação de efetuar uma estadia de um ou dois semestres na França
ao Doutorado.
para obter seu diploma; campusfrance.org >as formações e a pesquisa na França
• Apátridas ou refugiados políticos, titulares da carta do Ofício francês de proteção Nível Licence a Master : um motor de busca por nível e por área para encontrar todos os
aos refugiados apátridas (OFPRA); diplomas e estabelecimentos que oferecem os cursos.
•Provenientes dos países onde o francês é língua oficial: Benin, Burkina Faso, Congo, http://www.campusfrance.org/fr/d-catalogue/
Costa do Marfim, Gabão, Guinée-Conakry, Mali, Nigéria, República Democrática do Doutorado : o anuário das escolas doutorais permite uma busca específica.
Congo, Senegal, Togo; http://www.campusfrance.org/ecoledoc/index.htm
• Em alguns casos, candidatos a formações ministradas integralmente em inglês (veja
http://www.campusfrance.org/fr/b-agence/espacedoc_infos.htm#forma_en).