Você está na página 1de 38

BEHAVIORISMO

Unidade 3 – Seção 3.1


Prof. Leandro Tavares de Oliveira
Behavior = Comportamento.
Também conhecido como comportamentalismo.
Abordagem central na Psicologia.

BEHAVIORISMO
Precursor do behaviorismo

Direciona sua investigação sobre o


comportamento animal para os seres humanos.

Buscava explicação por meio do controle


rigoroso e sistemático.

EDWARD LEE THORNDIKE(1874-1949)


Proposto por Thorndike.

Abordagem que acredita que há uma conexão


entre estímulo e resposta.

CONEXIONISMO
Thorndike propõe princípios de aprendizagem
que influenciam o behaviorismo.

1 – Lei do Efeito: a ação que leva à satisfação


tende a ser repetida, e a ação que mantém a
insatisfação tende a ser abandonada.

PRINCÍPIOS DA APRENDIZAGEM
2 – Lei do Exercício: quanto mais frequente, mais
recente e mais intensamente uma associação é
realizada, maior a chance de fixação.

PRINCÍPIOS DA APRENDIZAGEM
O behaviorismo surge como oposição ao
estruturalismo e ao funcionalismo.

Porém traz algumas heranças do funcionalismo:


 Base evolucionista
 Psicologia animal
 Homem como organismo em interação com o
meio.

BEHAVIORISMO
Reflexologista russo: médico fisiologistas
dedicados aos estudos dos reflexos.

Neurologicamente,o reflexo é uma reação do


corpo que não depende da escola do sujeito.

IVAN PETROVICH PAVLOV (1849-1936)


Reflexologista russo: médico fisiologistas
dedicados aos estudos dos reflexos.

Neurologicamente,o reflexo é uma reação do


corpo que não depende da escola do sujeito.

IVAN PETROVICH PAVLOV (1849-1936)


Apremissa básica do reflexo condicionado é
que frente a um determinado estimulo (S) há
uma resposta (R) que acontecerá.

S R
REFLEXO CONDICIONADO
Sempre que se apresenta um alimento (S) a um
cachorro, sua resposta natural é a salivação (R).

Se sempre que apresentarmos o alimento (S) e


junto com esse alimento tocarmos um sino (SN).

O EXPERIMENTO COM O CACHORRO


A consequência é que o estímulo neutro (SN)
possa fazer o mesmo papel do estímulo (S) após
serem apresentados juntos algumas vezes.

O EXPERIMENTO COM O CACHORRO


A teoria de Pavlov abriu a possibilidade de se
encontrar na Psicologia as exigências de uma
ciência clássica e mecanicista.

Permitiu uma visão reducionista do


comportamento, pois o reduzia em duas partes
(S) estímulo e (R) resposta.

PSICOLOGIA COMO CIÊNCIA


Buscava aproximar a psicologia das ciências
naturais.

Paraele deveria se chamar de “ciência do


comportamento”.

JOHN BROADUS WATSON (1878-1958)


Com essa abordagem não haveria nada que
não fosse visível na Psicologia.

Seriao fim das especulações, da introspecção e


das sensações.

JOHN BROADUS WATSON (1878-1958)


Mente, consciência e subjetividade deveriam ser
excluídos.

Issotornaria a Psicologia uma ciência:


mecanicista, materialista, determinista e objetiva.

JOHN BROADUS WATSON (1878-1958)


O homem é visto como um organismo em
interação com o meio, que responde a
estímulos.

Com isso poderia ser transportados


conhecimentos da psicologia animal à
psicologia humana.

BEHAVIORISMO METODOLÓGICO
O homem é visto como um organismo em
interação com o meio, que responde a
estímulos.

Com isso poderia ser transportados


conhecimentos da psicologia animal à
psicologia humana.

BEHAVIORISMO METODOLÓGICO
O conhecimento é visto de forma totalmente
empírica, nada é transmitido geneticamente,
tudo se insere a partir da experiência.

Não há herança da inteligência, habilidade ou


instinto.

BEHAVIORISMO METODOLÓGICO
Na educação deixou propostas extremamente
rígidas.

Criou um sistema regulador que recompensa o


comportamento esperado de forma objetiva e
sem “sentimentalismo”.

BEHAVIORISMO METODOLÓGICO
Apresentava um sistema para a educação dos
filhos.

Orientavaum método de controle dos filhos


pautado em pouco afeto, privação e reforço
somente em comportamentos desejados.

LIVRO “OS CUIDADOS PSICOLÓGICOS COM A CRIANÇA”.


Sofreu muitas críticas principalmente em relação
a falta de sensibilidade em relação aos pais e
cuidadores das crianças.

Watson arrependeu-se da publicação e se


pronunciou publicamente em relação a isso.

LIVRO “OS CUIDADOS PSICOLÓGICOS COM A CRIANÇA”.


No final de sua carreira abandona a Psicologia e
passa a atuar no mundo da publicidade.

Estuda o comportamento do consumidor e


estratégias para as empresas divulgarem melhor
os seus produtos.

JOHN BROADUS WATSON (1878-1958)


Psicólogo mais conhecido do movimento
intitulado de “behaviorismo radical”.

Tinhacomo objetivo desenvolver e aprimorar o


behaviorismo metodológico proposto por
Watson.

BURRHUS FREDERIC SKINNER (1904 – 1990)


Pretendia resgatar as raízes do behaviorismo.

Compreende os fenômenos introspectivos como


comportamento (diferente do metodológico).
Sejam eles pensamentos ou emoções.

BEHAVIORISMO RADICAL
Considera aspectos subjetivos como
possibilidades coerentes de resposta ao meio.

Ênfase atribuída às contingências e ao meio


supera as possibilidades de escolha ou livre
arbítrio.

BEHAVIORISMO RADICAL
Propõe o estudo e a manipulação do
comportamento de um organismo que opera no
ambiente.

Ocorre uma associação entre o comportamento


e suas consequências.

CONDICIONAMENTO OPERANTE
Naexploração do meio o sujeito se condiciona e
aprende com as consequências produzidas pelo
meio.

O comportamento é controlado pelas


consequências.

CONDICIONAMENTO OPERANTE
Reforço positivo
Reforço negativo
Punição positiva
Punição negativa

CONDICIONAMENTO OPERANTE
O reforço positivo é uma forma de aumentar o
comportamento.

Acrescenta algo prazeroso ou que satisfaça uma


necessidade.

REFORÇO POSITIVO
O reforço negativo é uma forma de aumentar o
comportamento.

Retira algo desagradável.

REFORÇO NEGATIVO
A punição positiva é uma forma de diminuir o
comportamento.

Acrescenta algo aversivo.

PUNIÇÃO POSITIVA
A punição negativa é uma forma de diminuir o
comportamento.

Retira algo prazeroso ou que satisfaça uma


necessidade.

PUNIÇÃO NEGATIVA
Skinner defende o uso de reforçamento na

educação

A recompensa proporciona uma influência mais


forte que a punição na aprendizagem.

APRENDIZAGEM POR REFORÇAMENTO POSITIVO


Skinner defende o uso de reforçamento na

educação

A recompensa proporciona uma influência mais


forte que a punição na aprendizagem.

APRENDIZAGEM POR REFORÇAMENTO POSITIVO


 O organismo é ativo (operante).
O organismo recebe reforço.
O conteúdo é apresentado do simples para o
complexo.
As diferenças individuais são consideradas.

QUATRO PRINCÍPIOS DA INSTRUÇÃO PROGRAMADA


Método que leva a pessoa a determinado
comportamento por meio de reforços positivos.

O reforço é dado em ações simples e de forma


gradativa até que chegue no comportamento
complexo desejado.

MODELAGEM
Busca fazer com que o organismo se acostume
com uma situação inicialmente aversiva.

DESSENSIBILIZAÇÃO SISTEMÁTICA