Você está na página 1de 1

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Eu, Adalmir Filho Pereira, venho a público esclarecer que, diante de um vídeo de cunho pessoal
ter sido divulgado sem minha autorização, expus minha opinião como cidadão num grupo
particular de rede social, sem nenhum caráter político, apenas demonstrando minha indignação
pela solução de continuidade na barreira sanitária estruturada na entrada do município de
Fronteiras – PI, no que se refere ao combate ao Coronavírus e, com isso, exacerbei meu direito
de reclamação perante amigos.

O fato é que, ao chegar de viagem para pegar informações sobre os procedimentos de


quarentena, não encontrei agentes de vigilância que me orientassem naquele momento.
Entendo que os profissionais estão trabalhando arduamente, mas todo o esforço será em vão
se houver uma brecha durante a vigilância, sendo necessário um rodízio desses profissionais
durante os horários para não ocorrer o fato que denunciei. Além disso, o revezamento evitaria
também a exaustão desses profissionais.

Peço consideração quanto ao incômodo causado à Polícia Militar, na pessoa do Comandante da


4ª Cia de Polícia, Gilson Xavier, quanto ao comentário feito no vídeo, posto que o mesmo não
foi direcionado à esta instituição de segurança e sim à gestão e aos serviços de saúde prestados
no município. Em razão disso, exerço a retratação pública devido à repercussão negativa que
ocorreu junto à Polícia Militar. Dessa forma, deixo aqui minhas sinceras desculpas ao
Comandante Gilson Xavier e sua equipe, uma vez que não foi minha intenção ofender o trabalho
desempenhado pelos policiais durante a pandemia.

Fronteiras, 18 de maio de 2020.

Atenciosamente,

Adalmir Filho Pereira