Você está na página 1de 18

1

ATIVIDADE PRÁTICA MANUFATURA ENXUTA – GPI

1. Realizar as seguintes atividades preliminares:


a) Baixar a versão 2019 do software FlexSim no link
https://1drv.ms/u/s!Ap_7ebvIMJwGhMNgCUGG9l5c_22Q3A?e=L9mH0E , pois a versão 2020
do site da FlexSim exige Windows acima do 8.1 atualizado.
b) Instalar o software em seu computador de acordo com as orientações no vídeo P02 na Aula 11
- Trabalho de Manufatura Enxuta;

ATENÇÃO: CASO JÁ TENHA O FLEXSIM INSTALADO E FUNCIONANDO EM SEU


COMPUTADOR PODE UTILIZAR POIS ESTA SIMULAÇÃO RODA EM TODAS AS
VERSÕES ANTERIORES A 2020
c) Assistir ao vídeo com a Simulação Completa na Aula 11 – Atividade Prática de Manufatura
Enxuta

2. Apresentação da Simulação:
Em uma manufatura duas peças A e B são produzidas e chegam a cada 5 e 10 minutos
com distribuição exponencial, respectivamente, na mesma fila. Um atributo “tipo” diferencia
as peças.

A peça A vai para o torno e seu tempo de processamento dura uma normal (5,1) minutos.
O disco B passa pela serra e seu tempo de processamento dura uma distribuição uniforme
(6,2) minutos. As 2 peças passam pela fila de inspeção e 1/5 destas são inspecionadas
com um tempo normal (7,2) minutos e as demais são despachadas diretamente. Após a
inspeção, 30 % das peças voltam para a fila inicial.

N (7, 2)
2

3. Etapa inicial: ATENÇÃO - Definir as unidades do modelo antes de começar a


simulação
 Tempo, distância e unidade de fluídos (se necessário) – São as unidades para
Chegada/Processamento.
 Deixe em metros e minutos as unidades de distância e tempo.

4. Passo 1:
 Arrastar os objetos para a superfície de simulação e posicioná-los conforme layout abaixo:

Selecione e posicione 3 “Straight Conveyor” conforme a figura acima


Passo 1.1: Utilizando o Conveyor Module
3

 Pronto, assim suas esteiras já estão prontas para rodar no modelo.

ATENÇÃO: VERIFIQUE SE O SENTIDO DAS ESREIRAS ESTÃO DA INSPEÇÃO PARA


A FILA PRINCIPAL.
 Caso estejam invertidas, basta selecionar a esteira e no quadro a direita da tela acionar a
tecla Reverse Direction

Passo 1.2: Criação de objetos (3 opções)


 Objetos podem ser criados ao entrar no modo Create Objects, ou arrastando e soltando
diretamente da biblioteca:
o 1ª. Entre no modo Create Objects clicando e soltando o mouse sobre um objeto na
janela de bibliotecas.

o 2ª. Entre no modo de criação de objetos clicando no botão localizado na


barra de ferramentas principal. Então, clique no objeto que você deseja criar e que
se encontra na biblioteca. Clique novamente em model view (onde monta-se o
modelo) e escolha o local onde você quer que o objeto seja criado.
o 3ª. Clique e mantenha o botão esquerdo do mouse pressionado sobre um objeto em
Library, então arraste-o para a posição que você quer colocar na superfície de
simulação e solte o botão do mouse.
4

5. Passo 2:
 Nomear os objetos conforme abaixo

Passo 2.1: Nomeando objetos


 Conforme os objetos são criados, são dados nomes padrão para cada um como Source#,
onde # é a numeração de cada objeto criado desde que o FlexSim foi aberto.
 Existem dois métodos para renomear um objeto:
o 1º - Clique sobre um objeto na sua forma 3D para mostrar as propriedades de um
objeto na janela de propriedades do lado direto da tela (conhecida como Quick
Properties Window). Então edite o nome da parte superior da janela de propriedades.

o 2º - Para nomear um objeto, clique duas vezes sobre o objeto para abrir a tela de
propriedades. Então edite seus nomes na parte superior da janela e clique em Apply
ou OK.
5

Passo 2.2: Editando objetos


 Movimentando Objetos - Para mover um objeto em torno do modelo, clique nele com o botão
esquerdo do mouse e arraste para a posição desejada. Você também pode mover o objeto
para cima e para baixo na direção Z usando a roda do mouse ou segurando ambos os botões
esquerdos e direito do mouse no objeto e arraste o mouse para frente e para trás.
 Dimensionamento e rotação - Para editar o tamanho e rotacionar o objeto, selecione a opção
do menu principal em Edit > Resize and Rotate Objects.
 Quando você clicar no objeto, você deve ver três setas coloridas ao longo de cada eixo do
objeto. Para redimensionar o objeto clique no eixo que deseja redimensionar, e arraste o
mouse para cima ou para baixo. Para editar a rotação do objeto, clique na seta
correspondente ao eixo que deseja girar ao redor, e arraste o mouse para frente ou para
trás. Você pode querer aumentar ou diminuir um objeto em 5% mantendo a tecla Ctrl
pressionada e segurando as teclas K ou L.

6. Passo 3: Conectar os objetos


Passo 3.1: Como conectar objetos?
 Portas são criadas e conectadas de uma das duas maneiras possíveis:

1ª. Ao clicar em um objeto e arrastando em direção a outro objeto, mantendo pressionada


diferentes letras do teclado. Se a letra “A” é pressionada enquanto clicar e arrastar, uma
porta de saída será criada no primeiro objeto e uma porta de entrada
será criada no segundo objeto. Estas duas novas portas serão, então, conectadas
automaticamente. Mantendo pressionada a letra “S” vai criar uma porta central, em ambos
os objetos e ligar as duas novas portas. As ligações são quebradas e portas eliminadas,
mantendo-se o “Q” selecionado para as portas de entrada e saída e a tecla “W” para as
portas centrais. A tabela a seguir mostra as letras de teclado usadas para fazer e quebrar
os dois tipos de ligações de portas.
6

2ª. Ao entrar no modo de conexão mantendo a tecla “A” pressionada


. Uma vez no modo de conexão, há várias maneiras de fazer uma conexão entre dois
objetos. Você também pode clicar em um objeto, em seguida, clique em outro objeto, ou
você pode arrastar de um objeto para o próximo como no primeiro método. De qualquer
forma, tenha em mente que a direção do fluxo de uma conexão é dependente da ordem em
que você faz a conexão. Fluxo vai desde o primeiro objeto para o segundo objeto.
Aliás, as ligações podem ser quebradas, mantendo a tecla Q pressionada e em seguida,
clicar ou arrastar de um objeto para outro, da mesma maneira como quando realizando
conexão entre eles. Conexões de portas centrais podem ser realizadas mantendo o botão
S do teclado pressionado e em seguida, clicar ou arrastar de um objeto para outro. Para
desfazer a conexão da porta central, basta manter o teclado em W pressionado e desfazer
a conexão de acordo com o sentido que se deve ser desfeito.

Neste exercício, todas as conexões são feitas com a letra “A”, com exceção do operador,
que é conectado utilizando-se a letra “S”.
Passo 3.2: Conecte-os conforme a imagem abaixo:
a) Primeiro conecte segurando a tecla “a” do teclado, a fila de inspeção na inspeção, a
inspeção na saída, finalmente a inspeção na entrada da esteira e a saída da esteira na fila
principal;
b) Depois conecte a inspeção no operador (segurando a tecla “s” do teclado).
7

c) Complete as demais ligações segurando a tecla “a” do teclado.

7. Passo 4: Input dos dados


Passo 4.1a: Chegada das peças A – FlexSim Versão 2019-1
 Dê um duplo clique no Source (Chegada de Peças A) para fazer o input dos dados conforme
abaixo:

Tipo de Chegada
intervalo entre chegadas

Selecionar na picklist
distribuição estatística

Peças do tipo A chegam a cada 5


minutos exponencialmente
8

Acionar a Aba trigger

Acionar “+” e a
opção On creation

Set Item Type


Digitar 1 em value

As peças que forem criadas na chegada de


peças A serão definidas como itemtype = 1

Passo 4.2a : Chegada das peças B – FlexSim Versão 2019-1


 Dê um duplo clique no Source (Chegada de Peças B) para fazer o input dos dados conforme
abaixo.

Clique para acionar uma


distribuição exponencial
Peças do tipo B chegam a cada 10
minutos de acordo com sua distribuição
exponencial
9

Acionar a Aba trigger

Acionar
“+” e a
As peças que forem criadas na
opção On chegada de peças B serão definidas
creation
como itemtype = 2

Set Item Type


Digitar 2 em value

Passo 4.1b: Chegada das peças A – FlexSim Versão 2019-2 e 2020


 Dê um duplo clique no Source (Chegada de Peças A) para fazer o input dos dados conforme
abaixo:

Tipo de Chegada
intervalo entre chegadas

Selecionar na picklist
distribuição estatística

Peças do tipo A chegam a cada 5


minutos exponencialmente
10

Acionar “+” e a
opção On creation

Acionar a Aba trigger

Set Label
Digitar 1 em value

As peças que forem criadas na chegada de


peças A serão definidas como itemtype = 1

Passo 4.2b: Chegada das peças B – FlexSim Versão 2019-1 e 2020


 Dê um duplo clique no Source (Chegada de Peças B) para fazer o input dos dados conforme
abaixo.

Clique para acionar uma


distribuição exponencial
Peças do tipo B chegam a cada 10
minutos de acordo com sua distribuição
exponencial
11

As peças que forem criadas na


chegada de peças B serão definidas
como itemtype = 2

Passo 4.3: Fila inicial


 A peça A (Type=1) vai para o torno e a peça B (Type=2) vai para a serra. Dê um duplo clique
na Fila Inicial (fila antes do torno e da serra) e acesse a aba “Flow” conforme figura abaixo.
12

 A peça A (Type=1) vai para o torno (porta de saída da fila inicial de número 1) e a peça B
(Type=2) vai para a serra (porta de saída da fila inicial de número 2).

Case function = item.type ou


seja pegue o tipo dos itens e Clique no + para adicionar casos

dependendo do tipo (case)


Caso o item.Type = 1 enviar item para
mande para uma porta
a porta 1
específica
Caso o item.Type = 2 enviar item para
a porta 2

 Como eu sei que a porta de saída de número 1 da Fila Inicial está conectada no Torno e a
porta de saída de número 2 da Fila Inicial está conectada na Serra? Duplo clique na Fila
Inicial e abra a guia “General”, conforme abaixo.

Acesse General

Veja em Ports e selecione “Output


Ports” ou porta de saída, conforme
marcado ao lado
Veja que na porta nº 1 está
conectado o Torno e na porta nº 2
está conectada a serra

Passo 4.4: Torno e Serra


 Dê um duplo clique sobre o Torno e acesse a guia “Processor” conforme abaixo. Selecione
a distribuição conforme o enunciado e repita o mesmo procedimento para a Serra
selecionando a distribuição uniforme (7,2) para o tempo de processamento da Serra.
13

Acesse o guia “Processor”

Clique a seta em preto e depois selecione


a opção “Statistical Distribuion. Selecione
a distribuição normal e digite 5 para a
média e 1 para o desvio padrão.

Acesse o guia “Processor”

Clique a seta em preto e depois


selecione a opção “Statistical
Distribuion. Selecione a distribuição
uniforme e digite 2 para mínimo e 6
para máximo.
14

Passo 4.5: Fila de inspeção

ATENÇÃO: VERIFIQUE SE AS PORTAS DE SAÍDA DA FILA DE INSPEÇÃO ESTÃO


CONECTADAS CORRETAMENTE
 Como eu sei que a porta de saída de número 1 da Fila de Inspeção está conectada na
entrada da Máquina de Inspeção e a porta de saída de número 2 da Fila de Inspeção está
conectada na Saída da Fábrica? Dê um duplo clique na Fila Inicial e abra a guia “General”,
conforme abaixo:

 As 2 peças passam pela fila de inspeção e 1/5 destas são inspecionadas e 4/5 não são
inspecionadas, sendo diretamente despachadas, ou seja, enviada diretamente para o Sink
que é a Saída do modelo). Dê um duplo clique na fila de inspeção para abrir as propriedades
e definir este fluxo na guia “Flow”.
15

Acesse o guia “Flow”


Em Randon selecione “By Percentage”

Clique no + em verde para acrescentar mais um item


de percentual

1/5 das peças são inspecionadas e, portanto,


enviadas para inspeção, que está conectada na
porta de saída nº 1 da Fila de Inspeção
4/5 das peças são despachadas e, portanto,
enviadas para a saída que está conectada na porta
de saída nº 2 da Fila de Inspeção. A soma dos
percentuais deve ser 100% (1/5 + 4/5)

8. Passo 5: Itens adicionais do modelo


Passo 5.1: Colocar um operador para processar a inspeção
 Coloque um operador próximo ao equipamento de inspeção e nomeie-o como Operador
para Inspeção. Conecte o operador ao equipamento usando a tecla “S” e dê um duplo clique
no equipamento de inspeção. Acesse a guia “Processor”.

Acione a guia “Processor”

Normal(7, 2, 0)

Tempo de inspeção = normal (7,2)

Selecione a opção Use “Operator for


Process”. O operador que será
utilizado será o conectado na porta
central 1 do objeto
16

Passo 5.2: Configurar as peças por tipo e cor das entidades


 Duplo clique no Source “Chegada das peças A” e entre na guia “Triggers”. Vá em
“OnCreation” (Criação das entidades), no + (em verde), clique em Visual e selecione a opção
“Set Object Color” (Definir a cor do objeto).
 Veja na tela abaixo, como foi definido a cor vermelha para as peças A. Faça o mesmo para
as peças B e defina como a cor azul.
 Atenção: Siga o exemplo abaixo conforme a versão do FlexSim que você está
utilizando em seu computador

Versão 2019 – 1 Versão 2019-2 e 2020

O objeto a ser colorido é o item (no FlexSim item =


flowitem = entidade

Em “Color” clique na seta e selecione a opção “Red”


17

 Depois repita o processo para Entrada das peças B e selecione a cor azul (Blue).

Passo 5.3: Configurar o % de peças que retornam a fila inicial após passar pela inspeção
Acesse a guia “Flow” do equipamento de inspeção. No campo “Send To Port”, selecione
“Random” e depois “By Percentage” conforme imagem abaixo.
18

9. Passo 6: Definição do tempo de simulação


Clique na seta em preto localizado na barra principal entre “Run Time” e “Run Speed” para
aparecer a Tela abaixo. Selecione a opção “Stop Time” e digite 2.400 minutos (40 horas)
de simulação.

10. Passo 7: Resultados


Na Tela “Quick Properties” selecione a opção “Show Names and Stats” e veja o número em
baixo de cada elemento, para responder ás questões da atividade prática.

PARABÉNS, VOCÊ FINALIZOU ESTA SIMULAÇÃO.

ATIVIDADE PRÁTICA NO AVA:


1. Entrar no ícone “Avaliações” no AVA e acionar o link da “Atividade Prática”.
2. Responder às perguntas objetivas da atividade com base na simulação de 40
horas (2400 minutos) de produção da fábrica.
3. Na pergunta discursiva, postar como anexo uma foto sua realizando a
simulação e o arquivo no formato “.fsm” com a simulação realizada para a
verificação da procedência através das propriedades do arquivo e a geração de
evidências de realização da atividade pelo aluno.

ATENÇÃO: Para seu curso não é necessária a elaboração de relatório


da atividade