Você está na página 1de 21

Escola:_______________________________________________________

DESAFIO: Qual dos três percursos abaixo totaliza 100 pontos?

Carta para as famílias

Aluno(a):______________________________________________

Professor(a):___________________________ Turma: ________


______/____/_______

Querido(a) aluno(a) e família:


Neste momento de tantas dúvidas, é importante estarmos unidos para continuar enfrentando
a pandemia do Covid-19. Pensando nisso, enviamos mais algumas atividades, para tentar, de
alguma forma, proporcionar momentos de aprendizagem de conteúdos escolares em casa.
Esperamos que as atividades anteriores tenham auxiliado na retomada de parte dos estudos que
estávamos trabalhando na Escola.

Para a realização destas atividades, relembramos sobre a importância da escolha de um lugar


sem barulhos e bem iluminado; da organização dos materiais para antes e após os estudos, assim
como da necessidade de uma rotina de horários para as atividades, auxiliando a criança em suas
dúvidas para que esta possa desenvolver os estudos com autonomia.

Dicas de outras atividades para fazer com as crianças em casa:

• conversar sobre a importância de aprender;


• conversar com a família sobre o dia-a-dia;
• ler ou ouvir histórias diariamente;
• escrever fichas de leitura falando sobre as histórias ouvidas e lidas (escrever o título, o autor,
o que mais gostou na história, fazer um desenho);
• montar teatros de fantoches com materiais recicláveis (meias velhas, caixinhas de papelão...)
• explorar diversos textos (músicas, mapas, notícias, manuais, histórias de livros, receitas,
bulas de remédio, rótulos, livros escolares antigos...);
• escrever e estudar a tabuada do 0 ao 10, podendo um adulto perguntar as multiplicações
para que a criança fale as respostas;
• ajudar a família na organização das contas domésticas;
• ajudar a família nas listas de compras;
• recortar e classificar figuras de panfletos em geral;
• fazer uso de jogos educativos (jogos da memória, quebra-cabeças; desafios matemáticos...);
• escrever histórias a partir de imagens recortadas de livros didáticos antigos.

Pedimos que sigam acompanhando os canais oficiais de


comunicação da escola para se manterem informados!

Abraços, professor(a)

1
______/____/_______

É hora de realizar a leitura e fazer atividades a partir de dois textos que são cheios de
mistério!!! Textos como estes nos fazem sentir medo e curiosidade a respeito do que pode
acontecer...

TEXTO 1
O médico fantasma

Tudo começou numa noite de lua cheia de um sábado de verão.


Dois garotos conversavam sentados na varanda da casa de um deles.
— Você acredita em fantasma? - perguntou o mais novo.
— Eu não! - disse o outro.
— Acredita sim! - insistiu o mais novo.
— Pode apostar que não - replicou o outro.
— Tudo bem. Aposto minha bola de futebol que você não tem coragem de entrar no cemitério
à noite.
— Ah, é? - disse o garoto que fora desafiado. Pois então vamos já para o cemitério, que eu
vou provar minha coragem.
Assim, os dois garotos foram até a rua do cemitério. O portão estava fechado. O silêncio era
profundo. Estava tão escuro... Eles começaram a sentir medo.
Para ganhar a aposta, era preciso atravessar a rua e bater a mão no portão do cemitério. O
garoto que tinha topado o desafio correu. Parou na frente do portão e começou a fazer careta para
o amigo. Depois se encostou ao portão e tentou bater a mão nele. Foi quando percebeu que ela
estava presa.
— Socorro! Alguém me ajude! — ele gritou, desmaiando em seguida.
Nisso apareceu um velhinho vindo do fundo do cemitério, abriu o portão e chamou o outro
menino.
— Seu amigo prendeu a manga da camisa no portão e desmaiou de medo.
Coitadinho, pensou que algum fantasma o estivesse segurando.
O garoto reparou que o velhinho era muito magro, quase transparente.
— Obrigado. Como é que o senhor se chama?
— Eu sou o médico daqui. Vou acordar seu amigo.
O velhinho passou a mão na cabeça do menino desmaiado e ele
despertou na mesma hora.
— Vão pra casa, meninos - ele disse. Já passou da hora de dormir.
No dia seguinte, os meninos foram procurar o velhinho para
agradecer a ajuda. Mas não o encontraram, nem no cemitério, nem em
lugar algum. E foi nesse dia que os dois perderam o medo de fantasma...

Heloísa Prieto. “Lá vem história outra vez: contos do folclore mundial”.
São Paulo. Cia das letrinhas, 1997 (texto adaptado para fins didáticos).

Sobre o texto, responda às atividades a seguir:


01. O conto “ O médico fantasma é um texto narrativo. Quais são os personagens dessa história?

_______________________________________________________________________________

2
______/____/_______

02. No início da história, onde estavam os personagens?

_______________________________________________________________________________

03. Para qual lugar os dois meninos da história decidem ir? Por quê?

_______________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________

04. No texto, há dois momentos de muita tensão: a aposta e a ida ao cemitério. Sobre eles, responda
às perguntas abaixo:

a. O que era necessário para ganhar a aposta?


( ) Atravessar a rua e bater a mão no portão do cemitério.
( ) Atravessar a rua e entrar no cemitério.
( ) Atravessar a rua e chamar pelos fantasmas pelo portão do cemitério.
( ) Atravessar a rua e abrir o portão do cemitério.

b. Depois de se encostar no portão, o que aconteceu ao garoto?


( ) Sua mão ficou presa no portão, mas ele conseguiu se soltar rapidamente.
( ) Sua mão ficou presa, ele gritou e desmaiou em seguida.
( ) Sua mão ficou presa, ele ficou mudo e desmaiou em seguida.
( ) Sua mão ficou presa e ele esperou calmamente seu amigo ajudá-lo.

05. Como toda narrativa, o conto “O médico fantasma” apresenta partes. A sequência destas partes
forma o que chamamos de enredo. Veja:

Clímax:
Complicação Desfecho ou
Situação inicial momento de
ou desequilíbrio final
maior tensão

Com base nas partes do enredo de uma narrativa, marque um X na alternativa que melhor se
refere ao conto que você leu:

a. Situação inicial
 Dois meninos chegam num cemitério.
 Dois meninos se aproximam de uma casa.
 Dois meninos conversam numa varanda.
b. Complicação
 Os meninos decidem voltar ao cemitério no dia seguinte para encontrar o velhinho.
 Os meninos conversam sobre acreditarem em fantasmas, duvidando um do outro.
 Os meninos foram até a porta do cemitério e um começa a fazer caretas para o outro.

3
______/____/_______

c. Clímax: momento de maior tensão


 Um dos meninos prende a mão no portão e desmaia em seguida.
 Os meninos conversam na varanda da casa de um deles.
 O portão do cemitério estava fechado.

d. Desfecho
 Os dois meninos decidem fazer uma aposta para ver quem não tem medo de fantasma.
 Os dois meninos decidem voltar ao cemitério para agradecer ao velhinho, mas não o encontram.
 Dois meninos conversam sobre fantasmas sentados na varanda da casa de um deles.

06. “O médico fantasma” é uma história sobre medo, um “Conto de assombração”. Descreva o
momento mais “assustador” da história.

_______________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________

07. Você ficou com medo? Por quê?

_______________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________

08. Como os meninos perceberam que o velhinho era um fantasma?

_______________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________

09. Será que a história poderia ter um final diferente?? Solte a sua imaginação e crie um novo
parágrafo para terminar a história!!!

_______________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________

4
______/____/_______

Ampliando os conhecimentos

Vamos relembrar o que é um adjetivo!


* Adjetivo é a palavra que dá uma qualidade, estado ou modo de ser a um substantivo.
Exemplo: O futebol é legal. futebol = substantivo legal = adjetivo
Nessa frase, legal é um adjetivo que atribuiu uma qualidade ao substantivo futebol.

09. Agora, pense e escreva dois adjetivos para cada substantivo abaixo:
a. fantasma:_____________________/__________________________
b. velhinho: _____________________/__________________________
c. meninos:_____________________/__________________________

10. As palavras PRESA / DESAFIO / DESAFIADO encontradas no texto “O médico fantasma”


possuem em comum a presença do S entre vogais, que apresenta o mesmo som da letra Z.

• Agora, para não errar na escrita do S e do Z e ficar “sabichão” nos cálculos mentais, preste
atenção no desafio a seguir:

DESAFIO: ORTOGRAFIA + MATEMÁTICA


Resolva mentalmente as operações matemáticas abaixo e complete as palavras com as letras
“S” ou “Z” de acordo com a seguinte regra:

Resultado maior ou igual a 30 >>>> completar com “S”


Resultado menor que 30 >>>> completar com “Z”

Veja o exemplo: (4 x 2 + 4) = 12 a Z edo

(6 x 7 + 0) = ....... cami___a
(4 x 4 + 9) = ....... lu___
(5 x 4 + 3) = ....... ami___ade
(7 x 9 - 20) = ....... atrá___
(5 x 8 - 20) = ....... ___ebra
(7 x 5 - 3) = ....... me___a
(8 x 8 - 40) = ....... produ___ir
(6 x 9 - 3) = ....... maravilho___o
(2 x 2 +12) = ....... fa___enda
(5 x 5 + 5) = ....... depoi___

5
______/____/_______

TEXTO 2
O fantasma
A televisão não tinha chegado até a fazenda porque lá não havia energia.
À noite, as mulheres se distraíam ouvindo rádio de pilha enquanto costuravam.
Os homens gostavam de se reunir para conversar. O ponto escolhido foi o terreiro de café
que ficava entre a casa do administrador e a casa de “Dona” Alzira: portanto, à distância de um grito.
Nessa noite, falavam de fantasmas. Cada um tinha uma história que ouviram para contar ou
uma experiência pessoal que infelizmente (ou felizmente?) não provava nada.
— Eu me lembro de um caso interessante! - disse Vicentino.
Os ouvintes mais se aproximaram dele. Por que será que gostamos de ficar bem juntinhos
quando ouvimos histórias de fantasmas? Para melhor ouvir? Ou porque nos sentimos mais seguros
estando bem perto uns dos outros? Vicentino continuou:
— Eu morava num sobrado na cidade e todas as noites acordava com um barulho de
correntes que se arrastavam. Nada de gemidos ou gritos, nem uma palavra. Só aquela corrente que
se arrastava para cá e para lá. Um mistério! Era tão impressionante que eu acordava e não conseguia
mais dormir. Depois de uma semana assim, eu sempre esperando e procurando criar coragem,
pensei comigo: “tenho que dar um jeito nesse danado”.
— Arranjei um pedaço de pau, nem sei o porquê, pois sabia que com fantasma não adianta
usar um pedaço de pau. Assim que o barulho começou, subi devagarinho. Quando eu andava, o
barulho cessava. Quando eu parava, ouvia a corrente se arrastando. "Ele" devia estar bem perto
porque percebia que ia chegando gente.
— Abri num arranco a porta, entrei depressa e dei um grito para ver se o fantasma se
assustava comigo. Sabem que deu certo? Ouvi uma voz rouca e assustadora: “roc, rooc, roooc,” se
não tivesse tão apavorado teria rido pra valer.
— Bem no meio do quarto, todo arrepiado e trêmulo, estava ... um papagaio! O bichinho
escapava do poleiro todas as noites e "assombrava" a gente passeando de um lado para outro com
uma perninha presa na corrente.
Os meninos riram aliviados. Esse era o divertido fantasma.
Maria Teresa Guimarães Noronha. Texto adaptado.

Sobre o texto, responda:

01. Qual é o fantasma da história?


(A) Um menino. (B) O Vicentino. (C) As mulheres. (D) Um papagaio.

02. Onde estavam as pessoas que ouviam a história?


(A) Em uma casa. (B) Em um terreiro. (C) Na cidade. (D) Em um sobrado.

6
______/____/_______

03. Onde aconteceu o caso do fantasma?


(A) Em um sobrado na cidade.
(B) Em um terreiro na fazenda.
(C) Na casa do administrador.
(D) Na casa da “Dona” Alzira.

04. Leia a frase a seguir:


Ele devia estar bem perto porque percebia que ia chegando gente.

A palavra destacada pode ser substituída por:


( ) Vicentino ( ) O papagaio

05. Analise o trecho do texto a seguir:


[...] O ponto escolhido foi o terreiro de café que ficava entre a casa do administrador e a Casa
de “Dona” Alzira: portanto, à distância de um grito. [...]

O que significa a expressão “à distância de um grito” destacada acima? Explique com as


suas palavras:

_______________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________

Ampliando os conhecimentos

Vamos aprender mais sobre os substantivos!

Gênero dos substantivos: substantivos masculinos ou femininos?


O que pode nos ajudar a determinar se os substantivos são masculinos ou femininos é a
terminação das palavras e o sexo do ser a que se referem.

Exemplos: garoto – substantivo masculino / garota – substantivo feminino


sol – falamos “o sol” >>>>>> sol é substantivo masculino
lua – falamos “a lua” >>>>>> lua é um substantivo feminino

Observação: existem substantivos que não variam em gênero. Exemplo: o sabiá macho / o sabiá
fêmea; a criança; as pessoas...
Fonte: ÁPIS. Livro de Língua Portuguesa. 5º ano, 2017, página 55. Texto adaptado.

06. Observe os substantivos a seguir:


MENINOS - FAZENDA - BICHINHO - CASA - TELEVISÃO - NOITE - CAFÉ - PORTA

• Agora, sublinhe no quadro os substantivos masculinos e circule os femininos.

7
______/____/_______

IMAGEM 1 – Medo de fantasma

01. E por falar em assombração, observe a imagem acima. Cite duas diferenças entre o primeiro e
o segundo quadrinho:
_______________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________

02. No segundo quadrinho, o homem adulto é assombrado por um fantasma que diz “desemprego”.
Se o fantasma dissesse “Bicho-Papão” como no primeiro, você acha que o homem ficaria com
medo? Explique.
_______________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________

03. Por que o desemprego pode ser algo assustador para uma pessoa adulta?
_______________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________

04. E você, tem medo de alguma coisa? Se o fantasma fosse te assustar o que ele diria?

_______________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________

8
______/____/_______

TEXTO 3

No Brasil informal com coronavírus: profissionais sem alternativas


Profissionais informais e temporários se protegem como podem e são os mais expostos ao contágio para
manter suas rendas durante pandemia de Covid-19.

A pandemia de coronavírus que agora atinge o Brasil vem mostrando, entre muitas outras coisas, como
trabalhadores informais ou temporários se perfilam a serem as principais vítimas. Pessoas sem contrato formal de
trabalho representam quase metade da força produtiva do país, mas a legislação não garante direitos trabalhistas
a esse setor. As opções diante da crise se tornam escassas: a maioria precisa escolher entre trabalhar e se expor
ao vírus ou seguir as recomendações de quarentena e não ter dinheiro no fim do mês.
Motoboys, diaristas, caixas de supermercado, catadores de latinha, lixeiros, camelôs. Profissões muitas vezes
invisíveis e estigmatizadas, mas que tomaram um grande espaço na rotina do povo brasileiro: cada uma sofrendo
as pressões da nova realidade.
A categoria dos motoboys reúne muita gente que perdeu o emprego que tinha antes, novos motoboys
começaram a atuar para complementar a renda no cenário da crise. É o caso de Fabiano Santos que era manobrista
de um hotel:
“Quase não tem movimento, então a garagem fechou. Deixou só dois funcionários lá” _ conta Fabiano que por
enquanto está em suspensão coletiva _ “Não sei se a gente volta logo, se não volta. Sei que as contas tá aí, não
tem como. Família, pago aluguel. Então, tem que se virar. Como tá tendo aquela mudança home office, muita
gente tá pedindo entrega”.
Eliel da Silva é motoboy há 13 anos, e relata mudanças na rotina:
“A gente tem visto as notícias, então tem que tomar cuidado. Eu to trocando a roupa quando chego em casa,
assim lava logo e uso dia sim e dia não. Já usava a luva, então só tiro pra tocar o rosto e celular, as embalagens
pego e entrego de luva. Pode tá contaminadas também, então lembro o cliente.”
Motoboys circulam no ambiente externo, vão ao restaurante, vão à casa do cliente, vão ao posto de gasolina,
são múltiplos contatos humanos, e portanto múltiplas chances de contrair infecção e também de transmitir.
Fernanda, que está em um contrato temporário como caixa de supermercado relata preocupações parecidas:
“Muita gente circula aqui, estamos usando máscaras. Mas os produtos passam na mão de muita gente. Estamos
sem álcool gel pra passar nas mãos e na esteira, to trazendo de casa detergente misturado com água pra passar”.
Outro grupo que está enfrentando mudanças são as diaristas e empregadas domésticas: muitas foram
dispensadas do trabalho, e cerca 39% não estão recebendo pagamento dos patrões, ao mesmo tempo muitas
seguem trabalhando.
A primeira morte registrada por Covid-19 no estado do Rio de Janeiro foi justamente uma mulher de 63 anos que
trabalhava como empregada doméstica no município de Miguel Pereira. Ela estava em contato com a patroa, que
havia voltado da Itália e testado positivo para o Covid-19 pouco antes do início da quarentena no Brasil.
O caso levantou muitas polêmicas sobre o tema, o que fez com que alguns patrões tomassem posicionamentos
solidários às suas diaristas. É o que fez Cinthia Saguie com a diarista que trabalha duas vezes por semana em sua
casa há muitos anos: “Ela vem de transporte público, pode transmitir pra muita gente ou se contaminar sem nem
saber a origem, então, independentemente de ela ir ou não, vou pagar os dois dias da semana”
Para muitas pessoas o Home Office não é uma alternativa e na visão do médico infectologista Filipe Prohaska
essas pessoas precisam se conscientizar sobre formas de como se proteger: “O uso de máscara, seja descartável
ou feita em casa é essencial. Ela serve como uma barreira no rosto que ajuda a lembrar de não encostar a mão, e
protege de gotículas”. Prohaska dá dicas sobre como se proteger no trajeto para o trabalho: “Pra quem usa o
transporte público é importante considerar que a mão está sempre suja, como se tivesse encostado em tinta,
lembrando de higienizar quando chegar ao destino. É importante manter distância das pessoas no ponto de ônibus,
aproveitar que é lugar aberto. Usar roupas compridas e trocar quando chegar em casa pode ajudar” e termina
fazendo um alerta “Quem precisa sair, deve se proteger e os empregadores devem garantir condições de trabalho,
mas ainda é importante ficar em casa pra quem consegue”.

(PANDEMIA DE CORONAVÍRUS-JORNAL EL PAÍS)

Disponível em https://brasil.elpais.com/sociedade/2020-03-17/no-brasil-informal-com-coronavirus.html 9
acesso 28/04/20-21h (Com alterações para fins didáticos)
______/____/_______

01. Qual é o problema relatado pela notícia do Jornal “El País”?


_______________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________

02. Quais são as dificuldades enfrentadas pela caixa de supermercado para se proteger contra o
coronavírus, de acordo com a notícia?
_______________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________

03. Antes da pandemia de coronavírus, que outras dificuldades um Motoboy poderia enfrentar em
um dia de trabalho?
_______________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________

04. Existem trabalhos que são realizados no ambiente interno e fechado (dentro de um escritório
ou casa), e outros que são realizados em ambiente externo e aberto (na rua, em parques).

Encontre no texto e registre abaixo dois exemplos de cada:

TRABALHO EM AMBIENTE ABERTO: _______________________________ e _______________________________

TRABALHO EM AMBIENTE FECHADO:_______________________________ e _______________________________

05. Liste abaixo 3 imprevistos que podem acontecer com um trabalhador no ambiente aberto e que
podem dificultar o seu trabalho:

_______________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________

06. Equipamentos de proteção são importantes para que os trabalhadores tenham condições
adequadas de trabalho.

Um jardineiro precisa usar botas para evitar que insetos o piquem. Uma médica usa luvas para não
se contaminar com o sangue do paciente. Um carteiro usa boné para diminuir os impactos do sol.

Qual outro equipamento de proteção você conhece?


_______________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________

10
______/____/_______

07. Quais dicas aparecem na notícia para que as pessoas se protejam do coronavírus caso
precisem sair de casa para trabalhar?

_______________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________

Em tempos de pandemia de vírus, as máscaras de pano podem ser consideradas


equipamento de proteção para trabalhadores em diferentes tipos de serviço. Há muitas formas de se
fazer uma máscara artesanal, vamos conhecer uma!

Faça você mesmo!


Máscara lavável (sem costurar e sem gastar dinheiro)

Materiais: 1 camiseta velha e 1 tesoura


Como fazer:
• Na parte inferior da camiseta, corte uma faixa de 20cm de altura;
• Com a faixa em mãos, recorte um retângulo com cerca de 15cm a 20cm de comprimento,
deixando pelo menos 3cm de tecido entre o corte e a borda do tecido formando tiras.
• Corte a ponta de cada tira, formando cordões;
• Sua máscara está pronta! Amarre-a na parte de trás da cabeça e pescoço.

Faça pelo menos duas máscaras para você revezar, e usar uma enquanto lava outra!
Proteja-se e cuide-se!

11
______/____/_______

IMAGEM 2

01. Considerando a imagem acima, responda as questões a seguir.


a-) A maioria dos trabalhadores brasileiros recebe até quantos salários mínimos por mês?
____________________________________
b-) Sabendo que um Salário Mínimo vale R$1.045,00, quanto vale 2 salários mínimos?
____________________________________
c-) Se um Salário Mínimo vale R$1.045,00, quanto vale 5 salários mínimos?
____________________________________

02. Observe os símbolos utilizados na imagem, e resolva as situações abaixo.

a-) Cleber trabalha como lixeiro e ganha um salário de R$1.483,42. Pinte abaixo qual símbolo
representa o grupo a qual Cleber pertence:

b-) Fátima trabalha como enfermeira e recebe um salário de R$3.152,00. Pinte abaixo qual símbolo
representa o grupo a qual Fátima pertence:

12
______/____/_______

c-) Tiffany começou a trabalhar como manicure em sua própria casa, atendendo apenas clientes da
vizinhança, ela consegue receber por mês R$630,00. Pinte abaixo qual símbolo representa o grupo
a qual Tiffany pertence:

Para refletir...
Você acredita que o trabalho é importante para a nossa sociedade? Faça abaixo um desenho
representando uma profissão que você considera muito importante!

TEXTO 5

Você sabia? O dinheiro pode fazer mal à saúde...


Calma, não é isso que você está pensando. O dinheiro pode trazer o
nosso pão de cada dia e é muito importante tentar consegui-lo. Mas os
papéis e as moedas do nosso dinheiro são muito sujos, e podem conter
milhares de microrganismos. Muitos não oferecem risco aos seres humanos,
mas alguns são causadores de doenças.
Imagina só, quantas pessoas compram alguma guloseima e a comem
na mesma hora? Mal sabem que ao ingerir o alimento estão ingerindo
também vários tipos de bactérias e fungos presentes nas cédulas do dinheiro
que utilizaram para comprar o alimento, e que passaram por suas mãos. Isso
acontece porque uma mesma nota circula por muitas pessoas diferentes e durante muito tempo!
Se você observar, abaixo do valor de cada nota ou moeda está escrito o ano em que foi fabricada, e
desde então estão por aí passando de mão em mão. Por isso, sempre depois de manusear o suado dinheirinho,
é importante lavar as mãos.
TEXTO DE DOMÍNIO PÚBLICO

13
______/____/_______

01. De acordo com o texto, por que é importante lavar as mãos após manusear cédulas de dinheiro?
_______________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________

02. Observe a fotografia reproduzida de uma moeda de 1 real, e responda as perguntas a seguir.
a-) Você consegue identificar em que ano essa moeda foi fabricada?
_______________________________________________________________________________

b-) Estamos em 2020, quanto tempo se passou desde a fabricação dessa moeda?
_______________________________________________________________________________

c-) Considerando que uma mesma moeda transita por cerca de 48 pessoa diferentes em 1 ano, por
cerca de quantas pessoas essa moeda de 1 real já passou? (Faça os cálculos em seu caderno)
_______________________________________________________________________________

03. Você já reparou que atrás de cada nota do real brasileiro existe uma imagem diferente?

As imagens de cada uma das notas de real representam um animal da fauna brasileira. Mas se você
pudesse inventar uma nota com outro desenho que representasse o Brasil, como ela seria?

Solte a criatividade e desenhe abaixo como seria a sua própria cédula de dinheiro!

14
______/____/_______

Dinheiro; problema e solução!


Observe as situações a seguir e resolva as questões propostas, registrando os cálculos em seu
caderno
01. Felipe queria entender para onde vai o dinheiro
que seus pais ganham, então escreveu uma lista
com as despesas do mês de maio. Observe a lista
ao lado, e responda:
a-) Qual é a maior despesa da família?
___________________________________

b-) Quanto essa família gasta com as despesas


para garantir sua moradia (aluguel, água e luz)?
___________________________________

c-) A mãe de Felipe irá pagar as contas de luz e internet utilizando uma nota de 100 reais e outra de
50 reais. Quanto ela receberá de troco?
_______________________________________________________________________________

d-) Calcule e escreva por extenso (como se lê) o valor total das despesas dessa família:
_______________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________

e-) O valor de um Salário Mínimo seria suficiente para pagar todas as contas
da família de Felipe? Explique. Volte lá na página 12
____________________________________________________________ para relembrar o valor
de 1 Salário Mínimo
____________________________________________________________
____________________________________________________________
_______________________________________________________________________________

f-) Considerando que a família do Felipe gasta R$300,00 por mês com o supermercado, faça uma
lista com 8 produtos que eles poderiam comprar.

_____________________________________ _____________________________________

_____________________________________ _____________________________________

_____________________________________ _____________________________________

_____________________________________ _____________________________________

15
______/____/_______

Para ir além... Curiosidades sobre as despesas milionárias

Para ser fabricada, a roupa


completa de um astronauta, custa
cerca de:
U$14 milhões de dólares.
Esse é o mesmo valor que foi
arrecadado pelo grupo de K-POP
BTS com a bilheteria de apenas um
filme estrelado pelos idols.

01. Sabendo que 1 dólar equivale a cinco vezes 1 real. Quanto custa em
reais para fabricar a roupa de um astronauta?
_______________________________________________________________________
02. Se o grupo BTS dividir o valor igualmente entre os integrantes, quanto receberá cada um?
_______________________________________________________________________

TEXTO 6

Observe a tirinha a seguir.

Fonte: https://www.humorcomciencia.com/blog/151-tirinha-de-astronomia/. Acesso em 29 de abril de 2020.

Agora, pense: O que estas pessoas estão observando?? Por quê?

Se a sua resposta a estas perguntas se refere a observação do céu, das estrelas, dos
planetas, enfim, do Universo, é isso mesmo!!!

Essas observações levaram a estudos do que hoje chamamos de Astronomia, considerada


uma das ciências mais antigas!

16
______/____/_______

Astronomia é a ciência que estuda o Universo, desde a sua origem e formação aos astros
que o compõe e os fenômenos que nele ocorrem.
A Astronomia originou-se a partir da observação dos astros e de seu efeito no cotidiano do
ser humano, que desde a pré-história vem utilizando o conhecimento astronômico acumulado
durante o tempo para desenvolver as atividades humanas.
Fonte: https://brasilescola.uol.com.br/geografia/astronomia.htm. Acesso em 29 de abril de 2020. Adaptado.

Assim como nos contos que você leu no início deste material, a Astronomia é carregada de
mistérios e também curiosidades! Leia com atenção o texto a seguir para aprender mais sobre o
assunto:

Observação do céu

Olhando para o céu durante a luz do dia, notamos algumas coisas interessantes acerca do
tempo, por exemplo, se o dia está chuvoso ou ensolarado. Poderíamos perceber também, com uma
rápida olhada para o céu durante o dia, a eventual presença de nuvens.
Observando o céu por pouco tempo durante o dia, um dia ensolarado, não deixaríamos de
notar a presença do Sol. Poderíamos também, ver a Lua durante o dia, seja a oeste do Sol, seja a
leste do Sol, dependendo de sua fase.
O principal astro a ser observado durante o dia é o planeta Vênus (estrela d’Alva). Por seu
tamanho, proximidade ao Sol e à Terra, Vênus é o astro mais brilhante que vemos no céu depois do
Sol e da Lua. Sabendo para onde olhar, o que nem sempre é o caso, e principalmente no entardecer
ou amanhecer, poderia vê-lo
Já́ durante a noite, com alguns minutos de observação, percebemos um céu completamente
diferente daquele visto durante o dia. Primeiramente, veríamos que aquele céu azul claro nos permite
ver um ou dois astros apenas, porém, à noite há um céu escuro e forrado de pontos brilhantes,
riquíssimo. Outro astro que chama nossa atenção por seu brilho e tamanho, se estiver presente, é a
Lua. A Lua é o astro mais brilhante do céu noturno e pode ser vista no início, no meio ou no final da
noite e em várias direções, dependendo do dia, dependendo da sua fase. A Lua cheia, por exemplo,
é vista no horizonte leste no início da noite e no horizonte oeste ao final da noite, assim como o Sol.
No céu noturno, poderíamos ver estrelas que, sem dúvida, chamariam muito a nossa atenção
devido aos seus diferentes brilhos. Algumas são bastante brilhantes e nos encantam, outros são
fraquinhas e quase não as percebemos.
Você̂ pode estar se perguntando: — É possível ver outros planetas apenas observando o
céu?
No céu, os planetas se parecem muito com as estrelas e não sabemos quem tem luz própria
e quem não tem. O que as pessoas já observaram no céu foram os cometas e, neste caso, o
reconheceríamos pela sua cauda, se visível. Em outras palavras, não conseguimos ver as estrelas
de uma galáxia individualmente, não conseguimos diferenciá-las; para isso, necessitaríamos de
equipamentos encontrados nas estações de Observatório, na cidade de São Paulo.

FONTE: Material Trilhas de Aprendizagem da Prefeitura Municipal de São Paulo, 5º ano, 2020. Adaptado de: Ramachrisna
Teixeira Disponível em: http://www.cienciamao. usp.br/dados/tne/_oceuaoalcancedetodosrama.arquivoempdf.pdf

17
______/____/_______

01. A partir das suas observações no dia a dia e da leitura do texto, responda:

a. Qual(ais) a(s) diferença(s) entre o céu do dia e da noite?

_______________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________

b. Poderíamos viver apenas na escuridão da noite? Justifique sua resposta.

_______________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________

02. Você̂ receberá um desafio!

No dia de hoje, você̂ irá observar o céu durante o dia e durante a noite! Enquanto você̂
observa, desenhe os elementos que você̂ está vendo.

Céu durante o dia:

Céu durante a noite:

18
______/____/_______

PRODUÇÃO TEXTUAL: AGORA, VOCÊ SERÁ O AUTOR!

Nesse caderno conhecemos alguns contos de assombração e mistério, para aprofundar seus
conhecimentos observe a sequência de ilustrações abaixo e escreva uma história com muito
mistério!!!

ALGUMAS DICAS:

Olhando as imagens, tente pensar:


Quem são as personagens? Onde se passa a história?
O que aconteceu? O que o menino imaginou e sentiu?
Como acabou a história?
______________________________________________________________________Lembre-se:
- Dê espaço e inicie cada parágrafo com letra maiúscula;
- Utilize as pontuações adequadas: não esqueça do ponto final e das vírgulas;
- Leia o seu texto depois de pronto! Assim, você pode corrigir algum erro!

19
______/____/_______

01

02

03

04

05

06

07

08

09

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

20