Você está na página 1de 20

26/02/2020 https://sagahcm.sagah.com.

br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037

ATENDIMENTO
EDUCACIONAL
ESPECIALIZADO:
DISCUTINDO
LEGISLAÇÕES


Olá!
APRESENTAÇÃO

O acolhimento e a inclusão escolar de alunos com deficiências, transtornos globais de


desenvolvimento ou altas habilidades está ocupando, cada vez mais, a pauta de importantes
debates no cenário brasileiro e, portanto, tem surgido documentos e acordos que legi mam
as ações de apoio a essas pessoas. Esse processo de discussão sobre a inclusão representa
uma possibilidade de tornar as ins tuições escolares em ambientes abertos à diversidade,
nos quais os sujeitos tenham suas diferenças sociais, culturais e pedagógicas respeitadas.

A par r desta perspec va, esta Unidade de Aprendizagem jus fica-se na necessidade de
perceber que a escola ocupa um lugar importante na vida de crianças, jovens e adolescentes,
podendo garan r acessos às informações, propostas inclusivas e, ainda, promover uma
a tude reflexiva, crí ca e responsável. Neste cenário, é preciso reconhecer e fazer valer as
leis que asseguram o direito das pessoas com deficiência, bem como compreender a
Resolução 04/09, que ins tui Diretrizes Operacionais para o Atendimento Educacional
Especializado na Educação Básica, modalidade Educação Especial. É necessário ir além da
inserção desses alunos, não se restringindo à socialização ou passividade nas relações
pedagógicas. Assim, os sistemas de ensino devem responder às necessidades educacionais
específicas dos alunos de maneira a promover a igualdade de direitos e de oportunidades.

https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037 1/20
26/02/2020 https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037

Há, portanto, urgência em pensar na dimensão escolar encarando as prá cas educa vas para
além da estagnação, problema zando e subvertendo tudo aquilo que estamos acostumados
a ver e, acima de tudo, para uma abertura de consciência que funcione como uma teia, onde
a formação de professores e professoras e a visibilidade da escola para o AEE seja o nosso
passo inicial.

Bons estudos.

Ao nal desta Unidade de Aprendizagem, você deve apresentar os seguintes aprendizados:


Reconhecer a importância das legislações no espaço escolar.

Diferenciar os pos de legislação que regulam o ambiente escolar.

Analisar a Resolução nº04/2009.

 DESAFIO

É preciso ampliarmos nossas discussões sobre os temas da diversidade, inclusive sobre as


normas que ins tuem o Atendimento Educacional Especializado, de modo que possamos ir
para além das ideias convencionais, muitas vezes, baseadas apenas em condutas e ações
preconceituosas e excludentes. É necessário que você ques one os espaços, as prá cas, os
acessos e ainda faça uma reflexão que possibilite reinventar os lugares, as ideias, as
maneiras, reafirmando as legislações e não contribuindo para a reprodução de uma ordem
desigual e injusta.

Nesta perspec va, é gerada a oportunidade de nos aproximarmos das temá cas que
envolvem a escola, a pluralidade e os desafios da inclusão escolar, bem como de tecermos
reflexões sobre a prá ca docente frente a estas temá cas. Com a realidade exposta, chegou
o momento de você começar a iden ficar o seu papel frente a essa realidade.

A par r de suas vivências e da leitura da Resolução nº 4, de 2 de outubro de 2009, como


você iden fica o seu papel sobre a realidade atual? Proponha uma solução para que esta
realidade possa ser modificada, analisando os mo vos que levam muitos educadores a
terem dificuldades em lidar com a inclusão. Além disso, elenque os aspectos em que você

https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037 2/20
26/02/2020 https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037

acredita que a Resolução 04/09 e a AEE podem contribuir para a transformação da


educação.

Sua resposta deve ser entregue em forma de texto disserta vo, com até 20 linhas.

 INFOGRÁFICO

Além das preocupações com a saúde, também é necessário garan r os direitos da criança
com necessidades especiais junto aos órgãos competentes da administração pública. O
desenvolvimento da criança, assim como a sua relação com outras, é uma das grandes
preocupações dos pais. Algumas leis garantem o direito da criança com deficiência a estudar
em escolas regulares públicas ou privadas, por exemplo. De acordo com a lei nº 7853/89, é
crime recusar, suspender, adiar, cancelar ou ex nguir a matrícula de um estudante por causa
de sua deficiência.

 CONTEÚDO DO LIVRO

A escola deve ser vista não apenas como importante, mas como estratégica na medida em
que se cons tui num local capaz de explicitar e ques onar as muitas maneiras de perceber e
discu r a diversidade, as prá cas excludentes e os possíveis processos de inclusão. É preciso
conhecer, compreender e problema zar as legislações que envolvem o contexto escolar,
bem como se apropriar das normas que compõem o Atendimento Educacional Especializado.
Para ampliar seus conhecimentos, leia e analise o texto a seguir.

https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037 3/20
26/02/2020 https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037

https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037 4/20
26/02/2020 https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037

https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037 5/20
26/02/2020 https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037

https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037 6/20
26/02/2020 https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037

https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037 7/20
26/02/2020 https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037

https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037 8/20
26/02/2020 https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037

https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037 9/20
26/02/2020 https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037

https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037 10/20
26/02/2020 https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037

https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037 11/20
26/02/2020 https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037

https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037 12/20
26/02/2020 https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037

https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037 13/20
26/02/2020 https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037

https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037 14/20
26/02/2020 https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037

 DICA DO PROFESSOR

Olá! Que tal agregar mais aprendizagens ao processo de construção do conhecimento


através da Dica do Professor? A proposta para este momento é apresentar o papel da escola
enquanto um espaço que vá além da segregação e da discriminação. A ins tuição escolar
deve se projetar para acolher e atender a todos com qualidade, inclusive integrando as
crianças com deficiência por meio de a vidades inovadoras, adaptadas e mul funcionais. O
contexto escolar e suas diferentes prá cas educa vas se reafirma como uma possibilidade
de materialização das leis de acesso e inclusão das crianças e jovens com necessidades
especiais.

Conteúdo disponível na plataforma virtual de ensino. Con ra!

 EXERCÍCIOS

1) Considerando as legislações que garantem o direito das pessoas com necessidades


especiais e legi mam o Atendimento Educacional Especializado, de que forma a escola,
como cumpridora de suas funções sociais, deve se planejar para orientar e combater as
prá cas de discriminação?

a) Es mular a realização de a vidades curriculares mul funcionais relacionadas à


diversidade e estabelecer ações passivas frente às discussões sobre inclusão, visto
que tais assuntos são de ordem par cular, não se estendendo ao âmbito cole vo.
Cada um possui suas opiniões e entrelaçá-las iria fazer emergir um conflito
generalizado.

b) Desenvolver espaços e a vidades curriculares que apresentem discussões,


mesmo que estas discussões sejam controversas, para demonstrar a per nência e a
necessidade de problema zar as questões que envolvem a diversidade em sua
totalidade, incluindo a educação especial e os direitos das pessoas com deficiência.

c) Em sua função formadora de opiniões e condutas, a escola deve se resguardar ao


direito de abordar, de maneira superficial, as temá cas de inclusão, bem como

https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037 15/20
26/02/2020 https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037

reforçar um olhar único e singular sobre a diversidade. É preciso retornar à


uniformidade e homogeneidade no processo educacional.

d) Encaminhar as discussões sobre estes temas para outros/as profissionais de


outras áreas, para que estes/as tenham a função de orientar as crianças e jovens,
juntamente com suas famílias. É necessário que a escola diminua sua
responsabilidade quanto às questões das deficiências e, para isso, deve restringir seu
currículo, não se estendendo às culturas das minorias.

e) Para a escola, não é preciso uma ação que implique a discussão de questões
sociais, é cas e morais. As relações entre liberdade, autonomia e respeito às
diferenças já estão presentes no trabalho educa vo e, principalmente, naqueles que
tratam do Atendimento Educacional Especializado. A compreensão da Educação
Especial já está no ser humano e, portanto, não necessita ser entendida.

2) Analise o fragmento de texto abaixo e marque a alterna va correta.

A elaboração e a execução do plano de AEE são de competência dos professores que


atuam na sala de recursos mul funcionais ou centros de AEE, em ar culação com os
demais professores do ensino regular, com a par cipação das famílias e em interface com
os demais serviços setoriais da saúde, da assistência social, entre outros necessários ao
atendimento. O AEE tem como função:

a) A subs tuição de prá cas regulares e da modalidade regular de ensino por


prá cas mul funcionais e modalidade especial de educação.

b) Preparar alunos comuns, por meio da AEE, para lidarem com os demais alunos
com deficiência, transtornos globais do desenvolvimento e altas
habilidades/superdotação nas classes do ensino regular.

c) Complementar ou suplementar a formação do aluno por meio da disponibilização


de serviços, recursos de acessibilidade e estratégias que eliminem as barreiras para
sua plena par cipação na sociedade e desenvolvimento de sua aprendizagem.

d) Combater o disposto no ar go 10 da Resolução 04/09.

e) Desintegrar as exigências legais estabelecidas pelo Conselho de Educação do

https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037 16/20
26/02/2020 https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037

respec vo sistema de ensino quanto ao seu credenciamento, autorização de


funcionamento e organização, em consonância com as orientações preconizadas
nestas diretrizes operacionais.

3) O Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei 8069/90), a Lei 7853 e o Decreto 3298 de


1989 estabelecem que todas as crianças e todos os adolescentes, inclusive os que têm
deficiência devem conviver com dignidade, respeito e liberdade com seus familiares e na
comunidade onde vivem. Para que isso seja assegurado, eles têm direito a brincar, estudar,
ser atendidos em en dades sociais e serviços de saúde, na região onde moram. Um dos
mais importantes critérios para que isso aconteça tem a ver com o direito de ir e vir, que
está relacionado com:

a) Acessibilidade, ou seja, possibilidade e condição de alcance para u lização, com


segurança e autonomia, de espaços, transportes, edificações e outros.

b) Deveres, ou seja, o dever de cumprir leis para ter direitos adquiridos.

c) Desejo, ou seja, desejar as mudanças é, de certa forma, um meio de consegui-las.

d) Família, ou seja, ter a figura de pai e mãe.

e) Saúde, ou seja, gozar de boa saúde para circular em todos os espaços.

4) Analise o fragmento de texto abaixo, associe com suas aprendizagens e marque a


alterna va correta. A Cons tuição Federal, em seu Ar go 205 diz que a Educação, direito
de todos e dever do Estado e da Família, será promovida e incen vada com a colaboração
da sociedade, visando ao pleno desenvolvimento da pessoa, seu preparo para o exercício
da cidadania e sua qualificação para o trabalho. No Ar go 208, encontramos que o dever
do Estado com a educação será efe vado mediante a garan a de:

a) Atendimento educacional especializado às pessoas sem deficiência,


preferencialmente na rede regular de ensino.

b) Atendimento educacional especializado às pessoas com deficiência,


obrigatoriamente em escola especial.

https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037 17/20
26/02/2020 https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037

c) Atendimento educacional especializado às pessoas com deficiência,


obrigatoriamente no serviço público social.

d) Atendimento educacional especializado às pessoas com deficiência,


preferencialmente no âmbito familiar e de apoio social.

e) Atendimento educacional especializado às pessoas com deficiência,


preferencialmente na rede regular de ensino.

5) Analise a questão abaixo e marque a alterna va correta.

De acordo com os órgãos Ministério da Educação, Conselho Nacional de Educação e


Câmara de Educação Básica, a RESOLUÇÃO Nº 4, DE 2 DE OUTUBRO DE 2009 ins tui:

a) Leis que regulamentam o Atendimento Regular de Ensino, baseando-se na


cidadania e no direito de todos.

b) Diretrizes Operacionais para o Atendimento Educacional Especializado na


Educação Básica, modalidade Educação Especial.

c) Diretrizes que organizam o ECA e reafirmam os direitos da criança e do


adolescente.

d) Portarias que deliberam sobre a Educação Especial, sobre a diversidade e sobre a


igualdade de oportunidades.

e) Regras para comportamento educacional das pessoas com necessidades


especiais.

 NA PRÁTICA

A Sala de Recursos Mul funcionais é um espaço múl plo com diferentes possibilidades de
ações e projetos para favorecer à criança com necessidades especiais melhores
oportunidades de compreensões e aprendizagens, como a proposta a seguir, que nha como
obje vo abordar o assunto Gênero e Diversidade na Escola.

https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037 18/20
26/02/2020 https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037

O jogo proposto a alguns grupos de alunos da Escola X teve como obje vo abordar vários
assuntos, desde os mais simples aos mais complexos. No primeiro momento, os alunos
ficaram empolgados para jogar, se diver ram ao avançar as etapas e passarem na frente de
outro colega, principalmente no momento que ravam as perguntas, em que os próprios
personagens, de nomes bem atra vos, interrogavam-nos com suas curiosidades. Ao
responderem as perguntas, os alunos deram suas sugestões, opiniões e posições.

A cada rodada de perguntas, a empolgação era maior. A professora mediadora ins gava-os,
sempre ques onando: Mas por quê? Tem que ser assim? E se for diferente? E se fosse você?
Como se sente vendo dois homens ou duas mulheres namorando? Homens podem ves r-se
de rosa ou usar brincos? A resposta foi imediata e com tom agressivo, revelando preconceito
e falta de respeito ao próximo: “Credo! Deus me livre! Homem namora mulher e mulher
namora homem, não gosto de ver. É boiola, mulherzinha! Meu pai disse que mata“.

As opiniões foram chocantes e revelaram muito preconceito. Também houve momentos


surpreendentes, com respostas maduras, firmes e seguras, ao relatar sobre pessoas do seu
convívio, po: “Não tem nada a ver, Não deixa de ser gente, São pessoas boas...” Os alunos
se diver ram jogando, principalmente com as perguntas e, no final, a preocupação já não era
avançar, mas sim, emi r opiniões. É necessário pensarmos em uma reorganização do espaço

https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037 19/20
26/02/2020 https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037

sico da escola, do material pedagógico e do processo didá co para que as crianças, jovens e
adolescentes, inclusive com necessidades especiais, por meio de trocas, interações e
par cipações, possam se cons tuir, produzindo suas experiências, suas interlocuções e,
portanto, seu conhecimento.


ATENÇÃO
SAIBA +

SAIBA+ em atualização

https://sagahcm.sagah.com.br/sagahcm/sagah_ua_dinamica/impressao_ua/13463037 20/20