Você está na página 1de 4

Colégio Diocesano Dom Bosco

Data……/……./….

Disciplina de ciências Naturais 6ª classe

Conteúdo: As plantas da Comunidade

Aula 1

Devido a grande diversidade de diferenças de relevo, clima, e solo faz com que haja grandes
variedades de vegetação, influenciado a presença de espécies de plantas com diferentes
características. Podendo encontrar algumas plantas como: o milho, o cajueiro, o feijoeiro, a
mapira, a rama de batata-doce, a mandioqueira e a cana- de açúcar.

A maioria dessas plantas são bem conhecidas e abundantes na nossa região, contendo as
seguintes partes principais: Raiz, o caule, e as folhas.

Raiz que é aparte da planta que fica geralmente debaixo da terra e parte aérea que situa
acima da superfície do solo. Tem a função de fixar a planta ao solo e retirar deste os
elementos nutritivos. Na parte aérea distingue-se o caule com as folhas.

Em outros casos podemos encontrar plantas com flor no caule, que a partir delas pode formar
frutas e sementes. As plantas que apresentam flores são chamadas por plantas com flor. E as
plantas que na produzem flores são chamadas de plantas sem flor.

Exercícios de consolidação

1.quais são as principais causas de variedades da vegetação no nosso país?

2.Mencione as planta mais cultivadas existentes na tua comunidade.

3.Mencione as principais partes que constituem a planta.

4. Como se denomina as plantas que produzem flor?

5. Refere a função da raiz.


Colégio Diocesano Dom Bosco

Data……/……./….

Disciplina de Ciências Naturais 6ª classe

Conteúdo: Importância das Plantas da Comunidade (feijão, amendoim, milho, mapira e


Ameixoeira)

Aula 2

O feijoeiro

Em Moçambique podemos encontrar diversidades culturas de feijões, é o caso de: feijão


nhemba, a soja, o feijão bóer, o fugo e feijões do tipo europeus. Este juntamente ao
amendoim e outras plantas fazem parte a um grupo denominado por leguminosas. As suas
sementes são ricas em proteínas aconselháveis para a nossa alimentação diária. As suas folhas
são aproveitadas para alimentação do homem a sua caule para a alimentação do gado.

O fruto enquanto verde pode utilizar se na alimentação humana seja de forma natural assim
como enlatada e as suas sementes também podem ser consumidas secas sendo este o seu
principal aproveitamento. Pode se aproveitar no fabrico de rações para o gado as sementes de
certos feijões depôs de moídas.

Amendoim

É uma planta cultivada na maioria das regiões do pais e do mundo para o fim de obter óleo de
grande valor alimentar, e a semente de muito valor nutritivo. Quando o seu fruto é maduro
constitui a base da dieta da comunidade. Oque resta da extracção do óleo serve de um dos
alimentos principal dogado.

Milho, a mapira e meixoeira

São cereais que quando consumida em forma de farinha fornece hidratos de carbono que são
fontes de energia para o homem e outros animais. São culturas cultivadas pela maioria da
população devido a sua vasta importância na alimentação.

Para além do consumo do milho em forma de energia também tem um valor económico,
porque através dele se extrai o óleo que é utilizado pelas indústrias alimentares de borracha,
de vernizes de sabões. Da medula do caule e da maçaroca pode se fabricar os carvões
especiais e materiais de empacotamento.

Da mapira e da meixoeira pode se fazer um bom pão uma vez que na contem glúten, que dá a
consistência a massa. São plantas que preferem o clima mais quente em relação ao milho. Os
cereais têm a múltipla função para ávida do homem, pois para além da alimentação humana,
serve também da alimentação de animais. A parte do grão que não se aproveita para a farinha
utiliza se como farelo, que é usada para alimentação dos animais e fabrico de bebidas
alcálicas tradicionais e a sua palha obtidas dos cereais é usada como material rudimentar de
construção.

Exercício de consolidação

1. Que espécie de feijão é cultivada na sua comunidade?


2. Faz o levantamento das plantas.
3. Mencione a importância do milho, mapira e mexoeira.
4. Mencione as variedades de feijões que você aprendeu.

Colégio Diocesano Dom Bosco

Data……/……./….

Disciplina de ciências Naturais 6ª classe

Conteúdo: características gerais e botânicas das principais plantas da comunidade.

Aula 3

Milho

Milho é uma planta cultiva em todo o país e com maior abundancia nas seguintes províncias:
Gaza, Manica, Sofala, Inhambane e Tete, é uma planta anual pois tem sistema radicular
desenvolvido em forma de feixe pelo que a sua raiz terminal se classifica como fasciculada.

O caule é aéreo e recto com nós salientes e cavidade central preenchida por medula no
espaço compreendido entre dois nós (entrenó). Porem o caule do milho classifica se como
um colmo .

A folha é completa, formada pela bainha e pelo limbo simples, quanto a inserção no caule,
a folha é alterna com uma nervação paralelinerviea

Milho é uma planta monóica oque quer dizer é uma espécie em que apresenta órgãos sexuais
dos dois sexos ou apresentam florescência unissexuada com localização diferente na mesma
planta e as flores são nuas.

A florescência feminina, terminal é conhecida por bandeira, tem quatro brácteas e seis
estames, e a florescência masculina é a maçaroca.

A maçaroca provém de um ramo modificado que apresenta entrenó muito curtos e folhas
reduzidas à bainha que envolve todas florescências protegendo a maçaroca. Esta bainha
também forma barbas de milho.

No milho a polinização é cruzada e é feita pelo vento, pois cada grão existente na maçaroca
corresponde a um fruto, que é seco monospérmico (significa que tem apenas uma semente)
indeiscente, classificando-se como um aquénio. A semente tem apenas um cotiledóneo pelo
que a planta é monocotiledóneo.

Feijoeiro

Das diversas variedades de feijoeiro que se cultivam nas regiões tropicais, o feijão manteigas
comas suas variedades é dos mais divulgados, a sua raiz é subterrânea e é aprumada, com o
sistema radicular que ele tem cresce rapidamente.

O caule é aéreo e de consistência herbácea. As folhas são compostas e incompletas, pois não
tem bainha, o pecíolo tem um sulco na parte superior, quanto a nervação classifica se em
peninervea e a inserção das folhas é alterna.

As flores são completas e têm pedúnculo curto, o perianto é diferenciado formado por um
cálice sinsepalo com três a cinco sépalas unidas. A corola é irregular com cinco pétalas e
quanto a forma a colrola classifica se como papilionácea. O androceu é constituído por
estames do tipo 9+1 (nove deles soldados e dispostos à volta do ovário e um separado.

O gineceu é formado por um só carpelo com ovário unilocular (óvulos numerosos), um


estilete e um estigma. A sua polinização é cruzada e entomófila (que feita por insectos).
Depois de colhida a produção, o agricultor faz bem deixando os restos da planta sobre o
terreno, esta, ao decompor-se fornece matérias fertilizantes a terra, para servir adubos
orgânicos depois de enterrar com a lavoura.

Exercício de consolidação

1. Copia para o teu caderno o quadro referente a algumas características do feijoeiro e do


milho e depois completa.

Planta Planta escolhida Fejoeiro Milho


por si
Raiz (tipo)
Caule (tipo quanto
a ramificação)
Folha
Flores
Numero Sépalas
Numero Pétalas
Numero Estames
Numero Carpelos
Tipo de flor
Classificação Dicotiledónea Monocotiledónea
sistemática