Você está na página 1de 7

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO

PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO


INSTITUTO DE EDUCAÇÃO/ INSTITUTO MULTIDISCIPLINAR
PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO, CONTEXTOS
CONTEMPORÂNEOS E DEMANDAS POPULARES

EDITAL 003/PPGEDUC– 07/02/2020


Chamada pública de candidatos(as) ao processo de seleção de
bolsista ao Programa Nacional de Pós-Doutorado – PNPD,
associado ao Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em
Educação, Contextos Contemporâneos e Demandas
Populares da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro.

Pelo presente Edital o Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Educação, Contextos


Contemporâneos e Demandas Populares (PPGEduc) da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro
(UFRRJ) torna público o processo de seleção para 1 (um) bolsista ao Programa Nacional de Pós-
Doutorado (PNPD).

1. REGULAMENTAÇÃO
A regulamentação do processo seletivo e da dinâmica de funcionamento do trabalho do(a) bolsista
está amparada pela Portaria CAPES nº 086, de 03 de julho de 2013 disponível em:
http://cursos.ufrrj.br/posgraduacao/ppgeduc/files/2014/08/PNPD_Portaria_Mec_86_2013_Regulam
ento.pdf

2. OBJETIVO
Por meio de processo seletivo público de um (a) bolsista pelo PNPD, o PPGEduc tem o objetivo de
selecionar um(a) pesquisador(a) com notável potencial investigativo para realizar estudos e/ou
pesquisas de alto nível e fortalecer as linhas de pesquisa do Programa, bem como seus grupos de
pesquisa, os quais se encontram descritos no site do PPGEDUC
(<http://cursos.ufrrj.br/posgraduacao/ppgeduc/>)

3. ÁREAS DE CONCENTRAÇÃO E LINHAS DE PESQUISA DO PPGEDUC:


3.1. A área de concentração do PPGEDUC é denominada Educação, Contextos Contemporâneos e
Demandas Populares.

3.2. LINHAS DE PESQUISA

Linha 1: Estudos Contemporâneos e Práticas Educativas: Os estudos desenvolvidos buscam pensar


os múltiplos espaços-tempo contemporâneos das práticas educativas e ensino-aprendizagem de modo
a abarcar campos da cultura humana: a vida, a arte e conhecimento. Tais campos se articulam e se
rearticulam nos seguintes temas de pesquisa: formação de educadores, educação especial, educação
de jovens e adultos, crianças, infâncias, juventudes, currículos, questões socioambientais, políticas de
inclusão, tecnologias da informação e da comunicação, linguagens, filosofias, pedagogias da imagem
e arte.
Docentes: Aristóteles de Paula Berino; Carlos Roberto de Carvalho; Edméa Oliveira dos Santos;
Fabiane Frota da Rocha Morgado; Flávia Miller Naethe Motta; José Henrique dos Santos; Marcelo
Almeida Bairral; Márcia Denise Pletsch; Mauro Guimarães; Patrícia Bastos de Azevedo; Sandra
Regina Sales.

Linha 2: Desigualdade Sociais e Políticas Educacionais: Esta linha tem como base estruturante a
história, a sociologia, a antropologia e a política da educação. Suas trajetórias analíticas perpassam as
teorias do Estado, da educação e das desigualdades sociais. Nessas perspectivas, agrega investigações
sobre a relação trabalho/educação e suas implicações na luta de classes; sobre as diversas experiências
de educação popular, na cidade e no campo, em especial as estratégias de produção do conhecimento
pelos movimentos sociais e instituintes; sobre a história das instituições educacionais e científicas;
sobre o trabalho docente, a cultura e a formação dos profissionais da educação; e sobre o papel das
práticas educativas na dinâmica da produção e reprodução das desigualdades sociais na
contemporaneidade.
Docentes: Allan Rocha Damasceno; Fernando Cesar Gouvêa; José dos Santos Souza; Ramofly
Bicalho dos Santos; Rodrigo de Azevedo Cruz Lamosa.

Linha 3: Educação e Diversidades Étnico-Raciais: Para esta linha convergem estudos, pesquisas e
temáticas localizadas nos campos da Educação das Relações Étnico-Raciais tensionadas pelas suas
relações com o Estado, com os Movimentos Sociais Negros e Indígenas, considerando as
Desigualdades Étnicas, Culturais, de Classe, de Raça e de Gênero, com a educação sendo percebida
como uma das múltiplas dimensões da realidade social impactada pela ação entre estrutura e atores
sociais em uma perspectiva histórica mais ampla. Afro-Brasileiros, indígenas, cidadania, identidades
de gênero-raciais e diaspóricas, políticas de ações afirmativas, educação quilombola, religiosidades
afro-indígenas, culturas, literaturas negras, memórias, cultura digital, mídias e suas linguagens
constituem-se como eixos analíticos relevantes dessa linha de pesquisa.
Docentes: Jonas Alves da Silva Jr.; Luiz Fernandes de Oliveira, Renato Noguera

4. SOBRE AS ATIVIDADES A SEREM DESENVOLVIDAS PELO(A) BOLSISTA

4.1. O(a) candidato(a) selecionado(a) trabalhará, em regime de dedicação exclusiva, de forma


independente, sendo supervisionado(a) por um docente do quadro permanente do Curso de Doutorado
do PPGEduc, vinculado ao seu grupo de pesquisa. As atividades a serem desenvolvidas pelo(a)
bolsista são as seguintes:

a) Desenvolver o projeto de pesquisa apresentado no ato de inscrição, com caráter original,


pertinente à área de concentração do PPGEduc e a uma de suas linhas pesquisa.
b) oferecer duas atividades (palestra e/ou seminário de estudos) anuais em que apresentará o status
de desenvolvimento da pesquisa desenvolvida.
c) acompanhar as atividades do grupo de pesquisa de seu supervisor, conforme escolha no ato de
inscrição.
d) contribuir no processo de orientação das dissertações de Mestrado e monografias de graduação
sob orientação de seu supervisor.
e) publicar ou submeter a periódico classificado no sistema Qualis da CAPES da área da Educação
pelo menos um artigo científico resultante da pesquisa realizada no período de vigência da
bolsa, em coautoria com o supervisor. Esta exigência poderá ser compensada com a publicação
de capítulo de livro ou organização de coletânea ou mesmo obra completa, desde que o mesmo
seja publicado com ISBN e por editora com Conselho Editorial.
f) participar das atividades técnicas e acadêmicas na graduação e na pós-graduação.

5. PERFIL DO SUPERVISOR E ATRIBUIÇÕES NO PROCESSO DE SUPERVISÃO DAS


ATIVIDADES DO(A) BOLSISTA
5.1. O(a) bolsista será supervisionado(a) por um(a) docente do PPGEduc pertencente ao quadro
permanente do Curso de Doutorado, credenciado para orientação, que terá como atribuição:
a) acompanhar todas as atividades desenvolvidas pelo pós-doutorando;
b) apoiar no que for possível o(a) bolsista para a consecução da pesquisa e na realização das duas
atividades (palestra ou seminário de estudos) anuais em que apresentará o status de
desenvolvimento do trabalho;
c) relatar semestralmente ao Colegiado do PPGEduc a avaliação do andamento das atividades
do(a) bolsista e, inclusive, se for o caso, nos termos do Art. 17 da Portaria nº 086, de 03 de julho
de 2013, solicitar a qualquer tempo o cancelamento da bolsa e substituição do(a) bolsista em
caso de desempenho insuficiente, desistência, abandono, interrupção ou finalização da vigência
da bolsa ou projeto.
6. DURAÇÃO E VALOR DA BOLSA
A bolsa, no valor de R$ 4.100,00 (quatro mil e cem reais) mensais, segundo estabelece o Programa
PNPD/CAPES, será concedida pelo prazo de 12 (doze) meses, sendo possível, conforme avaliação do
Colegiado do PPGEduc, prorrogação de prazo para categorias a e b até 60 meses. Para a categoria c,
o prazo é de 12 meses sem possibilidade de renovação, conforme a Portaria CAPES nº 086, de 03 de
julho de 2013.

7. INSCRIÇÕES
7.1. As inscrições serão efetuadas no link
https://sigaa.ufrrj.br/sigaa/public/processo_seletivo/lista.jsf?aba=p-processo&nivel=S.

7.2. O candidato(a) deverá anexar a seguinte documentação em formato PDF:


a) Carta de interesse, onde o(a) candidato(a) deverá indicar a Linha de Pesquisa em que pretende
se inserir; o nome do docente que deverá supervisionar as atividades; indicar a pertinência da
área de concentração e da linha de pesquisa indicada como espaço adequado para o
desenvolvimento do projeto de pesquisa proposto; e justificar a sua afinidade com o programa,
considerando sua trajetória acadêmica e profissional;
b) Carta de aceite do supervisor do estágio;
c) Comprovante de obtenção do título de doutor(a) emitido por Programa de Pós-Graduação
credenciado pela CAPES, de acordo com uma das seguintes possibilidades: o Diploma de
doutorado em educação ou em área pertencente à grande área de Ciências Humanas ou de
Ciências Sociais Aplicadas, conforme tabela de classificação de áreas da CAPES.
§ 2º - O diploma de doutorado obtido em universidades estrangeiras, preferencialmente,
deverá estar revalidado, nos termos do Art. 48, § 3º, da Lei nº 9.394/96 e Portaria Normativa
MEC Nº 22, de 13/12/2016. No caso de inobservância desta condição, o diploma obtido em
instituição estrangeira, será submetido à análise do Programa de Pós-Graduação, nos termos
do Art. 5, da Portaria 086, de 03 de julho de 2013.
d) Curriculum Vitae no formato disponível na Plataforma Lattes para pesquisadores brasileiros
(2015 a 2020) ou no formato indicado pela Portaria n. 086 de 3 de julho de 2013 da CAPES,
para estrangeiros (2015 a 2020).
e) Projeto de pesquisa e plano de trabalho a ser desenvolvido durante o estágio pós-doutoral,
elaborado em consonância com a linha de pesquisa do Programa na qual pretende se inserir.
f) Candidato(a) estrangeiro(a) residente no exterior deve anexar comprovante de residência no
país de origem, bem como no Brasil, se residirá durante a realização do pós-doutorado.
g) Candidato(a) docente ou pesquisador(a) no país com vínculo empregatício deve anexar
comprovante de afastamento pela instituição.
8. CRONOGRAMA DO PROCESSO SELETIVO

Fases do Processo Seletivo Datas


Publicação do Edital de Seleção 07/02/2020
Período de Inscrições pelo SIGAA 19/02/2020 à 28/02/2020
Período de Avaliação 06/03/2020 à 12/03/2020
Publicação dos resultados 12/03/2020
Cadastramento da Bolsa CAPES 18/03/2020
Início das atividades 19/02/2020

9. CRITÉRIOS DE SELEÇÃO
9.1. A seleção dos(as) candidatos(as) será feita pelos membros da Comissão de Bolsas do PPGEduc,
e deverá ter aprovação do Colegiado do Programa, considerando:
9.1.1. Carta de interesse (caráter classificatório):
a. enquadramento do perfil do(a) candidato(a) para atuar na área da linha de pesquisa escolhida;
b. potencial demonstrado para justificar a acolhida como bolsista em uma das linhas de pesquisa.
9.1.2. Projeto de pesquisa (caráter classificatório):
a. adequação do projeto à área da linha de pesquisa escolhida;
b. exequibilidade do projeto na vigência da bolsa;
c. impacto da pesquisa na consolidação e fortalecimento das linhas de pesquisa do PPGEDUC.
9.1.3. Currículo Lattes a partir do ano de 2015 (caráter classificatório), conforme pontuação prevista
no ANEXO 1:
a. publicação de artigos em periódicos;
b. capítulos de livros publicados;
c. autoria ou editoria de livros;
d. publicação de trabalhos completos em anais de eventos internacionais;
e. publicação de trabalhos completos em anais de eventos nacionais;
f. orientações e co-orientações de alunos(as) de iniciação científica ou TCC;
g. orientações e co-orientações de alunos(s) de pós-graduação;
h. participações em bancas;
i. atuação em grupos de pesquisa;
9.2. Cada avaliação será pontuada de 0 a 10 pontos, correspondendo a nota final à média aritmética
das três etapas sob análise.
9.3. A nota mínima para aprovação e/ou classificação será 7,0 (sete).
9.4. Em caso de igualdade entre notas finais de candidatos, para efeito de classificação serão
observados os critérios de desempate, na seguinte ordem:
a. maior nota na produção bibliográfica;
b. conclusão mais recente do doutorado;
c. candidato mais com maior idade.
9.5. A avaliação dos candidatos, nos termos do item 9.1, será realizada por uma comissão composta
por docentes permanentes do programa, assim discriminados:
Aristóteles de Paula Berino (presidente);
Renato Nogueira dos Santos Junior;
Rodrigo de Azevedo Cruz Lamosa;
José Henrique dos Santos.

10. SUSPENSÃO E CANCELAMENTO DA BOLSA


Os critérios relativos à suspensão da bolsa estão descritos no Art. 15 da Portaria CAPES nº 086, de
03 de julho de 2013.

11. DISPOSIÇÕES FINAIS

11.1. Os recursos aos resultados poderão ser encaminhados por meio de Requerimento à Coordenação
do PPGEduc/UFRRJ, protocolados no Protocolo Geral da UFRRJ, localizado no 1º andar do Pavilhão
Central (P1) do Campus Seropédica, até 02 (dois) dias úteis após a publicação do resultado final do
Processo Seletivo.

11.2. De forma a agilizar a análise e emissão de parecer final, o conteúdo do recurso deve ser
encaminhado, paralelemente, para o e-mail ppgeduc.processoseletivo@hotmail.com, com uma cópia
do número do processo protocolado e identificação do candidato.

11.3. O PPGEDUC não se responsabilizará por solicitação de inscrição não recebida por motivos de
ordem técnica dos computadores, falhas de comunicação, congestionamento das linhas de
comunicação, bem como por outros fatores que impossibilitem a transferência de dados. Orientamos
aos candidatos que realizem a inscrição com antecedência.

11.4. A seleção e classificação de candidatos no processo seletivo nos termos deste edital, não
conferem o direito subjetivo à bolsa, caracterizando mera expectativa de direito, condicionada à
concessão e disponibilidade financeira da Capes para a efetiva implementação da bolsa.
11.5. Os casos omissos no Edital serão resolvidos pelo Colegiado do PPGEduc, que deliberará por
maioria simples, em reunião extraordinária.

Seropédica (RJ), 07 de Fevereiro de 2020.

Coordenação do PPGEDUC
ANEXO 1

ANEXO
PONTUAÇÃO ATRIBUÍVEL A ITENS DO CURRÍCULO LATTES
Período de 2015 a 2020

Valor/
1 – Experiência Profissional (últimos cinco anos) Máx = 30 pts
produto
1.1 - Disciplina ministrada na pós-graduação (máximo 10 semestre) 2,0/sem.
1.2 - Disciplina ministrada na graduação (máximo 10 semestre) 1,0/sem.
1.3 - Gestão no Ensino Superior (até 5 anos) 2,0/ano
1.4 - Gestão na educação básica (até 5 anos) 2,0/ano
1,0/ano
1.5 - Docência educação básica (até 5 anos)

1.6 - Coordenação de Projeto de Pesquisa e/ou de Extensão (Máximo 3) 2,0


1.7 - Participação em Equipe ou Grupo de Pesquisa; projeto pesquisa e/ou extensão (PIBID,
1,0
Monitoria, bolsa de extensão, IC, TP, voluntário). (Máximo 4)
Total (máximo) 30

Valor/
2 - Produção Bibliográfica com ISBN ou ISSN - Máx = 50 pts
produto
2.1 - Artigos Completos Publicados em Periódicos na área da Educação ou afins (Máximo 3) 5,0
2. 2 - Livros autorais na área da Educação ou afins (Máximo 2) 5,0
2.3 – Livros – organização, na área de educação ou afins 4,0
2. 3 - Capítulos de livros na área da Educação ou afins (Máximo 2) 3,0
2. 4 - Trabalhos Completos em Anais de Eventos Internacionais na área de Educação ou afins
2,0
(Máximo 3)
2. 5 -Trabalhos Completos em Anais de Eventos nacionais na área de educação ou afins ou
1,0
afins (Máximo 1)
Total (máximo) 50

Valor/
3 - Orientação ou Participação em banca – Máx. = 20 pts
produto
3. 1 - Participação em bancas de TCC ou pós-graduação (Máximo 10) 0,5
3. 2 - Orientação de Trabalhos de Conclusão de Curso Pós-Graduação (Máximo 10) 1,5
3.3 - Orientação de Trabalhos de Conclusão de Curso de Graduação ou Iniciação Científica
1,0
(máximo 10)
Total (máximo) 20