Você está na página 1de 6

Viver, amar e servir

DEUS CHAMOU VOCÊ PARA ALGO MUITO MAIOR

INTRODUÇÃO:

Quem aqui já teve um cisco no olho? Ele é grande ou pequeno? É pequeno. Estou querendo fazer
uma comparação e dizer que, muitas vezes, algumas coisas que são bem pequenas têm tirado o
nosso foco, têm nos tirado do propósito. Têm nos afastado daquilo que Deus tem para nós,
daquilo que Ele tem para realizar em nós e através de nós.

O que acontece muito, também, é que carregamos coisas desnecessárias em nossa vida. Quer
um exemplo pratico disso? Quando fazemos uma limpeza ou damos uma geral em um guarda-
roupa ou em um armário qualquer, a gente começa a ver que não precisamos de muita coisa.
Mas aquilo que é desnecessário toma espaço e ocupa o lugar de algo útil que poderia estar lá.

Se queremos viver o que está por vir em nossa vida, precisamos largar e deixar de lado o que não
tem necessidade de estar com a gente. Precisamos ter as pessoas certas, as conexões certas,
precisamos está no lugar certo, com as motivações corretas.

DESENVOLVIMENTO:

“Chamando os Doze para junto de si, enviou-os de dois em dois e deu-lhes autoridade sobre os
espíritos imundos. Estas foram as suas instruções: ‘Não levem nada pelo caminho, a não ser um
bordão. Não levem pão, nem saco de viagem, nem dinheiro em seus cintos;
calcem sandálias, mas não levem túnica extra’.” (Marcos 6:7-11)

O que Jesus estava dizendo para aqueles homens era que eles precisavam levar algumas coisas,
mas outras não precisavam levar.

• “Vão de dois em dois...” Isso foi a primeira coisa que Jesus falou. Significa
relacionamento, conexão, pessoas certas! “Vocês têm uma missão e não vão conseguir
sozinhos (se eu pudesse abrir a cabeça de vocês em relação a isso, eu faria)”.

Exemplos:
Quem são os seus amigos? Eles aproximam você de Deus? É uma pessoa boa? Ama fofocar? É
um enviado do capeta para sua vida!
O seu namorado(a), aproxima você de Deus? “Olha, ele (a) é uma pessoa maravilhosa, mas temos
relações sexuais, será que é de Deus? A gente caiu, mas não vamos mais fazer isso”, só que vive
assim já faz anos.
Meu namorado(a) acha ruim porque estou servindo e fica me perturbando para eu ir embora,
será que é de Deus? A pessoa começa a afastar você do propósito e do convívio com os outros.

IMPORTANTE: Esse conteúdo é de autoria da Comunidade Cristã Videira, podendo ser impresso para compartilhamento da Palavra de Deus, no entanto, é
estritamente proibida a sua alteração ou veiculação sem indicação da fonte.

Rua Elizeu Oriá, 1553 - José de Alencar, Fortaleza - CE, 60830-035


(85) 3878-0100 - www.ccvideira.com.br
1
Viver, amar e servir

• “Não levem nada a não ser um bordão (cajado)...” O bordão era usado como defesa,
podia ser usado para atacar e também era usado como apoio. O cajado é uma figura da
Palavra de Deus, então, o que Jesus estava dizendo? Que eles não podiam deixar a
Palavra de Deus. Ela sempre deve estar com você.

• “Não levem pão...” O que Jesus estava dizendo era que eles precisavam confiar
completamente em nele. “Vocês precisam entender que Eu sou quem supre as
necessidades de vocês”.

“Não levem saco de viagem (mochila)”. Para o “novo” você não precisa de nada velho, para o
novo você precisar confiar.

EXEMPLO: quando você vai para os EUA, deve levar pouca coisa porque vai renovar o guarda-
roupa.

• “Não levem dinheiro...” Jesus estava dizendo eu sou a provisão que você precisa, onde é
o teu proposito o dinheiro já está te esperando lá. É tempo de viver o que Deus tem para
você!

• “Calcem sandálias, mas levem apenas uma túnica”. O que Jesus estava dizendo era que
havia algo novo. “Tem muito mais adiante, o que está por vir é muito maior, vocês não
precisam levar nada velho”.

Há umas semanas atrás, o pastor Thiago ministrou aqui na igreja sobre a história e a obediência
de Noé. Quem lembra? Eu não vou pregar o que o que já foi pregado, mas tem algumas coisas
nesse texto para o nosso coração.

Quando Deus falou com Noé, não existia chuva, não existia diluvio, não existia nada! O
direcionamento de Deus não tinha nenhuma lógica. O que Deus estava pedindo para ele fazer
era construir algo quem não tinha sentido para uma circunstância que não existia.

As pessoas se impressionam com o tamanho da arca de Noé. Deus havia ordenado que a arca
medisse cerca de 150m de comprimento, 25m de largura e 15m de altura, semelhante a um navio
atual de carga de tamanho médio.

Supondo que os animais tivessem o tamanho médio de uma ovelha, a arca comportaria 35 mil
bichos. A arca flutuaria aguentando o peso de até 2,15 milhões de ovelhas, que pesariam 23,47kg
cada, o que daria mais de 50 mil toneladas. Mas o que me chama atenção na história de Noé não
é o quão grande é a arca, mas o quanto ele se manteve constante com o que Deus tinha falado,
o quanto ele se manteve obediente.

IMPORTANTE: Esse conteúdo é de autoria da Comunidade Cristã Videira, podendo ser impresso para compartilhamento da Palavra de Deus, no entanto, é
estritamente proibida a sua alteração ou veiculação sem indicação da fonte.

Rua Elizeu Oriá, 1553 - José de Alencar, Fortaleza - CE, 60830-035


(85) 3878-0100 - www.ccvideira.com.br
2
Viver, amar e servir

As maiores experiências não dependem da lógica, mas da convicção em Deus. Deus tem muito
mais, isso precisa ser uma convicção em você.
Quer experimentar coisas grandes em Deus, o extraordinário, a vontade de Deus? Esqueça como
vai ser e confie em quem lhe prometeu.

Não tinha sentido o que Noé iria fazer, era um absurdo aos olhos humanos! Com certeza, quando
as pessoas viam Noé construindo a arca, deveriam pensar: “esse bicho está ficando doido, ele
está perturbado”, pois não tinha lógica.

“Moisés pastoreava o rebanho de seu sogro Jetro, que era sacerdote de Midiã. Um dia levou o
rebanho para o outro lado do deserto e chegou a Horebe, o monte de Deus. Ali o Anjo do Senhor
lhe apareceu numa chama de fogo que saía do meio de uma sarça. Moisés viu que, embora a
sarça estivesse em chamas, esta não era consumida pelo fogo. ’Que impressionante!’, pensou.
‘Por que a sarça não se queima? Vou ver isso de perto.’ O Senhor viu que ele se aproximava para
observar. E então, do meio da sarça Deus o chamou: ‘Moisés, Moisés!’ ‘Eis-me aqui’, respondeu
ele. Então disse Deus: ‘Não se aproxime. Tire as sandálias dos pés, pois o lugar em que você está
é terra santa’." (Êxodo 3:1-5)

A partir desse momento que Moisés se aproximou da sarça, da presença de Deus, começou a
receber direcionamento sobre os próximos passos para libertar o povo das mãos de Faraó e do
Egito. O interessante nessa história é que a curiosidade de Moises fez com que ele desse os
primeiros passos, mas só uma convicção que vem de Deus manteve ele no caminho. Moises é
atraído pelo que os seus olhos viram, mas o que manteve ele no caminho foi a convicção do que
Deus o havia chamado para fazer.

Por que tem muita gente que acaba ficando no caminho na jornada com Deus? É porque viu
coisas que chamaram a sua atenção, mas não ouviu a direção que Deus tinha até o final do
caminho.

Se você se move pelo que vê, começa a esfriar, porque daqui a pouco não terá mais uma sarça
queimando, não haverá mais Conexão, não haverá mais acampamento etc. É por isso que
devemos caminhar pelo que cremos e não pelo que vemos.

A história de Noé é exatamente sobre isso: o que Deus chamou Noé para fazer era algo que ao
entendimento humano era impossível acontecer. Mas Noé tinha uma direção de Deus. Tudo o
que você precisa é de uma direção de Deus.

Noé passou boa parte da vida construindo a arca. Foram 120 anos construindo algo que nunca
viu e não entendia o proposito. Foi obediente em algo que Deus só havia falado uma vez. Me
chamou a atenção que as chuvas do diluvio duraram 40 dias e 40 noites, mas eles passaram um
ano para sair da arca.

IMPORTANTE: Esse conteúdo é de autoria da Comunidade Cristã Videira, podendo ser impresso para compartilhamento da Palavra de Deus, no entanto, é
estritamente proibida a sua alteração ou veiculação sem indicação da fonte.

Rua Elizeu Oriá, 1553 - José de Alencar, Fortaleza - CE, 60830-035


(85) 3878-0100 - www.ccvideira.com.br
3
Viver, amar e servir

“No ano seiscentos da vida de Noé, no mês segundo, aos dezessete dias do mês, naquele mesmo
dia, se romperam todas as fontes do grande abismo, e as janelas do céu se abriram". E a chuva
caiu sobre a terra quarenta dias e quarenta noites.” (Gênesis 7:11-12)

“No ano seiscentos e um, no mês primeiro, no primeiro dia do mês, as águas se secaram de sobre
a terra. Então Noé tirou a cobertura da arca e olhou, e eis que a face da terra estava enxuta no
segundo mês aos vinte e sete dias do mês, a terra estava seca." (Gênesis 8:13-14)

Teve um tempo de espera, de aprendizado, de crescimento.

O que foi tão difícil quanto construir a arca foi Noé abandonar arca depois que o diluvio passou,
depois que as águas baixaram. Sabe por quê? Aquilo foi trabalho de muito tempo da sua vida,
ele passou um tempão construindo algo que foi utilizado durante 40 dias e, depois, precisou
abandonar.

Se não estivermos prontos para abrir mão do que passou, não estaremos prontos para viver o
novo, não estaremos prontos para experimentar o mais que Deus tem.

Quem sabe Noé poderia falar algumas coisas para Deus como: “Deus, eu passei em média 120
anos construindo isso, eu abri mão de tempo com a minha família, eu poderia estar descansando,
e você me diz que preciso abrir mão disso?”.

Eu não sei o que você precisa abrir mão hoje para viver o novo de Deus. É um relacionamento? É
uma convicção? É do passado? É da sua história? São de algumas pessoas?

Por que abrir mão da arca? Acredito que para cada nova estação da nossa vida Deus tem
ferramentas novas. Com Noé, naquele tempo, foi a arca; depois, já não era mais ela. Quem sabe
as ferramentas que você está utilizando funcionaram até aqui, mas não funcionam mais para
levar você a novos níveis.

Tem gente que ainda está em 2015, pensando 2015, relembrando como foi bom 2015, vivendo
uma nostalgia do que aconteceu no passado. Mas o que Deus tem para fazer não está limitado
ao que Ele fez no passado, pois Ele quer fazer coisas novas hoje.

Até o final do diluvio, o desafio de Noé era a sobrevivência; depois do diluvio, o desafio de Noé
era a reconstrução.

Tem gente que fica assim: “Eu estou acabado, destruído, estou mal...” Meu irmão, minha irmã,
o tempo de sobrevivência acabou, agora é tempo de reconstrução.

Em Cristo tudo se fez novo, as coisas velhas já passaram. Em Cristo significa que as feridas não
doem mais, que as perdas do passado não incomodam mais porque aquilo que passou ficou para

IMPORTANTE: Esse conteúdo é de autoria da Comunidade Cristã Videira, podendo ser impresso para compartilhamento da Palavra de Deus, no entanto, é
estritamente proibida a sua alteração ou veiculação sem indicação da fonte.

Rua Elizeu Oriá, 1553 - José de Alencar, Fortaleza - CE, 60830-035


(85) 3878-0100 - www.ccvideira.com.br
4
Viver, amar e servir

trás, mas Jesus tem algo novo. O que aconteceu com você faz parte da sua história, mas não deve
fazer parte do seu futuro.

Existe uma analogia com a nuvem e a coluna de fogo que guiavam o povo no Egito, para onde a
coluna de fogo ou nuvem iam, eles iam embaixo. Muitas vezes, estamos assim sendo guiados
pela nuvem, só que tem um período que a nuvem para, aí olhamos de para um lado para outro
e começamos a montar tendas no deserto. Construímos tendas no deserto.

Nós começamos a nos adaptar com as circunstâncias, o calor já não incomoda tanto... É o mesmo
calor que antes deixava a gente incomodado, mas já não incomoda mais, pois nos habituamos
com ele.

Nos adaptamos com a nuvem lá parada, essa nuvem vai demorar a se mover, então, investimos
tempo, recursos, energia para algo que nunca deveríamos ter construído. Depois não queremos
abrir mão de tudo o que construímos, pois para seguir uma direção é preferível ficar onde
conhecemos.

Deus não chamou você para se adaptar às circunstâncias ruins. Deus não gerou você para elas.
Não se acomode a temporadas de crise, você não foi gerado para isso. Não se habitue a se
relacionar com o pecado, você não foi criado para ele. O problema é que começamos a nos
acostumar. Aquilo que era ruim, já não é mais; as crises que eram ruins, não são mais.

Às vezes, achamos que estamos mais fortes e, na verdade, estamos acostumados com aquilo que
Deus nunca nos chamou para viver. O chamado de Deus é para você ser luz, é para você fazer
diferença e não se acostumar com o que está acontecendo.

Umas das coisas que mais se fala hoje é sobre ideologia de gênero, coisas que são discutidas por
omissão da igreja. Ficamos discutindo se “Adão tem umbigo ou não”, se “a axila pode ser depilada
ou não”, enquanto discutimos isso, Satanás fica gerando uma cultura.

Quando éramos mais jovens, a igreja dizia que política era do diabo, que a política não era de
Deus. De tanto declararmos isso, está aí o resultado: uma geração de políticos corruptos. Mas eu
acredito que Deus está levantando uma geração de jovens comprometidos com Ele, uma geração
de jovens que vai dizer não ao pecado, uma geração de homens e mulheres que vai se casar
virgens, uma geração de jovens que vai se levantar contra o mal.

“A natureza criada aguarda, com grande expectativa, que os filhos de Deus sejam revelados.”
(Romanos 8:19)

Deus chega para mim e para você e diz assim: “Vocês são a luz do mundo”. Nós precisamos nos
revelar. Se não existe esperança lá fora, nós fomos chamados para ser a esperança do mundo.

IMPORTANTE: Esse conteúdo é de autoria da Comunidade Cristã Videira, podendo ser impresso para compartilhamento da Palavra de Deus, no entanto, é
estritamente proibida a sua alteração ou veiculação sem indicação da fonte.

Rua Elizeu Oriá, 1553 - José de Alencar, Fortaleza - CE, 60830-035


(85) 3878-0100 - www.ccvideira.com.br
5
Viver, amar e servir

Quando Noé e sua família desceram da arca, não encontraram a terra como estava antes, pois
estava em ruinas. Quem de vocês está dizendo que a vida está em ruinas? “Vivo dominado pelo
pecado, vivo dominado pela culpa, vivo dominado pelo meu passado”.

Deus quer usar essas ruinas para reconstruir a sua vida. Está vendo esses escombros? Vamos
juntá-los aqui para recomeçar a sua história!

O nosso problema é que vivemos de acordo com o que aconteceu conosco ou que nos falaram,
vivemos rotulados. Os rótulos são: mentiroso(a), culpado(a), adúltero(a), fracassado(a),
limitado(a), excluído(a), incapaz.

Tudo que Deus fala é diferente do que o mundo diz. O diabo e as suas convicções falam sobre
você. Deus quer fazer muito através da sua vida, da sua história. O seu chamado é para ser luz
do mundo e para ser sal da terra. São dois elementos que fazem diferença, é para isso que fomos
chamados: fazer a diferença.

“Permitam-me dizer por que vocês estão aqui. Vocês estão aqui para ser o sal que traz o sabor
divino à terra. Se perderem a capacidade de salgar, como as pessoas poderão sentir o tempero
da vida dedicada a Deus? Vocês não terão mais utilidade e acabarão no lixo. Há uma outra
maneira de dizer a mesma coisa: vocês estão aqui para ser luz, para trazer as cores de Deus ao
mundo. Deus não é um segredo a ser guardado. Vamos torná-lo público, tão público quanto uma
cidade num plano elevado. Se faço de vocês portadores da luz, não pensem que é para escondê-
los debaixo de um balde virado. Quero posicioná-los onde todos possam vê-los. Agora que estão
no alto do morro, onde todos conseguem enxergá-los, tratem de brilhar! Mantenham sua casa
aberta. Que a generosidade seja a marca da vida de vocês. Mostrando-se acessíveis aos outros,
vocês motivarão as pessoas a se aproximar de Deus, o generoso Pai do céu”. (Mateus 5:13-16)

CONCLUSÃO:

Ainda tem muito mais! E isso tem relação com você. Deus conta com você. Deus falou uma vez
com Noé e ele viveu dezenas de anos. Ele fala conosco dezenas de vezes e nós ainda desistimos.
Sabe por quê? Porque não queremos esperar, somos impacientes. Mas Deus quer usar a sua vida
para o muito mais dele, para o extraordinário dele.

IMPORTANTE: Esse conteúdo é de autoria da Comunidade Cristã Videira, podendo ser impresso para compartilhamento da Palavra de Deus, no entanto, é
estritamente proibida a sua alteração ou veiculação sem indicação da fonte.

Rua Elizeu Oriá, 1553 - José de Alencar, Fortaleza - CE, 60830-035


(85) 3878-0100 - www.ccvideira.com.br
6

Você também pode gostar