Você está na página 1de 8

Método Indutivo

DISCIPLINA: FILOSOFIA
Componentes:

Ryan
Método Indutivo
Método indutivo é um processo mental que, para chegar ao
conhecimento ou demonstração da verdade, parte de fatos
particulares, comprovados, e tira uma conclusão genérica.
É um método baseado na indução, ou seja, numa operação mental
que consiste em se estabelecer uma verdade universal ou uma
referência geral com base no conhecimento de certo número de
dados singulares
• Em contraposição ao método indutivo, o método dedutivo não
produz conhecimentos novos, suas conclusões são tiradas com base
nos conhecimentos já existentes e que estavam implícitos.

Todo mamífero tem um coração.


Ora, todo cão é um mamífero.
Logo, todos os cães têm um
coração.
Francis Bacon e o Método Indutivo
• Francis Bacon, foi um filósofo e ensaísta inglês,
dedicou-se à filosofia científica. É considerado o
pai do método experimental. Em suas obras,
destaca a primazia dos fatos em relação à
teorização e rejeita a especulação filosófica
como cientificamente válida. Discute a origem
das coisas e a natureza da matéria. Afirma que
sem conhecimento não existe poder. Seu
método indutivo partia da observação dos fatos,
através do raciocínio indutivo, ou seja, pela
experimentação daquilo que podia ser passível
de observação.
Fases do Método Indutivo

• Observação dos • Descoberta da Generalização da


fenômenos: nessa relação entre eles: relação: nessa última etapa
na segunda etapa
etapa observamos os procuramos por generalizamos a relação
fatos ou fenômenos e os intermédio da encontrada na precedente,
analisamos, com a comparação, aproximar entre os fenômenos e fatos
finalidade de descobrir os fatos ou fenômenos, semelhantes, muitos dos
as causas de sua com a finalidade de quais ainda não observamos
manifestação descobrir a relação (e muitos inclusive
constante existente inobserváveis).
entre eles
Analise Pratica:
Observação Descoberta da
Generalização
dos relação entre
da relação Conhecimento
fenômenos eles