Você está na página 1de 5

Universidade Rovuma-Extensão Niassa

Curso de agropecuária
Mecanização e Máquinas agrícolas-Semestre I, ano 2.

1. DESEMPENHO ECONÓMICO DOS CONJUNTOS


MECANIZADO

SENINHO JÚLIO RODRIGUES


Sejuro2009@live.com
Skype:Seninho Julio Rodrigues
844658047

Elaborado por Seninho Julio Rodrigues


1) INTRODUÇÃO

Renda líquida = renda bruta-(encargos despesas)


Menores despesas = maior renda
Custo da mecanização = grande participação nos custos (despesas) de produção

CUSTO HORÁRIO (CH) = $#ℎ


$%&'( *(+,+-(
CUSTO DE PRODUÇÃO (CP) =
$,.,/-0,01 2.1+,/-(3,4

2) CONCEITOS BÁSICOS

• Vida Útil (N): Número de horas de uso ate o desgaste do equipamento


• Utilização Media Anual (n): Número medio de horas de uso por ano
• Taxas:
a) i = taxa de juros sobre o capital investido. Valor usual de 12%
b) I = taxa de seguro. Valor usual de 1%
c) t = taxa de alojamento. Valor usual de 0,5%
• Valor Inicial e Valor Final (VI e VF):
a) VI= valor inicial do equipamento
-Equipamento novo: tabela do fabricante ou valor da aquisição
-Equipamento usado: valor de mercado
b) VF= valor do descarte ou sucata, geralmente é adotado como 10% do VI

3) CÁLCULO DO CUSTO HORÁRIO

Custo Horário= Custos Fixos + Custos Variáveis ($/h)


1. Custos Fixos: não variam com a intensidade do uso
2. Custos Variáveis: variam com a intensidade do uso

Elaborado por Seninho Julio Rodrigues


1. Custos Fixos:
56758
a) Depreciação (D), D = ($/h).
9
56:58∗<
b) Juros (J), J = ($/h).
=∗>
?@∗@
c) Seguros (S), S = ($/h)
3
56∗A
d) Alojamento (A), A= ($/h).
>

2. Custos Variáveis:
a) Combustível (C), C = consumo horário * preço do combustível
B $ B $
C = ∗ ($/h). ou ainda C = cv* * ($/h).
C B IJ∗C B
c) Lubrificantes (L),
Para uma estimativa pode ser calculado como sendo 20% dos gastos com combustíveis.

L= 0,2*C
d) Manutenção e Reparos (MR)
K∗56
MR = ($/h). f = factor de manutenção (tabelado)
9
e) Mão de Obra do Operador (MO)
(LM:NL)∗O=
MO = Onde, SR: salário regional ($/mês)
>
ES: encargos (varia de 30 a 100% de SR)

ASSIM TEMOS:

CH = D+J+S+A+C+L+MR+MO
Nota: Para equipamentos tracionados não podem ser contabilizados.
I. Seguro (somente casos especiais).
II. Combustíveis, Lubrificantes e Mão de Obra embutidos no tractor.
III. Lubrificantes (embutidos nos custos de Manutenção e Reparo).

CH = D+J+A+MR

Elaborado por Seninho Julio Rodrigues


Exercicio 1.

Determinar o conjunto de produção de um conjunto tractor+pulverizador.


Área de 100 hectares
Largura de trabalho de 18 metros
Velocidade 8 km/h
Factor de eficiência da operação de 0,6

P∗?∗QR
CO = (há/h)
OS

Dados económicos do tractor:


VI = 2.000.000,00 mtn
VF = 10% do VI
N = 10.000 h
n = 1.000 h
i = 0,12
I = 0,01
t = 0,005
f = 1,0
Consumo específico = 0,15 lltros/cv.h
Potência de 100 cv
Combustivel 60 mtn/litro
Salário do Operador (SR) de 10.000 mtn/mês
Encargos (ES) = a 100% do SR

Elaborado por Seninho Julio Rodrigues


Dados económicos do pulverizador:
VI = 300.000,00 mtn
VF = 10% do VI
N = 3.000 h
n = 300 h
i = 0,12
t = 0,005
f = 0,5

Bons estudos...

Elaborado por Seninho Julio Rodrigues