Você está na página 1de 3

ESCOLA SECUNDÁRIA DE PINHEIRO E ROSA

1º Teste de SOCIOLOGIA – 12ºANO Ano Lectivo: 2010-2011


O Professor: Carlos Pires Versão 1

--------------------------------------------------------------------------
Grupo I

1. Estabeleça as correspondências entre “A, B, C” e “I, II, III”.

A. Para tentar perceber porque é que na escola X a taxa de reprovações é muito mais elevada do que a
média nacional enquanto na escola Y é muito mais baixa, a Ministra da Educação formou um grupo de
trabalho constituído por um psicólogo, um sociólogo especializado no estudo da Educação, um
sociólogo especializado no estudo da Família e um economista (conhecido por se interessar
especialmente pelo Trabalho e pela importância das novas profissões ligadas ao desenvolvimento das
tecnologias).

B. Actualmente, a profissão de professor é menos valorizada em Portugal do que no princípio do século


XX.

C. O insucesso escolar está simultaneamente relacionado com muitos factores: as capacidades intelectuais
dos alunos, a sua maturidade emocional e a sua motivação; a escolaridade dos pais e o seu nível
económico; as condições de trabalho na escola e as metodologias de ensino; o percurso escolar anterior;
etc.

D. Os professores portugueses da actualidade ganham menos do que os professores da Dinamarca.

I. Os fenómenos sociais são complexos.


II. Os fenómenos sociais variam no tempo.
III. Os fenómenos sociais variam no espaço.
Grupo II

INDIQUE A ALTERNATIVA CORRECTA:

1. Num estudo sobre a globalização a pergunta tipicamente sociológica é:


A. Quando começou a globalização?
B. Qual é a percentagem de negócios em que estão envolvidas empresas transnacionais, características da
globalização?
C. Os Descobrimentos Marítimos constituíram um fenómeno precursor da globalização?
D. Como é que a globalização afecta a vida quotidiana das pessoas e as relações que estas estabelecem entre
si?
E. A recusa da globalização é economicamente viável?
F. As dinâmicas da globalização colidem por vezes com algumas leis portuguesas?
G. Nenhuma das alternativas anteriores é verdadeira.

2. A pergunta “Alguns autores dizem que os actuais adolescentes terão uma vida pior que os seus pais. Concorda?” é:
A. Uma pergunta fechada.
B. Uma pergunta aberta.
C. Uma pergunta semifechada.
D. Uma pergunta semiaberta.
E. Uma pergunta estruturada.
F. Uma pergunta pouco estruturada.
G. Nenhuma das alternativas anteriores é verdadeira.

3. A entrevista é uma técnica de pesquisa muito adequada ao estudo de populações numerosas. Esta frase é:
A. Verdadeira, pois a entrevista pode aplicar-se em situações diferentes.
B. Verdadeira, pois a entrevista permite grande liberdade de expressão.
1
C. Falsa, pois a entrevista é de aplicação bastante demorada e origina dados difíceis de tratar
quantitativamente.
D. Falsa, pois a entrevista aplica-se apenas a um conjunto de especialistas.
E. Verdadeira, pois a entrevista, embora possa originar dados difíceis de tratar, permite – nesse género de
estudos – aliar o rigor à profundidade.
F. Falsa, pois a entrevista pode condicionar o comportamento das pessoas entrevistadas.
G. Nenhuma das alternativas anteriores é verdadeira.

4. Os inquéritos por questionário são uma técnica de recolha da informação que:


A. Consiste na análise de documentos.
B. Recorre apenas a questões fechadas.
C. Recorre apenas a questões abertas.
D. Implica sempre um contacto presencial entre inquiridor e inquirido.
E. Recorre a questões que suscitam respostas profundas e subjectivas.
F. Recorre a um conjunto de perguntas previamente programado e que se mantém inalterável durante a
aplicação.
G. Nenhuma das alternativas anteriores é verdadeira.

5. A história de vida é uma técnica de pesquisa que:


A. Consiste apenas na análise de documentos.
B. Consiste numa recolha intensiva de dados de carácter biográfico, sobre uma pessoa (por vezes mais),
sendo que o próprio é a fonte principal da informação, embora não necessariamente a única.
C. Consiste numa recolha intensiva de dados de carácter biográfico, sobre uma pessoa (por vezes mais),
sendo que o próprio é a única fonte de informação.
D. Consiste numa biografia centrada nos aspectos mais pessoais e íntimos da vida de um indivíduo.
E. É igual à entrevista.
F. É igual ao inquérito por questionário.
G. Nenhuma das alternativas anteriores é verdadeira.

6. O chamado obstáculo naturalista consiste em:


A. Explicar o social por referência a determinados factores culturais.
B. Dar uma explicação objectiva da realidade social.
C. Explicar os fenómenos sociais por referência a factores naturais.
D. Dar uma explicação individual dos fenómenos sociais, como se estes dependessem inteiramente da
vontade de cada pessoa.
E. Explicar os fenómenos sociais como se fossem fenómenos psicológicos.
F. Valorizar excessivamente a própria cultura e desvalorizar as culturas alheias.
G. Todas as alternativas anteriores são incorrectas.

7. O chamado obstáculo individualista consiste em:


A. Explicar o social por referência a determinados factores culturais.
B. Dar uma explicação objectiva da realidade social.
C. Explicar os fenómenos sociais por referência a factores naturais.
D. Dar uma explicação individual dos fenómenos sociais, como se estes dependessem inteiramente da
vontade de cada pessoa.
E. Explicar os fenómenos sociais como se fossem fenómenos biológicos.
F. Valorizar excessivamente a própria cultura e desvalorizar as culturas alheias.
G. Todas as alternativas anteriores são incorrectas.

8. O chamado obstáculo etnocêntrico consiste em:


A. Explicar o social por referência a determinados factores culturais.
B. Dar uma explicação objectiva da realidade social.
C. Explicar os fenómenos sociais por referência a factores naturais.
D. Dar uma explicação individual dos fenómenos sociais, como se estes dependessem inteiramente da
vontade de cada pessoa.
E. Explicar os fenómenos sociais como se fossem fenómenos psicológicos.
F. Valorizar excessivamente a própria cultura e desvalorizar as culturas alheias.
G. Todas as alternativas anteriores são incorrectas.
2
Grupo III

1. A objectividade é mais difícil de conseguir nas Ciências Sociais do que nas Ciências da Natureza e
na Matemática.
Justifique essa afirmação, tendo em conta os tópicos a seguir apresentados e recorrendo a outros elementos
que considere relevantes:
o O conceito de objectividade.
o A presença do observador pode modificar o comportamento do observado.
o O cientista social é observador e observado.

2. Imagine que pretende averiguar, através de um inquérito por questionário, as opiniões e atitudes
dos alunos do 12º ano de uma escola secundária portuguesa relativamente às praxes académicas.
Construa cinco das questões desse inquérito.
Estas devem ser fechadas ou semifechadas e não podem incidir em dados pessoais. Uma delas deve ser uma
escala de atitudes.
Duas ou três questões devem reflectir os conhecimentos do aluno acerca dos rituais de passagem.

3. Num inquérito por questionário são de evitar as questões abertas, a menos que estas sejam muito
directas (como, por exemplo, perguntar a idade).
Justifique de modo breve essa afirmação.
Grupo IV

Indique se as frases seguintes são verdadeiras ou falsas.


(A pontuação só será atribuída se, em cada questão, o aluno avaliar correctamente ambos os itens.)

1.
A. O senso comum é um saber subjectivo, isto é, impessoal.
B. Um saber é subjectivo quando não é independente das características pessoais dos indivíduos.

2.
A. Os fenómenos sociais são normalmente coisas próximas, com as quais temos contactos frequentes no
dia-a-dia. Esta é uma caracterização do obstáculo chamado “ilusão de transparência do social”.
B. A ilusão de transparência do social significa que as pessoas consideram frequentemente que os
fenómenos sociais são evidentes e fáceis de explicar.

3.
A. Se um inquérito por questionário contiver demasiadas questões os inquiridos podem ficar saturados e
responder descuidadamente.
B. Um inquérito por questionário deve ser tão exaustivo quanto possível e, por isso, não faz mal que seja
muito longo.

4.
A. Um sociólogo ao efectuar entrevistas ou inquéritos por questionário não deve fazer perguntas que
induzam um certo tipo de resposta.
B. Um sociólogo ao efectuar entrevistas ou inquéritos por questionário deve colocar as questões de modo a
que as pessoas respondam de acordo com as expectativas dele.

Cotações:
Grupo I: 8 pontos.
Grupo II: 40 pontos.
Grupo III: 1 - 45 pontos; 2 - 55 pontos; 3 - 20 pontos.
Grupo IV: 32 pontos.
Total: 200 pontos.

BOM TRABALHO!
3

Você também pode gostar