Você está na página 1de 91

https://meteorocg.blogspot.com.br/p/blog-page_6947.

html

http://meteorologiappa.blogspot.com.br/2012/06/capitulo-7-altimetria.html

http://diariodebordohofmann.blogspot.com.br/2011/01/altimetria-98-questoes-
resolvidas.html

SIMULADO METEOROLOGIA PP/PC Cap 1/4 Conhecimentos Básicos

1)A energia solar na faixa ultravioleta é absorvida em aproximadamente 75% na camada de:
a)ionosfera b)troposfera
c)tropopausa d)ozonosfera

2)A quantidade de energia solar que atinge a terra após sofrer os efeitos de seleção por parte
da atmosfera é denominada:
a)albedo b)absorção
c)radiação d)insolação

3)O elemento que mais difunde o comprimento da radiação infravermelha de energia solar,
dando ao sol ou a lua uma coloração avermelhada é a:
a)chuva b)poeira
c)névoa seca d)névoa úmida

4)Albedo é:
a)radiação solar direta              
b)parte da radiação terrestre
c)a energia refletida na atmosfera
d)a energia que passa pela filtragem atmosférica

5)O Rio de Janeiro está localizado em uma região:


a)polar b)tropical
c)temperada d)equatorial

6)A difusão da luz pela atmosfera começa na:


a)ionosfera b)troposfera
c)ozonosfera d)estratosfera

7)O efeito estufa ocorre nos dias:


a)secos b)de chuva
c)nublados d)de forte insolação

8)A troposfera se caracteriza por:


a)ser isotérmica
b)se observar sempre ventos muito forte na superfície
c)possuir maiores temperaturas em alturas mais elevadas
d)possuir gradiente térmico vertical decrescente da superfície para cima

9)A absorção de energia solar começa na:


a)ionosfera b)tropopausa
c)troposfera d)estratosfera

10)O céu é azul pois a luz visível ao penetrar na atmosfera é:


a)refletida b)difundida
c)absorvida d)refratada

11)O verão do hemisfério norte começa quando a Terra se encontra no:


a)afélio b)periélio
c)equinócio vernal d)equinócio outonal
12)Nas regiões polares a tropopausa é encontrada em altitudes médias de:
a)7 a 9 Km b)9 a 12 Km
c)12 a 17 Km d)17 a 19 Km

13)Albedo maior é encontrado:


a)num lago b)numa floresta
c)no topo da nuvem d)num terreno arado

14)O verão no hemisfério sul ocorre com a Terra no:


a)afélio b)periélio
c)equinócio d)foco de elipse

15)A camada mais baixa da atmosfera chama-se:


a)ionosfera                           b)troposfera
c)tropopausa                        d)estratosfera

16)O aeródromo de Brasília pela sua posição latitudinal está situado em latitude:
a)polar                                 b)tropical
c)temperada                        d)equatorial

17)O efeito turbulento da atmosfera, caracterizado pela agitação vertical do ar é provocado pelo
(a):
a)albedo                              b)difusão
c)absorção                          d)convecção

18)Insolação é:
a)o albedo terrestre
b)uma forma de distribuição vertical de calor
c)a radiação solar que atinge o globo terrestre
d)o processo de filtragem seletiva da atmosfera

19)A troposfera nas proximidades do equador estende-se até:


a)9 Km                                b)11 Km
c)19 Km                               d)50 Km

20)O efeito estufa que se observa na atmosfera inferior nos dias nublados se deve a:
a)reflexão de energia solar no topo das nuvens
b)difusão de energia solar pela atmosfera acima das nuvens
c)absorção de energia solar pelo vapor de água em suspensão no ar
d)reflexão de energia solar nas gotículas de água em nuvens e chuvas

21)A luminosidade diurna, as cores do céu e das nuvens se deve a:


a)absorção da luz solar          
b)reflexão da luz solar
c)difusão da energia solar       
d)absorção da radiação solar

22)A tropopausa possui uma espessura média que varia de:


a)3 a 5 Km                        b)7 a 9 Km
c)9 a 11 Km                      d)17 a 19 Km

23)Porto Alegre (RS), pela sua posição latitudinal encontra-se em latitudes:


a)polar                             b)tropical
c)temperada                    d)equatorial

24)A camada que se inicia logo acima da tropopausa chama-se:


a)exosfera                       b)ionosfera
c)troposfera                     d)estratosfera

25)Uma das principais funções da camada ozonosférica na seletividade da radiação solar é:


a)refratar a radiação gama e X
b)absorver a radiação ultravioleta
c)refletir a radiação infravermelha
d)difundir a radiação de comprimento igual a da luz visível

26)O verão no hemisfério norte é mais intenso porque:


a)apresenta maior área líquida
b)A Terra está mais próxima do sol
c)apresenta maior área continental
d)o hemisfério norte se expõe mais ao sol do que ao sul

27)Partículas sólidas em suspensão na atmosfera (névoa seca) difundem os comprimentos de


onda da luz
a)azul                               b)amarela
c)vermelha                       d)lilás ou laranja

28)A filtragem seletiva que a atmosfera exerce sobre a radiação solar se manifesta por:
a)o efeito estufa e albedo       
b)absorção, condução e difusão
c)difusão, absorção e reflexão   
d)reflexão, advecção e absorção

29)Os fenômenos meteorológicos mais significativos para a aviação ocorrem na:


a)ionosfera                        b)troposfera
c)tropopausa                     d)estratosfera

30)Nos dias de céu nublado ocorre:


a)maior radiação              
b)maior insolação
c)efeito estufa                  
d)maior radiação terrestre

31)A tropopausa é caracterizada por:


a)inversão                               
b)isoterma
c)fluxo de ventos máximos        
d)gradientes térmicos positivos

32)A visibilidade é conseqüência direta da:


a)difusão da luz                 b)absorção da luz
c)reflexão da luz                d)refração da luz

33)Consideramos como região tropical aquela compreendida entre o (s):


a)equador e os círculos polares
b)trópicos e os círculos polares
c)trópico de câncer e o de capricórnio
d)trópico de capricórnio e o circulo polar ártico

34)Isotermia é característica da:


a)exosfera                       b)ozonosfera
c)troposfera                     d)tropopausa

35)Na tropopausa a temperatura permanece constante com o aumento da altitude, este


fenômeno é conhecido como:
a)inversão                       b)isotermia
c)gradiente positivo        d)gradiente negativos

36)A coloração avermelhada do céu no nascer e no por do sol é determinada pelos raios
solares:
a)refletidos                     b)difundidos
c)absorvidos                  d)incidentes

37)A insolação é máxima:


a)no verão                       b)no outono
c)no inverno                     d)na primavera

38)A radiação terrestre é responsável pela formação de:


a)orvalho                             b)poeiras
c)trovoadas                         d)névoa úmida

39)A névoa seca dá ao horizonte claro, ao sol e a lua uma coloração:


a)azulada                             b)amarelada
c)avermelhada                    d)acinzentada

40)O outono no hemisfério sul inicia com a Terra no:


a)afélio                         
b)periélio
c)equinócio vernal               
d)equinócio outonal

41)Absorção na atmosfera é uma forma de:


a)radiação solar                 
b)radiação terrestre
c)aquecimento por convecção      
d)filtragem seletiva da atmosfera

42)Entre os trópicos e os círculos polares encontraremos a região:


a)polar                                    b)tropical
c)temperada                           d)equatorial

43)O trópico de câncer está situado a:


a)23º24´S                               b)66º33´N
c)23º27´do pólo norte            d)90ºdo círculo polar antártico

44)Entre os fenômenos adiante um é determinante para a formação da camada da ionosfera é


ele a:
a)difusão da luz
b)difusão do calor solar
c)absorção da radiação solar penetrante
d)reflexão da radiação solar penetrante

45)O elemento da atmosfera que sempre decresce verticalmente é:


a)o vento                            b)a umidade
c)a densidade                    d)a temperatura

46)A relação entre a energia refletida e a energia incidente sobre a Terra é chamada de:
a)albedo                             b)difusão
c)absorção                         d)insolação

47)O ângulo de eclíptica da Terra é de:


a)0º                                    b)30º
c)23º27´                             d)27º23´

48)O albedo médio da Terra é de:


a)0,35                                b)0,47
c)0,60                                d)0,80

49)A coloração característica das montanhas vista a distancia nos dias de névoa é resultante
da:
a)difusão da luz solar           b)absorção da luz solar
c)reflexão da luz solar          d)absorção da radiação infravermelha

50)O hemisfério sul é mais frio que o hemisfério norte porque possui:
a)maior quantidade de água       
b)maior quantidade de terras
c)menor quantidade de umidade         
d)menor quantidade de vapor de água

51)É definida como sendo o ramo da geofísica que estuda os fenômenos atmosféricos:
a)aeronomia                      b)meteorologia
c)astrologia                        d)aerodinâmica

52)O valor do gradiente térmico da Troposfera é:


a)20ºC/1000 FT ou 0,65ºC/100M         b)2ºC/100M ou 0,65/1000 FT
c)20ºC/10.000 FT ou 6,5ºC/1Km         d)2ºC/100M ou 0,65/1000 FT

53)Qual é o valor da temperatura e pressão padrão ao nível do mar?


a)11ºC e 1013,2 hpa                            b)15ºC e 29,92 Pol.Hg
c)55ºC e 1013,2 hpa                            d)59ºC e 1013,2 hpa

54)Qual é o valor da temperatura padrão na tropopausa?


a)-50ºC                                                 b)-80ºC
c)-56,5ºC                                              d)-15ºC

55)A ordem correta das camadas da atmosfera é:


a)Estratosfera,Troposfera, Ionosfera e Exosfera
b)Troposfera, Estratosfera, Exosfera e Ionosfera
c)Troposfera, Estratosfera, Ionosfera e Exosfera
d)Troposfera, Ionosfera, Estratosfera e Exosfera

56)A estratosfera situa-se:


a)acima da Ionosfera            
b)abaixo da Troposfera
c)entre a Ionosfera e a Exosfera
d)entre a Troposfera e a Ionosfera

57)A camada de Ozônio na atmosfera situa-se na:


a)Exosfera                       b)Ionosfera
c)Troposfera                     d)Estratosfera

58)A principal função da camada de Ozônio:


a)Difundir as ondas de rádio    
b)Absorver a radiação infravermelha
c)Refletir as ondas de radiocomunicação
d)Absorver o excesso de radiação ultravioleta

Gabarito
01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20
D D C C B D C D A B A A C B B B D C C C
21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40
C A C D B C C C B C B A C D B B A A C D
41 42 43 44 45 46 47 48 49 50 51 52 53 54 55 56 57 58 59 60
D C D C C A C A A A B C B C C D D D

SIMULADO METEOROLOGIA PP/PC - Cap. 4 - Calor e Temperatura

01- A menor temperatura fisicamente possível é:


a)-32ºF                        
b)-273ºC                       
c)-273ºF                       
d)-373ºC  
                    
02- A temperatura referida na questão anterior recebe o nome de
a)Zero relativo                
b)Zero absoluto
c)Temperatura relativa         
d)Temperatura absoluta     
                                                         
03 –Em determinado momento, a temperatura ao nível do mar é  20ºC e a 50 metros na vertical
desse ponto é 22ºC. Essa variação determina uma condição (de):
a)Inversão                     
b)Isotermia                   
c)Superadiabática              
d)Gradiente normal    
            
04 - Ao nível do mar, a temperatura é 25ºC. Admitindo-se que a variação vertical faz-se de
acordo com o gradiente térmico normal, a temperatura a 2000 m na vertical será:
a) 12ºC                        
b) 13ºC                       
c) 18,5ºC                      
d) 21ºC           
        
05 - A propagação do calor até a Terra faz-se pelo processo conhecido como:
a)Difusão                     
b)Radiação                      
c)Reflexão                     
d)Insolação      
               
06 - A propagação do calor faz-se pelos seguintes processos:
a) Radiação, condução, convecção e advecção
b) Condução, expansão, insolação e advecção
c) Convecção, reflexão, insolação e advecção
d) Compressão, convecção, insolação e condução

07 - Admitindo-se que dois corpos, A e B, possuam temperatura de 20ºC e 30ºC,


respectivamente. O sentido de transferência do calor será:
a)De A para B                 
b)De B para A
c)Indistintamente entre os dois corpos
d)De B para A até determinado ponto e após de A para B 

08 - A insolação é mais intensa:


a)À noite                     
b)À tarde                  
c)Pela manhã                  
d)Ao meio dia       
       
09 - As linhas que unem pontos de mesmos valores de temperatura chama-se:
a) Isóbaras                   
b) Isotacas                    
c) Isotermas                  
d) Isótopos               
    
10 - O corpo que absorve todas as radiações que incidem sobre ele é o:
a) Negro                      
b) Opaco                      
c) Cinzento                   
d) Transparente
    
11 - Inversão térmica indica que a temperatura:
a) Diminui com a altura
b) Aumenta com a altura
c) Diminua mais que o normal
d) Não se altera com a altura

12-A passagem do calor à distância, sem o contato imediato entre os corpos, através do meio
desprovido de matéria, chama-se:
a)Condução               
b)Radiação            
c)Advecção          
d)Convecção                     

13-O ar turbulento está associado a:


a)Condução            
b)Radiação 
c)Advecção           
d)Convecção                      

14-Em altitude, o ar mais frio que o circunvizinho tem a tendência à de:


a)Afundar           
b)Elevar-se
c)Expandir-se       
d)Aumentar o volume

15-O ar aquecido próximo a terra, torna-se mais quente e, em conseqüência mais leve,
tendendo a subir em movimento:
a)Advectivo         
b) Condutivo                       
c)Radioativo        
d) Convectivo                       

16 - O transporte de calor na atmosfera, no sentido horizontal, chama-se:


a)Condução          
b)Advecção                   
c)Convecção         
d)Resfriamento 

17- Qual o gradiente térmico de um ar cuja temperatura da  superfície é 25ºC positivo e a 3000
m é  05ºC  negativo:
a)0,8ºC/100M        
b)1,0ºC/100M       
c)2,5ºC/100M        
d)5,0ºC/100M              

18- O processo da convecção:


a)Ocorre somente nos líquidos
b)Caracteriza os movimentos horizontais do ar
c)Ocorre mais comumente nas tardes frias de  inverno
d)Resulta das diferenças de temperatura entre o solo e o ar
     
19- As escalas Celsius e Fahrenheit apresentam um único ponto em comum, representado pela
temperatura de:
a)40º               
b)50º                         
c)-40º              
d)-50º                          
20 - Um termômetro, em graus Celsius, é composto ao lado de outro em graus fahrenheit. Num
dado instante , a leitura Fahrenheit é maior  20 graus que a Celsius. Naquele momento, a
temperatura ambiente era de:
a)-15ºF            
b)+ 15ºF                               
c)-25ºC     
d)- 15ºC   

Gabarito

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20
B B A A B A B D C A B B D A D B B D C D

SIMULADO METEOROLOGIA PP/PC - Cap. 5 - Pressão Atmosférica

1) Pressão é a força exercida na unidade de:


a) área                     b) tempo                    c) distância                 d) comprimento

2) A pressão interna de um fluído propaga-se:


a) na vertical             
b) na horizontal
c) de baixo para cima                                  
d) em todos os sentidos

3) A pressão atmosférica:
a) independe da altitude                   
b) aumenta com a altitude
c) diminui com a altitude                  
d) só depende da latitude e longitude

4) A pressão atmosférica varia:


a)com a temperatura                        
b)com o período do dia
c) com a modificação brusca de tempo
d) todas as alternativas são corretas

5) A pressão atmosférica decresce na vertical por efeito da força (de):


a) atrito                       b) gravidade                c) centrífuga               d) centrípeta

6) Assinale a relação correta:


a) 1 hpa = 3 pol Hg                           
b) 1 hpa = 0,75 mm Hg
c) 1 mm Hg = 13,38 hpa                  
d) 1 pol Hg = 0,338 hpa

7) Se à superfície, a pressão é de 1013 hpa, a 45 metros de altitude, deverá ser,


aproximadamente:  
a) 1000 hpa                b) 1008 hpa                 c) 1015 hpa                d) 1018 hpa

 8) Supondo-se que a 450 metros de altitude, a pressão atmosférica é de 950 hpa, ao nível do
mar, a pressão deverá ser aproximadamente:
a) 900 hpa                  b) 970 hpa                   c) 975 hpa                  d) 1000 hpa

9) Um centro de baixa pressão apresenta:


a) pressões mais elevadas no centro
b) pressões diminuindo para a periferia
c) pressões aumentando para a periferia
d) pressão constante em todos os sentidos

10) Em uma estação situada ao nível do mar, o QFE:


a) poderá ser igual ao QFF              
b) será maior do que o QFF
c) será menor do que o QFF            
d) sempre inferior a 1000 hpa.

11) Isóbaras são linhas que unem pontos de mesmos valores de:
a) QNH                       b) QFE                        c) QNE                       d) QFF

12) O registro contínuo da pressão é obtido do:


a) altímetro                
b) microbarógrafo
c) barômetro de mercúrio                
d) indicador do ajuste do altímetro

13) O sistema de pressão denominado cavado é um sistema bárico de:


a)altas pressões aberto;        
b)baixas pressões aberto;
c)altas pressões fechado;     
d)baixas pressões fechado.

14) A pressão atmosférica reduzida ao nível do mar para fins meteorológicos, é conhecida
como:
a)QNE;                       b)QNH;                          c)QFF;                       d)QFE.

15) A pressão atmosférica medida ao nível da pista de um aeródromo, possui a sigla:


a)QNE;                       b)QNH;                          c)QFF;                       d)QFE.

16) O instrumento que registra a pressão atmosférica denomina-se:


a)higrotermógrafo;     b)barógrafo;                  c)termógrafo;              d)barômetro.

17) Uma cunha pode ser definida como um sistema de pressão:


a)alta e aberto;           b)alta e fechado;
c)baixa e aberto;        d)baixa e fechado.

18) Quando os valores das isóbaras diminuem à medida que se afastam do centro do sistema
de pressão, tem-se um (a):
a)colo;                        b)alta pressão;          c)baixa pressão;         d)cavado.

19) A pressão atmosférica em um dado local, representa a força exercida pelo peso do ar
atmosférico desde o:            
a)solo até o nível do mar;     
b)referido nível até o nível do mar;
c)seu limite superior até o local considerado;
d)o seu limite superior até o nível do mar.

20) Quando o valor das isóbaras aumenta à medida que se afasta do centro de um sistema de
pressão, tem-se um (a):
a)crista;                      b)cunha;                    c)alta pressão;            d)baixa pressão.

21) Área alongada de baixa pressão atmosférica, denomina-se:


a) crista                      b) cavado                   c) isógonas                 d) isoípsas

22) A circulação anti-horária, convergente caracteriza um:


a)ciclone no hemisfério norte                       
b)ciclone no hemisfério sul
c)anticiclone no hemisfério sul         
d)anticiclone no hemisfério norte

23) A circulação do ar atmosférico, numa baixa pressão no hemisfério sul é:


a)ciclônica divergente           
b)ciclônica convergente
c)anticiclônica divergente                 
d)anticiclônica convergente

24) Crista é uma região de:


a)baixas pressões, sistema fechado
b)altas pressões, sistema aberto
c)baixas pressões, sistema aberto   
d)altas pressões, sistema fechado

25) Isóbara é uma linha traçada de 2 em 2 hpa, unido pontos de igual:


a)pressão                  
b)temperatura           
c)velocidade do vento
d)direção do vento

26) A isóbara é uma linha que une pontos de igual:


a)umidade relativa                                        b)temperatura
c)pressão                                                     d)velocidade do vento

27) A pressão atmosférica, determinada ao nível da pista de um aeródromo, é denominada de:


a)QFE                        b)QNH                       c)QFF                         d)QNE

28) Um centro de alta pressão atmosférica é aquele onde:


a)há condições de formações de cumulonimbus
b)as condições de tempo são péssimas para os voos
c)as pressões menores estão localizadas no centro da área
d)as pressões maiores estão localizadas no centro da área

29) A circulação horária convergente, caracteriza um:


a)ciclone no hemisfério sul               
b)anticiclone no hemisfério norte
c)anticiclone no hemisfério norte     
d)ciclone no hemisfério norte

30) Como a atmosfera tende a homogeneidade, quanto maior for à diferença de pressão entre
dois sistemas adjacentes, maior será o (a):
a)efeito estufa                                              
b)gradiente térmico
c)turbulência mecânica                    
d)intensidade do vento

31) O instrumento que mede a pressão atmosférica denomina-se:


a)higrotermógrafo      b)barógrafo             c)higrógrafo                d)barômetro

32) Uma cunha pode ser definida como um sistema de pressão:


a)alta e aberto            b)alta e fechado     c)baixa e aberto         d)baixa e fechado

33) A pressão atmosférica reduzida ao nível do mar para fins meteorológicos é o:


a)QNH                        b)QNE                   c)QFE                        d)QFF

34) Com os 1013.25 hpa introduzido no altímetro, com a aeronave estacionada num
aeródromo, o valor lido no altímetro será?
a)QFF;                       b)QNE;                  c)QNH;                       d)QFE.
35) Para um altímetro indicar zero pés na cabeceira da pista, qual nível de referência tem que
ter introduzido no altímetro?
a)QFF;                       b)QNE;                  c)QNH;                       d)QFE.

36) Área alongada de baixa pressão atmosférica denomina-se:


a)cavado                    b)crista                  c)cunha                      d)colo

37) Um centro de alta pressão atmosférica é aquele onde:


a)há condições de formação de cumulonimbus
b)as condições de tempo são péssimas para os vôos
c)as pressões menores estão localizadas no centro da área
d)as pressões maiores estão localizadas no centro da área

38) A pressão atmosférica determinada ao nível do mar para fins aeronáuticos é denominada
de:
a)QNE                       b)QNH                   c)QFF                         d)QFE

39) As áreas de condições adversas de tempo, tais como nuvens cumulus, chuva forte,
tempestade, etc. São comuns no seguinte sistema de pressão:
a)cunha                      b)alta                    c)cavado                    d)anticiclone

40) O código da pressão atmosférica conhecida como ajuste a zero é o:


a)QNH                        b)QNE                  c)QFF                        d)QFE

41) O fenômeno denominado cavado é um sistema bárico de:


a)altas pressões aberto                    
b)baixas pressões aberto
c)altas pressões fechado                 
d)baixas pressões fechado

42) A pressão média ao nível do mar equivale a:


a) 14,6 pol                  b) 1013,2 hpa      c) 13,25 mm               d) 1033,22 g

43) A pressão parcial do oxigênio ao NMM é a:


a) 1013,2 hpa             b) 29,92 pol         c) 200 hpa                  d) 760 hpa

44) Cavado é:
a) prolongamento de uma alta pressão
b) prolongamento de uma baixa
c) de origem anticiclônica                
d) a região de formação de massas de ar

45) Quando utilizado como ajuste altimétrico, o valor padrão de 1013 hpa é denominado:
a) QNE                       b) QFE                c) QNH                       d) QFF

46) A indicação de um altímetro ajustado padrão é denominada:


a) altitude                                               b) altitude absoluta
c) altitude indicada                                d) altitude de pressão

47) Pressão é a força exercida na unidade de:


a) área                       b) tempo              c) distância                 d) comprimento

48) Um dos períodos do dia em que a pressão atmosférica apresenta valor máximo de:
a) 0400h                     b) 0600h              c) 1600h                     d) 2200h

49) Se duas aeronaves em voo na mesma reta estiverem com seus altímetros ajustados com
1013,2 hpa:
a) estarão em risco de colisão         
b) só estarão asseguradas se houver variação na pressão
c) estarão asseguradas mesmo que haja variação na pressão
d) suas separações verticais só estarão asseguradas se não houver variação na pressão

50) Centro ciclônico é o mesmo que:


a) anticiclone              b) baixa pressão  c) alta pressão            d) ciclone tropical

 GABARITO

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20
A D C D B B B D C A D B B C D B A B C D
21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40
B A B B A C A D A D D A D B D A D B C D
41 42 43 44 45 46 47 48 49 50
B B C B A D A D C B

SIMULADO METEOROLOGIA PP/PC - Cap. 6 - Atmosfera Padrão

1) A condição de pressão e temperatura, respectivamente, na atmosfera padrão, são:


a)1013,2 hpa 15ºC                           
b)29,92 mm hg 20ºC
c)760 mm Hg 0 ºC               
d)1013,2 hpa 0ºC

2) A temperatura padrão ao nível do mar:


a) 20ºC                       b) 15ºC                          c) 13ºC                       d) 10ºC

3) O gradiente térmico vertical dentro da atmosfera padrão é de:


a) 6,5ºC/100m            b) 10ºC/1000m             c) 0,65ºC/100m          d) 0,65/1000m

4) A temperatura padrão na altitude de 5.000 pés é de:


a) 4ºC                         b) 5ºC                           c) 7ºC                         d) 8ºC

5) A pressão padrão ao nível do mar é de:


a) 76 mm Hg              b) 760 cm Hg              c) 1012,3 hpa             d) 29,92 pol Hg

6) A superfície de pressão que serve de referência para a distribuição vertical das pressões
dentro da atmosfera padrão é a de:
a) 700 hpa                  b) 850 hpa                   c) 1000 hpa                d) 1013,2 hpa

7) A superfície de pressão referida na questão anterior, recebe o nome de:


a) superfície isobárica                      
b ) nível de pressão padrão
c) pressão ao nível do mar               
d) superfície e de pressão constante

8) Altitude de pressão é:
a) distância vertical entre duas superfícies isobáricas
b) altura de um ponto qualquer em relação ao nível do mar
c) distância vertical que separa uma superfície isobárica do nível de mar
d) distância vertical que separa uma superfície isobárica do nível padrão

9) Quando a pressão atmosférica ao nível do mar for menor que o valor padrão de 1013,2 hpa,
o nível padrão estará situado:
a) no nível do mar                             
b) em qualquer nível
c) acima do nível do mar                  
d) abaixo de nível do mar

10) O QFE quando usado como ajuste altimétrico por uma aeronave em vôo, indicará quando
esta pousar, a altitude:
a) Zero                        b) de pressão           c) do aeródromo        d) de transição

11) Um avião, durante as aproximações finais, tendo o QFE introduzido em seu altímetro,
indicará:
a) altitude de pressão                       
b) altitude de aeródromo
c) altitude de transição                     
d) altura acima da pista

12) Para operações de pouso e decolagem, é preferível usar-se:


a) QFE                       b) QFF                     c) QNH                       d) QNE

13) O QFE de um aeródromo situado a 900 pés de altitude é de 992 hPa, nestas condições
sabe-se que o QNH é de:
a)1022 hPa;                b)900 hPa;             c)962 hPa;                  d)1013 hPa.

14) Com a elevação do aeródromo de 2.100 pés e o QNH de 1018 hpa, sabe-se que o QFE é
de:
a)1013 hpa;                b)948 hPa;             c)2.100 pés;               d)1092 hPa.

15) A pressão atmosférica codificada no código METAR é o:


a)QFE;                       b)QFF;                  c)QNE;                       d)QNH.

16) Em um aeródromo, num determinado instante, obteve-se pressão da estação de 945 hpa e
pressão reduzida ao nível do mar de 1012 hpa. Com estas informações sabe-se que a
elevação do referido aeródromo é de:
a)1010 pés;                b)2.010 pés;         c)1012 hPa;                d)1.340 pés.

17) A pressão padrão ao nível do mar, equivale a:


a)1013,2 hpa;             b)1022 hPa;         c)1015,5 hpa;             d)1010,1hPa.

18) A elevação de um aeródromo pode ser obtida através da diferença entre:


a)QNE e QNH;          b)QNE e QFF;      c)QNH e QFF            d)QNH e QFE

19) A distância vertical que separa uma aeronave do nível padrão do mar, denomina-se:
a) nível;                       b) altitude;           c) altura;                     d) altitude-pressão.

20) Em um dado instante a temperatura do ar no FL230, é de menos 41° Celsius, portanto a


condição de temperatura para o referido nível é ISA:
a) menos 10°C;          b) menos 05°C;  c) mais 05°C;            d) mais 10°C.

21) Conforme a atmosfera padrão, uma aeronave no FL050 estará sujeita a uma temperatura
de:
a) 10° Celsius negativos;      
b) 05° Celsius negativos;
c) 05° Celsius positivos;                    
d) 10° Celsius positivos.

22) Considerando o gradiente térmico padrão e a temperatura ao nível do mar de 25° Celsius, a
uma altitude de 12.000 pés, a temperatura será de:
a) 24° Celsius negativos;      
b) 09° Celsius negativos;
c) 01° Celsius positivo;         
d) 15° Celsius positivos.

23) Ao nível do mar a pressão parcial do nitrogênio, expressa em hpa, é aproximadamente de:
a) 200;                        b)400;                   c) 600;                        d)790.

24) Segundo os conceitos da ISA, a altura da troposfera padrão em metros, é de:


a) 10.000;                   b) 11.000;             c) 20.000;                   d) 30.000.

25) Na atmosfera padrão a temperatura da tropopausa é de:


a) 50°C negativos;                                  b) 56,5°C negativos;
c) 40°C negativos;                                  d) 55,6°C negativos.

26) A temperatura do ar a 20.000 pés de altitude é de 20° Celsius negativos. Considerando o


gradiente térmico padrão a 5.000 pés tem-se temperatura de:
a) 10°C negativos;                                 b) 05°C negativos;
c) 10°C positivos;                                  d) 20°C positivos.

27) De acordo com os parâmetros estabelecidos pela atmosfera padrão para cada 60 pés de
altitude a pressão decresce em média:
a) 1 hPa;                                              b) 2 hPa;
c) 3 hPa;                                              d) 4 hPa.

28) Na atmosfera padrão, a condição de pressão e de temperatura são respectivamente:


a) 1013,2 hpa 15°C;                           b) 29,92 mm Hg 20°C;
c) 760 mm Hg 0°C;                            d) 1013,2 hpa 0°C.

29) A temperatura no cume de uma montanha de 5.500 pés de altitude é igual à ISA menos 4.
Com estes valores, conclui-se que a temperatura ambiente no referido ponto é de:
a) zero grau Celsius;
b) mais cinco graus Celsius;
c) menos cinco graus Celsius;         
d) mais quinze graus Celsius.

30) A condição de temperatura ISA menos cinco, para o FL 100, corresponde a:


a) zero graus Celsius;           
b) dez graus Celsius negativos;
c) cinco graus Celsius negativos;     
d) cinco graus Celsius positivos.

31) A condição de temperatura ISA -15 corresponde, para o FL075, a:


a) 0° Celsius;                                    b) menos 14° C
c) menos 15º C                                d) menos 30° C

32) Uma temperatura de menos 20°C, para o FL250, poderá ser representada da seguinte
maneira:
a)ISA + 5;                                         b)ISA + 10;
c)ISA + 15;                                       d)ISA + 20.

33) Sabemos que o gradiente térmico na atmosfera padrão é de 0,65°C/100 metros e que a
ISA na base da tropopausa e menos 56,5°C. Qual será a ISA no topo da tropopausa,
considerando uma espessura de 4.000 metros para a camada?.
a) -19,5°C;                                     b) -37,5°C;
c) -56,5°C;                                     d) -76,5°C.

34) A temperatura padrão ao nível do mar, na escala fahrenheit, equivale:


a) +3ºF                                          b) +5ºF
c) 59ºF                                          d) +69ºF

35) Uma aeronave sobrevoa Brasília no FL060. A elevação da pista é de 3450 pés, o QNH do
momento do sobrevôo é de 1008,2 hpa. Com estas informações tem-se que altitude de pressão
da aeronave é de:
a)5850 pés                                  b)6000 pés     
c)6090 pés                                  d)6150 pés
36)Na atmosfera padrão o gradiente térmico vertical decresce com um valor constante até o
(a):
a)base da tropopausa                       
b)nível de transição
c)topo da estratosfera           
d)altitude de transição

37) Uma aeronave voando em FL, por ocasião do pouso ajusta seu altímetro para o QNH. A
região onde procedeu ao ajuste chama-se:
a)nível de transição               
b)altitude de transição
c)altitude de pressão             
d)elevação da pista

38) A pressão atmosférica ao nível do mar, para fins aeronáuticos é conhecida como:
a)QNE                        b)QNH                        c)QFF                         d)QFE

39) De acordo com os parâmetros estabelecidos pela atmosfera padrão para cada 30 pés de
altitude de pressão decresce em média:
a)1 hpa                       b)2 hpa                      c)3 hpa                       d)4 hpa

40) A condição de temperatura no cume de uma montanha de 7.500 pés de altitude é igual à
ISA mais 5. Conclui-se que a temperatura ambiente no referido ponto é de:
a)0ºC                          b)+5ºC                     c)-5ºC                         d)+15ºC

41) A condição de temperatura no cume de uma montanha de 7.500 pés de altitude é igual à
ISA mais 5. Conclui-se que a temperatura ambiente no referido ponto é de:
a)zero graus Celsius                         
b)mais cinco graus Celsius
c)menos cinco graus Celsius                       
d)mais quinze graus Celsius

42) A condição de temperatura ISA mais cinco, para o FL100, corresponde a:


a)0ºC                          b)-10ºC                  c)-5ºC                         d)5ºC

43) Em determinado momento a temperatura no FL250 é de –20ºC, logo podemos representá-


la da seguinte maneira:
a)ISA + 5                    b)ISA + 15             c)ISA + 10                  d)ISA + 20

44) Considerando-se os parâmetros da atmosfera padrão (ISA), a temperatura do ar, em graus


Celsius para o FL070 será de:
a)-05ºC                       b)-1ºC                   c)+05ºC                      d)+1ºC

45) Isa para o nível de 12.000ft equivale a:


a) 0ºC                         b) -24ºC               c) –07ºC                     d) –9ºC

46) ISA + 15 significa:


a) 30ºC                       b) 45ºC                c) 30ºF                        d) 15ºC

47) Uma aeronave sobrevoa um aeródromo a 600 m de altura em atmosfera em condição ISA.
A altitude da aeronave é de 3.500 pés. A elevação do aeródromo:
a) 600 pés                  b)1.500 pés        c) 2.000 pés               d) 2.900 pés

48) Uma aeronave em nível de vôo a 20.000ft sobrevoa uma região com temperatura do ar de
15°C negativos. A aeronave estará:
a) Abaixo da AP indicada                 
b) Voando em condição ISA
c) Com indicação para mais            
d) Acima da AP indicada
49) uma acft no fl100 sobrevoa uma região cuja temperatura do ar exterior é de zero graus
Celsius. A mesma estará voando:
a) com ajuste qnh     
b) abaixo da sua ap indicada
c) em condição Isa                           
d) acima da sua ap indicada

50) uma acft voando no FL120, na vertical de um ponto onde o qnh é de 1010 hpa. Com seu
altímetro ajustado em qne tem uma indicação de menos 10 graus Celsius no termômetro de
bordo a referida acft estará numa altitude verdadeira de:
a) 11.700pés              b) 11.862 pés             c) 11.910 pés             d) 11.958 pés

GABARITO

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20
A B C B D D B D D A D C A B D B A D D A
21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40
C C D B B C B A A B C C C C B A A B A B
41 42 43 44 45 46 47 48 49 50
B A B D D A B D D B

EXERCÍCIOS – CAP. 7 - ALTIMETRIA

1) Uma aeronave voando no FL110, na vertical de um ponto onde QNH é de 1010,2 hPa, tem
uma indicação de mais 03 graus Celsius no termômetro de bordo. Com base nestas
informações a aeronave estará numa altitude verdadeira de:
a)11.700 pés;             b)10.650 pés;
c)11.350 pés;             d)10.910 pés

2) Uma aeronave voando no FL080, com temperatura verdadeira de 06° negativos, estará:
a)sem erro de pressão;                    
b)acima da altitude-pressão;            
c)abaixo da altitude-pressão;                       
d)na própria altitude-pressão.

3) Uma aeronave no FL090, com temperatura de 07° Celsius positivos, sobrevoa uma região
onde a pressão reduzida ao nível do mar é de 1002,2 hPa. Segundo as informações a referida
aeronave estará voando na altitude:
a)verdadeira de 9.090 pés;               
b)verdadeira de 9.000 pés;
c)pressão de 8.970 pés;                   
d)densidade de 10.000 pés.

4) Considerando: altitude-pressão de 6.000-pés, temperatura do ar de 08° Celsius positivos e


QNH de 1006,2 hPa, A altitude verdadeira da aeronave, será de:
a)6.090 pés                 b)5.670 pés;
c)5.910 pés;                d)6.330 pés.   

5) Considerando-se: FL 120, temperatura do ar igual a 13° Celsius negativos e ajuste do


altímetro de 1023,2 hPa têm:    
a)altitude-pressão de 1.700 pés;
b)altitude indicada de 2.492 pés;
c)altitude-densidade de 12.400 pés;
d)altitude verdadeira de 12.108 pés
6) Uma aeronave no FL090 com temperatura do ar de menos 3°C sobre uma localidade com
QNH igual a 1002.2 hPa terá:
a)altitude indicada igual a 9.330 pés;
b)altitude-densidade igual a 8.400 pés;
c)altitude verdadeira igual a 8.670 pés;
d)erro de indicação altimétrica para menos.

7) Considerando a elevação do aeródromo de 2.500 pés e a temperatura do ar à superfície de


05°C positivo, temos altitude densidade, em pés, de:
a)2.000;                      b)2.100
c)2.400;                      d)2.500

8) Considerando que a elevação de um aeródromo é de 3.000 pés e a temperatura do ar é de


mais 20º Celsius, a altitude-densidade será de:
a)3.500 pés;               b)4.000 pés;
c)4.100 pés;               d)4.400 pés.
           
9) Uma aeronave sobrevoando uma região no FL120, onde a temperatura externa é de menos
20 graus Celsius, terá uma altitude-densidade, em centenas de pés, de:
a)149;                         b)131; 
c)109';                        d)105

10) Uma aeronave encontra-se no FL 100 com temperatura real no referido nível de 0ºC Com
base nestas informações pode-se afirmar que a altitude-densidade da aeronave, em pés é de:
a)10.100;                    b)9.500;
c)10.100;                    d)10.500.

11) O altímetro de uma aeronave, em nível de voo com ar mais frio que a atmosfera padrão
apresenta:
a) erro altimétrico para mais            
b) erro de indicação para mais
c) erro de indicação para menos     
d) nenhum erro

12) Ao nível do mar, a pressão é de 1019,2 hPa. A distância vertical que separa o nível padrão
do nível do mar será, aproximadamente:
a) 54 pés                    b) 180 pés
c) 18 metros               d) 180 metros

13) Na atmosfera padrão o ar é considerado:


a) seco                       b) úmido
c) instável                   d) saturado

14) Sabendo-se que o nível padrão encontra-se a 150 pés acima do nível do mar, a pressão ao
nível do mar será:
a) 1018,2 hPa             b) 1013,2 hPa
c) 1008,2 hPa             d) 1008,0 hPa

15) Determinar a pressão padrão ao nível do mar, sabendo-se que o nível padrão encontra-se
a 100 pés abaixo do nível do mar:
a) 29,92 pol Hg           b) 29,88 pol Hg
c) 29,82 pol Hg           d) 28,82 pol Hg

16) O altímetro de uma aeronave indica:


a) altitude em relação à pressão      
b) pressão em relação à altitude
c) altitude independente da pressão 
d) pressão independente da altitude
17) Quando a altitude como ajuste altimétrico, o valor padrão de 1013,2 hPa é denominado:
a) QNE                                  b) QNH
c) QFF                                   d) QFE

18) O QNH é uma redução da pressão ao nível:


a) do mar                   
b) do aeródromo
c) do avião em voo   
d) da estação meteorológica

19) O altímetro de um avião em voo ajustado padrão, indica altitude de 5.000 pés.
Sendo         o QNH, na vertical de um ponto igual a 1016,2 hPa determinar a distância que
separa o referido altímetro do nível do mar:
a) 4.910 pés               b) 5.000 pés
c) 5.090 pés               d) 5.900 pés

20) A expressão nível de voo 60 corresponde à altitude pressão de:


a) 60 pés                    b) 600 pés
c) 6.000 pés               d) 6.000 metros

21) Uma aeronave voando no FL060 está com seu altímetro


a) QFE                       b)QFF
c) QNH                       d) QNE

22) Uma aeronave voando no FL060 na vertical de um ponto cujo QNH é de 1018,2 hPa tendo
o seu altímetro ajustado padrão estará na realidade voando a:
a) 6.150 pés acima do nível do mar
b) 6.150 pés acima do nível padrão
c) 6.000 pés acima do nível do mar
d) 5.850 pés acima do nível padrão

23) Uma aeronave com seu altímetro ajustado padrão, está pousada em um aeródromo situado
a 4.000 pés de altitude. Sendo valor QNH de 1005,2 hPa o referido altímetro estará indicando,
em pés:
a) Zero                        b) 3.760
c) 4.000                      d) 4.240

24) Erros altimétricos mais críticos ocorrem nas áreas de:


a) pressões altas, temperaturas altas
b) pressões baixas, temperaturas altas
c) pressões altas, temperaturas baixas
d) pressões baixas, temperaturas baixas

25) Considerando a pressão ao nível do mar de 1019,2 hPa. A que distância vertical desse
nível será encontrado o nível padrão:
a) 120 pés abaixo;                 b) 180 pés abaixo;
c) 120 metros abaixo;            d) 180 pés acima.

26) Considerando que o nível padrão do mar encontra-se a 300 pés abaixo do nível real do
mar, nesta condição a pressão ao nível domar (QNH) é de:
a) 1023 hPa;                           b) 1003 hPa;
c) 1013 hPa;                           d) 1025 hPa.

27) Uma aeronave sobrevoa São Paulo na altitude de 5.000 pés. Sabendo-se que a elevação
do local é de 2.400 pés, conclui-se que a referida aeronave encontra-se na altura de:
a) 2.600 pés;                          b) 5.000 pés;
c) 7.400 pés;                          d) 2.400 pés.

28) Considerando o QNH de 1001,2 hPa, a que distância vertical desse nível será encontrada o
nível padrão:
a) 99 pés acima;       
b) 360 pés acima;
c) no próprio nível do mar;    
d) 360 pés abaixo.

29) Uma aeronave voando em nível de voo, estará com seu altímetro ajustado:
a)QNH                        b)QNE;
c)QFF                         d)QFE.

30) Uma aeronave encontra-se no FL090 e a temperatura real para o referido nível é de –8ºC.
Com base nestas informações e efetuando-se os cálculos manuais, pode-se afirmar que a
altitude densidade da aeronave em pés é de:
a)8.500 pés                b)7.900 pés    
c)9.500 pés                d)10.100 pés

31) A expressão “nível de voo 50” corresponde à altitude de pressão de:


a) 50 pés                    b) 500 pés
c) 5.000 pés               d) 5.000 metros

32) Se uma aeronave voa no FL060, seu altímetro está ajustado:


a) QNH                       b) QNE
c) QFE                        d) QFF

33) Uma aeronave sobrevoa um aeródromo, na altitude-pressão de 10.000 pés, o QNH no


momento do sobrevoo é de 1007,2 hPa e a elevação do aeródromo é de 3.000 pés. Com base
nestas informações, pode-se afirmar que a altura do voo é aproximadamente, em pés, de:
a)3.000;                      b)6.820;
c)7.180;                      d)7.000.         

34) Uma aeronave sobrevoando uma região no FL090, com QNH no momento de 1020,2 hPa,
estará voando na altitude: 
a)pressão de 9.210 pés;       
b)indicada de 9.210 pés;
c)pressão de 8.790 pés;       
d)indicada de 8.790 pés.       

35) Uma aeronave que sobrevoa uma região no FL070, onde o QNH no momento é de 1002,2
hPa, encontra-se na altitude:       
a)pressão de 6.670 pés;       
b)verdadeira de 7.000 pés;
c)verdadeira de 6.670 pés;   
d)pressão de 7.330 pés.

36) Uma aeronave sobrevoa a 5.000 pés de altura um aeródromo cuja elevação é de 1.170
pés. O QFE no momento do sobrevoo é de 970,2 hPa. Com base nestas informações sabe-se
que a referida aeronave estará na altitude-pressão de:
a)5.000 pés;               b)6.050 pés;   
c)6.170 pés;               d)6.290 pés.

37) Uma aeronave sobrevoa Brasília no FL060. A elevação da pista é de 2.310 pés e o QNH no
momento do sobrevoo é de 1008,2 hPa. Com estas informações, tem-se:
a)altitude-pressão de 5.850 pés;      
b)altura de 3.390 pés;
c)altitude indicada de 6.150 pés; ·
d)QFE de 931,2 hPa.
           
38) Um piloto voando com o altímetro ajustado QNE, por ocasião do pouso ajusta-o para o
QNH. A região onde procedeu ao ajuste é denominada:
a)nível de transição;  
b)altitude de transição;
c)altitude-pressão;     
d)elevação da pista.

39) No FL070, a temperatura é de 10ºC. Considerando o mesmo gradiente térmico, se uma


aeronave estiver no FL100. Ela estará:
a) acima da altitude verdadeira
b) abaixo da altitude de pressão
c) acima da altitude de pressão
d) no próprio FL100

40) Os barômetros de mercúrio podem ser graduados em:


a) hPa e mm Hg
b) hPa e pol. Hg
c) mm Hg e pol. Hg
d) mm Hg, pol. Hg e hPa

41) Voando no FL100 com temperatura verdadeira do ar igual a 0 graus Celsius, uma


aeronave, terá indicação altimétrica:
a) para mais              
b) sem erros
c) para menos                       
d)sem erro de densidade

42) Uma aeronave com seu altímetro ajustado padrão, está pousada em um aeródromo situado
a 4.000 pés de altitude. Sendo o valor QNH de 1005,2 hPa o referido altímetro estará
indicando, em pés:
a) Zero                        b) 3.760
c) 4.000                      d) 4.240

43) O QFE quando usado como ajuste altimétrico por uma aeronave em voo, indicará quando
esta
pousar:
a) a altitude zero        
b) a altitude de pressão
c) a altitude de transição
d) a altitude do aeródromo

44) Uma aeronave durante a aproximação final, tendo o QFE introduzido em seu altímetro,
indicará:
a) altitude de pressão
b) altura acima da pista
c) altitude de transição
d) altitude do aeródromo

45) Com QFE de 954,6 hPa e QNH de 1016,8 hPa a altitude aproximada do aeródromo:
a) 1.600 pés               b) 1.866 pés
c) 1.966 pés               d) 2.100 pés   

46) Altitude verdadeira da aeronave é aquela:


a) corrigida para os erros de pressão
b) corrigida para os erros de temperatura
c) corrigida para os erros de pressão e temperatura
d) obtida de um altímetro ajustado com o valor QFE

47) Temperatura do ar maior do que a temperatura padrão acarreta:


a) altitude de densidade igual à altitude de pressão
b) densidade do ar maior que a densidade padrão
c) altitude de densidade maior do que a altitude de pressão
d) altitude de densidade menor do que a altitude de pressão
48) Quando um piloto de uma aeronave no FL075 verifica uma altitude de 6750 pés a pressão
ao nível do mar é de:
a) 988 hPa                  b) 1013 hPa
c) 1025 hPa                d) 1038 hPa

49) Uma aeronave sobrevoa o aeródromo de São Paulo na altitude pressão de 3.000 pés. A
elevação da pista é de 2.550 pés e a pressão relativa ao nível do mar no momento do sobrevoo
é de 1001 hPa. A altura do voo é, portanto:
a) 90 pés                    b) 360 pés
c) 810 pés                  d) 2.640 pés

50) Uma aeronave no solo em uma pista de elevação igual a 2300 pés com o altímetro
ajustado padrão e indicando 2000 pés, se o QNH for 1023 hPa, terá uma altitude pressão de:
a) 1700 pés                b) 2000 pés
c) 2300 pés                d) 2600 pés

GABARITO

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20
C C D C D C A C C D B B A A C A A A C C
21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40
D A D B D B A D B A C B B B C D D A C D
41 42 43 44 45 46 47 48 49 50
C D A B B C C A A B

SIMULADO METEOROLOGIA PP/PC CAPÍTULO 8 - UMIDADE ATMOSFÉRICA

1) A umidade atmosférica é caracterizada pelo (a):


a) chuva                     b) orvalho
c) ar úmido                 d) vapor de água

2) Denomina-se evaporação à passagem de uma substância estado do:


a) gasoso para o sólido                     
b) gasoso para o líquido
c) líquido para o sólido                      
d) líquido para o gasoso

3) Chama-se ar úmido:
a) o ar desprovido de vapor de água
b) a mistura do ar seco com ar saturado
c) o ar com elevado teor de vapor de água
d) a mistura de ar seco com vapor de água

4) A quantidade de vapor de água:


a) aumenta com a altitude                
b) diminui com a altitude
c) é máxima na Tropopausa            
d) é mínima pela manhã no inverno

5) A quantidade, em percentagem, do vapor de água presente na atmosfera, define:


a) umidade relativa   
b) umidade absoluta
c) ponto de orvalho   
d) umidade atmosférica

6) Os instrumentos que indicam a presença da umidade atmosférica são:


a) psicrômetro e termógrafo            
b) psicrômetro e higrômetro
c) higrômetro e pluviômetro             
d) pluviômetro e pluviógrafo

7) A umidade atmosférica pode ser determinada através dos seguintes elementos:


a) umidade relativa e pressão          
b) pressão e ponto de orvalho
c) umidade absoluta e pressão        
d) umidade relativa e ponto de orvalho

8) A proporção máxima de vapor de água que um volume de ar pode conter, em relação ao


volume total de:
a) 4%                          b) 10%
c) 50%                        d) 100%

9) Quando a proporção de vapor de água atinge 4% do volume de ar considerado, diz-se que o


ar está:
a) seco                        b) úmido
c) saturado                 d) instável

10) A quantidade de vapor de água que pode estar presente em volume de ar é:


a) proporcional à temperatura
b) proporcional à pressão atmosférica
c) inversamente proporcional à temperatura
d) dependente da quantidade de insolação recebida

11) Admitindo-se que dois volumes, A e B, possuam temperaturas de 20°C e 30ºC,


respectivamente, é correto afirmar-se, em relação à proporção de vapor de água presente, que:
a) em A é maior do que B
b) em B é maior do que A
c) é a mesma nos dois volumes
d) não há relação entre a temperatura e o vapor de água

12) Partículas higroscópicas, em suspensão na atmosfera, em redor das quais se fixará o vapor
de água, denominam-se:
a) impurezas             
b) litometeoros
c) hidrometeoros       
d) núcleos de condensação

13) Quando a proporção de vapor de água atinge 1% do volume de ar considerado, pode-se


afirmar que a umidade relativa é de:
a)25%                         b)50%
c)75%                         d)100%

14) A temperatura na qual o ar se satura por resfriamento, sem acréscimo de vapor de água,
denomina-se:
a)umidade absoluta   
b)umidade específica
c)umidade relativa    
d)PO

15) Quando mais próximos estiverem os valores da temperatura do ar e ponto de orvalho


temos:
a)ar mais seco           b)ar mais úmido
c)menor umidade       d)menor precipitação

16) Um volume de ar encontra-se saturado com umidade relativa de:


a)4%                           b)25%
c)75%                         d)100%
17) A condensação do vapor de água na atmosfera ocorre se:
a)a densidade do ar diminuir
b)a pressão atmosférica baixar
c)a temperatura do ar aumentar
d)existir núcleos de condensação

18) O psicrômetro é um instrumento que fornece indiretamente:


a)umidade relativa e o ponto de orvalho
b)temperatura e umidade relativa
c)ponto de orvalho e pressão
d)pressão e temperatura

19) Um volume de ar que se satura com 200 gramas de vapor de água, possuindo 150 terá
umidade relativa de:
a)40%                         b)50%
c)75%                         d)100%

20) A passagem do vapor de água diretamente para o estado sólido denomina-se:


a)fusão                       b)congelação
c)sublimação              d)condensação

21) É certo dizer:


a)um volume de ar consegue reter até 20% de vapor de água
b)a água evapora leva da superfície líquida o calor latente de vaporização
c)a sublimação é passagem do estado sólido para o estado líquido
d)umidade absoluta é a massa de vapor de água por unidade de massa de ar seco.

22) Um determinado volume de ar é considerado saturado quando contem uma quantidade de


vapor de água equivalente a:
a) 4 %                         b) 20%
c) 50%                        d) 100%

23) A condensação do vapor de água, num determinado nível da atmosfera terrestre, ocorre
quando o ar resfria-se e há:
a)Núcleos de condensação  
b)aumento da temperatura do ar
c)diminuição da densidade do ar
d)diminuição da pressão atmosférica

24) Quando a proporção de vapor de água atinge 1% de um volume de ar considerado, pode-


se afirmar que a umidade relativa é de:
a)25%                         b)50%            
c)75%                         d)100%

25) Os elementos meteorológicos que sempre decrescem com o aumento da altitude:


a)temperatura e pressão      
b)pressão e densidade
c)umidade e densidade        
d)temperatura e umidade

26) Isodrosotermas são linhas que unem pontos dos mesmos valores de:
a) umidade relativa    b) umidade absoluta
c) razão de mistura    d) ponto de orvalho

27) Para que um determinado volume de ar torne-se saturado, é condição primordial que a
umidade relativa esteja em torno de:
a)4%                           b)25%            
c)50%                         d)100%

28) A umidade atmosférica é devida a/o:


a) chuva                     b) orvalho
c) ar úmido                 d) vapor d’água

29) Em um aeródromo a temperatura do ar desce continuamente e aproximando-se do valor do


ponto de orvalho esta condição significa:
a) ar saturado            
b) ar cada vez mais seco
c) ar cada vez mais úmido               
d) umidade relativa diminuindo

30) Quando proporção de vapor de água atinge 01 por cento de um volume de ar considerado,
pode-se afirmar que a umidade relativa é de:
a) 25 por cento           b)75 por cento
c) 50 por cento           d)100 por cento

31) O ponto de orvalho nos permite obter por processo indireto:


a) A umidade do ar                           
b) O tempo nas próximas 24 horas
c) Direção e velocidade das nuvens
d) Quantidade de nuvens

32) A porcentagem de vapor de água em um determinado volume de ar é de 2% do total. A


umidade relativa é de:
a) 20%                                    b) 30%           
c) 40%                                    d) 50%

33) Considerando-se que um determinado volume de ar contenha 14 gramas de vapor de água


e que se sature com 40 gramas, pode-se afirmar que a umidade relativa é aproximadamente
de:
a) 35%                                    b) 38%
c) 36%                                    d) 42%

34) Mantendo-se invariáveis a pressão e o vapor de água e baixando-se a temperatura o


suficiente, ocorrer saturação de um dado volume de ar. Este valor final de saturação é
chamado de:
a) temperatura do bulbo seco          
b) temperatura do ponto de orvalho
c) umidade relativa                           
d) umidade absoluta

35) O instrumento para medir a umidade relativa é o:


a)Barômetro;              b)Hidrômetro;
c)Pluviômetro;            d)Higrômetro.

36)Quando a proporção de vapor de água atinge 3% de um volume de ar considerado, pode-se


afirmar que a umidade relativa é de:
a)25%                         b)50%            
c)75%                         d)100%

37)A relação entre a massa de vapor de água contida no ar e um determinado volume,


geralmente expressa em gramas de vapor de água por metro cúbico de ar, denomina-se: 
a)umidade relativa     b)umidade absoluta
c)ponto de orvalho     d)razão de mistura

38)Um determinado volume de ar contém aproximadamente 2% de vapor de água. Pode-se


afirmar que o ar encontra-se:
a)saturado                                         
b)úmido
c)seco                                               
d)com 100% de umidade relativa
39)Um volume de ar que contém 20 gramas de vapor de água e satura com 50 gramas, possui
umidade relativa aproximada de:
a)40%                         b)36%            
c)38%                         d)42%

40)Um volume de ar encontra-se com sua capacidade máxima de retenção de vapor de água,
portanto a umidade relativa é de:
a)100%                       b)0%              
c)4%                           d)50%

41)Aumentando a quantidade de umidade no ar teremos que a pressão atmosférica:


a) aumenta                 b) diminui
c) não se altera          d) não há relação

42) Umidade absoluta:


a) aumenta com o aumento da temperatura
b) diminui com o aumento da temperatura
c) aumenta com a diminuição da temperatura
d) é constante

43) Um volume de ar se toma saturado com o seguinte percentual de umidade relativa:


a) 4%                          b) 50%
c) 100%                      d) 20%

44) Se a atmosfera de determinado local se satura com 120 litros de vapor de água e tivermos
30 litros a umidade relativa será:
a) 25%                        b) 50%
c) 30%                        d) 40%

45) Um volume de ar tem 30 gramas de vapor de água, satura-se com 70 gramas. Com base
nestas informações pode-se informar que a umidade relativa é aproximadamente, em
porcentagem:
a)50                            b)43               
c)63                            d)70

46) O instrumento meteorológico destinado a registrar graficamente as variações da umidade


atmosférica, denomina-se:
a)barômetro               b)higrógrafo   
c)barógrafo                d)higrômetro

47) Um determinado volume de ar é considerado saturado quando contém uma quantidade de


vapor de água equivalente a: 
a)4%                           b)20%            
c)50%                         d)100%

48) A temperatura até a qual um volume de ar torna-se saturado por adição do vapor de água
chama-se:
a) ponto de orvalho                           
b) temperatura de bulbo seco
c) temperatura de condensação      
d) temperatura de bulbo úmido

49) Quanto maior a diferença entre a temperatura do ar e a temperatura do ponto de orvalho,


maior a possibilidade de ar:
a) saturado                 b) úmido
c) seco                       d) super úmido

50) O vapor de água apresenta peso molecular menor que o do oxigênio, como conseqüência,
tem-se que, seco é:
a) mais aquecido e instável              
b) mais denso que o ar úmido
c) menos denso que o ar saturado   
d) mais estável nos níveis baixos

GABARITO

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20
D D D B A B D A C A B D A D B D D A C C
21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40
B A A A C D D D C A A D A B D C B B A A
41 42 43 44 45 46 47 48 49 50
B A C A B B A D C B

SIMULADO METEOROLOGIA PP/PC CAPÍTULO 9 - HIDROMETEOROS E LITOMETEOROS

1) A precipitação ocorre quando:


a) a umidade relativa é elevada
b) nuvens baixas estão presentes
c) a atmosfera está com excesso de núcleos de condensação
d) a nuvem não pode conter o excesso de umidade condensada

2) Na apreciação da precipitação deve-se levar em conta:           


a) o tipo                     
b) o caráter
c) a intensidade         
d) todas as alternativas são corretas

3) são tipos de precipitação:


a) chuva, neve, orvalho                    
b) neve, chuvisco, granizo
c) saraiva, granizo, geada                
d) chuva, chuvisco, nevoeiro

4) o volume de água que cai na unidade de tempo, define, em relação à precipitação, a sua (o
seu):
a) duração                 
b) quantidade
c) intensidade            
d) aspecto de continuidade

5) A quantidade de precipitação líquida é obtida do:


a) nivômetro                                     
b) higrômetro
c) higrógrafo                                     
d) pluviômetro ou pluviógrafo

6) Um tipo de precipitação que ocorre ininterruptamente é classificado como:


a) pancadas               b) contínua
c) moderada               d) intermitente

7) Conforme a intensidade, a precipitação divide-se em:


a) leve, contínua, forte                      
b) leve, moderada, forte
c) intermitente, contínua, pancadas 
d) moderada, intermitente, pancadas

8) O aspecto de continuidade com que a precipitação ocorre, define, em:


a) origem                    b) caráter
c) quantidade             d) intensidade

9) A precipitação do caráter "pancadas" ocorre das nuvens:


a) CU e CB                b) CU e AS
c) CB e SC                 d) NS e CB

10) o termo "precipitação à vista" aplica-se à precipitação ocorrida:


a) ininterruptamente  
b) fora do aeródromo
c) sobre o aeródromo                       
d) na hora precedente à observação

11) Precipitação à vista indica, geralmente, a presença de nuvens:


a) cirriforme               b) Cumuliformes
c) estratiformes          d) do estágio baixo

12) Chuvisco exige a presença de:


a) nuvens stratus       
b) nebulosidade alta
c) atmosfera instável
d) nuvens stratocumulus

13) Precipitação cuja quantidade é tão pequena que os pingos não se unem para molhar o solo
completamente, recebe o nome de:
a) chuvisco                                       
b) precipitação leve   
c) precipitação ocasional                  
d) nenhuma das alternativas é correta

14) O termo "precipitação do tempo passado" refere-se à precipitação ocorrida:


a) no dia anterior                               
b) na observação anterior
c) até três horas antes                      
d) durante a hora precedente à observação

15) A maior distância em que objetos distinguidos são denominados:


a) visibilidade                                    
b) visibilidade estimada
c) visibilidade aeronáutica                
d) visibilidade predominante

16) Em Meteorologia, visibilidade é a medida do (a):


a) teor de umidade atmosférica       
b) grau de transparência da atmosfera
c) quantidade de impurezas da atmosfera
d) nenhuma das alternativas é correta

17) Para utilização em Meteorologia Aeronáutica, a visibilidade tem para unidade


a) metros                   
b) milhas
c) quilômetros           
d) metros ou quilômetros

18) Para fins aeronáuticos, a visibilidade pode ser obtida:


a) visualmente
                                  
b) instrumentalmente
c) por cálculos matemáticos            
d) visualmente ou instrumentalmente

19) Convencionalmente, valores de visibilidade até 800 metros, variam de:


a) 10 em 10 metros    b) 100 em 100 metros
c) 50 em 50 m            d) 1.000 em 1.000 m

20) Os fenômenos meteorológicos que causam maiores restrições à visibilidade são:


a) nuvens e nevoeiro                        
b) nuvens e trovoadas
c) trovoadas e relâmpagos               
d) litometeoros e hidrometeoros

21) Condições de tempo que reduzem a visibilidade a menos de 1.000 metros são:
a) NVO, FUM, POE   b) NVU, NVS, FUM
c) FUM, POE, NVU   d) ARE, NVO, NVE

22) Assinale a alternativa em que só apareçam condições de tempo que façam restrições à
visibilidade:
a) NVO, NVU, NVS   b) POE, RPG, FUM
c) ISC, TRV, FUM     d) ISC, RPG, FUM
 
23) chuvisco moderado reduz a visibilidade a:
a) 1.000 metros         
b) 500 metros
c) menos de 500 metros
d) entre 500 e 1.000 metros

24) chuvisco que reduz a visibilidade a menos de 500 metros é de intensidade:


a) forte                                   b) leve
c) moderada               d) muito leve

25) Um tipo de nevoeiro também chamado de nevoeiro de céu visível, é, operacionalmente,


identificado por:
a) FG                          b) PRFG
c) BCFG                     d) MIFG

26) Com visibilidade uniforme de 2.000 metros, deverá estar ocorrendo:


a) FG ou BR               b) POE ou FU
c) BR ou HZ               d) FG ou MIFG

27) Mínimo meteorológico de visibilidade para operações visuais é:


a) 8.000 metros          b) 5.000 metros
c) 3.000 metros          d) 2.000 metros

28) Para operações visuais, o mínimo meteorológico de teto é de:


a) 600 m                     b) 500 m
c) 450 m                     d) 300 m

29) Quanto maior a diferença entre a temperatura do ar e a temperatura do ponto de orvalho,


maior a possibilidade de:
a) chuva                     b) nevoeiro
c) névoa seca            d) névoa úmida

30) O fenômeno provocado por gotículas de água em suspensão na atmosfera que confere aos
objetos a distância uma tonalidade azul-cinza, denomina-se:
a)névoa-seca;            b)névoa-úmida;
c)ponto de orvalho;    d)poeira.
31) Define-se coalescência como sendo o/a:
a)condensação do chuvisco;
b)condensação do nevoeiro;
c)processo que origina a precipitação;
d)processo que origina a condensação.

32) Dos fenômenos abaixo, indique o litometeoro que mais prejudica as condições de
visibilidade do ar à superfície:
a)chuvisco;                 b)nevoeiro;
c)fumaça;                   d)chuva.

33) Dentre as alternativas abaixo, indique aquela que apresenta somente hidrometeoros
precipitados:
a)geada neve e granizo;
b)chuva, chuvisco e neve;
c)orvalho, chuva e fumaça;
d)geada, orvalho e chuvisco.

34) Em um determinado aeródromo a visibilidade horizontal predominante é de 1.200 m e a


umidade relativa é de 60 por cento, nestas condições podemos afirmar que o elemento redutor
da visibilidade é:
a)fumaça;                   b)nevoeiro;
c)MIST;                      d)névoa-úmida.

35) Quando a precipitação ocorrer em período de tempo muito curto e com forte intensidade,
será classificada quanto ao caráter em:
a)forte;                                   b) pancada;
c)contínua;                 d) intermitente.

36) Quando a visibilidade horizontal de um aeródromo for de 200 metros, poderá estar
ocorrendo:
a)nevoeiro ou névoa-úmida;
b)poeira ou fumaça;
c)névoa-úmida ou névoa-seca:
d)névoa-úmida ou chuvisco.

37) Dos fenômenos abaixo. Identifique a precipitação liquida que, dependendo da intensidade,
poderá reduzir a visibilidade na superfície:
a)fumaça;                   b)granizo;
c)chuvisco;                 d)nevoeiro.                

38) As partículas sólidas e microscópicas em suspensão na atmosfera que difundem a luz


vermelha, denominam-se:

a)chuvisco;                 b)nevoeiro;
c)névoa-seca;            d)névoa-úmida.

39) As alternativas relacionadas abaixo. Indique aquela que representa o litometeoro que dá
uma coloração avermelhada ao nascer e ao pôr-do-sol:
a)fumaça;                   b)névoa-seca;
c)poeira;                     d)névoa-úmida.

40)Quando a visibilidade horizontal de um aeródromo é inferior de 50 metros a mesma é


considerada como:
a)zero                         b)relativa
c)variável                   d)irrelevante

41) Quando a visibilidade horizontal de um aeródromo for de 1200 metros e a umidade relativa
de 75%, poderá estar ocorrendo:
a)nevoeiro                  b)névoa úmida
c)névoa seca             d)Mist

42) Com o psicrômetro obtêm-se parâmetros para a determinação do (a):


a)pressão atmosférica          
b)intensidade do vento
c)quantidade de precipitação           
d)umidade relativa do ar

43) O instrumento destinado a medir a quantidade de precipitação denomina-se:


a)termômetro             b)pluviômetro
c)barômetro               d)higrômetro

44) Um volume de ar satura com 120 gramas de vapor de água, contém no momento 36
gramas. Nestas condições sua umidade relativa é de:
a)30%                         b)36%            
c)50%                         d)100%

45) A passagem de água do estado sólido para o estado líquido denomina-se:


a)fusão                       b)congelação
c)sublimação              d)condensação

46) Dos fenômenos abaixo, identifique a precipitação líquida que, dependendo da intensidade
poderá reduzir a visibilidade na superfície:
a)fumaça                    b)granizo
c)chuvisco                  d)névoa úmida

47) A passagem do vapor de água diretamente para o estado sólido, denomina-se:


a)fusão                       b)congelação
c)sublimação              d)condensação

48) Os hidrometeoros assim como os litometeoros são fenômenos importantes para a aviação,
pois a sua ocorrência está diretamente relacionada:
a)temperatura em altitude    
b)pressão atmosférica
c)visibilidade atmosférica     
d) gradiente térmico

49) Define-se coalescência como sendo o/a:


a)processo que origina a precipitação
b)condensação do chuvisco
c)condensação do nevoeiro 
d)processo que origina a névoa seca

50) Das alternativas abaixo, a precipitação líquida que reduz a visibilidade de forma mais
acentuada é o (a):
a)chuvisco                  b)nevoeiro
c)névoa úmida           d)pancada de chuva

GABARITO

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20
D D B C D B B B A B B A C D A B A D C D
21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40
A A D A A C B C C B C C B A B B C C B A
41 42 43 44 45 46 47 48 49 50
C D B A A C C C A A
SIMULADO METEOROLOGIA PP/PC CAPÍTULO 10 - NUVENS

1) As nuvens podem ser formadas por um dos seguintes processos físicos:


a) sublimação e congelação                                     
b) evaporação e condensação
c) condensação e sublimação                                  
d) condensação e congelação

2) Segundo a altura em que se formam, as nuvens foram divididas no seguinte número de


estágios:
a) 2                             b) 3                                         c) 4                             d) 5

3) As nuvens do estágio médio nas latitudes tropicais ocorrem entre, em Km:


a) 2 e 4                       b) 2 e 6                                   c) 2 e 7                       d) 2 e 8

4) Camadas contínuas, dispostas horizontalmente, sem desenvolvimento vertical, caracterizam


as nuvens:
a) cirriformes              b) cumulonimbus                   c) cumuliformes         d) estratiformes

5) São consideradas nuvens estratiformes:


a) NS, AS, ST                        b) CI, SC, NS              c) AS, ST, SC             d) CU, CB, ST

6) Nuvens cujas bases ocorrem no estágio baixo são:


a) CU, CB, SC, ST    b) CU, ST, SC, AC                c) NS, AS, CU, CB    d) SC, ST, CU, AS

7) Nuvem isolada com textura fibrosa, sem sombra própria, geralmente de um brilho sedoso,
define:
a) CI                           b) CC                                     c) CS                          d) AC

8) Nuvens constituídas exclusivamente por cristais de gelo são:


a) AC, CC, AS           b) CI, CC, SC                        c) CI, CC, CS             d) ST, CU, CB

9) Um véu de nuvens transparente e esbranquiçado, de aspecto fibroso é:


a) CI                           b) CC                                     c) AS                          d) CS

10) A nuvem em que se observa mais comumente o fenômeno de halo:


a) CS                          b) AS                                      c) CI                           d) CC

11) A nuvem altostratus apresenta-se mais comumente sob a forma de:


a) bancos isolados                                                 b) fibras delgadas e retilíneas
c) camada de grande desenvolvimento vertical    d) camada uniforme de grande extensão
horizontal

12) Nuvens baixas ocorrem entre:


a) 500 e 1.000 metros                                               b) 2.000 e 6.000 metros
c) 6.000 e 18.000 metros                                          d) a superfície e 2.000 metros

13) O altostratus difere do altocumulus em virtude de:


a) não apresentar precipitação                                 b) apresentar aspecto mais uniforme
c) ser mais branco que o altocumulus                      d) apresentar bancos de menor extensão

14) O stratus apresenta-se, geralmente:


a) em bancos isolados                                             
b) em fibras retilíneas ou curvas
c) em camadas baixas com base bastante uniforme
d) todas as alternativas são corretas

15) O stratus pode provir:


a) do levantamento orográfico do ar                        b) da ação de correntes convectivas
c) da ascensão lenta de uma camada de nevoeiro             d) todas as alternativas são corretas

16) Nuvem isolada, densa, de contornos bem definidos, apresentando base sensivelmente
horizontal é:
a) SC                          b) CU                                     c) CB                          d) ST

17) Os cumulus originam-se frequentemente de:


a) correntes convectivas
b) resfriamento do solo por radiação terrestre
c) ascensão progressiva de uma camada de nevoeiro
d) ascensão lenta de uma camada de ar de grande extensão horizontal

18) Nuvens que mais comumente interditam o aeródromo para operações IFR são:
a) AS                          b) ST                                      c) CU                          d) SC

19) A quantidade de nuvens presentes é representada nos boletins meteorológicos por


algarismos de:
a) 0 a 8                       b) 0 a 9                                   c) 1 a 8                       d) 1 a 9

20) Se metade do céu está coberto por nuvens, o algarismo que representa essa quantidade é:
a) 3                             b) 4                                         c) 5                             d) 6

21) O algarismo 8 referente à quantidade de nuvens, representa:


a) céu claro                                                               b) céu nublado                      
c) céu totalmente coberto                                         d) céu parcialmente nublado

22) a altura da base das nuvens é informada geralmente em:


a) metros a pés                                                         b) pés e quilômetros             
c) metros e decâmetros                                            d) metros e quilômetros

23) A nuvem que indica turbulência nos níveis médios é:


a) AS                          b) AC                                      c) SC                          d) NS

24) O aspecto filamentoso e alongado dos cirrus está sempre relacionado com:
a) precipitação                                                          b) ventos fracos                    
c) ventos fortes                                                         d) ventos de rajada à superfície

25) Voando abaixo de uma formação de cumulus, o piloto pode encontrar:


a) rajadas                                                                  b) chuvisco forte
c) precipitação contínua                                            d) correntes ascendentes e descendentes

26) A nuvem em que se observa mais comumente o fenômeno do halo é a:


       a) AS                          b) CI;                                      c) CS                          d) CC.

27) Das nuvens abaixo, aquela cuja constituição física é de cristais de gelo:
        a) CI;                          b) AS;                                     c) AC:                         d) CB.

28) A nuvem Altostratus apresenta-se mais comumente sob a forma de:


a)bancos isolados;                                                    b)fibras delgadas e retilíneas;
c)camada de grande desenvolvimento vertical;      d)camada uniforme de grande extensão
horizontal.

29) Nuvens isoladas, com textura fibrosa, sem sombra própria, geralmente de cor branca e
freqüentemente de um brilho sedoso, é a definição da nuvem:
a)Cirrus;                     b)Cumulus;                            c)Stratus;                    d)Nimbostratus.

30)  Dentre as nuvens especificadas abaixo, uma costuma produzir precipitações do tipo
chuvisco. Este gênero de nuvem denomina-se:
a)Altocumulus;           b)Stratus;                               c)Altostratus;              d)Nimbostratus.

31) Segundo o Atlas internacional de nuvens, as nuvens médias nas latitudes polares
estendem-se de 2.000 metros de altura até:
a)3.000 metros;          b)4.000 metros;                      c)5.000 metros;          d)6.000 metros.

32) A nuvem do estágio médio que indica turbulência é a:


a) CS;                         b) SC;                                     c) AC;                         d) AS.

33) Uma nuvem isolada, densa, de contornos bem definidos e que apresenta a sua base
sensivelmente horizontal é a:
a) NS;                         b) ST;                                     c) SC;                         d) CU.

34) O grupo SCT030, codificado no METAR, significa:


a)céu encoberto a 3.000 pés;                                   b)céu nublado a 900 metros;
c)teto a 900 metros;                                                  d)nuvens esparsas 900 metros.

35) Camada de nuvem com base comumente no estágio médio, com bastante precipitação,
sem turbulência, com coloração cinza-escuro e com grande espessura, são características da
nuvem:
a)CS                           b)NS                                       b)SC                           d)ST

36) Dentre as nuvens do estágio médio, uma costuma não produzir precipitação e quando o
faz, esta não atinge o solo (virga). Este gênero de nuvem denomina-se:
a)Altocumulus;           b)Nimbostratus;                     c)Cumulonimbus;       d)Cirrostratus.

37) Das formações relacionadas abaixo, indique aquela deverá ser evitada no momento de um
vôo:
a) CI                           b) AS                                      c) ST                          d) CB

38) Segundo o Atlas internacional, as nuvens médias nas latitudes polares estendem-se de
2.000 metros de altura até:
a)3000M                     b)4000M                                 c)7000M                     d)8000M

39) As nuvens formadas por cristais de gelo são:


a)altas                         b)altitude                                c)baixas                      d)de
desenvolvimento vertical

40) A altura máxima, segundo convenção internacional das bases do estágio baixo, em
quilômetros é de:
a)01                            b)02                                        c)03                            d)04

41) A base da nuvem, codificada no Metar é dada em:


a)altitude de pressão                                                 b)altitude
c)altura                                                                      d)altitude de densidade

42) Das nuvens abaixo, a que dá origem à chuva continua é:


a)altostratus                b)stratus                                 c)altocumulus             d)cumulus

43) Na carta SIG WX PROG, a abreviatura SCT, significa:


a)nublado                   b)esparso                               c)poucas                    d)encoberto

44) Uma nuvem isolada, densa, de contornos bem definidos e que apresenta sua base
sensivelmente horizontal é a:
a)nimbostratus           b)stratus                                 c)stratocumulus         d)cumulus
45)As nuvens com textura fibrosa, sem sombras próprias, constituídas exclusivamente de
cristais de gelo são:
a)altocumulus             b)stratus                                 c)cirrus                       d)altostratus

46) Banco, lençol ou camada delgada de nuvens brancas, sem sombras próprias, compostas
por pequenos elementos em forma de grânulos, é a definição da nuvem:
a)cumulus                  b)cumulonimbus                    c)cirrostratus              d)cirrocumulus

47) A presença de nuvens cirrus com aspecto alongado, “rabo de galo” caracteriza:
a)brisa marítima                                                        b)chuva forte                        
c)vento forte em altitude                                           d)chuva leve

48) Das nuvens especificadas abaixo identifique a que ocorre normalmente em ar instável:
a)nimbostratus           b)altocumulus                        c)cirrostratus              d)altostratus

49) As nuvens apresentam-se sob dois aspectos básicos que são:


a)altas e baixas                                                         b)úmidas e saturadas
c)instáveis e condicionais                                         d)estratiformes e cumuliformes

50) O halo é um fenômeno meteorológico que se verifica, comumente nas nuvens:


a)nimbostratus           b)cirrostratus                          c)cumulonimbus        d)stratocumulus

GABARITO

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20
C B D D A A A C D A D D B D C B A B C B
21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40
C A B C D C A D A B B C D D B A D B A B
41 42 43 44 45 46 47 48 49 50
C A B D C D C B D B

SIMULADO METEOROLOGIA PP/PC CAP. 11 - NEVOEIROS


1) O céu está invisível pela presença de nevoeiro ou fumaça, diz-se que ele está:
a) claro                  b) nublado                   c) encoberto                  d) obscurecido

2) O nevoeiro
a) ocorre somente no verão 
b) é um tipo de hidrometeoro
c) ocorre somente em superfícies terrestres 
 d) forma-se em noites de grande nebulosidade

3) Para a formação do nevoeiro é necessário:


a) umidade relativa elevada
b) ventos fracos à superfície
c) núcleos de condensação em grande quantidade no ar
d) todas as alternativas são corretas

4) o nevoeiro pode ser produzido por:


a) resfriamento do ar 
b) diminuição da pressão atmosférica
c) acréscimo de vapor de água à atmosfera 
d) as alternativas "a" e "c" são corretas

5) É uma característica do nevoeiro:


a) formar-se nos primeiros 100 metros de altura
b) reduzir a visibilidade vertical a mais de 1.000 metros
c) reduzir a visibilidade horizontal a menos de 1.000 metros
d) Qualquer das alternativas é correta

6) Nevoeiro de radiação ocorre com:


a) céu claro, radiação terrestre, ventos fracos
b) radiação terrestre, ventos fortes, céu claro
c) nebulosidade baixa, umidade relativa elevada, ventos fracos
d) nebulosidade estratiforme, ventos fracos, radiação terrestre

7) O nevoeiro formado pelo resfriamento noturno, em noites claras, sem nuvens, especialmente
no inverno e primavera, denomina-se nevoeiro:
a)marítimo;              b)orográfico;                  c)de radiação;                        d)de advecção.

8) Das alternativas relacionadas abaixo, indique aquela em que não há elementos necessários


à formação de nevoeiros:
a)escassez de núcleos higroscópicos; b)resfriamento do ar por razão física;
c)inversão da temperatura de superfície; d)existência de elevada umidade relativa

9) Das alternativas relacionadas abaixo, indique a que “não” tem relação com os nevoeiros
a) estabilidade do ar 
b) visibilidade irrestrita
c) umidade relativa muito elevada 
d) inversão de temperatura, próxima a superfície

10) O tipo de nevoeiro normalmente associado aos deslocamentos de massa de ar, denomina-
se nevoeiro:
a)de radiação 
b)convectivo 
c)frontais 
 d)de brisa

11) Dentre as alternativas abaixo, quais os valores de visibilidade e umidade relativa que
caracterizam o fenômeno nevoeiro:
a)800 m e 70 a 100% 
b)1.000 m e 90 a 100%
c)1.200 m e 80 a 100% 
d)900 m e 97 a 100%

12) Se em um determinado aeródromo há nevoeiro, pode-se afirmar que:


a)há cumulonimbus 
b)há ventos fortes
c)o ar encontra-se estável 
 d)o ar encontra-se instável

13) Nevoeiro glacial ocorre:


a) com temperatura acima de 0ºC 
b) com temperatura abaixo de –30ºC
c) pela condensação do vapor de água 
d) no inverno das regiões temperadas

14) Inversões térmicas a superfícies podem causar fenômenos tais como:


a)trovoadas 
b)turbulências mecânicas
c)nuvens cumuliformes 
d)nevoeiros

15) Em noites frias, no inverno, comumente encontra-se sobre os pântanos, lagos e bacias
hidrográficas, nevoeiro do tipo:
a)de vapor                    b)marítimo                        c)orográfico                            d)de radiação
16) Para se constatar nevoeiros devem observar a seguinte relação, visibilidade e umidade
relativa:
a) maior que 1000 metros e maior que 90% 
b) menor que 1000 metros e menor que 80%
c) menor que 1000 metros e maior que 97% 
d) maior que 1000 e igual a 97%

17) O nevoeiro marítimo:


a) é um tipo de nevoeiro frontal 
b) é comum no verão das latitudes temperadas
c) tem comumente espessura inferior a 10 metros 
d) todas as alternativas são corretas

18) À noite, no inverno, quanto o céu apresentar-se sem nebulosidade e com vento calmo,
haverá maior probabilidade de, pela manhã seguinte, ocorrer:
a)chuva                    b)frente                             c)trovoada                              d)nevoeiro de
radiação

19) O nevoeiro será definido como tal, quando a visibilidade horizontal estiver:
a)igual ou inferior a 5.000 metros b)superior a 3.000 metros
c)inferior a 1.000 metros d)entre 1.000 e 5.000 metros

20) Forma-se à tarde sobre a orla marítima de Copacabana um nevoeiro que envolve a praia e
a Avenida Atlântica. Há brisa suave. Úmida e ligeiramente quente do mar. Trata-se de
nevoeiro:
a) de brisa               b) marítimo                        c) de vapor                            d) de radiação

21) O nevoeiro pós-frontal ocorre:


a)antes da passagem de um sistema frontal frio
b)depois da passagem de um sistema frontal frio
c)antes da passagem de um sistema frontal quente
d)depois da passagem de um sistema frontal quente

22) O nevoeiro denominado pré-frontal forma-se associado à: 


a)CAT                   b)corrente de jato               c)frente fria                             d)frente quente

23) Com a ocorrência de nevoeiro forte sobre um aeródromo a única solução a ser seguida por
um piloto que se esteja dirigindo a esse aeródromo é:
a) voltar ao aeródromo de partida
b) aterrar da melhor maneira possível
c) sobrevoar até que o nevoeiro se dissipe
d)seguir imediatamente para o aeródromo de alternativa

24) Os nevoeiros podem ser formados por uma das seguintes condições:
a) resfriamento do ar
b) aumento de temperatura
c) diminuição da pressão atmosférica
d) diminuição da quantidade de núcleos de condensação

25) São tipos de nevoeiros de advecção:


a) nevoeiros de vapor e marítimos                  b) nevoeiros orográficos e radiação
c) nevoeiros pré-frontal e orográficos              d) nevoeiros de superfície e radiação

26) Quando não houver diferença entre a temperatura do ar e do ponto do orvalho na superfície
que condição de tempo poderá ocorrer:
a) névoa úmida 
b) nevoeiro
c) pouca nebulosidade 
d) névoa seca
27) O nevoeiro de radiação é formado pelo processo:
a) adiabático         b) de evaporação        c) de resfriamento         d) de advecção

28) Para ocorrência de nevoeiros observa-se que


a) o vento terá que ser calmo
b) ocorrerá inversão térmica à superfície
c) terá sempre que existir advecção de ar frio
d) o ar estará necessariamente saturado e instável

29) O tipo de nevoeiro normalmente associado aos deslocamentos de massas de ar denomina-


se nevoeiro:
a) de radiação        b) frontal                   c) convectivo                    d) de brisa

30) A radiação terrestre quando ocorre em céu claro e com vento calmo, normalmente favorece
a formação de:
a) pancadas de chuva                              b) cumulonimbus
c) nevoeiro                                              d) efeito de estufa

31) o nevoeiro formado pelo resfriamento noturno, em noites claras, sem nuvens,
especialmente no inverno e primavera denomina-se nevoeiro:
a) marítimo           b) de radiação             c) orográfico                    d) de advecção

32) Quando ocorre deslocamento do ar frio para regiões onde exista água na superfície, sendo
esta relativamente mais quente, o nevoeiro que se formará pela condensação das partículas
liquidas em suspensão, será denominado:
a) marítimo           b) de vapor                  c) orográfico                    d) de radiação

33) Numa região com ar estável, bastante umidade e núcleos de condensação, a temperatura
está em declínio e os ventos a superfície são fracos. Tais condições favorecem a ocorrência
de:
a) nuvens convectivas                             b) litometeoros de solo
c) turbulência de solo                              d) nevoeiro de advecção

34) A definição de nevoeiro é: Nuvem que envolve o observador, no solo, e que reduz a
visibilidade horizontal a menos de:
a)10 Km              b)5000 m                      c)1000 m                         d)100 m

35)O nevoeiro formado pelo resfriamento noturno, em noites com céu claro, especialmente no
inverno e primavera, denomina-se nevoeiro:
a)marítimo           b)orográfico                   c)de radiação                   d)de advecção

36) O nevoeiro de vapor é conseqüência:


a) do esfriamento do solo durante a noite
b) do deslocamento do ar aquecido do mar sobre o litoral mais frio
c) do deslocamento do ar quente sobre a superfície líquida mais fria
d) do deslocamento do ar frio sobre superfície líquida mais quente

37)O nevoeiro formado pelo deslocamento de ar quente sobre uma superfície líquida mais fria,
denomina-se nevoeiro:
a)marítimo               b)orográfico           c)de radiação                 d)de advecção

38)Quando ocorre deslocamento do ar frio para regiões onde exista água na superfície, sendo
esta relativamente mais quente, deve-se esperar a condensação das partículas liquidas em
suspensão, formando nevoeiro denominado:
a)marítimo              b)de vapor              c)orográfico                    d)de radiação

39)O nevoeiro de vapor ocorre:


a) sobre superfícies líquidas
b) sobre superfícies terrestres
c) nas manhãs de inverno nas latitudes tropicais
d) nas tardes de verão das latitudes equatoriais

40)Numa região temos: ar estável, bastante umidade, núcleos de condensação, temperatura


em declínio e os ventos fracos a superfície. Tais condições favorecem a ocorrência de:
a)nuvens convectivas
b)litometeoros de solo
c)turbulência de solo
d)nevoeiros de advecção

41)O nevoeiro que se forma associado a uma frente fria lenta denomina-se:


a)pós-frontal          b)pré-frontal               c)advectivo                   d)radiação

42)O nevoeiro de radiação forma-se associado as seguintes condições:


a)céu claro, radiação solar e vento calmo
b)vento forte, radiação terrestre e céu claro
c)radiação terrestre, céu claro e vento fraco
d)nuvens altas, radiação terrestre e vento forte

43)Ao aproximar-se para o pouso o piloto é informado que a pressão local encontra-se em
ascensão e a visibilidade é bastante restrita por nevoeiro, conclui-se que o local sofre influência
de (a):
a)passagem de uma frente fria                b)passagem de uma frente quente
c)uma linha de instabilidade                    d)uma frente estacionária

44)A diferença básica entre o nevoeiro de radiação e o de advecção é que no:


a)primeiro só ocorre quando há umidade relativa
b)segundo só ocorre quando há um sensível aquecimento da superfície
c)segundo o processo de formação caracteriza-se pelo deslocamento horizontal do ar
d)primeiro o processo de formação caracteriza-se pelo deslocamento horizontal do ar

45)Dentre as situações mencionadas abaixo, indique a que apresenta características de


nevoeiro:
a)média umidade relativa
b)presença de vento fraco
c)ausência de núcleo de condensação
d)visibilidade horizontal irrestrita

46) Assinale a alternativa correta:


a) ventos frios podem provocar ocorrência de nevoeiros de radiação
b) a advecção de ar frio para regiões alagadas provoca nevoeiro de vapor
c) é necessário vento calmo e céu claro para que ocorra qualquer tipo de nevoeiro
d) nevoeiro de radiação é o que ocorre no inverno em noites de céu claro devido à radiação
solar

47) Nas épocas de inverno e primavera quando a orla marítima encontra-se fria e os ventos do
mar, ligeiramente aquecidos e úmidos fluem para ela ocorre nevoeiro:
a) de vapor         b) de brisa           c) marítimo             d) orográfico

48) Céu claro e radiação terrestre no interior continental facilitam no inverno, a formação de
nevoeiros:
a) de brisa         b) frontais            c) de advecção          d) de radiação

49) Quando no verão ventos quentes e úmidos, fluem para sobre correntes marítimas frias
provocando a formação de uma camada de nevoeiro baixa, colada ao mar é denominado de
nevoeiro:
a) de brisa          b) orográfico       c) de radiação            d) de advecção
50) Uma frente quente encontra-se no Paraná e sua atividade estende-se até Santa Catarina.
No Rio Grande do Sul existem nevoeiros esparsos ao amanhecer. Pode-se dizer que estes
nevoeiros são do tipo
a) frontal             b) radiação          c) pré-frontal              d) massa de ar

51) Um nevoeiro produzido pelos ventos frios que sopram sobre regiões alagadas é
classificado como
a) frontal             b) de vapor           c) marítimo              d) de radiação

Ajude o MeteoroCG seja um seguidor

GABARITO

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20

D B D D C A C A B C D C B D A C B D C A

21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40

B D D A A B C B B C B B D C C D A B A D

41 42 43 44 45 46 47 48 49 50 51

A C A C B B B D A C B

SIMULADO METEOROLOGIA PP/PC CAPÍTULO 12 - VENTOS

1) Uma observação completa do vento, compõe-se dos seguintes elementos:


a) sentido, velocidade, força                                     
b) direção, força, intensidade
c) sentido, velocidade, direção                                 
d) direção, intensidade, caráter

2) Em Meteorologia Aeronáutica, usa-se mais comumente como unidade de velocidade do


vento:
a) m/s                         b) nós                                     c) Km/h                      d) m/s ou Km/h

3) É considerado calmo o vento:


a) sem intensidade                                                     
b) sem direção definida
c) com direção variável                                             
d) com intensidade menor do que 5 nós

4) É considerado de rajadas, o vento:


a) com variação de mais de 45º
b) com velocidade superior a 10 nós
c) com velocidade superior a 20 nós
d) cuja diferença entre as velocidades máxima e média é superior a 10 nós

5) Para ser considerado como vento de rajadas, a observação da velocidade do vento deve ser
feita num período:
a) de 1 minuto                                                                       
b) de 10 minutos                   
c) superior a 20 segundos                                        
d) não superior a 20 segundos

6) Por convenção, o vento é considerado de superfície, quando ocorre:


a) somente à superfície                                             
b) nos primeiros dez metros
c) nos primeiros cem metros                                     
d) nenhuma das alternativas é correta

7) Usualmente, para finalidades operacionais aeronáuticas, o vento de superfície é medido por:


a) biruta                      
b) catavento                            
c) anemômetro           
d) estimativa

8) No hemisfério sul, o vento flui:


a) no sentido horário ao redor da alta pressão        
b) no sentido horário ao redor da baixa pressão
c) das pressões mais baixas para as pressões mais altas
d) qualquer das alternativas é correta

9) Os ventos pertencentes à circulação superior possuem uma predominância de:


        a) oeste;                   
        b) leste;                                  
        c) sudeste;                  
        d) nordeste.

10)  Em uma carta sinótica à medida que as isóbaras estiverem mais próximas entre si, os
ventos na região estarão mais:
a) calmos;                  
b) fracos;                                
c) fortes;                      
d) variáveis.

11) O efeito de Coriólis passa a se manifestar claramente a partir do (a):


a) camada limite;                                                       
b) nível gradiente;                 
c) camada de transição;                                           
d) nível de transição.

12) O vento pertencente à circulação regional, que apresenta características próprias e ocorre
deforma irregular no interior da circulação geral denomina-se:
a) brisa;                                                                      
b) alísios;
c) ventos de oeste;                                                   
d) corrente de jato.

13) Os fluxos dos ventos tendem a soprar:


a) ao longo das isoípsas;                                            
b) ao longo das isotermas;
c) das pressões mais baixas para as mais altas;      
d) das pressões mais altas para as mais baixas.
14) Os ventos alísios, no hemisfério sul, predominam de:
a) NE;                                     
b) SE;                                      
c) NW;                                     
d) SW.
15) Os ventos fortes em altitude, normalmente são identificados pela presença das nuvens:
        a) cirriformes;                         
        b) convectivas;.                      
        c) Cumulonimbus;       
        d) cumuliformes.

16) Os ventos alísios, no hemisfério norte, predominam de:


a) NE;                                      
b) SE;                                     
c) NW;                                     
d) SW.

17) As circulações atmosféricas divergentes, com sentido NOSE, localizam-se nas:


a) altas pressões no hemisfério sul;
b) baixas pressões no hemisfério sul;
c) altas pressões no hemisfério norte;
d) baixas pressões no hemisfério norte.

18) O centro de um sistema ciclônico no hemisfério sul, apresenta pressões:


a) mais elevadas no centro;
b) aumentando para a periferia;
c) diminuindo para a periferia;          
d) sem variação para o centro.

19) Os ventos que resultam do efeito direto do gradiente de pressão, denominam-se:


       a) gradientes;             
       b) geostróficos;                       
       c) barostróficos           
       d) ciclostróficos.

20) Das condições meteorológicas abaixo, aquela que está relacionada com o sistema bárico
anticiclônico é o (a):
a) chuva;                    
b) chuvisco;                           
c) trovoada;                
d) céu claro.

21) A circulação que ocorre à noite devido ao resfriamento do ar, tornando-o mais denso, que
desce ao longo das encostas por efeito de gravidade, denomina-se:
a) fohen;                      
b) de vale;                              
c) anabático;               
d) catabático.

22) Uma aeronave no hemisfério sul, voando no FL080 e com ventos de direita estará:
a) voando para uma região de fator "D" negativo;
b) com altitude de pressão diminuindo;
c) voando para uma região de pressões maiores;
d) com altitude verdadeira aumentando.

23) Ventos quentes e secos que descem a sotavento de grandes elevações, após ter subido a
barlavento, são considerados ventos:
a) anabáticos;             
b) de vale;                               
c) geostróficos;           
d) fohen.

24) A corrente de jato é mais intensa no:


a) verão sobe o oceano;                                           
b) inverno sobre o oceano;
c) verão sobre os continentes;                                   
d) inverno sobre os continentes.

25) Uma aeronave voando de Porto Alegre RS, para o Rio de Janeiro RJ, onde os valores do
QNH são, respectivamente de 1018 e 1005 hpa, terá:
a) deriva para a direita;                                             
b) deriva para a esquerda;
c) vento de cauda;                                                    
d) vento de proa.

26) Uma aeronave, no hemisfério sul, mantendo o rumo 120 graus, sobrevoa o centro de um
anticiclone. Ao se aproximar da periferia do referido centro a aeronave receberá ventos de:
a) proa;                       
b) cauda                                 
c) direita;                     
d) esquerda.

27) A camada de atrito estende-se da superfície até a altura de:


a) 100 m;                     
b) 200 m;                                
c) 600 m;                     
d) 2.000 m.

28) O vento e considerado de rajada quando a velocidade máxima excede a velocidade média
em:
a) 5 nós ou mais;         
b) 8 nós ou mais;                  
c) 10 nós ou mais;       
d) 15 nós ou mais.

29) Um vento é de rajada desde que uma leitura mostre valor acima da média da ordem de
a) 5 nós                       
b) 10 nós                                 
c) 15 nós                     
d) 20 nós

30) Com base na lei de Buys Ballot, pode-se afirmar que um observador, no hemisfério:
a) sul, voltando às costas ao vento, saberá que as menores pressões estarão a sua direita
b) sul, voltando às costas ao vento, saberá que as menores pressões estarão a sua esquerda
c) norte, voltando às costas ao vento, saberá que as menores pressões estarão a sua direita
d) norte, voltando às costas ao vento, saberá que as maiores pressões estarão a esquerda do
observador

31) A força aparente de Coriólis provoca uma componente devido à rotação da Terra. No
hemisfério sul esse efeito provoca um desvio para o (a):
a)direita                       
b)esquerda                              
c)equador                    
d)pólo

32) Em uma carta sinótica a medida em que as isóbaras estiverem mais próximas entre si, os
ventos na região estarão mais:
a)calmos                     
b)fracos                                   
c)fortes                       
d)variáveis

33) Com relação ao vento, o de superfície estende-se desde a superfície até o limite máximo
de:
a)100M                        
b)200M                                    
c)300M                        
d)600M

34) A força do gradiente de pressão faz com que os ventos sempre fluam na direção dos (as):
a)pólos                                                                        
b)anticiclones                        
c)pressões mais altas                                                
d)pressões mais baixas

35) Dos fenômenos abaixo, identifique aquele que pertence à circulação secundária:
a)ventos de vale         
b)ventos alísios                       
c)correntes polares     
d)corrente de jato

36) Os ventos que resultam do efeito direto do gradiente de pressão, denomina-se:


a)gradientes               
b)geostróficos                        
c)barostróficos            
d)ciclostróficos

37) Uma aeronave no hemisfério sul, sobrevoa uma região com ventos de direita, pode-se
concluir que a mesma voa:
a)na direção de pressão menor                                
b)na direção de uma alta pressão
c)com alta pressão à direita                                       
d)com baixa pressão a sua direita

38) A circulação que ocorre durante o dia, devido à diferença de temperatura entre a terra e a
água, denomina-se:
a)brisa terrestre          
b)vento de vale                     
c)brisa marítima          
d)vento anabático

39) Isógonas são linhas que unem pontos de igual:


a)direção do vento                                                    
b)pressão                              
c)velocidade do vento                                                
d)temperatura

40) Isotacas são linhas que unem pontos de igual:


a)direção do vento                                                     
b)pressão
c)velocidade do vento                                                
d)temperatura

41) A circulação que ocorre à noite, devido ao resfriamento do ar, tornando-se mais denso, e
que desce ao longo da encosta por efeito da gravidade, denomina-se vento:
a)catabático                
b)de vale                                 
c)anabático                 
d)Fohen

42) Nível gradiente é o nível da atmosfera, onde:


a) a força de atrito deixa de atuar
b) a força de atrito é mais intensa
c) a força de gravidade deixa de atuar
d) as forças de coriólis e do gradiente de pressão se equilibram

43) A faixa equatorial que separa a circulação geral dos dois hemisférios, denomina-se:
a)doldruns                                                                 
b)ondas de este                    
c)confluência intertropical                                         
d)frente fria

44) O fluxo dos ventos de superfície, sofre o mínimo efeito de fricção:


a)no mar                                                                     
b)acima de 100M
c)sobre montanhas                                                   
d)no nível gradiente

45) O fenômeno pertencente à circulação regional que apresenta características próprias e


ocorre de forma irregular no interior da circulação geral, denomina-se:
a)alísios                                                                                 
b)brisa
c)ventos de oeste                                                                  
d)no nível gradiente

46) No hemisfério sul o movimento dos ventos em um ciclone é:


a) horário convergente                                                          
b) horário divergente
c) anti-horário convergente                                                   
d) anti-horário divergente

47) Os ventos pertencentes à circulação gerais inferior, predominam até:


a)10.000 pés               
b)15.000 pés                                       
c)20.000 pés               
d)30.000 pés

48) Uma aeronave no hemisfério sul voando para o centro de um sistema de baixa pressão
sofrerá incidência de ventos de:
a)proa                         
b)cauda                                               
c)direita                       
d)esquerda

49) A força do gradiente de pressão faz com que os ventos sempre fluam na direção dos (as):
a)pólos                                                                                  
b)anticiclones                                    
c)pressões mais altas                                                           
d)pressões mais baixas

50) Dos fenômenos abaixo indique aquele que pertence à circulação secundária:
a)ventos de vale                                                                    
b)ventos alísios
c)correntes polares                                                               
d)correntes de jato

51) O vento pertencente à circulação secundária, identificada denomina-se:


a)onda orográfica                                                                 
b)vento de vale
c)ondas de este                                                                   
d)vento catabático
GABARITO

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20
D B A D D C C B A C B A D B A A A B C D
21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40
D A D D B C C C B A B C A D A C A C A C
41 42 43 44 45 46 47 48 49 50 51
A A C D B A C C D A B

SIMULADO METEOROLOGIA PP/PC CAPÍTULO 13 - PROCESSO ADIABÁTICO

1) Na atmosfera a variação térmica não é constante, podendo ocorrer na troposfera inversões


térmicas e isotermia, estas condições são caracterizadas pelo ar em equilíbrio:
a) estável;                   
b) instável;                              
c) constante;             
d) condicional.

2) As temperaturas na superfície e a 400 metros, respectivamente, são de 26 e 23 graus


Celsius. Considerando-se o processo adiabático; uma parcela de ar seco, em ascensão,
chegará a 400 metros em equilíbrio:
a) neutro;                                                                   b) estável;                             
c) condicional estável;                                               d) condicional instável.

3) Em qual dos gradientes abaixo, poderá ocorrer trovoada:


a) 0,1ºC/100m;           
b) 0,5°C/100m;                      
c)1,6°C/200 m;           
d) 2,4°C/200 m.

4) No processo adiabático, quando a condição de equilíbrio atmosférico de uma parcela de ar é


determinada pela formação de nuvens cumuliformes, dizemos que o ar é considerado:
        a) estável;                   b) instável;      .                      c) condicional;            d)
superadiabático.
5) Segundo o processo adiabático, a variação térmica para o ar seco, é de:
a) 0,6°C/100 m;          
b) 0,8°C/100 m;                     
c) 1,0°C/100 m;          
d) 1,2°C/100 m.

6) Uma nuvem de grande desenvolvimento vertical tem sua base a 850 metros de altura.
Determine a temperatura do ar a 2.000 metros dentro da referida nuvem, sabendo-se que a
temperatura do ponto de orvalho a 600 metros de altura é de 09° Celsius positivos:
a) mais 3° Celsius;                                                    
b) menos 3° Celsius;             
c) mais 1,6° Celsius;                                                 
d) menos 1,6° Celsius.

7) Na base de uma nuvem Cumulus de 1.200 metros de altura a temperatura do ponto de


orvalho é de 05° Celsius positivos, sua espessura é de 400 metros. Qual será a temperatura do
ar no seu topo?
       a) mais 2,4ºC;            
       b) mais 2,6°C;                          
       c) mais 3,6°C;             
       d) mais 1,6°C.
8) A temperatura na superfície é de 20° Celsius e a 400 metros é de 15°
Celsius.  Considerando-se o ar resfriado e úmido, supõe-se esperar a formação de:
a) nuvens Cumulus;                                                  
b) nevoeiros;                         
c) precipitação contínua;                                           
d) Stratocumulus.

9) A base de uma determinada nuvem convectiva encontra-se a 875 metros de altura e a


temperatura no solo é de 35°Celsius. Qual a temperatura do ponto de orvalho no solo em graus
Celsius?
a) 28;                          
b) 30;                                      
c) 33;                         
d) 35.

10) A temperatura do ar à superfície é de 24° Celsius e o ponto de orvalho é de 20° Celsius. A


nebulosidade convectiva que se formar será:
a) Stratus a 500 metros                                            
b) Altocumulus a 1.000 pés;
c) Altostratus a 500 metros;                                      
d) Cumulus a 500 metros.

11) Na atmosfera real o gradiente de temperatura "não" é constante na troposfera, podendo


ocorrer, além de outros fenômenos, inversões térmicas. Tal circunstância determina uma
condição de:
       a) isotermia;                                                              
       b) convectividade;
c) estabilidade do ar;                                                 
d) equilíbrio condicional.

12) Qual das razões relacionadas abaixo, representa um gradiente vertical térmico adiabático
saturado:
a) 1ºC/100 m              
b) 3,6ºC/300 m                      
c) 1,8ºC/300 m           
d) 3,42ºC/100 m

13) Dos fenômenos meteorológicos relacionados abaixo, indique aquele que pode ser
provocado pelos convectivas termais:
a) geadas                                                                  
b) nevoeiros
c) nuvens cumulus                                                    
d) correntes de jato

14) Nuvens cumulus possuem suas bases a 1500 m de altura. Sabendo-se que a temperatura
do ponto de orvalho a 700 m é de 14ºC positivos. A temperatura do ar na base da nuvem será
de mais:
a)9,2ºC                       
b)12,4ºC                                 
c)20,4ºC                     
d)6,0ºC

15) O gradiente térmico de 1,6ºC/100m é considerado:


a)normal                     
b)auto-convectivo                  
c)adiabático seco         
d)superadiabático
16) A temperatura do ar na superfície é de 24ºC e o ponto de orvalho de 20ºC. A nebulosidade
convectiva que se formar será:
a)cumulus a 500 metros                                           
b)altocumulus a 1.000 pés
c)altostratus a 500 metros                                        
d)stratus a 1.500 metros

17) O equilíbrio atmosférico que permite esperar-se a ocorrência de trovoadas é o:


a) neutro                     
b) estável                                
c) instável                    
d) absoluto

18) A nuvem que caracteriza o equilíbrio condicional do ar é:


a)cumulonimbus        
b)stratus                                 
c)cumulus                     
d)stratocumulus

19) As nuvens cumuliformes formam-se em ar:


a)neutro                      
b)estável                                
c)instável                       
d)condicional

20) Na base de uma determinada nuvem que se encontra a 800 metros de altura a temperatura
do ar de 20ºC positivos, portanto a temperatura do ponto do orvalho na superfície é de mais:
a)28ºC                                    
b)21,6ºC                     
c)23,6ºC                        
d)18,4ºC

21) Considerando as temperaturas do ar e do ponto de orvalho, ambas na superfície,


respectivamente, de 32ºC e 24ºC, pode-se afirmar que a altura média na base das nuvens
convectivas, em metros será de:
a)1.000                       
b)1.100                                   
c)1.200                       
d)1.300

22) Nuvens estratificadas com névoas restringindo a visibilidade são características do ar em


equilíbrio:
a)neutro                     
b)estável                               
c)instável                    
d)condicional

23) Uma nuvem cumulus possui base a 800 metros e topo a 5.000 metros de altura. Qual a
temperatura do ar no topo da nuvem, sabendo-se que a temperatura do ponto do orvalho a 300
metros é de 16ºC positivos?
a)-20,2ºC                      
b)+10,2ºC                                
c)-20,2ºC                      
d)-10,2ºC

24) Determinar a temperatura do ar, em graus Celsius, à superfície, sabendo-se que o ponto de
orvalho, na base da nuvem cumulus, é igual a 15ºC e o NCC da respectiva nebulosidade é
igual a 1.000 metros.
a)25                            
b)27                                       
c)29                            
d)31

25) A atividade convectiva de uma parcela de ar teve início com uma temperatura cujo valor é o
dobro da temperatura padrão ao nível do mar. Sabendo-se que a base da nuvem cumulus
formou-se a 1.000 m. Determinar o ponto de orvalho a superfície.
a) 18ºC                       
b) 20ºC                                   
c) 22ºC                       
d) 24ºC

26) Sendo dadas as temperaturas do ar e do ponto de orvalho iguais a 30/22 a altura média da
nuvem convectiva é de:
a) 500 m                     
b) 500 pés                              
c) 1000 pés                
d) 1000 m

27) uma nuvem de grande desenvolvimento vertical tem sua base a 900m de altura. Determine
a temperatura do ar no topo da nuvem que tem 2.000m de espessura, sabendo-se que a
temperatura do ponto de orvalho a 400m de altura é de 7 graus Celsius positivos:
a) mais 3 graus Celsius                                             
b) menos 6 graus Celsius
c) mais 6 graus Celsius                                          
d) menos 3 graus Celsius

28) a base de uma determinada nuvem convectiva encontra-se a 1125m de altura e a


temperatura na superfície é de 35 graus Celsius. Qual a temperatura do ponto de orvalho na
superfície em graus Celsius?
a) 28                           
b) 26                                       
c) 24                           
d) 30

29) uma nuvem de grande desenvolvimento vertical tem sua base a 1000 metros de altura.
Determine a temperatura do ar a 2000 metros de altura, dentro da referida nuvem, sabendo-se
que a temperatura do ponto de orvalho a 500 metros de altura é de 08 graus Celsius positivos:
a) mais 3 graus Celsius                                             
b) mais 1 graus Celsius
c) menos 3 graus Celsius                                         
d) menos 1 graus Celsius

30) A temperatura do ar a superfície é de 20 graus Celsius e a 500 metros é de 23 graus


Celsius. Tal situação atmosférica indica o ar em equilíbrio:
a) estável                    
b) condicional                         
c) instável                   
d) neutro

31) NCC indica:


a) as bases das nuvens convectivas                         
b) o topo da camada limite
c) o topo das nuvens convectivas                              
d) as bases das nuvens estratiformes

32)No processo adiabático, quando a condição de equilíbrio atmosférico de uma parcela de ar


é determinada pela formação de nuvens cumuliformes, dizemos que o ar é considerado:
a)estável                     
b)instável                                
c)condicional              
d)superadiabático

33)Segundo o processo adiabático, a variação térmica para o ar saturado, é de:


a)0,6ºC/100M             
b)0,8ºC/100M                         
c)1,0ºC/100M             
d)1,2ºC/100M

34)Uma nuvem de grande desenvolvimento vertical tem sua base a 850 metros de altura.
Determine a temperatura do ar a 2.000 metros dentro da referida nuvem, sabendo-se que a
temperatura do ponto de orvalho a 600 metros de altura é de 9ºC positivos:
a)+3ºC                                   
b)-3ºC                          
c)+1,6ºC                    
d)-1,6ºC

35)Na base de uma nuvem cumulus de 1.200 metros de altura a temperatura do ponto de
orvalho é de 5ºC positivos, sua espessura é de 4.000 metros, portanto a temperatura do ar no
seu topo será de menos:
a)31ºC                                    
b)19ºC                        
c)11,8ºC                     
d)3ºC

36)A temperatura na superfície é de 20ºC e a 400 metros é de 15ºC. Considerando o ar


resfriado e úmido, pode-se esperar a formação de:
a)nuvens cumulus                                                     
b)nevoeiros
c)precipitação continua                                             
d)stratocumulus

37)Toda vez que o gradiente térmico for maior que a razão adiabática úmida, o ar saturado
será:
a) estável                    
b) neutro                                
c) superadiabático      
d) instável

38)Em qual dos gradientes abaixo, poderá ocorrer trovoadas:


a)0,1ºC/100M             
b)0,5ºC/100M                         
c)1,6ºC/200M             
d)2,4ºC/200M

39)A base de uma determinada nuvem convectiva encontra-se a 875 metros de altura e a
temperatura a superfície é de 35ºC. Qual a temperatura do ponto de orvalho na superfície em
graus Celsius?
a)28                            
b)30                                        
c)33                            
d)35

40)A temperatura na superfície é de 26ºC e a 400 metros é de 23ºC. Considerando o processo


adiabático e o ar seco, temos equilíbrio:
a)neutro                     
b)estável                                
c)condicional estável  
d)condicional instável
41)Uma nuvem de grande desenvolvimento vertical tem sua base a 950 metros. Determine a
temperatura do ar a 3.000 metros de altura, dentro da referida nuvem, sabendo-se que a
temperatura do ponto de orvalho a 500 metros de altura é de 21ºC positivos:
a)+20,1ºC                   
b)+2,1ºC                                
c)+4,2ºC                     
d)+7,8ºC

42)O fenômeno meteorológico abaixo que caracteriza a condição de equilíbrio estável do ar é o


(a):
a)nuvem stratus                                                        
b)pancada de chuva
c)corrente convectiva                                               
d)turbulência atmosférica

43)Uma nuvem de grande desenvolvimento vertical tem sua base a 1.200 metros de altura.
Determine a altura do seu topo, sabendo-se que a temperatura do ponto de orvalho a 500
metros de altura é de 15° Celsius positivos e temperatura no topo da referida nuvem é de
menos 9,2º Celsius.
a)5.000 metros           
b)3.000 metros                       
c)4.500 metros           
d)4.000 metros

44)As nuvens baixas estratificadas são decorrentes do gradiente:


a)auto-convectivo                                                     
b)superadiabático
c)maior que 1°C/100m                                             
d)menor que 0,6°C/100m

45)Uma nuvem cumulus tem base a 750 metros e topo a 5.000 metros. Qual a temperatura do
ar na 3.000 metros de altura se a temperatura do ponto de orvalho a 500 metros é de 18ºC?
a)mais 23,5°C           
b)mais 3°C                            
c)mais 4°C                 
d)mais 17,5°C

46) A base de uma nuvem indica o nível de:


a) sublimação            
b) evaporação                       
c) condensação         
d) congelamento

47) Dentre as alternativas relacionadas indique aquela que apresenta uma equivalência com a
razão adiabática seca:
a)0,6ºC/100M            
b)3ºC/200M                           
c)2ºC/200M                
d)0,65ºC/100M

48) Determinar o nível de condensação por convecção, onde se iniciará a formação de bases
das nuvens convectivas, sabendo-se que a temperatura do ponto de orvalho e do ar são,
respectivamente de 26ºC e 34ºC
a)1.000M                    
b)750M                                   
c)875M                       
d)650M

49) Quando o gradiente térmico vertical estiver na razão de 2ºC/1.000 M, tem-se uma
atmosfera:
a)estável                     
b)instável                                
c)condicional              
d)superadiabática

50) Qual das razões adiabáticas relacionadas abaixo, representa um gradiente vertical térmico
adiabático saturado:
a)1,0ºC por 100 metros                                            
b)3,6ºC por 300 metros
c)1,8ºC por 300 metros                                            
d)3,42ºC por 100 metros

Aulas online - Vídeos com áudio, exercícios resolvidos, fórum e questões.


Acesse: www.pilotosemfronteiras.com.br 

  
GABARITO

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20
A B D B C C B A A D C C C B D A C D C B
21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40
A B D A C D B B B A A B A C B A D D A B
41 42 43 44 45 46 47 48 49 50
D A A D C C C A A C

SIMULADO METEOROLOGIA PP/PC CAPÍTULO 14 - MASSAS DE AR

1) De uma forma geral de formação de massas de ar, classificam-se em:


a) continentais e marítimas 
b) equatoriais e polares
c) tropicais e marítimas 
d) tropicais e polares

2) As massas de ar adquirem as características das superfícies em que se formam, as quais


podem ser classificadas em:
a) frias e secas 
b) frias e quentes
c) equatoriais e polares 
d) continentais e marítimas

3) Uma massa de ar polar, fria, do pacifico, é identificada:


a)mPk 
b)mPc 
c)cTw 
d)mTw

4) Dentre as alternativas relacionadas abaixo, identifique aquela que apresenta características


de uma massa de ar quente:
a)ar estável com nebulosidade cumuliforme 
b)ar estável com nebulosidade estratiforme
c)ar instável com nebulosidade cumuliforme 
d)ar instável com nebulosidade estratiforme

5) Quando uma mPk é impulsionada na direção a uma cTw, em principio tem-se a formação de
um (a):
a)massa de ar quente 
b)frente quente
c)massa de ar fria 
d)frente fria

6) As massas de ar quente apresentam:


a)instabilidade e trovoada 
b)trovoadas e visibilidade ilimitada
c)visibilidade reduzida e nuvens estratificadas 
d)nebulosidade cumuliformes e boa visibilidade

7) Uma massa polar quente do pacífico, é identificada pela designação:


a)mPk 
b)mPw 
c)cTw 
d)cPk

8) A atmosfera em equilíbrio estável e com hidrometeoros restringindo a visibilidade, é


fenômenos característicos de um(a):
a)frente fria 
 b)ciclone tropical
c)massa de ar quente 
d)trovoada convectiva

9) Um grande volume de ar, repousando sobre uma região acaba adquirindo as características
físicas de pressão, temperatura e umidade, tornando-se um (a):
a)frente 
b)tornado
c)massa de ar 
d)ciclone tropical

10) Das latitudes abaixo, aquela que não propicia a formação de massa de ar é a:
a)polar 
b)tropical
c)temperada 
d)equatorial

11) Dos fenômenos abaixo, identifique o que é caracterizado pela estabilidade atmosférica:
a)pancada de chuva 
b)sistema de baixa
c)massa de ar quente 
d)trovoada convectiva

12) Se a massa de ar apresenta boa visibilidade, céu claro e baixa temperatura, sua
classificação será de:
a)cTw 
b)mTw 
c)cPk 
d)mEw

13) A massa de ar que tem origem na região Ártica é de natureza:


a) tropical 
b) marítima 
c) continental 
d) quente e úmida

14) Gradiente térmico maior que a razão adiabática seca é uma característica de massa de ar:
a) fria 
b) quente 
c) marítima 
d) continental
15) As características de uma massa de ar são bem definidas até o nível médio de:
a) 400 hpa
b) 500 hpa 
c) 700 hpa 
d) 1000 hpa

16) Uma massa de ar marítmo-tropical-quente terá a seguinte classificação:


a) MTK 
b) CTW 
c) MTW 
d) MPW

17) À superfície a temperatura é de 30ºC e a 1.000 metros, de 18ºC. A massa de ar


predominante é:
a) fria 
b) quente 
c) marítima 
d) continental

18) Uma massa de ar é uma extensa porção da atmosfera com características termodinâmicas


praticamente uniformes. Essas características são:
a)Evaporação, estabilidade e temperatura; 
b)Vento, precipitação e nebulosidade;
c)Temperatura, umidade e pressão; 
d)umidade, temperatura e estabilidade.

19)Grande volume de ar, caracterizado pela estabilidade atmosférica e conseqüente formação


de névoas e nevoeiros, denomina-se:
a)frente fria  
b)ciclone tropical
c)massa de ar quente 
d)sistema frontal ocluso

20)Dentre as alternativas relacionadas abaixo, indique aquela que apresenta características de


uma massa de ar quente, na região centro-oeste do Brasil:
a)ar estável com nebulosidade cumuliforme b)ar estável com nebulosidade estratiforme
c)ar instável com nebulosidade cumuliforme d)ar instável com nebulosidade estratiforme

21) grandes volumes de ar caracterizados pela estabilidade atmosférica e conseqüente


formação de névoas e nevoeiros, denominam-se:
a) frente fria b) massas de ar quente
c) ciclones tropicais d) sistema frontal ocluso

22) A zona que apresenta um tipo quase uniforme de clima é a:


a) polar 
b) tropical
c) subtropical 
d) equatorial

23) uma massa, de ar tropical marítima ao deslocar-se sobre uma superfície bastante resfriada,
poderá determinar a ocorrência de:
a) pancadas de chuva 
b) instabilidade atmosférica
c) nuvens cumuliformes 
d) névoas restringindo a visibilidade

24) A massa específica do ar:


a) aumenta com a altitude 
b) descresse com a altitude
c) é invariável 
d) depende da latitude

25) A região polar sul:


a) é um vasto oceano congelado
b) é um imenso continente de gelo
c) apresenta altitude média de 1.000 m
d) abrange regiões marítimas e continentais congeladas

GABARITO 

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20
D D A B D C B C C C C C B A B C A C C C
21 22 23 24 25
B D D B B

SIMULADO METEOROLOGIA PP/PC CAPÍTULO 15 - FRENTES

1) Ar frio deslocando-se sobre superfícies mais aquecidas, da origem a:


a) céu claro 
b) visibilidade boa
c) nebulosidade cumuliforme 
d) nebulosidade estratiforme

2) Quando duas massas de ar com características diferentes se encontram, ocorre:


a) a mistura entre ambas
b) uma superfície de descontinuidade entre ambas
c) uma paralisação no desenvolvimento das massas
d) o retorno das massas de ar para suas regiões de origem

3) Quando uma massa de ar polar avança sobre uma massa de ar tropical, temos uma:
a) frente fria 
b) frente quente 
c) frente oclusa 
d) frente estacionária

4) As frentes frias ou quentes:


a) são impulsionadas por sistemas de baixas pressões
b) não tem relação com pressões e sim com temperaturas
c) são sistemas alongados de altas pressões entre dois sistemas de baixas pressões.
d) são sistemas alongados de baixas pressões entre dois sistemas de altas pressões

5) Em uma frente fria:


a) o ar frio eleva-se sobre o ar quente
b) o ar frio penetra por baixo do ar quente
c) a inclinação é menor do que numa frente quented) a inclinação é no mesmo sentido do
deslocamento

6) Uma frente fria que avança, apresenta:


a) pressões altas no setor frontal b) nebulosidade alta à vanguarda da frente
c) temperaturas aItas no setor pós-frontal d) temperaturas baixas no setor pré-frontal

7) Ao avanço de uma frente fria. sempre se opõe:


a) uma massa de ar frio 
b) um centro de alta pressão
c) um centro de baixa pressão 
d) uma linha de instabilidade

8) Na pré-frontal de uma frente fria ocorre:


a) aumento de temperatura e de pressão
b) decréscimo de temperatura e de pressão
c) aumento de pressão e decréscimo de temperatura
d) decréscimo de pressão e aumento de temperatura

9) No hemisfério sul, as frentes frias deslocam-se de:


a) S para N 
b) NW para SE 
c) SW para NE 
d) SE pare NW

10) Quando os ventos pré-frontais e pós-frontais de uma frente fria se equilibram:


a) a frente tende a estacionar 
b) caracterizam a frontogênese
c) ocorrerá precipitação intensa 
d) a frente aumentará sua velocidade de avanço

11) Uma frente fria torna-se estacionária em virtude de:


a) o ar polar derivar para o oceano
b) o ar tropical estabelecer equilíbrio com o ar polar
c) o ar polar torna-se mais intenso do que o ar tropical
d) o ar tropical torna-se mais intenso do que o ar polar

12) Quando o ar tropical que se opõe ao avanço da frente fria torna-se mais intenso do que o ar
polar:
a) haverá uma oclusão
b) a frente fria se dissipará
c) a frente fria derivará para o oceano
d) a frente fria recuará para o pólo, sob a forma de frente quente

13) Em princípio o aumento da temperatura, numa região sob a influência de uma massa de ar
tropical, Determina a aproximação de um/uma:
a) frente quente; 
b) massa de ar polar;
c) confluência tropical; 
d) nevoeiro pré-frontal.

14) Os sistemas frontais frios de grande intensidade normalmente são acompanhados de forte
instabilidade podendo ocasionar:
a) inversões de temperatura; 
b) nevoeiros pré-frontais;
c) trovoadas dinâmicas; 
d) ondas estacionárias.

15) Uma frente quente se aproxima de um determinado aeródromo; ao fazer um pouso uma
aeronave poderá encontrar:
a) nevoeiro frontal; 
b) linha de instabilidade;
c) turbulência mecânica; 
d) ciclones termais.

16) Em uma determinada região há uma massa de ar polar. Se formar um sistema anticiclônico
impulsionando-a na direção de uma massa de ar tropical, teremos a formação de um/uma:
a) frente fria; 
b) sistema frontal quente;
c) oclusão; 
d) nevoeiro pré-frontal.

17) Frente em formação denomina-se:


a) frente fria; 
b) frontogênese; 
c) frontólise; 
d) oclusão.

18) Das alternativas abaixo, a que está associada ao sistema frontal quente é aquela em que:
a) nunca há formação de nebulosidade cumuliforme;
b) o vento pré-frontal possui direção noroeste;
c) também haverá formação de CB;
d) a precipitação ocorre predominantemente em caráter de pancadas.

19) uma massa de ar tropical marítima ao deslocar-se sobre uma superfície bastante resfriada
poderá determinar a ocorrência de:
a) pancadas de chuva; 
b) nuvens cumuliformes;
c) instabilidade atmosférica; 
d) névoas restringindo a visibilidade.
20) Os sistemas frontais ocorrem normalmente entre:
a) um cavado e uma alta; 
b) um cavado e uma baixa;
c) dois sistemas de alta; 
d) dois sistemas de baixa;

21) Quando uma frente deixa de ter contato com o solo para elevar-se sobre a superfície de
outra frente, temos a formação de uma:
a) frente oclusa; 
b) frontólise; 
c) frente quente; 
d) frontogênese.

22) Uma aeronave no hemisfério sul voando na direção de um sistema frontal frio, ao
aproximar-se do sistema verificará:
a) fortes ventos de esquerda; 
b) queda brusca na temperatura;
c) aumento da instabilidade do ar; 
d) visibilidade restrita por nevoeiro.

23) Quando da aproximação de um sistema frontal frio no hemisfério sul, tem-se:


a) vento noroeste, pressão em declínio e temperatura em elevação;
b) vento sudoeste, pressão em elevação e temperatura em elevação;
c) nuvens Cirrus, pressão em elevação e vento noroeste;
d) nevoeiro pré-frontal, vento noroeste e pressão em declínio.

24) Em qualquer tipo de frente a rampa frontal sempre se inclina para o lado do ar:
a) mais frio; 
        b) mais quente; 
        c) menos denso; 
        d)menos instável

25) Após a passagem de uma frente fria em um determinado aeródromo. poderá ocorrer a
seguinte condição de tempo:
a) visibilidade restrita; 
b) temperatura em ascensão;
c) instabilidade atmosférica; 
d) pressão em declínio.
26) Grandes volumes de ar, caracterizados pela estabilidade atmosférica e conseqüente
formação de névoas e nevoeiros, denominam-se: 
a) frente fria; 
b) ciclones tropicais;
c) massas de ar quente; 
d) sistema frontal ocluso.

27) A forte instabilidade e alto teor de umidade no ar, são os principais elementos para que
haja a formação de:
a) nevoeiros; 
b) anticiclones;
c) trovoadas isoladas; 
d) nuvens estratificadas.

28) O sistema frontal que se movimenta com maior velocidade é o:


a) frio 
b) quente
c) ocluso quente 
d) semi-estacionário

29) Os sistemas frontais frios, no hemisfério norte, têm um deslocamento predominante de:
a)NE b)SE c)SW d)NW

30) As frentes frias em relação às frentes quentes são mais:


a)lentas e severas 
b)rápidas e suaves
c)rápidas e violentas 
d)lentas e violentas

31) A aproximação de um sistema frontal frio pode ser identificado por um (a):
a)queda da temperatura e da pressão
b)aumento da temperatura e da pressão
c)aumento da temperatura e queda de pressão
d)queda de temperatura e aumento da pressão

32) As nuvens associadas a uma frente quente, são tipicamente:


a)estratiformes 
b)instáveis 
c)cumuliformes 
d)cumulonimbus

33) A frente fria é conhecida na carta sinóptica por uma linha:


a)vermelha 
b)azul 
c)roxa 
d)preta

34) Após a passagem de uma frente fria, geralmente ocorre:


a)aumento de temperatura 
b)diminuição de temperatura
c)diminuição da precipitação 
d)aumento da precipitação

35) Uma frente em formação é conhecida como:


a)frontogênese 
b)frontólise 
c)oclusão 
d)linha de instabilidade
GABARITO

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20
C B A D B B B D C A B D B C A A B C D C
21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35
A C A A A C C A A C C A B B A

SIMULADO METEOROLOGIA PP/PC CAPÍTULO 16 - TURBULÊNCIA

1) A movimentação irregular do fluxo de ar que se move obstruções ou terrenos irregulares,


ocasiona um tipo de turbulência denominada:
a) termal 
b) mecânica 
c) convectiva 
d) em ar claro

2) Turbulência convectiva:
a) ocorre mesmo sem existir nuvens cumulus
b) pode ser formada por uma aeronave em vôo
c) só ocorre quando há nuvens cumulus presentes
d) ocorre mais comumente nas tardes frias de inverno

3) Nuvens lenticulares e nuvens rolo, são sinais de turbulência:


a) convectiva 
b) em ar claro
c) mecânica à superfície 
d) mecânica em montanhas

4) A fim de evitar a turbulência convectiva, o vôo nas proximidades de cumulus, deve ser
conduzido, com referencias a nuvens:
a) acima 
b) abaixo 
c) no interior 
d) abaixo ou acima

5) Turbulência provocada por uma aeronave em vôo, é denominada:


a) esteira de turbulência 
b) turbulência mecânica em vôo
c) turbulência devida a cortante do vento 
d) todas as alternativas são corretas

6) Um volume de ar considerado estável quando apresenta, em relação ao ar circunvizinho:


a) menor temperatura 
 b) maior percentual de umidade
c) equilíbrio de pressão e temperatura 
d) equilíbrio de densidade e temperatura

7) Correntes convectivas formam-se em:


a) ar estável 
b) ar instável 
c) ar úmido 
d) ar saturado

8) Turbulência dinâmica provocada pelo deslocamento de massas de ar, denomina-se:


       a) frontal; 
       b) convectiva; 
       c) windshear; 
       d) de ar claro.

9) A turbulência por cortantes a baixa altura, provocada pela variação brusca da intensidade
e/ou direção do vento próximo à superfície, denomina-se:
a) advectiva; 
b) convectiva  
c) CAT; 
d) windshear.

10) A CAT é mais comum e intensa no:


a) verão sobre o oceano; 
b) inverno sobre o oceano;
c) verão sobre o continente; 
d) inverno sobre o continente.

11) Com relações às turbulências orográficas, a porção mais perigosa nas ondas estacionárias,
para uma aeronave em vôo é a:
a) barlavento e nas bases daquelas ondas; 
b) sotavento e nos topos daquelas ondas;
c)  sotavento e nas bases daquelas ondas; 
d) barlavento e nos topos daquelas ondas;

12) A turbulência provocada pela corrente de jato é conhecida como turbulência:


      a) térmicas 
      b) orográfica; 
      c) em ar claro 
      d) de superfície.

13) O deslocamento de ar produzido por aeronaves de grande porte e/ou muito velozes, nas
operações de pouso e decolagem, denomina-se:
a) cortante do vento: 
b) corrente dinâmica;
c) convectiva termal; 
d) esteira de turbulência.

14) Turbulência convectiva atinge o máximo de intensidade, quando:


a) o céu estiver claro
b) não estiver associada com trovoadas
c) o gradiente térmico for maior do que 1ºC/100m
d) o gradiente térmico se aproximar do gradiente auto-convectivo

15) As turbulências dinâmicas, provocadas pelo deslocamento de massas de ar, denominam-


se turbulência:
a)frontal 
b)convectiva 
c)Windshear 
d)de ar claro

16) A turbulência convectiva é mais intensa:


a)à tarde, no verão e sobre o oceano 
b)sobre cidades, à noite e no inverno
c)no interior das nuvens cumulonimbus 
d)no interior das nuvens estratificadas

17)Turbulência dinâmica provocada pelo deslocamento de massa de ar, denomina-se:


a)frontal 
b)convectiva 
c)Windshear 
d)de ar claro

18)Turbulência convectiva ocorre mais comumente:


a) em terra, durante o dia, no verão 
b) em terra, durante a noite, no verão
c) sobre o mar, durante o dia, no verão 
d) sobre o mar, durante a noite, no verão

19)Turbulência mais intensa será encontrada por um piloto ao penetrar:


a) NS 
b) CS 
c) AC 
d) CB

20)Com relação às turbulências orográficas, a porção mais perigosa nas ondas estacionárias,
para uma aeronave em vôo é a:
a)barlavento e na base da onda 
b)sotavento e no topo da onda
c)sotavento e na base da onda 
d)barlavento e no topo da onda

21)A turbulência provocada pela corrente de jato é conhecida como turbulência:


a) térmica 
b)orográfica  
c)de ar claro 
d)de superfície

22)O deslocamento de ar produzido por aeronaves de grande porte e/ou muito velozes, nas
operações de pouso e decolagem, provoca:
a)cortante do vento 
b)corrente dinâmica
c)convectiva termal 
d)esteira de turbulência

23)A abreviatura CAT, em meteorologia, significa:


a)nível de transição 
b)altitude de transição
c)turbulência em ar claro 
d)confluência intertropical

24) Turbulência orográfica ocorre mais intensa e irregular:


a) a sotavento das montanhas 
b) a barlavento das montanhas
c) no topo do vento de superfície 
d) indiferente

25) Turbulência sobre montanhas ou ondas orográficas pode ser denunciada por nuvens:
a) lenticulares 
b) stratus 
c) stratiformes 
d) altostratus

26)As ondas estacionárias ou orográficas, indicam turbulência do tipo:


a)frontal 
b)térmica 
 c)dinâmica 
d)mecânica
27)A agitação das moléculas do ar muitas vezes provoca um vôo desconfortável alternando a
altitude do avião, comprometendo assim sua sustentação. Este fenômeno é conhecido como:
a)brisa 
b)turbulência
c)corrente advectiva 
d)linha de estabilidade

28)Entre os locais apresentados abaixo, indique aquele sobre, o qual a turbulência ocorre com
maior intensidade:
a)Imensa região arenosa 
b)extensa região vegetação
c)superfície liquida sob o sol a pino 
d)região montanhosa com vento forte

29)Quando se observa à presença de nuvem lenticular, pode-se afirmar que há:


a)sistema frontal frio 
b)turbulência orográfica
c)excelentes condições de vôo 
d)cumulonimbus nas vizinhanças

30) O fenômeno formado pelo atrito entre ventos fortes superpostos que fluem com direções
e/ou velocidades diferentes denomina-se:
a)anticiclone polar  
b)turbulência
c)anticiclone tropical 
d)turbulência dinâmica

31) A turbulência que ocorre com maior freqüência no verão e que é identificada pela presença
de nuvens cumuliformes, denomina-se:
a)de solo 
b)mecânica 
c)convectiva 
d)de céu claro

32) Quando uma aeronave sobrevoa uma região montanhosa, sem nebulosidade e encontra
turbulência. Pode-se afirmar que o fenômeno encontrado é de origem:
a)térmica 
b)frontal 
c)dinâmica 
d)mecânica

33) Quando se observa à presença de nuvens em formas amendoadas, lenticulares, pode-se


afirmar que há presença de:
a)sistema frontal frio 
b)turbulência orográfica
c)excelentes condições de vôo 
d)cumulonimbus nas vizinhanças

34) A turbulência que geralmente, aparece no verão, sobre os continentes e com a presença de
nuvens cumulus, denomina-se:
a)frontal 
b)térmica  
c)dinâmica 
d)orográfica

35) Turbulência fora das nuvens é verificada pela presença de:


a) ar neutro 
b) ar estável 
c) altocumulus 
d) altostratus
Aulas online - Vídeos com áudio, exercícios resolvidos, fórum e questões.
Acesse: www.pilotosemfronteiras.com.br 

GABARITO

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20
B C D A B D B A D D B C D D A C A A D B
21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35
C D C A A D B D B B C D B B C

SIMULADO METEOROLOGIA PP/PC CAPÍTULO 17 - FORMAÇÃO DE GELO

1) Os tipos de gelo que se forma sobre as aeronaves são:


a) escarcha, geada, saraiva 
b) gelo claro, escarcha, geada
c) saraiva, granizo, gelo claro 
d) escarcha, geada, cristais de gelo

2) Gelo claro ocorre com predominância entre as temperaturas:


a) 0ºC e –10ºC 
b) –10ºC e –20ºC 
c) –10ºC e –15ºC 
d) –15ºC e –20ºC

3) Tipo de gelo que se forma em aeronaves, de forma semelhante ao gelo formado nas
paredes externas do evaporador do refrigerador, denomina-se:
a) geada 
b) saraiva  
c) escarcha 
d) gelo claro

4) Em condições excepcionais, gotículas de água em estado superesfriado, podem estar


presentes na atmosfera, em temperaturas abaixo de:
a) –40ºC 
b) –30ºC 
c) –20ºC 
d) –10ºC

5) Gelo claro forma-se mais comumente com:


a) ar estável e nuvens cumuliformes 
b) ar estável e nuvens estratiformes
c) ar instável e nuvens cumuliformes 
d) ar instável e nuvens estratiformes

6) A formação de escarcha, dá-se mais comumente com:


a) ar instável, turbulência, nuvens estratiformes
b) ar instável, sem turbulência, nuvens cumuliformes
c) ar estável, sem turbulência, nuvens cumuliformes
d) ar estável, sem turbulência, nuvens estratiformes

7) A formação de gelo em aeronaves, comum no Brasil em Altostratus entre as temperaturas


de 0° e menos 10ºCelsius é conhecida como:
a) geada 
b) gelo escarcha; 
c) gelo claro 
d) gelo 0°C.

8) O tipo de gelo que se forma em aeronaves em vôo, através da congelação relativamente


lenta de grandes gotas super-resfriadas, denomina-se:
a) opaco; 
b) escarcha; 
c) amorfo; 
d) cristal.

9) Uma aeronave ao sobrevoar uma região com bastante nebulosidade estratificada e em


temperatura negativa, poderá estar sujeita à formação de gelo do tipo:
a) claro; 
b) cristal;  
c) aderente; 
d) escarcha.

10) Uma aeronave sobrevoa uma região a 3.000 metros de altitude, onde a atmosfera
encontra-se estável, com bastante umidade, sendo de 12° Celsius a temperatura ao nível do
mar. Tal aeronave estará sujeita a:
a) turbulência; 
b) formação de gelo; 
c) rajadas de vento; 
d) grandes térmicas.

11) Dentre os tipos de gelo relacionados abaixo, indique aquele que se forma com a presença
de micro-gotículas:
a) duro 
b) vidrado  
c) cristal 
d) granulado

12) Sob condições de nebulosidade convectiva, a faixa ideal para a formação de gelo claro, é
de zero a menos:
a)10ºC 
b)15ºC 
c)20ºC 
d)25ºC

13) O tipo de gelo pesado e aderente que se forma sobre a aeronave, quando esta sobrevoa
regiões com nebulosidade convectiva, denomina-se:
a)amorfo 
b)escarcha 
c)cristal 
d)geada

14) Na rota de uma aeronave o piloto observa a formação de cumulus congestus e temperatura
externa de menos 8ºC, esta aeronave está sujeita a:
a)formação de gelo opaco 
b)formação de gelo escarcha
c)atmosfera estável 
d)formação de gelo claro

15) O tipo de gelo pesado e aderente que se forma sobre a aeronave, quando esta voa em
regiões com nebulosidade convectiva, denomina-se:
a)amorfo 
b)escarcha 
c)cristal 
d)granulado

16) O gelo do tipo escarcha forma-se, mais comumente, em ar:


a)estável e nuvens cumuliformes 
b)estável e nuvens estratificadas
c)instável e nuvens cumuliformes 
d)instável e nuvens estratiformes

17) Dentre os tipos de gelo relacionados abaixo, indique aquele que se forma com a presença
de micro-gotículas:
a)duro 
b)granulado  
c)cristal 
 d)vidrado

18) O tipo de gelo formado devido as grandes gotas de água super-resfriadas, com
temperatura abaixo de zero graus Celsius, é identificada como:
a)opaco 
b)vidrado 
c)amorfo 
d)granulado

19) Uma aeronave sobrevoa uma região a 4.000 metros de altitude onde a atmosfera encontra-
se estável e com bastante umidade, considerando o gradiente térmico padrão e sabendo-se
que a temperatura ao nível do mar é de 12ºC positivos. Conclui-se que a aeronave está sujeita
a:
a)turbulência 
b)rajadas de vento 
c)formação de gelo 
d)convectiva térmica

20) O gelo claro forma-se mais comumente, em ar:


a)estável, com nuvens estratiformes 
b)instável, com nuvens cumuliformes
c)estável, com nuvens cumuliformes 
d)instável, com nuvens estratiformes

21) Dentre as temperaturas em graus Celsius, relacionadas abaixo, a que mais propicia a
formação de gelo em aeronave em vôo é a de:
a)00 
b)+5 
c)-5 
d)-10

22) Dá-se o depósito de gelo em uma aeronave em vôo quando ela penetra em:
a) ar supersaturado 
b) nuvens de cristais de gelo
c) nuvens de gotículas superfundidas 
d) precipitação em forma de granizo

23) Nas nuvens cumuliformes de grande desenvolvimento entre zero graus e dez graus
negativos formam-se sobre a superfície da aeronave em gelo pesado e aderente do tipo:
a) escarcha 
b) opaco 
c) amorfo 
d) claro

24) O gelo que se forma sobre uma acft apresenta-se sob vários aspectos. O mais perigoso é
o/a:
a) Geada 
b) Gelo de escarcha
c) Gelo opaco ou amorfo
d) Gelo claro ou cristal

25) O gelo do tipo claro forma-se mais comumente em ar:


a) estável e em nuvens estratiformes 
b) instável e em nuvens cumuliformes
c) estável e em nuvens cumuliformes 
d) instável e em nuvens estratiformes

26) Considerando que haja condições para formação de gelo escarcha em nuvens
cumuliformes, a temperatura propicia para tal formação é de:
a) Menos 03ºC 
b) Menos 06ºC 
c) Menos 09ºC 
d) Menos 12°C

27) para evitar a formação de gelo sobre a aeronave, o piloto deverá voar:
a) fora de nuvens 
b) com temperaturas negativas
c) em locais com umidade elevada 
d) Sempre na troposfera

28) a formação de gelo em aeronaves, comum no Brasil em altostratus, entre as temperaturas


de 0 graus Celsius e -10 graus Celsius, é conhecida como:
a) geada 
b) gelo escarcha 
c) gelo claro 
d) gelo cristal

29) uma acft ao sobrevoar uma região com bastante nebulosidade estratificada e em
temperatura negativa poderá estar sujeita a formação de gelo do tipo:
a) claro 
b) cristal  
c) aderente 
d) escarcha

30) o tipo de gelo que se forma em aeronaves em vôo, através da congelação relativamente
lenta de grandes gotas super resfriadas, denomina-se:
a) opaco 
b) irregular 
c) escarcha 
d) translúcido

32) Primeiro sintoma de gelo na hélice de uma aeronave é:


a) o aumento da VI 
b) a redução da VI
c) a redução no RPM 
d) a queda na compressão

33)A formação de gelo em aeronaves, comum no Brasil em altostratus, entre as temperaturas


de 0 e –40ºC, é conhecida como:
a)geada 
b)gelo escarcha 
c)gelo claro 
d)gelo cristal

34)O tipo de gelo que se forma em aeronaves em vôo, através da congelação relativamente
lenta de grandes gotas super resfriadas, denomina-se:
a)opaco 
b)escarcha 
c)claro 
d)translúcido

35)Gelo no carburador convencional de aeronaves, acarreta perda de:


a) potência 
b) velocidade  
c) sustentação 
d) tração efetiva
GABARITO

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20
B A C A C D C D D B D A C D C B B B C B
21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35
D A D D B D A C D D B C B C A

SIMULADO METEOROLOGIA PP/PC CAPÍTULO 18 - TROVOADAS

1) Os estágios de formação da trovoada são:


a) cumulus, maturidade, dissipação 
b) cumulus maturidade, cumulonimbus
c) cumulus cumulonimbus, dissipação 
d) cumulus desenvolvimento, dissipação

2) Correntes ascendentes são predominantes no estágio de:


a) cumulus 
b) maturidade 
c) dissipação 
d) dos três estágios

3) No estágio de Maturidade:
a) predominam as ascendentes
b) só existem descendentes
c) as ascendentes e descendentes já não existem
d) há predominância de ascendentes e descendentes

4) O espalhamento das correntes descendentes, no contato solo, dá origem a:


a) rajadas de vento 
b) aumento de temperatura
c) queda brusca de pressão 
d) todas as alternativas são corretas

5) Precipitação nos níveis inferiores da célula da no estágio de maturidade, ocorre em forma


de:
a) neve 
b) chuva 
c) chuvisco 
d) chuva e neve

6) No estágio de dissipação ocorre:


a) turbulência intensa 
b) chuva forte e contínua
c) intensificação da célula 
d) predominância de descendentes

7) As fases de uma trovoada são respectivamente:


a) Cumulus, maturidade e dissipação; 
b) Cumulus, maturidade e Cumulonimbus;
c) Cumulus, Cumulonimbus e dissipação; 
d) Cumulus, desenvolvimento e dissipação.

8) O relâmpago horizontal tem predominância no (a):


a) traseira do CB; 
b) dianteira do CB;
c) lado direito do CB; 
d) lado esquerdo do CB.

9) As trovoadas de linha de instabilidade, quando associadas às frentes frias, normalmente


são:
a) mais estáveis; 
b) mais perigosas;
c) de fácil dissipação; 
d) de fraca intensidade.

10) A fase da trovoada na qual há um certo equilíbrio entre a quantidade de correntes


ascendentes e descendentes, denomina-se:
a) Cumulus; 
b) formação; 
c) maturidade; 
d) dissipação.

11) A trovoada que se forma à tarde no verão sobre o continente, denomina-se:


        a) térmica; 
        b) orográfica; 
        c) dinâmica; 
        d) frontal.

12) Dos fenômenos relacionados abaixo, indique aquele que normalmente ocorre associado às
trovoadas:
a) crista; 
b) brisa marítima; 
c) vento de rajada;
d) litometeoro esparso.

13) A trovoada na fase de dissipação apresenta como característica:


a) turbulência máxima; 
b) relâmpagos somente;
c) rajadas de vento à superfície; 
d)corrente descendente somente.

14) A ocorrência de granizo, numa célula de trovoada, pode ser identificada pela coloração:
a) escura 
b) amarelada 
c) esverdeada 
d) avermelhada

15) Chuvas intensas associadas às turbulências, são fenômenos geralmente associados:


a)as trovoadas 
b)aos anticiclones
c)as frentes quentes 
d)aos centros de pressões altas

16) A primeira fase de uma trovoada é denominada;


a)dissipação 
b)maturidade 
c)cumulus 
d)bigorna

17) A trovoada alcança o estágio de desenvolvimento máximo, quando atinge a fase de:
a)cumulus 
b)maturidade 
c)dissipação 
d)formação

18) As fases de uma trovoada são respectivamente:


a)cumulus, maturidade e formação 
b)cumulus, maturidade e dissipação
c)cumulus, cumuliformes e dissipação 
d)cumulus, desenvolvimento e dissipação

19)Das condições de tempo especificadas abaixo, indique aquela que poderá estar associada
às trovoadas:
a)chuvisco contínuo 
b)granizo ou chuva forte
c)inversão de temperatura 
d)estabilidade atmosférica

20)Chuvas intensas, associadas às turbulências são fenômenos, geralmente, associados:


a)as trovoadas 
b)aos anticiclones 
c)as frentes quentes 
d)as correntes de jato

21) Os estágios de evolução de uma trovoada são em número de:


a)dois 
b)três 
c)quatro 
d)cinco

22) Precipitação nos níveis inferiores da célula de trovoada, durante o estágio de maturidade
ocorre, em forma de:
a) neve 
b) chuva 
c) chuvisco 
d) chuva e neve

23) A precipitação mais severa de uma trovoada ocorre na fase de:


a)maturidade 
b)cumulus 
c)dissipação 
d)desenvolvimento

24) A trovoada na fase de dissipação apresenta como característica fundamental:


a)turbulência máxima 
b)relâmpago somente
c)correntes descendentes, somente 
d)rajadas de vento a superfície

25) A predominância de correntes ascendentes, nas células de trovoada, verifica-se na fase


denominada:
a)apogeu 
b)formação 
c)dissipação 
d)maturidade
26) Trovoadas esparsas são de:
a) trovoada de frentes 
b) trovoada de massas de ar
c) trovoada dinâmica 
d) n.d.a

27) Para um vôo qual a fase perigosa da trovoada:


a) cumulus 
b) maturidade 
c) dissipação 
d) convectiva

28) Trovoadas orográficas é formada por:


a) ar seco e aquecido elevando-se sobre uma montanha
b) ar seco e frio descendo a encosta de uma montanha
c) ar úmido e frio descendo a encosta de uma montanha
d) ar úmido e aquecido elevando-se sobre uma montanha

29) Trovoada em dissipação apresenta:


a) predominância de ascendente 
b) topo cirroso em forma de bigorna
c) predominância de expansões laterais 
d) equilíbrio de ascendentes e descendentes

30) O estágio de maturidade de uma trovoada é definido quando:


a) a início de convecção 
b) a degeneração das correntes ascendentes
c) a precipitação intensa atinge o solo 
d) a precipitação termina

31) as trovoadas orográficas têm como características serem:


a) estacionárias e fracas 
b) semi-estacionárias e persistentes
c) dinâmicas e apresentam topos baixos 
d) dinâmicas e apresentam topos altos

32) os ventos de rajadas que são perigosos nas operações de pouso e decolagem, podem
atingir quantas milhas náuticas adiante das trovoadas?
a) 10 
b) 20 
c) 30 
d) 40

33) É Uma condição de tempo associada às trovoadas:


a) estabilidade atmosférica 
b) granizo ou saraiva
c) inversão de temperatura 
d) chuvisco contínuo

34) forte instabilidade e alto teor de umidade no ar, são os principais elementos para que haja a
formação de:
a) nevoeiros 
b) trovoadas isoladas 
c) anticiclones 
d) nuvens estratificadas

35) Trovoadas termais são as que se formam por:


a) advecção 
b) convecção 
c) radiação 
d) condução

36) As rajadas de vento à superfície, provenientes de uma trovoada, ocorrem na fase


denominada:
a) Cumulus; 
b) maturidade; 
c) dissipação; 
d) formação.

GABARITO

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16
A A D A B D A A B C A C D C A C
17 18 19 20
B B B A
21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36
B B A C B B B D B C B B B B B B

SIMULADO METEOROLOGIA PP/PC - CAPÍTULO 19 - METAR

1) O código Metar designa


a) um boletim especial para a aviação
b) uma informação de superfície em linguagem clara
c) uma informação horária de superfície, para a aviação
d) uma informação de superfície, para fins aeronáuticos

2) No METAR, a direção do vento é codificada:


a) de 5 em 5 graus 
b) de 10 em 10 graus
c) em graus e décimos 
d) em dezenas de graus

3) Quando no METAR vier codificado VRB para a direção vento, teremos:


a) vento calmo 
b) direção variável
c) direção desconhecida 
d) velocidade acima de 100 nós

4) Vento calmo no METAR é informado:


a) CLM 
b) CALMO 
c) 00000 
d) VRB00

5) Vento soprando de 360º com 2 nós de velocidade, como:


a) 360/2 
b) 00000 
c) 36002 
d) 00002

6) Dos grupos de vento abaixo, o informado corretamente METAR e:


a) 00505KT 
b) 00007KT 
c) VRB10KT 
d) 36008/VRBKT

7) O vento máximo de rajadas, será incluído no METAR:


a) antes do grupo de vento 
b) em informações suplementares
c) em lugar da velocidade média 
d) no grupo de vento, separado pela letra G

8) Se a visibilidade no aeródromo é de 80 metros, a informação incluída no METAR é:


a) 0050 
b) 0080 
c) zero 
d) 0100

9) O valor informado como 9999, significa visibilidade:


a) igual a 9.000 metros 
b) de 9.000 metros ou mais
c) maior que 10.000 metros 
d) igual ou maior que 10.000 metros

10) A codificação R20/0500 significa que:


a) o alcance visual tem um valor entre 500 e 520 metros
b) o alcance visual de 500 metros ocorreu às 20 horas
c) o alcance visual da pista 20 é de 500 metros
d) nenhuma das alternativas é correta

11) A codificação RERA no Metar, tem o seguinte significado:


a) chuva no momento da observação 
b) chuva na hora precedente à observação
c) chuvisco na hora precedente à observação 
d) chuva e trovoada no momento da observação

12) Nevoeiro de céu visível no aeródromo é informado no Metar como:


a) BR 
b) HZ  
c) FG 
d) FG VV001

13) No Metar, uma cobertura total de AS a 2400 metros é informado como:


a) BKN080 
b) BKN240 
c) OVC080 
d) OVC240 

14) Com a codificação de VV002 no METAR, podemos afirmar que:


a) o céu está claro 
b) a visibilidade horizontal é de 60 metros
c) a base das nuvens está a 60 metros de altura 
d) há ocorrência de nevoeiro de céu obscurecido

15) Uma nuvem informada como SCT025, tem a seguinte altura aproximada:
a) 250 pés 
b) 750 pés 
c) 250 metros 
d) 750 metros

16) Quando no METAR for incluída a palavra CAVOK, é certo que no aeródromo:
a) não haja precipitação nem trovoada 
b) a visibilidade seja inferior a 10 Km
c) o CB tenha base acima de 1.500 metros 
d) a base da nuvem esteja abaixo de 1.500 m

17) Temperatura de –5ºC, é informada no METAR como:


a) 05 
b) 55 
c) -05 
d) M05

18) No METAR SBST 031300Z 00000KT 2000 HZ SCT010 BKN200 23/18 Q1014, tem-se:
a)temperatura do ar de 18ºC 
b)ar saturado
c)temperatura do ponto de orvalho de 18ºC 
d)pressão da estação de 1014 hpa

19) No METAR, apenas as letras DZ significam:


a)neve moderada; 
b)chuva leve; 
c)granizo forte; 
d)chuvisco moderado.

20) No METAR quando um fenômeno meteorológico for qualificado com intensidade forte, o
mesmo será precedido do sinal de:
a)adição; 
b)divisão; 
c)subtração; 
d)multiplicação.

21) Considerando-se: visibilidade de 1.250 metros, temperatura do ar de 20° Celsius e o ponto


de orvalho de 19° Celsius, pode-se concluir que o METAR terá codificação da visibilidade e
condições de tempo, respectivamente de:
a)1250 BR; 
b)1200 HZ; 
c)1250 FG; 
d)1200 BR.

22) Segundo acordos internacionais, a visibilidade informada no METAR é a:


       a)mínima;             b)máxima;                c)obliqua;                  d)predominante.

23) No METAR SBPA 031000Z 03003KT 1500 R11/1800 R29/1600 BR BKN006 BKN080 17/17
Q1013, tem-se:
a)névoa-seca; 
b)alcance visual na pista 29 de 1.600 metros;
c)ar seco; 
d)visibilidade horizontal de 1.800 metros.

24) No METAR SBCR 031000Z 00000KT 5000 HZ SCT030 25/20  Q1009, tem-se:


      a)ponto de orvalho de 20°C; 
      b)chuva moderada;
      c)chuvisco leve; 
      d)umidade relativa de 100%.

25) No METAR SGAS 030100Z 01005KT 0250 FG VV001 02/02 Q1022,  tem-se:
       a)visibilidade horizontal de 2.500 metros; 
       b)nevoeiro de superfície;
       c)visibilidade vertical de 30 m; 
       d)QFE de 1022 hpa.

26) No METAR SBGL 151000Z 00000KT 2000 -DZ BKN005 OVC080 17/17 Q1020, tem-se:
       a) chuva leve; 
       b) chuvisco moderado;
c) céu nublado a 8.000 pés; 
d) céu nublado a 150 metros.
27) As alturas das bases das nuvens, no METAR, são fornecidas em:
a)dezenas de pés; 
b)milhares de pés;
c)incrementos de 30 metros; 
d)incrementos de 100 metros.

28) Como é representado no código METAR ou SPECI um vento com velocidade inferior a 01
nó?
a)00000KT; 
b)CLM; 
c)0000; 
d)9999.
29) Codifique no METAR ou SPECI vento com direção variando de 10° a 80° e com velocidade
de 8 nós:
a)VRB08KT 080V010;  
b)010V080 VRB08KT;
c)VRB08KT 010V080; 
d)VRB08KT.

30) METAR SBPA 201800Z 27013G25KT 9999 SCT025 30/20 Q1024. De acordo com a
mensagem, podemos informar que o vento está:
a)soprando para 270 graus, velocidade média 13 KT;
b)variando de 270 a 130 graus;
c)soprando de 270 graus, com rajada de 25 nós;
d)variando de 130 a 250 graus.

31) Quando for observada uma visibilidade inferior a 50 m, a mesma aparecerá no boletim:
       a)ZERO; 
       b)9999; 
       c)0050; 
       d)0000.

32) Dado o METAR SBDN 211600Z 20025G35KT 9999 SCT020 BKN200 18/12 Q1027, tem-
se:
a)visibilidade inferior a 10 km; 
b)vento de rajada com 35 nós;
c)ar saturado; 
d)vento de rajada com 25 nós e nuvens altas.

33) METAR SBSP 011800Z 16008KT 3500 BR FEW006 OVC100 15/14 Q1022. De acordo
com a mensagem, temos visibilidade de:
a)1.800 m; 
b)3.500 pés; 
c)1.800 pés; 
d)3.500 m.

34) Dado o METAR SBGL 310900Z 00000KT 0200 R10/0400 R28/0200U R15/0600D
R33/0500N FG BKN010 19/19 Q1018, podemos verificar que o:
a)alcance visual na pista 10 é de 400 m; 
b)nevoeiro é de céu obscurecido;
c)céu está encoberto; 
d)vento é fraco.

35) No SPECI SBRJ 200920Z 03010KT 8000 -RA FEW015 OVC100 23/20 Q1016, temos:
       a) vento de rajada com 10 nós;
       b) chuvisco leve;
c) chuva leve; 
d) nuvens a 1.500 m.
36) No METAR SBLO 250900Z 01008KT 340V040 8000 -TSRA BKN010 FEW030CB 18/16
Q1020, tem-se:
a)ocorrência de trovoada sem precipitação; 
b)ar saturado;
c)ar estável; 
d)trovoada leve com precipitação.

37) METAR SBKP 101900Z 12016G35KT 6000 1200SE +SHRA BKN025 FEW030TCU 28/20
Q1013 RERA. De acordo com a mensagem temos:
a)de 1 a 4/8 de nuvens a 2.500 m;
b)visibilidade horizontal predominante de 6.000 m e mínima de 1.200 m a sudeste;
c)QNE de 1.013 hpa;
d)pancada de chuva leve.

38) Dado o METAR SBMT 221700Z 18010KT 2000 BR SCT008 OVC012 17/15 Q1020. De
acordo com a mensagem interprete o grupo de nuvens:
a)3 ou 4/8 a 240 m e 8/8 a 360m; 
b)3 ou 4/8 a 240 pés e 8/8 a 360 pés;
c)3 ou 4/8 a 800 m 8/8 a 1.200 m; 
d)o teto é de 800 pés.

39) Quando for verificado no código METAR a palavra CAVOK, pode esperar que:
       a)o céu está claro; 
       b)há nuvens abaixo de 1.500 pés;
       c)não há nuvens abaixo de 1.500 m; 
       d)poderá haver Cb.

40) Ao receber a informação meteorológica a seguir, um aeronavegante sabe que encontrará:


METAR SBUG 301500Z 24015KT CAVOK 13/M02 Q1030
a)visibilidade inferior a 10 km; 
b)nuvens abaixo de 1.500 m;
c)ponto de orvalho de menos 2°C 
d)temperatura do ar de menos 2°C.

Aulas online - Vídeos com áudio, exercícios resolvidos, fórum e questões.


Acesse: www.pilotosemfronteiras.com.br 

GABARITO

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20
C B B C C C D A D C B C C D D A D C D A
21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40
D D B A C D C A C C D B D A C D B A C C

SIMULADO METEOROLOGIA PP/PC - CAPÍTULO 20 - TAF / CARTAS

1) Cartas prognosticadas de tempo significativo são confeccionadas nos Centros


Meteorológicos às:
a) 0000, 0600, 1200 e 1800 UTC 
b) 0000, 0600 e 1800 UTC
c) 0000 e 1200 UTC 
d) 0600 e 1800 UTC

2) Base e topo das nuvens estão indicados na carta SIG WX PROG em:
a) pés 
b) metros 
c) hectômetros 
d) centenas de pés

3) Se a nebulosidade indicada na carta prognosticadas é BKN CUSC 030/050, a base e o topo


da nuvem estão, respectivamente, entre:
a) 300 e 500 pés 
b) 900 e 1.500 pés 
c) 300 e 500 metros 
d) 900 e 1.500 metros

4) Em uma carta prognosticada de tempo significativo, é correto:


a) abreviaturas em português
b) simbologia frontal em cores
c) H e L para o centros de alta e baixa pressões
d) indicação de temperatura em pontos especificados

5) Em uma carta WIND ALOFT PROG, a temperatura negativa é:


a) acrescentada de 50 
b) antecedida da letra M
c) antecedida do sinal de menos 
d) indicada pelo valor absoluto

6) No código TAF a abreviatura TSRA, significa:


a)neve; 
b)chuva;
c)pancada moderada de chuva; 
d)trovoada com precipitação.

7) Quantas horas antes do início da validade a previsão terminal de aeródromo deverá estar a
disposição do usuário?
a)01;  
b)02; 
c)03; 
d)04.

8) No TAF SBYS 180200Z 1806/1818 00000KT 9999 SCT030 TN21/1809Z TX32/1818Z


a)turbulência com base a 8.000 pés;
b)visibilidade horizontal igual ou inferior a 10 km;
c)previsão confeccionada para um aeródromo doméstico;
d)temperatura máxima de 21° Celsius.

9) No TAF SBPA 171430Z 1718/1818 09005KT 9999 BKN030 TEMPO 1809/1811 13008KT
5000  BR BKN010 TX14/1719Z TNM01/1807Z; foi previsto ocorrer:
a)vento com 05KT durante todo o período; 
b)visibilidade vertical igual a 9999;
c)névoa-úmida 09 e 11 UTC; 
d)temperatura mínima de 14°C.

10) Na mensagem TAF SBCT 201400Z 2018/2118 12010KT 9999 BKN012 PROB30
2018/2101 3000  TSRA BKN012 FEW030CB OVC080 TX25/2019Z TN16/2106Z; foi previsto
ocorrer:
a)vento com 10KT durante todo o período;
b)trovoada com precipitação associada a vento de rajada;
c)temperatura mínima de 6 graus Celsius, prevista para às 16Z;
d)visibilidade horizontal igual ou superior a 10 km, das 1800Z até 0100Z;

11) No TAF SBSP 150200Z 1506/1518 16005KT 9999 BKN020 PROB40 1508/1510 5000BR
TN21/1507Z TX28/1518Z, foi previsto ocorrer:
a)vento soprando para sudeste; 
b)nebulosidade do estágio médio em todo o período;
c)temperatura do ponto de orvalho de 18ºC 
d)céu nublado a 600 metros durante todo o período.

12) No TAF SBFL 171500Z 1718/1818 35008KT 9999 SCT030 PROB30 TEMPO 1722/1802
5000  TSRA BKN020 FEW035CB OVC050  TX34/1718Z TN23/1808Z; previu-se:
a)trovoada com chuva às 0500  UTC; 
b)atmosfera estável entre 22 e 02 UTC;
c)nuvens esparsas das 02 às 18 UTC: 
d)temperatura máxima de 34° às 1800Z do dia 18.

13) No TAF SBSP 170830Z 1712/1724 33005KT 4000 HZ BKN020 PROB30 1719/1722
35010G20KT 7000 TSRA BKN020 FEW030CB TN14/1713Z TX23/1718Z; está previsto ocorrer:
a)poucos CB a 3.000 metros; 
b)visibilidade de 4.000 m das 22 às 24Z;
c)vento de rajada com 10 knots; 
d)previsão válida a partir das 0830Z.

14) No TAF SBGW 170800Z 1712/1724 07005KT 8000 FEW020 SCT100 TEMPO 1716/1722
TS SCT028 FEW035CB BKN100 TX31/1718Z TN21/1724Z; foi previsto ocorrer:
a)trovoada sem precipitação das 16 às 22Z; 
b)poucos CB a partir das 22 UTC;
c)chuva moderada; 
d)vento calmo durante todo o período.

15) No TAF SBFL 171500Z 1718/1818 35008KT 5000  -RA SCT030 OVC080 PROB30 TEMPO
1722/1802 VRB12KT 330V040 5000 TSRA BKN020 FEW035CB OVC050 TX23/1720Z
TN12/1812Z; foi previsto:
a)chuva leve durante todo o período; 
b)temperatura de 20º Celsius às 2300 UTC;
c)vento variando de 330 a 040 graus; 
d)vento fluindo para o norte das 18 às 18Z.

16) No TAF SBCF 251500Z 2518/2618 18010KT 8000 SKC PROB30 TEMPO
2605/261000000KT 0400 FG VV002 PROB40 2615/2618 17010G25KT 5000 TS SCT025
FEW033CB TN20/2606Z TX30/2617Z foi previsto ocorrer:
a)céu claro das 10 às 15 UTC; 
b)vento de rajada com 10KT;
c)visibilidade vertical de 200 metros: 
d)nevoeiro das 10 às 15 UTC.

17) No TAF SBSC 161500Z 1618/1706 20010KT 5000  -RA SCT025 BKN100 BECMG 

1623/1701 00000KT TX30/1619Z TN23/1703Z, tem-se:


a)nebulosidade de estágio médio; 
b)vento com 10KT da 01 a 06Z;
c)teto a 2.500 pés; 
d)temperatura máxima de 23ºC às 03 UTC

18) No TAF SBPA 020200Z 0206/0306 10010KT 4000 -RA OVC015 BECMG 0300/0302
21005KT 2000 +DZ OVC005 TN10/0309Z TX21/0318Z, está previsto ocorrer:
a)chuvisco forte às 2000 UTC; 
b)chuva moderada restringindo a visibilidade;
c)vento de 21005KT a partir das 0200Z; 
 d)previsão para aeródromo doméstico.

19) No TAF SBST 110200Z 1106/1118 00000KT 8000 SCT010 BKN014 BKN080 BECMG
1112/1114 18005KT 5000 HZ BKN016 BKN090 TN22/1107Z TX28/1117Z;  foi previsto:
a)névoa-seca a partir das 12 UTC; 
 b)céu encoberto a 1600 pés das 14 às 18 UTC;
c)vento calmo das 14 às 18 UTC; 
d)temperatura mínima de 22° C.

20) No TAF SBGL 172130Z 1800/1824 18030KT 6000 RA BKN030 OVC100 FM181214
19010KT 3000 BR OVC010 TN21/1812Z TX33/1817Z, está previsto a ocorrência de:
a)chuva leve; 
b)vento de rajada com 30KT;
c)névoa-úmida a partir das 14Z; 
d)visibilidade de 3.000 m a partir das 12:14Z.

21) No TAF SBSP 201500Z 2018/2106 21005KT 9999 SCT020 BECMG 2102/2104 2000 BR
TX25/2119Z TN15/2106, tem-se:
a)previsão para um aeródromo internacional; 
b)visibilidade de 2.000 m entre 02 e 04 UTC;
c)início da validade às 1500 UTC; 
d)névoa-úmida da 04 as 06 Z.

22) No TAF SBGR 252030Z 2600/2624 12005KT 5000 BR BKN008 OVC080 BECMG
2610/2612 06005KT 9999 BKN015 BECMG 2617/2619 HZ BKN010 BKN090 TN20/2612Z
TX32/2618Z, temos:
a)visibilidade de 5.000 metros entre 19 e 24 Z; 
b)névoa-seca das 17 às 19 UTC;
c)vento de 06005KT das 12 às 24 Z; 
d)névoa-seca das 00 às 10 UTC.

23) No TAF SBFL 252100Z 2600/2624 34005KT 9999 BKN020 OVC100 TEMPO 2600/2606
6000 RA BECMG 2616/2618 24010KT TN19/2612Z TX32/2618Z,  temos previsão de:
a)chuva leve das 00 às 06Z; 
b)vento de 34005KT durante todo o período;
c)vento de rajada; 
d)céu encoberto durante todo o período.

24) No TAF SBCF 090300Z 0906/1006 21008KT 9999 BKN020 BECMG 0920/0922 18015KT
8000 TSRA BKN025 SCT040CB TEMPO 1000/1004 00000KT 3000 RA OVC005 TN19/0910Z
TX30/0918Z, há previsão de:
a)chuva entre 04 e 06 UTC; 
b)vento de 18015KT das 04 as 06UTC;
c)chuva leve entre 00 e 04 UTC 
d)vento de 21008KT entre 22 e 00Z.

25) No TAF SBSJ 161430Z 1618/1718 00000KT 9999 SCT020 TEMPO 1619/1622 18010KT
7000 TSRA BKN020 FEW030CB BECMG 1702/1704 8000 BKN010 BECMG 1710/1712 9999
SCT080 TX15/1618Z TN05/1709Z, está previsto a ocorrência de:
a)vento calmo durante todo o período; 
b)vento calmo das 22 às 18 UTC;
c)poucos CB das 22 às 02 UTC; 
d)céu passando a nublado às 12:00 UTC.

26) No TAF SBRJ 171500Z 1718/1806 16005KT 8000 -DZ SCT005 OVC010 BECMG

 1801/1803 34005KT NSW FEW020 BKN300 TX31/1719Z TN26/1806Z foi previsto:


a)vento de 16005KT durante todo o período; 
b)nenhuma condição significativa das 03 a 06Z;
c)temperatura mínima de 31°C. 
d)céu claro a partir das 03 UTC.
27) No TAF SBGR 150200Z 1506/1606 16005KT 9999 BKN025 PROB30 1606/1611 3000 BR
BECMG 1614/1616 SCT025 BKN080 BKN200 PROB30 1619/1624 27010KT 5000 TSRA
BKN020 FEW040CB BKN080 TN14/1606Z TX28/1718Z foi previsto:
a)vento de 16005KT das 24 às 06 UTC;
b)elevação das bases das nuvens entre 14Z e 16Z;
c)visibilidade horizontal de 10 km ou menos,às 15Z;
d)temperatura mínima de 14°C para às 06 UTC do dia 15.

28) No TAF SBRF 220900Z 2212/2312 13012KT 8000 BKN020 TN23/00Z TEMPO 2303/2306
SHRA às 0500 UTC a visibilidade prevista é de
a) 2500 metros 
b) 6000 metros 
c) 8000 metros 
d) 10.000 metros

29) No TAF SBSV 210900Z 2112/2212 16010KT 8000 SCT020 SCT130 TN10/00Z  TEMPO
2218/2224 4000 TSRA SCT015 SCT040CB BECMG 2204/2206 00000KT 9999 OVC025
podemos ver que um pouso pretendido às 1000 UTC encontrará
a) trovoadas com teto de 1500 pés 
b) trovoadas com teto de 4000 pés
c) névoa úmida com nuvens a 2000 pés de altura 
d) nenhum tempo significativo e teto de 2500 pés

30) No TAF SBGL 080900Z 0812/0912 13010KT 6000 SCT030 BKN100 TEMPO 0818/0824
TSRA BKN040CB TN24/0900Z foi previsto
a) temperatura às 2400 UTC 0ºC
b) encoberto a 10.000 pés
c) trovoada com chuva moderada entre as 1800 e 2400 UTC
d) nublado a 3000 pés

GABARITO

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15
A D D C D D B C C A D C B A C
16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30
A A C D D D C D B B B A C D C

SIMULADO DE METEOROLOGIA PP
1) No METAR SBST 031300Z 00000KT 2000 HZ SCT010 BKN200 23/18 Q1014, tem-se:
a)temperatura do ar de 18ºC                                            
b)ar saturado
c)temperatura do ponto de orvalho de 18ºC                  
d)pressão da estação de 1014 hpa

2) Como é representado no código METAR ou SPECI um vento com velocidade inferior a 01


nó?
a)00000KT;                           
b)CLM;                                  
c)0000;                                   
d)9999.

3) No METAR SBPA 102100Z 02013G25KT 9999 BKN020 SCT250 24/17 Q0989, tem-se:
a)visibilidade inferior a 10 km;                                          
b)mensagem das 2100 horas local;
c)QNH de 1.098.9 hpa;                                                       
d)visibilidade de 10 km ou mais.

4) ) No METAR SBCT 051000Z 33004KT 0150 FG VV002 15/15 Q1006, foi observado:
a)nevoeiro de céu obscurecido;                                       
b)céu encoberto a 200 pés;
c)visibilidade vertical de 200 metros;                               
d)vento calmo.

5) No METAR SBSJ 191100Z 00000KT 8000 SCT010 BKN090 23/22 Q1017, tem-se:
a)indícios de ar seco
b)vento de fraco a moderado
c)na primeira camada, nuvens a 300 m de altura
d)a informação meteorológica confeccionada no dia 19, às 11 horas local

6) No METAR SBBG 161900Z 09008KT 8000 -DZ FEW008 SCT015 OVC020 15/13 Q1013. Foi
observado:
a)QNE de 1013                                                                    
b)teto de 1.500 pés
c)ar saturado                                                                       
d)chuvisco leve

7) No TAF SBGL 261500Z 2618/2718 30008KT 8000 BKN030 TN10/2706ZTEMPO 2700/2704


20005KT 3000 OVC015 a visibilidade às 0200 UTC é
a) 2000 m                              
b) 3000 m                              
c) 5000 m                               
d) 8000 m

8) Na mensagem TAF SBCT 201400Z 2018/2118 12010KT 9999 BKN012 PROB30 2018/2101
3000 TSRA BKN012 FEW030CB OVC080 TN16/2106Z TX29/2116Z foi previsto:
a)vento com 10KT durante todo o período
b)trovoada com precipitação associada a vento de rajada
c)céu nublado por CB a 900 metros de altura
d)visibilidade horizontal de 3.000 metros da 0100 às 1800 UTC

9) No TAF SBSJ 161430Z 1618/1718 00000KT 9999 SCT020 TEMPO 1619/1622 7000 TSRA
BKN020 FEW030CB BECMG 1702/1704 8000 BKN010 BECMG 1710/1712 9999 SCT080
TN20/1706Z, está previsto:
a) trovoada sem precipitação                   
b) nuvens do estágio médio a partir das 12Z
c) vento com intensidade fraca                
d) visibilidade horizontal igual a 10km às 0800Z

10) No TAF SBGL 220900Z 2212/2312 23012KT 9999 SCT030 BKN080 TX36/2220Z
TN24/2200Z, os valores da temperatura mínima, visibilidade e teto são respectivamente de:
a)36°C, 10.000 m ou mais e 3.000 pés                              
b)36°C, 10.000 m ou mais e 8.000 pés
c)24°C, 10.000 m ou menos e 900 m                                 
d)24°C, 10.000 m ou mais e 2.400 m

11) No TAF SBGW 170800Z 1712/1724 07005KT 8000 FEW020 SCT100 TEMPO 1716/1722
TS SCT028 FEW035CB BKN100 TX31/1718Z TN21/1724Z; foi previsto ocorrer:          
a)trovoada sem precipitação das 16 às 22Z;                   
b)poucos CB a partir das 22 UTC;
c)chuva moderada;                                                            
d)vento calmo durante todo o período
12) A condição de temperatura ISA mais cinco, para o FL100, corresponde a:
a)0ºC                               
b)-10ºC                                  
c)-5ºC                                    
d)5ºC

13) Uma aeronave sobrevoando uma região no FL090, com QNH no momento de 1020,2 hpa,
estará voando na altitude:
a)pressão de 9.210 pés;                                                     
b)indicada de 9.210 pés;
c)pressão de 8.790 pés;                                                     
d)indicada de 8.790 pés.

14) A névoa seca dá ao horizonte claro, ao sol e a lua uma coloração:


a)azulada                        
b)amarelada                          
c)avermelhada                      
d)acinzentada

15) Relâmpago na vertical ocorre:


a) no topo do CB                                                                
b) na frente do CB              
c) na base do CB                                                                
d) na traseira do CB

16) Turbulência orográfica ocorre mais intensa e irregular:


a) a sotavento das montanhas                                          
b) a barlavento das montanhas
c) no topo do vento de superfície                                     
d) indiferente

17) Gelo claro forma-se mais comumente com:


a) ar estável e nuvens cumuliformes                               
b) ar estável e nuvens estratiformes
c) ar instável e nuvens cumuliformes                              
d) ar instável e nuvens estratiformes

18) No hemisfério sul voando na direção de um CB ao se fazer um vôo de contorno deve-se


desviar para a:
a) direita                                
b) esquerda                          
c) través                                
d) cauda

19) A maior parte do vapor de água encontra-se na:


a) tropopausa                       
b) ionosfera                          
c) exosfera                            
d) troposfera

20) A latitude compreendida entre o trópico de câncer e o trópico de capricórnio denomina-se:


a)polar                       
b)tropical                              
c)temperada                         
d)equatorial

21)No METAR SBFL 011600Z 35009KT 9999 FEW025TCU 30/22 Q1011, tem-se:
a)céu nublado                                                         
b)elevada umidade relativa
c)instabilidade atmosférica                                   
d)visibilidade vertical de 10Km ou mais

22)No METAR SBAF 041600Z 21008KT 3000 –RA SCT012 BKN020 OVC080 23/23 Q1013,
tem-se:
a)chuva moderada                                                    
b)QNE de 1013 hpa                       
c)mensagem do dia 16                                             
d)abóbada celeste encoberta

23)No METAR, as informações “R20/0800 R14/1000” indicam que o alcance visual é de:
a)200ft na pista 08 e 140ft na pista 10                   
b)800ft na pista 20 e 1000ft na pista 14
c)200m na pista 08 e 140m na pista 10                 
d)800m na pista 20 e 1.000m na pista 14

24)No METAR SBSP 101900Z 30004KT 9999 SCT020 BKN200 26/16 Q1014, tem-se:
a)vento pós-frontal de frente fria                          
b)stratus a 200 pés de altura
c)litometeoro restringindo a visibilidade             
d)QNH de 1014 hpa

25)O grupo 27018G34KT no METAR significa vento fluindo:


a)de oeste com rajada de 18 nós                          
b)para leste com rajada de 34 nós
c)de leste com instabilidade média de 18 nós     
d)para oeste com intensidade media de 34 nós

26)As temperaturas observadas, do ar 4ºC e do ponto de orvalho –2ºC, serão informadas no


METAR como:
a)4/-2                          
b)04/02                       
c)4/M2                        
d)04/M02

27)A abreviatura VC, da tabela de tempo significativo, significa:


a)neve                                                                       
b)poeira                                
c)pancada                                                                 
d)vizinhanças

28)A palavra CAVOK é utilizada para substituir os grupos de:


a)visibilidade, tempo presente e vento                
b)visibilidade, tempo presente e pressão
c)visibilidade, tempo presente e temperatura     
d)visibilidade, tempo presente e nuvens

29)No METAR SBPP 211800Z 18015G25KT 110V250 6000 1200SW +SHRA SCT010 BKN020
OVC080 18/16 Q1005, tem-se:
a)pancada forte de chuvisco
b)vento de rajada com 15 nós
c)céu encoberto com nebulosidade do estágio médio
d)visibilidade horizontal mínima igual a 6.000 metros

30)No METAR SBSP 051800Z 29020KT 8000 RA SCT025 FEW025TCU BKN090 28/15
Q1012, tem-se:
a)chuvisco moderado                                            
b)chuva moderada
c)vento de rajada com 20 nós                               
d)visibilidade restrita por litometeoro
31)No METAR SBSJ 191100Z 00000KT 8000 BKN080 BKN200 23/22 Q1017, tem-se:
a)ar seco
b)vento fraco
c)nuvens de primeira camada a 2.400 metros de altura
d)informação confeccionada no dia 19 às 11h local

32)No TAF SBKP 151530Z 1518/1618 15009KT 8000 SCT020 BKN200 TEMPO 1520/1524
5000 +TSRA SCT020 FEW030CB BKN200 BECMG 1606/1608 12005KT 2000 BR OVC010
TX32/1519Z TN14/1610Z, foi previsto:
a)temperatura máxima de 32ºC para as 19 UTC do dia 16
b)céu encoberto entre 06 e 08 UTC
c)visibilidade de 5.000 m após as 24 UTC
d)vento de 15009KT entre 18 e 08 UTC

33)No TAF SBSJ 161430Z 1618/1718 00000KT 9999 SCT020 TEMPO 1619/1622 7000 TSRA
BKN020 FEW030CB BECMG 1702/1704 8000 BKN010 BECMG 1710/1712 9999 SCT080
TX31/1620Z TN20/1706Z, está previsto a ocorrência de:
a)trovoada sem precipitação
b)visibilidade de 7.000 m às 00 UTC
c)nuvens do estágio médio a partir das 1200 Z
d)visibilidade horizontal igual a 10Km às 08 Z

34) No TAF SBGL 171500Z 1718/1818 15015KT 8000 SCT007 BKN010 OVC090 TEMPO
1721/1724 3000 RA BECMG 1801/1803 13003KT TX31/1721Z TN22/1806Z, tem-se:
a)chuva moderada entre 24 e 01 UTC
b)visibilidade horizontal de 8 Km
c)céu nublado com nuvens do estagio médio
d)mudanças na nebulosidade

35) No TAF SBPA 171430Z 1718/1818 09005KT 9999 BKN030 TEMPO 1809/1811 5000 BR
BKN010 TX21/1719Z TN10/1809Z, tem-se:
a)vento calmo
b)visibilidade vertical igual a 9999
c)nuvens do estágio baixo, entre 09 e 11Z
d)abobada celeste encoberta entre 18 e 09Z

36)No TAF SBFL 170900Z 1712/1812 35008KT 9999 SCT030 PROB30 TEMPO 1722/1802
5000 TSRA BKN020 FEW030CB OVC050 TX18/1713Z TN12/1805Z tem-se:
a)trovoada com chuva às 0500 UTC
b)céu encoberto entre 2200 e 0200 UTC
c)temperatura máxima de 12ºC às 0500 UTC
d)visibilidade igual ou maior que 10 Km em todo o período

37)No TAF SBCT 172100Z 1800/1824 16005KT 9999 SCT020 TEMPO 1806/1808 00000KT
BKN010 TN01/1812Z TX11/1816Z tem-se:
a)visibilidade restrita                                                      b)vento com 05 Km/h em todo o período
c)nuvens esparsas do estágio alto                               d)base das nuvens a 300 m entre 06 e
08Z

38)No TAF SBVT 201440Z 2018/2118 00000KT 2000 –DZ OVC010 TEMPO 2100/2104 5000 –
RA OVC090 BECMG 2110/2112 0500 FG TN25/2106Z TX38/2118Z, tem-se:
a)chuva leve após as 04:00 UTC                                   b)pancada de chuva entre 00:00 e
04:00Z
c)chuvisco leve entre 04:00 e 10:00 UTC                     d)visibilidade de 500m entre 10:00 e
12:00Z

39)No TAF SBFZ 012000Z 0200/0224 01006KT CAVOK BECMG 0211/0213 09008KT 9000
BKN020 BKN090 TEMPO 0220/0223 5000 RA TN30/0212Z TX36/0220Z, tem-se:
a)chuva leve após as 23:00 UTC                                       b)céu nublado das 13 às 24 UTC
c)visibilidade de 5.000 pés entre 2000Z e 2300Z             d)CAVOK após as 1300 UTC

40)No TAF SBBV 160900Z 1612/1712 08010KT 9999 SCT020 SCT100 PROB40 1614/1620
5000 RA BECMG 1620/1622 07005KT TX33/1619Z TN25/1706Z, temos:
a)previsão para um aeródromo doméstico                    
b)vento de 08010KT durante todo o período
c)nuvens esparsas a 10.000 pés das 22 às 12Z
d)chuva leve com probabilidade de 40% 

GABARITO
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20
C A D A C D B A B D A A B C B A C B D B

21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40
C D D D B D D D C B C D C B C B D C B C

SIMULADO METEOROLOGIA PP - VÁRIOS CAPÍTULOS

PARTE 1
-------------
01. A energia solar na faixa do ultravioleta é absorvida em aproximadamente 75% na camada
da
a) ionosfera
b) troposfera
c) tropopausa
d) ozonosfera

02. O elemento que mais difunde o comprimento da radiação infravermelha da energia solar
dando ao sol ou a lua uma coloração avermelhada, é a
a) chuva
b) poeira
c) névoa seca
d) névoa úmida

03. A difusão da luz pela atmosfera começa na


a) ionosfera
b) troposfera
c) ozonosfera
d) estratosfera

04. O efeito de estufa ocorre nos dias


a) secos
b) nublados
c) de chuva
d) de forte insolação

05. A troposfera se caracteriza por


a) ser isotérmica
b) se observar sempre ventos fortes na superfície
c) possuir maiores temperaturas em alturas mais elevadas
d) possuir gradiente térmico vertical decrescente da superfície para cima.

06. A absorção de energia solar começa na


a) ionosfera
b) troposfera
c) tropopausa
d) estratosfera

07. O verão no hemisfério sul começa quando a Terra se encontra no


a) afélio
b) periélio
c) equinócio vernal
d) equinócio outonal.

08. Nas regiões polares a tropopausa é encontrada em altitudes médias de


a) 7 a 9 km
b) 17 a 19 m
c) 9 a 12 km
d) 12 a 17 km

09. A camada mais baixa da atmosfera chama-se


a) ionosfera
b) troposfera
c) tropopausa
d) estratosfera

10. A camada que se inicia logo acima da tropopausa chama-se


a) exosfera
b) ionosfera
c) troposfera
d) estratosfera

11. A radiação terrestre é responsável pela formação de


a) orvalho
b) poeiras
c) trovoada
d) névoa seca

12. A névoa seca dá ao horizonte claro, ao sol e a lua uma coloração


a) azulada
b) amarelada
c) acinzentada
d) avermelhada

13. O elemento da atmosfera que sempre decresce verticalmente é


a) o vento
b) a umidade
c) a densidade
d) a temperatura

14. A temperatura padrão ao nível do mar padrão é igual a


a) 15o F
b) 59o C
c) 288o K
d) 474o R

15. A composição básica da atmosfera padrão é


a) 78% de oxigênio e 21% de nitrogênio
b) 78% de nitrogênio e 21% de oxigênio
c) 78% de hidrogênio e 21% de oxigênio
d) 78% de oxigênio e 21% de hidrogênio

16. A variação vertical média da temperatura na atmosfera padrão corresponde a


a) 2o C/100ft
b) 2o C/100m
c) 0,65o C/100ft
d) 6,5o C/1000m

17. A porcentagem média de nitrogênio na atmosfera padrão é de


a) 4%
b) 21%
c) 78%
d) 100%

18. A atmosfera padrão é considerada


a) seca
b) úmida
c) saturada
d) seca ou úmida

19. O transporte de calor pelos ventos na atmosfera é definido como


a) radiação
b) advecção
c) condução
d) convecção

20. Entre as substâncias que possuem menor calor específico encontramos a


a) água
b) platina
c) gasolina
d) borracha

21. A quantidade de calor necessária para elevar de 1o C a temperatura de uma grama de uma
substância qualquer é a definição de
a) caloria
b) calor latente
c) calor sensível
d) calor específico

22. Convecção significa


a) albedo
b) insolação
c) transporte vertical de calor na atmosfera
d) transporte horizontal de calor na atmosfera

23. A transferência de calor por contato direto entre os corpos é chamada de


a) radiação
b) advecção
c) condução
d) convecção

24. O instrumento usado para o registro das temperaturas é chamado de


a) heliógrafo
b) higrógrafo
c) termógrafo
d) pluviógrafo

25. Durante a mudança de estado físico da água de sólida para líquida ocorre
a) absorção de calor latente
b) liberação de calor latente
c) absorção de calor específico
d) liberação de calor específico

26. A radiação terrestre é responsável pela ocorrência de


a) geada
b) fumaça
c) trovoada
d) névoa seca

27. A evaporação da água para a atmosfera exige absorção de calor


a) latente
b) sensível
c) absoluto
d) específico

28. A passagem de calor diretamente de molécula a molécula, transferindo uma à outra sua
agitação gradativamente até que todas estejam vibrando igualmente é a definição de
propagação de calor por
a) radiação
b) condução
c) advecção
d) convecção

29. A transferência à distância, através de meio rarefeito, sem que haja contato entre os
corpos, é a forma de propagação de calor conhecida como
a) radiação
b) advecção
c) condução
d) convecção

PARTE 2
-------------
1. A camada da atmosfera que apresenta maior concentração gasosa e sofre o efeito direto do
aquecimento da superfície terrestre, denomina-se:
a) exosfera 
b) ionosfera 
c) troposfera 
d) estratosfera

2. Em meteorologia, a palavra convecção significa o(a): 


a) processo de ocorrência de um anticiclone
b) transporte vertical de calor na atmosfera
c) observação e computação da orientação da direção do vento
d) transporte horizontal de calor na atmosfera

3. Os gases que são encontrados na atmosfera terrestre em maiores proporções são os


seguintes:
a) orgônio e hélio
b) oxigênio e hidrogênio
c) oxigênio e nitrogênio
d) nitrogênio e hidrogênio

4. A pressão padrão ao nível do mar é de:


a) 1023,2 hpa 
b) 1010,2 hpa 
c) 1013,2 hpa 
d) 716 hpa

5. O gradiente térmico (perda de temperatura) médio da troposfera é de:


a) 2ºC/100ft
b) 2ºC/1000m
c) 2ºC/1000ft
d) 1ºC/100m

6. O processo pelo qual o calor se propaga através do espaço chama-se:


a) condução
b) radiação
c) convecção
d) advecção

7. Dentre os elementos atmosféricos relacionados abaixo, numa situação de céu claro, aquele
que decresce com a elevação da altitude, mesmo ultrapassando a tropopausa, é o/a:
a) vento
b) umidade
c) densidade
d) temperatura

8. As superfícies mais clara e brilhantes refletem melhor a luz solar e, portanto, possuem
albedo:
a) nulo
b) médio
c) menor
d) elevado

9. A camada da atmosfera onde ocorrem os fenômenos mais importantes para a aviação


denomina-se:
a) exosfera
b) tropopausa
c) baixa atmosfera
d) atmosfera superior

10. O efeito turbulento na atmosfera caracterizado por agitação vertical é provocado por:
a) convecção
b) advecção
c) radiação
d) absorção solar

11. Orvalho e geada são produtos da:


a) evaporação
b) radiação
c) condução
d) advecção

12. Uma linha que une pontos de mesma pressão atmosférica chama-se:
a) isoclínica
b) isotérmica
c) isalóbala
d) isobára

13. Nuvens altas são compostas de:


a) cristais de gelo
b) vapor d'água
c) vapor d'água e cristais
d) núcleos de congelação

14. As nuvens cumuliformes forma-se em ar:


a) neutro
b) estável
c) instável
d) condicional

15. Um volume de ar quente com sua capacidade de conter vapor d'água "repleta" chama-se:
a) ar seco
b) ar úmido
c) ar saturado
d) ar puro
16. O nevoeiro de radiação ocorre geralmente com:
a) céu claro e ventos fortes
b) radiação terrestre e céu encoberto
c) nuvens baixas, ventos fortes e alta umidade
d) ventos fracos, céu claro e radiação terrestre

17. Quando ocorre deslocamento de ar frio para regiões onde exista água na superfície, sendo
esta relativamente quente, o nevoeiro que se formará pela condensação das partículas líquidas
em suspensão, será denominado:
a) marítimo
b) de vapor
c) orográfico
d) de radiação

18. Quando a atmosfera está com coloração avermelhada e a umidade relativa é inferior a
70%, o fenômeno que restringe a visibilidade é o (a):
a) chuvisco
b) nevoeiro
c) névoa seca
d) névoa úmida

19. Dos fenômenos abaixo, indique aquele que, normalmente, ocorre associado às trovoadas:
a) crista
b) brisa marítimas
c) ventos em rajadas
d) litometeoro esparso

20. Das nuvens abaixo, as que identificam ar estável são:


a) ST, SC e CU
b) Cc, Cs e CB
c) AC, AS e NS
d) CS, AS e ST

21. Em uma atividade convectiva, a formação de nuvens é iniciada quando:


a) as temperaturas do ar e do ponto de orvalho se igualam
b) o decréscimo de temperatura passa a ser maior do que 1º/100m
c) a razão de decréscimo do ponto de orvalho for 1º/100m
d) a parcela de ar atingir o nível de cogelação

22. A base da nuvem indica o ponto de:


a) sublimação
b) condensação
c) evaporação
d) convecção

23. Quando a precipitação atinge a forma de pancadas, existe a presença de nuvens:


a) Ac, Cc e Cu
b) estratiformes
c) St, Cs e Cu
d) cumuliformes

24. Fenômeno ótico que se forma ao redor do sol ou da lua, geralmente associado ao
Cirrostratus é:
a) arco-íris
b) coroa
c) Halo
d) Círculo solar
25. Nuvens delgadas de aspecto filamentoso inteiramente constituídas de cristais de gelo:
a) Cc
b) Ci
c) Cu
d) As

26. O ar aquecido próximo à terra torna-se mais quente, mais leve e tende a subir produzindo:
a) condução
b) radiação
c) convecção
d) advecção

27. O ar úmido é uma mistura de ar seco com vapor d'água entre:


a) 0 a 2%
b) 0 a 4%
c) 0 a 100%
d) 4 a 100%

28. A temperatura do ar igual a temperatura do ponto de orvalho indica:


a) cristalização
b) evaporação
c) sublimação
d) saturação

29. À noite, no inverno, quando o céu apresenta-se sem nebulosidade e com vento calmo,
haverá maior probabilidade de, pela manhã, ocorrer:
a) chuva
b) frente
c) trovoada
d) nevoeiro

30. O nevoeiro será definido como tal quando a visibilidade horizontal estiver:
a) igual a 3000 m
b) superior a 3000 m
c) inferior a 1000 m
d) entre 1000 e 3000 m

31. Dentre as nuvens abaixo, as que identificam as camadas de ar estável são:


a) SU/SB/ST/AS
b) AC/NS/SC/AS
c) ST/SC/CC/CS
d) AS/NS/CS/ST

32. O nevoeiro pré-frontal ocorre, normalmente, associado a/ao:


a) advecção do ar
b) massa de ar quente
c) sistema frontal frio
d) sistema frontal quente

33. Orvalho e geada são produtos da:


a) evaporação
b) radiação
c) condução
d) advecção

34. O ar aquecido próximo à terra torna-se mais quente, mais leve e tende a subir produzindo:
a) condução
b) radiação
c) convecção
d) advecção
35. O ar úmido é uma mistura de ar seco com vapor d'água entre:
a) 0 a 2%
b) 0 a 4%
c) 0 a 100%
d) 4 a 100%

36. Se a atmosfera de um determinado lugar se satura com 120 litros de vapor d'água e
tivermos 30 litros a umidade relativa será:
a) 25%
b) 30%
c) 40%
d) 50%

37. A temperatura do ar igual a temperatura do ponto de orvalho indica:


a) cristalização
b) evaporação
c) sublimação
d) saturação

38. Em meteorologia, a palavra convecção significa:


a) processo de ocorrência de um anti-ciclone
b) transporte vertical de calor na atmosfera
c) observação e computação da direção do vento
d) transporte horizontal de calor na atmosfera

39. Quando a precipitação atinge a forma de pancadas, existe a presença de nuvens:


a) Ac, Cc e Cu
b) estratiformes
c) St, Cs e Cu
d) cumuliformes

40. Voando na direção de pressões mais baixas no hemisfério Sul, uma aeronave terá:
a) deriva para a direita
b) vento de cauda
c) vento pela esquerda
d) deriva para a esquerda

41. Voando no hemisfério Sul com vento de proa preve-se que uma aeronave deverá encontrar
condições melhor de tempo à:
a) esquerda
b) na cauda
c) na proa
d) à direita

42. As nuvens associadas a uma frente quente são tipicamente:


a) cumuliformes
b) baixas
c) cirrus
d) estratiformes

43. Uma massa de ar mPK, em relação à outra cTW, é normalmente mais:


a) seca e quente
b) seca e instável
c) úmida e estável
d) úmida e instável

44. Dentre as nuvens abaixo, identifique aquela do estágio médio:


a) CB
b) AS
c) ST
d) CI 

GABARITO 

PARTE1
  0 1 2 3 4 5 6 7 8 9
000   D C D B A A B A B
010 B A D C C B D C A B
020 B D C C C B A A B A
PARTE 2
  0 1 2 3 4 5 6 7 8 9
000   C B C C C B C D C
010 A B D A C C D B C C
020 D A B D C B C B D D
030 C D D B C B A D B D
040 D D D D B

Você também pode gostar