Você está na página 1de 7

1-Dados do Aluno/Curso

Curso: Pedagogia /5A

Instituição: E.M.F Caic de Suzano

Nome: Edinalda da Silva

RGM: 19460988

Disciplina: Estagio Curricular Supervisionado nos anos do Ensino Fundamental

Ano/semestre de realização do estágio: 2020/5ª A

Quantidade de horas realizadas: 60 horas

2- Caracterização da Escola.

O Estagio foi realizado no Centro educacional integral á criança e ao


adolescente recebeu o nome de CAIC Vereador Djalma do Santo Paiva. A Unidade
Escolar possui um quadro de pessoal composto por 57 funcionários, sendo que 27
são professores e 30 na parte de apoio operacional e conta também com o programa
Escola aberta e instituições auxiliadoras, como a Associação de Pais e Mestres e
Conselhos de Escola. Sua estrutura física conta com 13 salas de aula ,12 banheiros
divididos entre alunos e professores e funcionários, cozinha ,refeitório, biblioteca, sala
de informática, laboratório de ciências, salas de atendimento a Educação
Especial(AEE),secretaria diretoria, sala de reuniões,auditórios,pátio,quadra de esportes
e parque.] localizada [Rua: Cachoeira, N°33, JD Monte Cristo pertencente à rede
Publica de ensino da cidade de Suzano, no estado de São Paulo. Está vinculada à A
secretaria municipal de Suzano.

3- Introdução

Estágio de docência em Ensino dos anos Iniciais fundamental foi realizado


nas, series intituladas 1º. Ano e 2º. Ano do Ensino Fundamental, com duração de 60
horas, com atividades voltadas para o desenvolvimento, letramento e alfabetização e
a autonomia dos alunos, no estagio pude auxiliá-las em alguns momentos em sala
de aula, na elaboração e aplicação de atividades, no acompanhamento da correção
de atividades dos alunos pela professora titular , irei relatar aqui as 60 horas que
pude vivenciar em sala e a minha integração com a professora.

4- Perfil dos Professores


Fiz o acompanhamento de 02 salas com 02 diferentes professoras onde elas
demonstraram competência e prazer ao passar as atividades, proporcionando
transformações no universo de aprendizagem dos seus alunos, utilizando de
recursos de fácil compreensão, sempre auxiliando e procurando resolver as
dificuldades apresentadas pelos alunos. A professora do 1º. Ano me disse que já
atuou em níveis do fundamental do 1º. Ao 4º. Ano do Ensino fundamental e já
leciona á mais de 15 anos na área, apresentando um vasto conhecimento e no
ensino da alfabetização de alunos, já a professora do 2º. Ano esta a menos tempo,
cerca de 4 anos na rede e sempre trabalhou com a alfabetização do 1º. e 2º. Ano do
Ensino Fundamental, por conta da Pandemia e o recesso das escolas só consegui
acompanhá-la em um dia.

Professora Serie Tempo Quantidade Professora Serie Tempo Quantidade


de de horas de de horas
Serviço Serviço
Maria 2º. 15 55 horas Rosa 1º. 20 5 horas
Ano anos Ano anos

5-Pratica Pedagógica dos Professores

A metodologia usada na escola, para suas faixas etárias onde as disciplinas


aplicadas nesse decorrer de 60 horas de estágio, a professoras trabalham de forma
pratica e diversificada na aplicação das atividades nos diferentes contextos
cumprindo o BNCC. Nas atividades em que estive presente presenciei que a
professora vai além do aplicar atividades, procurando sempre introduzir valores
morais e sociais, procurando fazer a inclusão, a interação e o desenvolvimento
integral da criança, agindo de forma democrática, sempre procurando ouvir,
entender e ensinar, sem perder a liderança da sala de aula. De acordo com o
estagio irei destacar Um foco que achei de extrema importância:
6- A produção textual e a oralidade

O professor do Ensino Fundamental deve ter comprometimento com o


desenvolvimento do contexto apresentado em sala de aula, entender como a BNCC
esta organizada para que tenha o suporte em seus planejamentos de atividades a
serem, desenvolvidas em sala de aula.

Trabalhar a produção textual e a oralidade, principalmente nas series iniciais


do Ensino Fundamental, levara o aluno a se desenvolver integralmente, deixando de
lado os exercícios de repetição que esta infelizmente ainda inserido no meio escolar,
e adotar métodos que esteja em sua vida social, o professor deve inserir tanto a
oralidade quando a produção textual de maneira espontânea , seja após o intervalo
pedindo que os alunos escrevam como se deu a refeição e as brincadeiras e em
seguida pedir que façam a leitura, ou simulando um pequeno seminário onde se
trabalhe textos mais formais, toda a rotina escolar deve se dar a partir de estar em
constante aprendizado para o aluno e cabe ao professor ter esta desenvoltura. O
importante é que o professor esteja sempre inserindo diversos gêneros textuais e
estimule a pratica da oralidade e da produção textual, de acordo com o
desenvolvimento dos alunos. O BNCC define alguns campos de atuação que devem
ser trabalhados são eles: Vida Cotidiana, Artistico-Literario, Estudo e Pesquisa, Vida
publica á partir destes campos de atuação o professor deve elaborar suas atividades
de maneira a trazer interação e aulas significativas, formando o aluno para aplicar
tudo o que foi passado em sala no sue cotidiano. Segundo Freire (1996):

A leitura de mundo revela, evidentemente, a inteligência do mundo que


vem cultural e socialmente se constituindo. Revela também o trabalho
individual de cada sujeito no próprio processo de assimilação da
inteligência do mundo (1996, p. 139).

Aprendemos muito no decorrer da vida por isso o papel o professor é o de


aumentar de maneira significativa a produtividade e criatividade dos alunos,
tornando- se ao desafiador ao professor.

Acompanhe em sala de aula no decorrer do Estagio que a professora


procurava a todo momento ouvir os alunos e em cada atividade sempre solicitava
aos alunos para descrever com suas palavras o que foi aprendido, claro que alguns
ficavam receosos e tímidos, porem ela sempre estava disposta a auxiliar, uma das
atividades que acompanhe a professora leu um texto, fez a releitura através de
colagem e recorte e depois solicitou aos alunos fazerem a leitura oral do que havia
escrito e representado através da colagem.

PROJETO DE ESTÁGIO – INTEGRAÇÃO COM A ESCOLA

Tema: A BNCC em Debate.

Relato de participação:

O BNCC se tornou um norteador dos materiais que serão trabalhados na


educação básica, de extrema importância e que deve ser sempre consultado pelo
professor não descartando, os demais documentos que continuam sendo validos,
falando sobre a diferença de LDB, DNC, PCN e BNCC, ressaltando que todos são
importantes para elaboração do currículo.

O documento em questão trabalha as competências e habilidades que


devem ser alcançadas em cada etapa, direcionando o aluno a competência que
devem ser realizadas, construindo o contexto em sala de aula dentro das 10
competências apresentadas no BNCC. Acompanhei dentro do estagio que o
professor ainda esta se adaptando a cumprir o que é apresentado na BNCC,
procurando sempre levar para sala atividades que não apenas desenvolva seus
conhecimentos, mas também levando o aluno a exercitar sua criatividade, valorizar
as diversas manifestações artísticas e culturais, utilizar as diferentes linguagens
verbal e oral, estas foram algumas das competências de acordo com o BNCC que
pude vivenciar em sala de aula, me trazendo uma amplitude de como se portar e os
objetivos a serem alcançados que não são apenas os de ensinar a ler, escrever e
apresentar as quatro operações.
Considerações Finais

A oportunidade de vivenciar o Estágio nos Anos Iniciais Fundamental foi de


extrema importância, dentro das 60 horas, vivenciei um mundo de muito
aprendizado e dedicação, a realidade da sala de aula, proporciona um novo olhar,
de como resolver problemas e agir no ambiente escolar, acompanhar de perto e ver
que cada aluno é único e depende de um olhar especial e não um trabalho
generalizado, o Estagio me fez ver com clareza que ser Educador vai além de
passar matérias na lousa, o professor deve ser transformador de vidas, conscientes,
pesquisadores e autônomos.

8) REFERÊNCIAS
Base Nacional Comum Curricular
http://basenacionalcomum.mec.gov.br/images/BNCC_EI_EF_110518_versaofinal_sit
e.pdf pagina 359 a 371 Acessado em . 07/06/2020

http://portal.mec.gov.br/setec/arquivos/pdf3/tcc_aoralidade.pdf Acessado em
07/06/2020.

1-CAPA

Nome da Instituição E.M.F Caic de Suzano


Relatório Final De Estágio Curricular Supervisionado – Plano Emergencial
Nome do Aluno: Edinalda da Silva
RGM do aluno: 19460988
Curso: Pedagogia
Data: 09/06/2020

I. Relação de atividades realizadas

Atividade Quantidade Quantidade de


Realizada Horas
1. Plano de aula 1 10
2. Relatórios das 0 0
webconferências
3. Estudo de caso 0 0
4. Recursos educacionais 1 20
abertos
5. Relatório Final de Estágio 1 15
Total de Horas 45

II. Texto dissertativo

Pergunta: Em que medida as atividades realizadas no Plano emergencial


contribuíram para minha formação como professor e educador para o século XXI?

De acordo com os últimos acontecimentos e as mudanças que ocorridas, faz-


se necessário que o professor esteja em constante aprendizado, infelizmente muito
dos educadores foram pegos despreparados diante desta Pandemia e no se
adaptar, buscando adquirir novos conhecimentos, pesquisando, explorando e
inovando, algo que já deveria ser rotineiro em suas praticas pedagógicas, mas
sabemos que este déficit não ocorre apenas por parte do Professor, mas
principalmente de toda rede que não trás este estimulo constante para o ambiente
escolar, o plano emergencial foi algo desafiador e enriquecedor para minha futura
pratica em sala, fez com que superássemos a nós mesmos, nos preparando para
uma nova realidade, pois o professor deve estar preparado as constantes mudanças
na Educação buscando sempre métodos e estratégias atrativas, que tragam valores
significativos aos alunos.

Você também pode gostar