Você está na página 1de 19

ESTATUTO DA SOCIEDADE KIAME, Lda

1
A sociedade kiame Apetit restaurante, Lda. Tem a sua sede em Luanda no município de
Belas, Bairro Talatona, Rua Espaços Avenida e a sua duração é por tempo indeterminado,
podendo por simples deliberação da gerência mudar de sede para qualquer parte do território
nacional bem como abrir filiares ou agências onde os sócios convier.
2
O seu objectivo social é a confecção e comercialização de refeições, e a prestação de
serviço de cartering e entrega ao domicilio, bem como poderá dedicar-se a quaisquer actividades
comerciais permitidas por lei.
3
Capital social integralmente realizado em dinheiro é de AOA 116.887.678,00.
4
A secção e divisão de quotas dependem sempre do consentimento da sociedade.
Para efeito de aplicação do parágrafo anterior gozam de direito preferência a sociedade e
na sua renúncia, os sócios.
A secção de quota será precedida de uma assembleia geral para efeito convocada,
mediante o envio dos sócios de carta registada, com a antecedência de 15 dias.
A ausência do sócio ou do representante na assembleia geral é tida, para qualquer efeito,
como renuncia ao exercício do direito de preferência.
5
A sociedade reserva-se o direito de amortizar qualquer quota dos casos seguintes:
• Insolvência ou valência do sócio titular;
• Arresto arrolamento o penhora da quota;
• Vendas ou a dijudicaçao do sócio;
• Quando, por falecimento de um dos sócios, não seja consentida a transmissão da
quota a favor dos seus sucessivos.
• Quando, em virtude de partilha realizada em consequência de divórcio, não seja a
quota a dijudicada a respectivo sócio.

A amortização será realizada pelo valor da quota determinado em fase do último


balanço aprovado, qual será paga em cinco prestações trimestrais, iguais e
sucessivas, vencendo-se a primeira três meses apois a deliberação da amortização.

A sociedade será administrada e representada em juízo e fora dela, activa ou


passivamente, exercida pelo sócio Wilson Mota, e necessárias as assinaturas conjunta dos sócios.
A remuneração da gerência ou do representante do gerente será fixada em assembleia geral.
Os sócios só terão direito a remuneração se exercerem efectivamente funções na sociedade.

O Kiame Apetit é uma Instituição de direito privado foi constituída no dia 1 de Janeiro de
2015 com uma vida útil indeterminada, sendo estudado nesse projecto 3 anos, é composta por 5
sócios a destacar:

• Wilson Mota
• Pamela-Vandúnen
• Julia Fernando
• Tomás Pinto
• Regina Amado

O seu capital social é de AOA 116.887.678,00 subscritos em 5 quotas descritas no quadro


abaixo:

Nome dos sócios Participação %


Regina Amado 23.377.536,00 20
Pamela-Vandúnen 23.377.536,00 20
Júlia Fernando 23.377.536,00 20
Tomás Pinto 23.377.536,00 20
Wilson Mota 23.377.536,00 20
Total Capital Próprio 116.887.678,00 100
Conceito do Negócio

Um plano de negócio é um instrumento que permite comunicar uma ideia de negócio


para vendê-la ou para obter financiamento. É também uma ferramenta que permite avaliar a
viabilidade da ideia de negócio.
Este plano de negócio tem como ideia um restaurante.
Nele analisamos:
• A possibilidade de obter sucesso ou não;
• Como o mercado pode influenciar na implementação do negócio;
• As estratégias correspondentes para a implementação do negócio.
Para a obtenção do sucesso na implementação de uma estratégia é crucial fazer
regularmente um controlo dos resultados obtidos até ao momento e compará-los com os
objectivos pretendidos; fazer análises constantes das necessidades dos clientes; acompanhar e
prever o crescimento e as mudanças da indústria, bem como prever as acções das empresas
concorrentes.
Logotipo

A Kiame Apetit Lda é um restaurante composto por 5 associados, que dará inicio a sua
actividade económica e financeira na província de Luanda, na zona do Projecto Nova Vida.
Escolhemos essa localização pelo facto de ser uma zona em crescimento no que toca ao
aparecimento de muitas empresas e residências (o que constitui o nosso público-alvo). Dada a
actual situação económica de Angola (diversificação da economia), a oportunidade de
investimento nesse sector é favorável.
Apresentação do Negócio
O restaurante Kiami Apetit oferece produtos e serviços alimentares.
Esse tipo de negócio requer um pessoal profissional e altamente especializado, uma vez
que pretendemos oferecer diversos tipos de gastronomia e para tal é necessário um grande
domínio na área por parte dos chefes.
Descrição dos serviços:
Catering;
Entrega ao domicilio.
Descrição dos produtos
O kiame Apetit direcciona os seus serviços a uma especialidade de clientes que apostam
na diversificação da gastronomia:
Gastronomia Africana (Angolana em especial);
Gastronomia Oriental;
Gastronomia Europeia.

VISÃO, MISSÃO, OBJECTIVOS E VALORES

Visão:
Estando o nosso estabelecimento em frente de condomínios hospedeiros de trabalhadores
internacionais de Empresas como HUAWEI, UNITEL e MOVICEL. O Restaurante Kiame apetit
pretende vir a ser o melhor serviço de Restauração desta mesma localidade, oferecendo
Excepcionais padrões de qualidade, para atraí-los. Possuir uma notoriedade de marca, «ser o
restaurante de referência de Angola».
Missão:
Fornecer os nossos produtos e serviços de forma eficiente e eficaz para melhor satisfazer as
necessidades dos nossos clientes.
Objectivos:
A Kiame Apetit, na exploração das suas actividades principais tem objectivos a curto prazo,
médio prazo, e a longo prazo;
A curto prazo: Conquistar a confiança e lealdade do público alvo;

A médio prazo: Expandir o negócio para outros segmentos de mercado e contribuir


para o desenvolvimento do nosso país criando novos postos de trabalho;
A longo prazo: Possuir 30% de quota de mercado em 3 anos;
Atingir lucros líquidos positivos em 3 anos
Alcançar uma notoriedade de marca de 70% em 4 anos
Garantir a sustentabilidade do projecto ao longo da sua vida útil, através da
continuidade operacional e independência estratégica.

Valores:
Sendo os promotores do negócio serem pessoas idóneas e de boa moral, o Kiame
Apetit é coberto pelos seguintes valores éticos e morais:
• Respeito pela dignidade humana;
• Integridade moral;
• Confiança com os seus parceiros;
• Responsabilidade;
• Verdade e transparência em todos os nossos trabalhos.
Razões para a viabilidade:

• Existência de muitas empresas no Talatona;

• A adopção de um novo estilo de vida por parte das pessoas: o de fazer as refeições
em restaurantes;

• Há muitos estrangeiros provenientes de diversos países a trabalharem e a


residirem no Talatona, o que constitui a nossa oferta de diversos tipos de
gastronomia um factor atractivo.
Análise do Mercado
Análise PESTE
A análise PESTE analisa como é que a situação política, económica, social, tecnológica e
ecológica podem influenciar na realização do negócio.

Politico-Legal
Angola tem feito substanciais progressos em termos económicos e políticos desde o final da
guerra. A base actual do sistema democrático é a constituição aprovada pela Assembleia
Nacional em 27 de Junho de 2010 mudando várias regras politicas do país.
As eleições gerais de 2012 mostraram uma estabilidade política alcançada pelos angolanos.
Deste modo, em termos políticos, a realização do nosso negócio é favorável, pois essa
estabilidade política é propícia para a criação de mais empresas.
Angola possui um leque de políticas que incentivam o investimento privado dentre elas:
• Politicas de Incentivo as MPME;
• Políticas de incentivo ao investimento privado;
• Legislação fiscal - lei sobre os Incentivos Fiscais e Aduaneiros ao Investimento
Privado;
• Legislação laboral

Económico:
Dentro do contexto económico analisaremos as variáveis que podem afectar directamente o
nosso negócio, que são: o PIB, a Taxa de Câmbio, a Inflação e a Taxa de Juros.
• PIB
A economia Angolana está em abrandamento devido ao fraco comportamento do sector
petrolífero. O sector não petrolífero também está em abrandamento contudo o seu crescimento
está estimado em 7,3%.
O PIB cresceu 4,2% em 2014 muito abaixo dos 6,8% do ano 2013.
A análise do PIB é importante pois permite-nos prever o comportamento dos agentes
económicos face à oscilações com base no comportamento passado dos mesmos.
• Inflação
A inflação é um factor muito importante, visto que influencia no nível de vida das
populações, aumentando ou diminuindo o seu poder de compra. Em 2014, a inflação registada
pelo IPC do INE ainda na cidade de Luanda foi de 7,48%, menos 0,21 pontos do que em 2013.
Este comportamento contrariou as espectativas dos agentes, que esperavam uma maior
aceleração dos preços devido aos efeitos da entrada em vigor da nova pauta aduaneira em Março
de 2014, da desvalorização do Kwanza face ao dólar (5,6%), de Junho a Dezembro, da redução
dos subsídios aos combustíveis e do efeito inicial das restrições às importações nos últimos 2
meses de 2014, que vieram a agudizar-se nos primeiros meses de 2015.
• Taxa de Câmbio
O mercado cambial foi marcado pela redução do volume de vendas no mercado primário de
Fevereiro à Abril, devido a quebra da produção do petróleo; redução da disponibilidade de notas
estrangeiras (essencialmente dólares); pela alteração parcial ao regime cambial aplicável ao
sector petrolífero.
Não obstante, a quebra da produção no primeiro semestre e do preço no segundo semestre de
2014, o BNA disponibilizou 19, 2 mil milhões de dólares no mercado primário no ano,
ligeiramente baixo do verificado em 2013.

Sócio-Cultural:
As condições de vida da população tem vindo a melhorar embora seja uma progressão
relativamente lenta.
• Distribuição do rendimento: Por trabalhador. A medida que o PIB por trabalhador vai
aumentando, as preferências relativas dos trabalhadores mudam-se dos consumos
primários para outros de maior sofisticação.

• Estilo de vida: nos últimos anos tem se verificado a adopção à cultura de frequentar
restaurantes por parte da comunidade angolana, especialmente na zona do talatona
onde os residentes de lá são de renda média/alta.

Tecnológico:
O sector tecnológico é um sector que está em crescimento. Este sector é de igual importância
para o desenvolvimento sustentável de uma empresa e para o desenvolvimento da população.

Meio Envolvente Transaccional

O meio envolvente transaccional é constituído por todos os agentes e factores que


interagem directamente com a indústria em que a empresa actua. O seu impacto no desempenho
económico dos vários concorrentes tende a ser por isso bastante acentuado e rápido.

Clientes

O Kiame Apetit terá como principais clientes , particulares moradores e funcionários das
empresas localizadas no Tala-tona, de ambos os sexos, com um nível de rendimento médio/alto
que possuem a cultura de fazer as refeições em restaurantes.

Empresas dos diversos sectores de actividade e de todas as dimensões.


Organismos públicos e instituições de ensino.

Os nossos clientes comprarão os nossos produtos e serviços frequentemente por diversos


tipos de necessidades e o farão de forma pré-pago.
É fundamental identificar com rigor a natureza e o comportamento dinâmico dos vários
segmentos do mercado. Para garantir uma cobertura total das opções de segmentação.

Critérios genéricos de segmentação


Quem; Sexo(feminino, masculino)
Idade(16 aos 65 anos)
Raça(todas as raças)
Estilo de vida médio
Estudantes e trabalhadores da região.
O quê; Pratos; Cabo Verdiano, Moçambicano, Oriental, Angolana.
Pra quem; Público em Geral.
Onde; Retalhista, Talatona município de Belas
Como; TPA, por encomenda, por correio electrónico e por telefone.

Fornecedores
Os fornecedores de matéria-prima Kiami Apetit serão: A MMTS, a Amomana e os
supermercados Maxi, Mega e Alimenta Angola, e os armazéns da zona económica km30. E o
fornecedor de equipamentos industriais será a Caluk.

Concorrentes

Análise e a localização geográfica dos nossos principais concorrentes


Com um estudo de Mercado feito no dia 5 de Outubro do presente ano, constatou-se que a
implementação de um novo restaurante na região apresentaria boa concorrência aos outros
restaurantes que se encontram já na zona e que iria ajudar a satisfação dos nossos clientes na
procura da variedade de comida que os nosso restaurant oferece.
A maior parte dos nossos concorrentes estão localizados no Tala-tona, propriamente no Espaços
Avenida.
Descrição Nomes
Shopping Belas
Supermercado Kero
Restaurante Kiss Mark
Pastelaria Emirais
Modelo das 5 forças de Michael Porter

• Ameaças de novas entradas


Devido a queda do preço do petróleo no mercado internacional, o governo está a apostar na
Diversificação da economia angolana que é e sempre foi dependente do sector petrolífero.
Visto que, para a diversificação da economia o país precisa de mais empresas a investirem no
sector não petrolífero, não existem barreiras à entrada nesse sector, o que quer dizer que há
possibilidade de entrada de novos concorrentes/agentes a investirem neste ramo, factor que
poderá constituir ameaças com a qual a Empresa terá de se deparar criar estratégias para
minimizar os riscos que possam advir da entrada de novos operadores.
Para fazer face à entrada de novos concorrentes a Kiami Apetit primará pela diferenciação
dos produtos e serviços, pelo melhor atendimento e pelo melhoria constante da qualidade de
forma a beneficiarmos da lealdade dos clientes

• Pressão dos produtos e serviços substitutos


A existência de produtos substitutos que desempenham as mesmas funções que os produtos
ou serviços analisados é uma condição básica que limita o montante de valor que uma indústria
pode criar (afectando o desempenho das empresas nela pertencentes).
Os possíveis produtos substitutos são os fast foods.

• Poder negocial dos fornecedores:


Existem muitos fornecedores de matéria-prima para esse tipo de negócio, logo os nossos
principais fornecedores não possuirão grande poder negocial, já que os custos de mudança
para outro fornecedor não são elevados, e quase todos possuem uma grande qualidade nos
seus produtos. Contudo, em situações excepcionais eles poderão determinar a política de
preços e de cobrança. A Kiame Apetit, terá como fornecedores dos nossos produtos a MMTS,
Amomana, Caluk e os supermercados ”Maxi, Mega e Alimenta Angola”

• Poder de negociação dos clientes.


Os clientes podem influenciar o nosso negócio através da procura por produtos e serviços de
melhor qualidade bem como por preços mais competitivos.

• Rivalidade entre os concorrentes actuais


Luta de preços, de qualidade e publicidade.
Havendo já muitos restaurantes no Talatona e visto que apresenta uma concorrência salutar
sem barreiras a entrada de novos concorrentes/agentes operadores e nem há especulação nos
preços, torna-se necessário uma qualidade altamente diferenciada/superior para fazer face à
concorrência já existente.

Análise do Sector
As receitas do turismo nacional registaram um acréscimo acentuado em 2013. Neste
periodo o volume de negócios atingiu o montante de AKZ 119,1 mil milhões correspondendo
a USD 1,191 milhões.
No ano em relato, o volume de negócios evidenciou uma evolução positiva de AKZ
39,697 milhões ou seja, USD 397 milhões em comparação com o ano de 2012.
Considerando a repartição por tipo de unidades, o segmento de restauração e similares
com 39,9%, destacou-se em primeiro lugar, seguindo os hotéis com 21,9%.
Analisando o crescimento das receitas no biénio 2012 à 2013, neste período as receitas
atingiram a cifra de AKZ 189,5 mil milhões ou seja USD 2, 027 milhões, correspondendo a
um crescimento de 50,0% em relação ao biénio anterior.
Por tipo de unidades, os Restaurantes e Similares, Pensões e outras unidades de
alojamento evidenciaram maiores proporções ao atingirem 79,7 e 69,4% respectivamente.
A unidade Restaurante e Similares teve um total de receitas de AKZ 47.517.607.967
Os dados obtidos junto dos operadores do sector privado, apontam que em 2013 o
emprego atingiu a cifra de 173,4 mil.
Analisando o crescimento do emprego, constatou-se um crescimento positivo em 2013 de
9,8%, ou seja, mais 15.524 postos de trabalho criados em comparação com o ano anterior.
Em termos de repartição do emprego por tipo de unidades, os Restaurantes e Similares
com 43,1% (74.844 trabalhadores) apresentaram as maiores proporções do emprego
seguindo-se os hotéis e Pensões com 25,7 e 22,8% respectivamente.
O valor das despesas com salários suportado no sector privado no ano em relato, atingiu o
total de AKZ 25,6 mil milhões ou seja, USD 256 milhões. A unidade Restaurantes e
Similares teve um total de despesas de AKZ 7.992.573.613 em salários.
Analisando a proporção do crescimento médio do emprego no sector privado no biénio
2012 a 2013, notou-se um crescimento médio na ordem dos 9,1%
Em termos proporcionais do emprego por província, Luanda representou a maior
proporção com 73,6% do total do País, seguida da província de Benguela e Huila com 8,1 e
5,5% respectivamente.
Por todo o tipo de unidades, verificou-se um acréscimo acentuado nos Restaurantes e
similares (+162), hospedarias (+44) e hotéis (+17).
No ano de 2014, o sector da Hotelaria e Turismo alcançou um volume de negócios de
AKZ 216 mil milhões e 221 mil, um valor equivalente a USD 21 mil milhões e 622 mil.
No mesmo ano empregou um total de 202 mil e 776 pessoas.

Organograma
Factores Críticos do Sucesso

Sendo os factores críticos do sucesso os elementos mais significativos para qualquer firma
sobreviver e prosperar na actividade, os nossos factores críticos do sucesso são:
• A Diferenciação
• O Preço
• A Qualidade
• Pessoal qualificado com formação dentro das normas locais e dos
padrões internacionais.
• O Atendimento
• Conhecimento do Público Alvo;
• O Marketing
• A Distribuição
• Entrega rápida dos produtos solicitados;
Procuraremos atender cada um dos pontos acima mencionados para servir da melhor forma
possível os nossos clientes proporcionando-lhes um valor irredutível e indispensável para a
sobrevivência do nosso negócio.

Análise SWOT

Tendo em conta que todas as organizações têm seus pontos fortes e fracos, como também
enfrentam oportunidades e ameaças do meio envolvente em que estão inseridas.
Depois de termos feito uma análise sobre o que poderá ser a nossa organização identificamos
estratégias, que nos conduzirão a maximizar os nossos pontos fortes e aproveitar as
oportunidades que o meio envolvente venha oferecer e minimizar as nossas fraquezas face as
ameaças do meio contextual.
PONTOS FORTES PONTOS FRACOS
• A fidelidade dos
• Variedade clientes
OPORTUNIDADES gastronómica • Fraco acesso a canais
• Localização de distribuição
• O actual Plano
Nacional de
Desenvolvimento
• Aparecimento e
existência de muitas
empresas na região.

• O possível surgimento
de unidades de
AMEAÇAS negócios similares na • Produtos substitutos
zona

Escolha da Estratégia

A estratégia escolhida é a Diferenciação.


Escolhemos essa estratégia porque queremos trazer algo de diferente ao mercado. A nossa
diferença consistirá nos vários tipos de culinária provenientes de diversas culturas.
Achamos que isso será muito atractivo porque há muitos estrangeiros a residirem em
Angola e acreditamos que sentem saudade da comida ‘de casa’, como a maioria dos restaurantes
não oferecem a 100 % pratos típicos estrangeiros, as suas gamas de produtos/serviços são de
natureza mista, vimos a necessidade de um restaurante que supra esse tipo de carência, daí a
escolha por esse tipo de diferenciação.
Como referimos acima, no médio/longo prazo, pretendemos expandir o nosso negócio
para outros segmentos de mercado. Para tal adoptaremos estratégias adequadas ao meio
envolvente e aos objectivos almejados bem como um controlo regular e o uso de uma gestão
eficiente e eficaz.
De forma a evitar o aborrecimento dos nossos clientes face ao menu oferecido, faremos
alterações do mesmo mensalmente.

Cadeia de Valores
Actividades de apoio

Infra-estrutura da empresa
Gestão e finanças

Gestão de Recursos Humanos


Recrutamento, formação e motivação do pessoal

Aderência a novas tecnologias


Utilizaçāo de meios electrónicos como forma de pagamento

Aquisição de máterias primas e outros inputs

Logística de Operações Logística de Marketing e


entrada saída venda
Cartering
Actividades Transporte Entrega ao Venda e entrega Promoção dos
primárias domicílio de refeições aos serviços
Recepção clientes prestados e
imagem da casa
Armazenamento e
controlo do stock

Nas fases da cadeia de valores poderemos nos articular em função dos quatros pilares
básicos de actuac1ão que são: eficiência, qualidade, inovação e adaptação ao cliente. Cada um
destes pilares poderá ser melhorada nas diferentes fases da implementac1ão do projecto de forma
a sustentar a estratégia de negocio da empresa.
Análise estratégica

A proposta deste projecto é de uma empresa que vai actuar no sector de hotelaria e
restauração que tem como prioridade dentro do seu plano estratégico a prestação de um serviço
de alta qualidade que satisfaça os seus clientes de forma eficaz e eficiente. Estando localizados
numa região com óptimas instalações, os nossos clientes e fornecedores são bem selecionados e
estão localizados em diferentes pontos da região da cidade de Luanda.
A kiame Apetit irá actuar ainda em função de um plano estratégico proactivo através de
um conjunto de acções a serem desenvolvidas de modo a compreender e acompanhar a evolução
do mercado, estudar e concretizar as formas de satisfazer as necessidades dos clientes para que
não comprometamos o ciclo das nossas actividades tendo em conta os objectivos previamente
definidos.

Recursos Humanos

Quadro do pessoal
CARGOS TRABALHADORES SALÁRIO TOTAL
AKZ
Gestor 1 250.000,00 250.000,00
Administrativo
Gestor RH 1 250.000,00 250.000,00
Contabilista 2 150.000,00 150.000,00
Secretárias 4 70.000,00 210.000,00
Chefes 4 200.000,00 800.000,00
Auxiliares de 10 75.000,00 600.000,00
cozinha
Garçons 6 60.000,00 360.000,00
Balconistas 3 55.000,00 165.000,00
Operadores de 2 50.000,00 50.000,00
Caixa
Empregados de 4 35.000,00 140.000,00
Limpeza
Pessoal extra 15 70.000,00 70.000,00
Motoristas 5 40.000,00 200.000,00
Gestor de 1 250.000,00 250.000,00
Marketing
Gestor Financeiro 1 250.000,00 250.000,00
Total 57 1805000,00 3745000,00

Perfil dos Chefes:


1 Profissional em gastronomia Africana.
1 Profissional em gastronomia Asiática
1 Profissional em gastronomia Oriental
Optámos por chefes com especialidades diferentes devido àquilo que designamos ser a nossa
essência ‘oferecer uma variedade gastronómica para satisfazer todos os tipos de clientes’.

PROJEÇÕES FINANCEIRAS
Estrutura de capital

Os nossos capitais obedecem a seguinte estrutura:


O capital próprio equivale a 44% do valor global do investimento, que é de KZ
116.887.678,00 que representa o capital subscrito pelos sócios. O capital alheio é equivalente a
56% do investimento e corresponde a KZ 150.000.000,00 no inicio do projecto.

Plano de investimento
O projecto na sua totalidade foi avaliado em KZ 266.887.678,00, cujos os valores serão
aplicados na aquisição de imobilizados corpóreos e incorpóreos que vão garantir o
funcionamento integral da empresa e cumprimento dos objectivos que foram projectados.
O mapa que espelha as despesas feitas com os investimentos estão apresentados nos
anexos.
Indicadores de viabilidade do projecto
Para aferir sobre a avaliação económica do projecto, analisou-se alguns indicadores de
viabilidade económico que nos permitiram tirar ilações sobre a decisão económica do projecto.
Os indicadores analisados são os seguintes:
>VAL-Valor actual líquido
>TIR-Taxa Interna de Rendibilidade
>PRI-Período de Recuperação do Investimento
>IRP-Índice de Recuperação do Projecto

VAL=73.761.393,00 o que implica VAL>0. Desta forma diz-se que o projecto é


economicamente viável à taxa de custo de oportunidade porque:
• Recuperamos totalmente o investimento realizado;
• Gera um excedente monetário, ou seja, aumenta a riqueza do investidor.
Podemos assim dizer que sendo o VAL positivo significa que o projeto é gerador de mais
dinheiro do que aplicação alternativa de riscos semelhantes.
TIR=21,22%, sendo a TIR>C.Oportunidade, diz-se que o projecto é economicamente
viável pois está a proporcionar uma rentabilidade superior a rentabilidade da melhor alternativa
de risco semelhante.
PRI=3 anos ,7 meses e 22 dia.
PRI>3 anos, implica que o projecto é economicamente inviável sendo que não
recuperamos o investimento antes do tempo previsto.
IRP=1,73
IRP>1 diz-se que o projecto é economicamenteviável a taxa de custo de oportunidade.
Por cada unidade monetária investida,o projecto tem um retorno 1,73 unidades
monetárias, ou seja recuperamos totalmente o investimento, obtivemos a remuneraçâo adequada
e gera um excedente de 0,73.

Análise de Sensibilidade

Cenário Pessimista Cenário Base Cenário Optimista

Adesao aos nossos


Recebemos menos serviços de mais clientes
clientes diariamente do que o previsto
e servimos menos
eventos do que o
INDICADORES pretendido/estimado.
 
 
VAL -207.263.450 73.761.393,00 560736591

A TIR é negativa e
TIR de difícil calculo. 21,22% 33%

Tempo 3 anos 10 meses e 22


PRI indeterminado dias 2 anos 3 meses e 26 dias