Você está na página 1de 10

UNIVERSIDADE SALGADO DE OLIVEIRA – UNIVERSO

PRÓ-REITORIA ACADÊMICA – DIREÇÃO GERAL


GESTÃO DO CURSO DE DIREITO - CAMPUS SÂO GONÇALO
COORDENAÇÂO DO NEPAC

EDUCAÇÃO NO DIREITO BRASILEIRO


(Arial 14 em negrito)

nome
(Arial 14, em negrito)

SÃO GONÇALO/RJ
2018
(Arial 12, sem negrito)
2

nome
(Arial 12, sem negrito)

(Arial 14, em negrito)


EDUCAÇÃO NO DIREITO BRASILEIRO
A influência do direito para garantir a educação como base
constitucional
(Arial 14, sem negrito e minúsculo)

PROJETO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO APRESENTADO COMO


REQUISITO PARCIAL PARA A OBTENÇÃO DO TÍTULO DE BACHAREL EM
DIREITO, PELA UNIVERSIDADE SALGADO DE OLIVEIRA – UNIVERSO,
CAMPUS SÃO GONÇALO/RJ.
(Arial 12, sem negrito)

ORIENTADOR(A): PROFESSOR(A) TITULAÇÃO


nome
(Arial 12, sem negrito)

SÃO GONÇALO/RJ
2018

1. DELIMITAÇÃO DO TEMA (Arial 12, sem negrito)


3

Está pesquisa visa buscar o conceito da educação no direito ,bem com a ética
,política em função da educação.A compreensão de todos a esses aspectos é
importante para não perder de vista que devem ser formativos os objetivos de uma
avaliação educativa aos valores maiores .

dentre eles , a pesquisa abordará o posicionamento do judiciário diante do


comportamento educacional exercida pela sociedade Brasileira .

2. FORMULAÇÃO DO PROBLEMA (Arial 12, sem negrito)

É necessária a educação, para proporcionar o crescimento de ser “como


luzes para si mesmos “ e que gerem a luz para os demais como mensageiros para
um mundo mais digno.

Temos esta como finalidade de moldar o caráter do homem , enquanto o


cidadão,membro da sociedade . O fim último da educação consiste em plantar nele
as pronténcialidades infinitas necessárias para cada momento e valores reais da
vida humana .

Ética e política sempre viveram uma relação conflitiva. Esta tensão se reflete
atualmente como uma crise de todo sistema político onde acaba sobrando sempre
para educação e demais conceitos a ser discutidos.

A educação é um direito público, e isso prova que o acesso ao ensino


fundamental é obrigatório e gratuito , conforme escrito na lei do artigo 205 á 215 da
CF.

3 JUSTIFICATIVA
(Arial 12, em negrito)
4

Tem que se buscar com projetos tentar promover conscientização sobre oque
é Ética e como ela influência a cidadânia e as nações de convivio social.

Tendo como objetivo descrever o comportamento ético dos profissionais na


educação, dos valores sóciais, sendo este tema de grande valor pois assume um
real significado da pratica de valores que foram esquecidos principalmente quandoo
assunto envolve política, com isso as crianças e adolescentes vão crescendo com
uma visão distorcida sobre limites e direito diante os lares e sociedades.

4 OBJETIVOS
(Arial 12, em negrito)

4.1 GERAL (Arial 12, sem negrito)


Demostrar com palestras, cartilhas, usando aplicativos para serem baixados
gratuitamente ,boto , adesivos, comicio em praça publica e outros meios de
comunicação eletrônicos ( tv, rádio, computador etc…). Com isso procurar chamar a
atenção para educação na sociedade e a construção do sujeito para melhor agir de
acordo com as normas estabelecidas dentro do contexto social.

4.2 ESPECÍFICO(S) (Arial 12, sem negrito)

1.Discutir ética na educação

2.Conceituar ética na política

3.Discutir a natureza humana

5 METODOLOGIA
(Arial 12, em negrito)

5.1 MÉTODO DE ABORDAGEM

O presente trabalho trata-se de uma pesquisa bibliográfica exemplificada


baseada em fontes secundária de artigos acadêmicos nacionais e em teses que
dizem a respeito ao assunto abordado no trabalho.

5.2 TÉCNICA DE PESQUISA


5

Esta pesquisa da educação no direito brasileiro , tendo como fonte de


pesquisa livros , teses, de diversos autores, sites na internet, artigos conceituados
para melhor entendimento sobre o tema abordado .

Podendo ser feito se necessário , entrevistas e elaboração de questionários.

6 REFERENCIAL TEÓRICO
(Arial 12, em negrito)

6.1 REVISÃO BIBLIOGRÁFICA

Objetivando despertar a atenção de todos com esse tema para esse


momento em que a cidadania vem enfrentando com novos desafios. Onde os
espaços éticos , familíar , educacional estão sendo tomadas e é importante ter o
conhecimento de realidade do passado , que hoje significam o presente , já o
amanhã está sendo deixado para trás antes mesmo que chegue .

Este trabalho será utilizado a lei nº 8069. de julho 1990 onde diz que é o
dever da familía da sociedade em geral e do poder público assegurar , com
absoluta propriedade art 4 caput.eca .

No momento em que comemoramos 30 anos da promulgação da Constituição


de 1998, que representou um importante marco na conquista dos nossos direitos, é
importante fazer uma reflexão sobre o que avançou e o que ainda é um desafio para
garantir que esses direitos assegurados na Carta de Magna sejam efetivamente
realizados.

A partir das discussões internacionais sobre os direitos humanos, a


Organização das Nações Unidas elaborou a Declaração dos Direitos da Criança e
com ela muitos direitos foram garantidos. Foi um grande avanço focar na doutrina da
proteção integral e reconhecer a criança eo adolescente como sujeitos de direitos
estabelecendo a necessidade de proteção e cuidados especiais .

A doutrina da proteção integral da Organização das Nações Unidas foi


inserida na legislação brasileira pelo artigo 227 da Constituição Federal de 1998,
( ARTIGO de Heloisa Helena de Oliveira , em 18 de outubro de 2013 ). .

Será utilizado também a obra do escritor Adolfo Sánches Vázquez ( 1982) a


palavra ética vem do grego ethos que quer dizer “ modo de ser “ ou “ caráter “. Mas
pode -se definir ética como sendo um conjunto de composto de conhecimento
racionais a respeito do conduta moral . Isso fica evidente desde os primórdios da
ética ,que assume -se como uma jeráquia de normas de condutas empregadas nas
relações humanas, sendo assim tem-se a ética como chave das acões humanas em
sociedades e esta se encontra presente nos diversos tipos de relacionamento.

7 CRONOGRAMA
(Arial 12, em negrito)
6

Aqui estarão todas as etapas da pesquisa – investigação, tratamento dos


dados, composição do relatório final e a data de previsão para sua entrega e defesa,
discriminadas mês a mês.

ANO 2018.2
Fases/meses Ago Set Out Nov Dez
Levantamento bibliográfico x
Análise e revisão do material
Leituras e fichamentos
Redação primeiro capítulo
Redação segundo capítulo
Redação terceiro capítulo
Introdução e Considerações Finais
Revisão
Apresentação e defesa pública
Entrega da redação final

Registre-se que este cronograma poderá ser alterado conforme o


desenvolvimento da pesquisa.

8 REFERÊNCIAS
(Arial 12, em negrito)

8.1 REFERÊNCIAS DAS FONTES CITADAS NESTE PROJETO

Para desenvolvimento deste trabalho foi feito um estudo de forma a descrever


, explicar,classificar e esclarecer o problema apresentado .Para isso foi realizada
uma pesquisa de caráter bibliográfico por meio de livros , artigos eletrônicos. dados
oficiais na internet, tais como :

SILVA, Josué Cândido da.Conversando sobre ética e sociedade , Editora


Vozes 2011.

SÁNCHES, Vázquez ,Adolfo Editora Civilização Brasileira ,2011

.http://www.scielo.br/pdf/spp/v13n3/v13n3a04.pdf

www.scielo.br
7

http://karlawanessa.blogspot.com/2010/05/projeto-didatico-etica-no-
convivio.html

http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0101-
73302005000300017&script=sci_arttext

ANEXO I

APRESENTAÇÃO GRÁFICA DO PROJETO DE PESQUISA

A estética dos trabalhos acadêmicos depende essencialmente da obediência


a certos padrões de apresentação gráfica. Assim, devem ser seguidas algumas
recomendações referentes a formato, margens e paginação.

PAPEL
O papel utilizado para trabalhos é o branco de boa qualidade, tamanho A4
(210 x 297 mm), impresso de um lado apenas (anverso). A tinta deve ser de cor
preta, única e exclusivamente.

FONTE (TIPO DE LETRA)


A fonte padrão a ser utilizada ao longo do texto do Projeto de Pesquisa é a
Arial ou Times New Roman tamanho 12, parágrafo justificado. Para citações diretas
com mais de três linhas, em destaque no texto, utilize a fonte 10.

MARGENS
Todo o trabalho deve ser digitado obedecendo às seguintes margens:
Superior e esquerda: 3cm
Direita e inferior: 2cm.

ESPACEJAMENTO
O espacejamento utilizado na redação do Projeto de Pesquisa e do TCC
(espaço entre as linhas do texto) é o espaçamento 1,5 (um e meio), com exceção
das citações longas, nas quais é utilizado o espaçamento simples (1,0).

NUMERAÇÃO PROGRESSIVA

Consiste de um sistema numérico empregado para dispor hierarquicamente


as partes do trabalho, com a finalidade de oferecer uma visão clara da sequência do
mesmo e facilitar a localização das partes que o compõem.
8

Os números dos títulos das divisões principais devem ser escritos em número
arábico de tamanho 12 negritado e devem ser centralizados, acompanhando o título
sem pontuação ou hífen. Usa-se apenas 1 (um) espaço entre o número e o título. O
mesmo comentário é valido para os subtítulos, exceto para o tamanho do número
(12) e para o alinhamento (à esquerda).
Cada divisão principal do trabalho (título ou capítulo) deve ser iniciada em
uma página nova, seguindo a ordem natural dos números inteiros. Exceção para o
projeto científico, no qual as divisões principais poderão situar na mesma página.
A primeira divisão de um texto (título ou capítulo) é chamada de seção
primária. Cada divisão de um trabalho pode ainda ser dividida em seções
secundárias (subtítulos) – exceção para introdução e considerações finais. Estas por
sua vez podem ser divididas em seções terciárias e quaternárias (não se indica a
utilização de divisões quinarias, devendo-se, nestes casos, optar pela divisão em
formas de alíneas – a); b); c), etc.).
O indicativo da seção secundária será formado pelo número do capítulo mais
o número de cada parte separado por ponto, aplicando-se o mesmo processo às
terciárias e quaternárias.

QUADRO 1 Demonstração esquemática das divisões em seções primárias,


secundárias, terciárias e quaternárias

1 CAPÍTULO (SEÇÃO PRIMÁRIA)


1.1
1.2 SEÇÕES PRIMÁRIAS
1.3

1.3.1
1.3.2 Seções terciárias
1.3.3

1.3.3.1
1.3.3.2 Seções quaternárias
1.3.3.3

PAGINAÇÃO

As páginas devem ser contadas sequencialmente, a partir da folha de rosto. A


capa não é considerada para fins de paginação. Embora consideradas, para efeito
de paginação, as folhas preliminares, até o sumário, não são numeradas. A
numeração aparece registrada apenas após a primeira página da Introdução.
Os números das páginas deverão figurar na posição “início de página (cabeçalho)" e
alinhamento “à direita”.

NUMERAIS

Os números expressos por uma só palavra (ex.: um, dez, cem, trezentos etc.)
devem ser escritos por extenso, enquanto devem-se usar algarismos para os
9

números expressos por mais de uma palavra (ex: 101, 303, 209 etc.). Aconselha-se
evitar o uso de números no início das frases.
Quando se deseja expressar porcentagem é preferível adotar o símbolo
próprio, mas este só deve ser utilizado precedido de um número (ex.: 10%, 12%,
etc.).
Nas referências ao primeiro dia do mês, usa-se o número ordinal e nos
demais se utiliza o cardinal (ex.: primeiro de abril, 27 de junho). Para designar horas
do dia, utiliza-se sempre numeral cardinal (ex.: 9h 45min).

ANEXO II

LINHA DE PESQUISA Disciplinas relacionadas


Sociologia Jurídica
Antropologia Cultural
Psicologia Jurídica
Historia dos Sistemas Juridicos
Justiça, Identidades e Cultura: Filosofia Geral e Jurídica
perspectivas multidisciplinares sobre Introdução ao Estudo do Direito
inclusão, diversidade e democracia Teoria Geral do Direito
Criminologia
Direito Constitucional
Direito Civil
Direito Penal
Direito Trabalhista
Direito Internacional
Ética e Direitos Humanos Sociologia Jurídica
Antropologia Cultural
Psicologia Jurídica
Historia dos Sistemas Juridicos
Filosofia Geral e Jurídica
Políticas Públicas: educação, saúde e Sociologia Jurídica
segurança. Antropologia Cultural
Psicologia Jurídica
Historia dos Sistemas Juridicos
Filosofia Geral e Jurídica
Introdução ao Estudo do Direito
Teoria Geral do Direito
Criminologia
Direito Constitucional
Direito Civil
Direito Penal
Direito Trabalhista
Direito Internacional
Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável Ciência Politica
Teoria Geral do Estado
Introdução ao Estudo do Direito
Direito Constitucional
Direito Penal
Direito Administrativo
Direito Internacional
Direito Ambiental
Legislação Penal Extravagante
Filosofia Jurídica
Teoria Geral do Processo
Conciliação, Mediação e Arbitragem
Processo, acesso à Justiça e Meios Teoria Geral do Direito
alternativos de solução de conflitos Introdução ao Estudo do Direito
Direito Processual Civil
Direito Processual Penal
Direito Processual Trabalhista
Instrumentos Processuais de Garantia dos Direitos Difusos e Coletivos
Direito do Trabalho
10

Direito Empresarial
Direito Econômico
Trabalho, Empresa e Consumo na economia Direito do Consumidor
globalizada Direito Contratual
Direito Tributário
Economia Aplicada ao Direito
Direito Ambiental
Direito Civil
Direito Penal
Direito Trabalhista
Regulação Jurídica das Relações públicas e Direito Processual
privadas: perspectivas legais, doutrinarias e Direito Constitucional
jurisprudenciais Direito Econômico
Direito Empresarial
Direito Administrativo
Direito Tributário