Você está na página 1de 246

Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh

Versão 6.0

30 de setembro de 2019
© 2018, Ebserh. Todos os direitos reservados.
Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares - Ebserh.
www.ebserh.com.br

Material produzido pelo Serviço de Apoio à Manutenção Predial e Obras/ CIFT/ DAI/ Ebserh.
Permitida a reprodução parcial ou total, desde que indicada a fonte e sem fins comerciais.

Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares - Ministério da Educação

Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários - 1ª edição - Produzido pelo


Serviço de Apoio à Manutenção Predial e Obras - Brasília: EBSERH - Empresa
Brasileira de Serviços Hospitalares, 2018.

ISBN 978 - 65 - 80110 - 08 - 7

Setor Comercial Sul - SCS, Quadra 09, Lote C, Ed. Parque Cidade Corporate, Bloco C, 1º ao 3º pavimento
CEP: 70.308-200 | Brasília-DF | Telefone: (61) 3255-8900 | Site: www.ebserh.com.br
© 2018 Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares - Ebserh Coordenação:

Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução parcial ou total desta obra, desde que Marcio Luis Borsio (Coordenador de Infraestrutura Física e Tecnológica)
citada a fonte e que não seja utilizada para fins comerciais. A responsabilidade pelos direitos
Sandro Martins Dolghi (Chefe de Serviço de Apoio à Manutenção Predial e Obras)
autorais de textos e imagens dessa obra é dos respectivos autores e técnicos envolvidos em
sua elaboração. Rafael Mantovani Esposel

Escritório das Nações Unidas de Serviços para Projetos (UNOPS)


Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares - Ebserh
Setor Comercial Sul - SCS, Quadra 09, Lote “C”
Ed. Parque Cidade Corporate, Bloco “C”, 1° pavimento Brasília - DF - 70308-200 – Brasília, DF. Elaboração:
www.ebserh.gov.br
Thaís de Paula Nascimento Guimarães
(Coordenadora do Grupo de Trabalho Ebserh)
ABRAHAM WEINTRAUB
Ministro do Estado da Educação Pedro Henrique de Moura Santos
(Secretário do Grupo de Trabalho Ebserh)

OSWALDO DE JESUS FERREIRA Marcela Miguel Clezar


Presidente Arquiteta (UNOPS)

Roberto Bastos
EDUARDO CHAVES VIEIRA (Consultor UNOPS – SCENO)
Diretor Vice-Presidente Executivo

GIUSEPPE CESARE GATTO Técnicos participantes do Grupo de Trabalho Ebserh – revisão e colaboração:
Diretor de Atenção à Saúde Adriana de Assis Garcia Serafim (Hospital Universitário da Universidade de Juiz de Fora),
Amanda Umbelino Trigueiro Bezerra (Hospital Universitário Ana Bezerra da Universidade
ERLON CÉSAR DENGO Federal do Rio Grande do Norte), Denise Regino Fonseca (Diretoria de Gestão de Pessoas),
Diretor de Administração e Infraestrutura Gisela da Mota Leitão (Diretoria de Atenção à Saúde), Helaine Carneiro Capucho (Diretoria de
Atenção à Saúde), Jackeline Frade Agrizzi (Hospital Universitário Cassiano Antônio de Moraes
da Universidade Federal do Espírito Santo), João Pedrosa de Oliveira Neto (Maternidade Escola
IARA FERREIRA PINHEIRO
Januário Cicco da Universidade Federal do Rio Grande do Norte), Jorge Luiz Rabelo Neves
Diretora de Orçamento e Finanças
(Coordenadoria de Comunicação Social/Presidência), Laurimberg Diniz Cavalcante (Diretoria da
Vice-Presidência Executiva), Ludmila Wanbergna Nogueira Felix (Hospital Universitário Walter
RODRIGO AUGUSTO BARBOSA Cantídio da Universidade Federal do Ceará), Marcio Luis Borsio (Diretoria de Administração
Diretor de Gestão de Pessoas e Infraestrutura), Marta Pinheiro Lima (Diretoria de Gestão de Pessoas), Pedro Henrique de
Moura Santos (Diretoria de Administração e Infraestrutura), Renata Consuelo Monteiro Ferraz
(Hospital Universitário da Universidade de Brasília), Ricardo Martins Watanabe (Coordenadoria
SIMONE HENRIQUETA COSSETIN SCHOLZE
de Comunicação Social/Presidência), Sandra Satiko Kuwada (Diretoria de Administração e
Diretora de Tecnologia da Informação
Infraestrutura), Sandro Martins Dolghi (Diretoria de Administração e Infraestrutura), Thaís de
Paula Nascimento Guimarães (Diretoria de Administração e Infraestrutura).
Apresentação
O presente trabalho visa apresentar a padronização da sinalização visual Não restam dúvidas de que a imagem é o reflexo da identidade de uma
dos Hospitais Universitários da rede Ebserh. A sinalização corporativa organização e se manifesta enquanto percepção no imaginário do público,
merece relevante destaque, em se tratando de uma rede como a Ebserh, a partir de uma realidade existente envolvendo todos os acontecimentos
pois representa visualmente a instituição e os serviços prestados. que perpassam a instituição, tanto no âmbito interno quanto no âmbito externo.
Além de destacar e reforçar a marca da Rede, a sinalização também
organiza os espaços e facilita a orientação de todos os transeuntes dos No que tange aos processos administrativos, é importante salientar a cultura
Hospitais Universitários, constituindo um elo importante de comunicação organizacional como fator preponderante na construção da identidade, sendo
entre as instituições e seus usuários. que a adoção de políticas, de normas e de rotinas aliadas às redes formais
de relacionamento, bem como o comportamento dos colaboradores, gestores
Além da relevância de evidenciar a Rede e seus serviços, a sinalização visual e de todos que fazem parte da empresa, colaboram, sobremaneira, para a
cumpre outra tarefa de destaque no ambiente hospitalar que, por si só, construção da cultura organizacional.
é extremamente complexo e necessita de um projeto de sinalização visual
pensado de maneira multidisciplinar, tendo em vista todos os aspectos
envolvidos. Internamente, a sinalização tem como principal objetivo auxiliar Oswaldo de Jesus Ferreira
Presidente da Ebserh
o usuário do Hospital em sua orientação, seu comportamento e deslocamento
entre os diversos ambientes que compõem o estabelecimento e, por isso,
não pode ser negligenciada.
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh

Sumário

1. Introdução 6 3. Sinalização Externa 25 5. Sinalização


Estacionamento e
1.1. A Ebserh 7 3.1. Sinalização Identificativa 26
Regulamentação Viária 195

1.2. Os Hospitais 8 3.2. Sinalização Direcional /


Orientativa 105
1.3. A importância de um
Manual de Sinalização 9 3.3. Sinalização Informativa / 6. Sinalização de
1.4. Como usar este Manual 10 Educativa 119 Segurança 222

1.5. Orientações gerais 11

2. Elementos Gráficos 4. Sinalização Interna 129 7. Guia Rápido para


do Sistema 4.1. Sinalização Identificativa 130 Implantação da
de Sinalização 13 Sinalização 235
4.2. Sinalização Direcional /
2.1. Assinatura Visual / 162
Orientativa
Marca Gráfica Ebserh 14
4.3. Sinalização Informativa /
2.2. Família Tipográfica do
Educativa 180 8. Glossário 242
Sistema de Sinalização 16

2.3. Cores do Sistema


de Sinalização 17

2.4. Pictogramas do Sistema


de Sinalização 22
1. Introdução
Este capítulo contém informações gerais sobre a Ebserh e os hospitais da
Voltar para o sumário rede, bem como orientações gerais sobre a importância e o uso deste Manual
de Sinalização.
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 1. Introdução 7

1. Introdução

1. Introdução 1.1. A Ebserh


1.1. A Ebserh
Por meio do Acórdão nº 2.813/2009-TCU-Plenário, o Tribunal de Contas institucional, em sintonia com políticas previstas no Plano Plurianual (PPA)
1.2. Os Hospitais da União (TCU) já havia determinado à Casa Civil e ao Ministério do vigente.
Planejamento, Desenvolvimento e Gestão (MP) a instalação de uma estrutura
1.3. A importância de um
administrativa que garantisse, de forma contínua, iniciativas capazes de A empresa tem o propósito de “Ensinar para transformar o cuidar”,
Manual de Sinalização
conduzir a política de reestruturação desses hospitais. realizando atividades relevantes que vão ao encontro do interesse público,
1.4 Como usar este Manual proporcionando assistência humanizada, resolutiva e de vanguarda com o
No voto do acórdão em epígrafe, o TCU afirmou que, apesar da relevância melhor campo de prática para as universidades federais, desenvolvendo
1.5 Orientações gerais
social e científica dos Hospitais Universitários Federais (HUFs), estas ensino, pesquisa e gestão com sustentabilidade e transparência.
unidades estavam confrontadas com um cenário adverso, fruto de
2. Elementos Gráficos do Dada a sua finalidade, esta empresa estatal é 100% dependente da União
financiamento insuficiente, autonomia administrativa restrita, quadro de
Sistema de Sinalização e cumpre o seu dever de prestar serviços de assistência à saúde de forma
pessoal precário e reduzido, infraestrutura degradada, inserção desfavorável
na rede do Sistema Único de Saúde (SUS) e incipiência da coordenação de integral e exclusivamente inseridos no âmbito do SUS, observando a
3. Sinalização Externa manutenção da autonomia universitária.
ações a eles relativas.
4. Sinalização Interna Nesse sentido, a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), criada Desde 2010, por meio do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais
por intermédio da Lei nº 12.550/2011, nasceu de um projeto inovador, com Universitários Federais (Rehuf), criado pelo Decreto nº 7.082/2010, foram
5. Sinalização a finalidade de gerir o processo de recuperação dos Hospitais Universitários adotadas medidas que contemplam os objetivos do Programa Rehuf. Em
Estacionamento e Federais. Ao longo de sua existência, passou a ser responsável pela gestão 2012, foram delegadas à Ebserh as competências da função de Unidade
Regulamentação Viária do Programa de Reestruturação de Hospitais Universitários Federais (Rehuf), Executiva do Programa por meio da Portaria GM nº 442/2012. Com isso, a
buscando continuamente aprimorar a gestão hospitalar, prestar serviços empresa passou a ser o órgão do MEC responsável pela gestão do Programa
6. Sinalização de Segurança de saúde e de serviços de apoio ao ensino, à pesquisa e à extensão, ao de Reestruturação.
ensino-aprendizagem e à formação de pessoas no campo da saúde pública.
7. Guia Rápido para É evidente que nossos processos de melhoria contínua dependem da
Implantação da incorporação de práticas inovadoras e da agregação de valor ao projeto
Sinalização

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 1. Introdução 8

1. Introdução

1. Introdução 1.2. OS HOSPITAIS


1.1. A Ebserh
Os Hospitais Universitários
1.2. Os Hospitais Federais (HUFs), por definição,
além de prestarem serviços de
1.3. A importância de um
saúde, especialmente de média
Manual de Sinalização
e alta complexidade para o SUS,
1.4 Como usar este Manual concentram um papel preponderante
UFMA
1.5 Orientações gerais na formação de profissionais UFAM
UFC (02)
qualificados, bem como na pesquisa UFPI
UFRN (03)
2. Elementos Gráficos do e extensão, com geração de UFCG (02)
UFPB
Sistema de Sinalização conhecimento. UNIVASF
UFPE

UFT UFAL

A Rede Ebserh já é a maior rede de UFS (2)


3. Sinalização Externa
hospitais públicos do Brasil e suas
UFMT
atividades promovem a melhoria UnB
4. Sinalização Interna
da qualidade de vida de milhões UFG

de brasileiros, por meio da atuação


5. Sinalização UFMS
UFTM UFU UFMG
UFES
de uma rede que inclui o órgão
Estacionamento e UFGD UFJF
central da empresa e 40 Hospitais UFSCar
Regulamentação Viária Unifesp UNIRIO

Universitários Federais, presentes UFRJ (08) UFF


35 50 UFPR (02)
em 23 unidades da federação e
6. Sinalização de Segurança
vinculados a 32 Universidades Com contrato 32 40 UFSC

Federais, exercendo a função de UFSM


7. Guia Rápido para Sem contrato 02 09
centros de referência de média e alta
Implantação da
Sinalização complexidade para o SUS e um papel Empresa 01 01
de destaque para a sociedade. A rede
de hospitais universitários federais é
8. Glossário
formada por 50 hospitais vinculados
a 35 universidades federais.
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 1. Introdução 9

1. Introdução

1. Introdução 1.3. A IMPORTÂNCIA DE UM MANUAL DE SINALIZAÇÃO


1.1. A Ebserh Essas informações são constituídas por textos, cores e signos visuais,
A sinalização dos ambientes constitui um meio de comunicação importante
1.2. Os Hospitais entre uma instituição e seu público. Ao buscar atendimento em espaços que aplicados em estruturas físicas (letreiros, totens, placas e painéis),
públicos, as pessoas precisam ser corretamente informadas e direcionadas visam facilitar a mobilidade de pessoas e veículos.
1.3. A importância de um
aos seus destinos finais.
Manual de Sinalização Este manual apresenta o Sistema de Sinalização para os Hospitais
1.4 Como usar este Manual Os hospitais são ambientes complexos, dada a sua ampla estrutura física, Universitários da Rede Ebserh e tem como objetivo padronizar os elementos
muitos acessos, edifícios e recepções. Os setores e áreas de um hospital do sistema de informação dessas unidades da Rede. Esta padronização
1.5 Orientações gerais
possuem nomes que não são usuais para a maioria de seus pacientes e contribui para a melhor identificação dos hospitais e para a construção
visitantes que, muitas vezes, encontram-se fragilizados emocionalmente frente de uma identidade visual única. Permite ainda a redução do tempo e dos
2. Elementos Gráficos do
à possiblidade de um problema de saúde, o que pode tornar ainda mais difícil recursos empregados na criação de novos elementos de sinalização, uma
Sistema de Sinalização
o direcionamento dentro do ambiente. vez que define modelos aplicáveis a todas as necessidades. A eficácia na
implantação deste sistema depende da aplicação correta das orientações
3. Sinalização Externa Considerando esse contexto, se faz necessário construir um sistema de descritas neste documento.
sinalização eficiente, que oriente as pessoas a se localizarem em seus
4. Sinalização Interna deslocamentos nos ambientes hospitalares, encontrando seu destino da Nos ambientes hospitalares, a sinalização é de extrema importância pois
forma mais fácil e rápida. facilitam o acesso à informação e proporcionam conforto e segurança aos
5. Sinalização deslocamentos e ações de todos os usuários do espaço, sejam pacientes,
Estacionamento e Um sistema de sinalização adequado não só combina aspectos funcionais visitantes, corpo clínico, alunos ou colaboradores.
Regulamentação Viária de comunicação, identificando espaços e orientando e advertindo as
pessoas, como também colabora para a consolidação da imagem pública As especificações de materiais e técnicas construtivas levam em
6. Sinalização de Segurança da instituição, à medida que transmite um senso de organização e respeito consideração os aspectos relacionados à durabilidade e resistência
aos seus usuários. A sinalização deve identificar todos os ambientes, indicar dos materiais, custos, aplicabilidade e sustentabilidade. A eficácia na
7. Guia Rápido para percursos, informar corretamente e advertir sobre as situações de emergência implantação deste sistema depende da aplicação das orientações
Implantação da e segurança. descritas neste manual de sinalização.
Sinalização

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 1. Introdução 10

1. Introdução

1. Introdução 1.4. COMO USAR ESTE MANUAL


1.1. A Ebserh Este manual define todos os elementos do Sistema de Sinalização dos Capítulo 4 - Sinalização Interna: apresenta os elementos do sistema de
Hospitais Universitários da Rede Ebserh, bem como apresenta e especifica sinalização localizados nas áreas internas dos hospitais e são classificados em:
1.2. Os Hospitais
seus componentes gráficos - símbolos, textos e cores - e componentes Sinalização identificativa - que cumpre a função de identificar os espaços
1.3. A importância de um
físicos – materiais e detalhamentos construtivos, de forma a transmitir as através de nomes, cores ou números.
Manual de Sinalização
informações e orientações necessárias à aplicação correta dos padrões deste
1.4 Como usar este Manual sistema de informação. Sinalização direcional ou de orientação - elementos que orientam e definem o
fluxo e a circulação de pedestres nos ambientes.
1.5 Orientações gerais A produção de todo e qualquer elemento de sinalização para os hospitais da
rede Ebserh deve seguir as orientações contidas neste manual. Os casos não Sinalização informativa e restritiva - apresenta o conjunto de elementos e
2. Elementos Gráficos do descritos deverão ser consultados junto às áreas de comunicação social e sinais que estabelecem e definem as regras sobre procedimentos, rotinas ou
Sistema de Sinalização insfraestrutura fisíca. normas de comportamento e conduta e informações de segurança, conforme
as normas e legislações vigentes.
3. Sinalização Externa Este manual está dividido em oito capítulos, conforme descritos a seguir:
Capítulo 5 – Sinalização de Estacionamento e Regulamentação Viária: apresenta o
Capítulo 1- Introdução: apresenta a rede Ebserh e seus hospitais. conjunto de elementos do sistema de sinalização localizado nas áreas de
4. Sinalização Interna
Capítulo 2- Elementos Gráficos do Sistema de Sinalização: apresenta diretrizes estacionamentos, garagens e áreas de circulação de veículos. Orientam,
5. Sinalização básicas de uso da assinatura Ebserh e suas versões, os padrões de regulamentam e definem o tráfego de veículos nos hospitais.
Estacionamento e tipografia, cores e pictogramas utilizados no sistema. Capítulo 6 – Sinalização de Segurança: Este capítulo apresenta o conjunto de
Regulamentação Viária elementos e sinais que estabelecem e definem as regras de comportamento
Capítulo 3 - Sinalização Externa: apresenta os elementos do sistema de
sinalização localizados em áreas externas dos hospitais e são classificados em: e conduta e informações de segurança, conforme as normas e legislações
6. Sinalização de Segurança vigentes.
Sinalização identificativa - que cumpre a função de identificar os espaços
7. Guia Rápido para através de nomes, cores ou números. Capítulo 7 – Guia rápido para Implantação da Sinalização: referência e auxílio para
Implantação da escolha do elemento mais adequado à uma necessidade de sinalização.
Sinalização Sinalização direcional ou de orientação - elementos que orientam e definem o
fluxo e a circulação de veículos e pedestres nos ambientes. Capítulo 8 – Glossário: guia de termos técnicos utilizados no manual.
8. Glossário Sinalização informativa e restritiva - apresenta o conjunto de elementos e Importante: símbolos, cores e demais elementos gráficos apresentados neste
sinais que estabelecem e definem as regras sobre procedimentos, rotinas ou manual estão de acordo com as normas e legislações brasileiras (ABNT,
normas de comportamento e conduta e informações de segurança, conforme CONAMA, CONTRAN, CNEN, NBR). Qualquer alteração nos padrões descritos
as normas e legislações vigentes. pode comprometer o atendimento aos requisitos e às exigências destas normas.
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 1. Introdução 11

1. Introdução

1. Introdução 1.5. ORIENTAÇÕES GERAIS


1.1. A Ebserh QUANTO AOS PROCESSOS DE FABRICAÇÃO:
QUANTO À LEGISLAÇÃO DE COMUNICAÇÃO VISUAL:
1.2. Os Hospitais
Cada município possui uma legislação específica sobre elementos de Os processos de fabricação das peças de sinalização devem respeitar as
1.3. A importância de um recomendações e normas técnicas definidas pelos fabricantes dos insumos,
comunicação visual e sua aplicação em edifícios com normas específicas
Manual de Sinalização de acordo com cada material específico. No manuseio, aproveitamento,
sobre o que é permitido em relação ao tamanhos e locais de aplicação em
1.4 Como usar este Manual ambientes externos. Todo projeto de comunicação visual deverá respeitar tratamento e processo de manufatura de cada substrato, devem ser
as normas vigentes do município. observadas, obrigatoriamente, as normas técnicas (ABNT ou ISO), inclusive as
1.5 Orientações gerais
de segurança e prevenção de acidentes. A fim de evitar qualquer dano e para
QUANTO À LEGISLAÇÃO DE CORPO DE BOMBEIROS: facilitar o transporte desde a oficina do fabricante até o local da instalação,
2. Elementos Gráficos do
todas as peças, quando acabadas, devem ser acondicionadas em plástico-
Sistema de Sinalização O projeto de sinalização de equipamentos de combate à incêndio e bolha e em caixas reforçadas de papelão.
de orientação e salvamento (rotas de fugas) devem respeitar projeto
3. Sinalização Externa arquitetônico aprovado pelo Corpo de Bombeiros local e respeitar QUANTO AOS PROCESSOS DE INSTALAÇÃO
a Norma Brasileira de Sinalização de Segurança Contra Incêndio e Pânico
4. Sinalização Interna (ABNT NBR 13434). A instalação dos elementos de sinalização deve obedecer às regras de
localização, posição, distâncias e alturas definidas no manual. Durante o
5. Sinalização QUANTO AOS MATERIAIS: processo de instalação, recomendam-se o acompanhamento e a supervisão
Estacionamento e da realização dos serviços pelos responsáveis pelo desenvolvimento
Regulamentação Viária Os materiais utilizados em projeto foram escolhidos por critérios como do projeto. Recomenda-se também observar a limpeza e aplicação de
durabilidade, praticidade e usabilidade. Todos os metais usados devem desengraxantes nas superfícies que devem receber a aplicação de peças de
6. Sinalização de Segurança passar por tratamento anticorrosivo específico. Os principais tipos de sinalização através de fixação por fitas dupla face, para não comprometer a
tratamento anticorrosivo são a galvanização e a pintura. A galvanização a aderência. Após o término dos serviços de instalação, o fornecedor deve ser
7. Guia Rápido para fogo é recomendada nos casos em que o meio é muito agressivo e de difícil orientado a realizar uma limpeza geral no ambiente (pisos, paredes e forros).
Implantação da manutenção. Nos casos mais gerais a pintura será o processo utilizado.
Sinalização

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 1. Introdução 12

1. Introdução

1. Introdução
1.1. A Ebserh QUANTO À GARANTIA
1.2. Os Hospitais
Recomenda-se a contratação dos serviços de fabricação que ofereçam
1.3. A importância de um garantia de, no mínimo, um ano para problemas ou defeitos de produção
Manual de Sinalização nas peças de sinalização e, no mínimo, cinco anos de garantia para
1.4 Como usar este Manual responsabilidade técnica. Caso sejam identificados defeitos ou problemas
de fabricação, as peças devem ser substituídas imediatamente.
1.5 Orientações gerais
QUANTO AOS PROCESSOS DE LIMPEZA
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização O cuidado e a limpeza periódica dos elementos de sinalização contribuem
para sua manutenção e durabilidade. A remoção de pó deve ser efetuada
3. Sinalização Externa regularmente usando uma flanela seca ou um pano macio umedecido em
água. No caso de superfícies de sinalização externa demasiadamente sujas,
4. Sinalização Interna é recomendada a utilização de detergente líquido neutro, com posterior
enxague com água. Por fim, passar um pano seco por toda superfície. Não
5. Sinalização devem ser utilizados quaisquer tipos de detergentes cáusticos ou ácidos, ou
Estacionamento e que contenham cloro, solventes (diluentes) e produtos abrasivos (esponjas
Regulamentação Viária rijas). Não coloque objetos quentes em contato direto com as superfícies.
Para remover piches, graxas, óleos e outras substâncias não solúveis em
6. Sinalização de Segurança água, é recomendado usar álcool isopropílico.

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
2. Elementos Gráficos
do Sistema de Sinalização
Este capítulo apresenta as diretrizes básicas de uso da marca e suas
Voltar para o sumário versões, conforme as definições do Manual de Identidade Visual Ebserh, bem
como os padrões de tipografia, cores, pictogramas definidos para o sistema
de sinalização dos hospitais universitários da rede Ebserh.
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 2. Elementos Gráficos do Sistema de Sinalização 14

2. Elementos Gráficos do Sistema de Sinalização

1. Introdução 2.1. ASSINATURA VISUAL / MARCA GRÁFICA EBSERH



2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
2.1. Assinatura visual /
marca gráfica Ebserh
2.2. Família tipográfica
do sistema de sinalização
2.3. Cores do sistema
de sinalização
2.4. Pictogramas do
sistema de sinalização

3. Sinalização Externa
Versão em negativo sobre fundo cinza Versão em positivo sobre fundos claros
4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária
A assinatura visual ou marca gráfica da Ebserh deve ser utilizada no sistema
6. Sinalização de Segurança de sinalização conforme as normas especificadas no Manual de Identidade
Visual da instituição. O sistema de sinalização dos Hospitais Universitários
7. Guia Rápido para Ebserh utiliza a assinatura sobre fundo cinza na maioria das aplicações. A
Implantação da assinatura em positivo é utilizada exclusivamente, sobre paredes de cores
Sinalização claras, nas fachadas ou recepções.

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 2. Elementos Gráficos do Sistema de Sinalização 15

2. Elementos Gráficos do Sistema de Sinalização

1. Introdução 2.1. ASSINATURA VISUAL / MARCA GRÁFICA EBSERH



2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
2.1. Assinatura visual /
marca gráfica Ebserh
2.2. Família tipográfica
do sistema de sinalização
2.3. Cores do sistema
de sinalização
2.4. Pictogramas do
sistema de sinalização

3. Sinalização Externa

4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança
Área de proteção para a aplicação da marca deve respeitar a altura da letra E. Opção de fundo para aplicação da marca na versão branca.
7. Guia Rápido para
Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 2. Elementos Gráficos do Sistema de Sinalização 16

2. Elementos Gráficos do Sistema de Sinalização

1. Introdução 2.2. FAMÍLIA TIPOGRÁFICA DO SISTEMA DE SINALIZAÇÃO



2. Elementos Gráficos do A família tipográfica Franklin Gothic, em suas versões Bold e Medium, é a
Sistema de Sinalização tipografia definida para a apresentação dos textos do conteúdo informacional
2.1. Assinatura visual / dos elementos do sistema de sinalização dos hospitais da rede Ebserh.
marca gráfica Ebserh A versão Medium é o principal estilo tipográfico da sinalização para grafia dos
textos, sendo a versão Bold utilizada para títulos e informações em destaque.
2.2. Família tipográfica
do sistema de sinalização
2.3. Cores do sistema


de sinalização
2.4. Pictogramas do
A BCD E FG H I JKL M N O P Q RSTU V W X YZ
sistema de sinalização
a b cdefghijkl m n o pq rst u v w x yz
3. Sinalização Externa

4. Sinalização Interna
0123456789
Franklin Gothic Bold

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária
ABC DEFGHIJKLMNOPQRS T U V W X Y Z
abc defghijklmnopqr stuv w x y z
6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização 01 23456789
Franklin Gothic Medium
8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 2. Elementos Gráficos do Sistema de Sinalização 17

2. Elementos Gráficos do Sistema de Sinalização

1. Introdução 2.3. CORES DO SISTEMA DE SINALIZAÇÃO


O universo cromático do sistema de sinalização dos hospitais é definido por
2. Elementos Gráficos do três conjuntos de cores: as Cores Institucionais, que são as principais cores
Sistema de Sinalização utilizadas na sinalização; as Cores Complementares, que são cores definidas
2.1. Assinatura visual / para identificação de áreas ou setores de atendimento a pacientes; e as
marca gráfica Ebserh Cores de Segurança, especificamente para a sinalização de segurança.
OBSERVAÇÃO: as cores devem ser preferencialmente produzidas e/ ou escolhidas em
2.2. Família tipográfica
acabamento fosco ou acetinado.
do sistema de sinalização
2.3. Cores do sistema CORES INSTITUCIONAIS
de sinalização
2.4. Pictogramas do
sistema de sinalização

3. Sinalização Externa
VERDE EBSERH BRANCO EBSERH CINZA EBSERH
4. Sinalização Interna
CMYK: CMYK: CMYK:
5. Sinalização C: 50% M: 0% Y: 95% K: 0% C: 0% M: 0% Y: 0% K: 0% C: 0% M: 0% Y: 0% K: 80%
Estacionamento e
PANTONE: ACM: PANTONE:
Regulamentação Viária 376C Branco Cool Gray 9C
Vinil adesivo: Vinil adesivo: ACM:
6. Sinalização de Segurança Lâmina opaca tipo casting Lâmina opaca tipo casting Ver referência Pantone
escolhida a partir do Pantone escolhida a partir do ACM
Vinil adesivo:
7. Guia Rápido para Automotiva: Automotiva: Lâmina opaca tipo casting
Implantação da Formulada a partir da referência Formulada a partir do ACM escolhida a partir do Pantone
Sinalização Pantone
Automotiva:
Formulada a partir da referência
8. Glossário Pantone
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 2. Elementos Gráficos do Sistema de Sinalização 18

2. Elementos Gráficos do Sistema de Sinalização

1. Introdução 2.3. CORES DO SISTEMA DE SINALIZAÇÃO


OBSERVAÇÃO: as cores devem ser preferencialmente produzidas e/ ou escolhidas em
2. Elementos Gráficos do acabamento fosco ou acetinado.
Sistema de Sinalização
2.1. Assinatura visual /
marca gráfica Ebserh
2.2. Família tipográfica
do sistema de sinalização
2.3. Cores do sistema CORES INSTITUCIONAIS PARA SINALIZAÇÃO DE EMERGÊNCIA
de sinalização
2.4. Pictogramas do
sistema de sinalização

3. Sinalização Externa
VERMELHO EMERGÊNCIA BRANCO EBSERH CINZA EBSERH
4. Sinalização Interna
CMYK: CMYK: CMYK:
5. Sinalização C: 0% M: 100% Y: 100% K: 0% C: 0% M: 0% Y: 0% K: 0% C: 0% M: 0% Y: 0% K: 80%
Estacionamento e
PANTONE: ACM: PANTONE:
Regulamentação Viária 485C Branco Cool Gray 9C
Vinil adesivo: Vinil adesivo: ACM:
6. Sinalização de Segurança Lâmina opaca tipo casting Lâmina opaca tipo casting Ver referência Pantone
escolhida a partir do Pantone escolhida a partir do ACM
Vinil adesivo:
7. Guia Rápido para Automotiva: Automotiva: Lâmina opaca tipo casting
Implantação da Formulada a partir da referência Formulada a partir do ACM escolhida a partir do Pantone
Sinalização Pantone
Automotiva:
Formulada a partir da referência
8. Glossário Pantone
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 2. Elementos Gráficos do Sistema de Sinalização 19

2. Elementos Gráficos do Sistema de Sinalização

1. Introdução 2.3. CORES DO SISTEMA DE SINALIZAÇÃO


CORES COMPLEMENTARES PARA IDENTIFICAÇÃO DE SETORES (PLACA OU PISO)
2. Elementos Gráficos do Cores definidas para identificação de áreas ou setores de atendimento a
Sistema de Sinalização pacientes, utilizadas em placas ou orientações no piso.
2.1. Assinatura visual /
marca gráfica Ebserh
2.2. Família tipográfica
do sistema de sinalização
2.3. Cores do sistema
de sinalização
VERDE ÁGUA: LARANJA: ROXO CLARO: ROSA CLARO:
2.4. Pictogramas do
PLACA OU PISO: PLACA OU PISO: PLACA OU PISO: PLACA OU PISO:
sistema de sinalização CMYK: CMYK: CMYK: CMYK:
C: 94% M: 0% Y: 48% K: 0% C: 0% M: 63% Y: 75% K: 0% C: 76% M: 76% Y: 0% K: 0% C: 16% M: 56% Y: 0% K: 0%
3. Sinalização Externa PANTONE: PANTONE: PANTONE: PANTONE:
3272C 1645C 2725C 245C
4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para CINZA QUENTE: AMARELO: AZUL CLARO: BEGE:


Implantação da PLACA OU PISO: PLACA OU PISO: PLACA OU PISO: PLACA OU PISO:
Sinalização CMYK: CMYK: CMYK: CMYK:
C: 11% M: 13% Y: 16% K: 32% C: 0% M: 11% Y: 78% K: 0% C: 85% M: 21% Y: 0% K: 0% C: 6% M: 32% Y: 32% K: 12%

8. Glossário PANTONE: PANTONE: PANTONE: PANTONE:


Warm Gray 5C 129C 2925C 7521C
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 2. Elementos Gráficos do Sistema de Sinalização 20

2. Elementos Gráficos do Sistema de Sinalização

Sinalização: cor da placa.


1. Introdução 2.3. CORES DO SISTEMA DE SINALIZAÇÃO Área VERDE

CORES COMPLEMENTARES PARA AMBIENTAÇÃO DE INTERIORES


Bloco Cirúrgico
Internação

2. Elementos Gráficos do
UTI
Maternidade
Consultórios

Cores definidas para identificação de áreas ou setores de atendimento


Sistema de Sinalização a pacientes, utilizadas em para pintura de paredes ou outros revestimentos
2.1. Assinatura visual / de interiores com o intuito de ambientação. Ambientação: cor da parede.
marca gráfica Ebserh OBSERVAÇÃO: as cores devem ser preferencialmente produzidas e/ ou escolhidas em
acabamento fosco ou acetinado.
2.2. Família tipográfica
do sistema de sinalização
2.3. Cores do sistema
de sinalização
2.4. Pictogramas do
sistema de sinalização

3. Sinalização Externa

4. Sinalização Interna
VERDE ÁGUA: LARANJA: ROXO CLARO: ROSA CLARO:
5. Sinalização PINTURA PREDIAL: PINTURA PREDIAL: PINTURA PREDIAL: PINTURA PREDIAL:
Estacionamento e Pantone 7471 C Pantone 1565 CP Pantone 2715 C Pantone 250 C
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização CINZA QUENTE: AMARELO: AZUL CLARO: BEGE:
PINTURA PREDIAL: PINTURA PREDIAL: PINTURA PREDIAL: PINTURA PREDIAL:
8. Glossário Pantone 428 C Pantone 100 C Pantone 543 C Pantone 7604 C
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 2. Elementos Gráficos do Sistema de Sinalização 21

2. Elementos Gráficos do Sistema de Sinalização

1. Introdução 2.3. CORES DO SISTEMA DE SINALIZAÇÃO


CORES DE SEGURANÇA
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
2.1. Assinatura visual /
marca gráfica Ebserh
2.2. Família tipográfica
do sistema de sinalização
2.3. Cores do sistema
de sinalização
2.4. Pictogramas do
sistema de sinalização

3. Sinalização Externa

4. Sinalização Interna
AZUL SEGURANÇA AMARELO SEGURANÇA VERMELHO SEGURANÇA VERDE SEGURANÇA
5. Sinalização
Estacionamento e CMYK: CMYK: CMYK: CMYK:
Regulamentação Viária C: 100% M: 50% Y: 0% K: 0% C: 0% M: 10% Y: 100% K: 0% C: 0% M: 100% Y: 100% K: 0% C: 100% M: 0% Y: 100% K: 0%
PANTONE: PANTONE: PANTONE: PANTONE:
6. Sinalização de Segurança 2935C 109C 485C 340C
Vinil adesivo: Vinil adesivo: Vinil adesivo: Vinil adesivo:
7. Guia Rápido para Lâmina opaca tipo casting Lâmina opaca tipo casting Lâmina opaca tipo casting Lâmina opaca tipo casting
Implantação da escolhida a partir do Pantone escolhida a partir do Pantone escolhida a partir do Pantone escolhida a partir do Pantone
Sinalização Automotiva: Automotiva: Automotiva: Automotiva:
Formulada a partir da referência Formulada a partir da referência Formulada a partir da referência Formulada a partir da referência
Pantone Pantone Pantone Pantone
8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 2. Elementos Gráficos do Sistema de Sinalização 22

2. Elementos Gráficos do Sistema de Sinalização

1. Introdução 2.4. PICTOGRAMAS DO SISTEMA DE SINALIZAÇÃO


Os pictogramas são signos gráficos que têm por função transmitir informações
2. Elementos Gráficos do de forma sintetizada, com significados que ultrapassam a barreira linguística. Ambiente
Sistema de Sinalização Os pictogramas do sistema de sinalização para os hospitais de rede EBSERH monitorado
por câmeras Análises Clínicas Anestesia
2.1. Assinatura visual / seguem os padrões definidos pelo Instituto Americano de Artes Gráficas
marca gráfica Ebserh (AIGA - American Institute of Graphic Arts), por serem símbolos facilmente
reconhecíveis em todo o mundo. Os pictogramas apresentados neste manual
2.2. Família tipográfica
têm como objetivo padronizar os símbolos para os setores, áreas, objetos e Armazenagem de
do sistema de sinalização Angiógrafo Arquivo Médico roupa suja
ações relacionadas às atividades realizadas nos hospitais.
2.3. Cores do sistema
de sinalização Não é permitida a criação de nenhum pictograma, além dos já contidos neste
Banco de leite
manual. As necessidades de uso de pictograma não previstos nesse manual humano
2.4. Pictogramas do Lactário
devem ser encaminhadas à Coordenadoria de Comunicação Social, Ebserh Auditório Bebedouro
sistema de sinalização
sede.

3. Sinalização Externa
Biblioteca Capela Cardiologia

4. Sinalização Interna

5. Sinalização Abrigo de Abrigo de resíduo


Centro de
material
Estacionamento e Abrigo de resíduos resíduo comum infectante Centro Cirúrgico e esterilização Centro obstétrico

Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança Abrigo de Abrigo de Abrigo de Conserve o


resíduo orgânico resíduo químico resíduo reciclável Coleta Laboratorial silêncio Copa
7. Guia Rápido para
Implantação da
Sinalização Acelerador Linear Depósito de
material de Descanso/repouso
Gama Câmara
Tomografia Acesso restrito Administração limpeza Dermatologia da equipe
8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 2. Elementos Gráficos do Sistema de Sinalização 23

2. Elementos Gráficos do Sistema de Sinalização

1. Introdução 2.4. PICTOGRAMAS DO SISTEMA DE SINALIZAÇÃO



2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Doenças
2.1. Assinatura visual / Descer Escadas Infecciosas Eletrocardiograma Eletroencefalograma Elevador Emergência Endoscopia
marca gráfica Ebserh
2.2. Família tipográfica
do sistema de sinalização Entrada de
Ambulâncias Escadas Estacionamento Fraldário Gestante Hemodiálise Hemodinâmica
2.3. Cores do sistema
de sinalização
Lactantes ou
2.4. Pictogramas do pessoas com
sistema de sinalização Higienize as mãos Holter Hospital-Dia Idoso Imunização Informações crianças de colo

3. Sinalização Externa
Medicina
Lixeiras Mamografia Mapa Medicina Familiar Nuclear Necrotério Nefrologia
4. Sinalização Interna

5. Sinalização Ouvido,
Estacionamento e Nariz e
Neurologia Nutrição Observação Odontologia Oftamologia Oncologia Garganta
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança
Pessoa com Pessoa com Posto de
Ouvidoria Patologia deficiência obesidade Enfermagem
7. Guia Rápido para Pediatria Pneumologia

Implantação da
Sinalização
Proibida a entrada Proibida entrada
Proibida a
entrada de Proibido Animais
E
flores exceto cão guia
8. Glossário PPP de alimentos de crianças Proibido Estacionar Proibido Fumar
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 2. Elementos Gráficos do Sistema de Sinalização 24

2. Elementos Gráficos do Sistema de Sinalização

1. Introdução 2.4. PICTOGRAMAS DO SISTEMA DE SINALIZAÇÃO



2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Proibido o uso Ressonância
2.1. Assinatura visual / de celulares Quarto Quimioterapia Radiologia Refeitório Magnética Rouparia
marca gráfica Ebserh
2.2. Família tipográfica
do sistema de sinalização Sala de assistência Sala de
para recém nascido Sala de espera Sala de gesso Sala de laudos Sala de nebulização procedimentos Sala de utilidades
2.3. Cores do sistema
de sinalização
2.4. Pictogramas do
sistema de sinalização Sanitário Feminino Sanitário Masculino Sanitário Unisex Saúde mental Serviço Social Seta à direita Seta à esquerda

3. Sinalização Externa Setor de


Seta adiante, Seta adiante, Seta descer Seta descer processamento
à direita à esquerda Seta descer à direita à esquerda Seta seguir em frente de roupas
4. Sinalização Interna

5. Sinalização Unidade de
Estacionamento e Unidade de Terapia Intensiva
Sondário Subir Escadas Táxi Telefone Teste ergométrico UTI
Regulamentação Viária reabilitação

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para Ultrassonografia UTI Neonatal UTI Pediátrica Vestiário

Implantação da
Sinalização

8. Glossário
3. Sinalização Externa
Este capítulo apresenta os elementos de sinalização externa definidos para
Voltar para o sumário a rede de hospitais. Contempla os elementos de sinalização identificativa,
direcional, informativa e restritiva para uso em ambientes externos.
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 26

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


CONJUNTO DE ELEMENTOS DE SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA EXTERNA
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização

3. Sinalização Externa
3.1 Sinalização Identificativa
3.2 Sinalização Direcional /
Orientativa
3.3 Sinalização Informativa /
HOSPITAL
Educativa NOME DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO

4. Sinalização Interna LOGO DA


UNIVERSIDADE
EM NEGATIVO

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária
EMERGÊNCIA

6. Sinalização de Segurança

HOSPITAL
NOME DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO
7. Guia Rápido para
Implantação da
Sinalização
HOSPITAL MARCA GRÁFICA
DA UNIVERSIDADE
NOME DA UNIVERSIDADE OU HOSPITAL
8. Glossário Radiologia
MARCA GRÁFICA
Bloco DA UNIVERSIDADE

Portão

A
NOME DO HOSPITAL
UNIVERSITÁRIO DA
REDE EBSERH 1 Radiologia
Bloco Cirúrgico
Internação
UTI
Maternidade

HOSPITAL
NOME DO HOSPITAL LOGO DA
UNIVERSIDADE
EM NEGATIVO
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 27

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TOTEM VERTICAL
2. Elementos Gráficos do
Elemento vertical de identificação do
Sistema de Sinalização hospital, para visualização à média
distância.
3. Sinalização Externa Pela sua altura é facilmente identificado
por pedestres e motoristas.
3.1 Sinalização Identificativa
Neste manual estão previstos três
3.2 Sinalização Direcional / formatos de totem vertical, os modelos
Orientativa P (pequeno), M (médio) e G (grande),
para serem utilizados de acordo com
3.3 Sinalização Informativa / os condicionantes arquitetônicos e
Educativa urbanísticos.

4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário IMPORTANTE:

Avaliar aplicação conforme legislação


municipal sobre comunicação visual em
ambientes externos.
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 28

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TOTEM VERTICAL
2. Elementos Gráficos do
Nesta página apresentam-se os três
Sistema de Sinalização formatos definidos para o totem vertical.

3. Sinalização Externa
3.1 Sinalização Identificativa
3.2 Sinalização Direcional /
Orientativa
3.3 Sinalização Informativa /
Educativa

4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário

Totem Grande Totem Médio Totem Pequeno


Altura 9,0m Altura 6,0m Altura 4,0m
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 29

3. Sinalização Externa

H OSPITAL
HOSPITAL UNIVERSITÁRIO DE BRASÍLIA
1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA Distância de leitura da informação
TOTEM VERTICAL 45m
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização A leiturabilidade da informação à
distância é um ponto chave para a Versão P - 4m
Vista Frontal
correto orientação do usuário.
3. Sinalização Externa Escala 1:150
Ao lado temos uma demonstração de
3.1 Sinalização Identificativa distância de leitura da informação de

HOSPITAL
HOSPITAL UNIVERSITÁRIO DE BRASÍLIA
acordo com o tamanho do totem com
3.2 Sinalização Direcional /
base na palavra “HOSPITAL”.
Orientativa Este critério deve ser usado para a
correta escolha do tamanho do totem de Distância de leitura da informação
3.3 Sinalização Informativa /
acordo com a distância necessária para
Educativa 70m
o usuário.

4. Sinalização Interna
Versão M - 6m
5. Sinalização Vista Frontal
Escala 1:150
Estacionamento e
Regulamentação Viária

HOSPITAL
HOSPITAL UNIVERSITÁRIO DE BRASÍLIA
6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização
Distância de leitura da informação
8. Glossário 100m

Versão G - 9m
Vista Frontal
Escala 1:150
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 30

3. Sinalização Externa Vista Superior


Estrutura
Escala 1:75
Dobra do ACM

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA 140cm *cm 140cm *cm

TOTEM VERTICAL G - ESTRUTURA


2. Elementos Gráficos do
09 01
Sistema de Sinalização

157,5cm
01. Estrutura tubular metálica das faces
soldada ao item 03.
3. Sinalização Externa 02. Perfil metálico “T” para suporte do 02
07
revestimento item 07 e 08. Peça soldada
3.1 Sinalização Identificativa no item 01.

HOSPITAL
NOME DO HOSPITAL U N IVE RSITÁRIO
Emenda do ACM

3.2 Sinalização Direcional / 03. Estrutura principal através de perfil


Orientativa tubular metálico e contraventada com
perfil “T” soldada na estrutura principal.

245cm
3.3 Sinalização Informativa /
04. Reforço estrutural em perfil tubular
Educativa metálico soldado ao item 03.

490cm
05. Base em chapa metálica para fixação
4. Sinalização Interna através de parafusos parabolt chumbados
03

877,5cm
no item 06. Chapa soldada no item 03.

900cm

900cm

900cm

900cm
10
5. Sinalização 06. Sapata de concreto moldada no local. 04

Estacionamento e FCK do concreto deve ser definido em 11

Regulamentação Viária projeto estrutural de responsabilidade do


fornecedor executante.

6. Sinalização de Segurança 12
MARCA GRÁFICA
DA UNIVERSIDADE

7. Guia Rápido para * medida de acordo


com cálculo estrutural
que é de responsabilidade
Implantação da IMPORTANTE: 13
do fornecedor executante.
~102cm
Sinalização
Conferir situação de instalação e

230cm
Iluminação por projetor
08 externo com foco assimétrico
dimensões no local antes da execução
8. Glossário e instalação da peça. A fixação da
fixado no piso.
Potência a ser
dimensionada no projeto
estrutura e verificação das condições luminotécnico.

do local, assim como o cálculo

12,5

12,5
05
estrutural e dimensões de perfis, são
de responsabilidade do fornecedor Sapata de concreto com

10

10
dimensões de acordo com
executante, o qual deverá fornecer ART Vista Frontal Vista Lateral cálculo estrutural que é de Vista Frontal Vista Lateral
de Projeto e Execução. Revestimento Revestimento 06 responsabilidade do Estrutura Estrutura
fornecedor executante.
Escala 1:75 Escala 1:75 Escala 1:75 Escala 1:75
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 31

3. Sinalização Externa Vista Superior


Estrutura
Escala 1:75
Dobra do ACM

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA 140cm *cm 140cm *cm

TOTEM VERTICAL G - REVESTIMENTO


2. Elementos Gráficos do
09 01
Sistema de Sinalização

157,5cm
07. Revestimento em chapa de ACM
3mm dobrado nas laterais na cor Branco
Ebserh.
3. Sinalização Externa 02
07
08. Revestimento em chapa de ACM 3mm
3.1 Sinalização Identificativa

ESTADUAL MÁRIO COVAS


dobrado nas laterais na cor Cinza Ebserh. Emenda do ACM

3.2 Sinalização Direcional /

HOSPITAL
09. Símbolo do Hospital em chapa de
Orientativa acrílico e.: 10mm com recorte laser e
acabamento em pintura automotiva nas

245cm
3.3 Sinalização Informativa / cores do Hospital.
Educativa 10. Acrílico e.: 10mm com recorte laser
e acabamento em pintura automotiva na

490cm
4. Sinalização Interna cor Cinza Ebserh.
03

877,5cm
11. Acrílico e.: 10mm com recorte laser

900cm

900cm

900cm

900cm
10
5. Sinalização e acabamento em pintura automotiva na 04
cor Cinza Ebserh.
Estacionamento e 11

Regulamentação Viária 12. Acrílico e.: 5mm com recorte laser de


acordo com a marca da Universidade.

13. “EBSERH” em acrílico branco leitoso


6. Sinalização de Segurança 12
e.: 5mm com recorte laser com letra H MARCA GRÁFICA
DA UNIVERSIDADE
com acabamento em pintura automotiva
7. Guia Rápido para na cor Verde Ebserh.
* medida de acordo
com cálculo estrutural
que é de responsabilidade
Implantação da “HOSPITAIS UNIVERSITÁRIOS FEDERAIS”
13
do fornecedor executante.

em vinil adesivo na cor branco. ~102cm


Sinalização

230cm
Iluminação por projetor
08 externo com foco assimétrico
FIXAÇÃO:
8. Glossário fixado no piso.
Potência a ser
dimensionada no projeto
ACM: colado no perfil através de fita luminotécnico.

dupla-face de espuma acrílica e de

12,5

12,5
05
adesivo transferível.
Acrílicos: Cola da alta resistência para Sapata de concreto com

10

10
dimensões de acordo com
uso em áreas externas. Vista Frontal Vista Lateral cálculo estrutural que é de Vista Frontal Vista Lateral
Revestimento Revestimento 06 responsabilidade do Estrutura Estrutura
fornecedor executante.
Escala 1:75 Escala 1:75 Escala 1:75 Escala 1:75
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 32

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA 140cm 140cm

TOTEM VERTICAL G - DIAGRAMAÇÃO

18
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização

140cm
Deve-se respeitar o regramento da Símbolo Área possível
do Hospital de edição
3. Sinalização Externa disposição dos elementos de informação
conforme as orientações ao lado, para o
3.1 Sinalização Identificativa totem modelo G de 9m.

HOSPITAL

HOSPITAL

HOSPITAL
NOME DO HOSPITAL U N IVE RSITÁRIO

NOME DO HOSPITAL U N IVE RSITÁRIO

NOME DO HOSPITAL U N IVE RSITÁRIO


3.2 Sinalização Direcional /
Orientativa
3.3 Sinalização Informativa /
Educativa Área fixa Área possível
NÃO editar

430cm
de edição

4. Sinalização Interna

900cm
5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

60cm
MARCA GRÁFICA MARCA GRÁFICA MARCA GRÁFICA Área possível
DA UNIVERSIDADE DA UNIVERSIDADE DA UNIVERSIDADE
de edição

7. Guia Rápido para Área fixa


Implantação da NÃO editar

Sinalização

8. Glossário

Versão G - 9m Versão G - 9m Versão G - 9m

Vista Frontal Grid Área de Aplicação Área de Não Interferência


Escala 1:75 Escala 1:75 Escala 1:75
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 33

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA Dobra do ACM


Vista Superior
TOTEM VERTICAL M - ESTRUTURA Estrutura - Escala 1:75
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização 01. Estrutura tubular metálica das faces
soldada ao item 03.
100cm *cm 100cm *cm
3. Sinalização Externa 02. Perfil metálico “T” para suporte do
revestimento item 07 e 08. Peça soldada
3.1 Sinalização Identificativa no item 01. 09

3.2 Sinalização Direcional / 03. Estrutura principal através de perfil 07 01

Orientativa tubular metálico e contraventada com


perfil “T” soldada na estrutura principal.

HOSPITAL
NOME DO HOSPITAL U NIVERSITÁRIO
3.3 Sinalização Informativa /
04. Reforço estrutural em perfil tubular 02
Educativa metálico soldado ao item 03.

178cm

430cm

430cm
05. Base em chapa metálica para fixação
4. Sinalização Interna através de parafusos parabolt chumbados 03

577,5cm
no item 06. Chapa soldada no item 03.

600cm

600cm

600cm

600cm
5. Sinalização 06. Sapata de concreto moldada no local.
04
10
Estacionamento e FCK do concreto deve ser definido em
11 * medida de acordo
Regulamentação Viária projeto estrutural de responsabilidade do
12
com cálculo estrutural
que é de responsabilidade
fornecedor executante. MARCA GRÁFICA do fornecedor executante.
DA UNIVERSIDADE

6. Sinalização de Segurança 13
Iluminação por projetor
externo com foco assimétrico
73cm

147,5cm

147,5cm
fixado no piso.
7. Guia Rápido para Potência a ser
dimensionada no projeto

Implantação da IMPORTANTE:
08 luminotécnico.

12,5

12,5

12,5
Sinalização 05

Conferir situação de instalação e

10

10

10
dimensões no local antes da execução
8. Glossário e instalação da peça. A fixação da
Sapata de concreto com dimensões
de acordo com cálculo estrutural
06
que é de responsabilidade do
estrutura e verificação das condições fornecedor executante.

do local, assim como o cálculo Vista Frontal Vista Lateral Vista Frontal Vista Lateral
estrutural e dimensões de perfis, são Revestimento - Escala 1:75 Revestimento - Escala 1:75 Estrutura - Escala 1:75 Estrutura - Escala 1:75
de responsabilidade do fornecedor
executante, o qual deverá fornecer ART
de Projeto e Execução.
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 34

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA Dobra do ACM


Vista Superior
TOTEM VERTICAL M - REVESTIMENTO Estrutura - Escala 1:75
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização 07. Revestimento em chapa de ACM
3mm dobrado nas laterais na cor Branco
100cm *cm 100cm *cm
Ebserh.
3. Sinalização Externa
08. Revestimento em chapa de ACM 3mm
3.1 Sinalização Identificativa dobrado nas laterais na cor Cinza Ebserh. 09

3.2 Sinalização Direcional / 09. Símbolo do Hospital em chapa de 07 01

Orientativa acrílico e.: 10mm com recorte laser e


acabamento em pintura automotiva nas

HOSPITAL
NOME DO HOSPITAL U NIVERSITÁRIO
3.3 Sinalização Informativa / cores do Hospital.
02
Educativa 10. Acrílico e.: 10mm com recorte laser

178cm
e acabamento em pintura automotiva na

430cm

430cm
4. Sinalização Interna cor Cinza Ebserh. 03

577,5cm
11. Acrílico e.: 10mm com recorte laser

600cm

600cm

600cm

600cm
5. Sinalização e acabamento em pintura automotiva na 04
cor Cinza Ebserh. 10
Estacionamento e 11 * medida de acordo
Regulamentação Viária 12. Acrílico e.: 5mm com recorte laser de
12
com cálculo estrutural
que é de responsabilidade
acordo com a marca da Universidade. MARCA GRÁFICA do fornecedor executante.
DA UNIVERSIDADE

13. “EBSERH” em acrílico branco leitoso


6. Sinalização de Segurança 13
e.: 5mm com recorte laser com letra H Iluminação por projetor
externo com foco assimétrico
com acabamento em pintura automotiva 73cm

147,5cm

147,5cm
fixado no piso.
7. Guia Rápido para na cor Verde Ebserh.
Potência a ser
dimensionada no projeto

Implantação da “HOSPITAIS UNIVERSITÁRIOS FEDERAIS” 08 luminotécnico.

12,5

12,5

12,5
em vinil adesivo na cor branco.
Sinalização 05

10

10

10
FIXAÇÃO:
8. Glossário Sapata de concreto com dimensões
de acordo com cálculo estrutural
06
que é de responsabilidade do
ACM: colado no perfil através de fita fornecedor executante.

dupla-face de espuma acrílica e de Vista Frontal Vista Lateral Vista Frontal Vista Lateral
adesivo transferível. Revestimento - Escala 1:75 Revestimento - Escala 1:75 Estrutura - Escala 1:75 Estrutura - Escala 1:75
Acrílicos: Cola da alta resistência para
uso em áreas externas.
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 35

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TOTEM VERTICAL M - DIAGRAMAÇÃO
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Deve-se respeitar o regramento da 100cm 100cm

3. Sinalização Externa disposição dos elementos de informação

12
conforme as orientações ao lado, para o
3.1 Sinalização Identificativa totem modelo M de 6m.

100cm
Símbolo Área possível
3.2 Sinalização Direcional / do Hospital de edição

Orientativa

HOSPITAL

HOSPITAL

HOSPITAL
NOME DO HOSPITAL U NIVERSITÁRIO

NOME DO HOSPITAL U NIVERSITÁRIO

NOME DO HOSPITAL U NIVERSITÁRIO


Área fixa
3.3 Sinalização Informativa / NÃO editar

Educativa
Área possível

275cm
de edição
4. Sinalização Interna

600cm
5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária Área possível

45cm
MARCA GRÁFICA MARCA GRÁFICA MARCA GRÁFICA
DA UNIVERSIDADE DA UNIVERSIDADE DA UNIVERSIDADE
de edição

6. Sinalização de Segurança Área fixa


NÃO editar

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização
Versão M - 6m Versão M - 6m Versão M - 6m

8. Glossário Vista Frontal Grid Área de Aplicação Área de Não Interferência


Escala 1:75 Escala 1:75 Escala 1:75
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 36

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TOTEM VERTICAL P - ESTRUTURA
2. Elementos Gráficos do Dobra do ACM

Sistema de Sinalização 01. Estrutura tubular metálica das faces Vista Superior
Estrutura - Escala 1:75
soldada ao item 03.
3. Sinalização Externa 02. Perfil metálico “T” para suporte do
revestimento item 07 e 08. Peça soldada 70cm *cm 70cm *cm
3.1 Sinalização Identificativa no item 01.
09
3.2 Sinalização Direcional / 03. Estrutura principal através de perfil
07
Orientativa tubular metálico e contraventada com 01
perfil “T” soldada na estrutura principal. 10

3.3 Sinalização Informativa /

HOSPITAL
NOME DO HOSPITAL U NIVERSITÁRIO
02
04. Reforço estrutural em perfil tubular

288cm
Educativa

288cm
metálico soldado ao item 03.

125cm

377,5cm
05. Base em chapa metálica para fixação * medida de acordo

400cm
4. Sinalização Interna

400cm
400cm

400cm
com cálculo estrutural
através de parafusos parabolt chumbados que é de responsabilidade
do fornecedor executante.
no item 06. Chapa soldada no item 03. 11
5. Sinalização 06. Sapata de concreto moldada no local. 12 MARCA GRÁFICA
DA UNIVERSIDADE
Iluminação por projetor
externo com foco assimétrico
03

Estacionamento e FCK do concreto deve ser definido em 13


fixado no piso.
Potência a ser 04
Regulamentação Viária projeto estrutural de responsabilidade do

89,5
dimensionada no projeto

89,5
51cm luminotécnico.
fornecedor executante.
08

12,5

12,5

12,5
05
6. Sinalização de Segurança

10

10

10
Sapata de concreto com dimensões
7. Guia Rápido para 06 de acordo com cálculo estrutural
que é de responsabilidade do

Implantação da fornecedor executante.

Vista Frontal Vista Lateral Vista Frontal Vista Lateral


Sinalização Revestimento - Escala 1:75 Revestimento - Escala 1:75 Estrutura - Escala 1:75 Estrutura - Escala 1:75
IMPORTANTE:
Conferir situação de instalação e
8. Glossário dimensões no local antes da execução
e instalação da peça. A fixação da
estrutura e verificação das condições
do local, assim como o cálculo
estrutural e dimensões de perfis, são
de responsabilidade do fornecedor
executante, o qual deverá fornecer ART
de Projeto e Execução.
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 37

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TOTEM VERTICAL P - REVESTIMENTO
2. Elementos Gráficos do Dobra do ACM

Sistema de Sinalização 07. Revestimento em chapa de ACM Vista Superior


Estrutura - Escala 1:75
3mm dobrado nas laterais na cor Branco
Ebserh.
3. Sinalização Externa
08. Revestimento em chapa de ACM 3mm 70cm *cm 70cm *cm
3.1 Sinalização Identificativa dobrado nas laterais na cor Cinza Ebserh.
09
3.2 Sinalização Direcional / 09. Símbolo do Hospital em chapa de
07
Orientativa acrílico e.: 10mm com recorte laser e 01
acabamento em pintura automotiva nas 10

3.3 Sinalização Informativa / cores do Hospital.

HOSPITAL
NOME DO HOSPITAL U NIVERSITÁRIO
02

288cm
Educativa

288cm
10. Acrílico e.: 10mm com recorte laser

125cm
e acabamento em pintura automotiva na

377,5cm
* medida de acordo

400cm
4. Sinalização Interna

400cm
cor Cinza Ebserh.

400cm

400cm
com cálculo estrutural
que é de responsabilidade
do fornecedor executante.
11. Acrílico e.: 10mm com recorte laser 11
5. Sinalização e acabamento em pintura automotiva na
12 MARCA GRÁFICA
Iluminação por projetor
externo com foco assimétrico
03
cor Cinza Ebserh. DA UNIVERSIDADE

Estacionamento e 13
fixado no piso.
Potência a ser 04
Regulamentação Viária 12. Acrílico e.: 5mm com recorte laser de

89,5
dimensionada no projeto

89,5
51cm luminotécnico.
acordo com a marca da Universidade.
08

12,5

12,5

12,5
05
13. “EBSERH” em acrílico branco leitoso
6. Sinalização de Segurança
e.: 5mm com recorte laser com letra H

10

10

10
com acabamento em pintura automotiva Sapata de concreto com dimensões
7. Guia Rápido para na cor Verde Ebserh. 06 de acordo com cálculo estrutural
que é de responsabilidade do

Implantação da “HOSPITAIS UNIVERSITÁRIOS FEDERAIS” fornecedor executante.

em vinil adesivo na cor branco. Vista Frontal Vista Lateral Vista Frontal Vista Lateral
Sinalização Revestimento - Escala 1:75 Revestimento - Escala 1:75 Estrutura - Escala 1:75 Estrutura - Escala 1:75

FIXAÇÃO:
8. Glossário
ACM: colado no perfil através de fita
dupla-face de espuma acrílica e de
adesivo transferível.
Acrílicos: Cola da alta resistência para
uso em áreas externas.
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 38

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TOTEM VERTICAL P - DIAGRAMAÇÃO
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Deve-se respeitar o regramento da 70cm 70cm
3. Sinalização Externa disposição dos elementos de informação
conforme as orientações ao lado, para o

9
3.1 Sinalização Identificativa totem modelo P de 4m.

70cm
Símbolo Área possível
do Hospital de edição
3.2 Sinalização Direcional /

HOSPITAL

HOSPITAL

HOSPITAL
NOME DO HOSPITAL U NIVERSITÁRIO

NOME DO HOSPITAL U NIVERSITÁRIO

NOME DO HOSPITAL U NIVERSITÁRIO


Orientativa
Área fixa Área possível
3.3 Sinalização Informativa /

180cm
NÃO editar de edição

400cm
Educativa

4. Sinalização Interna Área possível


de edição

30
MARCA GRÁFICA MARCA GRÁFICA MARCA GRÁFICA
DA UNIVERSIDADE DA UNIVERSIDADE DA UNIVERSIDADE

Área fixa
5. Sinalização NÃO editar

Estacionamento e
Regulamentação Viária
Versão P - 4m Versão P - 4m Versão P - 4m
6. Sinalização de Segurança Vista Frontal Grid Área de Aplicação Área de Não Interferência
Escala 1:75 Escala 1:75 Escala 1:75

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 39

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TOTEM EMERGÊNCIA
2. Elementos Gráficos do
Elemento de identificação do acesso à
Sistema de Sinalização emergência do hospital para visualização
à média distância.
3. Sinalização Externa Pela sua altura é facilmente identificado
por pedestres e motoristas.
3.1 Sinalização Identificativa
Neste manual estão previstos três
3.2 Sinalização Direcional / formatos de totem vertical, os modelos
Orientativa P (pequeno), M (médio) e G (grande),
para serem utilizados de acordo com
3.3 Sinalização Informativa / os condicionantes arquitetônicos e
Educativa urbanísticos.

4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário IMPORTANTE:

Avaliar aplicação conforme legislação


municipal sobre comunicação visual em
ambientes externos.
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 40

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TOTEM EMERGÊNCIA
2. Elementos Gráficos do
O layout mostrado nesta página é o
Sistema de Sinalização mesmo a ser utilizado nas variações de
tamanho para este totem, nos modelos P
3. Sinalização Externa (pequeno), M (médio), e G (grande).

EMERGÊNCIA
Dependendo do contexto arquitetônico
3.1 Sinalização Identificativa
e urbanístico da localização da unidade
3.2 Sinalização Direcional / hospitalar, emprega-se o totem nas
dimensões adequadas, apresentadas a
Orientativa
seguir.
3.3 Sinalização Informativa /
Educativa

4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da NOME DO HOSPITAL

Sinalização UNIVERSITÁRIO
DA REDE EBSERH

8. Glossário

Vista Frontal
Escala 1:75
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 41

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TOTEM EMERGÊNCIA P - ESTRUTURA
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização 01. Estrutura tubular metálica das faces
soldada ao item 03. Dobra do ACM

3. Sinalização Externa 02. Perfil metálico “T” para suporte do


Vista Superior
Estrutura - Escala 1:75
revestimento item 07 e 08. Peça soldada
3.1 Sinalização Identificativa no item 01.
3.2 Sinalização Direcional / 03. Estrutura principal através de perfil 70cm *cm 70cm *cm

Orientativa tubular metálico e contraventada com


perfil “T” soldada na estrutura principal. 07
3.3 Sinalização Informativa /

EMERGÊNCIA
04. Reforço estrutural em perfil tubular 01
Educativa metálico soldado ao item 03.
02
05. Base em chapa metálica para fixação

288cm
4. Sinalização Interna

288cm
125cm
através de parafusos parabolt chumbados
no item 06. Chapa soldada no item 03.

377,5cm
* medida de acordo

400cm
400cm
5. Sinalização

400cm

400cm
com cálculo estrutural
06. Sapata de concreto moldada no local. que é de responsabilidade
do fornecedor executante.
Estacionamento e FCK do concreto deve ser definido em
03
Regulamentação Viária projeto estrutural de responsabilidade do
08
fornecedor executante. Iluminação oriunda
09 NOME DO HOSPITAL

U NIVERSITÁRIO DA
do piso/jardim com
04

89,5

89,5
REDE EBSERH

6. Sinalização de Segurança 51cm direcionamento para


o totem nas duas faces.

10

12,5

12,5

12,5
05

7. Guia Rápido para

10

10

10
Implantação da Sapata de concreto com dimensões
de acordo com cálculo estrutural
Sinalização 06
que é de responsabilidade do
IMPORTANTE: fornecedor executante.

Conferir situação de instalação e Vista Frontal Vista Lateral Vista Frontal Vista Lateral
8. Glossário dimensões no local antes da execução Revestimento - Escala 1:75 Revestimento - Escala 1:75 Estrutura - Escala 1:75 Estrutura - Escala 1:75
e instalação da peça. A fixação da
estrutura e verificação das condições
do local, assim como o cálculo
estrutural e dimensões de perfis, são
de responsabilidade do fornecedor
executante, o qual deverá fornecer ART
de Projeto e Execução.
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 42

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TOTEM EMERGÊNCIA P - REVESTIMENTO
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização 07. “EMERGÊNCIA” em acrílico branco
leitoso e.: 5mm com recorte laser. Dobra do ACM

3. Sinalização Externa 08. Revestimento em chapa de ACM 3mm


Vista Superior
Estrutura - Escala 1:75
dobrado nas laterais na cor Vermelho
3.1 Sinalização Identificativa Emergência.
3.2 Sinalização Direcional / 09. Acrílico branco leitoso e.: 5mm com 70cm *cm 70cm *cm

Orientativa recorte laser de acordo com o NOME


DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO DA REDE 07
3.3 Sinalização Informativa / EBSERH.

EMERGÊNCIA
01
Educativa 10. Revestimento em chapa de ACM
3mm dobrado nas laterais na cor Cinza 02

288cm
4. Sinalização Interna Ebserh.

288cm
125cm

377,5cm
* medida de acordo

400cm
400cm
5. Sinalização

400cm

400cm
FIXAÇÃO: com cálculo estrutural
que é de responsabilidade
ACM: colado no perfil através de fita do fornecedor executante.
Estacionamento e dupla-face de espuma acrílica e de 03
Regulamentação Viária adesivo transferível. 08

Acrílicos: Cola da alta resistência para Iluminação oriunda


09 NOME DO HOSPITAL

U NIVERSITÁRIO DA
do piso/jardim com
04

89,5

89,5
uso em áreas externas.
REDE EBSERH

6. Sinalização de Segurança 51cm direcionamento para


o totem nas duas faces.

10

12,5

12,5

12,5
05

7. Guia Rápido para

10

10

10
Implantação da Sapata de concreto com dimensões
de acordo com cálculo estrutural
Sinalização 06
que é de responsabilidade do
fornecedor executante.

Vista Frontal Vista Lateral Vista Frontal Vista Lateral


8. Glossário Revestimento - Escala 1:75 Revestimento - Escala 1:75 Estrutura - Escala 1:75 Estrutura - Escala 1:75
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 3. Sinalização Externa 43

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TOTEM EMERGÊNCIA P - DIAGRAMAÇÃO
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Deve-se respeitar o regramento da
3. Sinalização Externa disposição dos elementos de informação
conforme as orientações ao lado, para o
3.1 Sinalização Identificativa totem emergência P.

3.2 Sinalização Direcional /


Orientativa

EMERGÊNCIA

EMERGÊNCIA
3.3 Sinalização Informativa /
Educativa Área fixa
NÃO editar

Totem emergência
4. Sinalização Interna é padrão e não
é permitido a
edição do mesmo.

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária NOME DO HOSPITAL

U NIVERSITÁRIO DA

REDE EBSERH
NOME DO HOSPITAL

U NIVERSITÁRIO DA

REDE EBSERH

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para Versão G - 4m Versão G - 4m

Implantação da Vista Frontal Grid Área de Não Interferência


Escala 1:75 Escala 1:75
Sinalização

8. Glossário
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 44

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TOTEM EMERGÊNCIA M - ESTRUTURA
Dobra do ACM
Vista Superior
2. Elementos Gráficos do Estrutura - Escala 1:75

Sistema de Sinalização 01. Estrutura tubular metálica das faces


soldada ao item 03.
3. Sinalização Externa 02. Perfil metálico “T” para suporte do 100cm *cm 100cm *cm

revestimento item 07 e 08. Peça soldada


3.1 Sinalização Identificativa no item 01.
07
3.2 Sinalização Direcional / 03. Estrutura principal através de perfil

EMERGÊNCIA
tubular metálico e contraventada com 01
Orientativa
perfil “T” soldada na estrutura principal.
3.3 Sinalização Informativa /
04. Reforço estrutural em perfil tubular
Educativa metálico soldado ao item 03.
02

178cm
05. Base em chapa metálica para fixação

430cm

430cm
4. Sinalização Interna através de parafusos parabolt chumbados 03
no item 06. Chapa soldada no item 03.

577,5cm
600cm

600cm

600cm

600cm
5. Sinalização 06. Sapata de concreto moldada no local. 04
Estacionamento e FCK do concreto deve ser definido em
Regulamentação Viária projeto estrutural de responsabilidade do * medida de acordo
fornecedor executante. com cálculo estrutural
08 que é de responsabilidade
do fornecedor executante.

6. Sinalização de Segurança
NOME DO HOSPITAL
09 U NIVERSITÁRIO DA

REDE EBSERH
73cm
7. Guia Rápido para

147,5cm

147,5cm
Iluminação oriunda
do piso/jardim com
Implantação da 10
direcionamento para
o totem nas duas faces.

Sinalização

12,5

12,5

12,5
05
IMPORTANTE:
Conferir situação de instalação e
8. Glossário

10

10

10
dimensões no local antes da execução
Sapata de concreto com dimensões
e instalação da peça. A fixação da 06 de acordo com cálculo estrutural
que é de responsabilidade do
estrutura e verificação das condições fornecedor executante.

do local, assim como o cálculo Vista Frontal Vista Lateral Vista Frontal Vista Lateral
estrutural e dimensões de perfis, são Revestimento - Escala 1:75 Revestimento - Escala 1:75 Estrutura - Escala 1:75 Estrutura - Escala 1:75
de responsabilidade do fornecedor
executante, o qual deverá fornecer ART
de Projeto e Execução.
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 45

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


Dobra do ACM
TOTEM EMERGÊNCIA M - REVESTIMENTO Vista Superior
2. Elementos Gráficos do Estrutura - Escala 1:75

Sistema de Sinalização 07. “EMERGÊNCIA” em acrílico branco


leitoso e.: 5mm com recorte laser.
3. Sinalização Externa 08. Revestimento em chapa de ACM 3mm 100cm *cm 100cm *cm

dobrado nas laterais na cor Vermelho


3.1 Sinalização Identificativa Emergência.
07
3.2 Sinalização Direcional / 09. Acrílico branco leitoso e.: 5mm com

EMERGÊNCIA
01
Orientativa recorte laser de acordo com o NOME
DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO DA REDE
3.3 Sinalização Informativa / EBSERH.
Educativa 10. Revestimento em chapa de ACM
02

3mm dobrado nas laterais na cor Cinza

178cm

430cm

430cm
4. Sinalização Interna Ebserh.
03

577,5cm
600cm

600cm

600cm

600cm
5. Sinalização FIXAÇÃO:
04
ACM: colado no perfil através de fita
Estacionamento e dupla-face de espuma acrílica e de
Regulamentação Viária adesivo transferível. * medida de acordo
com cálculo estrutural
Acrílicos: Cola da alta resistência para 08 que é de responsabilidade
do fornecedor executante.
uso em áreas externas.
6. Sinalização de Segurança
NOME DO HOSPITAL
09 U NIVERSITÁRIO DA

REDE EBSERH
73cm
7. Guia Rápido para

147,5cm

147,5cm
Iluminação oriunda
do piso/jardim com
Implantação da 10
direcionamento para
o totem nas duas faces.

Sinalização

12,5

12,5

12,5
05

8. Glossário

10

10

10
Sapata de concreto com dimensões
de acordo com cálculo estrutural
06
que é de responsabilidade do
fornecedor executante.

Vista Frontal Vista Lateral Vista Frontal Vista Lateral


Revestimento - Escala 1:75 Revestimento - Escala 1:75 Estrutura - Escala 1:75 Estrutura - Escala 1:75
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 3. Sinalização Externa 46

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TOTEM EMERGÊNCIA M - DIAGRAMAÇÃO
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Deve-se respeitar o regramento da
3. Sinalização Externa disposição dos elementos de informação
conforme as orientações ao lado, para o
3.1 Sinalização Identificativa totem emergência M.

EMERGÊNCIA

EMERGÊNCIA
3.2 Sinalização Direcional /
Orientativa
Área fixa
3.3 Sinalização Informativa / NÃO editar

Totem emergência
Educativa é padrão e não
é permitido a
edição do mesmo.
4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária
NOME DO HOSPITAL NOME DO HOSPITAL

6. Sinalização de Segurança U NIVERSITÁRIO DA

REDE EBSERH
U NIVERSITÁRIO DA

REDE EBSERH

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização
Versão G - 6m Versão G - 6m

8. Glossário Vista Frontal Grid Área de Não Interferência


Escala 1:75 Escala 1:75
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 47

3. Sinalização Externa Vista Superior


Estrutura
Escala 1:75
Dobra do ACM

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA 140cm *cm 140cm *cm

TOTEM EMERGÊNCIA G - ESTRUTURA


2. Elementos Gráficos do 01

157,5cm
Sistema de Sinalização 01. Estrutura tubular metálica das faces 07
soldada ao item 03.

EMERGÊNCIA
3. Sinalização Externa 02. Perfil metálico “T” para suporte do 02

revestimento item 07 e 08. Peça soldada


3.1 Sinalização Identificativa no item 01. Emenda do ACM

3.2 Sinalização Direcional / 03. Estrutura principal através de perfil


Orientativa tubular metálico e contraventada com
perfil “T” soldada na estrutura principal.
3.3 Sinalização Informativa /

245cm
04. Reforço estrutural em perfil tubular
Educativa metálico soldado ao item 03.

490cm
05. Base em chapa metálica para fixação
4. Sinalização Interna através de parafusos parabolt chumbados
03

877,5cm
no item 06. Chapa soldada no item 03.

900cm

900cm

900cm

900cm
5. Sinalização 06. Sapata de concreto moldada no local.
04

Estacionamento e FCK do concreto deve ser definido em


Regulamentação Viária projeto estrutural de responsabilidade do
fornecedor executante.

6. Sinalização de Segurança 08

* medida de acordo
7. Guia Rápido para NOME DO HOSPITAL
U NIVERSITÁRIO DA
com cálculo estrutural
que é de responsabilidade

Implantação da 09
REDE EBSERH
~102cm
do fornecedor executante.

Sinalização
IMPORTANTE:

230cm
Conferir situação de instalação e 10

8. Glossário dimensões no local antes da execução Iluminação oriunda


do piso/jardim com
direcionamento para
e instalação da peça. A fixação da o totem nas duas faces.
estrutura e verificação das condições

12,5

12,5
05
do local, assim como o cálculo
estrutural e dimensões de perfis, são
Sapata de concreto com

10

10
de responsabilidade do fornecedor dimensões de acordo com
Vista Frontal Vista Lateral cálculo estrutural que é de Vista Frontal Vista Lateral
executante, o qual deverá fornecer ART Revestimento Revestimento 06 responsabilidade do Estrutura Estrutura
fornecedor executante.
de Projeto e Execução. Escala 1:75 Escala 1:75 Escala 1:75 Escala 1:75
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 48

3. Sinalização Externa Vista Superior


Estrutura
Escala 1:75
Dobra do ACM

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA 140cm *cm 140cm *cm

TOTEM EMERGÊNCIA G - REVESTIMENTO


2. Elementos Gráficos do 01

157,5cm
Sistema de Sinalização 07. “EMERGÊNCIA” em acrílico branco 07
leitoso e.: 5mm com recorte laser.

EMERGÊNCIA
3. Sinalização Externa 08. Revestimento em chapa de ACM 3mm 02

dobrado nas laterais na cor Vermelho


3.1 Sinalização Identificativa Emergência. Emenda do ACM

3.2 Sinalização Direcional / 09. Acrílico branco leitoso e.: 5mm com
Orientativa recorte laser de acordo com o NOME
DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO DA REDE
3.3 Sinalização Informativa / EBSERH.

245cm
Educativa 10. Revestimento em chapa de ACM
3mm dobrado nas laterais na cor Cinza

490cm
4. Sinalização Interna Ebserh.
03

877,5cm
900cm

900cm

900cm

900cm
5. Sinalização FIXAÇÃO: 04
ACM: colado no perfil através de fita
Estacionamento e dupla-face de espuma acrílica e de
Regulamentação Viária adesivo transferível.
Acrílicos: Cola da alta resistência para
uso em áreas externas.
6. Sinalização de Segurança 08

* medida de acordo
7. Guia Rápido para NOME DO HOSPITAL
U NIVERSITÁRIO DA
com cálculo estrutural
que é de responsabilidade

Implantação da 09
REDE EBSERH
~102cm
do fornecedor executante.

Sinalização

230cm
10

8. Glossário Iluminação oriunda


do piso/jardim com
direcionamento para
o totem nas duas faces.

12,5

12,5
05

Sapata de concreto com

10

10
dimensões de acordo com
Vista Frontal Vista Lateral cálculo estrutural que é de Vista Frontal Vista Lateral
Revestimento Revestimento 06 responsabilidade do Estrutura Estrutura
fornecedor executante.
Escala 1:75 Escala 1:75 Escala 1:75 Escala 1:75
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 3. Sinalização Externa 49

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TOTEM EMERGÊNCIA G - DIAGRAMAÇÃO
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização

EMERGÊNCIA

EMERGÊNCIA
Deve-se respeitar o regramento da
3. Sinalização Externa disposição dos elementos de informação
conforme as orientações ao lado, para o
3.1 Sinalização Identificativa totem emergência G.

3.2 Sinalização Direcional /


Área fixa
Orientativa NÃO editar

Totem emergência
3.3 Sinalização Informativa / é padrão e não
é permitido a
Educativa edição do mesmo.

4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança
NOME DO HOSPITAL NOME DO HOSPITAL
U NIVERSITÁRIO DA U NIVERSITÁRIO DA

7. Guia Rápido para REDE EBSERH REDE EBSERH

Implantação da
Sinalização

8. Glossário

Versão G - 9m Versão G - 9m

Vista Frontal Grid Área de Não Interferência


Escala 1:75 Escala 1:75
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 50

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TOTEM HORIZONTAL
2. Elementos Gráficos do
Elemento de identificação do hospital
Sistema de Sinalização para visualização à média distância.

Geralmente é indicado para espaços


3. Sinalização Externa abertos, onde uma visualização mais
frontal é possível.
3.1 Sinalização Identificativa
Neste manual estão previstos três
3.2 Sinalização Direcional / formatos de totem horizontal, os modelos
Orientativa P (pequeno), M (médio) e G (grande)
para serem utilizados de acordo com
3.3 Sinalização Informativa / os condicionantes arquitetônicos e
Educativa urbanísticos.

4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário

IMPORTANTE:

Avaliar aplicação conforme legislação


municipal sobre comunicação visual em
ambientes externos.
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 51

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TOTEM HORIZONTAL
2. Elementos Gráficos do
Nesta página apresentam-se
Sistema de Sinalização os três formatos definidos para
o totem horizontal.
3. Sinalização Externa
3.1 Sinalização Identificativa
3.2 Sinalização Direcional /
Orientativa
3.3 Sinalização Informativa /
Educativa

4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária
Ground Sign Pequeno
6. Sinalização de Segurança Largura 3,0m

7. Guia Rápido para Ground Sign Médio


Largura 4,0m
Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Ground Sign Grande
Largura 5,0m
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 52

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TOTEM HORIZONTAL
2. Elementos Gráficos do Distância de leitura da informação H OSPITAL
U N IVE RSITÁRIO DE B RASÍLIA

Sistema de Sinalização 40m


A leiturabilidade da informação à
distância é um ponto chave para a Versão P - 3m
correto orientação do usuário. Vista Frontal
3. Sinalização Externa Escala 1:150
Ao lado temos uma demonstração de
3.1 Sinalização Identificativa distância de leitura da informação de
acordo com o tamanho do totem com
3.2 Sinalização Direcional /
base na palavra “HOSPITAL”.
Orientativa Este critério deve ser usado para a
correta escolha do tamanho do totem de
3.3 Sinalização Informativa /
acordo com a distância necessária para
Educativa o usuário. Distância de leitura da informação H OSPITAL
U N IVE RSITÁRIO DE B RASÍLIA

55m
4. Sinalização Interna
Versão M - 4m
Vista Frontal
Escala 1:150
5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da Distância de leitura da informação HOSPITAL
Sinalização 70m
U N IVE RSITÁRIO DE B RASÍLIA

8. Glossário Vista Frontal Versão G - 5m


Escala 1:150
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 53

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TOTEM HORIZONTAL P - ESTRUTURA
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização 01. Estrutura tubular metálica das faces
300cm *

soldada ao item 03. 01

3. Sinalização Externa 02. Perfil metálico “T” para suporte do 02

107,5cm

107,5cm
revestimento item 07 e 08. Peça soldada 03
3.1 Sinalização Identificativa

130cm

130cm
no item 01. 04
05
3.2 Sinalização Direcional / 03. Estrutura principal através de perfil
06
12,5 12,5
Orientativa tubular metálico e contraventada com 10 10
perfil “T” soldada na estrutura principal.
Sapata de concreto com dimensões de acordo com
3.3 Sinalização Informativa / cálculo estrutural que é de responsabilidade do
* medida de acordo
com cálculo estrutural
04. Reforço estrutural em perfil tubular que é de responsabilidade
Educativa metálico soldado ao item 03.
fornecedor executante.
do fornecedor executante.

05. Base em chapa metálica para fixação Vista Posterior Vista Lateral
4. Sinalização Interna através de parafusos parabolt chumbados Estrutura Estrutura
no item 06. Chapa soldada no item 03. Escala 1:50 Escala 1:50

5. Sinalização 06. Sapata de concreto moldada no local.


Estacionamento e FCK do concreto deve ser definido em
Regulamentação Viária projeto estrutural de responsabilidade do
fornecedor executante.
300cm
6. Sinalização de Segurança 60cm 240cm *
08

7. Guia Rápido para


Implantação da

107,5cm

107,5cm
Sinalização 07

130cm

130cm
IMPORTANTE:
Conferir situação de instalação e
14
8. Glossário dimensões no local antes da execução 12,5 12,5
10 10
e instalação da peça. A fixação da
estrutura e verificação das condições Sapata de concreto com dimensões de acordo com * medida de acordo
cálculo estrutural que é de responsabilidade do com cálculo estrutural
do local, assim como o cálculo fornecedor executante. que é de responsabilidade
do fornecedor executante.
estrutural e dimensões de perfis, são
de responsabilidade do fornecedor
executante, o qual deverá fornecer ART
Vista Posterior Vista Lateral
Revestimento Revestimento
de Projeto e Execução. Escala 1:50 Escala 1:50
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 54

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TOTEM HORIZONTAL P - REVESTIMENTO
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização 07. Revestimento em chapa de ACM 3mm
300cm *

3mm dobrado nas laterais na cor Branco 01


Ebserh.
3. Sinalização Externa 02

107,5cm

107,5cm
08. Revestimento em chapa de ACM 3mm 03
3.1 Sinalização Identificativa

130cm

130cm
3mm dobrado nas laterais na cor Cinza 04

Ebserh. 05
3.2 Sinalização Direcional /
06
09. Símbolo do Hospital em chapa de 12,5 12,5
Orientativa 10 10
acrílico e.: 10mm com recorte laser e
3.3 Sinalização Informativa / acabamento em pintura automotiva nas Sapata de concreto com dimensões de acordo com
cálculo estrutural que é de responsabilidade do
* medida de acordo
com cálculo estrutural
cores do Hospital. que é de responsabilidade
Educativa fornecedor executante.
do fornecedor executante.

10. Acrílico e.: 10mm com recorte laser


Vista Frontal Vista Lateral
4. Sinalização Interna e acabamento em pintura automotiva na
Estrutura Estrutura
cor Cinza Ebserh. Escala 1:50 Escala 1:50

5. Sinalização 11. Acrílico e.: 10mm com recorte laser


e acabamento em pintura automotiva na
Estacionamento e cor Cinza Ebserh.
Regulamentação Viária 12. Acrílico e.: 5mm com recorte laser de
acordo com a marca da Universidade.
13. “EBSERH” em acrílico branco leitoso 300cm
6. Sinalização de Segurança 240cm 60cm *
e.: 5mm com recorte laser com letra H 08
com acabamento em pintura automotiva 10
7. Guia Rápido para na cor Verde Ebserh.
Implantação da “HOSPITAIS UNIVERSITÁRIOS FEDERAIS”
09
HOSPITAL 13

107,5cm

107,5cm
NOM E D O H OSPITAL U N IVE RSITÁRIO
em vinil adesivo na cor branco.
LOGO DA

Sinalização 07
UNIVERSIDADE
EM NEGATIVO

130cm

130cm
14. Revestimento em chapa de ACM 3mm
11 12
dobrado nas laterais na cor Cinza Ebserh.
8. Glossário 14
12,5 12,5
10 10
FIXAÇÃO:
ACM: colado no perfil através de fita Sapata de concreto com dimensões de acordo com * medida de acordo
cálculo estrutural que é de responsabilidade do com cálculo estrutural
dupla-face de espuma acrílica e de que é de responsabilidade
fornecedor executante.
do fornecedor executante.
adesivo transferível.
Acrílicos: Cola da alta resistência para
uso em áreas externas. Vista Frontal Vista Lateral
Revestimento Revestimento
Escala 1:50 Escala 1:50
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 3. Sinalização Externa 55

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TOTEM HORIZONTAL P - DIAGRAMAÇÃO
2. Elementos Gráficos do HOSPITAL
Sistema de Sinalização NOM E D O H OSPITAL U N IVE RSITÁRIO LOGO DA
UNIVERSIDADE
EM NEGATIVO

Deve-se respeitar o regramento da


3. Sinalização Externa disposição dos elementos de informação
conforme as orientações ao lado, para o
3.1 Sinalização Identificativa totem horizontal P. Versão P - 3m
Versão P - 3m
3.2 Sinalização Direcional / Vista Frontal Grid
Orientativa Escala 1:50

3.3 Sinalização Informativa /


Educativa

HOSPITAL
4. Sinalização Interna Símbolo
do Hospital
NOM E D O H OSPITAL U N IVE RSITÁRIO LOGO DA
UNIVERSIDADE
EM NEGATIVO

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária Versão P - 3m Nome do Hospital
máximo duas linhas
Área de Aplicação
6. Sinalização de Segurança Escala 1:50

7. Guia Rápido para Área fixa


NÃO editar
Implantação da Área fixa
NÃO editar
Sinalização Área possível
de edição
HOSPITAL
NOM E D O H OSPITAL U N IVE RSITÁRIO LOGO DA
Área possível
UNIVERSIDADE
EM NEGATIVO
de edição

8. Glossário

Versão P - 3m Área possível de edição


máximo duas linhas
Área de Não Interferência
Escala 1:50
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 56

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TOTEM HORIZONTAL M - ESTRUTURA
2. Elementos Gráficos do 400cm *

Sistema de Sinalização 01. Estrutura tubular metálica das faces


01
soldada ao item 03.
02
3. Sinalização Externa 02. Perfil metálico “T” para suporte do

122,5cm

122,5cm
03
revestimento item 07 e 08. Peça soldada

145cm

145cm
3.1 Sinalização Identificativa no item 01.
04

05
3.2 Sinalização Direcional / 03. Estrutura principal através de perfil
06
12,5 12,5
Orientativa tubular metálico e contraventada com
10 10
perfil “T” soldada na estrutura principal.
3.3 Sinalização Informativa / Sapata de concreto com dimensões de acordo com cálculo estrutural
que é de responsabilidade do fornecedor executante.
* medida de acordo
com cálculo estrutural
04. Reforço estrutural em perfil tubular que é de responsabilidade
Educativa metálico soldado ao item 03. do fornecedor executante.

05. Base em chapa metálica para fixação Vista Posterior Vista Lateral
4. Sinalização Interna através de parafusos parabolt chumbados Estrutura Estrutura
no item 06. Chapa soldada no item 03. Escala 1:50 Escala 1:50

5. Sinalização 06. Sapata de concreto moldada no local.


Estacionamento e FCK do concreto deve ser definido em
Regulamentação Viária projeto estrutural de responsabilidade do
fornecedor executante.
400cm
*
6. Sinalização de Segurança 80cm 320cm
08

7. Guia Rápido para


Implantação da

122,5cm

122,5cm
07

145cm

145cm
Sinalização
IMPORTANTE:
Conferir situação de instalação e
8. Glossário dimensões no local antes da execução
14
12,5 12,5
10 10
e instalação da peça. A fixação da
estrutura e verificação das condições Sapata de concreto com dimensões de acordo com cálculo estrutural * medida de acordo
que é de responsabilidade do fornecedor executante. com cálculo estrutural
do local, assim como o cálculo que é de responsabilidade
do fornecedor executante.
estrutural e dimensões de perfis, são
de responsabilidade do fornecedor
executante, o qual deverá fornecer ART
Vista Posterior Vista Lateral
Revestimento Revestimento
de Projeto e Execução. Escala 1:50 Escala 1:50
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 57

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TOTEM HORIZONTAL M - REVESTIMENTO
2. Elementos Gráficos do 400cm *

Sistema de Sinalização 07. Revestimento em chapa de ACM


01
3mm dobrado nas laterais na cor Branco
02
Ebserh.
3. Sinalização Externa

122,5cm

122,5cm
03
08. Revestimento em chapa de ACM 3mm

145cm

145cm
3.1 Sinalização Identificativa dobrado nas laterais na cor Cinza Ebserh.
04

05
3.2 Sinalização Direcional / 09. Símbolo do Hospital em chapa de 06
12,5 12,5
Orientativa acrílico e.: 10mm com recorte laser e 10 10
acabamento em pintura automotiva nas
* medida de acordo
3.3 Sinalização Informativa / cores do Hospital. Sapata de concreto com dimensões de acordo com cálculo estrutural com cálculo estrutural
que é de responsabilidade do fornecedor executante. que é de responsabilidade
Educativa 10. Acrílico e.: 10mm com recorte laser do fornecedor executante.

e acabamento em pintura automotiva na


Vista Frontal Vista Lateral
4. Sinalização Interna cor Cinza Ebserh.
Estrutura Estrutura
11. Acrílico e.: 10mm com recorte laser Escala 1:50 Escala 1:50

5. Sinalização e acabamento em pintura automotiva na


cor Cinza Ebserh.
Estacionamento e 12. Acrílico e.: 5mm com recorte laser de
Regulamentação Viária acordo com a marca da Universidade.
13. “EBSERH” em acrílico branco leitoso 400cm

e.: 5mm com recorte laser com letra H 320cm 80cm *


6. Sinalização de Segurança 08
com acabamento em pintura automotiva 10
na cor Verde Ebserh.
09
7. Guia Rápido para
HOSPITAL
“HOSPITAIS UNIVERSITÁRIOS FEDERAIS” 13

122,5cm

122,5cm
Implantação da em vinil adesivo na cor branco. 07
NOM E D O H OSPITAL U N IVE RSITÁRIO

145cm

145cm
14. Revestimento em chapa de ACM 3mm
LOGO DA

Sinalização dobrado nas laterais na cor Cinza Ebserh.


UNIVERSIDADE
EM NEGATIVO

11 12
14
8. Glossário FIXAÇÃO: 12,5
10
12,5
10
ACM: colado no perfil através de fita
dupla-face de espuma acrílica e de Sapata de concreto com dimensões de acordo com cálculo estrutural
* medida de acordo
com cálculo estrutural
adesivo transferível. que é de responsabilidade do fornecedor executante. que é de responsabilidade
do fornecedor executante.
Acrílicos: Cola da alta resistência para
uso em áreas externas.
Vista Frontal Vista Lateral
Revestimento Revestimento
Escala 1:50 Escala 1:50
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 3. Sinalização Externa 58

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TOTEM HORIZONTAL M - DIAGRAMAÇÃO
2. Elementos Gráficos do HOSPITAL
Sistema de Sinalização NOM E D O H OSPITAL U N IVE RSITÁRIO LOGO DA
UNIVERSIDADE
EM NEGATIVO

Deve-se respeitar o regramento da


3. Sinalização Externa disposição dos elementos de informação
conforme as orientações ao lado, para o
3.1 Sinalização Identificativa totem horizontal M.
Versão M - 4m
3.2 Sinalização Direcional / Vista Frontal Grid
Escala 1:50
Orientativa
3.3 Sinalização Informativa /
Educativa
HOSPITAL
4. Sinalização Interna Símbolo
do Hospital NOM E D O H OSPITAL U N IVE RSITÁRIO LOGO DA
UNIVERSIDADE
EM NEGATIVO

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária Versão M - 4m Nome do Hospital
máximo duas linhas
Área de Aplicação
6. Sinalização de Segurança Escala 1:50
Área fixa
NÃO editar

7. Guia Rápido para


Área fixa
Implantação da NÃO editar

Sinalização Área possível


de edição
HOSPITAL
NOM E D O H OSPITAL U N IVE RSITÁRIO LOGO DA
Área possível
UNIVERSIDADE de edição
EM NEGATIVO

8. Glossário

Versão M - 4m Área possível de edição


máximo duas linhas
Área de Não Interferência
Escala 1:50
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 59

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TOTEM HORIZONTAL G - ESTRUTURA 500cm *
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização 01. Estrutura tubular metálica das faces
01
soldada ao item 03.
02
3. Sinalização Externa

137,5cm

137,5cm
02. Perfil metálico “T” para suporte do
03
revestimento item 07 e 08. Peça soldada

160cm

160cm
3.1 Sinalização Identificativa no item 01. 04

05
3.2 Sinalização Direcional / 03. Estrutura principal através de perfil
06
tubular metálico e contraventada com 12,5 12,5
Orientativa 10 10
perfil “T” soldada na estrutura principal.
3.3 Sinalização Informativa / Sapata de concreto com dimensões de acordo com cálculo estrutural * medida de acordo
04. Reforço estrutural em perfil tubular que é de responsabilidade do fornecedor executante. com cálculo estrutural
que é de responsabilidade
Educativa metálico soldado ao item 03. do fornecedor executante.

05. Base em chapa metálica para fixação


4. Sinalização Interna Vista Posterior Vista Lateral
através de parafusos parabolt chumbados Estrutura Estrutura
no item 06. Chapa soldada no item 03. Escala 1:50 Escala 1:50

5. Sinalização 06. Sapata de concreto moldada no local.


Estacionamento e FCK do concreto deve ser definido em
Regulamentação Viária projeto estrutural de responsabilidade do
500cm
fornecedor executante.
100cm 400cm *
08
6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para

137,5cm

137,5cm
Implantação da 07

160cm

160cm
Sinalização
IMPORTANTE:
Conferir situação de instalação e
8. Glossário dimensões no local antes da execução
14
12,5 12,5
10 10
e instalação da peça. A fixação da
estrutura e verificação das condições Sapata de concreto com dimensões de acordo com cálculo estrutural * medida de acordo
que é de responsabilidade do fornecedor executante. com cálculo estrutural
do local, assim como o cálculo que é de responsabilidade
do fornecedor executante.
estrutural e dimensões de perfis, são
de responsabilidade do fornecedor
executante, o qual deverá fornecer ART Vista Posterior Vista Lateral
Revestimento Revestimento
de Projeto e Execução. Escala 1:50 Escala 1:50
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 60

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TOTEM HORIZONTAL G - REVESTIMENTO 500cm *
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização 07. Revestimento em chapa de ACM
01
3mm dobrado nas laterais na cor Branco
02
Ebserh.
3. Sinalização Externa

137,5cm

137,5cm
03

160cm

160cm
08. Revestimento em chapa de ACM 3mm
3.1 Sinalização Identificativa dobrado nas laterais na cor Cinza Ebserh.
04

05
3.2 Sinalização Direcional / 09. Símbolo do Hospital em chapa de
06
12,5 12,5
Orientativa acrílico e.: 10mm com recorte laser e
10 10
acabamento em pintura automotiva nas
3.3 Sinalização Informativa / cores do Hospital. Sapata de concreto com dimensões de acordo com cálculo estrutural
que é de responsabilidade do fornecedor executante.
* medida de acordo
com cálculo estrutural
que é de responsabilidade
Educativa 10. Acrílico e.: 10mm com recorte laser do fornecedor executante.

e acabamento em pintura automotiva na


Vista Frontal Vista Lateral
4. Sinalização Interna cor Cinza Ebserh.
Estrutura Estrutura
11. Acrílico e.: 10mm com recorte laser Escala 1:50 Escala 1:50

5. Sinalização e acabamento em pintura automotiva na


cor Cinza Ebserh.
Estacionamento e 12. Acrílico e.: 5mm com recorte laser de
Regulamentação Viária acordo com a marca da Universidade. 500cm
13. “EBSERH” em acrílico branco leitoso 400cm 100cm *
08
e.: 5mm com recorte laser com letra H
6. Sinalização de Segurança 10
com acabamento em pintura automotiva
na cor Verde Ebserh.
7. Guia Rápido para HOSPITAL
09 13
“HOSPITAIS UNIVERSITÁRIOS FEDERAIS”

137,5cm

137,5cm
Implantação da em vinil adesivo na cor branco. 07
NOM E DO HOSPITAL U N IVE RSITÁRIO

160cm

160cm
14. Revestimento em chapa de ACM 3mm LOGO DA

Sinalização dobrado nas laterais na cor Cinza Ebserh.


UNIVERSIDADE
EM NEGATIVO

11 12

8. Glossário FIXAÇÃO:
14
12,5 12,5
10 10
ACM: colado no perfil através de fita
dupla-face de espuma acrílica e de Sapata de concreto com dimensões de acordo com cálculo estrutural * medida de acordo
que é de responsabilidade do fornecedor executante. com cálculo estrutural
adesivo transferível. que é de responsabilidade
do fornecedor executante.
Acrílicos: Cola da alta resistência para
uso em áreas externas.
Vista Frontal Vista Lateral
Revestimento Revestimento
Escala 1:50 Escala 1:50
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 3. Sinalização Externa 61

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA

2. Elementos Gráficos do
TOTEM HORIZONTAL G - DIAGRAMAÇÃO HOSPITAL
NOM E DO HOSPITAL U N IVE RSITÁRIO
Sistema de Sinalização LOGO DA
UNIVERSIDADE
EM NEGATIVO

Deve-se respeitar o regramento da


3. Sinalização Externa disposição dos elementos de informação
conforme as orientações ao lado, para o
3.1 Sinalização Identificativa totem horizontal G. Versão G - 5m

3.2 Sinalização Direcional / Vista Frontal Grid


Escala 1:50
Orientativa
3.3 Sinalização Informativa /
Educativa

Símbolo
HOSPITAL
4. Sinalização Interna do Hospital NOM E DO HOSPITAL U N IVE RSITÁRIO LOGO DA
UNIVERSIDADE
EM NEGATIVO

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária Versão G - 5m Nome do Hospital
máximo duas linhas
Área de Aplicação
Escala 1:50
6. Sinalização de Segurança Área fixa
NÃO editar

7. Guia Rápido para Área fixa

HOSPITAL
NÃO editar
Implantação da
Área possível
Sinalização de edição
NOM E DO HOSPITAL U N IVE RSITÁRIO LOGO DA Área possível
UNIVERSIDADE de edição
EM NEGATIVO

8. Glossário

Versão G - 5m Área possível de edição


máximo duas linhas
Área de Não Interferência
Escala 1:50
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 62

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TESTEIRA PARA IDENTIFICAÇÃO
2. Elementos Gráficos do ACESSO HOSPITAL
Sistema de Sinalização
Elemento de identificação de acesso
principal ao Hospital.
3. Sinalização Externa
Suas dimensões estão condicionadas
3.1 Sinalização Identificativa à arquitetura do edifício e suas relações
com o entorno urbano, que no seu projeto
3.2 Sinalização Direcional / deve levar em consideração as diretrizes
Orientativa da legislação municipal.

A seguir apresentamos sugestões


3.3 Sinalização Informativa /
de aplicação considerando três
Educativa possíveis formatos.

4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário IMPORTANTE:

Verificar limitantes e condicionantes


da legislação municipal vigênte sobre
comunicação visual urbana.
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 63

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TESTEIRAS DE GRANDE FORMATO
2. Elementos Gráficos do
Apresenta-se como a maior dimensão
Sistema de Sinalização possível para este elemento, integrando
os elementos de identificação da unidade
3. Sinalização Externa hospitalar e seu vínculo institucional.

É indicado para grandes unidades,


3.1 Sinalização Identificativa
com várias fachadas, ou em prédios
3.2 Sinalização Direcional / compostos, onde é necessário indicar o
acesso principal.
Orientativa
3.3 Sinalização Informativa /
Educativa

4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário IMPORTANTE:

Verificar limitantes e condicionantes


da legislação municipal vigênte sobre
comunicação visual urbana.
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 64

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TESTEIRAS DE MÉDIO FORMATO
2. Elementos Gráficos do
De dimensão intermediária, também
Sistema de Sinalização integra os elementos de identificação
da unidade hospitalar e seu vínculo
3. Sinalização Externa institucional.

É indicada para unidades médias, em


3.1 Sinalização Identificativa
prédios individuais, com fachada ampla
3.2 Sinalização Direcional / o suficiente para sua instalação, sem
desconsiderar o layout e as proporções
Orientativa
apresentadas.
3.3 Sinalização Informativa / É aplicada sempre onde é necessário
Educativa apontar o acesso principal.

4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário IMPORTANTE:

Verificar limitantes e condicionantes


da legislação municipal vigênte sobre
comunicação visual urbana.
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 65

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TESTEIRAS DE PEQUENO FORMATO
2. Elementos Gráficos do
Com as menores dimensões possíveis
Sistema de Sinalização para este tipo de indicação, também
integra os elementos de identificação
3. Sinalização Externa da unidade hospitalar e seu vínculo
institucional.
3.1 Sinalização Identificativa
É indicada para unidades pequenas, em
3.2 Sinalização Direcional / prédios individuais e/ou meio de quadra,
como marcação do acesso principal.
Orientativa
Sua diagramação sempre considera o
3.3 Sinalização Informativa / layout e proporções apresentadas na
Educativa respectiva página de detalhamento.

4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário IMPORTANTE:

Verificar limitantes e condicionantes


da legislação municipal vigênte sobre
comunicação visual urbana.
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 66

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TESTEIRA PARA IDENTIFICAÇÃO
2. Elementos Gráficos do ACESSO HOSPITAL
Sistema de Sinalização
HOSPITAL MARCA GRÁFICA
DA UNIVERSIDADE

3. Sinalização Externa NOME DA U NIVERSIDADE OU HOSPITAL

3.1 Sinalização Identificativa


3.2 Sinalização Direcional /
EXEMPLO TESTEIRA
Orientativa GRANDE FORMATO
Vista Frontal
3.3 Sinalização Informativa /
Educativa

4. Sinalização Interna

5. Sinalização HOSPITAL MARCA GRÁFICA


DA UNIVERSIDADE
NOM E DA U N IVE RSIDADE O U H OSPITAL
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança EXEMPLO TESTEIRA


MÉDIO FORMATO
Vista Frontal

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário HOSPITAL MARCA GRÁFICA


DA UNIVERSIDADE
NOM E DA U N IVE RSIDADE O U H OSPITAL

EXEMPLO TESTEIRA
PEQUENO FORMATO
Vista Frontal
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 67

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


ESTRUTURA DA TESTEIRA
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização 01. Estrutura tubular metálica principal, A 03 01 02

fixada à marquise (item 06) ou em


estrutura tubular independente (item 05).
3. Sinalização Externa
06
02. Contraventamentos em perfil metálico
3.1 Sinalização Identificativa “L”, soldados ao item 01.
3.2 Sinalização Direcional / 03. Estrutura secundária em perfil tubular
A
Orientativa metálico, que servirá para apoiar e fixar ESTRUTURA DA TESTEIRA
os mó dulos de ACM 3mm. Sugestão de detalhe técnico
3.3 Sinalização Informativa /
04. Reforço estrutural em perfil tubular
Educativa metálico soldado ao item 01.

05. Fixação das estruturas laterais


4. Sinalização Interna na alvenaria do corpo principal da
edificação, quando a viabilidade de
5. Sinalização fixação diretamente na marquise não for
05 04
possível.
Estacionamento e
Regulamentação Viária 06. Projeção de suposta viga existente na
marquise.

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da IMPORTANTE:
Sinalização
Conferir situação de instalação e ESTRUTURA DA TESTEIRA
Corte AA
dimensões no local antes da execução
8. Glossário e instalação da peça. A fixação da
estrutura e verificação das condições
do local, assim como o cálculo
estrutural e dimensões de perfis, são
de responsabilidade do fornecedor
executante, o qual deverá fornecer ART
de Projeto e Execução.
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 68

3. Sinalização Externa
13
09 12
11

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA 07


2. Elementos Gráficos do
TESTEIRAS DE GRANDE FORMATO HOSPITAL MARCA GRÁFICA
DA UNIVERSIDADE
NOME DA U NIVERSIDADE OU HOSPITAL
Sistema de Sinalização 07. Símbolo do Hospital em chapa de
08

acrílico e.: 10mm com recorte laser e


acabamento em pintura automotiva nas Vista Frontal 10 EXEMPLO DE TESTEIRA DE GRANDE FORMATO
3. Sinalização Externa Escala 1:100
cores do Hospital.
3.1 Sinalização Identificativa 08. Revestimento em chapa de ACM
3mm dobrado nas laterais na cor Branco
3.2 Sinalização Direcional /
Orientativa
Ebserh.

09. Acrílico e.: 10mm com recorte laser


HOSPITAL MARCA GRÁFICA
DA UNIVERSIDADE

3.3 Sinalização Informativa / e acabamento em pintura automotiva na NOME DA U NIVERSIDADE OU HOSPITAL


Educativa cor Cinza Ebserh.

10. Acrílico e.: 10mm com recorte laser Vista Frontal Grid
Escala 1:100 Área fixa
4. Sinalização Interna e acabamento em pintura automotiva na NÃO editar
cor Cinza Ebserh.

5. Sinalização 11. “EBSERH” em acrílico branco leitoso

HOSPITAL
Área fixa
e.: 5mm com recorte laser com letra H Área possível
Estacionamento e com acabamento em pintura automotiva
de edição MARCA GRÁFICA
NÃO editar

Regulamentação Viária na cor Verde Ebserh. NOME DA U NIVERSIDADE OU HOSPITAL


DA UNIVERSIDADE

“HOSPITAIS UNIVERSITÁRIOS FEDERAIS”


em vinil adesivo na cor branco.
6. Sinalização de Segurança Área de Não Interferência Área possível de edição
usar apenas uma linha
Área possível
de edição
12. Acrílico e.: 5mm com recorte laser de Escala 1:100
acordo com a marca da Universidade.
7. Guia Rápido para
Implantação da 13. Revestimento em chapa de ACM 3mm
28 43
dobrado nas laterais na cor Cinza Ebserh.
Sinalização 57 HOSPITAL
SÍMBOLO MARCA GRÁFICA
144 HOSPITAL UNIVERSIDADE
LOGO EBSERH 200
28,5 ESPAÇO ENTRE HOSPITAL E NOME DO HOSPITAL
8. Glossário 28,5 NOME DO HOSPITAL

FIXAÇÃO: 28 43
ACM: colado no perfil através de fita
dupla-face de espuma acrílica e de EXEMPLO DE DIMENSIONAMENTO DE TESTEIRA DE GRANDE FORMATO
56 144 60
adesivo transferível.
Acrílicos: Cola da alta resistência para
uso em áreas externas.
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 69

3. Sinalização Externa
13
09 12
11
07
1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA
TESTEIRAS DE MÉDIO FORMATO
HOSPITAL MARCA GRÁFICA
DA UNIVERSIDADE

2. Elementos Gráficos do 08 NOME DA U NIVE RSIDADE OU HOSPITAL

Sistema de Sinalização 07. Símbolo do Hospital em chapa de


Vista Frontal 10 EXEMPLO DE TESTEIRA DE MÉDIO FORMATO
acrílico e.: 10mm com recorte laser e Escala 1:100
acabamento em pintura automotiva nas
3. Sinalização Externa
cores do Hospital.
3.1 Sinalização Identificativa 08. Revestimento em chapa de ACM
3mm dobrado nas laterais na cor Branco
3.2 Sinalização Direcional /
Orientativa
Ebserh. HOSPITAL MARCA GRÁFICA
DA UNIVERSIDADE

09. Acrílico e.: 10mm com recorte laser NOME DA U NIVE RSIDADE OU HOSPITAL
3.3 Sinalização Informativa / e acabamento em pintura automotiva na
Educativa cor Cinza Ebserh. Vista Frontal Grid
Escala 1:100
10. Acrílico e.: 10mm com recorte laser
4. Sinalização Interna e acabamento em pintura automotiva na Área fixa
NÃO editar
cor Cinza Ebserh.
Área possível
5. Sinalização 11. “EBSERH” em acrílico branco leitoso de edição Área fixa

Estacionamento e
e.: 5mm com recorte laser com letra H HOSPITAL MARCA GRÁFICA
DA UNIVERSIDADE
NÃO editar
com acabamento em pintura automotiva
NOME DA U NIVE RSIDADE OU HOSPITAL
Regulamentação Viária na cor Verde Ebserh.
“HOSPITAIS UNIVERSITÁRIOS FEDERAIS” Área possível de edição Área possível
em vinil adesivo na cor branco. Área de Não Interferência
6. Sinalização de Segurança Escala 1:100
usar apenas uma linha de edição

12. Acrílico e.: 5mm com recorte laser de


acordo com a marca da Universidade.
7. Guia Rápido para
Implantação da 13. Revestimento em chapa de ACM 3mm
21,5 32
dobrado nas laterais na cor Cinza Ebserh.
Sinalização SÍMBOLO 43 HOSPITAL
107 HOSPITAL 21 ESPAÇO ENTRE HOSPITAL E NOME DO HOSPITAL
MARCA GRÁFICA
UNIVERSIDADE
LOGO EBSERH 150
22 NOME DO HOSPITAL

8. Glossário 21,5 32

FIXAÇÃO: EXEMPLO DE DIMENSIONAMENTO DE TESTEIRA DE MÉDIO FORMATO


ACM: colado no perfil através de fita 43 107 45
dupla-face de espuma acrílica e de
adesivo transferível.
Acrílicos: Cola da alta resistência para
uso em áreas externas.
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 70

3. Sinalização Externa
13
09 12
11

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA 07

2. Elementos Gráficos do
TESTEIRAS DE PEQUENO FORMATO HOSPITAL MARCA GRÁFICA
DA UNIVERSIDADE
NOME DA U NIVERSIDADE OU HOSPITAL
Sistema de Sinalização 07. Símbolo do Hospital em chapa de
08

acrílico e.: 10mm com recorte laser e


acabamento em pintura automotiva nas Vista Frontal 10 EXEMPLO DE TESTEIRA DE PEQUENO FORMATO
3. Sinalização Externa Escala 1:50
cores do Hospital.
3.1 Sinalização Identificativa 08. Revestimento em chapa de ACM
3mm dobrado nas laterais na cor Branco
3.2 Sinalização Direcional /
Orientativa
Ebserh.

09. Acrílico e.: 10mm com recorte laser


HOSPITAL MARCA GRÁFICA
DA UNIVERSIDADE

3.3 Sinalização Informativa / e acabamento em pintura automotiva na NOME DA U NIVERSIDADE OU HOSPITAL


Educativa cor Cinza Ebserh.

10. Acrílico e.: 10mm com recorte laser


Vista Frontal Grid
Escala 1:50 Área fixa
4. Sinalização Interna e acabamento em pintura automotiva na NÃO editar
cor Cinza Ebserh.

5. Sinalização 11. “EBSERH” em acrílico branco leitoso

HOSPITAL
Área fixa
e.: 5mm com recorte laser com letra H Área possível
Estacionamento e com acabamento em pintura automotiva
de edição MARCA GRÁFICA
NÃO editar
DA UNIVERSIDADE
Regulamentação Viária na cor Verde Ebserh. NOME DA U NIVERSIDADE OU HOSPITAL
“HOSPITAIS UNIVERSITÁRIOS FEDERAIS”
em vinil adesivo na cor branco.
6. Sinalização de Segurança Área de Não Interferência Área possível de edição
usar apenas uma linha
Área possível
de edição
12. Acrílico e.: 5mm com recorte laser de Escala 1:50
acordo com a marca da Universidade.
7. Guia Rápido para
Implantação da 13. Revestimento em chapa de ACM 3mm
14 21,5
dobrado nas laterais na cor Cinza Ebserh.
Sinalização 28,5 HOSPITAL
SÍMBOLO MARCA GRÁFICA
72 HOSPITAL UNIVERSIDADE
LOGO EBSERH 100
14,25 ESPAÇO ENTRE HOSPITAL E NOME DO HOSPITAL
8. Glossário 14,25 NOME DO HOSPITAL

FIXAÇÃO: 14 21,5
ACM: colado no perfil através de fita
dupla-face de espuma acrílica e de EXEMPLO DE DIMENSIONAMENTO DE TESTEIRA DE GRANDE FORMATO
28 72 30
adesivo transferível.
Acrílicos: Cola da alta resistência para
uso em áreas externas.
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 71

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TESTEIRA PARA IDENTIFICAÇÃO
2. Elementos Gráficos do DE ACESSO À ÁREAS
Sistema de Sinalização ESPECÍFICAS DO HOSPITAL
Elemento de identificação de acesso à
3. Sinalização Externa ÁREAS ESPECÍFICAS do Hospital.
3.1 Sinalização Identificativa Suas dimensões estão condicionadas
à arquitetura do edifício e suas relações
3.2 Sinalização Direcional / com o entorno urbano, que no seu projeto
Orientativa deve levar em consideração as diretrizes
da legislação municipal.
3.3 Sinalização Informativa /
A seguir apresentamos sugestões
Educativa
de aplicação considerando três
possíveis formatos.
4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário IMPORTANTE:

Verificar limitantes e condicionantes


da legislação municipal vigênte sobre
comunicação visual urbana.
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 72

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TESTEIRA PARA IDENTIFICAÇÃO
2. Elementos Gráficos do DE ACESSO À ÁREAS
Sistema de Sinalização ESPECÍFICAS DO HOSPITAL

3. Sinalização Externa TESTEIRAS DE GRANDE FORMATO


Apresenta-se como a maior dimensão
3.1 Sinalização Identificativa possível para este elemento, integrando
os elementos de identificação da unidade
3.2 Sinalização Direcional /
hospitalar e seu vínculo institucional.
Orientativa
É indicado para grandes unidades onde
3.3 Sinalização Informativa / é necessário indicar um acesso
Educativa específico à uma área do hospital.

Sua diagramação sempre considera o


4. Sinalização Interna layout e proporções apresentadas na
respectiva página de detalhamento.

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário IMPORTANTE:

Verificar limitantes e condicionantes


da legislação municipal vigênte sobre
comunicação visual urbana.
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 73

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TESTEIRA PARA IDENTIFICAÇÃO
2. Elementos Gráficos do DE ACESSO À ÁREAS
Sistema de Sinalização ESPECÍFICAS DO HOSPITAL

3. Sinalização Externa TESTEIRAS DE MÉDIO FORMATO


De dimensão intermediária, também
3.1 Sinalização Identificativa integra os elementos de identificação
da unidade hospitalar e seu vínculo
3.2 Sinalização Direcional /
institucional.
Orientativa
É indicada para unidades médias, em
3.3 Sinalização Informativa / prédios individuais, com fachada ampla
Educativa o suficiente para sua instalação, sem
desconsiderar o layout e as proporções
apresentadas.
4. Sinalização Interna
É aplicada sempre onde é necessário
apontar o acesso específico à uma
5. Sinalização área do hospital.
Estacionamento e Sua diagramação sempre considera o
Regulamentação Viária layout e proporções apresentadas na
respectiva página de detalhamento.
6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário IMPORTANTE:

Verificar limitantes e condicionantes


da legislação municipal vigênte sobre
comunicação visual urbana.
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 74

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TESTEIRA PARA IDENTIFICAÇÃO
2. Elementos Gráficos do DE ACESSO À ÁREAS
Sistema de Sinalização ESPECÍFICAS DO HOSPITAL

3. Sinalização Externa TESTEIRAS DE PEQUENO FORMATO


3.1 Sinalização Identificativa Com as menores dimensões possíveis
para este tipo de indicação, também
3.2 Sinalização Direcional / integra os elementos de identificação
Orientativa da unidade hospitalar e seu vínculo
institucional.
3.3 Sinalização Informativa /
É indicada para unidades pequenas, em
Educativa prédios individuais e/ou meio de quadra,
como marcação do acesso específico à
4. Sinalização Interna uma área do hospital.

Sua diagramação sempre considera o


5. Sinalização layout e proporções apresentadas na
respectiva página de detalhamento.
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário IMPORTANTE:

Verificar limitantes e condicionantes


da legislação municipal vigênte sobre
comunicação visual urbana.
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 75

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TESTEIRA PARA IDENTIFICAÇÃO
2. Elementos Gráficos do DE ACESSO À ÁREAS
Sistema de Sinalização ESPECÍFICAS DO HOSPITAL NOME DO HOSPITAL U NIVE RSITÁRIO
MARCA GRÁFICA

ÁREA ESPECÍFICA
DA UNIVERSIDADE

3. Sinalização Externa
3.1 Sinalização Identificativa
3.2 Sinalização Direcional /
EXEMPLO TESTEIRA
Orientativa GRANDE FORMATO
Vista Frontal
3.3 Sinalização Informativa /
Educativa

4. Sinalização Interna
NOM E D O H OSPITAL U N IVE RSITÁRIO
5. Sinalização MARCA GRÁFICA

ÁREA ESPECÍFICA
DA UNIVERSIDADE

Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança EXEMPLO TESTEIRA


MÉDIO FORMATO
Vista Frontal

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário NOM E D O H OSPITAL U N IVE RSITÁRIO

ÁRE A ESPECÍFICA
MARCA GRÁFICA
DA UNIVERSIDADE

EXEMPLO TESTEIRA
PEQUENO FORMATO
Vista Frontal
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 76

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TESTEIRA PARA IDENTIFICAÇÃO DE
2. Elementos Gráficos do ACESSO À ÁREAS ESPECÍFICAS DO
A 03 01 02
Sistema de Sinalização HOSPITAL

3. Sinalização Externa ESTRUTURA DA TESTEIRA 06

3.1 Sinalização Identificativa 01. Estrutura tubular metálica principal,


fixada à marquise (item 06) ou em
3.2 Sinalização Direcional / estrutura tubular independente (item 05). A
ESTRUTURA DA TESTEIRA
Orientativa 02. Contraventamentos em perfil metálico Sugestão de detalhe técnico
“L”, soldados ao item 01.
3.3 Sinalização Informativa /
Educativa 03. Estrutura secundária em perfil tubular
metálico, que servirá para apoiar e fixar
os mó dulos de ACM 3mm.
4. Sinalização Interna
04. Reforço estrutural em perfil tubular
metálico soldado ao item 01.
5. Sinalização 05 04
05. Fixação das estruturas laterais
Estacionamento e na alvenaria do corpo principal da
Regulamentação Viária edificação, quando a viabilidade de
fixação diretamente na marquise não for
possível.
6. Sinalização de Segurança
06. Projeção de suposta viga existente na
marquise.
7. Guia Rápido para
Implantação da
IMPORTANTE:
Sinalização ESTRUTURA DA TESTEIRA
Conferir situação de instalação e Corte AA
8. Glossário dimensões no local antes da execução
e instalação da peça. A fixação da
estrutura e verificação das condições
do local, assim como o cálculo
estrutural e dimensões de perfis, são
de responsabilidade do fornecedor
executante, o qual deverá fornecer ART
de Projeto e Execução.
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 77

3. Sinalização Externa
13
09 12
11

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA 07

NOME DO HOSPITAL U NIVERSITÁRIO


TESTEIRA PARA IDENTIFICAÇÃO DE MARCA GRÁFICA
2. Elementos Gráficos do
ÁREA ESPECÍFICA
DA UNIVERSIDADE
ACESSO À ÁREAS ESPECÍFICAS DO
Sistema de Sinalização HOSPITAL
08

Vista Frontal 10 EXEMPLO DE TESTEIRA DE GRANDE FORMATO


3. Sinalização Externa TESTEIRAS DE GRANDE FORMATO Escala 1:100

3.1 Sinalização Identificativa 07. Símbolo do Hospital em chapa de


acrílico e.: 10mm com recorte laser e
3.2 Sinalização Direcional / acabamento em pintura automotiva nas
cores do Hospital. NOME DO HOSPITAL U NIVERSITÁRIO
Orientativa MARCA GRÁFICA

ÁREA ESPECÍFICA
DA UNIVERSIDADE
08. Revestimento em chapa de ACM
3.3 Sinalização Informativa / 3mm dobrado nas laterais na cor Branco
Educativa Ebserh.
Vista Frontal Grid
09. Acrílico e.: 10mm com recorte laser Escala 1:100 Área possível de edição
4. Sinalização Interna e acabamento em pintura automotiva na usar apenas uma linha

cor Cinza Ebserh.


5. Sinalização 10. Acrílico e.: 10mm com recorte laser
Área possível NOME DO HOSPITAL U NIVERSITÁRIO Área fixa
Estacionamento e e acabamento em pintura automotiva na de edição MARCA GRÁFICA
NÃO editar

ÁREA ESPECÍFICA
cor Cinza Ebserh.
Regulamentação Viária DA UNIVERSIDADE

11. “EBSERH” em acrílico branco leitoso


e.: 5mm com recorte laser com letra H
6. Sinalização de Segurança com acabamento em pintura automotiva Área de Não Interferência Área possível de edição
usar apenas uma linha
Área possível
de edição
Escala 1:100
na cor Verde Ebserh.
7. Guia Rápido para “HOSPITAIS UNIVERSITÁRIOS FEDERAIS”
Implantação da em vinil adesivo na cor branco.
28 43
Sinalização 12. Acrílico e.: 5mm com recorte laser de 28,5 NOME DO HOSPITAL OU UNIVERSIDADE
acordo com a marca da Universidade. SÍMBOLO 28,5 ESPAÇO ENTRE HOSPITAL E ÁREA ESPECÍFICA MARCA GRÁFICA LOGO EBSERH 200
144 HOSPITAL UNIVERSIDADE
57 ÁREA ESPECÍFICA DO HOSPITAL
8. Glossário 13. Revestimento em chapa de ACM 3mm
dobrado nas laterais na cor Cinza Ebserh. 28 43

FIXAÇÃO: EXEMPLO DE DIMENSIONAMENTO DE TESTEIRA DE GRANDE FORMATO


ACM: colado no perfil através de fita 56 144 60
dupla-face de espuma acrílica e de
adesivo transferível.
Acrílicos: Cola da alta resistência para
uso em áreas externas.
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 78

3. Sinalização Externa
13
09 12
11
07
1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA NOME DO HOSPITAL U NIVE RSITÁRIO
MARCA GRÁFICA
TESTEIRA PARA IDENTIFICAÇÃO DE
ÁREA ESPECÍFICA
DA UNIVERSIDADE

2. Elementos Gráficos do ACESSO À ÁREAS ESPECÍFICAS DO


08

Sistema de Sinalização HOSPITAL Vista Frontal 10 EXEMPLO DE TESTEIRA DE MÉDIO FORMATO


Escala 1:100
3. Sinalização Externa TESTEIRA DE MÉDIO FORMATO

3.1 Sinalização Identificativa 07. Símbolo do Hospital em chapa de


acrílico e.: 10mm com recorte laser e
3.2 Sinalização Direcional / acabamento em pintura automotiva nas NOME DO HOSPITAL U NIVE RSITÁRIO
cores do Hospital. MARCA GRÁFICA
Orientativa
ÁREA ESPECÍFICA
DA UNIVERSIDADE

08. Revestimento em chapa de ACM


3.3 Sinalização Informativa / 3mm dobrado nas laterais na cor Branco
Educativa Ebserh.
Vista Frontal Grid
Escala 1:100
09. Acrílico e.: 10mm com recorte laser
4. Sinalização Interna e acabamento em pintura automotiva na
Área possível de edição
usar apenas uma linha
cor Cinza Ebserh.
Área possível
5. Sinalização 10. Acrílico e.: 10mm com recorte laser de edição
NOME DO HOSPITAL U NIVE RSITÁRIO
Área fixa
NÃO editar
Estacionamento e e acabamento em pintura automotiva na MARCA GRÁFICA

ÁREA ESPECÍFICA
DA UNIVERSIDADE

cor Cinza Ebserh.


Regulamentação Viária
11. “EBSERH” em acrílico branco leitoso
Área possível de edição Área possível
e.: 5mm com recorte laser com letra H Área de Não Interferência usar apenas uma linha
6. Sinalização de Segurança com acabamento em pintura automotiva
Escala 1:100
de edição

na cor Verde Ebserh.


7. Guia Rápido para “HOSPITAIS UNIVERSITÁRIOS FEDERAIS”
Implantação da em vinil adesivo na cor branco.
21,5 32
Sinalização 12. Acrílico e.: 5mm com recorte laser de
SÍMBOLO 43 HOSPITAL

acordo com a marca da Universidade. 107 HOSPITAL 21 ESPAÇO ENTRE HOSPITAL E NOME DO HOSPITAL
MARCA GRÁFICA
UNIVERSIDADE
LOGO EBSERH 150
22 NOME DO HOSPITAL

8. Glossário 13. Revestimento em chapa de ACM 3mm 21,5 32

dobrado nas laterais na cor Cinza Ebserh. EXEMPLO DE DIMENSIONAMENTO DE TESTEIRA DE MÉDIO FORMATO
43 107 45
FIXAÇÃO:
ACM: colado no perfil através de fita
dupla-face de espuma acrílica e de
adesivo transferível.
Acrílicos: Cola da alta resistência para
uso em áreas externas.
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 79

3. Sinalização Externa
13
09 12
11

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA 07

NOME DO HOSPITAL U NIVERSITÁRIO


TESTEIRA PARA IDENTIFICAÇÃO DE MARCA GRÁFICA
2. Elementos Gráficos do
ÁREA ESPECÍFICA
DA UNIVERSIDADE
ACESSO À ÁREAS ESPECÍFICAS DO
Sistema de Sinalização HOSPITAL
08

TESTEIRA DE PEQUENO FORMATO Vista Frontal 10 EXEMPLO DE TESTEIRA DE PEQUENO FORMATO


3. Sinalização Externa Escala 1:50

3.1 Sinalização Identificativa 07. Símbolo do Hospital em chapa de


acrílico e.: 10mm com recorte laser e
3.2 Sinalização Direcional / acabamento em pintura automotiva nas
cores do Hospital. NOME DO HOSPITAL U NIVERSITÁRIO
Orientativa MARCA GRÁFICA

ÁREA ESPECÍFICA
DA UNIVERSIDADE
08. Revestimento em chapa de ACM
3.3 Sinalização Informativa / 3mm dobrado nas laterais na cor Branco
Educativa Ebserh.
Vista Frontal Grid
09. Acrílico e.: 10mm com recorte laser Escala 1:50 Área possível de edição
4. Sinalização Interna e acabamento em pintura automotiva na usar apenas uma linha

cor Cinza Ebserh.


5. Sinalização 10. Acrílico e.: 10mm com recorte laser
Estacionamento e e acabamento em pintura automotiva na
Área possível NOME DO HOSPITAL U NIVERSITÁRIO Área fixa
NÃO editar
de edição MARCA GRÁFICA

ÁREA ESPECÍFICA
cor Cinza Ebserh.
Regulamentação Viária DA UNIVERSIDADE

11. “EBSERH” em acrílico branco leitoso


e.: 5mm com recorte laser com letra H
6. Sinalização de Segurança com acabamento em pintura automotiva Área de Não Interferência Área possível de edição
usar apenas uma linha
Área possível
de edição
Escala 1:50
na cor Verde Ebserh.
7. Guia Rápido para “HOSPITAIS UNIVERSITÁRIOS FEDERAIS”
Implantação da em vinil adesivo na cor branco.
14 21,5
Sinalização 12. Acrílico e.: 5mm com recorte laser de 14,25 NOME DO HOSPITAL OU UNIVERSIDADE
acordo com a marca da Universidade. SÍMBOLO 14,25 ESPAÇO ENTRE HOSPITAL E ÁREA ESPECÍFICA MARCA GRÁFICA LOGO EBSERH 100
72 HOSPITAL UNIVERSIDADE
28,5 ÁREA ESPECÍFICA DO HOSPITAL
8. Glossário 13. Revestimento em chapa de ACM 3mm
dobrado nas laterais na cor Cinza Ebserh. 14 21,5

FIXAÇÃO: EXEMPLO DE DIMENSIONAMENTO DE TESTEIRA DE PEQUENO FORMATO


ACM: colado no perfil através de fita 28 72 30
dupla-face de espuma acrílica e de
adesivo transferível.
Acrílicos: Cola da alta resistência para
uso em áreas externas.
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 80

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TESTEIRA PARA IDENTIFICAÇÃO
2. Elementos Gráficos do ACESSO EMERGÊNCIA
Sistema de Sinalização
Elemento de identificação de acesso à
emergência do hospital.
3. Sinalização Externa
Suas dimensões estão condicionadas
3.1 Sinalização Identificativa a arquitetura do edifício. Neste manual
apresentamos um regramento de
3.2 Sinalização Direcional / proporções para a correta adequação à
Orientativa situação existente.

3.3 Sinalização Informativa /


Educativa

4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário IMPORTANTE:

Verificar limitantes e condicionantes


da legislação municipal vigênte sobre
comunicação visual urbana.
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 81

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


EMERGÊNCIA
NOME DO HOSPITAL
U NIVERSITÁRIO DA
TESTEIRA PARA IDENTIFICAÇÃO REDE EBSERH

2. Elementos Gráficos do ACESSO EMERGÊNCIA


Sistema de Sinalização
Elemento de identificação de acesso à
emergência do hospital.
3. Sinalização Externa
Suas dimensões estão condicionadas
3.1 Sinalização Identificativa a arquitetura do edifício. Neste manual
apresentamos um regramento de
3.2 Sinalização Direcional / proporções para a correta adequação à
Orientativa situação existente.
EXEMPLO DE TESTEIRA EMERGÊNCIA DE GRANDE FORMATO

3.3 Sinalização Informativa /


Educativa
EMERGÊNCIA
NOME DO HOSPITAL
U NIVERSITÁRIO DA
REDE EBSERH

4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança
EXEMPLO DE TESTEIRA EMERGÊNCIA DE MÉDIO FORMATO

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização E M E RGÊN CIA
NOME DO HOSPITAL
UNIVERSITÁRIO DA
REDE EBSERH

8. Glossário IMPORTANTE:

Verificar limitantes e condicionantes


da legislação municipal vigênte sobre
comunicação visual urbana.

EXEMPLO DE TESTEIRA EMERGÊNCIA DE PEQUENO FORMATO


Projeto deSinalização
Manual de Sinalizaçãodos
Hospital Estadual
Hospitais Mário Covas
Universitários da Rede Ebserh 3. Sinalização Externa 82

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TESTEIRA PARA IDENTIFICAÇÃO DE
2. Elementos Gráficos do ACESSO À ÁREAS ESPECÍFICAS DO
A 03 01 02
Sistema de Sinalização HOSPITAL

3. Sinalização Externa ESTRUTURA DA TESTEIRA 06

3.1 Sinalização Identificativa 01. Estrutura tubular metálica principal,


fixada à marquise (item 06) ou em
3.2 Sinalização Direcional / estrutura tubular independente (item 05). A
ESTRUTURA DA TESTEIRA
Orientativa 02. Contraventamentos em perfil metálico Sugestão de detalhe técnico
“L”, soldados ao item 01.
3.3 Sinalização Informativa /
Educativa 03. Estrutura secundária em perfil tubular
metálico, que servirá para apoiar e fixar
os mó dulos de ACM 3mm.
4. Sinalização Interna
04. Reforço estrutural em perfil tubular
metálico soldado ao item 01.
5. Sinalização 05 04
05. Fixação das estruturas laterais
Estacionamento e na alvenaria do corpo principal da
Regulamentação Viária edificação, quando a viabilidade de
fixação diretamente na marquise não for
possível.
6. Sinalização de Segurança
06. Projeção de suposta viga existente na
marquise.
7. Guia Rápido para
Implantação da
IMPORTANTE:
Sinalização ESTRUTURA DA TESTEIRA
Conferir situação de instalação e Corte AA
8. Glossário dimensões no local antes da execução
e instalação da peça. A fixação da
estrutura e verificação das condições
do local, assim como o cálculo
estrutural e dimensões de perfis, são
de responsabilidade do fornecedor
executante, o qual deverá fornecer ART
de Projeto e Execução.
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 83

3. Sinalização Externa
08
07 10 12

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA

EMERGÊNCIA
TESTEIRA PARA IDENTIFICAÇÃO NOME DO HOSPITAL

2. Elementos Gráficos do ACESSO EMERGÊNCIA


U NIVERSITÁRIO DA
REDE EBSERH

Sistema de Sinalização
Vista Frontal EXEMPLO DE TESTEIRA EMERGÊNCIA DE GRANDE FORMATO
3. Sinalização Externa TESTEIRA DE GRANDE FORMATO Escala 1:100

3.1 Sinalização Identificativa


3.2 Sinalização Direcional / 07. Revestimento em chapa de ACM
3mm, dobrado nas laterais, na cor

EMERGÊNCIA
Orientativa Vermelho Emergência.
NOME DO HOSPITAL
U NIVERSITÁRIO DA
REDE EBSERH
3.3 Sinalização Informativa / 08. Revestimento em chapa de ACM
Educativa 3mm, dobrado nas laterais, na cor Cinza
Ebserh. Vista Frontal Grid
Escala 1:100 Área fixa
4. Sinalização Interna 10. Lettering EMERGÊNCIA em chapa de NÃO editar
acrílico na cor Branco opaco, e.: 10mm,
com recorte laser.
5. Sinalização
12. Acrílico branco leitoso e.: 5mm com

EMERGÊNCIA
Estacionamento e recorte laser de acordo com o NOME
NOME DO HOSPITAL
U NIVERSITÁRIO DA
Regulamentação Viária DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO DA REDE REDE EBSERH

EBSERH.
6. Sinalização de Segurança Área de Não Interferência Área possível
de edição
Escala 1:100

7. Guia Rápido para FIXAÇÃO: CENTRALIZADO


Implantação da ACM: colado no perfil através de fita
dupla-face de espuma acrílica e de 71,5
Sinalização
adesivo transferível. NOME DO HOSPITAL
71,5 EMERGÊNCIA UNIVERSITÁRIO DA 200
Acrílicos: Cola da alta resistência para
REDE EBSERH
8. Glossário uso em áreas externas.
57

EXEMPLO DE DIMENSIONAMENTO DE TESTEIRA EMERGÊNCIA DE GRANDE FORMATO


Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 84

3. Sinalização Externa
10 12
08
07

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


EMERGÊNCIA
NOME DO HOSPITAL
TESTEIRA PARA IDENTIFICAÇÃO U NIVERSITÁRIO DA
REDE EBSERH

2. Elementos Gráficos do ACESSO EMERGÊNCIA


Sistema de Sinalização Vista Frontal EXEMPLO DE TESTEIRA EMERGÊNCIA DE MÉDIO FORMATO
Escala 1:100
3. Sinalização Externa TESTEIRA DE MÉDIO FORMATO
3.1 Sinalização Identificativa
3.2 Sinalização Direcional / 07. Revestimento em chapa de ACM

EMERGÊNCIA
NOME DO HOSPITAL

Orientativa 3mm, dobrado nas laterais, na cor U NIVERSITÁRIO DA


REDE EBSERH
Vermelho Emergência.
3.3 Sinalização Informativa / 08. Revestimento em chapa de ACM
Educativa Vista Frontal Grid
3mm, dobrado nas laterais, na cor Cinza Escala 1:100
Ebserh.
4. Sinalização Interna 10. Lettering EMERGÊNCIA em chapa de
Área fixa
NÃO editar
acrílico na cor Branco opaco, e.: 10mm,
com recorte laser.
5. Sinalização
EMERGÊNCIA
NOME DO HOSPITAL

Estacionamento e 12. Acrílico branco leitoso e.: 5mm com U NIVERSITÁRIO DA


REDE EBSERH
recorte laser de acordo com o NOME
Regulamentação Viária DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO DA REDE
EBSERH. Área possível
Área de Não Interferência de edição
6. Sinalização de Segurança Escala 1:100

7. Guia Rápido para FIXAÇÃO: CENTRALIZADO


Implantação da ACM: colado no perfil através de fita
53,5
Sinalização dupla-face de espuma acrílica e de NOME DO HOSPITAL
adesivo transferível. 53,5 EMERGÊNCIA UNIVERSITÁRIO DA 150
REDE EBSERH
Acrílicos: Cola da alta resistência para 43
8. Glossário uso em áreas externas.
EXEMPLO DE DIMENSIONAMENTO DE TESTEIRA EMERGÊNCIA DE MÉDIO FORMATO
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 85

3. Sinalização Externa
08
07 10 12

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA

EMERGÊNCIA
TESTEIRA PARA IDENTIFICAÇÃO NOME DO HOSPITAL

2. Elementos Gráficos do ACESSO EMERGÊNCIA


U NIVERSITÁRIO DA
REDE EBSERH

Sistema de Sinalização
Vista Frontal EXEMPLO DE TESTEIRA EMERGÊNCIA DE PEQUENO FORMATO
3. Sinalização Externa TESTEIRA DE PEQUENO FORMATO Escala 1:50

3.1 Sinalização Identificativa


3.2 Sinalização Direcional / 07. Revestimento em chapa de ACM

EMERGÊNCIA
Orientativa 3mm, dobrado nas laterais, na cor NOME DO HOSPITAL
Vermelho Emergência. U NIVERSITÁRIO DA
REDE EBSERH
3.3 Sinalização Informativa / 08. Revestimento em chapa de ACM
Educativa 3mm, dobrado nas laterais, na cor Cinza
Ebserh. Vista Frontal Grid
Escala 1:50 Área fixa
4. Sinalização Interna 10. Lettering EMERGÊNCIA em chapa de NÃO editar

acrílico na cor Branco opaco, e.: 10mm,


com recorte laser.
5. Sinalização

EMERGÊNCIA
Estacionamento e 12. Acrílico branco leitoso e.: 5mm com NOME DO HOSPITAL
recorte laser de acordo com o NOME U NIVERSITÁRIO DA
Regulamentação Viária DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO DA REDE
REDE EBSERH

EBSERH.
6. Sinalização de Segurança Área de Não Interferência Área possível
de edição
Escala 1:50

7. Guia Rápido para FIXAÇÃO:


CENTRALIZADO
Implantação da ACM: colado no perfil através de fita
35,75
Sinalização dupla-face de espuma acrílica e de
adesivo transferível. NOME DO HOSPITAL
35,75 EMERGÊNCIA UNIVERSITÁRIO DA 100
Acrílicos: Cola da alta resistência para REDE EBSERH
8. Glossário uso em áreas externas. 28,5

EXEMPLO DE DIMENSIONAMENTO DE TESTEIRA EMERGÊNCIA DE PEQUENO FORMATO


Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 86

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


ASSINATURA DE FACHADA
2. Elementos Gráficos do
Elemento de identificação do hospital
Sistema de Sinalização para visualização à longa distância
aplicados em fachadas.
3. Sinalização Externa Neste manual há um regramento de
proporções de tamanhos entre os
3.1 Sinalização Identificativa
elementos (símbolo, letras, marca
3.2 Sinalização Direcional / universidade e logo Ebserh) para
serem utilizados de acordo com os
Orientativa
condicionantes arquitetônicos e
3.3 Sinalização Informativa / urbanísticos priorizando pontos focais
com boa visualização para ruas e
Educativa
avenidas que dão acesso ao hospital.

4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário IMPORTANTE:

Verificar limitantes e condicionantes


da legislação municipal vigênte sobre
comunicação visual urbana.
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 87

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA Medida X

1X
Sem escala
ASSINATURA DE FACHADA
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização 01. Letra caixa em chapa de aço
galvanizado com acabamento em pintura
automotiva nas cores da marca do
3. Sinalização Externa
hospital.
3.1 Sinalização Identificativa 02. Letra caixa em chapa de aço 4X 5,5X 2X 12,5X

galvanizado com acabamento em pintura


3.2 Sinalização Direcional /
automotiva na cor Cinza Ebserh.
Orientativa

4X
03. Letra caixa em chapa de aço 01 02
3.3 Sinalização Informativa / galvanizado com acabamento em pintura
Educativa automotiva na cor Cinza Ebserh.

HOSPITAL

1,15X 1X 1,8X
04. Letra caixa em chapa de aço centralizado

5,5X
4. Sinalização Interna galvanizado com acabamento em pintura
automotiva de acordo com a marca da NOME DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO
Universidade.
5. Sinalização
05. Letra caixa em chapa de aço

3X
Estacionamento e galvanizado com acabamento em pintura
03

Regulamentação Viária automotiva de acordo com a marca 04


MARCA
Ebserh. GRÁFICA DA

4X
6. Sinalização de Segurança ILUMINAÇÃO. Prever iluminação frontlight UNIVERSIDADE
respeitando o projeto arquitetônico.

1X 1X
7. Guia Rápido para
Implantação da IMPORTANTE:
05
Conferir situação de instalação e
Sinalização dimensões no local antes da execução

centralizado
e instalação da peça. A fixação da
8. Glossário estrutura e verificação das condições
do local, assim como o cálculo
estrutural e dimensões de perfis, são
de responsabilidade do fornecedor
executante, o qual deverá fornecer ART
de Projeto e Execução.
Vista frontal
Sem escala
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 88

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TOTEM IDENTIFICAÇÃO EDIFÍCIOS
2. Elementos Gráficos do OU UNIDADES
Sistema de Sinalização
Elemento de identificação de edifícios
e unidades, para visualização à média
3. Sinalização Externa distância.

3.1 Sinalização Identificativa Como todos os elementos que


participam da paisagem edificada, seu
3.2 Sinalização Direcional / posicionamento esta condicionado à
Orientativa arquitetura e ao paisagismo do edifício
ao qual irá identificar.
3.3 Sinalização Informativa /
Educativa

4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário IMPORTANTE:

Verificar limitantes e condicionantes


da legislação municipal vigênte sobre
comunicação visual urbana.
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 89

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TOTEM IDENTIFICAÇÃO EDIFÍCIOS
2. Elementos Gráficos do OU UNIDADES
Sistema de Sinalização
São constituidos de um volume fechado
por chapa de ACM 3mm (alumínio
3. Sinalização Externa composto), e podem ser utilizados em Bloco Bloco
quatro modelos ou versões, conforme

A A
3.1 Sinalização Identificativa apresentados ao lado:

Casa da Mulher
3.2 Sinalização Direcional / Versão Bloco com mapa
Orientativa Versão Bloco

3.3 Sinalização Informativa / Versão Pictograma e nomenclatura


Educativa Versão Nomenclatura

Radiologia
4. Sinalização Interna EMERGÊNCIA

BLOCO A
VOCÊ
ESTÁ
AQUI BLOCO B Bloco Cirúrgico

RUA 2
Internação

AVENIDA JOÃO DA SILVA


RUA 1
5. Sinalização

RUA 4
UTI
Maternidade
Estacionamento e
RUA 3

BLOCO C

Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
VERSÃO MAPA VERSÃO BLOCO VERSÃO PICTOGRAMA VERSÃO NOMENCLATURA
Vista Frontal
Escala 1:25
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 90

Dobra do ACM

3. Sinalização Externa Vista Superior


Estrutura - Escala 1:20
70cm 12cm

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TOTEM IDENTIFICAÇÃO EDIFÍCIOS
2. Elementos Gráficos do OU UNIDADES - ESTRUTURA
Sistema de Sinalização
01. Estrutura tubular metálica das faces
soldada ao item 03.
3. Sinalização Externa
02. Perfil metálico “T” para suporte do
3.1 Sinalização Identificativa revestimento item 07 e 08. Peça soldada
no item 01. 01
3.2 Sinalização Direcional /
03. Estrutura principal através de perfil
Orientativa tubular metálico e contraventada com 02
perfil “T” soldada na estrutura principal.
3.3 Sinalização Informativa /
Educativa 04. Reforço estrutural em perfil tubular
metálico soldado ao item 03.

250cm

250cm
03
4. Sinalização Interna 05. Base em chapa metálica para fixação

260cm

260cm
através de parafusos parabolt chumbados
no item 06. Chapa soldada no item 03.
5. Sinalização 04
06. Sapata de concreto moldada no local.
Estacionamento e FCK do concreto deve ser definido em
Regulamentação Viária projeto estrutural de responsabilidade do Dobra do ACM
fornecedor executante.
Vista Superior
6. Sinalização de Segurança Estrutura - Escala 1:20
70cm 12cm

7. Guia Rápido para


Implantação da 05
IMPORTANTE:
Sinalização
Conferir situação de instalação e
06
8. Glossário dimensões no local antes da execução
e instalação da peça. A fixação da

10

10
estrutura e verificação das condições
Sapata de concreto com dimensões
do local, assim como o cálculo de acordo com cálculo estrutural
que é de responsabilidade do
estrutural e dimensões de perfis, são 01 fornecedor executante.
de responsabilidade do fornecedor
executante, o qual deverá fornecer ART Vista Frontal Vista Lateral
de Projeto e Execução. 02 Estrutura - Escala 1:20 Estrutura - Escala 1:20
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 91

3. Sinalização Externa
70cm 12cm*

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TOTEM IDENTIFICAÇÃO EDIFÍCIOS

20

20
2. Elementos Gráficos do OU UNIDADES - REVESTIMENTO
07

Sistema de Sinalização
08
07. Revestimento em chapa de ACM 3mm
3. Sinalização Externa dobrado nas laterais na cor Cinza Ebserh.

70

70
08. Vinil adesivo na cor Branco Ebserh.
3.1 Sinalização Identificativa
09. Vinil adesivo na cor Cinza Ebserh.
3.2 Sinalização Direcional /
10. Revestimento em chapa de ACM
Orientativa 3mm dobrado nas laterais na cor Branco

10

10
Ebserh.
3.3 Sinalização Informativa /

Radiologia
09
Educativa
10
4. Sinalização Interna

260cm

260cm
5. Sinalização
Estacionamento e * medida de acordo
com cálculo estrutural
Regulamentação Viária que é de responsabilidade
do fornecedor executante.

150

150
6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização Iluminação oriunda
do piso/jardim com
direcionamento para
o totem nas duas faces.

8. Glossário

10

10
FIXAÇÃO:

ACM: colado no perfil através de fita


dupla-face de espuma acrílica e de
adesivo transferível.
Vista Frontal Vista Lateral
Escala 1:20 Escala 1:20
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 92

3. Sinalização Externa
70cm 12cm*

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA 07

TOTEM IDENTIFICAÇÃO EDIFÍCIOS


Bloco

20

20
2. Elementos Gráficos do OU UNIDADES - REVESTIMENTO

A
Sistema de Sinalização
08
07. Revestimento em chapa de ACM 3mm
3. Sinalização Externa dobrado nas laterais na cor Cinza Ebserh.
09

70

70
08. Vinil adesivo na cor Branco Ebserh.
3.1 Sinalização Identificativa
09. Vinil adesivo na cor Cinza Ebserh.
3.2 Sinalização Direcional /
10. Revestimento em chapa de ACM
Orientativa 3mm dobrado nas laterais na cor Branco
Ebserh.
3.3 Sinalização Informativa /

20

20
10
Educativa
Bloco Cirúrgico
4. Sinalização Interna Internação

260cm

260cm
UTI
Maternidade
5. Sinalização
Estacionamento e 11
* medida de acordo
com cálculo estrutural
Regulamentação Viária que é de responsabilidade
do fornecedor executante.

140

140
6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização Iluminação oriunda
do piso/jardim com
direcionamento para
o totem nas duas faces.

8. Glossário

10

10
FIXAÇÃO:

ACM: colado no perfil através de fita


dupla-face de espuma acrílica e de
adesivo transferível.
Vista Frontal Vista Lateral
Escala 1:20 Escala 1:20
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 93

3. Sinalização Externa
70cm 12cm*

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA 07

TOTEM IDENTIFICAÇÃO EDIFÍCIOS

20
2. Elementos Gráficos do OU UNIDADES - REVESTIMENTO

Casa da Mulher
Sistema de Sinalização
08
07. Revestimento em chapa de ACM
3. Sinalização Externa 3mm dobrado nas laterais na cor Branco
Ebserh.
3.1 Sinalização Identificativa 08. Vinil adesivo na cor Cinza Ebserh.
3.2 Sinalização Direcional /

135cm
Orientativa
3.3 Sinalização Informativa /
Educativa

250cm
4. Sinalização Interna

260cm

260cm
5. Sinalização
Estacionamento e * medida de acordo
com cálculo estrutural
Regulamentação Viária que é de responsabilidade
do fornecedor executante.

6. Sinalização de Segurança

95
7. Guia Rápido para
Implantação da
Sinalização Iluminação oriunda
do piso/jardim com
FIXAÇÃO: direcionamento para
o totem nas duas faces.

8. Glossário
ACM: colado no perfil através de fita

10

10
dupla-face de espuma acrílica e de
adesivo transferível.

Vista Frontal Vista Lateral


Escala 1:20 Escala 1:20
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 94

3. Sinalização Externa
70cm 12cm*

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA 07

TOTEM IDENTIFICAÇÃO EDIFÍCIOS


Bloco

20

20
2. Elementos Gráficos do OU UNIDADES - REVESTIMENTO

A
Sistema de Sinalização
08
07. Revestimento em chapa de ACM
3. Sinalização Externa 3mm dobrado nas laterais na cor Branco
Ebserh. 09

70

70
3.1 Sinalização Identificativa 08. Vinil adesivo na cor Cinza Ebserh.
3.2 Sinalização Direcional / 10. Mapa direcional em vinil adesivo
Orientativa
3.3 Sinalização Informativa /

20
10
Educativa EMERGÊNCIA

BLOCO A
VOCÊ
ESTÁ
AQUI BLOCO B

RUA 2

AVENIDA JOÃO DA SILVA


RUA 1
4. Sinalização Interna

RUA 4

260cm

260cm
RUA 3

BLOCO C

5. Sinalização
Estacionamento e

160
* medida de acordo
11 com cálculo estrutural
Regulamentação Viária que é de responsabilidade
do fornecedor executante.

140
6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização Iluminação oriunda
do piso/jardim com
direcionamento para
o totem nas duas faces.

8. Glossário FIXAÇÃO:

10

10
ACM: colado no perfil através de fita
dupla-face de espuma acrílica e de
adesivo transferível.

Vista Frontal Vista Lateral


Escala 1:20 Escala 1:20
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 3. Sinalização Externa 95

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TOTEM IDENTIFICAÇÃO EDIFÍCIOS
2. Elementos Gráficos do OU UNIDADES - DIAGRAMAÇÃO
Sistema de Sinalização
Para a diagramação dos elementos de
3. Sinalização Externa informação no corpo do totem, deve-se Área para identificação Área para identificação
respeitar o regramento da disposição da informação da informação
de Bloco ou Área de Bloco ou Área
3.1 Sinalização Identificativa dos mesmos conforme as orientações
ao lado.
Bloco Bloco

A A

Texto linha 1
Texto linha 2
Alinhamento do texto
3.2 Sinalização Direcional /
Orientativa
Área para pictograma, Área para pictograma,
letra ou número que letra ou número que
3.3 Sinalização Informativa / identifique áreas identifique áreas
do hospital do hospital
Educativa Área para identificação
específica de um serviço
representado por um
pictograma
4. Sinalização Interna
Área para o mapa Área para identificação

Radiologia
Alinhamento do texto
direcional dos serviços

5. Sinalização EMERGÊNCIA

BLOCO A
VOCÊ
ESTÁ
AQUI BLOCO B Bloco Cirúrgico

RUA 2
Internação
Estacionamento e

AVENIDA JOÃO DA SILVA


Área para identificação

RUA 1

RUA 4
RUA 3
UTI específica de um serviço
Regulamentação Viária BLOCO C
Maternidade escrita em destaque
no sentido vertical

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

60cm

60cm

60cm

60cm
8. Glossário

Vista Frontal Grid Área de Não Interferência


Escala 1:25
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 96

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TESTEIRA IDENTIFICAÇÃO
2. Elementos Gráficos do ACESSOS / SETORES
Sistema de Sinalização
Juntamente com os totens, ou na
impossibilidade do uso destes, pode-se
3. Sinalização Externa aplicar este elemento de identificação
de edifícios e unidades, também para
3.1 Sinalização Identificativa visualização à média e curta distância.
3.2 Sinalização Direcional / No seu layout são utilizados apenas o
Orientativa pictograma referente à especilidade e o
respectivo descritivo.
3.3 Sinalização Informativa /
Educativa

4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 97

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TESTEIRA IDENTIFICAÇÃO
2. Elementos Gráficos do ACESSOS / SETORES
Sistema de Sinalização
01. Caixa em estrutura tubular com
revestimento em chapa de aço 40cm largura variável de acordo com largura da porta - (40cm)
3. Sinalização Externa galvanizado com acabamento em pintura
automotiva na cor branca e aplicação de

Radiologia
3.1 Sinalização Identificativa informações em vinil adesivo (ver cores

40cm
na tabela cromática). 01
3.2 Sinalização Direcional / base alinhada com
Para versão iluminada a face frontal da topo do vão da porta
Orientativa
peça é em acrílico branco leitoso e.:
3.3 Sinalização Informativa / 5mm e iluminada internamente com LEDs
Educativa IP67, 3.000ºK.

4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
IMPORTANTE:
Sinalização
Conferir situação de instalação e
8. Glossário dimensões no local antes da execução
e instalação da peça. A fixação da
estrutura e verificação das condições
do local, assim como o cálculo
estrutural e dimensões de perfis, são
de responsabilidade do fornecedor
executante, o qual deverá fornecer ART Vista Frontal Vista Lateral
Escala 1:25 Escala 1:25
de Projeto e Execução.
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 98

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


TESTEIRA IDENTIFICAÇÃO
2. Elementos Gráficos do ACESSOS / SETORES
Sistema de Sinalização
Deve-se respeitar o regramento da
3. Sinalização Externa disposição dos elementos de informação
conforme as orientações ao lado.
3.1 Sinalização Identificativa
3.2 Sinalização Direcional /
Orientativa
3.3 Sinalização Informativa /
Educativa

4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Radiologia
Estacionamento e Vista Frontal Grid
Regulamentação Viária Escala 1:25

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 99

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


PLACA IDENTIFICAÇÃO DE PORTÃO
2. Elementos Gráficos do DE ACESSO
Sistema de Sinalização
Elemento de identificação de portões de
acesso de veículos ao hospital.
3. Sinalização Externa
Item utilizado a partir do estudo, em
3.1 Sinalização Identificativa planta baixa, da área de terreno sob
o domínio da instuição, para orientar
3.2 Sinalização Direcional / e denominar sequencialmente os
Orientativa acessos permitidos ao corpo técnico,
colaboradores e fornecedores da
3.3 Sinalização Informativa / instituição.
Educativa

4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 100

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


PLACA IDENTIFICAÇÃO DE PORTÃO
2. Elementos Gráficos do DE ACESSO
Sistema de Sinalização
É um item composto por moldura
metálica sobre a qual é aplicado um 70cm 70cm
3. Sinalização Externa envelopamento em chapa de alumínio
composto (ACM), recortada, dobrada e Portão
3.1 Sinalização Identificativa

1
colada.
3.2 Sinalização Direcional / As informações constituem-se na

70cm

70cm
verso ACM

Orientativa aplicação de vinil autoadesivo de recorte


02
(texto e numeral).
3.3 Sinalização Informativa /
02. Revestimento em chapa de alumínio
Educativa composto, recortado e dobrado nas
01
laterais na cor Cinza Ebserh.
4. Sinalização Interna 03. Informações em vinil autoadesivo de

PAREDE
recorte na cor branco.
5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

190cm
6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário

Vista Frontal Vista Posterior Vista Lateral


Revestimento - Escala 1:25 Estrutura - Escala 1:25 Escala 1:25
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 3. Sinalização Externa 101

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


PLACA IDENTIFICAÇÃO DE PORTÃO
2. Elementos Gráficos do DE ACESSO Portão Portão Portão Portão
Sistema de Sinalização

1 2 3 4
Deve-se respeitar o regramento da
3. Sinalização Externa disposição dos elementos de informação
conforme as orientações ao lado.
3.1 Sinalização Identificativa
3.2 Sinalização Direcional /
Orientativa
3.3 Sinalização Informativa / Portão Portão Portão Portão

5 6 7 8
Educativa

4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária Portão Portão Portão Portão

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
9 10 11 12
Sinalização Vista Frontal Grid
Escala 1:25

8. Glossário
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 102

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


PLACA DE IDENTIFICAÇÃO DE
2. Elementos Gráficos do ACESSOS SERVIÇOS (CARGA E
Sistema de Sinalização DESCARGA)
Elemento de identificação de acesso para
3. Sinalização Externa veículos de serviço.
3.1 Sinalização Identificativa Além do uso do item anteriormente
apresentado, pode ser necessária a
3.2 Sinalização Direcional / complementação de informações de
Orientativa ordem operacional, especialmente para
acessos de Carga e Descarga.
3.3 Sinalização Informativa /
Para tanto, utiliza-se um complemento
Educativa
de painel, composto também por um
requadro metálico recoberto por chapa
4. Sinalização Interna de alumínio composto (ACM), cortada,
dobrada e colada, e com as informações
aplicadas em vinil autoadesivo de
5. Sinalização recorte, conforme as especificações a
Estacionamento e seguir.
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 103

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


IDENTIFICAÇÃO DE ACESSOS
2. Elementos Gráficos do SERVIÇOS (CARGA E DESCARGA)
Sistema de Sinalização
01. Estrutura interna em perfil metálico
galvanizado, que recebe uma base em
3. Sinalização Externa perfil tipo barra chata de alumínio para
colagem do acabamento frontal e lateral 7cm 7cm
3.1 Sinalização Identificativa em ACM 3mm.
70cm 140cm 70cm 140cm

3.2 Sinalização Direcional / 02. Revestimento em chapa de alumínio


composto, recortado e dobrado nas
Portão Exclusivo
Orientativa

3
laterais, na cor Cinza Ebserh.
3.3 Sinalização Informativa / Acesso de serviço verso ACM verso ACM

70cm
03. Informações em vinil autoadesivo na
Educativa cor branco. Carga e descarga
4. Sinalização Interna
02 01

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

190cm
7. Guia Rápido para
Implantação da
Sinalização

8. Glossário

Vista Frontal Vista Posterior


Revestimento - Escala 1:25 Estrutura - Escala 1:25
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 3. Sinalização Externa 104

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.1. SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


IDENTIFICAÇÃO DE ACESSOS
2. Elementos Gráficos do Portão Exclusivo
SERVIÇOS (CARGA E DESCARGA)

1
Sistema de Sinalização
Deve-se respeitar o regramento da Acesso de serviço
3. Sinalização Externa disposição dos elementos de informação
conforme as orientações ao lado.
Carga e descarga
3.1 Sinalização Identificativa
3.2 Sinalização Direcional /
Orientativa Portão Exclusivo

2
3.3 Sinalização Informativa /
Educativa
Acesso funcionários
4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e Portão Exclusivo

3
Regulamentação Viária
Acesso de serviço
6. Sinalização de Segurança
Carga e descarga
7. Guia Rápido para
Implantação da
Sinalização Vista Frontal Grid
Escala 1:25

8. Glossário
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 105

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.2 SINALIZAÇÃO DIRECIONAL / ORIENTATIVA


CONJUNTO DE ELEMENTOS DE SINALIZAÇÃO DIRECIONAL EXTERNA
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização

3. Sinalização Externa Este conjunto de elementos destina-se


a orientar motoristas de veículos e
3.1 Sinalização Identificativa pedestres. Sua instalação deverá seguir
3.2 Sinalização Direcional / os critérios apresentados a seguir.

Orientativa Da mesma forma como considerado nos


Totens para Identificação de Prédios, as
3.3 Sinalização Informativa / dimensões e quantidades de informações
Educativa nestes elementos estão condicionadas à
arquitetura dos edifícios e ao paisagismo
do entorno em que serão instalados.
4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança
MAPA DO HOSPITAL
Bloco A
7. Guia Rápido para
Radiologia Radiologia

Radiologia Bloco B
Bloco C
Bloco B
Bloco C

Implantação da EMERGÊNCIA EMERGÊNCIA

Sinalização IMPORTANTE: EMERGÊNCIA Ambulatório


Consultas
Exames
Ambulatório
Consultas
Exames
VOCÊ
ESTÁ
AQUI

Avaliar aplicação conforme legislação


8. Glossário municipal sobre comunicação visual em
ambientes externos, caso a necessidade
de identificação do prédio se faça externa
ao terreno da edificação ou conjunto
destas.
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 3. Sinalização Externa 106

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.2 SINALIZAÇÃO DIRECIONAL / ORIENTATIVA


PLACA DIRECIONAL VIÁRIA (VEÍCULOS)
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Item direcional utilizado para sinalizar
3. Sinalização Externa fluxos e circulação de veículos dentro da
área de terreno da instituição.
3.1 Sinalização Identificativa
Pode possuir blocos de informações com
3.2 Sinalização Direcional / critérios iguais de divulgação (mesmas
cores), ou diferentes, marcados por cores
Orientativa
distintas.
3.3 Sinalização Informativa / Se posicionado junto à circulação de
Educativa pedestres, pode complementar as
informações de circulação com os outros
elementos que completam este conjunto.
4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 107

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.2 SINALIZAÇÃO DIRECIONAL / ORIENTATIVA


PLACA DIRECIONAL VIÁRIA (VEÍCULOS)
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Elemento composto por pedestal em 5cm

3. Sinalização Externa tubos galvanizados Ø 2,0”, com sapatas 10cm

moldadas no local ou, conforme avaliada


3.1 Sinalização Identificativa a condição do local para instalação, Vista Superior
Escala 1:25
a opção pelo uso de flanges de base
3.2 Sinalização Direcional / Ø 10,0cm com fixadores mecãnicos
Orientativa tipo parabolt. Estas hastes são unidas Sapata moldada no Fundação
local, com hastes moldada no local, com
por um requadro em perfil cantoneira anti-giro apiloadas. hastes fixadas com parabolt.
3.3 Sinalização Informativa / de abas iguais bitola 2,0”, com 160cm

Educativa espessura conforme cálculo estrutural, e 38cm 122cm

abraçadeiras metálicas.

4. Sinalização Interna A área para informações é disponibilizada


em chapa de alumínio composto (ACM) Bloco A

49cm
fixada ao requadro metálico, com setas,
5. Sinalização textos e fundos de cores diferenciadas Radiologia
Estacionamento e

100cm

100cm
em vinil autoadesivo de recorte, nas

2
Regulamentação Viária referencias previstas neste manual.

49cm
EMERGÊNCIA
6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

110cm

110cm
8. Glossário

Vista Frontal Vista Lateral


Escala 1:25 Escala 1:25
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 3. Sinalização Externa 108

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.2 SINALIZAÇÃO DIRECIONAL / ORIENTATIVA


PLACA DIRECIONAL VIÁRIA (VEÍCULOS)
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Deve-se respeitar o regramento da
3. Sinalização Externa disposição dos elementos de informação Bloco A
conforme as orientações ao lado. Bloco B Bloco A
3.1 Sinalização Identificativa
Recepção principal Radiologia
3.2 Sinalização Direcional /
Orientativa Bloco C
Bloco D EMERGÊNCIA
3.3 Sinalização Informativa /
Educativa Saída
Versão duas direções Versão duas direções com emergência
4. Sinalização Interna
Vista Frontal Grid Vista Frontal Grid
Escala 1:25 Escala 1:25
5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária
Bloco A Recepção Principal
6. Sinalização de Segurança Bloco B Bloco A
Recepção Principal Bloco B
7. Guia Rápido para Bloco C
Implantação da
Saída
Sinalização Saída
8. Glossário Versão três direções Versão uma direção

Vista Frontal Grid Vista Frontal Grid


Escala 1:25 Escala 1:25
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 3. Sinalização Externa 109

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.2 SINALIZAÇÃO DIRECIONAL / ORIENTATIVA


TOTEM DIRECIONAL PEDESTRES
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Elemento de sinalização direcional,
3. Sinalização Externa indicando os serviços que são prestados
pelas diversas unidades de um complexo
3.1 Sinalização Identificativa hospitalar.

3.2 Sinalização Direcional / Suas dimensões estão condicionadas


à distancia de leitura e ao paisagismo
Orientativa
do entorno imediato onde ele se insere,
3.3 Sinalização Informativa / priorizando a proximidade com os fluxos
para veículos e pedestres.
Educativa
A seguir apresentamos um regramento
de proporções para a correta adequação
4. Sinalização Interna à situação existente.

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
IMPORTANTE:

Avaliar aplicação conforme legislação


municipal sobre comunicação visual em
ambientes externos, caso a necessidade
de indicação de serviços se faça externa
ao terreno da edificação ou conjunto
destas.
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 110

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.2 SINALIZAÇÃO DIRECIONAL / ORIENTATIVA


TOTEM DIRECIONAL PEDESTRES - REVESTIMENTO
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Estrutura interna em tubo metalon
3. Sinalização Externa galvanizado, em peças soldadas, com
sapatas moldadas no local e base em
3.1 Sinalização Identificativa chapa metálica, com furação para a
inserção de fixadores mecânicos tipo
3.2 Sinalização Direcional / parabolt.
60cm 15cm 60cm
Orientativa
07. Fechamento externo com chapa de
3.3 Sinalização Informativa / ACM 3mm na cor Branco Ebserh.

Educativa 08. As informações (textos) e fundos Radiologia Recepção


de cores diferenciadas são aplicados Bloco B 08 Principal
Bloco C Saída
em vinil autoadesivo de recorte, nas
4. Sinalização Interna referencias previstas neste manual.
EMERGÊNCIA 08 EMERGÊNCIA

5. Sinalização 08 Ambulatório 07 Ambulatório

Estacionamento e Consultas
Exames
Consultas
Exames
Regulamentação Viária

200cm
190cm

200cm
190cm
6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário FIXAÇÃO:

10cm

10cm
ACM: colado no perfil através de fita
dupla-face de espuma acrílica e de
adesivo transferível.
Acrílicos: Cola da alta resistência para
uso em áreas externas. Vista Frontal Vista Lateral Vista Posterior
Escala 1:25 Escala 1:25 Escala 1:25
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 111

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.2 SINALIZAÇÃO DIRECIONAL / ORIENTATIVA


TOTEM DIRECIONAL PEDESTRES - ESTRUTURA Dobra do ACM
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização Vista Superior
01. Estrutura tubular metálica das faces Estrutura - Escala 1:50
soldada ao item 03.
3. Sinalização Externa
02. Perfil metálico “T” para suporte do
3.1 Sinalização Identificativa revestimento item 07 e 08. Peça soldada
no item 01.
3.2 Sinalização Direcional /
03. Estrutura principal através de perfil 60cm 15cm
Orientativa tubular metálico e contraventada com
perfil “T” soldada na estrutura principal.
3.3 Sinalização Informativa /
Educativa 04. Reforço estrutural em perfil tubular 01
metálico soldado ao item 03.

4. Sinalização Interna 05. Base em chapa metálica para fixação


através de parafusos parabolt chumbados
no item 06. Chapa soldada no item 03.
5. Sinalização 02
06. Sapata de concreto moldada no local.
Estacionamento e FCK do concreto deve ser definido em 03

200cm
Regulamentação Viária

190cm
projeto estrutural de responsabilidade do 04

200cm
fornecedor executante.
6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
IMPORTANTE:
Sinalização
Conferir situação de instalação e 05
8. Glossário dimensões no local antes da execução
e instalação da peça. A fixação da

5 5
06
estrutura e verificação das condições
Sapata de concreto com dimensões
do local, assim como o cálculo de acordo com cálculo estrutural
estrutural e dimensões de perfis, são que é de responsabilidade do
fornecedor executante.
de responsabilidade do fornecedor
executante, o qual deverá fornecer ART Vista Lateral
Vista Frontal
de Projeto e Execução. Escala 1:25 Estrutura - Escala 1:25
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 3. Sinalização Externa 112

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.2 SINALIZAÇÃO DIRECIONAL / ORIENTATIVA


TOTEM DIRECIONAL PEDESTRES - DIAGRAMAÇÃO
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
O regramento para a disposição dos
3. Sinalização Externa elementos de informação deve ser
respitado, seguindo as orientações ao
3.1 Sinalização Identificativa lado.

3.2 Sinalização Direcional /


Orientativa
3.3 Sinalização Informativa /
Educativa Radiologia Recepção Radiologia Recepção
Bloco B Principal Bloco B Principal
Bloco C Saída Bloco C Saída
4. Sinalização Interna EMERGÊNCIA EMERGÊNCIA
Ambulatório Ambulatório
Consultas Consultas
5. Sinalização Ambulatório
Consultas
Ambulatório
Consultas Exames Exames
Estacionamento e Exames Exames
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário

Versão com emergência Versão com emergência Versão sem emergência Versão sem emergência

Vista Frontal Grid Vista Posterior Grid Vista Frontal Grid Vista Posterior Grid
Escala 1:25 Escala 1:25 Escala 1:25 Escala 1:25
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 3. Sinalização Externa 113

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.2 SINALIZAÇÃO DIRECIONAL / ORIENTATIVA


PLACA DIRECIONAL PEDESTRES
2. Elementos Gráficos do (AUTOPORTANTE / PAREDE)
Sistema de Sinalização
Este item de sinalização direcional é
3. Sinalização Externa indicando para orientar a disponibilidade
dos serviços que são prestados pelas
3.1 Sinalização Identificativa diversas unidades de um complexo
hospitalar a partir de um ponto de leitura
3.2 Sinalização Direcional / interno.
Orientativa
Suas dimensões estão ajustadas à
3.3 Sinalização Informativa / legilbilidade e leiturabilidade de curta
distância.
Educativa
Na sequência apresentamos os
regramento de proporções para a
4. Sinalização Interna correta execução e diagramação das
informações.
5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 114

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.2 SINALIZAÇÃO DIRECIONAL / ORIENTATIVA


PLACA DIRECIONAL PEDESTRES
2. Elementos Gráficos do (AUTOPORTANTE / PAREDE)
Sistema de Sinalização
01. Requadro interno em tubo metalon
3. Sinalização Externa galvanizado, em peças soldadas, com 60cm
3,0cm
furação para a inserção de fixadores 15cm 45cm 02 60cm

3.1 Sinalização Identificativa mecânicos tipo parafuso + bucha, para


Detalhe 1
fixação na alvenaria das paredes, ou
3.2 Sinalização Direcional / fechamentos utilizando sistemas de
Radiologia 01
Orientativa construção a seco.
Bloco B
3.3 Sinalização Informativa / 02. Acabamento externo com chapa de Bloco C
Detalhe 1
ACM 3mm na cor Branco Ebserh. Escala 1:10

90cm
Educativa verso ACM

90cm
EMERGÊNCIA
03. Setas (direcionais) em chapa de
acrílico (PMMA) e=5,0mm, na cor Branco
4. Sinalização Interna opaco, recortadas a laser e aplicadas
Ambulatório
Consultas
coladas sobre a chapa de ACM 3mm.
Exames
5. Sinalização

PAREDE
04. As informações (textos) e fundos
Estacionamento e

parede
de cores diferenciadas são aplicados
03 04
Regulamentação Viária em vinil autoadesivo de recorte, nas
referencias previstas neste manual.

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para

120cm
Implantação da
Sinalização

8. Glossário FIXAÇÃO:

ACM: colado no perfil através de fita


dupla-face de espuma acrílica e de
adesivo transferível.
Acrílicos: Cola da alta resistência para
Vista Frontal Vista Lateral Vista Posterior
Escala 1:20 Escala 1:20 Escala 1:20
uso em áreas externas.
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 3. Sinalização Externa 115

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.2 SINALIZAÇÃO DIRECIONAL / ORIENTATIVA


PLACA DIRECIONAL PEDESTRES (AUTOPORTANTE / PAREDE)
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Deve-se respeitar o regramento da
3. Sinalização Externa disposição dos elementos de informação
conforme as orientações ao lado.
3.1 Sinalização Identificativa
3.2 Sinalização Direcional /
Orientativa
3.3 Sinalização Informativa / Radiologia Radiologia Radiologia Radiologia
Educativa Bloco B Bloco B Bloco B Bloco B
Bloco C Bloco C Bloco C Bloco C

4. Sinalização Interna EMERGÊNCIA EMERGÊNCIA


Ambulatório
5. Sinalização Ambulatório Consultas
Consultas Exames
Estacionamento e Exames
Regulamentação Viária
Versão com emergência e duas direções Versão com emergência e uma direção Versão sem emergência e duas direções Versão sem emergência e uma direção
6. Sinalização de Segurança
Vista Frontal Grid Vista Frontal Grid Vista Frontal Grid Vista Frontal Grid
Escala 1:20 Escala 1:20 Escala 1:20 Escala 1:20
7. Guia Rápido para
Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 3. Sinalização Externa 116

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.2 SINALIZAÇÃO DIRECIONAL / ORIENTATIVA


MAPA DIRETÓRIO
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização É uma peça que destina-se à informação
e compreensão da relação entre os
ambientes que cercam quem o consulta,
3. Sinalização Externa com clareza e objetividade na sua
apresentação.
3.1 Sinalização Identificativa
São instalados em locais junto às
3.2 Sinalização Direcional / entradas da instituição, corredores,
Orientativa hall de elevadores ou pontos de grande
concentração e/ou fluxo de pessoas,
3.3 Sinalização Informativa / auxiliando no direcionamento destas aos
Educativa seus destinos, localizando espacialmente
seus usuários.

4. Sinalização Interna Construído basicamente sobre a planta


de locação da entidade, busca auxílio
na representação volumétrica e de
5. Sinalização níveis das unidades para facilitar sua
Estacionamento e compreensão.
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 117

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.2 SINALIZAÇÃO DIRECIONAL / ORIENTATIVA


MAPA DIRETÓRIO
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização 01. Estrutura interna (requadro) em tubos
metalon galvanizados, soldados entre si.

3. Sinalização Externa 02. Fechamento da estrutura com chapa


200cm
3,0cm
de alumínio composto recortada, dobrada
3.1 Sinalização Identificativa e colada, composto (ACM), Branco 01
Ebserh.

20cm
3.2 Sinalização Direcional / 03 MAPA DO HOSPITAL
03. Informações da testeira em vinil
Orientativa
autoadesivo de recorte, nas cores 02
3.3 Sinalização Informativa / referenciadas neste manual.

Educativa 04. As informações (textos e ilustrações

120cm
dos prédios) da parte inferior do mapa
são impressas digitalmente (UV)

100cm
4. Sinalização Interna sobre vinil autoadesivo cast Branco
VOCÊ

(durabilidade de 8 anos). ESTÁ


AQUI

5. Sinalização 04

Estacionamento e
Regulamentação Viária

PAREDE
6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da

90cm
Sinalização

8. Glossário

Vista Frontal Vista Lateral


Escala 1:20 Escala 1:20
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 3. Sinalização Externa 118

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.2 SINALIZAÇÃO DIRECIONAL / ORIENTATIVA


MAPA DIRETÓRIO MAPA DO HOSPITAL
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização Simulação de mapa.
Cada hospital deverá produzir
O regramento para a disposição o seu mapa de acordo
com as edificações e o entorno.
3. Sinalização Externa dos elementos de informação deve
obrigatoriamente ser seguido, conforme
3.1 Sinalização Identificativa as orientações ao lado.

3.2 Sinalização Direcional / VOCÊ


ESTÁ
AQUI

Orientativa
3.3 Sinalização Informativa /
Educativa

4. Sinalização Interna Vista Frontal Grid


Escala 1:20

5. Sinalização
Estacionamento e Área fixa
NÃO editar
Regulamentação Viária MAPA DO HOSPITAL

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para Mapa:


Área possível de edição
Implantação da
Sinalização VOCÊ
ESTÁ
AQUI

8. Glossário

Área de Não Interferência


Escala 1:50
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 119

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.3. SINALIZAÇÃO INFORMATIVA / EDUCATIVA


CONJUNTO DE ELEMENTOS DE SINALIZAÇÃO INFORMATIVA EXTERNA
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização

3. Sinalização Externa As peças que fazem parte deste conjunto


destinam-se a divulgar informações
3.1 Sinalização Identificativa referentes aos procedimentos e usos que
ambientes e equipamentos sugerem aos
3.2 Sinalização Direcional / seus usuários.
Orientativa
Informações como horário de
3.3 Sinalização Informativa / atendimento, operações e processos,
além de indicações de segurança e alerta
Educativa
constam destes itens.

4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária
MAPA DO HOSPITAL
Radiologia
Bloco B
Bloco C EMERGÊNCIA

6. Sinalização de Segurança
SAÍDA DE ATENÇÃO AVISO
EMERGÊNCIA
EMERGÊNCIA Bloco A Risco de queda.
Usar o corrimão.
Permitido somente
um acompanhante

Bloco C por paciente.

Ambulatório
Consultas

7. Guia Rápido para


VOCÊ

Exames ESTÁ
AQUI

Empurre Empurre
Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 3. Sinalização Externa 120

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.3. SINALIZAÇÃO INFORMATIVA / EDUCATIVA


PLACA INFORMATIVA HORÁRIO DE
2. Elementos Gráficos do FUNCIONAMENTO
Sistema de Sinalização
Placa que informa os períodos de
3. Sinalização Externa atendimento adotados nos hospitais.

3.1 Sinalização Identificativa


3.2 Sinalização Direcional /
Orientativa
3.3 Sinalização Informativa /
Educativa

4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 121

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.3. SINALIZAÇÃO INFORMATIVA / EDUCATIVA


PLACA INFORMATIVA HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização 01. Estrutura interna (requadro) em tubos
metalon galvanizados, soldados entre si.

3. Sinalização Externa 02. Fechamento da estrutura com chapa


de alumínio composto (ACM) recortada,
3.1 Sinalização Identificativa dobrada e colada, Branco Ebserh.

3.2 Sinalização Direcional / 03. Informações da testeira em vinil


autoadesivo cast de recorte na cor Cinza
Orientativa
Ebserh.
60cm
3.3 Sinalização Informativa / 04. As informações (textos) da parte
0,3cm

Educativa inferior da placa também são recortadas 01

15cm
em vinil autoadesivo cast, na cor 03
HORÁRIO HORÁRIO
especificada neste Manual.
4. Sinalização Interna Segunda à sábado: Segunda à sábado:

60cm
02
00h até às 00h 00h até às 00h

45cm
5. Sinalização Domingos e feriados: Domingos e feriados:
04
Estacionamento e 00h até às 00h 00h até às 00h

Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da

120cm
Sinalização

8. Glossário

PAREDE
Vista Frontal Vista Frontal Vista Lateral
Escala 1:20 Revestimento - Escala 1:20 Revestimento - Escala 1:20
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 3. Sinalização Externa 122

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.3. SINALIZAÇÃO INFORMATIVA / EDUCATIVA


PLACA INFORMATIVA HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Para a organização das informações
3. Sinalização Externa no corpo da placa, deve-se respeitar o
regramento da disposição dos elementos
3.1 Sinalização Identificativa conforme as orientações ao lado.
Área fixa

HORÁRIO HORÁRIO
NÃO editar
3.2 Sinalização Direcional /
Orientativa
3.3 Sinalização Informativa /
Educativa Segunda à sábado: Segunda à sábado:

4. Sinalização Interna
00h até às 00h 00h até às 00h Área possível
de edição

Domingos e feriados: Domingos e feriados:


5. Sinalização
Estacionamento e 00h até às 00h 00h até às 00h
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança Vista Frontal Grid Área de Não Interferência


Escala 1:10 Escala 1:10

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 123

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.3. SINALIZAÇÃO INFORMATIVA / EDUCATIVA


PLACAS DE PROIBIÇÃO / RESTRIÇÃO / AVISOS / CUIDADOS
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização 01. Estrutura interna (requadro) em tubos
metalon galvanizados, soldados entre si.
30cm 0,3cm 30cm
3. Sinalização Externa 02. Fechamento da estrutura com chapa
de alumínio composto (ACM) recortada,
3.1 Sinalização Identificativa dobrada e colada, Branco Ebserh. 02 01

CUIDADO

12cm
3.2 Sinalização Direcional / 03. Informações e conteúdos em vinil
autoadesivo cast de recorte, nas cores 03
Orientativa
especificadas neste Manual. Risco de queda.

42cm

42cm
verso ACM

42cm
3.3 Sinalização Informativa / Usar o corrimão.
03

30cm
Educativa
CUIDADO

PAREDE
4. Sinalização Interna Risco de queda.
Usar o corrimão.

5. Sinalização Vista Frontal Vista Lateral Vista Posterior


Estacionamento e Escala 1:10 Escala 1:10 Escala 1:10

Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança
AVISO
7. Guia Rápido para
Implantação da Permitido somente
um acompanhante
Sinalização por paciente.

8. Glossário

Detalhe A Artes
Escala 1:2,5 Escala 1:10

Vista Frontal
Escala 1:20
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 3. Sinalização Externa 124

3. Sinalização Externa

3.3. SINALIZAÇÃO INFORMATIVA / EDUCATIVA


1. Introdução
PLACAS DE PROIBIÇÃO / RESTRIÇÃO / AVISOS / CUIDADOS
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Para a diagramação dos diferentes CUIDADO AVISO
elementos e informações que constituem
3. Sinalização Externa o leque de opções que apresentam-
se nestas placas, deve-se respeitar o Risco de queda. Permitido somente
3.1 Sinalização Identificativa
regramento da sua disposição conforme Usar o corrimão. um acompanhante
3.2 Sinalização Direcional / as orientações ao lado. por paciente.

Orientativa
3.3 Sinalização Informativa /
Educativa
Vista Frontal Grid
Escala 1:10
4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e Área fixa Área fixa

CUIDADO
NÃO editar NÃO editar
Regulamentação Viária AVISO

6. Sinalização de Segurança Risco de queda.


Área possível
de edição Permitido somente
Área possível
de edição
Usar o corrimão. um acompanhante
7. Guia Rápido para por paciente.

Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Área de Não Interferência
Escala 1:10
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 3. Sinalização Externa 125

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.3. SINALIZAÇÃO INFORMATIVA / RESTRITIVA / SEGURANÇA


ADESIVOS PUXE E EMPURRE
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Estes adesivos são utilizados para
3. Sinalização Externa demarcar aberturas com panos de
vidro que eventualmente passam
3.1 Sinalização Identificativa despercebidos por usuários,
especialmente os com baixo índice de
3.2 Sinalização Direcional / visão.
Orientativa
Ao mesmo tempo informam sobre o
3.3 Sinalização Informativa / procedimento correto a ser adotado na
operação da(s) folha(s) de uma porta de
Educativa
vidro, para o ingresso ou saída de um
ambiente.
4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 126

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.3. SINALIZAÇÃO INFORMATIVA / RESTRITIVA / SEGURANÇA


ADESIVOS PUXE E EMPURRE
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
01. Faixa em película de vinil autoadesivo
3. Sinalização Externa para vidro com efeito jateado.

3.1 Sinalização Identificativa 02. Quadros em vinil autoadesivo


de recorte na cor Branco Ebserh, e
3.2 Sinalização Direcional / informações em vinil autoadesivo de
Orientativa recorte na cor Cinza Escuro.

3.3 Sinalização Informativa /


Educativa

4. Sinalização Interna dimensão variável = largura da porta

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

5 10cm 5
01
Empurre Empurre

20cm
02

6. Sinalização de Segurança
50cm 50cm

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

100cm
8. Glossário

Centralizada na porta

Centralizada na porta
FIXAÇÃO:
ACM: colado no perfil através de fita
dupla-face de espuma acrílica e de
adesivo transferível.
Acrílicos: Cola da alta resistência para
uso em áreas externas. Vista Frontal
Escala 1:20
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 127

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.3. SINALIZAÇÃO INFORMATIVA / RESTRITIVA / SEGURANÇA


ADESIVOS PUXE E EMPURRE
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
01. Faixa em película de vinil autoadesivo
3. Sinalização Externa para vidro com efeito jateado.

3.1 Sinalização Identificativa 02. Quadros em vinil autoadesivo de


recorte na cor branco, e informações em
3.2 Sinalização Direcional / vinil autoadesivo de recorte na cor Cinza
Orientativa Escuro.

3.3 Sinalização Informativa /


Educativa

4. Sinalização Interna dimensão variável = largura da porta

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

5 10cm 5
01
Puxe Puxe

20cm
02

6. Sinalização de Segurança
50cm 50cm

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

100cm
8. Glossário

Centralizada na porta

Centralizada na porta
FIXAÇÃO:
ACM: colado no perfil através de fita
dupla-face de espuma acrílica e de
adesivo transferível.
Acrílicos: Cola da alta resistência para
uso em áreas externas. Vista Frontal
Escala 1:20
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 3. Sinalização Externa 128

3. Sinalização Externa

1. Introdução 3.3. SINALIZAÇÃO INFORMATIVA / RESTRITIVA / SEGURANÇA


ADESIVOS PUXE E EMPURRE
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Para a correta diagramação dos
3. Sinalização Externa elementos que constituem este item, ADESIVO JATEADO
deve-se respeitar o regramento da
3.1 Sinalização Identificativa disposição conforme as orientações ao
lado.
Empurre
3.2 Sinalização Direcional /
Orientativa
Vista Frontal Grid
Escala 1:10
3.3 Sinalização Informativa /
Educativa

4. Sinalização Interna ADESIVO JATEADO

5. Sinalização Puxe
Estacionamento e
Regulamentação Viária
Vista Frontal Grid
Escala 1:10
6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
4. Sinalização Interna
Este capítulo apresenta os elementos de sinalização interna definidos para a
Voltar para o sumário rede de hospitais. Contempla os itens de sinalização identificativa, direcional,
informativa e restritiva para uso nos ambientes internos.
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 130

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.1 SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


CONJUNTO DE ELEMENTOS DE SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA INTERNA
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização

3. Sinalização Externa
Centro Centro
Ambulatorial Ambulatorial Centro Ambulatorial

4. Sinalização Interna NOME DO HOSPITAL


Recepção Central

4.1 Sinalização Identificativa Área VERDE

Exames
Laboratórios
Consultórios
Centro Ambulatorial

4.2 Sinalização Direcional /


Posto de Enfermagem

Orientativa
4.3 Sinalização Informativa
/ Restritiva / Segurança /
Educativa

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança
Centro Centro
Ambulatorial Ambulatorial Centro Ambulatorial Posto de Enfermagem

7. Guia Rápido para


Implantação da Área VERDE Área LARANJA
4º Exames e
Procedimentos
01 001

Sinalização
Andar Especiais Consultório Acesso Restrito

Exames Bloco Cirúrgico


Laboratórios Internação
Consultórios UTI
Centro Ambulatorial Maternidade
Posto de Enfermagem Consultórios

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 131

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.1 SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


ASSINATURA VISUAL RECEPÇÕES
2. Elementos Gráficos do E AMBIENTES ESPECIAIS
Sistema de Sinalização
Os itens apresentados aqui servem
3. Sinalização Externa para evidenciar, numa recepção, a
identificação, designação e os vínculos
institucionais que a unidade possui como
4. Sinalização Interna entidade vinculada.
4.1 Sinalização Identificativa Não possuem requadros ou molduras,
pois tem a intenção de serem percebidos
4.2 Sinalização Direcional / com mais leveza e integrados ao espaço
Orientativa em que estão instalados.

4.3 Sinalização Informativa


/ Restritiva / Segurança /
Educativa

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 132

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.1 SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


ASSINATURA VISUAL RECEPÇÕES
2. Elementos Gráficos do E AMBIENTES ESPECIAIS
Sistema de Sinalização
01. Marca recortada a laser, em chapa
de acrílico (PMMA) branco, espessura
3. Sinalização Externa Medida X

1X
respeitando o critério de e=3X/10, com Sem escala
acabamento final em tinta automotiva.

4. Sinalização Interna 02. Nome da instituição recortado a laser


em chapa de acrílico (PMMA) branco,
4.1 Sinalização Identificativa espessura respeitando critério de
e=altura da letra/10, com acabamento
4.2 Sinalização Direcional / final em tinta automotiva. 01 02 05
Orientativa 3X 1X 5X 1X
03. Designação do ambiente ou serviço
4.3 Sinalização Informativa recortado a laser em chapa de acrílico
/ Restritiva / Segurança / (PMMA) branco, espessura respeitando
centralizado NOME DO HOSPITAL MARCA GRÁFICA

1X
DA UNIVERSIDADE
Recepção Central
Educativa o critério de e=altura da letra/10, com
acabamento final em tinta automotiva. 03 04

5. Sinalização 04. Marca da universidade recortada em


chapa de acrílico (PMMA) branco,
Estacionamento e e máx.=3,0mm, com acabamento final
Regulamentação Viária em tinta automotiva.

05. Marca EBSERH recortada em chapa


6. Sinalização de Segurança

centralizado pelo balcão da recepção


de acrílico (PMMA) branco, espessura
180cm

respeitando o critério de e=X/10, com


acabamento final em tinta automotiva
7. Guia Rápido para
nas cores oficiais.
Implantação da
PINTURA:
Sinalização Todas as tintas aplicadas são acrescidas
de fosqueante universal, até atingir
8. Glossário o aspecto fosco. Verificar tabela do
fabricante para esta adição.

FIXAÇÃO:
ACM: colado no perfil através de fita
dupla-face de espuma acrílica e de
adesivo transferível. Acrílicos: Cola da alta Vista Frontal
resistência para uso em áreas externas. Escala 1:25
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 133

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.1 SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


IDENTIFICAÇÃO DE ALAS / SETORES / SALAS (AÉREAS / PAREDE)
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Modelo de placa indicativa suspensa,
3. Sinalização Externa que destina-se a indicar frações menores
do espaço de uma unidade, fazendo
referencia especialmente aos serviços
4. Sinalização Interna de suporte às principais operações da
instituição.
4.1 Sinalização Identificativa
Apoiam-se no uso combinado de
4.2 Sinalização Direcional / pictograma e texto, como uma forma de
Orientativa ampliar a eficiência da sua comunicação.

4.3 Sinalização Informativa


/ Restritiva / Segurança /
Educativa

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 134

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.1 SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


IDENTIFICAÇÃO DE ALAS / SETORES / SALAS (AÉREAS / PAREDE)
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização 01. Placa suspensa em estrutura tubular
revestida com chapa de ACM 3mm
Branco Ebserh, recortado e dobrado nas
3. Sinalização Externa
laterais e na base. Recebe informações
em vinil adesivo recorte eletrônico nas
4. Sinalização Interna cores Cinza Ebserh e Branco Ebserh.

4.1 Sinalização Identificativa 02. Fixação através de cabo de aço 02


aparafusado na laje ou na estrutura do
4.2 Sinalização Direcional / forro/telhado. Centro

25cm

25cm
01
Orientativa Ambulatorial

4.3 Sinalização Informativa 25cm 75cm 25cm

/ Restritiva / Segurança / 100cm larg


Educativa

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

230cm
6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para IMPORTANTE:


Implantação da Conferir situação de instalação e
Sinalização dimensões no local antes da execução
e instalação da peça. A fixação da
estrutura e verificação das condições
8. Glossário do local, assim como o cálculo
estrutural e dimensões de perfis, são
de responsabilidade do fornecedor
executante, o qual deverá fornecer ART
de Projeto e Execução.
Vista Frontal Modelo suspensa Mod
Escala 1:25
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 135

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.1 SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


IDENTIFICAÇÃO DE ALAS / SETORES / SALAS (AÉREAS / PAREDE)
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Deve-se respeitar o regramento da
3. Sinalização Externa disposição dos elementos de informação
conforme as orientações ao lado.

4. Sinalização Interna
4.1 Sinalização Identificativa Centro
4.2 Sinalização Direcional /
Orientativa
Ambulatorial
4.3 Sinalização Informativa
Vista Frontal Grid
/ Restritiva / Segurança / Escala 1:10
Educativa

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança
Centro Ambulatorial
7. Guia Rápido para
Implantação da
Sinalização Vista Frontal Grid
Escala 1:10

8. Glossário
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 136

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.1 SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


IDENTIFICAÇÃO DE ALAS / SETORES / SALAS (AÉREAS / PAREDE)
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Modelo de placa indicativa de parede,
3. Sinalização Externa que destina-se a indentificar frações
menores do espaço de uma unidade,
3.1 Sinalização Identificativa fazendo referencia especialmente
aos serviços de suporte às principais
3.2 Sinalização Direcional / operações da instituição.
Orientativa
Apoiam-se no uso combinado de
3.3 Sinalização Informativa / pictograma e texto, como uma forma de
ampliar a eficiência da sua comunicação.
Educativa

4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 137

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.1 SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


IDENTIFICAÇÃO DE ALAS / SETORES / SALAS (AÉREAS / PAREDE)
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização 01. Placa em chapa de ACM ou acrílico
e.: 6mm Branco Ebserh. Recebe
informações em vinil adesivo recorte
3. Sinalização Externa
eletrônico nas cores Cinza Ebserh e
Branco.
4. Sinalização Interna
02. Fixação em parede através de
4.1 Sinalização Identificativa bastidor em chapa de alumínio 02
Centralizada verticalmente Centralizada verticalmente
aparafusado na parede e placa fixada 01
4.2 Sinalização Direcional / no bastidor através de fita dupla-face de
Centro Centro Alinhado com o topo
25cm Centro Ambulatorial

25cm
Orientativa espuma acrílica e de adesivo transferível.
Ambulatorial
01
Ambulatorial
01
da guarnição da porta
4.3 Sinalização Informativa 25cm 75cm 25cm porta + guarnição - (25cm)
/ Restritiva / Segurança / 100cm largura porta + guarnição
Educativa

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária
230cm

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da IMPORTANTE:

Sinalização Conferir situação de instalação e


dimensões no local antes da execução
e instalação da peça. A fixação da
8. Glossário estrutura e verificação das condições
do local, assim como o cálculo
estrutural e dimensões de perfis, são
de responsabilidade do fornecedor
executante, o qual deverá fornecer ART
de Projeto e Execução.
Vista Frontal Modelo suspensa Modelo porta simples Modelo porta dupla Vista Frontal
Escala 1:25 Escala 1:25
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 138

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.1 SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


IDENTIFICAÇÃO DE ALAS / SETORES / SALAS (AÉREAS / PAREDE)
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização Centro
3. Sinalização Externa
Deve-se respeitar o regramento da
disposição dos elementos de informação
Ambulatorial
conforme as orientações ao lado.

4. Sinalização Interna Vista Frontal Grid


Escala 1:10

4.1 Sinalização Identificativa


4.2 Sinalização Direcional /
Orientativa
4.3 Sinalização Informativa
/ Restritiva / Segurança /
Educativa

5. Sinalização
Centro Ambulatorial
Estacionamento e
Regulamentação Viária Vista Frontal Grid
Escala 1:10

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 139

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.1 SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


IDENTIFICAÇÃO DE ALAS / SETORES / SALAS (AÉREAS / PAREDE)
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Modelo de placa indicativa de setores,
3. Sinalização Externa que destina-se a identificar os serviços
prestados dentro da área demarcada
3.1 Sinalização Identificativa pela cor (setores). Segue a cor utilizada
na ambientação, com saturação da cor
3.2 Sinalização Direcional / na placa mais forte que a parede, com
Orientativa os serviços prestados sobre a cor Cinza
Ebserh.
3.3 Sinalização Informativa /
Para esta sinalização utiliza-se apenas
Educativa
textos com a nomenclatura dos
respectivos serviços.
4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 140

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.1 SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


IDENTIFICAÇÃO DE ALAS / SETORES / SALAS (AÉREAS / PAREDE)
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização 01. Placa em chapa de acrílico e.: 6mm
na cor Cinza Ebserh. Recebe informações
em vinil adesivo recorte eletrônico na cor
3. Sinalização Externa
Branco Ebserh e faixas na cor do setor
em vinil adesivo conforme a cor utilizada
4. Sinalização Interna na setorização (ver cores de ambientação
e sinalização).
35cm
4.1 Sinalização Identificativa
02. Fixação em parede através de
4.2 Sinalização Direcional / bastidor em chapa de alumínio
Orientativa

35cm
aparafusado na parede e placa fixada
no bastidor através de fita dupla-face de
4.3 Sinalização Informativa espuma acrílica e de adesivo transferível.

80cm
Área VERDE
/ Restritiva / Segurança / Área VERDE

35cm
Bloco Cirúrgico

Educativa Internação
UTI
Maternidade
Consultórios

Bloco Cirúrgico
5. Sinalização

10
Internação
UTI
Estacionamento e Maternidade
Regulamentação Viária Consultórios

6. Sinalização de Segurança

115cm
7. Guia Rápido para
Vista Frontal Grid
Implantação da IMPORTANTE: Escala 1:10
Sinalização Conferir situação de instalação e
dimensões no local antes da execução
8. Glossário e instalação da peça. A fixação da
estrutura e verificação das condições Vista Frontal
do local, assim como o cálculo Escala 1:25
estrutural e dimensões de perfis, são
de responsabilidade do fornecedor
executante, o qual deverá fornecer ART
de Projeto e Execução.
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 141

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.1 SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


IDENTIFICAÇÃO POSTO DE ENFERMAGEM (AÉREAS / PAREDE)
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Modelos de placas indicativas
3. Sinalização Externa suspensas, para indicar frações menores
do espaço de uma unidade, fazendo
referencia especialmente aos serviços
4. Sinalização Interna de suporte às principais operações da
instituição.
4.1 Sinalização Identificativa
Apoiam-se no uso combinado de
4.2 Sinalização Direcional / pictograma e texto, como uma forma de
Orientativa ampliar a eficiência da sua comunicação.

4.3 Sinalização Informativa


/ Restritiva / Segurança /
Educativa

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 142

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.1 SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


IDENTIFICAÇÃO POSTO DE ENFERMAGEM (AÉREAS / PAREDE)
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização 01. Placa suspensa em estrutura tubular
revestida com chapa de ACM 3mm
Branco Ebserh dobrado nas laterais e
3. Sinalização Externa
na base. Recebe informações em vinil
adesivo recorte eletrônico nas cores
4. Sinalização Interna Cinza Ebserh e Branco.

4.1 Sinalização Identificativa 02. Fixação através de cabo de aço 02


aparafusado em laje ou na estrutura do
4.2 Sinalização Direcional / telhado.

25cm
01
Orientativa Posto de Enfermagem
4.3 Sinalização Informativa 25cm 125cm

/ Restritiva / Segurança / 150cm


Educativa

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

230cm
6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para IMPORTANTE:


Implantação da Conferir situação de instalação e
Sinalização dimensões no local antes da execução
e instalação da peça. A fixação da
estrutura e verificação das condições
8. Glossário do local, assim como o cálculo
estrutural e dimensões de perfis, são
de responsabilidade do fornecedor
executante, o qual deverá fornecer ART
de Projeto e Execução.
Vista Frontal Modelo suspensa Modelo band
Escala 1:25
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 143

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.1 SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


IDENTIFICAÇÃO POSTO DE ENFERMAGEM (AÉREAS / PAREDE)
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização 01. Placa perpendicular tipo bandeira em
estrutura tubular revestida com chapa
de ACM 3mm Cinza Ebserh dobrado nas
3. Sinalização Externa
laterais e na base. Recebe informações
em vinil adesivo recorte eletrônico na cor
4. Sinalização Interna Branco Ebserh.

4.1 Sinalização Identificativa 02. Fixação na parede através de pino 02 01


soldado na estrutura e colado na parede
4.2 Sinalização Direcional / através de cola de alta resistência.

25cm

25cm
01
Orientativa Posto de Enfermagem
4.3 Sinalização Informativa 25cm 125cm 25cm

/ Restritiva / Segurança / 150cm


Educativa

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

230cm

230cm
6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para IMPORTANTE:


Implantação da Conferir situação de instalação e
Sinalização dimensões no local antes da execução
e instalação da peça. A fixação da
estrutura e verificação das condições
8. Glossário do local, assim como o cálculo
estrutural e dimensões de perfis, são
de responsabilidade do fornecedor
executante, o qual deverá fornecer ART
de Projeto e Execução.
Vista Frontal Modelo suspensa Modelo bandeira
Escala 1:25
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 144

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.1 SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


IDENTIFICAÇÃO POSTO DE ENFERMAGEM (AÉREAS / PAREDE)
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Deve-se respeitar o regramento da
3. Sinalização Externa disposição dos elementos de informação
conforme as orientações ao lado.

4. Sinalização Interna
4.1 Sinalização Identificativa
4.2 Sinalização Direcional /
Orientativa
4.3 Sinalização Informativa
Vista Frontal Grid
/ Restritiva / Segurança / Escala 1:10
Educativa

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Posto de Enfermagem
Implantação da
Sinalização Vista Frontal Grid
Escala 1:10

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 145

4. Sinalização Interna

1. Introdução
IDENTIFICAÇÃO DE PAVIMENTOS
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Modelo de placa indicativa de parede,
3. Sinalização Externa para indicar pavimentos da instituição.

Deve ser instalada preferencialmente


4. Sinalização Interna em pontos onde o usuário deverá tomar
uma decisão de troca de pavimento: hall
4.1 Sinalização Identificativa de elevadores e lances de escadas (não
enclausuradas).
4.2 Sinalização Direcional /
Orientativa
4.3 Sinalização Informativa
/ Restritiva / Segurança /
Educativa

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 146

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.1 SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


IDENTIFICAÇÃO DE PAVIMENTOS
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização 01. Placa em chapa de acrílico e.: 6mm
na cor Cinza Ebserh. Recebe informações
em vinil adesivo recorte eletrônico na cor
3. Sinalização Externa
Branco.

02. Fixação em parede através de


4. Sinalização Interna
bastidor em chapa de alumínio
4.1 Sinalização Identificativa aparafusado na parede e placa fixada
no bastidor através de fita dupla-face de
4.2 Sinalização Direcional / espuma acrílica e de adesivo transferível.
Orientativa
4.3 Sinalização Informativa
/ Restritiva / Segurança /
Educativa
25cm
01

5. Sinalização
Estacionamento e 4º

25
Regulamentação Viária Andar

6. Sinalização de Segurança

160cm
7. Guia Rápido para IMPORTANTE:
Implantação da Conferir situação de instalação e
Sinalização dimensões no local antes da execução
e instalação da peça. A fixação da
estrutura e verificação das condições
8. Glossário do local, assim como o cálculo
estrutural e dimensões de perfis, são
de responsabilidade do fornecedor
executante, o qual deverá fornecer ART
de Projeto e Execução.
Vista Frontal
Escala 1:25
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 147

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.1 SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


IDENTIFICAÇÃO DE PAVIMENTOS
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Deve-se respeitar o regramento da
3. Sinalização Externa

T 2º 3º 4º
disposição dos elementos de informação
conforme as orientações ao lado.

4. Sinalização Interna Com uma dígitos

4.1 Sinalização Identificativa Térreo Andar Andar Andar


4.2 Sinalização Direcional /
Orientativa
4.3 Sinalização Informativa

S1 1º 11º 21º
/ Restritiva / Segurança /
Educativa
Com dois dígitos

5. Sinalização Subsolo Andar Andar Andar


Estacionamento e
Regulamentação Viária Vista Frontal Grid
Escala 1:10
6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 148

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.1 SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


IDENTIFICATIVA DE PORTAS (SETORES / SERVIÇOS)
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Conjunto de placas dimensionadas
3. Sinalização Externa para apresentar serviços, restrições,
procedimentos e instruções para uma
leitura próxima, onde uma quantidade
4. Sinalização Interna maior de informações pode ser
disponibilizada.
4.1 Sinalização Identificativa
Além dos modelos de placas finalizadas,
4.2 Sinalização Direcional / bastidores que proporcionam a
Orientativa visualização de impressões nos formatos
usuais também estão disponíveis.
4.3 Sinalização Informativa
/ Restritiva / Segurança /
Educativa

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 149

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.1 SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


IDENTIFICATIVA DE PORTAS (SETORES / SERVIÇOS / ADMINISTRATIVO)
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização 01. Placa em chapa de acrílico branco
leitoso e.: 6mm.
3. Sinalização Externa 02. Placa em chapa de acrílico e.: 6mm
na cor Cinza Ebserh.
4. Sinalização Interna 03. Recebe informações em vinil
autoadesivo de recorte eletrônico nas
4.1 Sinalização Identificativa cores Cinza Ebserh e Branco.

4.2 Sinalização Direcional /


50cm
Orientativa
FIXAÇÃO: 50cm 01 50cm 01 33cm 17

4.3 Sinalização Informativa


Através de fita dupla-face de espuma Exames e
/ Restritiva / Segurança / 01

17

17

17
Procedimentos
acrílica e de adesivo transferível. Especiais Superintendência 03 Consultório

Educativa 02

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

Centralizada na porta

Centralizada na porta

Centralizada na porta
160cm

160cm

160cm
6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para IMPORTANTE:


Implantação da Conferir situação de instalação e
Sinalização dimensões no local antes da execução
e instalação da peça. A fixação da
estrutura e verificação das condições
8. Glossário do local, assim como o cálculo Vista Frontal Modelo simples: texto Modelo composto: texto + picto ou numeração
estrutural e dimensões de perfis, são Escala 1:25
de responsabilidade do fornecedor
executante, o qual deverá fornecer ART
de Projeto e Execução.
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 150

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.1 SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


IDENTIFICATIVA DE PORTAS (SETORES / SERVIÇOS)
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização 01. Placa em chapa de acrílico e.: 6mm
na cor Cinza Ebserh.
3. Sinalização Externa 02. Recebe informações em vinil
autoadesivo de recorte eletrônico na cor
Branco.
4. Sinalização Interna
4.1 Sinalização Identificativa
FIXAÇÃO:
4.2 Sinalização Direcional /
Orientativa Através de fita dupla-face de espuma
17cm
acrílica e de adesivo transferível.
4.3 Sinalização Informativa 01

17cm
/ Restritiva / Segurança / 02
Educativa
Acesso Restrito

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

Centralizada na porta

160cm
6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para IMPORTANTE:


Implantação da
Conferir situação de instalação e
Sinalização dimensões no local antes da execução
e instalação da peça. A fixação da
8. Glossário estrutura e verificação das condições
Vista Frontal
do local, assim como o cálculo
Escala 1:25
estrutural e dimensões de perfis, são
de responsabilidade do fornecedor
executante, o qual deverá fornecer ART
de Projeto e Execução.
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 151

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.1 SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


IDENTIFICATIVA DE PORTAS (SETORES / SERVIÇOS)
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização 01. Placa perpendicular tipo bandeira em
estrutura tubular revestida com chapa
de ACM 3mm Cinza Ebserh dobrado nas 3cm 01 20cm 01
3. Sinalização Externa
laterais e na base. Recebe informações
em vinil adesivo recorte eletrônico na cor Alinhado com o topo

20cm

20cm
4. Sinalização Interna Branco. da guarnição da porta 01

4.1 Sinalização Identificativa 02. Fixação na parede através de pino


soldado na estrutura e colado na parede
4.2 Sinalização Direcional / através de cola de alta resistência.
Orientativa
4.3 Sinalização Informativa
/ Restritiva / Segurança / Consultório 01
Educativa

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para IMPORTANTE:


Implantação da Conferir situação de instalação e
Sinalização dimensões no local antes da execução
e instalação da peça. A fixação da
estrutura e verificação das condições
8. Glossário do local, assim como o cálculo Vista Frontal Vista Lateral
Escala 1:25 Modelo bandeira Escala 1:25
estrutural e dimensões de perfis, são
de responsabilidade do fornecedor
executante, o qual deverá fornecer ART
de Projeto e Execução.
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 152

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.1 SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


IDENTIFICATIVA DE PORTAS (SETORES / SERVIÇOS)
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Deve-se respeitar o regramento da
3. Sinalização Externa disposição dos elementos de informação
conforme as orientações ao lado. 01 101 1001
4. Sinalização Interna
Versão bandeira Versão bandeira Versão bandeira
4.1 Sinalização Identificativa
4.2 Sinalização Direcional /

01
Orientativa
Consultório Consultório 101 Exames 1001
4.3 Sinalização Informativa
/ Restritiva / Segurança / Versão com numeração Versão com numeração Versão com numeração
Educativa

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária 02 201 1002
6. Sinalização de Segurança Versão bandeira Versão bandeira Versão bandeira

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização Consultório 02 Consultório 201 Exames 1002
8. Glossário Versão com numeração Versão com numeração Versão com numeração

Vista Frontal Grid - 2 dígitos Vista Frontal Grid - 3 dígitos Vista Frontal Grid - 4 dígitos
Escala 1:10 Escala 1:10 Escala 1:10

Exames e Sala de atendimento Sala de coleta


Procedimentos prioritário
Especiais
Consultório 01 Consultório 101 Exames 1001

Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários daVersão


Rede com numeração
Ebserh Versão com numeração
4. Sinalização Interna Versão com numeração
153

02
4. Sinalização Interna
201 1002
1. Introdução 4.1 SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA Versão bandeira Versão bandeira Versão bandeira

IDENTIFICATIVA DE PORTAS (SETORES / SERVIÇOS)


2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Deve-se respeitar o regramento da Consultório 02 Consultório 201 Exames 1002
3. Sinalização Externa disposição dos elementos de informação
conforme as orientações ao lado. Versão com numeração Versão com numeração Versão com numeração

4. Sinalização Interna Vista Frontal Grid - 2 dígitos Vista Frontal Grid - 3 dígitos Vista Frontal Grid - 4 dígitos
Escala 1:10 Escala 1:10 Escala 1:10

4.1 Sinalização Identificativa


4.2 Sinalização Direcional /
Orientativa Exames e Sala de atendimento Sala de coleta
Procedimentos prioritário
4.3 Sinalização Informativa Especiais
/ Restritiva / Segurança / Versão com três linhas Versão com duas linhas Versão com uma linha
Educativa

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária Acesso Restrito Feminino Masculino Sanitário

6. Sinalização de Segurança Vista Frontal Grid


Escala 1:10
7. Guia Rápido para
Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 154

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.1 SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


IDENTIFICATIVA DE PORTAS (ENDEREÇAMENTO DE SALAS)
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
01. Placa em chapa de PS e.: 2mm na cor
3. Sinalização Externa Cinza Ebserh.

Recebe informações impressas ou em


4. Sinalização Interna vinil autoadesivo de recorte eletrônico na
cor Branco.
4.1 Sinalização Identificativa 6

Alinhado com o topo da guarnição da porta


4.2 Sinalização Direcional / 000

3
Orientativa
4.3 Sinalização Informativa
FIXAÇÃO:
/ Restritiva / Segurança /
Educativa
Através de fita dupla-face de espuma
acrílica e de adesivo transferível.
5. Sinalização
Estacionamento e

Centralizado na porta
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
IMPORTANTE:
Sinalização
Conferir situação de instalação e
dimensões no local antes da execução
8. Glossário e instalação da peça. A fixação da
estrutura e verificação das condições
do local, assim como o cálculo
Vista Frontal
estrutural e dimensões de perfis, são Escala 1:25
de responsabilidade do fornecedor
executante, o qual deverá fornecer ART
de Projeto e Execução.
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 155

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.1 SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


IDENTIFICATIVA DE PORTAS (ENDEREÇAMENTO DE SALAS)
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização Deve-se respeitar o regramento da
disposição dos elementos de informação
conforme as orientações ao lado.
3. Sinalização Externa

4. Sinalização Interna
4.1 Sinalização Identificativa
4.2 Sinalização Direcional /
Orientativa
4.3 Sinalização Informativa
/ Restritiva / Segurança /
Educativa

5. Sinalização
Estacionamento e Vista Frontal Grid
Escala 1:1
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 156

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.1 SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


IDENTIFICATIVA DE PORTAS (SALAS DE RADIOLOGIA)
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização 01. Placa em chapa de acrílico e.: 6mm
na cor Amarelo.
3. Sinalização Externa Recebe informações em vinil autoadesivo
de recorte eletrônico na cor Roxo.
4. Sinalização Interna 02. Placa em chapa de acrílico e.: 6mm
na cor Cinza Ebserh.
4.1 Sinalização Identificativa
Recebe informações em vinil autoadesivo
4.2 Sinalização Direcional / de recorte eletrônico na cor Branco.
Orientativa
4.3 Sinalização Informativa FIXAÇÃO:
17cm
/ Restritiva / Segurança /
Educativa Raios X

17cm
Através de fita dupla-face de espuma 1 Radiologia 01
acrílica e de adesivo transferível. Entrada Restrita

5. Sinalização
Atenção:
Mulheres grávidas ou com
suspeita de gravidez devem
informar o técnico antes
da realização do exame.

Estacionamento e

160cm

160cm
2
Acompanhante, quando
houver necessidade de
contenção de paciente,
exija e use corretamente
vestimenta plumbífera
para sua proteção.

Regulamentação Viária Nesta sala somente pode


permanecer um paciente
de cada vez.

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da IMPORTANTE:
Sinalização Conferir situação de instalação e
dimensões no local antes da execução
8. Glossário e instalação da peça. A fixação da
estrutura e verificação das condições
do local, assim como o cálculo
estrutural e dimensões de perfis, são Vista Frontal
Escala 1:25
de responsabilidade do fornecedor
executante, o qual deverá fornecer ART
de Projeto e Execução.
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 157

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.1 SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


IDENTIFICATIVA DE PORTAS (SALAS DE RADIOLOGIA)
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização Deve-se respeitar o regramento da
disposição dos elementos de informação
conforme as orientações ao lado.
3. Sinalização Externa

4. Sinalização Interna Raios X


Acompanhante, quando
Atenção:
Atenção:
4.1 Sinalização Identificativa Mulheres grávidas
Mulheres grávidas ou
ou com
com Nesta sala
Nesta sala somente
somente pode
pode
houver necessidade de
contenção de paciente,
suspeita
suspeita de gravidez
gravidez devem
devem permanecer
permanecer umum paciente
paciente exija e use corretamente
4.2 Sinalização Direcional / informar
informar oo técnico antes
técnico antes de
de cada
cada vez.
vez. vestimenta plumbífera
Orientativa Entrada Restrita da
da realização exame. .
do exame
realização do para sua proteção.

4.3 Sinalização Informativa


/ Restritiva / Segurança /
Educativa

5. Sinalização Raios X
Estacionamento e
Acompanhante, quando
Regulamentação Viária Atenção:
Mulheres grávidas ou com Nesta sala somente pode
houver necessidade de
contenção de paciente,
suspeita de gravidez devem permanecer um paciente
exija e use corretamente
informar o técnico antes
6. Sinalização de Segurança Entrada Restrita da realização do exame.
de cada vez. vestimenta plumbífera
para sua proteção

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização
Vista Frontal Grid
Escala 1:10
8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 158

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.1 SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


IDENTIFICATIVA DE PORTAS (ACESSIBILIDADE)
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização Toda a aplicação que este documento
contém tem por base a Norma Brasileira
9050:2015 de Acessibilidade a
3. Sinalização Externa
edificações, mobiliário, espaços e
equipamentos urbanos.
4. Sinalização Interna
4.1 Sinalização Identificativa
4.2 Sinalização Direcional /
Orientativa 0,1

4.3 Sinalização Informativa


/ Restritiva / Segurança /
Educativa Faixa de alcance acessível para
informações em plano vertical

5. Sinalização TÍTULO MASCULINO

Estacionamento e
Regulamentação Viária

160cm
6. Sinalização de Segurança
IMPORTANTE:
7. Guia Rápido para Conferir situação de instalação e
Implantação da

120cm
dimensões no local antes da execução
Sinalização e instalação da peça. A fixação da
estrutura e verificação das condições
do local, assim como o cálculo
8. Glossário estrutural e dimensões de perfis, são
de responsabilidade do fornecedor
executante, o qual deverá fornecer ART
de Projeto e Execução.
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 159

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.1 SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


IDENTIFICAÇÃO DE LEITOS
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
São placas destinadas a identificar os
3. Sinalização Externa leitos numa sequência, dentro de uma
mesma unidade, a fim de conjugar sua
localização com possível referencia junto
4. Sinalização Interna ao Serviço de Internação.
4.1 Sinalização Identificativa
4.2 Sinalização Direcional /
Orientativa
4.3 Sinalização Informativa
/ Restritiva / Segurança /
Educativa

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 160

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.1 SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


IDENTIFICAÇÃO DE LEITOS
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização 01. Bandeja em chapa acrílica Cristal,
e=3,0mm, recortada e dobrada para
receber folhas A4 nas opções horizontal
3. Sinalização Externa
e vertical para informaçõesde riscos do
paciente.
4. Sinalização Interna
02. Informações em vinil autoadesivo 22cm

4.1 Sinalização Identificativa para recorte eletrônico, nas cores Cinza


Ebserh e Branco. 53cm 02

22cm
4.2 Sinalização Direcional / 22cm 31cm
001
03. Fixação diretamente na alvenaria
Orientativa

53cm
através de fita dupla-face de espuma
01

31cm
4.3 Sinalização Informativa acrílica e de adesivo transferível 01

22cm
001
/ Restritiva / Segurança / 03
03
Educativa
02

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

170cm

170cm
7. Guia Rápido para
Implantação da IMPORTANTE:

Sinalização Conferir situação de instalação e


dimensões no local antes da execução
e instalação da peça. A fixação da
8. Glossário estrutura e verificação das condições
Vista Frontal OPÇÃO HORIZONTAL Vista Frontal OPÇÃO VERTICAL
do local, assim como o cálculo Escala 1:25 Escala 1:25
estrutural e dimensões de perfis, são
de responsabilidade do fornecedor
executante, o qual deverá fornecer ART
de Projeto e Execução.
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 161

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.1 SINALIZAÇÃO IDENTIFICATIVA


IDENTIFICAÇÃO DE LEITOS
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Para a diagramação dos itens de
3. Sinalização Externa informação deve-se respeitar o

4. Sinalização Interna
regramento da disposição destes
conforme as orientações ao lado. 001 002 003
4.1 Sinalização Identificativa
4.2 Sinalização Direcional / Vista Frontal Grid OPÇÃO HORIZONTAL
Escala 1:10
Orientativa
4.3 Sinalização Informativa
/ Restritiva / Segurança /
Educativa

5. Sinalização
Estacionamento e
001 002 003 004 005
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização
Vista Frontal Grid OPÇÃO VERTICAL
8. Glossário Escala 1:10
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 162

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.2 SINALIZAÇÃO DIRECIONAL / ORIENTATIVA


CONJUNTO DE ELEMENTOS DE SINALIZAÇÃO DIRECIONAL INTERNA
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização

3. Sinalização Externa

4. Sinalização Interna
4.1 Sinalização Identificativa
4.2 Sinalização Direcional /
Orientativa
4.3 Sinalização Informativa Exames
Consultórios
/ Restritiva / Segurança /
Educativa 5º Quartos 501 a 530

Exames MAPA DIRECIONAL 4º


Você está aqui
Quartos 401 a 430

Consultórios

5. Sinalização Laboratórios
Sanitários
Exames
3º Quartos 301 a 330

Bloco Cirúrgico

Estacionamento e
UTI
Recuperação
Centro Ambulatorial Você está aqui Consultórios

Entrada
Recepção
Posto de Enfermagem
T Consultórios

Regulamentação Viária
Recepção Exames
Saída Consultórios

S1 Estacionamento

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 163

4. Sinalização Interna

1. Introdução
PLACAS DIRECIONAIS DE PAREDE
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Este tipo de placa proporciona
3. Sinalização Externa referencias direcionais para o público-
alvo acessar os serviços oferecidos pela
unidade.
4. Sinalização Interna
Este modelo, de parede, deve ser alocado
4.1 Sinalização Identificativa conforme a necessidade diagnosticada
em levantamentos preliminares na
4.2 Sinalização Direcional / identificação de pontos focais para
Orientativa sua instalação, proporcionando uma
complementaridade das informações
4.3 Sinalização Informativa
inerentes e disponibilizadas à operação e
/ Restritiva / Segurança / ao fluxo de seus usuários.
Educativa

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 164

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.2 SINALIZAÇÃO DIRECIONAL / ORIENTATIVA


PLACAS DIRECIONAIS DE PAREDE
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização 01. Placa composta por requadro em
estrutura tubular, revestida com chapa
de ACM 3mm Branco Ebserh, recortado e
3. Sinalização Externa
dobrado nas laterais e na base.

02. Informações e variações da cor de


4. Sinalização Interna
fundo em vinil autoadesivo para recorte
4.1 Sinalização Identificativa eletrônico, nas cores Cinza Ebserh e
Branco.
4.2 Sinalização Direcional /
03. Direcionais (setas) em chapa acrílica
Orientativa
(PMMA) branca, e=5,0mm, recortadas a 80cm

4.3 Sinalização Informativa laser e aplicadas coladas diretamente na 15 65cm


03
superfície do ACM.
/ Restritiva / Segurança /
01
Educativa Exames
Consultórios 02

5. Sinalização Laboratórios

80cm
02
Estacionamento e Caixas
FIXAÇÃO:
Regulamentação Viária ACM: colado no perfil através de fita Recepção
Saída
dupla-face de espuma acrílica e de
6. Sinalização de Segurança adesivo transferível.
Acrílicos: Cola da alta resistência para
uso em áreas externas.
7. Guia Rápido para
IMPORTANTE:
Implantação da
Sinalização Conferir situação de instalação e

120cm
dimensões no local antes da execução
e instalação da peça. A fixação da
8. Glossário estrutura e verificação das condições
do local, assim como o cálculo
estrutural e dimensões de perfis, são
de responsabilidade do fornecedor
executante, o qual deverá fornecer ART
de Projeto e Execução.
Vista Frontal
Escala 1:25
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 165

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.2 SINALIZAÇÃO DIRECIONAL / ORIENTATIVA


PLACAS DIRECIONAIS DE PAREDE
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Para diagramação das várias
3. Sinalização Externa possibilidades de layout deve-se
respeitar o regramento da disposição dos
elementos de informação conforme as
4. Sinalização Interna orientações ao lado.
4.1 Sinalização Identificativa
4.2 Sinalização Direcional /
Orientativa
Exames Exames
4.3 Sinalização Informativa Consultórios Consultórios
/ Restritiva / Segurança /
Educativa Laboratórios Laboratórios
Recepção
5. Sinalização
Estacionamento e Saída
Regulamentação Viária Caixas
6. Sinalização de Segurança Recepção
7. Guia Rápido para Saída
Implantação da
Sinalização
Versão com duas direções Versão com uma direção

8. Glossário Vista Frontal Grid Vista Frontal Grid


Escala 1:10 Escala 1:10
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 166

4. Sinalização Interna

1. Introdução
PLACAS DIRECIONAIS SUSPENSAS
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Este tipo de placa, com seta (direcional)
3. Sinalização Externa proporciona referencias de direção para
a circulação do público-alvo que quer
acessar os serviços oferecidos pela
4. Sinalização Interna unidade.
4.1 Sinalização Identificativa O modelo apresentado, suspenso, deve
ser alocado conforme a necessidade
4.2 Sinalização Direcional / diagnosticada em levantamentos
Orientativa preliminares na identificação de
pontos focais para sua instalação,
4.3 Sinalização Informativa
proporcionando uma complementaridade
/ Restritiva / Segurança / das informações inerentes e
Educativa disponibilizadas à operação e ao fluxo de
seus usuários.
5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 167

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.2 SINALIZAÇÃO DIRECIONAL / ORIENTATIVA


PLACAS DIRECIONAIS AÉREAS
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização 01. Placa suspensa em estrutura tubular
revestida com chapa de ACM 3mm
03 02
Branco Ebserh dobrado nas laterais e
3. Sinalização Externa
na base. Recebe informações em vinil
adesivo recorte eletrônico nas cores Exames

25cm
01
4. Sinalização Interna Cinza Ebserh e Branco. Consultórios
02. Fixação através de cabo de aço 25cm 100cm
4.1 Sinalização Identificativa
aparafusado em laje ou na estrutura do 125cm

4.2 Sinalização Direcional / telhado.


Orientativa
03. Direcionais (setas) em chapa acrílica
4.3 Sinalização Informativa (PMMA) branca, e=5,0mm, recortadas a
laser e aplicadas coladas diretamente na
/ Restritiva / Segurança /
superfície do ACM.
Educativa

230cm
5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária FIXAÇÃO:
ACM: colado no perfil através de fita
6. Sinalização de Segurança dupla-face de espuma acrílica e de
adesivo transferível.
Acrílicos: Cola da alta resistência para
7. Guia Rápido para uso em áreas externas.
Implantação da IMPORTANTE:
Sinalização
Conferir situação de instalação e
dimensões no local antes da execução
8. Glossário e instalação da peça. A fixação da
Vista Frontal
estrutura e verificação das condições Escala 1:25
do local, assim como o cálculo
estrutural e dimensões de perfis, são
de responsabilidade do fornecedor
executante, o qual deverá fornecer ART
de Projeto e Execução.
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 168

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.2 SINALIZAÇÃO DIRECIONAL / ORIENTATIVA


PLACAS DIRECIONAIS AÉREAS
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Para a organização das informações que
3. Sinalização Externa
Exames
constarão em cada placa, inclusive com a
possibilidade de entrarem mais dados do
que o previsto inicial, deve-se respeitar
4. Sinalização Interna
4.1 Sinalização Identificativa
o regramento da disposição destes itens
conforme as orientações ao lado. Consultórios
4.2 Sinalização Direcional / Versão com duas linhas
Orientativa
4.3 Sinalização Informativa
/ Restritiva / Segurança /
Educativa

5. Sinalização Consultórios
Estacionamento e
Regulamentação Viária
Versão com uma linha

6. Sinalização de Segurança
Vista Frontal Grid
7. Guia Rápido para Escala 1:10
Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 169

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.2 SINALIZAÇÃO DIRECIONAL / ORIENTATIVA


MAPAS DIRETÓRIOS
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização Esta peça é complementar ao modelo
anteriormente especificado, de menor
escala, mas também destinado à
3. Sinalização Externa informação e compreensão da relação
entre os ambientes que cercam quem o
4. Sinalização Interna consulta.

Os mapas devem ser instalados em


4.1 Sinalização Identificativa
pontos de fluxo concentrado de pessoas,
4.2 Sinalização Direcional / junto à entradas secundárias das
Orientativa unidades, na convergência de corredores
e no hall de elevadores, auxiliando no
4.3 Sinalização Informativa direcionamento do público aos seus
/ Restritiva / Segurança / destinos, localizando espacialmente
Educativa estes usuários.

Construído basicamente sobre a planta


5. Sinalização de locação da entidade, busca auxílio
na representação volumétrica e de
Estacionamento e níveis das unidades para facilitar sua
Regulamentação Viária compreensão.

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 170

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.2 SINALIZAÇÃO DIRECIONAL / ORIENTATIVA


MAPAS DIRETÓRIOS
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização 01. Estrutura interna (requadro) em tubos
metalon galvanizados, soldados entre si

3. Sinalização Externa 02. Fechamento da estrutura com chapa


de alumínio composto recortada, dobrada
e colada, composto (ACM), Branco
4. Sinalização Interna Ebserh.
80cm
4.1 Sinalização Identificativa 03. Informações da testeira em vinil
autoadesivo de recorte, nas cores
4.2 Sinalização Direcional / MAPA DIRECIONAL 03
referenciadas neste manual.
Orientativa 01
04. As informações (textos e ilustrações Exames
02
4.3 Sinalização Informativa

80cm
Sanitários
dos prédios) da parte inferior do mapa
/ Restritiva / Segurança / são impressas digitalmente (UV) Você está aqui Consultórios
04

Entrada
Educativa sobre vinil autoadesivo cast Branco
Recepção
(durabilidade de 8 anos). Consultórios

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

120cm
7. Guia Rápido para
Implantação da
Sinalização

8. Glossário Vista Frontal


Escala 1:25
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 171

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.2 SINALIZAÇÃO DIRECIONAL / ORIENTATIVA


MAPAS DIRETÓRIOS
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Deve-se respeitar o regramento da
3. Sinalização Externa disposição dos elementos de informação
conforme as orientações ao lado.

4. Sinalização Interna
4.1 Sinalização Identificativa
4.2 Sinalização Direcional /
Orientativa
4.3 Sinalização Informativa
MAPA DIRECIONAL MAPA DIRECIONAL Área fixa
NÃO editar

/ Restritiva / Segurança /
Educativa

5. Sinalização Exames Exames


Estacionamento e Sanitários Sanitários
Mapa:
Regulamentação Viária Área possível
de edição

Consultórios Consultórios
6. Sinalização de Segurança Você está aqui Você está aqui

Entrada

Entrada
7. Guia Rápido para
Recepção Recepção
Implantação da
Consultórios Consultórios
Sinalização

8. Glossário

Vista Frontal Grid Área de não interferência


Escala 1:10 Escala 1:10
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 172

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.2 SINALIZAÇÃO DIRECIONAL / ORIENTATIVA


PAINÉIS DIRETÓRIOS PAVIMENTOS / HALL ELEVADORES
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização Os diretórios tem a função de informar
aos usuários a relação de atividades
principais que ocorrem em cada
3. Sinalização Externa pavimento, auxiliando no reconhecimento
das relações espaciais verticais ou de
4. Sinalização Interna alas das edificações.

São instalados em pontos de


4.1 Sinalização Identificativa
concentração de pessoas, especialmente
4.2 Sinalização Direcional / no hall de elevadores, direcionando o
Orientativa público aos seus destinos.

4.3 Sinalização Informativa


/ Restritiva / Segurança /
Educativa

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 173

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.2 SINALIZAÇÃO DIRECIONAL / ORIENTATIVA


PAINÉIS DIRETÓRIOS PAVIMENTOS / HALL ELEVADORES
2. Elementos Gráficos do MODELO ATÉ 8 PAVIMENTOS
Sistema de Sinalização
01. Estrutura interna (requadro) em tubos
3. Sinalização Externa metalon galvanizados, soldados entre si

02. Fechamento da estrutura com chapa


4. Sinalização Interna de alumínio composto recortada, dobrada
e colada, composto (ACM), Branco
4.1 Sinalização Identificativa Ebserh. altura máxima para aplicação

03. Informações em vinil autoadesivo 80cm


4.2 Sinalização Direcional /
de recorte, nas cores Cinza Ebserh e
Orientativa
Branco.

17cm

de acordo com número de pavimentos


Quartos 501 a 530
4.3 Sinalização Informativa
/ Restritiva / Segurança / 01 4º
Você está aqui
Quartos 401 a 430

Educativa 02
3º Quartos 301 a 330

Bloco Cirúrgico

5. Sinalização 2º UTI
Recuperação

Estacionamento e 03 T
Recepção
Consultórios

Regulamentação Viária
Exames

S1 Estacionamento

6. Sinalização de Segurança

entre 70cm e 120cm


7. Guia Rápido para
Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Vista Frontal Modelo para até 8 pavimentos
Escala 1:25
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 174

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.2 SINALIZAÇÃO DIRECIONAL / ORIENTATIVA


PAINÉIS DIRETÓRIOS PAVIMENTOS / HALL ELEVADORES
2. Elementos Gráficos do MODELO PARA 09 ATÉ 12 PAVIMENTOS
Sistema de Sinalização
01. Estrutura interna (requadro) em tubos
3. Sinalização Externa metalon galvanizados, soldados entre si

02. Fechamento da estrutura com chapa


4. Sinalização Interna de alumínio composto recortada, dobrada
80cm
e colada, composto (ACM), Branco
4.1 Sinalização Identificativa Ebserh. altura máxima para aplicação

11º
03. Informações em vinil autoadesivo
Quartos 1101 a 1130

4.2 Sinalização Direcional /


de recorte, nas cores Cinza Ebserh e 10º
Orientativa
Quartos 1001 a 1030

12cm
Branco. 9º Quartos 901 a 930

de acordo com número de pavimentos


4.3 Sinalização Informativa 8º Quartos 801 a 830

/ Restritiva / Segurança / 7º Quartos 701 a 730

Educativa 01 6º Quartos 601 a 630

02 5º Quartos 501 a 530

5. Sinalização 4º Quartos 401 a 430

Estacionamento e
Você está aqui

3º Quartos 301 a 330

Regulamentação Viária 03 2º
Bloco Cirúrgico
UTI
Recuperação
Hemodiálise
Endoscopia

Recepção Internação
T Consultórios
Exames

6. Sinalização de Segurança S1 Estacionamento

7. Guia Rápido para

entre 70cm e 120cm


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Vista Frontal Modelo de 9 pavimentos até 12 pavimentos
Escala 1:25
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 175

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.2 SINALIZAÇÃO DIRECIONAL / ORIENTATIVA


PAINÉIS DIRETÓRIOS PAVIMENTOS / HALL ELEVADORES
2. Elementos Gráficos do MODELO PARA 13 ATÉ 24 PAVIMENTOS
Sistema de Sinalização
01. Estrutura interna (requadro) em tubos
3. Sinalização Externa metalon galvanizados, soldados entre si

02. Fechamento da estrutura com chapa


4. Sinalização Interna de alumínio composto recortada, dobrada
8cm
e colada, composto (ACM), Branco 80cm 80cm

4.1 Sinalização Identificativa Ebserh. altura máxima para aplicação

03. Informações em vinil autoadesivo 11º Quartos 1101 a 1130 23º Diretoria

4.2 Sinalização Direcional /


de recorte, nas cores Cinza Ebserh e 10º 22º
Orientativa
Quartos 1001 a 1030 Administração

12cm
Branco. 9º Quartos 901 a 930 21º Quartos 2101 a 2130

de acordo com número de pavimentos


4.3 Sinalização Informativa 8º Quartos 801 a 830 20º Quartos 2001 a 2030

/ Restritiva / Segurança / 01 7º Quartos 701 a 730 19º Quartos 1901 a 1930

Educativa 02 6º Quartos 601 a 630 18º Quartos 1801 a 1830

5º Quartos 501 a 530 17º Quartos 1701 a 1730

5. Sinalização 4º Quartos 401 a 430 16º Quartos 1601 a 1630

Estacionamento e
Você está aqui Você está aqui

03 3º Quartos 301 a 330 15º Quartos 1501 a 1530

Regulamentação Viária 2º
Bloco Cirúrgico
UTI
Recuperação
Hemodiálise
Endoscopia
14º Quartos 1401 a 1430

Recepção Internação
T Consultórios
Exames 13º Quartos 1301 a 1330

6. Sinalização de Segurança S1 Estacionamento


12º Quartos 1201 a 1230

7. Guia Rápido para

entre 70cm e 120cm


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Vista Frontal Modelo de 13 pavimentos até 24 pavimentos
Escala 1:25
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 176

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.2 SINALIZAÇÃO DIRECIONAL / ORIENTATIVA


PAINÉIS DIRETÓRIOS PAVIMENTOS / HALL ELEVADORES
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização


Deve-se respeitar o regramento da
3. Sinalização Externa disposição dos elementos de informação Quartos 901 a 930
conforme as orientações ao lado.

4. Sinalização Interna 8º Quartos 801 a 830


4.1 Sinalização Identificativa
4.2 Sinalização Direcional /
Quartos 501 a 530
7º Quartos 701 a 730
Orientativa
4.3 Sinalização Informativa
4º Quartos 401 a 430
6º Quartos 601 a 630
/ Restritiva / Segurança / Você está aqui
Educativa
5º Quartos 501 a 530

5. Sinalização 3º Quartos 301 a 330


Estacionamento e 4º Quartos 401 a 430
Regulamentação Viária Você está aqui

Bloco Cirúrgico

6. Sinalização de Segurança 2º UTI


Recuperação
3º Quartos 301 a 330

Bloco Cirúrgico Hemodiálise


7. Guia Rápido para Recepção 2º UTI Endoscopia

T
Recuperação
Implantação da Consultórios
Exames Recepção Internação
Sinalização
T Consultórios
Exames

8. Glossário
S1 Estacionamento
S1 Estacionamento

Versão até 8 pavimentos Versão para mais de 8 pavimentos

Vista Frontal Grid


Escala 1:10
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 177

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.2 SINALIZAÇÃO DIRECIONAL / ORIENTATIVA


PAINÉIS DIRETÓRIOS ELEVADORES (INTERNO)
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização Este diretório tem uma escala menor
do que o apresentado anteriormente,
para ser instalado nas cabines dos
3. Sinalização Externa
elevadores, como um reforço/certificação
das informações obtidas pelos usuários
4. Sinalização Interna no hall dos elevadores.
5º Quartos 501 a 530
4.1 Sinalização Identificativa
4.2 Sinalização Direcional /
Orientativa 01. Placa em chapa de acrílico branco
4º Quartos 401 a 430
40cm
leitoso e.: 6mm. 01
4.3 Sinalização Informativa
02. Recebe informações em vinil 3º Quartos 301 a 330

12cm
/ Restritiva / Segurança / 5º

de acordo com nº de pav.


Quartos 501 a 530

autoadesivo de recorte eletrônico na cor


Educativa 02
4º Quartos 401 a 430
Bloco Cirúrgico
Cinza Ebserh.
3º Quartos 301 a 330
2º UTI
Recuperação
5. Sinalização T Bloco Cirúrgico
2º UTI
Recuperação

Recepção
Estacionamento e FIXAÇÃO:
Recepção

T
T Consultórios
Exames
Consultórios
Regulamentação Viária Através de fita dupla-face de espuma
S1 Estacionamento Exames

S1
acrílica e de adesivo transferível.
6. Sinalização de Segurança Estacionamento

entre 70cm e 120cm


7. Guia Rápido para Vista Frontal Grid
Implantação da Escala 1:10

Sinalização

8. Glossário
Vista Frontal
Escala 1:25
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 178

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.2 SINALIZAÇÃO DIRECIONAL / ORIENTATIVA


SINALIZAÇÃO DE PISO
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Este tipo de sinalização de piso tem a
3. Sinalização Externa função de orientar o percurso para os
pacientes que buscam atendimento em
ambulatórios, internação ou outras áreas
4. Sinalização Interna específicas.
4.1 Sinalização Identificativa
4.2 Sinalização Direcional /
Orientativa
4.3 Sinalização Informativa
/ Restritiva / Segurança /
Educativa

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 179

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.2 SINALIZAÇÃO DIRECIONAL / ORIENTATIVA


SINALIZAÇÃO DE PISO
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
01. Alternativas para produção de medida linear variável de acordo com o percurso 10cm
3. Sinalização Externa sinalização de piso:
r.: 20cm
a) Pintura em tinta epóxi nas cores

24cm
10cm
4. Sinalização Interna indicadas;
r.: 10cm
b) Vinil adesivo nas cores indicadas
4.1 Sinalização Identificativa 01

30cm
com aplicação de laminação fosca para 01
4.2 Sinalização Direcional / proteção do vinil. r.: 20cm
Orientativa

24cm
10cm
4.3 Sinalização Informativa r.: 10cm

30cm
10cm
/ Restritiva / Segurança / 01
Educativa r.: 20cm

24cm
10cm
5. Sinalização r.: 10cm

Estacionamento e 10cm

Regulamentação Viária 10cm 30cm 10cm 30cm 10cm

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Ø.: 24cm Ø.: 24cm Ø.: 24cm
Sinalização

8. Glossário Vista Superior


Escala 1:20
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 180

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.3 SINALIZAÇÃO INFORMATIVA / RESTRITIVA / SEGURANÇA / EDUCATIVA


CONJUNTO DE ELEMENTOS DE SINALIZAÇÃO INFORMATIVA INTERNA
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização Estes elementos são definidos para
auxiliar na comunicação interna, tanto na
divulgação de mensagens de caráter da
3. Sinalização Externa gestão do negócio quanto de processos
e informações da operação da entidade,
4. Sinalização Interna nas relações com públicos internos e
externos.
4.1 Sinalização Identificativa
4.2 Sinalização Direcional /
Orientativa
4.3 Sinalização Informativa
/ Restritiva / Segurança /
Educativa

Convencional Guichê
5. Sinalização F087 1 Guichê 1 Guichê 2
Estacionamento e F087
Guichê 2
F085
Guichê 4
F084
Guichê 5
F083
Guichê 1

Regulamentação Viária Importante


Comunicação e Marketing
comunicacao@hospital.org.br

Importante Importante
Cartaz A4 Cartaz A4 Cartaz A3

6. Sinalização de Segurança
Cartaz A4 Cartaz A3 ATENÇÃO AVISO
Risco de queda. Permitido somente
AVISO
Usar o corrimão. um acompanhante
por paciente. Higienize Por favor
PROIBIDO FUMAR Os Hospitais da rede Ebserh são as mãos faça silêncio

Cartaz A3
financiados pelo SUS e todos os
Cartaz A4 Cartaz A4 serviços prestados são gratuitos.

É crime qualquer tipo


de cobrança ao usuário.

Denuncie à Ouvidoria:
Contato:
(xx) xxxx-xxxx
E-mail:

7. Guia Rápido para


ouvidoria.xxxxx@ebserh.gov.br

Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 181

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.3 SINALIZAÇÃO INFORMATIVA / RESTRITIVA / SEGURANÇA / EDUCATIVA


BOLSAS DE COMUNICAÇÃO INTERNA
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização Item de comunicação visual interna, de
caráter unitário, utilizado para a divulgação
3. Sinalização Externa de informações específicas, muitas vezes
vinculadas ou associadas a salas ou
4. Sinalização Interna espaços com acesso exclusivo.

4.1 Sinalização Identificativa


4.2 Sinalização Direcional /
Orientativa
4.3 Sinalização Informativa
/ Restritiva / Segurança /
Educativa

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 182

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.3 SINALIZAÇÃO INFORMATIVA / RESTRITIVA / SEGURANÇA / EDUCATIVA


BOLSAS DE COMUNICAÇÃO INTERNA
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização 01. Bandeja em chapa acrílica Cristal,
e=3,0mm, recortada e dobrada para
22cm
receber folhas em formato A4.
3. Sinalização Externa
02. Informações em vinil autoadesivo 02 Importante

5
para recorte eletrônico, nas cores Cinza
4. Sinalização Interna Ebserh e Branco.
01

4.1 Sinalização Identificativa 03. Fixação diretamente na alvenaria

30cm
através de fita dupla-face de espuma Cartaz A4
4.2 Sinalização Direcional / acrílica e de adesivo transferível.
Orientativa 22cm

Alinhado pelo topo da placa de porta


4.3 Sinalização Informativa Importante
03
/ Restritiva / Segurança /

35cm
Educativa Cartaz A4 Vista Frontal
Escala 1:10

5. Sinalização
Importante
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança Cartaz A4

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização Vista Frontal Grid
IMPORTANTE:
Escala 1:10

8. Glossário Conferir situação de instalação e


Vista Frontal
dimensões no local antes da execução
Escala 1:25
e instalação da peça. A fixação da
estrutura e verificação das condições
do local são de responsabilidade do
fornecedor executante.
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 183

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.3 SINALIZAÇÃO INFORMATIVA / RESTRITIVA / SEGURANÇA / EDUCATIVA


BOLSAS DE COMUNICAÇÃO INTERNA
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização 01. Bandeja em chapa acrílica Cristal,
e=3,0mm, recortada e dobrada para 43cm
receber folhas em formato A3.
3. Sinalização Externa
02. Informações em vinil autoadesivo 02 Importante

5
para recorte eletrônico, nas cores Cinza 01
4. Sinalização Interna Ebserh e Branco.
4.1 Sinalização Identificativa 03. Fixação diretamente na alvenaria

30cm
através de fita dupla-face de espuma Cartaz A3
4.2 Sinalização Direcional / acrílica e de adesivo transferível
Orientativa 43cm

Alinhado pelo topo da placa de porta


4.3 Sinalização Informativa Importante
03

/ Restritiva / Segurança / Vista Frontal

35cm
Educativa Cartaz A3
Escala 1:10

5. Sinalização Importante
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança Cartaz A3

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização Vista Frontal Grid
IMPORTANTE:
Escala 1:10

8. Glossário Conferir situação de instalação e


Vista Frontal
dimensões no local antes da execução
Escala 1:25
e instalação da peça. A fixação da
estrutura e verificação das condições
do local são de responsabilidade do
fornecedor executante.
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 184

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.3 SINALIZAÇÃO INFORMATIVA / RESTRITIVA / SEGURANÇA / EDUCATIVA


PAINEL DE COMUNICAÇÃO INTERNA
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização Equipamentos utilizados para divulgar,
de forma simples e eficiente, através
3. Sinalização Externa de bandejas acrílicas que recebem e
organizam as informações elaboradas
3.1 Sinalização Identificativa
pelos próprios colaboradores, mensagens,
3.2 Sinalização Direcional / resultados e processos, melhorando a
Orientativa comunicação interna da entidade.

3.3 Sinalização Informativa /


Educativa

4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 185

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.3 SINALIZAÇÃO INFORMATIVA / RESTRITIVA / SEGURANÇA / EDUCATIVA


PAINEL DE COMUNICAÇÃO INTERNA
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização 01. Estrutura interna (requadro) em tubos
metalon galvanizados, soldados entre si.

3. Sinalização Externa 02. Fechamento da estrutura com chapa


de alumínio composto (ACM), Branco
Ebserh.
4. Sinalização Interna 150cm - de acordo com quantidade de cartazes
06
03. Informações em vinil autoadesivo
4.1 Sinalização Identificativa de recorte, nas cores Cinza Ebserh e 01 IMPORTANTE
Comunicação Social

5
comunicacao@ebserh.org.br

Branco. 03
4.2 Sinalização Direcional /
Orientativa 04. Bandejas em chapa acrílica Cristal, Cartaz A4 Cartaz A4 Cartaz A3 Cartaz A3

e=3,0mm, recortadas e dobradas para

80cm
4.3 Sinalização Informativa receberem folhas A4 formato retrato. São 02

/ Restritiva / Segurança / instaladas coladas com fita dupla-face de


04 Cartaz A4 Cartaz A4 Cartaz A3 Cartaz A3
Educativa espuma acrílica e de adesivo transferível
diretamente sobre a chapa de ACM 3mm.

5. Sinalização 05. Bandejas em chapa acrílica Cristal,


05
e=3,0mm, recortadas e dobradas para
Estacionamento e receberem folhas A3 formato paisagem.
Regulamentação Viária São instaladas coladas com fita dupla-
face de espuma acrílica e de adesivo
transferível diretamente sobre a chapa de
6. Sinalização de Segurança

120cm
ACM 3mm.

06. O responsável deve inserir seus


7. Guia Rápido para
dados no cabeçalho à direita superior do
Implantação da painel.
Sinalização

8. Glossário Vista Frontal


Escala 1:25
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 186

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.3 SINALIZAÇÃO INFORMATIVA / RESTRITIVA / SEGURANÇA / EDUCATIVA


PAINEL DE COMUNICAÇÃO INTERNA
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização Deve-se respeitar o regramento da
disposição dos elementos de informação
conforme as orientações ao lado.
3. Sinalização Externa
IMPORTANTE
Comunicação Social
comunicacao@ebserh.org.br

4. Sinalização Interna
4.1 Sinalização Identificativa
4.2 Sinalização Direcional /
Orientativa Cartaz A4 Cartaz A4 Cartaz A3 Cartaz A3
4.3 Sinalização Informativa
/ Restritiva / Segurança /
Educativa

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária Cartaz A4 Cartaz A4 Cartaz A3 Cartaz A3

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização Vista Frontal Grid
Escala 1:10

8. Glossário
Projeto de Sinalização Hospital Estadual Mário Covas 3. Sinalização Externa 187

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.3 SINALIZAÇÃO INFORMATIVA / RESTRITIVA / SEGURANÇA / EDUCATIVA


APRESENTAÇÃO DE SENHA DE ATENDIMENTO E GUICHÊ
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização Elementos de sinalização aérea que são
utilizados para o encaminhamento de
atendimentos em guichês, composto de
3. Sinalização Externa mídia eletrônica e placas indicativas das
posições de atendimento.
3.1 Sinalização Identificativa
3.2 Sinalização Direcional /
Orientativa
3.3 Sinalização Informativa /
Educativa

4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 188

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.3 SINALIZAÇÃO INFORMATIVA / RESTRITIVA / SEGURANÇA / EDUCATIVA


APRESENTAÇÃO DE SENHA DE ATENDIMENTO E GUICHÊ
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização Estes itens trabalham conjugados pois, Mídia eletrônica senha Sinalização aérea Sinalização aérea
na medida que a mídia eletrônica faz a
chamada da senha e apresenta o guichê
3. Sinalização Externa para seu atendimento, há a necessidade
de identificá-lo espacialmente pelo Convencional Guichê

4. Sinalização Interna usuário. Esta posição é marcada por uma


placa de informação aérea, colocada
F087 1
4.1 Sinalização Identificativa imediatamente acima do guichê. F087
Guichê 2
F085
Guichê 4
F084 F083
Guichê 5 Guichê 1

4.2 Sinalização Direcional /


Orientativa Guichê 1 Guichê 2
4.3 Sinalização Informativa
/ Restritiva / Segurança /
Educativa

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Vista Frontal
Escala 1:25
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 189

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.3 SINALIZAÇÃO INFORMATIVA / RESTRITIVA / SEGURANÇA / EDUCATIVA


APRESENTAÇÃO DE SENHA DE ATENDIMENTO E GUICHÊ
2. Elementos Gráficos do PAINEL ELETRÔNICO
Sistema de Sinalização
Este item é apresentado como opção
3. Sinalização Externa para a gestão de filas, mostrando a
chamada por senhas e a indicação do
respectivo guichê de atendimento através
4. Sinalização Interna de equipamentos de mídia eletrônica. Convencional Guichê

4.1 Sinalização Identificativa A definição do modelo de gestão desta F087 1


atividade, do software e hardware F087 F085 F084 F083
4.2 Sinalização Direcional / necessários para sua implantação
Guichê 2 Guichê 4 Guichê 5 Guichê 1

Orientativa são definidos pelo corpo técnico da


instituição.
4.3 Sinalização Informativa
/ Restritiva / Segurança /
Educativa

Altura mínima: 2,10m


5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário

Vista Frontal
Escala 1:25
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 190

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.3 SINALIZAÇÃO INFORMATIVA / RESTRITIVA / SEGURANÇA / EDUCATIVA


IDENTIFICAÇÃO DE GUICHÊ
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização 01. Placa suspensa em estrutura tubular
revestida com chapa de ACM 3mm
Branco Ebserh, recortado, dobrado nas
3. Sinalização Externa laterais e na base.
03
02. Fixação através de cabo de aço
4. Sinalização Interna aparafusado em laje ou na estrutura do 02 04

telhado.
4.1 Sinalização Identificativa
1
01

25cm
03. Numeral em recorte a laser de chapa 04 Guichê
4.2 Sinalização Direcional / acrílica (PMMA) branca, e=10,0mm,
Orientativa aplicado colado diretamente na superfície 50cm 25
do ACM. 75cm
4.3 Sinalização Informativa
/ Restritiva / Segurança / 04. Informações em vinil autoadesivo
Educativa para recorte eletrônico, na cor Cinza
Escuro.

180cm
5. Sinalização
Estacionamento e FIXAÇÃO:
Regulamentação Viária ACM: colado no perfil através de fita
dupla-face de espuma acrílica e de
adesivo transferível.
6. Sinalização de Segurança Acrílicos: Cola da alta resistência para
uso em áreas externas.
7. Guia Rápido para
Implantação da IMPORTANTE:
Sinalização Conferir situação de instalação e
dimensões no local antes da execução
e instalação da peça. A fixação da
8. Glossário estrutura e verificação das condições
Vista Frontal
Escala 1:25
do local, assim como o cálculo
estrutural e dimensões de perfis, são
de responsabilidade do fornecedor
executante, o qual deverá fornecer ART
de Projeto e Execução.
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 191

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.3 SINALIZAÇÃO INFORMATIVA / RESTRITIVA / SEGURANÇA / EDUCATIVA


IDENTIFICAÇÃO DE GUICHÊ
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização A fim de organizar o layout do conjunto de
informações que este item exige, deve-se
respeitar o regramento da disposição dos
3. Sinalização Externa elementos conforme as orientações ao

1 2
lado.
4. Sinalização Interna
4.1 Sinalização Identificativa Guichê Guichê
4.2 Sinalização Direcional /
Orientativa
4.3 Sinalização Informativa
/ Restritiva / Segurança /
Educativa

3 4
5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária Guichê Guichê
6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Guichê 5 Guichê 6
Vista Frontal Grid
Escala 1:10
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 192

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.3 SINALIZAÇÃO INFORMATIVA / RESTRITIVA / SEGURANÇA / EDUCATIVA


PLACAS EDUCATIVAS
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização Conjunto de placas utilizadas para
transmitir avisos, indicar procedimentos,
cuidados com segurança e restrições
3. Sinalização Externa ou obrigações para orientar e direcionar
pessoas em situações que requerem
4. Sinalização Interna especial atenção.

4.1 Sinalização Identificativa


4.2 Sinalização Direcional /
Orientativa
4.3 Sinalização Informativa
/ Restritiva / Segurança /
Educativa

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 193

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.3 SINALIZAÇÃO INFORMATIVA / RESTRITIVA / SEGURANÇA / EDUCATIVA


PLACAS RESTRITIVAS E DE SEGURANÇA
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização 01. Placa em chapa de acrílico branco
leitoso e.: 6mm.

3. Sinalização Externa 02. Devido a necessidade de replicar em


quantidade estes modelos de placas,
sugere-se a impressão digital das ATENÇÃO Raios X
4. Sinalização Interna informações por sistema com cura UV. Risco de queda.
Uma segunda opção seria a impressão Usar o corrimão.
4.1 Sinalização Identificativa Higienize
serigráfica das informações. E uma Entrada Restrita as mãos
01
4.2 Sinalização Direcional / terceira possibilidade seria aplicar
17cm 32cm
Orientativa as informações através do recorte 02
AVISO
eletrônico de vinil autoadesivo, nas cores ATENÇÃO AVISO
AVISO

17cm
AVISO
4.3 Sinalização Informativa especificadas nas artes-finais. Risco de queda.
Usar o corrimão.
Permitido somente
um acompanhante
por paciente.
Os Hospitais da rede Ebserh são
Permitido somente
financiados pelo SUS e todos os um acompanhante Por favor
/ Restritiva / Segurança /
serviços prestados são gratuitos.

É crime qualquer tipo


por paciente. faça silêncio

42cm
Os Hospitais da rede Ebserh são
cobrança ao usuário.

Educativa Denuncie à Ouvidoria:


Contato:
(xx) xxxx-xxxx
financiados pelo SUS e todos os
serviços prestados são gratuitos.
E-mail:
ouvidoria.xxxxx@ebserh.gov.br

É crime qualquer tipo


cobrança ao usuário.
5. Sinalização Usar
paramentação

Estacionamento e
Denuncie à Ouvidoria:
adequada
FIXAÇÃO: Contato:
(xx) xxxx-xxxx

Regulamentação Viária Colado na parede através de fita dupla- E-mail:


ouvidoria.xxxxx@ebserh.gov.br

150cm
face de espuma acrílica e de adesivo
transferível.
6. Sinalização de Segurança Proibido uso
de adornos

7. Guia Rápido para


Implantação da IMPORTANTE:
Conferir situação de instalação e
Sinalização dimensões no local antes da execução
Proibido uso
e instalação da peça. A fixação da de celular
8. Glossário estrutura e verificação das condições Vista Frontal
do local, assim como o cálculo Escala 1:25
estrutural e dimensões de perfis, são Vista Frontal Grid
de responsabilidade do fornecedor Escala 1:10
executante, o qual deverá fornecer ART
de Projeto e Execução.
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 4. Sinalização Interna 194

4. Sinalização Interna

1. Introdução 4.3 SINALIZAÇÃO INFORMATIVA / RESTRITIVA / SEGURANÇA / EDUCATIVA


PLACAS RESTRITIVAS E DE SEGURANÇA
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização

3. Sinalização Externa 30cm

4. Sinalização Interna
4.1 Sinalização Identificativa
4.2 Sinalização Direcional /
Orientativa AVISO AVISO
Os Hospitais da rede Ebserh são
financiados pelo SUS e todos os
serviços prestados são gratuitos.

É crime qualquer tipo


de cobrança ao usuário.

4.3 Sinalização Informativa Denuncie à Ouvidoria:


Contato:
(xx) xxxx-xxxx

/ Restritiva / Segurança / E-mail:


ouvidoria.xxxxx@ebserh.gov.br

Educativa Os Hospitais da rede Ebserh são


financiados pelo SUS e todos os
5. Sinalização serviços prestados são gratuitos.
Estacionamento e

42cm
É crime qualquer tipo

180cm
Regulamentação Viária
de cobrança ao usuário.
6. Sinalização de Segurança
Denuncie à Ouvidoria:
7. Guia Rápido para Contato:
Implantação da (xx) xxxx-xxxx
Sinalização E-mail:
ouvidoria.xxxxx@ebserh.gov.br
8. Glossário

Vista Frontal
Escala 1:25
5. Sinalização de Estacionamento
e Regulamentação Viária
Este capítulo apresenta os elementos de sinalização que orientam, regulamentam
Voltar para o sumário e definem o trânsito de veículos no interior dos Hospitais.
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 5. Sinalização Estacionamento e Regulamentação Viária 196

5. Sinalização de Estacionamento e Regulamentação Viária

1. Introdução
CONJUNTO DE ELEMENTOS DE SINALIZAÇÃO DE ESTACIONAMENTO
2. Elementos Gráficos do
Conjunto de elemento utilizados nos
Sistema de Sinalização estacionamentos, propostos para
sinalizar acessos, informar sobre tarifas
3. Sinalização Externa e regulamentar os deslocamentos viários
praticados neste ambiente.

4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário

Saída Entrada PARE


Saída Entrada
E Setor

PARE 20
km/h
Ambulância
2 vagas
Exclusivo
Uso obrigatório
de cartão
A1
Valores
30 minutos
R$ 00,00

60 minutos
R$ 00,00

120 minutos
R$ 00,00
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 5. Sinalização Estacionamento e Regulamentação Viária 197

5. Sinalização de Estacionamento e Regulamentação Viária

1. Introdução
IDENTIFICAÇÃO ENTRADAS E SAÍDAS
2. Elementos Gráficos do
Conjunto de elemento de apoio
Sistema de Sinalização à comunicação visual dos
estacionamentos, utilizados para
3. Sinalização Externa sinalizar acessos e informar sobre tarifas
praticadas nesta atividade.

4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização
Saída Entrada
Saída Entrada
8. Glossário

Valores
30 minutos
R$ 00,00

60 minutos
R$ 00,00

120 minutos
R$ 00,00

Vista Frontal
Escala 1:50
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 5. Sinalização Estacionamento e Regulamentação Viária 198

5. Sinalização de Estacionamento e Regulamentação Viária

1. Introdução
TOTEM ENTRADA E SAÍDA
2. Elementos Gráficos do
Elemento de apoio à comunicação visual
Sistema de Sinalização dos estacionamentos, utilizado para
balizar aos usuários os acessos ao
3. Sinalização Externa estacionamento e indicar previamente o
sentido de deslocamento dos veículos
para entrada e saída, no nível do
4. Sinalização Interna passeio.

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 5. Sinalização Estacionamento e Regulamentação Viária 199

5. Sinalização de Estacionamento e Regulamentação Viária


70cm 12cm

01
1. Introdução 01

TOTEM ENTRADA E SAÍDA 03 Entrada


2. Elementos Gráficos do
01. Acabamento externo em chapa de
Sistema de Sinalização alumínio composto (ACM) Branco Ebserh.
04

02
02. Informações em vinil autoadesivo
3. Sinalização Externa para recorte Cinza Ebserh.

03. Chapa acrílica (PMMA) e=10,0mm,


4. Sinalização Interna na cor branco ou translúcido, recortada a
laser, com acabamento final em pintura
5. Sinalização automotiva com pasta fosqueante.
03
Estacionamento e 04. Chapa acrílica (PMMA) e=10,0mm, na
Regulamentação Viária cor branco, recortada a laser.

250cm

250cm
260cm

260cm
6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário

IMPORTANTE:
Conferir situação de instalação e
dimensões no local antes da execução
e instalação da peça. A fixação da
estrutura e verificação das condições

10

10
do local, assim como o cálculo
estrutural e dimensões de perfis, são
de responsabilidade do fornecedor
executante, o qual deverá fornecer ART
de Projeto e Execução.
Vista Frontal Vista Lateral
Escala 1:20 Escala 1:20
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 5. Sinalização Estacionamento e Regulamentação Viária 200

Dobra do ACM

5. Sinalização de Estacionamento e Regulamentação Viária Vista Superior


Estrutura - Escala 1:20
70cm 12cm

1. Introdução
TOTEM ENTRADA E SAÍDA
2. Elementos Gráficos do
01. Estrutura tubular metálica das faces
Sistema de Sinalização soldada ao item 03.

02. Perfil metálico “T” para suporte do


3. Sinalização Externa revestimento em chapa de ACM 3mm.
Peça soldada no item 01.
4. Sinalização Interna 03. Estrutura principal através de perfil
01

tubular metálico e contraventada com


5. Sinalização perfil “T” soldada na estrutura principal. 02

Estacionamento e 04. Reforço estrutural em perfil tubular


Regulamentação Viária metálico soldado ao item 03.
Dobra do ACM
05. Base em chapa metálica para fixação
Vista Superior

250cm

250cm
03
6. Sinalização de Segurança através de parafusos parabolt chumbados

260cm

260cm
Estrutura - Escala 1:20
no item 06. Chapa soldada no item 03.
70cm 12cm

7. Guia Rápido para 06. Sapata de concreto moldada no local. 04


FCK do concreto deve ser definido em
Implantação da projeto estrutural de responsabilidade do
Sinalização fornecedor executante.

8. Glossário

05
01
IMPORTANTE:
Conferir situação de instalação e
dimensões no local antes da execução 02 06

e instalação da peça. A fixação da

10

10
estrutura e verificação das condições
do local, assim como o cálculo Sapata de concreto com dimensões
de acordo com cálculo estrutural
estrutural e dimensões de perfis, são que é de responsabilidade do

250cm

250cm
03 fornecedor executante.

260cm

260cm
de responsabilidade do fornecedor
executante, o qual deverá fornecer ART
Vista Frontal Vista Lateral
de Projeto e Execução. 04 Estrutura - Escala 1:20 Estrutura - Escala 1:20
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 5. Sinalização Estacionamento e Regulamentação Viária 201

5. Sinalização de Estacionamento e Regulamentação Viária

1. Introdução
TOTEM ENTRADA E SAÍDA
2. Elementos Gráficos do
Sistema de Sinalização
Para a organização das informações Saída Entrada
que constarão em cada totem deve-se
respeitar o regramento da disposição
3. Sinalização Externa destes itens conforme as orientações ao
lado.

4. Sinalização Interna

5. Sinalização Valores
Estacionamento e 30 minutos
Regulamentação Viária R$ 00,00

60 minutos
6. Sinalização de Segurança R$ 00,00

120 minutos
7. Guia Rápido para R$ 00,00

Implantação da
Sinalização

8. Glossário

Vista Frontal Grid Vista Frontal Grid


Escala 1:20 Escala 1:20
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 5. Sinalização Estacionamento e Regulamentação Viária 202

5. Sinalização de Estacionamento e Regulamentação Viária

1. Introdução
TOTEM VALORES DO ESTACIONAMENTO
2. Elementos Gráficos do
Elemento de apoio à comunicação visual
Sistema de Sinalização de ingresso aos estacionamentos,
utilizado para informar aos usuários as
3. Sinalização Externa tarifas praticadas para a guarda dos
veículos nas vagas.

4. Sinalização Interna

5. Sinalização
Estacionamento e
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 5. Sinalização Estacionamento e Regulamentação Viária 203

5. Sinalização de Estacionamento e Regulamentação Viária

1. Introdução 70cm 12cm

TOTEM VALORES DO ESTACIONAMENTO 01 01

2. Elementos Gráficos do Valores


Sistema de Sinalização
01. Acabamento externo em chapa de Valores
alumínio composto (ACM) Branco Ebserh.
30 minutos
30 minutos
02. Informações em vinil autoadesivo
3. Sinalização Externa para recorte Cinza Ebserh.
02
R$ 00,00
R$ 00,00

60 minutos
60 minutos
4. Sinalização Interna R$ 00,00
R$ 00,00

120
120 minutos
minutos
5. Sinalização R$
R$ 00,00
00,00

Estacionamento e

190cm

190cm
200cm

200cm
Regulamentação Viária

6. Sinalização de Segurança

7. Guia Rápido para


Implantação da
Sinalização

8. Glossário

10

10
IMPORTANTE:
Conferir situação de instalação e
dimensões no local antes da execução
e instalação da peça. A fixação da
estrutura e verificação das condições
do local, assim como o cálculo Vista Frontal Vista Lateral
estrutural e dimensões de perfis, são Escala 1:20 Escala 1:20
de responsabilidade do fornecedor
executante, o qual deverá fornecer ART
de Projeto e Execução.
Manual de Sinalização dos Hospitais Universitários da Rede Ebserh 5. Sinalização Estacionamento e Regulamentação Viária 204

5. Sinalização de Estacionamento e Regulamentação Viária

1. Introdução
TOTEM VALORES DO ESTACIONAMENTO
Dobra do ACM
2. Elementos Gráficos do
01. Estrutura tubular metálica das faces Vista Superior
Sistema de Sinalização soldada ao item 03. Estrutura - Escala 1:20

02. Perfil metálico “T” para suporte do 70cm 12cm


3. Sinalização Externa revestimento em chapa de ACM 3mm.
Peça soldada no item 01.
4. Sinalização Interna 03. Estrutura principal através de perfil
01

tubular metálico e contraventada com


5. Sinalização perfil “T” soldada na estrutura principal. 02

Estacionamento e 04. Reforço estrutural em perfil tubular


Regulamentação Viária metálico soldado ao item 03.

05. Base em chapa metálica para fixação


03
6. Sinalização de Segurança através de parafusos parabolt chumbados
no item 06. Chapa soldada no item 03.

7. Guia Rápido para 06. Sapata de concreto moldada no local. 04

190cm