Você está na página 1de 8

04/10/2018 Agentes químicos

Agentes químicos

Medidas de controle para


aerodispersóides, gases e vapores
As medidas de controle de agentes
químicos como partículas de
aerodispersóides, gases e vapores
caracteriza-se pela combinação de
medidas que, em conjunto ou
individualmente, podem ser utilizadas na
redução dos riscos a que estão expostos
os trabalhadores. Estas medidas podem
ser relativas ao ambiente e ao homem.

» Riscos químicos: medidas de controle relativas ao ambiente

As medidas de controle no meio ambiente possuem prioridade


hierárquica em relação às medidas de controle no homem (utilização de
EPI) e iremos listar a seguir algumas das mais importantes como
substituição do produto tóxico ou nocivo, mudanças do processo de
operação, encerramento ou enclausuramento da operação, segregação da
operação ou processo, umectação, ventilação geral diluidora, ventilação
local exaustora, ordem, limpeza e organização.

O controle no ambiente é ainda mais eficiente quando adotado para o


controle de agentes químicos que tem como característica a dissipação de
suas substâncias pelo ar. Observe:

https://senac.blackboard.com/bbcswebdav/pid-3436889-dt-content-rid-61386776_1/institution/Senac%20RS/TST/UC02/conteudos/02_tecnicas_c… 1/8
04/10/2018 Agentes químicos

Clique ou toque nos títulos para expandir o conteúdo.

Substituição do produto tóxico ou nocivo

Este procedimento técnico nem sempre é possível, mas, quando for


possível, é a maneira mais segura de se eliminar ou minimizar o risco
da exposição.

Podemos exemplificar citando, por exemplo, a substituição do chumbo


por óxidos menos tóxicos, tais como: óxido de titânio e zircônio. Na
fabricação e manipulação de camadas vitrificadas e tintas, podemos
substituir o chumbo pelos sais de zinco. Outro exemplo importante é o
da substituição da areia contendo sílica livre por granalha de aço, nas
operações de jateamento de peças, visto que reduz sensivelmente o
risco de silicose (quando não se tratar de peças fundidas).

https://senac.blackboard.com/bbcswebdav/pid-3436889-dt-content-rid-61386776_1/institution/Senac%20RS/TST/UC02/conteudos/02_tecnicas_c… 2/8
04/10/2018 Agentes químicos

Mudanças do processo de operação

Consiste na alteração do processo produtivo.

Os processos de operação podem ser determinantes nos resultados


quantitativos dos agentes químicos presentes no meio ambiente de
trabalho.

Um processo de pintura automotiva através de spray de pistola de ar


comprimido apresentará níveis de aerodispersóides maiores do que os
apresentados quando na utilização de processo por imersão das peças
em tinta.

Alguns exemplos:

Utilização de pintura por imersão ao invés de pintura com


pistola.

Mecanização e automatização de processos como


ensacamento de pós.

Encerramento ou enclausuramento da operação

Baseia-se no confinamento da operação, objetiva, assim, impedir a


dispersão do contaminante para todo o ambiente de trabalho. O
confinamento pode ou não incluir o trabalhador. Quando houver
processos produtivos que gerem grandes quantidades de
contaminantes e o trabalhador estiver inserido no enclausuramento, a
ele deverá ser obrigatoriamente fornecido equipamento adequado de
proteção pessoal, independentemente de haver ou não sistema de
exaustão.

https://senac.blackboard.com/bbcswebdav/pid-3436889-dt-content-rid-61386776_1/institution/Senac%20RS/TST/UC02/conteudos/02_tecnicas_c… 3/8
04/10/2018 Agentes químicos

Segregação da operação ou processo

Trata-se, basicamente, do isolamento da operação limitando seu


espaço físico fora da área de produção. Normalmente é utilizado esse
controle quando não se pode mudar o processo produtivo e o agente
agressivo atinge outros trabalhadores, contaminando-os sem estes
participarem da operação.

A adoção desse processo implica diminuir o número de trabalhadores


expostos aos riscos, sem, contudo, deixar de levar em conta que os
trabalhadores expostos ao risco deverão necessariamente fazer uso de
medidas de proteção individual.

A segregação pode ser feita no espaço ou no tempo. Segregação no


espaço consiste em isolar o processo a distância. Segregação no
tempo corresponde a executar uma tarefa fora do horário normal,
reduzindo igualmente o número de trabalhadores expostos.

A segregação pode ser feita no espaço ou no tempo. Segregação no


espaço consiste em isolar o processo a distância. Segregação no
tempo corresponde a executar uma tarefa fora do horário normal,
reduzindo igualmente o número de trabalhadores expostos.

https://senac.blackboard.com/bbcswebdav/pid-3436889-dt-content-rid-61386776_1/institution/Senac%20RS/TST/UC02/conteudos/02_tecnicas_c… 4/8
04/10/2018 Agentes químicos

Umectação

A eficiência da umectação de poeira com água depende de dois


fatores: do umedecimento da poeira e de sua adequada disposição
depois de molhada.

Como aplicações clássicas desse método podemos citar a utilização de


água nas operações de perfuração em minas e a aspersão de água
sobre as mandíbulas de britadores.

Ventilação geral diluidora

É o insuflamento e retirada do ar em um ambiente de trabalho, tendo


como objetivo a redução das concentrações de substâncias nocivas à
saúde dos trabalhadores expostos.

Tal redução ocorre uma vez que, ao se introduzir grandes volumes de


ar puro em um ambiente contendo certa massa de determinado
poluente, se dá, então, a dispersão ou diluição desta massa, reduzindo-
se assim a concentração dos poluentes.

Devemos lembrar que esse método não extingue ou minimiza os níveis


de emissão dos agentes, simplesmente proporcionando sua diluição.

https://senac.blackboard.com/bbcswebdav/pid-3436889-dt-content-rid-61386776_1/institution/Senac%20RS/TST/UC02/conteudos/02_tecnicas_c… 5/8
04/10/2018 Agentes químicos

Ventilação local exaustora

É a retirada dos agentes poluentes através de exaustão sem que os


mesmos entrem em contato com os trabalhadores.

A ventilação local exaustora permite que os agentes presentes no ar


sejam captados e conduzidos aos equipamentos de controle ou
tratamento, dessa forma, além de beneficiar o trabalhador, ajuda
também a população que se encontra dentro da área de ação de
dispersão de poluentes.

Tal tipo de ventilação possui várias vantagens em relação à geral


diluidora, dentre elas: captura e controle completo do contaminante;
vazões requeridas mais baixas; os contaminantes são recolhidos em
colume menor de ar capturado, reduzindo assim também os custos.

Ordem, limpeza e conservação

A ordem, a limpeza e a conservação dos locais, máquinas e


equipamentos constituem a base geral indispensável ao rendimento
eficiente dos métodos descritos, e a prática tem demonstrado que
proporcionam, na maioria das indústrias, um bom índice do programa
de higiene do trabalho.

Uma boa ordem, limpeza e conservação significam limpeza dos pisos,


das máquinas e de quaisquer superfícies horizontais, previsão de
depósitos para materiais nocivos e métodos adequados a seu
transporte e emprego, disposição das operações de modo a limitar o
número de operários expostos aos riscos.

https://senac.blackboard.com/bbcswebdav/pid-3436889-dt-content-rid-61386776_1/institution/Senac%20RS/TST/UC02/conteudos/02_tecnicas_c… 6/8
04/10/2018 Agentes químicos

» Riscos químicos: medidas de controle relativas ao homem

As medidas de controle aplicadas diretamente no trabalhador devem


funcionar em conjunto com as medidas ambientais, sempre que estas não
forem suficientes para a manutenção de limites de exposição adequados ao
trabalhador e podem ser adotadas através da limitação do tempo de
exposição do trabalhador, medidas educativas, treinamento, uso de
equipamento de proteção individual (EPI) e controle médico. Observe a
seguir:

Clique ou toque nos títulos para expandir o conteúdo.

Limitação do tempo de exposição

A redução dos períodos de trabalho é a importante medida de controle,


quando todas as outras medidas possíveis forem impraticáveis ou
insuficientes no controle de um agente. Assim, a limitação da exposição
ao risco, dentro de critérios técnicos bem definidos, pode tornar-se
solução efetiva e econômica.

Medidas educativas e treinamento

A conscientização do trabalhador quanto os riscos inerentes às


operações, riscos ambientais e formas operacionais adequadas, que
garantam a efetividade das medidas de controle adotadas, além do
treinamento e procedimentos de emergência e noções de primeiros
socorros, deverá ter lugar sempre, independentemente da utilização de
outras medidas de controle, servindo-lhes como importante
complemento.

https://senac.blackboard.com/bbcswebdav/pid-3436889-dt-content-rid-61386776_1/institution/Senac%20RS/TST/UC02/conteudos/02_tecnicas_c… 7/8
04/10/2018 Agentes químicos

Uso de equipamentos de proteção individual

Devem ser sempre considerados como a segunda linha de defesa,


após criteriosas considerações sobre todas as possíveis medidas de
controle relativas ao ambiente, que possam ser tomadas e aplicadas
prioritariamente.

Entretanto, há situações especiais, nas quais as medidas de controle


ambientais são inaplicáveis parcial ou totalmente. Nesses casos, a
única forma de proteger o trabalhador será dotá-lo de equipamento de
proteção individual.

Nas operações em que as concentrações de poluentes são superiores


ao limite de tolerância, devem ser usados respiradores de filtro químico
(gases e vapores) e mecânico (fumos e poeiras); nos locais onde há
presença de gases e poeiras, respiradores de filtro combinado.

É importante esclarecer que o uso dos respiradores é obrigatório


durante todo o tempo de exposição. A não utilização do protetor em
curto espaço de tempo diminui significativamente seu fator de proteção.

Controle médico

Os exames médicos admissionais e periódicos devem ser feitos como


forma de controle da saúde geral dos trabalhadores, de detecção de
fatores e predisposições a doenças profissionais, assim como avaliação
da efetividade dos métodos de controle empregados.

https://senac.blackboard.com/bbcswebdav/pid-3436889-dt-content-rid-61386776_1/institution/Senac%20RS/TST/UC02/conteudos/02_tecnicas_c… 8/8