Você está na página 1de 7

ANÁLISE PRELIMINAR DE RISCO

 Archer Daniels Midland Company - ADM


APR Nº 001/2020
Atividade: Acesso à Espaços Confinados com Riscos de Desmoronamento e Engolfamento Rev. 00
Etapas do serviço: Preparação, Entrada, Execução da Atividade, Saída e Conclusão. Data:28/04/2020
Máquinas / Equipamentos: Equipamentos de ancoragem, EPC, EPI, iluminação, equipamento de medição, comunicação, entre outros. Folha: 1

PASSO A PASSO DA
RISCOS ENVOLVIDOS DANOS MEDIDAS DE CONTROLE
ATIVIDADE
1. Treinamento da Equipe  Falta de Conhecimento Acidentes SIF 1.1 Todos os funcionários envolvidos na tarefa de acesso aos silos devem ser treinados
envolvida na APR dos riscos de relacionado a nesta APR e responder e registrar em lista de presencia.
001/2020 Desmoronamento e ambientes
Engolfamento confinados e altura
2. Mobilização de  Queda do mesmo Escoriação; 2.1 Realizar checagem em todos os equipamentos de ancoragem observando a
equipamentos e nível; Corte; capacidade de carga e verificar a certificação (ID, polias, cintas, mosquetões, guinchos,
acessórios.  Queda de nível Contusão; cintos, entre outros);
diferente. Luxação; 2.2 Manter a área de trabalho organizada, evitando deixar equipamentos desnecessários
Desmaio; dentro do perímetro da atividade;
Fratura; 2.3 Cabos de aço deverão ser inspecionados em toda sua extensão (guinchos e linhas de
Óbito. vida). Ele não deverá possuir deterioração e/ou deformação;
2.4 A corda de acesso deverá:
 Possuir certificado de fabricação (fabricante);
 Ser apropriada para resgaste;
 Certificasse que ela estava armazenada em local adequado;
 Não possuir nenhuma deformação em sua estrutura e nem emendas;
2.5 Verificar se os cintos e capacetes são apropriados para espaço confinado;
2.6 Os rádios de comunicação, lanternas e equipamentos de trabalho deverão ser
intrinsecamente seguros (EXi – Anti Explosão);
 Nota – Uso do Rádio somente quando houver a dificuldade de comunicação
(audiovisual);
2.7 Sobre o medidor de gases:
 Antes de iniciar a atividade, verificar se o nível de carga da bateria está completo;
 Certificar a validade da calibração (Prazo máximo da validade 12 Meses);
 Deverá possuir pilhas ou baterias reservas e/ou o medidor reserva;
2.8 Manter equipamentos de resgaste próximo ao local da atividade (Kit de primeiros
socorros, pranchas cordas, descensores, fitas, agentes extintores, entre outros).

3. Mobilizar equipe  Imperícia; Escoriação; 3.1 Certificar que todos estão com os treinamentos e os ASO’s atualizados com aptidão

CÓPIA NÃO CONTROLADA


ANÁLISE PRELIMINAR DE RISCO
 Archer Daniels Midland Company - ADM
APR Nº 001/2020
Atividade: Acesso à Espaços Confinados com Riscos de Desmoronamento e Engolfamento Rev. 00
Etapas do serviço: Preparação, Entrada, Execução da Atividade, Saída e Conclusão. Data:28/04/2020
Máquinas / Equipamentos: Equipamentos de ancoragem, EPC, EPI, iluminação, equipamento de medição, comunicação, entre outros. Folha: 2

envolvida na atividade.  Atropelamento; Corte; para atividade em espaço confinado;


 Queda do mesmo Contusão; 3.2 O supervisor de entrada, o executante e o vigia deverão estar cientes das suas
nível; Luxação; responsabilidades;
 Queda de nível Desmaio; 3.3 Usar faixas de pedestres e ao acessar as escadas utilizar o corrimão;
diferente. Fratura. 3.4 Verificar se a equipe está em condições físicas e psicológicas de exercer à atividade;
3.5 Emissão da PT básica, Elaboração da ESLP e aplicação do LOTO na alimentação e
descarga do silo;
3.6 Elaborar PT para Espaço Confinado;
3.7 Elaborar PT para Altura;
3.8 Realizar reunião de pré-entrada com toda equipe reforçando os riscos da atividade e a
importância de seguir os procedimentos;
3.9 Usar cinto de segurança, acoplando o talabarte em uma estrutura estável, não ancorar
talabarte ou linha de vida em tubos, eletrodutos ou qualquer elemento que não tenha
resistência para amparar uma queda;
3.10 Sempre manter o talabarte preso pelo menos em um ponto seguro de ancoragem,
inclusive durante o acesso em escadas marinheiro;
3.11 Realizar percepção de risco considerando os pontos de ancoramento a serem usados
no sistema e todo layout do local.
3.12 Realizar isolamento da área com uma margem segura, de forma que os envolvidos na
atividade consigam se deslocar e movimentar ferramentas e equipamentos dentro do
perímetro, garantindo também que o local não seja violado por terceiros;
3.13 Toda área deverá estar sinalizada e isolada;
3.14 Interromper atividade em caso de grave e iminente risco ou intempéries que venham
comprometer a integridade do colaborador ou do equipamento;
3.15 Garantir aptidão física e mental da equipe de execução, mediante necessidade de
salvamento.
3.16 Revisar o plano de Comunicação e Resgate em caso de Emergência, Como será
acionada a Brigada de Emergência e Corpo de Bombeiros. Deixar claro Quando? E
Como? pedir Ajuda

4. Entrada no espaço  Queda de nível Escoriação; 4.1 Verificar o travamento das travas dos mosquetões, cintos, trava-quedas, tripé, entre
confinado diferente; Corte; outros;
 Atmosfera IPVS; Contusão; 4.2 Usar os EPIs e EPR (Equipamento de Proteção Respiratória);

CÓPIA NÃO CONTROLADA


ANÁLISE PRELIMINAR DE RISCO
 Archer Daniels Midland Company - ADM
APR Nº 001/2020
Atividade: Acesso à Espaços Confinados com Riscos de Desmoronamento e Engolfamento Rev. 00
Etapas do serviço: Preparação, Entrada, Execução da Atividade, Saída e Conclusão. Data:28/04/2020
Máquinas / Equipamentos: Equipamentos de ancoragem, EPC, EPI, iluminação, equipamento de medição, comunicação, entre outros. Folha: 3

 Explosão; Luxação; 4.3 Só acessar o espaço confinado mediante ancoramento no mínimo em dois sistemas de
 Incêndio; Desmaio; linha de vida;
Fratura; 4.4 Avaliar se há necessidade de ventilação ou exaustão;
Queimadura; 4.5 Avaliar se há necessidade de purgar ou lavar o espaço a ser visitado;
Óbito. 4.6 O sistema de linha de vida e o backup não deverão estar enleados. Os sistemas
deverão estar organizados sem atrapalhar no momento da tração vertical de descida
(colocar destorcedor entre os sistemas).
4.7 A descida só será liberada mediante autorização do supervisor do espaço confinado e
acompanhamento do vigia;
4.8 A descida do sistema com o executante deverá ser de forma lenta, evitando
movimentações bruscas;
4.9 A medição dos gases deverá ser realizada antes de acessar o espaço e após o acesso,
o executante terá de realizar o monitoramento de forma contínua. Seguem parâmetros
permissíveis para acesso no interior do espaço:
 Oxigênio – maior que 19,5% e menor que 23%;
 Gás combustível – menor que 10% do L.I.E;
 Gás sulfídrico – menor que 10 ppm;
 Monóxido de carbono – menor que 25 ppm.
4.10 Em situações de Atmosfera IPVS, só será liberado o acesso com sistema autônomo
com pressão positiva ou ar mandado;
 Em caso de necessidade de utilizar sistema autônomo ou ar mandado, realizar teste
de pressão positiva e negativa no colaborador que irá utilizar o sistema para
certificar se a máscara está vedada corretamente e as conexões não possuem
deformações. É proibido uso de barba (PPR- Fundacentro).
4.11 Proibir trabalho a quente no raio horizontal de 11 metros da área da atividade de
espaço confinado;
4.12 É proibido acender isqueiro, vela ou fósforo no interior do espaço confinado;
4.13 Todos os cabos de força dos equipamentos e extensões não deverão possuir
emendas.
5. Atividade dentro do  Queda de nível Escoriação; 5.1 Realizar uma Auditoria SIF Espaço Confinado durante a execução da tarefa para
espaço confinado diferente; Corte; garantir que as ações estão sendo cumpridas conforme o procedimento de Espaços
 Queda de objetos; Contusão; Confinados. Esta auditoria tem que ser realizada por uma terceira pessoa fora os
 Atmosfera Luxação; envolvidos na liberação da tarefa.

CÓPIA NÃO CONTROLADA


ANÁLISE PRELIMINAR DE RISCO
 Archer Daniels Midland Company - ADM
APR Nº 001/2020
Atividade: Acesso à Espaços Confinados com Riscos de Desmoronamento e Engolfamento Rev. 00
Etapas do serviço: Preparação, Entrada, Execução da Atividade, Saída e Conclusão. Data:28/04/2020
Máquinas / Equipamentos: Equipamentos de ancoragem, EPC, EPI, iluminação, equipamento de medição, comunicação, entre outros. Folha: 4

contaminada; Desmaio; 5.2 Só acessar o espaço confinado mediante ancoramento no mínimo em dois sistemas de
 Explosão; Fratura; linha de vida;
 Incêndio; Queimaduras; 5.3 PROIBIDO desconectar-se do sistema de ancoramento no interior do espaço confinado;
 Engolfamento; Óbito. 5.4 Não é permitido enviar equipamento ou acessórios sobre o colaborador. Os
 Soterramento; equipamentos deverão ser entregues em mãos;
 Choque elétrico; Danos ao 5.5 Não deixar equipamento e acessórios próximo na boca de entrada;
 Desidratação. Patrimônio; 5.6 Usar protetor de cordas ou cabo de aço na extremidade da boca de acesso, para evitar
Danos ao Meio atrito;
ambiente; 5.7 Caso o medidor de gases alarme a saída deverá ser em imediato;
5.8 Não utilizar nenhum objeto que produza faísca no interior do espaço confinado;
5.9 Só realizar atividade a quente, mediante aprovação do setor de segurança, gerência e
supervisão, após avaliar o processo de mitigação local;
5.10 Avaliar se há necessidade de purgar ou lavar o espaço;
5.11 Não ficar exposto diretamente na superfície da matéria prima, caso ocorra
necessidade deverá ser previamente avaliada pela gerência, supervisão e segurança,
utilizar se necessário prancha de apoio de modo a distribuir o peso;
5.12 É proibido usar linha de vida com fator de queda maior que 0;
5.13 Quando ocorre qualquer interrupção na atividade a mesma deverá ser cancelada;
5.14 Deverá deixar disponível na frente da atividade, um recipiente térmico com água
potável para hidratação da equipe;
5.15 Interromper a atividade em caso de grave iminente de risco ou intempéries que
venham comprometer a integridade do colaborador ou do equipamento, neste formato
as PT’s deverão ser canceladas. É após normalização uma nota PT deverá ser aberta.
5.16 O executante não deverá executar atividades abaixo de barreiras de MP, evitando
assim que ela desmorone e cause o soterramento do colaborador.

6. Saída do Espaço  Queda de nível Escoriação; 6.1 PROIBIDO desconectar-se dos sistemas de ancoramento no interior do espaço
Confinado diferente; Corte; confinado;
 Queda de objetos; Contusão; 6.2 A elevação deverá ser lenta, evitando movimento brusco nos sistemas;
 Engolfamento; Luxação; 6.3 No momento da elevação do espaço confinado, deverá manter os dois sistemas de
 Soterramento; Desmaio; linha de vida acoplado no cinto;
Fratura; 6.4 Os objetos deverão seguir juntamente com o executante. É proibido elevar qualquer
Óbito. equipamento durante a permanência do executante no interior do espaço confinado;

CÓPIA NÃO CONTROLADA


ANÁLISE PRELIMINAR DE RISCO
 Archer Daniels Midland Company - ADM
APR Nº 001/2020
Atividade: Acesso à Espaços Confinados com Riscos de Desmoronamento e Engolfamento Rev. 00
Etapas do serviço: Preparação, Entrada, Execução da Atividade, Saída e Conclusão. Data:28/04/2020
Máquinas / Equipamentos: Equipamentos de ancoragem, EPC, EPI, iluminação, equipamento de medição, comunicação, entre outros. Folha: 5

6.5 Só irá remover o sistema de ancoramento após sair do raio de risco do espaço
confinado e colocar o cadeado na tampa de inspeção;

7. Conclusão da atividade  Queda de nível Escoriação; Corte; 7.1 Deverá desmobilizar todos acessórios, equipamentos e resíduos ali gerados;
diferente; Contusão; 7.2 Desmobilizar o isolamento e sinalização;
 Queda do mesmo Luxação; Desmaio; 7.3 Os resíduos gerados deverão ser encaminhados para central de resíduo de acordo com
nível; Fratura; a sua classificação;
 Atropelamento; Óbito. 7.4 Todos os acessórios e equipamentos de ancoramento deverão ser limpos e guardados
 Ao Meio Ambiente; em um local que não comprometa sua vida útil;
Contaminação do 7.5 Caso a corda apresente alto nível de sujidade, deverá ser lavada com água e sabão
solo; neutro, e secar na sombra;
Contaminação do 7.6 Após remoção de todos os materiais oriundos do serviço, deverá:
lençol freático.  Encerrar a PT básica;
 Encerrar a PT de espaço confinado;
 Encerrar a PT de Altura
 Entregar a ESLP com as etiquetas de bloqueio anexadas;
 Remoção do sistema LOTO;
 Entregar todas as documentações ao setor de segurança;
7.7 Liberar equipamento para operação.

CONTATOS EM CASOS DE EMERGÊNCIA E RESGATE


Bombeiro Sup Recebimento Técnico de Segurança Supervisor de Produção Gerente de Fábrica
193 (69) 99943-0629 (69) 98113-0983 (69) 98114 - 8792 (38) 99906-5422

EPI’s utilizados na tarefa: Luva de raspa ou vaqueta, capacete com jugular, bota de segurança com biqueira de aço, óculos de segurança, trava-quedas,
cinto de segurança paraquedistas, entre outros.
PESSOAS ENVOLVIDAS NA ATIVIDADE:
Func 1: Ass: Empresa:
Func 2: Ass: Empresa:

CÓPIA NÃO CONTROLADA


ANÁLISE PRELIMINAR DE RISCO
 Archer Daniels Midland Company - ADM
APR Nº 001/2020
Atividade: Acesso à Espaços Confinados com Riscos de Desmoronamento e Engolfamento Rev. 00
Etapas do serviço: Preparação, Entrada, Execução da Atividade, Saída e Conclusão. Data:28/04/2020
Máquinas / Equipamentos: Equipamentos de ancoragem, EPC, EPI, iluminação, equipamento de medição, comunicação, entre outros. Folha: 6

Func 3: Ass: Empresa:


Func 4: Ass: Empresa:
Func 5: Ass: Empresa:

AUTORIZAÇÃO DA ATIVIDADE
NOME CARGO ASSINATURA

Examinei pessoalmente a área acima e certifico que as precauções descritas neste documento foram tomadas

CÓPIA NÃO CONTROLADA


ANÁLISE PRELIMINAR DE RISCO
 Archer Daniels Midland Company - ADM
APR Nº 001/2020
Atividade: Acesso à Espaços Confinados com Riscos de Desmoronamento e Engolfamento Rev. 00
Etapas do serviço: Preparação, Entrada, Execução da Atividade, Saída e Conclusão. Data:28/04/2020
Máquinas / Equipamentos: Equipamentos de ancoragem, EPC, EPI, iluminação, equipamento de medição, comunicação, entre outros. Folha: 7

RESPONSÁVEIS PELA ELABORAÇÃO, CRÍTICAS E APROVAÇÃO


ELABORADOR ANALISTA(S) CRÍTICO(S) APROVADOR

________________________________________
Marcos Cicone
Supervisor Corporativo
________________________________________ ________________________________________
Claudio Claudino dos Santos Limberg Estremadoiro
Técnico de Segurança do Trabalho ________________________________________ Gerente de Segurança Nutricional da América do Sul
Anderson Brito de Paula
Supervisor Corporativo

CÓPIA NÃO CONTROLADA

Você também pode gostar