Você está na página 1de 2

SUBORDINAÇÃO: consiste numa relação entre um elemento subordinante e uma

oração subordinada, por meio de conjunções ou locuções conjuncionais subordinativas

Designação Conjunções subordinativas Locuções conjuncionais


(uma palavra) subordinativas
(duas ou mais palavras)
TEMPORAIS quando, antes que, depois que,
(indicam o tempo) enquanto, logo que, assim que,
apenas, mal, até que, desde que,
primeiro que,
sempre que, …
CAUSAIS porque, como, que (=porque) visto que, pois que, já que, por
(Indicam a causa ou o motivo) isso que, por isso mesmo que,

FINAIS que (= para que), para* para que, a fim de que
(designam a finalidade da
oração subordinante)
CONDICIONAIS se, caso a não ser que, desde que, no
(exprimem uma condição que caso que, exceto se, salvo se, …
tornará realizável a ação
expressa na oração
subordinante)

*“para” é uma preposição que funciona como conjunção, nas situações em que

introduz orações adverbiais não finitas.

NOTAS:

1. Na subordinação, há uma oração que é independente (oração subordinante)

e outra que depende dela para que tenha sentido e que é iniciada por uma

conjunção ou locução conjuncional subordinativa (oração subordinada).

2. A oração subordinada tanto pode aparecer em primeiro como em segundo

lugar na frase. Quando a oração subordinada aparece em primeiro lugar na

frase, deve estar isolada por vírgula.

3. As orações subordinadas adverbiais temporais, causais e finais

desempenham a função sintática de MODIFICADOR (do grupo verbal).

4. As orações subordinadas adverbiais condicionais desempenham a função

sintática de MODIFICADOR (de frase).

1
Repara nos exemplos:

A. O menino guardou segredo porque queria ter um amigo.

Oração subordinante Oração subordinada adverbial causal

“porque”: conjunção subordinativa causal

B. Quando o pai tratava da videira, fazia-o com muito carinho.

Oração subordinada adverbial temporal Oração subordinante

“Quando”: conjunção subordinativa temporal

C. Vou ler com atenção a ficha para que perceba bem a matéria.

Oração subordinante Oração subordinada adverbial final

“para que”: locução conjuncional subordinativa final

Agora tu…

1. Divide e classifica as orações presentes nas frases seguintes e indica a classe

e subclasse das palavras destacadas.

1.1. Caso chova, não vou à praia.

1.2. Já que tirei boa nota no teste, vou festejar.

1.3. Mal chegues, telefona-me.

1.4. Faz os exercícios todos a fim de que percebas bem a matéria.

1.5. Como estava doente, faltei à aula.

1.6. Estamos aqui para trabalhar.

Bom trabalho!

A professora: Sandra Araújo

Você também pode gostar