Você está na página 1de 1

Coronavírus

COVID-19 IgG e IgM

PACIENTE EXAME

Nome: Monica Dias Santos Leite Coleta: 09/06/2020 15:30


CPF: 129.512.878-01 Liberação: 09/06/2020 15:48
Sexo: Feminino Amostra: Sangue total
Nascimento: 07/08/1972 (47 anos) Método: Imunocromatografia
ID: MzZM383zU2LUjZkC0TELKLS4HHor2dYFI4Cve6HeGC4 Lote: COVEL200522
=

SEU RESULTADO

IgM

você: não reagente


Reagente Valor de referência
Não Reagente
Não Reagente

IgG

você: não reagente


Reagente Valor de referência
Não Reagente
Não Reagente

O QUE SIGNIFICA SEU RESULTADO?


IgM (primeiro anticorpo produzido para combater uma nova infecção): Seu resultado indica que não há anticorpos IgM contra o vírus
SARS-CoV-2 na amostra de sangue analisada, indicando ausência de infecção. IgG (anticorpo produzido mais tardiamente e que
fornece imunidade a longo prazo): Seu resultado indica que não há anticorpos IgG contra o vírus SARS-CoV-2 na amostra de
sangue analisada, sugerindo que não houve contato prévio com o agente infeccioso.

Recomendação: O resultado IgM Não Reagente não exclui a possibilidade de infecção pelo vírus SARS-CoV-2. Se o teste foi
realizado por motivo de suspeita da doença, o resultado pode corresponder aos primeiros dias de infecção. Por isso, uma nova
amostra poderá ser coletada. Persistindo a suspeita, com a presença de sinais e sintomas compatíveis com a COVID-19, lembre-se
de adotar as medidas de isolamento. Caso os sintomas como febre alta e dificuldade respiratória persistam, o paciente deve procurar
uma Unidade de Saúde. Lembre-se de evitar aglomerações e utilizar máscara cirúrgica. Mantenha os cuidados recomendados pelo
Ministério da Saúde https: //coronavirus.saude.gov.br/.

Limitação do exame
O exame de análise de anticorpos contra o vírus SARS-C0V-2 é um ensaio qualitativo capaz de detectar níveis de anticorpos IgG e IgM após a janela de soroconversão. Antes desse
período a titulação de anticorpos pode ser muito baixa para ser detectada pelo exame. Um resultado não reagente indica a ausência de níveis detectáveis de anticorpos IgG e/ou IgM e
não exclui a possibilidade de contato prévio com o vírus SARS-C0V-2 ou infecção na fase aguda. Apesar de ser possível o surgimento de anticorpos antes desse período, a sensibilidade é
maior e crescente a partir de 7 dias para o IgM e 14 dias para o IgG.

ESTABELECIMENTO LAUDO
SECRETARIA DE ESTADO DA SAUDE Tipo: TLR
CNPJ: 46.374.500/0001-94 Emitido e validado por:
Hi Technologies
ATENDIMENTO Rua Eduardo Sprada, 6400
CIC, Curitiba - PR CEP 81290-110
Priscila Marques de Amaral
Telefone: (41) 3285-3170
Cargo: Especialista Hilab
CRBM-6: 2017-0339-0

O exame deve ser sempre interpretado em conjunto com sinais e sintomas apresentados pelo paciente. O médico é o profissional responsável por fazer a interpretação do exame em conjunto com os sintomas.
Os Termos de Uso e a Política da Plataforma Hilab estão disponíveis no link hilab.com.br/termosdeuso. Caso não concorde com as condições, comunique-nos através do email cancelamento@hilab.com.br (Laudo 3.0)

DÚVIDAS? LAUDO@HILAB.COM.BR • (41) 3285-3170