Você está na página 1de 4

EXERCÍCIO DE NIVELAMENTO

PERGUNTAS E RESPOSTAS

1) Qual o conceito de empreendedor ?


Empreendedor é um indivíduo que imagina, desenvolve e realiza visões. Ele está
sempre buscando novas idéias e criando alternativas, trabalha em sua meta
estabelecida e, com muita perseverança, consegue realizar seu grande sonho
(objetivo).

2) O que revelam as pesquisas sobre o perfil do empreendedor ?


O empreendedor é um ser social, produto do meio em que vive. Isso revela que se
uma pessoa viva em um ambiente favorável ao empreendedorismo, ou seja, num lugar
onde essa característica é demonstrada, há grande chance dessa pessoa se tornar
empreendedora. É um fenômeno regional, ou seja, existem lugares mais, ou menos,
empreendedores.
O empreendedorismo varia de lugar para lugar.

3) Qual é o ponto de partida dos pesquisadores quando se tem em mente formar


empreendedores ?
Parte-se do princípio, que para se tornar um empreendedor a pessoa tem que ter
características e aptidões semelhantes em pessoas que sabem empreender.
4) Que garantia de sucesso tem as pessoas empreendedoras?
Na área de empreendedorismo não há como determinar com certeza se uma pessoa
vai ou não ser bem sucedida.

5) O que significa a afirmação: “O empreendedorismo é um fenômeno cultural.”


A afirmação “o empreendedor é um fenômeno cultural” significa que uma pessoa se
torna empreendedora por influência cultural do meio em que vive.

6) Na formação do empreendedor três níveis se inter- relacionam. Quais são e em


que consistem?
Primário: familiares e conhecidos . ligação em torno de mais de uma atividade;
Secundário: ligação em torno de determinada atividade. rede de ligações;
Terciário: cursos, livros viagens, feiras e congressos.

7) Quais as principais características de um empreendedor.


Ter um modelo, alguém que o influencie;
Ter iniciativa, autonomia, auto-confiança, otimismo, perseverança, é inovador e
criativo;
Aprender com os próprios erros, ter grande energia e ser um trabalhador incansável;

Saber fixar metas e alcançá-las, ter forte intuição e comprometimento com o que faz;
Criar situações para obter feedback sobre o seu comportamento e saber utilizar tais
informações para o seu aprimoramento;
Saber buscar, utilizar e controlar recursos e tecer rede de relações;
1
Ser um sonhador realista, ser líder e ser orientado para obter resultados;
Conhecer bem o ramo que atua e traduz seus pensamentos em ações;
Não ser um aventureiro, assume riscos moderados e tem a capacidade de influenciar
pessoas;
Manter um alto nível de consciência do ambiente em que vive, usando-a para detectar
oportunidade de negócios.

8) O empreendedor passa por um momento de “formação de visão”. Como isso é


vivenciado pelo empreendedor?
A partir do momento em que ele começa a se interessar pela atividade de atender as
necessidades de (outros) clientes e vender seu produto, ela foi adquirindo know-how
da atividade. Com base nessa vivência, começa a imaginar o produto que pudesse ter
sucesso, ou seja, ter visões do que poderia ser sua futura empresa.

9) Como se relacionam visão emergente, setor primário, setor secundário e


terceiro setor ?
determinada pessoa está interessada em abrir o seu próprio negócio. A partir desta
vontade, ela passa a levantar o necessário para se criar o seu produto. Com essa visão
emergente, já concretizada, a pessoa procura obter informações a partir do ambiente
onde vive, pesquisando o mercado e participando de eventos afins. Assim, ela busca
avaliar a viabilidade de seu produto e investir esforços para montar o seu
empreendimento.

10) O que significa para o empreendedor a construção de seu próprios critérios ?


Que aqueles que possuem uma noção interna de sucesso, tem menos dificuldades de
alcançar a auto-realização. Quanto mais alto for o nível cultural, mais freqüente se
torna o estabelecimento de padrões internos de sucesso.

11 - Relacione os itens enumerados com os seguintes parênteses:


1 – Visão emergente
2 – Visão central
3 – Energia
4 – Conceito de si
5 – Liderança
6 – Visão complementar

( 2 ) estabelecimento de novas relações, em razão do novo produto;


( 1 ) imaginação do negócio e seus produtos, autos lucros, sucesso e estabilidade;
( 2 ) definição da forma final do produto em atendimento às necessidades do mercado;
( 4 ) auto-confiança, autonomia, independência, auto-realização;
( 5 ) persuasão sobre terceiros atentando para a realização do próprio sonho;
( 6 ) gerência, organização e administração da empresa;
( 6 ) obtenção de conhecimentos e aprimoramento do uso da informação;
( 3 ) trabalho intenso e incondicional voltado para o resultado;
( 6 ) estabelecimento de uma estrutura sólida para levar o produto ao consumidor.
12) Como relacionar o empreendedorismo com o processo de aprendizagem e
construção da liberdade humana ?
Sendo diferente de outras áreas de aprendizagem, onde se busca a resposta exata, o
empreendedorismo nos faz capaz de formular perguntas pertinentes e alcançar
respostas objetivas e não somente buscar caminhos e alternativas diferentes.

13) Interprete a expressão: “não basta ter o melhor produto...”


As empresas viviam no processo produtivo acelerado para atender a demanda. Quase
não havia concorrência e todos tinham sua fatia de mercado bem definida. Hoje em
dia, isso mudou: a concorrência aumenta a cada dia e os produtos estão cada vez mais
parecidos em qualidade e preço. Então, não basta ter o melhor produto, mas também é
preciso ter um profundo conhecimento do seu negócio, dos clientes e fornecedores;
não vender só o produto, mas também um serviço de qualidade e, principalmente,
encantar o cliente

14) Defina a relação existente entre intuição e empreendedorismo.


Intuição é o subproduto do treinamento e da experiência que se transforma em
conhecimento. Então, através da intuição, o empreendedor imagina, desenvolve e
realiza seu projeto.

15) “O ambiente empresarial é um grande laboratório para o


empreendedorismo”. Comente esta afirmação.
É nele que solucionamos os problemas, trabalhamos e criamos sob pressão,
aproveitamos oportunidades e interagimos com o ambiente e as pessoas.

16) Quais são os fatores de sucesso que você conhece ?


Faça o que lhe dá energia e imagine como fazer, sempre diga “posso fazer” ao invés
de “não posso” ou “talvez”;
Veja o copo metade cheio e não a metade vazia;

Seja insatisfeito com o jeito que as coisas estão e procure melhorá-las;


Corra riscos fazendo as coisas de forma diferente sem, contudo, assumir riscos
desnecessários;
Os negócios fracassam, mas empreendedores de sucesso aprendem com seus erros;
Faça da oportunidade e dos resultados a sua obsessão;
Fazer dinheiro é mais divertido do que gastá-lo;
Tenha orgulho das suas realizações: isso é contagiante;
É mais fácil implorar por perdão do que pedir permissão.

17) Qual é a grande virtude o empreendedor ?


É identificar e agarrar oportunidades.
18 ) Num processo evolutivo do empreendedorismo, o que é mais importante: a
idéia ou a oportunidade ?
No processo evolutivo do empreendedorismo, a oportunidade é mais importante, pois
dela sempre surgirá uma ou inúmeras idéias.

19) O que são fontes de idéias ? Cite cinco.


São meios pelos quais pode-se adquirir know-how sobre determinado assunto. As
principais são:
Ambiente primário empreendedor;
Idéias que deram certo em outros lugares;
Uso das capacidades e habilidades pessoais;
Consultoria e franquiadores;
Cursos, feiras e exposições.

20) Que fatores determinam o sucesso de um novo negócio.


Com 90% de importância, a liderança empreendedora e a qualidade da equipe. Em
seguida, vem o potencial de mercado. Essa é uma das causas porque, no ensino do
empreendedorismo, fala-se tanto no ser humano.

22) Defina o conceito de “óbvio” na criação de um negócio.


Na criação de um negócio é algo perigoso. Tudo tem que ser testado e comprovado,
para que se possa diminuir os riscos e aumentar a certeza de sucesso do
empreendimento.

Professor: Jud-van Cardoso de Oliveira

Junho/04