Você está na página 1de 8

Os 40 Piores Ensinamentos da CCB

Uma Pequena Retrospectiva Histórica

73ª ASSEMBLÉIA - 2008 - RESUMO DE ENSINAMENTOS

SÃO PAULO - 18 A 23 DE MARÇO DE 2008

INICIARAM-SE ESTAS REUNIÕES EM NOME DO SENHOR JESUS

Atenção: Somente os tópicos assinalados com asterisco (*) deverão ser lidos nas
congregações, perante a irmandade.

* 11 - PEDIR A DEUS A SUA PALAVRA


Nas orações, ao invés de dizer “Senhor, manda-nos um passo da Tua Palavra”, convém
dizer: “Senhor, manda-nos a Tua Palavra”, para que não se confunda a palavra
“passo” com a palavra “passe”.

= ATENÇÃO: OS TÓPICOS A SEGUIR SÃO SÓ PARA O MINISTÉRIO

13 - PRESIDÊNCIA DE REUNIÕES MINISTERIAIS


Presidência de reuniões ministeriais é dom de Deus. Serão indicados pelo Conselho
de Anciães, para presidir as reuniões ministeriais, irmãos, dentre os mais antigos no
ministério, que tiverem o dom e a preparação de Deus para essa obra.

16 - SIGILO MINISTERIAL
Ninguém deve saber o que se passa no Conselho dos irmãos Anciães, nem a
própria esposa. Todos os servos de Deus devem fazer atenção pois, o que é deliberado
pelo Conselho de Anciães não se revela a quem quer que seja. É um grande
ensinamento que evita causar rupturas e até maus propósitos. Quem semeia o mal é um
mau mensageiro na presença de Deus.

29 - PRESIDÊNCIA DO CULTO - PREGAÇÃO DA PALAVRA


É ensinamento antigo que os servos de Deus devem honrar os mais antigos no
ministério no atendimento dos cultos. Na hora da Palavra, quando um ancião mais
novo (ou um cooperador) estiver atendendo o culto e o ancião mais antigo daquela
igreja estiver sentado no banco, o que está presidindo deverá esperar que o mais
antigo se manifeste antes de oferecer a Palavra aos demais. Caso o mais antigo não
tenha a revelação da Palavra, então o que está presidindo poderá oferecer a
Palavra aos demais que estiverem assentados.
Ninguém, sendo mais novo, se antecipe ao mais antigo no ministério, neste
particular.

59ª ASSEMBLÉIA – 1994 – RESUMO DE ENSINAMENTOS

SÃO PAULO - 28 DE MARÇO A 1º DE ABRIL DE 1994


TÓPICOS PARA ANCIÃES, DIÁCONOS E COOPERADORES
Atenção: Somente os tópicos assinalados com asterisco (*) deverão ser lidos nas
congregações, perante a irmandade.

* 4 - ORDEM NOS CULTOS.


Outrossim, enquanto o servo aguarda a revelação da Palavra, a irmandade deve
permanecer em silêncio, clamando a Deus em seu próprio coração e não em voz alta.
O clamor do povo, em voz alta, nessa hora, perturba ao invés de trazer comunhão e
pode induzir o servo de Deus a um erro.
Nota-se também muita manifestação e vozerio na hora da Palavra, em muitas
congregações. Isso está fora do que aprendemos, desce o princípio. A irmandade deve
ser ensinada a como se comportar durante os cultos, para que as bênçãos de Deus
desçam sobre a igreja.
O nosso Deus é Deus de ordem.

60ª ASSEMBLÉIA – 1995 -RESUMO DE ENSINAMENTOS


SÃO PAULO – 10 A 14 DE ABRIL DE 1995

Atenção: Somente os tópicos assinalados com asterisco (*) deverão ser lidos nas
congregações, perante a irmandade.

10 - SANTA CEIA - ORAÇÕES PELO PÃO E PELO CÁLICE.

Na Santa Ceia o servo de Deus que ora pelo pão tem que apresentá-lo a Deus como
símbolo do corpo do Senhor Jesus, que foi morto pelos nossos pecados. O servo que ora
pelo Cálice deve apresentá-lo como símbolo do sangue de Jesus Cristo, que por nós foi
derramado. Não se deve misturar o pão e o Cálice em uma mesma oração; cada
qual apresenta a sua parte.

* 19 - CARTAS DE APRESENTAÇÃO - MISSÕES.

Não se deve dar carta de apresentação a quem queira viajar a pretexto de missão
com exceção dos que têm ministério e quando o assunto passa por reunião
ministerial, sendo aprovado em oração. Somente damos carta de apresentação a quem
tenha bom testemunho, cujo motivo de viagem seja mudança, estágios para trabalho ou
estudos.

8 - ENTIDADES ASSISTENCIAIS PARTICULARES.

A obra da piedade não tem obrigação de auxiliar asilos, abrigos, orfanatos, etc.
Só se fará quando Deus fizer saber e como Ele guiar.

9 - ABRIGO PARA IRMÃOS IDOSOS DESAMPARADOS.

Nas localidades que já possuem esses abrigos, serão mantidos, todavia, não se deve
construir novos abrigos pois é elevado o custo para sua manutenção, pela
observância às determinações legais.

61ª ASSEMBLÉIA - 1996 - RESUMO DE ENSINAMENTOS

SÃO PAULO – 1º A 5 DE ABRIL DE 1996


Atencão: Somente os tópicos a seguir, assinalados com asterisco (*) deverão ser
lidos nas congregações, perante a irmandade.

* 9 - EVITAR DIZER NA ORAÇÃO: "NÃO VIEMOS AQUI PARA OUVIR O


HOMEM".
Devemos evitar dizer na oração e nos testemunhos: "Não viemos aqui para
ouvir o homem". O homem que se levanta para exortar a Palavra nos cultos é
um vaso tomado pelo Espírito Santo, e não fa1a de si mesmo. Deixemos de usar
na oração essa expressão e outras que são novidades na Obra de Deus.

62ª ASSEMBLÉIA -1997 - RESUMO DE ENSINAMENTOS


SÃO PAULO - 25 A 28 DE MARÇO DE 1997
Atencão: Somente os tópicos a seguir, assinalados com asterisco (*) deverão ser
lidos nas congregações, perante a irmandade.

* 11 - ORGANISTAS - MANGAS DOS VESTIDOS E DAS BLUSAS.


As mangas dos vestidos e blusas das organistas devem ser de meia-manga para
3/4 de manga, ou manga comprida, para tocarem nas congregações. Nunca
deverão usar mangas curtas.

ATENCÃO: OS TÓPICOS A SEGUIR SÃO SOMENTE PARA O MINISTÉRIO.

16 - APARELHOS DE TELEVISÃO.
Quem tem ministério não deve possuir. Entretanto, temos que ter todo o cuidado
nas pregações, a fim de não atacar aparelho de divulgação e cultura do Governo.
Não se deve orar para nenhum ministério na Obra de Deus se a pessoa tiver
televisão.

23 - ESTUDAR MÚSICA NOS PRESÍDIOS.


Irmãos que atendem reuniões de evangelização nos presídios ensinam música para
os presidiários que são batizados e têm bom testemunho (COMO SABER SE UM
PRESIDIÁRIO TEM BOM TESTEMUNHO?!). Estes podem tocar nas reuniões
nos presídios, ensinar música e, quando retornarem ao convivio da sociedade
poderão passar por exame e tocar nos cultos.

24 - ADMINISTRAÇÃO: ASSEMBLÉIA GERAL ANUAL - CONVOCAÇÕES -


APRESENTAÇÃO DE ADMINISTRADORES.
Os administradores devem prestar colaboração sem pretender ultrapassar a
decisão do Ministério de Anciães.

5 - ATENDIMENTOS EM CALAMIDADES.
Não se deve carregar caminhão com mantimentos e roupas e ir fazer as
entregas sem ter havido reunião e sem a presença do (s) irmão (s) Diácono (s) e
das irmãs da Obra Pia que atendem o local da calamidade.

10 - INTERNAÇÃO EM HOSPITAL.
Os irmãos Diáconos devem estar atentos com os irmãos enfermos procedentes
de outras localidades que, não encontrando vaga em hospitais públicos, são
internados em hospitais particulares, conseqüentemente, sobrecarregam a
irmandade com coletas para saldar a conta do hospital.
63ª ASSEMBLÉIA - 1998 - RESUMO DE ENSINAMENTOS
SÃO PAULO - 08 A 10 DE ABRIL DE 1998
Atencão: Somente os tópicos a seguir, assinalados com asterisco (*) deverão ser
lidos nas congregações, perante a irmandade.

* 2 - MÚSICOS DA CONGREGAÇÃO - ORQUESTRAS SINFÔNICAS.


Os irmãos que aprenderam a música para louvar a Deus e estão tocando nas
congregações, não devem ingressar em orquestras ou corporações alheias à
Congregação. Estes irão se colocar debaixo de um jugo que os obrigará a tocar em
lugares não licitos, como festas mundanas e cerimônias perante ídolos, falta grave
diante de Deus, que lhes acarretará sérias conseqüências. Além disso, após as
cerimônias poderão surgir convites para freqüentar outros ambientes que não são
próprios para o crente.

5 - APRESENTAÇÃO DE IRMÃOS PARA DIÁCONOS, IRMÃS PARA A OBRA


DA PIEDADE, PORTEIROS E COMODATARIOS.
Para apresentação de irmãs para a Obra da Piedade, os irmãos Anciães e
Diáconos também deverão estar unidos na consideração, a fim de evitar que sejam
apresentadas irmãs sem o dom, neófitas, novas na idade, muito idosas, que tenham
filhos menores que as impeçam, que sejam de outras localidades, desquitadas, que
o esposo é ciumento ou não pertença a esta Fé.

8 - PORTEIROS.
Deve-se evitar, ao máximo, a colocação de irmãs para atender a portaria.

64ª ASSEMBLÉIA -1999 - RESUMO DE ENSINAMENTOS


SÃO PAULO - 31 DE MARCO A 02 DE ABRIL DE 1999
Atencão: Somente os tópicos a seguir, assinalados com asterisco (*) deverão ser
lidos nas congregações, perante a irmandade.

* 10 - SAUDAÇÃO COM O ÓSCULO


Há casais de namorados que se beijam antes de entrar na reunião ou no culto e
também ao término do mesmo.
Esses procedimentos não estão de acordo com os ensinamentos que sempre
tivemos desde o princípio. São costumes mundanos que devem ser eliminados.

ATENÇÃO: OS TÓPICOS A SEGUIR SÃO SÓ PARA O MINISTÉRIO.

15 - SANTA CEIA - CONSIDERAÇÕES GERAIS


Não se realizam santas ceias na parte da manhã. Só à tarde ou à noite, dando-se
preferência aos sábados, domingos e feriados. A santa ceia se faz com um só pão,
que deve ser partido com a mão, em pedaços não muito grandes.

22 - HONRAR O CARGO MINISTERIAL - SIGILO


Compete sempre aos servos de Deus, anciães, diáconos e cooperadores, zelar pela
honra do próprio ministério. Acima de tudo devemos ser sigilosos. O que se passa
nas nossas reuniões não devemos contar a quem não pertença ao ministério.
Quem manifesta e revela o que deve ser mantido em sigilo não honra o
ministério de que faz parte. Mesmo os companheiros de viagem não devem ser
informados de particularidades das nossas reuniões. O que é para os anciães,
diáconos e cooperadores não é para os companheiros de viagem, ou outros
irmãos. Muitos ficam sabendo o que não deveriam saber por culpa de quem
não honra o seu ministério e o ministério dos demais conservos.
Convém, também, honrarmo-nos uns aos outros. Quando um servo cometer
involuntáriamente algum equivoco na pregação e outros o alertarem quanto ao
erro, permitam que ele próprio desfaça o engano perante a irmandade, na mesma
ocasião ou posteriormente. Não convém que outro esclareça o engano diante do
povo, pois assim procedendo estaremos desmoralizando o servo que se
equivocou. A própria pessoa deve desfazer o erro perante todos. Assim
procedendo, ela crescerá ainda mais no conceito de toda a irmandade.

29 - RESPEITO AOS SERVOS DE DEUS - CHOCARRICES


Brincadeiras e chocarrices não ficam bem para os servos de Deus, para aqueles
que tem o ministério outorgado por Deus. O servo deve ser respeitado para que,
quando o Senhor lhe der a Palavra, seja ela recebida pois é enviada pelo Espírito
Santo. As brincadeiras com os servos de Deus não convém, todavia, nem por isso
devemos entender que devam eles ficar sérios demais para com a irmandade.

65ª ASSEMBLÉIA - 2000 - RESUMO DE ENSINAMENTOS


SÃO PAULO - 17 A 21 DE ABRIL DE 2000
Atencão: Somente os tópicos a seguir, assinalados com asterisco (*) deverão ser
lidos nas congregações, perante a irmandade.

* 1 - COMEMORACÃO DO NATAL
Não comemoramos o Natal. Não deve ser guardado porque ninguém sabe o dia do
nascimento de Jesus Cristo, pois Ele não permitiu que ficasse escrito para que
ninguém guarde o dia de seu nascimento (QUAL É A BASE BÍBLICA PARA
ESTA AFIRMAÇÃO?)

4 - INTERNET
Atualmente estão sendo colocados na Internet, por pessoas que se intitulam
nossos irmãos, assuntos referentes à Congregação e à irmandade. Tal
procedimento não deve ser permitido.
Tudo o que o crente tem de necessidade para a sua vida, principalmente espiritual,
está contido na Palavra de Deus, que o Senhor envia, todos os dias, nos santos
cultos. A irmandade não deve se envolver com coisas que só trazem confusão na
Obra de Deus. (Aaaaméém!!!)

* 16 - NÃO CHAMAR OS SERVOS DE DEUS POR APELIDO


A irmandade não deve chamar os servos de Deus por eventuais apelidos.
Também os servos de Deus, nas reuniões e nos cultos, devem tratar-se pelo
nome, sempre acrescentando o tratamento de irmão: "Irmão Fulano, irmão
Beltrano", mesmo que haja entre alguns o grau de parentesco.

ATENÇÃO: OS TÓPICOS A SEGUIR SÃO SÓ PARA O MINISTÉRIO.

20 - CUIDADOS NA PRESIDÊNCIA E NA PREGAÇÃO


Se chega alguém para ler a Palavra, deve-se perguntar o nome, de onde ele é e
se alguém o conhece; caso contrário, ficará sentado.
O servo que está presidindo nunca deve dizer que não tem a Palavra, pois isso
desanima a irmandade e abre a porta para os solícitos.
Quanto à presidência do culto, pertence a quem Deus coloca para atender aquela
casa de oração. Se um Ancião vai congregar em outra congregação e sente de
presidir, então é diferente.

25 - CELEBRAÇÃO DO BATISMO - PRECAUÇÕES.


Palavras que devem ser ditas no momento do batismo: "Irmão (ou Irmã), Em Nome
de Jesus Cristo te batizo, Em Nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo. Amém".
Se, após a oração nas águas, o servo se esquecer de dizer estas palavras para o
primeiro que for batizado, deverá dizê-las e submergi-lo novamente (EU
ENTENDI DIREITO? É REBATISMO DE GENTE BATIZADA NA PRÓPRIA
CCB?!)

10 - APRESENTAÇÃO DE IRMÃS PARA A OBRA DA PIEDADE


Após a apresentação em reunião ministerial, havendo confirmação, não se deve
apresentá-las à irmandade nas congregações e nem elas devem testemunhar
esse fato. Todavia, far-se-á uma reunião particular, com a presença do seu esposo,
do ministério local e das irmãs da Obra da Piedade daquela localidade.

66ª ASSEMBLÉIA - 2001 . RESUMO DE ENSINAMENTOS


SÃO PAULO - 9 A 13 DE ABRIL DE 2001
Atencão: Somente os tópicos a seguir, assinalados com asterisco (*) deverão ser
lidos nas congregações, perante a irmandade.

* 1 - PRESIDÊNCIA DOS CULTOS - REVISÃO DO TÓPICO DE 1997


Quanto à presidência dos cultos, fica restabelecido o que constava do tópico da
Assembléia de 1971, a saber:
Estando presidindo um cooperador e levantando-se um ancião ou outro
cooperador para pregar, o que preside desce.
Se está presidindo um ancião e Deus revela a Palavra a um cooperador, o
ancião permanece no púlpito, sentando-se na cadeira.
Se é a outro ancião que Deus revela a palavra, o ancião que preside desce do
púlpito.

* 2 - ORDEM DO CULTO
Delibera-se ler a lista de batismos e diversos logo após o término dos testemunhos.
Se o horário estiver avançado, lê-se apenas os batismos próximos e algum
comunicado mais urgente, constantes da lista. Após essa leitura e demais anúncios,
canta-se um hino. Isso predispõe mais o coração da irmandade para receber a
pregação da Santa Palavra.

* 12 - SERVIÇO DIVINO NO FUNERAL - HORÁRIO


Falecendo alguém que não era nosso irmão, se a família pedir, poderemos fazer uma
oração para conforto dos familiares. Se porventura tiverem chamado o
representante de alguma crença religiosa, não oraremos para evitar entrarmos
em divergência.
Não convém que a irmandade ofereça a oração quando o falecido e os
familiares não sejam nossos irmãos.

* 16 - FALSAS PROFECIAS - REVELAÇÕES - ORAÇÕES


Aconselhamos a irmandade a ir para casa, após terminado o culto, meditando na
Palavra. Não se reunam para orar procurando orientação por profecias e
revelações. Os prudentes aceitarão este conselho e obedecerão. Os que não
atenderem serão chamados pelo Ministério e exortados severamente, podendo
até perder a liberdade na Igreja.

ATENCÃO: OS TÓPICOS A SEGUIR SÃO SÓ PARA O MINISTÉRIO.

33 - CARGOS PARA OS QUAIS SE ORA E PARA OS QUAIS NÃO SE ORA


BUSCANDO CONFIRMAÇÃO
Ora-se em reunião ministerial, buscando-se a conflrmação de Deus, para os
seguintes ministérios e cargos: Anciães, Diáconos; Cooperadores do Oficio
Ministerial; Cooperaclores de Jovens e Menores; Encarregados de Orquestra
Regionais e Locais; Irmãs Examinadoras de Organistas; Membros da
Administração (titulares, vices e auxiliares) e do Conselho Fiscal; Irmãs para a
Obra da Piedade; Batismos; Santas Ceias; Reuniões para a Mocidade; Reuniões para
Jovens e Menores; Viagens Missionárias; Alteração de Dias e Horários de Cultos
e das Reuniões de Jovens e Menores; Aumento (ou supressão) de Dias de Culto;
Necessidade de Compra (ou Venda) de Imóvel.
Não se ora em reunião ministerial, buscando-se a confirmação de Deus, para os
seguintes cargos: Comodatários (moradores em casas de oração); Irmão que
auxiliam na Administração (sem fazer parte oficial dela); Auxiliares das Reuniões
de Jovens e Menores; Auxiliares de Ensino Musical; porteiros (PRECISA
CONFIRMAÇÃO PARA TROCAR DIA DE CULTO, MAS NÃO PRECISA
PARA COLOCAR UMA PESSOA QUE LIDA DIRETAMENTE COM O
DINHEIRO DAS COLETAS?!)

34 - CARGOS POLÍTICOS
Aquele que exerce ministério na Congregação, caso se envolva na política ou se
candidate a algum cargo político, perderá a condição de continuar no
ministério e não poderá mais retornar (quer venha a ganhar ou a perder a
eleição). (QUE DEMOCRÁTICO!)

67ª ASSEMBLÉIA - 2002 - RESUMO DE ENSINAMENTOS


SÃO PAULO - 25 A 29 DE MARCO DE 2002
Atencão: Somente os tópicos a seguir, assinalados com asterisco (*) deverão ser
lidos nas congregações, perante a irmandade.

26 - CÔNJUGES QUE CAEM NO PECADO


Ancião, diácono, cooperador e cooperador de jovens e menores, cuja esposa cair
em pecado, se quiser conviver com ela, perderá o ministério. Os demais casos,
dentre a irmandade, serão julgados pelo ministério, conforme a luz de Deus.

68ª ASSEMBLÉIA - 2003 - RESUMO DE ENSINAMENTOS


SÃO PAULO - 16 A 20 DE ABRIL DE 2003
Atencão: Somente os tópicos a seguir, assinalados com asterisco (*) deverão ser
lidos nas congregações, perante a irmandade.

9 - CASAMENTO DE IRMÃOS DO MINISTÉRIO COM IRMÃS


DIVORCIADAS
Este assunto tem passado por reuniões ministeriais e têm se considerado não ser
conveniente irmãos do ministério, viúvos, casarem com irmãs divorciadas.
Porém, se algum ancião, cooperador, diácono ou cooperador de jovens e
menores, viúvo, quiser casar com uma irmã divorciada, deverá renunciar ao
seu ministério. Esta deliberação não afeta a condição dos servos que, com base no
tópico nº 5, de 1993, vieram a casar-se em segundas núpcias, com irmãs
divorciadas.

19- RECEBIMENTO DE COLETAS


Os irmãos porteiros, que recebem as coletas, jamais devem se recusar a
receber, seja de testemunhados ou de quem quer que seja, sob a alegação de
que determinada pessoa não goza de bom testemunho. Esse procedimento é
contrário à vontade de Deus. (RECEBER COLETA TUDO BEM, MAS
CONSIDERAR IRMÃO O QUE ERROU, NEM PENSAR! E NEM VENDER
HINÁRIO PARA TESTEMUNHADOS).

69ª ASSEMBLÉIA - 2004 - RESUMO DE ENSINAMENTOS


SÃO PAULO - 07 A 11 DE ABRIL DE 2004
Atencão: Somente os tópicos a seguir, assinalados com asterisco (*) deverão ser
lidos nas congregações, perante a irmandade.

* 4 - SINDICATOS, ASSOCIAÇÕES DE CLASSE E ASSOCIAÇÕES DE


MORADORES
Se um irmão tiver que pertencer a um sindicato, poderá fazê-lo, porém, não
deverá ocupar cargos de direção, uma vez que tais
cargos são sempre partidários, gerando divergências incompatíveis com o nosso
sentimento de paz.

70ª ASSEMBLÉIA – 2005 – RESUMO DE ENSINAMENTOS


SÃO PAULO – 23 A 27 DE MARÇO DE 2005

ATENCÃO: OS TÓPICOS A SEGUIR SÃO SÓ PARA O MINISTÉRIO.

14 - QUESTÕES MATERIAIS DA OBRA DE DEUS


Deve-se ter muita prudência ao se excluir um irmão da Administração.
Embora a lei estabeleça a renovação da eleição da Administração a cada três
anos, lembramos que os mesmos são colocados com oração, sem limite de tempo.
Assim, a sua demissão ou afastamento do cargo só poderá ocorrer nos casos
previstos no art. 9° do Estatuto.
Se o administrador tiver alguma carência de conhecimentos necessários ao
exercício do cargo, ainda assim não deve ser afastado de qualquer maneira,
mas pode-se acomodar a situação com a colocação de um vice. O mesmo se
aplica aos membros do Conselho Fiscal (ESSE É O CHAMADO “JEITINHO
BRASILEIRO CCB”, OU MALANDRAGEM, MESMO, COMO QUEIRAM!).

(Agradecimentos ao CCBVERDADE.COM.BR, ao JURISTACCB.COM.BR e ao


SITEDAREFORMA.BLOGSPOT.COM, por terem tornado públicos os tópicos de
ensinamentos utilizados para este pequeno trabalho).

Isaias Medeiros
www.reformistasccb.blogspot.com