Você está na página 1de 7

Letramentos

e Alfabetização Aula 1
Fundamentos teóricos
e metodológicos dos processos
de alfabetização e letramento

1 2

Resumo Convite ao estudo


Unidade de Ensino: 1 Nesta unidade de ensino, estudaremos três temas
Competência da
Fundamentos teóricos e metodológicos dos processos de alfabetização
e letramento, a partir do estudo da perspectiva histórica da alfabetização,
de fundamental importância para a compreensão
Unidade de Ensino: das fases de aquisição da escrita no processo de alfabetização
e do construtivismo e construção da escrita.
da alfabetização: sua perspectiva histórica,
O aluno deverá apresentar o conhecimento e compreensão do ensino as fases da aquisição da escrita no processo
da língua, reconhecendo a necessidade de cada etapa e modalidade
da Educação Básica, considerando as políticas públicas e seus impactos de alfabetização, o construtivismo e a construção
Resumo: nas práticas educativas e utilizar diversas possibilidades recreativas,
lúdicas, significativas e tecnológicas para o processo de ensino
da escrita. Após esse estudo, você conhecerá
e aprendizagem de conceitos, procedimentos e atitudes referentes
à alfabetização e letramentos.
os principais aspectos teóricos e históricos
Palavras-chave:
Alfabetização. Construtivismo. da alfabetização no Brasil e qual
Construção da Escrita.
Fundamentos teóricos e metodológicos
o universo das políticas públicas
Título da teleaula:
dos processos de alfabetização
e letramento.
brasileiras sobre a temática.

Teleaula nº: 1

3 4

Pensando a aula:
VA Caminho de Aprendizagem
situação geradora de aprendizagem

Por que o país ainda não As limitações e lacunas


conseguiu erradicar o encontram-se no planejamento
analfabetismo? e políticas educacionais?
Será que estamos tratando de um problema individual
de aprendizagem ou de condições adequadas de aprendizagem que
não são oferecidas?

Os métodos de alfabetização podem ser


decisivos no processo de alfabetização?

Os professores recebem formação inicial


e continuada adequada para atuar na
alfabetização?

5 6

1
Pensando a aula:
Cápsula 1 “Iniciando o estudo”
situação geradora de aprendizagem
Professora Vera assumiu pela primeira vez uma turma para alfabetizar
composta por crianças da zona urbana, rural e também de uma
comunidade indígena próxima à cidade de apenas 80 mil habitantes.

A escola possui essa diversidade de alunos, pois se encontra em uma


cidade próxima a aldeias indígenas e possui como principal atividade
econômica a agropecuária.

7 8

Situação-Problema 1 Situação-Problema 1
Existe um método de Quais as melhores
Professora Vera alfabetização mais eficiente que estratégias a serem
Muitos anos de experiência outro? usadas na aprendizagem
na educação da leitura e da escrita de
O fato de possuir numa mesma
Métodos turma alunos de contextos sociais crianças, a fim de
oferecer as condições
Sintéticos e culturais diferentes obriga a
profª Vera adotar métodos de para o aprendiz se iniciar
no mundo letrado?
alfabetização mistos?
Alfabético Fônico Silábico

9 10

Problematizando a Situação-Problema 1 Problematizando a Situação-Problema 1

Higounet (2003) ESCRITA SINTÉTICA


• Rupestres
Sistematizou a escrita • Mais elementares
em três etapas:
ESCRITA ANALÍTICA
Escritas Escritas Escritas • Tem a palavra como unidade de
sintéticas analíticas fonéticas organização

ESCRITA FONÉTICA
• Mais complexas
• Relaciona-se ao alfabeto e isola
os sons

11 12

2
Problematizando a Situação-Problema 1 Problematizando a Situação-Problema 1
Mortatti (2006) define quatro momentos
históricos que marcam questões relativas aos Década de 1980
métodos de ensino:
▪ A metodização do ensino da leitura.
Interacionismo
▪ A institucionalização do método analítico. Construtivismo
Linguístico
Letramento
▪ A alfabetização sob medida e alfabetização.
▪ E, por último, o construtivismo
e a desmetodização.

13 14

Problematizando a Situação-Problema 1 Resolvendo a Situação-Problema 1


LDB 9.394/1996; Profa. Magda Soares (2015): nenhum método específico, desde
Plano Nacional de Educação (PNE) - 2001-2010/ que a aprendizagem da leitura e escrita sejam experiências
significativas, conectem a escrita à comunicação e levem as
2014-2024; crianças a participarem do mundo letrado, permitindo que
Programas: Pacto Nacional da Alfabetização na escrevam algo que realmente queiram dizer.
Idade Certa (PNAIC) – Brasil Alfabetizado (PBA);
Não há um método milagroso,
Exames nacionais para avaliação das metas uma receita de sucesso, não há como
propostas no PNE: Avaliação Nacional reduzir a complexidade do processo
da Alfabetização (ANA). a um método. Vários métodos podem
funcionar ao mesmo tempo,
dependendo do momento
e das particularidades
do desenvolvimento de cada aluno.

15 16

Resolvendo a Situação-Problema 1
Cápsula 2 “Iniciando o estudo”
A profa Vera deverá pensar nas particularidades
individuais e também coletivas para
o desenvolvimento do processo de alfabetização,
promovendo experiências significativas para
a aquisição da leitura e escrita.

17 18

3
Situação-Problema 2 Problematizando a Situação-Problema 2

Após algumas reflexões sobre os métodos de alfabetização, Teóricos do construtivismo:


a profª Vera deseja experimentar o construtivismo com os seus ▪ Piaget;
alunos, mas nunca o fez e possui muitas dúvidas: Como
▪ Wallon; Luria e Emilia Ferreiro são
identificar as fases e níveis de alfabetização dos alunos? Como pesquisadores considerados
exercer o papel de mediador nesse processo? Como ser ▪ Vygotsky; referências teóricas na áreas, pois
assertiva na intervenção, promovendo a evolução dos alunos? ▪ Leontiev; foram a fundo no estudo sobre
Como promover o progresso das crianças na aquisição da leitura a aquisição da leitura e escrita
e da escrita em uma turma bastante heterogênea? ▪ Luria; da criança.
▪ Emilia Ferreiro.

19 21

Problematizando a Situação-Problema 2 Problematizando a Situação-Problema 2

Os defensores dos métodos de alfabetização entendem que não


definir um método é prejudicial à aquisição da leitura e escrita, O construtivismo não é um método
promovendo confusão no processo de ensino-aprendizagem. de alfabetização. O construtivismo
Na abordagem tradicional, o conhecimento humano possui é uma teoria do conhecimento que
um caráter cumulativo que deve ser adquirido pelo indivíduo afirma que a criança é um sujeito
e transmitido pelo educador. Porém, defensores da concepção cognoscente, pois constrói hipóteses
construtivista não vêem a necessidade de se definir um método acerca de um objeto, no caso,
para o processo de aquisição da escrita e leitura. a língua escrita.

22 23

Problematizando a Situação-Problema 2 Problematizando a Situação-Problema 2


Magda Soares defende que:
Desenvolvimento Psicogenético:
É a fase em que a criança busca Consciência fonológica:
No percurso de aprendizagem da leitura e escrita e nas fases da a representação para a língua A criança vai tomando consciência
escrita, as crianças passam por processos evolutivos de escrita, incluindo as etapas: icônica, do som das letras e fazendo
conhecimento que se desenvolvem paralelamente. garatuja e pré-silábica. as associações. É a capacidade
São eles: de refletir sobre os segmentos
sonoros das palavras que
• desenvolvimento psicogenético,
Conhecimento das letras: pronunciamos. É composta pelas
• consciência fonológica,
A criança passa a conhecer fases pré-fonológica e fonológica.
• conhecimento das letras. as letras e seus formatos,
a familiarizar-se com as letras.

24 25

4
Resolvendo a Situação-Problema 2 Resolvendo a Situação-Problema 2
EMÍLIA FERREIRO Ter um leitor e um escriba são de fundamental
importância para os alunos.
O aprendizado se dá por meio de etapas Quanto ao tempo destinado para o aprendizado,
é necessário pensar que ele deve ser respeitado,
pois nem todos desenvolvem suas construções
Pré - Silábico - no mesmo ritmo.
Silábica Alfabética
silábica Alfabética

26 27

Resolvendo a Situação-Problema 2
Cápsula 3 “Participando da aula”
A atitude da escola e do professor
influenciará o sucesso ou fracasso
dos alunos, visto que poderão ser
realizados tipos de avaliação
diferenciados.

ESCRITA ESPONTÂNEA

TESTE DE PRONTIDÃO

28 29

Situação-Problema 3 Problematizando a Situação-Problema 3

A profª Vera deverá dominar as fases


Piaget e Vygotsky
de aquisição de leitura e escrita na perspectiva
psicogenética, sua essência, suas principais
características, seus desafios e como mediar
o processo de ensino e aprendizagem. Por isso,
vamos estudar e identificar como a professora
deverá atuar na alfabetização dos seus alunos?
Emília Ferreiro e Ana Teberosky

30 31

5
Problematizando a Situação-Problema 3 Problematizando a Situação-Problema 3
PIAGET Emília Ferreiro:
▪ Processo de maturação do organismo, a experiência com objetos, ▪ Compreende que o aprendizado se dá por meio
a vivência social e a equilibração do organismo com o meio. de etapas previamente definidas.
▪ Mecanismo de autorregulação que envolve três elementos:
a) a experiência externa; b) o programa hereditário (inato);
▪ Observou que os sujeitos passam pelas mesmas
e c) as influências sociais. etapas, mas não ao mesmo tempo.
▪ Estágios de desenvolvimento da criança. ▪ Percebeu que a duração das etapas também
é um aspecto que difere individualmente.
VYGOTSKY ▪ Analisou escritas produzidas de forma
▪ Processos intracerebrais envolvidos
na aprendizagem e o conceito de zona espontânea pelas crianças.
de desenvolvimento proximal. ▪ Observou que todas passam
▪ Intervenção do professor ou outro pelos mesmos processos
indivíduo dotado de mais experiência.
de elaboração.

32 33

Problematizando a Situação-Problema 3 Problematizando a Situação-Problema 3


Características As atividades que O importante é conhecer
possibilitam o os alunos e seu contexto para
desenvolvimento em cada que as atividades sejam
fase da aquisição da significativas e proporcionem
leitura e escrita podem sempre o desenvolvimento
ser várias e diversificadas. do potencial de cada aluno.

A aquisição do sistema de escrita


deve considerar as práticas sociais
de leitura e escrita, ou seja,
deve-se alfabetizar letrando
e letrar alfabetizando.

Fonte: https://goo.gl/34vMfD.

34 35

Resolvendo a Situação-Problema 3 Resolvendo a Situação-Problema 3


Profª Vera deve realizar um estudo sobre as Contextos sociais e culturais diferentes
fases de desenvolvimento da escrita na que precisam ser valorizados no processo
perspectiva psicogenética.
de aprendizagem para ser significativo,
para proporcionar inclusão, para
favorecer o desenvolvimento
Profª Vera deverá compreender que a
aprendizagem da leitura e escrita não ocorrem das crianças.
ao mesmo, este é um aspecto individual.

A sondagem é fundamental durante


Outra compreensão importante para a profª Vera é todo o ano letivo para acompanhar
que a aprendizagem da leitura e da escrita se inicia
muito antes da criança ingressar o seu processo de
a evolução das hipóteses escritas
alfabetização no contexto escolar e que esses pelas crianças.
saberes precisam ser considerados no seu processo
de aprendizagem.

36 37

6
Provocando novas situações
Cápsula 4 “Participando da aula”
A profª Vera recebeu mais uma aluna:
é Júlia, uma menina dócil e observadora,
que possui uma leve deficiência cognitiva
por complicações na gravidez.

A profª Vera possui


mais um desafio?
Como promover
a alfabetização da Júlia?

38 39

Diálogo do professor com alunos


VE Caminho de Aprendizagem

Fonte: https://goo.gl/JphR3W.

40 41

Referências Referências
PINTO, Rosangela de Oliveira. SILVA, Andreia KLEIMAN, Angela B. Os significados do
Corrêa. Letramentos e Alfabetização. Letramento. Uma perspectiva sobre a prática
Fundamentos Teóricos e Metodológicos dos do letramento. Campinas – SP: Mercado das
processos de Alfabetização e Letramento. Letras, 1995.
Londrina: Editora e Distribuidora SOARES, Magda Soares. Alfabetização e
Educacional S/A., 2018. Letramento. São Paulo: Contexto, 2017.
FERREIRO, Emilia. Reflexões Sobre alfabetização. _____________________. Alfabetização.
26. ed. São Paulo: A questão dos métodos.
Cortez, 2011. São Paulo: Contexto, 2018.

42 43