Você está na página 1de 2

1

MECÂNICA QUÂNTICA 2 (PÓS) – 2014/2

Lista de Exercı́cios no 4 – Sistemas de Partı́culas Idênticas: 2a Quantização

1. Considere os operadores c†ν e cν de criação e aniquilação de férmions no estado de partı́cula única


rotulado por ν. Represente os estados fermiônicos de muitas-partı́culas através dos estados de
ocupação usando a convenção:
|11111000 · · ·i = c†5 c†4 c†3 c†2 c†1 | vácuoi
(a) Calcule c†3 c6 c5 c†6 c3 |11111000 · · ·i. Sugestão: Independente do seu espı́rito libertário ou
orientação ideológica, adote a postura pragmática de que para trabalhar com estados
fermiônicos vale o princı́pio de que a “ordem é importante”.
(b) Escreva |1101100100 · · ·i em termos de excitações do estado preenchido até o nı́vel de Fermi,
|Fi = |1111100000 · · ·i. Interprete sua resposta em termos de excitações do tipo partı́cula-
buraco. Sugestão: Para a segunda parte, os diagramas de nı́veis que o professor gosta de
desenhar podem ser úteis.
(c) Calcule hΨ|N̂ |Ψi, onde |Ψi = A|100 · · ·i + B|111000 · · ·i e N̂ = ν c†ν cν .
P

2. Transformação de Bogoliubov: Considere o hamiltoniano


   
H = E0 c† c + d† d + E1 c† d† + d c
onde c e d são operadores fermiônicos. Para resolver um problema deste tipo, introduz-se a
chamada transformação de Bogoliubov
c = uα − vβ † d = uβ + vα† ,
onde α e β são operadores fermiônicos e u e v são números reais.
(a) Mostre que u2 + v 2 = 1. Sugestão: use as relações de anti-comutação dos operadores.
(b) Mostre que, escolhendo (u, v) de modo que E1 (u2 − v 2 ) − 2uvE0 = 0, o hamiltoniano é
escrito
q  
H= E02 + E12 α† α + β † β + const.
3. Frequentemente o termo de interação de dois corpos depende apenas da distância entre eles. Em
outras palavras, v(1, 2) = v(|r1 − r2 |), com a notação padrão em problemas de muitos-corpos,
onde 1 ≡ (r1 , σ1 ) e 2 ≡ (r2 , σ2 ). Se o sistema possui invariância de translação, é conveniente
escolher o conjunto de autofunções do momento como base, ou seja, φα (r) = (2π)−3/2 exp(ikα ·r).
Mostre que os elementos de matriz (não anti-simetrizados) são dados por
vαβ,γδ = δ(kα + kβ − kγ − kδ )ve(q)
onde q = kγ − kα = kβ − kδ e
1 Z
ve(q) = dr v(r) exp(−iq · r).
(2π)3
Sugestão: Para calcular a integral, utilize coordenadas relativas R = (r1 + r2 )/2 e r = r1 − r2 .
Note que v(1, 2) não depende de spin e apenas a parte orbital dos estados é relevante para o
cálculo do elemento de matriz.
2

4. Representação em termos de operadores de criação e aniquilação:


(a) Considere um operador de muitos-corpos que consiste de uma soma de operadores de
partı́cula independente (ou seja, de um corpo), F = N
P
i=1 fi , onde fi atua apenas nas
coordenadas da partı́cula i. Considere ainda que F atua sobre um sistema fermiônico.
Mostre que F pode ser escrito no espaço de Fock como

hα|f |βic†α cβ
X
F =
α,β

onde c†α (cα ) é o operador de criação (aniquilação) de um férmion no estado α.


P
(b) Considere agora um operador G que representa uma interação de dois corpos, G = i<j gij .
Mostre que G pode ser expresso por
1 X
G= gαβ,γδ c†α c†β cδ cγ ,
2 α,β,γ,δ

onde o elemento de matriz gαβ,γδ é calculado para estados produto não simetrizados
Z
gαβ,γδ = dr1 dr2 φ∗α (r1 )φ∗β (r2 )g(r1 , r2 )φγ (r1 )φδ (r2 ) .

5. Representação em termos de operadores de campo:


(a) Considere um operador de muitos-corpos que consiste de uma soma de operadores de
partı́cula independente, F = N
P
i=1 fi , onde fi atua apenas nas coordenadas da partı́cula i.
Mostre que no espaço de Fock F pode ser escrito como
Z
F = drdr 0 ψ † (r)hr|f |r 0 iψ(r 0 )

onde ψ(r) é o operador de campo.


P
(b) Considere agora um operador G que representa uma interação de dois corpos, G = i<j gij .
Mostre que G pode ser expresso por
1Z
G= dr1 · · · dr20 ψ † (r1 )ψ † (r2 )hr1 r2 |g|r10 r20 iψ(r20 )ψ(r10 ) ,
2
onde hr1 r2 |g|r10 r20 i é o elemento de matriz entre kets de posição não simetrizados no espaço
de coordenadas.
(c) Use este resultado para mostrar que o operador que representa a interação coulombiana é
dado por
e2 Z ψ † (r1 )ψ † (r2 )ψ(r)ψ(r1 )
VC = dr1 dr20 .
2 |r1 − r2 |
Note que a representação destes operadores é essencialmente a mesma para férmions, onde
obviamente os operadores de campo anti-comutam.