Você está na página 1de 11

DELEGADO DE POLÍCIA CIVIL – prova discursiva 2013

DIREITO PROCESSUAL PENAL


Prof.: Ana Cristina Mendonça

Aula 3

Delegado da Bahia – prova discursiva (DP/BA_CESPE_2013)

Questão 1. Silas, Juca e Celso, armados com pistola 380 e revólver de calibre 38, abordaram Célia na saída
de um shopping center na cidade de Salvador – BA e, mediante grave ameaça, obrigaram-na a ingressar no
próprio veículo, juntamente com os três. Dentro do veículo, os agentes constrangeram a vítima a lhes
entregar cartões bancários e as respectivas senhas. Pretendendo utilizar os referidos cartões em compras e
em saques em caixas eletrônicos, os autores do delito restringiram a liberdade de Célia como forma de
assegurar o sucesso da empreitada delituosa. Silas assumiu a direção do veículo e rumou para a saída do
estacionamento. Policiais civis da delegacia do bairro que lanchavam em estabelecimento comercial
próximo ao estacionamento do shopping center presenciaram a ação dos agentes dentro do veículo e
imediatamente empreenderam perseguição aos criminosos. Ao perceber que estava sendo seguido, Silas
dirigiu o veículo em direção à cidade de Feira de Santana – BA. Ao entrar no perímetro urbano da cidade,
Silas, que dirigia em alta velocidade, perdeu o controle do veículo, que se chocou contra um muro. Os
agentes prenderam em flagrante Silas e Juca, tendo Celso sido levado para hospital mais próximo em
estado grave. Nada foi subtraído da vítima, que foi libertada pelos policiais.

Em face dessa situação hipotética, indique, com base no Código Penal e no Código de Processo Penal:

- o(s) crime(s) perpetrado(s) por Silas, Juca e Celso; [valor: 1,50 ponto]

- o local em que ocorreu a consumação do(s) crimes(s); [valor: 1,00 ponto]

- a quem e em que localidade deverão ser apresentados os presos; [valor: 1,25 ponto]

- o juízo competente para conhecer, processar e julgar a(s) infração(ões) penal(is). [valor: 1,00 ponto]

Sugestão resposta:

1- A apresentação e a estrutura textual (legibilidade, respeito às margens e indicação de parágrafos)

2- Desenvolvimento do tema

2.1 – crime perpetrado pelos agentes: extorsão mediante restrição da liberdade (art. 158, §3°, última
figura)

2.2- Local da consumação do delito: cidade de Salvador – BA

2.3- Apresentação: autoridade policial da prisão – cidade de Feira de Santana – BA/lavratura do auto de
prisão em flagrante (art. 290 CP)

1
DELEGADO DE POLÍCIA CIVIL – prova discursiva 2013
DIREITO PROCESSUAL PENAL
Prof.: Ana Cristina Mendonça

2.4- Juízo competente: Salvador – BA (art. 70 do CPP)

QUESTÃO ALTERADA:

Silas, Juca e Celso, armados com pistola 380 e revólver de calibre 38, abordaram Célia na saída de um
shopping center na cidade de Salvador – BA e, mediante grave ameaça, obrigaram-na a ingressar no
próprio veículo, juntamente com os três. Dentro do veículo, os agentes constrangeram a vítima a lhes
entregar cartões bancários e as respectivas senhas. Pretendendo utilizar os referidos cartões em compras e
em saques em caixas eletrônicos, os autores do delito restringiram a liberdade de Célia como forma de
assegurar o sucesso da empreitada delituosa. Silas assumiu a direção do veículo e rumou para a saída do
estacionamento.

Policiais civis da delegacia do bairro que lanchavam em estabelecimento comercial próximo ao


estacionamento do shopping center presenciaram a ação dos agentes dentro do veículo e imediatamente
empreenderam perseguição aos criminosos. Ao perceber que estava sendo seguido, Silas dirigiu o veículo
em direção à cidade de Feira de Santana – BA. Ao entrar no perímetro urbano da cidade, Silas, que dirigia
em alta velocidade, perdeu o controle do veículo, que se chocou contra um muro, causando a imediata
morte de Silas, tendo Juca e Celso fugido do local. Apesar da perseguição empreendida, os policiais não
lograram capturá-los. Nada foi subtraído da vítima, que foi libertada pelos policiais, após encaminhá-la a
delegacia de polícia competente, onde a mesma foi ouvida pela autoridade de plantão. Realizadas as
verificações de praxe, na qualidade de autoridade policial redija a peça profissional cabível, considerando
que o delegado não conhece a identidade dos demais agentes.

2
DELEGADO DE POLÍCIA CIVIL – prova discursiva 2013
DIREITO PROCESSUAL PENAL
Prof.: Ana Cristina Mendonça

PORTARIA

REQUISITOS NECESSÁRIOS À PORTARIA

- Número do protocolo e do documento base da notícia do crime/cognição;

- O relato sucinto do fato delituoso;

- A tipificação, ainda que provisória;

- A autoria, quando possível;

- As diligências de cumprimento imediato;

- A data da instauração do inquérito;

- O nome da autoridade policial presidente da investigação, com sua respectiva lotação.

3
DELEGADO DE POLÍCIA CIVIL – prova discursiva 2013
DIREITO PROCESSUAL PENAL
Prof.: Ana Cristina Mendonça

PORTARIA

O Delegado de Polícia Civil __________, Titular da Delegacia __________, no uso da atribuição conferida
pelo artigo 5º, inciso I, do Código de Processo Penal e tendo em vista o Registro de Ocorrência n.
__________.

RESOLVE:

Instaurar Inquérito Policial com o objetivo de apurar a prática do CRIME DE extorsão mediante restrição da
liberdade com fulcro no artigo art. 158, §3°, do Código Penal, em razão das condutas praticadas pelos
nacionais Silas (qualificação), e outros dois, ainda não identificados, do qual vítima a Sra. Célia (qualificação
completa), cujo depoimento foi tomado às fls .....

Autuada esta e a documentação que lhe deu origem, determino desde logo a adoção das seguintes
providências:

1) Instauração do Inquérito Policial;

2) Sejam feitos os registros e anotações de praxe e adotadas as seguintes providências:

a) Autue-se esta portaria juntamente com o RO de n.º __________, depoimentos e ofícios exarados e
laudos periciais já existentes;

b) Seja providenciada a folha de antecedentes criminais de Silas;

c) Proceda-se o exame de reconhecimento de pessoa por fotografia pela vítima, no intuito de identificar os
demais infratores;

d) Intimem-se a ofendida e demais pessoas que presenciaram ou saibam do fato delituoso, para serem
ouvidas mediante termo de assentada;

d) Expeça-se guia ao Instituto Médico Legal de Salvador – BA, para realização do exame de corpo de delito
na vítima Célia;

4
DELEGADO DE POLÍCIA CIVIL – prova discursiva 2013
DIREITO PROCESSUAL PENAL
Prof.: Ana Cristina Mendonça

e) Requisite-se o laudo de exame cadavérico de Silas;

f) Expeça-se guia ao Instituto de Criminalística em Salvador – BA, para exame do veículo, em especial o
exame papiloscópico.

e) Oficie-se o Ministério Público/(ou)Juízo comunicando a instauração do presente Inquérito Policial.

CUMPRA-SE.

Local e Data.

Delegado de Polícia Civil

Matrícula

5
DELEGADO DE POLÍCIA CIVIL – prova discursiva 2013
DIREITO PROCESSUAL PENAL
Prof.: Ana Cristina Mendonça

ESTRUTURA DAS PEÇAS DE REPRESENTAÇÃO OU REQUERIMENTO DE MEDIDAS CAUTELARES

ENDEREÇAMENTO

ATENÇÃO: a questão provavelmente indicará o juízo competente, ainda que implicitamente. Caso isso não
ocorra, utilizar o endereçamento padrão.

EXMO. SR. DR. JUIZ DE DIREITO DA ___ VARA CRIMINAL (ou TRIBUNAL DO JÚRI) DA COMARCA DE
__________

CABEÇALHO

Inquérito Policial n°: _______________

A POLÍCIA CIVIL DO ESTADO DE __________, através do Delegado de Polícia Civil subscritor, matrícula
n°_________, no uso de suas atribuições, e com fundamento no art. ______ (depende da medida
requerida), vem a Vossa Excelência requerer/apresentar

IDENTIFICAÇÃO DA PEÇA (com identificação da fundamentação legal)

DOS FATOS

ATENÇÃO: Utilização dos fatos narrados no enunciado da questão, não sendo possível a criação de novos
fatos.

INDICAÇÃO DA PRESENÇA DOS PRESSUPOSTOS NECESSÁRIOS À DECRETAÇÃO DA MEDIDA CAUTELAR

Indicar que todas as diligências ordinárias (até então possíveis) já foram realizadas e que, para o avanço
das investigações, torna-se imprescindível a medida cautelar requerida.

Indicar ainda a presença do fumus boni iuris / fumus comissi delicti e do periculum in mora / periculum
libertatis exigido pela medida cautelar que se pretende alcançar.

6
DELEGADO DE POLÍCIA CIVIL – prova discursiva 2013
DIREITO PROCESSUAL PENAL
Prof.: Ana Cristina Mendonça

PEDIDO

Diante do exposto, evidenciada a possibilidade e a necessidade da (medida cautelar) requer (ou representa) a Vossa
Excelência pela decretação do___________, na forma do art. _______.

FECHAMENTO

Nestes Termos,

espera deferimento.

Local, data.

DELEGADO DE POLÍCIA CIVIL

7
DELEGADO DE POLÍCIA CIVIL – prova discursiva 2013
DIREITO PROCESSUAL PENAL
Prof.: Ana Cristina Mendonça

FUNDAMENTAÇÕES:

Prisão temporária:

- Lei 7.960/89

- Pressupostos: art. 1°, incisos I e II (periculum in mora) e inciso III (fumus comissi delicti)

Prisão preventiva:

- Legitimidade da autoridade policial para requerer a medida: art. 311 do CPP

- Pressupostos: art. 312 do CPP

- Hipóteses legais de cabimento: art. 313 do CPP

Busca e apreensão:

- Art. 240 e ss do CPP

Sequestro de bens:

- Art. 125 e ss do CPP

- Art. 4° da Lei 9.613/98 (em caso de lavagem)

Interceptação telefônica:

- Lei 9.296/96

Ação controlada, infiltração e colaboração premiada:

- Lei 12.850/13

Ação controlada em Tóxicos

- Lei 11.343/06

8
DELEGADO DE POLÍCIA CIVIL – prova discursiva 2013
DIREITO PROCESSUAL PENAL
Prof.: Ana Cristina Mendonça

- em caso de infiltração policial art. 53, incisos I

- em caso de flagrante retardado art. 53, inciso II

Incidente de insanidade:

- art. 149, § 1° do CPP

Representação pela internação provisória:

- art. 319, inciso VII do CPP

Representação por outras cautelares não prisionais:

- art. 319 do CPP

Representação por quebra de sigilo (telefônico, telemático, bancário e fiscal):

Representação pela prorrogação da medida

9
DELEGADO DE POLÍCIA CIVIL – prova discursiva 2013
DIREITO PROCESSUAL PENAL
Prof.: Ana Cristina Mendonça

MODELO GENÉRICO DE REPRESENTAÇÃO POR MEDIDA CAUTELAR

ENDEREÇAMENTO:

EXMO. SR. DR. JUIZ DE DIREITO DA ___ VARA CRIMINAL DA COMARCA __________________

EXMO. SR. DR. JUIZ DE DIREITO DO ___ TRIBUNAL DO JÚRI DA COMARCA _________________

EXMO. SR. DR. JUIZ DE DIREITO DO ___ JUIZADO DE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA E FAMILIAR CONTRA A MULHER DA
COMARCA ____________

EXMO. SR. DR. JUIZ DE DIREITO DO ___ JUIZADO ESPECIAL CRIMINAL DA COMARCA ____________

Inquérito n: ________________

O Delegado de polícia ou a Polícia Civil ______________ com fundamento __________________,


represente ou requer

MEDIDA CAUTELAR

FATOS

DIREITO (fumus boni iuris e periculum in mora)

PEDIDO

FECHAMENTO

10
DELEGADO DE POLÍCIA CIVIL – prova discursiva 2013
DIREITO PROCESSUAL PENAL
Prof.: Ana Cristina Mendonça

11

Você também pode gostar