Você está na página 1de 2

A Cultura Romana

 Religião em Roma Antiga


Os romanos eram politeístas, acreditavam em vários deuses e faziam rituais.
Os cultos domésticos eram muito importantes, cada família tinha um altar em
casa que deveria existir uma chama sempre acesa em culto aos ancestrais.
Eles faziam sacrifícios de animais, procissões, corridas, danças e etc. A religião
oficial era exercida pelos magistrados que assumiam função sacerdotal, isso
era honroso, eles não eram um grupo isolado. Existiam sacerdotisas que
viviam no templo de Vesta, faziam votos de pureza e permaneciam lá os 30
anos. A Deusa Vesta representava a cidade. Muitos deuses gregos foram
incorporados a religião romana.

 O Cristianismo uma nova religião


Teve inicio com as pregações de Cristo. Ele nasceu em Belém, uma região
onde a invasão romana não foi bem aceita e eles acreditavam na vinda de um
messias.Diversos lideres religiosos e judeus não gostavam das idéia de Cristo
e temiam uma revolta. Por isso ele foi perseguido e morto, o que fortaleceu
ainda mais os cristãos. A perseguição aos cristão só acabou, quando o
imperador Constantino I assinou o Edito de Milão, liberdade religiosa. O
imperador Teodósio se tornou cristão e o tornou religião oficial como Edito de
Tessalônica.

 O Desenvolvimento das artes e do Urbanismo


A arte romana recebeu influencias dos povos conquistados, principalmente
gregos. Se tornaram hábeis na arte de imitar as obras dos outros. Entre as
obras de arte romanas merecem destaque as esculturas, que faziam parte das
cidades e enfeitavam as casas dos ricos. Elas relatavam as pessoas de forma
realista e tinha temas relacionados a supremacia e poder deste povo.

 A Literatura
Passou por grande desenvolvimento no século I a.C. Tratava de temas
referentes a historia e o modo de viver dos romanos. O aprendizado da língua
grega era muito valorizado. E o aprendizado do latim era fundamental. Caio
Julio Cesar criou a primeira biblioteca publica no fórum da cidade e trouxe de
Alexandria o “calendário Juliano”. O povo em geral escrevia pela grafitagem em
muros e paredes.

 A Urbus Romana
Possuía largas avenidas, ruas paralelas e regulares, fórum, teatros, circos,
templos religiosos entre outros. As cidades romanas receberam influencia
etrusca nos grandes monumentos. Os romanos se destacam na criação dos
aquedutos, levava água dos reservatórios para as ruas e casas dos ricos.
Adaptaram colunas gregas e usavam arcos e abóbodas para as construções.
Construíram estradas ligando Roma a províncias conquistadas.

 Herança Romana
Possibilitou o desenvolvimento da arte, da arquitetura e da cultura, de uma
forma geral. Também podemos perceber sua influencia, em nossos códigos de
leis e na língua que falamos: O português. O direito é a maior contribuição ao
mundo ocidental, pois serviu de base a elaboração dos códigos e leis atuais.
O Declínio do Império Romano
Em 365, o Imperador Teodósio dividiu o império em 2: Império Romano do
Ocidente; capital Roma e o império romano do Oriente; capital Constantinopla.
Ele o fez porque Roma passava por varias dificuldades internas como: O
crescimento do cristianismo, conflitos entre generais, aumento de impostos, o
fim do exercito. O império do Oriente teve varias dificuldades e invasões mais
sobreviveu, mais o do Ocidente, não resistiu aos ataques dos bárbaros e caiu
em 476 d.C. Os bárbaros eram todos os povos que viviam fora dos domínios
dos impérios romanos, não falavam grego e nem latim e possuíam costumes e
tradições diferentes. Também existiam os Germanos que habitavam a
Germânia. Eles tinham regras transmitidas oralmente com base no costume de
cada clã = direito consuetudinário. A chegada dos germanos em Roma foi
pacífica, eles praticavam comercio com Roma. Com o tempo tudo mudou e
eles passaram a invadir violentamente as terras romanas. Quando eles
derrotaram o império romano, criaram vários reinos, que tiveram uma duração
curta devido a novas invasões.

Você também pode gostar